Issuu on Google+

CFM DA LIBERDADE À CADEIA (da Relação)


DA LIBERDADE À CADEIA (da Relação)

Sugere-se uma narrativa ao longo de um percurso, partindo da Praça da Liberdade, subindo a Rua dos Clérigos, passando pela Praça dos Leões e pelo Jardim da Cordoaria e terminando em frente à antiga Cadeia da Relação. Partindo do trabalho de grupo que se centrava na Estação de São Bento, ponto de confluência, em que se mostravam as diferentes pessoas que ali passam e os diferentes usos que lhe dão, esta narrativa propõe ser um prolongamento na cidade em que se observam outras formas de viver o Porto.


OS DESFOCADOS Marta Félix Amorim


DA LIBERDADE À CADEIRA (da Relação)