Issuu on Google+

w w w. m e t r o p o l e j o r n a l . c o m . b r

Ano 13 | Nº 2927 | 7 e 8 de janeiro de 2012

Empresas têm prazo para Contribuição Sindical

» Nesta sexta-feira (06), a Prefeitura de São José dos Pinhais organizou um evento para celebrar os 159 anos da emancipação política do município, comemorada oficialmente no dia 08 de janeiro. Na ocasião, o prefeito Ivan Rodrigues relembrou da municipalização do Hospital e Maternidade São José dos Pinhais, cuja decisão foi anunciada no mesmo 8 de janeiro do primeiro ano de sua gestão, 2009. "Com apenas 8 dias de gestão tomamos essa importante decisão, afastamos os rumores de que o hospital iria fechar, de que os profissionais não seriam pagos e de que a população ficaria desamparada. Reconhecemos que tivemos problemas, como há em toda a saúde do País, mas sabemos que foi uma decisão acertada e que hoje a população tem nas mãos esse serviço público", afirmou Ivan. Página 3

Ivan Rodrigues disse que a decisão é fruto dos direitos que a emancipação política garantiu a São José dos Pinhais

Novo regime para registro de empresas

Maus-tratos a animais são casos de polícia na RMC » Os casos de torturas e mortes de animais, recentemente divulgados em imagens pela internet, são mais comuns do que muita gente imagina. Página 7

Alteração no ICMS não justifica aumento nos preços

AE/Notícias

» A Secretaria de Estado da Fazenda divulgou nesta semana os índices que vão definir a parcela que cada um dos 399 municípios do Paraná terá direito na divisão da arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Os indicadores passam a valer até o fim da primeira semana de janeiro de 2013. No ano passado, a soma total dos repasses de recursos do ICMS aos municípios ficou em R$ 4,8 bilhões, o que significa evolução de 15,1% em relação a 2010. As transferências superaram em R$ 200 milhões a previsão inicial contida na Lei Orçamentária de 2011. Página 3

Página 6

Ladrões furam parede e arrombam agropecuária

Técnico do Coritiba promete muito trabalho

Página 7 Governador anuncia o novo regime de registro de empresas

» Após virar a página e deixar 2011 na memória, o técnico do Coritiba, Marcelo Oliveira, garante entusiasmo para iniciar um ano cheio de trabalho à frente da equipe coxa-branca. Sem esconder a saudade de poder retornar, na tarde de ontem (6) ele falou com a imprensa pela primeira vez em 2012. "A gente que trabalha com futebol há tanto tempo e que amamos aquilo que fazemos, já estávamos com saudades. Eu, particularmente, já estava com saudade de retornar e poder voltar com a equipe. Preparar bem", garante. Página 9

» A Junta Comercial do Paraná (Jucepar) ini-

cia nesta segunda-feira (09) o registro de Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli), novo regime jurídico criado pela lei federal 12.441/11. A nova modalidade permite a constituição de empresas sem a necessidade de sócios e protege o patrimônio do empreendedor. "É um estímulo ao empreendedorismo que não precisará mais colocar todo seu patrimônio em risco para abrir uma empresa. Página 3

Drogas eram vendidas em mansão no Jardim Schaffer Página 7

CVM abriu 1.046 processos em 2011 Página 2

Investimentos na construção de barragens são regulares » A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, disse ontem (6) que não houve irregularidades na utilização de créditos extraordinários para investimentos na construção de barragens em Pernambuco. A decisão de usar parte dos recursos de uma medida provisória que liberava dinheiro para ações de reparação de danos de desastres naturais partiu do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coe-

lho, e beneficiou dois projetos de seu estado natal. Em 2010, Pernambuco e Alagoas foram atingidos por enchentes que deixaram 46 mortos e mais de 98 mil pessoas desalojadas. Segundo Mirian Belchior, após as ações de socorro imediato às famílias atingidas, o governo pediu um estudo sobre a importância das obras para evitar que a tragédia se repetisse. Página 3

Agricultura tem perda de R$ 2,8 bilhões com seca no Sul » A Região Sul soma perda de R$ 2,797 bilhões com a seca que afeta a 860 mil pessoas. O número de vítimas no Rio Grande do Sul é 388.040, em Santa Catarina são 396.128 vítimas e no Paraná 76.696. De acordo com a Defesa Civil, no Rio Grande do Sul há 71 municípios em estado de emergência, 56 em Santa Catarina e nove no Paraná. Segundo a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), a produção de soja terá a maior per-

da no Rio Grande do Sul, que tem 25% da produção danificada. No Paraná, que é o segundo maior produtor de soja do país, a diminuição da colheita será de 10% em relação a safra de 2011. O Departamento de Economia Rural do Paraná (Deral) estima que 1 milhão de toneladas de milho não serão colhidas. A produção terá um recuo de 14% em relação ao ano passado. Em Santa Catarina, as perdas no campo chegam a R$ 400 milhões.

Liquidações movimentam calçadão da Rua XV Ademar Marques - Metrópole

» Uma manifestação pacífica contra maus-tratos e crueldade aos animais reúne ativistas, veterinários e protetores de animais, a partir das 07h30, de hoje (7), na Praça Tiradentes, centro de Curitiba. O grupo seguirá em comboio, para a manifestação oficial que acontece às 14h30 em frente ao Supermercado Parteka-Conradinho, na Rua Antônio Losso, em Guarapuava. O objetivo é rogar justiça ao caso do cão que foi morto a facadas no último dia do ano de 2011. Página 4

Diário de Circulação Nacional

Evento da emancipação relembra municipalização do Hospital São José

Estado divulga índice de repasse do ICMS

Curitiba apoia protesto contra crueldade animal

Presidente: Ary Leonel da Cruz

Sérgio Sabino

» As empresas paranaenses têm prazo até dia 31 de janeiro para recolher a Contribuição Sindical Empresarial. Prevista em lei e de caráter compulsório, a contribuição é a principal fonte de recursos do sistema sindical brasileiro. Os recursos são revertidos em serviços e benefícios que dão suporte às empresas na busca de novas oportunidades e fortalecimento dos negócios. Fiep, Fecomércio e Faep já colocaram no ar site com orientações para emissão da guia de pagamento e informações sobre benefícios gerados com os recursos arrecadados. Página 6

Sábado/Domingo

As promoções de "queima total" ou "saldão de Natal" começaram em São José dos Pinhais no primeiro dia útil do ano (2)

» O movimento de pessoas no calçadão da Rua XV de Novembro, no centro de São José dos Pinhais, começou a partir das 5h da manhã de ontem (6). Muitos consumidores disputavam o melhor lugar na fila diante das grandes lojas que ofereciam promoções arrasadoras e preços com descontos de até 70% na linha de móveis, fogões, geladeiras, lavadoras e eletros. Página 4


2

| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

Editorial

Fantasma da inadimplência Na ânsia de fomentar o mercado interno para fazer frente à queda brusca nas exportações, durante a crise dos títulos podres do mercado imobiliário americano, ampliaram-se as condições de acesso ao crédito para aquisição de bens duráveis. A medida foi correta e os resultados competentes. O Brasil passou ao largo da crise e, hoje, enfrenta o segundo ciclo do fenômeno com maior confiança. O lado crítico dessa questão, inevitável, é a inadimplência. Números divulgados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostram que, após dois anos seguidos de queda, a inadimplência do consumidor em 2011 fechou em alta de 5,34%. Foram usados na comparação dados das consultas ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC-Brasil). O presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior, avaliou que a inadimplência mais alta em 2011 tem relação com a instabilidade econômica internacional e as consequências sobre a economia doméstica, com a perda da confiança de consumidores e empresários. Influenciaram ainda as sucessivas elevações das taxas de juros no início do ano, com o encarecimento do crédito para as famílias e a redução de financiamento de longo prazo. Em relação a 2012, a expectativa é que haja redução na taxa de inadimplência. “Esperamos que fosse desacelerar durante o ano de 2012, chegando ao final do ano, com 2,5%”, destacou. Os números mostram também que as vendas de dezembro, no varejo, cresceram 2,42% em comparação a novembro, mas apesar do resultado positivo ficaram aquém da expectativa da CNDL, que esperava 8% de aumento. Segundo Roque Pellizzaro Junior, o resultado abaixo do esperado se deve muito ao processo inflacionário e ao fato de as pessoas destinarem o décimo terceiro ao pagamento de dívidas e não ao consumo. Outro fator, segundo ele, é que as pessoas esperaram as liquidações dos produtos da chamada linha branca (fogões e geladeiras, por exemplo) e não fizeram as compras desses produtos antecipadamente. Para ele, o cenário das vendas deve mudar a partir de fevereiro, quando parte dos trabalhadores começará a receber o salário mínimo referente a dezembro de 2012. “Fevereiro será de melhora de cenário em virtude do dinheiro novo que está para entrar na economia, refente ao aumento do salário mínimo e que virá 100% para o consumo ou para o pagamento de dívidas em virtude do perfil das pessoas que recebem esse montante”, destacou. Em fevereiro, estão programadas ainda as liquidações de calçados e vestuário, que deverão, na avaliação de Pellizaro, dar bom resultado com o salário mínimo também em circulação. O presidente da CNDL espera em 2012 um crescimento de 4,5% nas vendas a prazo, fazendo do comércio “a locomotiva que irá puxar a recuperação da economia brasileira”. Esse otimismo não deve ser visto como, no passado, um chamamento ao consumo. As grandes liquidações deste momento, em redes lojistas de todo o país, demonstram que se vive mais da euforia do que da razão. Os preços das liquidações deixaram de ser amplamente competitivos. As redes supermercadistas, em particular, toparam o desafio e sustentam uma competição, aí sim saudável, com benefícios ao consumidor.

Política & Poder SUPERGLEISI Sobre a questão das verbas das enchentes para Pernambuco enquanto três Estados do Sudeste é que estão sendo severamente castigados pelas chuvas, a ministra da Casa Civil, a paranaense Gleisi Hoffmann, interrompeu no início a semana de descanso que teria para tratar do caso em Brasília com o ministro da Integração Nacional (?), o agora polêmico Fernando Bezerra. Gleisi atendeu ordem da presidente Dilma Rousseff, que estava de férias na Bahia. Com o retorno de Dilma a Brasília, sua primeira reunião foi com Gleisi também para saber do andamento das providências de socorro aos três Estados e de outras pastas em geral. Vai daí que apesar de Gleisi negar que faz parte da linha dura do primeiro escalão do governo, uma "xerife" para resolver questões espinhosas, a imprensa agora só a trata desta forma. Ela tem sido chamada pela presidente a atuar sempre que essas crises surgem, o que vem lhe dando um status de "superministra". TODA OBRA Fato é que a ministra paranaense já recorreu duas vezes a notas oficiais para desmentir interferência em outros ministérios, como o Esporte, em novembro passado e agora o da Integração Nacional, diante de crises envolvendo essas pastas. Nessa semana foi chamada, sob urgência, para monitorar programas de prevenção e combate a enchentes. É provável que a missão de agora não será a única. Dilma escolheu Gleisi para por ordem na casa sempre que preciso. FOI PESSOAL Em junho de 2011 a presidente Dilma escolheu pessoalmente a senadora Gleisi para a Casa Civil, surpreendendo inclusive o PT e aliados do governo que esperavam a indicação de alguém com mais experiência política e não alguém de primeiro mandato. Antonio Palocci caiu, ela assumiu. A ESTRÉIA Vale lembrar que em julho, poucos dias depois de nomeada, Gleisi já assumia a tarefa de administrar crises, quando o então ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, foi acusado de fazer parte de um esquema de superfaturamento e cobrança de propinas em obras da pasta. Foi aí o começo. ALTO LÁ Falando nessa história das enchentes, Rubens Bueno, deputado federal paranaense líder do PPS na Câmara Federal, contestou ontem, de forma óbvia, a alegação do ministro Bezerra, da Integração Nacional, de que o volume de mais de R$ 700 milhões destinados a Pernambuco para prevenção de enchentes em 2011 foi obra do Congresso. ASSIM MESMO "A base toma as decisões de acordo com a vontade do

Correspondência para roselivalerio@gmail.com

governo, vota o que o governo manda", constatou. "São 400 e tantos, então é uma ‘tratorada’ atrás da outra", emendou Bueno. De acordo com o ministro, a proposta do governo federal para o Estado era de R$ 68 milhões, que foram acrescidos com emendas parlamentares. FALA SÉRIO Bezerra afirmou anteontem que "não é uma ação do ministro ou do governo federal". Rubens Bueno disse ter recebido um telefonema do ministro que se dispôs a prestar informações na Comissão Representativa do Congresso, propondo que isso aconteça na próxima terça-feira. "Quem define a data é o José Sarney (que preside a comissão)", disse o deputado. DIZ QUE VAI O líder do PPS estava em Matinhos, no litoral do Paraná, mas, apesar de não fazer parte da comissão, afirmou que pretende ir a Brasília, caso a comissão se reúna de fato na terça-feira. Como líder da bancada, ele já tinha apresentado um pedido de informações sobre as denúncias de uso político das verbas do Ministério da Integração Nacional. A CONFERIR Apresentada ontem uma proposta para pagamento do subsídio previsto na Emenda 29 às entidades de classes da Polícia Militar do Paraná, no Quartel do Comando Geral, em Curitiba, em um café da manhã. A proposta foi feita à PM pela Secretaria de Estado da Administração e Previdência do governo do Estado. As entidades ficaram de avaliar. LUPI RETORNA Bem antes de 30 de janeiro, data da reunião do diretório nacional do PDT para discutir preparativos às eleições municipais deste ano, o ex-ministro do Trabalho, Carlos Lupi, vai reassumir a presidência do PDT. Ele não agüentou esperar: na segunda-feira 9, em reunião da executiva, volta ao cargo de presidente nacional. SÓ POR DEUS Para o bem e para o mal, Carlos Lupi é que irá comandar as campanhas eleitorais de candidatos do PDT nas principais cidades do País. Curitiba é a capital onde o PDT tem melhores chances de vitória com o candidato Gustavo Fruet. Parece que para azar de Fruet, a eleição curitibana será a prioridade para o ex-ministro. DIZ ELE Falando em Gustavo Fruet, que deverá ter apoio do PT já no primeiro turno da disputa em Curitiba, ele não vê maiores problemas em ter sido um dos principais opositores do governo petista quando era deputado federal. Diz que não existe a contradição que se fala por conta da possível aliança. SEI NÃO... "A eleição local tem outra característica. Ela é muito mais para discutir o futuro da mobilidade, da segurança, da saúde, que para debater questões que dominam a pauta no Congresso", observa. Tem razão, mas o raciocínio funciona para o povão antes da campanha, já que para o formador de opinião nem isso. O problema é que na campanha o

povão será informado “ad nauseum” sobre Fruet ter mudado de lado. VENDIDO O PEIXE Curitiba ostenta desde ontem gigantes outdoors espalhados nas principais esquinas da cidade. Em fundo azul escuro com letras brancas informa-se: "R$ 90 milhões de economia O povo pediu, a Assembleia Legislativa do Paraná mudou continue fiscalizando pelo site www.alep.pr.gov.br/ transparencia". SUGESTÃO O anúncio que é para todo mundo ver, ficará exposto por duas semanas. O outdoor não diz, mas recomenda-se que ao longo do ano a população aceite mesmo a sugestão de manter a fiscalização sobre a atuação de deputados na Casa. SEM COLIGAÇÃO Mesmo sendo um dos pontos da reforma política em debate no Congresso Nacional, o deputado tucano Duarte Nogueira (SP), apresentou uma Proposta de Emenda à Constituição proibindo as coligações nas eleições proporcionais (para vereador, deputado estadual e deputado federal). É ASSIM QUE É 1 O deputado sustenta que a experiência dos últimos 25 anos revela que essas coligações não atendem ao interesse público. "Encerrado o pleito, os partidos coligados não defendem projeto comum, como era de se esperar", afirma. Segundo o tucano, a PEC é para fortalecer os partidos e a representação popular. É ASSIM QUE É 2 Duarte Nogueira diz que hoje, com as coligações, o eleitor é enganado, porque vota acreditando estar apoiando determinado programa político que depois, na prática, não se materializa. "Essa realidade se agrava quando verificamos que o voto em determinado candidato de um partido acaba auxiliando a eleição de candidato de outra agremiação". VAI TARDE Na prática, o eleito de outra legenda com ajuda do candidato em que realmente o eleitor votou, "passa a defender políticas públicas extremamente diversas daquelas defendidas pelo partido escolhido de fato pelo eleitor", avalia o autor da PEC. Esse quadro contribui para a falta de credibilidade dos partidos políticos, aponta Nogueira. Somente com o fim das coligações partidárias é que a política brasileira deixará de ser um negócio para candidatos pouco confiáveis. INFLAÇÃO Confirmado o que se vê nos supermercados: Curitiba teve a maior inflação em 2011 entre as 11 capitais pesquisadas, segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). No acumulado do ano, o IPCA calculado na capital paranaense foi de 7,13%. O índice de Curitiba é o maior desde 2004, quando o IPCA foi de 9,44%. Os dados foram divulgados ontem pelo IBGE. A inflação na capital ficou acima da média nacional, que foi de 6,50%.

CVM abriu 1.046 processos administrativos em 2011 Rio de Janeiro - A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) instaurou no ano passado 1.046 processos administrativos, sendo a maior parte deles (890) aberta em decorrência de reclamações de investidores. A informação é do superintendente de Proteção e Orientação aos Investidores da CVM, José Alexandre Vasco, em entrevista à Agência Brasil. No período de janeiro a novembro de 2011, a autarquia, vinculada ao Ministério da Fazenda, recebeu 29.047 manifestações de investidores, englobando consultas, sugestões, reclamações e denúncias. Os números referentes aos 12 meses do ano passado não foram fechados ainda, porque envolvem diversos canais de comunicação, entre os quais correspondências, ligações telefônicas, atendimentos pessoais, Central 0800 e Serviço de Atendimento ao Cidadão-SAC, disponível no endereço eletrônico da comissão (www.cvm.gov.br). Em 2010, foram instaurados pela CVM 975 processos e, em 2009, 1.143. Vasco ressaltou que os processos abertos em atendimento a reclamações de investidores têm uma questão fundamentada, mas não necessariamente apresentam um juízo quanto à procedência. Na avaliação do superintendente da CVM, o investidor brasileiro está cada vez mais interessado em aprender sobre o funcionamento do mercado de capitais. “Nós percebemos, ao longo dos anos, uma crescente complexificação das questões. Temos a impressão que os investidores que estão no mercado há mais tempo têm aumentado o interesse pela oferta de cursos e informações, não só da CVM, mas dos demais participantes do mercado. E, dessa forma, têm ganho experiência, aprendido cada vez mais e se tornado mais críticos em relação às empresas do mercado”. Isso ocorre também com os investidores que são acionistas, em relação às decisões dos administradores, destacou. “Isso tem gerado um grau de complexidade cada vez maior”. Já entre as pessoas que estão entrando no mercado de capitais, Vasco analisou que o grau de conhecimento é menor. Esses investidores de “primeira viagem” têm poucas informações sobre o funcionamento do mercado e podem perder recursos para golpistas. Os números consolidados de 2011, incluindo as empresas que detiveram o maior número de processos instaurados pela CVM no ano, serão divulgados no fim deste mês, no Boletim Semestral de Atendimento ao Público do Programa de Orientação e Defesa do Investidor (Prodin). Em 2012, segundo José Alexandre Vasco, a CVM pretende reformular o portal do investidor, lançado em 2007, após a revisão de alguns problemas técnicos. A meta é ter um portal com mais informações de investimentos “que sejam do interesse daqueles que estão operando ou que têm interesse imediato de operar no mercado”. Também em 2012, a comissão vai desenvolver o projeto de um ambiente virtual, onde as pessoas interessadas vão poder fazer cursos gratuitos e aprender sobre direitos dos acionistas, questões básicas de finanças pessoais, para poder atuar no mercado. “Será um ambiente virtual de aprendizagem, com uma ferramenta própria, permitindo cursos gratuitos para a população através da ‘internet’”. Os conteúdos dos cursos já estão prontos. Segundo Vasco, a expectativa é que o ambiente virtual esteja em funcionamento ainda no primeiro semestre do ano.

TSE decide que todos terão acesso às pesquisas eleitorais A medida inédita torna mais transparente o processo e deve reduzir tentativas de manipulações na campanha Roseli Valério, de Curitiba A partir de amanhã um link de acesso ao Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais estará disponível nos sites dos Tribunais Regionais Eleitorais e contará com manual eletrônico com orientações às entidades sobre como proceder. De acordo com a Resolução do Tribunal Superior Eleitoral, a mudança mais importante a partir das eleições municipais deste ano é que por causa do aperfeiçoamento do sistema informatizado de registro das pesquisas e a divulgação, qualquer pessoa poderá consultar, na internet, todos os dados exigidos pela lei.

Logo após o registro da pesquisa, o cidadão poderá ver informações como que empresa ou entidade registrou e quem contratou o levantamento; o valor e origem dos recursos despendidos no trabalho; o nome de quem pagou pela realização da pesquisa; a metodologia e período de realização do trabalho; o plano amostral e ponderação quanto a sexo, idade, grau de instrução e nível econômico do entrevistado; o intervalo de confiança; e a margem de erro. Mais rigor Acessando o site do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, por exemplo, a partir deste próximo domingo e até perto das eleições, que serão

realizadas em 7 de outubro, aparecerá um link ao Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais que terá também o manual eletrônico com orientações às entidades sobre como proceder. Os institutos de pesquisas, em geral contratados por candidatos, partidos, coligações ou veículos de comunicação, deverão informar ainda sobre o questionário completo aplicado ou a ser aplicado, o sistema de controle e verificação, a conferência e fiscalização da coleta de dados e do trabalho de campo, a indicação do município abrangido pela pesquisa, nome do estatístico responsável pela pesquisa, entre outros itens. E a partir do dia 5 de ju-

lho, quando a campanha eleitoral estará oficialmente nas ruas e no horário político de rádio e televisão, as empresas são obrigadas a relacionar todos os candidatos nas pesquisas a serem feitas. Conforme a Resolução do TSE, o Ministério Público Eleitoral, os candidatos e os partidos políticos ou coligações são partes legítimas para impugnar o registro e/ou a divulgação de pesquisas eleitorais perante o juiz eleitoral competente. E o veículo de comunicação que publicar pesquisa não registrada deverá arcar com as consequências dessa publicação, mesmo que esteja reproduzindo matéria divulgada em outro órgão de imprensa.


| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

3

No aniversário da emancipação, prefeito relembra municipalização do Hospital São José Nesta sexta-feira (06), a Prefeitura de São José dos Pinhais organizou um evento para celebrar os 159 anos da emancipação política do município, comemorada oficialmente no dia 08 de janeiro. Na ocasião, o prefeito Ivan Rodrigues relembrou a municipalização do Hospital e Maternidade São José dos Pinhais, cuja decisão foi anunciada no mesmo 8 de janeiro do primeiro ano de sua gestão, 2009. Para o prefeito, a decisão é fruto dos direitos que a emancipação política garantiu a São José dos Pinhais. "Com apenas 8 dias de gestão tomamos essa importante decisão, afastamos os rumores de

que o hospital iria fechar, de que os profissionais não seriam pagos e de que a população ficaria desamparada. Reconhecemos que tivemos problemas, como há em toda a saúde do País, mas sabemos que foi uma decisão acertada e que hoje a população tem nas mãos esse serviço público", completou Ivan. Outra decisão que o prefeito considera como benefício da autonomia de caminhos que um município emancipado tem é o aumento do piso mínimo dos servidores públicos municipais. No início da gestão, em 2009, o menor valor de vencimento de qualquer servidor público do município era

de R$ 445,39, passando para os atuais R$ 876, 12. "Essa autonomia nos permitiu fazer com que os nossos servidores tenham um dos maiores pisos salariais do Estado", finalizou o prefeito. Representantes da Força Verde, Conselho Tutelar e Guarda Municipal hastearam as bandeiras do Paraná, do Brasil e de São José dos Pinhais A solenidade oficial de comemoração do dia 8 de janeiro contou com a presença do secretariado municipal, autoridades religiosas, lideranças comunitárias, apresentação da cantora Carine Luup e dos vereadores Gastão Vosgerau, Toninho da Anderson e Prof. Walder.

Sérgio Sabino

Para o prefeito, a decisão é fruto dos direitos que a emancipação política garantiu a São José dos Pinhais

Banda Marcial de SJP apresentou-se durante a cerimônia

Estado divulga índice de repasse do ICMS para os municípios No ano passado, a soma total dos repasses de recursos do ICMS aos municípios ficou em R$ 4,8 bilhões A Secretaria de Estado da Fazenda divulgou nesta semana os índices que vão definir a parcela que cada um dos 399 municípios do Paraná terá direito na divisão da arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Os indicadores passam a valer até o fim da primeira semana de janeiro de 2013. No ano passado, a soma total dos repasses de recursos do ICMS aos municípios ficou em R$ 4,8 bilhões, o que significa evolução de 15,1% em relação a 2010. As transferências superaram em R$ 200 milhões a previsão

inicial contida na Lei Orçamentária de 2011. O primeiro repasse com os novos índices será realizado na próxima segunda-feira. O ICMS é dividido na proporção de 75% para o Estado e 25% para os municípios. O cálculo do Índice de Participação dos Municípios (IPM) leva em conta o valor adicionado, a produção agropecuária, o fator ambiental, a população e o número de propriedades rurais e o território de cada município. Para o município de Curitiba, por exemplo, o índice de participação no ICMS foi 0,1355295118

9159 no ano passado. A partir da próxima semana, a capital terá o índice de 0,1368851 7839270 e tem previsão para receber R$ 551 milhões neste ano. Um dos menores municípios do Paraná, Uniflor, classificado na posição 398, tem o índice 0,000 20714942776 e deve receber, em 2012, R$ 834.011,00. Os valores de cada um dos municípios podem ser consultados no Portal da Secretaria da Fazenda (link). Também é possível acessar a composição do índice de cada município em anos anteriores, os repasses financeiros e a legislação pertinente ao

Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A soma dos recursos repassados pelo Estado para os caixas municipais na última parcela de 2011 foi de R$ 17,9 milhões. Do total do ICMS arrecadado, são deduzidos os 20% para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização aos Profissionais da Educação (Fundeb). No valor transferido está inserida a participação de 50% a que as cidades também têm direito na arrecadação do Imposto sobre a Propriedade de Veículo Automotor (IPVA).

Miriam Belchior diz que não houve irregularidade na construção de barragens em Pernambuco A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, disse ontem (6) que não houve irregularidades na utilização de créditos extraordinários para investimentos na construção de barragens em Pernambuco. A decisão de usar parte dos recursos de uma medida provisória que liberava dinheiro para ações de reparação de danos de desastres naturais partiu do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, e beneficiou dois projetos de seu estado natal. Em 2010, Pernambuco e Alagoas foram atingidos por enchentes que deixaram 46 mortos e mais de 98 mil pessoas desalojadas. Segundo Mirian Belchior, após as ações de socorro imediato às famílias atingidas, o governo pediu um estudo sobre a importância das obras para evitar que a tragédia se repetisse. O governo do estado apontou a necessidade da construção de barragens, mas não apresentou os projetos a tempo de incluir os investimentos no Orçamento de 2011. "Quando a solução foi identificada, não tínhamos dotação específica para 2011, por isso o ministro da Integração usou a dotação de crédito extraordinário. Não há nenhuma irregularidade nisso, é dinheiro de defesa civil utilizado em uma obra de defesa civil", justificou a ministra, em entrevista à Agência Brasil. Miriam está de férias no Guarujá (SP). O conjunto de barragens nos rios Una e Sirinhaem vai beneficiar Pernambuco e Alagoas e estão sendo construídas no estado natal do ministro da Integração por questões técnicas, segundo Miriam Belchior. "Não adiantaria fazer as barragens em Alagoas, estão sendo feitas em Pernambuco porque precisam estar mais acima, perto da nascente dos rios", disse. "São obras que vão solucionar situação em dois estados críticos", completou. A ministra disse ainda que a construção de barragens está dentro da nova lógica de investimentos em defesa civil determinada pela presidenta Dilma Rousseff, de priorizar financiamento de ações de prevenção de desastres, o que também inclui drenagem de rios e contenção de encostas.

Novo regime para registro de empresas começa a vigorar segunda-feira A Junta Comercial do Paraná (Jucepar) inicia nesta segunda-feira (09) o registro de Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli), novo regime jurídico criado pela lei federal 12.441/11. A nova modalidade permite a constituição de empresas sem a necessidade de sócios e protege o patrimônio do empreendedor. "É um estímulo ao empreendedorismo que não precisará mais colocar todo seu patrimônio em risco para abrir uma empresa. A modalidade dará mais simplicidade ao procedimento", afirma o pre-

sidente da Junta Comercial, Ardisson Naim Akel, ao destacar que muitas empresas utilizam irregularmente sócios para cumprir a formalidade. "A previsão é que esse problema se encerre com a nova modalidade de registro", garante ele. O presidente explica que somente pessoas físicas com um capital mínimo de cem salários mínimos, aproximadamente R$ 62 mil, podem cadastrar as firmas na modalidade. Esse valor pode ser declarado em bens como terrenos e ações. A principal mudança para o em-

presário, segundo Akel, é que se a empresa falir, o patrimônio total do proprietário não será comprometido. Atualmente, os empresários têm duas possibilidades de registro: a Sociedade de Responsabilidade Limitada e a Firma Individual. Na primeira, é exigida a apresentação de no mínimo duas pessoas e que o capital de cada sócio seja totalmente integralizado. No caso de falência, existe a opção de separação dos bens pessoais. A segunda opção aceita a formação de empresa por apenas uma pessoa, mas coloca

todo o patrimônio do empreendedor como garantia. DÚVIDAS Para garantir melhor atendimento, a Jucepar colocou uma equipe de funcionários para sanear as dúvidas dos contabilistas, advogados e empresários sobre as características do novo regime de registro de empresas. "Queremos que as pessoas conheçam essa opção, que é segura e trará grandes benefícios para os empresários", afirma Akel. O presidente explica ainda que foram realizadas adaptações na estrutura da

Junta Comercial para atender pela modalidade. "Estamos preparados, fizemos treinamentos de pessoal em nossos 45 escritórios pelo Paraná", disse ele, reforçando a determinação do governador Beto Richa de dar suporte aos empreendedores. Mais informações estão disponíveis no site www.juntacomercial.pr.gov.br. SIMPLES NACIONAL As empresas interessadas em aderir ao regime tributário do Simples Nacional têm prazo até o fim do mês para fazer a solicitação. Quem perder o prazo,

terá de esperar até janeiro de 2013, já que a inscrição só ocorre neste mês em cada ano. A inscrição só é feita pela internet. O Simples unifica oito tributos (seis federais, um estadual e um municipal) e, assim, reduz a carga tributária dessas empresas. Também neste mês de janeiro estão entrando em vigor as novas regras do SuperSimples. O teto do faturamento bruto anual, por exemplo, passou de R$ 240 mil para R$ 360 mil no caso de microempresas e de R$ 2,4 milhões para R$ 3,6 milhões quando se trata de pequenas empresas.


4

| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

Liquidações movimentam o centro de São José dos Pinhais Grandes lojas de rede no calçadão da Rua XV ofereceram descontos de até 70% em produtos de mostruário

Promovendo parcerias para o crescimento empresarial

IPPEX assessora empresários a exportar

Fotos Ademar Marques/Jornal Metrópole

O movimento de pessoas no calçadão da Rua XV de Novembro, no centro de São José dos Pinhais, começou a partir das 5h da manhã de ontem (6), onde muitos disputavam o melhor lugar na fila diante das grandes lojas que ofereciam promoções arrasadoras e preços com descontos de até 70% na linha de móveis, fogões, geladeiras, lavadoras e eletros. As promoções denominadas de "queima total", ou "saldão de Natal", começaram em São José dos Pinhais no primeiro dia útil do ano (2). Grandes redes varejistas como a catarinense Salfer, a paranaense Multiloja e até pequenos empreendimentos locais iniciaram o mês de janeiro liquidando a sobra do estoque de final de ano. Nesta sexta-feira, as duas lojas do Magazine Luiza abriram às 6h da manhã, mas desde às 5h a fila de consumidores já estava formada diante do prédio. "Todos os itens de mostruário em nossas lojas estão sendo vendidos com descontos de até 70% à vista", diz o gerente Oziel Pereira da Silva. Segundo ele, os preços começavam pela panela de pressão sendo vendida a R$ 7 (75% de desconto) até a TV de LCD, com preços oscilando entre R$ 900 e R$ 1.800. O vigilante Ademir de Bona, 39 anos, contou que deixou a esposa Sônia guardando o lugar na fila desde às 5h. "Saí do trabalho às 6h e fui um dos primeiros a ser atendido. Comprei uma geladeira, um aparelho de som e uma TV de tela plana", disse o vigilante que gastou cerca de R$ 1,5 mil. Além do Magazine Luiza, os sãojoseenses também puderam conferir as liquidações em outras lojas como Romera, MM Mercado Móveis, Centrolar e Casas Bahia.

O interior das lojas foi totalmente tomado por consumidores durante o dia todo

"Nós vamos mais além porque a nossa liquidação continua neste sábado", explicou a gerente da MM, Tatiane Rocha. Segundo ela, o produto mais barato na loja durante os dois dias de promoção é o conjunto de talheres que está sendo vendido a R$ 7,90. As liquidações

de início de ano, vendendo o que sobrou do ano passado, mostraram que a maioria dos consumidores são-joseenses fizeram questão de esperar o dia dos descontos para adquirir os produtos de casa. É o caso da auxiliar de produção, Maria Salete Moura, 29 anos, que conseguiu renovar

os móveis da casa aproveitando a promoção e financiando toda a compra no cartão de crédito. "Valeu a pena guardar o meu 13º salário e mais algum dinheiro que economizei para deixar minha casinha bonita. Agora é só esperar a próxima, no ano que vem", disse.

A Associação Comercial de São José dos Pinhais (Aciap) possui um departamento de Comércio Internacional, a Câmara Setorial de Comércio Exterior (C.Comex). A C.Comex representa na cidade o Instituto de Planejamento e Promoção de Comércio Exterior (IPPEX), da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap). O IPPEX tem como objetivo oferecer assessoria completa aos empresários que querem levar seus produtos para o mercado internacional. O IPPEX proporciona aos associados que desejam exportar ou importar um leque de serviços que facilitarão a inserção no mercado de exportação. Além disso, o IPPEX organiza feiras, workshops, rodada de negócios e missões empresariais que ampliam a visão dos empresários para a exportação de produtos e serviços. CERTIFICADO DE ORIGEM O Certificado de Origem é um documento que atesta a origem da mercadoria. O Certificado também é utilizado pelo importador para comprovar a origem da mercadoria para redução ou isenção de impostos. Informações na sede da Associação Comercial (Aciap), 3525-0801.

O anúncio das promoções formou enormes filas nas portas das lojas no início da manhã

Curitiba apoia Guarapuava em manifestação contra crueldade animal Uma manifestação pacífica contra maus-tratos e crueldade aos animais reúne ativistas, veterinários e protetores de animais, a partir das 07h30, de hoje (7), na Praça Tiradentes, centro de Curitiba. O grupo seguirá em comboio, para a manifestação oficial que acontece às 14h30 em frente ao Supermercado PartekaConradinho, na Rua Antônio Losso, em Guarapuava. O objetivo é rogar justiça ao caso do cão que foi morto a facadas no último dia do ano de 2011. A iniciativa está sendo organizada pela Sociedade Protetora dos Animais da cidade de Guarapuava (SPAG), Amigos do Canil e também tem o apoio da veterinária Andrea Barros, responsável pela organização do grupo que parte de Curitiba. De acordo com a Dr. Andrea Barros é inadmissível qualquer tipo de maus-tratos e crueldade aos animais, sendo assim, o apoio tem o objetivo de não deixar este e outros casos hediondos que vem ganhando a mídia ultimamente, mas sempre ocorreram, serem esquecidos. "A causa animal não é nova, este tipo de barbárie sempre ocorreu, esta ganhando visibilidade e força com a velocidade, mas mesmo assim causa muita revolta e indignação, o que é compreensível, o que se espera é que as autoridades competentes revisem urgentemente toda esta questão legal envolvida e penas que não trazem por fim

punição alguma ao agressor seja substituída urgentemente. Muitos querem para ontem, eu também, mas infelizmente não acontece assim, o que não podemos é desanimar, a estrada é longa sim, espinhosa, mas não é sem fim! Chegaremos lá. Há muita gente séria empenhada para isto", desabafou. O apoio não vai só de Curitiba, o publicitário e protetor Luiz Fernando Juka Sobreiro, do "Planeta pede Socorro" de São Paulo, também se manifestou e apoia a manifestação, para que estas práticas não sejam esquecidas. "Estes absurdos de maus-tratos sempre aconteceram, a diferença é que agora a imprensa está mostrando e, isto está repercutindo. Assim as nossas manifestações são uma forma de não deixar estes crimes caírem no esquecimento. Com certeza com Curitiba apoiando Guarapuava este ato criminoso não será esquecido facilmente", ressaltou. Juka ainda relata que outras manifestações acontecerão ainda em janeiro, dia 22, em todo país, principalmente para obter mudança na pena. "De certa forma perante a lei não acontece nada, as penas são reduzidas e acabam em pagamentos com cestas básicas, estas manifestações acontecerão com o intuito de mudar a penalidade destes casos", concluiu.


5

| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

Metró ole Variedades O que existe é o que vemos e tocamos. O que vemos e não tocamos não existe. ( George Berkeley )

Céu com muitas nuvens sujeito a pancadas de chuva

PROGRAMAÇÃO DE CINEMA

Máx.27º Mín. 13º

Dia 08: Mín. 15º e Máx. 25º Dia 09: Mín. 14º e Máx. 26º Dia 10: Mín. 16º e Máx. 25º

Nhoques de Ricota e Espinafre

T O M E N O TA Paraná (Sinapro-PR). Com duração de um ano, o curso conta com uma infraestrutura completa, com equipamentos e estúdio. Mais informações pelo telefone (41) 3222-6669 ou no site www.centroeuropeu.com.br.

Lanchar na parte da manhã prejudica dieta, diz estudo

5) Quem foram os protagonistas do filme "Instinto Selvagem"? a) Leonardo De Caprio e Kate Winslet b) Antonio Banderas e Madonna c) Michael Douglas e Demi Moore d) Michael Douglas e Sharon Stone

Apoio, no Fiel salto em aos comaltura promissos Rude

Inimigo atrapalhado do Zorro (TV)

Sufixo de "gostosura" Olá Pôr O cargo como o de senador (?) Martin, parceiro de Jerry Lewis

Suspiros poéticos de amor

Conversa (pop.)

Poema grego (?) Leão, cantora Completa o "yang" (?) Toledo, humorista

Corre na garupa de um cavalo

26

O D E Desalento; abatimento

Anuar (?), estadista egípcio Acolá

Interjeição de surpresa

O maior rio alemão Tintura de cabelo

Permanece acesa nos Jogos Olímpicos

(?)-8, grupo dos países mais ricos Vegetal analisado nos estudos de genética de Mendel (pl.)

Abiudo-mato (bras.) Babá

Sala de projeção de filmes (red.) Órgão estudado pelo nefrologista

Embalar (o bebê) Fluido do isqueiro

Arte japonesa de figuras de papel

100, em romanos El. comp. de "ambivalente": ambos

(?) nuclear, instalação como Angra I e II Parte diretora da assembléia

BANCO

Coreografia das torcidas

Solução S A R G E N T O G A R C I A

4) A novela é "Cidadão Brasileiro". Como se chamava a personagem interpretada pela atriz e cantora Danni Carlos? a) Dóris b) Luíza c) Renée d) Carolina

(?) Lombardi, atriz e apresentadora brasileira

© Revistas COQUETEL 2008

Ganho do PersonaPlaca obrigató- corretor gem criado ria nos do câmbio por Charparalelo les Schulz bares

V I X A U R O C A I R O D N E A D A R E N A S A C A N A M I A M B O L

3) O quadro "Tá No Papo" fazia parte de qual programa? a) "Gente Inocente" b) "Domingo Legal" c) "Domingão do Faustão" d) "Quarta Total"

O Maluco Beleza da MPB

L U L S E R U N A C O L E R O L O P A E Y I T A S I R A V I L H O I E C N R I G A I N A M E S A

2) Como se chamava a personagem de Patrícia França na novela "A Padroeira"? a) Blanca de Assunção b) Blanca de Madrid c) Blanca de Aguillar d) Blanca de Sevilha

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS www.coquetel.com.br

T R A B E L G A D E P E R E Ç O U S

1) Carlos Vereza também teve seu momento de Papai Noel em qual especial que foi exibido pela Rede Globo? a) "O Natal do Menino Imperador" b) "Casos e Acasos". c) "Xuxa Especial de Natal" d) "Papai Noel Existe"

Mulheres que estavam fazendo dieta durante um ano e tomavam lanches na parte da manhã perderam, em média, 7% do peso, enquanto as que não tinham esse costume perderam 11%. A necessidade de comer durante esse período é, segundo os pesquisadores, um sinal de que a alimentação da pessoa não é saudável. "A pessoa não come durante esse período para satisfazer a fome. É apenas um reflexo de não se preocupar com os hábitos alimentares", acredita Anne McTiernan, autora do estudo. O estudo foi realizado com 123 mulheres obesas ou acima do peso, com idades entre 50 e 75 anos. Elas participavam de um estudo para identificar se perder peso e exercícios físicos tinham algum efeito no câncer de mama. Enquanto 97% das mulheres faziam lanches durante o dia, apenas 19% tinham o costume de comê-los entre 10h30 e 11h30. Os pesquisadores apontaram que o momento mais comum em que 76% das participantes lanchavam era entre 14h e 17h30. As mulheres que comiam durante a parte da manhã estavam mais propensas a lanchar mais durante o dia. O estudo mostrou que 47,8% das que comiam durante a manhã comiam três ou mais lanches por dia, enquanto apenas 38,9% das mulheres que lanchavam mais tarde comiam tantas vezes assim. Durante a pesquisa, os cientistas descobriram que os hábitos alimentares vêm sendo alterados e que as pessoas estão comendo mais sem se preocupar. Como o número de lanches entre as refeições aumentaram, as calorias ingeridas também, visto que poucas pessoas diminuíram as calorias de outras refeições. Lanche saudável Na opinião dos pesquisadores, lanches saudáveis podem ajudar a pessoa a ter uma dieta bem sucedida, além de aumentar a saciedade. O estudo mostrou que as mulheres que comiam entre dois e três lanches saudáveis por dia ingeriam mais fibras do que as que só comiam um ou nenhum. As que comiam na parte da tarde também consumiam mais frutas e vegetais do que as outras. McTiernan conclui que quem deseja emagrecer precisa se educar para incorporar lanches saudáveis à dieta.

4/hena. 5/bruna — sadat. 6/snoopy. 7/origami. 14/tabela de preços.

(Respostas: 1-c / 2-d / 3-a / 4-c / 5-d)

Pequenos em boas mãos Começa nesta segunda-feira (9), a Colônia de Férias do Círculo Militar do Paraná. Os pais que precisam trabalhar, podem ficar despreocupados até o dia 20 de janeiro, quando se encerram as atividades. São brincadeiras recreativas, aquáticas, passeios, esportes e oficinas de arte, das 13h30 às 17h30, tudo sob coordenação de uma equipe especializada. Crianças de quatro a 13 anos podem participar. Os pais que quiserem ter mais informações sobre a Colônia podem acessar o site www.sportcirculo.com.br ou entrar em contato com o Departamento de Esportes, no fone 3264 5022, para as inscrições. Inscrições para o vestibular da Famec terminam dia 25 Estão abertas até o dia 25 de janeiro as inscrições para o vestibular da Faculdade Metropolitana de Curitiba (Famec), que integra o Sistema Fiep. São vagas em Administração, Direito, Sistemas de Informação, Pedagogia e Tecnologia em Redes de Computadores. As provas podem ser agendadas através dos telefones 0800-41-5881 e 3593-1221 e realizadas entre os dias 02 e 27 de janeiro. Uma das novidades para o ano de 2012 é o desconto progressivo oferecido aos alunos adimplentes. Mais informações www.famecpr.edu.br Centro Europeu abre inscrições para o curso de Cinema O Centro Europeu está com as matrículas abertas para o seu tradicional curso de Cinema, atividade coordenada por dois nomes de destaque no mercado cinematográfico brasileiro, Fernando Severo e Diego Lopes. O curso segue padrões internacionais de qualidade e é chancelado pelo Sindicato da Indústria Audiovisual do Paraná (SIAPAR) e pelo Sindicato das Agências de Propaganda do

Ingredientes 500 gramas de espinafre (só as folhas) 500 gramas de ricota bem macia 50 gramas de farinha de trigo 50 gramas de parmesão ralado 2 ovos Sal a gosto Como Fazer Ferva água em uma panela grande. Reserve. Coloque o espinafre sem água em outra panela e cozinhe até murchar. Deixe esfriar e pique em pedacinhos bem pequenos. Misture a ricota, o espinafre, os ovos, a farinha, o queijo e o sal a gosto. Mexa bem até que todos os ingredientes fiquem bem mesclados. Faça bolinhas do tamanho de uma uva grande. Coloque farinha de trigo em um prato e passe cada bolinha na farinha. Despeje algumas bolinhas na panela com água fervendo e espere as bolinhas subirem à superfície. Retire-as e reserve. Molho: 2 colheres de sopa de manteiga Folhas de alecrim Folhas de orégano fresco Como fazer: Aqueça a manteiga até quase dourar. Junte as folhinhas de alecrim e de orégano. Jogue sobre os nhoques e sirva imediatamente.


6

| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

TR, POUPANÇA E TBF TR MENSAL % out nov 0,06 0,06

Empresas têm até 31 de janeiro para recolher a Contribuição Sindical Empresarial Fiep, Fecomércio e Faep já colocaram no ar site com orientações para emissão da guia de pagamento e informações sobre benefícios gerados com os recursos arrecadados As empresas paranaenses têm prazo até dia 31 de janeiro para recolher a Contribuição Sindical Empresarial. Prevista em lei e de caráter compulsório, a contribuição é a principal fonte de recursos do sistema sindical brasileiro. Os recursos são revertidos em serviços e benefícios que dão suporte às empresas na busca de novas oportunidades e fortalecimento dos negócios. Para fornecer informações às companhias e facilitar o processo de emissão da guia para recolhimento da contribuição, a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), a Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio) e a Federação da Agricultura do Paraná (Faep) lançaram, em conjunto, o site www.contribuicaosindical.org.br. Amparada legalmente pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), a Contribuição Sindical Empresarial deve ser paga sempre no início de cada ano, com prazo final até 31 de janeiro. A receita recolhida é repassada a sindicatos (que ficam com 60% do arrecadado), federações (15%), confederações (5%) e Ministério do Trabalho (20%). O valor a ser pago pela empresa é calculado com base em seu capital social. Micro e pequenas empresas inscritas no Simples Nacional também devem contribuir. Por ser previsto em lei, o pagamento da Contribuição Sindical é um dos itens verificados durante fiscalizações do Ministério do Trabalho nas empresas. Ele também é exigido para que as companhias participem de licitações do setor público, forneçam a autarquias e estatais, e para que obtenham licenças e

Receita libera na segundafeira consulta a lotes da malha fina Brasília - A Receita Federal do Brasil libera da malha fina, na próxima segunda-feira (9), às 9h, consulta ao primeiro lote de declarações residuais do Imposto de Renda Pessoa Física 2011. Serão liberadas também declarações que estavam retidas referentes a 2010, 2009 e 2008. A consulta aos lotes estará disponível na página da Receita Federal na internet ou pelo telefone 146. O dinheiro será depositado no banco no dia 16. Do exercício de 2011, serão creditadas restituições para um total de 73.878 contribuintes, corrigidas em 8,58 %. De 2010, serão pagas restituições para 10.768 contribuintes, com correção de 18,73 %. Do exercício de 2009, os valores, atualizados em 27,19%, serão pagos a 5.578 pessoas. De 2008, as restituições serão destinadas a 3.533 contribuintes, já corrigidas em 39,26%. A Receita informou que a restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Declaração IRPF. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá ir a qualquer agência do Banco do Brasil (BB) ou ligar para a Central de Atendimento BB – que atende pelos telefones 4004-0001 (capitais), 08007290001 (demais localidades) e 080071290088 (deficientes auditivos) – para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

alvarás junto a órgãos federais, estaduais e municipais. Benefícios Mais do que uma obrigação legal, porém, as empresas devem encarar o pagamento da Contribuição Sindical Empresarial como um investimento. Com o trabalho de sindicatos empresariais, federações e confederações, as companhias contam com um sistema de representação local e nacional para defender seus interesses. Além disso, as entidades representativas possuem estruturas, produtos e serviços para ajudar no crescimento e fortalecimento das empresas. No caso da Fiep, as indústrias contam com apoio para a construção e implantação de um tratamento tributário adequado aos negócios. Recentemente, por articulação da Federação, as empresas do setor têxtil e do vestuário do Paraná obtiveram a garantia do governo do Estado de que terão descontos no ICMS até 2015. A Fiep também oferece serviços que incluem cursos na área de gestão, capacitação profissional, assessoria jurídica e apoio nas negociações coletivas. A Federação tem ainda uma área que acompanha a tramitação de projetos de lei de interesse dos empresários e defende causas como a redução da carga tributária. Atua no apoio à internacionalização das empresas, no incentivo à inovação tecnológica e na divulgação de linhas de crédito. Disponibiliza, também, uma série de pesquisas, estudos e levantamentos com informações estratégicas para o planejamento das empresas.

Secretaria diz que alteração no ICMS não justifica aumento nos preços dos medicamentos genéricos em SP

dez 0,09

jan 0,09

ano 0,09

12 m 1,22

POUPANÇA MENSAL % out nov dez 0,56 0,56 0,59

jan 0,59

ano 0,59

12 m 7,45

ÍNDICES DIÁRIOS 7/12 a 7/1 8/12 a 8/1 9/12 a 9/1 10/12 a 10/1 11/12 a 11/1 12/12 a 12/1 13/12 a 13/1 14/12 a 14/1 15/12 a 15/1 16/12 a 16/1 17/12 a 17/1 18/12 a 18/1 19/12 a 19/1 20/12 a 20/1 21/12 a 21/1 22/12 a 22/1 23/12 a 23/1 24/12 a 24/1 25/12 a 25/1 26/12 a 26/1 27/12 a 27/1 28/12 a 28/1 29/12 a 29/1 30/12 a 30/1 31/12 a 31/1 1/1 a 1/2 2/1 a 2/2

0,1268 0,0995 0,0687 0,0609 0,0895 0,1386 0,1280 0,1296 0,1090 0,0651 0,0684 0,0873 0,1090 0,1320 0,1050 0,0932 0,0624 0,0704 0,0998 0,1281 0,1255 0,1286 0,1004 0,0705 0,0675 0,0864 0,1400

0,9078 0,8803 0,8292 0,8114 0,8502 0,8696 0,9190 0,9206 0,8999 0,8256 0,8189 0,8580 0,8898 0,9130 0,8758 0,8539 0,8229 0,8309 0,8706 0,9191 0,9265 0,9296 0,8812 0,8410 0,8180 0,8571 0,8710

CONSTRUÇÃO em % set out CUB/PR 0,44 0,33 CUB (Out / 2011): R$ 993,75

nov 0,34

0,6274 0,6000 0,5690 0,5612 0,5899 0,6393 0,6286 0,6302 0,6095 0,5654 0,5687 0,5877 0,6095 0,6327 0,6055 0,5937 0,5627 0,5708 0,6003 0,6287 0,6261 0,6292 0,5868 0,6407

ano 8,39

12 m 8,45

FAJ-TR / TR-FATOR 2/1 3/1 4/1

2,7519270 2,7520644 2,7523675

0,01232945 0,01233007 0,01233084

SELIC Dez/10 0,93% Jul/11 Jan/11 0,86% Ago/11 Fev/11 0,84% Set/11 Mar/11 0,92% Out/11 Abr/11 0,84% Nov/11 Mai/11 0,99% Dez/11 Jun/11 0,96% Jan/12 * No mês corrente o valor da Selic é sempre 1,00%

0,97% 1,07% 0,94% 0,86% 0,86% 0,91% *1,00%

IR DEZEMBRO * IR 2011: A oitava parcela do IR 2011 venceu em 30/11. Para pagamento de parcelas atrasadas há em janeiro juros Selic de 8,58%, mais juros. ** Para pagar atrasado um tributo cujo vencimento foi no mesmo mês,será cobrada a Selic do mês corrente (1,00%). Para atrasos que extrapolem o mês em curso, será cobrada taxa equivalente à soma da Selic dos meses em atraso, mais multa.

PREVIDÊNCIA Competência: DEZEMBRO Vencimento empresas 20/01 e pessoas físicas 16/01. A partir disso há multas de 4% a 100% e juros (Selic) EMPRESÁRIO/EMPREGADOR Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 545,00 (R$ 59,95) e R$ 3.691,74 (406,09), através de GPS. AUTÔNOMO 1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 545,00 (R$ 109,00) a R$ 3.691,74 (R$ 738,34) . 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% até o máx. de R$ 3.691,74 (R$ 406,09) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre o que recebe de jurídicas, até R$ 3.691,74 (R$ 406,09). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.691,74. FACULTATIVO Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 545,00 (R$ 109,00) e R$ 3.691,74 (R$ 738,34), através de carnê. ASSALARIADOS Salário Contribuição (R$) Até 1.107,52 De 1.107,53 até 1.845,87 De 1.845,88 até 3.691,74

Alíquota 8,00% 9,00% 11,00%

EMPREGADOS DOMÉSTICOS

São Paulo – A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo alertou ontem (6), por meio de nota, que a mudança na base de cálculo do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) não justifica o aumento no preço de varejo (redes de farmácias) dos medicamentos. “A alíquota do imposto continua inalterada [em 18%]. Com a base de cálculo estabelecida, apenas ocorrerá uma tributação justa sobre o efetivo preço praticado nas farmácias, que, esse sim, é regulado por fatores de mercado”, diz a nota. Segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos (Pro Genéricos), os preços dos remédios genéricos poderão ter elevação até 15%, no estado de São Paulo, a partir deste mês. De acordo com a entidade, o aumento é consequência da alteração no sistema de cobrança do ICMS no esta-

do, que entrou em vigor no começo do ano. A Secretaria da Fazenda estadual ressaltou ainda que observa estritamente a legislação referente à definição da base de cálculo do ICMS para medicamentos e utiliza para isso pesquisas feitas por institutos reconhecidos. “Foram considerados os descontos praticados nas farmácias, apurados na pesquisa realizadas pela Fipe [Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas], aplicados sobre a tabela de preços máximos ao consumidor (PMC), composta por dados fornecidos pelas próprias indústrias”. A secretaria destacou ainda que está atenta às necessidades da população que utiliza os programas Farmácia Popular e Dose Certa e que considerou este fator na definição da base de cálculo dos tributos de medicamentos.

Alíquota % 8 a 11 12 20 a 23

Empregado Empregador Total

R$ mín 43,60 65,40 109,00

SALÁRIO FAMÍLIA – DEZEMBRO Salário de até R$ 573,91 Salário de R$ 573,92 a 862,60

R$ máx 406,09 443,01 849,10

R$ 29,43 R$ 20,74

OUTROS ÍNDICES BTN + TR TJLP Sal. Mínimo FGTS UPC

set 1,560500 6,00 545,00 0,4547 22,09

out 1,562065 6,00 545,00 0,3471 22,09

IR – TABELA DE JANEIRO Desconto na fonte e carnê-leão Base (R$) Alíquota Até 1.637,11 isento 1.637,12 a 2.453,50 7,50% 2.453,51 a 3.271,38 15,00% 3.271,39 a 4.087,65 22,50% 4.087,65 em diante 27,50%

nov 1,563033 6,00 545,00 0,3087 22,19

dez 1,564041 6,00 545,00 0,3112 22,19

Dedução – R$ 122,78 R$ 306,80 R$ 552,15 R$ 756,53

Deduções: a) Assalariados: 1) - R$ 164,56 por dependente; 2) - pensão alimentícia; 3) - contribuição à Prev. Social; 4) - R$ 1.637,11 por aposentado a partir de 65 anos; 5) - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carnê Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.


| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

7

Maus-tratos a animais viram casos de polícia em Curitiba e região Os casos de torturas e mortes de animais, recentemente divulgados em imagens pela internet, são mais comuns do que muita gente imagina. Somente em 2011, a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) registrou 313 Boletins de Ocorrências referentes a maus tratos de animais em Curitiba e Região Metropolitana. O número, considerado alto pela delegacia, representa uma queda quase que inexpressiva com relação a esse tipo de ocorrência registrado em 2010 (329 boletins). A quantidade de denúncias que, quase diariamente, chegam à DPMA mostram que ainda falta conscientização de parte da sociedade. Segundo a polícia, 90% dos casos de maus tratos de animais se referem a cães, no entanto, há uma infinidade de espécies que são expostas a situações degradantes que colocam em risco a integridade física do animal. Segundo a investigadora Jane Cassiano de Oliveira, as denúncias de maus-tratos a cavalos também são comuns. Uma das práticas mais frequentes é justamente a falta de

cuidados. "É comum flagrarmos animais que ficam confinados em ambientes fechados sem comida, não recebem tratamentos contra doenças, ou não contam com abrigo adequado", afirma a investigadora Jane. Ela revela que, nesta época de férias, aumentam os casos de abandono de animais. "Muita gente sai em viagem de férias e acaba abandonado o animal na rua. Isso também pode ser caracterizado como crime", explica. O delegado chefe da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente, Wallace de Oliveira Brito, explica que maltratar animais deixou de ser uma contravenção para ser considerado um ato criminoso, desde que passou a vigorar a Lei de Crimes Ambientais (9.605/98). De acordo com o artigo 32 da lei federal, "praticar ato de abuso, maustratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos" é passível de pena que vai de três meses a um ano de detenção, além de multa. "Essa criminalização dos maus-tratos contra animais tem despertado uma conscientização, mesmo

que ainda modesta, perante a população", afirma. De acordo com o Brito, a delegacia não tem medido esforços na execução de ações que visam inibir os crimes contra o meio ambiente. "Temos sentido uma queda do volume de ocorrências, em função da repressão efetiva a esse tipo de crime e com uma ação permanente da Polícia Civil que visa responsabilizar os infratores", comenta. Segundo o delegado, todas as denúncias que chegam à DPMA são averiguadas. As ocorrências podem ser comunicadas pelo e-mail dpma@pc.pr.gov.br, ou pelo telefone 3356-7047. Denúncias anônimas também podem ser feitas através da Delegacia Eletrônica (www.delegaciaeletronica.pr.gov.br). "É preferível que as pessoas compareçam à delegacia para formalizar o boletim de ocorrência. A partir disso, a polícia verifica a procedência do caso", avisa. A DPMA fica na Rua Erasto Gaertner, 1.261, no bairro Bacacheri, em Curitiba. CASOS A repercussão do caso de uma enfermeira que torturou um ca-

chorro da raça yorkshire até a morte, em Formosa, cidade goiana no Entorno do Distrito Federal, pode ter estimulado uma série de denúncias referentes a maus-tratos de animais em todo o País. No Paraná, a Polícia Civil recebeu denúncias de casos que chocaram comunidades da capital e do interior. Na última semana, um vídeo que mostra adolescentes matando um cachorro com bombinhas foi publicado na internet. O crime teria ocorrido há dois anos, mas só agora, por conta do vídeo, chegou ao conhecimento das autoridades policiais. A DPMA investiga o caso. Um segundo caso, em Guarapuava, despertou a indignação de moradores do bairro Conradinho Paraná. De acordo com a 14ª Subdivisão Policial, na noite do dia 31 de dezembro, um homem matou um cachorro a facadas quando o animal tentava se esconder dos fogos de artifício na garagem da casa onde ele mora. A polícia registrou o Termo Circunstanciado e ouviu o suspeito. O caso será encaminhado para o Juizado Especial da cidade.

Ladrões furam parede e arrombam agropecuária no centro nhos e da própria polícia. "Certamente eles fizeram algum barulho e se movimentaram bastante quando estavam demolindo parte da parede para entrar. O fato mais estranho é que o meu sistema de alarme não disparou", explica Reis. Segundo ele, além dos motores, os ladrões ainda levaram vários artigos de cutelaria, óculos polarizados, molinetes e carretilhas, além de três carabinas de pressão. "Um prejuízo avaliado em cerca de R$ 30 mil", lamenta o empresário. O caso foi registrado na delegacia de São José dos Pinhais, que iniciou as investigações. O delegado Gil Rocha Tesserolli suspeita que uma quadrilha esteja agindo no centro da cidade e determinou que uma equipe de investigadores passe a monitorar o centro da cidade na tentativa de localizar os suspeitos.

O empresário Genésio Reis mostra o buraco feito por ladrões na parede da sua loja

"O importante é que as pessoas, principalmente nos bairros, não comprem objetos de procedência desconhecida. Se alguém aparecer oferecendo motores de barco, artigos para pesca ou outros equipamentos

sem nota fiscal, não comprem e entrem em contato com a nossa delegacia, pois se trata de produtos roubados e quem os adquire poderá responder por crime de receptação", explica o delegado.

Foto Divulgação/Denarc

Drogas eram vendidas em mansão de luxo na capital Uma operação para combater o tráfico de drogas em Curitiba foi desencadeada na manhã da última quinta-feira (5), por policiais da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), onde seis mandados de busca e apreensão foram cumpridos e uma pessoa acusada de envolvimento com o tráfico de entorpecentes foi presa em uma casa de luxo no Jardim Schaffer, bairro Vista Alegre, na capital. De acordo com a polícia. as investigações tiveram início em setembro do ano passado e quatro pessoas relacionadas com o tráfico de drogas eram investigadas. Nesta semana, seis mandados foram cumpridos nos bairros Ci-

O delegado Wallace de Oliveira Brito disse que todas as denúncias são investigadas

RONDA POLICIAL MACHADADAS O aposentado Olírio Antônio Farias, 70 anos, foi encontrado morto na tarde de ontem (6), às margens da Rua Emenegildo Soares Machado, na Colônia Aciolli, em São José dos Pinhais. Policiais militares do 17º Batalhão informaram que o idoso apresentava vários cortes profundos na cabeça, provavelmente feitos por golpes de machado. O cadáver foi encontrado por um chacareiro que comunicou a polícia. O caso está sendo investigado pela DP de São José dos Pinhais. MORTO NA TORRE Um rapaz identificado como Leônidas Ribeiro, 22 anos, foi baleado quando estava debaixo de uma torre de alta tensão, na Vila São Fernando, bairro Fazendinha, em Curitiba, no final da noite de quinta-feira (5). Segundo a PM, moradores do bairro ouviram vários disparos de arma de fogo e quando foram verificar o que estava acontecendo, encontraram o rapaz agonizando. Levado ao Hospital do Trabalhador, Ribeiro não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito. O caso foi repassado à DP de Homicídios, que deu início às investigações. MORTO COM DEZ TIROS Um homem que não portava documentos e aparentando ter aproximadamente 30 anos, foi morto com pelo menos dez tiros, no final da noite de quinta-feira (5), no bairro Alto Boqueirão, em Curitiba. De acordo com a polícia, o crime aconteceu por volta das 23h30, mas os moradores da região não souberam informar nada sobre a autoria do crime. Policiais da DP de Homicídios também estiveram no local e deram início às diligências. MORTA AO LADO DO CACHIMBO Uma mulher que não portava documentos foi assassinada com vários tiros nas costas, no início da madrugada de ontem (6), na Rua Antônio Moacyr Ribeiro Batista, na Cidade Industrial de Curitiba. Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu ao lado de uma cancha de esportes, na Vila Maria e ao lado do corpo da mulher foi encontrado um cachimbo usado para consumir crack. A hipótese de a mulher ter sido morta por pessoas envolvidas com o tráfico no bairro não está descartada pela DP de Homicídios.

Foto Ademar Marques/Jornal Metrópole

Um prejuízo estimado em aproximadamente R$ 30 mil foi o que calculou o proprietário de uma agropecuária, na Avenida Rui Barbosa, centro de São José dos Pinhais, ao chegar no local de trabalho na manhã de ontem (6) e constatar o arrombamento feito através de um buraco na parede de concreto da sua loja. Usando provavelmente uma furadeira e uma ponteira de ferro, os arrombadores invadiram o estabelecimento durante a madrugada e roubaram diversos equipamentos de valor, entre eles dois motores de barco, modelos 55 e 44, das marcas Sumax e Marine Sport. O empresário Genésio Pedro dos Reis, dono da Agropecuária Agropesca Iguaçu, disse que não entende como os ladrões conseguiram entrar sem chamar a atenção de vizi-

Foto Divulgação/Evandro Artuzi

Somente em 2011, mais de 300 ocorrências foram registradas na delegacia especializada

dade Industrial, Pilarzinho, Bairro Alto e Bacacheri. Na residência de luxo, no Jardim Schaffer, os policiais prenderam em flagrante Felipe Yushi Sakamoto e Souza, 25 anos, com 160 gramas de maconha, duas balanças de precisão, R$ 949 em dinheiro, 196 dólares e um computador que era usado para esconder a droga. Em outras residências, a polícia apreendeu ainda 140 gramas de maconha e 100 micropontos de LSD. Sakamoto está detido no Setor de Carceragem Temporária da delegacia e será autuado por tráfico de drogas e encaminhado ao Centro de Triagem II, em Piraquara. Se condeFelipe Sakamoto foi preso em uma mansão de nado, poderá pegar de cinco a 15 anos de luxo na capital com maconha e dólares reclusão, sem direito à fiança.

BANDIDINHO Policiais da DP de Homicídios apreenderam, na manhã de ontem (6), um adolescente que não teve o nome e nem a idade revelada, apontado como o principal suspeito de ser o autor de tiro que atingiu uma criança de apenas quatro anos, no bairro Parolin, em Curitiba, na tarde da última quarta-feira (4), durante uma troca de tiros entre gangues rivais. Equipes da DH, comandadas pelo delegado Rubens Recalcatti, reforçaram as investigações naquele bairro depois da prisão de Paulo Sérgio dos Santos, vulgo "Bocão", na quinta-feira (5), acusado de comandar o tráfico de drogas na região e suspeito de envolvimento com vários homicídios.

Presos quatro envolvidos com o tráfico na Região Metropolitana Uma ação dos policiais militares do 17º Batalhão Metropolitano, pertencentes ao 6º Comando Regional da PM, resultou na prisão de quatro pessoas e na apreensão de armas e quase meio quilo de drogas, além de acessórios usados para o consumo de entorpecentes e uma motocicleta roubada, em Fazenda Rio Grande, Região Metropolitana de Curitiba, na manhã desta quinta-feira (5). Segundo a Polícia Militar, os agentes apreenderam um revólver calibre 357, com cinco munições intactas, R$ 111 em dinheiro trocado, uma pistola calibre 765, 300 gramas de maconha em tablete, 50 gramas de crack, vários cachimbos usados por viciados e uma motocicleta Honda CBX-250 de procedência suspeita. A ação policial aconteceu por volta das 3h da manhã, no bairro Iguaçu, quando uma das equipes abordou um grupo de rapazes em atitude suspeita. Neste primeiro momento, os policiais encontraram o revólver com as munições, além do dinheiro e a quantidade de drogas. Após a abordagem, segundo informações dos policiais, eles se deslocaram até uma residência onde apreenderam uma pistola calibre 765, uma motocicleta Honda CBX 250 e vários cachimbos. Os quatro suspeitos de tráfico de drogas foram encaminhados à Delegacia de Polícia de Fazenda Rio Grande, juntamente com os materiais apreendidos.


8

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

JUÍZO DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA – PR. Edital de citação da requerida GILIANE ALMEIDA DO NASCIMENTO, com prazo de 20 DIAS. A doutora Vanessa Jamus Marchi, MM. Juiz de Direito da 2ª Vara Cível da Comarca de Curitiba-PR, na forma da Lei, etc. Faz Saber a todos quantos o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem, que por este Juízo e Cartório, com sede na Avenida Candido de Abreu, 535 1.º andar, tramitam os aos autos n.º 007772-44.2010.8.16.0001 de BUSCA E APREENSÃO FIDUCIÁRIA em que é autor BV FINANCEIRA S/A – CREDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO, dos quais se extraí o presente edital para o fim de CITAR a requerida GILIANE ALMEIDA DO NASCIMENTO, inscrita no CPF n.º 093.751.886-71, atualmente em lugar ignorado, para que tome ciência dos termos da demanda e querendo, no prazo de quinze dias, apresente contestação, sob pena de revelia, presumindo-se como verdadeiros todos os fatos narrados pela parte promovente, podendo ainda, nos termos do parágrafo 2.º do Decreto-Lei 911/69, dentro do prazo de cinco dias, promover ao pagamento integral da divida pendente, síntese da inicial: O autor ingressou com ação de Busca e Apreensão, pois firmou com a requerida contrato financiamento sob nº 500305570, sendo dado em garantia fiduciária o veiculo: MOTOCICLETA - MARCA/MODELO HONDA CG TITAN KS - ANO/MODELO 2009/2009 - COR VERMELHA - PLACA AQY 7514 - CHASSI 9C2KC15109R019065, ocorre que a requerida não cumpriu com suas obrigações, sendo constituído em mora. Realizada a apreensão do bem a requerida não foi encontrado para citação pessoal ensejando a expedição do presente edital. ADVERTÊNCIA: Decorrido o prazo não apresentação contestação, será decretada a revelia da requerida. Eu, (a) (Edno Francisco Ribeiro) Juramentado, o digitei e subscrevi. Curitiba, 07 de julho de 2011. (a) VANESSA JAMUS MARCHI - JUÍZA DE DIREITO SUBSTITUTA.

| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

RCZ tem visual invocado, mas comportamento é manso

JUÍZO DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA – PR. Edital de citação do requerido MOYSES DE OLIVEIRA, com prazo de 20 DIAS. O doutor Luciano Campos de Albuquerque, MM. Juiz de Direito da 2ª Vara Cível da Comarca de Curitiba-PR, na forma da Lei, etc. Faz Saber a todos quantos o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem, que por este Juízo e Cartório, com sede na Avenida Candido de Abreu, 535 1.º andar, tramitam os aos autos n.º 0065992-35.2010.8.16.0001 de BUSCA E APREENSÃO FIDUCIÁRIA em que é autor BV FINANCEIRA S/A - CREDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO, dos quais se extraí o presente edital para o fim de CITAR o requerido MOYSES DE OLIVEIRA, inscrito no CPF n.º 561.611.589-49, atualmente em lugar ignorado, para que tome ciência dos termos da demanda e querendo, no prazo de quinze dias, apresente contestação, sob pena de revelia, presumindo-se como verdadeiros todos os fatos narrados pela parte promovente, podendo ainda, nos termos do parágrafo 2.º do DecretoLei 911/69, dentro do prazo de cinco dias, promover ao pagamento integral da divida pendente, síntese da inicial: O autor ingressou com ação de Busca e Apreensão, pois firmou com o requerido contrato financiamento sob nº 140045696, sendo dado em garantia fiduciária o veiculo: AUTOMOVEL - MARCA/ MODELO FORD FIESTA GL 1.0MPI 4P - ANO/MODELO 2000/2000 - COR BRANCA - PLACA AJG 0632 - CHASSI 9BFBSZFHAYB302771,ocorre que o requerido não cumpriu com suas obrigações, sendo constituído em mora. Realizada a apreensão do bem o requerido não foi encontrado para citação pessoal ensejando a expedição do presente edital. ADVERTÊNCIA: Decorrido o prazo não apresentação contestação, será decretada a revelia da requerida. Eu, (a) (Edno Francisco Ribeiro) Juramentado, o digitei e subscrevi. Curitiba, 12 de julho de 2011. (a) LUCIANO CAMPOS DE ALBUQUERQUE - JUIZ DE DIREITO.

No mercado brasileiro, há poucas opções modelos com carroceria cupê. E se a oferta não é abundante, os valores saõ ainda menos convidativos, já que passam dos R$ 150 mil. Por isso, andar com o Peugeot RCZ pelas ruas é sinônimo de ser apontado pelos mais curiosos. Para quem se anima a ter um desses na garagem, a Peugeot o importa por R$ 129.900. De fato, o RCZ chama a atenção por suas linhas “musculosas”, como os paralamas traseiros pronunciados, frente longa e linhas fluídas, teto preto emoldurado com alumínio, contando ainda com o charme do degrau na linha inferior das janelas. Por dentro, o painel todo revestido de couro, a posição baixa de dirigir e os comandos à mão fazem qualquer entusiasta por automóveis se sentir em casa. Bancos dianteiros possuem ajustes elétricos e o volante pode ser deslocado na altura e na profundidade. O console e os instrumentos lembram os usados no sedã 408 e, a partir do

CARTÓRIO LIDIA KRUPPIZAK Registro civil e Documentos – Pessoas Jurídicas Fone: (41) 3035-3200

EDITAL DE PROCLAMAS LIDIA KRUPPIZAK, Oficial do Registro Civil da sede da Comarca, na forma da lei FAZ SABER que pretendem se casar: DONAVAN DOS SANTOS E FRANCIELY KIMBERLY REZENDE CRISTIAN JONAS MARTINS DE OLIVEIRA E ROSINETE CARDOSO CLAUDIO CESAR PONTES DA SILVA E JEANE CARLA DE OLIVEIRA WAGNER REZENDE FERREIRA JUNIOR E DIANE MONTANARINE RENATO SCORPIONI DA SILVA E CAMILA CRISTINA COGROSSI DOS SANTOS MAURICIO LEONARDO ROCHA E TATIANE DE OLIVEIRA ANDRÉ LUÍS RAIMUNDO E LUANA PATRÍCIA DE OLIVEIRA JOSÉ OLÍMPIO FILHO E KAREN NAPOMUCENO CASIMIRO TIAGO DA CUNHA FERREIRA E CLEIA DO ROCIO DOS SANTOS JONAS DAVID MAOSKI E JEISIANE MOREIRA VERDAN MISAEL FRANCISCO MAOSKI E BRUNA DO ROCIO SOUZA NATAL FERRARI E MICHELE CRISTINA OLIVEIRA FRANCISCO EDMILSON COSTA E ROSARIA MARIA LOPES DIEGO ALESSANDRO DE OLIVEIRA E ARIANE FRANCISCA DA SILVA Se alguém souber de algum impedimento legal, acuse-o para os fins de direito. E para constar e chegar este ao conhecimento de todos, lavro o presente para ser afixado no lugar de costume e publicado em imprensa local. São José dos Pinhais, 04 de janeiro de 2012 LIDIA KRUPPIZAK Oficial do Registro Civil

ano que vem, no hatch 308. Só não queira colocar alguém na parte de trás. O RCZ é configurado como um 2+2, ou seja, dois passageiros mais dois lugares na traseira, independentemente de caberem pessoas ou não. Memso assim, a segurança cumpre o seu papel com os cintos de segurança de três pontos, prontos para serem afivelados. Para compensar, o porta-malas carrega 321 litros, capacidade equivalente a de um hatch médio e mais que suficiente para um casal em férias. Se precisar, o banco traseiro pode ser rebatido e elevar o bagageiro para 639 l. Motor rende bons números, mas comportamento é dócil Se a receita para um esportivo parece completa, falta falar do recheio: o conjunto mecânico. E é aí que começa o antagonismo do esportivo, já que, no Brasil, a opção foi feita pelo compartilhamento com o bloco do crossover 3008. O propulsor de 1,6 litro THP (turbo high pressure, ou turbo de alta pressão) rende 165 cv de potência a 6.000 rpm e 24,5 kgfm de torque máximo a 1.400 giros. Segundo a marca, o RCZ pode chegar a 213 km/h e acelerar de 0 a 100 km/ h em 8,4 segundos. Os números animam, mas, ao volante, o carro é mais dócil que parece. A aceleração é satisfatória, mas o câmbio de seis velocidades se atrapalha um pouco nas retomadas e, por muitas vezes, segura demais em uma mesma marcha, obrigando o motorista a colocar a alavanca no modo manual e avançar por conta própria. Por outro lado, o modelo tem uma suspensão bem firme e direção direta para deixar a condução um pouco mais divertida. As janelas baixas e o teto perto da cabeça remetem à sensação de estar em um bólido. As rodas de 18 polegadas também colaboram para uma condução mais esportiva. O RCZ vem com freios ABS, airbags frontais e laterais, controle de estabilidade e de tração. De série também é qeuipado com direção assistida, ar-condicionado de duas zonas, acionamento elétrico dos vidros, travas e retrovisores, além de equipamento de áudio da marca JBL. As rodas são de 18 polegadas, mas podem ser de 19” nas concessionárias por R$ 4.888. As capas dos retrovisores personalizadas custam R$ 1.200 (par); já a cor branca perolizada soma R$ 2.000 ao preço.

Classilinha AGORA VOCÊ TEM MUITO MAIS VANTAGENS. Anuncie no Classilinha e ganhe anúncio no site www.metropolejornal.com.br

Casa/Praia Aluga-se Sobrado Novo Filhotes de Pastor Alemão FINAL DE ANO - BARRA DO SAÍ / SC Com 3 quartos, 160m², garagem, churrasqueira - R$ 280,00 diária - Pacote de 10 dias a negociar (41) 3282- 0287

Freezer Vende-se 1 FREEZER ELEX, 1 MÁQUINA GRANDE E 1 PEQUENA DE PICOLÉ, 1 LIQUIDIFICADOR 6 L.7 FORMAS C/ 28 UNIDADES - Valor total R$ 5.000,00. Inf: 3384-1246 / 9909-8031 Jr Negociável 3a9

NA V. SÃO PEDRO 120m². C/ opção p/ ático + 46m², sala toda em gesso rebaixado, parede c/ grafiato, todo o sobrado com sancas. 3 quartos, suíte, banh. social, lavabo, lavanderia C/PORCELANATO. 8834-5460

Ponto Comercial

V E N D E - S E C A PA P R E TA C O M PEDIGREE. Além de um amigo, um protetor. 1 por R$ 270,00 ou 2 por R$ 500,00. Inf: 9197-7372 / 9104-3271

Estante Vende-se

ESTANTE COM MESA DE CENTRO RÚSTICA R$ 1.500. Protetor de berço, VENDO PONTO COMERCIAL COM mosqueteiro, moleton com capuz, INSTALAÇÕES - 35m² - Centro - Inf: F: boné Rip Curl, calça e jaqueta do 3035-1470 ou 9154-0047, falar com Parána Clube, tudo em ótimo estado. Sebastião Valor a combinar. 9689-8274, Rose

Exemplo:

Econômico / 5 edições Inteligente {Mínimo: R$ 15,00 Para anunciar ligue: 3383-6650 GOL 1.0 - 95 - Bordo - Liga leve, aro 15, insufilme. R$ 12.000,00. Ótimo estado. Informações: 9106-1534


| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

9

Gazeta Press

Técnico do Coritiba recomeça ano prometendo muito trabalho "Eu já estava com saudades de recomeçar", diz o treinador coxa branca Marcelo Oliveira Após virar a página e deixar 2011 na memória, o técnico do Coritiba, Marcelo Oliveira, garante entusiasmo para iniciar um ano cheio de trabalho à frente da equipe coxabranca. Sem esconder a saudade de poder retornar, na tarde de ontem (6) ele falou com a imprensa pela primeira vez em 2012. "A gente que trabalha com futebol há tanto tempo e que amamos aquilo que fazemos, já estávamos com saudades. Eu, particularmente, já estava com saudade de retornar e poder voltar com a equipe. Preparar bem", garante. "Aconteceram coisas boas

e importantes ao longo do ano que passou, mas é preciso virar a página, tirar proveito daquilo e tentar corrigir algo também, porque teremos um ano difícil, com quatro competições. Estamos extremamente confiantes e otimistas porque vamos trabalhar muito". Com a saída de alguns atletas e a chegada de reforço, Marcelo ainda terá todo o período de pré-temporada e está longe de pensar no time que estreia no Paranaense, mas avalia as possibilidades. "Não tem uma maneira única e ideal de montar uma equipe. A gente sempre procura pegar os melhores jogadores

do momento e buscar uma boa formação", avalia. Mas o bom ambiente de trabalho também é importante para conquistas e isso Marcelo encontrou no Coritiba. "Aqui tem um ambiente muito bom, de um clube que nos deu a oportunidade e condições de trabalho muito boas. Espero que seja um casamento que possa trazer mais conquistas nesse ano", acredita. "O grande objetivo é trabalhar forte, trabalhar muito e criar ambientes favoráveis. Temos uma imensa alegria e orgulho de estar nesse grande clube e vamos honrar sempre essa camisa", finaliza Oliveira.

O técnico Marcelo Oliveira promete um elenco do Coritiba mais forte para 2012

Na tarde de ontem (6) os jogadores do Furacão voltaram a ter contato com a bola. Sob a orientação da comissão técnica, os atletas realizaram um trabalho de dois toques em campo reduzido. Na sequência, o técnico Juan Ramon Carrasco comandou mais um treino coletivo e mostrou seu estilo. Interrompeu jogadas para corrigir posicionamento, orientou jogadores e os elogiou quando a função foi desempenhada corretamente. E tudo isso debaixo de chuva - fato corriqueiro nos últimos coletivos do Rubro-Negro nos finais de tarde no CT. Os treinos têm sido bem disputados e o desempenho dos atletas está sendo avaliado pela comissão técnica para a formatação do elenco rubro negro para esta temporada de 2012. O Atlético Paranaense se pre-

Foto Clewerson Bregenski/CAP

Carrasco comanda primeiro treino do Furacão no CT do Caju

Técnico Juan Carrasco passa instruções aos seus comandados durante coletivo no CT do Caju

para para a sua primeira competição no ano: o Campeonato Paranaense. A estreia está agendada para o dia 22 de janeiro, diante da equipe do Londrina, em Curitiba. Na manhã de ontem,

todos os atletas realizaram testes laboratoriais (coleta de sangue) e foi dada continuidade aos exames isocinéticos e cardiopulmonares. No período da tarde, os atletas voltaram a ter contato com bola e

essa tem sido a rotina no CT do Caju neste início de pré-temporada. Pela manhã acontecem os exames clínicos e, na sequência, os trabalhos sob a supervisão da comissão técnica.

Pivô Bolinha é novo reforço no futsal do Tricolor A camisa nove do Paraná Clube/Vale Fértil/AA Futsal tem um novo dono. Destaque das últimas edições da Série Prata, o pivô Bolinha, de 23 anos, está de volta ao Tricolor Paranaense depois de três temporadas atuando pelo Araucária e vai reforçar o time paranista na disputa da Série Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal de 2012. Empolgado por voltar a vestir a camisa do Tricolor, Bolinha espera uma temporada de sucesso em 2012. "A expectativa é a melhor possível. Não esperava com esse retorno e fiquei feliz pelo convite, mesmo recebendo outras propostas. Espero corresponder as expectativas e ajudar o Paraná na Série Ouro", prometeu o novo reforço paranista. O novo pivô paranista afirmou que está mais experiente do que no final de 2008, quando ajudou o Tricolor a subir da Série Pra-

ta para a elite do futsal paranaense. O camisa 9 do Tricolor espera agora colocar em prática o aprendizado que teve nos últimos três anos que esteve fora do Paraná Clube/ Vale Fértil/AA Futsal. "Chego bem diferente daquela época. Em 2008 eu ainda era um menino e jogava com jogadores mais experientes. O aprendizado nas últimas temporadas foi muito grande e tenho certeza que vou conseguir um melhor desempenho do que na primeira vez. O time será jovem e chego ao Paraná para ajudar no que for preciso", revelou. Entre os principais artilheiros das três últimas edições da Série Prata do Paranaense de Futsal, Bolinha promete repetir o feito e ajudar o Tricolor na Série Ouro de 2012. "É a minha marca. Se não fizer não sou eu. Prometo fazer muitos gols e dar alegrias ao torcedor paranista", concluiu Bolinha.


10

| 7 e 8 de janeiro de 2012 |

Ford apresenta protótipo do novo EcoSport Utilitário esportivo deverá ser vendido a partir do segundo trimestre A Ford fez a apresentação mundial do novo EcoSport. A estreia da nova geração do utilitário esportivo aconteceu simultaneamente no Brasil e na Índia. Primeiro veículo global da marca norte-americana, o modelo criado e desenvolvido no Brasil fez sua aparição em Brasília (DF), onde pode ser visto pelos jornalistas somente de forma estática. Já na Índia, o utilitário está sendo exibido como uma das atrações do Salão de Nova Déli. Dentre as poucas informações divulgadas, a Ford confirmou que a produção do lançamento ocorrerá na unidade industrial de Camaçari (BA). Até o momento a marca revelou que a Índia e Tailândia também fabricarão o modelo localmente. No mundo, a nova geração EcoSport será comercializada em mais de cem países. Com o lançamento do novo EcoSport a Ford inicia a empreitada para transformar todo o seu portfólio de produtos da América do Sul em carros globais, o que está programado para acontecer até 2015. A data de lançamento da nova geração do jipinho não foi confirmada, tão pouco a faixa de preço que ele chegará ao mercado. O presidente da Ford ressaltou, porém, que a atual geração do EcoSport, lançada em 2003 e responsável até hoje pela comercialização de 750 mil unidades continuará sendo vendida até a chegada

do modelo renovado. O que não é mistério é que o renovado EcoSport chegará para fazer frente ao recém lançado Renault Duster. O utilitário da marca francesa parte de R$ 50.900 – para efeito de comparação, o EcoSport atual parte de R$ 48.490 e pode chegar até R$ 60.480. Raio-x: design, plataforma e dimensões Embora tenha uma aparência completamente nova, o que garante mais robustez ao utilitário, a nova geração do EcoS-

port chegará com iguais dimensões – altura, largura e comprimento – da versão atual. Já a plataforma usada é mesma do New Fiesta. No comunicado oficial da marca norte-americana, o destaque fica por conta do novo motor EcoBoost 1.0, de três cilindros, com injeção direta e 120 cavalos. Mas a versão nacional, que deverá começar a ser vendida no segudo trimestre, ficará mesmo com o 1.6 Sigma, pelo menos num primeiro momento.

Como o exemplar mostrado na apresentação do lançamento era um protótipo o seu interior não estava finalizado. Porém, João Marcos Ramos, o gerente do estúdio de design da Ford deu algumas pistas do que poderemos encontrar futuramente no habitáculo do modelo. “O interior contará com elementos derivados do New Fiesta, porém também terá características estéticas próprias, como o seu painel de instrumentos”, adiantou. O executivo explicou ainda que a concepção do veículo foi pensada para ampliar o espaço interno, tanto é que o lançamento terá um porta-malas com maior capacidade. A evolução do visual do modelo segue a a nova linguagem de design global da Ford. Os destaques ficam por conta da enorme grade trapezoidal na dianteira, que remete ao jipão Edge, faróis de formato oblíquo, além de linhas musculosas espalhadas por toda a carroceria. Seu design combina ainda elementos já vistos na nova geração do utilitário esportivo Escape. Segundo a Ford, houve preocupação em dar ao novo EcoSport uma roupagem nova, mas ao mesmo tempo manter elementos característicos da atual geração, como o estepe fixado na traseira, que de acordo com a marca se tornou uma assinatura característica do estilo visual do jipinho


metropole7-1-12