Page 98

Sustentabilidade | por Renata Mendes

Nem tudo que reluz é ouro agrega talento, cultura e beleza também cintila e tem o seu valor Aquilo que

A

biojoia é a soma do belo ao ecológico, proporcionando charme e estilo para qualquer ocasião. Nos últimos anos, esses acessórios vêm ganhando o gosto de mulheres e homens antenados com a moda.

Foto: J. Leine

em joalheira) preciosas e semipreciosas, o artesanato é o fôlego que toma, no momento de escassez, a população, que vive em sua maioria da mineração. As coleções de turmalina, água marinha e outros mais de 130 minerais viraram joias pelas mãos de pessoas que só as usavam para escavar a terra. Joaquim Vidal de Negreiros Filho é um deles. Desde menino no garimpo, ele entendeu que a natureza tem seu ritmo e ele precisa acompanhá-lo se quiser viver dela. Hoje, além de garimpar, produz peças artesanais com pedras paraibanas, muitas delas exclusivas da região. O seu produto vai para vários estados do Brasil e também para o exterior. Além disso, participa de feiras estaduais e nacionais e é um grande divulgador do minério paraibano por onde vende suas peças. Elas são indicadas para quem tem um estilo tradicional e romântico.

Restos mortais

Esse estilo soma suas peças à modernidade, aos valores contemporâneos e à preocupação com o meio ambiente. Quando produzidas pelas mãos de artesãos, juntam ainda outra qualidade: a história popular. Na Paraíba, vários artistas já identificaram este filão e com criatividade produzem economia verde e transformam a realidade de famílias, municípios e até regiões inteiras.

E quando a matéria-prima das peças não brota do solo, mas dos restos mortais de bois? Parece nojento, meio macabro, mas só parece, porque o resultado é encantador. Maria Joselene Bernardo de Souto, a Jô, há 25 anos, produz na cidade portuária de Cabedelo, colares, anéis e pulseiras a partir de ossos das patas dos bois.

Os garimpeiros do Seridó paraibano chegaram a criar outra fonte de renda através disto. Além de explorar o solo atrás de gemas (mineral ou rocha utilizada como adorno

Jô aprendeu a técnica com pessoas que se instalaram na cidade, vindas do Recife, que praticamente escravizaram ela

98

MODASHOESBRASIL

Moda Shoes Brasil - ed03  

Moda, calçados, acessórios, bolsas e muito mais.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you