Page 1

Ano 7 | n° 44 | Fevereiro 2017

DUO CULTURA

GASTRONOMIA

A ROTA DO MAR EM JOINVILLE

JOINVILLE

166 anos

DESTINOS PARA SUA VIAGEM INSPIRE-SE

ANO NOVO, SONHOS NOVOS.


BUENOS AIRES

CANNES JOHANNESBURG

CALÇADOS, ROUPAS E ACESSÓRIOS SHOPPING MUELLER | JOINVILLE - SC LAS VEGAS MIAMI NICE ORLANDO PUNTA DEL ESTE RIO DE JANEIRO SÃO PAULO

550 LOJAS - 18 PAÍSES


@carmensteffens CarmenSteffensOnline


EDITORIAL

Chega o novo ano e com ele a oportunidade de colorir tudo de novo. Com quantas cores se faz um ano novo? Branco remetendo paz, verde esperança, vermelho paixão.... cada cor com seu significado. Começo meus editoriais com essa analogia, para passar a importância de colorirmos nosso ano desde já, de pintar cada capítulo. E se algo borrar, apagar enquanto há tempo. Muitos querem deixar o ano de 2016 para os arquivos mortos, ja que a bendita crise de “marolinha” virou uma grande onda, mas com certeza, do outro lado, tiveram várias pessoas que pintaram esse ano muito bem e colherão frutos. Bato na tecla que a comunicação da sua empresa com seu cliente e o marketing de massa é o que diferencia você do seu concorrente em época de “vacas magras”. Aproveite para usar nossa revista com a intenção de aparecer mais e melhor para o mercado e sanar a curiosidade de seus clientes e possíveis novos clientes. Chegamos com os dois pés direitos, depois de um ano de sucesso para a Duo que nos trouxe premiações importantes proporcionadas pelas agências, leitores e pelos clientes que aclamaram a Revista Duo como a queridinha de Joinville. O ano de 2017 chega com várias metas mais arrojadas ainda, com a necessidade de manter esse posto de revista mais lembrada,

de credibilidade e confiança com nossos parceiros. Estamos mais preparados do que nunca e com certeza vamos “pintar e bordar” todas as páginas que esse novo ano trará. Nesta edição, a editoria de Casa e Decoração traz a reinvenção dos espaços na sua casa. A matéria principal conta histórias inspiradoras de joinvilenses que mudaram de rumo e se adaptaram nas épocas de crise e estão muito bem, obrigado! Já nas páginas de Duo Sabores, trouxemos um especial sobre frutos do mar e um guia de onde encontrar esses pratos em Joinville. Duo Moda e Viagem abordam o Carnaval. E como as novidades não param, iniciamos os preparativos de novas colunas que chegaram com tudo neste ano: Duo indica, onde nossa redação mostra produtos e serviços para você leitor consumir de olhos fechados, a coluna Abriu em Joinville, para você ficar ligado em tudo de novo que chega na nossa terrinha e ainda, Duo Tecnologia, trazendo todas novidades da internet para você. Espero que você tenha se munido de todas as cores do mundo e que pinte esse ano como nenhum outro. Não faça dele rascunho, faça dele uma obra de arte, assine com o nome e coloque na parede. Nos vemos por Joinville e sucesso em 2017!■

DIAGRAMAÇÃO

EXPEDIENTE 47 3043 2150 monograma@monogramadesign.com EDITORA DE CONTEÚDO Tabata Kadur jornalismo@revistaduo.com.br JORNALISTAS Ana Paula Padilha Marcia Campos

CAPA Fotografia e tratamento de imagem: Juliam Cechinel | 47 99150 2007 Make: Queli Moura | 47 99622 2412 Hair: Carla Laemmle | 47 99791 4124 Vestem: Claire Juliani costura Modelos: Alana R e Nikola M ( GAS MODELS ) Acessórios: Infinity Joias | 47 99964 6566 Jóias: Scheffer Atelier e Morana Acessórios

ATENDIMENTO E MÍDIAS SOCIAIS Tayana Elizabete atendimento@revistaduo.com.br COLABORADORES Ademir Moerschbacher Jr Cláudia Petry Cláudia de Moura de Mattos Drag Conchita Evelize Olimpo

Foto: Vand Rodriguez

Página virada e a oportunidade de escrever mais 365 páginas

Toni Furtado

Fabíola Bernardes Ju Pamplona Márcia Campos Márcia Tasca Mario Kutianski Matilde Melo Paula Bernardes Rosi Blunk Rodrigo Domingos Yasmim Fassbinder FOTOGRAFIA Leandro Soares REVISÃO Ana Paula Padilha DIREÇÃO GERAL Toni Furtado toni@revistaduo.com.br 98423-3934 | 3025-4711

ANUNCIE EM NOSSA REVISTA! DEPARTAMENTO COMERCIAL toni@revistaduo.com.br contato@revistaduo.com.br


ÍNDICE

DUO CULTURA

60

MODA

55

GASTRONOMIA

54

MATÉRIA PRINCIPAL

30

DUO SAÚDE

76

DUO VIAGEM

68

A praia além do mar

Ano Novo, Sonhos Novos.

Previna doenças de verão

Destinos de Carnaval

55 71

Relax nos dias de folia


CASA E

DECORAÇÃO

Reinventando espaços Por Tabata Kadur Fotos: Banco de imagens

10


C

hega o início do ano e nossa lista de novas metas começa a ser escrita. Nos programamos para um ano cheio de mudanças, melhorar a alimentação, aumentar o condicionamento físico, organizar arquivos e documentos antigos, programar viagens e muitas vezes realizar aquela reforma tão sonhada. Porém, reformar a casa é muitas vezes sinônimo de transtornos e incomodação. Porque então não apostar numa transformação – sem sujeira e sofrimento – daquele ambiente que há tempos merece uma repaginada? Sem obras e sem dor de cabeça, é possível dar cara nova para aquela garagem que está acumulando caixas, para o quarto da bagunça e até para o lavabo que ficou fechado por falta de uso. A Revista Duo conversou com o empresário e arquiteto Cadu DiAzzi que revelou dicas e ideias para quem quer começar o ano com cara de casa nova! Segundo o arquiteto, de forma geral, as áreas sociais das residências são mais valorizadas, quando o assunto é decoração de interiores. “A primeira coisa que as pessoas querem é fazer sua sala, sua cozinha, sua sala de jantar. As áreas íntimas vão tendo menos interesse, e vão ficando pro final”, explica Cadu. Espaços como a lavanderia, escritório, quartos extras e garagem, não recebem muita atenção e acumulam tudo aquilo que não tem pra onde ir. “O carrinho de bebê, caixas, livros, e assim por diante. Tudo vai para o quarto da bagunça”, afirma. A boa notícia é que existem diversas formas de tornar esses cômodos mais funcionais. “As garagens, por exemplo, dependendo do tamanho do espaço podem até virar um loft. Um quarto

extra pode virar um banheiro, ou um escritório, dando suporte para uma área de estudo”, argumenta o arquiteto. A lavanderia de forma geral, também pode ser reorganizada e reestruturada para usufruir ainda mais de seu espaço. Cadu pontua que quando se tem ambientes de circulação maiores, consegue-se criar espaços para expor peças de arte, estantes laterais, e até mesmo criar uma biblioteca, ou um travel corner (cantinho para guardar as memórias e objetos trazidos de viagem). De forma geral, na maioria das vezes, para converter esses espaços em cômodos úteis é preciso somente organizá-los. “Criamos novas funções, mas a organização é o que vai tornar o espaço útil, com novas funções ou retomando sua função original. Uma garagem às vezes, não tem condições de guardar um carro, porque está cheia de outros itens, como bicicletas, caixas, mobiliário. A palavra base é organização”. Para isso, o profissional indica reutilizar móveis e objetivos que já se tem em casa. “Escolher móveis antigos e repaginá-los com pintura ou estofamento, dá uma nova cara e deixa-os mais modernos. Reutilizar mobiliários que não têm mais função é uma excelente forma de economizar”, diz Cadu. A criatividade não tem limites quando se fala em transformar aquilo que já temos em casa. Uma porta que está parada pode virar uma mesa, uma escada de madeira vira um suporte para toalhas de banho, caixas de feira podem fazer nichos ou virar raque de TV. “A reorganização do espaço e uma pintura já pode transformar o ambiente. Muitas vezes com poucos detalhes já conseguimos dar vida e função para um ambiente que antes tinha pouca utilidade”, finaliza o arquiteto.■

“Criamos novas funções, mas a organização é o que vai tornar o espaço útil, com novas funções ou retomando sua função original...”

11


TENDÊCICAS 2017 por Cadu Diazzi

“O que vejo de mais forte para tendências em 2017 é cada vez mais o uso de produtos naturais. A mesma tendência que seguimos no estilo de vida. Ter escolhas mais saudáveis, uma vida mais fitness, cultivar suas plantas em casa e consumir orgânicos. Em interiores é a mesma coisa. O reaproveitamento de materiais, como o uso da cortiça, tem sido bem explorado, assim como espaços onde você tira a tecnologia de foco – como uma biblioteca com cara de século XVI – desvinculando o mundo conectado. Ambientes que proporcionem mais a troca de um com o outro, e com você mesmo. Para cores que estão em alta, falamos de tons alaranjados mais fechados e terrosos, e sobretudo, o verde. Tons como oliva, verde musgo, bem escuro e fechado. Quando falamos em estilo, a mistura deles já é tendência há um tempo, mas continua em alta. Num ambiente mais contemporâneo, inserir uma poltrona clássica e um quadro com uma moldura barroca, por exemplo. Por fim, tem-se explorado muito a composição de tapetes. Usa-se cada vez mais tapetes mais finos e baixos, sobrepondo-os, criando ambientes e tornando-os fluídos. Isso iniciou-se em 2016 e permanece para 2017”.

12


130 EDIÇÃO DE 25 A 28 DE MAIO DE 2017 140 EDIÇÃO DE 19 A 22 DE OUTUBRO DE 2017 ESTACIONAMENTO

GRATUITO

/feirahomeart


LOCAL: EXPOVILLE

JOINVILLE • SC

Horário de visitação: Quinta e Sexta das 16h as 22h Sábado das 10h as 22h - Domingo 10 as 21h REALIZAÇÃO: APOIO:


INFORME BENTEC

REQUINTE e Sofisticação O designer de interiores Willian Agostinelli, juntamente com a Bentec Concept Joinville apresentam mais um projeto residencial de tirar o fôlego. Confira! Por Redação Duo Fotos: Valéria Grams

A

companhando o cliente desde a compra do imóvel, o designer de interiores Willian Agostinelli projetou em parceria com a Bentec Concept um apartamento na cidade de Itapema, para uma família joinvilense. Levando em conta os desejos e as personalidades dos moradores, o projeto se destaca pela riqueza em detalhes e muita sofisticação. Mesmo com muita inovação e requinte nos acabamentos, os ambientes não deixaram de lado o fator aconchego. A iluminação, as cores e todos os itens de decoração dispostos no projeto foram minuciosamente pensados para transmitir a personalidades dos cliente.

16

LAVABO No lavabo foi inserida a Pietra da cuba – uma pia de mosaico de pedra bruta, e na parede iluminação indireta.


ÁREA SOCIAL Na área social as cores utilizadas foram tons mais claros, com acréscimo do azul para tornar o ambiente mais despojado. Foram escolhidos vários acabamentos como as pedras no painel da TV, na parede da churrasqueira e no fundo da ilha. Na cozinha foi elaborado acabamento com gesso e luminotécnica.

SUÍTE Na suíte do proprietário foram trabalhados tons escuros e sóbrios, para tornar o ambiente mais masculino e intimista. Exploraram-se os espelhos para ampliar o ambiente, e todas as roupas de cama são Buddemeyer. O banheiro da suíte foi decorado em tons de dourado nas pastilhas, concreto e preto na bancada da pia, com uma bombe laqueada preta e uma cuba de sobrepor redonda e preta. O destaque deste ambiente é um espelho veneziano todo laqueado preto.

17


QUARTO DO FILHO No quarto do filho adolescente que adora jogos digitais, trabalharam-se as cores de forma que remetesse a personalidade do filho. Utilizou-se tijolinho a vista, chumbo, amarelo e espelho, além de uma enorme plotagem na parede do jogo preferido dele. O destaque desse quarto fica por conta da laca amarela e da decoração irreverente e jovem. O banheiro do seu quarto foi trabalhado em pastilhas cinzas com porcelanato preto brilho e as louças sanitárias em preto.■

WILLIAN AGOSTINELLI Willian Roberto Agostinelli é Designer de Interiores há 7 anos, com experiência em obras de diversos condomínios residenciais e comerciais em Joinville, incluindo também cidades como Itapema, Balneário Camboriú e Curitiba. Possui cursos complementares nas áreas de luminotécnica, paisagismo, decoração de interiores e exteriores. Seu escritório fica na Rua Presidente Prudente de Moraes n. 673, sala 2, edifício Center Offices, no bairro Santo Antônio, Joinville.

ONDE ENCONTRAR: Rua Alameda Rolf Colin, 109 – Salas 16 e 17. 47 3027 2323 / 47 3027 4343

18


ETIQUETA DO LAR Evelize Olimpio

Começando 2017 com

A

no novo, coluna nova. Isso mesmo, estarei aqui compartilhando o que tem de mais atual no segmento de etiqueta e organização em mais um ano para vocês. E para começar esta primeira edição, vou tratar de um assunto muito importante e já conhecido, a organização. A organização é fundamental e começa em nossa mente, é quando começamos algo e deixamos pela metade, ou até mesmo quando acumulamos coisas, as quais ao olhar depois, geram-nos um estresse danado. Nosso tempo é precioso e deve ser aproveitado da melhor maneira possível. Nada de passar os finais de semana colocando a casa abaixo tentando empilhar melhor as coisas, pois não vai dar certo. Organizar não é empilhar.

Aproveitar o espaço, não é colocar tudo para dentro e fechar a porta correndo. Organizar, é encontrar o fundamento de cada utensílio, separar por segmento, descartar o que não é mais utilizado e acomodar o que ficará nos espaços existentes. Ter um cômodo organizado, banheiro alinhado ou quarto da bagunça sem bagunça não é sonho. Não tem móveis, por isso deixa tudo jogado? Que tal instalar prateleiras nas paredes vazias? Assim, você ganha espaço e livra o chão de tralhas. Caixas plásticas ou de papelão podem armazenar itens fazendo a função das gavetas. Que tal iniciar analisando tudo que está guardado e selecionando o que poderá ser descartado? Cada utensílio deve ter seu devido lugar, separados por segmento e sem

empilhar. O empilhamento é o início da desordem, além de acarretar no risco de queda. Analise seus utensílios, veja o que é de uso diário e o que utiliza com baixa frequência. Não esquecendo que o que tem maior frequência de uso deve ficar mais perto e com fácil acesso. Hoje, o mercado já oferece muitos produtos organizadores que facilitam e muito na hora de encontrar espaço para tantas coisas que mantemos. Para você que está fazendo móveis novos, já solicite a loja que forneça seus móveis com divisores organizadores. Isso sim é um sonho de consumo para quem passa a maior parte do tempo em casa. Aproveite o ano novo e comece deixando sua casa com jeitinho de nova!■

Foto: Banco de imagens

organização


LIDERANÇA Matilde Melo

Em 2017 deixe de esperar e ofereça

Foto: Banco de imagens

A sua lista de resoluções para este ano certamente está pronta e se você não sabe nem por onde começar, vamos conversar sobre isso?

C

ertamente além de seguir suas crenças e superstições você deve ter feito sua lista de desejos e esperas para 2017, estou certa? Você sabia que a chance de continuar tudo igual ou nada mudar para você é enorme? Claro, porque não vai depender do ano novo e sim de um você renovado. Buscando fazer coisas diferentes, expandindo a sua zona de conforto e ampliando as suas possibilidades. O que você fez nestes últimos anos te aproximou ou te afastou de sua lista de desejos? Meu desafio para você hoje, é que resgate sua lista de desejos e que para cada um, você se pergunte: “Ao invés de esperar o que eu posso oferecer neste ano?” Deixe de esperar saúde e decida o que vai oferecer ao seu corpo para que se sinta mais vivo e saudável. Deixe de esperar dinheiro no bolso e decida o melhor que vai oferecer para ajudar muitas pessoas sendo assim recompensado pelo seu empenho e entrega. Deixe de esperar pela paz e decida oferecer gestos genuínos de tolerância, paciência e gratidão mesmo quando as coisas não saírem do jeito que planejou. Deixe de pedir um grande ou novo amor e decida primeiro ter coragem de se olhar no espelho e oferecer a você mesmo um olhar mais generoso, aceitando suas imperfeições e focando em todas as suas qualidades, dizendo um eu te amo e te aceito, do fundo do coração. Deixe de esperar tanto e decida fazer agora pelo menos uma atitude que vai te aproximar dos seus sonhos. Decida ser um imã que atrai amor, saúde, amizades, prosperidade e bênçãos. Ofereça seu 100% e tenha um 2017 digno de ser relembrado por seus feitos, pois pelo menos você deu o seu melhor. ■

23


DUO HUMOR

Horóscopo e previsão para 2017 da

Madame Concon

Por Drag Conchita* Fotos: Banco de Imagens

O

h meu pai, ajuda este corpo, porque mais um ano chegou cheinho de oportunidades para eu usar, ousar e ahazar, afinal de contas, não tô morta! E nem você meu amor, então força na peruca e vamos para pista, queimar aquela gordurinha extra que você ganhou nas festas de fim de ano, porque verão chegou, a Dengue tá aí, e você já sabe, não pode deixar seus pneuzinhos parados, acumulando água, ou melhor o seu suor #MuitoFranca! Eu avisei que não era para tu comer o peru da

cunhada, nem aquela mortadela com frango da noite de réveillon em balneário, Barra do Sul! Bom, o importante é que você sobreviveu ao sinistro 2016! Então, bora lá fazer aquela mandinga, acender uma vela para cada santo e entidade para garantir que seu 2017 seja um bocadinho melhor, quem sabe você consiga sair do aluguel, comprando um terreninho na invasão, consiga trocar aquele Fuque por uma Brasília ou então garantir aquele amasso com o marido da sua prima! Como eu sou uma pessoa

iluminada, que se apoia na dica da Boticário - #AcrediteNaBeleza - vou te dar uma forcinha e te ajudar a driblar os obstáculos que este seu insensato destino lhe reserva! Para as previsões 2017 consultei o melhor dos oráculos. Sim gente, é uma nova tecnologia inspirada em observar a vida alheia #CuidaDaTuaVida! São Google, que tudo sabe e tudo vê, e São Facebook, o semeador da discórdia! O babado é forte, meu amor, por isso, tome nota, curta, e compartilhe para evitar aquele grr ou dislike! Confira e boa sorte!

ÁRIES: 21 DE MARÇO A 20 DE ABRIL É amiga, seu 2016 foi puxado, não é verdade? Eu avisei que o momento era de empreender e não se prender. Aquela sua ideia de aumentar o orçamento doméstico se arriscando abrindo uma banquinha de jogo do bicho só podia dar merda! E deu né?! A boa notícia é que finalmente você vai conseguir ter a vida livre que tanto sonhou, depois de escapar da cadeia, se passando pela tia Augusta, num dia de visitas. São Google me alerta

que você fez pesquisas de passagens para o Paraguai. Talvez, pra lá da fronteira você consiga encontrar a felicidade: aquele latino caliente, vendedor de água mineral batizada na Ponte da Amizade. É começo de uma nova vida. Você será uma cidadã internacional. #AchoChique! Quem sabe em 2018, uma curtida ajude a expandir os negócios e você e seu futuro affair se tornem perueiros, só depende de vocês! Feed: No que você está pensando? “Como se passar pela tia na cadeia?”

TOURO: DE 21 DE ABRIL A 20 DE MAIO A simplicidade da vida, a ternura e paciência em aceitar a opinião e as limitações do outro definitivamente nunca fizeram parte da sua vida né, amiga teimosa? O egoísmo e o egocentrismo foram palavras que você aprendeu cedinho naquele seu curso de alfabetização por correspondência do Instituto Universal Brasileiro,

lembra? Desde então elas não saem do seu dia a dia, não é verdade? Bom, de lá pra cá muita coisa mudou e o seu materialismo não lhe vale nada, nada. Daqui pra frente, tudo vai ser diferente, você vai aprender a ser gente... #ALoka! Tudo vai acontecer depois que aquela sua amiga hippie lhe convencer a ir ao Piscodália, no Carnaval, em Rio Negrinho. Feed: No que você está pensando? “Quero ir na Psicodália, vamos?”


GÊMEOS: DE 21 DE MAIO A 21 DE JUNHO Colocar a cara no Sol, como dizia a música, não foi uma coisa boa para você em 2016! Toda aquela exposição sem protetor solar, aliada ao recalque das inimigas e uns trabalhos que pedi para uma amiga realizar craquelaram a sua face! Ainda bem que existe Doutor Fritz, e Cicatricure. Em 2017, São Facebook da discórdia, me diz que é melhor você tomar cuidado na hora de curtir aquela foto do ex. A atual não tem gostado nem um pouco disso e está fazendo igual ao Pezão e o Temer: prepara um pacote de maldades para sua pessoa. O lado positivo é que você finalmente vai conseguir sair daquela sua vidinha de vulnerabilidade social, depois que uma enchente destruir seu bairro. A prefeitura vai ter dar um

apartamento em um novo residencial do Minha Casa, Minha Dívida que está sendo construído ali no Centro, do bairro Itinga, de Araquari! Quem sabe em meio a uma nova vizinhança você consiga ser mais amada, ou não! Feed: No que você está pensando? “Se minha curiosidade vai te levar para casa de swing, masoquismo, sexo em lugares públicos, tudo bem. Ninguém paga minhas contas, nem eu!”.

CÂNCER: DE 21 DE JUNHO A 20 DE JULHO 2016 passou e agora é hora de acordar, afinal de contas, você não é mais aquela menina sonhadora da década de 90. O tempo passou e foi triste para você! Também pudera, toda aquela choradeira só poderia acabar em rugas mesmo. Ainda bem que existe Photoshop, suas fotos do Snap que o digam né? #Blutp! Atualizar o perfil também faz bem de vez em quando, e isso pode render novas experiências, meu amor. Mas não adianta colocar aquela foto de menina moça, porque todos já te conhecem bem de perto! #Coragem! Neste novo ano, tente melhorar aquele seu humor, ou melhor, mau humor, no Facebook! Nada de bancar a recalcada dramática. Se seguir todas estas

dicas, um amigo de um amigo em comum pode surgir na sua vida. A princípio você não vai lembrar dele, porque quando você o conheceu, no Chamonix, estava colocada demais! Vai ser um remember com cara de novidade. Capriche! Quem sabe este novo crush possa se tornar romance! Feed: No que você está pensando? “Chamonix, quem lembra?”

LEÃO: DE 21 DE JULHO A 22 DE AGOSTO Eu bem que te avisei para parar de jogar aquela sua juba de um lado para outro, agora ficou com o cabelo igual a uma palha. Ai gata, o pior é que isso só deve piorar depois que aquela cabeleireira do bairro tentar melhorar seu fio com um produto importado. Vais ficar careca! É a sua chance de se sentir igual a Beyoncé, a Ludmila e usar diferentes perucas. Isso vai ajudar a aumentar o número

de seguidores no Instagram. Aproveite para anunciar seus tapewares entre um post e outro e assim garantir um aumento do seu restrito e sofrido orçamento doméstico. Quando sua juba voltar a crescer, lá por outubro ou novembro, comece a usar o bom e velho Kolene. Feed: No que você está pensando? “Preciso parar de jogar o jogo do pacau, esta brincadeira vai acabar mau.”

VIRGEM: DE 22 DE AGOSTO A 22 DE SETEMBRO Toda esta sua frescura tem feito você se passar por trouxa nas redes sociais. Confirmar evento no Facebook e não aparecer tem gerado muitos “UnFollowers” contra sua pessoa, e já que as oportunidades que aparecem na sua insignificante vidinha têm sido mínimas, se confirmar, nada de dar os canos. #ProntoFalei! Amiga, a gente sabe que com

sua cara e seu jeitinho não ta dando para escolher, não! Aceita logo aquela aventura marota naquele motel mais barato da cidade com o boy pé rapado. Só não te esqueças de levar a carteira! #Condições! Ou melhor, #SemCondições!. Feed: No que você está pensando? “Como perder a virgindade com romantismo?”


LIBRA: DE 23 DE SETEMBRO A 22 DE OUTUBRO Acreditar que tudo vai dar certo sempre, até mesmo quando você tem certeza que vai dar merda não funcionou em 2014, 2015, 2016... e não vai ser a melhor opção diante do que 2017 lhe reserva. São Google avisa: pare de ser trouxa, amiga libriana! O que é para dar errado, você não pode consertar. Então #LigaOFo...! #LigaOFogão e tenta a sorte na culinária porque a vida está tão amarga que só um doce para te ajudar. Mas

cuidado para não ganhar aqueles quilinhos a mais e nem envenenar aquela tia diabética. Sabemos que você não gosta muito dela, mas ela sempre te ajuda nas despesas! Pare de vender Jequiti! O povo é caloteiro e você, com toda sua trouxice não consegue cobrar as amigas associadas do Serasa. Vejo prejuízo chegando por aí! Feed: No que você está pensando? “Acabei de fazer, tá uma delícia, quem quer?”

ESCORPIÃO: DE 23 DE OUTUBRO A 21 DE SETEMBRO “Não sei se dou na cara dela ou bato em você...”, Pois é, que bonito, não foi por falta de indiretas nas letras de músicas que suas amigas postaram em seu feed. Elas avisaram que era hora de você parar com estas aventuras extraconjugais. O tanso do seu maridinho resolveu virar ex e te mandou embora de casa com o Ricardão. A coisa está feia, colega! Nem o Minuto do Casamento vai poder resolver sua situação. Com o divórcio você ficará pobre, sem casa e sem o

Ricardão, que já está em outra. Mas tudo pode mudar se você adotar um novo estilo de vida. Troque o sertanejo pelo pagode. Um novo ritmo, uma nova pegada, e você pode aprender novos truques de sedução para, em 2017 fisgar aquele tiozão rico. Pensa em todas as selfs... na limusine, na cobertura, na piscina, na fazenda, no flat... #ArazaBonita! Feed: No que você está pensando? “A gente tem tudo para dar certo, fica comigo...”

SAGITÁRIO: DE 22 DE NOVEMBRO A 21 DE DEZEMBRO 2017 vai ser um ano de desapego na sua vida, especialmente durante as férias. Ao voltar de um passeio no Quiriri você vai encontrar um vazio dentro de casa, depois de um arrombamento. Mas o seu otimismo, seu romantismo, a sede por aventura podem ajudar, quando o pneu da sua moto furar no meio da estrada Rio do Morro e do nada transformar sua aventura de Carnaval. O jeito vai ser improvisar pegando surf no trem. O

problema virá quando tentar fazer uma self no meio do surf #TáLigada? Você vai se desequilibrar e vai cair entre os vagões. Aí vem o segundo momento de desapego do ano. É o fim do seu Iphone 3, pago em 52 sofridas parcelas! Feed: No que você está pensando? “Mas é como dizem por aí, vão-se os Iphones, ficam os Nokias monocromáticos!”

CAPRICÓRNIO: DE 22 DE DEZEMBRO E 20 DE JANEIRO Prazer, seu nome é discórdia! A gente sabe, e em 2016 você fez questão de deixar isso sempre em evidência, não é verdade? É hora de parar de se lamentar, de ser pessimista, avarenta, vingativa e falsiane... enfim, é hora de deixar de ser você! Que tal reencarnar? #Blutp! Faça como a fênix, renasça, transforme seu ser, ainda pode ser nesta vida! Talvez uma mudança de sexo resolva! Tenho uma amiga que fez isso, mas... #DeixaIssoPraLá! Se você se reinventar o amor pode se aproximar. Uma

26

busca no Par Perfeito ou no Tinder pode ser a oportunidade de garantir aquela bimbada no fim de semana. Se aventurar no Vera, Floresta, Diana, Daroká, Dalas ou Bailão do Lourinho pode garantir uns amassos legais. Mas lembre-se, sempre vá com uma roupa e calcinha diferente, afinal, é chato ficar sempre com o mesmo cara no final da noite, e estar com a mesma roupa íntima! Feed: No que você está pensando? “Tenho tudo que amo, porque tenho a mim e não preciso de mais nada.”


AQUÁRIO: DE 21 DE JANEIRO A 19 DE FEVEREIRO O início de um novo ano, de um novo ciclo, também é um momento para fazermos uma retrospectiva de vida. Você já percebeu pelo seu #yearinreview2016 que todos aqueles bofes que você adicionou no Instagram e Facebook só serviram para fazer volume? Afinal de contas, eles nunca te responderam, nem deram um like se quer. Começar um inbox com um ex dizendo “Oi, sumido”, também não é legal! Utilize São Google para procurar acompanhantes, assim você resolve sua carência e pode ter a chance de fisgar quem sempre sonhou. Quem sabe

você não vire gigolô, ops, empresária, #AchoDigno! Facebook me revela que sua ostentação poderá atrair likes de invejosas de plantão. Por isso, nada de postar fotos maravilhosas do verão lá na badalada praia da Vigorelli, nem compartilhe fotos da bandeja de 30 salgadinhos que você ganhou compartilhando o banner da promoção! Um mal olhado pode atrair muita negatividade desnecessária, e você sabe que não tá podendo arriscar, né! Feed: No que você está pensando? “Xi... vai faltar caracteres.”■

PEIXES: DE 20 DE FEVEREIROS A 20 DE MARÇO Um ano novinho cheio de possibilidades já chegou e você ainda fica nestes devaneios. O que lhe adianta esta vida mística, tantos incensos e frases de sabedoria, se na hora do vamos ver você só trabalha no esquema tiro, porrada e bomba? Google alerta: pare de fazer pesquisas de como encontrar a felicidade e comece uma novena. Quem sabe com fé, aquele tão esperado

boy magia apareça para mudar a sua vida. A fé até move montanhas, mas não vai fazer você emagrecer. Você precisa se mover, que tal acordar três horas mais cedo e ir para o serviço a pé? São só 30 quilômetros que podem transformar a sua vida! Fica a Dica! Feed: No que você está pensando? “É hora de mudar, partiu #Corridinha!”

Bom crianças, é isso, viu! Que 2017 seja cheio o oportunidades, momentos infinitos de felicidade, sabedoria e muito dinheiro no bolso… para mim, né! Porque para você, o dinheiro para a condução e o vip para a balada de domingo já basta, né! #MuitoFranca!

*crônica elaborada a partir de inspirações em textos publicados em site de humor na Internet. As previsões descritas e as características dos signos são fictícias e nada tem a ver com a realidade. *Drag Conchita é jornalista, animadora, produtora cultural e maquiadora. Atriz performática que há 13 anos trabalha com telegramas animados em casamentos, chás, despedidas de solteiros, festas, formaturas, eventos corporativos e caracterizações, além de shows em boates de todo o Sul e Sudeste do Brasil.

Contatos: E-mail: dragconchita@gmail.com Skype: DragConchita Twitter: @dragconchita Facebook: Drag Conchita Pradinha e Drag Conchita Eventos Youtube: youtube.com/dragconchita Concha’s fone: 47/98873-9960 e 47/99615-1260 “Porque se a vida é uma festa, com a Drag Conchita ela se torna inesquecível!”

27


PUBLIEDITORIAL

Um espaço completo para sua beleza O Espaço Prime além dos já famosos serviços de estética, também oferece toda a linha de tratamentos para a beleza, de nail bar e serviços de cabelo ao dia de noiva. Por Tabata Kadur Fotos: Leandro Soares e Divulgação

Q

ue o Espaço Prime é um sucesso em Joinville, não é novidade. O que ainda muita gente não sabe é que além de todos os tratamentos e cuidados de estética facial e corporal, a clínica uniu há algum tempo o útil ao agradável. Hoje o espaço conta com uma diversidade de serviços de

28

beleza, para o conforto e comodidade de seus clientes. A todos aqueles que sonham em ter um lugar onde encontrar da massagem ao corte de cabelo, com um bistrô delicioso e o atendimento diferenciado, o Espaço Prime está pronto para recebê-los. A proprietária Sandra Martins Garcia conta que após trabalhar

10 anos como esteticista, com o nascimento do segundo filho, decidiu que era o momento de dar um tempo a rotina agitada da profissão. Depois de alguns anos, sentiu que estava pronta para voltar ao mercado de trabalho. “Há quatro anos retomei os negócios, e decidi abrir o Espaço Prime. Comecei com a clínica de


estética, mas o espaço era grande e pensei no que mais eu poderia oferecer”, explica a empresária. Inaugurado em outubro de 2013, o Espaço Prime, anteriormente Clínica Prime, se fortaleceu no mercado de Joinville, tornando-se referência no que há que mais novo em estética. Depois de algumas modificações na estrutura da empresa e partindo da necessidade e demanda do público que frequenta a clínica, Sandra e sua equipe deram formato ao salão de beleza inovador e aconchegante que existe hoje. Contando com uma moderna esmalteria, em estilo Nail Bar, todo o salão foi pensado para atender com máxima qualidade e conforto. “Prezamos muito por qualidade, bem-estar e bom atendimento, além de todos os profissionais qualificados em suas áreas de atuação”, afirma Sandra. O Espaço Prime funciona de segunda-feira a sábado, sendo este grande diferencial para quem procura atendimento no início da semana.

faciais e corporais, como: todos os tipos de massagens, drenagem linfática, terapias com pedras quentes, radiofrequência, luz pulsada, Power Shape, tratamentos específicos para estrias, flacidez e celulite, depilação a laser, Carboxiterapia, Criolipólise, Bumbum na lua, bronzeamento, entre outros. Além disso, conta com uma equipe especializada em cuidar da beleza de seus clientes, oferecendo todos os serviços de manicure e pedicure, maquiagem, assim como tratamentos e técnicas de corte, química, penteados e hidratação para os cabelos. O salão também oferece tudo o que compõe o dia da noiva, tornando este momento ainda mais especial com sala exclusiva e atendimento diferenciado. A equipe que também atende formandas e pacotes especias, conta hoje com 13 colaboradores entre fisioterapeutas, cabeleireiros e manicures. Atualmente o espaço gastronômico dispões de um café que oferece quitutes doces, salgados e bebidas diversas para os clientes degustarem enquanto realizam os serviços ofertados.■

“A caminhada para chegar onde estamos hoje foi longa. Vão fazer quatro anos, de muito trabalho e dedicação”.

SERVIÇOS OFERECIDOS O Espaço Prime oferece tudo o que envolve tratamentos estéticos

ESPAÇO PRIME Av. Marquês de Olinda, 550 47 3227-7511 47 99726-6446 www.espacoprimejoinville.com.br /espacoprimejoinville @espacoprimejlle

29


MATÉRIA PRINCIPAL

Ano novo, vida nova! Por Ana Paula Padilha Fotos: Arquivo Pessoal e Banco de Imagens

N

ão é muito difícil encontrar quem esteja insatisfeito com sua vida profissional ou pessoal. Principalmente os dois últimos anos de crise trouxeram desafios ainda maiores para a população em geral. Mas mesmo em meio a dificuldade econômica do país, há quem se destaque por fazer diferente e correr atrás dos seus sonhos. Pensando em inspirar o nosso leitor a correr atrás do que lhe faz bem, trouxemos quatro histórias de pessoas que mudaram radicalmente de vida, provando mais uma vez, que somos capazes de tudo. Leia, inspire-se, planeje e faça acontecer!

VIVENDO MUNDO AFORA O principal motivo, primeiro e mais importante de todos, para ir fazer uma longa viagem pelo mundo é ter a vontade de ir. Mas para fazer uma longa viagem, deixar trabalho, casa, amigos e parentes para trás, vale a pena saber como

30

você vai pagar por ela. Essas são questões que o casal Otaviano Oliveira, de 30 anos e Vanessa Corrêa, de 27 anos, tiraram de letra com muito planejamento. Ele que era administrador e ela servidora pública municipal estavam há dois anos em busca de algo novo em suas vidas e alguma forma de empreender que trouxesse mais satisfação, tanto pessoal quanto profissional. O casal cogitou até abrir um camping já que sempre adoraram o contato com a natureza e o desapego. “Foi quando em um momento aleatório nos deparamos com a possibilidade de viajar o mundo, e trabalhar ao mesmo tempo, da estrada. A rotina administrativa apesar de nos trazer uma certa estabilidade, não nos completava por inteiros. Dentro de nós

havia o sentimento de que faltava algo, de que lá fora do escritório havia muito mais a ser explorado, e estávamos presos ali, a uma rotina diária que limitava nossa criatividade e a possibilidade de explorar novos horizontes”, relatam os viajantes. Mas para colocar o sonho nômade em prática, foram dois anos de muito planejamento, principalmente financeiro, de viabilizar esse projeto. “Estudamos bastante todas as possibilidades e nos preparamos ao máximo para o que estava por vir, o planejamento minucioso seguido de bastante trabalho assim que caímos na estrada para colocar todos os planos em prática, foi o que nos trouxe a segurança para arriscar, e viver o nosso sonho”, explica o casal que tomou a decisão no dia 11/01/2014 e partiu para essa


Vivendo mundo afora

aventura em 21/01/2016. Há pouco mais de um ano vivendo na estrada, Otaviano e Vanessa já têm muita história para contar e sentem as principais diferenças entre a vida que levavam em Joinville e a vida que levam agora. Liberdade de escolhas, fazer o próprio horário e ter a liberdade de fazer as coisas do jeito que se acredita ser a melhor opção são apenas alguns pontos positivos que o canal pontua. Para pagar a viagem, os dois saíram de Joinville com uma quantia de 30 mil reais levantada ao longo dos anos que a princípio pagaria a futura casa do casal. Para fazer mais dinheiro, o casal se tornou o que eles chama de Nômades Digitais. “Hoje somos produtores de conteúdo para a internet e temos como principal foco de trabalho, o nosso canal no YouTube que se chama Vivendo Mundo Afora e já conta com mais de 60 mil aventureiros e 5 milhões de visualizações”, contam. A princípio, o casal já não pensa mais em estabelecer residência fixa. “Temos a certeza de termos tomado a decisão certa, estamos muito felizes com a vida que estamos

levando. Já está nos planos uma segunda volta ao mundo, ter filhos na estrada, e empreender em cima de tudo isso. É claro que nunca sabemos o dia de amanhã, mas por hora, isso é o que nos motiva”. Para quem está passando por uma situação semelhante que sente a necessidade de mudança na vida, mas tem medo de encarar as consequências, o casal viajante deixa o recado: “Invista em planejamento. Planeje a mudança e vá em busca dela! Acredite no seu sonho, seja ele qual for. Com força de vontade e determinação, tudo pode ser possível”, aconselham.

profissão por falta de perspectiva de crescimento na carreira escolhida e agora é agente de viagens. “Meu último trabalho antes de foi como estagiária em Marketing Digital. Eu gostava do que fazia, pois os resultados eram mensuráveis e foi notável o crescimento da empresa após a minha entrada, apesar de ter ficado somente seis meses estagiando. A minha única infelicidade era estar em um curso que não traria bons salários. Talvez mais tarde, mas eu não conseguia visualizar isso na época”, relembra. Na época, Mailin já organizava excursões como hobby, e uma dessas viagens rendeu o equivalente a 10 meses de trabalho como estagiária ou sete meses e meio como uma profissional registrada em período integral. Foi então que ela percebeu que não haveria aumento significativo permanecendo oito horas dentro de uma empresa, se dedicando 100% e visualizou uma chance de levar seu negócio ainda amador para um nível profissional, considerando que os ganhos eram exponencialmente maiores.

MUDANÇA DE CARREIRA O desejo de ir para outra área, porém, não significa que se fez uma escolha errada no passado. Pode ser uma mudança nas prioridades da vida. Os anos de experiência em uma área podem servir para encurtar caminhos na nova carreira. É o caso de Mailin Reinert, de 33 anos que estudou Publicidade e Propaganda, mas resolveu investir em uma nova

Mudando de Carreira


É claro que existem os desafios de um processo de mudança e Mailin explica que no começo teve boas noites de insônia pensando na obrigação de se sustentar, pagar faculdade e contas sem ter uma renda fixa. “Nos dois primeiros anos eu sentia medo de não conseguir ter público para as excursões e volta e meia tinha alguns prejuízos devido ao estoque de ingressos que não era vendido. A segurança veio lá pelo terceiro ano somente e hoje não há mais preocupação, pois atendo passageiros de dezenas cidades de SC, PR e até do RS”, conta. Seis anos depois do grande passo que Mailin tomou, a agente de viagens tem uma vida estável e com fluxo de caixa considerável para atender grandes eventos, diferentemente do início. Mailin trabalha sozinha, contando somente com fornecedores para transporte dos passageiros e guias terceirizados. “Mesmo com o término de muitas grandes bandas internacionais, sempre surgem novas bandas e sempre há público para tudo, tanto que por ano, em média, viajam de 1400 a 1600 passageiros. Sempre haverá público para viajar nas excursões”. Com resultados financeiros bem favoráveis, vêm grandes

responsabilidades, que fazem a político-econômica do Brasil. empreendedora trabalhar muitas “Como eu já conhecia bastante vezes de 15 a 18h por dia. Mas sobre a Irlanda, e já sabia dos procemesmo com a carga alta de trabalho, dimentos para imigrar, acabamos Mailin faz o que gosta e diz que não decidindo vir e conhecer como era tem previsão de encerrar as ativi- a vida por aqui, em questões como dades tão cedo. “Acredito que toda trabalho, segurança, etc. Acabamos mudança causa medo, insegurança gostando bastante, e, como meu e sempre dá vontade de desistir. Mas, marido possui dupla cidadania quem tem sucesso, sempre teve (ítalo-brasileiro), decidimos ficar de uma longa caminhada para chegar vez”, conta. Embora o casal esteja muito feliz até onde chegou. Nada vem fácil. com essa nova fase E claro, toda a dedida vida, o processo cação numa mudança Morar em de mudança foi assim, o retorno virá outro país é bastante difícil, diretamente para você, não para o seu patrão uma constante principalmente pela saudade da família ou empresa da qual faz adaptação, e amigos que parte”, reflete. afinal é um ficaram no Brasil. MORANDO EM país totalmente Morar em outro OUTRO PAÍS novo, com outra país é uma consadaptação, cultura, outro tante Mudar de cidade afinal é um país idioma, outros totalmente novo, ou de país é meta de valores e todo com outra cultura, vida de muita gente, mas a burocracia dia é necessário outro idioma, outros envolvida às vezes e todo aprender algo valores se torna uma barreira dia é necessário novo. para esse sonho. aprender algo novo. A publicitária de “Isso pode ser um 25 anos, Debora Bertling não se pouco complicado e cansativo no deixou intimidar por isso. Ela e o começo. Muitas vezes senti falta de marido estavam descontentes com poder resolver questões básicas do seus empregos e a atual situação dia-a-dia em português (risos)”. Morando em outro país

32


Morando há 15 meses na Irlanda, a publicitária conta que as diferenças entre Dublin e Joinville são muitas e enfatiza a segurança e a qualidade de vida. “Dublin é uma cidade aproximadamente três vezes maior que Joinville, é a capital do país e cheia de turistas o ano todo, e mesmo assim você consegue andar tranquilo na rua em qualquer hora e sem sentir medo. Outra diferença é o transporte público que é acessível a todos, você paga apenas pelo trecho que anda, todos os ônibus possuem wi-fi, local para cadeirantes, local para bagagens, e é utilizado por todas as classes, desde o estudante até o executivo. Outra diferença bem marcante é a diversidade da população, você escuta vários idiomas na rua e vê pessoas de várias nacionalidades. Por fim, a vida cultural e de entretenimento, Dublin tem muitas opções de pubs, teatros, concertos, vários shows durante o ano, exposições de arte, esportes, festivais de música e de gastronomia, enfim, você sempre tem alguma programação disponível para todos os interesses”, explica. Apesar das dificuldades de estar em um país novo, todas as experiências contribuem para um amadurecimento e autoconhecimento. “Parece que já vivi uns cinco anos nesses 15 meses”, diz Débora que também pensa no âmbito profissional que essa mudança proporcionou, de avaliar a profissão e o que ela espera para o futuro. “Tenho conhecido novas possibilidades que me fazem querer deixar a publicidade e a função de Mídia Planner no passado”, relata Débora que no momento está se dedicando apenas a cursos e ao aprendizado do inglês e italiano.

DONO DO PRÓPRIO NEGÓCIO Com 37 anos, Marcelo Kobe tem uma história de sucesso e superação profissional. Há quatro anos trabalhava em uma empresa que organiza feiras de negócios

Dono do próprio negócio


internacionais. Já ocupava o cargo por oito anos fazendo o marketing e organizando a ExpoGestão. “Nesse tempo, eu ocupei alguns cargos na Acij e na Acij Jovem onde fui diretor de Marketing e cheguei a vice-presidente. Minha vida era muito corrida, era evento atrás de evento, reunião atrás de reunião, projetos e mais projetos e eu não conseguia mais ter a minha própria vida, do jeito que eu queria ter”, relembra. Foi então que o profissional começou a se questionar sobre o que estava fazendo de sua vida e onde tudo aquilo se encaixava com o que ele realmente queria. “Em um belo dia eu chego na empresa olho para o lado e vejo o proprietário da empresa e pensei que aquela cadeira era onde eu poderia chegar. Foi quando eu percebi que ali já não era mais o meu lugar porque naquela cadeira eu nunca ia chegar, não por falta de competência, mas por falta de oportunidades que a empresa oferecia. E pensei “por que usar toda a minha competência, habilidades, vontade de fazer acontecer para os Dono do próprio negócio

34

outros ganharem dinheiro?”, conta. Faz quatro anos que Marcelo saiu, mas segundo ele, a mudança mais importante foi de saber o seu propósito de vida nesse planeta e como poderia se sentir útil e realizado. “Foi em um momento mágico onde eu não esperava por isso. Fui a noite com uma lanterna fazer uma trilha para chegar na ponta de uma montanha e poder ver a lua nascer. Era lua cheia e ela nasceu em alto mar atrás de uma ilha próxima da praia onde eu estava. Enquanto ela não vinha, eu ficava refletindo tudo que estava acontecendo comigo e como ser eu mesmo na minha essência. A lua começou a aparecer e quando ela ficou gigante na minha frente foi onde eu tive a “eureka” e percebi o que eu precisava fazer da minha vida - Inspirar as pessoas a serem suas próprias ferramentas de transformação para serem felizes de fato”. Hoje Marcelo é empreendedor e atua como Coach para empreendedores e para quem busca qualidade de vida. “Ajudo as pessoas

a iniciarem no empreendedorismo, seja um jovem saindo da faculdade até um grande executivo que pretende ter seu próprio negócio. Sabemos das dificuldades de ser empreendedor no Brasil, mas com as técnicas do coaching, minimizamos medos, dúvidas, trabalhamos o autoconhecimento e esse caminho fica mais claro e prazeroso”, explica. Para Marcelo, sair da zona de conforto é um momento muito complexo, de muitas dúvidas, medos e inseguranças. “Não é fácil, nos apegamos a ditados populares, a crenças, a necessidade de aprovação da sociedade, o que vão pensar, “e se não der certo”… mas o grande lance é que se você se respeita e sabe o porque de acordar todo dia, as coisas acontecem. O importante nesse momento é tentar se ver em que situação está e como fazer esse processo de mudança de uma forma sadia. Complicamos demais muitas coisas em nossas vidas. Mas se tivermos humildade e coragem, conseguimos tudo”, reflete. ■


DUO MODA

MODA DE BRECHÓ:

o antigo que virou novidade Imagine encontrar um vestidinho por 10 reais ou um óculos vintage incrível? Ir ao brechó pode ser, além de econômico, muito divertido. Veja algumas dicas para te ajudar a garimpar! Por Yasmim Fassbinder Fotos: Banco de imagens

A

cada dia que passa vamos procurando alternativas mais conscientes e, claro, mais baratas para o consumo. Em contramão ao Fast Fashion, o consumo incessante em que vivemos hoje em dia, onde a indústria produz e entrega novas coleções às lojas a cada semana, o termo Slow fashion vem surgindo e tomando cada vez mais força. A “moda lenta”, na tradução literal, prega o consumo mais consciente, a durabilidade das peças, não só

36

pela qualidade mas também por uma modelagem mais clássica e menos “modinha”. Com essa nova tendência, as costureiras voltaram a ser procuradas não só para consertar, mas também para produzir novas peças, as feiras de trocas e bazares estão super em alta e, claro, os brechós cresceram e muito. E é exatamente sobre eles que vamos falar hoje, como fazer uma aquisição incrível e não se perder nessa viagem ao tempo que é entrar em brechós.


QUASE NOVO

PORQUE COMPRAR EM BRECHÓS

Primeiro, você pode encontrar peças exclusivas, que provavelmente não estão mais disponíveis em nenhum outro lugar. Segundo, como a moda vive em ciclos, tudo sempre volta a ser usado em algum momento, e não há lugar melhor para encontrar tesouros do que em um brechó. E, por fim, roupas usadas têm história, e isso é o que eu acho mais legal em comprar peças antigas. Já imaginou usar um vestido que já pertenceu à alguma pessoa famosa, ou que foi usado em um jantar importante, como um noivado? Colocar etiquetas com um pouquinho da história da peça é uma prática que vários brechós vem adotando para atribuir uma conexão emocional entre os clientes. Pra começar a sua jornada é importante saber que existem tipos de brechós. Os maiores e mais conhecidos, que investem mais na curadoria das peças, costumam ter peças de marcas mais famosas, mas consequentemente, são bem mais caros. Se sua intenção é realmente economizar, prefira brechózinhos mais escondidos e bazares de igreja. Algumas lojas são mais organizadas que as outras, mas na

maioria das vezes as peças ficam todas misturadas ou separadas só por sexo e estação. O ideal é ir primeiro em lojas mais organizadas, assim você vai pegando o jeito para “garimpar”. E aliás, garimpar é extremamente divertido! Imagine você lá revirando as araras e no meio de várias peças acabar encontrando um vestido incrível por uma bagatela de R$10? Ou, melhor ainda, um Chanel Vintage por um preço bem legal? É basicamente como brincar de caça ao tesouro. Sempre experimente as peças. Não confie no tamanho da etiqueta. Por serem peças usadas, elas podem ter encolhido ou esticado com a lavagem, então é sempre bom experimentar ainda na loja pra ter certeza que é mesmo o seu tamanho. E, claro, lave as peças antes de usar. Mesmo que a maioria dos brechós lave e tire manchas das peças antes de colocar em exposição, nunca se sabe a quanto tempo ela está ali, quem provou e tudo mais, então o ideal é sempre lavar antes de sair usando a peça nova. E ah, não esqueça de olhar as instruções de lavagem: a maioria das peças mais antigas, principalmente casacos, exigem um cuidado especial.

Não é só de “roupa velha” que se faz um brechó. Você pode encontrar também coisas novas, ainda com etiqueta original, um presente que alguém ganhou e não gostou, mas que é a sua cara, por uma média de 40-60% mais em conta que peças novas. E também, não são só roupas que você vai encontrar lá. A maioria dos brechós vende acessórios, óculos vintage incríveis, bolsas em ótimo estado, sapatos pouquíssimos usados, livros e até mesmo móveis e objetos de decoração antigos. Dá pra achar de tudo um pouco. Por fim, saiba que ir ao brechó é um exercício de muita “bateção de perna” e você pode levar horas até encontrar aquela peça incrível. Então vá com paciência, uma roupa confortável e estabeleça um orçamento e uma ideia do que você quer antes de sair de casa, assim você corre menos risco de comprar algo no impulso e se arrepender depois.■ Prontas para mergulhar nesse universo incrível?

37


MAKE

Mais brilho e cintilância, por favor!

Foto: Banco de Imagens

Paula Bernardes

Com o carnaval se aproximando, trazemos a maior tendência em maquiagem do ano, que tudo tem a ver com as festas de fevereiro.

A

cintilância e o brilho voltaram com tudo na maquiagem. Desde a mais básica até a mais elaborada, para ocasiões formais e informais, cada vez mais produtos com esse tipo de acabamento vão sendo lançados pelas marcas e vão aparecendo nas lojas. Se antes o brilho era tabu para as makes mais refinadas, agora não é mais e está liberado. Se você optar por mais ou menos cor, ou brilho, vai depender de sua personalidade.

38

E se a cintilância vai ser usada no dia a dia, então agora imagine no Carnaval? Você vai poder usar e abusar dessa tendência, sem medo. Essa época de festas pelo Brasil, é sempre conhecida pelo excesso de brilho, cores fortes e misturadas, tudo exagerado. Esse ano não vai ser diferente. Você já deve estar acostumada a ouvir que na make você escolhe entre boca tudo e olho nada, ou boca nada e olho tudo. Mas nas festas de Carnaval você

pode tudo, e de tudo! Brilho no olho, cílios gigantes, cintilância na boca, cabelo colorido. A cada dia surgem mais produtos diferentes no mercado, desde sombras coloridas e 3D, delineador tradicional colorido, cílios grandes e com cor… As opções são infinitas. Já não é mais difícil encontrar produtos para ousar nas produções. E produtos que mesmo em cores você consegue adaptar e usá-los depois, deixando de ser um investimento somente para as festas de fevereiro. Existem muitos tutoriais de make colorida de muito bom gosto, encontre seu estilo e se jogue sem medo de ser feliz. O bom do Carnaval é que está tudo permitido. Minha orientação é que você dê atenção para uma paleta com cores que combinem entre si e com seu tom de pele. Boa festa!■


WINTER

2017

ASSISTA AO FASHION FILM

2017


2017

WWW. UNDONE. COM. BR

ASSISTA AO FASHION FILM

undonejeans

undonejeans


DUO SABORES

É tempo de… Frutos do mar! Por Tabata Kadur Fotos: Banco de imagens e Divulgação


C

amarão, lula, polvo, mariscos, ostras, peixes e tantas outras iguarias. É tempo de se deliciar com todos os frutos que o mar pode oferecer. No verão, a ingestão destes alimentos aumenta pela diversidade e quantidade de produtos frescos que se encontram em nosso litoral. Além de ser leve e facilitar nossa digestão, o consumo de peixes e outros alimentos provenientes de águas salgadas são ricos em vitaminas, ômega 3 e excelentes fontes de proteína. Os benefícios do consumo desses frutos não param por aí. Sabe-se que eles fortalecem o sistema imunológico, previnem contra uma série de doenças, contribuem para reduzir os níveis de colesterol, diminuem as chances de depressão e diabetes e auxiliam na formação dos músculos. Mas, para que todas essas vantagens sejam efetivas, é preciso seguir uma dieta equilibrada e não descuidar da saúde. Além disso, alguns cuidados precisam ser tomados. Boa parte de nosso país tem a costa marítima banhada pelo Oceano Atlântico, o que nos faz consumidores assíduos de peixes. Porém, em média 3% da população brasileira apresenta alergia ao consumo de frutos do mar. Algumas substâncias encontradas em camarões, lulas e mexilhões também estão presentes nos ácaros. Logo, quem tem reações alérgicas à poeira está mais predisposto a ter alergia a esses alimentos. Além de fazer bem para saúde, os frutos do mar também são responsáveis por uma parcela da renda e economia de nosso estado. Até mesmo Joinville, conta com esse nicho de comércio. Temos alguns restaurantes famosos aqui e fora da cidade, atraindo visitantes dos estados vizinhos e até de regiões mais distantes. Nomes como Restaurante e Petisqueira Polinésia (antigo Petisqueira Pinheiro), Restaurante Pedrinni, Restaurante do Paulinho e Villa Pescara são alguns dos responsáveis pelo reconhecimento deste tipo de gastronomia e por servirem diversas iguarias marinhas de nossa região.

45


PORTA DO MAR Inaugurado em junho de 2014, o Parque Porta do Mar Marino de Oliveira, é um dos grandes atrativos de lazer para quem busca se deliciar com a gastronomia do bairro Espinheiros, na orla da lagoa do Saguaçu. O espaço conta com um trapiche de 126 metros, permitindo que embarcações atraquem no local, além de duas praças para passeios, uma com um deck e outra com aparelhos de ginástica para a terceira idade. O projeto visava atrair ainda mais os joinvilenses e turistas para a região da Bacia do Prata, responsável por abrigar mais de 10 restaurantes e bares, que servem, sobretudo, os frutos do mar. O nome do parque homenageou Marino de Oliveira, pescador e morador do Espinheiros que cresceu junto com a região, e tinha como sonho ver o bairro progredir. Infelizmente ele faleceu antes da inauguração do Porta do Mar, mas deixou filhos e netos que puderam representá-lo e usufruir do parque. Se você procura opções leves e saborosas para se deliciar na melhor época do ano, os frutos do mar estão com tudo. Em Joinville ou em nosso litoral, dê preferência às opções da estação. Caso as preparações sejam em casa, procure sempre comprar os alimentos frescos e com procedência. As combinações são diversas e um bom vinho branco pode realçar o sabor de seu peixe preferido. Mãos à obra.■

46

DICA DE ESPECIALISTAS A nutiricionista Catarina Rizzi Rosar explica que os peixes são alimentos fonte de inúmeros nutrientes, dentre eles proteínas de alta qualidade, minerais como cálcio e fósforo, essenciais a saúde dos ossos, e o famoso ômega 3, que é um importante aliado dos sistemas nervoso central e circulatório. “Mas cuidado, não são todos os peixes ricos nesse ácido graxo (ômega 3), os principais são a cavala, a anchova, o arenque, a sardinha e o salmão. Opte sempre por peixes frescos e para isso fique atento à sazonalidade. Caso não seja possível, os peixes ultracongelados podem ser também uma boa opção. Preste atenção ao modo de preparo, evitando sempre as frituras e explorando a vontade as preparações cozidas, escalfadas, assadas e grelhadas. Cuidado com os molhos e acompanhamentos pesados e bom apetite”, explica a profissional.


CASE DE SUCESSO

INSPIRAÇÃO

que vem do mar. É do mar que o senhor Osmar Neckel e a senhora Guisela Neckel tiram seu sustento. A frente do Restaurante e Petisqueira Polinésia, o casal que trabalha há 50 anos administrando um negócio, conta o segredo do sucesso. Por Ana Paula Padilha Fotos: Leandro Soares e Divulgação

F

rutos do mar é a praia de Osmar e Guisela Neckel. Ambos com 75 anos, nasceram na década de 40 em Trombudo Central e se casaram nos anos 60. Estabeleceram residência em Joinville e antes de abrir o atual Restaurante e Petisqueira Polinésia, escreveram uma história de muita perseverança com final de sucesso. Hoje a família cresceu. São duas filhas, dois genros e cinco netas que vivenciaram e acompanharam de perto toda a caminhada do casal.


GOSTO POR FRUTOS DO MAR Osmar começou a trabalhar aos 15 anos, como balconista de armazém em sua cidade natal. Nas férias anuais, ele sempre visitava a sua madrinha que morava em Itajaí, onde passava um mês se fartando de frutos do mar. Essa rotina durou cerca de cinco anos, até chegar o momento de servir o exército brasileiro. Foi então que saiu de Santa Catarina para morar no Rio de Janeiro. A vida mudou, mas o gosto pelos frutos do mar não. Na época, suas tias costumavam comprar mariscos e ostras nas praias de Ipanema e Leblon. Ao se apresentar como soldado voluntário do batalhão Suez, Osmar foi enviado pelo Exército Brasileiro ao Oriente Médio como parte das Forças de Paz da ONU no conflito existente entre o Estado de Israel, o Egito, e seus vizinhos árabes. “Descobri que lá eu também poderia satisfazer a minha vontade de comer frutos do mar. Lá no deserto, uma vez por semana, chegava um caminhão que nos levava para tomar banho em Gaza e eu descobri que naquelas pedras do mar mediterrâneo também tinham mariscos e ostras e eu trazia e cozinhava no quartel”, relembra contando que isso durou um ano.

PRIMEIRO RESTAURANTE Com o dinheiro que ganhou no Exército, Osmar comprou um bar em Niterói, chamado Café e bar Europeu Ltda. e decidiu transformá-lo em bar de frutos do mar. “O negócio foi um sucesso, mas entre idas e vindas entre Trombudo Central e Rio de Janeiro e o meu noivado com a Guisela, decidi vender o bar e voltar para minha cidade”, conta Osmar. Nesse meio tempo, o jovem esteve

em Joinville para visitar uma irmã que falou de um bar que estava a venda na cidade. Com dinheiro emprestado de um tio, em 1963, Osmar comprou o Bar Pinheiro, localizado na rua Santa Catarina, no bairro Floresta. Junto com a compra, o casal resolveu trocar alianças e começar uma nova etapa da vida. Guisela assumiu o controle da cozinha e Osmar a administração e juntos fizeram o negócio prosperar. “Foi uma época muito boa para os negócios. Existiam muitas famílias ricas na cidade que frequentavam o bar”, relembra. O sucesso foi tanto, que oito anos depois, em 1971, o estabelecimento já era pequeno para acomodar a vasta clientela e o casal decidiu alugar um espaço maior no Centro de Joinville e inaugurar o Restaurante e Petisqueira Pinheiro. “Ficava localizado no encontro da rua Rio Branco com a 7 de Setembro. Foi um ‘boom’ tanto em Joinville quanto no norte do estado porque não existia outro restaurante com frutos do mar movimentado e com tanta variedade no cardápio”, conta orgulhoso o casal que levou o negócio até 2006.

POLINÉSIA Depois de quase 45 anos em Joinville, o casal viveu uma experiência inusitada. No ano de 2006, Osmar e Guisela decidiram ir em um casamento de um familiar no Paraná. Guisela foi ao shopping e lá participou de uma promoção que ganhava um cupom a cada determinado número de compras e o prêmio seria nada mais, nada menos que uma viagem à Polinésia com acompanhante e tudo pago. Foi então que Guisela depositou na urna, além dos dois cupons, muita esperança de que ganharia o prêmio. “Esse prêmio já é meu”, disse em voz alta no momento.

Alguns dias depois do ocorrido o telefone da casa de Osmar e Guisela toca trazendo boas notícias. Ela tinha sido sorteada junto com outras nove pessoas e para ganhar de fato a viagem, era preciso acertar um número aproximado de quantas bolinhas existiam numa redoma de vidro que estava lá no shopping. “Voltamos ao Paraná, meu sobrinho que é arquiteto, fez inúmeros cálculos e disse que não podia ter mais que 800 bolinhas naquele vidro, mas o número 1025 veio a minha mente e não saiu mais da minha cabeça”, relembra. Dona Guisela estava mais que certa. No momento da revelação de quem havia acertado o número

49


CASE DE SUCESSO

Osmar e Guisela apostam nas vendas de sucos provenientes de frutos da região, colhidos por eles, como o inusitado suco de butiá.

de bolinhas naquele recipiente, foi ela quem se aproximou mais do número exato de 1018 bolinhas. O casal então arrumou as malas e embarcou rumo à Polinésia Francesa. Lá onde o azul do mar é tão nítido quanto o céu, a inspiração tomou conta de Dona Guisela mais uma vez e a ideia de abrir um restaurante inspirado naquele lugar tão lindo logo surgiu. “Me veio uma luz muito forte e eu acredito que

50

foi Deus que falou comigo naquele momento. Comentei com o Osmar: vamos abrir um restaurante inspirado nesse lugar lá em Joinville?”, perguntou ao marido na época, que aceitou a ideia de imediato. Foram nove meses de trabalho árduo para construir o empreendimento no Bairro Espinheiros onde está localizado o Polinésia, conquistar o alvará e finalmente abrir as portas. Mas o esforço do casal

valeu a pena e hoje o restaurante localizado sob um belíssimo lago e uma propriedade rodeada de natureza, pode ser considerado um dos pioneiros em rodízio de frutos do mar a nível nacional. “Fizemos tudo com muito amor, dedicação e esforço. Graças a Deus, mesmo em épocas de crise, nosso empreendimento continua dando frutos e garantindo o nosso sustento, temos orgulho do que construímos”, declara o casal.■


e réplicas de animais marítimos também lembra muito os lugares que visitamos por lá, mas o lustre e as cortinas de conchas que temos no ambiente principal foi trazido de Porto de Galinhas, aqui no Brasil.

CURIOSIDADES SOBRE O CASAL E O RESTAURANTE Duo - Qual o segredo do cardápio especial? Nós plantamos muito do que usamos na cozinha. Parte da propriedade está reservada para o plantio de morangos, alface, couve, cebolinha, salsa, alfavaca e muito mais. Os produtos orgânicos acabam contribuindo para o sabor mais natural dos preparos. Duo - A decoração do restaurante foi inspirada na Polinésia, contem um pouco mais sobre isso. Fizemos a entrada do restaurante muito parecida com a entrada de um restaurante que visitamos na Polinésia. A decoração com conchas

Duo - A que vocês atribuem o sucesso do restaurante? Nós priorizamos muito um tripé de base para trabalhar: funcionário, fornecedor e clientes. Nesses mais de 50 anos de trabalho como Petisqueira Pinheiro ou como Polinésia, nós sempre valorizamos as relações entre o restaurante e os fornecedores e nossos funcionários, que ficam conosco durante muito tempo. Os nossos clientes são prioridade, então acaba que essa relação duradoura também acontece entre a gente e a clientela. Duo - Que conselho o casal daria a quem gostaria de empreender? Persistência. A gente costuma dizer que não adianta investir em um objetivo e depois de um tempo, desistir e começar outra coisa. Muitos recomeços acabam atrapalhando o seu objetivo final, então nosso conselho é: persevere naquilo que você acredita e faça acontecer.

Endereço: Rua Pref. Baltazar Buschle, 3537 Espinheiros, Joinville - SC, 89228-002 Telefone: (47) 3432-9371 Horário: 11h30–14h30, 18h30–23h00 E-mail: restaurante@pinheiropolinesia.com.br Site: pinheiropolinesia.com.br

RAIO X DO RESTAURANTE ●Acomoda 84 pessoas; ●Espaço para eventos com capacidade de 130 pessoas; ●Rodízio de frutos do mar; ●Três opções de cardápio para eventos: frutos do mar, churrasco, buffet misto com carne vermelha e frutos do mar; ●Serve pratos a la carte com destaque para salmão, linguado e congrio; ●Espaço com parque infantil e redes; ●Amplo estacionamento; ●Lago com peixes para entretenimentos dos clientes.

AVALIE O POLINÉSIA NO TRIPADVISOR!

51


BEBIDAS Mario Kutianski

Bebidas que harmonizam com

C 1. Baron de Valls – Espanha Cor de cereja vermelha brilhante com tons de roxo. No nariz aromas de morango e framboesa. O paladar mostra seu aroma frutado com uma acidez perfeita e um sabor bem agradável. R$ 59,90 2. Vinho Verde Varanda do Conde - Portugal Possui cor amarelo palha com nuances esverdeados. No aroma é frutado, com destaque para os frutos tropicais, intenso e delicado. No sabor é fresco, equilibrado, frutado, com final bastante longo. R$ 79,90 3. Espumante Brut Rosé Privillege Peterlong - Brasil Originado pela variedade de uva Pinot Noir, este espumante possui em seu visual uma coloração rosado límpido com perlage fina, aromas de frutas vermelhas, morango, cassis e amora e paladar equilibrado, cremoso, fresco, intenso, com retrogosto frutado. R$ 49,90

ombinar peixes e crustáceos com vinhos é um desafio divertido, que pode ser vencido se deixarmos de lado as caipirinhas e a cerveja e abraçarmos os belos vinhos espumantes, rosés, brancos e alguns tintos disponíveis no mercado. Um dos grandes desafios da harmonização é fazer com que tanto a comida quanto a bebida sejam valorizadas, assim é essencial considerar não apenas o peixe ou crustáceo que será servido, mas principalmente a sua preparação, seu tempero e seu molho, pois muitos frutos do mar têm sabor delicado e sutil e é a preparação que lhes diferencia.

1.

2.

3.

O frescor dos espumantes é uma boa saída quando aparecem em nossa culinária (norte e nordeste) as especiarias, as pimentas, o dendê e o leite de coco. Nesses pratos, o cozimento reforça os temperos, portanto a acidez dos espumantes pode valorizar essas receitas tão intensas, permitindo ao paladar que fique limpo para a próxima garfada. Para a moqueca de peixe, especificamente, uma boa combinação são os vinhos brancos secos, pouco alcoólicos, do tipo Sauvignon Blanc, Riesling e Chenin Blanc serão bons para enfrentar a untuosidade de todos os ingredientes fortes e intensos desse grande caldeirão de sabores e aromas. Para pratos simples e aperitivos, como camarões fritos, ostras e pequenos peixes empanados, uma boa combinação são os frescos e aromáticos como os Sauvignon Blancs e os Chardonnays sem madeira.Outra excelente pedida para acompanhar peixes são os vinhos rosés que acompanham bem pratos temperados, e também em preparações mais tradicionais, como a caldeirada, os peixes na brasa e até a popularíssima casquinha de siri. O salmão, que não é pescado por aqui, se popularizou no Brasil através da culinária japonesa e acabou conquistando paladares. Quando servido cru, em sashimis, pede a combinação de um espumante Brut, que deverá acompanhar bem todos os pratos da culinária japonesa, inclusive os famosos temakis. Se cozido, assado ou grelhado, o salmão fará bom par com um rosé de boa estrutura, ou até mesmo um tinto leve como um Pinot Noir e até um Syrah. ■

Foto: Banco de Imagens e Divulgação

FRUTOS DO MAR

53


GASTRONOMIA Chef Ademir Jr ● Máximo ideal: cinco rótulos (couvert, entrada, primeiro prato, segundo prato, sobremesa); ● Sazonalidade: “pegue mais leve” no verão e “mais pesado” no inverno; ● O gosto pessoal influencia muito nas harmonizações; Com todas essas dicas vai ser fácil acertar a harmonização no próximo jantar. Para te dar aquela forcinha, separamos uma receita com sugestão de harmonização.

Cerveja: como harmonizar?

Foto: Banco de imagens

NAMORADO COM TOMATES ASSADOS E BACON

Existem algumas sugestões e caminhos básicos para combinar cerveja e comida. Separamos algumas dicas para você acertar na hora de combinar as cervejas.

A

harmonização entre comidas e bebidas é um tema um tanto quanto complexo, que envolve questões de análise subjetiva. Na experiência gastronômica, todos os sentidos são envolvidos e as emoções vivenciadas variam de acordo com a memória sensorial de cada um, levando a diversas sensações indo da indiferença à surpresa, da frieza ao encantamento, entre outras. Tudo ao redor conspira a favor ou contra. São raras as pessoas que conseguem perceber todos os aromas e sabores, o que torna a harmonização uma experiência única e pessoal (subjetiva). Entretanto, a percepção sensorial mais aguçada depende de aprendizado e desenvolvimento.

54

Assim como ocorre com o vinho, existem algumas sugestões e caminhos básicos para combinar cerveja e comida. Como princípio geral, as combinações devem sempre ser servidas das mais delicadas às mais robustas.

PRINCÍPIOS BÁSICOS ● Combine “força” com “força”: cervejas mais delicadas pedem pratos mais suaves, enquanto cervejas mais intensas pedem também pratos mais potentes; ● Observe teor alcoólico, caráter do malte, amargor, doçura, cremosidade/corpo, tostado; ● Em sequências, aumente a intensidade das combinações gradativamente. Em um jantar harmonizado: atentar para o equilíbrio alcoólico;

●Filé de namorado: 300g ●Tomate cereja: 10 unidades ●Bacon picado em cubos: 70g ●Manjericão: 1 maço ●Manteiga: 50g ●Cerveja Witbier: 50ml ●Alho: 1 dente ●Sal: a gosto ●Pimenta branca a gosto ●Azeite

MODO DE PREPARO Tempere o peixe com sal e pimenta branca, em uma frigideira, selando o peixe de ambos os lados no azeite e reserve. Na mesma frigideira inicie fritando o bacon e o alho, em seguida coloque os tomates cereja cortados ao meio e deixe em fogo brando cerca de dois minutos. Adicione a cerveja para desgrudar os sabores que ficaram no fundo da frigideira, deixe evaporar rapidamente, volte ao peixe selado para finalizar o cozimento, adicione a manteiga e o manjericão picado, acerte o sal e é só servir. Perfeito com cervejas do tipo Witbier, Blond Ale e Weiss. Saúde e boa leitura!■


EDITORIAL KARINA TCHORNOBAI MODA PRAIA APRESENTA:

A praia

além do

MAR

SOFISTICAÇÃO, REQUINTE E GLAMOUR EM MOMENTOS DENTRO E FORA D`ÀGUA.

Fotografia e Tratamento de Imagem: Juliam Cechinel 47 99150 2007 | Make: Queli Moura 47 99622 2412 | Hair: Carla Laemmle 47 99791 4124 Produção: Tabata Kadur | Modelo: Morgana K ( Gas Models| | Locação: Bhally hotel


Looks Completos: Karina Tchornobai Moda Praia Acessórios: Patricia Martins Semi Jóias Óculos: Óttica Nicke Sandália: Carmen Steffens


ONDE ENCONTRAR: Karina Tchornobai Moda Praia www.karinatchornobai.com karinatchornobai_store karinatchornobai_store Fone: 47 99725-8944


DUO CULTURA

Por Rodrigo Domingos Fotos: Divulgação

A

coluna de cultura deste mês celebra o aniversário da maior cidade catarinense, Joinville completa 166 anos. Como toda cidade jovem e em desenvolvimento, existe muito ainda por se fazer, mas também existem muitos motivos para se comemorar, principalmente a autoestima do joinvilense, que de uns anos para cá, melhorou e muito. Já retratei aqui na revista, muitos aspectos de nossa cidade, sejam eles culturais, sociais, políticos… Enfim, sempre busquei mostrar Joinville com um olhar positivo, um olhar vanguardista, pois acho necessário exaltar exemplos de pessoas que deram certo, e que estão tentando levar arte e entretenimento para uma população, que até pouco tempo atrás não consumia cultura, reflexos principalmente de uma população influenciada pela indústria. Finalmente o joinvilense está amadurecendo, evoluindo e percebendo que nem só do “chão de fábrica” se faz uma cidade. Uma cidade se faz também com arquitetura, literatura, música, moda, cinema, teatro e se faz de ações criativas. Talvez isso seja reflexo de uma nova geração que esteja

60

surgindo, uma geração que está aberta para o novo, uma geração ativa e tecnológica, uma geração inquieta e sem medo de experimentar e de fazer. E principalmente, uma geração que incentiva e prestigia a produção local, e mantém suas raízes. Muitos talentos surgem nesta nova Joinville, uma Joinville cada vez mais com cara e personalidade de metrópole, uma Joinville que valoriza suas tradições, uma Joinville que pensa no futuro. E claro que isso muito me orgulha. Novas bandas estão surgindo, uma delas é a Nave Blues. Formada em meados de 2016, une o rock, jazz e blues através de músicas autorais com muita psicodelia e sentimento. Em 2016 conhecemos também o incrível trabalho do músico Jesus Luhcas, maranhense e que aqui começou a traçar sua trajetória de sucesso. Jesus já é considerado para muitos a nova revelação da MPB, seus shows sempre lotam e levam o público ao delírio. Mesclando ativismo, poesia e teatro, Jesus faz de seu talento uma grande festa. O compositor já conta com hits como: “Sou Bicho Solto” e “Não aprendi a me prender”.

Jesus Luhcas | Foto: Jéssica Michels No reggae o grande destaque é a banda Raíz Vital, que com muito swing embalam os amantes do movimento rastafári. Também temos que citar a banda Coletivo das Flores, que lançou clipe no final do ano passado da música “Na Minha Casa”. Com certeza a banda é uma das grandes promessas da música catarinense de 2017. O rapper Ukah também mostrou a que veio em 2016, com novo trabalho autoral, intitulado “Próxima Estratégia”, o também compositor já deixou marcado seu legado no hip hop na cidade.


Rapper Ukah | Foto: Elton Pedroso

Nas artes visuais, o grande destaque vai para a arte urbana. O grafite veio pra ficar. Nas artes cênicas o grande destaque vai para o ator Marlon Zé, natural de Rio Negro, no Paraná. Foi em Joinville que o artista amadureceu artisticamente. Com mais de 15 trabalhos em que atuou como diretor e outros 40 em que esteve interpretando nos palcos brasileiros e estrangeiros. Marlon assinou no final de 2016 um contrato com uma grande companhia teatral argentina e neste ano fará parte do elenco de Fuerza Bruta. Enfim, Joinville continua em crescente ebulição criativa, e isso é muito empolgante. Eventos e projetos que celebram a economia criativa, também refletem o avanço no qual a cidade caminha. A feira multicultural (IN) Consciente Coletivo chegou a sua 10ª edição no final de 2016. Joinville também recebeu a primeira casa criativa de Santa Catarina: o Hibrido Concept, que une em um só local, arte, moda e design. Também tivemos a consolidação da Convenção Internacional de Tatuagem de Joinville, que chegou a sua 5ª edição, com um público

recorde. A cidade antes apenas conhecida como a capital da dança, a cidade das flores e das bicicletas, agora pode se orgulhar de ter um evento de moda que se iguala aos grandes centros: o Joinville Trend Day, neste ano o evento chega a sua 3ª edição. Uma sociedade também evolui com entidades e ações em prol do bem comum, em prol do respeito e da igualdade, e Joinville pode se orgulhar de ter entidades que lutam pela identidade de gênero, pelas mulheres, pelos negros, e pelas minorias. Exemplos de eventos que deram certo como a Semana da Consciência Negra, realizado pelo Coletivo Ashanti de Mulheres Negras de Joinville e pelo Movimento Negro Maria Laura, a Semana da Diversidade realizada pela Associação Arco-Íris de Joinville, grupos como o Instituto em Defesa da Igualdade de Gênero, só mostram que estamos no caminho certo. Quem ganha com todo este amadurecimento do publico, com certeza é a cidade e seus moradores, pois uma cidade pensante, criativa e que respeita o próximo, é digna de aplausos. Parabéns Joinville!■

Nave Blues | Foto: Lana Dhoben

Coletivo das flores | Foto: Max Schwoelk

Raiz Vital | Foto: Rafael Friedrich Schwartz Marlon Zé | Foto: Jéssica Michels


TECNOLOGIA Ana Paula Padilha

conecte-se também! Foto: Banco de Imagens

O mundo está online,

N

ão é a toa que o termo utilizado para dizer que alguém está utilizando a internet é “navegar”. É isso que a rede nos proporciona: embarcar em uma viagem com rumos incertos e ilimitados. Conversar com alguém no Japão, ter acesso às notícias locais de Nova York ou ainda acompanhar em tempo real um show em Londres, já é algo tão normal que poucas pessoas ainda se admiram com a tecnologia. Não é para menos. Segundo um estudo anual realizado pelo Facebook, são 3,2 bilhões de pessoas que estão conectadas à internet ao redor do mundo. Aqui no Brasil, mais da metade da população já têm acesso à rede: 58% da população brasileira usa a internet,

62

o que representa 102 milhões de internautas (11a edição da pesquisa TIC Domicílios 2015). Eu sei que para os mais conservadores esses números podem soar como algo alarmante e a pergunta principal é “o que aconteceu com a interação pessoal?” Mas eu penso que não importa o quanto a tecnologia evolua, a conversa pessoal sempre terá mais efeito no ser humano que qualquer outro modo de comunicação. Foi assim com a invenção da carta, do telefone, da televisão, da câmera fotográfica… A internet é uma junção de tudo isso e ainda mais, e por isso é tão amada, mas a conversa pessoal e estar perto fisicamente de quem amamos é uma necessidade humana. A internet é praticamente o único meio de comunicação que

mistura a interatividade com a comunicação interpessoal. Hoje, apesar de ser fonte inesgotável de entretenimento, poucas pessoas ainda não usam a internet como base de trabalho, ou seja: estamos conectados a maior parte do nosso dia por necessidade e vontade própria, motivos essenciais para que eu pudesse escrever essa coluna e trazer, a cada edição, mais informações sobre o mundo online aos leitores joinvilenses. Eu sou jornalista, trabalho com redes sociais desde 2010 e vou ficar com vocês nessa coluna durante o ano todo, trazendo informações e novidades do mundo online. Na próxima edição, o assunto será a importância das redes sociais e como elas podem ser usadas de diversas maneiras. Até lá! ■


DUO EXTRA


Comprar material escolar na última hora não é boa opção Por Márcia Campos Fotos: Banco de imagens

C

omprar os materiais e uniformes escolares pode não ser uma tarefa fácil, pois necessita de muita disposição e pesquisa de preços. Afinal, é no início do ano letivo que se formam longas filas nas papelarias e livrarias em busca do material escolar, e deixar para a última hora não é uma boa opção. Pensando nisso a Duo elaborou algumas dicas para você se organizar e fazer suas compras com tranquilidade e com economia: ●Antes de comprar tudo novo, dê uma olhada no material escolar do ano passado e veja se há alguma coisa que possa ser reaproveitada. Isso vale também para os uniformes; ●Faça uma pesquisa de preço, pois os materiais variam muito de uma livraria para a outra; ●Comprar os livros escolares pela internet, diretamente no site das editoras, também pode gerar uma economia muito grande;

●Não deixe para a última hora. Normalmente a lista de materiais escolares já está disponível antes do início do ano letivo. Dessa forma você ainda aproveita os preços baixos. Uma outra opção é comprar apenas o básico e os livros didáticos, e deixar outros itens para o início das aulas, onde os preços tendem a baixar; ●Não priorize as marcas conhecidas, pois existe uma infinidade de produtos com qualidade e preços mais acessíveis; ●Evite levar seu filho para fazer as compras, pois com certeza ele ficará seduzido pelas artimanhas do consumismo e optará pelos produtos com apelo comercial. O Procon de Santa Catarina também elaborou uma cartilha com algumas dicas para os pais. No início do ano, a entidade disponibiliza uma pesquisa de preço de acordo com cada cidade, facilitando a comparação de preço.

65


MATERIAL ESCOLAR A instituição de ensino não pode exigir do aluno materiais de uso coletivo, tais como: giz, canetas para quadro branco, material de limpeza, papel higiênico, copos, entre outros. ●A escola não pode obrigar o aluno a comprar material de determinada marca ou indicar estabelecimento para compra. O consumidor tem a liberdade de buscar os melhores os preços e melhores condições de pagamento, lembrando que é sempre bom pesquisar. ●É importante reaproveitar as sobras de material e realizar a compra em quantidade (com outros pais), pois pode haver descontos e boa economia.

TRANSPORTE ESCOLAR ●É importante buscar referências sobre o prestador de serviços, bem como verificar se o mesmo possui licença para realizar o transporte escolar. Além disso, devem

ser verificadas as condições de segurança do veículo e como as crianças são recepcionadas. ●Nestes casos, também, é preciso verificar no contrato os valores que serão pagos pelo serviço, os horários de saída e chegada e o percurso a ser realizado e, se além do motorista, outro adulto acompanha as crianças durante o trajeto.

REAJUSTES DAS MENSALIDADES Os valores a pagar devem ser divididos em mensalidades iguais: 12 parcelas (cursos anuais) ou 06 parcelas (cursos semestrais). A lei permite a apresentação de planos de pagamento com mais parcelas, desde que o valor que não ultrapasse o total da anuidade ou da semestralidade. ●As instituições de ensino devem divulgar, até no máximo 45 dias antes da data final para matrícula, a proposta de contrato com o reajuste, o valor da anuidade ou semestralidade, além do número de vagas por sala de aula. ●Os reajustes somente podem ocorrer uma vez por ano e devem corresponder a gastos previstos para o aprimoramento do projeto didático-pedagógico e despesas com salários e reformas, por exemplo. ●É obrigação da instituição de ensino esclarecer ao consumidor sobre a origem dos reajustes.■


DUO VIAGEM

Próxima parada:

Carnaval!

D O Carnaval é para todos, independente de curti-lo no agito ou na calmaria. O importante é aproveitar a folga da forma que você preferir, e locais para isso não faltam!

Por Cláudia de Moura de Mattos Fotos: Banco de imagens

e “Ei, você aí, me dá um dinheiro aí” a “Mamãe, eu quero” basta o mês de fevereiro se aproximar que o espírito carnavalesco aflora. Carnaval, tipicamente brasileiro, é uma festa que movimenta todo o país. Quem nunca ouviu a famosa frase: “O ano só começa depois do Carnaval”? Todo ano, pessoas de todos os cantos do mundo buscam a alegria, o agito e a diversão dessa festa aqui no Brasil. Para quem já é de “casa” fica mais fácil ainda cair na folia. Barbara Finardi é um exemplo, apaixonada pelo Carnaval, a jovem todos os anos aproveita a festa. Para ela, o mais importante é estar na companhia dos amigos e na praia. Além de pular o Carnaval, Barbara sempre acompanha os desfiles


das escolas de samba, mesmo a distância, e conta que seu maior desejo é passar o Carnaval no Rio de Janeiro e em Salvador, pois acredita que nesses lugares existe a verdadeira tradição. Não é só Barbara que tem essa vontade. A consultora de viagens Letícia Hostin Goulart conta que os destinos mais procurados no Carnaval são os nacionais, como Rio de Janeiro, o Nordeste (Natal, Salvador, Maceió, Porto Seguro, Fortaleza) e cruzeiros de quatro noites ou mais que façam somente a costa brasileira. O valor que se gasta para aproveitar o feriado pode variar bastante. “Depende do destino, quantidade de passageiros, tipo de serviço adquirido e do perfil de cada passageiro, mas em média é possível curtir o feriado de Carnaval a partir de 1,5 mil reais por pessoa”, explica a consultora. Para você que quer curtir o Carnaval, Letícia dá a principal dica: planejar com antecedência. Quanto mais próximo da data de embarque, mais altos tendem a ficar os valores das passagens e hospedagem, por

“Os destinos mais procurados no Carnaval são os nacionais...” isso, o segredo é definir o quanto antes a viagem, assim é possível encontrar passagens aéreas com valores promocionais. Além disso, ainda existem outros benefícios ao se planejar. “É possível eleger o destino que mais lhe agrada e comparar valores, além de ter mais tempo para economizar não só para o pacote, mas também para gastos pessoais no destino (lembrancinhas, restaurantes, passeios adicionais...)”, afirma. Para quem pretende gastar menos, existem diversas opções de destinos próximos. Praticamente todo litoral catarinense possui

atrações no feriado e as praias ficam lotadas. Praia da Ferrugem, Floripa, Balneário Camboriú, Itapema... O importante é aproveitar o feriado, se divertir com os amigos e entrar no clima do Carnaval, seja na região ou curtindo destinos nacionais mais distantes.

PARA FUGIR DO CARNAVAL E não é só de festa que é feito o feriado. Muita gente prefere não cair na folia, e sim, aproveitar a folga para relaxar um pouquinho. A consultora Letícia conta que cada vez mais as pessoas têm procurado destinos alternativos para passar o Carnaval. “Atualmente encontramos muitas pessoas querendo fugir da folia procurando, desta maneira, ambientes mais tranquilos”, afirma. Alguns destinos estão entre os mais procurados e são ótimas opções para fugir do Carnaval, como resorts mais afastados no nordeste e pousadas em praias mais calmas, longe da festa. Outra alternativa, são locais onde o passageiro irá curtir a cidade em si sem encontrar a folia característica do Carnaval. “Os locais mais procurados são Buenos Aires, Foz do Iguaçu ou até mesmo cruzeiros que tenham itinerário pela América do Sul”, explica Letícia.■

69


MÚSICA Ju Pamplona

1- Conta pra nós como você veio parar em Joinville. Tudo com uma história de amor (risos). No começo de 2012 eu fiz uma ligação para uma menina pela qual eu era apaixonado e que havia vindo recentemente morar em Joinville. A mãe dela que atendeu, conversamos e eu falei dos meus anseios quanto à fazer faculdade e trabalhar, pois eu estava no ócio (e se tem uma coisa que me deixa agoniado é não ter nada para fazer) e ela falou que facilmente eu conseguiria essas coisas aqui. E para mim parecia perfeito, ia poder trabalhar, estudar e estar perto da pessoa que eu gostava. Tudo deu certo, menos o relacionamento (risos). Então, fiz uma rifa (risos outra vez) para arrecadar dinheiro e parti conhecer o sul. Nunca nem namoramos, mas somos bem amigos hoje. Vir para Joinville foi a melhor escolha que eu fiz na minha vida até então. Eu nasci em São Luis, mas escolhi Joinville para viver, tenho um grande carinho pelas duas cidades. 2- Você que vem de outro lugar, como vê a nossa cidade culturalmente falando? Joinville está em constante crescimento na cultura, há quatro anos não se via as coisas que hoje vemos. Vejo muitas pessoas que falam que não tem atividades culturais em Joinville, mas tem sim, ainda em pequena escala se comparados às capitais do Brasil, mas

70

O papo desta edição é com Jesus Luhcas, 23 anos, Sol em Virgem, ascendente em Áries, nascido em São Luís no Maranhão, formado em Design, dono de uma personalidade marcante e única; e presenteou Joinville com sua música.

isso nos mostra outra coisa: temos a oportunidade de construir juntos o cenário cultural e isso é maravilhoso.

coisa na vida das pessoas, nem que seja apenas dando alguns momentos de alegria e paz.

3- Você é um artista nato. Suas músicas falam de amor, liberdade e transmitem sentimentos bons, das quais as pessoas de cara se identificam. Como você explica isso? Eu tento falar nas minhas músicas aquilo que eu acredito e eu acredito muito no amor como solução para muitos problemas sociais: amor, aceitação e respeito. Nós vivemos numa sociedade onde o amor é pregado como uma obrigação, mas não acredito nisso. Penso que a única coisa que todos temos o dever de fazer é respeitar uns aos outros, mas o amor não, o amor é uma escolha. Eu acredito q u e a arte pode mudar o mundo e todas as vezes que componho eu penso: como essa música pode colaborar para construção de um mundo melhor? Para mim a música precisa contribuir em alguma

4- Conta para nós que tipo de música você mais curte. Eu adoro variedade de músicas, acho lindo tudo o que é variedade, gosto de Karol Conka, Criolo, Cícero Rosa Lins, Tiago Iorque, Malu Magalhães, Caetano, Marcelo Jeneci, D’javan, Silva, Fábio Brazza.. .Entre outros conhecidos e não muitos conhecidos. Para mim, mais importante que o ritmo, é a mensagem que está sendo passada. 5- Deixe aqui uma mensagem para nossos leitores. Eu já vivi coisas que para muitas pessoas é um pesadelo. Desde ausência do pai na infância, violência e abuso sexual, rejeição da própria sexualidade, discriminação e preconceito. Já achei que nunca alcançaria os meus sonhos, que eu não chegaria em lugar algum, mas eu superei tudo isso e hoje estou vivendo um sonho. Hoje eu canto para mostrar que é possível superar tudo isso, e que aquela dor que parece nunca vai acabar vai acabar sim, e se tornará força para ajudar outras pessoas. Eu canto para mostrar que é possível ter um mundo em que as pessoas ajudam outras pessoas. De todas as coisas que você pode escolher, escolha o amor. Ele é a melhor de todas as escolhas. A todos desejo amor, aceitação e respeito.■

Foto: Selma Souza

A música cheia de amor de Jesus Luhcas


Relax nos dias de folia DUPAN E NUDE INTIMATE APRESENTAM:

EDITORIAL

Que tal aproveitar os dias de festa para reunir as amigas e descansar? Lingerie confortável e estilosa, é o look perfeito para dias assim.

Fotografia e Tratamento de Imagem: Juliam Cechinel 47 99150 2007 | Make: Queli Moura 47 99622 2412 Hair: Carla Laemmle 47 99791 4124 | Modelos: Mariana K, Thais C, Guilia M ( Gas Models) Produção: Tayana Elizabete (Capital Chic Assessoria) | Agradecimento: Queen Pipoca Gourmet e Infinity Jóias


Look Completo: Nude Intimate Acessórios: Morana Acessórios Locação: Bhally Hotel


Look Completo: Nude Intimate Acessórios: Morana Acessórios Locação: Bhally Hotel


Look Completo: Dupan Acessórios: Morana Acessórios Locação: Bhally Hotel


Look Completo: Nude Intimate Acessórios: Morana Acessórios Locação: Bhally Hotel

ONDE ENCONTRAR:

Dupan www.dupan.com.br @dupan_oficial

Nude Intimate www.nudeintimate.com @nude_intimate


DUO SAÚDE

DOENÇAS DE VERÃO

Calor, a temperatura propícia para manifestação de algumas doenças. Por Márcia Campos Foto: Banco de Imagens

D

e acordo com dados do Ministério da Saúde, a estação mais quente do ano registra um aumento significativo de algumas doenças sazonais, pois o calor favorece a proliferação de bactérias. É necessário redobrar os cuidados com a exposição prolongada ao sol, consumo de alimentos mal acondicionados e lugares com aglomeração de pessoas. Para que você possa garantir sua diversão nas férias, a Duo listou algumas dicas para você conhecer e identificar os sintomas das doenças mais frequentes no calor.

agravada por vários fatores inerentes ao verão, como o aumento da própria transpiração. Normalmente perdemos em média 2,5 litros de água por dia, seja pela urina, pelas fezes, pelo suor ou até mesmo pela respiração. Sintomas: secura da pele e da boca até convulsões e coma. Consumir cerca de 1,5 litro do líquido por dia ajuda para manter o corpo hidratado. Como tratamento, o soro caseiro pode ser utilizado, a pessoa pode tomar a vontade a cada 20 minutos e após cada evacuação, se houver diarréia. Nesses casos, procure um médico.

DESIDRATAÇÃO:

INSOLAÇÃO:

É a perda de líquidos e de sais minerais do corpo que pode ser

76

A insolação e a desidratação também podem ser ocasionadas

pela exposição excessiva ao sol. É indicado beber ao menos dois litros de água por dia, aplicar protetor solar no mínimo 30 minutos antes de se expor ao calor e evitar as horas com maior concentração solar e usar chapéus, óculos de sol e roupas leves.

INFECÇÕES GASTROINTESTINAIS:

Podem ter origem viral ou bacteriana que geralmente são causadas pelo consumo de água e comida contaminada. Sintomas: náuseas, diarréias, vômitos e febre, que podem levar à desidratação. Para evitá-las, é recomendável consumir alimentos como vegetais, carnes e peixes crus apenas em lugares confiáveis, em que se saiba


mosquito costuma colocar seus ovos. Aos primeiros sintomas o paciente deverá procurar imediatamente orientação médica e não se automedicar.

A vacina é a principal forma de prevenção e é recomendada para toda a população a partir dos nove meses de idade.

FEBRE CHIKUNGUNYA:

BICHO GEOGRÁFICO:

Doença parecida com a dengue, causada pelo vírus CHIKV, da família Togaviridae. Seu modo de transmissão é pela picada do mosquito Aedes aegypti infectado e, menos comumente, pelo mosquito Aedes albopictus. Sintomas: semelhantes aos da dengue: febre, mal-estar, dores pelo corpo, dor de cabeça, apatia e cansaço. Porém, a grande diferença da febre chikungunya está no seu acometimento das articulações, causando inflamações com fortes dores acompanhadas de inchaço, vermelhidão e calor local.

ZIKA VÍRUS:

como as comidas são preparadas.

DENGUE:

O calor e as chuvas de verão formam o ambiente ideal para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, o “Aedes aegypti”. A principal época de transmissão da dengue é o verão. O Ministério da Saúde recentemente lançou a Campanha Nacional de Combate à Dengue, chamada “Sempre é Hora de Combater a Dengue”, que pretende reforçar a sensibilização da sociedade sobre a importância de se prevenir a proliferação do mosquito transmissor da doença. Sintomas: Febre alta, dores do corpo e de cabeça. A prevenção é feita com o uso de repelentes contra insetos e o cuidado de esvaziar recipientes com água parada, onde o

Transmitido pelo Aedes aegypti e identificado pela primeira vez no Brasil em abril de 2015. Segundo o Ministério da Saúde, Cerca de 80% das pessoas infectadas pelo vírus Zika não desenvolvem manifestações clínicas. Sintomas: dor de cabeça, febre baixa, dores leves nas articulações, manchas vermelhas na pele, coceira e vermelhidão nos olhos. Outros sintomas menos frequentes são inchaço no corpo, dor de garganta, tosse e vômitos. No geral, a evolução da doença é benigna e os sintomas desaparecem espontaneamente entre três a sete dias. No entanto, a dor nas articulações pode persistir por aproximadamente um mês. Formas graves e atípicas são raras, mas quando ocorrem, podem excepcionalmente, evoluir para óbito.

FEBRE AMARELA:

Transmitida em qualquer época do ano, porém neste período de férias, requer alguns cuidados, principalmente para quem quer viajar, pois em alguns países a vacina é obrigatória. A febre amarela silvestre é transmitida normalmente pela picada do mosquito infectado Haemagogus janthinomys e pode levar à morte.

Encontrado na areia, transmitido pelas fezes de cães contaminados com o parasita “Ancylostoma caninum”, causador do bicho geográfico. Sintomas: Em contato com a pele humana, a larva causa lesões avermelhadas que provocam coceira e se caracterizam por um contorno tortuoso, semelhante a um mapa. O tratamento da doença consiste na ingestão da dose única de um vermífugo.

CONJUNTIVITE:

A propagação de vírus e bactérias favorece o contágio de conjuntivite. Lavar bem as mãos antes de tocar os olhos e evitar compartilhar pertences como óculos e toalhas ajuda a prevenir a enfermidade. S i n to m a s: vermelhidão, inchaço, coceira e sensação de ardência nos olhos.

MICOSE:

Calor e a umidade são a combinação perfeita para a proliferação de fungos causadores de micoses. Sintomas: infecções que provocam coceira e manchas brancas ou vermelhas na pele. Manter o corpo seco evita o problema: enxugar-se bem após o banho e não permanecer muito tempo com roupas molhadas e vestir tecidos que favoreçam a transpiração, como o algodão.

LEPTOSPIROSE:

Doença causada por uma bactéria presente na urina de ratos é mais incidente no verão, por causa dos alagamentos frequentes que facilitam o contato entre a urina e a pele das pessoas. Sintomas: Febre, dor muscular intensa e olhos amarelados são sintomas da enfermidade, que pode evoluir para um quadro grave de insuficiência renal.■

77


PUBLIEDITORIAL

Entre sonhos e sorrisos

Um simples sorriso pode dizer muita coisa sobre você. Mas nem sempre imaginamos tudo aquilo que pode estar por trás dele. A relação do dentista com o cuidado e estética dos dentes é conhecida e faz parte de nossa rotina com a saúde. E quando essa relação se estende para a realização de um sonho?

Por Redação Duo Fotos: Camila Raiser, Willian Silva e Banco de Imagens

A

Revista Duo conversou com o Dr. Pedro Jaime Rosa, especialista em implantes, e relembra dois casos importantes de reabilitação de sorrisos, e também de autoestima. Suas pacientes, Ingrid e Conceição contam suas histórias de sonhos que hoje rendem inúmeros sorrisos.

O SORRISO DE INGRID Ingrid Uhlmann Feldhaus não estava feliz com seu sorriso há tempos. Ela relata que se sentia incomodada com as pessoas olhando para sua boca e tomou a

78

decisão de seguir o conselho de seu esposo e procurar ajuda com o Dr. Pedro, que já o atendia. Dr. Pedro conta que, após analisar os exames clínicos e radiográficos, optou por um plano de tratamento, reabilitando implantes junto com as próteses, na maxila e na mandíbula, buscando carga imediata nos dois procedimentos. O profissional explica que carga imediata é quando se realiza o implante e o trabalho protético do implante ao mesmo tempo, ganhando tempo com segurança, garantindo a total ausência de dor. Ingrid confirma que o

pós-operatório foi mais simples do que imaginava. “O tempo de


recuperação foi rápido, a dor moderada e bem control ada, e o inchaço no local operado foi discreto desaparecendo em poucos dias. Em resumo, estou muito feliz com a rapidez do procedimento e mais ainda com o resultado”, conta. Segundo o especialista, a prioridade era o restabelecimento funcional, devolvendo ao paciente qualidade na mastigação. Além disso, ele afirma que com a instalação da prótese, com dentes no formato e cor apropriados, o rosto inteiro entrou em harmonia, melhorando também a parte estética e fonética. Após a cirurgia, Ingrid começou a reaprender o gosto dos alimentos. “Há muito tempo não comia amendoim, chicletes, pinhão e outros alimentos duros. Quem tem prótese sabe que a qualidade de vida fica comprometida, pois a mastigação fica prejudicada e isso interfere no cotidiano”, explica a empresária.

O SONHO DE CONCEIÇÃO A costureira Conceição, casada e mãe de três filhos, sempre teve o sonho de poder sorrir livremente. Ela conta que após um trauma vivenciado em outra clínica odontológica, tinha medo de procurar ajuda novamente, para realizar seu sonho. “Uma amiga que estava tratando com o Dr. Pedro me falou que tinha gostado muito dele. Eu estava receosa por

causa da outra clínica, mas quando cheguei aqui fui muito bem recebida pelo doutor. No primeiro dia conversamos e ele me explicou como seria todo o tratamento em detalhes”, relembra Conceição. Dr. Pedro explica que o caso de Conceição também envolvia implantes e reabilitação. “A paciente Conceição, chegou ao consultório bem abalada e confusa com o que lhe foi proposto anteriormente. Fechamos em comum acordo um tratamento que seria melhor naquele momento. Apenas salientava a ela, que os traumas de atendimentos odontológicos passados, deveriam ficar no passado”, relata o profissional.

Depois de um ano sob os cuidados do Dr. Pedro, a paciente afirma que existe uma Conceição antes e depois do tratamento. “Sentia falta dos meus dentes. Mas não sabia a diferença que iria fazer, me surpreendeu na minha autoestima, na qualidade de vida – como na mastigação, que era precária. Não tenho palavras para descrever minha satisfação”, diz a costureira. E finaliza: “poder sorrir sem medo, não tem preço. Me sinto realizada”. ■

“Não tenho palavras para descrever minha satisfação” Após todos os esclarecimentos e com a paciente segura de sua escolha, Dr. Pedro deu início ao protocolo e tratamento que envolveu dois tipos de implantes. “Primeiro, o implante convencional com osseointegração em seis meses, e no segundo momento, implantes suíços, com período de osseointegração reduzido para 21-28 dias. Essa mistura de materiais, foi devido a quantidade e qualidade óssea na maxila, evitando enxertos ósseos”, explica.

DR. PEDRO JAIME ROSA JR. CROSC 10771 Especialista em Implantodontia (47) 99929-1415 drpedrojoinville@hotmail.com /drpedrojaimerosajr @drpedro.rosa

79


INFORME VASTI

Foto: Arquivo Pessoal e Banco de Imagens

Valéria Alves Biomédica e Administradora, proprietária da Rede de franquias Clinica Vasti.

INTRADERMOTERAPIA na redução do peso e gordura localizada Conheça um pouco mais da técnica que elimina gorduras e promove o bem-estar.

A

mesoterapia ou intradermoterapia é uma técnica que surgiu na França em 1952. O médico Michel Pistor tratou um homem com asma, tendo como alvo para a ação do tratamento a mesoderme, originando desse modo a nomenclatura da técnica. Atualmente, é utilizada crescentemente nos Estados Unidos, Europa e Brasil e mais de 16 mil médicos e biomédicos utilizam a mesoterapia em suas práticas diárias, e os benefícios obtidos são vastos. Promovendo bem-estar físico (melhora da disposição, regulação do metabolismo, redução da fadiga e stress e aumento da libido), a técnica é muito indicada para tratamentos na redução de gordura localizada e emagrecimento. Das substâncias mais utilizadas, estão o Extrato de chá verde (Camellia Sinensis) – Rico em polifenóis, lipolítico e drenagem do sistema linfático; Extrato de

80

Centella Asiática - age promovendo a redução de edemas e na produção de colágeno; L-carnitina – potente lipolítico e transportador de ácidos graxos de cadeia longa para as mitocôndrias; Taurina – Antioxidante e modulador da insulina; Cafeína – Lipolítico e importante termogênico. Β-hidroxi-β-metilbutirato (HMB) – suplemento anti-catabólico que favorece, o metabolismo protéico muscular; Desoxicolato – Age como emulsificante degradando a membrana celular e ativa as hidrolases lisossômicas que induzem a morte celular e o Silício orgânico atua na síntese de colágeno melhorando a hidratação da pele. Quando o tratamento proposto é a redução de gordura localizada, a desoxicolato é a substância que promove melhores resultados, pois promove um efeito ablativo na membrana celular, mudando sua conformidade química. Isso fará com que o organismo não reconheça

mais aquele adipócito (célula de gordura). Então sistema imunológico será ativado para combater e eliminar essas células e, consequentemente, a gordura. Outro mecanismo de ação será o bloqueio da enzima fosfodiesterase, degradando e inativando o AMPc (adenosina monofosfato cíclico) que age como um “mensageiro” da célula. Um inibidor da fosfodiesterase faz com que o AMPc aumente. Assim, a cascata de mecanismos que favorecem a lipólise seja mais eficaz, promovendo resultados de redução de gordura localizada de 2cm a 9cm de medidas corporais local por sessão de cada aplicação. O protocolo de administração e locais de aplicação é feito de acordo com a necessidade de cada paciente. A medicação pode ser administrada em diversos locais do corpo, com uma frequência de até 3x por semana com um tratamento de um a dois meses. ■


PUBLIEDITORIAL

Cuide da sua coluna também nas férias Praia, festas, piscina, churrascos, bebidas e noitadas nos relaxam, mas também podem causar danos à coluna. Fique atento as dicas. Por Johny Jablonski Fotos: Divulgação

N

o dia 21 de dezembro, começou a estação mais quente do ano. Associada a dias de férias e de muita diversão, a chegada do verão é esperada com muita expectativa. Família e amigos se reúnem nas praias e piscinas para aproveitar este período de dias mais longos

82

e de temperaturas mais elevadas. Entretanto, existem algumas doenças sazonais relacionadas ao sol e ao calor desta estação do ano, capazes de comprometer toda animação e entretenimento. As doenças mais comuns do verão são queimaduras solares, intoxicações alimentares, desidratações, câncer

de pele, dengue, conjuntivites, otites, infecções gastrointestinais, alergias, micoses entre todas as sexualmente transmitidas. Busque orientações para saber como evitá-las. Mas quero ressaltar as doenças articulares mecânicas que vem por mal uso e sobrecargas, pois acreditamos que ao ir para a praia, festas


com piscina, churrascos, bebidas e noitadas nos relaxam e ficamos de boa. Ledo engano! Apesar de nos afastar do estresse de nossas rotinas semanais colocamos o corpo em muitas funções diferentes das habituais e isto é responsável pelo maior índice de lesões articulares e musculares, desencadeando problemas sérios e crises agudíssimas de coluna, e as hérnias de disco e dores ciáticas são sem dúvida as mais traumáticas dessa estação. Portanto cuidar antes, tratar de forma correta, não buscar alternativas milagrosas e principalmente lembrar que estas não se tratam quimicamente, pois a ação do remédio somente remedia as lesões mecânicas. Então enquanto os ajustes de descompressão não ocorrerem, as dores sempre serão parceiras. É nesta situação que tudo se complica, os recursos são escassos, todos também estão de férias e ficam a mercê dos procedimentos de emergência que podem custar muito caro em todos os sentidos.

Então para que o bem-estar esteja sempre garantido: não abuse dos esforços. É na alegria e na empolgação que tudo acontece, horas do mesmo jeito posturalmente falando, excesso de bebida e fumo desidrata e aumenta consideravelmente os riscos de crises, colchões e travesseiros que não estamos acostumados, alimentação desequilibrada, entre outras tantas. Portanto, lembrese: não se brinca com a coluna, pois ela pode lhe proporcionar férias inesquecíveis de dor e sofrimento que você lamentará não ter cuidado de forma certa. Se passar por isso, lembre que existe solução séria e real onde não precisará de procedimentos invasivos e radicais com muitas variantes de sequelas. Nós do Sistema ITC VERTEBRAL nas unidades de Joinville e Balneário Camboriú temos todas as soluções necessárias com aporte da ciência, tecnologia e muita experiência para ajudar e nunca mais lembrar que hérnia de disco pode ser um

problema real. Marque sua consulta, faça o tratamento certo! E livre-se dos riscos invasivos. Seja feliz fazendo o que deseja do jeito certo. ■

DR. JOHNY WILLIAM JABLONSKI Técnico Responsável Diretor Regional da Associação Brasileira de Reabilitação da Coluna Fisiothera/ITC Vertebral Joinville e Balneário Camboriú. JOINVILLE

Caçador,111a, Anita Garibaldi 47 3029-3037 / 99668-4881 joinville@clinicafisiothera.com.br www.herniadedisco.com.br BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Andorinha, 76F, Aririba 47 3081-3037 / 99765-4090 balneariocamboriu@clinicafisiothera.com.br www.itcvertebral.com.br

83


ESTÉTICA Rosi Blunk

A

no novo chegou e com ele muitos planos e esperanças renovadas. Quem de nós nunca prometeu para si mesmo, que no próximo ano iria começar na academia, iria cuidar da alimentação, emagrecer… O ano vai passando, a rotina cada vez mais agitada, e só lembramos das promessas quando o verão chega novamente. Que tal começar este ano diferente? Que tal iniciar o projeto verão 2017, agora? Eu te garanto que os resultados são surpreendentes! Com a experiência de anos trabalhando com estética, obtive casos simplesmente fantásticos, com clientes que iniciaram o ano de forma diferente. E para começar diferente mesmo, nada melhor que tecnologia nova. Estou falando do Power Delivery, produto inovador que a Adcos lançou em setembro do ano passado, e eu não perdi tempo e já trouxe essa novidade para as minhas clientes. Te afirmo, nunca vi nada igual! O Power Delivery aumenta a produção de colágeno, o que melhora a firmeza da pele e reduz o acúmulo de gordura nos adipócitos, por estimular a lipólise. Sua tecnologia

84

atua em 18 diferentes alvos com ativos que garantem a eficácia do tratamento. Entre eles estão o Lipout™, que reduz a circunferência corporal e proporciona redução da espessura da gordura subcutânea, minimizando a celulite e conferindo firmeza e elasticidade à pele; Pro-Sirtuin, indicado para redução do armazenamento de gordura por meio da ativação da lipólise; e o Actigym®, ativo que induz o desenvolvimento de fibras lentas, regularizando os genes responsáveis pelo acúmulo de gordura, entre inúmeros outros benefícios. E só falei até agora do produto, mas na verdade aqui no meu Studio, o Power Delivery faz parte de um protocolo, desenvolvido por mim e que une manobras manuais, laser de baixa potência e aparelhos eletroterápicos, que somados, nos trazem um resultado formidável! Então não perca tempo, comece esse ano diferente, pensando e investindo em você. Entre em contato comigo e agende uma avaliação. Mande um e-mail para contato@rosiblunk. com.br ou um WhatsApp para nossa Central de Atendimento (47) 99632-6361. Eu espero você! ■

Foto: Arquivo Pessoal

Que tal um início de ano diferente?


SEXO Cláudia Petry

Foto: Banco de imagens

Feliz Sexo Novo!

Na época de final de ano geralmente se faz um balanço afetivo e emocional, questionamos sobre nossos ganhos e perdas, e fazemos promessas para o ano novo que entra, certo? Será que dentre essas promessas está a melhora da sua vida afetiva e sexual?

M

uitos são os aspectos que devemos ter em conta em nossa vida. Família, trabalho, filhos, profissão, parte espiritual, mas a parte sexual tem sim sua importância e penso que se você está em um relacionamento você não pode deixar o sexo lááá no final de suas prioridades. Portanto, que tal aproveitar todos os estímulos que um início de ano nos traz e pensar em criar condições novas para um sexo melhor em 2017? Se você gostou da ideia, vem comigo! O ano passado certamente foi um ano que crescemos e amadurecemos e nos tornamos mais aptos para administrar as nossas relações

88

afetivas. Talvez até tenhamos mudado a maneira de encarar o casamento, uma separação ou de recomeçar um amor. O importante é que a cada ano aprendemos com observações ou mesmo com experiências novas, para vivenciar o amor e o nosso prazer. Por isso é tão importante pensar em investir mais nas relações que temos ou nos preparar para as reações que procuramos. Para isso é imprescindível buscarmos novos conhecimentos e elementos para aprimorarmos nosso conhecimento sobre nós mesmos e conhecimentos que podem fazer muita diferença em nossos relacionamentos, trazendo mais intimidade,

cumplicidade e prazer. Para 2017 vamos nos disponibilizar mais para o amor e o sexo? Que tal participar gratuitamente de cursos sensuais, com temas que podem colaborar para ampliarmos entendimentos, quebrar barreiras e tabus que não colaboram com nossa vida sexual? Que tal buscar informações com a área médica para nos sentirmos mais seguras em relação ao sexo e nossa saúde sexual? A Sussurra Boutique Sensual oferece mais de 10 cursos por mês. Fique por dentro de nossa agenda! Entre em contato pelo WhatsApp (47) 99946 6633, tire suas dúvidas e participe. Espero por você! Um 2017 de muito prazer!■


FABÍOLA BERNARDES E-mail: fabiolacolunista@terra.com.br Site: www.fabiolabernardes.com.br Siga no twitter - @FabiolaBernarde Facebook - Fabíola Bernardes

1. CO.W. Coworking Space inaugura no centro de Joinville. Uma nova sede acaba de ser inaugurada bem no centro da cidade para a felicidade de muita gente que precisa de um escritório com baixíssimo custo e benefícios imensos! Espaços compartilhados ou privativos, pequenos ou grandes, fechados ou abertos...múltiplas vantagens pois o espaço já é sucesso no Auri Plaza Garten que agora ganha uma nova unidade. Lugar ideal para fazer bons contatos e excelentes parcerias com pessoas antenadas e produtivas. Foto: Valéria Grams 1.

1.

Elair Floriano e Carla Cabral 1.

Renato Auriemo ao centro com Francisco e Regina Rizzolo

2. Supreme Áudio inaugura novo showroom. O novo showroom da Supreme Áudio está maravilhoso. Qualidade e excelentes produtos compatíveis com a realidade atual são oferecidos de forma ambientada e de fácil visualização pelo cliente. O evento foi prestigiado por arquitetos e designers de interiores. Foto: Jéssica Veiga da Silva 2.

Wagner Scholz, Liliane Scholz, Rafaela Martinelli e Franciellen Almeida

1.

Piero Contezini com Osvaldo Capozzi Neto 1.

Renato Auriemo e Camila Rocha 2.

Marcelo Cesa e Sodrea Almeida 2.

Thiago Delai, Henrique Lima e Victor Augusto

Debbie Rotert, Liliane Scholz e Lianne Rosa 2.

Ana Krüger, Kamyla Tolentino, Liliane Scholz e Beatriz de Oliveira

2.

Guilherme Conti, Gilberto e Bruna Narloch

2.

Carlos Krüger, Ana Krüger, Wagner Scholz, Liliane Scholz, Kamyla Tolentino Lepka, Daniel Lepka, Rodrigo Andrade, Rafaela Martinelli, Franciellen Almeida,Estevão Almeida

90


3.

3. Philuz Iluminação inaugura showroom.

Evelyn Kátia de Oliveira, Débora Barcellos do Vale, Milene Rauch, Cristiana Salai Steindorff e Mateus Szomorovszky

Philuz cresceu! A loja está simplesmente maravilhosa! A ambientação dos produtos de iluminação ficou disposta de forma que os clientes, arquitetos e designers de interiores possam visualizar a aplicação do mesmo. Peças de design superinteressantes e com muito conceito. Sidney e Débora Barcellos estão super felizes com o resultado e convidam a todos para conferir as novidades. A Loja cresceu e os preços continuam os mesmo, atendendo diversos públicos, desde projetos luminotécnicos até peças de design exclusivo. | Foto: Jéssica Michels

3.

3.

Amanda Furlani Hirt, Jefferson Hirt, Sidney Daniel do Vale e Debora Barcellos do Vale

Meide, Alessandra, Marinella, Fabiane Tavares e Daniela 3.

3.

3.

Debora Barcellos do Vale, Fabiola Bernardes e Fabiane Tavares

Larissa Grun Brandão, Débora Barcellos do Vale e Alexandre Brandão

3.

Leland Giancarlo Correa, Diego Pretto com Sidney e Débora Barcellos do Vale

3.

Equipe Philuz - Thuane, Jessica, Jordana, Sidney, Debora, Rose, Jessica, Eris e Edson

Tiago Roch, Alini Roch e Fabiano Baumann 3.

3.

Sidney e Débora Barcelos do Vale com Fabiola Bernardes

Osmar Dutra, Matilde Melo, Débora Barcellos do Vale, Flaviana e Antônio Cecyn

3.

Lucas, Sidney, Rodrigo e Wagner

93


FABÍOLA BERNARDES 4. Estúdio Ágilis Pilates recebe alunos para festa.

4.

Com tema de boteco, Ágilis Pilates recebeu cerca de 50 alunos para comemorar o sucesso do ano. Música ao vivo, comidinhas e muita alegria foram os ingredientes principais da festa. Todos os anos as três sócias, Cristiane, Ana e Susane, fazem questão de receber as pessoas com quem dividiram o ano com carinho e dedicação. Foi um ano maravilhoso! 4.

Cristiane Delboni Andrade, Brigite Weege e Juliana Delponte

4.

Suzana Gomes, Fabiola Bernardes, Cristiane Delboni Andrade e Ana Paula Barrocal

5. Natal da Harmonia 2016. Uma viagem à infância por meio da música e do canto apresentados pelo Coral Infanto Juvenil da Escola Arte Maior, pelo barítono Douglas Hahn e pela Camerata da Harmonia Lyra. Foi uma noite emocionante, com muitos patrocinadores. Álvaro Cauduro, presidente da Harmonia Lyra e sua diretoria tem feito excelente trabalho na formação de público. Este evento já se tornou praticamente oficial no calendário de Natal da Sociedade Harmonia Lyra. Foto: Pablo Teixeira 6.

4.

Cristiane Delboni Andrade e Mariana

Cristiane Delboni Andrade com Ingridi, Tereza e Brigite

4.

4.

Eduardo e Suzana Gomes

Beatriz Soares e Serena Ramos

5.

5.

Guilherme Gassenferth e Álvaro Cauduro 5.

Sociedade Harmonia Lyra de Joinville 6.

Douglas Hahn

6. Construtora Correia entrega o Royal Business. Este é o 10• empreendimento da Construtora Correia entregue para a cidade de Joinville. Desta vez, um empreendimento comercial destinado a consultórios médicos e escritórios diversos, entre outros empreendimentos. As mesmas características foram mantidas, pois a Construtora e Incorporadora Correia, prima sempre pelos materiais atualizados em nível de arquitetura e design. Nivan Correia recebeu os investidores e compradores do empreendimento com delicioso coquetel numa noite de alegria. Foto: Pablo Teixeira

Gustavo e Carolina Gonçalves 6. Jeancarlo e Solange Artmann

6.

6.

Leandro Prates, Jean e Mônica Weidig

94

Willian Correia, José Carlos e Nivan Correia

Heinz Schulz, Nivan Correia e Ale Leme


6.

Ricardo Bondavalli, Dr. Nildo Duarte e Nivan Correia

7.

7. Camila Fit faz festa com alunos.

Camila Siduoski Rudnick e Alexandre Rudnick

Camila Siduoski Rudnick encerrou o ano de atividade dos seus alunos com festa e diversão. O local escolhido foi a Vila Nutri que combina com o estilo de vida da personal training. Camila, com sua dedicação, consegue manter seus alunos, não só por competência, mas também pelo carinho. Segundo ela, muitos planos virão para 2017! | Foto: Alexandre Rudnick

8. InfinityTower é entregue com festa.

7.

Nivan Correia entregou o empreendimento Infinity Tower, completando com este, 11 prédios ao total desde que chegou à cidade há pouco mais de 8 anos. Nivan Correia estava visivelmente satisfeito com o resultado do grandioso edifício e seus investidores e moradores igualmente felizes de ver o capricho no acabamento. Para comemorar mais uma vitória da Construtora e Incorporadora Correia, Nelson Freitas, ator global, foi convidado para dar um pocket show! Simpático como sempre, agora ele também passa a ter seu olhar para Joinville inclusive como um dos investidores da Construtora e Incorporadora Correia. | Fotos: Alana e Max Schwoelk

Emilio Gomes, Alexandre Rudnick, Camila Siduoski Rudnick, Ivan Gomes Curvello Jr., Elcio Oliveira, Irene Oliveira, Maura Hinselmann, Helena Lütke Krüger, Julio Laurindo, Luiz Fernando Ramos, Roseli Hardt Rudnick, Aline Leticia 8.

9. Festas. 9.

9. Richard Luiz e Bene de Oliveira, Nelson Freitas com José Carlos e Bruno Carlos de Oliveira

Reges Bessa, Poliana Boniatti, Monique Amin Ghanem e Omar Amin Ghanem Filho 9.

Claudine Zattar comemorando o aniversário, em família, em Balneário Camboriú

8.

9.

Breno Bernardes e Briana Eger

Cirlei Leite, Nelson Freitas, Marise Leite e Nivan Correia

Clube Divino 8.

9.

9.

Luciane Silva e Elisabeth Heinzelmann

8.

Odete Acordi Diener e Luciane Silva 9.

9.

Nelson Freitas e Fabiola Bernardes

Fabiola Bernardes Emilio Gomes, Bruno Bernardes de Mendonça, Caio de Mello Gomes, Breno de Mello Gomes e Fabio Bernardes 9.

Malu Salgueiro e Laura Waltrick

Ivo e Iara Koentopp

@FabiolaBernarde

Fabiola Bernardes

Éverson, Jana e Lívia Krzeminski

9.

Elói e July Tonet com Álvaro e Scheila Cauduro

9.

Emilio Gomes, Gisele Silva, Fabiola Bernardes e Paulo Cardoso

Assista no Canal 26 NET Joinville| Diariamente às: 08h - 10h13h – 16h – 17h | 20h - 23h e meia noite. | INÉDITO: 22 h

95


contato@leandrosoaresfotografia.com.br www.leandrosoaresfotografia.com.br (47) 3027-4740 | 9670-0235 Siga no Instagram: @leandrosoares_foto Facebook: leandrosoaresfotografia

EU AMO FOTOGRAFIA

Leandro Soares

Casamento de Anna e Vagner Dutka, com recepção no salão Sargentos.

Gabriela e Vinicius Rocha casaram-se com uma belíssima cerimônia na Igreja Santíssima Trindade e recepção no salão principal do Glória, com uma noite super divertida ao som do Dj Fabinho.

Trocaram alianças em dezembro, no CTA, o casal Talita e Kelvin do Amaral

Leidiani e Sharles Nezello casaram com cerimônia na igreja Paróquia Nossa Senhora de Fátima e recepção e festa na Lírica. Para ver mais acesse nosso blog: www.leandrosoaresfotografia.com.br/blog

96


SO FIST IC A Ç Ã O, EXCLU S IV ID A D E E Q U A L ID A D E

NOVO ENDEREÇO EM JOINVILLE Rua Max Colin, 1010, Bairro América Telefone: 47 3433 5378

lojasflamingo.com.br

TODA LOJA EM ATÉ

6x NO CARTÃO

Blumenau • Florianópolis • Itapema • Itajaí Balneário Camboriú • São José • Criciúma


DUO

EXPONOIVAS

Para organizar A FESTA Exponoivas 2017 reúne fornecedores e auxilia noivos Fotos: Divulgação e Banco de Imagens

V

estido, terno, aluguel de carros, local para a festa, buffet, decoração, bolo, som, iluminação. Há muito tempo os casamentos deixaram de ser apenas uma confraternização e se tornaram verdadeiros espetáculos. Os fornecedores acompanham a evolução desse nicho, que virou uma indústria pronta para satisfazer desde os desejos mais

98

simples até os mais excêntricos. Para quem está planejando a festa, feiras que reúnem fornecedores do segmento, como a Exponoivas Joinville 2017, podem auxiliar as escolhas. “Produzir um casamento é um sonho. São tantos detalhes e nenhum deles é menos importante. Trazemos profissionais comprometidos e empenhados para que tais sonhos se tornem realidade”, afirma Ester Zen, uma das responsáveis pelo evento. Entre os dias 17 e 19 de março, na Yelo Stage, a Exponoivas reunirá mais de 40 expositores. No ano passado, durante os três

dias, o espaço recebeu mais de 1.500 visitantes. Segundo Ester, a expectativa agora é aumentar esse número e consolidar a exposição como a melhor no segmento, em Joinville: “O objetivo dos expositores é divulgar e firmar negócios. Em outras situações, eles levariam muito mais tempo para ter contato com potenciais clientes. A pessoa que vem para a feira já sabe que quer soluções práticas e inovadoras para o seu casamento”. A Associação dos Profissionais, Serviços para Casamento e Eventos Sociais (Abrafesta) estima que o setor movimente R$ 16,8 bilhões por


ano. As cifras refletem as novidades que são apresentadas aos casais em eventos voltados para a celebração de matrimônios. Quem festeja a união pode transformar os rostos dos noivos em bonecos 3D para colocar no topo do bolo, criar uma réplica de chocolate do vestido da noiva para os convidados degustarem e servir bebidas em drones. Só no ano passado, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais de um milhão e trezentos mil casamentos foram oficializados no Brasil. Em Santa Catarina, foram 33.169 uniões. No mesmo período, em Joinville, foram registrados 3.377 casamentos. Soraia Körber, proprietária da Soraia Eventos, dá algumas dicas para os noivos que visitarão a Exponoivas: “Tenha um aplicativo no celular ou uma agenda para

fazer anotações. Como são vários estandes, é preciso marcar os prós e contras para fazer uma avaliação posterior. O mercado de eventos cresceu muito, são muitas opções. É preciso saber o que o casal quer, quanto eles têm e se cabe no orçamento”. A sócia da Elo Cerimonial, Poliana Kermaunar, explica que a preparação deve ter início antes mesmo do evento. “Se puder, faça uma pesquisa prévia dos fornecedores. É importante também levar a data da festa e o número de convidados”, afirma. Antes de fechar o negócio, é preciso confiar nos fornecedores, que serão os olhos dos noivos no dia do casamento. Poliana observa que ocasiões como a Exponoivas, em que o contato é tão próximo, possibilitam o atendimento personalizado: “Temos pacotes que adaptamos às necessidades específicas de cada

casal. A partir do momento em que somos contratados, cuidamos do planejamento, prazos de contratos, orientamos fornecedores, entre outras ações. Em Joinville, temos características da região, por exemplo, os convidados gostam de muita comida, um buffet com grandes variedades. Ar-condicionado também é imprescindível”. Dentre as principais tendências do mercado, ambas citam a personalização das festas. “Os estilos vintage e minimalista estão em alta. Cada vez mais, os noivos dão um toque pessoal na decoração, levando objetos de casa para o evento”, observa Poliana. “Tenho feito muitos mini weddings, cerimônias para até 60 pessoas, em residências, cafés ou ao ar livre. Os casais querem mais qualidade para poder aproveitar o momento com os amigos e familiares”, completa Soraia.

99


QUEM CASA QUER CASA (E FESTA) Com a crise política e financeira do Brasil, muitas pessoas ingressaram no setor como uma alternativa de trabalho. De acordo com Soraia, os clientes precisam ficar atentos: “Vejo muitas pessoas trabalhando com eventos, mas nem tantos profissionais. Nossa área não é fácil. É preciso ter qualificação,

Foto: Vanderlei Kupicki

Foto: Vanderlei Kupicki

100

pois você deixa a sua família durante todo o final de semana, fica em pé o dia inteiro e corre de um lado para o outro”. Ela conta que divide sua atuação em três pilares: responsabilidade, profissionalismo e amor. “É preciso se especializar e ter compromisso. Temos 10 recepcionistas na equipe que são freelancers e todas participam de capacitações. Casamento é um evento que não

pode ter erro”, pontua. Um erro pode custar caro. Segundo as empresárias, os custos de um evento variam bastante. “Depende do perfil de cada casal. Hoje, percebemos que os noivos preferem investir em um imóvel e economizar na festa. Mas, com trezentos reais por convidado conseguimos fazer um casamento básico. Porém, quanto mais alto o padrão, mais cara a festa”, diz Poliana. ■


CRÔNICAS DA VIDA REAL Márcia Tasca

A

cho que há um grande denominador comum entre nós mulheres: o ódio – ou nojo – pelas baratas. Somos praticamente divididas em subgrupos: as corajosas que as matam sem pestanejar, as que ignoram seu medo absoluto e as exterminam por obrigação; e há aquelas – nas quais me encaixo melhor, confesso – que são capazes de se mudar de malas e cuias para uma outra casa no meio da madrugada, deixando marido e filhos para trás, caso encontre este bicho passeando pela sua casa. A soma de nossos maiores medos se resume em uma barata voadora. Nada pode ser pior que você enxergar uma barata voando em sua direção e você saber: “Sim, ela vai pousar em mim”. Já fiz cenas dignas de Matrix para desviar de uma, já corri em meio a multidões, já deixei amigos falando sozinhos, filhos largados na calçada… Tudo para fugir de uma barata. Certo dia eu vi uma barata voadora entrando em nosso quarto,

102

eu podia sentir sua presença, seu cheiro, seus passos (ok, ok, talvez eu esteja exagerando). Meu marido saiu à caça, levantou a cama com um único braço, empurrou TO-DOS os móveis possíveis para o lado e ao final falou aquilo que eu não queria ouvir: “ela já deve ter saído.” Não, meus amigos, as baratas nunca saem. Elas não somem, elas não vão embora, elas ficam ali, num cantinho, apenas esperando você dormir para caminhar no seu rosto, boca e entranhar em seus cabelos. No fundo meu marido sabia que aquela resposta não me convenceria. Até já sugeri que talvez ele devesse ter uma barata morta escondida em algum lugar, para usar nestes casos. “Olha amor, matei a barata” – eu realmente ficaria mais feliz e aliviada. Relendo este texto, só reafirmo meu grande medo de baratas, mas me mantenho firme em declarar que só há algo que mais aterrorizante que ela: a borboleta! Não me julguem, um dia ainda conto o meu trauma, tenho minhas razões.■

Foto: Banco de Imagens

Dona Baratinha


RUA MINISTRO CALÓGERAS, 896 • 1O ANDAR • CENTRO • JOINVILLE/SC | (47) 3433.6326 • (47) 98801.7468 | WWW.BARBEARIAMINISTRO.COM.BR MODELO BRUNO FARIA | FOTOGRAFIA ARTHUR ANDRADE | PRODUÇÃO SONG HOMEM E MULHER | BARBEIROS MARCIO E JONATHAN | MAKEUP CAMILA SELLA


Revista Duo - 044  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you