Issuu on Google+

Informativo São Francisco

Novembro / 2012

Ano X

Boletim Informativo da Paróquia São Francisco de Assis - Sorocaba/SP

Agenda 2013

Pag. 2

Pastoral dos Noivos Círculo Bíblico

Nº 122

Novembro / 2012

Mural

Trabalhe Conosco

Faça a sua reserva

1

Pag. 3

Tríduo em louvor a N. Sra. Aparecida

Pag. 8


2

Informativo São Francisco

Mês de Novembro

Editorial Irmãos e irmãs, Paz e Bem! Neste mês de novembro nos voltemos para a grande confissão de fé do cristão católico apostólico romano: Eu Creio! São variados os acontecimentos que nos envolvem e nos desafiam a ter uma fé cristã cada vez mais profunda, viva e atuante. Daí, neste mês falarmos da fé em sentido religioso e cristão. O Papa Bento XVI apela para que o Ano seja uma espécie de Ano Santo da Fé, em que cada um se sinta chamado a fazer um exame de autocrítica da própria fé: Que tipo de fé é a minha? Que faço por ela? “Ter fé” é uma expressão muito usada nas mais variadas circunstâncias do dia a dia. E refere-se a um sem-número de objetos ou pessoas: em que, ou em quem acreditamos. Fundamentalmente, a expressão significa: Estou seguro de, estou convencido de, penso que… Tenho fé que o meu clube vai ganhar o campeonato; tenho fé que amanhã vamos ter bom tempo; etc. Do ateu ao agnóstico, todos têm esta “fé”… Não é esta fé que nos interessa aqui. O apelo do papa, dirigido a todos os cristãos, é o de termos uma fé cristã. Como a expressão indica, é adesão à Palavra e à Pessoa de Cristo, considerado como segurança e primeiro valor para quem crê. “Creio Senhor” foi à reação dos que Jesus encontrou nos caminhos da Palestina e deve ser também a nossa, hoje. Para isso, no Ano da Fé, devemos fazer um programa para cultivar a nossa fé individual, integrados numa comunidade que crê, de modo a torná-la mais adulta, e a nos tornarmos também capazes de anunciar, pela palavra e pelo testemunho, o Deus em Quem acreditamos. Precisamos ter o hábito diário de ler cada dia a palavra de Jesus e responder-Lhe com a oração. Participar de alguma formação cristã em nível paroquial, diocesano ou nacional. Formar ou tomar parte de algum grupo bíblico de estudo, de reflexão ou de oração. Rezar conscientemente o Credo, cada domingo, na comunidade, pois nele estão as verdades mais sagradas do cristianismo. Também neste mês vivenciaremos datas importantes de nosso calendário litúrgico, como o dia de todos os Santos, dia de finados, Santa Cecília e a solenidade de Cristo Rei. MARIA DE LOURDES SOUZA (MALU)

Novembro / 2012

Festa do Cristo Rei e Advento do Senhor

A

Igreja católica celebra, neste mês de novembro, duas solenidades importantes para a vida daqueles que recebem o nome de Cristãos. A primeira é a grande Celebração do Cristo Rei. E para que possamos entender esta festa, que traz em sua essência, a excelência do ser cristão, é importante que recordemos o porque dela existir. Jesus é o Cristo de Deus. Está no mundo com uma única missão: servir aqueles mais pequeninos. A Igreja prepara nossos corações para encontrarmos a divindade de nosso Senhor, servindo aos menos favorecidos, da mesma maneira que ele os serviu. Jesus, para mostrar sua realeza, não se veste de pompa nem de grandezas, ele simplesmente nos dá o exemplo maior de amor. Deixa claro que o Reino dos céus é para aqueles que O receberem transvestido de mendigo, de prisioneiro, de esfoliado. Jesus Se coloca diante de cada um de nós como peregrino, para que o aceitemos, e desta forma podermos amá-lO no altar de Seu sacrifício. Jesus nos chama pelo nome, somos seus amigos e seus herdeiros, se estivermos preparados para nos encontrarmos com Ele no

A força da palavra

Oração da Fé

calvário. Este é o verdadeiro sentido da Festa de Cristo Rei: um Rei que Se despe da nobreza para tornar-Se humano diante de Seus irmãos. Os grandes questionamentos que ficam para cada um de nós, que ousamos levar o nome de cristãos, são: Até que ponto estou me despindo da minha incoerência, da minha falta de fé, da minha ganância do querer ser e ter? Até que ponto ver Jesus, Rei dos Reis, me leva a me comprometer com Sua Igreja, com Seu povo, com Sua caminhada. O único convite de Jesus é: A messe é grande e os operários sãos poucos. Portanto, sejamos operários obedientes à vontade do Pai, sejamos força para nossa comunidade, assim como Jesus O foi. Sejamos a Pedra Angular de nossa Igreja, para vê-la crescer em harmonia e principalmente em conversão, assim estaremos comemorando verdadeiramente a Festa do Cristo Rei. O segundo momento, extremamente importante de nossa Igreja, é o final do Ano Litúrgico e o inicio do Advento, o momento da espera daquele que virá resgatar e formar o povo de Deus em sua caminhada. O final do Ano Litúrgico é o momento de reflexão e, principalmente, de compro-

metimento, pois é hora de avaliarmos aquilo que fizemos ou deixamos de fazer. É hora de medirmos forças e, juntos, buscarmos a verdadeira santidade dos filhos de Deus. O encerramento do Ano Litúrgico para nós, cristãos, é um alerta de que pouco ou nada fizemos e que Deus nos dá mais um ano para plantarmos o Seu amor e Sua comunidade a todos os povos, e para que tenhamos a certeza de que Seu amor filial jamais nos abandonará. Mais uma vez, Ele deixara Seu filho nascer em nossos corações. A nossa manjedoura tem que estar pronta e vazia de egoísmos e prepotência. É preciso que, novamente, olhemos a manjedoura vazia e possamos colocar, dentro dela, o menino Jesus que implora para nascer dentro dos nossos corações. É o momento de renovarmos nossas forças e partirmos em busca de uma realização comunitária e não individualista. É preciso que, os quatro domingos de advento sejam, para nossos corações, um tempo de gestação, pois somente se soubermos dizer o Sim de Maria, a renuncia de José, o despojamento dos pastores e o anúncio do evangelho, é que poderemos celebrar o Santo Natal do Senhor.

CANTINHO DO JOVEM

Senhor, eu quero ter dentro de mim aquela fé que remove montanhas; que separa a água do mar; que controla o vento nos quatro cantos do mundo; que derrete as gigantescas geleiras polares; que enfrenta as profundezas dos oceanos e que atravessa a mais densa e dura superfície existente no Universo ! Esta é a fé que eu quero sentir e eu vou conseguir pois, a cada dia que passa, mais e mais aumenta a minha crença e o meu amor pelo Senhor...meu criador e salvador ! Amém.

O calor do sol da tarde queima fortemente Seu rosto, Seus olhos estão abertos, os cabelos curtos já lhe batiam nos ombros, enquanto caiam levemente curtas ondulações. Abriu calmamente a boca, esboçando um pequeno e sincero sorriso. Seus pés iam rápidos pelo chão, as nuvens escuras chegavam enquanto Ele corria. As primeiras gotas caem pesadas, levantando poeira e trazendo no ar aquele odor de terra molhada. Ele sente a água gelada bater em sua pele e a sensação de liberdade percorre Sua pele arrepiada. Ele sorri calorosamente, enquanto sente as gotas molhando-O, mas não se importa, não mais.

Nelson Nemer

PASCOM

Nícolas Vieira da Costa

AGENDA PAROQUIAL 2013 Estamos fazendo reservas da Agenda Paroquial 2013, onde constam todos os enventos das nossas comunidades. Se voce estiver interessado, comunique-se com a secretaria da paróquia até dia 10/11, solicitando a sua, pois o número delas será de acordo com os pedidos. Valor unitário: R$ 30,00. Reserve a sua!

Por fim, ao celebrarmos, juntamente com a Sagrada Família, poderemos sim estar a caminho da Casa do Pai, cientes de que o caminho da Salvação passa, necessariamente, pelo caminho do Calvário. Mais uma vez teremos que nos encontrarmos com Simeão e Ana, e mais uma vez teremos a missão de sermos profetas em terra estranha, mais uma vez Jesus nascerá sob o domínio dos Reis, como O foi com Herodes, e mais uma vez Sua palavra doce e meiga será a de sermos servos, e servi-lO com humildade e compromisso. Não podemos pensar de forma egoísta, somente em nossos irmãos fraternos mas, principalmente, naqueles que se distanciaram do convívio da sagrada mesa do banquete eucarístico , assim como o foi o filho pródigo. Temos a missão de resgatálos e fazermos festa, pois aqueles que estavam perdidos encontraram, em nossas ações, o Amor do Pai, necessário para ajustar sua caminhada e celebrar o novo Natal do Senhor. Carlos Roberto Jacomini

Poesia do Mês Grande Diante de Deus Nossa Senhora Aparecida De mãos postas para o céu, Na plena confiança. Seu manto se torna véu, Trás até nós a esperança. Brilha como estrela, Sua luz faz florescer. O amor contido nela, Vem nos favorecer. Na sua pequenez, Com terno coração. O amor de Deus, a fez, Intercessora da salvação. Maria Mãe de Jesus, É nossa querida mãezinha. O amor eterno reluz, É coroada como rainha. Autora: Maria Marlene Pontes de Tate.

EXPEDIENTE Informativo São Francisco - Ano X nº: 122 - Novembro/2012 - Publicação Mensal Responsável: Pe. Frei Cid Tadeu Passos OFM - Coordenadores Pascom: Sérgio e Solange Morbiolo Anúncios: na secretária da Paróquia: F: (15) 3231-3100 Redatores e Noticiarista: Equipe PASCOM - Diagramação e arte: Wilson Roberto Grillo Jr. Impressão: Diário de Sorocaba Tiragem: 1500 exemplares - Para anunciar ligue: (15) 3231-3100


Informativo São Francisco

Novembro / 2012

ANO DA FÉ

Qualidade de Vida

Os benefícios da multimistura e do leite de soja

de 11 de outubro de 2012 a 24 de novembro de 2013

O

Ano da Fé, aberto oficialmente pelo Papa Bento XVI em Roma nesta quintafeira (11), teve o início oficial na Igreja do Brasil no dia 12 de outubro, data em que se comemora a Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. A abertura aconteceu durante a missa solene da festa no Santuário Nacional, às 10h, que teve a presidência do Cardeal Arcebispo Emérito de São Paulo, Dom Cláudio Hummes. O “Ano da Fé” em nossa Arquidiocese, foi solenemente aberta pelo Arcebispo Metropolitano D. Eduardo Benes de Sales Rodrigues, com um momento de espiritualidade e a leitura da Carta aos Hebreus cap. 11, sobre a fundamentação da Fé. Na sequência, a leitura da carta apostólica “Porta Fidei” do Papa Bento XVI. O frei dominicano Carlos Josaphat foi o convidado para falar sobre a importância deste ano declarado “Ano da fé”, com início dia 12 de outubro, indo até dia 24 de novembro de 2013, juntamente com as festividades dos 50 anos do Concílio Vat. II e a comemoração do 20° aniversário do Catecismo da Igreja Católica. Estiveram presentes, Padres, Diáconos, Seminaristas, alunos do Instituto de Teologia João Paulo II e do Curso Livre de Formação Teológica e Pastoral, assim como todas as principais lideranças Pastorais. A cerimonia aconteceu no auditório

do CAP (Centro Arquidiocesano Pastoral). Nossa paróquia esteve presente, nas pessoas do Frei Cid, Diácono Pedro, Marlene, Coordenadora Paroquial e D. Maria Domingues. Em seguida, foi celebrada missa solene às 12h na Catedral Metropolitana. Frei Cid fez a intronização do Círio, símbolo da luz da fé, em todas as comunidades, começando pela festa de “Nossa Senhora Aparecida”, abrindo solenemente o “Ano da Fé” na paróquia. Leu a carta com as palavras introdutórias do Santo Padre, em que proclama o Ano da Fé. Dizia o Papa: “A porta da fé está sempre aberta para nós”. E logo depois acrescenta: “É possível cruzar este limiar, quando a Palavra de Deus é anunciada e o coração se deixa plasmar pela graça que transforma”. Deixemos então a “espada” da Palavra de Deus, atravessar os nossos corações, para que se abra neles a porta da Fé! Ano da Fé se propõe como um percurso que a comunidade cristã oferece a tantas pessoas que vivem com saudade de Deus e o desejo de encontrá-lo novamente. Como devo conduzir o Ano da Fé na minha vida? Viver, celebrar, aprofundar a fé católica. Esse é o chamado que faz o Papa Bento XVI a todos os fiéis para o Ano da Fé.

Poucas pessoas conhecem os benefícios da multimistura (ou farinha múltipla) e do leite de soja. A multimistura é uma combinação de farelos de arroz, trigo, pó de folhas verdes, sementes de girassol, abóbora, linhaça, grão de soja, entre outros, que faz um bem danado à saúde e pouca gente conhece. Uma colher de sopa da multimistura, acrescida todos os dias na comida, é suficiente para promover a saúde. É utilizado principalmente na desnutrição das crianças, pois enriquece a comida, e repõe nutrientes que a alimentação não estava oferecendo. Pode ser utilizado por todos: das crianças aos idosos, pessoas com déficit nutricional e com problemas de saúde. Pode ser adicionado ao arroz, no feijão ou no bife. E o melhor é que não tira o gosto da comida, além de ser rico em cálcio, ferro e sais minerais. O leite de soja é uma bebida que é feita a partir dos grãos de soja e é uma ótima alternativa às pessoas que possuem intolerância ao leite de vaca, além de ser ótima fonte de proteínas. É um alimento de fácil digestão, possui bem menos gordura do que o leite de vaca e não contém colesterol. Pode ser consumido puro ou de maneira aromatizada com chocolate, morango,

O

Esta Pastoral é formada por casais, casados, de nossa Paróquia, os quais colocam-se ao serviço de Deus para o anúncio do Evangelho e para que, nesta Anunciação da Boa Nova, as famílias estejam centradas no conhecimento e na prática de uma vida plenamente Cristã. Podem juntar-se a nós, nesta pastoral, qualquer casal, casado, que deseje colocar-se à disposição do Reino de Deus, levando ao próximo o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo e atendendo ao chamado de Deus, quando assim falamos: “Quanto a mim e à minha família, nós serviremos ao Senhor” (Josué 24, 15). Marco e Marissol – Casal Coordenador Paroquial

suco de frutas, baunilha. Quando há o consumo de soja, os sintomas da menopausa podem ser diminuídos e amenizados por conta de um hormônio vegetal encontrado na soja, chamado de isoflavonase. Possui ainda um baixo teor de glicídios, ou seja, açúcares e não possui lactose que é o açúcar natural do leite, o qual muitas pessoas possuem uma doença chamada de intolerância à lactose. Também é rico em proteínas vegetais, que ajudam a reduzir os níveis de colesterol elevado, e é altamente benéfico para a memória. Possuem ácidos graxos essenciais, como o ácido linolênico, ômega 3 e 6. Fornece vitamina E, cálcio, ferro, potássio, fósforo e vitamina D. É ainda altamente rico em fibras, o que não é encontrado no leite de vaca, promovendo assim a melhora do trânsito intestinal, Porém, algumas pesquisas, relacionam o consumo excessivo da soja com efeitos indesejáveis na tireóide. Assim, recomenda-se que pessoas com hipotireoidismo consumam moderadamente a soja e seus produtos. O leite de soja e a multimistura são distribuídos gratuitamente nos Centros de Saúde. Informe-se. Conselho Gestor Local da Unidade Básica de Saúde Barcelona

CÍRCULO BÍBLICO

MARIA DE LOURDES SOUZA ( MALU)

Pastoral dos Noivos A Pastoral dos Noivos, tem como um de seus objetivos levar aos noivos, futuras novas Famílias Cristãs, subsídios para que possam iniciar a vida a dois alicerçados nos ensinamentos da Santa Madre Igreja Católica Apostólica Romana. Neste sentido, a Pastoral dos Noivos de nossa Paróquia anualmente ministra o Encontro de Noivos aos casais que pretendem receber o Sacramento do Matrimônio colocando, assim, à disposição destes casais, os fundamentos do Sacramento do Matrimônio da Igreja de Cristo e consignando a eles, consequentemente, a importância da presença de Deus na vida da nova família que irão formar.

3

s Círculos Bíblicos nasceram e se desenvolveram da necessidade dos católicos, de diversas paróquias, aprofundarem a Palavra de Deus, meditando esta Palavra, em pequenos grupos. Os círculos não têm compromisso com o estudo bíblico e nem foram criados com esta finalidade. Qualquer atividade que leve ao estudo bíblico é recomendada e mesmo, incentivada por toda a igreja, porém, no caso dos Círculos Bíblicos, sua finalidade volta-se para a reflexão de temas da vida atual, colocados sobre a forma de agir, na visão de Jesus. Assim, ficou mais fácil ligar a vida atual, de cada participante dos círculos, aos ensinamentos bíblicos. Levando-se em consideração, que cada participante de um Círculo Bíblico conhece bem sua própria vida e sua maneira de agir, nas diferentes situações que se apresentam em seu dia a dia, tornase possível, que qualquer pessoa possa participar de um círculo, ou mesmo coordená-lo, sem ter um grande conhecimento bíblico, grau de instrução ou classe social. Basta conhecer Jesus e seu maior ensinamento, o AMOR AO PAI E AO PRÓXIMO.

Pastorais Às Pastorais, Sua pastoral ou grupo aparece pouco no jornal informativo da Paróquia??? Para divulgar seus eventos que aconteceram ou que acontecerão basta mandar um e-mail para nós.

solmorbiolo@yahoo.com.br

Os temas semanais, apresentados pelos Círculos Bíblicos, levam a uma reflexão simples do Evangelho, aplicados aos fatos e atitudes do homem em relação à sua comunidade, à sua família e, principalmente, ao seu próprio relacionamento pessoal para com Deus, hoje. Em resumo, a finalidade dos Círculos Bíblicos é fazer com que cada participante reflita sobre as verdades da bíblia, sempre atual, aplicada na sua vida e nos fatos de hoje.

CARÁTER MISSIONÁRIO DO CÍRCULO BÍBLICO O Círculo Bíblico é essencialmente missionário. Pelo fato de ser realizado na residência de um paroquiano, este se sente à vontade de convidar algum vizinho ou parente, especialmente se estiver um pouco afastado da igreja ou do próprio Deus. Cada círculo deve assumir a sua Responsabilidade Social Evangelizadora, em meio à sua comunidade local, levando a igreja, como pequenas capelas, no meio do povo. Pedro e Deise – Coordenadores


4

Informativo São Francisco

Novembro / 2012

DIA NACIONAL DA JUVENTUDE eles consultam quando passam horas na internet. Ouviram tambem mensagens onde se falava em fé, respeito pelos pais, e amor a Jesus, caminhos esses que, se seguidos, os tornarão com certeza, pessoas de bem. Um momento emocionante foi quando o Frei passou a palavra para o jovem Maurício, rapaz da nossa paróquia que encherga com o coração, e que nos dá uma lição de vida, participando de inúmeras atividades e declarando ser feliz. Portanto jovens, sigam o Caminho do Cristo e sejam felizes!

N

o dia 28/10 (domingo), aconteceu, na missa das 18h00, na Matriz, celebrada pelo Frei Cid, a comemoração ao Dia Nacional da Juventude, que teve como tema: “Juventude e Qualidade de Vida”, e lema “Que Vida Vale a Pena ser Vivida”. Os jovens da nossa paróquia se fizeram presente, ouvindo atentamente as mensagens que lhe eram dirigidas, com recomendações para que tomem cuidado com as redes sociais, que as usem sim, acompanhando a evolução da tecnologia, mas que o façam com prudência, sem se expor, que os pais acompanhem os filhos, saibam o que

PASCOM

N

Encontro Missionário No mês de outubro, nossos Missionários da Paróquia São Francisco de Assis, com suas cinco Comunidades, estiveram visitando muitas casas dos irmãos e das irmãs. Casas dos enfermos, irmãos afastados e também irmãos que participam das celebrações. Para homenagear a todos, bem como para nos alegrarmos com estas visitas Missionárias nós, missionários, estivemos reunidos no dia 28/10/2012 (domingo), na Comunidade São Pedro, com cerca de 40 pessoas onde rezamos, cantamos e assistimos ao vídeo das Missões além-fronteiras, que tem como Tema: “BRASIL

FREI GALVÃO

MISSIONÁRIO, PARTILHA A TUA FÉ”. Alegramo-nos também, com as dinâmicas de como vencer as dificuldades com coragem, e a necessidade do irmão para realizar nossas tarefas, por mais fácil que pareça. Por fim, com muita alegria, após a chuva que nos refrescou, terminamos o encontro com uma confraternização. A todos os participantes do Encontro, o nosso Deus abençoe, e continuemos na caminhada. Claudio Aparecido de Carvalho Coordenador Missões.

asceu em 1739, na cidade de Guaratinguetá, no Estado de São Paulo, com o nome de Antonio de Sant’Anna Galvão e era um homem muito religioso, de oração constante. Nos tempos em que a medicina ainda era muito rudimentar, ele era frequentemente procurado para os casos de saúde e, numa dessas ocasiões, certamente tocado pelo Espírito Santo, teve a idéia para curar, ou pelo menos amenizar a dor de um jovem que estava mal, com fortes cólicas renais. Então, escreveu em latim uma frase do Ofício de Nossa Senhora, num pedacinho de papel: “Post partum Virgo Inviolata permansisti. Dei Genitrix, intercede pro nobis”. A frase queria dizer: Depois do parto, Ó Virgem, permaneceste intacta. Mãe de Deus, intercedei por nós!”. Depois, enrolou o pedaço de papel, em forma de pílula, e o deu ao jovem. Na mesma hora, as dores cessaram e o cálculo foi expelido. Mui-

tas e muitas outras vezes essas pílulas foram confeccionadas, e até hoje, são distribuídas a todos que delas necessitam e crêem. Este é um resumo da história de Frei Galvão, nosso primeiro santo brasileiro, beatificado pelo Papa João Paulo II, em 25 de outubro de 1998. Em 16 de dezembro de 2006, teve seu segundo milagre reconhecido pelo Papa Bento XVI e, logo depois, em 11 de maio de 2007, foi canonizado. No dia 18 de outubro de 2012, foi realizada uma missa festiva, em nossa paróquia, em louvor ao Santo Frei Galvão, celebrada pelo nosso Pároco Frei Cid, com a distribuição das pílulas e das orações. Foi também ralizada uma procissão no entorno da Igreja de São Francisco de Assis, com a participação dos fiéis das nossas cinco comunidades. PASCOM

ENCONTRO DE NOIVOS Nos últimos dias 20 e 21 de outubro de 2012 foi realizado na Comunidade São Mateus o Encontro de Noivos da Paróquia São Francisco de Assis. O Encontro começou com a Santa Missa no sábado (20/10) e encerrou no domingo (21/10) às 12:30 h. Várias palestras dentro da doutrina da Santa Madre Igreja Católica Apostólica Romana foram ministradas aos casais noivos o que, positivamente, veio a contribuir decisivamente para que os noivos recebam o Sacramento do

Matrimônio com a base catequética necessária para a formação das novas Famílias Cristãs. O próximo encontro de Noivos de nossa Paróquia está agendado para abril de 2013 e desde já os casais noivos estão convidados a participar, os quais, serão muito bem recebidos pela Pastoral dos Noivos de nossa Paróquia. Pastoral dos Noivos da Paróquia São Francisco de Assis


Novembro / 2012

Informativo São Francisco

5

BATISMO PAROQUIAL No dia 21/10 (domingo), aconteceu, às 8h00, na Igreja Matriz de São Francisco de Assis, o Batismo Paroquial, ministrado pelo Diácono Pedro Damas de Carvalho, onde pais e padrinhos trouxeram suas crianças para receber esse Santo Sacramento que as torna membros da Igreja Católica. Equipe de Batismo

PROMOÇÃO HUMANA E PASTORAL FAMILIAR

No dia 27, último sábado do mês de outubro, como acontece mensalmente, as famílias assistidas pela Promoção Humana, ao virem receber suas cestas básicas, se depararam com uma agradável surpresa: foi preparada, pela Patoral Familiar, mais uma festa para suas crianças, ainda em comemoração ao seu dia.

Foram momentos de evangelização e alegria, com orações, palestra e distribuição de doces, bolo e presentes. Tudo foi feito para ver brilhar um sorriso naqueles rostinhos, às vezes já marcados por tantos momentos difíceis.

Guilherme

Heloisa

Beatriz

PASCOM

Olimpíada Bíblica movimenta catequese da Comunidade/Paróquia São Francisco

N

os dias 11, 18 e 25 de Setembro e no dia 02 de Outubro, a Pastoral da Catequese da Comunidade São Francisco de Assis realizou com as crianças das etapas em preparação à Primeira Eucaristia uma Olimpíada Bíblica para comemorar o mês da Bíblia. A Olimpíada consistia em atividades (grito de guerra, cruzadinha, caça objetos, telefone sem fio, imagem e semelhança, etc...) utilizando a Bíblia, que rendiam pontos aos grupos. Ao todo participaram 61 crianças, divididas em 5 grupos. Além de novos amigos, as crianças aprenderam um pouco mais sobre a Bíblia e também mostraram seu lado solidário na prova dos alimentos, arrecadando para a Promoção Humana

Micaela

da Paróquia 556 Kg de alimentos. No último dia, 02/10, tivemos a participação dos pais,que junto com seus filhos, confeccionaram um cartaz fazendo uma relação entre São Francisco e Jesus Cristo. A premiação das medalhas de Ouro, Prata e Bronze aconteceu na missa do dia 07 de Outubro. As crianças receberam seus prêmios das mãos do Frei Cid. Agradecemos aos pais, crianças e catequistas pelo tempo dedicado à Olimpíada e pela participação de todos. Pastoral da Catequese São Francisco de Assis

Nícolas

Rafael H.

Nicoly

Guilherme

Rafael

Iago Gabriel

Pedro Henrique


6

Informativo São Francisco

Novembro / 2012

Evangelhos

EVANGELHOS MÊS DE NOVEMBRO 04.11.12 FESTA DE TODOS OS SANTOS Mt 5, 1-12a “Fiquem alegres e contentes, porque será grande para vocês a recompensa nos céus” A festa de hoje não é tanto para recordamos os nomes e façanhas dos grandes Santos conhecidos, por mais valioso que isso possa ser, mas também para que nos lembremos de tantos milhões de pessoas, de todas as raças, culturas e religiões, que vivem a santidade no anonimato das suas vidas diárias, na luta de viver na fidelidade aos valores do Reino. O grande milagre que mostra a santidade é a vivência fiel em busca do bem, na dedicação à família, à comunidade e à sociedade, sempre procurando cumprir a vontade de Deus, seja qual for a nossa experiência d’Ele. Se examinarmos as nossas vidas, veremos que já conhecíamos muitas pessoas santas, cujos nomes jamais serão conhecidos, mas que servem como exemplo dos verdadeiros valores para nós. Que a celebração nos anime na busca da vivência fiel dos valores do Evangelho, não em grandes milagres, mas no dia a dia da nossa vocação, seja ela qual for. 11.11.12 TRIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO COMUM Mc 12, 38-44 “Esta viúva pobre depositou mais do que todos os que depositaram dinheiro”

Na antiguidade, os escribas podiam servir como administradores dos bens das viúvas. Muitas vezes cobravam uma parte dos bens como pagamento, e um escriba

S

com fama de piedade tinha muitas possibilidades de ganhar mais clientes. Do outro lado, a viúva pobre, não contribuía com quase nada em termos monetários. Ela contribui com tudo o que tinha para viver, e não com o supérfluo. Ela simboliza o grupo dos “pobres de Javé”, os que depositavam toda a sua confiança em Deus e não nas riquezas nem no poder. A viúva anônima demonstra o fundamento da fé dos “pobres de Javé” a gratuidade e doação total, aliadas a uma confiança absoluta em Deus. O evangelho de hoje nos convida para que examinemos a nós mesmos, para verificar se as nossas práticas religiosas estejam revelando o rosto verdadeiro do Deus dos pobres, e para que evitemos totalmente quaisquer projetos, mesmo em nome de Deus, que tiram dos mais necessitados o pouco que eles ainda têm. Também somos convidados a evitar os critérios humanos em julgar as pessoas, pois, pode acontecer que alguém doe muito, sem que lhe custe nada, pois vem do seu supérfluo, enquanto frequentemente a “moeda da viúva”, oferecida pelos pobres, tem muito mais valor diante do Senhor. Somos convidados a olhar e enxergar as coisas com os olhos de Deus e não da sociedade materialista e consumista de hoje. 18.11.12 TRIGÉSIMO TERCEIRO DOMINGO COMUM Mc 13, 24 -32 “O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão” O evangelho de hoje nos apresenta a figura do Filho do Homem e a reunião dos eleitos. A segunda vinda de Jesus, sua vinda gloriosa no fim dos tempos servirá como prova da vitória de Deus, e a expectativa desta

chegada serve como base da vigilância paciente. A ação de Jesus será reunir os eleitos, Deus sabe a hora exata. Mas, a certeza dessa vitória não dispensa a atitude de vigilância constante por parte dos discípulos, para que não se desviem do caminho. O Evangelho nos traz uma mensagem de esperança e uma advertência. A esperança nasce do fato de que a vitória de Deus é garantida e a advertência está na necessidade da vigilância constante, para que não percamos a hora do Filho. Em um mundo de desesperança e falta de ânimo por parte de muitos, somos convidados a uma atitude positiva que nos leve a um engajamento maior em prol da construção do Reino entre nós. Mas, também nos desafia para que estejamos sempre vigilantes para não sermos envolvidos pela sociedade vigente, opressora e consumista, que muitas vezes se baseia em princípios contrários aos do Reino de Deus. As palavras de Jesus têm um valor permanente, para que possamos julgar as diversas propostas de vida que o mundo nos apresenta. “O céu a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão”. Jesus nos conforta, lembrando-nos que só o Pai sabe quando o mundo acabará. Isso não quer dizer que ele seja inferior ao Pai, mas enquanto viveu neste mundo, seus conhecimentos eram limitados ao nível humano. Para nós, resta uma certeza: todos nós morreremos um dia, e teremos de prestar contas a Deus do que fizermos ou deixamos de fazer. Jesus diz: vigiai! Que o Senhor não nos encontre de mãos vazias quando vier nos buscar. 25.11.12 FESTA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, REI DO UNIVERSO Jo 18, 33b-37 “Todo aquele que é da verdade, escuta a minha voz”

Neste Domingo, encerra-se liturgicamente o Ano B com a Solenidade de Cristo Rei. Dizer “Cristo Rei” é quase uma redundância, pois Cristo, Messias, já significa Ungido e Rei. A repetição, porém, enfatiza e endossa o desejo de realçar o atributo do poderio absoluto, que mais caracteriza sua pessoa divina, expresso também pelo título de Senhor, releva o múnus régio de Jesus. Esta é uma festa que, num primeiro momento, exigiria ser visivelmente “poderosa” e “triunfante”, devido à ideia do Rei e do reinado se situar nesta direção. No entanto, o texto evangélico de hoje é tirado da Paixão do Senhor. Isso já nos mostra com clareza como os caminhos de Deus muitas vezes não são os caminhos dos homens... Pilatos faz uma pergunta a Jesus com um tom político, Jesus não responde diretamente a não ser através de outra pergunta. Ao procurador romano não lhe interessam estas reflexões e vai direto a questão: o que foi que fez Jesus para o entregarem? Jesus se diferencia dos poderes deste mundo e se auto define como rei, mas seu reinado não é um reinado qualquer, está marcado pela verdade. Ele veio ao mundo para falar sobre a verdade que Ele mesmo é. O reinado de Jesus se manifesta nesta realidade tão ausente em nossos dias: a verdade. A verdade não só como elemento moral oposto à mentira. A verdade também como elemento existencial enquanto assumir com realismo e serenidade a própria realidade em seus aspectos bons, para desfrutar e gozar, e em seus aspectos não tão bons, para mudar e modificar. Só os que estiverem abertos à verdade serão capazes de escutar em profundidade e entender a mensagem do Senhor. Só os que tenham esta atitude farão parte do Reino de Deus que não se identifica com os poderes triunfalistas deste mundo senão com os valores mais profundos do Evangelho. MARIA DE LOURDES SOUZA (Malu)

ENCONTRO DE JOVENS EM AGUDOS

eja bem vindo olelê, seja bem vindo olalá, paz e bem pra você, que veio participar... Repetidas vezes ouviu-se este refrão de alegria e de acolhida no Seminário Santo Antonio de Agudos. Ora ao som de pandeiro e casaca, ora da palma e do gogó. Era para receber ônibus, van e carro, gente de longe e de perto. Nesta mistura jovem de fraternidade, quem estava sendo acolhido já passava a acolher. Foi de verdade uma explosão de alegria! Entre os dias 12 e 14 de outubro, Agudos se transformou em lugar místico que recebeu 127 jovens e 14 frades das frentes de evangelização da Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil. A juventude esteve reunida aos pés de Clara de Assis ouvindo dela “não perca de vista seu ponto de partida”. “Olhar para Clara é redescobrir a mãe, é reencontrar a mãe”. Assim Frei Vitório trouxe para o meio dos jovens a grande referência do encontro, Clara de Assis. A jovem Clara lançou os jovens para o que é o ponto de partida da vida cristã, o Evangelho. “Não perca de vista seu ponto de partida”. “Só sabe o ponto de chegada quem, na verdade, não perde de vista seu ponto de partida”, endossou Frei Vitório. Clara foi apresentada como a mulher apaixonada, decidida, lúcida, que frustra as expectativas sociais de seu tempo e arrisca sua vida por alguém grandioso, o Cristo pobre, que a desposou e a quem ela não teve medo de amar. Nestes dias de Encontro tivemos a oportuni-

dade de conviver, conhecer novas pessoas com o mesmo ideal e também reavivar esse desejo de seguir mais de perto a Cristo, tendo Clara como modelo dos que fazem a experiência da entrega total. Tivemos celebrações da palavra, palestras, trabalhos em grupos, lazer, momento de falar da realidade de cada lugar, noite cultural e missa de encerramento.

Na celebração de encerramento, além de agradecer e partilhar com os jovens palavras cheias de entusiasmo e ternura, Frei Fidêncio entregou para cada participante um boton com o logotipo da presença franciscana da JMJ. O Almoço do dia 14 foi a despedida. Nos abraços ouviu-se muito a saudação “até o próximo!” Parecia confirmação de que o encontro foi bom e também desejo que um outro aconteça

logo. E foi assim, sem perder de vista o ponto de partida, que jovens e frades voltaram para o chão de sua ação evangelizadora, sabendo ainda melhor aonde querem chegar. Estiveram nesse Encontro Valdirene representando a nossa paróquia e Bruna pela Arquidiocese de Sorocaba. Valdirene


Novembro / 2012

Informativo São Francisco

7

Agenda Paroquial

SÃO FRANCISCO

GRUPO DE JOVENS

VILA ASSIS

Segunda - feira das 14h as 16h - CLUBE DE MÃES Terça-feira às 19h30 - MISSA Quarta-feira às 19h30 - GRUPO DE ORAÇÃO Quinta-feira às 19h - MISSA DE ADORAÇÃO AO SANTISSIMO Sábado às 19h30 - MISSA Domingo às 18h00 - MISSA

Jovens ! Vamos revolucionar, venha participar do Grupo de Jovens , que será realizado aos domingos às 19:30 após a Missa!

Local: Paróquia São Francisco de Assis Inscrições abertas após a Missa. Quando se é Cristão não se para de lutar !

SÃO MATHEUS COLORAU

Terça-feira às 19h30 - GRUPO DE ORAÇÃO Terça-feira às 14h00 as 16h00 - CLUBE DAS MÃES Última quinta-feira do mês às 19h30 - APOSTOLADO DE ORAÇÃO Todo dia 27 do mês às 19h30 - MISSA DE N.S. DO PERPÉTUO SOCORRO Sábado às 17h30 - MISSA

SÃO PEDRO BARCELONA

Toda 2ª sexta feira de cada mês reunião do PÓS ENCONTRO DO ECC Segunda-feira às 19h30 - GRUPO DE ORAÇÃO Última terça-feira do mês - APOSTOLADO DE ORAÇÃO Quarta-feira às 14h00 as 16h00 - CLUBE DAS MÃES Toda primeira sexta-feira do mês - MISSA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS E DA FAMÍLIA Domingo às 08h00 - MISSA

A PARÓQUIA SÃO FRANCISCO CONVIDA PASTORAIS, MOVIMENTOS, GRUPOS DE ORAÇÃO E AOS PAROQUIANOS Para participarem da vigília e adoração ao Santíssimo Sacramento toda a primeira segunda- feira de cada mês, das 20h00 às 22h00 na matriz.

N.S. APARECIDA ZACARIAS Última quarta-feira do mês às 19h30 - APOSTOLADO DE ORAÇÃO Quinta - feira das 14h00 as 16h00 - CLUBE DE MÃES Quinta-feira às 19h30 - GRUPO DE ORAÇÃO Domingo às 09h30 - MISSA 3º domingo do mês às 09h30 - MISSA DA MÃE RAINHA

ATENDIMENTO DO FREI

N.S. DO CARMO PARADA DO ALTO

Todas as Sextas-feitas às 15h - TERÇO DE JESUS MISERICORDIOSO Sábado às 19h30 - GRUPO DE ORAÇÃO Domingo às 16h45 - GRUPO DE JOVENS Domingo às 19h30 - MISSA

Comunidade São Francisco Quinta e sexta-feira - das 14h30 às 16h30 Confissões, orientações, pastorais e aconselhamentos

EXPEDIENTE DA SECRETARIA De terça-feira à sábado das 13h00 às 19h00

Atenção: Informativo São Francisco de Assis Todas as Pastorais devem enviar notícias, avisos e informações até dia 20 de cada mês, pelo e-mail:

solmorbiolo@yahoo.com.br

CLUBE DE MÃES S. FRANCISCO DE ASSIS 2ª feira das 14hs as 16hs S. PEDRO 4ª feira das 14hs as 16hs S. MATEUS 3ª feira das 14hs as 16hs N. Sª. APARECIDA 5ª feira das 14hs as 16hs


8

Informativo São Francisco

Novembro / 2012

Mural

TRÍDUO EM LOUVOR A NOSSA SENHORA APARECIDA

C

om a celebração de missas e festa externa, foi realizado o Tríduo em Louvor a Nossa Senhora Aparecida, na comunidade da Vila Zacarias, do dia 09 ao dia 12 de outubro. Para as celebrações, contamos com a presença do nosso Pároco Frei Cid, do Padre Dom Lucas, do Diácono Pedro e dos Ministros da Palavra. No dia 12, durante a missa de comemoração

do dia de Nossa Senhora Aparecida, a Padroeira da Comunidade e do Brasil, houve a intronização do Círio, símbolo da luz da fé, dando início ao Ano da Fé em nossa paróquia. Tivemos a procissão externa, com o andor da imagem pelas ruas do bairro, tendo Frei Cid abençoado as casas e as crianças que vinham ao seu encontro, durante a caminhada. Houve também a homenagem às crianças pelo

seu dia, que tiveram a responsabilidade de levar a coroa de Nossa Senhora até o altar. No final da celebração, a religiosa Irmã Noemia, coroou Nossa Senhora e os fiéis se dirigiram até o altar para depositar botões de rosas aos pés da imagem. A religiosa estava acompanhada pela Irmã Regiane, ambas do Colégio Santa Escolástica, que carinhosamente nos visitavam nesse dia.

Quanto à festa externa, como sempre, estava perfeita, desde a recepção carinhosa costumeira, às delícias oferecidas nas barracas, tudo isso fruto do esforço, boa vontade e união que prevalece nessa comunidade. Que festa linda! PASCOM


2012_11_jornal-de-novembro