Issuu on Google+

O Galo da velha Luciana" -

Este é o galo da nossa história... Esta era a galinha choca da velha Luciana que punha e chocava os ovos.

Depois dos pintos nascerem, a velha Luciana alimentava-os e, quando estavam gordos, vendia-os na feira para ganhar dinheiro. Certo dia, a galinha choca pôs muitos ovos mas apenas um estalou...era um pinto careca e mudo que viria a tornar-se no galo extraordinário da nossa história. Mas antes de o ser, salvou a velha Luciana do fogo da lareira e encontrou a moeda de ouro que o seu pai lhe tinha oferecido e que andava perdida. Ao engolir essa moeda de ouro e brilhante, tornou-se no galo mais bonito das encostas da Serra do Marão e o melhor amigo da velha Luciana que não o vendeu por nada deste mundo.


Era uma vez uma velha chamada Luciana. Luciana era magra, baixa, o rosto cheio de rugas e tinha muitos anos. HĂĄ muitos anos morava ela no Lugar da Ordem que era uma aldeia. A aldeia ficava perto da Serra do MarĂŁo. Na Serra do MarĂŁo ficava a casa da velha Luciana. A Luciana, foi ao galinheiro buscar uma galinha para chocar 18 ovos.


Os ovos deram origem a 18 pintainhos que cresceram e deram 18 belos frangos. Os frangos foram vendidos na feira, pela velha. A velha com o dinheiro comprou uma saia, um lenço, uma blusa, um par de sapatos, um chapéu de palha e um vaso com flores. As flores coloriam a sua casa. Na casa, voltou a velha a pôr a galinha a chocar 18 ovos. Dos 18 ovos só nasceu 1 pintainho. O pintainho não tinha penas e era mudo. Mudo porque não cacarejava. Quem cacarejava eram os galos que andavam atrás do frango. O frango, nesse dia, entrou na cozinha e salvou a velha que tinha a saia a arder. A arder porque lhe saltou uma brasa para cima. Em cima do seu colo, a velha pôs o galo e abraçou-o. Abraçou com carinho e ele cantou pela primeira vez: “Totatitetuuuuuuuu...”! “Totatitetuuuuuuuu...” cantava o galo quando esgaravatava e encontrou uma coisa amarela e brilhante . Brilhante era a moeda que ele engoliu. Engoliu a moeda que era do pai da velha Luciana. A Luciana com dois dedos retirou a moeda da garganta do galo. O galo continuou desmaiado e a velha colocou-o ao pé do calor do fogão. No fogão , estava ele de manhãzinha quando a Luciana o viu vivo. Vivo e muito diferente: tinha o bico azul, crista roxa e cheio de penas amarelas. Amarelas e diferentes de todos os outros galos. O galo e a velha Luciana tornaram-se amigos inseperáveis!


Agora que conheces a hist贸ria, elabora uma pequena Banda Desenhada acerca da mesma.

Nome: ______________________________________ Data: ____________________


Agora que conheces a história, elabora uma pequena Banda Desenhada acerca da mesma.

Luciana tinha um galo Luciana colocava os ovos na magnífico, com penas caixa e uma galinha sentava-se Todos os anos, a velha douradas, bico azul e crista em cima deles. Três semanas Luciana ia à feira vender roxa. frangos que criava. depois os ovos estalavam.

Uma brasa saltou para a saia e esta começou a arder

O pinto foi à cozinha e, viu o fogo, picou as pernas da Luciana. Ficaram grandes amigos. Ela acordou e apagou-o

Um ano, só um pinto nasceu. Era mudo e careca. Não servia para vender. Como Um dia, Luciana dormiu à ela não ligou, ele comia no campo. lareira

O galo, foi procurar comida e encontrou uma coisa reluzente e engoliu-a, mas aquilo era tão grande que o galo De manhã o galo estava mais engasgou-se e desmaiou. Luciana tirou a bonito, com penas douradas, moeda. bico azul e crista roxa.

Nome: ___________________________________ Data: ____________________


Nome: ______________________________________________________________



O Galo da velha Luciana resumo