Page 1


Sobre a Editora Oxford Presente em mais de cem países, a Editora Oxford é um departamento da Universidade de Oxford. Suas publicações contemplam todas as disciplinas do currículo escolar, e todo o material educacional que desenvolve considera as características do sistema de ensino de cada país. O trabalho da Editora Oxford dá suporte e possibilita que os objetivos da Universidade quanto à pesquisa, ao desenvolvimento do conhecimento e à educação sejam alcançados com excelência. Para tanto, todos os anos são publicados mais de 6 mil novos títulos, em mais de 40 idiomas, tanto em formato impresso quanto digital. Entre suas publicações, destacam-se livros didáticos para o ensino de língua inglesa e de todas as demais disciplinas, do Ensino Infantil ao Ensino Médio; obras acadêmicas de diferentes áreas do conhecimento; livros infantis e de ficção; partituras musicais, monografias e os mundialmente reconhecidos dicionários Oxford. A Editora Oxford acredita que a educação muda a vida das pessoas para melhor, por isso trabalha na certeza de que todos os dias é possível fazer a diferença para alunos e professores que utilizam seu material. A Oxford valoriza e apoia instituições e profissionais da educação que compartilham dessa visão, a fim de que, juntos, possam trabalhar na construção de um país melhor.

2


O Projeto Lume foi cuidadosamente elaborado para oferecer ao estudante brasileiro do Ensino Fundamental II as condições necessárias ao desenvolvimento de habilidades e competências que o auxiliarão não apenas durante sua trajetória escolar mas também ao longo de toda a sua vida.

Construção de repertório conceitual Contribui para o domínio da linguagem específica de cada disciplina por meio de um trabalho sistemático que propicia a ampliação do vocabulário e de seus significados.

Aquisição de repertório cultural Textos e imagens sobre temas selecionados facilitam o acesso a bens culturais, fornecem uma base comum de conhecimentos gerais e ajudam a estabelecer relações entre os conteúdos estudados e outras esferas do conhecimento.

Para atingir esse objetivo, esta nova coleção relaciona os conteúdos do currículo nacional à riqueza das manifestações culturais e os analisa à luz da ética e de outros valores fundamentais à formação do cidadão crítico e consciente, capaz de transformar a informação abundante do mundo moderno em opinião e experiência de vida.

Trabalho com valores Nessa empreitada, o estudante utilizará um material didático elaborado por uma equipe brasileira dedicada a superar os atuais desafios da educação no país e que conta, para tanto, com a experiência secular da Oxford University Press, uma das editoras mais respeitadas do mundo.

Aborda temas transversais e competências do século XXI: autoliderança, administração do tempo, educação financeira, educação para o consumo, educação para o trabalho, empreendedorismo, higiene e saúde, letramento digital, meio ambiente, orientação sexual, pluralidade, responsabilidade social e sustentabilidade.

3


Conheça o livro de História do Projeto Lume Abertura de capítulo A história tem como objeto de estudo o passado, mas está em constante diálogo com o presente. Assim, em cada capítulo, o trabalho começa com a exploração de assuntos que relacionam o conteúdo às experiências prévias e à vida cotidiana dos alunos.

Imagens ajudam os alunos a relacionar temas das sociedades do passado a questões atuais.

Para começar traz questões que estimulam, por meio da troca de ideias e da construção coletiva do conhecimento, o resgate de informações e a elaboração de hipóteses.

O auxílio visual colabora no resgate de conhecimentos prévios e prepara para a aquisição de novos conteúdos ou o aprofundamento deles.

A cada unidade, os alunos são desafiados a desenvolver um novo Projeto de pesquisa, a fim de trabalhar diferentes habilidades. Ao longo de toda a unidade, há orientações passo a passo para que eles desenvolvam os trabalhos propostos.

4


Blocos didáticos O conteúdo é apresentado de forma atraente, com texto de fácil compreensão e apoio de recursos variados, como imagens, mapas, infográficos e atividades que exigem dos alunos diferentes competências e habilidades.

O tema de cada capítulo é subdividido em aulas. Em cada uma delas há a indicação dos objetivos que os alunos devem alcançar nas diferentes etapas do aprendizado.

Localizadores no alto da página identificam a unidade, o capítulo e o tema da aula.

Texto, imagens, infográficos, mapas e outros recursos visuais são combinados para apresentar as informações de modo atual e atraente aos alunos. Atividades exploram a compreensão de conceitos, a interpretação de diferentes fontes de informação, o posicionamento crítico e o trabalho com valores.

Mais informação traz dados que complementam e ampliam o assunto estudado. Pode apresentar um ponto de vista diferente, informações veiculadas pela mídia ou temas curiosos que despertem ainda mais o interesse dos alunos pelas sociedades do passado.

5


Zoom cultural – Repertório cultural O ensino de história está intimamente relacionado com a exploração de aspectos culturais diversos, de sociedades do passado e também da sociedade em que vivemos. Partindo dessa premissa, foram planejadas aulas especiais que trazem conteúdos e propostas de atividades diferenciadas para colocar os alunos em contato com variados elementos culturais.

A seção Zoom cultural tem tratamento gráfico diferenciado para destacar que se trata de uma aula especial, em que o foco é explorar a diversidade das manifestações culturais de sociedades do passado e do presente.

Por meio de textos e imagens, é possível explorar aspectos culturais variados: pinturas, obras-primas da literatura, esculturas, músicas, arquitetura, arte popular, festas típicas, entre outras manifestações. Nesses momentos os alunos entram em contato com diferentes culturas, e abre-se espaço para a construção do respeito às diferenças.

6

O Falando nisso... apresenta uma proposta de atividade lúdica em que os alunos desenvolvem diferentes projetos de releitura das manifestações culturais estudadas.


Tantas histórias História é uma ciência viva que se relaciona com o presente a todo momento. A seção Tantas histórias, recorrente em todas as unidades, explora temas atuais que têm estreita relação com situações do passado. Traz ainda atividades que exigem dos alunos posicionamentos críticos e ampliação de conteúdo em ambiente digital.

Textos instigantes e imagens trazem informações que permitem aos alunos refletir sobre situações dos dias atuais que têm estreita relação com acontecimentos do passado.

Atividades de interpretação de texto, de relação de informações e propostas de debates e de posicionamento ético ajudam os alunos a estabelecer relações entre o presente e o passado.

Ao acessar o link indicado, é possível encontrar outras referências sobre o assunto e continuar a reflexão.

Investigando a história A análise de fontes primárias é a base de qualquer pesquisa histórica. A seção Investigando a história apresenta essa oportunidade aos alunos: eles encontrarão, ao final de cada capítulo, um exercício de interpretação de fonte histórica. Pode ser a análise de uma fonte material, um sítio arqueológico, um texto, um documento epigráfico ou iconográfico, entre outras possibilidades.

Um texto introdutório ajuda os alunos a contextualizar o documento investigado. A Ficha do documento ajuda os alunos a reconhecer características básicas da fonte analisada e orienta os primeiros passos do trabalho investigativo. Atividades orientam a leitura do documento e auxiliam os alunos a depreender informações relacionadas aos assuntos estudados ao longo do capítulo. Ao acessar o link indicado, é possível continuar e ampliar o trabalho com o documento analisado.

7


Exercícios integrados Ao final de cada unidade, foi pensada uma aula com exercícios diversificados que retomam os conteúdos trabalhados e exigem diferentes habilidades dos alunos. As atividades propostas exigem diferentes competências e habilidades dos alunos: resgate de informações, organização e sistematização de ideias, relação de informações, elaboração de hipóteses, construção de argumentação, leitura de textos e imagens, posicionamento crítico, entre outras.

O fechamento da unidade é também o momento em que os alunos devem concluir o Projeto de pesquisa.

Na conclusão dos Exercícios integrados, propõe-se uma atividade de interpretação e compreensão de um texto de caráter científico. É uma oportunidade de os alunos entrarem em contato com textos elaborados com a linguagem específica do conhecimento histórico. Uma das atividades propõe um desafio, sempre relacionado a alguma questão ética do mundo contemporâneo. É uma maneira de o conhecimento histórico ser aplicado para resolver situações-problema e elaborar propostas de intervenção social.

Amplie Em cada unidade, uma seção de ampliação indica livros, sites, filmes e outros conteúdos multimídia que os alunos podem explorar para conhecer mais sobre os assuntos estudados.

8


Repertório conceitual A cada unidade, sugerem-se duas palavras ou termos-chave para os estudos históricos, que devem ser trabalhados de maneira cuidadosa para enriquecer o repertório conceitual que acompanhará os alunos na vida acadêmica e na vida profissional. O objetivo é explorar os sentidos históricos desses conceitos, bem como a multiplicidade de significados que lhes pode ser atribuída.

No final do livro, há uma ficha para cada conceito explorado no repertório conceitual. Depois do trabalho de aprofundamento, é possível registrar, de maneiras diversas, algumas definições para os termos.

Para enriquecer o trabalho com os termos do repertório conceitual, o Livro do Professor traz orientações didáticas e sugestões de atividades especiais.

Organizando o estudo Ao final de cada capítulo, o aluno tem oportunidade de revisitar o conteúdo trabalhado e organizar e sistematizar as informações estudadas. Propõe-se também a reflexão sobre o processo de ensino-aprendizagem por meio de uma autoavaliação de atitudes e do desempenho ao longo do processo de aquisição de novas informações.

Construindo o tempo: no encerramento de cada capítulo, há o link para um conteúdo digital de ampliação. Por meio de exercícios de revisão e retomadas dos temas estudados, os alunos constroem uma lúdica linha do tempo, que os ajuda a organizar as novas informações e a compreender o encadeamento cronológico dos acontecimentos.

Todos os capítulos se encerram com uma proposta de retomada dos principais conceitos estudados e uma sugestão de autoavaliação para que os alunos reflitam sobre suas estratégias de estudo.

9


Quadro de conteúdos 6º ano Capítulo

Temas abordados

1. História, memória e sociedade

Os objetos de estudo da história e do historiador; As fontes históricas e as formas de conhecer os acontecimentos do passado; As formas de registrar e contar a passagem do tempo, no presente e no passado; As divisões didáticas da história; As diversas possibilidades de leitura e de interpretação da documentação histórica; A relação do passado com a construção do presente.

2. Os seres humanos na Pré-história

As teorias que explicam a formação da Terra e a existência dos seres humanos; O trabalho de investigação da cultura material pré-histórica e os profissionais que se dedicam a sua interpretação; O processo de distribuição dos seres humanos pelo mundo; A revolução agrícola; A formação das primeiras cidades e o surgimento da escrita em diferentes sociedades antigas.

3. Oriente Médio na Antiguidade

O conceito de civilização; O surgimento das primeiras cidades na região da Mesopotâmia; As principais características sociais, econômicas e políticas dos povos mesopotâmios; Os povos que se estabeleceram na porção oriental do Mar Mediterrâneo e as relações que estabeleceram com sociedades de outras regiões; Os elementos da cultura desses povos que permanecem em nossa sociedade.

4. Egito e reinos africanos

A importância do Rio Nilo para a ocupação humana da região nordeste da África; A organização e a hierarquia da sociedade do antigo Egito; O papel da religião e as variadas manifestações artísticas da sociedade egípcia; As sociedades da região da Núbia e sua relação com o Egito na Antiguidade; As características dos reinos de Kush e de Axum.

5. Índia e China

A importância dos grandes rios para a sedentarização em diferentes regiões do Oriente; Aspectos culturais, sociais e tecnológicos que caracterizam as civilizações do Oriente; As antigas civilizações que se formaram nas proximidades do Rio Indo: harapense e védica; A chegada dos seres humanos à região da China e as dinastias que governaram esse território na Antiguidade.

6. Os primeiros habitantes da América

A Pré-história do continente americano e sua cronologia; As hipóteses que tentam explicar a chegada dos seres humanos à América; A diversidade de culturas dos povos da América pré-colombiana; As formas como os europeus registraram os primeiros contatos com os povos indígenas e como os representaram nos séculos seguintes; A influência indígena na cultura brasileira dos dias de hoje.

7. Outras civilizações da América

A fixação dos povos maias em áreas da atual América Central e a construção de grandes cidades; A organização, o funcionamento e aspectos culturais da sociedade maia; A formação da sociedade mexica e o Império Asteca; A organização, o funcionamento e aspectos culturais da sociedade asteca; A formação, a organização social e aspectos culturais do Império Inca; A influência dessas antigas culturas no mundo contemporâneo.

8. A civilização grega

As civilizações cretense e micênia; O surgimento das póleis e o processo de expansão colonial das cidades-Estado gregas; A organização sociopolítica de duas das mais marcantes cidades-Estado da antiga Grécia: Atenas e Esparta; A invasão macedônia e o período helenístico, com destaque para o estreitamento das relações entre Ocidente e Oriente; Aspectos culturais marcantes da antiga civilização grega para a construção da cultura do mundo ocidental.

9. A civilização romana

A formação da sociedade romana; A influência etrusca na cidade de Roma e a organização da monarquia; A organização da sociedade romana; O processo de formação da república romana e suas principais instituições; As guerras e a política de expansão territorial e a importância do exército romano nesse processo; Os triunviratos e a formação do Império Romano; A crise do Império Romano e a divisão do território em duas áreas administrativas; O surgimento do cristianismo e a relação da nova religião com a política imperial romana; A relação do Império Romano com as sociedades que viviam além de suas fronteiras e a invasão de Roma por povos “bárbaros”.

7º ano

10

Capítulo

Temas abordados

1. Idade Média na Europa

O processo de ruralização da sociedade europeia; A organização do feudalismo; O encontro das culturas romana e germânica; As relações de suserania e vassalagem; As transformações sociais que marcaram a Europa a partir do segundo milênio; As diferentes situações nas várias regiões do mundo; O papel da Igreja Católica na organização social e política da Europa feudal; As principais características culturais da Europa medieval.

2. O Oriente no período medieval

O Império Bizantino e o Cisma do Oriente; A tomada de Constantinopla; As civilizações do Oriente Médio e o islamismo; A guerra de expansão territorial e a difusão da cultura islâmica; A invasão da Península Ibérica.

3. As Cruzadas e o renascimento comercial

As expedições cruzadas; A relação das Cruzadas com o renascimento urbano e comercial; A ampliação das relações sociais e econômicas entre a Europa e o Oriente; A Peste Negra e as transformações sociais que ocorreram a partir do século XIV.

4. A formação do mundo moderno

A transição do período medieval para a Idade Moderna; O fortalecimento das cidades e a importância do comércio para a economia europeia; O Renascimento Cultural na Península Itálica e em outras partes da Europa; A formação dos Estados Nacionais.

5. A sociedade moderna

A organização da sociedade europeia na Idade Moderna; A permanência das estruturas medievais; As Grandes Navegações e o encontro da Europa com a África e a América; A Reforma Protestante e a Contrarreforma; Os Estados absolutistas na Europa.

6. A Europa e a América se encontram

A busca de novos caminhos para os mercados do Oriente; A chegada dos europeus à América; Os primeiros contatos entre ameríndios e europeus na América portuguesa e na América espanhola; A importância da cultura e dos conhecimentos indígenas para os primeiros colonizadores europeus da América.

7. A colonização da América

O período pré-colonial na América portuguesa e a exploração de pau-brasil; A organização da administração portuguesa na Colônia: as capitanias hereditárias e o governo-geral; A vida nas primeiras vilas brasileiras; As formas de administração na América espanhola; A colonização europeia na América do Norte.

8. Brasil: colônia de Portugal

A função econômica de uma colônia; Açúcar: uma nova riqueza no Brasil; O trabalho de africanos escravizados na América portuguesa; A organização social da chamada “sociedade do açúcar”; O comércio triangular; As invasões holandesas do Brasil; A ampliação territorial da América portuguesa; A situação de africanos e indígenas no Brasil colonial.

9. Ouro e diamante nas Minas Gerais

A descoberta de ouro no Brasil colonial; A transferência da capital de Salvador para o Rio de Janeiro; O trabalho nas minas; O conhecimento de metalurgia trazido da África; Arte e cultura na sociedade mineradora; A Conjuração Mineira e outras revoltas anticolonialistas; A situação em outras regiões da América portuguesa no século XVIII.


8º ano Capítulo

Temas abordados

1. “Século das Luzes”

A crítica ao Antigo Regime; Os principais valores defendidos pelo Iluminismo e sua expressão na economia e na sociedade; As ideias iluministas e a revolução científica do século XVIII; A influência das ideias iluministas na independência das Treze Colônias da América do Norte.

2. Revolução Francesa

A situação social e econômica da França no século XVIII; A convocação da Assembleia dos Estados Gerais; A instituição da Assembleia Constituinte e a nova Constituição francesa; A monarquia constitucional; O Terceiro Estado no poder: girondinos e jacobinos; A Convenção e o Diretório; A chegada de Napoleão Bonaparte ao governo da França; A influência do movimento revolucionário na Colônia de Santo Domingo.

3. Transformações nas relações de produção

As inovações científicas e tecnológicas que permitiram a industrialização da produção; O processo chamado de Revolução Industrial; As mudanças na vida dos trabalhadores; Os movimentos que questionaram a nova sociedade industrial; Outras revoluções industriais; Algumas comparações com a situação dos trabalhadores nos dias atuais.

4. Brasil: de colônia a reino independente

A transferência da capital colonial para o Rio de Janeiro; As transformações sociais com a vida urbana no Brasil central; Revoltas nativistas e contra a Metrópole; A situação política da Europa e a vinda da família real portuguesa para a América; O Brasil como capital do Império Português; As transformações sociais, culturais e urbanísticas na América portuguesa; A independência do Brasil e o reinado de D. Pedro I.

5. Em outros países da América

A situação dos Estados Unidos após a independência; Movimentos anticoloniais e os processos de independência na América espanhola; A importância dos chamados “libertadores da América” e a heroicização desses personagens até os dias de hoje; Aspectos da vida cotidiana em diferentes regiões da América; O reconhecimento internacional das independências americanas; A herança colonial na América contemporânea.

6. Europa, África e Ásia no século XIX

A França napoleônica e a política de conquista territorial; O Congresso de Viena e a reorgnização das fronteiras na Europa e nos territórios coloniais; O processo de unificação política da Itália e da Alemanha; A ideologia imperialista e neocolonialismo; A partilha da África e da Ásia; Os conflitos na Europa que desembocaram na Primeira Guerra Mundial; Os principais movimentos artísticos e culturais do mundo entre os séculos XIX e XX.

7. Novas relações de trabalho

Os trabalhadores e a nova economia industrial; Os principais movimentos organizados por trabalhadores contra a exploração econômica e social; As teorias e as bases ideológicas que buscavam explicar as transformações sociais provocadas pela mudança nas relações de produção; Trabalho escravo e trabalho livre em diferentes regiões da América; A relação do trabalho escravo com a Guerra Civil dos Estados Unidos.

8. Primeiro Reinado e Regências

A situação social, econômica e política do Brasil nos anos seguintes à independência; Os principais marcos políticos e sociais do Primeiro Reinado; As raízes populares e o caráter republicano de movimentos como a Revolução Pernambucana, a Confederação do Equador e a Guerra da Cisplatina; O processo político que levou à abdicação de D. Pedro I; Os governos regenciais e as manifestações populares em diferentes regiões do Brasil; A situação do povo brasileiro nas primeiras décadas do século XIX.

9. Segundo Reinado

O movimento que culminou com o “Golpe da Maioridade” de D. Pedro II; O sistema de monarquia parlamentar e a atuação política de liberais e de conservadores; A economia cafeeira e as transformações pelas quais passou a sociedade brasileira; As reações contrárias ao trabalho escravo no Brasil; A Guerra do Paraguai e a situação do Brasil no cenário político da América do Sul; O papel do Brasil no cenário cultural, político e econômico do mundo na segunda metade do século XIX.

9º ano Capítulo

Temas abordados

1. O mundo no começo do século XX

Aspectos sociais, culturais, econômicos e políticos do mundo na virada do século XIX para o século XX; A situação da Europa no começo do século XX e a Paz Armada; O processo que levou à Primeira Guerra Mundial; Novos métodos de guerra e a utilização de novas tecnologias bélicas; A Revolução Russa; A situação mundial no pós-guerra e a Crise de 1929; As consequências da crise econômica nos Estados Unidos e no mundo.

2. Brasil: construção da República

A crise do regime monárquico no final do século XIX; A movimentação dos intelectuais republicanos; A chamada República das Espadas e os desafios dos primeiros anos da república; A organização da república oligárquica e os desdobramentos regionais do poder dos “coronéis”; O debate de modernização que tomava conta do mundo e acabou chegando ao Brasil; O incentivo à imigração europeia e o esforço para substituir trabalhadores livres descendentes de escravos por imigrantes; O crescimento da atividade industrial no Brasil; Diferentes movimentos de caráter popular que marcaram o Brasil entre o final do século XIX e o início do século XX.

3. Novas agitações na Europa

A Europa na década de 1930 e a ascensão de regimes fascistas em algumas regiões; O fortalecimento da União Soviética; A reação anticolonialista na África e na Ásia; O panorama sociopolítico que levou à Segunda Guerra Mundial; O conflito que arrasou a Europa e a Ásia; Os acordos políticos que levaram ao fim da guerra e a situação dos países vencedores e dos vencidos depois do conflito; As consequências da Segunda Guerra Mundial, como a criação da ONU e a Declaração dos Direitos Humanos; A criação do Estado de Israel e os conflitos árabes-israelenses; A polarização do mundo entre capitalistas e socialistas.

4. Brasil em meados do século XX

A “quebra” da República “Velha” com a Revolução de 1930; O governo de Getúlio Vargas e o Estado Novo; As medidas sociais e de modernização do país do governo de Vargas; As eleições de 1945 e o processo de industrialização e a modernização da economia brasileira; Os principais aspectos tecnológicos, culturais e sociais da chamada “Terceira República”; O governo de Juscelino Kubitschek e a definição de novas políticas internacionais para o Brasil; As transformações que marcaram a sociedade brasileira após o grande crescimento econômico do final da década de 1950; A eleição de Jânio Quadros, a crise da renúncia de João Goulart e o processo que conduziu ao golpe militar de 1964.

5. O mundo em conflito no fim do século XX

A situação mundial em meados do século XX; O processo que levou à Revolução Comunista na China; O panorama político de Estados Unidos e União Soviética na década de 1950; Os eventos que culminaram com a tomada do poder, em Cuba, pelo Movimento Revolucionário 26 de Julho, liderado por Fidel Castro; O Plano Marshall, a Guerra da Coreia, os conflitos no Oriente Médio, entre outras ações militares e políticas; A Guerra do Vietnã; A “descolonização” da África e da Ásia; As políticas de aproximação entre o mundo capitalista e o mundo socialista; As transformações pelas quais passou o mundo nas últimas décadas do século XX.

6. Brasil: ditadura e processo de redemocratização

O governo militar no Brasil; O AI-5, em 1968, e o que isso significou para o país nas mais diferentes esferas; As reações (contrárias e favoráveis) da sociedade brasileira ao governo militar e aos acontecimentos mundiais do período; Movimentos civis de resistência à ditadura, campanhas por direitos humanos, a pressão pela anistia, entre outros enfrentamentos diretos ao governo militar; Governos ditatoriais em outros países da América Latina; O processo de redemocratização no Brasil.

7. A construção do mundo do século XXI

A construção de um mundo globalizado e menos compartimentado a partir do final do século XX; O fenômeno de crescimento dos Tigres Asiáticos e o caminho aberto para o crescimento dos países em desenvolvimento; O crescimento industrial e econômico que o Brasil experimentou a partir da década de 1990; Conflitos armados em diferentes regiões do mundo; O desenvolvimento de novas tecnologias marcantes no início do século XXI; O panorama político e econômico brasileiro na década de 1990: o governo de José Sarney e o de Fernando Collor de Mello; A valorização de culturas de diferentes partes do mundo.

8. Um mundo sem fronteiras?

As diferenças ideológicas, políticas e econômicas que estão por trás dos novos conflitos entre Ocidente e Oriente; A estabilidade econômica alcançada durante o governo de Fernando Henrique Cardoso e os problemas sociais que marcaram o processo de transformações políticas; A eleição de Luiz Inácio Lula da Silva e as permanências e as rupturas com relação ao governo anterior; Os movimentos de cunhos social e político contra quaisquer tipos de exclusão e discriminação; A Primavera Árabe; As crises econômicas das primeiras décadas do século XXI; O panorama do Brasil desde o final do governo Lula e a eleição de Dilma Rousseff; Os grandes desafios sociais, políticos, econômicos e ambientais a serem vencidos no século XXI.

11


Projeto Lume - História  

O Projeto Lume foi cuidadosamente elaborado para oferecer ao estudante brasileiro do Ensino Fundamental II as condições necessárias ao desen...

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you