Page 1

Ano XVIII 157/ Distribuição Gratuita www.motoboymagazine.com.br

R

A revista inteligente do profissional e usuário de baixas cilindradas

Semana Nacional do Trânsito 2017

motociclistas em perigo! Eventos

Fique Ligado

Fundo do Baú

Cobertura da 1ª Feira Moto Nordeste

Aumenta o numero de roubo de motos em SP.

Mudando de hábito, motoboy e ciclista.


34

Semana Nacional do Trânsito 2017, motociclistas em perigo.

18

Fundo do Baú

08

Mudando de hábito: O motoboy que também é ciclistas nas horas vagas.

Editorial A palavra do editor – By Oscar Santos

10

Artigo Tenha um ótimo dia #César Romão

14

Fique Ligado Aumentam o numero de roubo de motos em SP.

16

Dicas Dicas valiosas para quem desejar iniciar em quadriciclos


22

Educação Violência na escola #Luiz Gonzaga Bertelli presidente do Conselho de Administração do CIEE.

24 Saúde Prevenção e conscientização Dra. Jo Ikwueme Diretora Presidente da Shammah

Notícias Brasil 28 Confira os principais destaques do mês pelo Brasil

42 Eventos 1º Sincomotos reúne setor Motopeças em Porto Alegre-RS 1ª Confraternização dos Empresários do Setor Motofrete 1ª Feira Moto Nordeste de Campina Grande – PB.

66 Reflexão Viver é Cristo – By Pedro Pimenta


Semana Nacional do Trânsito Em mais uma semana dedicada ao trânsito, igual aos anos anteriores, o motociclista não tem muito a comemorar porque há muita discussão, ideias mirabolantes, empenho, mas... as mortes continuam subindo e as soluções não vem de encontro as reais necessidades de quem anda de motocicleta no Brasil. É preciso políticas públicas educativas, não punitivas como aumento das multas, mais radares e coisas do tipo. Veja que, com tudo isso, os acidentes continuam, e o pior: aumentando. Isso é um absurdo! Está mais do que na hora das autoridades públicas pararem de mi mi mi e agir, sim, isso mesmo. Conversas atrás de mesas solenes de reuniões ou palestras não mudam o que está acontecendo nas ruas. Os motociclistas, principalmente os motoboys, estão morrendo. Cade a regulamentação e sua fiscalização? Onde está a padronização que poderia mudar o quadro de óbitos com qualificação do setor? Vamos, pensem e ajam, afinal de contas, só existe uma vida e depois de um acidente fatal, quem não volta para casa é o motoboy, trabalhador injustiçado e usado como moeda de troca entre pessoas sem escrúpulos e que só pensam em seus próprios interesses.

Boa Leitura!

Editor: Oscar Gonçalves dos Santos E-mail: oscargoncalves@terra.com.br Edição 157 / 2017

Nossa Capa: Motociclista no Farol da Indianópolis Planalto Paulista Crédito: CBSCAL/NWG

Impressão: NWG Editora e Gráca Ltda. Tel: (11)5563-0534 Tiragem: 20.000 Exemplares Periodicidade: 09 Edições / Ano Assessoria Jurídica: Lima & Vasconcelos Tel: (11)3081-2135 Distribuição Gratuita: Prossionais e usuários de baixa e média cilindradas do segmento de duas rodas

Jornalista Responsável: Oscar Santos MTB: 81430-SP E-mail: redacao.motoboy@terra.com.br Design / Diagramação: Raíra Soares E-mail: redacao.motoboy@terrra.com.br Fotograa / Web: Cláudio Barbosa E-mail: claudio.revista@terra.com.br E-mail: motoboymagazine@terra.com.br Ger. Comercial: Cláudio Barbosa E-mail: claudio.revista@terra.com.br E-mail: motoboymagazine@terra.com.br Assistente Comercial: Raíra Soares Dias E-mail: raira.comercial@terra.com.br Assinatura: Marcía Santos E-mail: redacao.motoboy@terra.com.br Colaboradores: Karen Stephanie / Claudinei Angelo

08

motoboymagazine

Piso - 1.123,20 Adicional de Periculosidade - 336,96 Aluguel da Moto - 522,23 Vale Refeição - 264,23 Cesta Básica - 60,00 Hora Ponto (Prossional Esporádico) - 7,58 Apólice de Seguro por Morte - 25.000,00 Apólice de Seguro por Invalidez - 25.000,00 Despesas Médicas Hospitalares até - 2.500,00

Correio de Mensagem: R: Rosa Mística, 88 Jabaquara / SP - Cep: 04333-010


Artigo

Tenha um ótimo dia Imagine um dia ótimo – para que isto seja real, pense nele de maneira agradável em sua consciência. Não deixe qualquer reserva mental inverter este estado. Seus pensamentos neste dia serão impulsionados por ondas positivas na elaboração da imagem que criou. Agradeça um ótimo dia – faça um agradecimento pelo que está por vir neste dia diante daquilo que seu pensamento positivo elaborou. Agradecer nos permite um estado de congraçamento com energias realizadoras. Seu ótimo dia precisa de um planejamento – Defina detalhadamente tudo que pretende se comprometer a realizar e procure não desviar de seu plano. Insira coisas boas neste ótimo dia – o que é bom e justo na lei da atração chega sem precedentes, portanto mantenha seu foco em realizações que sejam benéficas à você e seu espaço, mantenha seus pensamentos longe de teias de aranha. Faça uma oração pelo ótimo dia – a oração é nossa conexão com o Divino, inicie seu dia com

10

motoboymagazine

uma poderosa afirmação positiva destinada as forças que regem nosso espírito. Escolha um Salmo que toque o seu coração e lhe permita despertar uma sensação de plenitude e confiança. Crie uma armadura de entusiasmo em seu ótimo dia - o entusiasmo é uma força que somente nós seres humanos temos a capacidade de emanar e plasmar naquilo que acreditamos, dando vida a nossa crença independente de estarmos perto dela ou não, criando possibilidade para que nossos desejos encontrem meios de fazerem parte de nossa realidade. Esqueça o “se” e pense no “como” de seu ótimo dia – quando nosso foco está em descobrir meios para que algo se faça realidade despertamos uma sintonia telúrica que espera por nós a todo momento, pois somos filhos e parte deste universo energético e ela pode nos guiar em nossas dúvidas e intuições.

Texto: Cesár Romão www.cesarromao.com.br


Fique Ligado

Aumenta o número de roubo de motos em São Paulo Capital tem 35 motos roubadas por dia e 105 no estado. Levantamento mais abrangente revela que foram roubadas mais de 3,2 mil motos na cidade de janeiro a março. No estado chegou-se a um número assustador: 9,5 mil roubos. Os dados acima estão em levantamento feito pela Fundação Álvares Penteado e uma empresa de rastreamento veicular com base nos dados da Secretaria da Segurança Pública sobre furtos e roubos de motocicletas. O levantamento mostra também o total de furtos e roubos de motos em todo o estado. No mês de janeiro foram 3.109 furtos e roubos a motos no estado de São Paulo. No mês seguinte, esse número caiu: foi para 2.978 ocorrências. Já em março, aumentou muito: 3.482 casos. No total, mais de 9.500 motos foram roubadas e furtadas em todo o estado no primeiro trimestre deste ano. As cidades com mais casos de furtos e roubos de moto (no primeiro trimestre) foram São Paulo: 3.209 roubos, Campinas: 328 roubos e Guarulhos: 211 roubos.

14

motoboymagazine

Quase a metade dos roubos de moto no estado de São Paulo acontece à noite. Na capital é a mesma coisa: mais de 40%. Depois, vem o período da tarde e da madrugada. Polícia Militar informou que 40% das motos são recuperadas e que mais de 200 pessoas foram presas em flagrante com motos roubadas nos últimos dois anos na Capital. O que sobra de uma moto roubada é abandonado no meio da rua. As outras peças são vendidas separadamente. e. Na capital é a mesma coisa: mais de 40%.


Dicas

Dicas importantes para iniciantes no quadriciclo A montadora MXF Motors do Brasil, além de montar motos off Road, fabrica uma linha completa de quadriciclos. Sendo especialista no assunto, Tiago Perucci, responsável pela oficina, separou 5 dicas importantes para quem quer começar a andar de quadriciclo. “Não é de um dia para o outro que você vai dominar seu quadriciclo, por isso, é necessário aprender algumas técnicas básicas para melhorar sua condução”, conta Tiago. Confira as dicas: 1. Analise seu quadriciclo: Antes de qualquer coisa, é importante conhecer o equipamento que tem. Você não deve sequer ligar o quadriciclo antes de ler todo o manual de instruções. Dessa forma, será possível conhecer cada função do equipamento, as medidas de seguranças e os benefícios do mesmo, além de entender todo o funcionamento dele. 2. Conheça o lugar em que irá praticar: Antes de se jogar na aventura como em trilhas e caminhos mais árduos, prefira começar com lugares seguros onde você pode treinar com tranqüilidade. Evite estradas asfaltadas, pois estas aumentam em 40% a probabilidade de capotar. 3. Tenha cuidado com as curvas: a forma de conduzir um quadriciclo é totalmente diferente de outros veículos existentes, sendo assim, tenha calma e muita cautela na hora de fazer uma curva: diminua a velocidade até sentir total segurança. Após ter mais experiência na condução do quadriciclo, você pode fazer uma curva com mais velocidade combinando a aceleração do veículo com o peso do seu corpo e uma boa postura. Porém, para quem está começando a melhor opção é ir devagar! 16

motoboymagazine

4. Descidas: antes de descer um morro alto ou qualquer descida grande teste os freios e tome muito cuidado para não descer rápido demais, pois se freiar repentinamente você corre o risco de rodar o quadriciclo e acabar chocando-se em alguma árvore. 5. Não se esqueça dos equipamentos de proteção: andar de quadriciclo pode ser divertido, mas não deixa de ter riscos, pois não possui nenhum revestimento interno. Então, para sua segurança, utilize equipamentos de proteção. Com essas dicas você está pronto para subir no quadriciclo, lembre-se de ir com calma e dar um passo de cada vez. O seu limite é a segurança e o que te levará a uma condução perfeita é a prática. Não se arrisque.

Para conhecer a linha completa dos quadriciclos da MXF motors acesse: http://mxfmotors.com.br/categoriadeproduto/quadriciclos/


Fundo do Baú

O simpático Alfredo Barbosa de Lima, de 51 anos, é conhecido como Cartilha. É casado e pai da Letícia e Vitória. Carioca de Jacarepaguá, atualmente mora em Curicica. Mesmo enfrentando horas atrás de um guidão de motocicleta como motoboy, tem como hobby andar mais outras horas em cima de uma bike. No exercício da profissão anda numa Honda Fan 150 ano 2014. No lazer, percorre caminhos numa Mountain Bike Caloi, aro 29. Desde 2002 trabalha como motociclista profissional. Já passou por várias empresas, quase sempre registrado e também já foi motoboy da Rede Globo. Hoje, trabalha como motoboy especializado no transporte de sangue para hospitais. Diz que gosta do que faz porque está salvando vidas.

18

motoboymagazine

Outra paixão do "cinquentão" é sua bike. Pedala desde 2013 depois de um acidente quando descobriu que não conseguiria mais correr na areia da praia, esporte que fazia com frequência. Na "magrela" pedala quase todos os dias, faz uma hora de barra e paralela que, segundo ele, combate o stress do dia a dia.

"Aqui no Rio de Janeiro não conheço muitos motoboys que pedalam como eu, porém, no meu caso, foi mais uma questão de necessidade de praticar algum tipo de exercício, pelas minhas limitações, e a bicicleta caiu muito bem, além de fazer um bem estar físico e mental", diz Cartilha.


Fundo do Baú "Eles passam em alta velocidade e acontecem muitos acidentes por falta de conscientização dos profissionais, das empresas de motoboys e autos escolas que não dão ênfase à segurança. Devia existir um trabalho conjunto entre todos os envolvidos no trânsito para que vidas fossem preservadas", conclui. Há algum tempo, Cartilha desenvolveu uma cartilha educacional chamada Manual do Motociclista, em que aborda situações de perigo que um motociclista corre no dia a dia e como prevenir acidentes. Ela está disponível em www.manualdomotociclista.com.br.

Os cuidados que toma na prática do lazer são o uso do capacete, luva e óculos de proteção, já na moto são o capacete, boa jaqueta, bota de segurança, luvas, antena corta pipa e tudo mais que achar necessário para proteger a integridade física. Cartilha procura conciliar trabalho e lazer. Apesar da motocicleta e da bike serem diferentes em alguns aspectos, em sua opinião, é mais perigoso pilotar motocicleta, pois acha que tem muitos acidentes com os motociclistas, em maior número quando o trânsito está congestionado.

20

motoboymagazine


Educação

Violência na escola Na semana passada, a imagem de uma professora de 51 anos com o sangue escorrendo no rosto viralizou e provocou indignação nas redes sociais. Marcia Frigi dá aulas de português e literatura num supletivo para adolescentes e adultos em Indaial, município catarinense de pouco mais de 55 mil habitantes, a 160 km de Florianópolis. Local da agressão: a sala de aula. Causa: pediu a um aluno de 15 anos que colocasse o livro que tinha no colo sobre a carteira, suspeitando que ele estivesse ocultando um celular. O garoto reagiu com um palavrão. A professora o expulsou da sala e foi agredi-da primeiro com o livro e depois com socos. Lamentável, mas o que é pior, agressões físi-cas ou verbais de alunos a professores se multiplicam, geralmente em manifestações contra a tentativa de impor a disciplina necessária para o bom aprendizado. Isso tanto nas escolas particulares quanto nas públicas, especialmente em regiões carentes ou periféricas. O agressor da professora Marcia, como tantos outros, tem antecedentes de abuso e violência: uma surra do pai alcoólatra o deixou em coma e já bateu em colegas e na própria mãe. Como tantos outros, uma das raízes desse caso deve estar na desestruturação familiar ou na falta de limites impostos pelos pais, que até endossam

22

motoboymagazine

comportamentos inadequados dos filhos, o que enfraquece ainda mais a já rarefeita autoridade do professor em classe. O trágico cenário desse descompasso surge em pesquisa realizada há menos de dois anos: quase 5 mil docentes relataram ameaça à vida, mais de 16 mil tiveram pertences furtados e quase 15 mil citaram casos de porte de faca ou arma de fogo dentro do colégio. Experiências de outros países mostram que é possível reverter a situação. Ou seja, o caminho para pacificar as escolas já está traçado e testado. Inclui capacitação de professores para lidar com alunos-problema e adoção de normas claras e outras medidas contra a violência, como detectores de armas, assistência psicológica a jovens e familiares, equipes treinadas para coibir a violência. E, principalmente, mão firme dos governos e da sociedade. E, principalmente, dos pais interessados em possibilitar aos filhos uma boa educação.

Luiz Gonzaga Bertelli é presidente do Conselho de Administração do CIEE.


Saúde

Prevenção e Conscientização Prevenção é medida tomada com antecipação para evitar danos causados por fenômenos extremos da natureza ou por ações humanas. Medidas podem ser tomadas na prevenção e saúde, e assim o homem poder viver tranquilo, reduzindo o impacto negativo, sem perda e dano algum. Para isso é necessário que a população tenha consciência e ser educada para aprender se prevenir. . A prevenção é o conhecimento que previamente nos permite tomar certas diretrizes, medidas que minimizam ou neutralizam os riscos e evita males e maiores consequências. São inúmeros os alertas com relação a prevenção, mas a população não aderiu ainda a esta medida. PREVENÇÃO Palavra de fácil percepção e difícil emprego. Sabemos que a conscientização é estar ciente através do conhecimento que nos fazem refletir, é mais que saber o que se passa ao seu redor. Todas essas coisas pelas quais se cria. As pessoas fazem dela um ser não somente adaptado à realidade e aos outros; o homem se descobrindo., diz Paulo Freire. A conscientização não é especificamente o indivíduo conhecer uma realidade tal como ela é, livrar-se dos obstáculos que impede uma boa percepção do mundo cotidiano. A conscientização é um processo, e como tal, é lento, exigindo muita paciência e trabalho, frente a humanidade. O trabalhador contratado está consciente do produto que produz, de seu objetivo, certo do que dele se espera, no mínimo que ele seja capaz de executar o que lhe foi confiado e de uma forma racional. A consciência envolve duas fases: a imagem e a atividade. A primeira fase é o perceber, é ver, é formar um corpo sobre qualquer objeto criado. Já a segunda fase é a atuação do homem frente aos atropelos do cotidiano. Se submeter simplesmente a executar as atividades, muitas 24

motoboymagazine

sem objetivos, simples objetos para execução, porém não se sabe a referência inicial do processo. Vivendo com sua realidade mesquinha, em um mundo de egoísmo, de luta pelo poder, em detrimento da classe espoliada pela minoria que detém a maior concentração de renda e o seu poderio no sistema como um todo. Os anos se passaram lentamente e cada vez mais vemos uma sociedade em um obscurantismo mental, cercando a mente e milhões morrendo na miséria, na pobreza e na sua ignorância. Um trabalho social é um conjunto de todos, e não um trabalho da entidade que é apenas coordenadora, e sim com a participação de todos a que se propõem. O processo de conscientização caminha muito lento, a tal ponto que surgem alguns grupos reivindicando, essa falsa consciência. Este trabalho, ao invés de conscientizar o ser humano em sua entidade de base, aliena e acomoda a uma situação de subordinado e subserviência. Portanto, deve-se reestruturar o movimento comunitário e fazer com que essas entidades de base tenham uma postura de independência, conscientizada.


Saúde Como vemos, o processo não e fácil principalmente em si tratando de saúde, quando se afirma que saúde refere-se não as patologias alojadas no ser, e sim ao “estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças”. A definição de saúde possui implicações legais, sociais e econômicas dos estados de saúde e doença, sem dúvida, a definição mais difundida é a encontrada no pre-ambulo da Constituição da Organização Mundial da Saúde. Definir a saúde como um estado de completo bem-estar faz com que a saúde seja algo ideal inatingível. Pode-se assim dizer que bem-estar significa a “saúde no seu sentido mais amplo”, de maneira ativa e em todos os seus aspectos, material que permite satisfazer as necessidades da existência. Definindo, temos o completo como que não falta nenhum dos seus elementos, integral que não tem lacunas, inteiro, total, perfeito que foi inteiramente realizado ou concluído - terminado, cumprido; satisfeito. São vários os métodos em que se aplica o ensino, esta é uma lista de fitas da consciência. O significado de cada Fita da Consciência depende de sua cor ou cores. Muitos grupos adotaram fitas como símbolos de apoio ou consciência, e por causa disto, muitas causas normalmente dividem a mesma cor. Algumas causas podem também ser representadas por mais de uma cor.

Que esta imagem os façam refletir e saber que você, quando sobe em sua moto, leva consigo de uma forma indireta, todos os seus ente queridos, esposa, filhos, mãe, pais e irmãos. Bem estar – vamos defini-lo: Completo bem-estar físico, mental e social. Fisioterapia, ciência que tem por objetivo eliminar ou minimizar as limitações físicas e sociais impostas a uma pessoa por afecção aguda ou crônica, utiliza o exercício físico como instrumento de trabalho e assume papel fundamental na recuperação de indivíduos com disfunções do sistema. (REGENGA, 2000; GOMES, 2003). A Fisioterapia Preventiva implica a soma de todos os esforços para melhorar a saúde dos profissionais, tanto em seu ambiente de trabalho como na sociedade. O objetivo básico é a prevenção, empregando esforços e estratégias visando atingir a satisfação em uma melhor qualidade de vida e a saúde. Todos as formas de prevenção existentes parte do princípio da conscientização através de símbolos e imagens., que nos fazem refletir. Cuide se e proteja-se para que consequentemente eles estejam sempre cuidados protegidos. A Shammah com seu ideal de prevenção cuidados e tratamentos para vocês continuará perseverante e otimista em seu objetivo de CONSCIENTIZAR para PREVENIR e consequentemente proporcionar melhor qualidade de vida no trânsito

Fita Azul: Cocientização do Câncer de próstata Fita Rosa: Conscientização sobre o câncer de mama 26

motoboymagazine

Texto: Dra. Jo Ikwueme Diretora Presidente da Shammah


Notícias Brasil

Bahia tem número recorde de reprovação em exame para obter CNH Dados do Governo Estadual revelam que, entre janeiro e julho deste ano, um terço dos alunos baianos que fizeram o exame para tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) foi reprovado - das 231.470 pessoas que fizeram o teste, 75.396 foram consideradas inaptas (32,6% do total). Para o Detran, as principais explicações para o alto número são o nervosismo do candidato e o despreparo de alunos e instrutores. O presidente do Sindicato das Auto e Moto Escolas (Sindauto), Abelardo Filho, acredita que a carga horária de 20 horas para aulas práticas não é suficiente. Segundo ele, para habilitar uma pessoa seria necessário no mínimo 30h/aula. O ideal seria em torno de 40h. Aprender é por etapas, um processo continuado, que necessita de tempo e prática, ressaltou.

No Acre, motoboys fazem protesto e exigem nota fiscal em posto de gasolina Um grupo de motoboys se reuniu e fez uma fila em um posto de combustíveis na Rua Marechal Deodoro, em Rio Branco - Acre. A ação foi um ato de protesto contra o dono do posto que discutiu com um cliente que havia pedido nota fiscal do valor abastecido de R$ 16. Imagens gravadas no celular do cliente mostram a discussão no momento que o proprietário xinga o rapaz de babaca. Um dos motoboys que estava a frente do protesto e não quis se identificar diz que tudo foi organizado entre os amigos como forma de chamar a atenção do consumidor. A fila no posto começou a ser registrada por volta das 17h. Todas as pessoas que abasteciam pediam a nota fiscal independente do valor. O grupo se negou a sair até que o posto entregasse o documento fiscal a cada um. O empresário se posicionou por meio de nota e disse que no momento do ocorrido intercedeu e explicou ao consumidor que cupom fiscal e nota fiscal seria a mesma coisa e tinham a mesma finalidade.

28

motoboymagazine


Notícias Brasil

Motofrete de Porto Alegre quer área para motos antes dos semáforos O sindicato de motoboys do Rio Grande do Sul esteve no gabinete do presidente da Câmara Municipal da cidade para levar ao conhecimento dos vereadores o projeto dos bolsões, que sinaliza uma área especifica a frente dos carros para os veículos de duas rodas. O projeto que já existe em muitas cidades do Brasil, como Belo horizonte, Cuiabá e São Paulo, por exemplo, visa à diminuição de acidentes. O Denatran aprovou a proposta e o vereador Cássio Trogildo, após apresentar e receber a aprovação do projeto na Câmara Municipal de Porto Alegre, agora aguarda sua sanção pelo Executivo, acompanhando todo o andamento da análise do projeto. Na ocasião do encontro entre sindicato e poder público municipal, acrescentou-se a importância do projeto, que não terá grandes custos financeiros e que ele trará mais visibilidade aos motociclistas, diminuindo assim os fatores de risco de acidentes.

Carteiros motoboys do Piauí receberão Periculosidade e AADC cumulativamente O TRT/PI reformou sentença da 2ª Vara do Trabalho de Teresina e concedeu Adicional de Atividade Externa de Distribuição e/ou Coleta (AADC) aos carteiros motoboys, cumulativo com o Adicional de Periculosidade. As duas verbas possuem natureza salarial e, de acordo com a decisão, devem ser incluídas na folha de pagamento da categoria e mantidas enquanto durar a atividade. O posicionamento da Corte fundamentou-se no art. 193, § 4º, da CLT, incluído pela Lei nº 12.997/2014, regulamentada pela Portaria nº 1.565/2014, publicada em 13/10/2014, que afirma: “as atividades laborais com utilização de motocicleta ou motoneta no deslocamento de trabalhador em vias públicas são consideradas perigosas”. Além disso, o relatório do acórdão acrescenta que o AADC tem como função precípua conceder uma compensação salarial àqueles que exercem tarefa externa, considerada mais extenuante. “O adicional de periculosidade, por sua vez, é aplicável apenas aos carteiros que, no exercício de seu mister, utilizam-se de motocicleta”. Dessa forma, tais adicionais são considerados distintos, e portanto cumuláveis. 30

motoboymagazine


Notícias Brasil

Detran do Rio de Janeiro tem inscrições para Curso de Direção Defensiva A Escola Pública de Trânsito do Detran oferece o curso de direção defensiva, que acontece todos os meses. Ao todo, são oferecidas em média 30 vagas. Para se inscrever, os motociclistas deverão ter Carteira Nacional de Habilitação válida sem ter atingido o limite de 20 pontos em infrações de trânsito nos últimos 12 meses e nem ter sofrido suspensão ou cassação do direito de dirigir. O curso terá duração de 12 horas e as aulas serão realizadas das 13h às 17h, na Escola Pública de Trânsito, na Avenida Mem de Sá 163 (Lapa). Em três dias consecutivos, os alunos aprenderão como dirigir de maneira segura e responsável. O esforço do departamento se junta às ações da ONU, que denominou este decênio como a Década Mundial para Segurança no Trânsito, para redução da quantidade de vítimas em acidentes automobilísticos à metade até 2020 em relação aos índices de 2010. As inscrições devem ser feitas pelo portal do Detran - www.detran.rj.gov.br.


Capa

34

motoboymagazine


Semana Nacional do Trânsito 2017

motociclistas em perigo! Entra ano sai ano, o governo federal junto com instituições que atuam no setor duas rodas, tentam em discussões intermináveis encontrar soluções para diminuir acidentes que envolvem motos, porém, tudo muito bonito no discurso, mas nas ruas, os motociclistas por falta de políticas públicas para eles têm pago um preço muito alto por isso: a própria vida. Setembro é o mês que o Brasil discute sobre o trânsito, suas consequências, problemas, como minimizar os acidentes, promover conscientização etc. Escolas públicas, faculdades, Ongs, instituições diversas, especialistas e mais um incontável número de “entendidos” passam uma semana inteira debruçados sobre o tema, mas na prática pouco tem se notado de melhorias e diminuição de óbitos entre os motociclistas, pelo contrário, pesquisa do Infosiga publicada esse mês mostrou aumento de mortos nas vias públicas em acidentes motociclísticos. Esse ano, o Ministério das Cidades / Contran / Denatran programou uma séria de atividades, mas

para saber se deu certo, só nas próximas estatísticas. Para se ter uma ideia, batizou a campanha desse ano de “Minha escolha faz a diferença no trânsito”. Com esse tema guardachuva, o Contran estabeleceu as mensagens e cronograma de ações das campanhas de educação para o trânsito em 2017.


Capa

Seguindo o cronograma anual, o Denatran ainda orientou para a realização de campanhas na volta ás aulas, conscientização sobre o uso de motocicletas e ciclomotores, respeito aos pedestres e ciclistas, uso de celular e consumo de álcool. Os destaques da programação foram o Maio amarelo, Dia Mundial às Vítimas do Trânsito e a própria Semana Nacional de Trânsito. A escolha do tema desse ano possibilitou ações em todos os setores, como o dos ciclistas, motociclistas, pedestres passageiros e condutores. Nas mídias sociais, a sugestão foi utilizar a frase “Eu escolho curtir um trânsito seguro” e a hashtag #euescolhoviver. Para minimizar os acidentes, de Janeiro a Fevereiro a campanha foi Ações de apoio à Campanha Rodovida do Governo Federal; em Março, a Campanha de volta às aulas; em Abril realizou-se a Campanha de conscientização sobre o uso de motocicletas e ciclomotores. Já em Maio seguiu com Ações de apoio ao Maio Amarelo, campanha da sociedade por um trânsito seguro; em Junho a Campanha de conscientização sobre o respeito ao pedestre e ciclista; tendo no mês de Julho a Campanha de orientação para as férias escolares; em Agosto a Campanha de conscientização sobre uso do celular ao volante e Setembro a Campanha da Semana Nacional de

38

motoboymagazine

Trânsito (18 a 25 de setembro de 2017). Outubro – vai de Campanha de conscientização sobre consumo de álcool e direção; em Novembro a Campanha do Dia Mundial em Memória às Vítimas do Trânsito: fechando o ciclo em Dezembro com Ações de apoio à Campanha Rodovida do Governo Federal. Entre uma Semana Nacional de Trânsito e outra, motociclista não tem muito o que comemorar Percebe-se aumento de arrecadação com IPVAs, impostos em vendas de motos, radares cada vez mais modernos implantados e multando em vez de educar, multas que aparecem cada vez mais e, as mortes, que continuam subindo. Prova da ineficiência dos governos em mudar essa situação. Se não bastasse isso, nosso modelo de permissão para tirar CNH para pilotar moto para pilotar é o mesmo há décadas e as pessoas continuam se preparando apenas para passar no teste e não para agir consciente o trânsito. O governo sabe dos riscos que o motoboy enfrenta, tanto que aprovou o pagamento da periculosidade, mas só. No entendimento de especialistas, outras situações deveriam ser criadas para que os motociclistas pudessem investir em segurança própria, por exemplo. Isentar equipamentos básicos de segurança como


7ª FENEINM Feira de Negócios da Indústria Nacional de Motopeças

De 25 à 27/05 de 2018 Gran Hotel Morada do Sol Araraquara / SP Você é nosso convidado especial!

Valorizando a Indústria Nacional O Evento A ACS Feiras e Eventos em parceria com a Pegrucci Representações, realizará a 7ª FENEINM ( Feira de Negócios da Indústria Nacional de Motopeças) uma das maiores feiras do segmento de motopeças voltado para negócios, em Araraquara. O objetivo do evento é valorizar os produtos produzidos no mercado nacional, que ajuda na geração de empregos para as localidades onde as indústrias estão instaladas . Além de valorizar os produtos e as marcas da indústria nacional, a feira aproxima os fabricantes dos maiores lojistas do interior paulista, criando grandes oportunidades, estreitando relacionamentos entre fornecedores e compradores, tirando dúvidas, apresentação de novos produtos e concretização de parcerias.

Realização:

Patrocínio

Apoio:

P

Mídia divulgação:

magazine


Capa capacetes e peças das motocicletas dos impostos baixaria o valor e criaria uma cultura de troca em tempo menor. Realizar estudos sérios em favor das motofaixas e que, ao serem criadas fossem incorporadas integralmente a outros modais de transportes para maximizar os efeitos de segurança. Campanhas de comunicação especificamente para motociclistas divulgando o que é certo e legal. Outra opção para aumento da segurança seria a formação de uma força tarefa entre concessionárias e montadoras de motocicletas, sindicatos e associações realizarem treinamentos de qualificação para pilotagem e campanhas de manutenção preventiva para reduzir o número de acidentes. A sociedade civil também deveria ser chamada para esse grande esforço em prol da segurança.

O Brasil, assim como vários outros países, faz parte da “Década de Ação para o Trânsito Seguro”, programa estabelecido pela ONU que visa provocar nos governos ações que resultem em proteção de vidas no trânsito. Que a Semana Nacional do Trânsito deixe de ser apenas um movimento elitista e tenha força, crie ações que resultem em menos mortes e que fato seja progresso, não retrocesso.


Eventos

Sincomotos reúne setor de motopeças em Porto Alegre Feira de negócios promovida pelo Sincopeças-RS apresentou produtos de 40 marcas. Com estimativa de mais de R$ 2 milhões em negócios firmados, o 1º Sincomotos marcou o último final de semana de agosto para o setor de motopeças gaúcho. Realizada nos dias 25 e 26 de agosto, em Porto Alegre, a feira reuniu 34 expositores e 40 marcas, entre distribuidores e indústrias de Motopeças e acessórios, e recebeu visitantes de diversas regiões do Estado, lojistas do segmento, que vieram conhecer novidades em produtos de destaque. Promovido pelo Sindicato do Comércio Varejista de Veículos e de Peças e Acessórios para Veículos do Rio Grande do Sul (Sincopeças-RS), com o apoio do SebraeRS, o Sincomotos aconteceu no Centro de Eventos da instituição. “A ideia surgiu com o propósito de equipar o Centro de Treinamento do Sincopeças-RS. Foi a forma que encontramos de arrecadar fundos para esse projeto. Também tem importância por aproximar esses integrantes do setor do Sindicato”, comentou o diretor de motopeças, Auri Batista Pires. Segundo ele, o Sincomotos se sobressai como uma feira de negócios, com marcas importantes e o convite a todas as empresas do Estado.

42

motoboymagazine

“Inicialmente, vendemos a ideia para as marcas e todos gostaram, pois não temos este tipo de evento em Porto Alegre. A maioria dos expositores já expressou a vontade de que o Sincomotos se consolide no calendário e que aconteça nos próximos anos, pois tem muito potencial de crescimento”, afirma o diretor. Para Pires, o melhor resultado da iniciativa é o estreitamento do relacionamento com os diversos players da cadeia de motopeças. “Este foi um evento motivado pelo 'coração'. As marcas estão aqui porque acreditaram nesse sonho do centro de treinamentos, nesse ideal”, concluiu.


Eventos

Galeria

44

motoboymagazine


Eventos

Galeria

46

motoboymagazine


Eventos

Empresários do motofrete de São Paulo se reúnem em confraternização Empresários do motofrete se reuniram no dia 2 de setembro para discutir questões pertinentes do setor, entre elas, a dos aplicativos, que tem sido a "pedra no sapato" dos empresários do segmento. O evento aconteceu no auditório do Sest Senat - Parque Novo Mundo e teve a presença de cerca de 20 empresários. O presidente do Sedersp Fernando de Souza, ressaltou a importância da união dos empresários para o fortalecimento, relembrando o início da atividade do motofrete e os avanços conquistados no decorrer de mais de duas décadas de trabalho. “Fizemos grandes amigos empresários ao longo de todos esses anos. Buscamos melhorias para o setor, aprimoramos o conhecimento e hoje continuamos juntos, com os mesmos propósitos de valorizarmos o nosso segmento. Nossa maior bandeira é contra a concorrência desleal, que está precarizando nossa mão de obra, mas a nossa luta continua”, disse Fernando. Apesar do baixo número de empresários presentes no encontro, os poucos que compareceram contaram com uma palestra sobre Propaganda e Marketing, ministrada pelo Professor Antônio Gelfusa Jr, além, de um churrasco que foi oferecido pelos organizadores do evento. José Aparecido dos Santos da empresa Patrimônio Express e Wilson Romero da Paulista Motoboy, ambos empresários do setor, apoiaram essa iniciativa com intenção de ajudar as empresas a se posicionarem com ações que sejam favoráveis e 48

motoboymagazine

positivas a todos que fazem parte do segmento no estado. O evento foi uma iniciativa de empresários do setor e contou com o apoio do SEDERSP, MN3 BAÚS, THEO UNIFORMES, CORTESIA SEGUROS E TEXTUS INFORMÁTICA.


Eventos

1ª Feira Moto Nordeste

Novo conceito de negócios no Setor de Motopeças, foi realizado de 07 a 09 de Setembro no Garden Hotel Resort Campina Grande-PB e promovida pela Methodus Consultoria, foi um sucesso, bem organizada e cheia de novidades. Os expositores ficaram satisfeitos com a participação. Foram exatamente dois dias de feira com inicio na sexta feira do dia 08 e término no sábado dia 09, sendo que o dia 07 foi utilizado para montagem dos estandes. Na sexta feira, no primeiro dia, a Feira foi agradável e bem movimentada por visitantes de várias regiões do nordeste, que, segundo dados da organização, foram exatamente 870 pessoas que passaram pelo credenciamento entre sexta e sábado. Na ocasião, expositores aproveitaram para falar com seus clientes e amigos locais, e fizeram contatos de negócios, realização de vendas, atendimento. Os estandes estavam cheios, houve troca de contatos, feedback de produtos, informações repassadas. Quem passeava pela feira notava os estandes com as mesas ocupadas de fornecedores atendendo clientes, mostrando catálogos de produtos, assinando pedidos e fechando negócios. Neste mesmo dia, a partir das 20hs foi oferecido um jantar aos expositores e visitantes da feira e logo em seguida, foi aberto um bar num salão ao lado onde acontecia o evento e na ocasião, a organização preparou uma verdadeira surpresa aos expositores e visitantes: o Bar Choperia cheio de garotas bonitas que serviam o chope para galera presente.

50

motoboymagazine

O espaço contava com música ao vivo e ainda teve sorteios de várias câmeras fotográficas entre os visitantes da feira. A noite tinha acabado de terminar para os negócios, mas, o entretenimento começava com o grupo musical local Jeito Nordestino, do vocalista e produtor Binho, de João Pessoa. Foi uma verdadeira aula de forró pé de serra, em seguida, outras que animaram a todos com muita simpatia em com musicas sertanejas atuais, foram às cantoras Stefany e Gabi, que fizeram a galera levantar das cadeiras, com música boa e muita animação, mas, quem fechou a noite com muita alegria foi à dupla sertaneja André e Bruno que veio diretamente de Minas Gerais para se apresentaram na Feira a convite da


Organização - Alexandre Salgado, um dos sócios das Methodus Consultoria. Os rapazes, simpáticos, cantaram muito e agitaram a galera presente com moda de viola caipira e baladas sertanejas dos mais diversos compositores nacionais, depois, fizeram dueto com o cantor Binho de Grupo Jeito Nordestino e as cantoras Stefany e Gabi que animaram a noite de sexta-feira, já fechando o evento com chave de prata. A Feira no Sábado No Sábado dia 09 a Feira foi aberta ao público mais cedo, às 10hs da manhã, apesar da noite ter sido longa para muitos, devido o happy hour esticado, os expositores estavam a postos em seus estandes recebendo clientes e convidados para dar continuidade aos contatos do dia anterior e os que ali faziam, apesar do sábado não ter reunido um grande número de visitantes como todos esperavam, as vendas foram concluídas e os últimos detalhes foram acertados com os clientes, pois já se tratava do último dia da feira. Neste dia, estava aquele dia ensolarado, tudo se apresentava a favor do evento, expositores já estavam até satisfeitos com o dia anterior da feira, onde tinham feito muitos contatos e por ter sido um dia bastante produtivo para muitos. Passando pelo período da manhã, já entrando no horário do almoço, a organização também ofereceu vouchers de almoço que foi servido no restaurante no piso superior para expositores e visitantes da feira. Já entrando no período da tarde, a feira continuou seguindo com muito bate papo nos estandes, risos, descontração, distribuição de sacolas com brindes aos visitantes, mesas cheias, demonstração de produtos e atendimento ao cliente e o melhor, os negócios acontecendo. Show radical sobre rodas Ainda no período da tarde, mais uma surpresa, a organização, preparou um show radical sobre rodas na área externa do evento logo na entrada da Feira, com a Equipe Ipiranga Moto Show do piloto Paraibano Harley Amorim, que estacionou seu ônibus no Hotel e foi logo montando a estrutura para sua apresentação, o local não era muito adequado, mas, ainda assim, o piloto de manobras radicais deu um verdadeiro show, com muita consciência e profissionalismo, sua apresentação na feira proporcionou aos visitantes e presentes, um entretenimento a parte, com muita animação, adrenalina e diversão.


Eventos

O Piloto Harley Amorim, sempre muito carismático, ousado nas manobras com bicicleta, motocicletas e quadriciclos, fez a galera vibrar com participação do público e a adrenalina de alguns foi a mil, a equipe e o piloto agradou a todos com sua apresentação e foram aplaudidos pelo carisma e profissionalismo da equipe. Finalzinho de tarde, quase escurecendo, o sol se pôs, mas, a feira continuava dentro do saguão, gerentes de fábricas em seus estandes, ocupados atendendo clientes, muita gente conversando, reencontros de amigos, parceiros de longas datas, ali trocavam cartões, informações e dialogavam sobre mercado, vendas e lançamentos de produtos, sorrisos estampados no rosto e aperto de mãos eram fácies de se notar, também era extremamente comum para uma feira de negócios onde os negócios aconteceram. Não se sabe quanto à feira movimentou em reais, mas, o que aparentou é que a Feira foi vista com bons olhos tanto pelos expositores participantes como pelo público visitante do evento, ou seja, agradou a todos. Já no período noturno, o evento se apresentou mais tranquilo, menos movimentado, porém, muitos dos convidados que

52

motoboymagazine

visitaram a feira de tarde, já tinham ido para seus quartos de hotéis, para se prepararem para a grande festa de encerramento da feira, que teria início a partir da 20hs no terraço do Hotel, onde foi montada uma estrutura por parte da organização, com um palco e dois grandes telões de Led para entreter as pessoas que ali estavam. No mesmo local, várias mesas para 8 pessoas foram forradas com toalhas vermelhas e coberta no forro branco tudo muito bonito, de bom gosto e muito bem organizado,


onde foi servido um jantar aos expositores, visitantes e convidados, o jantar foi acolhido com boa comida, bebidas e também pela linda vista panorâmica do terraço do Garden Hotel Resort, onde se tinha uma vista privilegiada da piscina temática do Hotel, em volta da piscina, balões dos patrocinadores da feira iluminavam a noite que começou com muita chuva, mas, no nordeste a chuva é sinal de boas novas, porém, ela logo cessou e de forma alguma atrapalhou a festa que acabava de começar. Após o jantar, muita descontração, bate papo entre os presentes no jantar, alguns litros de chopes foram servidos e o pessoal foi se animando para o show da banda nordestina local Forró da Barka Feira Moto Nordeste – Campina Grande-PB Quem fechou o show da Festa de Confraternização foi a Dupla Sertaneja que tinha tocado na noite anterior, André e Bruno com sertanejo românticos e moda de viola caipira, enfim, o evento pode não ter agradado a todos, mas, sem dúvida, agradou a maioria e fechou com chave de ouro, atingiu as expectativas dos expositores e deixou uma boa impressão para o povo nordestino.

A Região Nordeste representa hoje 30% da frota nacional de motocicletas concentrada em modelos de baixa cilindrada e os maiores distribuidores de motopeças e lojas que movimentam milhares de itens de fábricas nacionais e produtos importados, e foi justamente pensando nisso que a Methodus Consultoria resolveu fazer a sua primeira feira em Campina Grande – PB e se dizem satisfeitos com o resultado do evento. “Ficamos satisfeitos, principalmente porque alcançamos os nossos objetivos. Apresentamos uma proposta inovadora ao mercado em termos de data para essa feira, com uma expectativa de realização de muitos negócios com programações para fechamento do 2º semestre. Nossa avaliação foi correta e a maioria dos expositores confirmou excelentes resultados em vendas.

Também tivemos a aprovação de visitantes e expositores para as mudanças na estrutura do evento como climatização , alimentação , bar temático, café, recepção de credenciamento, temos recebido muitos elogios, principalmente pela organização da feira. O resultado em vendas , principal indicador para os expositores, também tem sido informado como muito positivo”, concluiu Ronaldo Paiva, promotor da Feira Moto Nordeste Campina Grande-PB, e sócio diretor da Methodus Consultoria. Já Alexandre Salgado o outro sócio da Methodus, disse que o evento proporcionou um feedback incrível por parte dos expositores e clientes após o evento nas redes sociais. “Na medida em que temos divulgado números do evento, fotos e vídeos nas mídias sociais nós recebemos muitos depoimentos elogiando nosso trabalho. Críticas e sugestões também nós temos recebido com muita atenção para melhorarmos nas próximas feiras”, declarou Salgado. O evento que reuniu 48 expositores entre as mais conceituadas fábricas do setor trouxe em seu portfólio, a inovação e um novo conceito de realizar Feiras de Negócios do Setor Motopeças. As empresas participantes da 1ª Feira Moto Nordeste de Campina Grande - PB foram; ANFAMOTO – ARBYN – AWA – BRASTUBE CELFER – CROMOFORTE – DIAFRAG – ENINCO – ERBS – FILTRAN – FIREBREQ – FREEDOM GULFAIR – GVS – HLX – JC – LAQUILA – LM KING M O T O PA R T S - M P O W E R – M A X I M O – MEGAVILLE – MIXS - MN3 – MONACO - P2M – PELLEGRINO - PISCA MAIS – PLASMOTO – PMP POLY FLY - PRO TORK – RAIOM - RALLY MOTOS – RONCAR – SCORPION – SIVERST – TECHNIC – TEXX – TMAC – TORK – TRIBAL – VALFLEX – VALMOTOS – VEDAMOTORS – VEDOX – VIPER e VULCANBOR. Os Patrocinadores da Feira foram: PROTORK - GVS – DIAFRAG – LAQUILA - VULCANBOR e VEDOX. S e g u n d o a o rg a n i z a ç ã o d a F e i r a p a s s o u p e l o credenciamento 870 pessoas, um bom número considerado para uma feira negócios, A Methodus Consultoria, já se planeja para um próximo evento no mesmo local e informou que já tem algo marcado para Setembro de 2018. Para maiores informações entre em contato diretamente com eles no telefone abaixo: (11) 3222-1459


Eventos

Conra o depoimento de alguns expositores: GVS - “A feira aqui na região nordeste sempre é benéfica para o nosso mercado, para o nosso segmento aqui em Campina Grande é uma feira muito bem conceituada e aceita pelos nossos clientes dos demais estados do nordeste, muito bem visitada. Achei que foi uma excelente ideia trazer mais uma feira no segundo semestre pra cá, a feira está muito bem elaborada, bem organizada bem estruturada eu acho que foi muito bom, está sendo uma feira excelente e tenho certeza que vai se manter no nosso calendário, porque aqui comporta duas feiras por ano, o local aqui é excelente e a equipe da Methodus Consultoria está de parabéns pelo trabalho feito nesses dias todos, durante todos esses meses para trazer nossos clientes, nossos parceiros, trazer o maior número de fabricantes e também de parceiros, tudo isso foi excelente, só tenho a agradecer. E como patrocinador sempre acreditamos no nosso mercado, em torno desse cenário atual ainda estamos indo bem estamos conseguindo manter as metas, conseguindo vender o suficiente para se manter bem, é claro que não está fácil, mas, quem é aguerrido e está sempre a campo está conseguindo manter e correr atrás de seus objetivos." Edilson Silva – Diretor da GVS Sports

VULCANBOR - “A Methodus, já é uma grande conhecida do Grupo WLS de longo tempo, tanto à diretoria quanto a presidência da organização. Aceitamos participar desse evento, por que aqui em Campina Grande é um lugar estratégico, é um local bacana para feiras desse porte, e é praticamente um ponto de concentração, onde vem clientes de todos os cantos do nordeste. O movimento da feira foi bom, no primeiro dia, podemos dizer que foi excelente, embora tivemos o feriado de 7 de Setembro, acredito que poderia ter sido até melhor, mas, ainda assim nos surpreendeu, foi muito proveitoso por que fechamos excelentes negócios e por isso, esperamos contar com a Mathodus para continuar essa parceria.’’ Rubens Nalin Poblet – Coordenador Comercial da Vulcan Bor

DIAFRAG - “Bom, o evento para nós foi estratégico, pelo período e pela localização, então nós temos um mercado muito grande no Nordeste, Campina Grande têm uma localização estratégica, onde toda região se desloca pra cá nesses eventos, a Methodus, por ser uma empresa de dois sócios muitos conhecidos e muitos competentes, tiveram todo mérito de organizar um evento muito bonito, onde os principais distribuidores da região estiveram presentes e para Diafrag, teve uma importância muito grande, pelos principais distribuidores de estados como Ceará, Piauí, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Bahia estarem aqui, no mesmo evento. Nós conseguimos fazer reuniões com os principais parceiros responsáveis pela distribuição dos nossos produtos em cada estado, então o sucesso para nós é garantido, e com isso nós conseguimos ótimos negócios fechados até dezembro deste ano. Quero agradecer muito fortemente a pessoa do Ronaldo pela competência, grande experiência em evento e o Alexandre Salgado, pelo que ele representa no segmento de motopeças e, também, toda equipe que participou da montagem, organização e realização, por que realmente o evento foi de altíssimo nível.’’ Wendel Santana – Gerente Comercial da Diafrag VEDOX - “Para a Vedox, foi muito interessante ter participado do evento, por que já temos uma parceria na parte de Consultoria com a Methodus, já fizemos alguns trabalhos, e é viável estar aqui, por que temos um mercado legal na região nordeste, mas, é importante estar presente nesses eventos regionais para fortalecer e laços de amizade e parceria com os nossos principais parceiros e distribuidores da região. O evento foi bom, a organização está de parabéns, o Ronaldo e todo sua equipe, é empresa que está trabalhando em família, com certeza merece o nosso apoio e prestígio e já tem uma amizade bacana conosco e pode contar com nossa parceria nos próximos eventos, por que tivemos muitas novidades e diferenciais que nos surpreenderam e para nós foi extremamente viável participar, fizemos bons contatos e fortalecemos nossas parcerias." Caio Victor – Gerente Comercial da Vedox LAQUILA - “A Láquila vem apoiando este evento, através dos seus organizadores, por estamos investindo no evento por que acreditamos que vai trazer muitos frutos para nós. A Láquila, sempre acredita nessas feiras regionais e essa nova administração da Methodus, provou que sabem onde pisam, o evento ofereceu alguns diferenciais que nos surpreendeu muito, foi algo que realmente ainda não tínhamos visto, achei que tanto estruturalmente como organizacionalmente foi bastante positivo e a feira ficou muito agradável, bastante espaço, o nível de visitação foi considerável, justamente por ser feriado prolongado, tens muitas pessoas que deixaram de vir, por que muitos tinham compromissos familiares, o número de visitantes não foi tão grande, mas, pra nós foi satisfatório, fizemos contatos com nossos principais distribuidores da região, por isso, em nome da Láquila, eu gostaria de parabenizar a equipe de organização do evento, pela atenção dada, o Ronaldo e o Alexandre foram muito prestativos conosco, e só temos a agradecer, acreditamos que eles tem tudo pra crescer e transformar hoje este evento deles numa das maiores feiras itinerantes do Brasil, eles estão de parabéns." Wellington da Silva Santos – Coordenador Comercial da Láquila.

54

motoboymagazine


Peças Acessórios e Boutique Preços Imbatíveis / Tudo para sua moto / Aceitamos todos os cartões

Rua Frei Gaspar, 289 - Centro - SBC www.marmoto.com.br Contato: (11) 4345-4468 / 4345-4673


Peças Acessórios e Boutique Preços Imbatíveis / Tudo para sua moto / Aceitamos todos os cartões

Rua Frei Gaspar, 289 - Centro - SBC www.marmoto.com.br Contato: (11) 4345-4468 / 4345-4673


(51) 3466-6560 - 99115-9711 - 99927-6032 pinguimmoto@hotmail.com / pinguimrepres@hotmail.com

gmotoscupece@terra.com.br / (11)5563-2820

Rua Dr. Dijalma Pinheiro Franco, 306


Reexão

"Em verdade, em verdade te digo que, se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus."

João 3:3

À tarde ensolarada era minha companheira ontem. Um céu azul, destituído de nuvens formava uma espécie de manto, o manto de Deus, que me cobria e passava tranqüilidade. Caminhando pelo bosque de um clube local que, ocasionalmente visito a trabalho e descanso, logo após o almoço, sentia a presença de Deus em minha alma. Em paz, observava o esplendor da natureza a minha volta. Pássaros iam e vinham por cima de mim, borboletas multicoloridas bailavam sobre as flores típicas desta época, eucaliptos enormes faziam com que eu admirasse, mais ainda, o céu, de tão grandes que eram e um gramado que, de tão formoso, assemelhava-se a um tapete completava uma cena, digna de um quadro. Realmente meu espírito repousava na casa do meu Pai. Mais adiante, percorrendo a trilha, uma cena me chamou a atenção: uma velha árvore cortada e abandonada no chão esperava a ação do tempo para apagar sua passagem nesta terra onde tudo, tudo passa. Porém, na borda esquerda, um pequeno e frágil sinal de vida lutava emergindo da morte. Um broto, tenro e persistente, enfrentava vento, sol e chuva para se firmar. Uma nova vida, ali, renascia.

66

motoboymagazine

Foi preciso que aquela velha árvore morresse para uma nova nascer. Lembrei-me então, do versículo acima. Foi preciso que eu morresse para que me tornasse nova criatura. Assim como aquele broto, hoje enfrento o vento, o sol e a chuva. Assim como na árvore, foi preciso que o velho Pedro morresse para que, na morte, um novo Pedro ressurgisse. Assim como a árvore teve uma chance, também tive a minha e todos nós podemos nos agarrar a esta esperança: uma nova vida em CRISTO. Ele é o caminho, porto seguro, rochedo e escudo. Ele é o único elo entre nós e Deus. Desejo que juntos, como um só corpo, possamos cada vez mais estarmos como aquele broto, resistindo, olhando pra cima e aguardando, com fé e esperança em Cristo, bênçãos de Deus. "Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim nunca morrerá." João 11: 25-26 PENSE NISSO!!!

Fraternalmente Pedro Pimenta


Motoboy Magazine Edição 157 - Setembro de 2017  
Motoboy Magazine Edição 157 - Setembro de 2017  
Advertisement