Page 4

Notícias

Paróquia da Penha realiza Assembleia da Juventude Jovens são protagonistas do hoje e do amanhã da Igreja Foto: Paróquia Nossa Senhora da Penha

Evento reuniu esforços e estabeleceu metas para o trabalho com a juventude na paróquia

No dia 30 de março, aconteceu a 1ª Assembleia da Juventude da Paróquia Nossa Senhora da Penha, na cidade de Passos, reunindo cerca de 130 jovens. O evento foi organizado pelos grupos de jovens JUC (Pastoral da Juventude), ENJOC (do Treinamento de Liderança Cristã) e jovens renovados (da Renovação Carismática Católica), sob a orientação e o acompanhamento dos padres da Comunidade Paroquial, padre Francisco Clóvis Nery (pároco) e padre Gilmar Antônio Pimenta (vigário Paroquial). A Assembleia utilizou um texto de apoio, embasado no conceito de ‘Pessoa, Comunidade e Sociedade’, sendo um subsídio para os debates que foram calorosos e cheios de esperança. Os jovens definiram alguns eixos principais a serem trabalhados na paróquia, com ênfase à importância do

conhecimento da Palavra de Deus, da acolhida, da troca de experiências e do gritante apelo de cada um sair do comodismo e ir ao encontro do outro. Como bem disse um participante: “Precisamos ir para as ruas, aqui têm jovens, mas faltam muitos, precisamos melhorar.” Destaca-se também a presença das pastorais e movimentos da paróquia na Assembleia. O CPP assumiu toda a parte de logística do evento, bem como intercessão, vigília, recepção e acolhida, preparação das refeições, limpeza do ambiente, o que foi muito bem recebido pela juventude que se sentiu acolhida. As principais decisões aprovadas em Assembleia foram: - Formação de uma equipe paroquial com representantes dos grupos de jovens, da catequese de Crisma, coroinhas e acólitos, para a condução das atividades definidas na Assembleia;

- Organização de equipes missionárias da juventude, para dar seguimento ao processo de visitas missionárias; - Formação de equipe permanente para as visitas missionárias aos jovens afastados; - Realização de eventos religiosos, culturais e recreativos voltados para a juventude; - Envolvimento da juventude nas atividades pastorais, com diálogo e participação das decisões; - Usar as redes sociais com sabedoria para anunciar o Evangelho e fazer a divulgação dos eventos; - Buscar conhecer a realidade dos irmãos excluídos, vítimas das drogas, da violência e outros males e, sob a luz do Evangelho, inseri-los na Comunidade. - Organização de Semanas da Cidadania, para discussão das questões sociais que atingem a juventude, visando

ao engajamento de todos na construção de políticas públicas voltadas para os jovens. “A juventude não é o amanhã da Igreja, mas sim o agora. Acreditamos que esta semente lançada na Comunidade Paroquial, atendendo ao pedido do Setor Juventude da CNBB e às reais necessidades de nossa juventude, trarão muitos frutos no seguimento do Jovem de Nazaré, que nos deixou o legado de, todos juntos, sermos discípulos missionários! Parabéns aos nossos jovens, que buscam o protagonismo de uma nova história de fé e vida e a todos os grupos pastorais que, de algum modo, somaram na acolhida à 1ª Assembleia Paroquial da Juventude, da Paróquia Nossa Senhora da Penha”, disseram os padre Francisco Clóvis Nery e Gilmar Antonio Pimenta. Por Coordenação Paroquial da Juventude

Comunidade São Pedro, em Alfenas, celebra sagração da nova Matriz Foto: www.guaxupe.org.br

Na noite do dia 3 de abril, foi presidida pelo bispo diocesano, dom José Lanza Neto, a cerimônia de sagração da nova igreja matriz de São Pedro Apóstolo, em Alfenas. Concelebraram o pároco, padre Carlos Virgílio Saggio, o vigário, padre Paulo Carmo Pereira, além de outros padres da diocese. A entrada com a imagem do patrono São Pedro e a entrega das chaves ao bispo diocesano emocionaram a comunidade paroquial. Em sua homilia, dom José Lanza destacou a importância da nova matriz, não apenas como construção, mas do propósito em que foi edificada, a de acolher os fiéis. O pároco, em seus agradecimentos, prestou homenagem a todos que o auxiliaram para que o projeto se tornasse realidade, aos pedreiros do mutirão, às mulheres que preparam lanches e a partilha dos dizimistas. Por www.guaxupe.org.br

4

Dom José Lanza preside celebração e paroquianos se emocionam ante o novo templo

Jornal Comunhão - A Serviço das Comunidades

jornal_comunhao_maio_2014