Issuu on Google+

Semanário Litúrgico – Ano I – N.º 17 – 14 de outubro de 2012

28º DOMINGO DO TEMPO COMUM - MÊS DAS MISSÕES JESUS NOS CONVIDA A SEGUI-LO

Encontro entre Irmãos 1. CANTO DE ABERTURA

Antífona da entrada: Senhor, se levardes em conta as nossas faltas, quem poderá subsistir? Mas em vós encontra-se o perdão, Deus de Israel (129,3s). 2. SAUDAÇÃO __ Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. __ Amém. __ A bondade divina, que nos acolhe com amor e nos indica o caminho da prudência e da sabedoria, presente na sua Palavra, esteja convosco. __ Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo. 3. MONIÇÃO INICIAL __ Façamos dessa celebração um encontro com Jesus em busca de uma fortuna maior para nossas vidas, superior aos bens terrenos e capaz de enriquecer nossos corações com a prudência e com a sabedoria. Num momento de prece silenciosa, peçamos o dom da prudência, que nos ajudará a escolher a sabedoria divina para nossas vidas. (momento de silêncio, para que os celebrantes intercedam o dom da prudência e da sabedoria). 4. ATO PENITENCIAL

__

Aproximemo-nos do Senhor, pois ele manifesta o seu amor pelo perdão de nossas faltas. (breve pausa silenciosa) 4.1. CANTO PENITENCIAL __

Deus bondoso e compassivo, que manifestais vosso amor através do perdão, tenha compaixão de nós e concedei-nos a graça do desprendimento para participar da vida eterna. – AMEM. 5. HINO DE LOUVOR

Padre: Reconhecemos que o Senhor nos sacia com o seu amor, por isso é digno de todo nosso louvor e glorificação: 6. ORAÇÃO DA COLETA OREMOS Animador: Apresentemos as nossas intenções.

Padre: Ó Deus, sempre nos preceda e acompanhe a vossa graça, para que estejamos sempre atentos ao bem que devemos fazer. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.

A Palavra se faz Vida 7. REFRÃO MEDITATIVO 7.1. PRIMEIRA LEITURA (Sb 7,7-11)


Leitura do Livro da Sabedoria. 7 ―Orei, e foi-me dada a prudência; supliquei, e veio a mim o espírito da sabedoria. 8Preferi a Sabedoria aos cetros e tronos e em comparação com ela, julguei sem valor a riqueza; 9a ela não igualei nenhuma pedra preciosa, pois, a seu lado todo o ouro do mundo é um punhado de areia e diante dela, a prata, será como a lama. 10Amei-a mais que a saúde e a beleza, e quis possuí-la mais que a luz, pois o esplendor que dela irradia não se apaga. 11 Todos os bens me vieram com ela, pois uma riqueza incalculável está em suas mãos‖. __ Palavra do Senhor. __ Graças a Deus! 8. SALMO RESPONSORIAL (Sl 89 (90))

— Saciai-nos, ó Senhor, com vosso amor, e exultaremos de alegria! — Ensinai-nos a contar os nossos dias, e dai ao nosso coração sabedoria! / Senhor, voltaivos! Até quando tardareis? Tende piedade e compaixão de vossos servos! — Saciai-nos de manhã com vosso amor, e exultaremos de alegria todo o dia! / Alegrai-nos pelos dias que sofremos, pelos anos que passamos na desgraça! — Manifestai a vossa obra a vossos servos, e a seus filhos revelai a vossa glória! / Que a bondade do Senhor e nosso Deus repouse sobre nós e nos conduza! Tornai fecundo, ó Senhor, nosso trabalho! 9. SEGUNDA LEITURA (Hb 4,12-13) Leitura da Carta aos Hebreus. 12 A Palavra de Deus é viva, eficaz e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes. Penetra até dividir al-

ma e espírito, articulações e medulas. Ela julga os pensamentos e as intenções do coração. 13E não há criatura que possa ocultar-se diante dela. Tudo está nu e descoberto aos seus olhos, e é a ela que devemos prestar contas. __ Palavra do Senhor. __ Graças a Deus! 10. EVANGELHO (Mc 10,17-30) 11. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO __

O Senhor esteja convosco! Ele está no meio de nós. __ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Marcos. __ Glória a vós, Senhor! __

Naquele tempo, 17quando Jesus saiu a caminhar, veio alguém correndo, ajoelhou-se diante dele, e perguntou: ―Bom Mestre, que devo fazer para ganhar a vida eterna?‖ 18Jesus disse: ―Por que me chamas de bom?‖ Só Deus é bom, e mais ninguém. 19Tu conheces os mandamentos: não matarás; não cometerás adultério; não roubarás; não levantarás falso testemunho; não prejudicarás ninguém; honra teu pai e tua mãe!‖. 20Ele respondeu: ―Mestre, tudo isso tenho observado desde a minha juventude‖. 21Jesus olhou para ele com amor, e disse: ―Só uma coisa te falta: vai, vende tudo o que tens e dá aos pobres, e terás um tesouro no céu. Depois vem e segue-me!‖. 22Mas, quando ele ouviu isso, ficou abatido e foi embora cheio de tristeza, porque era muito rico. 23Jesus então olhou ao redor e disse aos discípulos: ―Como é difícil para os ricos entrar no Reino de Deus!‖. 24Os discípulos se admiravam com estas palavras, mas ele disse de novo: ―Meus filhos, como é difícil entrar no Reino de Deus! 25É mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha do que um rico entrar no Reino


de Deus!‖. 26Eles ficaram muito espantados ao ouvirem isso, e perguntavam uns aos outros: ―Então, quem pode ser salvo?‖. 27Jesus olhou para eles e disse: ―Para os homens isso é impossível, mas não para Deus. Para Deus tudo é possível‖. 28Pedro então começou a dizer-lhe: ―Eis que nós deixamos tudo e te seguimos‖. 29Respondeu Jesus: ―Em verdade vos digo, quem tiver deixado casa, irmãos, irmãs, mãe, pai, filhos, campos, por causa de mim e do Evangelho, 30receberá cem vezes mais agora, durante esta vida – casa, irmãos, irmãs, mães, filhos e campos, com perseguições – e, no mundo futuro, a vida eterna. __ Palavra da Salvação! __ Glória a vós, Senhor! 12. PROFISSÃO DE FÉ Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, / criador do céu e da terra. / E em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; / nasceu da Virgem Maria; / padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado. / Desceu à mansão do mortos; / ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus; / está sentado à direita de Deus Pai Todo-Poderoso, / donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. / Creio no Espírito Santo; / na Santa Igreja Católica; / na comunhão dos santos; / na remissão dos pecados; / na ressurreição da carne; / na vida eterna. Amém. 13. ORAÇÃO DA COMUNIDADE Padre: Com humildade e com o coração repleto de confiança, aproximemo-nos do Pai bondoso e a ele apresentemos nossas preces: __ Acolhei nossa súplica, Senhor! 1. Acolhei nossa súplica, Senhor, e concedei-nos, hoje e sempre, a prudência e o dom da sabedoria para nossas vidas.

2. Prestai ouvido à nossa oração, Senhor, e iluminai-nos com a luz de vossa Palavra para compreendermos os pensamentos e intenções de nossos corações. 3. Vinde em nosso auxílio, Senhor, para que possamos participar da Salvação através da partilha fraterna e do desapego das riquezas. 4. Sede favorável à nossa intercessão, Senhor, e ajudai-nos a tornar o ―Ano da Fé‖ oportunidade para muitos irmãos e irmãs encontrarem o Evangelho. (SE HOUVER ANIVERSARIANTES) — Intercessor: Senhor, intercedemos vossa graça por nossos irmãos (ãs) ................... que celebram o Dom da vida para que possam estar sempre disponíveis à vontade do Senhor, sendo suas testemunhas fiéis, nós vos pedimos. (SE HOUVER 7º DIA) — Intercessor: Olhai pelos familiares de nosso irmão(ã) ........... que celebram hoje o 7º dia de seu falecimento; mostrai, Senhor, a vossa misericórdia para que sejam consolados, na certeza da vida eterna, nós vos pedimos Padre: Colocamos diante de vossos olhos as nossas preces, ó Pai, e humildemente suplicamos que as acolheis em vossa bondade, para que possamos viver como discípulos e discípulas de vosso Filho Jesus, que convosco vive e reina pelos séculos dos séculos. Amém!

A Vida se Transforma 14. APRESENTAÇÃO DAS OFERENDAS 15. ORAÇÃO __ Orai, irmãos e irmãs para que o nosso sacrifício seja aceito por Deus Pai Todo poderoso! __ Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para glória do seu nome, pa-


ra o nosso bem e de toda a Santa Igreja.

(Sobre as Oferendas) Acolhei, ó Deus, com estas oferendas, as preces dos vossos fiéis, para que o nosso culto filial nos leve à glória do céu. Por Cristo, nosso Senhor. Amém. 16. ORAÇÃO EUCARÍSTICA III (PREFÁCIO DOS DOMINGOS TEMPO COMUM, III) __

DO

O Senhor esteja convosco…

NA VERDADE, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai Santo, Deus Eterno e Todo-Poderoso. Nós reconhecemos ser digno da vossa imensa glória vir em socorro de todos os mortais com a vossa divindade. E servirvos de nossa condição mortal, para nos libertar da morte e abrir-nos o caminho da salvação, por Cristo, Senhor nosso. Por Ele, os anjos celebram vossa grandeza, os santos proclamam vossa glória. Concedei-nos também a nós associar-nos aos seus louvores, cantando (dizendo) a uma só vós: __ Santo, Santo, Santo,... NA VERDADE, vós sois Santo, ó Deus do universo, e tudo o que criastes proclama o vosso louvor, porque, por Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, e pela força do Espírito Santo, dais vida e santidade a todas as coisas e não cessais de reunir o vosso povo, para que vos ofereça em toda parte, do nascer ao pôr do sol, um sacrifício perfeito. __ Santificai e reuni o vosso povo! POR ISSO, nós vos suplicamos: santificai pelo Espírito Santo as oferendas que vos apresentamos para serem consagradas, a fim de que se tornem o Corpo e † o Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, que nos mandou celebrar este mistério. __ Santificai nossa oferenda, ó Senhor! NA NOITE em que ia ser entregue, ele

tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEUCORPO QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Do mesmo modo, ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNAALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS EPOR TODOS PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. Eis o mistério da fé! __ Todas as vezes que comemos deste pão e bebemos deste cálice, anunciamos, Senhor, a vossa morte, enquanto esperamos a vossa vinda! CELEBRANDO agora, ó Pai, a memória do vosso Filho, da sua paixão que nos salva, da sua gloriosa ressurreição e da sua ascensão ao céu, e enquanto esperamos a sua nova vinda, nós vos oferecemos em ação de graças este sacrifício de vida e santidade. __ Recebei, ó Senhor, a nossa oferta! OLHAI com bondade a oferenda da vossa Igreja, reconhecei o sacrifício que nos reconcilia convosco e concedei que, alimentando-nos com o Corpo e o Sangue do vosso Filho, sejamos repletos do Espírito Santo e nos tornemos em Cristo um só corpo e um só espírito. __ Fazei de nós um só corpo e um só espírito! QUE ELE faça de nós uma oferenda perfeita para alcançarmos a vida eterna com os vossos santos: a Virgem Maria, Mãe de Deus, os vossos Apóstolos e Mártires, e todos os santos, que não cessam de interceder por nós na vossa presença. __ Fazei de nós uma perfeita oferenda! E AGORA, nós vos suplicamos, ó Pai, que este sacrifício da nossa reconciliação estenda a paz e a salvação ao mundo


inteiro. Confirmai na fé e na caridade a vossa Igreja, enquanto caminha neste mundo: o vosso servo o Papa Bento, o nosso Bispo Moacir, com os bispos do mundo inteiro, o clero e todo o povo que conquistastes. __ Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja! ATENDEI às preces da vossa família, que está aqui, na vossa presença. Reuni em vós, Pai de misericórdia, todos os vossos filhos e filhas dispersos pelo mundo inteiro. __ Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos! ACOLHEI com bondade no vosso reino os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida e todos os que morreram na vossa amizade. Unidos a eles, esperamos também nós saciar-nos eternamente da vossa glória, por Cristo, Senhor nosso. __ A todos saciai com vossa glória! Por ele dais ao mundo todo bem e toda graça. POR CRISTO, com Cristo, em Cristo, a vós, Deus Pai Todo-Poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre. __ Amém! 17. RITO DA COMUNHÃO __ Iluminados pela sabedoria do Evangelho e formados por seu divino ensinamento, ousamos dizer: __ PAI NOSSO... Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dainos hoje a vossa paz. Ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, enquanto, vivendo a esperança, aguardamos a vinda do Cristo Salvador. __ Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre! __ Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos Apóstolos: Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz. Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima vossa Igreja; dai-lhe, segundo o vosso desejo, a paz e a unidade. Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo. Amém. __ A paz do Senhor esteja sempre

convosco. __ O amor de Cristo nos uniu. __ Confiantes de que a partilha fraterna é fonte da paz entre nós, saudemo-nos em Cristo Jesus. __ Cordeiro de Deus... __ Eis o alimento que nos sacia com o amor da sabedoria divina. Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. __ Senhor, eu não sou digno(a)... 18. CANTO DA COMUNHÃO (Após a comunhão, promover SILÊNCIO) Antífona da comunhão: Os ricos empobrecem, passam fome, mas aos que buscam o Senhor não falta nada (Sl 33,11). 19. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO

OREMOS: Ó Deus todo-poderoso, nós vos pedimos humildemente que, alimentando-nos com o Corpo e o Sangue de Cristo, possamos participar da vossa vida. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.  Avisos Enviados à Missão 20. BÊNÇÃO E DESPEDIDA __ O Senhor esteja convosco! __ Ele está no meio de nós. __ Deus todo-poderoso, vos abençoe com sua bondade e infunda em vós a sabedoria da salvação. __ Amém. __ Sempre vos alimente com os ensinamentos da fé e vos faça perseverar nas boas obras. __ Amém. __ Oriente para ele os vossos passos, e vos mostre o caminho da caridade e da paz. __ Amém. __ Abençoe-vos Deus todo-poderoso Pai e Filho e † Espírito Santo. __ Amém. __ Busquem a sabedoria do Evangelho e encontrareis a riqueza da vida. Ide em paz, o Senhor vos acompanhe. __ Graças a Deus!


13. ORAÇÃO DA COMUNIDADE Padre: Com humildade e com o coração repleto de confiança, aproximemo-nos do Pai bondoso e a ele apresentemos nossas preces: __ Acolhei nossa súplica, Senhor! 1. Acolhei nossa súplica, Senhor, e concedei-nos, hoje e sempre, a prudência e o dom da sabedoria para nossas vidas. 2. Prestai ouvido à nossa oração, Senhor, e iluminai-nos com a luz de vossa Palavra para compreendermos os pensamentos e intenções de nossos corações. 3. Vinde em nosso auxílio, Senhor, para que possamos participar da Salvação através da partilha fraterna e do desapego das riquezas. 4. Sede favorável à nossa intercessão, Senhor, e ajudai-nos a tornar o ―Ano da Fé‖ oportunidade para muitos irmãos e irmãs encontrarem o Evangelho. (SE HOUVER ANIVERSARIANTES) — Intercessor: Senhor, intercedemos vossa graça por nossos irmãos (ãs) ...................................................................................................................................... ..................................................................................................................................... que celebram o Dom da vida para que possam estar sempre disponíveis à vontade do Senhor, sendo suas testemunhas fiéis, nós vos pedimos.

(SE HOUVER 7º DIA) —

Intercessor:

Olhai

pelos

familiares

de

nosso

irmão(ã)

...................................................................................................................................... ..................................................................................................................................... que celebram hoje o 7º dia de seu falecimento; mostrai, Senhor, a vossa misericórdia para que sejam consolados, na certeza da vida eterna, nós vos pedimos. Padre: Colocamos diante de vossos olhos as nossas preces, ó Pai, e humildemente suplicamos que as acolheis em vossa bondade, para que possamos viver como discípulos e discípulas de vosso Filho Jesus, que convosco vive e reina pelos séculos dos séculos. Amém!


14-10-2012-28o-domingo-do-tc