Page 1

Trabalho realizado por: Ana Monteiro nยบ1 Helena Bogas nยบ4 Joรฃo Carvalho nยบ6 11ยบ P


O Homem é um ser racional, pois é esse princípio que o diferencia dos outros animais, ou como afirmava Aristóteles, ’’um animal político. ’’ A natureza engloba os fenómenos do mundo físico e a vida em geral. As pessoas atualmente não se importam com a natureza. Mas devemos ter um especial cuidado devido às suas matérias-primas nos darem uma vida melhor. Várias pessoas ganham dinheiro a partir da natureza que oferece muitas riquezas que são frequentemente exploradas. Vários jovens fazem parte de ONG de apoio a preservação da natureza. As nossas atitudes têm que mudar, senão levaremos à extinção da natureza, essas atitudes ajudarão a que os animais e as plantas existentes possam sobreviver. A natureza precisa de cuidados assim como qualquer ser humano, sendo nosso dever cuidar para que ela continue existindo. Tal como o ambiente é um local que deve ser apreciado, respeitado e preservado, pois é dele que se retiram as matérias-primas, designados recursos naturais. Estes são elementos da natureza que são úteis ao Homem no processo de desenvolvimento da civilização, sobrevivência e conforto da sociedade em geral. Os pontos elementares da sustentabilidade visam à própria sobrevivência no planeta, tanto no presente quanto no futuro. Esses princípios são: utilização de fontes energéticas que sejam renováveis e não renováveis.

A degradação ambiental é um processo de degeneração do meio ambiente, onde as alterações biofísicas provocam alterações na fauna e flora natural, com eventual perda de biodiversidade. Normalmente é associada à ação de poluição com causas humanas. Durante o decorrer da evolução de um ecossistema, pode ocorrer degradação ambiental por meios naturais. Ao longo do tempo o aumento da população mundial tem levado a que seja preciso cada vez mais produção de alimentos e técnicas que aumentem a sua produtividade. Utilizam as


florestas para criarem espécies de animais e vegetais. Os químicos que utilizam para aumentar a produtividade poluem os rios, as águas subterrâneas e contaminam os alimentos. A urbanização multiplica esses factores de desequilíbrio e usa os recursos naturais em elevado numero, o que leva a quebrar as cadeias naturais de reprodução desses recursos e reduz a capacidade da natureza construir novas situações de equilíbrio.

Os recursos naturais podem ser divididos em hídricos (água), minerais (rochas), biológicos (madeira e papel), energéticos (renováveis- energia solar ;não-renováveiscarvão). Os recursos naturais são limitados como o petróleo, o urânio, o algodão, a água, o minério, o solo, as árvores entre outros, portanto não existirão para sempre. Carvão: é relativamente abundante, tem uma distribuição geográfica mais dispersa, devido a isso o seu preço é mais baixo. O seu interesse começou a aumentar devido ao esgotamento mais rápido do petróleo. Os maiores inconvenientes da combustão do carvão são a poluição atmosférica e o aumento do efeito de estufa. Urânio: é um minério radioactivo, é utilizado na energia nuclear. Não tendo quase impacto no efeito de estufa. Petróleo: Grande poluidor ambiental através dos derrames ocorridos durante a exploração e transporte, e pelo aumento dos gases de estufa.

A poluição ambiental tem, em geral, duas causas principais, responsáveis pelo actual estado decadente do nosso planeta. Uma delas é a tendência que o Homem sempre sentiu para a mecanização. Como nenhum outro ser vivo, o Homem consegue transformar as matériasprimas que dispõe, de forma a torná-las úteis para si, seja como ferramentas ou máquinas, e como objecto de lazer ou arte. A segunda causa reside no contínuo aumento da população, que, entre outros, implica uma crescente produção de alimentos.


Entendemos como Desperdício de Energia o consumo exagerado de energia, muito acima das necessidades reais. Por exemplo: um carro que pode transportar cinco pessoas frequentemente transporta apenas uma, gastando a mesma quantidade de energia.

O exemplo mais flagrante de Desperdício de materiais é a utilização excessiva de produtos de embalagem (papel, plástico, espumas,etc.), gerando uma quantidade enorme de desperdícios.

A designação de área protegida refere-se, em Portugal, a uma zona delimitada em que qualquer intervenção humana está condicionada e sujeita a regulamentos específicos tendo em vista a sua proteção ambiental ou outra. Parque Natural referese a uma área pouco alterada pelo homem, com ecossistemas pouco alterados pelo homem, amostras de regiões naturais características, paisagens naturais ou humanizadas ou habitats de espécies com interesse ecológico, científico e educacional.


Desenvolvimento Sustentรกvel


O homem e a natureza: Será possível a sustentabilidade?  

Trabalho sobre a sustentabilidade do planeta

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you