Issuu on Google+

w w w. m e t r o p o l e j o r n a l . c o m . b r

Ano 14 | Nº 3458 | 19 de dezembro de 2013

Quinta-feira

Presidente: Ary Leonel da Cruz

Diário de Circulação Nacional

Prefeitura, Instituto Renault e Ecovia inauguram Pista Educativa de Trânsito Foto: PMSJP

» Formar cidadãos conscientes no trânsito é o principal objetivo do Centro da Cidadania Ecovia, desenvolvido através do programa O Trânsito e Eu, do Instituto Renault, e em parceria com a Ecovia e com o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) da Prefeitura de São José dos Pinhais. Na manhã desta quarta-feira (18), aconteceu a inauguração e o descerramento da placa do espaço destinado à educação de trânsito, na sede da administração da Ecovia – praça do pedágio na BR 277. Página 3

Câmara Municipal de Pinhais devolve recursos à Prefeitura » Na tarde desta quarta-feira (18), o prefeito Luizão Goulart e a viceprefeita Marli Paulino receberam das mãos dos verea-

dores de Pinhais, um cheque simbólico representando a devolução de recursos não utilizados pela Câmara Municipal. Página 12

Alunos do programa O Trânsito e Eu na companhia do prefeito Setim e monitores da GM

Prefeitura de SJP Paraná fecha ano com aumento do PIB, entrega mais certificados do Pronatec do emprego e produção industrial A economia do Paraná fecha o ano de 2013 com desempenho bastante positivo. O balanço apresentado nesta quartafeira (18) pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes) mostra que o Produto Interno Bruto (PIB) do Estado cresceu 4,7% até outubro e deverá fechar ano neste patamar. O PIB do Brasil deverá fechar o ano com crescimento de 2,3%.

» A Secretaria de Assistência Social realizou na manhã desta quarta-feira (18), na Câmara de Vereadores, a entrega de certificados de qualificação pro-

Foto: AENPr

»

Governo investe na recuperação da infraestrutura no Litoral De 2011 a 2013, o Paraná apresentou crescimento médio de 4,1% ao ano, contra uma média de 2% do Brasil

Página 3

Atlético-MG perde em Marrakech e dá adeus ao Mundial

» O Governo do Paraná investe R$ 20 milhões em infraestrutura viária, como pontes e pavimentação, que darão maior mobilidade, segurança e conforto para moradores e ve-

ranistas no Litoral. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DERPR) está recuperando a malha rodoviária da região e construindo pontes de concreto. Página 4

Prefeitura de Piraquara inaugura Farmácia Municipal Página 7

Editais página 6

EM 2013 A PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS INVESTIU EM AÇÕES SOCIAIS

Amir Abdallah Dalsh

» O Atlético-MG não conseguiu passar para a final do Mundial de Clubes da Fifa, que será contra o Bayern de Munique neste sábado (21), em Marrakech. Na tarde de ontem (18), o Galo perdeu por 3 x 1 para o Raja Casablanca, na semifinal. A equipe marroquina abriu o placar aos cinco minutos. Depois, Ronaldinho Gaúcho empatou em cobrança de falta, mas o Raja reagiu e fechou o placar em 3 x 1. Agora, o Galo disputa o terceiro lugar contra o Guangzhou Evergrande, da China, no sábado, às 14h30, horário de Brasília.

fissional para 60 alunos . Os cursos fazem parte do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego/ Brasil sem Miséria (Pronatec). Página 4

Galo Mineiro encontra dificuldade no Mundial e perde para o Raja Casablanca

Contratação de mais professores e mais médicos; construção de 10 novos CMEIs com a criação de mil novas vagas para 2014 e a construção de mais de mil unidades habitacionais, são algumas das ações que marcam os trabalhos da Administração de São José dos Pinhais em 2013 - Páginas 10 e 11


2

| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

Editorial

Neste período de encerramento das atividades do ano, a área econômica do governo, aos costumes do ministro Mantega, mantém-se otimista em relação aos resultados da economia e, também, sobre a projeção para 2014. Ele disse durante coletiva com a imprensa, que a meta de superávit primário (economia para pagar os juros da dívida pública) para o próximo ano será maior que a estipulada no Orçamento Geral da União, aprovado em plena madrugada de ontem pelo Congresso Nacional. Segundo o ministro, o governo está empenhado em aumentar o esforço fiscal no próximo ano, mas não adiantou números. "A meta de 1,1% [para o Governo Central, que inclui Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central] seria o mínimo a cumprir. Teria de haver uma catástrofe [para cumprirmos a meta mínima]. Certamente, vamos perseguir uma meta maior do que a que está no Orçamento", disse o ministro. Os efeitos da crise internacional são patentes. O saldo negativo das transações correntes, que são as compras e as vendas de mercadorias e serviços do país com o resto do mundo, deve fechar este ano em US$ 79 bilhões e US$ 78 bilhões, em 2014. Esses resultados vão corresponder a 3,57% e 3,53%, respectivamente, do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, de acordo com projeções divulgadas pelo Banco Central (BC). A estimativa para este ano foi revisada pelo BC. A projeção anterior para o déficit em transações correntes era US$ 75 bilhões ou 3,35% do PIB. No acumulado de janeiro a novembro, o saldo negativo soma US$ 72,693 bilhões. Nos 11 meses do ano, o país registra déficit comercial (mais importações que exportações) de US$ 93 milhões. A conta de serviços (viagens internacionais, transportes, aluguel de equipamentos, seguros, entre outros) também está com saldo negativo de US$ 43,276 bilhões. A conta de rendas (remessas de lucros e dividendos, pagamentos de juros e salários) apresentou déficit de US$ 32,289 bilhões. O BC também revisou a projeção para o investimento estrangeiro direto, que vai para o setor produtivo do país, de US$ 60 bilhões (2,68% do PIB) para US$ 63 bilhões (2,85% do PIB) em 2013. Para 2014, a estimativa também é R$ 63 bilhões desses investimentos, correspondentes a 2,87% do PIB estimado para o ano que vem. Mesmo com a crise internacional ainda latente, o ministro Mantega anuncia que o governo vai deixar de conceder novos incentivos no próximo ano. Em encontro de fim de ano com jornalistas, ele descartou a possibilidade de ampliar as desonerações em 2014. Diante de números ainda críticos, em razão da intensidade da crise, o ministro não abandona o hábito do otimismo. Ele aposta menos nos números e mais no sortilégio. Disse que a recuperação da economia elimina a necessidade de reduções de tributos para estimular a produção e o consumo. "A gente não pretende renovar o Reintegra [regime especial de estímulo à exportação], assim como não haverá novas desonerações em 2014. Eu diria que, se o ciclo da crise está terminando, significa que as medidas anticíclicas [maiores gastos do governo em épocas de crise] também estão terminando e, portanto, vamos recompor certos tributos", destacou Mantega.

Foto Jonas Oliveira/AENPr

A crise que não cessa

Ponte em construção próximo ao município de Morretes

Governo investe R$ 20 milhões para recuperar estradas e pontes no Litoral Cinco novas pontes serão entregues até o fim de dezembro e a previsão é que outras 14 estejam concluídas até maio de 2014 O Governo do Paraná investe R$ 20 milhões em infraestrutura viária, como pontes e pavimentação, que darão maior mobilidade, segurança e conforto para moradores e veranistas no Litoral. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) está recuperando a malha rodoviária da região e construindo pontes de concreto. Cinco novas pontes serão entregues até o fim de dezembro e a previsão é que outras 14 estejam concluídas até maio de 2014. Em Morretes, as equipes contratadas pelo DER entregam até fim de dezembro as pontes sobre os rios Morro Alto I (extensão de 10 metros), Morro Alto II (extensão de 15 metros), Morro Alto III (extensão de 15 metros). Na travessia do Rio Pindaúva (extensão de 15 metros), as equipes estão com mais de uma frente fazendo escavação, concretagem dos muros, vigas e laje das pontes, aterro, cravação de trilhos. De acordo com a moradora Aline Batista, a reconstrução das pontes é muito importante. “Antes era muito difícil andar, mas agora as elas são mais altas, e facilita para sair fazer compras”. Outras obras como, conser-

vação e recuperação da malha rodoviária e da faixa de domínio estão sendo feitas na região. O DER-PR entregou recentemente na região um bueiro simples tubular de concreto na rodovia PR-410 (Estrada da Graciosa). GUARATUBA Em Guaratuba, estão em fase final duas pontes sobre o Rio Cubatãozinho, ambas com 10 metros. Nos afluentes do Rio Cubatãozinho são instaladas duas galerias, para permitir a passagem da água, sem que haja erosão das pistas. O agricultor Adalberto Detroiz afirma que, sem as pontes ele não conseguia fazer suas entregas. “As pontes ajudam muito, pois eu consigo entregar meus produtos muito mais rápido para os clientes. Agora até a minha renda aumentou.” Em Guaratuba, outros investimentos foram feitos, como serviços de pavimentação nas av. Marechal Deodoro, Rua Maria E. C. Marim, Rua Afonso Pena e Av. Califórnia e em outras áreas urbanas. Melhorias na travessia do ferryboat e nas embarcações também foram feitas. Durante a temporada aproximadamente 800 veículos por hora

serão transportados pelas cinco embarcações da concessionária Travessia de Guaratuba, responsável pelo serviço. PARANAGUÁ As pontes em Paranaguá estão na fase inicial, às equipes estão trabalhando na fase de escavação do local. Serão reconstruídas sete pontes sobre os rios Cachoeira, Brejatuba, Miranda, Santa Cruz e Rio Veríssimo. A recuperação das pontes é feita em parceria com os municípios e o Ministério da Integração. A equipes também estão trabalhando na recuperação de cinco quilômetros da PR412 e na PR-408. GUARAQUEÇABA Em Guaraqueçaba, as equipes trabalharam na melhoria e conservação da patrulha rodoviária, na estrada do Itaqui e na estrada do Batuca, além, da recuperação da faixa domínio. MATINHOS Em Matinhos, as obras são de conservação da malha rodoviária. As equipes fizeram reparos superficiais e profundos, e estão finalizando a reperfilagem de massa asfáltica quente ao longo da PR412. Serviços de limpeza, corte de vegetação das valetas e da faixa de domínio também

estão sendo feitas, assim como, a readequação das sinalizações verticais e horizontais. O comerciante Paolo Marolvo afirma que a manutenção traz mais clientes a sua loja. “A manutenção da rodovia, valoriza o meu comércio. A cidade está crescendo, e precisa de manutenção na infraestrutura. Sem dúvida essa obra na rodovia ajuda nesse quesito, ela está cada dia melhor.” ANTONINA O Governo do Paraná investiu em um conjunto de serviços na região de Antonina. Os serviços incluem recuperação e conservação da faixa de domínio e das estradas para manter as características técnicas e operacionais. Outro serviço feito na região foi à construção de bueiro, na PR340. Outra obra foi a recuperação, alargamento e prolongamento da ponte sobre o Rio São Joãozinho Feliz, localizada na PR-408. Além da pintura da ponte metálica sobre o Rio Mãe Catira, localizada na rodovia PR-410. Serviços de recuperação de talude na Avenida Leovegildo de Freitas, para melhorar o escoamento de água, também foram feitos na região.

Presidente da AL Valdir Rossoni faz balanço positivo do ano que se encerra Por Sandra C. Pacheco Em entrevista concedida na tarde desta quarta-feira (18) à E-Paraná TV e à TV Sinal, o presidente da Comissão Executiva da Assembleia Legislativa, deputado Valdir Rossoni (PSDB), fez um rápido balanço da atuação do Poder ao longo de 2013, considerado por ele um ano altamente produtivo, em que se conseguiu discutir e votar praticamente todos os projetos que deram entrada na Casa, além de dar prosseguimento ao intenso programa de reforma administrativa iniciado em 2011 e que deve ser concluído com o lançamento de concurso público para o preenchimento de cargos em vários setores do Legislativo. Rossoni destacou que a Assembleia encerra o ano devolvendo aos cofres do Estado R$ 200 milhões, o que representa cerca de 40% do orçamento anual total de R$ 429 milhões e é fruto de uma política permanente de racionalização das despesas. Representa também, no dizer de Rossoni, o cumprimento de uma promessa feita à população paranaense, de implantação de uma política de seriedade e de transparência, bem como de recuperação da credibilidade do Poder, abalada por uma série de denúncias em anos passados. Entre as proposições que foram analisadas este ano, o deputado ressaltou o projeto de lei do Executivo que autoriza a construção de Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) em diversos pontos do Paraná, principalmente naquelas regiões que abri-

gam o menor IDH aqui registrado. Segundo ele, isso vai representar um importante instrumento de estímulo ao desenvolvimento regional, trazendo como consequência a melhoria da qualidade de vida de seus habitantes. Também se referiu ao projeto de lei nº 609/2013, do Poder Judiciário, que trata de alterações na Tabela do Regimento de Custas, que também mobilizou os vários setores afetados pelas medidas propostas. Após um longo trâmite e negociações que só se encerraram neste final de ano, os percentuais foram limitados a 11,54% do IPCA, atendendo as reivindicações de vários segmentos da sociedade. O resultado é contabilizado como uma vitória pela Assembleia Legislativa, que se recusou a discutir e votar os índices anteriormente propostos. Indagado sobre os concursos públicos anunciados recentemente, Rossoni explicou que devem abastecer, por exemplo, as comissões técnicas permanentes com especialistas em suas áreas de atuação e a Procuradoria Jurídica da Casa, que hoje conta com profissionais emprestados da Procuradoria Geral do Estado. “Vários setores devem ser contemplados”, adiantou. Finalmente observou que os desafios têm sido enfrentados com muita garra e que é necessário persistir nesse rumo para evitar retrocessos que poderiam frustrar as expectativas da população paranaense em relação ao desempenho do Poder Legislativo estadual.


| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

3

Prefeitura, Instituto Renault e Ecovia inauguram Pista Educativa de Trânsito O Centro de Cidadania Ecovia conta com uma área de 1500 m² com pista, sinalização de trânsito, minicarros, garagem, banheiros e uma arquibancada para 40 pessoas

Diego Pisante - Ecovia

Foto: PMSJP

Prefeito Setim na inauguração da pista com representantes da Renault e da Ecovia

Pista do programa educacional O Trânsito e Eu no Centro de Cidadania Ecovia

Formar cidadãos conscientes no trânsito é o principal objetivo do Centro da Cidadania Ecovia, desenvolvido através do programa O Trânsito e Eu, do Instituto Renault, e em parceria com a Ecovia e com o Departamento Municipal de Trânsito (DEMUTRAN) da Prefeitura de são José dos Pinhais. Na manhã desta quartafeira (18), aconteceu a inauguração e o descerramento da placa do espaço destinado a educação de trânsito, na sede da administração da Ecovia – praça do pedágio na BR 277. O Centro de Cidadania Ecovia conta com uma área de 1500 m² com pista, sinalização de trânsito, minicarros, garagem, banheiros e uma arquibancada

centiva a ensinar as crianças sobre o respeito e cidadania no trânsito, transformando assim, o mundo em um lugar melhor”. A assessora do Departamento Nacional de Trânsito do Ministério das Cidades Denise Del Negro falou sobre a importância do projeto. “É um incentivo para a nova geração de motoristas, que são o futuro da nação. Uma iniciativa que trará benefícios a curto, médio e longo prazo, porque as crianças são disseminadoras do que aprendem, e com certeza vão levar adiante os ensinamentos”. O programa tem o intuito de levar a educação do trânsito para os demais municípios próximos da BR 277. São José dos Pinhais foi o primeiro, em todo

para 40 pessoas. Nesse espaço, crianças de 6 a 10 anos terão a simulação das situações que acontecem no trânsito. Ou seja, elas poderão dirigir um mini Renault Clio elétrico e também aprender e simular as noções e os conceitos básicos do comportamento necessário no trânsito, como cidadania e convívio social. O Diretor Superintendente da Ecovia, Davi Terna, falou sobre a importância de ensinar as crianças sobre o trânsito. “Hoje, no Brasil, a cada 10 minutos morre alguém em um acidente automotivo. Mudar esse quadro e ensinar as nossas crianças os conceitos básicos de convivência no trânsito é de extrema importância. Isso interfere no

desenvolvimento e no crescimento delas. Afinal, elas são os motoristas do futuro”. Para Antônio Calcagnotto, Diretor de Relações Internacionais e Vice Presidente do Instituto Renault, o projeto O Trânsito e Eu promete ser um sucesso no Brasil. “No anos de 2011, aconteceram cerca de 11 mil mortes no trânsito brasileiro. O projeto da Renault é mundial, e nós temos trabalhado com agências de trânsito de todo mundo. Aqui em São José dos Pinhais, o DEMUTRAN tem ações de trânsito durante o ano inteiro, como educação de trânsito nas salas de aula. Com isso, pensamos em fazer essa parceria, e trazer para o Brasil o programa de trânsito da Renault, que in-

o Paraná, a receber essa ação. “Esse programa é um incentivo a todo o País. O nosso município tem um projeto de educação de trânsito, uma parceria entre as secretarias de Trânsito e Transporte e de Educação, que ensina as nossas crianças os valores de respeitar o próximo. Com certeza essa parceria entre a Prefeitura, a Renault e a Ecovia vem agregar ao município. É um compromisso social com a nossa cidade”, declarou o prefeito Luiz Carlos Setim. A professora Vivian Boeing Dias, ganhadora do XIII Prêmio Denatran levou sua turma - cerca de 15 crianças - da Escola Municipal Angelina de Macedo, para experimentar o espaço. Acompanhados de agentes

de trânsito, pedagogas e colaboradores da Ecovia, os alunos fizeram o trajeto nos seis minicarros que alcançam uma velocidade máxima de 6 km/h. SERVIÇO As escolas municipais que tiverem interesse em participar do programa O Trânsito e Eu, precisa ter um roteiro de educação sobre o trânsito em sala de aula. Caso não disponham do conteúdo, o Instituto Renault disponibiliza a parceria do programa. Já as escolas municipais do litoral devem entrar em contato com o Departamento Municipal de Trânsito (DEMUTRAN) de São José dos Pinhais, através do telefone 3381-6334 ou com o Instituto Renault pelo e-mail instituto.renault@renault.com.

Paraná fecha ano com aumento do PIB, do emprego e produção industrial

Vargas faz avaliação do ano de 2013 e destaca grandes projetos para o Paraná

De 2011 a 2013 o Paraná apresentou crescimento médio de 4,1% ao ano

O vice-presidente da Câmara, deputado federal André Vargas fez nessa semana uma avaliação dos principais projetos votados na Câmara neste ano de 20013. Entre os inúmeros projetos discutidos, ele destacou a MP dos Portos, a criação dos novos tribunais regionais federais, se3ndo um deles no Paraná, os investimentos em infraestrutura e a política de alianças que está sendo traçada para 2014. MP DOS PORTOS Na avaliação do deputado petista, a matéria mais polêmica discutida em 2014 foi a MP dos Portos. A medida tem como objetivo reordenar o sistema de portos do Brasil e intere diretamente no Paraná, já que o Estado tem uma dos maiores portos do Brasil, o de Paranaguá. Criação dos TRFs - No entanto, na sua avaliação, do ponto de vista legislativo, o projeto com a grande interface do Brasil inteiro foi a criação dos quatro novos Tribunais Regionais Federais. “Votamos a emenda constitucional que ficou parada por 11 anos, foi votada em 2002 no Senado, e somente agora em 2013 que conseguimos votar na Câmara em função até do trabalho que a gente fez liderando os dois processos de votação. Infelizmente ainda aguardamos a superação de uma ação no Supremo Tribunal Federal. O Joaquim Barbosa sentou em cima dos tribunais e não despacha, Acho que esta foi uma grande conquista para o Paraná”, enfatiza. MOBILIDADE Em relação aos recursos articulados junto com a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, e a presidenta Dilma Rousseff, Vargas destaca o metrô da cidade de Curitiba como uma grande conquista. O investimento inicial era de R$ 1 bilhão, mas chegou a R$ 5 bilhões. “O prefeito Gustavo Fruet concluiu a modernização e fez avançar o projeto”, enfatizou. INFRAESTUTURA O deputado também destaca as obras rodoviárias importantes no Estado como a BR 163, a restauração de várias estradas, como a Transboiadeira e os vários investimentos em rodovias federais no Paraná, além das obras de acessibilidade como contorno de Maringá que teve mais R$ 300 milhões; mais cerca de R$ 70 milhões para Londrina. “Os investimentos em infraestrutura no Estado que chegam a cerca de R$ 10 bilhões. É algo histórico que tem recursos garantidos para aeroportos, portos e rodovias e ferrovias”, enfatizou. ALIANÇAS Em relação às alianças de 2014, o deputado brinca: “em ano ímpar vale tudo, são candidaturas e pré-candidaturas”. No entanto, em ano par, o ano das convenções, é que as articulações têm que se consolidar. Vargas destaca que já há a decisão tomada de que a ministra Gleisi será candidata à governadora. “O PT terá candidatura e vai enfrentar o governador Beto Richa. Temos ainda a situação do PMDB que trabalha a candidatura de Roberto Requião, mas ainda estamos desenvolvendo, em sintonia com o vice-presidente da República, Michel Temer, uma discussão de aliança em que o PMDB estaria conosco. A primeira hipótese do PMDB é candidatura própria e a segunda aliança com o PT. Estamos discutindo com suas direções e lideranças, mas sempre respeitando a autonomia partidária.” Segundo Vargas, o PT discute ainda alianças com o PP, de Nelson Meurer, que já tem decisão de estar com a presidenta Dilma em nível nacional e o PT quer reproduzir a aliança no Estado. “Queremos reproduzir no Estado alianças que tenham repercussão nacional, como a com o PMDB, PP e PSD, de Gilberto Kassab, que tem grande possibilidade de estar conosco. Estamos discutindo no Paraná com Eduardo Sciarra, do PSD e com o PP, de Ricardo Barros, Meurer e Spirafico”, afirma. Vargas enfatiza de que há uma convicção de que o Paraná precisa trocar de comando. “Temos uma crise grave, com atraso a pagamentos de fornecedores, um colapso da administração pública e entendemos que a ministra Gleisi seria a pessoa preparada para enfrentar e liderar essa aliança com a presidenta Dilma em nível nacional. Uma mulher em Brasília e uma mulher no Paraná; uma aliança com PMDB, PSD e PP nacionalmente, repercutindo também no Paraná”, finaliza.

A economia do Paraná fecha o ano de 2013 com desempenho bastante positivo. O balanço apresentado nesta quarta-feira (18) pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes) mostra que o Produto Interno Bruto (PIB) do Estado cresceu 4,7% até outubro e deverá fechar ano neste patamar. O PIB do Brasil deverá fechar o ano com crescimento de 2,3%. De 2011 a 2013 o Paraná apresentou crescimento médio de 4,1% ao ano, contra uma média de 2% do Brasil. Entre 2003 e 2010, o PIB paranaense cresceu 3,8% ao ano e o do Brasil 4% o ano. A produção industrial paranaense cresceu 5% nos dez primeiros meses deste ano, contra um incremento de 1,6% na média brasileira. As vendas do comércio varejista do Estado cresceram de janeiro a outubro 6,6%. No Brasil o crescimento foi de 3,4%. As exportações pelo Porto de Paranaguá atingiram

em novembro US$ 17,8 bilhões, já superando o total de 2012 (US$ 17,7 bilhões). “Os dados indicam que o desempenho do Paraná está descolado do cenário federal”, afirmou o presidente do Ipardes, Gilmar Lourenço. Segundo ele, o cenário nacional é desfavorável, com projeção de crescimento de 2,1% em 2014. “No Paraná, a expectativa é que a economia continue positiva em 2014, podendo crescer até 5%”, disse Lourenço, em entrevista coletiva para apresentar o balanço da economia do Estado. EMPREGO Conforme dados do Ministério do Trabalho, foram criados de janeiro a outubro deste ano 126.562 empregos com carteira assinada. Nos últimos três anos, o Estado criou 339.472 mil novos postos formais de trabalho, o terceiro maior número do País. Cerca de 68% dos novos empregos gerais do Paraná estão no interior do Estado. Especificamente os empregos indus-

triais, 82% foram criados no interior, sendo 92% apenas em 2013. Outro dado de destaque é que a Região Metropolitana de Curitiba apresentou, na média do ano, taxa de desocupação 3,7% - índice semelhante ao da Grande Porto Alegre e menor entre as sete grandes regiões metropolitanas do País. “Embora não seja uma ilha de prosperidade num oceano de instabilidade, o grande projeto do Paraná, de 2011 e 2013, consistiu na recuperação, de modo sincronizado entre governo e atores privados, de um conjunto de mecanismos e instituições capazes de, ao mesmo tempo, produzir defesas em períodos cadentes da economia nacional e assumir funções de autênticas molas propulsoras em estágios de reativação da rota do crescimento”, afirma Gilmar Lourenço. EXPANSÃO INDUSTRIAL A análise do Ipardes indica que a recuperação do agronegócio, an-

corada nas elevações de produção, produtividade e cotações globais das commodities alimentares, e a vitalidade do mercado de trabalho regional e o início da maturação dos empreendimentos atraídos pelo programa Paraná Competitivo são os principais fatores que alavancaram a economia paranaense em 2013. Desde sua criação, em 2011, o programa de incentivos fiscais atraiu R$ 26 bilhões em investimentos em novas indústrias ou expansão de unidades já existentes, com potencial para criação de 150 mil empregos. “Existe uma relação direta entre o desempenho da economia e o Estado. O governo estadual abriu um diálogo permanente e transparente com o setor produtivo, criando um ambiente propício ao crescimento da economia. O resultado econômico reflete a recuperação da credibilidade, confiança e segurança dos empreendedores no Estado”, afirmou Gilmar Lourenço.

Deputado Leopoldo Meyer apresenta projeto de Lei que visa regulamentar o uso da bala de borracha O deputado Federal Leopoldo Meyer (PSB-PR) apresentou na Câmara um Projeto de Lei sobre a regulamentação sobre o uso de balas de borracha em território brasileiro. Segundo Meyer, o frequente uso de balas de borracha por forças policiais para conter manifestações de cunho popular tem se tornado perigoso a partir do momento em que a eficácia do disparo não atende a uma margem segurança. “Já foram relatados vários casos de pessoas inocentes e também profissionais da imprensa que ao estarem presentes exercendo a sua profissão foram atingidos, inclusive na cabeça e nos olhos, deixando graves sequelas”, explica. O PL apresentado por Meyer

Deputado Leopoldo Meyer: “Devemos regulamentar o uso além de fornecer alternativas mais seguras e mais eficazes ao combate a desordem do que a bala de borracha”

busca regulamentar uso da bala de borracha através de medidas como o treinamento específico no manejo das armas pela Polícia Militar, o uso progressivo da força e a criteriosa avaliação da situação para o uso da arma, além de que após a operação onde haja o uso da bala de borracha, o autor dos disparos deve encaminhar à autoridade imediata superior um relatório discriminando as circunstâncias que o levaram a fazer uso. Meyer propõe também o estudo de alternativas de estratégias de manutenção e controle da ordem que possam a vir substituir o uso da bala de borracha como força de repressão que apresentem menos riscos de lesões irreversíveis, já que a bala

de borracha pode cegar e até matar, apesar der considerada uma arma não-letal. Finalizando, o deputado Leopoldo Meyer faz uma ressalva sobre a importância da força policial para repreensões de casos de vandalismo e situações que saem do controle e necessitam de repressão. “Não podemos deixar a Polícia Militar e Força Nacional sem aparatos de defesa na busca da manutenção da ordem e controle do vandalismo, porém devemos regulamentar o uso através de parâmetros determinados que ofereçam mais segurança, além de fornecer alternativas mais seguras e mais eficazes ao combate a desordem do que a bala de borracha”.


4

| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

Prefeito e secretária da Educação recebem profissionais e alunos destaques da educação O prefeito Luiz Carlos Setim e a secretária de Educação Neide Setim homenagearam, na última terça-feira (17), professores, diretores e alunos que foram destaque na educação em 2013. “Quero parabenizar a todos por representarem tão bem a educação do município. Vocês merecem destaque, não só por terem sido premiados, mas porque foram em busca de propostas que enriqueceram as práticas escolares”, disse Neide Setim. Durante o ano, profissionais e estudantes participaram de concursos, onde conquistaram as primeiras colocações em nível nacional e estadual. Foram homenageados o aluno Kauan Aleksandro Mirkvski do 4º ano da Escola Municipal Rosi Machado Marchesini – premiado em concurso que tinha como tema: A Educação na Prevenção ao Uso de Drogas; a Fanfarra da Escola Municipal Angelina Luciano de Macedo – Campeã Paranaense do XXII Campeonato Paranaense de Fanfarras e Bandas e vice-campeã do I

O outro lado da rua

Campeonato de Fanfarras e Bandas da Cidade de Antonio Olinto, Categoria Infantil II como Banda de Percussão; a professora Vivian Boeing Dias que conquistou o 2º lugar da premiação na categoria Educador – Projetos de Educação no Trânsito e a professora da Escola Municipal Celestina Scolaro Fog-

giatto, Sonia Aparecida Suchek, que recebeu o prêmio de 1º lugar no Concurso Cultural Minha Aula Mais Moderna. “Ser criativo, buscar novos caminhos, propor-se a desafios. Com o desejo de fazer melhor e com mais qualidade o trabalho educacional, encontramos profissionais

comprometidos e alunos dedicados, que trazem melhores resultados para o aprendizado escolar e tornam o trabalho da administração mais gratificante. Parabéns! Contar com vocês, profissionais e alunos que fazem a diferença, nos dá orgulho e satisfação por estarmos aqui”, falou o prefeito Setim.

Prefeitura entrega mais certificados de qualificação do PRONATEC A Secretaria de Assistência Social realizou na manhã desta quarta-feira (18), na Câmara de Vereadores de São José dos Pinhais, a entrega de certificados de qualificação profissional para 60 alunos . Os cursos fazem parte do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego/ Brasil sem Miséria (PRONATEC / BSM) e são oferecidos gratuitamente pela Secretaria, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAT). Os alunos participaram dos cursos de manicure e pedicure, além de operador de empilhadeira que foram realizados no CRAS Miguel Hach, no bairro Rio Pequeno e no CRAS Af-

fonso Celso de Araújo Franco, na Borda do Campo. Os diplomas foram entregues pelas autoridades presentes, o vice-prefeito Toninho da Farmácia e o secretário de As-

sistência Social, professor Imar Augusto. Na ocasião, Imar ressaltou a importância de realização de cursos de capacitação para o desenvolvimento profissional. “As portas se fecham

apenas para aqueles que não têm o desejo e a vontade de obter o sucesso. Vocês já estão conquistando uma etapa realizando estes cursos, desejo sucesso a todos”, concluiu o secretário. Para o vice-prefeito Toninho, a qualificação profissional faz parte do processo de desenvolvimento e da busca de novos desafios e oportunidades. “Desejo sucesso a todos e acredito que, como nosso município está crescendo cada vez mais, vai precisar de mais profissionais qualificados para suprir as necessidades do mercado. Parabéns pela iniciativa de vocês que já saem na frente de muita gente na disputa de uma vaga no mercado de trabalho”, finalizou Toninho.

Governo oferece aos municípios do Litoral plano preventivo contra desastres naturais Os sete municípios da região litorânea do Paraná terão acesso, a partir desta temporada de verão, a um mapeamento realizado pelo governo estadual das áreas e residências mais suscetíveis a um eventual desastre ambiental. A intenção é oferecer às administrações municipais um documento que aperfeiçoe a logística de atendimento à população e identifique as áreas com maior probabilidade de sofrer desocupação. Nesse plano, consta ainda um cadastro das pessoas a serem acionadas em cada órgão do governo para dar andamento às ações. A pesquisa desse plano foi iniciada há dois anos pela Defesa Civil, Simepar, Instituto Águas Paraná e Mineropar, após as fortes chuvas que atingiram a região e que deixaram dezenas de desabrigados. “Hoje, a cidade que receber um alerta nosso terá à disposição todas as informações necessárias, como quantas pessoas realocar, o número de abrigos e os voluntários disponíveis. Nenhum estado do Brasil está nesse nível de prevenção como o Paraná”, afirmou o chefe da Coordenadoria da Defesa Civil, Edemilson Barros. Barros explica que, caso ocorra um desastre natural, esse cadastro irá informar quem tem condições de ajudar com o envio de veículos, donativos, água po-

tável, caminhões, macas, entre outros equipamentos. “Toda vez que o Simepar alertar para grande quantidade de chuva, nós saberemos quais áreas deverão ter interferência e quais ações serão tomadas. Sabemos quais alertas repassar aos municípios para medidas rápidas e seguras”, diz. Ele lembrou do trabalho rápido realizado pela Defesa Civil ano passado no Litoral e afirmou que a falta de um mapeamento impediu que a ajuda fosse enviada com mais agilidade. O mapeamento foi elaborado analisando três situações: os deslizamentos de encostas, os alagamentos provocados pela dificuldade de escoar a água e as inundações causadas pela elevação do nível de rios. Foram identificados 14 mil residências e 77

mil pessoas residindo em áreas de risco. Para formular o plano, o governo estadual dividiu o tema em caracterização do cenário; o monitoramento dos efeitos climáticos junto ao Simepar; criação de um grupo de atenção para coordenar a sistemática operacional. Foram instalados em algumas regiões sirenes para o alerta de desastres. No documento consta um cadastro das pessoas a serem acionadas em cada órgão do governo para dar andamento às ações. Todo o trabalho deve ser planejado em conjunto com a Defesa Civil, Sanepar, Secretaria da Saúde, Copel, Corpo de Bombeiros, entre outras entidades e secretarias de Estado. A intenção é preparar os organismos estaduais

num eventual desastre ambiental. Os órgãos governamentais vistoriaram todos os municípios e localidades de risco da região litorânea. A equipe da Mineropar avaliou a particularidade de solo, de relevo e características das encostas e rochas. “Fizemos um cruzamento de informações para definir as áreas de predisposição de desastre. Assim, estabelecemos níveis de risco: moderado, alto e muito alto”, disse Marcos Fabro Dias, diretor-técnico da Mineropar. “É importante esse trabalho integrado para avaliar os fatores e definir as ações de proteção”, avaliou ainda. O sistema de prevenção foi aperfeiçoado com o investimento que o Simepar realizou no monitoramento do clima. Foram investidos R$ 550 mil na instalação de novas estações meteorológicas para verificar o nível de chuva e elevação dos níveis dos rios. Os alertas de fortes chuvas podem ser comunicados aos municípios até 24 horas antes. “Com isso, será possível saber com antecedência as condições de chuva, vento e temperatura que irão à região litorânea. Estamos unindo esforços para diminuir o risco da população”, explicou o diretor-adjunto do Simepar e meteorologista, Cesar Beneti.

Nesta época do ano, a Rua XV de Novembro, no Centro de São José dos Pinhais, há grande movimentação no comércio. E foi nesta mesma rua que tudo começou, tornando este local característico para os negócios nos negócios e grande giro econômico. São José começou como um pequeno povoado ao redor de uma igreja, a Capela do Bom Jesus dos Perdões, justamente onde se encontra a Rua XV de Novembro. Hoje, ela é ponto de referência para os habitantes e turistas que passam por ali. No decorrer do trajeto existe o Museu Municipal (que abriga um acervo histórico? Qual é a tipologia do acervo? ), o Paço do Expedicionário, a Biblioteca Municipal Scharffenberg de Quadros (com mais de 75 mil obras disponíveis), a caixa d’água (construída pelo engenheiro Gerard Leo Lintzmaier) e o Centro de Esporte e Lazer Ney Braga, o maior ginásio de esportes da cidade. A rua começa na Avenida Senador Souza Neves e se estende até a BR 376, com aproximadamente 15 quadras de extensão de ruas e calçadão. Toda essa área possui grande variedade de empresas como cartórios, lavanderias, consultórios odontológicos, cabeleireiros, restaurantes, escolas de idiomas, óticas, escritórios, auto escolas, supermercados, sebos, igrejas, farmácias, lojas de roupas, bancos, relojoarias, funerárias, lojas de calçados e muitos outros. De acordo com Leopoldo Précoma Junior, proprietário da Centro Móveis desde 1984, “na época, tinham poucas pessoas circulando na região. Hoje tem muita gente. E aqui, sempre foi o melhor local para ter um comércio”. Outro exemplo de comércio duradouro na região é a Ótica Elgin, que está há 38 anos no mesmo local. A gerente Izabela Laber afirma que as vendas estão caindo com o passar do tempo, a concorrência com outras lojas é um dos fatores “temos pouco movimento por causa do aumento da concorrência na região”. Por outro lado, a loja de roupas Calla Fashion, está instalada há 13 anos no local. A proprietária Jini Choi, se diz satisfeita com o ponto, “temos lojas em Curitiba e na Rua XV de São José dos Pinhais. Há grande fluxo de pessoas, o que aumenta, a cada ano, as vendas” A Associação Comercial, Industrial, Agrícola e de Prestação de Serviço (Aciap) incentiva a população são-joseense para que comprem na cidade. Assim, desenvolve o comércio local e atrai novos investimentos. Elias Leschewitz – São José dos Pinhais


5

| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

Mais vale uma amizade sincera que um amor fingido. CÉU COM MUITAS NUVENS

TOME NOTA

Máx. 26º Mín. 14º

Dia 20: Mín. 15º e Máx. 25º Dia 21: Mín. 15º e Máx. 25º Dia 22: Mín. 14º e Máx. 27º

PROGRAMAÇÃO DE CINEMA DO SHOPPING SÃO JOSÉ Shopping Sao Jose (13/12/2013 a 19/12/2013) Programação

13h45 - 18h50 - 23h40 A

1

11h50 - 16h40 - 21h45

2

Thor 2 - O Mundo Sombrio (Dub) - 10 11h40 - 14h00 - 16h30 - 19h00 - 21h30 Anos 23h50 A

3

O Hobbit: A Desolação de Smaug - 12 11h30 - 14h50 - 18h30 - 22h00 Anos

4

Última Viagem à Vegas (Dub) - 12 Anos

12h40 - 15h00 - 17h20 - 19h40 - 22h10

5

Um Time Show de Bola DIG (Dub) Livre

11h20

5

O Hobbit 2 HFR 3D (Dub) - 12 Anos

13h40 - 17h10 - 20h40 - 00h00 A

Legendas A Esta sessão será exibida SOMENTE Sábado (14/12). B Esta sessão será exibida SOMENTE Sexta-feira (13/12) e Sábado (14/12). C Esta sessão será exibida SOMENTE Quinta-feira (19/12). D Esta sessão será exibida SOMENTE Sábado (14/12) e Domingo (15/12). E Esta sessão será exibida SOMENTE Sexta-feira (13/12), Sábado (14/12) e Domingo (15/12). F Esta sessão NÃO será exibida Terça-feira (17/12). G Esta sessão NÃO será exibida Terça-feira (17/12) e Quinta-feira (19/12). I Esta sessão NÃO será exibida Sábado (14/12), Terça-feira (17/12) e Quinta-feira (19/12). J Esta sessão NÃO será exibida Sábado (14/12), Domingo (15/12) e Terça-feira (17/12). K Esta sessão NÃO será exibida Segunda-feira (16/12). L Esta sessão será exibida SOMENTE Terça-feira (17/12). M Esta sessão será exibida SOMENTE Terça-feira (17/12) e Quinta-feira (19/12). N Esta sessão NÃO será exibida Quarta-feira (18/12). P Esta sessão NÃO será exibida Sábado (14/12). Q Esta sessão NÃO será exibida Sexta-feira (13/12) e Sábado (14/12). R Esta sessão NÃO será exibida Domingo (15/12). S Esta sessão NÃO será exibida Quinta-feira (19/12). T Esta sessão NÃO será exibida Sábado (14/12) e Domingo (15/12). U Esta sessão NÃO será exibida Sexta-feira (13/12), Sábado (14/12) e Domingo (15/12).

blé, Diana Krall, Andrea Bocceli. Kendri é músico curitibano, cantor e compositor. Possui formação em Comunicação Social pela PUCPR, Música pela Embap e canto popular pelo Conservatório de MPB de Curitiba, onde desenvolveu timbre vocal doce e suave. Seu repertório abrange estilos como Rock Clássico, Folk, MPB e Jazz. As apresentações vão até o dia 24 de dezembro e acontecem todas as quintas e sextas, a partir das 18 horas e no final de semana, a partir das 17 horas no Lounge Central, do Piso L2. Universidade Positivo entra no segmento de educação à distância Com 40 anos dedicados à educação e com forte presença nacional e internacional, o Grupo Positivo anuncia o lançamento da Universidade Positivo Online, voltada exclusivamente para a educação à distância. Homologados pelo Ministério da Educação, os cursos de Graduação, Pós-Graduação e Ex-

tensão online são uma oportunidade para que alunos de todo o país tenham acesso à excelência da Universidade Positivo (UP). A UP Online funciona de duas maneiras distintas. Os cursos de Extensão são de curta duração e 100% virtuais. Já os cursos de Graduação e Pós-Graduação exigem atividades e avaliações presenciais, de acordo com as diretrizes estabelecidas pelo MEC. Para ingressar num dos cursos, os interessados devem acessar o site da Universidade Positivo Online – www.up.com.br/online –, escolher o curso, verificar os polos em que é oferecido e escolher uma das modalidades de processo seletivo.

1) Como se chamavam as irmãs Cajazeira vividas pelas atrizes Ida Gomes, Dorinha Durval e Dirce Migliaccio, que eram apaixonadas pelo prefeito Odorico Paraguaçu (Paulo Gracindo), na novela “O Bem Amado”, exibida pela Globo em 1971? a) Mariteia Cajazeira, Dulcinere Cajazeira e Judite Cajazeira b) Dorotéia Cajazeira, Dulcinéia Cajazeira e Judiceia Cajazeira c) Marcelia Cajazeira, Durinéia Cajazeira e Juceia Cajazeira d) Doroth Cajazeira, Durimara Cajazeira e Juliana Cajazeira 2) Como é o apelido de Dona Clotilde (Angelines Fernández) no seriado Chaves, do SBT? a) Bruxa do 71 b) Bruxa da Vila c) Chiquinha d) Velha Coroca 3) Como se chamava a danceteria que o apresentador Gugu Liberato tinha em sociedade com o ator Miguel Falabella em São Paulo? a) Noite Paulista b) Scorpion c) Fábrica 5 d) Casa dos Loiros 4) A música “Vivendo no Passado” foi tema de abertura de uma novela exibida pelo SBT. Qual era essa novela? a) “Pérola Negra” b) “O Diário de Daniela” c) “Gotinha de Amor” d) “A Mentira” 5) Quem interpretou a megera Santa, em “Uga Uga”? a) Vera Holtz b) Danielle Winittz c) Nair Belo d) Christiane Torloni (RESPOSTAS: 1B, 2A; 3C; 4D; 5A)

Luiza Possi se apresenta no Crystal Sessions Christmas No sábado (21), o Crystal Sessions Christmas traz um grande presente para o público. Um show com Luiza Possi. A cantora vem a Curitiba para participar do projeto da Lumen FM e do Shopping Crystal apresentando seu sétimo CD: “Sobre Amor e o Tempo”. O álbum é composto de 14 canções que vão do Rock’n’roll à MPB e formam seu trabalho mais consistente e, na opinião da própria Luiza, o melhor da sua carreira. Com produção de Dadi, que segundo ela, é o “responsável por toda tradução do que tem de melhor quando o assunto é música com sentimento”, as músicas e composições vão desde próprias autorias até letras de Lulu Santos, Nelson Motta, Arnaldo Antunes, Lucio Maia, Marisa Monte e Adriana Calcanhoto. Logo após a apresentação no Crystal Sessions Christmas a cantora estará, a partir das 18h30, na Livraria Saraiva do próprio Shopping Crystal para uma sessão de autógrafos do seu CD “Sobre Amor e o Tempo”. Vale a pena conferir! Confira a programação dos próximos dias: Na quinta-feira (19), os convidados são a cantora Vilma Ribeiro e o violonista Marcelo Teixeira. O Vilma Ribeiro Duo, como já são conhecidos no Crystal Sessions, encanta o público com suas belas melodias com muito jazz e blues, além de um vasto repertório formado de composições próprias e releituras de artistas como Nina Simone, Etta James, Amy Winehouse, Norah Jones, Ella Fitzgerald e Billie Holiday. Especialmente para a edição Christmas eles irão trazer também músicas natalinas com todo o estilo próprio do Duo. Na sexta-feira (20) a atração da vez é o Kendri Albuquerque Duo. Formado por Kendri Albuquerque e Evangivaldo Santos, o Duo irá trazer para o Crystal Sessions Christmas um repertório natalino exclusivo inspirado em clássicos americanos como White Chistmas, Jingle Bell Rock e Amazing Grace. Temas que já foram gravados por grandes artistas como Elvis Presley, Frank Sinatra, Michel Bu-

Crô - 12 Anos

Torta de Queijo Ingredientes: Massa: 1 xícara de leite 1 xícara de trigo 1 xícara de maisena 1 colher de fermento em pó 2 colheres de margarina 1 pacote de queijo ralado 1 ovo Sal Creme: Sal 1/2 litro de leite 2 gemas 3 colheres de maisena 1 pacote de queijo ralado Recheio: 300 g de queijo mussarela em tirinhas 300 g de queijo prato em tirinhas Enlatados, milho e ervilha (se desejar) 1 lata creme de leite Modo de Preparo: Creme: Leve tudo ao fogo, fica empelotado,mas depois de bem mexido, fica liso, mexa até engrossar; Depois de frio, adicionar e lata de creme de leite e mexer bem. Reserve Massa: Misturar tudo muito bem; Fica uma massa bem lisa e grossa Montagem: Colocar a massa em uma refratária oval e grande, untada com óleo; Em cima colocar os dois tipos de queijo, cortados em tiras pequenas (reserve i xícara desse queijo); Colocar os enlatados (se desejar), depois o creme já frio; Por cima espalhar o queijo reservado; Assar em forno pré-aquecido, a 150°, por uns 20 minutos, até que o fundo esteja dourado; Sirva morno com batata palha, risotoe maionese.

A alimentação altera a saúde das unhas? Suplementação nutricional pode deixar as unhas mais fortes É comum a associação que algumas pessoas e até muitos médicos fazem entre alterações nas unhas e problemas nutricionais ou da dieta. Como se sabe, o aparelho ungueal é formado pela placa ungueal ou lâmina ungueal, que seria a unha propriamente dita, e a pele ao redor. A parte que fica embaixo da unha é o leito ungueal e a pele que recobre o contorno das unhas são as dobras ungueais laterais e proximal. A dobra proximal é a pele que termina onde começa a cutícula. Embaixo desta área está a matriz ou fábrica da unha, o local onde ela é produzida. A cutícula é como se fosse um selo que impede a entrada de microrganismos ou agentes infecciosos na região da produção da unha. Quando traumas nessa região acontecem, temos alterações na formação da lâmina, como o surgimento de manchas brancas e ondulações de sua superfície. A composição da unha A unha é formada por uma proteína: a queratina. A maior parte é do tipo queratina dura (80-90%), semelhante à queratina dos cabelos e o restante é formado por queratina mole, que é a queratina que está presente no restante da pele. A consistência da unha é resultado de reações químicas que ocorrem naturalmente na estrutura dessa proteína. Funciona como uma cola, que junta essas fibras de queratina, deixando a unha com a consistência que conhecemos. Ao contrário do que se acredita, o cálcio nada tem a ver com isso e forma apenas 0,2% da unha. O conteúdo de gordura das unhas também é baixo, se comparado ao da nossa pele. De qualquer maneira esses lipídeos (ou gorduras) é que permitem que as unhas resistam à água. Aliás, a quantidade de água presente na unha varia, mas o normal é de cerca de 18%. O estado de hidratação das unhas (ou seja: a porcentagem de água) também contribui para a consistência delas. Unhas com menos de 16% são quebradiças e esfarelam. Unhas com mais de 25% de água tornam-se amolecidas.

© Coquetel/Ediouro Publicações 2005

1

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS Intenção de quem faz uma caricatura

Operação matemática de resultado infinito O “A” na Máquina sigla OAB do tecelão

Levantamento de peso e salto em distância Novela Símbolo da Ilha, em de Dias resistência negra francês contra a escravidão Gomes

Vago; desabitado O movimento feito pelo ioiô Mamífero do Ártico

Golfo na entrada do Mar Vermelho

84

Caixa para guardar quinquilharias O mais belo dos deuses do Olimpo Substância presente em antitérmicos País natal do piloto Pablo Montoya

Ofídio peçonhento El. comp.: orifício Ernesto Sábato: atuou na defesa dos direitos humanos na Argentina Costela, em inglês

Cabo que firma os mastros do veleiro A maneira habitual de escrever Desloco

O suposto ocupante do disco voador

Diástase causada pela levedura da cerveja Uniforme Saudação iorubá de médico Imposto de Renda (sigla)

Risco da carta com endereço errado

General (?), patrono da Cavalaria

BANCO

Solução Z A R U T O M Q B A U I D E E S O N A A N E T A S E T I I A R R I O

Horários

Jogos Vorazes: Em Chamas (Dub) 14 Anos

D P S A T I R I D E V O L V A I V E M O R S A G A S P A P O LO D I P I R C O L O M BI A S O R P Z I M J A L E C O E X T R A V E O S O

Filme

3/île — rib. 5/estai. 6/osório — zimase.

Sala


| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

PIRAQUARA

7

LAPA

Confraternização encerra o ano do Programa de Hiperdia

Agora a população da região não precisa mais se deslocar até o centro para retirar medicamentos controlados e insulina

Com entrega de presentes do amigo secreto e uma festa de confraternização, encerraramse as atividades de 2013 do “Programa de Hiperdia” para a equipe de Saúde da Vila São José, no município da Lapa, Região Metropolitana de Curitiba, e para os 217 pacientes atendidos. Durante todo o ano, os profissionais da Saúde que atendem a região das vilas do Príncipe e São José promoveram nas primeiras semanas de cada mês o Programa de Hiperdia. Os encontros aconteceram sempre no pavilhão da capela das duas vilas. As atividades foram encerradas na última semana, entre os dias 2 a 6 de dezembro. HIPERDIA O Programa Hiperdia atende pacientes hipertensos e diabéticos. A ação conta com duas auxiliares de enfermagem, que realizam aferição da pressão arterial e glicemia capilar, distri-

Prefeito Marquinhos corta fita inaugural da Farmácia Municipal

buscar os remédios”, comemorou. Para o prefeito de Piraquara, Marcus Tesserolli, o Marquinhos, a saúde municipal é um dos grandes desafios da atual administração, e a inauguração de mais um equipamento representa mais serviços para a população. “Neste ano aumentamos os investimentos na área e conseguimos ampliar o horário de atendimento em algumas unidades, melhorar as condições nos locais de atendimento com reformas e ampliações, e agora inauguramos mais esta farmácia que vai facilitar a vida de toda a grande comunidade desta região”, destacou o prefeito.

O vereador Edson Baianinho, morador da região, destacou a conquista para o Guarituba. “No início do ano levamos a idéia para o prefeito Marquinhos e a Secretária de saúde para aproveitar este espaço, que estava abandonado após a desativação do módulo da PM, e agora ficamos felizes por essa realização para o Guarituba”, ressaltou o vereador. Também participaram da inauguração o vice prefeito de Piraquara, Professor Antunes, o presidente da Câmara Municipal, Professor Erondi, os vereadores Eugênio Huller, Maicon Figueiredo e Adriano Cordeiro, a presidente do Conselho Municipal de Saú-

de, Francisca Barros Silva (Dide), o representante do deputado estadual Gilberto Ribeiro, Eliseu Meira, a equipe da nova farmácia, além de secretários e servidores municipais e a comunidade em geral. FUNCIONAMENTO A Farmácia Municipal do Guarituba vai funcionar das 08h às 20h, de segunda a sexta, com a dispensação dos medicamentos controlados das 08h às 17h, e aos sábados das 08h às 12h. Na unidade serão disponibilizados os remédios já oferecidos atualmente na Farmácia Central, incluindo insulina e os controlados.

Mais de 40 pessoas envolvida no Programa Hiperdia participaram da festa

CAMPO LARGO

Integração familiar beneficia catadores de recicláveis

ALMIRANTE TAMANDARÉ

Cursos profissionalizantes formam jovens em diversas áreas

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, realizou no último final de semana um evento de integração familiar e comunitária com catadores de materiais recicláveis na Central de Triagem, localizada na sede da Associação Unidos da Reciclagem (ASSUR) de Campo Largo. O encontro foi a última atividade coletiva do ano promovida pela entidade e teve como objetivo proporcionar aos catadores da Assur dos bairros Águas Claras e Gorski um dia de lazer, diversão e troca de experiências sobre reciclagem. Com o apoio de profissionais, instituições e empresas, foi possível distribuir brinquedos e panetones como lembrança para mais de 90 pessoas. Durante o dia, diversas atividades foram ofertadas aos catadores e seus familiares. Desde visita ao barracão de triagem de material, oficina de brinquedo de material reciclável e enfeite natalino, além de serviços de massagem, doa-

Divulgação/PMAT

dos pela massoterapeuta Andréia Librelato. O evento foi um sucesso e valorizou os catadores e seus familiares, de acordo com o secretário de Meio Ambiente Marcos Reinaldim. “É importantíssimo incluir neste projeto não somente os catadores, mas também seus familiares e a comunidade ao entorno da associação, para que as pessoas possam ver a importância dos catadores para a nossa cidade, fazendo com que os mesmos se sintam valorizados”, ressalta o secretário. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Assur agradecem a parceria e o apoio das Secretarias Municipais de Assistência Social e Desenvolvimento Rural, do Provopar, da Agência do INSS de Campo Largo, da Faculdade Cenecista de Campo Largo (Facecla), das empresas Enerbras, Ingra e Legrand, a massoterapeuta Andréia Liberato e todos os funcionários da Prefeitura que disponibilizaram seu tempo e doações para a realização dessa ação.

Prefeito Aldnei Siqueira participa da solenidade de entrega dos certificados

a qualidade de vida delas”, disse o prefeito Aldnei Siqueira. “O mercado de trabalho pede pessoas qualificadas e cobra capacitação, todos os formandos estão no caminho certo. Desejo a todos sucesso em suas vidas e que continuem buscando o conhecimento”, disse o vice-prefeito e secretario de Saúde, Tonhão da Saúde. Para a primeira-dama e secretária da Família e Desenvolvimento Social, Ângela Siqueira,

o objetivo dos cursos que é contribuir para o aumento da renda e melhorar a qualidade de vida das pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social foram alcançados. “Esta formatura é um momento único. Hoje nosso município conta com a inserção no mercado de trabalho de cabeleireiras, assistente de cabeleireira, manicure, técnico em informática e artesãs com especialização em puffs. A nossa sensação é de de-

ver cumprido”, declarou. Também estiveram na solenidade os vereadores Polaco e Ângelo Prosdócimo, o coordenador do Centro da Juventude, Claudio Gusso; a coordenadora do CRAS Jardim Roma, Emiliane Ramos; a coordenadora do CRAS Tanguá, Patrícia Ramos; coordenadora do CREAS, Ivani Moraes, a instrutora da empresa Moriah, Valéria Bravo, servidores e familiares dos formandos.

divulgação/PMCL

Os jovens de Almirante Tamandaré que participaram dos cursos profissionalizantes de manicure e pedicure, assistente de cabeleireiro, informática e design de material reciclável oferecidos pela Prefeitura, por meio de ações da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, receberam o certificado de conclusão de curso. A formatura dos mais de quarenta alunos aconteceu no auditório do Centro da Juventude, na quinta-feira (12). O objetivo dos cursos é atender as famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família, que são assistidas pelo CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e (CREAS) Centro de Referência Especializado de Assistência Social, para criar ou aumentar a renda familiar e capacitar. A iniciativa que começou no CRAS e CREAS gerou novas as ações, alunos do Centro da Juventude também puderam participar dos cursos. “Hoje para conquistar um bom emprego e uma carreira de sucesso é fundamental o cidadão estar preparado. O certificado é para sempre, o conhecimento adquirido nos cursos nunca vai se perder. Vamos continuar buscando parcerias para realização de cursos em Almirante Tamandaré, queremos qualificar pessoas aqui no nosso município, para que melhore

buição de medicamentos conforme receita médica e orientações educativas por meio de palestras e distribuição de material informativo. Atualmente, no município da Lapa, o programa conta com cerca de 800 pacientes na área urbana e 300 na área rural, que são atendidos por meio da realização de reuniões nas diversas localidades da cidade e do meio rural. Também são realizadas visitas a 160 pacientes na cidade e 49 no interior. Esta visita domiciliar é feita a pacientes que estejam acamados, tenham dificuldade de locomoção ou em idade avançada. Alguns pacientes moram sós ou passam a maior parte do tempo sozinhos, sendo assim, a visita é um momento de conversarem e receberem atenção.As atividades do Programa de Hiperdia retornam em fevereiro de 2014.

Divulgação/PML

A Prefeitura de Piraquara inaugurou na tarde da última terça feira (17) a Farmácia Municipal do Guarituba. Com a abertura da nova unidade farmacêutica, a Secretaria Municipal de Saúde descentralizou a distribuição de medicamentos no município, que até então eram concentrados na Farmácia Central. A nova farmácia foi aberta na Rua Betonex, N° 2220, ao lado da Unidade de Saúde Carlos Jess – Caiçara. “Uma das diretrizes do SUS é levar os serviços da Saúde para mais próximo da população. Com a inauguração da Farmácia do Guarituba vamos facilitar o acesso desta comunidade aos medicamentos, inclusive a insulina e os controlados que eram dispensados somente na central”, explicou a secretária de Saúde, Maristella Zanela, que também ressaltou toda a equipe de assistência farmacêutica de Piraquara, e os demais envolvidos que trabalharam na efetivação da farmácia. Em dois dias de funcionamento foram registrados mais de 300 atendimentos na nova unidade. Para a moradora do Jardim Holandês, Rute Rosalina de Souza, de 60 anos, a nova farmácia facilitou bastante. “Agora ficou mais fácil para eu retirar meus medicamentos aqui. Antes eu tinha que ir a unidades de saúde mais longes ou na central, e agora posso até ir a pé

Bruno Oliveira

Prefeitura inaugura Farmácia Municipal do Guarituba

Famílias de catadores recebem brindes da Secretaria do Meio Ambiente


8

| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |


| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

Metró ole

9

SAÚDE

Pesquisa mostra que crianças fumantes passivas chegam a 51% Um estudo sobre o tabagismo passivo revelou que 51% das crianças até 5 anos são consideradas fumantes passivas por causa do vício dos pais. A pesquisa foi coordenada pelo diretor do Ambulatório de Drogas do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo (USP), João Paulo Lotufo. Segundo a pesquisa, essas crianças desenvolvem mais otites, bronquites, rinites, asma e duas vezes mais morte súbita quando comparadas com as de pais não fumantes. Segundo ele, a pesquisa foi feita com a urina do fumante e de alguém da família que não fuma quando foi constatada a presen-

ça de nicotina também no sangue dos fumantes passivos. “O fumante passivo também corre o risco de dependência e de inflamação das mucosas. Todos os que têm tendência a desenvolver doenças como as otites, rinites, bronquites, asma, vão sofrer e ter mais problemas. Nesses casos a mucosa já é inflamada e com a fumaça isso piora muito”. Ele destacou que muitos pais alegam que fumam fora de casa para não prejudicar os filhos, mas isso não adianta, pois o cheiro do cigarro fica no corpo e nas roupas do fumante e, consequentemente, as crianças acabam respirando isso. “Só

o cheiro já é motivo de inflamação. Sem dúvida é melhor fumar fora, mas o ideal é parar de fumar. Pelo menos 305 de quem vem ao ambulatório para parar de fumar, tem como motivação os filhos”. Lotufo observou que depois que São Paulo aprovou a Lei Antifumo houve diminuição dos casos de doenças cardiocirculatórias. “Infelizmente são só sete estados que tem essa lei em vigor. O Brasil ainda não é um ambiente livre de fumaça, mas a lei que abrange todo o país já foi aprovada, mas ainda não regulamentada. Estamos em um movimento para que ela ente em vigor o quanto antes”.

Remédios serão rastreados Teste para aids por fluido no Brasil dentro de três anos oral será ofertado pelo SUS Os brasileiros terão mais segurança na hora de comprar um medicamento, que poderá ser rastreado desde a fabricação até chegar à farmácia. É que, a partir de agora, as embalagens dos remédios deverão conter uma identificação única, capaz de permitir ao usuário saber todo o histórico e localização do produto além de verificar se ele é original e tem procedência legal, evitando assim contrabando e falsificações. As regras finais do Sistema Nacional de Controle de Medicamentos (Lei nº 11.903/2009) foram aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e têm que ser totalmente implementadas no prazo de três anos. No entanto, o governo estabeleceu o prazo de dois anos para que cada fabricante apresente ao menos três linhas de produto que sigam o novo sistema. A norma foi publicada no Diário Oficial da União na última quarta-feira, 11 de dezembro. O acompanhamento da trajetória dos produtos é possível graças à adoção do código de barras bidimensional padrão GS1 DataMatrix, tecnologia escolhida pela Anvisa para conter todos os dados de cada item. O código permite recuperar informações históricas e geográficas sobre o caminho percorrido pelos medicamentos desde sua produção até a entrega ao consumidor. O mercado está caminhando para adotar o GS1 DataMatrix como padrão de estruturação da informação dentro do código para garantir a interoperabilidade na cadeia. De acordo com o capítulo 4 da Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) da Anvisa, a tecnologia será a principal ferramenta para garantir a rastreabilidade desses produtos. Caberá ao Datamatrix a captura, armazenamento e transmissão eletrônica dos dados necessários para acompanhar o trajeto que os medicamentos percorrem no Brasil. A agência entende que a ferramenta garantirá suporte, automação e visibilidade ao rastreamento de remédios, além de permitir a integração dos sistemas de informação. Isso é possível porque, ao contrário do código de barras comum, que contém apenas o número de identificação do produto, o bidimensional também armazenará informações variáveis como lote, validade e número serial, o que permitirá todo o rastreamento e controle na cadeia logística. Todas as informações reunidas são chamadas de Identificador Único de Medicamento (IUM), que estará em cada unidade de medicamento comercializada. Além de permitir uma gestão mais eficaz dos riscos na cadeia dos produtos farmacêuticos e dar ao consumidor a garantia de seguran-

ça, o código vai permitir identificar fontes de desvios de qualidade e reduzir os custos logísticos dos fabricantes. “A preocupação com a segurança do paciente e a autenticidade dos medicamentos se torna cada vez mais presente em todo o mundo, e a rastreabilidade é uma ferramenta essencial para ajudar a enfrentar esta situação. A identificação única do item por meio do código de barras é a base do processo”, destaca o presidente da GS1 Brasil, João Carlos de Oliveira. Identidade única - A Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil incorporou o número do registro da Anvisa em seus padrões globais de automação. Este número é parte do IUM – Identificação Única do Medicamento, que é uma espécie de RG dos medicamentos, correspondente a cada unidade a ser comercializada no território brasileiro. “Antes da padronização, o número do registro na Anvisa não poderia ser codificado e interpretado mundialmente; agora, possui regras de formatação seguindo o que é adotado em todo o mundo”, explica Ana Paula Vendramini Maniero, coordenadora de negócios da GS1 Brasil e responsável pelo grupo de trabalho da área de Saúde da entidade. O IUM é formado pelo número do registro do medicamento junto à Anvisa, e contém, além do número serial, a data de validade e o número do lote. Essas informações ficarão armazenadas no código de barras bidimensional DataMatrix. O mercado também adicionará nesta combinação o GTIN, número do código de barras do produto que há anos já é utilizado em toda a cadeia. O Sistema Nacional de Controle de Medicamentos (Lei nº 11.903/2009) surgiu com o objetivo de aprimorar continuamente os mecanismos de rastreabilidade e autenticidade de medicamentos no país e dar uma resposta efetiva à informalidade. De acordo com a Anvisa, 20% dos medicamentos vendidos no país são falsos. A GS1 Brasil trabalha em seu grupo internacional GS1 Healthcare com fabricantes, hospitais, varejo, agências de vigilância sanitária, Ministério da Saúde e associações do setor para buscar as melhores soluções mundiais para o sistema de codificação de medicamentos, redução de erros médicos, recall de produtos, autenticidade, eficiência, acuracidade na cadeia de

suprimentos e rastreabilidade. Sabonetes antibacterianos podem representar riscos à saúde Fabricantes de sabonetes antibacterianos precisam provar que seus produtos são mais eficazes do que simplesmente água e sabão O FDA (agência americana que regula remédios e alimentos) quer que as fabricantes de sabonetes antibacterianos provem que seus produtos de limpeza são mais seguros e eficazes do que simplesmente água e sabão. As informações são do site USA Today. Segundo Sandra Kweder, vicediretora do Centro de Avaliação e Pesquisa do FDA, “embora os consumidores considerem esses produtos eficazes, não há nenhuma evidência de que eles realmente atuem na prevenção de doenças como a lavagem com água e sabão comum.Queremos que as empresas realmente testem esses produtos.” Para David Hill , diretor de saúde pública global na Escola de Medicina da Universidade de Quinnipiac, “lavar as mãos com água e sabão depois de preparar alimentos, usar o banheiro, tossir ou assoar o nariz continua sendo uma das formas mais eficazes para diminuir o risco de propagação de infecções”. Além disso, pesquisas sugeriram que a longa exposição a substâncias químicas antibacterianas, como o triclosan presente em sabonetes líquidos e o triclocarban em sabonetes em barra, poderia ter efeitos hormonais nocivos à saúde. O FDA reforça que se as empresas não demostrarem que seus produtos são seguros e eficazes, terão de reformular sua composição ou reclassificá-los para permanecer no mercado. As empresas têm até dezembro de 2014 para apresentar os dados e estudos. A meta da agência é finalizar o processo até setembro de 2016. Segundo o FDA, isso não afetará desinfetantes para as mãos, sanitários ou produtos antimicrobianos utilizados nos serviços de saúde.

Um novo teste rápido de aids realizado por fluido oral estará disponível no Sistema Único de Saúde (SUS), a partir de março de 2014. O resultado sai em até 30 minutos. A portaria que normatiza a medida foi publicada nesta quarta-feira (18) pela Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde. O novo diagnóstico será ofertado para a população em todas as campanhas do Fique Sabendo, nos serviços do SUS que atendem as populações vulneráveis e nas farmácias da rede pública, a partir do segundo semestre do próximo ano. Testes com essa metodologia, que possuírem registro na Anvisa, também poderão ser vendidos em farmácias da rede privada. Inicialmente, o teste com fluido oral será utilizado por 40 ONG parceiras do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, do Ministério da Saúde, que atuam em 21 estados e no Distrito Federal. Terão prioridade ao novo método, durante esta fase inicial - prevista para iniciar em março do próximo ano - as populações prioritárias que apresentam maior vulnerabilidade à infecção pelo HIV (homens que fazem sexo com homens, gays, profissionais do sexo, travestis, transexuais, pessoas que usam drogas, pessoas privadas de liberdade e em situação de rua). “Em um segundo momento, o diagnóstico estará disponível para todas as pessoas que quiserem realizá-lo, inclusive como autoexame. A sua grande vantagem é a segurança e a confiabilidade, além de não necessitar de infraestrutura laboratorial”, explica o ministro da Saúde Alexandre Padilha. Na apresentação disponível nas farmácias, os testes terão uma bula explicativa com informações detalhada do passo a passo para a sua realização; orientação para procurar serviço de saúde, se der positivo; e o número de telefone disponível para responder dúvidas.

“As pessoas que, eventualmente, não se sintam à vontade para ir a um centro de saúde ou num laboratório, poderão fazer o teste com privacidade, em sua própria casa, no horário e da forma que quiserem”, ressaltou o ministro. O kit para a realização do teste está sendo produzido pelo laboratório Bio-Manguinhos/Fiocruz e contém uma haste coletora descartável (swab) - de uso único - para obtenção de fluido oral; um frasco com solução, no qual é colocada a haste coletora após a obtenção da amostra; um frasco com o tampão de corrida de reação; um suporte plástico de teste, em que é ocorrerá a reação e a revelação do resultado. Como pré-requisto para fazer o diagnóstico oral, é necessário que, nos 30 minutos antes, a pessoa evite ingerir alimento ou bebida, fume ou inale qualquer substância, escove os dentes e use antisséptico bucal. Também se deve retirar o batom e evitar realizar atividade oral que deixe resíduo. O fluido do teste oral é extraído da gengiva e o começo da mucosa da bochecha com o auxílio da haste coletora. O resultado sai em até 30 minutos. Quando surge uma linha vermelha, significa que não é reagente. Caso apareçam duas linhas vermelhas, indica que naquela amostra há anticorpos anti-HIV, ou seja, o teste é positivo. MANUAL A portaria também aprova o novo Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV em Adultos e Crianças. O documento complementa os procedimentos para a realização de testes de HIV no país. “A portaria atualiza a forma técnica de diagnóstico do HIV para adequarmos aos avanços alcançados nesse campo nos últimos anos. O objetivo é tornar mais fácil a sua interpretação pelos profissionais de saúde”, explica o secretário de Vigilância em Saúde,

Jarbas Barbosa. Segundo o secretário, a principal meta é possibilitar a ampliação da testagem e do acesso mais rápido e eficiente a todos que buscam o diagnóstico. “Isso permitirá aos profissionais e serviços, escolhas adequadas à sua realidade local, de modo a viabilizar o acesso de todos os indivíduos que desejam conhecer seu estado sorológico”, observa Jarbas Barbosa. Outra novidade do Manual é a possibilidade de confirmação do diagnóstico rápido de HIV, com um segundo teste, também rápido, que permite a redução do tempo de entrega do resultado ao paciente. Atualmente, a confirmação do diagnóstico de HIV é feita por meio de testes Elisa e Western Blot. “Anteriormente, quando a pessoa realizava o exame em laboratório, e o Elisa dava positivo, era feito um teste complementar do tipo Western Blot. Com o avanço tecnológico, esse exame ficou ultrapassado. Por essa razão, na nova portaria - quando o teste inicial feito no laboratório der positivo - o teste complementar recomendado a partir de agora é o teste molecular”, explica o diretor do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, Fábio Mesquita.


12

| Quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 |

Diretores eleitos são nomeados pela Secretaria Obras da Municipal de Educação Copel afetam

Vereadores do município entregam cheque simbólico ao prefeito Luizão e à vice-prefeita Marli Paulino

Câmara Municipal de Pinhais devolve recursos à Prefeitura O montante é oriundo de economias realizadas na instituição durante todo o ano Na tarde desta quarta-feira (18), o prefeito Luizão Goulart e a vice-prefeita Marli Paulino receberam das mãos dos vereadores de Pinhais, um cheque simbólico representando a devolução de recursos não utilizados pela Câmara Municipal. O presidente da instituição, vereador Gilberto Hartkopf, explica que a Câmara tem um orçamento mensal para ser utilizado na compra de equipamentos, materiais de expediente e para realizar pagamentos; os recursos excedentes são repassados à Prefeitura. “Mesmo com o aumento de cadeiras na câmara, que este ano passou de

11 para 17, conseguimos reduzir gastos. Contamos com o apoio dos colegas vereadores que me ajudaram a gerir esse dinheiro e cooperaram na redução de custos nos gabinetes”, comenta. Para a destinação destes recursos, a Câmara Municipal indica investimentos, por parte da prefeitura, em projetos que garantam maior acessibilidade e mobilidade urbana como calçadas, ciclovias, ciclofaixas e também para investimentos em paisagismo tornando o visual da cidade ainda mais agradável. De acordo com o prefeito Luizão a iniciativa do legislativo municipal demonstra a pre-

ocupação que os vereadores têm com o bom investimento do dinheiro público. “Este relacionamento do Poder Executivo com o Legislativo é importante para que possamos colocar em prática projetos que atendam a população satisfatoriamente”, conclui. Na entrega simbólica dos recursos estiveram presentes os vereadores do município: Ari Valdir, Seu Oswaldo da Igreja, Airton Ferreira, Cecília Padovan da Saúde, Professora Rosa Maria, Marcia Ferreira, Gilberto Hartkopf, Silvio Star, Passarinho, Leonildo Gordo, Jane Carteira, Marcinho e Joãozinho Ribeiro.

Na noite desta terça-feira (17), o auditório da Secretaria Municipal de Educação recebeu a cerimônia de posse dos recém-eleitos diretores das escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) de Pinhais. Os profissionais nomeados estarão à frente das unidades de ensino durante os anos de 2014 e 2015. O prefeito de Pinhais Luizão Goulart, comentou a experiência que teve como diretor e salientou a dificuldade a ser enfrentada pelos novos gestores. “O bom diretor não é aquele que diz sim para tudo, mas aquele que é justo. Já fui diretor e sei que esta não é uma tarefa fácil, é um grande desafio, por isso desejo todo o sucesso a vocês nesta nova etapa”. A vice-prefeita, Marli Paulino, comentou a grande responsabilidade que a figura do diretor possui no espaço escolar e o quanto este cargo exige comprometimento e cuidado com inúmeros detalhes. “Nesta gestão, costumamos dizer que fazemos o que é de nossa alçada e não satisfeitos procuramos fazer além. Vocês terão que ter este empenho e ter uma visão ampla de tudo que engloba o ambiente escolar.” A secretária municipal de Educação, Andreia Franceschini, parabenizou a conquista dos novos diretores e colocou a SEMED à disposição deles oferecendo todo o apoio nesta nova fase. “Estamos inteiramente disponíveis para ajudá-los a vencer este grande desafio que é dirigir uma unidade de ensino. Sabemos que o caminho a ser percorrido não é fácil, porém devemos idealizar onde queremos chegar para obter bons resultados e quem sabe até conquistas inesperadas.” Os novos gestores assinaram juntamente com o prefeito Luizão, os termos de posse e foram muito acarinhados pela plateia composta por familiares, amigos e colegas. Os profissionais, que estão deixando a direção das unidades de ensino, também foram homenageados e receberam placas comemorativas como forma de agradecimento pelos serviços prestados. A eleição dos novos diretores foi realizada por meio de voto direto, tendo ampla participação da comunidade escolar formada pelos professores, pais e responsáveis pelos alunos. Este foi o terceiro processo democrático de escolha de diretores da rede municipal de ensino de Pinhais. Ao todo foram 22 novos diretores eleitos para a gestão das Escolas Municipais e 17 para a direção dos Centros Municipais de Educação Infantil. A educadora Silviane da Silva Amaral continuará como diretora indicada no CMEI Jaqueline Batista de Paula; no CMEI Jane Ana a educadora Andressa Montilla assumirá como diretora indicada pela SEMED. Em 2014 a população de Pinhais contará com mais uma unidade de ensino, o CMEI Enedina Alves Marques. Localizado no bairro Estância o Centro Municipal de Educação Infantil terá como diretora Angela Yujie Fukuda também indicada pela SEMED.

fornecimento de energia em Pinhais nesta quinta-feira Segundo a Copel, a interrupção ocorrerá entre as 8h e as 15h, na Estrada da Graciosa e nas ruas Batista Ramos e Helio Barroso Por conta da necessidade de reparos emergenciais na rede elétrica de Pinhais, os moradores de quatro vias ficarão sem energia, nesta quinta-feira (19). Segundo a Copel, a interrupção será verificada, entre as 8h e as 15h, na Estrada da Graciosa e nas ruas Batista Ramos e Helio Barroso. Em nota, a empresa informa que a programação pode sofrer atrasos ou até ser cancelada em caso de imprevistos, como variações nas condições do tempo, por exemplo. Em sendo mantida a interrupção, ela pode ser abreviada logo que o serviço seja concluído pelas equipes técnicas. LEGENDA FALTA LUZ: Interrupção no fornecimento de energia acontece nesta quinta-feira( 19) das 8h às 15h.

RETROSPECTIVA

Pinhais registra ampliação nos serviços ofertados à população Diversos equipamentos públicos foram inaugurados em 2013. E quem ganha é o cidadão pinhainse Chegamos ao fim de mais um ano. E como manda a tradição, essa é época de relembrar os grandes feitos, fazendo uma retrospectiva do que foi vivido ao longo de 12 meses. Em Pinhais, quem reside ou trabalha aqui pôde constatar os grandes investimentos, empregados nas mais diversas áreas da administração municipal. Aplicações que se traduzem em ampliação de serviços ofertados ao cidadão pinhaiense. Neste contexto, contemplações para os setores da saúde, assistência social, educação. O prefeito, Luizão Goulart, faz questão de destacar essa evolução. “Se olharmos para trás, voltando alguns anos, podemos verificar um salto nos números e modalidades de serviços disponibilizados. De 2009 para cá, foi registrado um crescimento expressivo na quantidade de servidores públicos municipais”, ressaltou o prefeito. Vale lembrar que em 2009 eram 1.909, agora, o último levantamento registra um total de 2.670 colaboradores. E quem ganha é a população. No que diz respeito à área educacional, por exemplo, desde 2010, todas as unidades de ensino da rede municipal passaram a contar com pedagogos em seu quadro funcional. Mais qualidade na educação, este é o principal ganho. E o exercício da atividade está presente não somente na Secretaria de Educação. Atualmente, na administração pública municipal são 86 pedagogos, 5 pedagogos em Educação Especial e mais 5 pedagogos em Assistência Social. Outro importante serviço implantado, em 2009, pela gestão do prefeito Luizão Goulart, foi a Assistência Judiciária Gratuita de Pinhais, a qual já soma aproximadamente 10 mil atendimentos, entre conciliações e processos judiciais. O foco são aquelas pessoas que não teriam condições financeiras para arcar com os custos, geralmente altos, dos tramites judiciais. Além disso, o órgão oferece, a todos os munícipes, o atendimento consultivo destinado a orientações jurídicas gerais. Com vistas a complementar o trabalho da Assistência Judiciária, recentemente, o município passou a contar com a atuação da Defensoria Pública. O serviço veio para ampliar o acesso da população ao atendimento jurídico. Inaugurações E já que o clima é de retrospectiva, relembremos as ocasiões em que a fita de inaugurações foi descerrada, nos últimos 12 meses: Centro da Juventude Apesar de ter sido inaugurado ao findar do ano de 2012, o local celebrou 12 meses de funcionamento, recentemente. No registro de atendimentos os números são positivos. Durante este período foram 619 pessoas beneficiadas, divididas em 28 diferentes cursos. O Centro da Juventude de Pinhais é um espaço onde são disponibilizados cursos profissionalizantes gratuitos nas mais diversas áreas, que se traduzem em oportunidade para centenas de jovens.

Bosque Municipal Bordignon Mais uma opção para passeios, práticas de exercícios, desfrutados à companhia de familiares e amigos. E tudo isso aliado ao contato com a natureza, em pleno meio urbano. Com a inauguração do Bosque Municipal Bordignon, no mês de março, a população pinhaiense passou a ter acesso a mais um belo ponto turístico. UPA Três vezes maior que o antigo espaço, a nova Unidade de Pronto Atendimento, inaugurada em março, foi projetada para suprir a demanda intermediária entre as Unidades Básicas de Saúde e as portas de urgência hospitalares. Ao todo, foram investidos na obra cerca de R$ 2,6 milhões - recursos repassados pelo Ministério da Saúde com a contrapartida do município. Posto Integrado dos Bombeiros Inaugurada em setembro, a nova estrutura concilia, num mesmo local, o trabalho dos Bombeiros Comunitários da cidade e do Corpo de Bombeiros do Paraná. O prédio está localizado na região central do município, e faz parte de uma série de ações em prol da melhoria na segurança pública local. São 21 ambientes, distribuídos em quase 400 metros quadrados de área útil, fruto da parceria entre Município e Estado. Referência em Direitos Humanos Após ser selecionado entre 187 projetos e ficar entre os seis contemplados pelo Governo Federal, Pinhais passou a ser a primeira cidade do estado do Paraná a receber um Centro de Referência em Direitos Humanos (CRDH). O espaço começou a funcionar no dia 29 de outubro, e destina-se a orientação, apoio e formação. Uma “Casa de Direitos”, que visa contribuir para o fortalecimento e exercício pleno da cidadania, por meio de ações voltadas para a promoção, defesa e efetivação dos direitos humanos. Centro de Controle de Agravos Também neste ano, a partir de novembro, Pinhais passou a contar com mais um equipamento público na área da saúde. Trata-se do novo Centro de Controle de Agravos. O espaço é referência no atendimento de doenças infecto parasitárias e de interesse epidemiológico para o município, como a tuberculose, hanseníase, hepatites virais, HIV, entre outras. A obra custou cerca de R$ 900 mil reais, recursos vindos em sua maioria do Governo Federal, além da contrapartida municipal. Armazém da Família Desde o mês de novembro, a comunidade de baixa renda, residente em Pinhais, tem à disposição um mercado popular. O Armazém funciona ao lado da sede da Guarda Municipal, em frente ao terminal de ônibus da cidade. No local, estão à disposição aproximadamente 300 itens entre gêneros alimentícios, produtos de higiene e limpeza, a preços até 30% menores em relação ao dos mercados convencionais.


Metropole