Page 1

www.minasemcena.com.br

CAPA 1

TURISMO Alie conhecimento a cenários inesquecíveis

FUTEBOl Goleiros Fábio e Victor: paixão por Minas e pelo futebol GASTRONOMIA O exotismo e mistério da culinária marroquina

SALTO PARA O SUCESSO Luiza Barcelos fala da trajetória vitoriosa da marca que leva seu nome para vários países


EVENTOS ESPECIAIS MERECEM O CENÁRIO DOS SEUS SONHOS CASAMENTOS 2

ANIVERSÁRIOS

15 ANOS

BATIZADOS

FORMATURAS

BODAS

CORPORATIVOS


Encontrar o par perfeito para casar não foi nada fácil, já o cenário do dia mais especial da sua vida, você acabou de encontrar.

CASAMENTOS AV. RAJA GABÁGLIA, 2671 SÃO BENTO 31 3293 8787 espacomeet.com.br

3


22

Os goleiros dos times mais amados pela torcida mineira contam para a equipe da Minas em Cena momentos importantes da carreira e revelam o carinho que têm pela capital.

38

Especialistas apontam quais as tendências para as estantes. Saiba como utilizar o móvel de forma decorativa e funcional.

TURISMO

dECORAçãO

fUTEBOL

SUMáRIO

42

Conheça o Turismo de Experiência e se encante com os destinos que a Minas em Cena preparou para você.

LEIA TAMBÉM 10

12

14 4

lEITOR EM CENA A publicitária Araceli Mesquita conta a sua experiência em Cannes, em um dos mais importantes prêmios da publicidade mundial.

EM CENA O Cirque de Soleil chega a capital mineira com o espetáculo Corteo. Saiba mais sobre a apresentação da maior companhia circense do mundo.

PERFIl NEGÓCIOS O empresário mineiro, Lucimar Raimundo Pinto, fala sobre o sucesso da Cachaça Cobiçada de Minas e recente parceria com a TV Globo para engarrafar a marca Saramandaia.

16

18

30

BElEzA Primavera Verão 2014: conheça as tendências de cores e cortes de cabelo para a temporada mais alegre e colorida do ano!

COMPORTAMENTO Divirta-se com a matéria que a Minas em Cena preparou sobre o universo de games e aproveite para conferir as dicas de jogos para curtir sozinho, com a família ou amigos.

MOBIlIDADE URBANA O especialista em mobilidade urbana, José Aparecido Ribeiro, fala sobre o Metrô Leve e suas vantagens para as grandes metrópoles.

32

48

64

SAÚDE Aprenda sobre o universo da meditação e conheça as diferentes linhas que a prática engloba, oferecendo inúmeros benefícios à saúde.

EDITORIAl DE MODA Referências italianas, mexicanas, espanholas e Folclore Latino Americano. Conheça a tendência étnica, uma das principais apostas nas últimas temporadas.

GESTÃO Aprenda como identificar o trabalho mais adequado para o seu perfil com o especialista em gestão, Hélio Loredo.


Conheça a exótica gastronomia marroquina e aprenda a deliciosa receita de carré de cordeiro com cuscuz marroquino.

66

70

76

ARTE A artista plástica Ângela Rosa buscou a liberdade dos traços e tonalidades da Arte Naif para representar personagens do cotidiano.

MARKETING Guilherme Guerra fala sobre criatividade nos comerciais.

inteligência digital Leonardo Bortoletto fala sobre o crescimento de vendas online e os direitos dos consumidores virtuais.

58

Seja clássico, moderno ou casual, o sapato é uma das maiores paixões das mulheres. A empresária Luiza Barcelos fala do seu fascínio por esse universo e apresenta a nova coleção de sua marca.

78

80

82

OPINIÃO O cenário político no país em pauta por Leo Soltz.

ESPORTE O agente de jogadores, Rene Salviano, aponta as características que um atleta deve ter para se tornar um craque do futebol.

BH em Cena Jussara Naves apresenta tudo o que acontece no mundo empresarial e nos mais badalados eventos sociais da capital mineira.

72

VEÍCULOS

CAPA

GASTRONOMIA

56

Descubra porque o Mini Cooper Paceman promete ser um sucesso de vendas. O novo modelo da BMW alia beleza, conforto, tecnologia e agilidade.

86

97

98

Eventos Confira os eventos, agitos e encontros que ocorreram em Minas: Terça Top Flash, Corrida Betim Run Up, 15 de Isabela Buldrini e inauguração San Francisco Flat.

DIVERSÃO E NEGÓCIOS Entretenimento e negócios em um mesmo espaço. A coluna do presidente da Abrasel MG e fundador do Espaço Meet, Fernando Júnior, apresenta novidades do setor.

crônica Acordar cedo, trabalhar, ir à academia, fazer dieta. Em meio a tantas obrigações, a publicitária e jornalista Monaline Alvarenga reivindica o direito de não fazer nada.

5


EdITORIAL Caro leitor, A Revista Minas em Cena chega a sua 21ª edição e a equipe de redação preparou matérias interessantes e diversificadas, que passeiam pelos mais diferentes universos. Além de seções especiais e artigos de profissionais especializados. O grande destaque está presente na nossa capa. Conversamos com a empresária mineira Luiza Barcelos, que conta sua trajetória de sucesso e apresenta a nova coleção da marca que leva seu nome. A Minas em Cena também preparou um presente para os amantes do futebol. Os goleiros Fábio, do Cruzeiro, e Victor, do Atlético Mineiro, contaram um pouquinho das suas histórias de vida dentro e fora de campo em uma conversa exclusiva com a nossa equipe.

eXpeDiente

DIRETOR GERAl

Edgar Bessa

DIRETOR COMERCIAl

Edgar Bessa (31) 8700-1651 COMERCIAl

Brand New Soluções CONCEPçÃO EDITORIAl

Luana Caldeira

PROJETO GRÁFICO

2 Pontos Comunicação DIREçÃO DE CRIAçÃO

Gustavo Rios

Aproveitamos a chegada da primavera e nos adiantamos para apresentar as tendências de cortes e cores de cabelo para a Primavera-Verão 2014, temporada mais charmosa e aguardada do ano! Ainda no ritmo colorido da estação, nossa equipe preparou uma matéria sobre a Arte Naif, pintura caracterizada pelo uso de cores vibrantes e alegres.

DESIGN

Autoconhecimento, redução do stress e diversos benefícios à saúde. Na matéria sobre Meditação, você vai conhecer um pouquinho mais deste universo e descobrir os inúmeros benefícios que a prática proporciona ao corpo e a mente. Em Arquitetura e Decoração, profissionais apontam as últimas tendências para as estantes. Hoje o móvel saiu da sala de estar e já ocupa espaços diversificados na casa.

José Carlos Saldanha

A edição traz ainda uma matéria sobre as maravilhas da gastronomia marroquina, com uma receita de carré de cordeiro com cuscuz marroquino. É de dar água na boca! Em Turismo, você vai viajar por diferentes lugares do mundo e descobrir a transformação e renovação que o chamado Turismo de Experiência é capaz de proporcionar a um viajante. Na editoria de Comportamento, mostramos como o mercado de games cresceu e ganhou espaço também entre jovens e adultos. Você vai conhecer ainda o design arrojado e inovador do Mini Cooper Paceman. O novo modelo da BMW alia beleza, conforto, tecnologia, agilidade e estabilidade na direção. Embarque nesta aventura e descubra o que a Minas em Cena preparou para você!

Filipe Alvarenga OPERAçÕES

Patrícia Jales

MARKETING

Paula Bernardes FINAlIzAçÃO

PRODUçÃO GRÁFICA

Karla Iannini FOTO CAPA

Daniel Mansur PRODUçÃO, REDAçÃO E EDIçÃO

Com Você Comunicação Editora: Fabíola Mesquita Jornalista responsável: Kátia Portilho Jornalistas: Bruna Cruz, Camila França e Luiza Rocha IMPRESSÃO

Rona Editora Gráfica TIRAGEM

10 mil exemplares SITE

2 Clicks ASSESSORIA JURíDICA

Guilherme Mangia Cobra A revista Minas em Cena é uma publicação da Minas em Cena – ME Av. Raja Gabáglia, 4977, 4º andar - Santa Lúcia - CEP: 30360-663 Contato: (31) 8700-1651 - edgarbessa@minasemcena.com.br Site: www.minasemcena.com.br SUGESTÕES E CARTAS

redacao@minasemcena.com.br A revista Minas em Cena não se responsabiliza pelo conteúdo de artigos assinados e anúncios.

Boa leitura! Edgar Bessa

6

Apoio:


Viaje no tempo. a música te leVa para os anos 80, 90. os drinks, para sexta-feira. Um dos programas de maior audiência da rádio 102,9 FM virou uma superfesta. toda terça-feira, os maiores hits de todos os tempos mixados e remixados em versões exclusivas pelo dj julio Guedes, do programa top flash. Com uma terça dessas, até a segunda vai ficar mais simpática.

realização

Leve a vida numa boa.

apoio Rua Marília de Dirceu, 56, Lourdes. 7 31 3654-1733


COLABORAdORES eDição 21

1. dANIEL MANSUR é fotógrafo e proprietário do Stúdio Pixel. Atua nas áreas de publicidade, moda, editorial e corporativa.

1 2

3. GIOVANNI BESSA é publicitário, pós-graduado em comunicação empresarial, fotógrafo e editor cinematográfico. Proprietário da empresa Artes em Video que atua na cobertura de eventos sociais e empresariais.

3 4

4. GUILhERME GUERRA é publicitário, pós-graduado em marketing e mestre em administração com ênfase em marketing. Possui mais de 17 anos de experiência no mercado de comunicação e marketing de MG. Atualmente é sócio e diretor executivo do Grupo Minas Marca.

5 6

6. hÉLIO LOREdO é empresário, auditor de sistemas de gestão da qualidade, life, professional e executive coach. Atua na melhoria de performance de empresas e no desenvolvimento de competências pessoais e de equipes.

7 8

8. jUSSARA NAVES é publicitária, empresária e assessora de imprensa das mais queridas e requisitadas de Minas Gerais. Hoje está focada em sua empresa de comunicação, localizada em BH.

9 10

10. LEONARdO SOLTz é diretor presidente da Cultura Livre e Superintendente Brasil - Oriun Soluções Web.

11 12 13 14 8

2. fERNANdO jÚNIOR é presidente da Abrasel/MG e fundador do Grupo Meet. Ele foi responsável por trazer e administrar dez casas de alimentação fora do lar, além de ser o idealizador do Grupuai que gerencia e comercializa franquias.

5. GUILhERME MANGIA COBRA é advogado especialista em direito de empresas e pós-graduado em direito empresarial.

7. jOSÉ APARECIdO é administrador, bacharel em turismo, jornalista, consultor e estudioso em assuntos urbanos, mobilidade e trânsito. Atua como presidente das ONG´s SOS Rodovias Federais e SOS Mobilidade Urbana, além de ocupar a presidência do Conselho Empresarial de Política Urbana da ACMinas.

9. LEONARdO BORTOLETTO é diretor presidente da Web Consult e vicepresidente de Inteligência Digital da Sucesu-MG. Ministra palestras há 13 anos sobre marketing digital, e-commerce, internet e inteligência digital.

11. LIA PRISCILA é bacharel em jornalismo e trabalha como repórter fotográfica na imprensa mineira. Atua também no cenário da MBP, fotografando grandes nomes da música. www.liapriscila.com 12. RENE SALVIANO é Agente de Jogadores Licenciado pela CBF/FIFA e atua nas áreas de publicidade e marketing esportivo. É sócio-gestor das empresas Meiodicampo e DM Sports. 13. SIMONE dEMOLINARI é mestra em Análise do Comportamento; pós-graduada em Marketing e Gestão Empresarial pela FGV. Psicanalista em formação, Consultora, Palestrante, Professora de Aspectos Comportamentais e Colunista diária da Rádio 102,9 FM. Terapeuta, dedica a maior parte do tempo à clínica. 14. VICENTE dUARTE é jornalista e diretor da Woll Agency. Atua como produtor de casting nas principais campanhas de moda e publicidade no Brasil e no exterior.


9


lEITOR EM CENA

LIçÕES em CanneS

Foto acervo pessoal

E

ste ano, fui ao Festival de Publicidade de Cannes pela sétima vez. Sempre que vou ao evento, realizado na charmosa cidade da Riveira Francesa volto a mil. Mil ideias, mil novidades, mil contatos, mil possibilidades. Como publicitária e diretora de criação de uma agência, espero com ansiedade o mês de junho para participar do festival. Gosto de ir e voltar com excesso de bagagem, intelectual e criativa, claro.

Cada segundo que se passa em Cannes pode trazer algum insight. Com tantas novidades e informações eu só desejava minha equipe por perto para compartilhar todo aquele universo que se abria bem diante dos meus olhos. Sempre indico aos profissionais da publicidade, acompanhar todas as notícias que saem sobre o festival. No entanto, não há nada como vivenciar de perto. Percebi nessa 10

viagem que viver realmente os momentos é o que faz a diferença. Nesses sete dias, tive a oportunidade de conversar e estar próxima de pessoas que são referência para o meu trabalho. Pude ver de perto atores, diretores, cantores e personalidades incríveis como JackBlack, Sean Diddy, Alan Parker, Lou Reed, Vivienne Westwood. Pude também sentir a vibração, presenciar e participar de palestras que contribuem para ampliar a minha visão da publicidade e da vida. O festival permite ir muito além da publicidade e do marketing, visitando outros universos como moda, música e cinema. Vibrei muito por estar lá. Vibrei ainda mais por ter a oportunidade de ver o Brasil brilhar batendo record na premiação, ver Minas Gerais presente

no evento mais uma vez e apreciar o trabalho de colegas e mestres da publicidade brasileira e internacional. Aprendi em Cannes a lição de que se temos que ter um inimigo, que seja a acomodação. Não podemos sentar na frente do computador todo dia e fazer o que sempre fizemos. Temos que inovar, fazer diferente e não ficar parado. É por isso que voltei com formigas na minha cadeira, buscando estar sempre em movimento para conquistar coisas incríveis e surpreendentes todos os dias. Araceli Mesquita, publicitária Este espaço é para você, nosso leitor. Conte a sua experiência, envie a sua história para: leitoremcena@minasemcena.com.br E não se esqueça: as fotos devem estar em alta resolução.


Pode reParar, Por trás de uma imPressão de qualidade tem a marca Pad. A história de sucesso da PAD começou com a padronização e comercialização de bancas de revista como espaço publicitário. Sempre pioneira, a PAD lançou no Brasil o formato de empenas em edifícios e, mais tarde, o projeto PAD DOOH, um circuito com 10 painéis de LED localizados nas principais avenidas e vias de acesso da capital mineira. Nesses 18 anos, a qualidade da PAD ganhou visibilidade, e hoje o grupo é um dos mais bem sucedidos do Brasil no segmento de mídia exterior e comunicação visual, com mais de 500 engenhos de publicidade em 29 cidades de Minas Gerais e um conjunto completo de soluções para fazer a sua marca crescer e aparecer.

• Mídia exterior: bancas de revista, empenas, outdoor, front-light e painéis de led. • Comunicação visual: impressão digital, impressão com tecnologia UV em materiais flexíveis e rígidos, adesivação de carro e frotas, projetos de comunicação e sinalização de empresas, router fresadora com usinagem 2D e 3D, placas de empresas, fachadas com revestimento em ACM, letra caixa e totens em MDF, acrílico, PVC expandido, vidro e aço inox, confecção de estruturas, instalação de projetos especiais para eventos e decoração de ambientes.

18 anos

11

www.pad.com.br


Foto Divulgação

eM CENA

Corteo

Cirque Du Soleil volta a BH

U

m dos espetáculos mais aguardados pelo público mineiro chega a Belo Horizonte no dia 19 de setembro. A maior companhia circense do mundo, o Cirque Du Soleil, volta a capital com a apresentação “Corteo” (cortejo, em italiano), já apreciada por quase sete milhões de pessoas, desde que estreou, em 2005, no Canadá. Criado e dirigido por Daniele Finzi Pisca, o espetáculo conta a história de Mauro, o Palhaço Sonhador, que transforma um momento triste em festa ao imaginar seu próprio funeral em uma atmosfera alegre. O desfile animado, sonhado pelo palhaço, é retratado pelos acrobatas do

12

grupo em um palco de 360 graus, onde a ilusão se mistura com a realidade. Para levar o público ao cenário fantasioso imaginado por Mauro, os artistas voam a até 12 metros de altura, por meio de técnicas de trampolim, corda bamba, trapézio e barras fixas. Depois de Alegría (2007), Quidan (2009) e Varekai (2011), Corteo é o quarto espetáculo do Cirque du Soleil que passa por Belo Horizonte e fica na capital até o dia 29 de setembro. A tenda do circo será montada na Avenida Clóvis Salgado, na Pampulha, ao lado da Toca da Raposa I. Os ingressos custam entre 190 e 450 reais e podem

ser comprados na bilheteria oficial no Shopping Cidade (Rua Tupis, 33, Centro), de 12h às 20h, ou pelo site da Tickets For Fun (www.ticketsforfun.com.br).

serviço Local: Grande Tenda, Avenida Clóvis Salgado - Pampulha, ao lado da Toca da Raposa I Dias: 19 a 29 de setembro Horário: Terça a sexta, às 21h; sábado às 17h e 21h; e domingo às 16h e 20h. Informações: (31) 4003-5588


13


PERFIL NEGÓCIOS

A mais cobiçada

Fotos Giovanni Bessa

Empresário mineiro vislumbrou na cachaça uma oportunidade de mercado e hoje é dono da Cachaça Cobiçada de Minas e parceiro da Rede Globo

T

ransformar uma ideia em um grande negócio é a aspiração de todo empreendedor. A história que você está prestes a ler é prova que para se aventurar por esse caminho é necessário dedicação, e claro, uma boa ideia. O mineiro Lucimar Raimundo Pinto, de 54 anos, não podia imaginar que depois de 32 anos como servidor público, se tornaria um dos maiores empresários do ramo da cachaça no Brasil. Quando se aposentou, há pouco mais de dois anos, o dono da Cachaça Cobiçada de Minas vislumbrou no produto uma oportunidade de mercado e decidiu apostar no segmento.

14


Lucimar conta que tudo começou no sítio de um dos seus sócios, em São Gonçalo do Bação, distrito de Itabirito, mesmo local onde hoje a marca é produzida e engarrafada. “Neste sítio existia um tonel com aproximadamente 200 litros de cachaça e todos que passavam por lá gostavam muito da bebida. Foi quando pensamos em passar a produzir e comercializar o produto. A princípio a ideia era produzir 5 mil litros anuais de cachaça, destinados em sua maioria a brindes e confraternizações entre amigos”, explica. A Cobiçada começou a ser produzida em 2002, mas apenas em 2010, quando Lucimar se desligou do serviço público é que o processo de comercialização do produto teve início. “Somente após a minha aposentadoria que eu pude me dedicar inteiramente e abraçar essa nova atividade”, afirma. O empresário conta que o nome da marca surgiu em função de uma brincadeira. “Como todos que passavam pelo sítio cobiçavam a cachaça, surgiu então a ideia de registrá-la de Cobiçada”, esclarece. Logo que a marca foi criada, uma das estratégias de divulgação utilizada foi a participação no maior número de eventos possível. “Isso trouxe muita

visibilidade à Cobiçada, fazendo com que o público conhecesse o produto”, afirma o empresário. Segundo Lucimar, outro ponto importante para fixação do nome foi a abertura de lojas próprias. “A loja no Mercado Central é um bom exemplo disso, pois é um local onde passa a maioria dos turistas que visitam Belo Horizonte, além do grande número de belorizontinos que circulam ali todos os dias”, avalia. No mercado há pouco mais de dois anos, o empresário credita o sucesso da Cobiçada à qualidade e sofisticação do produto. “A Cobiçada é uma cachaça Premium, produzida dentro das melhores técnicas de fabricação, utilizando matérias primas selecionadas. Tudo isso associado a um rigoroso controle de qualidade e um acompanhamento técnico permanente”, conta. Com uma capacidade produtiva de 150 mil litros por ano e distribuída por quase todo o território nacional, a Cobiçada possui um público que engloba os mais variados perfis e agrada a todos os gostos. “Felizmente, a Cobiçada não enfrenta nenhuma rejeição do público consumidor, seja ele masculino ou feminino, classes A, B, C ou D. Mas a luta pela conquista e fidelização de clientes precisa ser permanente”, destaca Lucimar.

Parceria com a TV Globo

Outra característica que faz de Lucimar um empreendedor de sucesso é a sua preocupação em inovar e oferecer novidades aos seus clientes. Recentemente, a Cobiçada de Minas firmou uma parceria com a TV Globo para o licenciamento, produção e distribuição da cachaça da novela Saramandaia por todo o país. “Inicialmente, a emissora entrou em contato conosco a procura de alambiques que pudessem servir de cenário para a trama, mas não deu certo. Há dois meses ligaram novamente para um amigo em comum a procura de um produtor que quisesse engarrafar a marca Saramandaia”, afirma o empresário. De acordo com Lucimar, o produto já é um grande sucesso e a expectativa é que a procura cresça cada vez mais. “O primeiro lote elaborado foi de 100 mil litros, mas temos perspectiva de produção de mais dois lotes da mesma grandeza conforme o surgimento da demanda”, explica. Para este ano, o empresário conta que o crescimento da Cobiçada está pautado no sucesso da Saramandaia. “Embora a novela seja uma trama de curta duração, nosso contrato de licenciamento para exploração da marca é de 11 meses. Nossa expectativa é de que mesmo após o término do contrato, continue existindo demanda que justifique sua renovação”, conclui. 15


beleza

Brilho e leveza aos fios

Por Bruna Cruz Fotos Giovanni Bessa

Saiba quais as tendĂŞncias de cores e cortes de cabelo para a Primavera-VerĂŁo 2014 e arrase em uma das temporadas mais charmosas do ano!

16


U

ma das épocas mais coloridas e aguardadas do ano está chegando e com ela o desejo das mulheres se sentirem mais bonitas do que nunca! A Primavera-Verão é sinônimo de cores vivas e vibrantes, que se traduzem não apenas nas flores, sol e céu azul, mas também nos cabelos. Para esta temporada, as cores fortes como o preto e castanho escuro serão esquecidos, dando lugar à cores luminosas, que variam entre os tons de loiro, vermelho e castanho com nuances de caramelo e amêndoa. De acordo com o cabeleireiro Raphael Souto, do Salão Clip Imagem, em Belo Horizonte, a aposta é em tonalidades que transmitem a luz e naturalidade características da temporada. “Os tons loiros e acaramelados ganham força e saltam aos olhos. É hora de buscarmos inspiração nas cores das flores e no dourado reluzente do sol, dando mais brilho e vitalidade aos cabelos”, afirma. O profissional explica que a ideia é deixar o visual mais leve e descontraído. “Os cachos ganham mais liberdade. O look ‘lavar e deixar secar naturalmente’ é sempre uma boa pedida nessa época do ano”, completa. Souto conta que as clientes do salão estão sempre atentas às novidades e buscam inspiração no visual das celebridades. “O ruivo de Marina Ruy Barbosa e o corte chanel repicado de Vanessa Giácomo são os mais pedidos

“É hora de buscarmos inspiração nas cores das flores e no dourado reluzente do sol, dando mais brilho e vitalidade aos cabelos”

no momento e têm tudo a ver com as tendências Primavera-Verão”, afirma. Quando o assunto é o corte, Alexandre Hassui, profissional do Salão Clip Imagem, conta que as tendências para esta temporada não têm limites. “As mulheres adoram usar cabelos longos e fáceis de ser estilizados em casa. O movimento natural do cabelo é extremamente moderno e é sempre atual! Entretanto, a dica é apostar nos cabelos curtos, que vão desde um chanel acima do pescoço até um curto com franja longa”, sugere. Segundo o cabeleireiro, a temporada é ideal para ousar e caprichar em um corte curto e moderno. “A vantagem de ter cabelos curtos é a praticidade, sem contar que são muito charmosos. A dica é usar sempre um finalizador e cortar uma vez por mês”, esclarece. Contudo, o profissional explica que o corte varia de acordo com o cabelo e o perfil de cada cliente. “Para os cabelos lisos, a tendência é um leve desfiado nas pontas, com o objetivo de dar

volume. Já os cacheados devem estar repicados para poder definir melhor os cachos”, acrescenta. Independente das propostas da estação, Souto lembra que antes de mudar o corte ou a cor do cabelo, é fundamental que as clientes procurem a orientação de um bom profissional. “O papel do cabeleireiro é discutir com a sua cliente o que é cabível ou não para o seu biótipo, de acordo com seu jeito de vestir, sua profissão, seu tom de pele e formato de seu rosto. Um profissional antenado com as tendências de corte e cor e atento aos princípios do visagismo maximiza as possibilidades de satisfação de sua cliente”, conclui.

serviço Salão Clip Imagem Unidade Mangabeiras: Av. Bandeirantes, 372 – Contato: (31) 3261-0100 Unidade Savassi: Rua Lavras, 42 – Contato: (31) 3223-6355 Site: www.clipimagem.com.br

17


COMPORTAMENTO

Last of Us

APAIxONAdOS por gameS

O mercado de jogos hoje conquista cada vez mais admiradores que buscam distração, conhecimento e diversão

O

que vem a sua cabeça quando se fala em jogos? Certamente você pensou em brincadeiras para crianças ou algo do gênero. O que muitas pessoas desconhecem é que o mercado de games hoje no Brasil e no mundo tem crescido e ganhado espaço também entre os jovens e adultos. Esse universo que antes englobava apenas diversão tem se ampliado e hoje oferece jogos cada vez mais diversificados, por meio dos quais é possível aliar entretenimento à conhecimento e até mesmo à práticas esportivas como tênis, futebol, golfe e outros. A psicóloga Juliana Maranhão conta que sempre foi muito dinâmica e nunca gostou de ficar parada, em frente à televisão. Quando esteve nos Estados Unidos, há dois anos, viu o Xbox Kinect e foi paixão à primeira vista. “Fiz um ‘test drive’ na loja e comprei na mesma hora. O grande diferencial do Xbox Kinect é que você é o controle! É um jogo muito dinâmico e divertido. Você pula, corre, dança de verdade!”, afirma.

18


Fotos Giovanni Bessa Juliana e sua família se divertem com Xbox Kinect

Além de entretenimento, Juliana busca nos games uma alternativa para driblar a falta de tempo e praticar exercícios físicos. “Quando estou estressada, adoro lutar box no Xbox Kinect. Deixo a novela das 20h para lá e vou brincar. É divertido, prazeroso e ainda podemos perder algumas calorias!”, destaca. A psicóloga conta que o game avalia ainda o tempo e deslocamento do corpo da pessoa enquanto joga. “Luto com um adversário virtual e termino meu ‘treino’ mais leve e ensopada de suor! No Kinect, não adianta você fingir que joga e é isso que vale tanto a pena!”, completa. O publicitário César Felipe acredita que alguns jogos vão muito além do entretenimento e trabalham a mente dos jogadores para situações que jamais viveriam na vida real. “Jogos como

Apocalipse Zumbi e Cidades Devastadas treinam nosso raciocínio em busca de soluções diferentes, assim como é no meu dia a dia de trabalho como publicitário”, afirma. Ele conta que gosta dos mais variados estilos de jogos, que vão dos de suspense aos de esportes. “Adoro jogar Resident Evil, Silent Hill, God of War e Alan Wake, mas também não dispenso os clássicos NBA, Fifa, Pes e Fórmula 1. É uma ótima diversão para o fim de semana. Convido os amigos e disputamos mini torneios!”, acrescenta. A paixão por games algumas vezes é tão grande que vai além da brincadeira e se torna profissão. Muitas pessoas recorrem à cursos relacionados a jogos virtuais com o objetivo de aprimorar seus conhecimentos no assunto e transformam o que antes era apenas

lazer em trabalho. O Designer Gráfico, Bruno Barbosa, é professor de Flash Games em uma escola de Computação Gráfica de Belo Horizonte e, além de diversão, procura os games em busca de conhecimento. Segundo ele, muitos jogos têm histórias interessantes e que envolvem verdadeiramente os jogadores na vida dos personagens. “O mais recente que joguei foi Last of Us, para PlayStation 3, mas estou no aguardo do novo Kingdom Hearts, uma história emocionante, com personagens cativantes que fazem parte do conhecimento popular”, explica. Diversão em família

Juliana conta ainda que os games conquistaram toda a família e que promove até campeonatos com as filhas Rober19


ta, de 9 anos, e Fernanda, de 5. “Adoro os jogos de esportes e aventuras, como o ‘Olimpíadas do Faustão’. O meu preferido é o do Michael Jackson. Por meio dele aprendemos a dançar e a cantar todas as músicas e somos avaliadas pela performance nessas duas modalidades! É um barato!”, se diverte. As filhas de Juliana também possuem um jogo da Disney, por meio do qual é possível “passear” pelo parque e viver as sensações como se fossem realidade. “Este jogo nos leva para o interior da Disney e podemos até abraçar os personagens pelo caminho! Dançar com o Michael Jackson e passear na Disney sem sair de casa é um privilégio que só um game como o Xbox Kinect nos proporciona. É muito bom!”, afirma.

Confira algumas dicas de games para se divertir a qualquer momento!

Para jogar em família

· FIFA 13 (PS3 e Xbox) · Dance Central 3 (Xbox)

lançamentos Para jogar com amigos

Segundo dados do estudo global 2013 Games Market Report, em parceria com a Newzoo, o mercado de jogos eletrônicos deve aumentar o faturamento em 20 bilhões de dólares até 2016. Com o mercado em franca ascensão e jogadores mais antenados e conectados do que nunca, os fabricantes de jogos lançam constantemente games cada vez mais inovadores e para as mais diferentes plataformas. A novidade mais aguardada por César Felipe no momento é o PlayStation 4, que deve chegar ao Brasil até o final deste ano. “Jogo desde os meus 12 anos e passei por uma escala evolutiva dos games - Atari, Dynavision, Super Nintendo, Nintendo 64, Playstation 1, Playstation 2 e agora o Xbox 360. Se tudo caminhar como previsto, no final do ano terei o Playstation 4, que com certeza virá com jogos mais reais e interativos ainda. Não vejo a hora!”, conta.

SERvIçO BHGames Endereço: Rua Curvelo, 32. Floresta, BH/MG CEP: 31010-000 Telefone: (31) 2526-6990 Site: www.bhgames.com.br

20

· Forza Horizon (Xbox) · Battlefield 3 (PS3 e Xbox)

Jogos que trabalham o raciocínio

· The Elder Scrolls: Skyrim (Xbox e PS3) · Command & Conquer: Red Alert 3 (Xbox e PS3)

Para se exercitar

· Virtua Tennis 4 (Xbox) · Zumba Fitness Core (Xbox)


1999

VocĂŞ lembra onde

estava?

Enquanto milhares de fatos aconteciam em todo o mundo, aqui em Belo Horizonte principiava um projeto inovador na årea da beleza, cujo conceito prometia uma experiência focada na sensibilidade, tÊcnica, criatividade e excelência para conseguir entender e executar o que o cliente buscava para compor seu novo visual. Agora em 2013, quinze anos após sua primeira produção, o salão Clip Imagem continua sua caminhada, em passos seguros na busca da excelência e da eterna evolução de seus serviços e produtos. Fazer 15 anos para nós representa olhar para o passado, aprender com os desafios enfrentados, investir nossas ideias no presente, com pensamento de que o futuro estå logo ali. Celebrar este momento com você Ê motivo de muita satisfação, pois comprova que eståvamos certos e nos motiva cada vez mais em ser o seu salão de beleza de referência.

      

21


FUTEBOl

ELES ESTãO

Com a Bola toDa!

Por Bruna Cruz e Camila França Fotos Giovanni Bessa

Os goleiros mais prestigiados do futebol mineiro falam sobre a vida dentro e fora do gramado Apesar do embate entre Cruzeiro e Atlético nos gramados, os goleiros dos maiores times mineiros têm muito mais em comum do que se imagina: Fábio e Victor são apaixonados por futebol e cultivam um enorme carinho por Minas Gerais. Nascidos em estados diferentes – um é natural do Mato Grosso e o outro de São Paulo – eles estão construindo história em Belo Horizonte e projetando os times onde atuam no cenário nacional. Em entrevista exclusiva para a Minas em Cena, eles esbanjam simpatia e simplicidade e falam sobre a vida dentro e fora de campo.

22

Foto do Mineirão Sylvio Coutinho


23


Jeitinho mineiro

Natural de Nobres, cidade localizada no Mato Grosso, o goleiro Fábio se sente como um verdadeiro mineiro. Há nove anos morando em Belo Horizonte, ele se diz encantado com a simplicidade das pessoas e com a tranquilidade da capital. Quando questionado sobre propostas para jogar fora do estado e do país, ele responde com firmeza: “só penso no Cruzeiro”. Não há quem duvide da “mineiridade” do goleiro. Quieto, simples e simpático, Fábio escolheu um espaço verde para viver em BH. Ele mora com a esposa e com os dois filhos em uma casa que proporciona contato com a natureza e bastante espaço para as crianças brincarem. Da terra natal, ficou a saudade e sempre que sobra um tempo na agenda apertada ele visita a sua cidade, rica em belezas naturais. Com o goleiro Victor não é diferente. Nascido em Santo Anastácio, em São Paulo, ele mora em Belo Horizonte há pouco mais de um ano e já mostra ter adotado aquele jeito “mineirinho” de ser. “Nas horas vagas gosto de ficar em casa sem fazer nada e, quando tenho mais tempo, gosto de pescar”, revela. O goleiro, que mora com sua esposa e seus quatro cachorros, conta que está adorando viver na capital mineira, mas a falta de tempo ainda não permitiu que conhecesse tudo o que gostaria. “É uma cidade que proporciona muitas opções culturais e gastronômicas. Devido à agenda corrida de jogos e viagens ainda não foi possível explorar tudo o que BH oferece”, afirma. O galã do futebol mineiro

Fábio conta que sempre gostou de futebol e cresceu dentro de um time amador, acompanhando seu pai. “Eu era o mascote do time, todos cuidavam de mim e eu gostava muito de fazer parte. Sempre tinha troféu em casa e isso para criança é uma festa. Acho que o amor pelo futebol começou ali”, revela. 24

Fábio já bateu a marca de 500 jogos pelo Cruzeiro


“sempre tinha troféu em casa e isso para criança é uma festa. acho que o amor pELO futebol começou alI” Já maduro no futebol, onde a carreira começa bem cedo, Fábio ressalta que é preciso muito mais que talento para ser um bom goleiro. “É necessário perseverança, autocrítica, confiança e trabalhar muito, muito mesmo”, afirma. A dica, ele já vem passando para o filho, o pequeno Pablo, de 8 anos. O menino já treina na escolinha das Categorias de Base do Cruzeiro e vem se destacando. Como pai coruja ele acrescenta: “O Pablo tem tudo para se tornar um bom goleiro”. Outra característica do atleta é a modéstia. O goleiro é considerado pela torcida feminina o galã do time. Perguntado sobre o “título” recebido, ele desconversa e responde com bom humor: “não sei disto, estou sabendo agora!”. Brincadeiras à parte, Fábio diz que gosta do carinho da torcida e que procura receber bem a todos, independente do sexo ou idade. São Victor

A conquista da Libertadores foi um marco na carreira de Victor

O goleiro do Cruzeiro iniciou sua carreira aos 14 anos, no União Bandeirante, no Paraná. “Este clube me viu jogando em um torneio onde participavam jovens com idade maior do que a minha. Eu me destaquei e eles perguntaram a minha idade. Quando respondi, eles se interessaram e me levaram na mesma hora”, conta.

Aos 32 anos, Fábio já entrou para a história do Cruzeiro. Há pouco menos de uma década no time, o goleiro completou, recentemente, a marca de 500 jogos pelo clube. “É uma satisfação imensa alcançar essa marca como titular. Enfrentamos ao longo desse tempo dificuldades e considero como um grande presente de Deus atuar no Cruzeiro”, destaca.

Uma das coincidências na trajetória profissional dos goleiros é que Victor também começou sua carreira aos 14 anos de idade, quando foi aprovado em um teste no Paulista Futebol Clube, time da cidade de Jundiaí (SP). Fez toda sua base por lá, se profissionalizou e, aos 19 anos, foi promovido ao time principal, onde ficou até o final de 2007, quando se transferiu para o Grêmio. Jogou no clube porto-alegrense por quatro temporadas e meia até a sua transferência para o Atlético, em julho de 2012. 25


Formado em Educação Física, o goleiro do Atlético sempre soube que queria trabalhar na área esportiva e acredita que a paixão surgiu por influência de seu avô materno, que sempre acompanhou jogos de futebol. “Comecei com 5 ou 6 anos de idade, jogando em escolinha de futsal e pelo time da escola. Também jogava vôlei e basquete”, lembra. Como goleiro, ele conta que se inspirou em grandes nomes do futebol, como Taffarel, Rogério Ceni, Dida e Zetti. “Busquei as melhores características de cada um para tentar aplicar ao meu trabalho”, explica.

aumenta a responsabilidade (risos). Mas é uma responsabilidade gostosa”, revela.

Aclamado pela torcida alvinegra como “São Victor”, o goleiro do Clube Atlético Mineiro fez parte da conquista do título da Copa Libertadores da América, momento inédito na história do time, e foi consagrado como um dos grandes responsáveis pela vitória. “É muito gratificante ter esse carinho do torcedor, mas isso também

Considerado um verdadeiro herói pelos torcedores do clube, o atleta diz se sentir muito feliz com o momento que vive em sua carreira. “Para mim tudo o que está acontecendo é motivo de orgulho e satisfação. O torcedor atleticano é muito apaixonado e fiel e eu procuro ao máximo retribuir todo esse apoio recebido”, declara.

26

O atleta acredita que a conquista do título certamente é um acontecimento inesquecível não só para ele, como para todos os apaixonados pelo clube. “É um misto de boas sensações. As coisas aconteceram de forma muito rápida e intensa para mim aqui no Galo. Essa vitória ficará para sempre na minha memória, do torcedor atleticano e de todos os jogadores que participaram deste momento”, completa.

“tive vários momentos marcantes como goleiro, mas a conquista da Libertadores, pelo atlético, foi o que mais marcou até agora”


Superstições

Victor não se considera supersticioso e conta que tem apenas um ritual antes de entrar em campo. “Sempre faço minhas orações antes de começar um jogo. O apoio da minha família também me dá todo o suporte para entrar em campo tranquilo”, revela. O goleiro do Cruzeiro também garante que não tem nenhuma mania ou superstição. “Meu único ritual é fazer uma breve oração para agradecer a Deus por mais um jogo e pedir para ficar livre de lesões para alcançar sempre o melhor resultado possível”, ressalta.

Aos 30 anos de idade, ele conta que já viveu muitos momentos importantes em sua carreira como goleiro, mas ainda quer muito mais. “A motivação por novas conquistas é sempre grande. Ainda pretendo alcançar muitos títulos pelo Atlético. Também tenho o desejo de voltar à seleção e disputar a Copa do Mundo de 2014”, declara. Já Fábio não consegue eleger apenas um momento importante da sua história no Cruzeiro. Para ele, todos os jogos são importantes porque representam momentos e pessoais especiais. Quanto ao futuro do clube, o goleiro é otimista. “A expectativa para os próximos jogos é a melhor possível, mas isto é passo a passo, jogo a jogo. Não se pode empolgar e nunca menosprezar o adversário”, observa.

Projetos futuros

Quando questionado sobre qual o momento mais especial de sua carreira até o momento, Victor não titubeia na resposta. “Felizmente tive vários momentos marcantes como goleiro, mas a conquista da Libertadores pelo Atlético foi, sem dúvidas, o momento que mais marcou até agora”, destaca.

Independente do futuro desses dois grandes craques, a única certeza é que eles continuarão fazendo brilhantes defesas e dando muitas alegrias aos torcedores por onde quer que passem.

27


Foto Banco de Imagens

JURíDICO

REVISTA

não gera DanoS moraiS Por Guilherme Cobra

Na sociedade em que vivemos, tornou-se comum a prática das revistas efetuadas nos pertences dos empregados após a jornada diária de trabalho, com a finalidade de fiscalizar o funcionário para verificar eventuais subtrações de produtos e mercadorias dos estabelecimentos. O empregador tem como prerrogativa a fiscalização e controle da prestação do trabalho, inclusive com a imposição de sanções aos empregados em face do descumprimento de suas obrigações contratuais. Nesse contexto, o artigo 2º da Consolidação das Leis do Trabalho confere ao empregador o poder de direcionar a prestação pessoal de serviços, tendo, assim, a prerrogativa de coordenar, dirigir, controlar e fiscalizar a atividade laboral. A Constituição Federal de 1988, no artigo 5º, inciso XXII, garante ainda o direito de propriedade, de modo que cabe ao empregador adotar medidas para a proteção do seu patrimônio. A prerrogativa do empregador não é absoluta. Ela está limitada pelos princípios constitucionais que protegem a liberdade, intimidade e dignidade da pessoa do trabalhador. A Constituição Federal afasta a viabilidade jurídica de condutas fiscalizatórias do empregador que afrontem a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem do empregado, sua liberdade ou que o submeta a tratamento desumano ou degradante. Significa dizer que o empregador pode, em tese, efetuar a revista em pertences dos empregados como bolsas, sacolas, mochilas, armários, gavetas, escaninhos, desde que não atinja a esfera íntima de cada um. Para uma maior segurança jurídica quanto à revista de empregados, é pertinente sua previsão no contrato de trabalho, mediante cláusula específica, bem como no regimento interno da empresa, informando a todos os funcionários sobre a medida. É importante ressaltar ainda que a revista deve ser realizada de forma reservada e discreta, sem contato físico. Desta forma, podemos concluir que a revista de funcionários como meio de preservar o patrimônio da empresa não gera danos morais. 28


29


Foto Banco de Imagens

MOBIlIDADE URBANA

METRÔ LEVE a Solução para BH

Por José Aparecido Ribeiro

Q

uando se fala em transporte de massa para a capital mineira, o Metrô aparece como sonho de quase todas as pessoas. Mas será que ele é realmente o mais indicado para Belo Horizonte e seu entorno? Estudos feitos por recomendação da Sociedade Mineira dos Engenheiros (SME), ACMinas, SICEPOT, FIEMG, Associação dos Economistas e CREA-MG, mostram que não. Isso porque o quilômetro de Metrô custa nada menos que R$ 450 milhões. Além disso, o tempo de construção somado às dificuldades com a topografia da capital tornam o meio de transporte praticamente inviável para BH. Estudos apontam outro caminho: o Metrô Leve ou Monotrilho. Este modal carrega confortavelmente até 48 mil passageiros por hora pico sentido, em composições que são capazes de transportar o equivalente ao que demandaria 15 ônibus. Composto por até 7 carros, o Metrô Leve é capaz de deslocar até 1.070 passageiros por composição, a uma velocidade que pode chegar a 80km/h. A demanda da cidade para os próximos 20 anos não passa de 30 mil passageiros por hora pico sentido, ou seja, composições com 4 carros seriam suficientes para atender a cidade pelos próximos 40 anos. Com o Metrô Leve, a cidade já estará preparada para receber um aumento de demanda,

30

podendo ultrapassar a marca de meio milhão de passageiros por dia. Isso significa que o transporte de massa estará suprido se as 5 linhas com estudos realizados forem implantadas, somando 80 km ao custo de R$ 100 milhões o quilômetro. A novidade neste modelo é que ele permite a participação da iniciativa privada em regime de PPP. O Metrô Leve apresenta outras vantagens sobre o Metrô, uma vez que ele pode ser construído 5 vezes mais rápido, por 1/5 do valor, sem consumir espaço no chão, em avenidas já saturadas de carros, motos, caminhões e ônibus. Construído em vias elevadas, no período noturno, sem desapropriações, através de vigas de concreto apoiadas em pilares com até 15m de altura, rampas com inclinação de até 7% e vigas de em média 30m de comprimento e 2m de largura, o Metrô Leve é indiscutivelmente a melhor opção não só para BH mas para a maioria das cidades brasileiras. As vantagens não param por aí. Além de ser movido a energia elétrica, sem emissão de gases poluentes, seu design esbanja sofisticação e oferece modernidade para a paisagem urbana. Cabe ressaltar ainda que modais de superfície (BRT e VLT) consomem espaço precioso que a cidade não tem. A experiência de São Paulo mostra que o Metrô Leve é o transporte do futuro.


Dmídia. Todo mundo vai

ouvir, ver e falar sobre você. PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO • PRODUÇÃO GRÁFICA SOLUÇÕES DE MÍDIA OUTDOOR • PAINEL DE LED • MÍDIA TÁXI • BACKBUS - LINHAS METROPOLITANAS ABRIGO DE ÔNIBUS • MÍDIA TRUCK DIGITAL • POPCARDS

Rua Castigliano 483 sl 01 Padre Eustáquio • CEP: 30.720-310 Belo Horizonte/MG

+55 (31) 3411-3721 comercial@dmidiabrasil.com.br www.dmidiabrasil.com.br

31


SAÚDE

Uma janela

para o autoconhecimento

Por Camila França Fotos Giovanni Bessa

A receita para resolver inúmeros problemas de saúde é mais simples do que parece: basta meditar

C

om pouco tempo para fazer quase tudo, um turbilhão de pensamentos por segundo e tarefas que parecem não ter fim é difícil encontrar um momento onde é possível desacelerar e escutar apenas o silêncio. Esse é o ritmo da vida moderna. Para acompanhá-lo, agilidade e, claro, muita tensão. Pode ser assim para todo mundo, mas também pode ser diferente. A meditação melhora a concentração para realizar com mais atenção, organização e serenidade a lista de atividades do dia. A monja budista Mariângela Maia explica que a meditação é uma prática que estimula a atenção e a consciência do instante presente. “É um exercício de atenção à respiração e de sentir seu corpo e o ambiente onde está sem se perder nos pensamentos. O resultado é uma mente saudável e tranquila”, destaca. Já comprovada pela ciência, a meditação traz diversos benefícios para a saúde como redução do stress, melhora do sistema cardiovascular, insônia e distúrbios mentais, alívio da dor, reforço do sistema imunológico e aumento da concentração. Além disso, quem medita responde melhor às dificuldades e pressões diárias. Atenta a isso, a medicina divulga frequentemente pesquisas e novidades sobre tratamentos com a prática.

32


“O objetivo principal é perceber que a felicidade não está no mundo externo ou no próximo, e sim dentro da gente”

para meus alunos no yoga e nas terapias de shiatsu, ensinar que é preciso parar um pouco para olhar para dentro e se redescobrir”, destaca. Foi com a meditação que o professor aprendeu a administrar melhor o seu tempo e a relaxar. No entanto, a prática é bem mais profunda que o relaxamento. Para Marco, meditar é educar a mente. “Somos seres pensantes e com a prática da meditação aprendemos a controlar a nossa mente e a evoluirmos como seres humanos”. Descubra a sua linha

Bem antes da ciência descobrir os bons resultados da meditação para o organismo, religiões do mundo oriental já pregavam a importância de parar e ficar sozinho como algo necessário para uma vida plena. “A meditação também faz parte de uma busca espiritual, mas o objetivo principal é perceber que a felicidade não está no mundo externo ou no próximo, e sim dentro da gente”, diz Mariângela. A monja budista explica que a técnica é simples, o mais difícil é gerenciar a vida agitada. “Hoje, as pessoas já se acostumaram com a agitação e, por isso, a tendência é não conseguir ficar em silêncio, observando apenas a respiração. Com a prática, a pessoa começa a sentir a diferença no corpo, postura, respiração e aprende como administrar sensações, emoções e pensamentos”. Mente sã, corpo são

Foi na busca por qualidade de vida que o então professor de yoga e terapeuta de shiatsu, Marco Duarte, conheceu a meditação. Ansioso, Marco viu seus hábitos se transformarem quando começou a meditar. “Passei a me conhecer melhor, enfrentei os meus medos e fraquezas, aprendi a apreciar os momentos de solidão, a aceitar as diferenças. Iniciei a prática há 24 anos e ainda assim me considero um iniciante, sempre tentando melhorar. Meditar se tornou, para mim, algo como comer e respirar”. Hoje, Marco leva para as suas aulas o que aprendeu com a prática como um complemento indispensável. “Busco transmitir os valores da meditação

A meditação não se resume a apenas uma técnica. São várias linhas, que se diferem no método e na duração. Essas variações, no entanto, não influenciam no resultado final que é o de proporcionar sensação de bem-estar. O praticante pode escolher a linha que mais se adéqua ao seu estilo de vida e ao que ele deseja alcançar com a prática. Meditação na Respiração: É uma das mais comuns e simples. Para praticá-la, é preciso sentar de pernas cruzadas em um lugar tranquilo, fechar os olhos e fixar a atenção no fluxo de ar que entra e sai de seus pulmões. Meditação no Som Primordial: Consiste na repetição de um som, chamado primordial, que está relacionado com a hora, a data e o lugar de nascimento. 33


Para Marco, a meditação deixa a vida mais leve e saudável

Meditação Andando: O foco é caminhar com método, de modo que o andar e o respirar se tornem harmônicos. O propósito é o de se estar no momento presente, tendo plena consciência da respiração e da caminhada, e de se apreciar cada passo. Meditação Raja Yoga: Sentado numa posição confortável e de olhos abertos, mentalizar aspectos positivos da natureza humana, como bondade, solidariedade e amor.

Meditação Dinâmica: Mescla elementos de várias culturas e usa dança, sons e movimentos. Dicas para começar a meditar

· Sente-se com as pernas cruzadas em uma almofada ou, se não conseguir, assente em uma cadeira, sempre com as costas retas; · Comece a respirar lentamente;

Meditação Transcendental: É baseada na repetição de um som pessoal só conhecido pelo iniciante.

· Feche os olhos;

Meditação Cristã: Consiste na repetição de um mantra como, por exemplo, “Maranatha” (em aramaico, vem senhor).

· Deixe seus pensamentos irem e virem, não se apegue a eles;

Meditação Self: O objetivo é disseminar técnicas que levam seus praticantes a atingir a experiência pessoal e direta com Deus. 34

· Observe a sua respiração, o ar que entra e sai pelo nariz;

· Faça isto a cada dois minutos e descanse; · Repita durante 20 minutos todos os dias.

ONDE MEDITAR CENTRO DE MEDITAçÃO SAHAJA YOGA Endereço: Rua Alvarenga Peixoto, 184, Belo Horizonte Contatos: (31)3206-5557 ou minas. gerais@sahajayoga.org.br CENTRO DE BUDISMO TIBETANO DRAWA DROlMA Endereços: Avenida Nossa Senhora do Carmo, 660/205, Belo Horizonte Condomínio da Aldeia da Cachoeira das Pedras, Casa Branca, Brumadinho Contato: contato@drawadrolma.org SAlA DE MEDITAçÃO zEN Endereço: Av. João Pinheiro, 39, sala 81, Belo Horizonte Contato: (31) 9745-4450


35


CONCURSO CUlTURAl

CRIATIVIdAdE

para gerar CriativiDaDe

P

romovido pela agência 2 Pontos Comunicação em parceria com a Revista Minas em Cena e com a Academia Alta Energia, o Concurso Cultural Meu Primeiro AD, foi destinado aos estudantes matriculados e frequentes nos cursos de Publicidade e Propaganda de qualquer instituição de ensino superior do estado de Minas Gerais e tinha o intuito de fomentar a criatividade no ambiente acadêmico do estado. Para participar, os alunos deveriam criar, em dupla – diretor de arte e redator, impreterivelmente -, um anúncio para a Academia Alta Energia, que é a maior rede de academias de ginástica de Belo Horizonte. As inscrições eram feitas através de um hotsite, onde os participantes também tiveram acesso ao briefing para o anúncio e ao regulamento do concurso. Incialmente, as inscrições estavam previstas para o período de 22 de abril a 19 de maio, mas foi prorrogada até o dia 26/05.

36

O concurso recebeu muitas inscrições e, com base nos critérios criatividade, pertinência, direção de arte e redação, um júri – composto por profissionais do mercado, professores indicados pelas instituições de ensino parceiras, pelo diretor de criação da 2 Pontos e pelos diretores e equipe de comunicação da Alta Energia – foi formado para avaliar os trabalhos enviados, conferindo notas de 1 a 5 para cada critério citado acima. A dupla vencedora, formada pelo Diretor de Arte Rodrigo Caldas Lodi e pela Redatora Júlia Carolina de Andrade Alvim, teve seu anúncio veiculado na Revista Minas em Cena (que você confere na página ao lado). Além disso, os vencedores ganharam uma bolsa de seis meses em qualquer unidade da academia Alta Energia e ainda estagiaram por um mês na agência 2 Pontos Comunicação.

As instituições de ensino superior parceiras, que divulgaram o concurso internamente e que indicaram professores para a banca julgadora, foram a Universidade Fumec, o Centro universitário Newton Paiva, o Centro Universitário UNA, o UNI-BH e a PUC-MG. Na promoção do concurso, cedendo seus espaços para divulgação do mesmo, foram parceiras as empresas Minas Marca e JChebly. Como apoio, contamos com os sites SouBH e Publiminas, com a Revista Minas em Cena, com as gráficas Prima Cor e Grupo Art, além do Tio Flávio Cultural e da Academia Alta Energia, cliente deste concurso. Oportunidades como essa, além de fomentar o mercado mineiro de propaganda, estimulam os estudantes, colocando-os em contato com a realidade do mercado, além das salas de aula da faculdade. E que venham os próximos concursos.


21 ANOS de SuOR

pelO Seu bem-eStAR

A maior rede de academias de minas Gerais. altaenergia.com.br Fernanda Peixoto Aluna da unidade Buritis

buRitiS . CidAde NOvA . FlOReStA . CRuzeiRO . mANGAbeiRAS . pAmpulhA - CAStelO 37 SãO beNtO . SAvASSi . SeRRA . vilA dA SeRRA . SANtA lúCiA . Sete lAGOAS


arquitetura e Decoração

Espaço

livre para a criatividade Por Camila França Fotos Studio Pixel

As estantes estão saindo da sala de estar e ganhando espaço em outros ambientes. As tendências apontam que é preciso deixar livre a imaginação para integrar ao móvel funcionalidade e beleza

M

ais modernas e ousadas, as estantes exibem design diferenciado, cores inovadoras e materiais que fogem da tradicional madeira. Para decorar, organizar objetos ou dividir ambientes, ela se tornou uma peça curinga na casa. Sem delimitações, sobra espaço para a criatividade. Por muito tempo, ela foi famosa na sala de estar, hoje, conquistou também outros locais dentro e fora da casa. A designer de interiores, Edwiges Cavalieri, destaca que o essencial para um móvel é que ele tenha uma finalidade, mesmo que seja a de despertar emoção. “A estante reúne parte importante da vida da pessoa. São fotos, presentes e objetos comprados em viagem que revelam gostos e características. Para usá-la, não existe regra desde que atenda a necessidade da pessoa, a faça se sentir bem e facilite o seu dia a dia”.

38


Edwiges explica que o primeiro passo para utilizar a estante de forma decorativa e funcional é a personalização do espaço de acordo com o gosto de cada um. “É muito bom chegar em casa e ver que tudo tem a nossa cara, o nosso jeito. Nós, decoradores, temos a função de deixar o espaço mais agradável para que a pessoa realmente se sinta parte dele”, ressalta. Vestindo a casa

Assim como a moda, os móveis também apontam tendências. Para a decoradora Dodora Gontijo, é preciso levar em conta a função da estante antes de se entregar às novidades do mercado. “Cores vibrantes estão em alta atualmente como azul, verde limão, verde esmeralda, violeta e amarelo. Quem não deseja ousar na cartela de cores, a dica é combinar as tonalidades mais vivas com as neutras como o branco, o cinza e o bege ou optar por cores discretas no móvel e fortes nos objetos”, explica. 39


Sofisticação e design diferenciado

Quanto aos materiais, a aposta deste ano continua sendo o mdf, produzido a partir de fibras de celulose de madeira de reflorestamento que traz benefícios para o planeta e ainda deixa a estante mais leve e charmosa. “O mdf é o ponto de partida e pode ser combinado com amadeirados, laca ou vidro”, destaca Dodora. Fugir do tradicional já é possível com as estantes. O móvel passou a ocupar espaços diversificados dentro de casa e também fora dela. Outra tendência que Dodora destaca é a decoração de jardins. De acordo com a decoradora, a peça cria um espaço para as plantas e organiza o ambiente. “Elas também ganharam mais destaque em ambientes como escritórios, cozinhas, bibliotecas, áreas externas; e hoje também possuem novas ocupações. “Além de ceder espaço a livros, eletrônicos e objetos de decoração, elas expõem coleções inusitadas como souvenires de viagens pelo mundo”. As tendências, no entanto, são apenas um norte para escolher uma estante. “O móvel deve acompanhar o que a pessoa quer. Ela precisa olhar, gostar e se identificar. Moda é personalizar, adequar a seu jeito”, explica Dodora. 40


atualizar

COMPAREร‡A Meninas a partir de 13 anos, acima de 1,68 de altura e rapazes a partir de 16 anos acima de 1,80 de altura compareรงa na Woll Agency terรงas-feiras ou quintas-feiras de 14h as 17h levando uma foto 10x15 de rosto.

Tel.: (31) 3275-1040 Nextel: (31) 7818-8567 ID 6197 www.wollagency.com.br rua fernandes tourinho, 470 - sala 305 - funcionรกrios - bh - mg


Turismo

O mundo

sob um novo olhar

Por Bruna Cruz

Conheça o Turismo de Experiência e se encante por esse universo que oferece ao viajante momentos que aliam conhecimento e experiências inesquecíveis

A

descrição de Mário Quintana “Viajar é trocar a roupa da alma” retrata com louvor a transformação e renovação que o Turismo de Experiência é capaz de proporcionar a um viajante. Mais do que apenas apreciar belas paisagens e aprender um pouco sobre a cidade visitada, o turista de hoje deseja entrar em contato com um mundo completamente diferente do seu. Essa modalidade da atividade turística tem exatamente a proposta de enriquecer a viagem, deslocando o visitante da posição de mero espectador e transformando-o em participante ativo da viagem. A ideia é oferecer atividades diferenciadas e fazer com que o turista interaja com a cultura e costumes do local visitado, sendo uma oportunidade para adquirir conhecimento em áreas como gastronomia, arte, filosofia, literatura, música e cinema. Geralmente guiadas por um especialista, essas experiências podem ser vividas por

42


Foto Banco de Imagens

meio da narração de uma história ou da participação no processo de fabricação de algum produto, por exemplo. Embarque nesta jornada e conheça alguns destinos que a Minas em Cena preparou para você imergir em culturas desconhecidas e experimentar sensações inesquecíveis! Enoturismo em Stellenbosch

Também conhecido como Turismo de Vinho, o enoturismo consiste em uma viagem motivada pela apreciação do sabor e aroma dos vinhos e conhecimento da região produtora da bebida. A Rota dos Vinhos, da cidade de Stellenbosch, na África do Sul, produz anualmente cerca de dez milhões de hectolitros de vinho e é hoje um dos destinos mais procurados para se fazer o enoturismo.

Localizada às margens do Rio Eerste, a 40 minutos do centro da Cidade do Cabo, Stellenbosch forma, junto com as cidades de Paarl e Franschhoek, uma região conhecida como Cape Winelands (Vinhedos do Cabo), a maior região produtora de vinho do país. O enoturista que visita Stellenbosch vai muito além das tradições do local e tem a oportunidade não só de apreciar a rica variedade de vinhos da região, mas conhecer todas as etapas do modo de elaboração das viniculturas e a composição do produto. O turista é envolvido pela cultura e singularidades da bebida, transformando a viagem em uma experiência que envolve os cinco sentidos: o visitante terá a chance de observar os vinhedos, escutar as histórias, apreciar o aroma dos vinhos, experimentar as maravilhas gastronômicas da região e tocar nas garrafas e texturas.

“O TURISMO dE ExPERIÊNCIA TEM A PROPOSTA dE dESLOCAR O VISITANTE dA POSIçãO dE MERO ESPECTAdOR, TRANSfORMANdO-O EM PARTICIPANTE ATIVO dA VIAGEM”

43


Muitas vinícolas possuem pequenas pousadas ou hotéis charmosos e com ótima infraestrutura. A dica da Agência Teresa Perez é se hospedar no Delaire Graff Estate, que além de possuir vistas espetaculares, conta com dois sofisticados restaurantes que complementam a experiência de descoberta dos sentidos. Autoconhecimento nos Andes

Há milênios, as montanhas despertam a curiosidade de peregrinos das mais diversas culturas e são procuradas em busca de sabedoria, retiro, cura e transformação. A Cordilheira dos Andes é uma das montanhas mais misteriosas do mundo e é um excelente destino para quem busca uma experiência de autoconhecimento. Com uma beleza extraordinária, a Cordilheira dos Andes engloba um conjunto de montanhas que margeiam quase a totalidade da costa ocidental 44

Hotel Willka Tika, no Peru


Foto Banco de Imagens Palácio de Inverno, em São Petersburgo.

da América do Sul, ocupando o território de sete países: Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, Bolívia, Chile e Argentina. O turista que visitar as montanhas estará em contato direto com um verdadeiro espetáculo da natureza e se surpreenderá com a imensidão da cordilheira, que possui oito mil quilômetros de extensão e uma altitude média de quatro mil metros. A viagem proposta pelo turismo de experiência é uma jornada de peregrinação, descobertas e enriquecimento humano e espiritual, que inclui contato com a civilização local e experiências com autênticos rituais da espiritualidade andina. O roteiro preparado pela Agência Latitudes propõe momentos de yoga, meditação, caminhadas e ensinamentos, além de visitas à cidades importantes como Machu Picchu e Cusco, incluindo lugares históricos, trilhas, templos e ruínas. Para se entregar ainda mais à viagem, uma ótima opção de hospedagem é o hotel Willka Tika, no Peru, um “Guest

House” construído com a finalidade de retiro e desenvolvimento pessoal. A Rússia dos grandes escritores

Palco de grandes acontecimentos que marcaram a história, a Rússia é um país que também se destaca por suas grandes obras, produzidas por escritores russos reconhecidos como alguns dos mais influentes e importantes do mundo. Liev Tolstói, Fiodor Dostoiévski e Anton Tchekhov estão entre os principais nomes da Rússia moderna e são lembrados até hoje como autores dos maiores clássicos da literatura mundial. Para os amantes da literatura e história russa, o turismo de experiência oferece uma opção muito atraente: uma viagem que propõe um mergulho na vida e na obra desses três escritores, com visitas a lugares que marcaram suas vidas, como a cidade de Melikhovo, onde se encontra a casa-museu Tchekóv, e a propriedade de Lev Tolstói, em Yasnaya Polyana, onde o escritor viveu a maior parte de sua vida e onde foi enterrado.

Por meio dos contos mais significativos de cada um dos autores, é realizado um verdadeiro itinerário de leitura, proporcionando ao turista uma experiência que envolve os afetos e a reflexão. O roteiro inclui ainda visitas a pontos históricos importantes de Moscou e São Petersburgo, como a Praça do Balé Bolshoi, Praça Vermelha (centro dos principais acontecimentos do país) e ao Museu do Hermitage, um dos maiores do mundo, que abriga importantes obras de arte e esculturas de nomes como Picasso, Da Vinci, Caravaggio, Monet, entre outros. Quem já fez, garante que é uma experiência única!

SERvIçO latitudes viagens de Conhecimento Telefone: (11) 3045-7740 Site: www.latitudes.com.br E-mail: latitudes@latitudes.com.br Teresa Perez Tours Telefone: (11) 3799-4000 Site: www.teresaperez.com.br E-mail: info@teresaperez.com.br

45


ANÁlISE

SUA qUESTãO em Cena

Por Simone Demolinari

Olá! Tenho um namorado que trata todos “de fora” muito bem: amigos, colegas, até estranhos. Todos o acham legal, mas dentro de casa a coisa muda de figura. Ele se transforma numa pessoa fria, mesquinha e voltada somente para os interesses dele. Quem é este homem? Se eu conto como ele é de verdade ninguém acredita em mim”. Silvana - Belo Horizonte

Q

uestões como a de Silvana não são raras de se acontecer. Às vezes por necessidade social e profissional algumas pessoas precisam parecer ser o que verdadeiramente não são. Dessa forma tornam-se vigilantes em relação à sua postura, simpatia e bons tratos com os demais. Tudo em prol de manter uma boa imagem pessoal. Contudo, não sendo essa sua verdadeira essência, se travará então uma luta contra sua própria natureza, desperdiçando energia vital. Numa total inversão de valores, tratam bem quem os interessam e com desleixo quem os amam. Claro que isso não sairá barato. Alguém pagará essa conta. Pessoas que têm essa maneira de agir, camaleões sociais, podem se sair muito bem na área profissional, por isso a sociedade os aceitam e os enaltecem como modelos a serem seguidos. Mas sua verdadeira problemática fica evidente na esfera afetiva, interpessoal e nos seus relacionamentos íntimos. É como diz o ditado: “por fora bela viola, por dentro pão bolorento”. Quase nada passa incólume no mundo privado do amor. É aí que as máscaras caem e a realidade se revela. Os indiví-

46

duos narcisistas, por exemplo, podem se sair super bem em cargos estratégicos de comando nas empresas, graças a sua enorme competitividade e gosto pelo poder, mas machucam em profundidade seus parceiros devido ao egoísmo e ao egocentrismo crônico que os caracteriza. Nicolau Maquiavel ilustra com maestria o perfil do fingidor: “É mais importante parecer ser do que ser. Os homens em geral julgam mais pelos olhos do que pelas mãos, porque a todos cabe ver, mas poucos são capazes de sentir”. Caso o peso da angústia esteja muito forte sobre você, como relata, procure uma terapia. Na terapia será possível entender como você costuma resolver seus problemas pessoais e a causa de estar envolvida nessa condição. Trazer as questões para o consciente a ajudará a elaborar as alternativas para a saída. Sorte e paz. Te espero na próxima edição. Simone Demolinari Envie suas questões para redacao@minasemcena.com.br


Leve a vida numa boa.

somusicaboa.com.br Aplicativo Android disponível em

informação, cuLtura e música boa 24 horas por dia, no rádio, computador ou ceLuLar.

47


EDITORIAl DE MODA

Mujer Hermosa Fotos: Julia Lego

A tendência étnica é uma das principais apostas nas últimas temporadas. As aplicações padronagens, texturas e tecidos trazem toda uma inspiração cultural em meio a referências italianas, mexicanas, espanholas e até mesmo o Folclore Latino Americano, estão entre as grandes inspirações.

por Vicente Duarte

48


Vestido - Apartamento 03 Lenรงo - Carina Duek na Audrey Store Colar - Casa da รndia Brinco - Claudia Marisguia

Casaco - Mares Anel - Clรกudia Marisguia Saia - Le Patty

49


Blazer e calça - Mabel Magalhães Blusa - Essenciale Colares e brinco - Claudia Marisguia Chapéu e lenço - Acervo pessoal


Parka - Mares Vestido - Mares Bolsa - Clรกudia Marisguia Pulseiras - Clรกudia Marisguia 51


Blazer e calça - Mabel Magalhães Camisa - Maracujá Anéis - Claudia Marisguia Chapéu e lenço - Acervo pessoal


Blazer - Skazi Camisa de renda - Carina Duek na Audrey Store Vestido - Apartamento 03 Cinto - Nana Kokaev Brincos, colares e anĂŠis - Claudia Marisguia

53


Camisa - Maracujá Quimono - Graça Ottoni Saias - Printing Cinto - Essenciale Pulseiras - Casa da Índia Anéis - Claudia Marisguia

54


Camisa e saia usada como top - Printing Calça - Nana Kokaev Blazer - Graça Ottoni Anéis - Claudia Marisguia Chapéu - Acervo pessoal

Foto - Julia Lego Styling - João Paulo Durão Make - Luiz Bicalho Hair - Theodoro Remigia Modelo - Marina Cançado (Woll Agency) Coordenação de Produção - Vicente Duarte

55


GASTRONOMIA

Para

comer “rezando”

Por Kátia Portilho Fotos Giovanni Bessa

C

onhecida em todo o mundo pelos seus costumes religiosos, Marrocos nos convida a experiências que vão além das suas exuberantes mesquitas e muralhas de pedras. A gastronomia desse país é uma viagem a parte, uma imersão em um universo de contrastes protagonizado por cores, aromas e sabores que inebriam os sentidos. Essa heterogeneidade apreciada nos alimentos da cozinha norte-africana se deve principalmente ao mix de especiarias, frutas secas como laranjas, tangerinas, romãs, tâmaras, uvas-passas assim como amêndoas, nozes, gengibre e canela utilizadas permitindo novas combinações e dando um toque agridoce ao paladar. Raízes inteiras ou em pó também são usadas não apenas para realçar o sabor dos alimentos,

56

mas também para estimular o apetite, ampliando o perfume das carnes e dos vegetais. E por falar em perfume, e porque não, pétalas de rosas para aguçar o olfato? Elas são usadas para fabricação de águas perfumadas com as quais se aromatizam as pastillas (massa folhada fina com recheio agridoce) e os tayines (cozido de carnes com legumes, tomate e salada). O exotismo e o mistério se traduzem em cada detalhe, como por exemplo, nas combinações de temperos chamadas de Ras Al Ranout elaboradas pelos donos das lojas de especiarias locais. Não existe uma receita específica para a mistura, que pode ter de cinco a 25 ingredientes, entre pimenta malagueta, cominho, cardamomo, cravo-da-índia, alecrim, tomilho e páprica, entre

outros. Em algumas versões diferentes são acrescentadas substâncias tão exóticas quanto a mosca-espanhola, conhecidas pelo seu poder afrodisíaco. Digna de sultões

Entre um véu e outro é impossível não se encantar com a suntuosidade e a abundância da mesa marroquina, muitas vezes referida como walíma, cuja tradução literal é banquete. Apesar do menu cotidiano ser composto por um único prato, esse surge rodeado de uma diversidade de acompanhamentos como saladas, pastéis, frutas secas, briuats, aperitivos e outros. Onipresente em toda a gastronomia, a carne de cordeiro é a mais apreciada em todo o país, em algumas ocasiões acompanhada do tayine ou cuscuz, fórmulas


mais populares e também mais conhecidas no ocidente. Para os paladares mais requintados, e pode se dizer, exigentes, a carne de pombo ou borracho constitui grande luxo culinário.

Mas o segredo da culinária marroquina, uma das melhores do mundo, não está só na maneira como a comida é preparada ou no menu em si, mas na forma como ela é apreciada. Ao invés

de garfo e faca, são utilizadas as mãos, ou melhor, os dedos médio, indicador e polegar para comer, como os profetas faziam.

Carré de cordeiro com cuscuz marroquino • 1kg de carré de cordeiro; • Azeite; • 1kg de cebolas picadas; • 1kg de tomates; • 1kg de cenouras (cortadas na transversal); • 1kg de abobrinhas (cortadas na transversal); • 1 pimentão verde (cortado na transversal); • Salsão e pimenta do reino a gosto; • 1 colher de açafrão, cominho, canela em pau; • 2 folhas de louro; • 1 tubo de Harissa pimenta de cuscuz; • 100g de grãos de bico cozidos; • 50g de uvas passas;

Modo de preparo Coloque o carré de cordeiro na panela com azeite, sal e pimenta do reino, deixe “dourar”. Acrescente as cebolas, tomates, salsão e os temperos; também o caldo de legumes e cozinhe por 1h. Em seguida acrescente os legumes e deixe por mais 15min. No final, coloque os grãos de bico cozidos e o molho feito com pimenta Harissa dissolvido no caldo do cozido. Modo de preparo da Sêmola Coloque a mesma quantidade de água quente e sêmola em um recipiente. Adicione as uvas passas e deixe tampado por 15min. Para servir Coloque o cuscuz em uma travessa em forma de pirâmide e o cozido com legumes e molho na volta. Enfeite com as amêndoas torradas.

• 100g de amêndoas torradas; • 1 copo de sêmola de cuscuz;

Receita da chef e proprietária do Restaurante Vila Árabe, Therese Madi.

57


Fotos Divulgação

CAPA

O mundo aos seus pés

Por Bruna Cruz

À frente de uma das mais conceituadas empresas de calçados do país, Luiza Barcelos fala da paixão por sapatos e de sua nova coleção

58


Dorinha e as filhas Luiza, Rosa e Lúcia

U

ma mensagem em um pedaço de papel de agenda foi decisiva para que a mineira Luiza Márcia Barcelos percebesse que estava no caminho certo. Escrito por sua mãe, Maria Auxiliadora Barcelos, conhecida como “Dorinha”, o bilhete foi encontrado há oito anos, logo após a sua morte. Nele a matriarca expressava o desejo de que os filhos dessem continuidade ao negócio da família, mantendo os valores e perfil da marca idealizada por ela. Responsável pela criação de sapatos que fazem a cabeça e os “pés” das mulheres, a estilista seguiu à risca o pedido da mãe e hoje é quem está por trás de uma das marcas de calçados mais famosas do Brasil: a Luiza Barcelos. “Eu e meus irmãos consideramos a empresa como um membro da família, um filho mais novo que temos que cuidar e fazer crescer”, declara. A trajetória de sucesso da marca começou quando Dorinha decidiu assumir uma nova empreitada e, sem consultar ninguém, arrematou as instalações de uma pequena fábrica de sapatos em Belo Horizonte. Na época, Luiza não imaginava que um dia estaria no comando da empresa. “Minha mãe tinha muito bom gosto e sempre se interessou por moda. Quando ela abriu a fábrica, não quis trabalhar nesse segmento e iniciei um curso de Decoração”, lembra. Não demorou muito para a empresária perceber que herdou o empreendedorismo da mãe e se render à magia da moda. Luiza decidiu se tornar estilista e fez o curso de Estilismo do Calçado na Escola de Belas Artes da UFMG. “No início, o

59


“NãO dá PARA SE SENTIR CONfORTáVEL. É PRECISO ESTAR SEMPRE INCOMOdAdO E BUSCAR NOVIdAdES”

Para quem deseja trabalhar com moda, a estilista garante que é um universo muito grande, mas que exige muita dedicação e pesquisa. “É necessário que a pessoa seja muito curiosa e nunca se sinta satisfeita. Não dá para se sentir confortável. É preciso estar sempre incomodado e buscar novidades”, aconselha. Sucesso da marca

Com 24 anos de história, a Luiza Barcelos já alcançou muitos êxitos ao longo de sua trajetória e hoje é uma das principais marcas de sapatos e acessórios do Brasil, reconhecida internacionalmente. A empresa está presente em mais de 800 pontos de vendas em todo o país, além das duas lojas-conceito, em Belo Horizonte, e loja online. Em outubro, a marca ganha sua primeira loja em São Paulo, no Shopping JK Iguatemi, e, em 2014, chega ao Barra Shopping, no Rio de Janeiro. Ousadia, inovação, sofisticação e feminilidade são apenas algumas das características da marca, comandada por Luiza e os três irmãos. “Além de anteciparmos tendências, o grande diferencial é que nosso produto é feito por mulheres, já que a maioria dos calçados no Brasil são produzidos 60

Foto Divulgação

mais difícil foi desvendar a arte de fazer sapatos e criar técnicas modernas, mas encarei isso como um desafio. É importante que o profissional busque constantemente aprender e se aperfeiçoar no que faz”, acredita.


por homens. Nossa empresa também possui uma cultura familiar muito forte e as características distintas de cada um dos irmãos resulta em um grande equilíbrio no momento de decisões”, destaca. O design moderno e sofisticado dos sapatos da estilista já conquistou diversos países como Estados Unidos, Japão, Líbano, Itália, Portugal, França, Austrália e China. “Atualmente 10% da nossa produção é destinada à exportação. Temos muito potencial, mas como bons mineiros, seguimos o lema ‘devagar e sempre’. Estamos crescendo e aprendendo muito no Brasil e ainda nos preparando para conquistar o mercado internacional”, conta.

A mulher mineira

Como boa mineira, quando não está trabalhando, a empresária gosta de cozinhar e ficar com a família. “Sempre que posso procuro estar com meus filhos e irmãos. Não trabalho mais nos finais de semana e também não abro mão de viajar com as crianças ao menos duas vezes por ano”, afirma. Quando o assunto é sapato, a estilista acredita que a principal característica que diferencia a mulher mineira das demais é a ousadia. “A mineira tem uma cultura de moda muito forte e apego às tendências. Além disso, a moda de Minas se destaca porque é feita, em sua maioria, por mulheres”, explica.

“EU E MEUS IRMãOS CONSIdERAMOS A EMPRESA COMO UM MEMBRO dA fAMÍLIA, UM fILhO MAIS NOVO qUE TEMOS qUE CUIdAR E fAzER CRESCER”

Luiza Barcelos e os irmãos estão hoje no comando de uma das principais marcas de calçados do país

61


Questionada sobre qual sapato não pode faltar para uma mulher, Luiza explica que essa resposta é muito pessoal e varia de acordo com o perfil de cada uma. “As mulheres estão cada vez com mais personalidade, informação e acesso à moda. Cada uma tem o seu modelo predileto. Têm aquelas que preferem uma meia pata, outras uma rasteirinha, ou ainda, as mais clássicas, um scarpin”, avalia. Coleção verão 2014

O cuidado e preocupação com suas clientes também é um dos motivos do sucesso da Luiza Barcelos. A empresa foi uma das primeiras marcas a ter uma forte presença nas redes sociais e usa o recurso como ferramenta de pesquisa e comunicação com suas consumidoras até mesmo no momento de criar uma nova coleção. “Gostamos de saber quem está adquirindo nosso produto. As redes sociais são um ótimo indicador para sabermos quem são nossas clientes, o que usam, para que usam e como usam”, explica. O resultado dessa parceria com o público pode ser visto na nova Coleção Verão 2014, chamada “Coletivo”, que foi inspirada na troca de informações com as clientes. “O Coletivo nasceu das minhas viagens para Milão e Londres e das campanhas que fizemos no Instagram e no blog. Me empenhei em descobrir o que as pessoas queriam ver na Luiza Barcelos. Fiz a coleção junto com elas”, conta. Por meio das redes sociais, a empresária descobriu que as mulheres estão em busca de conforto, mas sem deixar a elegância de lado. Por isso, a nova coleção traz modelos que antes eram produzidos apenas com saltos altos, também nas versões médios e baixos, com o objetivo de agradar a todos os gostos. Para o próximo verão, a marca também traz muita cor e brilho e o glitter volta em sandálias e sapatilhas, deixando-as ainda mais sofisticadas. “Os modelos vêm com texturas metalizadas em cores como champanhe, prata e ouro e alguns metalizados coloridos: citrus, pink, laranja, roxo e esmeralda”, revela. A feminilidade característica da marca está presente nos sapatos de salto e de bicos finos. “A meia pata substitui a plataforma e as anabelas estão mais confortáveis. Há mais opções de saltos baixos e médios, assim como os saltos grossos. Os pés estão mais à mostra em sandálias com tiras finas e estão com a parte de trás mais alta e com tiras no tornozelo, assim como os scarpins”, explica. Além de se inspirar em suas próprias clientes, Luiza conta que o momento que a empresa vive também serve como diretriz na hora da criação. “O conceito é criado de acordo com a nossa visão no momento. Gostamos de fazer dessa maneira porque assim o resultado é espontâneo e verdadeiro”, finaliza.

62

Fotos Leca Novo e Juliano Arantes


31 3846 2929 31 8877 9950 www.cultnoivas.com.br

Acess贸rios exclusivos 63 para noivas e acompanhantes.


GESTÃO

É POSSÍVEL

Ser feliz no traBalHo?

Por Hélio Loredo Ilustração Rodolfo Xavier

S

atisfação no trabalho acontece quando se consegue realizá-lo com facilidade e, ao final, percebe-se um resultado positivo, que faça sentido e traga realização. Entretanto, na busca pela sobrevivência, muitas pessoas acabam por ocupar-se com atividades que não lhes geram prazer. Como resultado, além de profissionais insatisfeitos e, na maioria das vezes, clientes reclamando, há queda de produtividade, menor comprometimento e aumento da rotatividade de pessoal, com consequente aumento de custos para os empregadores. Como, então, identificar o trabalho que dê prazer e que possa ser realizado com destreza? Basicamente, há seis grupos de estilos de interesse profissional. A grande maioria das pessoas tende a se inclinar mais por dois ou até três deles e a se sentirem menos atraídas pelos demais. Reconhecer quais áreas de interesse mais atraem um profissional pode ajudar tanto na contratação de novos funcionários como na escolha da carrei-

64

ra ou da próxima oportunidade no mercado de trabalho: Realizadores: São pragmáticos, orientados por tarefas e resultados, aceitam correr riscos. Normalmente são fortes, perseverantes e autênticos, sempre ocupados, competitivos, controladores e gostam do micro gerenciamento.

dança. Às vezes são impulsivos e indisciplinados, não dando a devida atenção aos detalhes. Empreendedores: Persuasivos, orientados por ganhos, sempre ocupados. Têm iniciativa e são visionários. Podem tornar-se manipuladores e apressados em excesso.

Intelectuais: São curiosos, céticos, objetivos e metódicos. Focados no presente, possuem perspicácia técnica e são atentos a detalhes, o que os faz parecer, às vezes, insensíveis. Orientados pela busca pelo conhecimento.

Metódicos: Gostam de seguir métodos à risca, por isto não se sentem à vontade em arriscar-se. São organizados e confiáveis. Podem ser inflexíveis ou tornarem-se reféns de tarefas que lhes forem designadas.

Emocionais: Empáticos e comunicadores hábeis, constroem bons relacionamentos com facilidade. Tendem a evitar conflitos, o que pode levar à perda da assertividade, à procrastinação e à sensibilidade exagerada.

Não há profissionais que tenham apenas características de um único estilo, assim como não há funções que não exijam o domínio das competências presentes em mais de um estilo. Encontrar funções que necessitam de habilidades pertencentes aos estilos com os quais os profissionais mais se identificam pode facilitar a satisfação de quem trabalha e de quem emprega.

Intuitivos: Criativos e inovadores, têm facilidade em ver o quadro geral. São espontâneos e orientados para a mu-


INOVAÇÃO GASTRONOMIA MÚSICA A SIMBIOSE PERFEITA DO ENTRETENIMENTO

O NA MATA cAFé cAF é MAIS uMA NOvIDADE qu quE O grupo meet TRAz PARA vOcê v

namata.com.br namatabh.com.br

31 3654.1733

65


arte

Liberdade para as cores

Por Camila França Fotos Giovanni Bessa

Uma das representantes da arte naif no Brasil e no mundo, Ângela Rosa apresenta em suas obras uma festa de tons e singularidades

A

frase do poeta Manoel de Barros “Sou livre para o silêncio das formas e das cores” traduz com maestria o que a mineira Ângela Rosa representa em suas telas. A artista plástica buscou a liberdade dos traços e tonalidades da arte naif para representar personagens do cotidiano, que se revelam em festejos populares e em situações corriqueiras nas grandes e, principalmente, pequenas cidades.

66


Os festejos populares nas telas da artista

Também conhecida como arte primitiva moderna, a arte naif é caracterizada como um conceito de arte simples. De origem francesa, a pintura usa cores vibrantes e alegres com um estilo livre de técnicas para traduzir de forma espontânea as experiências e sentimentos dos artistas. O termo “naif”, em inglês, está relacionado com ingenuidade, inocência. E é com essa naturalidade quase infantil que Ângela constrói seus quadros, que juntos ou separados parecem contar uma história. Os temas das telas que a artista pinta se misturam com a sua vida. Nos quadros em óleo sobre tela, ganharam espaço o congado, a periferia, as brincadeiras de criança, o circo e o candomblé. Foi participando das festas de congado com seu irmão, também artista, que ela descobriu que a bisavó era rainha conga, figura que coordena as comemorações populares para santidades. A partir da descoberta, Ângela foi a fundo para investigar as suas raízes. “Comecei a pesquisar tudo o que estava relacionado com cultura popular, incluindo as tradições trazidas 67


pelos negros. Percebi que por meio da arte naif eu teria a oportunidade de retratar vários temas que fazem ou já fizeram parte do meu dia a dia”, recorda. A artista já rodou o Brasil e o mundo contando a sua história que se mistura às histórias da cultura brasileira. “Já realizei exposições em países como Alemanha, Tailândia, Portugal e Suíça. Tenho uma aceitação muito grande, que acontece, especialmente, pela curiosidade e encanto dos estrangeiros com a nossa cultura”, ressalta. Sutilezas da infância

Além do público internacional, Ângela também tem atraído outros olhares. As crianças parecem seduzidas ao visitar uma exposição da artista. “Costumo receber ligações de escolas para agendar visitas e fico muito contente com essa procura. Gosto de responder as perguntas, de ver o brilho no olhar dos pequenos quando observam minhas obras”. A artista atribui esse sucesso a sua nostalgia infantil. “Pinto muito as brincadeiras da minha infância como pular corda, brincar de roda e rodar peão. Hoje, as crianças não têm mais tanto contato com essas brincadeiras de rua. Com tanta tecnologia, elas brincam mesmo é no computador. Mas, ao verem os quadros, lembram das histórias dos pais, dos avós e até mesmo se identificam com as crianças retratadas no quadro. Quem se diverte mesmo com a visita delas sou eu”, brinca. A leveza, a alegria e a simplicidade das crianças, Ângela leva para sua obra e para sua vida. Sempre acompanhada da mãe, sua maior incentivadora, ela distribui sorrisos e ensinamentos com muita naturalidade, quase sem perceber. Sobre a arte naif, ela explica que a sua ausência de regras, a espontaneidade e a diversidade de cores nos ensinam a valorizar mais nossas raízes, nossa cultura e a rever o que consideramos importante. Para o poeta curitibano Manoel de Barros, “a importância de uma coisa não se mede com fita métrica nem com balanças nem barômetros. A importância de uma coisa há de ser medida pelo encantamento que a coisa produza em nós”.

68


69


MARKETING

dINhEIRO

não traz CriativiDaDe

Por Guilherme Guerra

O

título deste artigo mostra minha indignação com certas campanhas criadas por agências superestruturadas para clientes endinheirados. Um exemplo é o comercial de televisão totalmente equivocado da Caixa, que tem como objetivo falar dos mais de 60 mil pontos de atendimento do banco espalhados pelo país. O filme mostra uma família passeando de carro, onde o pai e a mãe não dão a mínima para o caçula que esboça sua primeira leitura. Depois de um bom tempo, a irmã mais velha, que estava entretida com o seu smartphone, tira o fone do ouvido e exclama: “Gente, o Dudu tá lendo!”. O pior de tudo é que no final do comercial a câmera dá um zoom na tela do smartphone da menina, que aparenta ter em média 11 anos de idade, e mostra que ela estava utilizando um aplicativo da Caixa. O que ela estaria fazendo lá? Consultando seu saldo bancário? E para

70


que estava usando fones de ouvido? Este comercial foi tão criticado que foi criada até uma fanpage no Facebook para fazer chacota do filme. Em contrapartida, ideias simples e com pouca verba podem trazer um resultado incrível para o cliente. É o caso da campanha Let’s Rock, criada pela RC Digital, com o objetivo de agregar modernidade e tornar mais jovem a marca da Rádio Guarani FM. A ação foi proposta para celebrar o Dia Mundial do Rock, comemorado no dia 13 de julho. O projeto consistiu na criação de um aplicativo que permitia ao usuário alterar o ícone de “like” do Facebook pelo símbolo mundial do rock, uma mão aberta com os dedos médio e anelar fechados. Os resultados foram incríveis! Em apenas 2 dias a base de fãs da rádio no Facebook quintuplicou e mais de um milhão de pessoas viram algum post relacionado à campanha. Não quero dizer aqui que os opostos se atraem, ou seja, que quanto menor a verba, mais criativo será o comercial. Só quero lembrar que o inverso não é garantia de sucesso. 71


veículos

O Novo

Mini é o MÁXIMO!

Por Kátia Portilho

O Mini Cooper Paceman alia espaço interno, sofisticação e tecnologia

72


O

bordão hollywoodiano “sigam aquele carro” cai bem ao novo modelo da BMW, o Mini Cooper Paceman. Com design arrojado e inovador, o veículo promete se destacar no mercado por aliar esportividade e espaço interno. O modelo SAV é nitidamente maior que o Cooper hatch e a frente robusta se parece com a do MINI Cooper Coutryman, mas ao contrário do modelo quatro portas da marca, o Paceman possui duas. O visual da segunda geração do compacto conserva as formas nostálgicas e luxo interno que cativaram milhares de admiradores pelo mundo, porém possui características inéditas como a lanterna traseira no sentido horizontal, invadindo a lateral do carro, ao contrário das versões anteriores, que eram na vertical. O espaço interno também é mais amplo nessa nova versão, principalmente para os passageiros do banco de trás, pois o modelo possui apenas dois acentos individuais, separados por um console, assegurando conforto de primeira classe aos ocupantes. Agilidade e segurança

Em relação à performance, o veículo segue a linha feroz de outros modelos da marca. O Paceman possui motor 1.6 - com turbo de série - que desenvolve 185 cavalos de potência, câmbio automático sequencial de 6 velocidades e um bom desempenho. Sua aceleração permite chegar aos 100 km/h partindo do 0 em 7,5 segundos, e alcançar uma velocidade máxima de 217 km/h. O novo modelo esportivo possui itens que proporcionam conforto e segurança na direção como o câmbio paddle shift, 6 airbags, faróis Bi xênon, controle de tração e estabilidade e sistema multimídia com MINI CONECTED para iPhone. Outras características ímpares como o teto-solar e a Lounge Atmosphere – jogo de luzes coloridas na parte interna do veículo que transmitem a sensação de estar em um lounge - legitimam o DNA da marca, conhecida por criar modelos feitos para quem tem estilo e gosta de dirigir. De acordo com a gerente comercial da Mini Euroville, Andrea Brasil, o Paceman foi projetado para atender aqueles que prezam por um carro esportivo, com design arrojado, mas não abrem mão de espaço para passear com a família. “O carro promete surpreender não só quem está no volante, mas a todos os ocupantes. Ele alia beleza, conforto, tecnologia, agilidade e estabilidade na direção”, enumera. O carro tem impressionado tanto os apaixonados pelo Mini que já existe fila de espera para adquirir o modelo Paceman. Ele já está disponível para test-drive na agência e o valor do veículo é a partir de R$139.950,00.

info www.eurovillebmw.com.br

73


Fotos Divulgação

ESPAçO FlORICUlTURA

UM ESPAçO para CeleBrar

Apto a receber eventos dos mais variados perfis, o Espaço Floricultura possui 540 m² e comporta até 350 pessoas

O

número de eventos realizados em Belo Horizonte tem crescido consideravelmente, movimentando diversos setores da economia e mobilizando profissionais das mais diversas áreas. Impulsionado pela prosperidade do setor, o empresário mineiro William Ribeiro, de 47 anos, decidiu investir no Espaço Floricultura. Localizado no bairro Santa Lúcia, próximo ao BH Shopping, o local conta com uma área de 540 m² e tem capacidade para 350 pessoas. Proprietário da antiga boate Floricultura, Ribeiro resolveu transformar a casa em um espaço para eventos particulares, em 2010. “Optei por mudar a cara da casa e transformá-la em um ambiente apto a receber eventos de médio porte, como casamentos, aniversários, bodas, formaturas, eventos corporativos, entre outros”, conta.

74


Além da localização privilegiada e do fácil acesso pela Avenida Raja Gabáglia, uma das regiões mais valorizadas de Belo Horizonte, o local possui instalações modernas e arrojadas. “Contamos com uma excelente infraestrutura. O espaço possui um jardim iluminado que proporciona ainda mais beleza aos ambientes interno e externo do salão”, explica Ribeiro. No último ano, o número de eventos que o espaço recebeu apresentou um aumento de 30%. “Nosso objetivo é sempre manter um padrão de qualidade que possa atender aos nossos clientes da melhor maneira possível. Esperamos um crescimento de pelo menos 100% até 2014”, revela.

serviço Espaço Floricultura Endereço: Av. Raja Gabáglia, 4678 Santa Lúcia . BH/MG Telefone: (31) 3282-5502 E-mail: espacofloricultura@hotmail.com

75


INTElIGêNCIA DIGITAl

COMPRAR

E-COMMERCE Seguro

Por Leonardo Bortoletto

A

cada ano as estimativas de vendas online superam as expectativas e os brasileiros se sentem mais seguros em se aventurar nas compras pela internet. As vendas virtuais devem atingir R$ 28 bilhões este ano, crescimento de 25% em relação a 2012, e superar os 50 milhões de consumidores, segundo a e-bit. Buscando garantir o direito dos consumidores virtuais, o primeiro decreto com definições de regras específicas para o comércio eletrônico entrou em vigor em maio deste ano. É a primeira vez que o Brasil conta com uma legislação para o segmento, o que é uma grande vitória para o país. Todas as normas do decreto visam a segurança dos consumidores, a transparência das informações e a garantia dos direitos, já previstas no Código de Defesa do Consumidor. O decreto determina que as páginas na internet exibam, em local de fácil visualização, informações para localização física da empresa e contatos. Também passou a vigorar que os sites devem expor as características do produto ou do serviço, discriminar qualquer despesa adicional e exibir as condições integrais da oferta, como formas de pagamento, meios de entrega e disponibilidade do produto. Outra vitória para os consumidores virtuais é relativa ao atendimento e ao direito de arrependimento. As exigências

76

de atendimento incluem apresentar um resumo do contrato antes da compra ou da contratação, a disponibilização do contrato na íntegra e a manutenção de um serviço eficaz de atendimento eletrônico que possibilite a resolução da dúvida, reclamação, suspensão ou cancelamento. Ou seja, se o consumidor enviar uma dúvida por alguma rede social, a empresa terá que respondê-la por essa mesma mídia. O que não pode acontecer é o usuário ficar sem resposta diante de uma reclamação. Quanto ao direito de arrependimento, as lojas são obrigadas a informar, de modo ostensivo, os meios adequados para esse procedimento, assim como arcar com todas as despesas da rescisão e comunicar à instituição ou à administradora do cartão de crédito ou similar sobre o arrependimento. São incontestáveis os benefícios da medida. As mudanças surgiram para trazer mais clareza, credibilidade e confiança para os consumidores e maturidade para o empreendimento. Mesmo que as adequações para os sites não sejam tão simples, as vantagens desbancam os pontos negativos que a medida possa provocar. Uma delas é a fidelização do consumidor, que, ao sentir segurança em fornecer seus dados pessoais para aquele site, compra novamente e indica para os amigos. Assim, o retorno do investimento inicial será facilmente conquistado. Todos saem ganhando.


A g o r A é o g A r ç o m q u e m vA i te oferecer 10%. ou mAis. Além de celebrar as coisas boas da vida, com a mais diversa e deliciosa culinária e uma carta de bebidas sofisticada, agora você também poderá se beneficiar com descontos, prêmios e promoções exclusivas. fa ç a p a r t e d o c l u b e d e B e n e f í c i o s A m b r ó s i o ’ s e m o s t r e q u e , a l é m d e t e r bom gosto, você também valoriza um tratamento diferenciado. A c e s s e w w w. c l u b e a m b r o s i o s . c o m . b r e i n s c r e v a - s e .

77


opinião

POR UMA

MINAS COM MAIS MONTANHAS Por Leo Soltz Foto Daniel Mansur

A

pesar de não estamos necessariamente próximos a uma campanha política eleitoral, as conversas sobre a forma e o conteúdo com a qual os nossos políticos vêm conduzindo os rumos do Brasil continuam intensas. Isso porque as disputas para o cargo de presidente da república já tiveram início, tempestivamente. Não vou aqui tecer comentários sobre minha opção partidária, mesmo porque, em tempos atuais, não tenho sequer a certeza se existe neste país polos de discussão, de fato, sobre o tema. Existe sim um grande negócio em Brasília aonde pessoas eleitas, por nós, salvo alguns poucos casos, usam seus cargos como balcões de negócios. O objetivo dos “nobres colegas” passa longe de resolver os problemas e gigantescos gargalos que o Brasil necessita para efetivamente crescer.

78


Esta falta de compromisso com “projetos de governo” e com a verdade é latente. Os discursos vazios e as promessas de bolsas (disso e daquilo) são a tônica da situação e o embate da oposição. Um dos poucos tangíveis, diga-se de passagem. No mais, tudo igual. “Por um Brasil melhor” - disse recentemente um aspirante a candidato a presidente no seu tempo gratuito de rádio. Casos semelhantes já nos impactaram ou sugerimos agora para os níveis estadual e municipal. Imagine só: “Por um Rio mais belo”. “Por uma Barbacena mais florida”.

“Por uma Juiz de Fora mais próxima do Rio”. “Por uma Minas com mais montanhas”... sic “Por uma São Paulo menos poluída”. Brincadeira ou não, em todos estes casos o que fica é a falta de compromisso com o cidadão e a palavra midiática. Esta sim vem vigorando fluentemente nos discursos de proponentes a cargos públicos e nos atuais governantes. E nós, o que dizemos disso tudo? Eu não votei neste e naquele candidato que ganhou. Não sou responsável por isso. Votei em Branco...anulei meu voto. Algo assim, presumo.

Ocorre, nobre amigo, que o engajamento ou a falta do mesmo é o motor para que pessoas sem quaisquer condições de legislar a favor da nossa sociedade, de fato, ganhem votos e sejam postas nos cargos públicos. Lembro ainda que a falta de cobrança durante o mandato também é leniência. E vou mais longe. Em países e estados democráticos de direito, cidadãos deixam um pouco do seu tempo, muitas vezes até sem remuneração, para apoiar um projeto de país, de estado, de cidade. Mesmo porque, na democracia, somos todos parte de um todo. E pensar no futuro de nossos filhos tem que ser uma máxima e não um favor. 79


ESPORTE

fUTUROS

talentoS Do futeBol Por Rene Salviano

C

omo descobrir um novo talento do futebol? A verdade é que não existem fórmulas exatas para se encontrar grandes talentos do futebol, mas vou enumerar seis critérios que geralmente utilizamos para analisar futuras promessas: forma física, capacidade técnica e tática, leitura de jogo, capacidade psicológica e determinação.

três características diferentes no esquema, pois é a partir do psicológico do atleta, que ele tomará decisões para utilizar ações técnico-táticas de qualidade e ler o jogo com fluidez. É também a partir da parte psicológica que observamos o medo de um jogador no momento que sofre um gol e como reage a um resultado negativo.

Todos os atletas devem apresentar uma forma física de alto nível, pois isso ajuda o jogador a exibir um bom rendimento nas várias ações técnico-táticas específicas da posição. Os atacantes, por exemplo, não precisam ser tão hábeis no desarme, que é uma ação técnico-tática específica dos zagueiros. É importante que o jogador tenha técnica, mas saiba utilizá-la em função da equipe. Se o atleta não colaborar no aumento do rendimento do time, os dotes técnicos muito elevados serão irrelevantes. Tal como na capacidade técnica, a capacidade tática varia de posição para posição.

Para finalizar, a determinação também é um importante fator a ser observado. Os jogadores mais determinados aumentam substancialmente o rendimento nas demais capacidades. Mas essa característica pode ser um fator positivo ou negativo, pois um atleta muito determinado pode acabar sendo precipitado e cometer erros graves durante o jogo.

Outro critério importante é a capacidade de leitura de jogo do atleta, que deve estar aliada a criatividade e inteligência. Por meio da análise correta do jogo, o jogador saberá como criar jogadas de qualidade para a equipe, aumentando o rendimento do time. Já a capacidade psicológica é um fator que envolve 80

Por isto sempre digo que não podemos relacionar o rendimento da equipe com o rendimento do atleta que estamos observando. Precisamos verificar as características individuais do jogador, pois estas sim definem como esse atleta pode influenciar no rendimento geral do time. E lembrem-se: é quase impossível observar um jogador em apenas uma partida. É necessário observar vários jogos para assim definirmos se realmente descobrimos um jogador em potencial.


Em um almoço com clientes

ou

em um evento de negócios

B E LO H O R I ZO N T E

Seu sucesso passa por aqui. A s o l u ç ã o p e r f e i t a p a r a f e c h a r ó t i m o s n e g ó c i o s n o m e s m o l u g a r. AV.

R A JA G A B ÁG L I A , 2 67 1 | SÃO B E N TO |

31

3293 8787

81


BH EM CENA

jUSSARA naveS

Colaboração Marcelo Moreira

Foto Banco de imagens

Foto Divulgação

CONEXÃO PORTO AlEGRE O oncologista André Murad esteve recentemente em Porto Alegre, onde participou do evento “O melhor da ASCO”, Congresso Anual da Sociedade Americana de Oncologia. O encontro buscou oferecer aos especialistas latino-americanos uma revisão do que de mais importante foi apresentado durante congresso norte-americano, realizado anualmente na cidade de Chicago e considerado o evento mais importante da Oncologia mundial. Murad participou como palestrante e membro da comissão científica e organizadora.

TURISMO DE NEGÓCIOS O San Francisco Flat, referência no setor hoteleiro de Minas Gerais, inaugurou mais uma etapa de sua reestruturação, agora em agosto. Foram investidos mais de R$ 10 milhões para as melhorias, sendo R$ 7 milhões apenas nessa última fase. Este novo posicionamento vem atender o crescimento de uma demanda gerada por eventos sociais e corporativos, uma vez que Belo Horizonte tem enorme potencial para turismo de negócios.

CONEXÃO MARROCOS A disputa do Mundial de Clubes da FIFA pelo Atlético, fez com que os mineiros corressem para as agências de viagens, buscando pacotes para o Marrocos, onde acontece a competição, no final do ano. A Exodus Viagens e Turismo tem três opções para os torcedores que quiserem acompanhar o Galo no campeonato.

82


DElíCIAS DE vÓ Delba Soares, Diva Ladeira e Maria Aparecida Bruzzi

Fotos Daniel Teobaldo

Para celebrar o Dia da Avó, comemorado todo dia 26 de julho, o Pátio Savassi recebeu, em agosto, a exposição fotográfica “Delícias de Vó 2013”. A mostra – realizada pelo blog Era uma Casa, a Talento e a Trousseau, retratou a essência da relação entre avós e netos, clicados pela fotógrafa mineira Mari Camargos. As avós escolhidas são clientes das marcas envolvidas no projeto.

Michele Luz e Mônica Gonçalves

83


Com mais de vinte anos de atuação em causas trabalhistas, a advogada Maria Inês Vasconcelos lança, no dia 20 de setembro, no Automóvel Clube, seu segundo livro, Síndrome do Pânico e Trabalho. Saindo pela Editora Del Rey, a obra mostra que o ambiente de trabalho não tem posição de neutralidade em relação ao adoecimento mental, sendo palco propício para o surgimento ou agravamento de vários males.

Foto Menina dos Olhos

SÍNDROME DO PÂNICO E TRABALHO

A plataforma para recrutamento de candidatos ViaConvo anuncia o recebimento de novo round de investimentos, podendo chegar a R$ 800 mil. O aporte será realizado por players estratégicos do setor de RH, interessados em contribuir também com expertise, networking e sinergias para alavancagem do negócio. No início deste ano, a rede de relacionamentos profissionais Via6 e a plataforma online para recrutamento pessoal por vídeos JobConvo concluíram negociação de um ano e meio, fundindo-se na atual ViaConvo.

CONGRESSO O dentista Paulo Coelho Andrade, especializado em implantodontia dentária, participa neste mês do Congresso Latino Americano de Osseointegração no Expo Center Norte, em São Paulo, entre os dias 25 e 28. O evento internacional é um dos maiores da odontologia mundial e contará com a presença do sueco Per-Ingvar Brånemark, inventor do implante dentário.

84

Foto Walmir Montheiro

APORTE FINANCEIRO


Foto Divulgação

NOvOS TEMPOS... Se há tempos atrás, as mães decidiam as roupas de suas filhas, hoje em dia a coisa está bem diferente: as crianças ganharam vez e voz para escolher os próprios looks. Segundo a representante da grife infantil Animê, Viviane Garcia, as meninas estão muito antenadas ao mundo fashion e já são consideradas como mini blogueiras, uma vez que sempre compartilham fotos de suas produções entre as amiguinhas nas redes sociais.

A HORA DO SIM! A cerimonialista Renata Lima marcou presença na 5ª Expocasório, que aconteceu em agosto, Em Belo Horizonte. Durante estes 10 anos de carreira, Renata assinou a produção de vários casamentos luxuosos e tem visto que o público busca exclusividade na hora do “sim”. A grande tendência, hoje em dia é o uso de brasões de família, que estampam desde as lembrancinhas do casamento até a decoração da festa. Foto Júlia Cândido

85


EvENTOS

Kaiser Henrique, Shirlei Soares e Leo Ribeiro

TERçA

Paulo Teixeira, Claudia Bernardes e Angélica Bernardes

top flaSH

Fotos Giovanni Bessa

N

os meses de julho e agosto, o Na Mata Café recebeu a Terça Top Flash. Promovido pela revista Minas em Cena e a Rádio CDL (102, 9 FM), o evento contou com as mixagens do DJ Júlio Guedes, tocando os maiores hits de todos os tempos em versões exclusivas. A proposta foi promover momentos de encontro entre anunciantes, colaboradores, empresários e formadores de opinião. A Terça Top Flash ainda teve o apoio do Espumante Rio Sol e da Agência de Comunicação 2 Pontos.

Paula Bernardes e Shirlei Soares

86 Edgar Bessa, Marília Coutinho, José Aparecido e Leonardo Soltz

Iara Santos, Ana Andreia e Erica Rolim


Shirlei Soares e Chef Ricardo Caput

Claudia Bernardes, Ricardo Tavares e Angélica Bernardes

Simone Demolinali e Rogério Salgado

Luiza Silva, Vereador Julinho Los Hernanos, Daniela Maciel e André Santos

Claudia Bernardes e Celeste Passos

Gustavo Gurgel , Paulianne Campos, Roberto Vascon , Maria Quintiliano

Vilmar Jr. , Edgar Bessa e Cristiano Rocco

Julio Guedes

87 Guilherme. Dutra, Shirlei Soares, Anderson Cassimiro, Daniela Miranda, Allan Goulart, Carol Monteiro e Bernardo Augusto

Celeste Passos, Claudia Bernardes e Jussara Naves


Edgar Bessa e José Aparecido

Hélio Loredo e Elisângela Marcondes

Felipe Rameh, Marcelo Vanderley, Jordane Macedo e Christiano Rocco

Claudia Bernardes, Edgar Bessa e Paula Bernardes

88 Wânia Capparelli, Celeste Passos, Junia Mourão e Claudia Bernardes

Bruna Cruz, Kátia Portilho e Camila França.


89


eventos

Betim

Run Up

Fotos DHL Vídeos Produções

A

primeira edição da Corrida Betim Run Up contou com a presença de dez corredores da equipe profissional do Cruzeiro e mobilizou também diversos betinenses. Patrocinada pelo Ministério da Cultura e pelo Grupo Sada, a competição teve como objetivo incentivar a busca por uma vida mais saudável. A iniciativa recebeu ainda o Circuito Cultural Praça Ativa, projeto que visa facilitar o acesso à cultura para pessoas de baixa renda. Além da corrida, diversas atividades culturais, educativas e de lazer foram realizadas para levar diversão e bem-estar para toda a família.

90


91


EvENTOS

Flávia Azevedo, Marcia Lopes, Monica Ferrera.

Carlo Dee e Ana Flavia Ribeiro

SAN

Andrea Carneiro, Silvia Ramos e Eliana França

franCiSCo flat

Fotos Henrique Pimentel

P

ara atender a crescente demanda pelo turismo de negócios na capital mineira, Belo Horizonte ganhou mais um incrível espaço para eventos sociais e corporativos. O San Francisco Flat, referência no setor hoteleiro de Minas Gerais, inaugurou os espaços Salão Diamante e Salão Ouro, localizados no bairro Lourdes, com capacidade para 400 e 200 pessoas, respectivamente. O coquetel de lançamento contou com a presença dos principais fornecedores do ramo, empresários e formadores de opinião.

Reginaldo Gomes e Wagner Cunha

92 Ana Flávia Ribeiro, Valéria Rodrigues e Luciana Faiçal

Márcia Lopes e Clovis Viana


Antônio Ebelo e Cirlene Ebelo

Gustavo Penna e Maria Cristina Penna

FLAVIA AZEVEDO e MÁRCIA LOPES

Silvia Ramos, Bel Albano e André Salgado

Carlo Dee e Eduardo Jr.

Ibraim Neto e Ana Flávia Ribeiro

Raul Penna e Eduardo Brasil

93 Silvia Sahione, Ana Flávia Ribeiro, Luiza Sahione

Flavia Azevedo e Márcia Lopes


EvENTOS

Tropa de Elite – Patos de Minas

Isabela na valsa com seu pai

Pista

15 ANOS

Betinho, Alessandro Buldrini, Isabela e Alessandra

iSaBela BulDrini

Fotos Felipe Matoso

N

o dia 3 de agosto, os empresários Ângelo Buldrini e Louise Araújo comemoraram o aniversário da filha Isabela Buldrini em grande estilo. A festa aconteceu na Boate do PIC, em Belo Horizonte, e contou com a presença de 350 convidados, entre familiares e amigos da aniversariante. Decoração impecável, um delicioso buffet e música boa embalaram a festa que seguiu até a madrugada. A noite, sem dúvidas, ficará na memória não só de Isabela como de todos os convidados. Confira a nossa cobertura!

Angelo, Bisavô João Lazinho, Isabela e Louise

94 Angelo Buldrini, Isabela Buldrini, Louise Araújo e Gustavo Buldrini

Laís, Camila, Isabela, Paula e Bebeto


Paulo Caixeta, Isabela e Neide Vieira

Maria Aparecida e Isabela

Jairo, Ana Flรกvia, Isabela, Pedro, Rafael e Jairo Neto

Adriana, Isabela e Guilherme Bicalho

Isabela

Louise, Angelo, Isabela, Adriano, Gustavo, Laura e Ana

Wadson Saab, Isabela Saab, Isabela Buldrini e Cรกssia

95 Glรกucia, Isabela e Cid Afonso Buldrini

Amanda, Angela, Mariluz Buldrini, Angelo, Isabela e Louise


EvENTOS

Legenda Festim da Lagosta

Legenda Festim da Lagosta

Cuca e Patrícia Leite

fESTIM

Legenda Festim da Lagosta

Da lagoSta

Fotos Eugenio Savio

R

equinte e sofisticação marcaram o 16º Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes, realizado entre os dias 23 de agosto e 1º de setembro. Durante o festival, a Pequena Tiradentes, uma das pousadas mais tradicionais e conhecidas da cidade histórica mineira, recebeu a primeira edição do Festim da Lagosta, um evento exclusivo, que trouxe para Minas os ares mediterrâneos. Em uma tarde saborosa, comandada pelo chef Rodrigo Zarife, os convidados tiveram a oportunidade de degustar um banquete de lagostas e camarões grelhados, acompanhados de salada e legumes salteados em manteiga de amêndoas. Para harmonizar, foi servido prosecco rosé e o espumante Foss Marai, um dos patrocinadores do evento.

Chef Rodrigo Zarife e Paulo Navarro Karoline Melo e Klaus Melo

96 Convidados Minas em Cena

Edgar Bessa e Klaus Melo


DIvERSÃO E NEGÓCIOS

MENU

DeguStação

Por Fernando Júnior

Entrada

Banda Cidade Negra

Fotos Divulgação

Foto Francisco Dumont

Intimista, aconchegante e com veia italiana. O coração do Lourdes acaba de receber a segunda unidade do Piatti Ristorante, administrado pelo casal Victor e Lindsey Passos. Na cozinha, é priorizado o sabor original, utilizando ingredientes especiais, como trufas, massas próprias, queijos frescos e prosciuttos, tudo comandado pelos chefs Danilo Simões e Alexandre Arlen.

Prato Principal

Toni Garrido, Bino Farias e Lazão. Sim, eles estão de volta! No dia 14 de agosto, a banda Cidade Negra agitou a capital mineira no projeto Na Mata Na Pista, que aconteceu no Na Mata Café. A festa também contou com a participação de George Israel, do Kid Abelha, e show de abertura com Nego Henrique, que levou para o público o melhor do samba rock. O Na Mata Na Pista é um projeto que levará grandes shows e eventos para diversos pontos de BH.

George Israel, banda Kid Abelha Sobremesa

Um português entra em um restaurante com um papagaio sobre o ombro e o garçom pergunta: - O animal fala? - Sim, e eu também - diz o papagaio. Apoio técnico:

97


CRôNICA

O dIREITO

De não fazer naDa

Por Monaline Alvarenga Ilustração Rodolfo Xavier

A

cordar cedo, trabalhar, se alimentar bem, ler o jornal do dia, planejar as férias, ir à academia, enviar SMS romântico para o namorado, contratar uma nova faxineira, folhear a revista da semana, responder os e-mails pessoais, arrumar a luz de ré do carro, acessar o blog de moda, me lembrar da postura, ligar para o eletricista, tomar uma taça de vinho por dia, dar uma olhada no Face, cancelar o cartão de crédito que você não pediu, comprar o presente da Ju, fazer dieta, ficar por dentro das fofocas, estudar Inglês. Ufa! Neste cenário de manifestações coletivas e individuais, quero manifestar pelo direito de não fazer nada. Não. Não quero largar o emprego, fazer dreads no cabelo e viajar pelo mundo sem destino. Só quero o direito de não fazer nada e não me sentir culpada. Não achar que ir pra casa direto do trabalho

98

sem passar no supermercado é um crime. Que ficar um tempo sem me dedicar a uma especialização vai me deixar menos inteligente. Assistir aquele reality show na TV vai me transformar em uma pessoa fútil. Ficar off-line por mais de um dia vai me deixar de fora das coisas que acontecem no mundo. Quero poder esquecer o telefone em casa e não sentir que me falta um braço. Comer um pote de sorvete com brigadeiro com a mesma satisfação e orgulho com que como um prato de salada. Usar batom vermelho porque eu gosto e não porque é tendência. Na segunda-feira, tirar vantagem com os colegas de trabalho por ter não ter ido naquela festa bombante só pra ficar o final de semana inteiro em casa de moletom variando entre dormindo e cochilando no sofá da sala. Postar... Ou melhor, não postar.

Como era bom quando eu não sabia o que era caloria. Quando receber um e-mail era tão bom quanto receber uma carta hoje em dia. O mais próximo que sabia de Inglês era uma paródia da música do New Kids on The Block que mais parecia a descrição de um cardápio. Ficar acomodada ainda era algo bom. A única aeróbica que conhecia era a do Faustão, que de academia só tinha o colã. E que saudades de falar colã. Colã! Mas sem crise de meia-idade, saudosismo ou repúdio a evolução. Pelo contrário. Adoro tudo que é novo. A agilidade, a conectividade, a tecnologia, o acesso. Ainda quero trabalhar dez horas por dia, ficar magra, programar uma nova pós, me conectar a uma nova mídia social, fazer networking, estudar Francês e aprender a fazer sushi. Mas também quero poder ter o direito de não fazer nada, de vez em quando.


You Only live Once

VENHA VIVER YOlO. A Yolo é o seu novo espaço de beleza, que une a área beauty – com um núcleo de cabeleireiros coordenado por Maurício Bracarense – a uma exclusiva boutique feminina e um aconchegante bar que fazem da sua experiência, única.

Rua Prof.ª Iracema Pimenta, 55 - São Bento - BH (EM FRENTE AO SHOPPING SÃO BENTO)

(31)

3582 4436

yolobh

99


MINI.com.br A BMW Group Brand

MINI COOPER S COM 184HP. ATÉ O PREÇO FICOU PRA TRÁS.

CAPA 04 À VISTA POR R$ 99.950*.

TURBO . 6 AIR BAGS . ABS COM EBD . CONTROLE DE ESTABILIDADE . FARÓIS BI-XENON.

BE MINI. MINI SERVIÇOS FINANCEIROS 0800 770 4015 | www.MINIfs.com.br

MINI Euroville Raja, 3003 • Santa Lúcia Belo Horizonte • 31 3304-4141 Av. João Naves de Ávila, 3370 • Saraiva Uberlândia • 34 3292-4100 eurovilleMINI.com.br

*Preço de venda sugerido do veículo MINI Cooper S, ano/modelo 12/13, pintura sólida: R$ 99.950,00, válido apenas para pagamento à vista. Frete incluso. Condições válidas de 02/05/2013 a 31/05/2013 ou término do estoque de 1 unidade, prevalecendo o que ocorrer primeiro. Para mais informações, consulte a concessionária MINI Euroville. 100

No trânsito somos todos pedestres.

Minas em Cena 21 virtual  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you