Issuu on Google+

Informativo RENOVATTA Odontologia e Bem-estar | Primavera 2012

Lentes de contato para os dentes

Conheça a nova técnica para embelezar e dar aparência mais natural ao sorriso

Biossegurança:

Para evitar a contaminação nos consultórios odontológicos

Reabilitação com implantes Para quem necessita de reabilitação com implantes e não possui uma quantidade de ossos suficiente

IMPRESSO


A edição de Primavera da Revista Renovar está repleta

sua presença no 18º Congresso Anual

de matérias interessantes. Na sessão Saúde I, informa e

da Sociedade Brasileira de Odontologia

conscientiza profissionais e pacientes sobre a Biossegurança,

Estética, que aconteceu em São Paulo. E em

explicando os riscos e como evitar contaminação nos

Curiosidade, explicamos como os implantes

consultórios odontológicos. A sessão Bem-Estar traz práticas

dentários podem ser colocados em outras

do dia-a-dia que podem ajudar a melhorar sua qualidade de

partes do corpo.

vida através dos cuidados com a saúde bucal. A novidade estética, são as lentes de contato para os dentes, uma técnica para dar uma aparência natural ao

Estamos aqui para oferecer sempre o melhor aos nossos pacientes e amigos. Boa Leitura!

sorriso, está na sessão Tecnologia. Em Saúde II, fala sobre a relação cefaléia (dor de cabeça) e odontologia. A Clínica Renovatta está oferecendo uma nova opção de reabilitação com enxertos ósseos, saiba mais na sessão Especial. Na sessão de Evento, a Dra Pricila Adamo marca

Dra. Pricila Adamo, Formada pela UNITAU (Universidade de Taubaté) e é especialista em Ortodontia e Ortopedia Funcional dos Maxilares e em Dentística Restauradora Estética, ambos pela

Universidade São Leopoldo Mandic. Com mais de 20 anos de experiência profissional, é proprietária da Clínica Renovatta. Preza pela excelência no atendimento, assim como pela alta qualidade nos serviços realizados pelos profissionais que atuam em sua clínica.

Rua Nunes Machado, 947 - Centro Araras | São Paulo 19 3541-1076 | www.renovatta.com.br

3

editoração

editorial


saúde I

Biossegurança: Para evitar a contaminação nos consultórios odontológicos

Cerca de 25% dos pacientes atendidos em consultórios tem algum tipo de doença infectocontagiosa de menor ou maior grau, por isso a biossegurança se tornou uma preocupação dos profissionais da área de saúde. A maior fonte de contaminação dos consultórios odontológicos está na esterilização inadequada dos instrumentos. Também há grande risco de contaminação: nas cuspideiras e a caixas de revelação (local onde são guardados os filmes de raios X). Eles necessitam de constante limpeza e desinfecção, bem como manuseio correto (no caso das películas de filmes). Essas são ótimas razões para as pessoas se conscientizarem e atentarem quando forem ao dentista. “O processo de contaminação da caixa de revelação é dado por desconhecimento dos riscos de infecção cruzada, que é a transferência de microorganismos através de instrumentos e/ou objetos contaminados de pessoa a pessoa (paciente-profissional). Também ocorre por meio dos chamados vetores de contaminação (ou fômites), com um instrumento cirúrgico contaminado e esterilizado inadequadamente, que pode transferir tal contaminação de paciente para paciente, ou de paciente para o próprio dentista”, explica Lusiane Camilo Borges, biomédica pela UNISA e UNIFESP-EPM, especialista em Microbiologia pela Universidade Oswaldo Cruz, cirurgiã-dentista pela UMESP e mestranda em Microcirurgia Experimental pela UNIFESP-EPM. Lusiane esclarece que existem muitos riscos de contaminação no atendimento odontológico. Os principais são as hepatites B e C. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), meio bilhão de pessoas em todo o mundo já foram infectados pelo

4

vírus da hepatite B (dos quais 350 milhões são portadores crônicos), e cerca de 180 milhões pela hepatite C. De acordo com ela, tanto o profissional quanto o paciente podem ser imunizados contra a hepatite B, mas a gravidade esta ligada a hepatite C. “Considerada pela OMS como doença do terceiro milênio, não há vacina até o momento: é uma doença sub-clínica, ou seja, pode ser ‘’mascarada’’ por vários anos, é carcinogênica (pode promover tumores) e é de difícil convivência e de tratamento caro”, diz a especialista. No Brasil, há aproximadamente 4,5 milhões de casos notificados da doença e 90% dos indivíduos infectados desconhecem o fato. Mas muitas vezes objetos banais dos consultórios odontológicos, como: canetas, lápis ou telefone, também podem transmitir doenças. O ar condicionado - outro vilão da contaminação - deve ser limpo e seu filtro trocado sistematicamente. Os cuidados tomados pela equipe de trabalho são essenciais para a preservação da saúde de todos. O uso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) e a imunização por meio de vacinas fazem parte dessa lista. Lusiane diz que a vacinação deve ser feita em toda a equipe odontológica. Existe uma lista de vacinas determinadas pela Anvisa (Agência da Vigilância Sanitária) que deve ser cumprida rigorosamente. Fonte: http://www.selobiologica.com.br/materia-12.htm


bem-estar

Bem estar bucal O bem estar físico, mental e bucal são ações

de bochechos com flúor para pacientes que

ligadas aos cuidados individuais e sociais que

não têm risco a doenças bucais são medidas

promovemos a nós mesmos ou dentro da sociedade.

preventivas ou chamadas simplesmente de

Dentro desse contexto ações que beneficiem a nossa

prevenção.

saúde devem estar intimamente ligadas aos nossos sentimentos.

6

Dentro do bem estar bucal podemos ainda citar ações que visam a melhora

O bem estar físico pode ser propiciado através

da estética dentária e gengival e dessa

da atividade física diária, da boa alimentação, enfim,

maneira várias ações podem ser tomadas

através de atividades que promovam uma boa qualidade

segundo a orientação do cirurgião dentista

de vida. Já o bem estar bucal esta ligado ao tratamento

generalista ou especialista. Por exemplo,

preventivo através de ações de promoção de saúde

dentes apinhados podem ser recolocados em

bucal objetivando a redução do risco da doença ou

posições corretas com ajuda do ortodontista

a sua recidiva. Por exemplo, a extração de um dente,

e essa alteração pode não só promover uma

de modo a reduzir a retenção alimentar, as profilaxias

melhora na estética, como em possíveis dores

visando à diminuição do risco as doenças gengivais

de cabeça, e inclusive promover a melhora

e o risco de cárie como tratamentos preventivos. Por

da mastigação. Outro fator a ser citado

outro lado, a instrução de higiene bucal e a prescrição

podem ser as plásticas gengivais que não só


melhoram a estética gengival como também a condição de saúde bucal do paciente. Ainda, vale salientar que a troca das restaurações antigas de amálgama por resinas ou a utilização de facetas estéticas, lentes de contatos podem promover uma melhora na condição da mastigação e na estética bucal. Todas essas medidas promovem um grande bem estar mental e uma elevação na autoestima do indivíduo. Dessa maneira nos capacitamos de sentir a vida, estando de bem com ela. Adquirimos confiança em nós mesmos e em nosso modo de pensar e enfrentar os problemas. Conseguimos vislumbrar e viver a felicidade

sem contar é claro na

aquisição da sensação de que somos merecedores de nossas necessidades, desejos e por último conseguimos desfrutar os resultados de nossos esforços.


Renato Cardoso está usando as lentes de contato para dentes.

tecnologia

Lentes de contato para os dentes As lentes de contato para dentes são uma nova técnica para embelezar e dar aparência mais natural ao sorriso corrigido. Entrar no consultório do dentista e sair de lá com

com as lentes dentaduras já espetaculares

lentes de contato parece uma idéia estranha, mas na

como a da atriz Gabriela Duarte e a da

prática já está acontecendo. As lentes são na verdade

modelo Mariana Weickert. “Tenho dez e acho

finíssimas películas de cerâmica colocadas sobre

ótimo. Elas são tão finas que parecem um

os dentes. Como a maioria das novidades estéticas,

descacado de esmalte”, diz a modelo. “Nem

começaram a ser adotadas primeiro por quem depende

me lembro delas, porque nada na minha vida

da aparência impecável, em especial modelos e atores

precisou mudar: a escovação e a alimentação

de TV que, por causa das transmissões de imagens em

continuam exatamente as mesmas”, elogia

alta definição, precisam corrigir a jato detalhes como

Gabriela. “Nem todos os artistas assumem

manchas, irregularidades e diastemas - os dentes

que têm”, reconhecem especialistas. “Existe

muito separados.

um estigma de que tratamento estético é só

“Digo como segurança que todos os principais atores de novela que estão no ar hoje têm lentes

08

para quem não cuidou dos dentes e por isso eles estragaram”.

ou pelo menos as tradicionais facetas”, assegura o

A inovação dessas películas é que elas

dentista paulistano Marcelo Kyrillos, que embelezou

têm apenas 0,2 milímetro de espessura, por


isso, ao contrário do tratamento estético convencional com

anos, eu fazia uma lente por mês. Hoje,

facetas(de 0,5 milímetro), não ha necessidade de que

faço vinte”. Seis delas iluminam o sorriso da

os dentes sejam desgastados para que o encaixe fique

apresentadora Bruna Boyer. “Meus dentes

perfeito.

eram muito redondos e não combinavam com

O preço varia de R$1 mil a R$ 4,5 mil por dente, o que

meu rosto”, diz ela.

se explica pelo trabalho minucioso. Primeiro, o dentista

Depois de prontas, as lentes são

faz fotos e filmes do paciente para ver quais dentes

colocadas em apenas uma sessão. O

aparecem durante a fala. As imagens são passadas a um

dentista começa o processo passando um

protético, que produz as películas. O toque de perfeição

ácido no dente e na lente, para que ambos

vem da habilidade técnica desses profissionais. Os dentes

fiquem porosos. Em seguida, aplica um tipo

naturais não são completamente homogêneos na cor. São

de cimento nas duas partes e, por fim, um

amarelados na raiz, brancos no meio e translúcidos nas

material formado por silício e hidrogênio que

pontas.

cola o cimento à cerâmica.

“Para darmos aparência natural às lentes, misturamos

Já a colocação de facetas convencionais,

com pinceizinhos dez cores de pó de cerâmica, entre

aquelas que criam sorrisos perfeitos há mais

cinquenta que temos em laboratório. Essa mistura leva

tempo e fazem com que a Ilhéus da novela

horas para ficar pronta e depois segue para um forno,

Gabriela seja uma das maiores concentrações

cuja temperatura chega a 1mil graus”, explica o protético

mundiais de dentes branquíssimos sem

Marcos Celestino, diretor científico da Associação dos

um único defeito, é mais trabalhosa. Para

Técnicos em Prótese Dentária de São Paulo. “Há dois

começar, é preciso desgastar uma quantidade

ANTES

DEPOIS

09


grande do esmalte do dente; caso contrário, a lâmina cria um volume desconfortável na boca. Na raspagem, existe o risco de atingir a dentina, a segunda camada dos dentes, com terminações nervosas que podem causar dor. Por isso, o paciente é anestesiado. Seja com o tratamento mais disseminado das facetas, seja com a nova técnica, os resultados estéticos alcançados por dentistas brasileiros têm ótima reputação. Nos Estados Unidos, elas são monocromáticas, inteiramente brancas. Os americanos gostam da aparência de azulejo. A maravilha das lentes, porém, não é para todos, “Quem range os dentes, morde ponta de caneta ou rói unha não pode usar, porque esses hábitos danificam a cerâmica”, diz o dentista paulistano

Mauro

Teixeira,

renomado

especialista em reabililitação oral. Para estes e para quem tem resina aplicada na frente dos dentes, as facetas continuam a ser mais indicadas. Escolha sua opção e sorria. Fonte: Revista Veja - Edição 2281 - ano 45 - n. 32 - 8 de agosto de 2012 - Editora Abril.

10


saúde II

Relação

Cefaléia e Odontologia Como se sabe a cefaléia, mais conhecida como

Depois

da

identificação,

podemos

dor de cabeça, pode ter muitas origens, todavia a

recomendar como meio de tratamento,

grande maioria das dores, são de origem muscular ou

a colocação de próteses para reabilitar a

vascular. Apesar de difícil identificação das causas, as

mastigação e altura da dimensão vertical

dores nevrálgicas e vasculares são tratadas quase que

(altura determinada pelo contato correto

exclusivamente por médicos, já as dores tensionais

dos dente superiores com os inferiores)

não são tratadas, na maioria das vezes somente são

e para que a mastigação ocorra dos dois

receitados analgésicos para relaxar a musculatura.

lados. Aparelho ortopédico orofacial, no caso

As dores musculares são originadas pelo fato da

de má posicionamento dental, atresia da

pessoa manter a musculatura contraída por tempo

maxila (maxila pequena e queixo para trás) e

prolongado, geralmente com fundo emocional.Tem

respiração bucal. Placa de mordida noturna

se notado que a má posição dental, falta de dentes

(Bruxismo - ranger de dentes, e apertamento

posteriores (principalmente), provoca uma alteração

dental). No caso de desdentados totais,

na posição da mandíbula, forçando a Articulação

trocas periódicas (no máximo a cada cinco

Temporo-Mandibular (ATM) e músculos da mastigação

anos) das próteses, para reaver a dimensão

e posturais da cabeça, levando assim, à dores de

vertical correta, perdida pela reabsorção

cabeça.

óssea. E tem se notado melhora em cerca de

Isso pode ser detectado através de exames de avaliação dos movimentos mandibulares, apalpação

80% dos casos de pacientes com dores de cabeça de origem tensional.

da musculatura e da ATM para identificação muscular, e sons de “estalar” ao abrir e fechar a boca e barulhos

Fonte: http:// http://www.anadentista.com.br

como se fossem grãos de areia durante a mastigação.

11


especial

Reabilitação com implantes No último dia 17 e 18 de agosto, um dos nossos cirurgiões dentista especialista em Cirurgia e Traumatologia Buco Maxilo Facial, Dr. José Hyczy Fonseca Junior, participou do evento comemorativo aos 25 anos da ANKYLOS em São Paulo – SP. O evento contou com a presença de profissionais renomados na implantodontia mundial e teve como um dos palestrantes o Prof. Dr. Bernhard Giegenhessen - Alemanha, uma verdadeira sumidade na área de enxertos ósseos. O ponto máximo do evento aconteceu no dia 18, quando o Dr. José Hyczy Fonseca Junior, participou de um curso “hands on” em enxertos ósseos do sistema BONE RING, um sistema inovador que traz grandes ganhos estéticos e funcionais aos pacientes com pouca quantidade de osso, promovido pelo Prof. Giegenhessen. Neste dia os profissionais participantes puderam aperfeiçoar a técnica e aumentar suas possibilidades terapêuticas, visando o melhor ao paciente. Segundo o Dr. José Hyczy Fonseca Junior, o curso foi uma oportunidade única para lapidar a técnica do BONE RING e assim poder oferecer aos pacientes da Clínica

12


Renovatta uma opção a mais para a reabilitação com enxertos ósseos. A você, paciente da clínica Renovatta, tenha a certeza que nossos profissionais estão em constante reciclagem para sempre oferecer o melhor e mais moderno tratamento que a odontologia permite. Se você necessita de reabilitação com implantes e não possui uma quantidade de osso suficiente para este procedimento, marque uma consulta, você pode ser beneficiado com uma das nossas técnicas inovadras.


evento

Em setembro aconteceu em São Paulo o 18º Congresso Anual da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética. O

congresso

reuniu

os

melhores

profissionais de odontologia do mundo no hotel Transamérica para discutir as tendências mundiais no ramo estético da odontologia. A Clínica Renovatta, sempre a frente, marcou presença com Dra Pricila Adamo, que ficou super animada com as novas tendências: “Vem muita coisa boa por aí, aguardem!”

Curiosidade Você sabia que os implantes dentários podem ser colocados em outras partes do corpo? Sim, os implantes dentários também podem ser utilizados em cirurgias realizadas por médicos ortopedistas. Estes implantes dentários também são de titânio, similares aos implantes dentários realizados na boca, variando na forma e tamanho. São colocados em outras regiões do corpo com finalidades protéticas parecidas com as dentárias. São colocados, por exemplo, no processo mastóide (osso atrás da orelha) para segurar próteses auriculares, outros no orbital

14

para sustentar próteses oculares e também no osso facial para fixação de próteses nasais. Fora da cabeça, implantes dentários também estão sendo colocados nas falanges remanescentes de dedos perdidos, com propósito de fixação de prótese com dedos artificiais. Fonte: http://www.espacodesaudebucal.com.br/curiosidades.html



Renovar - Edição Primavera Verão 2012