Page 1

w w w. m e t r o p o l e j o r n a l . c o m . b r

Ano 12 | Nº 2902 | 7 de dezembro de 2011

PH Carvalho/PR

» A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, reuniu-se ontem (06) com o governador do Paraná, Beto Richa, para tratar de assuntos relativos ao estado e parcerias paranaenses com o governo federal. Entre os temas tratados, recuperação do litoral, ampliação do aeroporto Afonso Pena (Curitiba) e obras rodoviárias e ferroviárias já incluídas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Segundo a ministra, o governo federal está aberto a parcerias para projetos de infraestrutura e melhorias no Estado, mas necessita do envio de projetos pelo Paraná, assim como ocorre com outros estados.

Ministra Gleisi e o governador Richa durante reunião na Casa Civil da Presidência da República

Fecomércio anuncia sede do Senac e Sesc em SJP

» A desaceleração da economia no terceiro trimestre é passageira e no quarto trimestre a situação será outra, disse o ministro da Fazenda, Guido Mantega, ao comentar o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) anunciado ontem (6) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo os dados, a economia não apresentou crescimento no terceiro trimestre deste ano, em relação ao trimestre anterior. O ministro destacou que as medidas anunciadas na semana passada, como os estímulos ao consumo, indicam que o governo voltou a reativar a economia. Página 7

Mulher espancada pelo marido não resiste e morre » A dona de casa Luiza de Fátima Straub de Araújo, 37 anos, morreu no Hospital Angelina Caron, onde estava internada desde a noite do último sábado (3), quando foi violentamente espancada pelo marido Luiz Geraldo Siben, 42. Página 11

Funasa realiza encontro para discutir ensino na saúde Página 6

Divulgação

Curitiba avança na erradicação da pobreza, diz FGV

Darci Piana compareceu a Câmara acompanhado do prefeito Ivan Rodrigues

Foragido da Colônia Penal Agrícola é recapturado Página 11

» A Câmara Municipal recebeu, na sessão de

» O economista Marcelo Neri, da Fundação Getúlio Vargas, adiantou ontem (6) que Curitiba está bem a frente de outras cidades do seu porte, incluindo as capitais, e preparada para erradicar a miséria e a pobreza. "Curitiba reduziu a pobreza em mais de 60% no período de seis anos. A cidade fez mais de 25 anos em cinco", disse Neri em referência ao cumprimento, em curto prazo, da primeira meta do milênio da ONU que prega a redução da pobreza à metade no período de 1990 a 2015. Página 9

ontem (06), o prefeito Ivan Rodrigues e o presidente da Federação do Comércio do Paraná, Darci Piana. Eles apresentaram aos vereadores o projeto que pretende implantar uma sede do Senac e Sesc em São José dos Pinhais. Após explanar acerca dos trabalhos realizados pelo Sesc e Senac no Paraná, Darci Piana falou a respeito do projeto de construção das unidades. A proposta é edificar as sedes em terreno da prefeitura, localizado onde atualmente encontra-se o clube Aliança.

Prefeitura revitaliza terminal do bairro Afonso Pena Página 6

Colombo inaugura Centro de educação Infantil Jardim Palmares » Mais de 100 crianças de Colombo passarão a ser atendidas no inaugurado Centro Municipal de Educação Infantil Jardim Palmares. Além da comunidade, pais e familiares dos alunos que farão parte da nova Unidade, e várias autoridades acompanharam o prefeito J. Camargo na solenidade e no descerramento da

placa inaugural. "Serão mais de 100 crianças atendidas, e podem ter certeza, que serão muito bem cuidadas, pois todos sabemos do comprometimento e amor com que nossos profissionais da educação tratam nossos filhos, os filhos de Colombo", disse o prefeito. Página 4

Mais de 33% dos alunos do cursinho Pré-vestibular de Pinhais foram aprovados na UFPR » No dia 29 de novembro foi divulgado o resultado da primeira fase do processo seletivo da UFPR para 2012, no qual foram aprovados 29 alunos do cursinho pré vestibular "Mais" de Pinhais. O número de aprovados corresponde a mais de 33% dos 87 alunos que concluíram o curso este ano.

Lembrando que em 2010, foram sete aprovações na primeira fase. "Esta é uma grande vitória para o município e para os jovens, por ser um curso totalmente gratuito e com qualidade como de um curso particular", comemorou a secretária de Educação Rosa Maria de Jesus Colombo. Página 8

Página 3

Manifestantes protestam contra Código Florestal

Fábio Rodrigues Pozzebom ABr

» O Atlético Paranaense estreou com derrota no Campeonato Brasileiro Sub-20, disputado na cidade de Alvorada (RS). Com um jogador a menos durante boa parte do segundo tempo, o Furacão, do técnico Sandro Forner, foi valente, lutou, mas acabou sendo derrotado por 2 a 1 pelo Palmeiras, no estádio Morada dos Quero-queros. O resultado deixou o time atleticano na terceira posição do Grupo 1. O Fluminense, que bateu o Ceará por 3 a 1, também nesta terça-feira (6), lidera o grupo com três pontos ganhos, seguido pelo Palmeiras. O grupo ainda conta com a presença do América-MG, que folgou na 1ª rodada. Página 14

Diário de Circulação Nacional

Página 3

Mantega: desaceleração da economia é passageira

Juniores do Atlético estreiam com derrota no Sub-20

Presidente: Ary Leonel da Cruz

Gleisi recebe Beto Richa para tratar de parcerias do governo federal com o PR

Richa pede aprovação de novos tribunais federais » O governador Beto Richa reuniu-se ontem (06), em Brasília, com o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, para pedir a inclusão na pauta de votações do legislativo da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 544\02. A matéria, já aprovada no Senado Federal, cria quatro novos Tribunais Regionais Federais, sendo um deles em Curitiba. O governador paranaense liderou um grupo de políticos e representantes de entidades da sociedade civil paranaense no encontro com Maia. Página 3

Quarta-feira

Um grupo de manifestantes contrários às alterações no Código Florestal foram impedidos pela polícia de entrar no plenário do Senado

» Um grupo de manifestantes contrários às alterações no Código Florestal foram impedidos pela polícia de entrar no plenário para assistir à votação prevista no Senado. Com perucas, balões e nariz de palhaço, os ativistas decidiram fechar a via de acesso à chapelaria do Congresso Nacional depois que a polícia autorizou a entrada de manifestantes da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), a favor do novo Código.


2

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Editorial

A economia de gangorra Nestes tempos de crise, as economias mundiais descem pela rampa da recessão. Em alguns casos, até o fundo do poço. A Europa e seu bloco conservador, com destaque para Grécia e Itália, são bons exemplos. Entre os países emergentes a situação é mais calma ou menos fatídica. O Brasil é a estrela nesse contexto de resistência. Isto não significa que o país não sofra os efeitos da crise. Por enquanto, são setoriais. Forma-se, assim, o que se pode chamar de uma economia de gangorra. Influenciada pela redução da taxa básica de juro, as expectativas dos empresários em relação à economia brasileira dão pequenos sinais de otimismo para os próximos meses. Depois de dez meses de queda, dados preliminares sinalizam que o Índice de Confiança da Indústria (ICI) medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV) ficará estável em novembro. De acordo com análises, o índice deve ficar em 100,7 pontos, o menor desde agosto de 2009 (100,2) e 3,2 pontos abaixo da média histórica (103,9) da série, que começou em 2003. Já o Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci), que permite avaliar a situação dos estoques, ficou em 83,3%, um pouco menor que o de outubro (83,5%). Segundo a FGV, o resultado do ICI reflete estabilidade dos indicadores. O Índice da Situação Atual, que mede a proporção de empresas que avaliam o cenário econômico de forma positiva, caiu 1,8% (para 100,2 pontos), enquanto o Índice de Expectativa, que avalia a percepção para a produção nos três meses seguintes, aumentou para 101,2 depois de marcar 100 pontos por duas vezes. De acordo com o economista da FGV Aloísio Campelo, organizador da pesquisa, do ponto de vista da indústria, 2011 foi marcado pela competição com produtos importados, pelo cenário econômico internacional conturbado, pelo aumento da inflação e pelas altas taxas de juros. No entanto, o economista atribuiu o aumento da melhor avaliação dos empresários no IE à redução da taxa básica de juros (Selic) pelo Banco Central, em agosto. Segundo ele, como todo cenário econômico se manteve estável nos últimos trimestres, o corte nos juros foi o único fator que pode ter influenciado a percepção dos empresários que, embora de forma "tímida", sinaliza para uma reação do setor industrial. "Nessa virada de ano, a notícia que mais pode estar afetando [a avaliação do empresariado] é a taxa de juros. Com isso, os empresários provavelmente têm uma expectativa de melhora dos indicadores de crédito, de inadimplência e podem ter alguma recuperação por esse lado", avaliou o economista. A expectativa de uma situação melhor com a queda da Selic também foi captada pelo Índice de Confiança do Consumidor (ICC). Segundo a responsável pela sondagem, Viviane Bittencourt, o índice subiu 3,3% entre outubro e novembro, com aumento dos dois indicadores que compõem a taxa. Além do juro, a especialista cita a queda da inflação e as expectativas de contratações para o fim de ano. O sinal de alerta aparece em um setor de referência para o mercado e a economia em geral: a construção civil. Pelo terceiro mês consecutivo, a atividade da construção se manteve baixa. Segundo dados divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o índice de outubro ficou em 48,8 pontos, em uma escala de 0 a 100. Em setembro, os indicadores registraram em 48,6 pontos. Mesmo com o leve aumento, o número é considerado baixo para o segmento. O sobe e desce da gangorra vai perdurar por algum tempo. Só não se sabe até quando.

Política & Poder PETISTAS REAGEM Acusada pela liderança do governo na Assembléia Legislativa e pelo próprio governador Beto Richa (PSDB) de estimular a invasão do plenário anteontem para evitar que o projeto das Organizações Sociais fosse votado, a bancada do PT na Casa divulgou nota ontem a respeito daquela sessão e da votação do projeto 915/2011, que autoriza o governo do Estado a terceirizar serviços públicos às OSs: "1) Os deputados do PT atribuem as manifestações contrárias ao projeto, por estudantes, servidores e sindicalistas, exclusivamente à intransigência do governo Beto Richa (PSDB) por conta da recusa ao diálogo com a sociedade organizada sobre o tema; 2) A bancada considera que, ao promover ataques indiscriminados ao PT, a gestão Richa tenta transferir o verdadeiro foco do debate. É notório o posicionamento do governo, nestes 11 meses de mandato, de buscar ostensivamente transferir responsabilidades sempre quando deparado com críticas e exposição negativa de sua gestão; 3) Ao promover tais ataques, o governo tucano desqualifica todos os movimentos sociais que se levantaram contra a matéria, bem como a sociedade paranaense; 4) O ponto de maior inflexão a respeito do projeto, na ótica da bancada do PT, é a falta de diálogo por parte do governo. O posicionamento da bancada externa os interesses e anseios dos movimentos sociais, partidos políticos, imprensa e a sociedade organizada; (...)". APRESSADO Prossegue a nota: "5) A injustificável pressa em aprovar a matéria comprova e fortalece a tese da bancada. Foram apenas doze dias entre a chegada do texto à Assembléia e a aprovação da matéria. Um projeto que irá alterar profundamente o desenho da gestão pública estadual jamais poderia ter recebido tamanha falta de atenção e zelo; (...)". PERGUNTAS E mais: "6) O governo estadual não considera importante a opinião da sociedade organizada, por meio de audiências públicas, na elaboração do projeto? Por que o tema não foi amplamente debatido na Conferencia Estadual de Saúde, realizada em outubro? Quais os verdadeiros interesses por trás de tamanha intransigência e medidas antidemocráticas? OPINIÃO Os petistas encerram a nota: "7) A bancada do PT avalia que o dia foi histórico. Serão infrutíferas quaisquer tentativas do governo Beto Richa em desviar o real tema de debate. A sociedade paranaense já ofereceu seu veredito, e ele é frontalmente contrário ao projeto que implanta as Organizações Sociais no Paraná". DEMITIDA A primeira "vítima" da invasão do plenário da Assembleia foi uma funcionária da Casa, demitida

Correspondência para roselivalerio@gmail.com

porque participou da invasão ao plenário. Amanda Jaqueline Teixeira que era servidora da Comissão do Mercosul foi exonerada ontem. E o presidente, deputado Valdir Rossoni (PSDB), disse que as imagens da ocupação da Assembléia estão sendo analisadas e mais funcionários podem ser demitidos. “TARIFA DETRAN” A Assembléia Legislativa tem que prestar esclarecimento a Justiça paranaense sobre a aprovação do projeto de lei que aumenta as tarifas do DETRAN em até 271%. A oposição na Casa, sete petistas e um peemedebista, entrou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade argumentando que o aumento foi abusivo e ilegal por destinar o excedente da arrecadação do Detran para a segurança pública. PARA ESCLARECER No Tribunal de Justiça o desembargador Miguel Pessoa, é o relator do Adin e deu um prazo de cinco dias para o Poder Legislativo dar explicações sobre o projeto do Detran. Até ontem a notificação oficial ainda não havia chegado à Casa. TCE ALERTA Ontem o presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Fernando Guimarães, comunicou e alertou aos prefeitos, administradores, presidentes de Câmaras e vereadores que nunca telefonou ou fez contato, por qualquer meio, com os municípios do Paraná ou de qualquer outra localidade, pedindo contribuições de qualquer natureza e para qualquer causa. GOLPE DA RIFA Guimarães disse que foi avisado de que uma pessoa desconhecida estaria fazendo contato com os prefeitos, pedindo contribuição em dinheiro para tratamento de saúde de terceiro, por meio da compra de cotas de rifa cujo prêmio seria um carro, identificandose como presidente do Tribunal de Contas do Paraná. O AVISO Ele já tomou as medidas jurídicas cabíveis, "no resguardo de sua idoneidade e boa fé, e na busca da punição das pessoas envolvidas", informou. Aos prefeitos, o presidente do TCE alertou para que, quando ocorram fatos desta natureza, antes de qualquer atitude, façam contato imediatamente com a presidência do órgão denunciando e procurando evitar, assim, prejuízos pessoais ou ao município. FOI MAL... A mancada do deputado Professor Lemos, do PT, depois de toda aquela confusão no plenário na Assembléia anteontem foi inacreditável. Lemos acabou garantindo, depois das 21 h, quorum para o prosseguimento da sessão plenária que aprovou, em primeira discussão, o projeto das OSs. MUITO MAL Lemos insistiu que precisava defender a derrubada de um veto do governador Richa a um projeto de sua autoria, apesar de os outros petistas terem pedido para que não entrasse na sessão. A intenção era usar a manobra regimental que impede o quorum para votações. ORA, POIS A sessão ainda estava sendo realizada no plenarinho da Casa e muitos deputados não tinham chegado. No local eram 27 os

parlamentares presentes e o quorum necessário para votar o projeto, qualquer projeto, aliás, tem de ser 28 ao menos. Com a entrada de Lemos, ele deu quorum para a sessão votar o projeto das OSs. Aprovado em duas discussões, anteontem, como se sabe. Em tempo: o veto que o petista queria que fosse derrubado foi mantido. DÁ NADA Sobre o imbróglio de vetos que não foram apreciados no prazo legal e que por conta disso deviam trancar a pauta de votação da Assembléia, Rossoni reafirmou ontem não temer que as votações da Assembleia realizadas desde o final de setembro sejam anuladas pela Justiça, por conta do não cumprimento dessa norma Constitucional. COMO ASSIM? Rossoni aponta que em 2004, o então líder da oposição e hoje chefe da Casa Civil, Durval Amaral, entrou na Justiça para tentar anular votações do Legislativo por conta de vetos não votados, e o pedido foi rejeitado. O que foi estranho, já que é previsto na Constituição. Rossoni admitiu, porém, que os deputados ignoravam a exigência de prazo para votar vetos após sua devolução pelo Executivo. ASSUMIDO "Não foram votados antes porque não era praxe da Casa cumprir os prazos", reconheceu. Rossoni lembrou bem, aliás, que quando assumiu a presidência, mais de 200 vetos, alguns de até 20 anos atrás, estavam engavetados e ele colocou em votação para zerar tudo. A promessa é que doravante será cumprido o que manda a Constituição. RICHA PEDE TRF Na viagem a Brasília ontem o governador Richa aproveitou para se encontrar com o presidente da Câmara Federal e conversar sobre a votação da emenda 544, de 2002, que cria quatro novas sedes de Tribunais Regionais Federais em capitais, entre elas Curitiba. Richa foi pedir a aprovação urgente do TRF. Só o Paraná tem 500 mil processos tramitando na Justiça Federal, em Porto Alegre. POR ORA NÃO A respeito do avião que a Copel pretende comprar, ao custo de até R$ 16 milhões, a empresa suspendeu por tempo indeterminado o pregão presencial previsto inicialmente para ontem. O líder do governo na Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB), disse que a o pregão foi suspenso porque uma empresa interessada contestou os termos do edital. ANTECIPAÇÃO Traiano garantiu que a Copel não desistiu da compra, apenas vai aguardar. Já o deputado Tadeu Veneri (PT), a pedra no sapato do governo Richa, questionou o fato da Casa Militar do governo ter pedido autorização para firmar convênio com a Copel para a cessão da aeronave antes mesmo da compra ter sido efetivada. Veneri apresentou pedido de informações ontem e Traiano mandou a bancada governista rejeitar.

Dilma defende aprovação da segunda rodada do PProtocolo rotocolo de Quioto Brasília – Enquanto representantes de diversos países participam da 17ª Conferência das Partes na Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP-17), em Durban, na África do Sul, a presidente Dilma Rousseff defendeu ontem (6) a aprovação do segundo período de vigência do Protocolo de Quioto. “Estamos realizando a 17ª Conferência do Clima e gostaríamos de que lá fosse aprovada a segunda rodada do Protocolo de Quioto. Essa é a posição do Brasil e nós considerávamos que isso seria essencial”, disse Dilma, em discurso durante a cerimônia de entrega do Prêmio Jovem Cientista, no Palácio do Planalto. O Protocolo de Quioto foi o primeiro acordo global para reduzir as emissões de gases de efeito estufa no mundo. O primeiro período de compromisso, estabelecido pelos países, vai de 2008 a 2012. A presidente disse também que esperar uma decisão “adequada” da conferência sobre a questão do clima. “Em Copenhague [sede da Conferência do Clima em 2009] tomamos a iniciativa de reduzir as emissões de gases de efeito estufa no horizonte de 2020 para 36% a 39%. Estamos vendo uma situação um tanto problemática nessa área, do ponto de vista das decisões tomadas em Durban. Esperamos que isso não aconteça e que, de fato, Durban tenha uma decisão mais adequada sobre a questão do clima.” Estabelecer compromissos para o segundo período de cumprimento do Protocolo de Quioto será uma das prioridades da Conferência das Partes de Durban, na África do Sul (COP 17), em novembro. Essa foi uma das conclusões dos ministros do Brasil, da África do Sul, Índia e China (Basic), que se reuniram recentemente em Brumadinho (MG) para debater assuntos ligados às mudanças climáticas. O encontro definiu as articulações para o evento na África do Sul e para a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), em junho de 2012, no Rio de Janeiro. Os ministros pediram que os países que assinaram o Protocolo de Quioto trabalhem de maneira construtiva para assegurar que não haja lacuna entre o primeiro e o segundo períodos de cumprimento. O protocolo foi assinado em 1997, em Quioto, no Japão, e o segundo período de cumprimento, a partir de 2012, deverá prever novas metas de redução de emissões dos países desenvolvidos. Na declaração conjunta apresentada depois do encontro em Brumadinho, os ministros enfatizaram que o evento de Durban deve progredir em todos os aspectos das negociações e que um acordo sobre o segundo período de cumprimento do Protocolo de Quioto é a prioridade central. “Eventual fracasso nesse sentido poderia gerar um desafio ao multilateralismo e solaparia a resposta multilateral à mudança do clima baseada em regras no âmbito da UNFCCC [Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima]”, diz o documento.

Richa acusa bancada do PT por tumultos na Assembléia Para ele, protestos e invasão do plenário foram orquestrados pelos petistas; as OSs foram aprovadas sob aparato policial Roseli Valério, de Curitiba De Brasília, onde se encontrava ontem para participar entre outras coisas de uma homenagem ao pai, o falecido José Richa, o governador Beto Richa (PSDB) responsabilizou a bancada do PT na Assembleia Legislativa pelos protestos contra o projeto que autoriza seu governo a contratar Organizações Sociais (OSs) para assumirem a gestão de serviços públicos no Estado, e que resultou na invasão do plenário da Casa anteontem. “Vejo com muita preocupação a selvageria patrocinada pelo PT na Assembleia”, declarou. O governador foi direto ao comentar as manifestações e a ocupação do plenário. “Foi patrocinado por eles, convocado por eles, mantido por eles, alimentado literalmente por eles”, disse, referindo-se aos deputados petistas. “O que eles querem é antecipar o processo político”, afirmou Richa, fazendo referência à disputa pela prefeitura de Curitiba em

2012. A votação do projeto das OSs em dois turnos, iniciada depois das 21 horas de anteontem, entrou pela madrugada de ontem. Os deputados precisavam votar também dois vetos para liberar a pauta. Qualificar Organizações Sociais para terceirizar serviços públicos do Estado já está garantido para o governo com aprovação do projeto ontem em terceira discussão. A sede do Poder Legislativo amanheceu com policiamento ostensivo e controle total de quem entrava. A decisão foi tomada pelo Gabinete Militar da Assembléia. O coronel Arildo Dias, que chefia o gabinete, baixou a determinação e também quis manter o controle de pessoas nas galerias durante a sessão de ontem à tarde. Cada deputado recebeu cinco senhas para distribuir entre interessados em acompanhar as votações no plenário. Quem fosse identificado como invasor das galerias na segunda-feira 5, não po-

deria entrar na Assembleia, mesmo portando senha. O deputado Tadeu Veneri (PT), criticou as senhas e disse que não distribuiria nenhuma porque a Casa não é um presídio e nem os manifestantes marginais. Criticou também a presença de dezenas de policiais militares fora e dentro do prédio, inclusive do serviço P2 da PM. As galerias estiveram vazias ontem. “Baderna” A ocupação do plenário para interromper a sessão e tentar evitar a votação do projeto das OSs por sindicalistas e estudantes teve o propósito de impedir que o Estado terceirize serviços públicos e abra caminho, na avaliação dos manifestantes e da bancada petista, para privatizações em várias áreas. Em relação às declarações do governador, a bancada do PT divulgou nota contestando e atribuindo as manifestações contrárias ao projeto na Assembléia, “exclusivamente à intransigência do governo Beto Richa por conta

da recusa ao diálogo com a sociedade organizada sobre o tema”, diz parte da nota. “A bancada considera que, ao promover ataques indiscriminados ao PT, a gestão Richa tenta transferir o verdadeiro foco do debate”, acusam. O deputado Ademar Traiano (PSDB), líder do governo na Assembléia, lamentou o que classificou de baderna. “Tentamos, mais de uma vez, negociar com os manifestantes uma alternativa. Sugerimos até a votação do projeto nesta terça-feira (6) e o recebimento de uma comissão deles por membros do governo, mas os baderneiros estavam irredutíveis”, reconhecendo que alguns poucos se mostraram favoráveis à proposta. Outros deputados que criticaram na sessão de ontem a invasão e alguns com indiretas aos colegas petistas, foram deputados Pedro Lupion (DEM), Ney Leprevost (PSD), Élio Rusch (DEM), Plauto Miró (DEM), Nereu Moura (PMDB) e Reinhold Stephanes Jr (PMDB).


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

3

Gleisi recebe Beto Richa para tratar de parcerias do governo federal com o Paraná Entre os temas tratados, recuperação do litoral, ampliação do aeroporto Afonso Pena (Curitiba) e obras rodoviárias e ferroviárias já incluídas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) O governador Beto Richa entregou ontem (06) uma série de pedidos à ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, durante encontro realizado no Palácio do Planalto, em Brasília. Segundo Richa, o Paraná quer fortalecer a parceria com o governo federal para a realização de novas obras e programas. A criação do Tribunal Regional Federal em Curitiba também foi objeto da conversa. Entre as demandas apresentadas estão o projeto de engordamento da praia de Matinhos. No final de novembro, o Estado abriu processo para a contratação do projeto básico de recuperação da orla do município, que sofre com a erosão. Segundo a ministra, é possível recuperar uma rubrica orçamentária de cerca de R$ 8 milhões para o andamento do processo e incluir o restante da verba necessária - que pode variar entre R$ 40 milhões e R$ 60 milhões - para a obra no PAC 2. Outro tema foi a construção do contorno ferroviário de Curitiba. Nesta questão, Richa e Gleisi acertaram que

apressar a execução dos estudos de viabilidade da extensão da Ferroeste até Maracaju, no Mato Grosso do Sul. A ministra informou ao governador que o projeto está atrasado, mas que no início do ano o relatório final deverá ser concluído e apresentado pela Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., empresa estatal responsável pelas obras em ferrovias. PARCERIAS Segundo a ministra, o governo federal está aberto a parcerias para projetos de infraestrutura e melhorias no Estado, mas necessita do envio de projetos pelo Paraná, assim como ocorre com outros estados. "Temos restos a pagar do Ministério da Integração Nacional para engorda da praia de Matinhos, mas o dinheiro só pode ser liberado quando houver o projeto básico", disse Gleisi. "O governo ficou de enviar", completou. Na reunião, o governador paranaense também foi informado que todas as obras incluídas no PAC estão dentro do cronograma, inclusive os estudos de viabilidade econômica e ambiental da Ferroeste. Quanto ao aeroporto, cabe ao estado desapropriar a área para a terceira pista que já esta autorizada, mas a ministra disse que o governo também estudará outra proposta apresentada pelo prefeito de São José dos Pinhais. Participaram também da reunião o secretário da Fazenda Luiz Carlos Hauly, o secretário de Indústria e Comércio Ricardo Barros, o chefe da representação do governo do Paraná em Brasília Alceni Guerra, o chefe de gabinete do governador Deonilson Roldo e a deputada federal Cida Borguethi (PP).

o Estado e a prefeitura da capital vão reapresentar o projeto para o governo federal. "A ministra se mostrou muito interessada no encaminhamento desta proposta", disse o governador após o encontro. Também foi discutida a construção da terceira pista do aeroporto Afonso Pena. Richa comunicou a Gleisi que assinou nesta semana um decreto que declara de utilidade pública três áreas no entorno no terminal. Ficou acertado que haverá um grupo de trabalho, formado pelo governo estadual, União e prefeitura de São José dos Pinhais, encarregado de agilizar a obra. "A primeira medida é fazer a regularização das áreas e a retirada dos moradores", disse o governador. Richa também defendeu uma emenda proposta pela bancada federal paranaense que assegura R$ 170 milhões do orçamento da União para obras de ampliação e reequipamento do Porto de Paranaguá. Ainda na área de infraestrutura, o governador pediu à ministra apoio para

SESC/SENAC O Senac - Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, tem como missão educar para o trabalho em atividades de comércio de bens, serviços e turismo.

Richa pede aprovação da PEC que institui novos tribunais federais O governador Beto Richa reuniu-se ontem (06), em Brasília, com o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, para pedir a inclusão na pauta de votações do legislativo da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 544\02. A matéria, já aprovada no Senado Federal, cria quatro novos Tribunais Regionais Federais, sendo um deles em Curitiba. O governador paranaense liderou um grupo de políticos e representantes de entidades da sociedade civil paranaense no encontro com Maia. Richa argumentou que a criação das novas côrtes é uma forma de agilizar a tramitação dos processos e também de reduzir custos. "Hoje, o Tribunal de Porto Alegre demora até cinco anos para julgar recursos", explicou. Para o gover nador, a proposta que cria os tribunais do Paraná, Amazo nas, Minas Gerais e Bahia é de interesse nacional. "Todos os tribunais existentes estão sobrecarregados de processos", afirmou

PH Carvalho/PR

Ministra Gleisi e o governador Richa durante reunião na Casa Civil da Presidência da República

Diários do interior entregam placa de agradecimento ao presidente da Caixa CNR/Brasília

Darci Piana pediu o apoio dos vereadores na implantação do Sesc/Senac para o município

Promove, há mais de 65 anos, o crescimento profissional e pessoal de milhões de brasileiros, através de uma vasta programação de cursos em diversas áreas de atuação. Está presente em todos os estados do Brasil e já prestou mais de 53 milhões de atendimentos. Já o Sesc - Serviço Social do Comércio - é uma instituição de caráter privado, sem fins lucrativos, mantida e administrada por empresários do comércio. A ação educativa, uma das características básicas do trabalho institucional, está presente direta ou indiretamente em todas as atividades desenvolvidas nas áreas de educação, saúde, cultura, lazer, esporte e ação social.

AENotícias

A Câmara Municipal recebeu, na sessão ordinária desta terça-feira (06), o prefeito Ivan Rodrigues e o presidente da Federação do Comércio do Paraná, Darci Piana. As autoridades apresentaram aos vereadores o projeto que pretende implantar, em São José dos Pinhais, uma sede do Senac e Sesc. Após explanar acerca dos trabalhos realizados pelo Sesc e Senac no Paraná, Darci Piana falou a respeito do projeto de construção das unidades. Segundo ele, a proposta é edificar as sedes em terreno da prefeitura, localizado onde atualmente encontra-se o clube Aliança. "Essa é uma discussão que não vem de hoje, é um processo que já estamos discutindo com a prefeitura há alguns meses. Peço o apoio dos vereadores para que analisem e aprovem este projeto, que vem em benefício a toda população do município". Para o prefeito Ivan Rodrigues a presença do Sesc/ Senac é fundamental para o desenvolvimento de qualquer cidade. "Sei que todos os vereadores têm consciência da seriedade do trabalho que o sistema "S" desenvolve, contribuindo em aspectos como formação profissional, assistência social, esporte e lazer, entre outros", afirmou. Os vereadores aprovaram a iniciativa e declararam apoiar o projeto. "Tenho certeza que irá trazer muitos benefícios para São José dos Pinhais, qualificando a mão de obra. Parabenizo a atitude e acredito que todos os vereadores votarão a favor do projeto", declarou Toninho da Anderson (PSD). A Câmara Municipal vêm solicitando, desde 2009, através de indicações, a construção de uma sede do Sesc/Senac em São José dos Pinhais. Já apresentaram pedidos, neste sentido, os vereadores Carlos Machado (PSDB), professor Walder Mulbak (PSD), Carlos de Castro (PSD) e Lúcia Stoco (PSD).

AENotícias

Presidente da Fecomércio anuncia sede do Senac e Sesc em São José dos Pinhais

A presidente da Associação dos Diários do Interior do Brasil (ADI-Brasil), Margareth Sedraz faz entrega da placa a Jorge Fontes Hereda, presidente da Caixa

Governador Beto Richa e lideranças do Paraná em reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Deputado Marco Maia

o governador do Paraná, que fez a mesma defesa da votação durante um encontro com o líder do governo na Câmara, deputado federal Cândido Vaccarezza. Em seguida, no encontro com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, no Palácio do Planalto o assunto voltou à pauta e Richa pediu que o governo federal também apoie a ideia. Para o deputado Marco Maia, o interesse do Paraná é legítimo. Ele destacou que é fundamental apresentar proposta ao colégio de líderes do legislativo federal para que

a PEC possa tramitar com celeridade e se dispôs a ajudar no processo. Maia também disse que o governo federal precisa estar seguro de que não haverá criação de despesas elevadas com a instituição das novas cortes. O encontro com Marco Maia foi acompanhado por diversos parlamentares paranaenses, pelo presidente da Associação Comercial do Paraná (ACP), Edson Ramon, e pelo vicepresidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Rommel Barion.

Os representantes dos Diários do Interior, que se reúnem em Brasília para o seu primeiro congresso, estiveram nesta terça-feira (6) em audiência com o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Jorge Fontes Hereda, para fazer a entrega de placa em reconhecimento ao trabalho realizado pela instituição por seu presidente em apoio ao fortalecimento da mídia regional. A entrega foi feita pela presidente da Associação dos Diários do Interior do Brasil (ADI-Brasil), Margareth Sedraz, que estava acompanhada pelo presidente da ADI-SC, Ámer Felix Ribeiro, pelo diretor executivo da ADI-Brasil, Adriano Kalil, e pelo diretor

regional Brasília da entidade, Alberto Moreira Rosa Neto. Também presentes à homenagem o assessor especial da presidência da CEF, Vânio dos Santos, o vicesuperintendente nacional de Marketing, Sérgio Serra, e o gerente nacional de Publicidade e Propaganda, Wolmar Vieira de Aguiar. A homenagem ocorreu poucas horas antes do início do I Congresso dos Diários do Interior do Brasil, que reúne em Brasília, nesta quarta-feira, mais de 200 diretores e editores de jornais do interior que circulam por pelo menos quatro vezes por semana. Estes jornais têm uma circulação de 4 milhões de exemplares, com 20 milhões de leitores.


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Fotos Elio Andrade/PMC

4

Após os pronunciamentos das autoridades todos realizaram o descerramento da placa inaugural

O local abrigava uma Escola e agora está com o Centro Municipal de Ensino Infantil Jardim Palmares

Prefeitura inaugura CMEI Jardim Palmares A antiga Escola do bairro foi adaptada para atender mais de 100 crianças no novo Centro Municipal de Ensino Infantil A tarde de segunda-feira (05) foi marcada no bairro Jardim Palmares em Colombo com a inauguração do CMEI com o mesmo nome. O local abrigava uma Escola Municipal e foi adaptado para receber mais de 100 crianças do Centro de Educação Infantil. Além da comunidade, pais e familiares dos alunos que farão parte da nova Unidade, e várias autoridades acompanharam o prefeito J. Camargo na solenidade e no descerramento da placa inaugural. “É uma grande alegria estarmos aqui nessa tarde para entregar um CMEI para vocês, profissionais que atuarão na região e famílias que estão aqui presentes. Serão mais de 100 crianças atendidas, e podem ter certeza, que serão muito bem cuidadas, pois todos sabemos do comprometimento e amor com que nossos profissionais da educa-

ção tratam nossos filhos, os filhos de Colombo”, disse o prefeito. O secretário da Educação, Cultura e Esporte, Alcione Giaretton, falou sobre a educação do município e os desafios dos profissionais. “Estive ontem aqui, e vi a diretora limpando com o maior carinho, como nós limpamos e arrumamos nossa própria casa e isso foi gratificante, a elogiei na oportunidade e enfatizo agora. Reforçando, senhores pais e familiares, podem ter confiança e certeza que seus filhos serão muito bem cuidados”, afirmou o secretário. A vice-prefeita também parabenizou os professores e diretores que estavam prestigiando a inauguração, frizando a demonstração de união com a classe. Representando a Câmara Municipal de Colombo, o

vereador Gilberto Agrolombo falou do ganho da região com o CMEI. A diretora da Escola, Marilete Kuhnen, agradeceu pelo novo desafio que foi confiado. Após os discursos, o Diácono Osmar Vieira fez uma benção no local. Também participaram da solenidade os vereadores, Binho do Aviário e Eurico Dino; as secretárias da Ação Social e Trabalho, Denise H. G. Camargo; da Saúde Ivonne Solano; do Meio Ambiente, Gilson Luis da Silva; do Planejamento, Gilmar Santini e demais diretores que compõe os departamentos da administração municipal, que no ato foram representados pela diretora de Educação, Adenir Belo Rodrigues; a coordenadora geral dos CMEI’s, Vânia Spichela; e demais servidores da Prefeitura.

Gilberto Agrolombo visita obra do CMEI no Guaraituba Construção recebe investimentos da ordem de mais de R$ 800 mil e atenderá 120 crianças O presidente da comissão de obras da Câmara Municipal Gilberto Agrolombo, juntamente com o engenheiro da Secretaria de Obras Eduardo e Christian Cavalheiro, visitou a construção já em fase em acabamento do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) construído na Rua Apucarana, no Jardim Guaraituba. Segundo o presidente da Comissão de Urbanismo, Transporte, Obras e Serviços Públicos, vereador Gilberto Agrolombo, a obra do CMEI com valor de R$ 844.388.34 está sendo realizada com recursos próprios do município, onde atenderá mais de 120 crianças moradoras do bairro e região. Ainda segundo informações do presidente da Comissão, a obra terá 608,33m², com entrega prevista para o mês de Março de 2012.

O engenheiro Eduardo em conversa com o presidente da Comissão, vereador Gilberto Agrolombo durante a visita

(esq.) Christian Cavalheiro, juntamente com o engenheiro Eduardo e o vereador Gilberto Agrolombo

(Esq.) Christian da secretaria de Obras, vereador Binho do Aviário, engenheiro Ueda, presidente Gilberto Agrolombo e o vereador Ângelo Betinardi

Vereadores visitam obras da Rua Astorga Mais de 30% dos serviços estão prontos e investimentos ultrapassam os R$ 6 milhões Os vereadores Gerson Augusto Baudy (Binho do Aviário) e Ângelo Betinardi, que compõe a Comissão de Urbanismo, Transporte, Obras e Serviços Públicos, visitaram a convite do presidente da Comissão, vereador Gilberto Agrolombo, a obra de canalização da Rua Astorga no Guaraituba. Além dos vereadores, o engenheiro Eduardo Ueda e Christian Cava-

lheiro, ambos da Secretaria de Obras, também acompanharam os vereadores. “Durante a visita, foi possível perceber a grandeza da obra, são duas galerias de 2,5 metros por 2,5m. A obra iniciada no rio Palmital já se encontra ultrapassando a Rua Cascavel, totalizando assim mais de 30% da obra. Um investimento de R$ 6.249.555.55”, contou o vereador Agrolombo.

Ainda segundo o presidente da Comissão, na visita os vereadores avaliaram que a obra está sendo realizada com sucesso, e constataram a satisfação dos moradores da referida rua, que em breve terá a canalização concluída. De acordo com o informado durante a visita, foram realizados cerca de 380 metros até o dia 28 de novembro, de um total de 1.018.


5

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Metró ole Variedades O fim supremo da educação é o discernimento especializado em todas as coisas o poder de diferenciar o bem e o mal, o genuíno do impostor, e de preferir o bem e o genuíno ao mal e ao impostor. ( Samuel Johnson )

Nublado com pancadas de chuvas a tarde

Máx.26º Mín. 14º

Dia 08: Mín. 14º e Máx. 26º Dia 09: Mín. 15º e Máx. 26º Dia 10: Mín. 15º e Máx. 24º

PROGRAMAÇÃO DE CINEMA - SHOPPING SÃO JOSÉ (ATÉ 18/12/2011)

Torta Bis

T O M E N O TA TRIO QUINTINA LANÇA DOCUMENTARIO NA CINEMATECA Cyrk, cujo significado é “circo” em polonês, é o segundo DVD do Trio Quintina, lançado em agosto desse ano. O documentário sobre a temporada de shows e produção que deu origem ao registro será exibido hoje, às 20h, na cinemateca de Curitiba. A apresentação que encantou crianças e adultos no ano passado, reuniu música e circo, com inserções teatrais e participação do performer circense Yamba Daher Canfield. O Trio Quintina é formado por Gabriel Schwartz (flauta, sax , bateria e voz), Gustavo Schwartz (guitarra, cavaco, pandeiro e voz) e fabiano Silveira (Violão de sete cordas e voz). A entrada para o documentário é gratuita.

Ingredientes 2 latas de leite condensado 1 lata de creme de leite 3 ovos 2 caixas de bis 150 gramas de cereja 150 gramas de chocolate meio amargo 2 colheres de amido de milho 2 colheres de açúcar 2 latas de leite, medidas na lata de leite condensado Para montar, uma fôrma de aro removível de 22cm Modo de Preparo Em uma panela funda coloque o leite condensado, o leite, 3 gemas peneiradas e o amido de milho. Mexa em fogo baixo até formar um creme consistente. Em outra panela derreta o chocolate em banho-maria e acrescente o creme de leite. Bata as claras em neve e junte o açúcar aos poucos. Adicione a mistura ao chocolate. Montagem Pique uma caixa de bis e forre o fundo da fôrma, coloque o creme branco por cima e as cerejas picadas por cima do creme branco. Depois, coloque outra caixa de bis e o creme de chocolate. Para decorar use as cerejas restantes, leve ao congelador por 2 horas e retire da fôrma.

Escovar os dentes duas vezes ao dia previne infarto

"O (?)", filme de Chaplin de 1921 Gênero musical de Moreira da Silva

Galanteador Enérgicos (fig.) Um dos ramos mais explorados do estilismo Sistema de propaganda por via postal Sufixo de Rocha, Impressão "rapazola": em produzida diminuição francês pelo olfato

Dourado, em francês "Queima’’ paredes Onde está? Preparar; organizar

Ave típica das colinas do Norte do Brasil Acessível

Doença caracterizada pela dificuldade de respirar

Pedro (?), jornalista brasileiro

Rui Barbosa: a Águia de Haia

(?) de Sá, terceiro governador-geral

Incapacidade do analfabeto

Sufixo de "joguete"

Colidir

Coluna de sustentação da rede elétrica

Massa de água salgada

M

Pedra-(?): é usada contra aftas

A

R

Riqueza do pecuarista

O filho mais velho de Isaac (Bíblia)

Solução

R B O C A N A M C A A L

BANCO

Deus grego, filho de Afrodite (Mit.)

Forma de avaliação do vestibular

Museu paulista Óvni (pop.)

Chefe de um grupo de missionários

2

Oswaldo Montenegro, compositor (?) Falabella, atriz de "A Dona da História"

O R L O A C

5) O cantor Marcelo Augusto interpretou a trilha sonora de qual dessas novelas? a) “Luz Clarita” b) “Privilégio de Amar c) “Gotinha de Amor” d) “Carrossel”

Paixão Nariz, em inglês

G A G U R N A A D O R R O S O S I R E T A T O M A D E B S E R R A B O D O S T E R R B A D O R U M E R B Q E S A U E S T R E

4) Como se chamava a personagem interpretada por Miriam Rios, na minissérie “Aquarela do Brasil”? a) Isa b) Ruth c) Isaura d) Zuleica

© Revistas COQUETEL 2007 Subdivisão Abrigos Padrão dos muros dos monetário mundial quartéis

P R O V A

3) A apresentadora Angélica tem uma grife. Qual é o produto desta marca? a) Eletrodomésticos b) Cosméticos c) Produtos de limpeza d) Roupa de cama

Propaganda proi(?) Diegues, bida no dia das Sobre, em cineasta inglês brasileiro eleições

D E O R L O A D R C D A I L S P O V R M T E E M

2) Quem fez par romântico com Selton Mello na minissérie “Os Maias”? a) Ana Paula Arósio b) Jussara Freire c) Maria Luiza Mendonça d) Simone Spoladore

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS www.coquetel.com.br

A S S C M A L E D R

1) Como se chamava a personagem vivida pela atriz Valentina Cuenca na novela “Viva às Crianças”, que foi exibida pelo SBT, no ano de 2003? a) Marisol b) Lupita c) Cidinha d) Maria

M O O D G A F E M D I N B I N P A

Durante o mês de dezembro, a exposição intitulada: 20 anos da queda do Muro, do fotógrafo Rodrigo Bellé, ficará a mostra nas Livrarias Curitiba do Shopping Estação. A mostra reúnem imagens feitas por uma câmera digital durante a viagem de Bellé da Dinamarca até a Croácia, passando pela Alemanha, Hungria, Áustria, Eslovênia, República Tcheca e Eslováquia. As imagens foram feitas inicialmente coloridas e depois convertidas para preto e branco. Para o profissional a exposição é uma tentativa de mostrar um pouco do leste europeu 20 anos após a queda do Muro de Berlin.

2/on. 3/roc. 4/doré — nose — esaú. 6/garoto. 12/moda feminina.

20 ANOS DA QUEDA DO MURO DE BERLIN É TEMA DE EXPOSIÇÃO

Um novo estudo da University College, de Londres, concluiu quem não escova os dentes duas vezes por dia, tem mais chances de desenvolver doenças cardíacas. Nos últimos vinte anos tem havido um interesse crescente nas ligações entre problemas cardíacos e doenças gengivais. Embora tenha sido demonstrado que a inflamação no corpo (incluindo a boca e gengivas) desempenha um importante papel na obstrução de artérias, este é o primeiro estudo a investigar se o número de vezes de escovar os dentes tem qualquer influência sobre o risco de desenvolver doenças. Os autores analisaram dados de mais de 11 mil adultos na Escócia. A equipe de pesquisa analisou as informações sobre estilo de vida, como o tabagismo, atividade física e as rotinas de saúde oral. Os indivíduos foram questionados sobre a frequência de visita ao dentista (pelo menos uma vez a cada seis meses, a cada 1-2 anos, raramente ou nunca) e quantas vezes escovar os dentes (duas vezes por dia, uma vez por dia ou menos de uma vez por dia). Foram também coletadas informações sobre o histórico médico e familiar de doença cardíaca, pressão arterial e amostras de sangue de adultos. As amostras permitiram aos pesquisadores determinar os níveis de inflamação que estavam presentes no organismo. Os dados coletados das entrevistas foram ligados a internações e óbitos. Os resultados demonstram que os comportamentos de saúde bucal foram em geral bons, com seis em cada dez (62%) dos participantes dizendo visitar o dentista a cada seis meses e 71% que escovam os dentes duas vezes por dia. Depois que os dados foram ajustados para fatores de risco, como classe social, obesidade, tabagismo e histórico familiar de doenças cardíacas, os pesquisadores descobriram que os participantes que relataram menor frequência de escovação tiveram um risco 70% maior de doença cardíaca, quando comparados com indivíduos que escovam os dentes duas vezes por dia. “Nossos resultados confirmaram e reforçaram a associação entre higiene bucal e do risco de doença cardiovascular - além disso, marcadores inflamatórios foram significativamente associados com uma medida muito simples de comportamento de saúde bucal”, explica o líder do estudo, o professor Richard Watt. Ele acrescenta que “futuros estudos experimentais serão necessários para confirmar se a associação observada entre o comportamento de saúde oral e doenças cardiovasculares é de fato uma causa ou apenas um marcador de risco”, explica.

(RESPOSTAS: 1-D/2-C/3-B/4-D/5-B)


6

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Prefeitura revitaliza terminal do bairro Afonso Pena e age contra vandalismo Local atende diariamente cerca de 20 mil usuários do transporte coletivo e é de grande importância para o município e região Foto Sérgio Sabino/PMSJP

O passageiro Ricardo Furlan é usuário do terminal e aprova os trabalhos de revitalização

A Prefeitura de São José dos Pinhais está revitalizando o terminal de ônibus urbano do Afonso Pena, que deve receber uma estrutura funcional semelhante à do terminal central. Para isso, a secretaria de Administração e Recursos Humanos criou a função de administrador de terminais, ocupada pelo servidor Elói Krama. Com formação em gestão pública, Elói presta atendimento específico desde fevereiro aos dois terminais.

O terminal central conta com manutenção permanente de limpeza e conservação, fiscalização intensiva e equipamentos de segurança. Todos esses cuidados serão reforçados no Afonso Pena, que deverá receber ainda um toque de beleza, por meio de um trabalho de arte urbana que será realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura. O terminal Afonso Pena é de grande importância para o sistema de transporte coletivo do município e da re-

gião, por ser ponto de chegada e partida dos ônibus intermetropolitanos (linhas que levam aos municípios da Região Metropolitana) e interperimetrais (linhas que levam aos bairros de SJP), que fazem o transporte de passageiros para os bairros mais distantes e demais municípios da Região Metropolitana de Curitiba. Marlene Bueno é servidora pública da Educação e usuária rotineira do transporte coletivo. Ela utiliza a linha Apolo, que sai do ter-

Funasa realiza encontro para discutir educação em saúde

Foto Ademar Marques/Jornal Metrópole

A chefe da educação em saúde ambiental da Funasa, Mirian Pereira e representantes das cidades do interior

Ademar Marques Um encontro para discutir o saneamento ambiental e educação em saúde está acontecendo em Curitiba, onde representantes de municípios com menos de 50 mil habitantes participam de palestras e discussões sobre a importância da preservação ambiental e qualidade da água para o consumo humano. O evento é realizado por técnicos da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), no Paraná, e começou na manhã de ontem (6), no auditório do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), em Curitiba. Segundo a chefe do Serviço de Saúde Ambiental (Suest-PR), Roseane Batista Cunha, a meta é sensibilizar técnicos municipais para a elaboração e execução da proposta de educação em saúde ambiental nos pequenos municípios. "Estamos reunindo esses representantes e explicando a importância do projeto, para que sejam elaborados

e executados em suas cidades", explica Roseane. Segundo ela, a proposta da Funasa é sensibilizar, através desta mobilização social, os municípios com menos de 50 mil habitantes com a elaboração dos projetos de saúde ambiental, com a compreensão da importância do envolvimento da população neste processo e desenvolvê-lo como multiplicadores, buscando melhores resultados dos indicadores sociais, ambientais, econômicos, culturais e epidemiológicos. O evento, que começou nesta terça-feira (6), continua amanhã (8) e sexta-feira (9). A oficina de sensibilização contou com representantes dos municípios de Almirante do Paraná, Bom Jesus do Sul, Cafelândia, Corbélia, Enéas Marques, Flor da Serra do Sul, Francisco Beltrão, Mercedes, Palotina, Perobal e Salto do Lontra. De acordo com a chefe do Serviço de Saúde Ambiental, a Funasa repassa uma verba de

até R$ 100 mil para a elaboração do projeto. "Depois disso, ao projeto deve ser executado, tanto na zona rural como urbana, e com órgãos fiscalizadores da qualidade da água que será consumida pela população", diz. A Funasa fomenta o desenvolvimento de ações de educação em saúde ambiental visando a inclusão social, promoção e proteção da saúde, por meio do apoio aos gestores técnicos de diversos níveis de gestão do Sistema único de Saúde (SUS). "Para isso, a Fundação Nacional se baseia, entre outros princípios, no diálogo, reflexão, respeito à cultura, compartilhamento de saberes, ação participativa, planejamento, controle social, sustentabilidade sócioambiental e, principalmente, na mobilização social como uma forma de apoio à saúde ambiental e saneamento básico", enfatiza o superintendente da Funasa no Paraná, Raul Henrique Ribas Macedo.

minal Afonso Pena e disse já ter percebido as melhorias no terminal. "Agora não tem mais goteiras. Eles trocaram o telhado. As estruturas metálicas e o muro de palitos receberam pintura nova, os banheiros estão sem pichação e tem sempre as zeladoras cuidando da limpeza", destaca Marlene. Para Ricardo Furlan, que é fiscal de uma loja nas imediações do Afonso Pena e também utiliza diariamente os ônibus das linhas Fênix e Iná, agora o terminal é mais agradável e seguro. "A gente sabe que os próprios usuários estragam muito o terminal. Quebram e picham tudo. Vamos ver se agora essa melhoria que está começando vai durar, para que todos se sintam bem", considera Furlan. O secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Marlo Leandro Ferrari, tem opinião semelhante e acredita que enquanto não houver a conscientização e colaboração de todos os usuários, entendendo o patrimônio como deles próprios, o objetivo de funcionalidade e conservação ficam comprometidos. O secretário lembra que os investimentos aumentaram em sete vezes no Afonso Pena e dez vezes no novo terminal central. "Nós, gestores públicos, temos o compromisso de atender às demandas da população e estamos fazendo. Mas para que os resultados sejam satisfatórios e eficazes, é fundamental que aquele que perceber qualquer vandalismo ou mau uso das dependências dos terminais ligue para o 153 e avise a Guarda Municipal", solicita o secretário. ESTRUTURA DO TRANSPORTE COLETIVO A grande extensão territorial e o fato de ser um importante pólo automotivo e industrial fazem com que o transporte coletivo do município tenha um grande fluxo de pessoas que dependem diariamente desse serviço, tanto para o deslocamento dentro do município como para Curitiba e municípios vizinhos. Conforme dados da administração dos terminais de transporte coletivo de São José dos Pinhais, 45 mil pessoas utilizam diariamente os terminais. Só os usuários da linha Barreirinha-São José somam cerca de 15 mil por dia. Estima-se que outras 10 mil pessoas circulem internamente no município, passando pelo terminal central. E outras cerca de 20 mil transitam pelo terminal Afonso Pena. São 69 linhas de ônibus, operacionalizadas por duas empresas (Sanjotur e Viação São José), que cumprem contrato com a prefeitura. A Sanjotur opera com 25 linhas - onze no transporte urbano e 14 na área rural. Já a Viação São José atende com 21 linhas no terminal Afonso Pena e 17 no terminal central, além de seis linhas específicas para o transporte escolar.

Promovendo parcerias para o crescimento empresarial

Começou distribuição de cupons da Campanha Natal Premiado Aciap

Televisores, bicicletas e um carro 0 KM vão aumentar as vendas das empresas associadas

A Associação Comercial de São José dos Pinhais realiza mais um grande sucesso promocional para as vendas de verão. Além de prêmios, como tv's e bicicletas, a associação, em parceria com o comércio e prestação de serviço, sorteará um carro 0 KM, como parte da Campanha Natal Premiado Aciap, que acontece até 24 dezembro. Para o cliente das empresas participantes basta preencher os cupons e concorrer aos prêmios. O comerciante, além de fazer parte desta ação que vai aumentar as vendas, recebe um kit com vários materiais, sendo urna, camiseta, bandeirolas, display, cupons, cartazes e flyers. A campanha de divulgação, incluindo a marca dos patrocinadores, começou a ser veiculada em outdoors, rádios, programas de TV e carro de som. A organização é da Diretoria de Assuntos do Comércio com apoio da Câmara Setorial do Comércio da Aciap, e Prefeitura de São José dos Pinhais. Iniciativa válida apenas para as empresas associadas participantes.

FALECIMENTOS  Maria Helena da Silva Valente, 61 anos. Sepultamento hoje, às 10 horas, no Cemitério Parque Senhor do Bonfim.  Luiz Gustavo Vargas, seis anos. Sepultamento hoje, em horário indefinido, no Cemitério Memorial da Vida.  Wanderley Irineu da Silva, 23 anos. Sepultamento hoje, às 09 horas, no Cemitério Padre Pedro Fuss.  Dionísio Montanhini, 65 anos. Sepultamento hoje, às 10 horas, no Cemitério Padre Pedro Fuss. Serviço Funerário Municipal - São José dos Pinhais Rua Ângelo Zem, 55 Centro - Fone : 3382 1271


7

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

TR, POUPANÇA E TBF TR MENSAL % set out 0,10 0,06

Mantega diz que desaceleração da economia no terceiro trimestre é passageira O ministro destacou que as medidas anunciadas na semana passada, como os estímulos ao consumo, indicam que o governo voltou a reativar a economia A desaceleração da economia no terceiro trimestre é passageira e no quarto trimestre a situação será outra, disse o ministro da Fazenda, Guido Mantega, ao comentar o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) anunciado ontem (6) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo os dados, a economia não apresentou crescimento no terceiro trimestre deste ano, em relação ao trimestre anterior. "A economia no quarto trimestre já estará acelerando porque uma parte das medidas que tomamos [para equilibrar a economia doméstica em um cenário de crise internacional] já está sendo revertida. Estamos reativando a economia. Principalmente, as medidas monetárias. As taxas de juros caíram pelo terceiro mês consecutivo e reduzimos o Imposto sobre Operações Financeiras [IOF] para o crédito", disse. O ministro destacou que as medidas anunciadas na semana passada, como os estímulos ao consumo, indicam que o governo voltou a reativar a economia depois de ter provocado a redução do crescimento. Para ele, a economia chegou a um patamar desejável e com a

POUPANÇA MENSAL % set out nov 0,60 0,56 0,56 ÍNDICES DIÁRIOS 6/11 a 6/12 7/11 a 7/12 8/11 a 8/12 9/11 a 9/12 10/11 a 10/12 11/11 a 11/12 12/11 a 12/12 13/11 a 13/12 14/11 a 14/12 15/11 a 15/12 16/11 a 16/12 17/11 a 17/12 18/11 a 18/12 19/11 a 19/12 20/11 a 20/12 21/11 a 21/12 22/11 a 22/12 23/11 a 23/12 24/11 a 24/12 25/11 a 25/12 26/11 a 26/12 27/11 a 27/12 28/11 a 28/12 29/11 a 29/12 30/11 a 30/12 1/12 a 31/12 1/12 a 1/1 2/12 a 2/1

dez 0,09

ano 1,21

12 m 1,21

dez 0,59

ano 7,45

12 m 7,45

0,0623 0,0933 0,0919 0,0945 0,0876 0,0524 0,0256 0,0564 0,0815 0,0855 0,1001 0,1015 0,0747 0,0431 0,0731 0,1016 0,0961 0,1080 0,0928 0,0751 0,0528 0,0835 0,1128 0,1046 0,0902 0,0937 0,0937 0,0601

0,8228 0,8740 0,8726 0,8752 0,8583 0,8128 0,7758 0,8168 0,8621 0,8562 0,8909 0,8923 0,8453 0,8034 0,8437 0,8824 0,8768 0,8989 0,8635 0,8457 0,8132 0,8541 0,9037 0,8754 0,8609 0,8544 0,8544 0,8106

CONSTRUÇÃO em % set out CUB/PR 0,44 0,33 CUB (Out / 2011): R$ 993,75

nov 0,34

0,5626 0,5938 0,5924 0,5950 0,5880 0,5527 0,5257 0,5567 0,5819 0,5859 0,6006 0,6020 0,5751 0,5433 0,5735 0,6021 0,5966 0,6085 0,5933 0,5755 0,5531 0,5839 0,6134 0,5942 0,5604 ano 8,39

12 m 8,45

FAJ-TR / TR-FATOR

O ministro Mantega assegurou que a economia voltará a crescer

inflação sob controle. Mantega destacou ainda que a desaceleração da economia ocorrida no terceiro trimestre se deve à crise internacional, que trouxe prejuízos principalmente ao setor industrial, e ao conjunto de medidas adotadas pelo governo brasileiro a partir do ano passado para enfrentar as turbulências econômicas. Segundo ele, com os proble-

mas externos, a indústria nacional foi obrigada a disputar de forma mais acirrada os mercados concorrentes. Já o governo precisou adotar medidas para equilibrar a economia, que vinha crescendo acima da expectativa. Por isso, houve a redução do consumo, com o encarecimento do crédito e uma certa demora na redução nas taxas de juros, destacou Mantega. Além dessas medidas, o governo fez

um ajuste nos gastos públicos com cortes de R$ 50 bilhões no Orçamento. O ministro lembrou que essas medidas só têm reflexos meses depois de adotadas. "Principalmente, as taxas de juros, que tiveram reflexos no terceiro trimestre. Mas houve uma combinação de fatores. Quero ressaltar que a desaceleração não afetou o emprego e a massa salarial", acrescentou.

Captação da poupança nos 11 meses do ano é 67% menor do que a do ano passado Os depósitos em caderneta de poupança superaram as retiradas em R$ 30,657 milhões, em novembro, segundo os dados divulgados ontem (6) pelo Banco Central (BC). No mesmo mês do ano passado, a captação líquida foi de R$ 4,016 bilhões. Se forem considerados somente os resultados positivos,

nov 0,06

ou seja, os meses em que houve captação líquida, esse foi o menor resultado desde abril de 1997 (R$ 22,210 milhões). Para meses de novembro, ao serem observados os períodos em que houve tanto captação líquida positiva quanto retiradas líquidas (mais saques que depósitos), o resultado do mês passado foi o pior desde 2002.

Copel aciona linha que conecta sistema de Itaipu ao da Região Sul A Copel colocou em operação a nova linha de transmissão em 525 mil volts que conecta o sistema de transmissão da Usina de Itaipu diretamente ao sistema elétrico da região Sul, evitando que a cota da produção da binacional tenha de ir primeiro até o Sudeste. O empreendimento, com quase 116 quilômetros de extensão, recebeu investimentos próximos de R$ 100 milhões. A linha liga as subestações Foz do Iguaçu - pertencente à empresa Furnas Centrais Elétricas - e Cascavel Oeste, pertencente à Copel. "Essa obra é de grande importância para o suprimento elétrico dos três estados do Sul. Ela também cria alternativa para o transporte da energia de Itaipu no caso de emergências que possam restringir a operação do sistema de transmissão e, ao mesmo tempo, ajuda a escoar a geração excedente da usina nos períodos em que a hidrologia for favorável", explica Lindolfo Zimmer, presidente da Copel. A concessão para a construção e operação do empreendimento, que integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal, foi conquistada pela Copel em leilão público realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 8 de maio de 2009. Pela implantação e operação da nova linha, a Copel terá receita anual de R$ 8,45 milhões pelo prazo de 30 anos. ESTRUTURA A nova linha - em funcionamento desde domingo - opera em circuito simples, tem 115,7 quilômetros de extensão e é sustentada por 303 estruturas metálicas. Seu traçado percorre áreas dos municípios paranaenses de Foz do Iguaçu, Santa Terezinha do Itaipu, São Miguel do Iguaçu, Medianeira, Matelândia, Céu Azul, Santa Tereza do Oeste e Cascavel. Para este empreendimento, a Copel desenvolveu soluções inovadoras em torres de sustentação estaiadas e autoportantes, projetadas para suportar ventos de até 180 quilômetros por hora. A altura das estruturas varia entre 19,5 e 54 metros e o vão médio entre elas é de 425 metros. Essa nova série de torres tem como características principais a segurança e a economia, reduzindo significativamente o volume de aço empregado na estrutura. Isso reforça o poder de competição da Copel nos leilões de novas linhas de transmissão, sem prejuízos à confiabilidade operacional ou à robustez dos elementos aplicados.

Em novembro daquele ano, houve retirada líquida de R$ 227,075 milhões. Nos dados deste ano, além dos meses com resultado positivo, foram registradas também retiradas líquidas, ou seja, mais saques que depósitos, nos meses de maio (R$ 1,302 bilhão), abril (R$ 1,762 bilhão) e fevereiro (R$ 745,273 milhões). Com isso, de janeiro a novembro, a captação líquida ficou em R$ 10,566 bilhões, resultado 67,3% menor do que o total registrado em igual período de 2010 (R$ 32,323 bilhões). No mês passado, os depósitos ficaram em R$ 107,969 bilhões e as retiradas chegaram a R$ 107,938 bilhões. Os rendimentos creditados foram de R$ 2,260 bilhões e o saldo ficou em R$ 414,168 bilhões.

O relatório do BC se baseia em dados do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) - que destina 65% dos recursos para financiamento imobiliário - e da poupança rural. No caso do SBPE, houve retirada líquida de R$ 21,992 milhões, com depósitos de R$ 90,211 bilhões e saques de R$ 90,233 bilhões. Já a poupança rural apresentou captação líquida positiva de R$ 52,649 milhões, com depósitos de R$ 17,758 bilhões e saques de R$ 17,706 bilhões. Os valores depositados em poupança são remunerados pela taxa referencial (TR), acrescida de juros de 0,5% ao mês. O dinheiro depositado por menos de um mês não recebe remuneração.

6/12 7/12 8/12

2,74820010 2,74841890 2,74862562

0,01231275 0,01231373 0,01231466

SELIC Nov/10 0,81% Jun/11 Dez/10 0,93% Jul/11 Jan/11 0,86% Ago/11 Fev/11 0,84% Set/11 Mar/11 0,92% Out/11 Abr/11 0,84% Nov/11 Mai/11 0,99% Dez/11 * No mês corrente o valor da Selic é sempre 1,00%

0,96% 0,97% 1,07% 0,94% 0,86% 0,86% *1,00%

IR DEZEMBRO * IR 2011: A oitava parcela do IR 2011 venceu em 30/11. Para pagamento desta parcela há juros Selic de 7,67% ** Para pagar atrasado um tributo cujo vencimento foi no mesmo mês,será cobrada a Selic do mês corrente (1,00%). Para atrasos que extrapolem omês em curso, será cobrada taxa equivalente à soma da Selic dos meses ematraso, mais multa.

PREVIDÊNCIA Competência: NOVEMBRO Vencimento empresas 20/12 e pessoas físicas 15/12. A partir disso há multas de 4% a 100% e juros (Selic) EMPRESÁRIO/EMPREGADOR Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 545,00 (R$ 59,95) e R$ 3.691,74 (406,09), através de GPS. AUTÔNOMO 1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 510,00 (R$ 56,10) a R$ 3.467,40 (R$ 381,41) . 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% até o máx. de R$ 3.467,40 (R$ 381,41) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre o que recebe de jurídicas, até R$ 3.467,40 (R$ 381,41). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.467,40 FACULTATIVO Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 510,00 (R$ 102,00) e R$ 3.467,40 (R$ 693,48), através de carnê. ASSALARIADOS Salário Contribuição (R$) Até 1.107,52 De 1.107,53 até 1.845,87 De 1.845,88 até 3.691,74

Alíquota 8,00% 9,00% 11,00%

EMPREGADOS DOMÉSTICOS Empregado Empregador Total

Alíquota % 8 a 11 12 20 a 23

R$ mín 43,60 65,40 109,00

SALÁRIO FAMÍLIA – DEZEMBRO Salário de até R$ 573,58 Salário de R$ 573,59 a 862,11 OUTROS ÍNDICES ago BTN + TR 1,557268 TJLP 6,00 Sal. Mínimo 545,00 FGTS 0,3698 UPC 22,09

set 1,560500 6,00 545,00 0,4547 22,09

IR – TABELA DE NOVEMBRO Desconto na fonte e carnê-leão Base (R$) Alíquota Até 1.566,61 isento 1.566,62 a 2.347,85 7,50% 2.347,86 a 3.130,51 15,00% 3.130,52 a 3.911,63 22,50% 3.911,63 em diante 27,50%

R$ máx 406,09 443,01 849,10

R$ 29,43 R$ 20,74

out 1,562065 6,00 545,00 0,3471 22,19

nov 1,563033 6,00 545,00 22,19

Dedução – R$ 117,49 R$ 293,58 R$ 528,37 R$ 723,95

Deduções: a) Assalariados: 1) - R$ 157,47 por dependente; 2) - pensão alimentícia; 3) - contribuição à Prev. Social; 4) - R$ 1.566,61 por aposentado a partir de 65 anos; 5) - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carnê Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.


8

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Mais de 33% dos alunos do cursinho Pré-vestibular foram aprovados na UFPR

O número de aprovados na UFPR corresponde a mais de 33% dos 87 alunos que concluíram o curso este ano

No dia 29 de novembro foi divulgado o resultado da primeira fase do processo seletivo da UFPR para 2012, no qual foram aprovados 29 alunos do cursinho pré vestibular “Mais” de Pinhais. O número de aprovados corresponde a mais de 33% dos 87 alunos que concluíram o curso este ano. Lembrando que em 2010, foram sete aprovações na primeira fase. “Esta é uma grande vitória para o município e para os jovens, por ser um curso totalmente gratuito e com qualidade como de um curso particular ”, comemorou a secretária de Educação Rosa Maria de Jesus Colombo. O cursinho Pré-Vestibular Mais foi implantado em

2009 com o objetivo de incentivar, ajudar, e proporcionar uma oportunidade para os jovens do município ingressar no ensino superior. Com professores especializados e material didático de primeira, os jovens aprendem com qualidade e sem custo algum. A Prefeitura dá essa oportunidade, e os jovens vêm mostrando o quanto é importante investir na educação e no futuro da população. Agora, para os alunos aprovados, o próximo desafio é enfrentar a 2ª fase que acontecerá nos dias 11 e 12 de dezembro. Além da Federal, outros alunos do cursinho Mais obtiveram êxito em vestibulares de outras faculdades.

Poetas Mirins são premiados Aconteceu na última sexta (2), no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann, a cerimônia de encerramento do Projeto Poeta Mirim. Idealizado pela Secretaria Municipal de Educação, a ação trabalhou a poesia em sala de aula, com o intuito de desenvolver a criatividade, o hábito da leitura, a compreensão e interpretação dos alunos de toda a rede municipal de ensino. Durante o evento foram apresentados e premiados os melhores poemas que melhor representaram a proposta do projeto. “O objetivo de trabalhar a poesia em sala de aula, não é transformar os educandos em grandes escritores de poemas, mas sim transformá-los em leitores aptos a interpretar e compreender o que o poeta quis transmitir em meio aos versos”, destacou a Secretária de Educação, Rosa Maria. Após a premiação os alunos ainda participaram de uma oficina na Biblioteca Municipal, com a temática, “Brincando de Poemas” com as professoras Elaine Costa e Elaine Terezinha da Escola Municipal 31 de Março. O encerramento do evento ocorreu com a palestra do professor, escritor e artista plástico, Almir Correa, autor do livro “Poemas Malandrinhos” que recebeu o prêmio APCA por sua valiosa colaboração para a poesia infantil.

O encerramento do evento ocorreu com a palestra do professor, escritor e artista plástico, Almir Correa

Funcionários de colégios conhecem o Meio Ambiente

Durante o passeio os alunos foram orientados sobre os serviços disponibilizados, e as atribuições do Departamento Municipal de Meio Ambiente

Alunos do curso Profuncionário, do Colégio Estadual Arnaldo Faivro Busato, tiveram uma aula diferente na última quinta feira (1). Os 28 estudantes do programa, que visa a formação de funcionários que trabalham em colégios, conheceram durante toda a manhã e parte da tarde, o trabalho do Departamento de Meio Ambiente, da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável de Pinhais. Acompanhados por técnicos do departamento, os alunos conheceram a estrutura e alguns dos serviços executados no município. Eles foram até as margens dos rios Atuba e Palmital onde é feita a recomposição da mata ciliar dos rios, e ainda visitaram o Horto Municipal, a

Associação dos Recicladores de Pinhais – AREPI e o Bosque Municipal. Durante o trajeto os estudantes foram orientados sobre os serviços disponibilizados para população, e as atribuições do Departamento Municipal de Meio Ambiente. “A atividade faz parte do módulo de pesquisa prática e externa do curso. É importante para os alunos conhecerem o trabalho da Prefeitura, e também para eles transmitirem o que viram aqui em suas unidades de ensino”, explicou a professora do curso, Patrícia Baungalt. De acordo com o Diretor do Meio Ambiente de Pinhais, Chicão Somavilla, é importante que as pessoas conheçam

as atribuições da administração pública, e o trabalho desenvolvido na área do meio ambiente. “Foi uma oportunidade que surgiu com este grupo de alunos, e nós colocamos os nossos servidores a disposição para explicar de forma técnica o funcionamento do departamento de meio ambiente. Com certeza essas pessoas vão multiplicar estes conhecimentos em seus colégios”, finalizou. Também participaram da atividade, a gerente de Conservação Ambiental e Gestão de Resíduos, Amanda Schemin, o gerente Operacional, Antonio de Oliveira, e o Engenheiro Florestal, Fidelis Berneck Filho.


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

9

Curitiba avança na erradicação da pobreza, diz Fundação Getúlio Vargas Prefeito Luciano Ducci afirma que a cidade cumprirá ainda mais o desafio de reduzir a desigualdade social

Cesar Brustolin/SMCS

Luciano Ducci na apresentação dos indicadores sociais da cidade, feita pela Fundação Getúlio Vargas

O economista Marcelo Neri, da Fundação Getúlio Vargas, adiantou nesta terça-feira, 6, que Curitiba está bem a frente de outras cidades do seu porte, incluindo as capitais, e preparada para erradicar a miséria e a pobreza. “Curitiba reduziu a pobreza em mais de 60% no período de seis anos. A cidade fez mais de 25 anos em cinco”, disse Neri em referência ao cumprimento, em curto prazo, da primeira meta do milênio da ONU que prega a redução da pobreza à metade no período de 1990 a 2015. Neri é chefe do Centro de Políticas Sociais da FGV e apresenta em Curitiba a série de diagnósticos sobre os indicadores sociais da capital do Paraná na última década. Os números apontam, segundo Neri, que de 2003 a 2009 a cidade tirou da miséria 107 mil pessoas. Isso representou 65,33% na redução da pobreza em Curitiba contra (45,5% no Brasil) no mesmo período.

Com base nos índices alcançados por Curitiba, o prefeito Luciano Ducci disse que a cidade cumprirá o desafio de reduzir ainda mais a desigualdade social e que tem na educação um dos principais alicerces das mudanças almejadas. “Ficamos estimulados com metas desafiadoras e vamos continuar avançando com propostas inovadoras. Queremos colocar Curitiba num patamar ainda melhor. Para isso temos o desafio de reduzir nos próximos cinco anos o índice de pobreza pela metade em nossa cidade, tendo como prioridade a educação”, disse Ducci. A presidente da Fundação de Ação Social (FAS), Marry Ducci, considera que os bons resultados alcançados no trabalho de emancipação da população em situação de pobreza se devem à integração de ações pela efetividade da rede social. “A gestão intersetorial focada nas políticas públicas é determinante para a erradi-

cação da pobreza. Os resultados deste processo são maiores com o envolvimento de todos os órgãos da Prefeitura e também da indispensável participação de parceiros da sociedade organizada no trabalho pela inclusão de quem mais precisa”, disse Marry. ERRADICAÇÃO A taxa de pobreza em Curitiba é de 3,64% (67,3 mil pessoas) e segue em queda. O índice é mais que quatro vezes inferior à taxa nacional de pobreza (15,32%). São consideradas em situação de pobreza as famílias com renda de até R$ 151 por pessoa. Para aliviar totalmente a pobreza em Curitiba seriam necessários R$ 2,96 em média, por pessoa/mês (contra R$ 5,38 em 2003). “É comum em lugares ricos você ter bolsões de miséria, com pessoas dissociadas de qualquer relação produtiva. O custo para a erradicação da miséria, enquanto suficiên-

cia de renda, em Curitiba é perto de R$ 3 por curitibano, um valor que chegou a quase R$ 6, em 2003”, observou Neri. A média necessária, em nível nacional, alcança o valor de R$ 10 habitante/mês. Neri considera que o resultado de Curitiba se dá pela combinação de crescimento com redução da desigualdade. “A cidade está na metade do caminho a um custo relativamente barato. Curitiba está fazendo o dever de casa, conseguiu reduzir bem a miséria, acima do índice nacional. Vocês têm aqui ações na área da educação, saúde e assistência social bastante estruturada.” QUEDA O indicador que permite mensurar a diferença de renda entre mais ricos e mais pobres é o Índice de Gini. O diagnóstico da FGV mostra que, de 2003 a 2009, houve queda substantiva na desigualdade em Curitiba. Foi a maior na história brasileira desde 1960. O acumulado nesse período foi de 10,7% na capital paranaense, em tempo igual ao que a queda do Gini no Brasil foi de 4,45%. No comparativo de Curitiba, com as equivalentes Porto Alegre e Belo Horizonte, é possível ver que nossa cidade realmente avançou. Em 2004, as três capitais tinham índices de desigualdade parecidos: 0,507 Curitiba e 0,5763 para Porto Alegre e Belo Horizonte. As capitais mineira e gaúcha apresentaram queda de 4,17% até 2009 contra 11,8% de Curitiba no mesmo período. Curitiba também supera Belo Horizonte e Porto Alegre na função bem-estar social. Tal função é uma equação proposta por Amartya

Cento e cinquenta crianças participantes de programas sociais em instituições beneficiadas pela Fundação de Ação Social (FAS) farão, nesta quarta-feira (7), a primeira viagem de trem pela Serra do Mar até a cidade de Morretes, no litoral. A ação faz parte da programação do Natal Encantado, promovido pelo IPCC e empresas parceiras, que irá atender cerca de 80 mil crianças com brinquedos novos até o dia 25 de dezembro. O passeio de trem até a cidade turística no litoral foi doado pela empresa Serra Verde Express, que administra o trecho da viagem. Em Morretes, as crianças ganharão um almoço completo oferecido pelos proprietários do restaurante Madalosso. Além disso, as crianças vão participar de atividades culturais (cinema e teatro) e ganharão presentes do Papai Noel. Outras 150 crianças participarão da mesma via-

Paulo Zottino/ FAS

Crianças ganham passeio de trem e presentes de Natal

Crianças participantes de programas sociais fazem a primeira viagem de trem até Morretes, no litoral

gem no dia 15 de dezembro. “Este passeio se tornou uma das ações mais aguardadas por nossas crianças e também representa um dos eventos mais bem sucedidos para fazer a alegria de centenas de crianças em datas

comemorativas”, explica a presidente do IPCC, Helena Pereira Oliveira. Da viagem desta quartafeira (7) participarão crianças atendidas pela Associação Núcleo de Apoio às Pessoas com Câncer (NACEP); Nú-

cleo de Apoio Educativo à Criança Exército da Salvação; Centro de Educação Infantil Miriam; Alvorecer Ação Social e Educacional; Unidade Polo Joana D´Arc e Centro de Transformação Social Vida Nova.

Sen, economista indiano, Prêmio Nobel de Economia de 1998. É uma equação na qual se multiplica a renda média pela medida de equidade dada pelo número 1 menos o índice de Gini = Média x (1-Gini). O prefeito Luciano Ducci disse que o trabalho da Fundação Getúlio Vargas mostra que as políticas públicas de assistência social na cidade estão no caminho correto.

ARTIGO

“Temos ao longo dos últimos anos várias ações importantes realizadas pela Fundação de Ação Social, também na área da educação, com o melhor Ideb do País e na habitação retirando pessoas de áreas de risco, entre outras. São ações que estão representadas nos números do diagnóstico social de Curitiba. Dados importantes que nos desafiam a avançar ainda mais”. Wilson Czerski www.adepr.org.br

A doença de Lula Sempre causa comoção quando uma pessoa famosa ou importante é declarada portadora de doença grave como um câncer. Os casos mais recentes foram os atores Reynaldo Gianechini e Marcos Paulo. Sobre o ex-presidente, Reinaldo Azevedo, articulista da revista Veja, teve nela uma chamada para um artigo em seu blog em que afirma que "O câncer não é instrumento de vingança política, não é uma lição de vida, não é um livro didático. Ele só ensina que você deve vencê-lo. Nada mais!" A seguir assegura: "Lula não está doente porque quer, não está doente porque merece, não está doente para ter uma lição de vida. Estará hoje nas minhas orações. Doenças não tornam a gente nem melhor nem pior. Elas só nos ensinam que é preciso vencê-las. O resto é mistificação de tolos que acreditam na didática ou na pedagogia do tumor". E ele diz isso, do alto da cátedra de quem passou pela experiência de combater dois tumores no cérebro em 2006. Diríamos: há controvérsias. Azevedo escreve assim para rebater afirmações de um colega jornalista, Gilberto Dimenstein para quem, já no título de um artigo, o "Câncer de Lula vai servir de lição". E no corpo do texto, prossegue: "justamente na laringe, por onde passa a habilidade de Lula em convencer as pessoas em seus discursos... Infelizmente é desse jeito, com as pessoas sentindo-se próximas e vulneráveis diante de uma ameaça, que se consegue mudar atitudes." Esse é o perigo das generalizações. Embora Dimenstein talvez nem tenha ouvido falar de lei de causa e efeito nem lido nada sobre o Espiritismo, o fato é que ele se expressa neste sentido. Se, por um lado, não se pode afirmar que uma doença seja sempre o efeito infeliz de um erro moral ou físico - no caso o tabagismo de Lula -, de outro, não se pode descartar a vinculação de uma coisa com outra. De fato, a toda ação segue-se uma reação. Se o indivíduo abusa da saúde, um dia sofrerá consequências. Às vezes ainda nesta vida, na forma de enfermidades e até da morte. Em muitas outras, em reencarnações futuras. As magníficas obras do autor espiritual André Luiz, inclusive uma justamente com o título "Ação e Reação", através da psicografia do médium Francisco Cândido Xavier, esclarecem perfeitamente o funcionamento da lei de justiça divina. E não só elas, mas muitos outros romances e livros de mensagens alertam para os cuidados que devemos ter não só para com nossos atos, mas começando pela vigilância de pensamentos e sentimentos. Se a doença não aparece no atual corpo físico, de qualquer maneira a lesão instala-se no perispírito ou corpo sutil, energético, e que serve de matriz para o corpo físico da encarnação seguinte. O perispírito é sempre o mesmo enquanto o carnal muda a cada vida. Fixado o desequilíbrio nas profundezas da alma, é normal esperar que ele reapareça um dia. O câncer, em especial, possui, sim, esse caráter predominantemente cármico. Ninguém é acometido por uma doença que causa tanto sofrimento sem motivo espiritual. Lutar, buscar a cura e se renovar com ela é justo e necessário. Se Reinaldo Azevedo não aprendeu nada com o dele, talvez deva-se lamentar esse viés de raciocínio tão materialista de achar que isso ocorra praticamente por acaso e não tenha nenhuma implicação com as leis de Deus. Nós aprendemos o tempo todo e com tudo e não só com grandes acontecimentos como este, mas também com os pequenos testes da vida. Dizer que não aprende nada são afirmações dos tolos e orgulhosos. "Lula não está doente porque quer" é uma possibilidade. Mas ele pode ter pedido isso, sim, quando programou esta sua existência. De operário semi-analfabeto à glória máxima do exercício de poder ao governar o país por oito anos, talvez seja o momento de uma nova inflexão em sua vida. Quais as razões? Podem ser muitas como, por exemplo, desistir de um novo mandato por não ter cumprido adequadamente com os deveres nos anteriores ou necessidade de experiências fora da esfera política. "Lula não está doente porque merece"? Novamente o "não julgueis", apesar que sempre estamos fazendo isso e, no caso, do povo brasileiro, seja um desejo legítimo de avaliação, não só dele como de qualquer outro, de idêntica importância para o país. Será que Lula, nesta e nas vidas anteriores sempre foi bonzinho, correto, não fez mal a ninguém? O que fez de certo compensa o que fez de errado? Só Deus sabe se ele merece ou não. "Lula não está doente para ter uma lição de vida". Já comentamos acima. Se vale para o próprio Azevedo, vale também para o Lula e para todos nós. Não estamos na Terra por turismo. Aqui é um grande educandário e oficina de construção de nós mesmos, tarefa, aliás, que ninguém pode fazer pelos outros. Nem os líderes religiosos, nem os governantes, nem os pais que podem ajudar muito -, apenas nós mesmos. Humildade não faz mal a ninguém. Se o respeitado jornalista não aprendeu com o câncer que "existe apenas para ser vencido", então devia se preocupar com as outras lições que ainda estão por vir.


10

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

PIRAQUARA

Secretaria de Educação encerra Mostra de Informática com homenagens

Foto Frans Rodrigues/PMP

Evento foi uma oportunidade de divulgar atividades desenvolvidas por crianças nas escolas

O prefeito Gabão afirmou que o projeto ajuda no desenvolvimento dos alunos

QUATRO BARRAS

Quatro Barras formou mais uma turma do Projovem Adolescente, um programa desenvolvido através do convênio entre a Prefeitura de Quatro Barras e o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). Ao todo, 23 jovens participaram da solenidade de formatura realizada na Câmara Municipal, que reuniu familiares, representantes da Prefeitura e da Secretaria de Ação Social. Na cerimônia houve canção do hino, apresentação de fotos e a entrega de certificados aos participantes. "Vimos um amadurecimento destes alunos ao longo do programa, nas aulas de ética e cidadania, que passaram princípios essenciais", disse a coordenadora Adriana Mocelin. Durante dois anos, os jovens participaram de atividades socioeducativas e culturais que embasaram sua formação. Semanalmente, o grupo acompanhou aulas no Telecentro, para a inclusão digital, e também aulas teóricas nas dependências do Centro

Foto Divulgação/PMQB

Alunos são diplomados no Programa Projovem Adolescente

Jovens diplomados no programa feito em parceria entre prefeitura e Ministério do Desenvolvimento Social

de Referência de Assistência Social (CRAS). O programa foi ministrado pelas sócio-educadoras Osana Ribeiro Martins e Rosangela Mantovani. O secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Fernando Cunha, representou o prefeito na ocasião, deixando uma mensagem de estímulo aos formandos. "O hino municipal já diz que os filhos de Quatro Barras nasceram para triunfar. Acreditamos muito nesta frase e sabemos que todos são capazes de fazer algo

grandioso. Nunca deixem que ninguém diga o contrário", disse. O PROGRAMA O Projovem Adolescente atende jovens entre 15 e 17 anos, preferencialmente de famílias cadastradas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. De forma preventiva, o programa visa fortalecer as condições de autonomia das famílias e dos jovens, para que possam gerir seu processo de segurança social.

MANDIRITUBA

Festival de Dança reúne mais de duas mil pessoas O 3º Festival Intermunicipal de Dança de Mandirituba reuniu no último final de semana mais de duas mil pessoas no Teatro Municipal durante o dia todo. Nesta terceira edição do evento, realizado pela Prefeitura, com a organização da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte, passaram 33 grupos de dança, concorrendo pelas oito diferentes categorias: 1ª e 2ª séries, 3ª e 4ª séries, 5ª e 6ª séries, 7ª e 8ª séries, ensino médio, academias infantil, academias juvenil e academias adulto. Todos os grupos se apresentaram conforme o regulamento e tiveram suas notas apresentadas pelos jurados no final das apre-

sentações, subindo ao palco os ganhadores de 1º, 2º e 3º lugares. O público acompanhou apresentações de grupos de Mandirituba, Quitandinha, Agudos do Sul, Fazenda Rio Grande, Tijucas do Sul, Piraquara e Curitiba. Confira os grupos ganhadores do 3º Festival de Dança de Mandirituba: Escola Mun. Cecília Meireles (1º lugar), Escola Mun. Prof. Maryele Aparecida Schetter (2º lugar) na categoria 1ª e 2ª séries. Escola Mun. Cecília Meireles (1º lugar), Escola Mundo Sagrado (2º lugar), Escola Mun. Alice Machado (3º lugar) pela categoria 3ª e 4ª séries. Escola Mun. Prof. Maryele Aparecida Schetter Ferri (1º lugar), Colégio João Afonso (2º lugar),

Colégio Eleutério Fernandes (3º lugar) na categoria 5ª e 6ª séries. Colégio Rui Barbosa (1º lugar), Colégio Rui Barbosa (2º lugar), Colégio Eleutério Fernandes (3º lugar) na categoria 7ª e 8ª séries. Colégio Rui Barbosa (1º lugar), Colégio Est. Prof. Paulo Freire (2º lugar) pela categoria Ensino Médio. Abalo Street Dance (1º lugar), Star Angels (2º lugar) na categoria Academias Infantil. Abalo Street Dance Sênior (1º lugar), Corpo em Movimento (2º lugar), All Star Dance (3º lugar) pela categoria Academias Juvenil. Grupo de Dança UP CREW (1º lugar), Popper Nono (2º lugar), Aline Moreira (3º lugar) na categoria Academias Adulto.

A equipe da Secretaria de Educação de Piraquara encerrou na última sexta (02), a Mostra de Informática nas Escolas Municipais, com a comemoração do sucesso do projeto e a homenagem aos professores participantes. A Mostra, aberta aos pais, foi uma oportunidade de divulgar as atividades desenvolvidas pelas crianças nos laboratórios de informática de suas escolas. As aulas desenvolvidas com programas e instrumentos de tecnologia, são um trabalho conjunto com o conteúdo que os alunos têm na sala de aula. Além disso, a equipe comemora o trabalho de gestão e transparência da Educação no município. O prefeito Gabriel Jorge Samaha (Gabão), presente no evento, fala desse trabalho: "temos a clareza de que tudo que fizemos foi com transparência e respeito, buscamos sempre olhar para a frente e ver um futuro ainda melhor, um futuro de vanguarda". Para ele, por este motivo "o MEC nos reconhece e somos referência em Educação, fomos também reconhecidos pelo TCU pela transparência na gestão dos serviços, e isso só conquistamos com uma equipe de trabalho equilibrada e com alta capacidade e desenvoltura", declara o prefeito, valorizando o trabalho eficiente da equipe da Educação no município. Além do prefeito estavam presentes a secretária de Educação, Loireci Dalmolin de Oliveira, o diretor e a gerente de projetos da empresa Sem Fronteiras, Edemar

Bolsi e Mady Sonda Riella. Para o prefeito, a criação dos laboratórios de informática e os benefícios que estão trazendo para os alunos vêm ajudando a desenvolver o ensino. "Estamos muito satisfeitos com o programa e com a melhora no aprendizado. Avançamos muito porque mudamos a forma de trabalhar e encaramos novos desafios para atender aos alunos. Entendemos também que o relacionamento dos alunos hoje é maior com o computador do que com o livro e este programa está ajudando no ensino das crianças", diz Gabão. Além da melhora na educação dos alunos com os laboratórios de informática, instalados em 12 escolas municipais e em expansão, os pais estão mais satisfeitos com os filhos tendo acesso a tecnologia. "Muitos pais não possuem computador em casa e desta forma fazemos com que as crianças entrem em contato com este mundo novo. Vemos o orgulho dos pais quando as crianças comentam sobre o que aprenderam", ressalta Loireci. Os programas desenvolvidos pela empresa Sem Fronteiras são feitos com base na proposta pedagógica da Secretaria de Educação. São materiais que trabalham de forma lúdica, com músicas e histórias para complementar o aprendizado em sala de aula. "O interesse no aprendizado cresceu depois da instalação dos laboratórios, alunos que tinham dificuldade em sala de aula agora aprendem de for-

ma mais fácil e rápida", explica a professora Margarete Fontana. Outro benefício para os professores foi utilizar recursos que dentro da sala de aula não eram possíveis. "As animações e cores chamam a atenção dos alunos e os forçam a pensarem", destaca a professora Thais Pimentel. O interesse dos alunos com as aulas também aumenta. "O trabalho nos laboratórios é contagiante. Existem diferentes atividades e os alunos ficam na expectativa de ir logo para a aula", diz a professora Elisângela Lopes. INVESTIMENTOS Com os avanços na área da educação e o cumprimento da lei que exige o investimento de no mínimo 30% do orçamento da Prefeitura na área, a qualidade do ensino e das escolas tem melhorado gradativamente. "Não é fácil ajustar as contas quando estamos em um município com a menor renda per capita do Estado e ainda garantir o investimento de cerca de 32% na educação. É isso o que aplicamos hoje nesta área, temos que construir com inteligência e com a ajuda de todos", enfatizou Gabão. Para que o trabalho seja bem desenvolvido é preciso a participação de todos, do prefeito aos professores. "Se a área pedagógica e os professores não compram a idéia, o sistema não funciona, mas Piraquara está sendo referência para outros municípios e outros Estados nesta área", ressalta Bolsi.

CAMPO LARGO

Conferência Municipal de Cultura atrai grande público na Praça Getúlio Vargas A 1ª Conferência Municipal de Cultura proporcionou um momento histórico para Campo Largo. Centenas de pessoas participaram das discussões e debateram sobre o futuro da cultura no município. A ação de vanguarda foi realizada na Praça Getúlio Vargas, no último final de semana e reuniu representantes do governo municipal e sociedade civil. A abertura solene do evento contou com a participação do representante da Secretaria de Estado de Cultura, Mario Hélio, do Secretário Municipal de Governo, Udo Schmidt, do Secretário de Educação e cultura Norton Pooter, da Presidente do Centro de Letras, Alice Gödeck e do Diretor do Departamento de Cultura, Juciê Parreira. Para Mario Hélio, Campo Largo está à frente nas discussões sobre cultura e a iniciativa proporcionará grandes avanços para o município. "Vocês [Campo Largo] estão em um estágio mais avançado até mesmo que o do Estado. Perceberam que Cultura é feita por pessoas", disse. Por incompatibilidade de agenda o prefeito Edson Basso não pode comparecer ao evento, mas foi representado pelo Secretário Udo Schmitd, que enfatizou o momento histórico que o município vem vivendo. "Campo Largo está passando por um momento impar em sua história,

Organizadores da Conferência Municipal de Cultura comemoram o sucesso do evento

está em pleno desenvolvimento econômico e industrial, e agora a cultura assume papel estratégico. Nós temos buscado esta forma de gestão democrática, com a participação popular, para a tomada de decisões. Esta conferencia de Cultura é uma prova disto", afirmou. O diferencial da Conferência de Cultura foi a conclusão do Plano Municipal de Cultura, chamado de Rumos, que vinha sendo elaborado desde abril pela equipe do Departamento de Cultura com a junção de ideias da população. O plano terá vigência de 10 anos após aprovada a lei de criação e será a garantia para a continuidade de ações, programas e projetos culturais do município. "Nesses meses percorremos Campo Largo, ouvindo as sugestões e criticas da população, para a construção do Rumos. Realizamos 20 etapas preparatórias entre pré-conferencias e fóruns

setoriais e cada regional elegeu 10 prioridades de trabalho. Nossa intenção foi estimular as comunidades a elaborarem planos regionais" explicou Juciê Parreira. Assim como nas demais conferências, na de Cultura havia cinco eixos que norteavam os grupos de trabalho: Cultura e Cidadania; Promoção e Difusão da Diversidade Cultural; Economia da Cultura; Patrimônio e Memória Cultural; Gestão e Institucionalização da Cultura. Em cada grupo os participantes discutiram assuntos pertinentes e elaboraram propostas que foram encaminhadas à votação na plenária que aconteceu no sábado à tarde. Foram eleitas 60 propostas e dez prioritárias que comporão o "Rumos". O próximo passo é encaminhá-las para votação na Câmara Municipal. Após aprovadas pelos vereadores serão instituídas como Lei no Município.


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

11

Mulher espancada pelo marido não resiste e morre em hospital Vítima foi agredida com um pedaço de madeira na cabeça. Relação entre o casal estava tumultuada, diz polícia encontraram Luiz detido por moradores. O marido violento foi encaminhado à delegacia e a sua mulher, com ferimentos graves, foi levada com urgência para o Hospital Angelina Caron, onde não resistiu. O delegado Gerson Machado, da delegacia local, conta que o suspeito informou que era casado com Luiza há 13 anos, mas se relacionava com ela há 18. Em interrogatório, o suspeito disse que estava fazendo um tratamento para problemas bipolares e que a relação entre o casal era muito tumultuada. Dormiam em camas separadas e brigavam todos os dias. "Devido ao relacionamento estar ruim e deteriorado, Luiz pegou o bastão de madeira e agrediu

violentamente a esposa" disse o delegado. Diante dos fatos, Siben foi autuado em flagrante por violência doméstica e familiar e, devido à morte da esposa, ele também deve res-

ponder por lesão corporal de natureza grave seguida de morte. Luiz está preso no Setor de Carceragem Temporária da Delegacia, onde permanece à disposição da Justiça.

Foto cabo Manoel Gomes/PMPR

A dona de casa Luiza de Fátima Straub de Araújo, 37 anos, morreu no Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, onde estava internada desde a noite do último sábado (3), quando foi violentamente espancada pelo marido Luiz Geraldo Siben, 42, com vários golpes de madeira na cabeça. Policiais da delegacia daquela cidade conseguiram localizar o marido e prendêlo em flagrante. Segundo o boletim médico, a mulher morreu em consequência dos ferimentos causados pela agressão. Segundo a polícia, uma equipe de policiais militares recebeu denúncias de que um homem estaria batendo na esposa. A partir daí, os policiais foram até o local e

O pedaço de madeira usado para matar a mulher foi apreendido pela polícia

Foragido da Colônia Penal Agrícola é recapturado no interior do Estado Uma ação integrada envolvendo policiais civis e militares, na final da tarde desta terça-feira (6), resultou na recaptura de Milton Cesar da Silva. Segundo a polícia, ele estava foragido da Colônia Penal Agrícola, de Piraquara, e é considerado um elemento de altíssima periculosidade por causa da violência que emprega contra as suas vítimas. Silva é condenado por roubo e seqüestro e estava cumprindo pena de 40 anos, mas estava foragido desde agosto deste ano. Ele já esta-

va há 21 anos cumprindo a pena. Assim que foi notificada a fuga de Silva, a Polícia Civil de Assaí passou a monitorar a casa de parentes do foragido na cidade de São Sebastião da Amoreira, também no interior do Estado. Após um trabalho de monitoramento feito pelos policiais, Silva foi preso na casa da filha, por volta das 9h e encaminhado ao setor de carceragem provisória (Secat) da 34ª Delegacia Regional da Polícia Civil de Assaí.

Milton da Silva era foragido da Colônia Penal Agrícola e foi recapturado em Assaí

Polícia Civil colabora com ação social da Guarda Municipal de Curitiba Em uma das ações sociais mais relevantes no período natalino, a Guarda Municipal de Curitiba promoverá, nos dias 12 e 13 de dezembro, a entrega de cerca de dois mil brinquedos para crianças carentes e em situação de vulnerabilidade da capital. A ação conta com o apoio da Polícia Civil, que viabilizou a doação de parte dos brinquedos que farão a alegria de aproximadamente 600 crianças neste Natal. Neste ano a previsão é de que as doações sejam realizadas nos bairros Parolin, Portão e Boa Vista. Para este Natal, a instituição recebeu cerca de 450 cartas de pedido para o Papai Noel. O projeto da Guarda Municipal de Curitiba, que prevê as doações, funciona desde 2006. Em cinco edições, o trabalho, que envolve todo o efetivo da guarda, de aproximadamente 1.500 homens, já atendeu cinco mil crianças. "O presente que a gente vai dar para uma determinada criança, muitas vezes, é o único presente que ela vai receber de Natal. Por isso, esse trabalho é gratificante para todos os envolvidos", afirma a guarda Silvia Zoraski, uma das organizadoras da ação. De acordo com Silvia, além de cumprir o papel de instituição socialmente responsável, os trabalhos de arrecadação e doa-

Luiz Geraldo Siben está preso em Campina Grande do Sul acusado de espancar a esposa até a morte

RONDA POLICIAL MENORES NO CRIME O comerciante Ernesto Jarcheski, 49 anos, dono de uma panificadora na Vila Oficinas, em Curitiba, foi morto a tiros na manhã de ontem (6), quando quatro adolescentes, dois deles aparentando menos de 12 anos de idade, invadiram o estabelecimento para roubar. Com armas em punho, os garotos do crime pegaram todo o dinheiro do caixa e, antes da fuga, um deles atirou no peito do comerciante, que morreu na hora. Mais tarde, policiais militares fizeram um patrulhamento na região e localizou os adolescentes, que foram apreendidos e suas armas recolhidas e entregues na DP de Furtos e Roubos. Os menores foram encaminhados à Delegacia do Adolescente. PEQUENA VÍTIMA Um garoto de apenas 14 anos, que estava desaparecido há mais de duas semanas, foi encontrado morto no final da manhã de ontem (6), em Almirante Tamandaré. O corpo do estudante Rafael Bento de Souza estava em adiantado estado de decomposição e só foi reconhecido pelos pais por causa da camisa do Atlético Paranaense que ele vestia. Familiares afirmaram para a polícia que Rafael andava em más companhias e que este deve ter sido a motivação do crime. O corpo estava em uma estrada rural no Jardim Bonfim, naquela cidade, e a polícia está investigando. FACADA NO PEITO Um homem sem identificação foi encontrado morto por volta das 4h da manhã de ontem (6), na Rua das Seringueiras, Jardim Eucaliptos, em Fazenda Rio Grande. Segundo policiais militares do 17º Batalhão, que atenderam a ocorrência, o elemento foi morto com uma facada no peito. No local do crime, ninguém soube informar nada para a polícia, que segue investigando para descobrir a identidade da vítima e a autoria do homicídio. PM BALEADO O soldado PM Donizete Peixoto, 45 anos, lotado no Hospital da PM, foi baleado na cabeça, quando estava à paisana no interior de um boteco, na Rua Enette Dubard, Moradias Santa Rita, bairro Tatuquara, em Curitiba, no final da noite da última segunda-feira (5). Segundo a polícia, Peixoto havia se envolvido em uma briga e acabou levando a pior. Socorrido pelo Siate, ele foi levado para um hospital e seu estado de saúde é estável, segundo os bombeiros. A tentativa de homicídio está sendo investigada pela Polícia Civil da capital.

A parceria entre a Polícia Civil e Guarda Municipal resultou na doação de cinco mil brinquedos

ção de brinquedos contribuem para que a imagem da Guarda Municipal não fique restrita a ações de segurança. "Isso nos permite uma aproximação com a comunidade. Assim a população passa a ver a guarda com outros olhos e visualiza a parte social também", diz. Segundo Silvia, a arrecadação dos brinquedos é feita através de empresas ligadas ao co-

mércio e de parcerias com outras instituições. "Nossa parceria com a Polícia Civil começou quando o doutor Michelotto atuou como secretário municipal de Defesa Social de Curitiba e abraçou a nossa causa", lembra. Na entrega das doações, além do delegado geral estavam presentes, o seu assessor Roberto Assis Martins Mendes e Andréia Greinert.

O delegado geral, Marcus Vinícius Michelotto, que exaltou o trabalho social da Guarda Municipal, revela que a parceria com a instituição será ampliada, através da Assessoria de Relações com a Comunidade. "O Papai Noel azul é um exemplo de ação social da Guarda Municipal de Curitiba que deveria ser seguido por todos", afirma.

CARRO METRALHADO O veículo de um estudante de Direito foi atingido por vários tiros de pistola, na última segunda-feira (5), no estacionamento do campus de uma universidade, no bairro Santa Quitéria, em Curitiba. Segundo a polícia, até arma de calibre 12 foi usada para disparar contra o automóvel, que estava vazio na hora do atentado. Testemunhas contaram à polícia que um Fiat Maréa chegou ao local e dois elementos começaram a atirar. O estudante disse que começou a sofrer perseguição desde que denunciou um delegado de polícia à Corregedoria da Polícia Civil. O caso está sendo investigado com rigor pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco). CIÚME MORTAL Uma tragédia em família movimentou a Polícia Militar, em Araucária, na manhã de ontem (5), quando o aposentado José Lopes da Silva, 70 anos, matou com duas facadas a esposa Alzira Mendes de Miranda, 50. Segundo a PM, depois do crime, o aposentado tentou o suicídio esfaqueando o próprio corpo. Gravemente ferido, Silva foi levado para um hospital e a mulher recolhida ao IML de Curitiba. A faca usada para matar Alzira foi recolhida pela Polícia Civil de Araucária, que investiga a tragédia. Segundo familiares, o idoso sentia um ciúme doentio pela esposa e não aceitava a hipótese de uma separação.


12

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

PREFEITURA DE COLOMBO ESTADO DO PARANÁ II – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 01/01/2012.

PORTARIA N.º 1590/2011 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE COLOMBO, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE I – Ceder o Servidor Público Municipal ODAIR AUGUSTO BISCOSKI, Enfermeiro, RG nº 2.056.077-PR, matrícula nº 8532, para prestar serviços junto à Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré, no período de 01/01/ 2012 a 31/12/2012, com ônus para o local de origem, mediante ressarcimento. II – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 01/01/2012.

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE COLOMBO, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE I – Ceder a Servidora Pública Municipal ISABELLI STRAPASSON, RG nº 5.217.081-8, para prestar serviços junto à Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré, no período de 01/01/2012 a 31/12/2012, sem ônus para o local de origem. II – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 01/01/2012.

Dê-se publicidade. Paço Municipal de Colombo Em 05 de dezembro de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

Dê-se publicidade.

PORTARIA N.º 1593/2011

Paço Municipal de Colombo

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE COLOMBO, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE I – Ceder a Servidora Pública Municipal LUCIANE DOS SANTOS ANTT, Professora, RG nº 4.543.278-5, para prestar serviços junto à Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré, no período de 01/01/2012 a 31/12/2012, sem ônus para o local de origem. II – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 01/01/2012.

Em 05 de dezembro de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

PORTARIA N.º 1591/2011 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE COLOMBO, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE I – Ceder a Servidora Pública Municipal DANIELE PEREIRA DE NOVAIS, Agente Administrativo, RG nº 6.372.200-6, matrícula nº 3844, para prestar serviços junto à Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré, no período de 01/01/2012 a 31/12/2012, com ônus para o local de origem mediante ressarcimento. II – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 01/01/2012.

Dê-se publicidade.

Dê-se publicidade. Paço Municipal de Colombo Em 05 de dezembro de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

PORTARIA N.º 1594/2011 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE COLOMBO, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE I – Ceder a Servidora Pública Municipal MÔNICA APARECIDA MACIEL, Agente Administrativo, RG nº 3.980.042-0, Matrícula nº 1610, para prestar serviços junto à Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré, no período de 01/01/2012 a 31/12/2012, sem ônus para o local de origem. II – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 01/01/2012.

Em 05 de dezembro de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

PORTARIA N.º 1592/2011 Dê-se publicidade. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE COLOMBO, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE I – Ceder o Servidor Público Municipal EDSON DE LARA, Assistente Administrativo, RG nº 1.305.222-0, para prestar serviços junto à Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré, no período de 01/01/2012 a 31/12/ 2012, sem ônus para o local de origem.

Paço Municipal de Colombo Em 05 de dezembro de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

ADJUDICAÇÃO Processo Administrativo nº. 1095654

Dê-se publicidade. Paço Municipal de Colombo

PORTARIA N.º 1595/2011

O PREGOEIRO, designado pela Portaria nº. 206/2011 do Prefeito Municipal de Colombo, adjudica o procedimento licitatório PREGÃO PRESENCIAL Nº. 103/2011, que tem por objeto a contratação de empresa especializada para efetuar serviços de publicação de Atos Oficiais da Prefeitura de Colombo em jornal considerado de grande circulação estadual, conforme descrição do ANEXO VII, do edital. PROPONENTE: EDITORA O ESTADO DO PARANÁ S.A. – Lote 001 – R$ 116.000,00 (cento e dezesseis mil reais). SERVIÇOS: Constantes no edital. PRAZO DE VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da assinatura do contrato e recebimento do empenho pela contratada, podendo ser prorrogado por motivos devidamente justificados nos termos do Art.57 Lei Federal nº. 8.666/93. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO: Os pagamentos serão efetuados através da Secretaria Municipal da Administração, em até 20 (vinte) dias após a apresentação das notas fiscais acompanhada dos documentos, conforme (Anexo VIII) do edital. Colombo, 6 de dezembro de 2011.

Paço Municipal de Colombo Em 05 de dezembro de 2011.

Dê-se publicidade;

JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

JOSE CARLOS VIEIRA Pregoeiro

PORTARIA n° 116/2011

PORTARIA n° 117/2011

PORTARIA n° 118/2011

O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006. RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal MARIA NATALINA LEMES, RG: 5.105.278-1/PR CPF: 780.671.899-00, no cargo de AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, sob matrícula nº. 1462, como dispõe o art. 6º da Emenda Constitucional nº 41/2003, conforme Processo Administrativo sob n° 129/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantida a isonomia e paridade com o servidor na atividade.

O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Especial de Magistério, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal NEIDE ALVES PEREIRA, RG: 5.535.297-6/PR CPF: 238.955.199-87, no cargo de PROFESSORA, sob matrícula nº. 1627, como dispõe o art. 6º da Emenda Constitucional nº. 41/2003, conforme Processo Administrativo sob n° 165/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantida a isonomia e paridade com o servidor na atividade.

O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/2006 ao Servidor Público Municipal EDEGAR BALDON DA ROSA, RG: 835.295/PR CPF: 032.389.849-18, no cargo de SERVENTE, sob matrícula nº. 511, como dispõe o art. 6º da Emenda Constitucional nº 41/ 2003, conforme Processo Administrativo sob n° 174/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantida a isonomia e paridade com o servidor na atividade.

Dê-se publicidade

Dê-se publicidade

Dê-se publicidade

Colombo, 02 de Dezembro de 2011.

Colombo, 02 de Dezembro de 2011.

Colombo, 02 de Dezembro de 2011.

JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

ALEKSANDRA DO CARMO ULLMANN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

ALEKSANDRA DO CARMO ULLMANN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

ALEKSANDRA DO CARMO ULLMANN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

CÂMARA DE COLOMBO

CÂMARA DE COLOMBO

CÂMARA DE COLOMBO

Estado do Paraná

Estado do Paraná

Estado do Paraná

PORTARIA Nº 075/2011

Protocolo n° 4988/2011.

O Presidente da Câmara Municipal de Colombo, Estado do Paraná, no uso de suas

Assunto: Dispensa de Licitação n° 11/2011

ADITIVO Nº 01 AO CONTRATO Nº 04-2010 Pelo presente instrumento, a CÂMARA MUNICIPAL DE COLOMBO, com sede na cidade de Colombo, Estado do Paraná, na Rua Francisco Busato, 8005, inscrita no CNPJ/MF, sob n° 79.093241/0001-82, neste ato representada por seu Presidente ONÉIAS RIBEIRO DE SOUZA, doravante denominado CONTRATANTE e de outro lado, a empresa BROTTO & RISSARDI LTDA-ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ/MF sob nº. 03.853.570/0001-12, com sede na Rua Francisco Busato, 7955, lojas 3 e 4, Centro, CEP.: 83.414-290, Colombo, Paraná, neste ato representada por seus sócios, SANDRA MARA BROTTO RISSARDI, brasileira, casada, portadora da Cédula de Identidade RG nº 4.347.534-7-SSP/PR e inscrita no CPF/MF sob nº 027.361.309-01 e ANTÔNIO NILMAR RISSARDI, brasileiro, casado, comerciante, portador da Cédula de Identidade RG nº 4.009.603-5-SSP/PR e inscrito no CPF/MF sob nº 610.829.379-91, residentes e domiciliados na Rua Bortolo Cavassim, s/n, Uvaranal, Colombo, Paraná, doravante denominada CONTRATADA, com amparo no art. 65, § 1º, da Lei 8.666, de 21.06.1993, e conforme o contido no Processo Administrativo nº 4984/2011 (3620/2010 e 4533/2011) e Parecer nº 093/2011 da AJ, resolvem ADITAR o Contrato nº 04/2010, celebrado em 28/04/2010, e prorrogado em 28/04/2011, em decorrência da CONVITE nº. 02/2010, nos seguintes termos: “O valor inicialmente contratado, conforme o ITEM ‘5.1’ do contrato firmado entre as partes, fica acrescido em 25% (vinte e cinco por cento)”. E, por estarem assim justos e contratados firmam as partes o presente instrumento em duas vias de igual teor e forma, para que surta seus efeitos jurídicos e legais.

atribuições legais e regimentais, com fundamento no art. 25, VI da Lei Orgânica Municipal, e suas alterações; no art. 37, V do Regimento Interno da Câmara; no art. 4º da Resolução nº 33, de 26 de outubro de 1994; Resolução nº 52, de 21 de maio de 2001; Resolução nº 57, de 18 de dezembro de 2001; Lei 977, de 27 de dezembro de 2006 e demais dispositivos legais aplicáveis à espécie RESOLVE

Colombo, 30 de novembro de 2011.

Exonerar, a pedido do Vereador Eurico Braz de Bomfim, a senhora MARCIA CRISTINA GONÇALVES DOS SANTOS, brasileira, portadora da Cédula de Identidade RG nº 7.271.785-6-SSP/PR e inscrita no CPF/MF sob nº 024.065.539-73 do cargo em comissão de ASSESSOR PARLAMENTAR – Símbolo CC-1, a partir de 1º de dezembro de 2011; e Nomear a senhora ZENAIDE FUSTINONI VINHAES, brasileira, casada, portadora da Cédula de Identidade RG nº 6.027.076-7-SSP/PR e inscrita no CPF/MF sob nº 859.952.409-78 para ocupar o cargo em comissão de ASSESSOR PARLAMENTAR – Símbolo CC-1, a partir de 1º de dezembro de 2011, percebendo a gratificação especial de 60% (sessenta por cento) sobre o vencimento base.

Colombo, 29 de novembro de 2011.

Colombo, 28 de novembro de 2011.

CÂMARA DE COLOMBO ONÉIAS RIBEIRO DE SOUZA Presidente

ONÉIAS RIBEIRO DE SOUZA

BROTTO & RISSARDI LTDA. – ME SANDRA MARA BROTTO RISSARDI Sócia ANTONIO NILMAR RISSARDI Sócio

Aquisição de 2.000 (dois mil) aerogramas de natal da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos – EBCT, no valor de R$ 3.200,00 (três mil e duzentos reais).

Presidente

EDIVALDO DA SILVA RODRIGUES Diretor Geral


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Dirceu João Maschyo

13

E-MAIL: dirceuesporte@hotmail.com

Seleção de Pinhais entrega faixas ao Clube Bordignon Prefeito Luizão participa da festa das faixas A festa de entrega das faixas de campeão da 26ª Copa Folha Tamandaré, ao clube Bordigon da cidade de Pinhais, aconteceu no domingo, 4, no Estádio do Arizona, com a presença ilustre do prefeito Luizão, um aficionado do futebol, que na sua gestão tem valorizado esse esporte tão popular no Pais, que acaba sendo uma das principais opções de lazer, da população em geral. As faixas foram entregues no intervalo do jogo festivo entre o Clube Bordignon e Seleção de Pinhais. A partida foi uma grande confraternização comemorativa ao título do Bordignon e encerramento da temporada do futebol em Pinhais. SOLENIDADE DAS FAIXAS No intervalo do jogo, Seleção de Pinhais x Clube Bordignon, aconteceu a solenidade de entrega de faixas, com Hino Nacional, e o pronunciamento do prefeito Luizão. "Entregar a faixa de campeão de uma competição importante no calendário do futebol paranaense, a um clube de nossa cidade, é muito gratificante", disse o prefeito Luizão. Ele também parabenizou a conquista do título do Bordignon e reiterou a sua promessa de continuar incentivando e apoiando futebol amador da cidade. O presidente do Clube Bordignon Paquito lembrou que o título da Copa Folha foi importante não só para o seu clube, mas para o futebol de Pinhais, que vem evoluindo, e acaba tendo um reconhecimento em Curitiba e toda a Região Metropolitana. Paquito também salientou o excelente trabalho efetuado

pela Secretaria de Esportes Municipal ao longo do ano de 2011, que incrementou ainda mais a já tradicional Copa Pinhais, instituindo a série A e B em todas as categorias. A divisão de categoria que passa a valer já no campeonato de 2012, vai ser um passo importante para o crescimento técnico e administrativo do futebol amador em Pinhais. O novo diretor de Esportes Municipal, Lineu Pires, destacou que a Copa Pinhais em 2012 será ainda melhor do que a dos anos anteriores, graças à evolução da competição, que a cada ano vem crescendo, através do trabalho e da experiência e dedicação que norteou a organização da competição desde o início. JOGO FESTIVO O jogo comemorativo ao título do Bordignon acabou empatado em 1x1, com a Seleção de Pinhais abrindo o marcador no primeiro tempo, através do meia André, e na etapa final, o artilheiro Alex Pinhais empatou a partida. Bordigon - Leone; Buiu, Marcio Santos, Daniclei e Marcio; Geraldinho, Marcinho, Agnalso e Leandro; Mi e Alex Pinhais; técnico: Beto; aux: Mario; Roupeiro: Pingüim; Seleção de Pinhais: Jéferson (Triestre); Cabecinha (Arizona), Miro (Internacional), Mistrik (Garotos Unidos) e Lucio (Triestre); Paulinho (Bordignon), Nenê (Internacional), Rodinei (Primavera) e Jefinho (Arizona); Maurílio (Nova União) e Deivison (Amocra); No banco - André (Internacional), Macaco (Triestre) e Bill (Garotos Unidos); Técnico: André; Aux: Julio.

Seleção de Pinhais formada por jogadores de todas as equipes que participaram do campeonato em 2011

Equipe do Bordignon, com os atletas enfaixados

Prefeito Luizão parabeniza os atletas e dirigentes do Bordignon pelo título conquistado

Prefeito Luizão com os artilheiros do Bordignon, Mi e Alex Pinhais e o secretário de Esportes Ricardo Pinheiro, e o diretor de Esportes Lineu Pires

Prefeito Luizão entrega brinde aos jogadores do Bordignon e da Seleção

Equipe juniores do Pinheiros, campeão da Copa Pinhais 2011, também recebeu as faixas

No ínicio da solenidade, os jogadores das duas equipes cantaram o Hino Nacional


14

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Gazeta Press

Atacante Bill do Juniores do Atlético estreiam com Coritiba retorna derrota no Brasileirão de Sub-20 ao Corinthians O Coritiba não poderá contar mais com o atacante Bill no começo de 2012. Emprestado pelo Corinthians Paulista, no início deste ano, o vínculo com o Alviverde acaba no final deste mês e a diretoria do clube se recusou a negociar a extensão do empréstimo. A diretoria decidiu devolvê-lo ao clube paulista, que tem interesse em recebê-lo de volta. Bill foi artilheiro no Campeonato Paranaense, com 12 gols e no Brasileiro, com 11. Porém, o comportamento do atleta fora de campo não vinha agradando a diretoria coxa branca. Além dele, o meia Davi, que pertence ao Avaí (SC), o lateral direito Maranhão, do Santos e o volante Gil, do Americana (SP, também estão emprestados para o Coxa.

O atacante Bill deixa o Coritiba e retorna ao Corinthians no início de 2012

Equipe de juniores do Furacão estreou perdendo para o Palmeiras, no Campeonato Brasileiro Sub-20

O Atlético Paranaense estreou com derrota no Campeonato Brasileiro Sub20, disputado na cidade de Alvorada (RS). Com um jogador a menos durante boa parte do segundo tempo, o Furacão, do técnico Sandro Forner, foi valente, lutou, mas acabou sendo derrotado por 2 a 1 pelo Palmeiras, no estádio Morada dos Quero-queros. O resultado deixou o time atleticano na terceira posição do Grupo 1. O Fluminense, que bateu o Ceará por 3 a 1, também nesta terça-feira (6), lidera o grupo com três pontos ganhos, seguido pelo Palmeiras. O grupo ainda conta com a presença do América-MG, que folgou na 1º rodada. Na próxima rodada, o Atlético

Paranaense de Sub-20 encara o Coelho, às 15h30, na quinta-feira. No mesmo dia, o Palmeiras enfrenta o Fluminense, às 17h30. PRIMEIRO TEMPO Os primeiros dez minutos de jogo foram controlados pela equipe do técnico Sandro Forner. Com maior posse de bola, o Atlético apostava na velocidade do seu meio-campo e na categoria do atacante Pablo, que já atuou no time profissional rubro-negro. Entretanto, apesar do bom início, foi o adversário que abriu o placar no estádio Morada dos Queroqueros. Aos 14 minutos, após bola cruzada do lado esquerdo, Patrick Vieira, o camisa dez da equipe paulista, aproveitou passe

Categoria de base do Coritiba garante vaga para as quartas de finais da SC Cup Apenas oito equipes estão vivas na disputa da SC Cup 2011, que acontece em Santa Catarina. O Verdão do Alto da Glória entrou em campo, na tarde desta segunda-feira (5), no estádio Paes Lemes, em Imbituba, e venceu a Ponte Preta de virada, por 2×1, em um grande jogo. Os gols do Coritiba foram anotados por Caio Henrique e Jean. Para hoje (7), a partir das 15h, a equipe alviverde volta a campo, diante do Porto Alegre. Outros três jogos definem os semifinalistas nesta quarta-feira. Internacional x AUDAX, Volta Redonda x Juventude e Fluminense x Atlético Paranaense estão entre os oito finalistas.

A equipe da categoria de base do Coxa venceu a Ponte Preta de virada em Santa Catarina

A CAMPANHA DO COXA Primeira Fase Coritiba 0×3 Portuguesa-RJ Coritiba 1×0 Porto Alegre Coritiba 1×0 Fragata Oitavas de Final Coritiba 2×1 Ponte Preta

de cabeça e completou, também de cabeça, para o fundo das redes do goleiro Hugo, do Furacão. O empate atleticano quase aconteceu no minuto seguinte. O volante Junior Murici apareceu como homem surpresa dentro da área, tirou a bola do goleiro palmeirense, mas a bola saiu caprichosamente pelo lado direito do gol adversário, tirando tinta da trave. Atrás do marcador, o time paranaense tentava trabalhar a bola no campo de ataque, mas o Palmeiras, bem postado no campo de defesa, dificultava a vida do time atleticano. Com a vantagem no placar, o time paulista tentava manter a posse de bola, porém, não conseguia assustar a meta de Hugo. Somente aos 31 minutos da etapa inicial, após cruzamento da direita Jean Carlos, de dentro da área, fez o arqueiro rubro-negro trabalhar e evitar o segundo gol alviverde na partida. Sete minutos depois, o meia Jean Carlos, do Palmeiras, forçou o goleiro atleticano a trabalhar mais uma vez. De fora da área, o jovem atacante da equipe paulista chutou forte, e Hugo se esticou todo e espalmou a bola para a linha de fundo. SEGUNDO TEMPO Em desvantagem no placar, o técnico do Furacão, Sandro Forner, resolveu mexer na equipe. Dennis, atacante campeão da Série D do Brasileirão com o Tupi, entrou no lugar do volante Junior Murici.

A alteração deixou o Atlético mais ofensivo e quase deu resultado logo aos três minutos da etapa final. Tomas cobrou falta dentro da área, Cléberson, no segundo pau, desviou de cabeça, e Pablo, por muito pouco, não completa para o gol. No lance seguinte, Renato recebeu na área, fintou o zagueiro palmeirense e chutou. A bola bateu na zaga adversária e explodiu na trave. Quase o empate rubro-negro. Com o completo domínio das ações no segundo tempo, o Atlético pressionava o Palmeiras e o gol era apenas questão de tempo. Até que aos 11 minutos, depois de bonita jogada ofensiva da equipe atleticana, a bola sobrou para o atacante Dennis, que dentro da área estufou o gol do arqueiro Walter. O empate, no entanto, mal pode ser comemorado. Um minuto após o gol de empate, Diego Souza, meia do Palmeiras, recebeu na esquerda e chutou cruzado, sem chances para o goleiro Hugo. Equipe do Palestra Itália novamente à frente do placar. A situação atleticana ficou ainda mais complicada aos 19 minutos do segundo tempo. Cléberson, volante do CAP, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso da partida. Apesar do homem a menos em campo, o Furacão era valente e persistia em busca do gol de empate. Aos 31 minutos, a equipe rubronegro, após cobrança de falta, por pouco não igualou o marcador na cidade de Alvorada. Nove minutos mais tarde, novamente o Furacão no campo de ataque. Bruno Rosseto recebeu dentro da área e chutou cruzado. Walter, arqueiro palmeirense, fez excelente defesa e evitou o segundo gol rubro-negro. Mesmo com o bom futebol apresentado, principalmente na etapa final, o Atlético não conseguiu furar o sistema defensivo palmeirense e estreou com derrota no Campeonato Brasileiro Sub-20. Final de jogo no Estádio Morada dos Queroqueros: Atlético 1 x 2 Palmeiras.


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |


2

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |


3 Salish . com.br

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

41 3035-0404 ribeiroimoveis.com.br Rua Norberto de Brito, 1326 - Centro São José dos Pinhais - PR - CEP: 83005-290

Jd. Primavera - 54m², 02 dorm., sala, cozinha, Cidade Jardim - 73,80m², 03 dorm., cozinha, Bom Jesus - Condomínio fechado 140m², 03 dorm. banheiro, área de serviço e opção para ático. banheiro e área de serviço. Terreno com 234m². sendo 01 suíte, garagem para 02 carros. Ref.: F006-014 – R$ 130.000,00 Ref.: F006-013 – R$ 195.000,00. Ref.: Q001-001 – R$ 350.000,00

Jd. Cruzeiro - Aprox. 100m², 3 dorm. sendo 01 suíte, área de serviço e garagem. Ref.: F045-015 – R$ 950,00(+ Taxas).

Planta Roseli - Aprox. 53m², com 02 dorm., sala, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Ref.: A064-015 – R$ 600,00 (+ Taxas).

Afonso Pena - 73,53m², 02 dorm., sala, cozinha, banheiro e área de serviço e garagem. Ref.: A009-007 – R$ 130.000,00.

Renault - Nova em alvenaria com 51,25m², 02 dorm., sala/copa, cozinha, banheiro. Terreno com 156m². Ref.: F015-009 – R$ 130.000,00.

Jd. Letícia - 378m², 04 dorm. sendo 01 suíte máster, ático, mezanino, garagem p/ 04 carros, salão de festas. Ref.: F010-008 – R$ 985.000,00.

Aristocrata - Aprox. 110m², 2 dorm., sala, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Ref.: F095-015 – R$ 1.300,00(+ Taxas).

Afonso Pena - Sobrado em condomínio fechado com 144m², 3 dorm. Sendo 1 suíte, churrasqueira e garagem. Ref.: Q001-002 – R$ 430.000,00 Cidade Jardim - 72 m², 03 dorm., sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga para carro. Ref.: A025-015 – R$ 620,00 (+ Taxas).

Braga - Aprox. 70m², 3 dorm., sala para 2 ambientes, cozinha com armários, área de serviço e garagem. Ref.: A004-006 – R$ 150.000,00.

Cidade Jardim - Alvenaria com 54m², 2 dorm., sala, Aristocrata - 505m², 1 suíte máster, 2 demi-suítes, Aristocrata - 173,25m², 3 dorm. Sendo 1 suíte com c o z i n h a , b a n h e i r o , á r e a d e s e r v i ç o e cozinha com espaço gourmet, garagem p/ 5 carros. hidro, escritório, e garagem para 03 carros. estacionamento. Ref.: F004-003 – R$ 1.100.000,00. Ref.: K007-008 – R$ 460.000,00 Ref.: F010-007 – R$ 139.000,00. Afonso Pena - 60,73m², 3 dorm. e estacionamento. Ref.: A008-009 – R$ 155.000,00.

Três Marias - Loja Comercial com aprox. 38m² e 01 banheiro. Cidade Jardim - Aprox. 53m², 2 dorm., área de Ref.: V053-015 – R$ 400,00(+ Taxas). serviço, sacada com churrasqueira a gás e garagem. Ref.: A055-015 – R$ 650,00 (+ Taxas).

Braga - Triplex de 183m², 3 dorm. sendo 1 suíte, 2 Jd. Eldorado - 71,63m², 02 dorm., sala, cozinha, vagas na garagem e piscina. Carioca - Loja Comercial com aprox. 30m². banheiro, área de serviço e garagem. São Marcos - Alvenaria com 80m², 02 dorm., sala, Ref.: Q002-011 – R$ 550.000,00 Ref.: V032-015 – R$ 500,00 (+ Taxas). Ref.: F009-002 – R$ 150.000,00. cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. São Cristovão - 67m², 2 dorm., churrasqueira Braga - Aprox. 70m², 3 dorm., sala, cozinha, Ref.: K001-003 – R$ 129.500,00 coletiva e garagem. banheiro, área de serviço e garagem. Ref.: A012-005 – R$ 160.000,00. Ref.: A057-015 – R$ 750,00 (+ Taxas).

Parque São José - 80m², 3 dorm., copa, cozinha, Centro - Sala com aprox. 40m² e banheiro. Ouro Fino - 91,95m² com 3 dorm., sala, cozinha, Jd. Monte Líbano - Lote de terreno medindo área de serviço, churrasqueira e garagem. Ref.: V010-015 – R$ 550,00 (+ Taxas). Parque São José - 101m², 3 dorm. sendo 1 suíte, banheiro, lavabo, área de serviço e garagem. Ref.: F013-010 – R$ 160.000,00. Centro - Área total de 110m², 2 dorm. sendo 1 suíte, 8,40x30m, totalizando 252m². sala para 2 ambientes, aquec. a gás, 2 vagas na Ref.: Q001-013 – R$ 199.000,00 área de serviço e garagem. Ref.: T004-003 – R$ 149.000,00 garagem. Ref.: A061-015 – R$ 1.000,00 (+ Taxas). Ref.: A011-007 – R$ 210.000,00

Bandeirantes - Alvenaria, 150m², 3 dorm. Sendo 1 Afonso Pena - Com aprox. 100m², 03 dorm, sala, Cidade Jardim - 432m², 2 Casas em madeira. suíte, 2 vagas de garagem. Aquecimento a gás. Centro - 108m², 2 dorm. Sendo 01 suíte, sala, cozinha, lavabo, banheiro, área de serviço e Ref.: T004-002 – R$ 350.000,00 Terreno c/ 200m². cozinha, banheiro e garagem. garagem. Ref.: F011-011 – R$ 175.000,00. Ref.: A007-009 – R$ 245.000,00. Ref.: K001-007 – R$ 220.000,00

Centro - Mobiliado e decorado com 54,26m², 1 dorm., área de serviço e vaga de garagem. Ref.: A006-015 – R$ 1.200,00 (+ Taxas).

São Cristovão - Sala com aprox. 40m² e banheiro. Ref.: V035-015 – R$ 600,00 (+ Taxas).

São Pedro - Residência comercial com 200m², 6 salas, churrasqueira e garagem. Ouro Fino - 76,47m², 3 dorm. sendo 1 suíte, Aristocrata - Aprox. 140m², 03 dorm. sendo 01 suíte Ref.: V066-015 – R$ 3.000,00(+ Taxas). banheiro, sala, cozinha, área de serviço e garagem. com closet, aquecimento a gás. Excelente Pinheirinho - 66,42 m² de área total, 02 dorm., sala, Jd. Montreal - 60m², 3 dorm., estacionamento para Ref.: F013-005 – R$ 178.000,00. Afonso Pena Aprox. 50m², 2 dorm., cozinha, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. acabamento. 02 carros e quintal. Terreno c/ 120m². banheiro, área de serviço, churrasqueira e garagem. Ref.: A003-014– R$ 140.000,00. Ref.: K005-011 – R$ 278.500,00. Ref.: F002-014 – R$ 120.000,00. Ref.: F089-015 – R$ 650,00(+ Taxas).

Quissisana - 54,15m², 2 dorm., sala, cozinha, Afonso Pena - Alvenaria, 75,41m², 03 dorm., São Domingos - Sobrado 120m², 3 dorm. sendo 1 Boqueirão - Lote de terreno com 180m², em Cidade Jardim - Aprox. 180m², 3 dorm., 1vaga de Ouro Fino - Aprox. 130m², 3 dorm. sendo 1 suíte, churrasqueira e garagem. Terreno com 225,73m². condomínio fechado. banheiro, área de serviço. Terreno com 139,20m². garagem. área de serviço, churrasqueira e garagem. suite, churrasqueira e garagem para 3 carros. Ref.: F012-006 – R$ 185.000,00. Ref.: T003-013– R$ 145.000,00. Ref.: F016-005– R$ 125.000,00. Ref.: F090-015 – R$ 800,00(+ Taxas). Ref.: K051-015 – R$ 900,00 (+ Taxas). Ref.: K008-006 – R$ 350.000,00

Confira mais ofertas no site:

ribeiroimoveis.com.br


6

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |


| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

Classilinha AGORA VOCÊ TEM MUITO MAIS VANTAGENS. Anuncie no Classilinha e ganhe anúncio no site www.metropolejornal.com.br

Apto. Aluga-se SÃO JOSÉ DOS PINHAIS, apto 3 qtos + depts, frente antigo terminal central, 110m², R$ 850,00 + taxas, sem condomínio, direto proprietário. Tel: (41) 4111-0516 / 9677-6710 29a05

Sobrados VENDE-SE OU PERMUTA-SE: sobrado na Praia de Guaratuba - PR c/126m², à 1 quadra e 1/2 do mar, por imóvel em São J. dos Pinhais. F: 41-3472-2444 / 41-9933-9697 03a08

SOBRADO NOVO NA V. SÃO PEDRO 120m². C/ opção p/ ático + 46m², sala toda em gesso rebaixado, parede c/ grafiato, todo o sobrado com sancas. 3 quartos, suíte, banh. social, lavabo, PEDRISCO, SAIBRO, ATERRO, TERRA lavanderia c/porcelanato. 8834-5460 PARA JARDIM E CALCÁRIO. Ligue para IRMÃOS PALLÚ - 9234-0989 / 99074002 / 3058-0989

Areia, Brita, Pedra

3 Lotes

VENDO SÓ A VISTA - 03 lotes juntos (877,28m2) na Rua Ponta Grossa, Jd. Vila Bruning,/Cruzeiro. Lote 01 – 373,61m² = R$ 225.000,00 Lote 02 – 252,16m² = R$ 152.000,00 Lote 03 – 251,51m² = R$ 151.000,00 Interessados ligar: F: 43-9151-3076 12/11a12/12

Terrenos SÃO JOSÉ DOS PINHAIS TERRENOS EM CONDOMÍNIO - Próximo a rua joinville, R$ 80.000,00 sendo entrada de 30% e saldo em 60 meses. A.R.B IMÓVEIS - CRECI 11090 3095-6760 / 8805-1805 07a12

Exemplo:

Econômico / 5 edições Inteligente {Mínimo: R$ 15,00 Para anunciar ligue: 3383-6650 GOL 1.0 - 95 - Bordo - Liga leve, aro 15, insufilme. R$ 12.000,00. Ótimo estado. Informações: 9106-1534

7


8

| Quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 |

Mais da metade das moradias do Minha Artigo Casa, Minha Vida em 2012 serão para A mobilidade urbana famílias com renda até R$ 1,6 mil Adelino Venturi

No programa semanal Café com a Presidenta, Dilma apresentou um balanço do Minha Casa, Minha Vida em 2011 Brasília - A presidenta Dilma Rousseff disse anteontem (5) que, a partir de 2012, 60% das moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida serão destinadas a famílias de baixa renda – que recebem até R$ 1,6 mil. A previsão do governo é que 1,2 milhão de unidades sejam entregues a essa faixa da população brasileira. No programa semanal Café com a Presidenta, Dilma apresentou um balanço do Minha Casa, Minha Vida em 2011. Segundo ela, foram assinados 354 mil contratos para a construção de moradias. O levantamento indica ainda mais de 500 mil casas e apartamentos em fase de construção e mais de 400 mil

obras concluídas este ano. Na primeira fase, o programa contabilizou 1,005 milhão de moradias. Para a segunda fase do Minha Casa, Minha Vida, estão previstos investimentos de R$ 125,7 bilhões para a construção de 2 milhões de casas e apartamentos até 2014. “Os investimentos na construção civil beneficiam a todos nós porque esse é um setor que gera muitos empregos. Ele ajuda a manter o mercado de trabalho aquecido, mesmo com a crise econômica internacional que está afetando os Estados Unidos e os países da Europa”, disse a presidenta. Segundo ela, mais de 309 mil postos de trabalho foram gerados este ano no setor.

Governo reduz tributos da construção civil para Programa Minha Casa, Minha Vida

Rotatividade da mão de obra cresceu 8,7 pontos percentuais na década, aponta Dieese

Brasília - O governo anunciou no início de dezembro (1) a redução de tributos cobrados da construção civil para projetos do Programa Minha Casa, Minha Vida. Houve redução da alíquota de 6% do Regime Especial de Tributação da Construção Civil (RET) para 1%. As empresas pagam o RET sobre o faturamento como um tributo único que substitui o PIS, a Cofins, o Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido. Foi ainda ampliada a faixa

Brasília e São Paulo – A rotatividade no mercado de trabalho brasileiro cresceu 8,7 pontos percentuais entre 2001 e 2010, de acordo com pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). No ano passado, o índice de substituição de trabalhadores nas empresas brasileiras chegou a 53,8%, com 22,7 milhões de demissões. Descontando fatores alheios à vontade das empresas, como aposentadoria, morte ou demissão voluntária, a rotatividade ficou em 37,3%. Segundo o Dieese, as empresas desligam empregados para contratar substitutos com salários menores. Em 2010, a remuneração média dos demitidos era R$ 896, enquanto a dos substitutos ficou em R$ 829. A maioria das dispensas, no entanto, foi feita por uma pequena parte das empresas. De acordo com o estudo, 126 mil estabelecimentos (5,8% do total) foram responsáveis por 63% das demissões ocorridas em 2010 (14,4 milhões). Os setores com maior rotatividade de mão de obra foram agricultura, com 98,3% de de-

da habitação de interesse social de R$ 75 mil para R$ 85 mil. Ou seja, para as casas que custam até R$ 85 mil, a alíquota do RET passa a ser de 1%. Os ministros da Fazenda, Guido Mantega, e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, também anunciaram a redução de PIS/Cofins cobrado sobre as massas (macarrão, por exemplo) de 9,25% para 0%. A medida vale até 30 junho de 2012. Essa medida irá gerar desoneração de R$ 284 milhões.

missões e 74,4% por iniciativa dos empregadores, e a construção civil, com 86,2% de demitidos por vontade das empresas. Na comparação com 25 países, o Brasil apresentou, em 2009, um dos mais curtos períodos médios de permanência no emprego: cinco anos. Apenas nos Estados Unidos o tempo médio de permanência no emprego é menor, 4,4 anos. Na Espanha, o trabalhador fica no mesmo emprego quase o dobro do tempo do trabalhador brasileiro: 9,6 anos. Na Itália, a média de permanência é 11,7 anos e na Polônia, 9,3 anos. Em 2009, 111 mil (5,5% do total) estabelecimentos foram responsáveis pelo desligamento de 12,3 milhões de trabalhadores de um total de 19,9 milhões de demissões. O estudo conclui que a alta taxa de rotatividade é uma característica do mercado de trabalho brasileiro e que isso ocorre por causa dos “ajustes de mão de obra praticados pelas empresas, por meio de milhões de desligamentos, seguidos de admissões a cada exercício da Rais, para os quais concorre decisivamente a flexibilidade contratual”.

Desenvolvimento urbano é uma atividade estratégica no moderno desenvolvimento econômico e social das cidades. E, assim, pode ser catalogada como uma ciência - embora não haja essa referência no rol das atividades científicas. Desenvolvimento urbano tem tudo relacionado com a tão necessária mobilidade social. Com o crescimento populacional desenfreado, principalmente nas regiões metropolitanas, o conceito de mobilidade urbana ganha uma relevância extraordinária. Tem uma relação direta e define os níveis de qualidade de vida dos moradores das cidades. Hoje, os habitantes de São José dos Pinhais olham com esses olhos críticos visando identificar fatores que ordenem a formação de uma opinião abalizada sobre o desenvolvimento urbano da sua cidade. Podemos assegurar que essa visão crítica é positiva. A principal cidade da região metropolitana da capital apresenta um perfil avançado e diferenciado entre as demais cidades do mesmo porte e importância econômica e social. São José dos Pinhais é uma cidade muito bem organizada no que diz respeito ao desenvolvimento urbano. Largas avenidas dão um fluxo rápido e organizado ao tráfego de veículos. Com a conclusão da trincheira na Avenida Rui Barbosa com a Avenida das Torres, esse fluxo ficou ainda mais ágil. A ligação com a região do

Afonso Pena - onde os níveis de crescimento são extraordinários - ficou fácil e ágil. Hoje, também temos o espelho do que pode acontecer no futuro, quando olhamos para os problemas no trânsito e na mobilidade das pessoas em Curitiba. A bela capital dos paranaenses enfrenta uma situação alarmante e tudo indica que a tendência é a deterioração dos meios de mobilidade urbana e, obviamente, da qualidade de vida das pessoas. O tráfego lento de veículos tem influência negativa também no desempenho econômico, especialmente em áreas, como o imobiliário, que precisam de deslocamentos constantes, em razão dos imóveis espalhados por todos os lugares. Vamos, portanto, observar com muita atenção esse processo de ajustamento na capital para que possamos adotar as medidas de prevenção em nossa cidade onde, repita-se, a mobilidade urbana é normal. Admite-se, inclusive, que se hoje a situação da capital é de precariedade, é em razão de uma visão estratégica que situe a cidade no seu perfil de metrópole. De fato, as cidades crescem e deixam de ser aqueles núcleos urbanos tradicionais, onde há bem estar e uma maneira muito calma de se viver. O progresso é ótimo, mas cobra seu preço no que diz respeito á qualidade de vida das pessoas. Adelino Venturi é professor, empresário e membro do Conselho Deliberativo da Associação Comercial, Industrial, Agrícola e de Prestação de Serviço (Aciap), de São José dos Pinhais


metropole7-12  

metropole7-12

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you