Page 1

Informativo São Francisco

Fevereiro / 2013

Ano X

1

Boletim Informativo da Paróquia São Francisco de Assis - Sorocaba/SP

Nº 125

Fevereiro / 2013

CRIANÇAS E JOVENS SERVINDO EM NOSSA PARÓQUIA

Força da Palavra

Qualidade de Vida

Trabalhe Conosco

Oração ao Pai

C.S. Barcelona Itinerário do Ônibus

Pastoral da Acolhida Pastoral Familiar

Pag. 2

Pag. 3

Pag. 3


2

Informativo São Francisco

MÊS DE FEVEREIRO: PENITÊNCIA, CONVERSÃO E PERDÃO!

Editorial IRMÃOS E IRMÃS, PAZ E BEM! Fevereiro, muitos estão voltando de suas merecidas férias, outros já estão em pleno ritmo de vida, retomados com vigor e entusiasmo. Volta às aulas, mochilas, material, uniformes, novos amigos e professores. Escolas, verdadeiros santuários da educação, acolhendo a todos para um novo tempo. Enfim, é a vida em sua batida, na marcação da grande sinfonia, no arranjo dos instrumentos, mostrando o quanto vale a pena viver! Mais uma vez se aproxima a festa de Nossa Senhora de Lourdes, a festa litúrgica é celebrada sempre no dia 11 de fevereiro, neste ano a data coincide com a segunda-feira de Carnaval. Teremos três grandes realidades que nortearão nossa vida comunitária neste mês de fevereiro, estendendo-se para todo o ano, marcando profundamente todas as atividades comuns e próprias de nosso dia a dia na vida paroquial. A QUARESMA tem início na quarta feira de cinzas, 13 de fevereiro, indo até a Semana Santa. É um tempo fecundo, que nos convida a uma grande experiência de conversão, uma mudança de vida. A CAMPANHA DA FRATERNIDADE, que terá início com a quarta-feira de cinzas e marca a vida da igreja durante todo ano. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) promove a Campanha da Fraternidade, desde o ano de 1964, como itinerário evangelizador para viver intensamente o tempo da quaresma. O tema da Campanha deste ano: “Fraternidade e juventude”, e lema: “Eis-me aqui, envia-me!”(Is. 6,8). ANO DA FÉ, todos nós, os católicos, devemos participar desse ano com “todo coração, com toda alma e com todo entendimento” (Mt. 22,37). Cristo é nosso Senhor e nos convida a contemplar o mundo e seus irmãos com novos olhos. Somos todos convocados a renovar, assim, nossos compromissos de batizados em nossas missões, pastorais, movimentos, equipes de serviços... Que Nossa Senhora de Lourdes interceda a Deus por todos nós, dando-nos dias melhores, com paz, saúde e alegria. Amém.

MARIA DE LOURDES SOUZA (MALU)

Fevereiro / 2013

C

aríssimos irmãos em Cristo Jesus, chegamos ao mês de fevereiro, e a Igreja mais uma vez vem nos pedir a penitência, como principal alicerce para a nossa fé. A lembrança maior da penitência nos é retratada pelo próprio Jesus que, após ter crescido em meio aos seus, começa sua missão salvífica passando primeiramente pelo deserto. Gostaria de refletir um minuto sobre este deserto que Jesus passou. Foram quarenta dias, que representam para nós, cristãos, em primeiro lugar, os quarenta anos que o povo de Israel teve que esperar para entrar na Terra Santa mas, muito mais que a representatividade, o deserto de Jesus representa todos os momentos de dificuldades que temos que passar em nossas vidas. A visão da tentação a provocá-lo é nada mais do que as nossas próprias tentações, pois também nós somos tentados pelos meios de comunicação, pela facilidade na obtenção do lucro fácil, no distanciamento de nossos irmãos da Ceia Eucarística. É importante que possamos refletir que, embora o tentador oferecesse a Jesus todo o tipo de facilidade, em nenhum momento o Mestre o amaldiçoou, pois Ele sabia

A força da palavra

Oração ao Pai Óh Deus...Todo Poderoso ! Senhor absoluto do tempo, do espaço, da matéria, da vida e da morte. Deus de Abraão, de Isaque, de Jacó. Deus de Moisés, de Davih, de José e de Jesus e, também o meu Deus. Deus que me deu uma vida , uma família, um lar e a liberdade de escolher o meu destino. Tudo de acordo com a minha vontade, sem nenhuma Ingerência pois, Ele me deu o Livre Arbítrio. Senhor, permita-me dizer que o Livre Arbítrio é, na verdade, um passaporte para um mundo maravilhoso ou para a escuridão e o sofrimento. Mas, o Senhor, na sua infinita bondade e sabedoria ainda, deu-nos o perdão, para livrar-nos de nossos pecados. Então,... só podemos seguir o caminho do Bem,da Justiça, e da Gratidão. Obrigado meu Deus...Obrigado meu Senhor ! Nelson Nemer

que era preciso passar pela prova do amor maior e, este desafio que nos é lançado pelo próprio Filho de Deus, são perguntas fáceis, mas que tornam nossa missão de penitência cada dia mais valiosa. Será que somos capazes de renunciar à televisão e seus programas, que nada acrescentam a nossa caminhada? Será que somos capazes de amar nossos irmãos marginalizados, mesmo que estes tenham nos ofendido? Será que amamos nossa comunidade com total empenho, a ponto de nos colocarmos ao serviço de nossas pastorais, independentemente do coordenador que lá esteja? Será que aceitamos o desafio de coordenar nossa pastoral, sendo serviço para cada membro e não tomando esta como propriedade nossa? Refletir o deserto de Jesus é refletir muitas vezes nossa ignorância, nosso desdém com as coisas de Deus, nossa comodidade ao olharmos nossa Igreja e não nos preocuparmos com aqueles que não mais participam. Portanto, caríssimos irmãos, o tempo da quaresma serve como penitência, para que possamos perguntar a nós mesmos: como está minha caminhada de fé? É preciso buscarmos as ovelhas desgarradas para que, na celebração do Sábado Santo estejamos novamente todos reunidos ao redor da mesa eucarística. Quando falamos em conversão, esta idéia me passa pela cabeça como a nossa conversão pelo irmão, nosso pedido de oração por aqueles que não oram, nosso comprometimento pela verdadeira causa do Reino do Pai. Com

toda a certeza, o caminho para a Casa do Pai é árduo, e não conseguiremos chegar até lá de mãos abanando É preciso que estejamos segurando nas mãos de nossos irmãos menos favorecidos e que mãos mais fortes ainda nos puxem a caminho da Casa Paterna. Quando falamos em nossas liturgias em obras, é justamente nestas, ou seja, na construção da verdadeira Igreja de Nosso Senhor, sem diferenças sociais, sem arrogância, sem tronos, mas com todos tendo o mesmo direito a participar da Festa do Cordeiro. A Igreja também nos fala do perdão, o mesmo perdão que Jesus deu a Pedro, o mesmo perdão que Jesus oferecia a cada um no momento da cura. Somos agora seus discípulos e temos em nossas mãos e no coração, o sentido verdadeiro do perdão. Somos chamados a perdoar e a sermos perdão para com todos os nossos irmãos, pois não somos donos da verdade, não somos santos mas cristãos em busca da verdadeira santidade e este direito Jesus consagra a cada um de nós. Assim como o fez com os apóstolos ele o faz conosco. Somos sacerdotes da missão evangelizadora da Santa Igreja e para que tenhamos a certeza desta nossa missão é necessário que nos coloquemos a serviço, nos despindo de qualquer tipo de egoísmo: “Àquele a quem muito foi dado, muito será pedido”. Jesus, ao convidar-nos à sua missão de sermos evangelizadores, procura mostrar o quanto o nosso caminho será difícil, pois

profetizar o Reino dos Céus é tornar-se parte do mistério celebrado no altar: Ele sabe que o mistério da salvação somente vai se realizar, naqueles que crêem em Sua palavra e em Sua vida. Não poderia deixar de falar de nossa Mãe Maria Santíssima, ao refletir estas três virtudes e para tanto, gostaria somente de lembrar a penitência de Maria, no momento do “sim” de sua entrega ao mistério do Anjo Gabriel: sua fiel obediência a José, seu esposo, ao seguí-lo até Belém, sua humilde aceitação quanto ao local de nascimento do seu filho e sua aceitação aos Magos e Pastores. Sua eterna conversão, ao guardar todos os ensinamentos em seu coração, sem jamais questionar, Maria, ao aceitar Simeão e Ana, fala, a cada um de nós, que o idoso tem que ser respeitado e amado. Maria, ao falar com os serventes, mostra-se humilde a ponto de não questionar seu filho, mas de se mostrar como serviço a todos aqueles que deviam fazer parte do Mistério da Salvação. Maria, no perdão, mostra-se a verdadeira Mãe no momento da partida do filho, no seguir seus passos como serva obediente, no momento da cruz sem nunca reclamar, sem nunca falar, mas somente amando seu filho e todos aqueles que aceitaram o grande e eterno desafio da Cruz Redentora. Carlos Roberto Jacomini

Poesia do Mês

FELIZ 2013!!! PAZ E BEM! Com a graça de Deus, iniciamos mais um ano. Que ele seja de muita saúde, paz e prosperidade para todos nós. Peçamos ao Pai que nos fortaleça na fé, que nos dê sempre o discernimento necessário, para compreendermos Seu plano para nossa vida, seja na família, no trabalho, na comunidade ou onde quer que estejamos, para que possamos sentir a presença de Deus nos direcionando e caminhando conosco. Peçamos também, que Ele nos dê sabedoria, para que possamos fazer a Sua vontade, vivendo em harmonia com as pessoas e com a natureza, no compromisso de promover a VIDA, com respeito e com dignidade. Que Maria, nossa Mãe, nossa Intercessora, seja também para nós, exemplo de fé, de perseverança e de serenidade diante das surpresas, que a vida possa nos oferecer e que saibamos sempre dizer nosso sim, de maneira livre e consciente , como ela o fez. Peçamos também que neste ANO DA FÉ, o Espírito Santo renove em nós os Seus dons, e que assim possamos caminhar na alegria de sermos CRISTÃOS! Que a Palavra de Deus esteja sempre presente em nossa vida.

Olhar da fé A graça que Deus planeja, É a confiança por inteira. Com a fé cultivada na igreja, Cremos na Palavra verdadeira. Quem vive a fé verdadeira, Dá a mão para o Senhor. E passa a vida inteira, Gozando no Vosso Amor. Com o olhar da nossa fé, Jesus se torna presente. Ele se mostra como É, E habita no coração da gente. A fé nos impulsiona, A vivermos na verdade. Nossa vida direciona, Para a eterna felicidade. Autora: Maria Marlene Pontes de Tate

Cleonice, Comunidade Nossa Senhora co Carmo

EXPEDIENTE Informativo São Francisco - Ano X nº: 125 - Fevereiro/2013 - Publicação Mensal Responsável: Pe. Frei Cid Tadeu Passos OFM - Coordenadores Pascom: Sérgio e Solange Morbiolo Anúncios: na secretária da Paróquia: F: (15) 3231-3100 Redatores e Noticiarista: Equipe PASCOM - Diagramação e arte: Wilson Roberto Grillo Jr. Impressão: Diário de Sorocaba Tiragem: 1500 exemplares - Para anunciar ligue: (15) 3231-3100


Fevereiro / 2013

Informativo São Francisco

Qualidade de Vida

ACESSO AO CENTRO DE SAÚDE DA BARCELONA ITINERÁRIO DO ÔNIBUS O conselho local de saúde, juntamente com o Conselho municipal de saúde, conseguiu uma importante vitória para a população que utiliza os serviços do Centro de saúde Barcelona. Depois de vários anos solicitando a mudança do itinerário do ônibus que atende o bairro, para que passe mais próximo ao referido Centro de Saúde, o itinerário será alterado a partir do dia 21 de janeiro. O itinerário será o seguinte: segue normal até a Avenida Paraguai, após segue pelas Ruas Francisco Pinho, Guatemala, Bolívia, Colômbia, Panamá e Avenida Paraguai, retornando ao seu itinerário normal até o ponto final. No sentido bairro centro não haverá alteração no itinerário.

Os horários do ônibus serão os seguintes: Partindo do Terminal São Paulo: 07h29, 08h09, 08h59, 09h39, 10h19, 10h59, 11h39, 12h19, 12h59, 13h39, 14h29, 15h16, 16h00, 16h44min, 17h28min, 18h12. Essa vitória foi conquistada com muita perseverança e luta pelos conselheiros de saúde, tendo em vista os interesses da população do bairro .Em especial essa mudança beneficiará os idosos e mães com crianças, que a partir deste mês não precisarão mais andar um trecho em aclive, com calçadas esburacadas, para chegar até o serviço de saúde. É a população fazendo valer o seu direito de acesso a saúde.

CHARADAS DA CLARINHA

PASTORAL DA ACOLHIDA

Conselho Local de Saúde

“Acolhei-vos uns aos outros, como Cristo nos acolheu para a glória do Pai” (Rom 15,7).

CONFRATERNIZAÇÃO DA LEGIÃO DE MARIA

Esta é a principal missão de cada um dos integrantes da nossa Pastoral, que é acolher, amorosamente, todos os que chegam à nossa Paróquia, de modo que se sintam bem na casa do Senhor, pois acreditamos que, uma pessoa bem acolhida, torna-se “pedra viva” dentro da igreja. Acolher bem significa ter respeito e amor pelo próximo, estando atento às necessidades de nossos irmãos (crianças, idosos, portadores de deficiência), auxiliando sempre que necessário.

N

o dia 15/12/2012, na Comunidade São Pedro, a Cúria Mãe dos Apóstolos, fez a sua confraternização de final de ano, com quase duzentos legionários. Apesar da chuva torrencial que caia, abençoando nossa reunião e naturalmente molhando muitos que chegavam, não faltaram os sorrisos e a alegria, o que é de praxe entre nós. Temos muitos agradecimentos a fazer: ao quarteto musical, que nos brindou com os cantos em louvor a Nossa Mãe: senhores Nêgo (da Zilda), Edsom Quaranta, João e Olivier, ao nosso Diretor Espiritual: Diácono Pedro e sua esposa Dona Inês, que nos prestigiaram com sua presença. Iniciamos com o Terço, conduzido pelo nosso irmão Rui. Na procissão de entrada, ao som do Hino da Legião de Maria, foram introduzidos todos os símbolos usados nas Reuniões dos Praesidia e de Nossa Mãe Maria. O diácono Pedro iniciou a celebração, tendo como auxiliares: nossa irmã Adelaide como Comentarista, os irmãos Maguila e Aparecida como Proclamadores da Palavra, as irmãs Terezinha, Zilda, Maria Vilma e dona

3

Acolher bem significa, também, preservar o ambiente de nossas celebrações, tornando-o agradável e adequado à meditação e louvor a Deus. A Pastoral da Acolhida conta com equipes que atuam em nossas cinco comunidades e que, somadas, totalizam aproximadamente 100 pessoas. Para fazer parte da nossa equipe de acolhedores, não existe limite de idade: a única exigência é o amor e a alegria para se doar, servindo Nosso Senhor. Venha você também e participe de nossa Pastoral. Será uma alegria acolhê-lo. Pastoral da Acolhida

Pastoral Familiar Maria como Ministras de Eucaristia e cinco Coroinhas, a quem também queremos agradecer. Terminada a celebração, nos dirigimos ao salão, onde uma farta mesa nos aguardava, com salgados, doces, refrigerantes e o tradicional bolo. Foi uma grande festa, digna da Legião de Maria, pois somos todos irmãos. Foi uma tarde, onde nos confraternizamos e pudemos constatar a união existente entre todos, o que para nós, coordenadores é muito gratificante, e para isso, não há dinheiro que pague. Salve Maria!

Sob a supervisão do nosso Pároco Frei Cid, a Pastoral Familiar foca principalmente as famílias, ajudando na solução de problemas, fazendo visitas, tentando as conciliações e procurando restaurar a paz e o equilíbrio. Para isso, temos frentes de trabalhos: - Na regularização da situação matrimonial dos casais, com legitimação; - No Amor Exigente, onde auxiliamos na solução de dependência química do indivíduo e nas conseqüências causadas na sua família; - Na Pastoral de Rua; - Nas dificuldades conjugais dos casais; - No Terço dos Homens; - Nas Mil Ave-Marias;

Nelson e Vitória – Coordenadores Paroquial

Pastorais Às Pastorais, Sua pastoral ou grupo aparece pouco no jornal informativo da Paróquia??? Para divulgar seus eventos que aconteceram ou que acontecerão basta mandar um e-mail para nós.

solmorbiolo@yahoo.com.br

- No Batismo. Também promovemos encontros para os Noivos, Melhor Idade, Recém-Casados e Segunda União, usando toda estrutura e programação com palestras, dinâmicas, celebração, lazer, atividades diversas, café da manhã, almoço e lanche da tarde. A pastoral conta com, aproximadamente, quarenta pessoas que se dispõem a trabalhar com amor, para o bem estar das famílias e, estamos sempre, de braços abertos para acolher o irmão que queira vir trabalhar conosco.

Pastoral Familiar


4

Informativo São Francisco

CRIANÇAS E JOVENS ANUNCIAM O REINO DE DEUS

É

através de gestos simples que as crianças, adolescentes e jovens proclamam a Boa Nova do Reino de Deus, em nossa Paróquia. Incentivados a participar ativamente das celebrações e eventos que acontecem na Paróquia, as crianças e jovens vem demonstrando seu amor por Jesus e seguindo seus ensinamentos, pois Jesus disse “Sigam-me, e eu farei de vocês pescadores de homens”, Mt 4, 19. Servindo o altar nas celebrações, cantando, lendo, animando grupos de jovens, dando catequese ou mesmo participando das celebrações, eles levam o Amor de Cristo por onde passam, o levam para a escola, o levam para a casa e incentivam seus familiares e amigos a participarem com eles desse “Amor Maior”. Na nossa Paróquia o serviço comunitário é incentivado desde muito cedo e tem continuidade depois nos grupos de jovens, graças à abertura dada pelo nosso Pároco Frei Cid e respeitada por todas as demais pastorais, já que essas crianças, adolescentes e jovens são o presente e a continuidade de uma linda história. Essa abertura já se deu nos ministérios de música com os ministérios mirins e os ministérios de jovens, na pastoral da liturgia quando eles participam da preparação da liturgia das missas

da catequese e das missas dos jovens e quando fazem as leituras e comentários nessas missas, na pastoral da catequese, pois, depois de crismados os jovens já podem acompanhar catequistas mais experientes, na pastoral da acolhida recepcionando os fiéis para as celebrações e nas próprias comunidades com atividades dos grupos de jovens. E no último dia 02/02 nossa Paróquia pode presenciar mais um momento único protagonizado por nossos jovens e crianças. Todos se reuniram para receber o ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e a Réplica da Cruz da Jornada Mundial da Juventude que acontecerá em julho no Rio de Janeiro. Foi uma celebração abençoada e repleta de Graças! Que Nossa Senhora e seu Filho Jesus intercedam por nossos paroquianos junto a Deus Pai, especialmente por nossos jovens, adolescentes e crianças, para que não desanimem durante a caminhada e para que sempre mais possam proclamar o Reino de Deus e seu imenso Amor por nós. (Foto na Capa)

No dia 19 de janeiro último, o Frei Cid comemorou 27 anos, desde a sua ordenação sacerdotal, em 1986. Em nossa paróquia ele está entrando no sétimo ano como Pároco, à frente das pastorais e movimentos, deixando sua marca de atuação em todos nós. Motivado por uma grande espiritualidade, por um imenso amor à Eucaristia e a Maria e por um senso de retidão e justiça, o Frei Cid comanda nossa Paróquia com cinco Comunidades, insistindo e fazendo-as caminharem unidas. Nas homilias, suas palavras doces, contundentes e perfeitas a respeito de Jesus, e o entendimento de cada ato descrito na Palavra de Deus, impulsiona todos a terem uma idéia bem direcionada de atitudes

SÃO BRÁS, PROTETOR DA GARGANTA Nascido na cidade de Sebaste, na Armênia, São Brás era um ótimo médico, que prestava um grande serviço à sociedade. Na sua busca a Deus, foi evangelizado e sua vida então, sofreu uma forte modificação. Bispo de Sebaste, sucessor dos Apóstolos, corajoso, de oração e pastor das almas, evangelizava com seu testemunho. Perseguido por ser cristão, São Brás foi preso e sofreu chantagem para que renunciasse à sua fé. Por amor ao Cristo à Igreja, preferiu renunciar à propria vida. Em 316, foi degolado. Conta a história que, ao caminho do martírio, foi abordado por uma mãe que trazia no colo uma criança, que estava morrendo engasgada, com uma espinha de peixe. Então, ele parou, olhou para o céu, orou e a criança foi curada. Na nossa paróquia, em cada Comunidade, o Frei Cid celebrou as missas de ação de graças e as bbençãos gargantas, São Brás. ençãos ã ddas as garga ntas t ddee S ão B rás á Pedimos a intercessão desse santo, para que nossa garganta e nosso coração possam propagar a Palavra e o Amor de Deus. São Brás, rogai por nós!

Silvia Cristina Urtado Comunidade – Paróquia São Francisco de Assis

27 ANOS DE SACERDÓCIO... 27 ANOS DE ENTREGA...

PASCOM

FORMAÇÃO PARA OS COROÍNHAS

Sábado, dia 26 de janeiro, tivemos uma formação diferente, preparada por nossos coroinhas Giovanna, Rafael e Nicole: estivemos no Parque dos Espanhóis, onde passamos uma manhã bastante divertida e agradável, com gincanas e dinâmicas. Agradecemos a todos que participaram, e, apesar do tempo chuvoso, estavam todos dispostos e alegres. Deus os abençoe sempre!

Convite:

e caminhos a seguir, segundo a vontade de Deus. Obrigado Senhor, por termos à frente esse Pastor que caminha ao nosso lado! Paz e Bem!

Gostaríamos de convidar crianças e adolescentes que queiram ser coroinha, para participar de nossa formação, que acontece todo sábado, na Comunidade São Pedro das 10h00 as 12h00. Você será muito bem-vindo. Pastoral dos Acólitos

PASCOM

Fevereiro / 2013


Fevereiro / 2013

Informativo São Francisco

CAMPANHA DA FRATERNIDADE Será lançada, no dia 13 de fevereiro, quarta-feira de Cinzas, mais uma edição da Campanha da Fraternidade (CF). Neste ano, o tema será “Fraternidade e Juventude” e o lema “Eis-me aqui, envia-me!” (Is 6,8). Todos os anos, durante o período quaresmal, a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) realiza a Campanha da Fraternidade, que tem por objetivo, despertar a solidariedade de seus fiéis e de toda a sociedade em relação a um problema concreto que envolve a nação. “Refletir sobre a realidade das juventudes no contexto da atual cultura midiática, para compreender seu impacto na vida dos jovens à luz do evangelho, acolhendo-os como sujeitos e, com eles, construir relações e estruturas que promovam a Vida”, é o objetivo geral da Campanha da Fraternidade de 2013. A Campanha da Fraternidade, é um instrumento para desenvolver o espírito quaresmal de conversão e renovação interior, a partir da realização da ação comunitária, que para os católicos, é a verdadeira penitência que Deus quer em preparação da Páscoa. Ela ajuda na tarefa de colocar em prática a caridade e ajuda ao próximo. É um modo criativo de concretizar o exercício pastoral de conjunto, visando a transformação das injustiças sociais. Desta forma, a Campanha da Fraternidade, é a maneira que a Igreja no Brasil celebra a quaresma em preparação à Páscoa. Ela dá ao tempo quaresmal uma dimensão histórica, humana, encarnada e, principalmente comprometida com as questões específicas de nosso povo, como atividade essencial ligada à Páscoa do Senhor. Fraternidade e Juventude, o tema da Campanha da Fraternidade de 2013, promovida pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), tem como propósito ser uma voz profética e transformadora para a vida do povo. Objetivo Geral Acolher os jovens no contexto de mudança de época, propiciando caminhos para seu protagonismo no seguimento de Jesus Cristo, na vivência eclesial e na construção da vida, da justiça e da paz. Objetivos específicos 1 - Propiciar aos jovens um encontro pessoal com Jesus Cristo, a fim de contribuir para sua vocação de discípulo missionário e para a elaboração de seu projeto pessoal de vida; 2 - Possibilitar aos jovens uma participação ativa na comunidade eclesial, que lhes seja apoio e sustento em sua caminhada, para que eles possam contribuir com seus dons e talentos;

5

SEJAM BEM VINDOS A Paróquia São Francisco de Assis acolhe esses pequeninos e deseja que as Graças do Senhor sejam derramadas sobre eles e suas famílias.

Maria Cecília (10/05/2012) Wilson e Carmelina

Maria Clara (23/09/2012) Adriano e Graciana 3 - Sensibilizar os jovens para serem agentes transformadores da sociedade, protagonistas da civilização do amor e do bem comum. O lema escolhido - “Eis-me aqui, envia-me”(Isaías 6,8) - ressalta o reconhecimento da arte da Igreja do valor do jovem, provocando neles este compromisso de serem comunicadores da vida e da verdade que liberta os filhos de Deus de todas as amarras, escravidões, condicionamentos. “O eis-me aqui, envia-me é a voz forte do jovem que, repleto de sonhos e com grande auto-estima, se coloca à disposição para ajudar a todos nós a navegarmos em águas profundas neste mundo virtual que lhe é caro e próprio”. Em nossa paróquia vamos trabalhar a Campanha da Fraternidade tendo os jovens como agentes desse trabalho juntamente com os adultos, tendo oficinas de trabalho ao longo do ano. Portanto, convocamos toda a paróquia para de fato estudarmos, refletirmos e buscarmos meios, para que possamos plantar sementes que possam germinar e gerar frutos que tragam vida plena, especialmente para os nossos jovens. Se organize em sua pastoral, movimento, grupo de trabalho, vizinhos e forme um grupo, e seja um animador para vivenciarmos intensamente essa quaresma e a Campanha da Fraternidade. Que o bom Deus nos permita trabalharmos por nossa e com nossa juventude, como se todos eles fossem nossos filhos, aos quais dedicamos boa parte de nossas vidas, fazemos sacrifícios, mas com muito amor; o mesmo amor que Jesus e Maria têm por cada um de nós. Que Deus abençoe e conserve os jovens de nossa paróquia no meio de nós e no caminho da luz, e aos que estão afastados que possamos ir ao encontro deles.

Equipe Organizadora da Via Sacra Paroquial avisa que os trabalhos para a realização da 11ª Via-Sacra ao Vivo se iniciaram no dia 27 de Janeiro de 2013 na Comunidade São Pedro. Convidamos a todos os paroquianos e também nossos irmãos de outras paróquias que queiram participar deste trabalho catequético a participarem conosco, quer seja na encenação ou nos trabalhos que estão relacionados à Via Sacra. Um desses trabalhos será a venda e entrega de pizza semi-pronta que realizaremos na Paróquia no dia 23 de Fevereiro. Os bilhetes para as pizzas já estão à venda com membros de nossas cinco comunidades. Prestigiem e saboreiem! Por favor, pedimos a todos observar e divulgar as datas e horários de nossos encontros-ensaios nos avisos paroquiais. O primeiro encontro foi dia 27 de Janeiro, e, os seguintes serão todos os domingos, a partir do dia 17 de fevereiro, sempre às 14h30, na Comunidade São Pedro - Barcelona. Venham vivenciar este momento de fé, serviço e ressurreição em Cristo Jesus. PAZ E BEM!

Pastoral da Juventude

Equipe Organizadora da Via Sacra

João Pedro (07/01/2013) Carlinhos e Carol

VIA SACRA PAROQUIAL

A


6

Informativo São Francisco

Fevereiro / 2013

Evangelho

EVANGELHO MÊS DE FEVEREIRO 03.02.13 QUARTO DOMINGO T.COMUM Lucas 4,21-30 “Nenhum profeta é bem recebido na sua pátria” Não é fácil entender o desfecho da visita de Jesus a Nazaré, logo após o seu batismo. É muito violenta a mudança de atitude dos nazarenos, vai da admiração à fúria. Em primeiro lugar “todos aprovavam Jesus, admirados com as palavras cheias de encanto que saíam da sua boca”. Maravilhados com os milagres feitos em Cafarnaum, mas pararam aí por causa do lado humano de Jesus, havia a rejeição de seus moradores à sua pregação no começo de sua vida pública.O carpinteiro pobre que cresceu ali aos olhos deles, não podia ser o personagem referido na Sagrada Escritura, lida a poucos momentos. Faltou-lhes o passo da fé. Como os nazarenos, nós ficamos, às vezes, “empolgados”, com a nossa missa do fim de semana. Achamos bonitos os cânticos, a vibração com o levantamento de braços, o entrelaçamento da hora do pai-nosso. Mas ficamos “só” nisso. Falta-nos o passo da fé, mesmo sabendo que a missa é um “mistério da fé” (Misterium fidei) e sabendo que ela deve ser continuada no dia-a-dia. Nós discriminamos, com facilidade, os nossos irmãos, “para fazer o passo da fé, é necessário os cortar a autossuficiência. Os autossuficientes não sentem necessidade da fé, não tem condições para a graça da fé. É como a pedra dura em relação à semente.” Aqui há um desafio para todos nós, de deixar que sejamos tomados pela Palavra de Deus, de tal maneira que a nossa palavra não seja mais a nossa, mas, a manifestação do Espírito que habita em nós. 10.02.13 QUINTO DOMINGO COMUM Lucas 5, 1-11 “Senhor, afaste-te de mim, porque sou um pecador” A Palavra de Deus encorajava a multidão, fazia com que as pessoas se sentissem amadas, aceitas, valorizadas. A Palavra de Deus era realmente “Boa Notícia” para os humildes e

sofridos. Nada deve, ou pode substituir esta Palavra. Nenhuma palavra humana, por mais eloquente ou edificante que seja, pode igualar-se à Palavra de Deus. Que saibamos ver a ação do Espírito Santo na grande procura da Bíblia entre as comunidades, especialmente entre os mais pobres. Terminada a pregação, Jesus pede que Simão “avance para águas mais profundas”, para lançar as redes. Pois, barca à beira-praia não pesca nada! Como é tentador para nós, a Igreja, as comunidades, as pessoas, ficarmos seguros nas águas rasas que não apresentam perigo,(e tampouco frutos). Se quisermos realmente ser“pescadores de homens”, teremos que enfrentar as águas profundas da vida, com todas as incertezas e inseguranças que isso acarreta, pois o Evangelho deixa claro que quando os apóstolos foram chamados, deixaram tudo para seguí-Lo. O seguimento de Jesus sempre exige que deixemos algo. Resta perguntar a nós mesmos: “O que é que o seguimento de Jesus exige que eu deixe, neste momento, na minha caminhada de discípulo/a”? 17.02.13 PRIMEIRO DOMINGO DA QUARESMA Lucas 4,1-13 “Você adorará o Senhor seu Deus e somente a Ele servirá” Este evangelho expressa a luta interna de Jesus, que na realidade se deu ao longo da sua vida pública, em discernir o caminho a seguir, depois de assumir a sua missão no batismo. Jesus era totalmente humano, e assim enfrentava as tentações. A experiência de Jesus é como a nossa, entre o nosso compromisso com o projeto de Deus e a vivência prática, existem muitas tentações! Jesus estava “repleto do Espírito Santo”, e era “conduzido pelo Espírito através do deserto”. O Espírito Santo não o conduz à tentação, mas é a força sustentadora d’Ele durante as suas tentações. As tentações são as mesmas que enfrentamos na nossa caminhada da fé hoje! Primeiro Jesus é tentado para mandar que uma pedra se torne pão. Aqui é a tentação do “prazer”, Uma

ENCONTRO DE NOIVOS ABRIL DE 2013 A Pastoral dos Noivos da Paróquia São Francisco de Assis, comunica, que nos dias 13 e 14 de abril deste ano, haverá o “Encontro de Noivos” de nossa Paróquia. Esse encontro, realizar-se-á na Igreja São Mateus (Vila Colorau), iniciando-se no sábado (13.04.2013) às 17h00 com a Santa Missa dessa comunidade e encerrando-se às 22:00 horas. No domingo (14.04.2013), o Encontro começará às 08h00 e terminará às 12h30. As inscrições devem ser feitas na Secretaria da Paróquia, com Valdirene. Equipe da Pastoral dos Noivos

tentação das mais comuns hoje, em um mundo que prega a satisfação imediata dos nossos desejos em uma sociedade que cria necessidades falsas através de sofisticadas campanhas de propaganda. Uma sociedade de individualismo, onde a regra é “se quiser, faça!”, onde o sacrifício, a doação e a solidariedade são considerados como ladainha dos perdedores! Jesus é contundente. Vivemos de pão, mas, não só! Jesus não é contra o necessário para viver dignamente. Mas, salienta que não é somente a posse de bens que traz a felicidade, mas a busca de valores mais profundos, como a justiça, a partilha, a doação, a solidariedade com os sofredores. A segunda tentação pode ser visto como a do “ter”. Algo atual! Vivemos na sociedade pós-moderna da globalização do mercado, do “evangelho” do mercado livre. Diariamente a televisão traz para dentro das nossas casas a mensagem de que é necessário “ter mais”, e que não importa “ser mais”! A terceira tentação pode ser entendida como a do “poder”. Uma tentação permanente na história das Igrejas e dos cristãos. Realmente, podemos nos encontrar nas tentações de Jesus! São as do mundo moderno, o ter, o poder e o prazer! Todas as coisas são boas em si, mas altamente destrutivas quando tomam o lugar de Deus em nossas vidas! Jesus teve que enfrentar o que nós enfrentamos, o que está dentro de nós, o tentador que procura nos desviar da nossa vocação de discípulos/as-missionários/as. 24.02.2013 SEGUNDO DOMINGO DA QUARESMA Lucas 9, 28-36 “Este é o meu Filho, o Escolhido. Escutem o que ele diz!”

Começando a passagem com as palavras: “oito dias após dizer essas palavras”, o evangelho de hoje liga estreitamente o texto com a mensagem anterior sobre o seguimento de Jesus até a cruz. Durante a oração, aparecem Moisés e Elias, símbolos da Lei e dos Profetas, duas das figuras mais importantes do Antigo Testamento. Mostra-nos que Jesus está em continuidade com as Escrituras, isso é, o caminho que Jesus segue está de acordo com a vontade de Deus. Os dois personagens, tanto Moisés como Elias, eram profetas rejeitados e perseguidos no seu tempo, o que demonstra o destino de Jesus, de ser rejeitado, mas também de ser glorificado por Deus. Pedro faz uma sugestão descabida, claro, era bom ficar ali, em um momento místico, longe do dia-a-dia, da caminhada, das dúvidas, dos desentendimentos, da luta. Quem não quereria? Mas não era uma sugestão que Jesus pudesse aceitar. Terminado o momento de revelação, “Jesus estava sozinho” e no dia seguinte “desceram da montanha” . Por tão gostoso que seja ficar no Monte Tabor, é preciso descer para enfrentar o caminho até o Monte Calvário! Aplicando o texto e a sua mensagem a todos os cristãos, podemos deduzir que todos precisam subir o Monte Tabor para serem transfigurados, para depois descerem para “lavar os pés” dos irmãos e irmãs! Todos nós, seja qual for a nossa vocação, precisamos de momentos de oração profunda, de união especial com Deus. Isso se torna cada vez mais importante no mundo atual de ritmo agitado, de estresse e correria. Esse trecho pode nos ensinar a valorizar os momentos de “Tabor”, os momentos de paz, de reflexão, de oração. Maria de Lourdes Souza (Malu)

MISSA DE APRESENTAÇÃO DO SENHOR NOSSA SENHORA DA LUZ Dia 02 de fevereiro foi um dia especial em nossa paróquia: recebemos a Réplica da Cruz Peregrina da JMJ e o Ícone de Nossa Senhora. A Cruz chegou às 17h00, foi recepcionada por um grupo de paroquianos (jovens e adultos) e entrou solenemente pelas mãos dos nossos jovens e adolescentes na missa paroquial da Apresentação do Senhor, Nossa Senhora da Luz e bênção das velas na matriz, às 19h30, presidida pelo nosso Pároco Frei Cid. A Cruz que foi idealizada pelos jovens da Paróquia São José Operário, e está visitando todas as paróquias da nossa Arquidiocese. Para nossa paróquia ela veio da Paróquia Nossa Senhora do Povo (Brigadeiro Tobias), trazida pelos jovens e alguns adultos, e aqui deve permanecer, visitando todas as nossas comunidades, até sábado, dia 09, quando será levada ao Recreativo Campestre, na Vigília de Carnaval.

A missa, muito bem preparada e celebrada, teve a participação de nossos jovens nos diversos serviços da liturgia. Nessa missa tivemos a presença do seminarista Eraldo, vindo do Rio de Janeiro, que está de férias em Sorocaba, na casa de parentes e,no momento da homilia nos transmitiu uma simples e bela mensagem do Evangelho. A visita dessa Cruz Peregrina, que passou por nossas comunidades, foi momento de oração, reflexão, unidade, bênção no meio de nós, incentivo à nossa juventude e uma forte preparação para a Jornada Mundial da Juventude que acontecerá em julho deste ano. Que Deus abençoe sempre mais a nossa paróquia e o Frei Cid por tudo que tem feito, especialmente em favor das crianças e dos jovens. Que Maria sempre passe a frente. Amém. (Fotos no Mural) Pastoral da Juventude


Fevereiro / 2013

Informativo São Francisco

7

Agenda Paroquial COMUNIDADE SÃO FRANCISCO VILA ASSIS

2ª feira – das 14h00 às 16h00 – Clube de Mães. Segunda 2ª feira do mês às 20h00 – Terço dos Homens. 4ª feira às 19h30 – Grupo de Oração. Segundo e quarto domingo do mês às 19h30 – Grupo de Jovens.

COMUNIDADE SÃO PEDRO BARCELONA

2ª feira às 19h30 - Grupo de Oração. Última 6ª feira do mês – Apostolado de Oração. 4ª feira das 14h00 às 16h00 – Clube de Mães. Sábado às 17h30 – Grupo de Jovens.

COMUNIDADE N.S. DO CARMO PARADA DO ALTO

6ª feira às 15h00 – Terço de Jesus Misericordioso. Sábado às 19h30 – Grupo de Oração. Domingo às 17h00 – Grupo de Jovens.

COMUNIDADE N.S. APARECIDA ZACARIAS

Última 4ª feira do mês às 19h30 – Apostolado de Oração. 5ª feira das 14h00 às 16h00 - Clube de Mães. 5ª feira às 19h30 – Grupo de Oração.

COMUNIDADE SÃO MATEUS COLORAU

3ª feira às 19h30 – Grupo de Oração. 3ª feira das 14h00 às 16h00 – Clube de Mães. Última 5ª feira do mês às 19h30 – Apostolado de Oração. Sábado às 19h00 – Grupo de Jovens.

MISSAS COMUNIDADE SÃO FRANCISCO 3ª feira às 19h30 – Missa de Adoração ao Santíssimo. Sábado às 19h30. Domingo às 18h00.

COMUNIDADE SÃO PEDRO Domingo às 08h00. Primeira 6ª feira do mês às 19h30 – Missa do Sagrado Coração de Jesus e da Família.

COMUNIDADE NOSSA SENHORA DO CARMO Domingo às 19h30.

COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA Domingo às 09h30.

COMUNIDADE SÃO MATEUS Sábado às 17h30. Todo dia 27 do mês às 19h30 – Missa de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO COMUNIDADE SÃO FRANCISCO Primeira 2ª feira do mês às 20h00.

COMUNIDADE SÃO PEDRO Terceira 6ª feira do mês às 18h00. Quarta 6ª feira do mês às 19h30.

COMUNIDADE NOSSA SENHORA DO CARMO Primeira 4ª feira do mês às 20h00.

COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA Segunda 5ª feira do mês às 19h30.

COMUNIDADE SÃO MATEUS Toda 4ª feira do mês às 20h00.

ATENDIMENTO DO FREI COMUNIDADE SÃO FRANCISCO Toda 5ª e 6ª feira das 14h30 às 16h30.

EXPEDIENTE DA SECRETARIA COMUNIDADE SÃO FRANCISCO De 3ª feira ao sábado, das 13h00 às 19h00.


8

Informativo São Francisco

Fevereiro / 2013

Mural

Jornada Mundial da Juventude

Missa de Apresentação do Senhor, N.Sra. das Candeias e Benção das Velas

sao-francisco-125_conferir  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you