Page 1

A Nossa Chapa é mais experiente. Conheça os membros. Diretor-Presidente CASSIMIRO PINHEIRO BORGES - Administrador e professor Atualmente é assessor do Superintendente da Suest-RJ. Atuou na CAPESESP por mais de 20 anos como Diretor e como Presidente. Foi o responsável pela estruturação do Capesaúde.

Conselho Deliberativo TITULARES CLÁUDIO MANOEL DE FARIA MOREIRA - Engenheiro Superintendente da Funasa no Rio de Janeiro. Ex-Chefe da Divisão de Engenharia de Saúde Pública (DIESP/RJ). DÉBORA FERNANDES OTONI SALES - Pedagoga Presidente da AAPSESP em Minas Gerais. Ex-chefe da Divisão de Administração da Core/MG. SUPLENTES EMERSON CALDAS DE ANDRADE - Jornalista Ex-Coordenador da Core/RR. Ex-Coordenador Substituto da Core/PB. CELSO ANTÔNIO CARVALHO PIORSKI - Aux. de Adm. Chefe do Setor de Material da SUEST/MA. Ex-membro do Conselho Fiscal da CAPESESP.

Conselho Fiscal

TITULAR

TONY JORGE KUHN - Técnico em Contabilidade Guarda de Endemias. Chefe do Setor de Transportes da SUEST/RJ. Ex-Chefe da Seção de Recursos Logísticos (SALOG-RJ).

SUPLENTE WANDER DE OLIVEIRA RIBEIRO - Administrador Aposentado. Ex-Gerente das Gerências Regionais da CAPESESP no Rio de Janeiro e na Bahia.

VEJA NESTA EDIÇÃO Pág. 2 - Um diagnóstico dos mais graves problemas da CAPESESP e alguns números que revelam a atual situação da Entidade. Págs. 3 e 4 - As propostas da Nossa Chapa para melhorar o atendimento e resolver os problemas financeiros do Capesaúde, entre outras.

EDITORIAL A NOSSA CHAPA nasceu de um Movimento de associados preocupados com o futuro da CAPESESP, o MoviCap. O grupo de pessoas que o compõe, assim como os seus simpatizantes, têm como base a constatação de que a situação da Entidade e, mais especificamente, do CAPESAÚDE, é extremamente difícil. Você, caro associado, é testemunha de que a contribuição para o Plano aumentou absurdamente nos últimos quatro anos e, por incrível que pareça, em contrapartida o serviço prestado, ao invés de melhorar, piorou bastante. O atendimento está muito ruim, a rede credenciada está se recusando a atender os associados que precisam do Plano, a concessão de benefícios é demorada e burocrática e não recebemos informações adequadas sobre os descontos que são feitos mensalmente. Caso você não saiba, a maior parte dos problemas hoje existentes em relação à rede credenciada é porque os hospitais, clínicas, laboratórios e demais prestadores não vem recebendo as faturas que cobram da CAPESESP pelos seus serviços. O mais grave é que esta preocupante situação não está sendo divulgada como deveria. Um fato concreto é que tais desacertos já fizeram com que, só neste último mandato, a Entidade perdesse quase 30.000 beneficiários do Plano. A NOSSA CHAPA tem propostas concretas para resolver estes e outros problemas, sem sacrificar mais ainda o associado. Veja matérias publicadas neste Jornal. O futuro da CAPESESP está em risco e nós temos experiência e condições de fazer com que a Entidade volte a ser o que era antes: uma Instituição séria, sólida e respeitada.

Informativo Nossa Chapa - 1


PRINCIPAIS PROBLEMAS DA CAPESESP ATUALMENTE Na condição de oposição à atual gestão da CAPESESP, a NOSSA CHAPA não pode deixar de destacar os principais problemas existentes atualmente na Entidade.

Eles são muitos e alguns bastante sérios, como poderá ser lido nas matérias constantes nesta página. Veja nas páginas 3 e 4 as nossas propostas para resolvê-los.

OS PAGAMENTOS À REDE CREDENCIADA DO CAPESAÚDE ESTÃO ATRASADOS

O ATENDIMENTO TELEFÔNICO É DEFICIENTE

Desde novembro do ano passado a rede de prestadores do nosso Plano de Saúde não vem recebendo em dia. Só neste mês foi adiado um montante de mais de 80% do valor devido. Isto é muito grave e tem sérias consequências para a CAPESESP e para os associados. É isso que explica o fato dos associados estarem ligando para hospitais, clínicas e até consultórios médicos e recebendo a informação de que eles não estão atendendo ao CAPESAÚDE. Vale dizer que o pagamento em dia da rede credenciada do Plano sempre foi um ponto de honra das administrações anteriores da CAPESESP.

Quem ligou nos últimos três anos para a Central 0800 já deve ter tido a experiência de verificar como a qualidade do atendimento piorou. A explicação para a péssima qualidade deste serviço é que ele passou a ser feito por uma empresa que fica em São Paulo, muito distante, portanto, da sede da CAPESESP. Com isso, o que se tem é um atendimento igual ao que estamos acostumados a ver (ou ouvir) por parte de empresas de TV por assinatura, companhias telefônicas e similares, em que cada ligação que fazemos consiste em uma tortura que só nos revolta e não resolve o problema que nos levou a ligar.

OUTROS PROBLEMAS RELACIONADOS AO CAPESAÚDE 1. As provisões contábeis exigidas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) não estão sendo efetuadas como deveriam; 2. A ANS, após realizar uma auditoria, determinou que fosse feito um Plano de Recuperação Financeira; 3. Mesmo dispondo de uma Diretoria Financeira, a atual gestão da CAPESESP contratou, por cerca de 75 mil Reais, uma empresa para fazer o Plano, que já foi entregue à ANS. 4. O Plano prevê, entre várias outras medidas: COBRANÇA DE UMA CONTRIBUIÇÃO A MAIS DOS ASSOCIADOS, EM 6 PARCELAS, A PARTIR DE JULHO/2012 e REAJUSTE DAS CONTRIBUIÇÕES DO CAPESAÚDE EM 10% A PARTIR DE OUTUBRO/2012.

RETRATO EM NÚMEROS DE UMA GESTÃO DE DESACERTOS VALOR ARRECADADO POR PESSOA VINCULADA AO CAPESAÚDE

CUSTO DO CAPESAÚDE POR PESSOA VINCULADA

NO INÍCIO DO MANDATO

135.97

NO INÍCIO DO MANDATO

138,30

EM MARÇO DE 2012

255,07

EM MARÇO DE 2012

259,82

AUMENTO OCORRIDO

88%

AUMENTO OCORRIDO

INFLAÇÃO DO PERÍODO

21,92%

VALOR DEVIDO EM ATRASO À REDE CREDENCIADA NO INÍCIO DO MANDATO EM MAIO DE 2012

88%

Não havia R$ 23.112.701,00

QUANTIDADE DE PESSOAS VINCULADAS AO CAPESAÚDE NO INÍCIO DO MANDATO

163. 415

EM MARÇO DE 2012

134. 132

REDUÇÃO OCORRIDA

29. 283

Informativo Nossa Chapa - 2


PRINCIPAIS PROPOSTAS DA NOSSA CHAPA As propostas que estão sendo apresentadas como Plataforma da NOSSA CHAPA visam acima de tudo resolver de imediato os graves problemas hoje verificados na gestão da CAPESESP, que estão efetivamente prejudicando a vida dos associados. Não se pode deixar de dizer que a colocação dessas ideias em prática necessitará do apoio dos Conselheiros que permanecerão com seus mandatos em curso,

já que elegeremos dois titulares para o Conselho Deliberativo, em um total de seis, e um para o Conselho Fiscal, em um total de quatro. Superado este momento emergencial, vamos concentrar todos os nossos esforços para “arrumar a casa” e envolver todos os profissionais da Entidade no esforço de fazer com que a CAPESESP volte a ser o que era antes: uma entidade respeitada por todos.

1. CORREÇÃO DOS PROBLEMAS FINANCEIROS DO CAPESAÚDE Este é o principal problema a ser superado emergencialmente na nova gestão, uma vez que o montante devido, quando da posse, já deve ser igual ou até maior do que um mês de despesa do CAPESAÚDE. Vamos corrigir esta situação e voltar a pagar em dia as despesas cobradas, como sempre ocorria anteriormente. Para tanto, será feito um controle mais efetivo das faturas contendo as cobranças dos prestadores de serviço. Também vamos melhorar o acompanhamento daqueles que possuem doenças crônicas, efetuar investimentos em ações de prevenção aos riscos para a saúde e buscar maior conscientização dos associados quanto à importância do uso adequado do Plano. 2. MELHORIA NO ATENDIMENTO NA REDE CREDENCIADA A causa maior dos problemas hoje existentes quando o associado procura a rede credenciada do CAPESAÚDE é motivada pelo atraso de pagamento das faturas mensais. Após ter sido resolvida esta situação que efetivamente é preocupante, serão realizadas reuniões com os maiores prestadores de serviço, em todo o País, para que voltem a atender os associados normalmente, uma vez que os pagamentos passarão a ser efetuados rigorosamente em dia. Também será efetuada uma pesquisa para saber onde existem maiores deficiências na rede credenciada para que seja feito um esforço visando credenciar novos prestadores de serviço para melhorar a rede daquela localidade de modo que os associados não fiquem desamparados. 3. MELHORIA DO ATENDIMENTO a) Atendimento telefônico Vamos trazer esta atividade para o âmbito interno da CAPESESP, o que já vai gerar uma grande melhoria na qualidade do atendimento e, também, uma redução de despesa, pois o mesmo trabalho poderá ser efetuado com uma quantidade bem inferior de profissionais do que a que hoje está sendo paga à empresa que fica em São Paulo. O fato dos atendentes voltarem a ser do quadro da CAPESESP gerará condições para que sejam continuadamente treinados e reciclados, sendo também gerenciados por uma chefia experiente que exigirá deles uma postura profissional, que valorizem os associados que os consultam dia a dia e saibam efetivamente das informações que estão prestando a quem os procuram. b) Criação da Gerência Virtual de Atendimento ao Associado A proposta da NOSSA CHAPA é criar um novo Site exclusivamente para atender os associados nas suas demandas por serviços e benefícios. Neste local, ele solicitará, “on line”, todos os tipos de benefícios assistenciais e previdenciais, cabendo ao sistema efetuar os testes necessários e viabilizar de imediato a concessão do que o associado está requerendo. Isso já ocorre quando fazemos o nosso imposto de renda anual ou quando recorremos a qualquer instituição bancária, quando podemos dispor de uma variada gama de serviço, pela Internet, sem sair da nossa casa. Também na Gerência Virtual serão liberados procedimentos médicos na hora, principalmente aqueles mais simples, assim como alterações de dados cadastrais e demais informações importantes.

Informativo Nossa Chapa - 3


4. RETORNO DOS ASSOCIADOS DESLIGADOS DO CAPESAÚDE O objetivo da CAPESESP sempre foi de amparar o máximo possível os servidores e empregados das suas patrocinadoras. Este raciocínio fica mais reforçado quando se trata da assistência à saúde destas pessoas e dos seus familiares diretos. Diante disso, a NOSSA CHAPA se compromete a analisar os desligamentos de associados ocorridos nos últimos anos, visando buscar soluções para que cada um volte a ficar vinculado ao CAPESAÚDE e, com isso, dispor do amparo do Plano.

5. REDUÇÃO DAS DESPESAS ADMINISTRATIVAS De forma complementar ao esforço que será feito para reduzir as despesas assistenciais, a NOSSA CHAPA vai realizar profundas mudanças no gerenciamento interno da CAPESESP para reduzir os gastos administrativos. Com este objetivo, vão ser efetuados diversas medidas voltadas para o enxugamento da estrutura, racionalização do quadro de pessoal, implantação de um Programa de Redução de Custos e revisão dos contratos existentes.

6. TRANSPARÊNCIA NAS RELAÇÕES COM OS ASSOCIADOS Serão colocados em uma área do site os gastos ocorridos com compras de bens e contratação de serviços de valores superiores a um limite estabelecido para que os associados, com suas senhas, consultem estas informações; Assim como ocorreu anteriormente, serão recriados os Comitês Estaduais de Monitoramento do CAPESAÚDE, composto por lideranças locais, para ajudar a identificar os problemas que mereçam atenção especial da Gerência Regional e/ou da Presidência da CAPESESP.

NÃO DEIXE DE VOTAR. O SEU VOTO É IMPORTANTE PARA MELHORAR O NOSSO PLANO DE SAÚDE E A CAPESESP No dia 29 de maio não deixe de ir até o posto de votação mais próximo da sua casa para fazer valer o seu direito de escolher as pessoas que você deseja que ajudem a mudar o que não está bom e garantir um futuro seguro para o CAPESAÚDE e para a própria CAPESESP. O seu voto é importante e não abra mão dele. É um direito que o Estatuto da CAPESESP lhe assegura e você não deve deixar de utilizá-lo.

Lembre-se de levar a senha que foi enviada pela CAPESESP no dia da votação. Ela garante o seu acesso ao sistema da eleição. Veja as instruções enviadas na edição especial do jornal da CAPESESP sobre a votação.

VOTE NOSSA CHAPA. VOTE

2

Informativo Nossa Chapa - 4

Jornal Nossa Chapa  

Eleições CAPESESP

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you