Issuu on Google+

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE METODOLOGIA DO ENSINO GRADUANDOS: ANDRÉ GANZAROLLI MARTINS E FLÁVIA MARTINS PROFESSORA: KARINE NEVES CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS TURMA: 311A

1ª Aula – 14 de Novembro de 2012

- Local da aula: Sala 17 - Responsável por ministrar a aula: André - Objetivo da aula: Introdução ao conteúdo sobre bactérias - Material necessário: Datashow, notebook, fita adesiva, imagens impressas, Plano de ensino, acesso a internet, 1) Boas vindas e chamada – 10 min Apresentação de educadores e educandos. 2) Exposição fotográfica – 20 min A exposição das fotos será organizada no horário do intervalo, de modo que, quando os estudantes entrarem, já poderão visualizar as imagens. Através de várias imagens que remetem às bactérias, o objetivo é gerar n@s alun@s um primeiro olhar, e despertar uma curiosidade sobre o tema. Em seguida, pediremos aos estudantes destaquem a imagem que mais chamou a atenção deles. Perguntas como ‘por quê escolheram esta imagem?’, ou ‘o que essa imagem representa?”, ou “o que vem na cabeça quando observam essa imagem?”, ou “através das fotos o que vocês podem dizer sobre as bactérias?”. Prestar atenção no que eles falam, sem dizer certo ou errado. Perceber se eles notam diferenças entre as representações e as fotos “reais”. Se sim, questionar por quê acreditam ser uma fotografia, se sabem como estas fotos são tiradas. 3) Resgatando algumas lembranças sobre as bactérias – 10 min Através de perguntas como “O que são as bactérias?” ou “O que elas fazem?”, realizar um diálogo com objetivo de resgatar e conhecer conhecimentos que os educandos têm sobre o tema.


4) O que bactérias e vírus tem a ver? – 5 min Diálogo com objetivo de associar os conteúdos passados (vírus) com o conteúdo atual (bactérias), auxiliado por algumas imagens em uma apresentação de PowerPoint. 5) Processo de descoberta das bactérias – 25 min Aula expositivo-dialogada sobre o processo de descoberta das bactérias. 6) Anatomia, escala e diversidade das bactérias – 25 min Aula expositivo-dialogada sobre as principais características das bactérias, utilizando, além de imagens, a interação com dois recursos digitais: Laminário online: <http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/bitstream/handle/mec/14860/Microscopio.s wf?sequence=8> Applet online “Escala do universo”: <http://htwins.net/scale2/lang.html> 7) Questionário – 10 min Realizar uma pergunta (abaixo) com objetivo de conhecer o que os estudantes gostariam de saber mais sobre o tema e com base nessas respostas nortear a dinâmica

das

próximas

aulas,

tornando-as

mais

interessantes,

inserindo

as

curiosidades no decorrer do que já foi previsto. Eis a pergunta: “Você tem alguma curiosidade sobre as bactérias? Faça pelo menos uma pergunta sobre o que mais você gostaria de saber sobre as bactérias”. 8) Material sobre Transgênicos Entregar Plano de ensino com roteiro (anexo 1) para a próxima aula, onde será tratado o tema transgênicos, com o objetivo de realizar uma conversa/debate. Material disponível em <http://estagiodebiologia.blogspot.com>.


2ª Aula – 21 de Novembro de 2012

- Local da aula: Laboratório de Ciências - Responsável por ministrar a aula: Flávia - Objetivo da aula: Identificar a importância das bactérias na tecnologia. - Material necessário: Datashow, notebook, materiais para experimento, acesso a internet. 1) Boas vindas e chamada – 10 min Recepção dos alunos no laboratório. 2) Leitura de texto – 10 min Será entregue aos alunos o texto “Você é um animal, Viskovitz”, do livro de mesmo nome, de Alessandro Boffa, para leitura em sala de aula. O texto destaca alguns processos metabólicos de seres unicelulares, e também servirá como modelo para as atividades seguintes. 3) Resgate da aula passada – 25 min Através de um diálogo com os alunos, auxiliado por imagens em apresentação de PowerPoint, resgatar os principais pontos debatidos na aula do dia 14 de novembro. 4) O que as bactérias fazem? – 25 min Após resgate, fazer o questionamento acima para a sala com o objetivo de identificar qual a imagem que os estudantes têm sobre bactérias. Essa imagem pode ser muito influenciada pela mídia. Apresentar algumas reportagens resumidas sobre bactérias e tecnologia através de PowerPoint. Reportagens: <http://www.tecmundo.com.br/telas/17153-bacterias-entram-em-acao-para-iluminar-telas.htm> <http://www.agricultura.gov.br/arq_editor/file/Home%20Page/Rio+20/Tecnologia%20sustentavelBacterias%20do%20bem%20entram%20na%20guerra%20contra%20o%20aquecimento%20global.pdf> <http://www.jb.com.br/ciencia-e-tecnologia/noticias/2012/10/31/estudo-revela-que-bacterias-do-intestino-produzemantibiotico-natural/> <http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/1177961-bacterias-do-intestino-produzem-antibiotico-natural-dizestudo.shtml> <http://blogs.pop.com.br/tecnologia/bacterias-luminescentes-que-podem-salvar-sua-vida/> <http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=42917&op=all>


<http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI141860-15224,00CIENTISTAS+CRIAM+BACTERIA+COM+GENOMA+ARTIFICIAL.html>

5) Prática com Bactérias: Elaboração de queijo simples – 20 min Através da produção de um queijo simples, mostrar a utilização de bactérias na culinária. Material necessário: 

um fogão ou fogareiro;

uma panela;

1 litro de leite;

Meia chícara de chá de vinagre;

Uma colher pequena de sal.

Coloque o leite em uma panela e aqueça a panela na boca do fogão até o leite começar a ferver. Neste momento, retire a panela do fogo e desligue o fogão. Junte o vinagre ao leite aquecido e deixe a mistura esfriar. Você vai perceber que vai se formar uma espécie de massa separada do soro (uma espécie de água). Passe essa mistura por um escorredor eliminando o soro. Colocar a massa (que vai formar o queijo) em um prato e adicione o sal, misturando bem com as mãos. Como resultado deste processo, o queijo formado não será muito rígido e o sabor não é muito apurado. Fonte:

<http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=22164>

6) Atividade para próxima aula – 10 min Solicitar que os alunos façam um conto ou crônica sobre “a historia do queijo”. OBS: Estava previsto para essa aula um debate sobre transgênicos. Devido a falta de tempo, optou-se por realiza-la na aula do dia 28 de novembro, através de uma conversa com os alunos. Os materiais para leitura foram disponibilizados no blog criado para a disciplina:

< http://estagiodebiologia.blogspot.com.br/>


3ª Aula – 28 de Novembro de 2012

- Local da aula: Laboratório de Ciências - Responsável por ministrar a aula: André - Objetivo: - Material necessário: Datashow, notebook, caixas de som e, para a atividade lúdica, balões verdes, plaquinhas feitas em cartolina e fita adesiva. 1) Boas vindas, chamada e resgate da aula passada – 5 min Diálogo de recepção dos alunos e resgate dos conteúdos vistos na aula passada 2) Bactérias do solo, ciclo do nitrogênio e decomposição – 30h (=Atividade lúdica “Quem come quem?”) Através de uma brincadeira cênica, os educandos vão reconstruindo os caminhos que o elemento Nitrogênio vai passando em diferentes níveis da cadeira trófica, com isso, aprendendo de maneira descontraída sobre ciclo do nitrogênio, decomposição e simbiose. A atividade começa com a distribuição de nove personagens (abaixo) para nove estudantes interpretarem durante a atividade:  Boi  Ser humano  Leguminosa (Feijão, Soja, Amendoim, etc)  Ar  Bactéria do solo (Nitrobacter)  Bactéria do solo (Nitrossomonas)  Bactéria do solo (Pseudomonas)  Bactéria decompositora  Bactéria das leguminosas (Rhizobium) Em seguida, é apresentado o elemento nitrogênio (representado por um balão verde), que está na posse do personagem “Ar”. Em seguida, fazemos a pergunta: “Quem come o nitrogênio do ar?” A partir daí, os próprios estudantes precisam chegar a um consenso, de qual personagem come o nitrogênio nesta etapa. Depois disso, a pergunta é feita novamente, dessa vez, se referindo ao personagem que acabou de


comer o nitrogênio. Assim por diante a atividade é conduzida, até que, ao final, o nitrogênio passa entre todos os personagens da atividade, terminando na visualização de todo o ciclo do nitrogênio (abordando também a questão de simbiose entre bactérias e leguminosas) e a importância da decomposição para a fertilidade dos solos. Dessa maneira, os estudantes aprendem brincando, de maneira socializante e concreta. 3) Ciclo do Nitrogênio: repercussões econômicas - 5 min Auxiliado por uma animação online:<http://goo.gl/RxvG4> abordaremos as aplicações econômicas de diferentes etapas do ciclo do Nitrogênio. 4) Transgênicos – Socialização das atividades extraclasse – 15 min Socialização pelos estudantes do que mais lhe chamou atenção nos matérias multimídia sobre transgênicos disponíveis no blog da disciplina. Os matérias consistem de charges, reportagens televisivas e reportagens jornalísticas sobre o tema, que estão disponíveis em: http://estagiodebiologia.blogspot.com.br/p/transgenicos.html 7) Transgênicos na sua vida – 15 min Serão exibidas imagens de diversos produtos transgênicos e uma um vídeo de divulgação (<http://www.youtube.com/watch?v=n0ToE2ZagYU>) sobre os produtos transgênicos que são utilizados no cotidiano, entre eles salgadinhos, óleos, queijos e produtos de limpeza. O objetivo é alertar os educandos sobre produtos que estão consumindo sem saber da sua origem. Também será discutido a maneira como os rótulo de transgênicos são mascarados nas embalagens. 7) Transgênicos – Cadeia de produção – Vida VS. Morte – 15 min Serão exibidas reportagens televisivas contidas no youtube, sobre as diferenças facetas dos transgênicos, com objetivo de fortalecer a visão crítica e controversa que sobre o transgênicos, dando atenção à cadeia de produção. A cada vídeo, os alunos serão questionados sobre se concordam ou não com o que é retratado nas reportagens, justificando a opinião. Eis os vídeos: o Aplicação de agrotóxicos nas lavouras de soja transgênica:  http://www.youtube.com/watch?v=4Kn04X4-KrU


o Reportagem do JN sobre uso de agrotóxicos nos plantios de transgênicos, causando diversas doenças numa população rural do MT:  http://www.youtube.com/watch?v=7uhUeqlAfUc o Outra reportagem do JN sobre uso exagerado de agrotóxicos sendo usados em excesso em vários alimentos:  http://www.youtube.com/watch?v=iZALCC7OZw0 5) (RE)EXPLICAÇÃO SOBRE A ATIVIDADE AVALIATIVA “O que as bactérias têm a ver como o seu dia a dia?” – 5 min Será um trabalho individual a ser entregue dentro de uma semana, no qual cada estudante deverá elaborar um material alternativo (texto literário, história em quadrinhos, charges, cartaz/colagem, entre outros) sobre “o que as bactérias têm a ver como o seu dia a dia?”. (Obs: esta observação já será repassada nas aulas anteriores, mas de maneira breve). 6) Experimento “Bactérias no nosso corpo?” – 10 min Coleta de amostras de bactérias em quatro diferentes partes do corpo humano, cada amostra em um aluno diferente. Os estudantes é quem vão decidir, através de consenso, quem irá participar (respeitando a vontade de cada um) e quais partes do corpo serão amostradas. Materiais: - Cotonetes (4) - Quatro placas de petri com a cultura Agar (4) Procedimento de coleta e cultura: Cada coleta será feita com um cotonete, sendo friccionado na parte do corpo escolhida. Em seguida este cotonete é friccionado no meio de cultura e, depois disso, é colocada a placa-de-petri numa estufa a 25ºC durante uma semana, para crescerem as colônias de bactérias.


4ª Aula – 05 de Dezembro de 2012

-

Local da aula: Auditório de Química

-

Responsável por ministrar a aula: Flávia

-

Objetivo da aula: Relacionar os assuntos vistos anteriormente com a temática saúde.

-

Material necessário: Datashow, notebook, caixas de som, tarjetas sobre doenças.

1) Boas vindas e chamada – 10 min 2) Continuação da aula anterior (parte sobre Cianobactérias) – 30 min Dando continuidade a aula anterior, foi apresentado o tema Cianobactérias através de uma aula expositiva dialogada focando na importância das cianobactérias no ciclo do oxigênio e como ocorre a eutrofização das das águas. Duas perguntas chaves irão conduzir esta aula: “Porque o céu é azul” e, na segunda metade, “Porque cloramos a água?”. 3) Resgate da aula anterior – 10 min Através de um diálogo com os alunos, levantar os principais pontos discutidos na aula anterior. Resgatar o experimento “Bactérias no nosso corpo?” realizado em sala com os alunos e discutir o que aconteceu, quais bactérias podem ter se formado, por que elas proliferaram e relacionar com a presença delas no nosso corpo. 4) Bactérias no nosso corpo – 15 min Com base no experimento “Bactérias no nosso corpo?” falar sobre a presença de bactérias no nosso organismo, e os benefícios que elas podem nos trazer. Vídeo:

<http://www.youtube.com/watch?v=ifdE0wnDl34> (a partir de 6 min e 20 seg até 7 min e 23 seg)

Onde encontramos bactérias no nosso corpo que são benéficas? O que elas fazem? Falar sobre as bactérias do intestino e citar a bactéria que é falada no vídeo E. Coli.


5) Doenças bacterianas – 25 min Nem toda bactéria traz benefícios aos nossos organismos. Quais doenças são causadas por bactérias? Através de tarjetas contendo o nome de diversas doenças, solicitar que os alunos separem as doenças de acordo com o agente causador (fungo, protista, vírus, bactérias). Após isso, falar sobre cada doença, corrigindo eventuais erros nos agente causador. 6) Finalização do período de regência – 10 min Através de um questionário simples, avaliar a atuação dos graduandos durante o período de regência.


Plano de aula