Page 1

w w w. m e t r o p o l e j o r n a l . c o m . b r

Ano 13 | Nº 2926 | 6 de janeiro de 2012

Unespar vai ser um centro de excelência

» O governador Beto Richa confirmou ontem (5), que será iniciada no primeiro semestre deste ano a implantação de Unidades Paraná Seguro (UPS) em áreas que apresentam alto índice de criminalidade. Além de reforço policial, as bases deverão contar com outros serviços públicos, em parceria com as prefeituras. As UPS começarão a ser instaladas nos municípios da Região Metropolitana de Curitiba e na capital, que respondem por mais da metade dos crimes contra a vida no Estado. Richa disse que a idéia é espalhar as unidades por outras regiões do Paraná. "O propósito é retomar para os cidadãos as áreas que estão ocupadas pela criminalidade e o tráfico de drogas", disse. Página 3

O governador Beto Richa confirmou a implantação de Unidades Paraná Seguro (UPS) em áreas que apresentam alto índice de criminalidade

São José dos Pinhais comemora 159 anos de emancipação

Dilma retorna da Bahia e antecipa fim das férias

Porto: reformas ampliam capacidade de armazéns

Polícias se unem para combater policiais criminosos » Uma reunião para discutir metas de combate a crimes praticados por maus policiais foi realizada nesta semana entre os comandos da Polícia Militar e Departamento da Polícia Federal no Paraná. Página 10

Técnico do Furacão se apresenta e conhece jogadores

João Fernandes PMSJP

» A presidente Dilma Rousseff retornou a Brasília na tarde de ontem (5), após passar 10 dias de férias na Base Naval de Aratu, na Bahia, acompanhada da família. As férias da presidente estão previstas para terminar na terça-feira (10), mas Dilma pode antecipar para hoje (6) a retomada do trabalho. A forte chuva que provocou estragos e mortes em estados como Minas Gerais e Rio de Janeiro deve ser o primeiro item da agenda de atividades da presidente. Página 3

Página 12

Saldo de poupança da Caixa atinge R$ 150 bilhões Página 6 O evento acontece em frente ao Paço Municipal nesta sextafeira

» A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu o Certificado de Boas Práticas de Armazenagem para o armazém 3B do Porto de Paranaguá. O local, usado para armazenamento de carga geral, poderá receber alimentos e derivados. Antes, apenas o Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP) tinha este certificado e já não comportava receber mais cargas. Para adequar o espaço de acordo com as normas da Anvisa, a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) reformou o Página 6 local.

» No próximo domingo (08), São José dos Pi-

nhais completa 159 anos de emancipação política, que serão celebrados pela Prefeitura hoje (06) com uma solenidade e a inauguração da nova sede dos Conselhos Tutelares do Município. A solenidade oficial de comemoração do aniversário acontece no Paço Municipal, às 9h de hoje, e a inauguração da nova sede dos Conselhos Tutelares acontece em seguida, na rua Padre Bittencourt, 40. Página 3

Paraguai nega fechamento de fronteiras com Brasil Página 6

Espetáculo da Galeria de Luz na Rua XV termina hoje

Números comprovam que com a Guarda Municipal Pinhais é mais segura Passados pouco mais de um ano da implantação da Guarda Municipal, Pinhais começa a colher os "bons frutos" de um trabalho que efetivamente está dando certo. O município »

que há muitos anos vinha identificando-se como um dos mais violentos da Região Metropolitana de Curitiba já apresenta uma nova realidade. Página 11

Venda de automóveis no país cresce 3,4% em 2011 » A quantidade de veículos (automóveis e comerciais leves) nacionais e importados vendidos em 2011 no país chegou a 3,63 milhões de unidades, 3,4% a mais do que o registrado no ano anterior. A marca é recorde para o período de um ano. Segundo dados divulgados ontem (5) pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores

(Anfavea), os importados tiveram participação de 23,6% nas vendas (com 858 mil unidades). Em 2010, 660,1 mil veículos importados foram comercializados (com participação de 18,8% do total). Já a venda de automóveis nacionais teve queda de 2,8%, ao passar de de 2,85 milhões de unidades, em 2010, para 2,77 milhões, em 2011. Página 6

Prefeitura inicia obras no ponto de integração de ônibus do São Marcos

Página 9

Página 4

Enchentes castigam Minas Gerais Antonio Cruz ABr

» De volta aos trabalhos, o elenco coxa-branca iniciou nesta quarta-feira (04) no Centro de Treinamento da Graciosa, a todo vapor a temporada 2012. A bateria de exames é fundamental para que o departamento de performance física do clube dê início aos trabalhos. E com os resultados das avaliações fisiológicas, é possível definir junto com toda a equipe multidisciplinar a carga de trabalho para a pré-temporada. Página 12

Diário de Circulação Nacional

Beto Richa anuncia implantação de Unidades Paraná Seguro (UPS)

Página 4

Jogadores do Coritiba passam por avaliação no CT

Presidente: Ary Leonel da Cruz

AE/Notícias

» Cerca de 240 jovens de dois populosos bairros de São José dos Pinhais estão vislumbrando novo futuro através do Programa de Proteção a Jovens em Território de Vulnerabilidade (Protejo). Ele atende jovens de 15 a 24 anos em situação de vulnerabilidade social e é executado pela prefeitura, em parceria com o Ministério da Justiça. A palavra de ordem, tanto para os jovens como para gestores e colaboradores, é oportunidade. É o que dizem, por exemplo, as cinco mães adolescentes que levam seus bebês com menos de seis meses para poderem assistir às aulas, dizendo se sentirem gratificadas pela "oportunidade".

Sexta-feira

O corpo do taxista Denilson Maciel é retirado pelos bombeiros dos escombros da rodoviária de Ouro Preto

» A elevação do nível do Rio Paraopeba deixou ao menos 2,3 mil pessoas desalojadas em Brumadinho, cidade a cerca de 60 quilômetros de Belo Horizonte. Segundo a Defesa Civil municipal, boa parte delas teve que ser abrigada em colégios públicos e centros comunitários usados como alojamentos improvisados.


2

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

Editorial

O pão nosso de cada dia Dizem – brasileiro, profissão esperança. É correto. Os cidadãos deste país se habituaram a uma visão crítica das instituições e da sua realidade. Todavia, não são compulsivos. Criticam, mas acreditam. Isto se revela nas estatísticas. A taxa de brasileiros que estão otimistas quanto a situação econômica do país ficou em 67,2% em dezembro, 3,5 pontos percentuais a mais do que em novembro e maior do que o apurado no mesmo período de 2010 (64,6%). Segundo o Índice de Expectativa das Famílias (IEF) divulgado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), 78,2% das famílias indicaram estar melhor financeiramente atualmente do que há um ano, número maior do que o analisado no mês anterior (74,7%). A pesquisa revelou ainda que 86,6% das famílias têm expectativas positivas para a situação familiar este ano. Outras 57,4% acreditam que o momento é ideal para adquirir bens de consumo, enquanto 39,2% consideram que não é o momento de ir às compras. De acordo com o presidente do Ipea, Márcio Pochmann, o otimismo das famílias brasileiras devese à confiança de que o país continua crescendo mesmo que em um ritmo menor e que, ainda assim, o crescimento registrado permitiu a ampliação dos postos de trabalho, além da elevação da renda, principalmente nos segmentos que constituem a base da pirâmide social. O outro lado da moeda está nos números da pesquisa feita pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). O conjunto dos itens essenciais à mesa do brasileiro foi reajustado acima de 10% ao longo do ano passado em três das 17 capitais onde é feita a Pesquisa Nacional da Cesta Básica pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). A maior alta ocorreu em Vitória (13,8%) com o valor de R$ 275,39, em dezembro de 2011. A segunda maior elevação foi constatada em Belo Horizonte (11,75%) onde a cesta básica custava R$ 264,01, seguido por Florianópolis com alta de 10,2% e valor de R$ 262,44 no último mês de dezembro. Ao longo do ano, a cesta básica ficou mais cara em 16 das 17 capitais pesquisadas. A única exceção foi registrada em Natal onde houve queda de 3,38%, com o valor passando para R$ 212,36. Na comparação com novembro, o valor da cesta básica no último mês do ano diminuiu em cinco localidades: Florianópolis (-2,28%); Curitiba (-1,80%), Porto Alegre (-0,99%); Manaus (-0,98%) e Brasília (-0,50%). Entre as 12 capitais em alta as mais expressivas foram: Goiânia (5,58%); Vitória (4,35%) e Fortaleza (4,25%). Com base no maior valor apurado, em dezembro, o Dieese estimou que o salário mínimo ideal para o trabalhador suprir as necessidades básicas da família deveria atingir R$ 2.329,35 – 4,27 vezes o mínimo em vigor R$ 545. Em dezembro de 2010, o cálculo indicava um mínimo ideal de R$ 2.227,53 – o que representava 4,37 vezes o piso daquela época (R$ 510). Entre os produtos em alta nas 17 capitais ao longo de 2011 estão o café e o óleo de soja. No âmbito de uma visão simplista, esta é a diferença, a defasagem entre capital e trabalho. Ainda muito distante de ser reduzida.

Política & Poder ASSÉDIO MORAL Ações trabalhistas contra a Celepar, a empresa de informática do Estado, por assédio moral devido à perseguição do governo. É o que um grupo de funcionários da Celepar identificou como motivo para serem demitidos sem justa causa. Há também entre os demitidos os que moviam ação trabalhista visando o reenquadramento funcional na Celepar e até uma sentença recente, favorável ao trabalhador, teria sido alegada como motivo pela empresa para o rompimento do contrato de trabalho. A maioria das ações é da época do governo Roberto Requião (PMDB). A questão foi parar no Ministério Público do Trabalho (MPT), que recebeu a denúncia sobre as "demissões arbitrárias de trabalhadores" e já agendou para a próxima segunda-feira, 9, uma audiência de mediação entre a Celepar e o Sindicato dos Trabalhadores em Informática e Tecnologia da Informação no Paraná. Nos termos da denúncia, o sindicato que representa os demitidos, relata o que afirmam os exfuncionários, que cumprem aviso prévio em casa. Antes do final do ano, eles foram comunicados do afastamento e da demissão que se efetivou no dia 2 de janeiro. Desde então, tiveram o acesso a seu local de trabalho e à rede interna de informática bloqueados. De acordo com a direção do sindicato, "a truculência e o desrespeito causaram espanto e o clima dentro da empresa é de total insegurança diante das arbitrariedades que estão sendo aos poucos relatadas". GOVERNO TUCANO "Nunca antes na história da Celepar tínhamos visto uma atitude tão truculenta e desrespeitosa. O clima de final de ano na empresa pública foi marcado pelo terror e pela insegurança, uma vez que além dos trabalhadores que já procuraram o sindicato, temos notícias de que há mais pessoas na mesma situação", informou a diretora do SINDPD-PR, Marlene Fátima da Silva. A DENÚNCIA Na denúncia ao Ministério Público do Trabalho pede-se a apuração dos fatos relacionados "às demissões arbitrárias". E o sindicato também ingressa paralelamente com medidas coletivas, questionando a legalidade dos atos da empresa e a discriminação. PARA RICHA "Estamos ainda oficiando o governador Beto Richa a respeito dessas demissões e pedindo a reconsideração delas, uma vez que tal postura fere totalmente a tradição das relações trabalhistas construídas na empresa", diz Marlene da Silva. O governador, porém, obteve outras informações da Celepar. VAI ENTENDER Curioso que um desses funcionários demitidos da Celepar desenvolveu e implantou um sistema inovador na gestão de contas públicas e

Correspondência para roselivalerio@gmail.com

chegou a ser homenageado publicamente há pouco tempo, recebendo elogios da Secretaria de Planejamento do Estado. Qual o critério para a dispensa? Ao menos nesse caso, não foi por falta de competência. OUTRO LADO A informação levantada pela coluna é oficiosa, mas dá conta que nessa questão das demissões denunciadas pelo sindicato, a coisa não é apenas de uns dias para cá. Uma auditoria interna na Celepar, em andamento, teria identificado indícios de uma "indústria de ações trabalhistas" contra a empresa, detectada pelo departamento jurídico, sendo a maioria por danos morais e envolvendo altos valores. UM SÓ Todas as ações sempre estiveram a cargo de um mesmo escritório o Passos & Lunard - que tem como um de seus sócios o exvereador do PT de Curitiba, André Passos, o mesmo que levou a denúncia contras as demissões ao Ministério Público Estadual. Em tempo: não é irregular ações serem representadas por um mesmo advogado. DINHEIRO ALTO Somadas, o valor dessas ações é de cerca de R$ 4 milhões, apenas para as 17 que foram analisadas pela auditoria. Chamou atenção também a maioria das ações serem por "assédio moral", que não exige evidências materiais para comprovação e o fato de quase todas terem dado entrada na Justiça do Trabalho entre 2007 e 2010, no governo Requião. PSS AINDA NÃO Além dessa questão das demissões sem justa causa de servidores públicos na Celepar, o governo tucano de Beto Richa está se desgastando na área de pessoal também por conta da falta de pagamento da rescisão de contrato e férias dos professores contratados por meio do Processo de Seleção Simplificado, o PSS. ATÉ DIA 15 Acabou anteontem o prazo para que o governo depositasse na conta desses professores. São 25 mil profissionais contratados em 2011 para lecionar em escolas estaduais de todo o Paraná. Mas ontem o governo anunciou uma nova data: o pagamento será feito até o próximo dia 15. FALTA DINHEIRO Os professores se queixam de que o próprio governo definiu a data de pagamento e ainda assim, a mudou de última hora. O governador Richa disse que a Secretaria de Educação tem feito diversas negociações com os profissionais e garantiu que o pagamento será feito mesmo nesta quinzena. CONTRATOS Ainda assim, a presidente do sindicato que representa os professores, Marlei Fernandes, diz que os profissionais vão tentar negociar com o governo para que o pagamento saia antes. Os contratos das 25 mil pessoas foram encerrados em dezembro de 2011. Em outubro, o governo realizou um novo processo seletivo, e a partir de primeiro de fevereiro os novos professores serão oficialmente contratados. BOA RELAÇÃO O Paraná não tem do que se queixar quanto ao atendimento do

governo federal em pelo menos uma área: recebeu R$ 1,6 bilhão para diversos programas sociais nos últimos dois anos. A informação é da ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Márcia Lopes. ESTRÉIA Cerca de duas mil escolas estaduais paranaenses estão com novos diretores, empossados esta semana. As eleições foram em novembro do ano passado e cada um dos profissionais e auxiliares têm mandato de três anos. Mas o número é pequeno, já que de acordo com dados da Secretaria de Estado da Educação, 70% das escolas não renovaram suas direções. IMPROVISAÇÃO Interessante que em 36 escolas não houve eleição para diretor porque nenhum candidato se inscreveu. Nesses casos, coube à Secretaria de Educação nomear. Os novos diretores e auxiliares que assumiram os cargos devem participar de um curso de formação. Só no mês de março. AOS CANDIDATOS "Não há vitória eleitoral sem um bom planejamento de campanha. As minhas campanhas foram sempre muito bem planejadas. Tanto é que fui várias vezes eleito. E numa delas fui o mais votado do PT no Paraná, e gastando muito pouco dinheiro. Nesse planejamento, o importante é captar o sonho do povo para ter grandes chances de ser eleito". Receita do deputado federal petista Dr. Rosinha, em seu quarto mandato. O CAMPEÃO Eles ainda continuam na bronca com a repercussão, mas o fato é que não pegou bem para o deputado federal do Paraná Alfredo Kaefer (PSDB), ser o décimo segundo mais faltoso do País, entre os 513 parlamentares em Brasília. Empresário com mais o que fazer, faltou a 63 sessões plenárias, ainda que tenha conseguido justificar 55 dessas ausências. PETISTAS Como em 2010, Dr. Rosinha aparece entre os mais faltosos, na décima quarta posição. Ele teve 62 faltas e dessas não justificou apenas 10. No caso de Rosinha, suas ausências se devem muito às atividades do Parlasul. Outro petista, Ângelo Vanhoni, que não costuma vir muito nem ao Paraná, está na décima oitava posição. Ele teve 59 faltas e justificou 50. EQUÍVOCO Um peemedebista é o único deputado federal do Paraná que compareceu em todas as sessões, foi Hermes Parcianello. Ao todo os parlamentares deveriam ter comparece a 172 sessões durante2011. Parcianelo diz saber que a imprensa e os eleitores avaliam o desempenho dos parlamentares com base no percentual de presenças. O que é uma bobagem, já que estar em plenário não significa boa atuação. Critérios mais importantes que a presença precisam ser levados em conta.

Comissão do Senado quer incriminar políticos e especuladores Brasília - A reestruturação do serviço de defesa civil no país e a criminalização dos responsáveis por ocupação irregular em áreas de risco estão entre as propostas formuladas por uma comissão do Senado para tentar evitar novas mortes por desastres naturais. A Comissão Temporária de Alterações no Sistema de Defesa Civil, que encerrou os trabalhos em dezembro, apresentou ao Congresso Nacional um conjunto de propostas para evitar que chuvas, deslizamentos de terras, enchentes e secas – tipos mais comuns de desastres no Brasil – voltem a matar. Entre essas propostas, está a de instituir uma lei sobre ocupação de áreas de risco nos moldes da que trata da responsabilidade fiscal que os agentes públicos precisam obedecer. “A gente está propondo que seja criminalizado o agente público ou privado que estimule ou que colabore para a ocupação de áreas de risco. Isso é crime, as pessoas estão morrendo”, disse o presidente e criador da comissão, senador Jorge Viana (PTAC). Segundo ele, todas as esferas de poder têm responsabilidade sobre o que está ocorrendo no Brasil quando chega à época de chuvas. O problema, na opinião do senador, começa com a União, que tem contingenciado os recursos já escassos para a defesa civil passa por estados pouco atuantes e chega aos municípios, que permitem a ocupação desordenada de encostas e beiras de rios. “A defesa civil no Brasil é tratada com baixa responsabilidade em todas as esferas de poder, e inclusive pela sociedade que só cobra depois que o desastre ocorreu”. Viana disse que os programas habitacionais urbanos e rurais podem ajudar para que a população que vive nessas áreas seja realojada em locais mais seguros, mas é preciso colaboração de prefeitos e da própria população. “Tem muita irresponsabilidade de prefeitos. O Brasil hoje tem bons programas de habitação, inclusive nas áreas rurais, então não tem mais desculpa para não tirar as pessoas das áreas de risco”. O conjunto de propostas formulado pela comissão do Senado também prevê a criação de um fundo que seja voltado para a prevenção dos acidentes e a instalação de centrais para alerta em todos os estados, além da garantia de um orçamento para a defesa civil que não possa ser contingenciado pelo governo. “Desastres naturais como chuva são altamente previsíveis. Os desastres naturais no Brasil são muito mais fáceis de serem previstos que outros, como terremotos e tsunamis. E todo ano nós estamos contando os mortos”, alega Viana. “O Brasil hoje é uma referência mundial de descaso com a defesa civil”, completa o senador. Segundo ele, tão logo termine o recesso parlamentar o Congresso Nacional retome os trabalhos, o Senado irá cobrar a implementação das medidas propostas.

Governadores tucanos superam colegas petistas em aprovação Beto Richa tem o melhor desempenho e anuncia medida em segurança pública que deve mantê-lo em alta Roseli Valério, de Curitiba Entre os governadores tucanos Beto Richa (Paraná), Antonio Anastasia (Minas Gerais) e Geraldo Alckmin (São Paulo) é o paranaense que tem os melhores índices de aprovação popular, apurou pesquisa do Ibope que ouviu 10.878 pessoas em nove Estados e mais o Distrito Federal. O governo de Beto Richa é aprovado por 74% e avaliado como ótimo ou bom por 64% dos paranaenses. O governador Antonio Anastasia tem 69% de aprovação e 55% de ótimo ou bom entre os mineiros. Geraldo Alckmin é aprovado por 67% dos paulistas e considerado ótimo ou bom por 54% da população. Apesar de um primeiro ano de gestão sem maiores investimentos em obras e programas, Richa agrada os paranaenses por conta de estatísticas como na área de Segurança Pública. Levantamento dessa pasta aponta queda de 12,5% nos homicídios dolosos em Curitiba e região metropolitana, no ano passado, em comparação com

2010. Essa região é responsável por mais da metade dos homicídios cometidos no Estado. A taxa ficou em 58,8 mortes por 100 mil habitantes. Comparação Richa avalia que a redução deste tipo de crime tem que ser maior e estabeleceu como meta reduzir o índice de homicídios para 21,36 por 100 mil habitantes até 2014. Um dos instrumentos para atingir esse patamar, avalia o governador, deve ser a Unidades Paraná Seguro (UPS), que guardam semelhança com a UPP´s cariocas. Nessa semana ele afirmou que as primeiras bases serão instaladas em Curitiba ainda no primeiro semestre deste ano. Além de policiamento reforçado, os municípios contemplados com as UPSs terão serviços de saúde e de assistência social. “O objetivo é ocupar regiões de alta criminalidade. Vamos fazer isso para que as pessoas de bem tenham tranqüilidade”, disse o governador. Na pesquisa Ibope, encomendada pelo Grupo Bandeirantes de Comunica-

ção, sem revelar qual o objetivo, pediu um comparativo entre as duas principais forças políticas do País, com a avaliação também do desempenho de três governadores do PT. Jaques Wagner, da Bahia, Tarso Genro, do Rio Grande do Sul, e Agnelo Queiroz, do Distrito Federal. Os três aparecem nas últimas colocações no levantamento do Ibope, todos com menos de 50% de ótimo ou bom. A pior situação é do governador Agnelo Queiroz. Alvo de inquérito do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que investiga o desvio de recursos do Ministério do Esporte, o petista é desaprovado por 77% dos moradores do DF e tem somente 10% de ótimo ou bom. Ações/demissões No início da noite de ontem, o Sindicato dos Trabalhadores em Informática e Tecnologia da Informação do Paraná SINDPD-PR, divulgou nota de esclarecimento em que afirma ser falsa a alegação de existência de uma suposta indústria de ações trabalhistas na Celepar, a empresa de informática do governo do

Estado. “O que existe, sim, é uma profunda inabilidade da empresa em evitar, contornar e não produzir conflitos. Se as decisões judiciais são favoráveis aos trabalhadores a culpa é toda da má gestão da Celepar e não dos trabalhadores, do sindicato e muito menos dos advogados destes. A entrada com a ação por si só não significa a condenação da empresa, mas se a Justiça Trabalhista dá ganho de causa aos trabalhadores e ao sindicato é porque ela entende que a razão está ao lado destes e que a empresa erra nas suas atitudes e na manutenção das irregularidades. Qualquer outra interpretação desse fato se configura em afronta e desrespeito ao Judiciário, às instituições democráticas e à cidadania”. Oficiosamente, a informação é de que uma auditoria na Celepar teria detectado a suposta “indústria de ações trabalhistas” movidas por servidores de carreira. Segundo o sindicato, a maioria desses funcionários que entraram com ação contra a empresa teria sido demitida, sem justa causa, dia 2 de janeiro.


| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

3

Richa anuncia implantação de Unidades Paraná Seguro As UPS começarão a ser instaladas nos municípios da Região Metropolitana de Curitiba e na capital O governador Beto Richa confirmou ontem (5), que será iniciada no primeiro semestre deste ano a implantação de Unidades Paraná Seguro (UPS) em áreas que apresentam alto índice de criminalidade. Além de reforço policial, as bases deverão contar com outros serviços públicos, em parceria com as prefeituras. As UPS começarão a ser instaladas nos municípios da Região Metropolitana de Curitiba e na capital, que respondem por mais da metade dos crimes contra a vida no Estado. Richa disse que a idéia é espalhar as unidades por outras regiões do Paraná. "O propósito é retomar para os cidadãos as áreas que estão ocupadas

pela criminalidade e o tráfico de drogas", disse. O governador destacou que o setor de inteligência da Secretaria da Segurança Pública está realizando um levantamento das regiões que poderão receber as unidades. Ele informou que o detalhamento da iniciativa será divulgado em um momento oportuno em razão do tema ser estratégico. "As medidas vão garantir a tranqüilidade das pessoas de bem, pois a segurança pública é uma das maiores preocupações da sociedade", afirmou o governador. Richa explicou que várias experiências bem-sucedidas no País foram estudadas, inclusive as Unidades de Polícia Pacifica-

dora criadas no Rio de Janeiro, e ressaltou que as idéias foram adequadas à realidade paranaense. O governador afirmou que além das UPS, o governo vai iniciar a implantação de 400 módulos móveis e a construção de 95 delegacias de polícia. PROGRAMA A implantação das UPS é uma medida do Programa Paraná Seguro, concebido para reduzir drasticamente os números da criminalidade no Estado. Lançada em agosto, a proposta inclui a contratação de 8 mil policiais militares e 2.200 policiais civis nos próximos anos. Em 2011, foram chamados dois mil aprovados em concurso da PM, que estão em fase de testes para in-

gresso na corporação, e mais de 695 policiais civis, entre investigadores, papiloscopistas e escrivães. Foi criada a Delegacia Eletrônica e iniciada a reestruturação dos Institutos Médicos Legais. "O número de policiais no Paraná era muito baixo. Estamos trabalhando para reverter esse quadro e melhorar o atendimento ao cidadão em todo o Estado", afirmou o secretário da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar. CADEIAS Novos presídios estão programados e a desocupação de carceragens superlotadas já começou. No último final de semana foram transferidos para o Sistema Penitenciário mais de 200 presos

Dilma retorna da Bahia e antecipa fim das férias A presidente Dilma Rousseff retornou a Brasília na tarde de ontem (5), após passar 10 dias de férias na Base Naval de Aratu, na Bahia, acompanhada da família. As férias da presidente estão previstas para terminar na terça-feira (10), mas Dilma pode antecipar para hoje (6) a retomada do trabalho. A forte chuva que provocou es-

tragos e mortes em estados como Minas Gerais e Rio de Janeiro deve ser o primeiro item da agenda de atividades da presidenta. De acordo com a assessoria de imprensa da Presidência, o retorno de Dilma a Brasília não foi antecipado. Durante o período de férias, Dilma acompanhou, por telefone, a situação dos estados atingidos pelas en-

chentes. Na terça-feira (3), ela telefonou ao governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, e ofereceu o apoio do governo federal para enfrentar as enchentes no estado. Também na terça, conversou com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, que decidiu interromper o período de recesso e retornou ao trabalho

para tratar das ações do governo direcionadas aos estados afetados pelas enchentes. O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, também antecipou a retomada das atividades. Ele estaria de férias até a hoje (6), mas voltou a Brasília e já se reuniu com a ministra da Casa Civil para tratar das chuvas.

Governo cria ferramenta para melhorar atendimento das ouvidorias do Estado O Paraná implantou um novo sistema informatizado que vai integrar todos os ouvidores dos órgãos do governo estadual em uma rede e garantir mais efetividade na gerência das demandas dos cidadãos, reduzir o tempo de resposta e permitir maior controle sobre as medidas implementadas em cada caso. O Sistema Integrado para Gestão de Ouvidorias (SIGO) foi desenvolvido pela Corregedoria e Ouvidoria Geral, em parceria com a Companhia de Informática do Paraná (Celepar) e Casa Civil, e está em operação desde agosto. "É um instrumento com concepção de sistema corporativo, que funciona no ambiente de internet e fornece à Rede de Ouvidores uma ferramenta eficaz e rápida para acelerar o trabalho e facilitar nossa missão, que

é atender às demandas da população", afirma o secretário de Corregedoria e Ouvidoria Geral, Cid Vasques. Com o novo sistema e a formação da rede de ouvidores, o contato da população com as ouvidorias passou a ser mais rápido e direto e o atendimento ganhou precisão. De posse de informações mais detalhadas é possível alcançar a solução mais rapidamente e com grau de segurança muito maior. Na Ouvidoria Geral do Estado, a maioria das demandas chega por meio da internet, seja pelo portal www.ouvidoria.pr. gov.br ou por correio eletrônico (ouvidoria@ouvidoria.pr.gov.br). No ano passado, o acesso ao órgão por meio eletrônico cresceu 64,7%. Cerca de 10% dos contatos são feitos

por telefone, pessoalmente ou por cartas. A acessar o serviço, o cidadão pode identificarse, pedir sigilo e também fazer denúncias anônimas. Em todos os casos é emitido um protocolo de resposta, com senha, que permite o acompanhamento até a obtenção da resposta com a providência adotada pela Ouvidoria e pela administração pública. Ao longo de 2011, a Ouvidoria Geral registrou 6.350 manifestações de cidadãos, entre dúvidas, reclamações, denúncias, sugestões e elogios. O sistema armazena todos os registros, facilitando o atendimento especializado quando há um número maior de pedidos ou reclamações a respeito de um determinado assunto. Relatórios gerenciais periódicos permitem que secretários de cada

pasta analisem as informações e, de posse dos dados, avaliem a eficácia, a eficiência e a efetividade das ações da administração estadual - por exemplo, de uma política pública aplicada a uma região, ou ao estado todo. Com isso é possível fortalecer uma ação ou até mesmo corrigir seus rumos, quando necessário. "Em cada órgão de governo, secretaria, autarquia, fundação ou empresa temos um responsável pela Ouvidoria, escolhido pela direção do órgão, com formação e capacitação adequada à função, para intermediar a relação com o cidadão", explica Walter Gonçalves, gestor do sistema na Ouvidoria Geral. "E ninguém pode ficar sem uma resposta ou uma justificativa, por mais que não seja a resposta que deseja", afirma.

da cadeia de Paranaguá, que tinha capacidade para apenas 30 detentos. Dos cerca de 16 mil presos que ocupavam delegacias de polícia, três mil já foram transferidos para presídios nos últimos meses. Para dar suporte às medidas anunciadas pelo governador, o orçamento da Secretaria da Segurança Pública, que girava em torno de R$ 1,5 bilhão ao ano, será reforçado em R$ 500 milhões no atual exercício, e poderá dobrar até

2014, quando todas as fases do programa Paraná Seguro devem estar implementadas. O governo aprovou a criação do Fundo Estadual de Segurança Pública para financiar as ações e buscar recursos com outros agentes de fomento no Brasil e exterior. Além disso, o programa Paraná Seguro pode contar com repasses e transferências da União e com eventuais operações de crédito a serem contratadas junto a organismos como: o BNDES e o BID.

São José dos Pinhais comemora 159 anos de emancipação No próximo domingo (08), São José dos Pinhais completa 159 anos de emancipação política, que serão celebrados pela Prefeitura hoje (06) com uma solenidade e a inauguração da nova sede dos Conselhos Tutelares do Município. A solenidade oficial de comemoração do aniversário acontece no Paço Municipal, às 9h de sexta, e a inauguração da nova sede dos Conselhos Tutelares acontece em seguida, na rua Padre Bittencourt, 40. O evento contará com a presença de autoridades do município, líderes religiosos e comunitários e uma apresentação da cantora Carine Luup. HISTÓRIA A lei que criou o município de São José dos Pinhais foi decretada pela Assembléia Legislativa Provincial de São Paulo, no dia 16 de julho de 1852, quando foi sancionada a Lei nº 10, pelo vice-presidente da Província de São Paulo. A instalação solene da nova cidade, com a posse dos seus primeiros vereadores, ocorreu no dia 8 de janeiro de 1853 - mesmo ano em que mais tarde ocorreria a emancipação política do Paraná.

PPS quer explicação de ministro sobre repasse de verbas para seu estado O PPS protocolou anteontem (4) na Comissão Representativa do Congresso Nacional requerimento de informação para que o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, explique o repasse de recursos da pasta para obras contra enchentes para o estado de Pernambuco. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, Pernambuco, base eleitoral do ministro, foi o principal destino das verbas do ministério para esse fim. Ainda de acordo com o jornal, o estado concentrou 90% dos gastos destinados a obras contra enchentes. Para o líder do PPS, deputado Rubens Bueno (PR), o Congresso e a população merecem esclarecimento sobre as denúncias. "Entendo que a pas-

ta da Integração Nacional deveria atender as unidades da Federação mais necessitadas e não as vontades eleitorais do ministro", diz trecho do requerimento. Composta por sete senadores e 16 deputados, a Comissão Representativa do Congresso Nacional atua durante o recesso legislativo, entre os dias 23 de dezembro e 1º de janeiro. Pelo regimento comum das duas Casas, o presidente da comissão, senador José Sarney (PMDB-AP), deverá convocar a comissão para debater o assunto. Caso não haja uma posição do colegiado até o fim do recesso, o requerimento será enviado à Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, já que o pedido foi protocolado por um deputado.


4

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

Protejo projeta futuro melhor a 240 jovens de São José dos Pinhais Cerca de 240 jovens de dois populosos bairros de São José dos Pinhais estão vislumbrando novo futuro através do Programa de Proteção a Jovens em Território de Vulnerabilidade (Protejo). Ele atende jovens de 15 a 24 anos em situação de vulnerabilidade social e é executado pela prefeitura, em parceria com o Ministério da Justiça. A palavra de ordem, tanto para os jovens como para gestores e colaboradores, é oportunidade. É o que dizem, por exemplo, as cinco mães adolescentes que levam seus bebês com menos de seis meses para poderem assistir às aulas, dizendo se sentirem gratificadas pela "oportunidade". A palavra também é pronunciada com ênfase pela jovem Letícia, que passou 12 dos seus 17 anos de vida dentro de um hospital. Ela nasceu com má formação em órgãos vitais como coração, bexiga e outros. Mas frequenta o projeto mesmo com a dificuldade de usar uma perna mecânica que quebrou há um mês - o que levou a equipe do Projeto a se mobilizar para ajudá-la a conseguir uma prótese. "Se estou aqui, apesar das dificuldades é porque as coisas também são feitas para mim. Estou acreditando. Mas não tem sido fácil, pois ainda não consegui um emprego e quero muito isso no próximo ano", manifesta Letícia. Os jovens foram selecionados com base no perfil social, econômico e educativo, tendo como principal critério serem moradores das localidades que fazem parte do Território de Paz do Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci),

Foto Sérgio Sabino/PMSJP

Oportunidade é a palavra de ordem para frequentadores do projeto, que foram selecionados com base no perfil social, econômico e educativo

O jovem Paulo Sérgio dos Santos afirma que a experiência em grupo tem sido importante

freqüenta o curso desde o início e disse estar muito gratificada pelos ensinamentos que já pode ter. "Eu vim para cá atraída pelas atividades esportivas, mas descobri mais coisas importantes, como a oficina sobre família e fraternidade, que me fez descobrir a importância da minha família", afirma a jovem. Já Paulo Sérgio dos Santos, outro aluno do Protejo, também com 16 anos, ressalta que a convivência em grupo para ele tem sido muito importante. "Fiz amigos aqui e acho que com o passar do tempo vai ser ainda melhor. Quero permanecer no projeto", comenta. A equipe multidisciplinar do Protejo tem muitos desafios. Auxiliados pelas Mulheres da Paz que fazem parte de outro projeto do Pronasci, eles agem com firmeza e flexibilidade, na busca de um equilíbrio para que o grupo se mantenha. As Mulheres da Paz exercem o papel de uma espécie de "madrinhas" de muitos dos jovens do Protejo. Elas

dentro do Guatupê e Borda do Campo. Eles frequentam diariamente as oficinas formativas (como a de montagem e desmontagem de computadores), esportivas e culturais do projeto que têm duração de um ano. O projeto visa dar formação socioeducativa e profissionalizante mínimas, para que os jovens possam ser reinseridos ao contexto social e preparando-os para o acesso ao mercado de trabalho, além de reencaminhálos aos estudos. Para o gestor do Protejo em São José dos Pinhais, Aderson Bissoli, a partir do momento que tomam conhecimento sobre as oportunidades que o programa oferece, os jovens se interessam pelo projeto e dentro das condições de cada um vão se adaptando. "Isso nos convence do quanto é necessário que tenham acesso às políticas públicas voltadas para o público jovem", destaca Bissoli. Ana Paula Unger, 16 anos,

encaminharam muitos deles para o projeto, a partir da identificação que fizeram junto às famílias. Em cada turma há a presença de algumas delas, acompanhando os garotos e garotas, motivando para que eles não desistam. Para o secretário municipal de Segurança, Marcelo Jugend, os jovens do Protejo, a exemplo da mães que levam seus filhos para assistir às aulas, confirmam o quanto as políticas públicas são necessárias e decisivas para que um futuro de possibilidades alcance a todos. "Esses jovens não são menos importantes do que ninguém que ande de carro particular ou com melhor vestimenta. A diferença é que estas tiveram oportunidade. E é disso que estamos falando aqui. Essa oportunidade não é um favor. É uma obrigação dos nossos governos e no que depender desta gestão municipal nós vamos fazer com que essas oportunidades se multipliquem", finaliza o secretário.

O bairro São Marcos ganhará nos próximos meses uma nova estrutura junto ao ponto de integração do transporte coletivo. As obras foram iniciadas pela prefeitura de São José dos Pinhais nesta semana e deverão durar cerca de três meses. As benfeitorias serão construídas no terreno da antiga Igreja Visão Missionária, atrás do ponto já existente. Os avanços serão grandes para quem utiliza o transporte coletivo do São Marcos. O ponto de integração receberá uma área coberta com posto de abastecimento do Cartão VEM, posto da Guarda Municipal, agência da Caixa Econômica, lanchonete e novos banheiros públicos. O projeto prevê ainda reforma na área de lazer com academia ao ar livre, parquinho e bancos. As obras de revitalização do ponto de integração só serão possíveis devido à retirada de duas torres de transmissão de energia, em maio de 2011, após um acordo da prefeitura de São José dos Pinhais com a Copel (Companhia Paranaense de Energia). "A Prefeitura está dando mais estrutura, melhorando o atendimento e ofertando mais serviços aos usuários", ressaltou o secretário municipal de Urbanismo, Luis Scarpin. O ponto de integração já beneficia os usuários desde fevereiro do ano passado. Quem sai da área rural em direção ao São Marcos paga R$ 1,60 pela passagem. Este mesmo passageiro, utilizando o cartão eletrônico VEM dentro

Foto Sergio Sabino/PMSJP

Prefeitura inicia obras no ponto de integração de ônibus do São Marcos

Obras nos pontos de embarque do bairro São Marcos devem durar cerca de três meses

de uma hora, pode seguir em direção ao Centro pagando apenas mais R$ 0,60 (valor que completa a tarifa-base de R$ 2,20). São sete linhas que passam na estrutura (Campo Largo/Audi; Contenda; Faxina; Malhada/Roça Velha; Cotia (via Campo Largo); Rápida São Marcos e São Marcos (parador). O cartão VEM é gratuito e pode ser solicitado no terminal central de ônibus de São José dos Pinhais ou na Central do Vale Eletrônico Municipal (Rua Marcelino Nogueira, 278).

Promovendo parcerias para o crescimento empresarial

Desde 02/01, autorizado parcelamento de débitos tributários do Simples Desde 02 de janeiro, optantes do Simples Nacional, regime especial unificado de arrecadação de tributos e de contribuições devidos pelas microempresas e empresas de pequeno porte, poderão parcelar débitos tributários apurados pelo sistema que unifica seis tributos federais, um estadual e um municipal. A regulamentação integra a Resolução nº 92, aprovada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) e publicada no Diário Oficial da União, edição 223. A empresa que possui débitos tributários fica impedida de emitir a Certidão Negativa de Débitos (CND), documento exigido para realizar transações comerciais com governos e solicitar financiamentos em linhas especiais de crédito. De acordo com a Secretaria de Estado da Fazenda (SEFA), cerca de 80% das empresas paranaenses - em setembro deste ano eram 279.460 - estão cadastradas no Simples Nacional, bem como 88.008 pessoas formalizadas como Empreendedor Individual. A Resolução autoriza o parcelamento de débitos em âmbito municipal, estadual ou federal em até 60 parcelas corrigidas pelo Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic). É vedada a concessão de novo parcelamento enquanto o parcelamento anterior não for integralmente pago. No âmbito de cada órgão concessor, serão admitidos até dois reparcelamentos de débitos do Simples Nacional. O valor de cada parcela será obtido mediante a divisão do valor da dívida consolidada pelo número de parcelas. Se o tributo devido for controlado pela Receita Federal do Brasil, o valor mínimo da prestação será de R$ 500, exceto se o devedor for Empreendedor Individual. Os estados, Distrito Federal ou municípios estabelecerão o valor mínimo nos parcelamentos de sua competência. A falta de pagamento de três parcelas, consecutivas ou não; ou a existência de saldo devedor, após a data de vencimento da última parcela do parcelamento, implica em rescisão do parcelamento.

FALECIMENTOS  Jeniffer Leal Fernandes, 13 anos. Sepultamento hoje, às 10 horas, no Cemitério Parque Senhor do Bonfim.  Francisco Aniceto da Silva, 76 anos. Sepultamento hoje, às 14 horas, no Cemitério Parque Senhor do Bonfim.  Augusta Andrade de Souza, 81 anos. Sepultamento hoje, às 10 horas, no Cemitério Parque Senhor do Bonfim.  Jurandir Damaso da Silveira, 59 anos. Sepultamento hoje, em horário a ser definido, no Cemitério do bairro Umbará, Curitiba.  Antônio Rodrigues Carvalho, 64 anos. Sepultamento hoje, às 15 horas, no Cemitério Padre Pedro Fuss. Serviço Funerário Municipal - São José dos Pinhais Rua Ângelo Zem, 55 Centro - Fone : 3382 1271


5

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

Metró ole Variedades O que é bom para o país é bom para a General Motors e o que é bom para a General Motors é bom para o país. ( Charles Erwin Wilson )

Céu com muitas nuvens

PROGRAMAÇÃO DE CINEMA

Máx.27º Mín. 13º

Dia 07: Mín. 15º e Máx. 25º Dia 08: Mín. 14º e Máx. 26º Dia 09: Mín. 16º e Máx. 25º

Bolo de Abacaxi Caramelado

T O M E N O TA Banco de Sangue do Erasto Gaertner precisa de doadores O Banco de Sangue do Hospital Erasto Gaertner está com uma baixa de estoque de sangue e derivados e precisa do apoio da população. A Instituição precisa das doações de todos os tipos de sangue para realizar cirurgias e atender pacientes que precisam de transfusões. O volume considerado satisfatório de doadores seria de 35 por dia, porém, nas últimas semanas, o número não tem passado de 20. Para doar sangue é necessário estar em boas condições de saúde e bem alimentado, apresentar documento de identidade original com foto, ter entre 16 e 65 anos, peso mínimo de 50 kg , não estar gripado, com alergia ou febre e as mulheres não podem estar grávidas ou amamentando. O funcionamento é de segunda à sexta-feira, das 13h às 17h30. Mais informações (41) 3361-5000 ou pelo site www.erastogaertner.com.br. Sábado é a vez de Sorriso Maroto Depois do rap de Marcelo D2 que toca na sexta-feira (06), é o pagode do Sorriso Maroto que vai ecoar por Caiobá, em sua apresentação na Arena Hyddra do Hyddra Concept Lounge, no sábado (07). O grupo carioca é formado por Bruno Cardoso, Cris Oliveira, Sérgio Junior, Vinícius Augusto e Fred que vão cantar sucessos como “A festa é sua”, “Assim você mata o papai”, “Clichê” entre outras. Para garantir ainda mais a qualidade do espetáculo, a produção fica por conta da conhecida CWB Brasil. Os portões abrem às 20h e o show está previsto para começar às 22h. Mais informações e reservas no fone 41 3473 4440 ou pelo site www.hyddra.com.br.

Ingredientes: 2 xicaras(chá)de açúcar 1 abacaxi pérola 3 ovos 1 xícara (chá) de óleo 1 xícara (chá) de açúcar 1 copo de iogurte natural(200g) 1 e 1/2 xícaras de (chá) de farinha de trigo 1 colher(sopa)de fermento em pó químico. Modo de Preparo: Em uma panela, coloque o açúcar e leve ao fogo médio até derreter e formar uma calda dourada. Despeje esse caramelo em uma forma de 22cm de diâmetro e espere esfriar. Descasque o abacaxi e corte em rodelas com um dedo de espessura. Retire o miolo e arrume o abacaxi na forma sobre o caramelo. No liquidificador, bata os ovos com o óleo, o açúcar e o iogurte. Adicione, aos poucos, a farinha e por último o fermento, misturado com uma colher. Despeje sobre o abacaxi e leve ao forno médio, preaquecido, por 30 minutos ou até assar. Espere esfriar e desenforme.

Os benefícios do alho cru!

Ser estudado pela Ufologia Unidade de dose de radiação A mãe dos deuses do Olimpo (Mit.)

Bairro tradicional do Rio de Janeiro

Serviço para atender o consumidor

24

Caricaturista ítalobrasileiro Erva de canapés com roquefort Albert Einstein, físico alemão

Pão de milho da culinária mineira

O mundo "fashion" Ocidente

M

O

D

A carência do menor abandonado (pl.)

A

Tipo de gola dupla Desacompanhado Prêmio dado aos melhores trabalhos jornalísticos (BR) Ampère (símbolo)

Sufixo de "barbado": provido de Sapo da Amazônia Andy Garcia, ator

Clube de futebol identificado com a colônia portuguesa do Rio Diz-se do trabalho dos bombeiros

BANCO

Golfo de (?): banha o Iêmen

Solução P O R M E U I A R T A LA N I P O A E A N U L E A T A R U D E N O S O

5) A novela é “Floribella” que foi ao ar pela Band. Quem interpretou a personagem Corina? a) Juliana Silveira b) Maria Carolina Ribeiro c) Drica Rabello d) Norma Blum

Astrônomo grego Atenuar; minorar Parte vegetal do ecossistema

E D L O E D E A C A L E O D R S O O A I G

4) Em 2005, na novelinha “Malhação”, qual desses atores deu vida ao personagem Kiko? a) Thiago Rodrigues b) Paulo Betti c) Alexandre Slavieiro d) Java Mayan

Roedor que se alimenta de gramíneas Dois planetas do Sistema Solar

G O M A S D E M A S C A R

3) Quais dessas duplas fez par romântico com Tânia Kahlil na novela “Senhora do Destino”? a) Leonardo Vieira e José Wilker b) Leonardo Vieira e Mário Frias c) Marcelo Antony e Mário Frias d) Dan Stulbach e Leonardo Vieira

© Revistas COQUETEL 2007 As de nico- Pronome Uma das formas tina com- pessoal mais cobatem o (Gram.) muns do Omitir, tabagismo diamante em inglês

Tecla de micros Adequar; adaptar

Que chia

E R A N P T R E FL O R P R A C I B A B R O E V A S T P E

2) Em qual dessas produções a atriz Daniela Escobar interpretou a judia Bela? a) “Terra Nostra” b) “O Clone” c) “Aquarela do Brasil” d) “O Quinto dos Infernos”

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS www.coquetel.com.br

3/rad — sac. 4/áden — aipo — esso — omit. 5/enter. 6/cibele.

1) Em qual trama Mylla Christie fez par romântico com Flávio Silvino? a) "Vamp" b) "Tiro e Queda" c) "Louca Paixão" d) "Deus nos Acuda"

De acordo com os registros históricos, a origem do alho remonta a mais ou menos 6.000 anos. Existe também certa imprecisão e controvérsias quanto a região de origem do alho, alguns estudos atribuem ser ele nativo da Europa mediterrânea ou do continente asiático. Entretanto, a maioria dos estudos indica a Ásia como local de origem do alho. Onde teria surgido no deserto da Sibéria, e tenha sido levado para o Egito por tribos asiáticas nômades, dali tenha seguido para o extremo oriente através das rotas do comércio com a Índia, e depois tenha chegado à Europa. Para todas as culturas, seja a indiana, a egípcia, a grega, a hebraica, a russa ou a chinesa, sendo para eles, o alho um elemento quase tão importante quanto o sal. O alho tem efeitos benéficos comprovados. Funciona como antitérmico e expectorante natural, sendo amplamente utilizado em casos de bronquite e asma. Em cortes ou lesões na pele, funciona como anti-séptico; seu poder é superior ao do álcool a 90º. Também atua como desinfetante na boca, estimulando diversas funções, entre elas a secreção salivar e a de suco gástrico. Bem como aumenta o apetite, regula a digestão e combate as fermentações pútridas do intestino. Os chás feitos com sua folha combatem a diarréia, colites e parasitoses intestinais.

(Respostas: 1-a / 2-c / 3-b / 4-c / 5-d)


6

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

TR, POUPANÇA E TBF TR MENSAL % out nov 0,06 0,06

Reformas no Porto de Paranaguá ampliam capacidade de armazéns Apenas o Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP) tinha o certificado da Anvisa e já não comportava receber mais cargas A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu o Certificado de Boas Práticas de Armazenagem para o armazém 3B do Porto de Paranaguá. O local, usado para armazenamento de carga geral, poderá receber alimentos e derivados. Antes, apenas o Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP) tinha este certificado e já não comportava receber mais cargas. Para adequar o espaço de acordo com as normas da Anvisa, a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) fez reformou o local. A pintura foi refeita, foi retirada a porosidade do piso, a ventilação do armazém foi adequada, o telhado reformado, além da limpeza geral e o controle de pragas. “Antes de realizarmos estas adequações, o armazém ficava mais tempo ocioso. Agora que podemos receber a carga de contêineres sem restrição, o armazém fica cheio quase todo o tempo”, afirma o diretor empresarial da Appa, Lourenço Fregonese. Agora, a Appa está atendendo outras exigências da Anvisa para que o armazém possa receber também medicamentos. Em dezembro, outro armazém, no Corredor de Exportação, foi reformado para receber cargas a granel de

Venda de automóveis no país cresce 3,4% em 2011 e bate recorde São Paulo – A quantidade de veículos (automóveis e comerciais leves) nacionais e importados vendidos em 2011 no país chegou a 3,63 milhões de unidades, 3,4% a mais do que o registrado no ano anterior. A marca é recorde para o período de um ano. Segundo dados divulgados ontem (5) pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), os importados tiveram participação de 23,6% nas vendas (com 858 mil unidades). Em 2010, 660,1 mil veículos importados foram comercializados (com participação de 18,8% do total). Já a venda de automóveis nacionais teve queda de 2,8%, ao passar de de 2,85 milhões de unidades, em 2010, para 2,77 milhões, em 2011. A produção de automóveis no país em 2011 apresentou alta. No total, 3,4 milhões de unidades foram fabricadas, volume 0,7% superior ao do ano anterior. Do total, 541,5 mil unidades foram exportadas, 7,7% a mais que em 2010. Em valores, a exportação de automóveis totalizou US$ 12,30 bilhões, montante 16,8% superior ao registrado em 2010. Os carros com motor flex fuel foram os mais vendidos (83,1%); os movidos a gasolina tiveram participação de 11%, e a diesel, de 5,9%. Os carros com motor 1.0 responderam por 45,2% das vendas; e os superiores a 2.0, por 1,2%.

alimentos e matérias primas utilizadas na indústria de alimentos. ILUMINAÇÃO A Appa está fazendo também a manutenção em todo o sistema de iluminação do Porto de Paranaguá. Foram cerca de R$ 100 mil em investimentos para recuperar e fazer a manutenção em mais de 1.800 pontos de iluminação ao longo da área do cais e retroárea portuária. O trabalho está sendo feito pela Seção de Manutenção Elétrica da Appa com o objetivo de aumentar a segurança nas instalações portuárias. A primeira fase do projeto foi realizada em dezembro, quando foram recuperadas e substituídas as instalações ao longo da faixa portuária. Agora, estão sendo feitos trabalhos no pátio de triagem, para preparar o local para a Safra 2012. Os trabalhos são desenvolvidos numa altura média de 20 metros e envolvem a substituição de refletores, lâmpadas, reatores, circuitos elétricos, caixas de comando e proteção elétrica e reparos no sistema de proteção contra descargas atmosféricas (SPDA). A manutenção corresponde a postes e refletores no pátio de triagem, pátio de veículos, píer de inflamáveis, terminal de álcool, centro administrativo e Avenida Portuária.

Saldo de poupança da Caixa atinge R$ 150 bi Brasília – A Caixa Econômica Federal começou o ano com forte captação de depósitos em cadernetas de poupança. Segundo divulgou ontem (5) a Caixa, no primeiro dia útil de 2012, segunda-feira passada (2), foram depositados R$ 366,5 milhões, elevando o saldo total da poupança na instituição para R$ 150 bilhões. Os números foram apresentados pelo diretor executivo de Pessoa Física da Caixa, Édilo Valadares. Esse volume de recursos equivale a 35,7% de todo o mercado de poupança operado na rede bancária, que encerrou 2011 com saldo de R$ 420,008 bilhões, segundo informe divulgado nesta quinta-feira pelo Banco Central.

Quanto à captação líquida (depósitos menos saques) de todo o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) e da poupança rural, no ano passado, que somou R$ 14,1 bilhões, a Caixa respondeu por R$ 11,3 bilhões, ou 79,25% da captação. De acordo com Valadares, foram abertas 4,38 milhões de contas de poupança na Caixa, em 2011, aumentando o número de contas ativas para 43,3 milhões. A expectativa, segundo ele, é que o ritmo seja mantido neste ano, o que fará com que o sistema de poupança garanta mais recursos para o financiamento da casa própria. Dos recursos do SBPE, 65% são destinados ao setor imobiliário.

Paraguai nega que Brasil e Argentina tenham fechado fronteiras para o gado Brasília – O secretário nacional da Saúde Animal e Qualidade do Paraguai, Daniel Rojas, negou ontem (5) que os governos da Argentina e do Brasil tenham fechado as fronteiras para a entrada do gado paraguaio. “Querem pintar uma catástrofe, mas a situação não é essa [de caos]”, disse. Há dois dias, o Ministério da Agricultura informou que vai suspender as importações de carne de bovinos oriundos do Departamento de San Pedro, no Paraguai, onde foi identificado foco de febre aftosa. A suspensão é parte de uma lista de medidas divulgadas pelo governo brasileiro para proteger a fronteira do Brasil de uma possível entrada do vírus da doença. Segundo o ministério, a aftosa foi diagnosticada em

bovinos de uma propriedade na localidade de Aguaray Amistad, no Departamento de San Pedro, a cerca de 30 quilômetros do foco notificado em setembro de 2011. Antontem (4) o governo do Paraná determinou que os postos de fiscalizem atuem 24 horas na tentativa de evitar o ingresso de gado com aftosa no Brasil. Mas Rojas minimizou a situação dizendo que os produtores da região de San Pedro vacinaram um terço do gado. Porém, ele admitiu que a vacinação não garante 100% de proteção. No entanto, ele disse que há um esforço para vacinar mais uma vez o gado e assim dar a segurança de proteção absoluta. O secretário reconheceu que houve falhas no pro-

cesso de vacinação, pois parte dos funcionários encarregados permaneceu nos escritórios, ao invés de seguir para o campo. Ele disse que os problemas estão sendo contornados e que o esforço é para evitar o agravamento da situação. Autoridades sanitárias dos governos do Paraná e de Mato Grosso do Sul já mobilizaram forças policiais e o Exército para reforçar a vigilância no trânsito de animais e vão trabalhar de forma integrada com o governo federal. O governo do Paraná encerrou há cerca de um mês uma campanha de vacinação que imunizou aproximadamente 97% do rebanho e trabalha com o propósito de se tornar livre da aftosa, sem vacinação.

dez 0,09

jan 0,09

ano 0,09

12 m 1,22

POUPANÇA MENSAL % out nov dez 0,56 0,56 0,59

jan 0,59

ano 0,59

12 m 7,45

ÍNDICES DIÁRIOS 7/12 a 7/1 8/12 a 8/1 9/12 a 9/1 10/12 a 10/1 11/12 a 11/1 12/12 a 12/1 13/12 a 13/1 14/12 a 14/1 15/12 a 15/1 16/12 a 16/1 17/12 a 17/1 18/12 a 18/1 19/12 a 19/1 20/12 a 20/1 21/12 a 21/1 22/12 a 22/1 23/12 a 23/1 24/12 a 24/1 25/12 a 25/1 26/12 a 26/1 27/12 a 27/1 28/12 a 28/1 29/12 a 29/1 30/12 a 30/1 31/12 a 31/1 1/1 a 1/2 2/1 a 2/2

0,1268 0,0995 0,0687 0,0609 0,0895 0,1386 0,1280 0,1296 0,1090 0,0651 0,0684 0,0873 0,1090 0,1320 0,1050 0,0932 0,0624 0,0704 0,0998 0,1281 0,1255 0,1286 0,1004 0,0705 0,0675 0,0864 0,1400

0,9078 0,8803 0,8292 0,8114 0,8502 0,8696 0,9190 0,9206 0,8999 0,8256 0,8189 0,8580 0,8898 0,9130 0,8758 0,8539 0,8229 0,8309 0,8706 0,9191 0,9265 0,9296 0,8812 0,8410 0,8180 0,8571 0,8710

CONSTRUÇÃO em % set out CUB/PR 0,44 0,33 CUB (Out / 2011): R$ 993,75

nov 0,34

0,6274 0,6000 0,5690 0,5612 0,5899 0,6393 0,6286 0,6302 0,6095 0,5654 0,5687 0,5877 0,6095 0,6327 0,6055 0,5937 0,5627 0,5708 0,6003 0,6287 0,6261 0,6292 0,5868 0,6407

ano 8,39

12 m 8,45

FAJ-TR / TR-FATOR 2/1 3/1 4/1

2,7519270 2,7520644 2,7523675

0,01232945 0,01233007 0,01233084

SELIC Dez/10 0,93% Jul/11 Jan/11 0,86% Ago/11 Fev/11 0,84% Set/11 Mar/11 0,92% Out/11 Abr/11 0,84% Nov/11 Mai/11 0,99% Dez/11 Jun/11 0,96% Jan/12 * No mês corrente o valor da Selic é sempre 1,00%

0,97% 1,07% 0,94% 0,86% 0,86% 0,91% *1,00%

IR DEZEMBRO * IR 2011: A oitava parcela do IR 2011 venceu em 30/11. Para pagamento de parcelas atrasadas há em janeiro juros Selic de 8,58%, mais juros. ** Para pagar atrasado um tributo cujo vencimento foi no mesmo mês,será cobrada a Selic do mês corrente (1,00%). Para atrasos que extrapolem o mês em curso, será cobrada taxa equivalente à soma da Selic dos meses em atraso, mais multa.

PREVIDÊNCIA Competência: DEZEMBRO Vencimento empresas 20/01 e pessoas físicas 16/01. A partir disso há multas de 4% a 100% e juros (Selic) EMPRESÁRIO/EMPREGADOR Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 545,00 (R$ 59,95) e R$ 3.691,74 (406,09), através de GPS. AUTÔNOMO 1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 545,00 (R$ 109,00) a R$ 3.691,74 (R$ 738,34) . 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% até o máx. de R$ 3.691,74 (R$ 406,09) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre o que recebe de jurídicas, até R$ 3.691,74 (R$ 406,09). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.691,74. FACULTATIVO Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 545,00 (R$ 109,00) e R$ 3.691,74 (R$ 738,34), através de carnê. ASSALARIADOS Salário Contribuição (R$) Até 1.107,52 De 1.107,53 até 1.845,87 De 1.845,88 até 3.691,74

Alíquota 8,00% 9,00% 11,00%

EMPREGADOS DOMÉSTICOS Alíquota % 8 a 11 12 20 a 23

Empregado Empregador Total

R$ mín 43,60 65,40 109,00

SALÁRIO FAMÍLIA – DEZEMBRO Salário de até R$ 573,91 Salário de R$ 573,92 a 862,60

R$ máx 406,09 443,01 849,10

R$ 29,43 R$ 20,74

OUTROS ÍNDICES BTN + TR TJLP Sal. Mínimo FGTS UPC

set 1,560500 6,00 545,00 0,4547 22,09

out 1,562065 6,00 545,00 0,3471 22,09

IR – TABELA DE JANEIRO Desconto na fonte e carnê-leão Base (R$) Alíquota Até 1.637,11 isento 1.637,12 a 2.453,50 7,50% 2.453,51 a 3.271,38 15,00% 3.271,39 a 4.087,65 22,50% 4.087,65 em diante 27,50%

nov 1,563033 6,00 545,00 0,3087 22,19

dez 1,564041 6,00 545,00 0,3112 22,19

Dedução – R$ 122,78 R$ 306,80 R$ 552,15 R$ 756,53

Deduções: a) Assalariados: 1) - R$ 164,56 por dependente; 2) - pensão alimentícia; 3) - contribuição à Prev. Social; 4) - R$ 1.637,11 por aposentado a partir de 65 anos; 5) - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carnê Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.


| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

7

ARAUCÁRIA

Módulos da Guarda Municipal começam a operar Investimento com blindagem e reformas foi de aproximadamente R$ 120 mil

Foto Angela Delong/SMTE

Os quatro módulos da Guarda Municipal de Araucária (GMA) que estavam sendo reformados estão prestes a serem entregues pela empresa que foi contratada para realizar a obra e provavelmente este mês estarão em funcionamento. Os módulos são os localizados na praça central, Praça do Tayrá, Praça da Bíblia e do Tupy. Após a entrega pela empresa, a GMA fará vistoria para verificar se a reforma está de acordo com a planilha orçamentária de serviços e se tudo estiver de acordo com as especificações, de imediato serão reativados. "Acreditamos que até o final do mês já poderemos operar e serão mais quatro pontos para auxiliar na execução do nosso trabalho. Com certeza mais um benefício para a população", comenta o comandante da Guarda Municipal, Wueslei Fabiano da Costa. ESTRUTURA As benfeitorias realizadas incluem revisão elétrica, reparos estruturais e de pintura. Os módulos receberam blindagem e contam com intercomunicador, um sistema equipado com microfone para comunicação entre os guardas que estiverem de plantão e o cidadão que for buscar atendimento.

Os módulos da GM foram reformados e começam a operar ainda neste mês

INVESTIMENTO O investimento realizado pelo município na reforma e na blindagem dos quatro módulos da Guarda Municipal foi de aproximadamente de R$ 120.000,00. Os módulos estavam desativados desde 2006.

PIRAQUARA

Estrada centenária do município é totalmente revitalizada

MANDIRITUBA

Produtores rurais da piscicultura recebem mais de 100 mil alevinos

Foto Frans Rodrigues/PMP

A Prefeitura Municipal de Mandirituba entrega na próxima terça-feira (10), através da Secretaria Municipal de Agricultura, a segunda etapa da entrega oficial de alevinos para pequenos e médios produtores do município. Nesta etapa, segundo a prefeitura, serão entregues mais de 100 mil alevinos aos agricultores que formalizaram o pedido junto à Secretaria da Agricultura. Na tarde de ontem (5),

O Caminho Trentino é um dos principais cartões de visita e ponto turístico de Piraquara

CAMPO LARGO

Prefeitura realiza concurso para reduzir cargos em comissão

a prefeitura informou que os interessados em adquirir alevinos para produção devem procurar a Secretaria da Agricultura e obter mais informações a respeito. Os produtores também poderão entrar em contato através do telefone (41) 3626-1401. O projeto de piscicultura da prefeitura é mais uma das iniciativas que vem sendo desenvolvidas para a promoção e valorização da família rural de Mandirituba.

O prefeito Edson Basso disse que pretende realizar mais um concurso público em 2012

prestados e os concursos públicos realizados desde então reduziram este índice para 9,8%. Portanto, atualmente mais de 90% dos servidores públicos de Campo Largo são concursados. Para 2012 está prevista a oferta de vagas para candidatos que possuem formação de nível médio nos cargos de Atendente, Auxiliar de Odontologia, Auxiliar de Farmácia, Guarda Municipal e Secretário de Escola. No nível técnico para Topógrafo, Educador, Fiscal Ambiental, Fiscal Contábil, Fiscal de Edificações, Técnico de

Higiene Dental e Técnico Florestal. Já a nível superior pretende-se contratar Analista Cultural, Médico, Professor, Arquiteto, Engenheiro Civil, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo e Contador. De acordo com o Secretário de Administração, o processo seletivo está sendo elaborado e pode ser alterado até a publicação do edital do concurso. "A data de inscrição, bem como o dia da prova e o valor da taxa ainda não foram definidos", explicou Sílvio Diniz.

Foto Divulgação/PMM

A valorização do funcionalismo público é uma das características da Prefeitura de Campo Largo. Em sete anos no comando do poder executivo do município, o Prefeito Edson Basso realizou, em média, um concurso a cada ano de seu mandato, e já anunciou encerrar sua gestão com mais um em 2012. Segundo o secretário Municipal de Administração, Sílvio Diniz, o aumento no número de servidores estatutários representa um investimento no profissionalismo, além de reduzir os cargos em comissão. "Como o mercado de trabalho está aquecido estamos completando o quadro funcional e técnico da Prefeitura, ocupando as vagas não preenchidas e repondo os servidores aposentados", conta. No início de 2005 aproximadamente 30% dos funcionários da Prefeitura de Campo Largo eram contratados como comissionados, os chamados cargos de "confiança". Diniz explica que a preocupação com a continuidade dos serviços

Foto Divulgação/PMCL

O Caminho Trentino de Piraquara, estrada histórica aberta há mais de 130 anos pelos primeiros italianos que chegaram à região, tem um ponto de erosão que está crescendo, de acordo com informações dos moradores da região. Segundo eles, desde que a Sanepar construiu a Barragem Piraquara II, que abastece Curitiba, a erosão vem causando transtornos à população. Preocupado com a situação, o secretário municipal de Obras Públicas de Piraquara, Leonel de Barros Castro, conta que foram acionadas oficialmente a Sanepar, a Defesa Civil e o DER para fazer um trabalho em conjunto para a recuperação do trecho, já que atualmente a Prefeitura não conta com este recurso para arcar com toda a obra. Como ainda não houve apoio financeiro, a opção da prefeitura, para solucionar o problema e trazer tranqüilidade aos moradores, que utilizam o Caminho Trentino, foi fazer um acesso alternativo. No dia 10 de novembro do ano passado, os trabalhos foram iniciados e a obra foi concluída faltando apenas duas semanas para as festas de fim de ano. O Caminho Trentino é um dos principais atrativos turísticos do município de Piraquara, cuja estrada foi construída pelos primeiros imigrantes de italianos que chegaram à região, há mais de 130 anos. A fabricação artesanal do vinho é uma das principais atrações do Caminho Trentino, além de outros derivados da uva e produtos artesanais.

PROJETO A Secretaria Municipal de Segurança Pública tem também a intenção de reativar o Centro Integrado de Segurança (CIS), no bairro Industrial. Outro estudo de viabilidade sendo feito é sobre a reforma dos módulos da Avenida Archelau de Almeida Torres e do Tupy, mas seria um projeto para ser desenvolvido em longo prazo.

A prefeitura de Mandirituba entrega mais de 100 mil alevinos na próxima terça-feira


8

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

PREFEITURA DE COLOMBO ESTADO DO PARANÁ

Aviso de Licitação Edital – Pregão Presencial Nº. 002/2012 Objeto: Contratação de empresa especializada por meio do Sistema de Registro de Preços, para Prestação de Serviços de locação, montagem, manutenção e desmontagem de estandes e pórtico; serviços de decoração e ornamentação e fornecimento de alimentação nos camarins, para o evento “49ª Festa da Uva e do Vinho”, Prefeitura de Colombo, conforme quantidades e especificações constantes no Termo de Referência (Anexo VII), que integra o Edital. Data: 19 de janeiro de 2012, Às 09:00 Horas. Local de Abertura: Prefeitura de Colombo, edifício sede, situado na Rua XV de Novembro, 105, Colombo, Paraná. Preço Máximo: Constante no Edital. Critério de Julgamento: Menor Preço Por Lote. Informações Complementares poderão ser obtidas na Secretaria Municipal da Administração, sito a Rua XV de Novembro Nº. 105, Centro, Colombo - Paraná, ou pelos fones: (041) 3656–8002 Ou 3656–8112 ou pelo site: www.colombo.pr.gov.br. Colombo, 5 de janeiro de 2012. José Antonio Camargo Prefeito Municipal

JUÍZO DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA – PARANÁ Edital de citação da requerida JULIANA GONÇALVES PEREIRA, com prazo de TRINTA DIAS. A doutora Vanessa Jamus Marchi, MM. Juiz de Direito da 2ª Vara Cível do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba-PR, na forma da Lei, etc. Faz Saber a todos quantos virem o presente ou dele conhecimento tiverem, que perante o Juízo e Cartório da 2.ª Vara Cível do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba, tramitam os autos sob n.º 1791/ 2008, de AÇÃO REINTEGRAÇÃO DE POSSE em que é requerente BANCO FINASA S/A e requerida JULIANA GONÇALVES PEREIRA, dos quais se extraiu o presente edital para CITAÇÃO da requerida JULIANA GONÇALVES PEREIRA, inscrita no CPF sob nº 826.700.300-25, atualmente em lugar ignorado, para que no prazo de QUINZE DIAS, contados do termino do prazo do presente edital, querendo, conteste a presente ação, sob pena de não o fazendo ser considerado como verdadeiros os fatos narrados na inicial. Síntese: As partes firmaram contrato de arrendamento mercantil n.º 36.9.112.2341 em 22/07/2008 no valor de R$ 24.846,72, sendo que o requerente arrendou a requerida o seguinte bem: VOLKSWAGEM GOL 1.0 ESPECIAL, ANO DE FABRICAÇÃO/MODELO 1999/1999, COR BRANCA, PLACA ASD-3700, CHASSI 9BWZZZ377XP032882. Ocorre que a requerida deixou de pagar as prestações ajustadas, sendo constituído em mora. O bem foi reintegrado na posse do requerente sendo que a requerida não foi localizada para citação pessoal. ADVERTÊNCIA. Decorrido o prazo sem apresentação de defesa, será admitido como verdadeiros os fatos narrados na inicial decretando-lhe a revelia. Curitiba 13 de julho de 2011. Eu,(a) (Edno Francisco Ribeiro) Juramentado, digitei e subscrevi. (a)Vanessa Jamus Marchi Juíza de Direito Substituta.

JUÍZO DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA – PR. Edital de citação do requerido MOYSES DE OLIVEIRA, com prazo de 20 DIAS. O doutor Luciano Campos de Albuquerque, MM. Juiz de Direito da 2ª Vara Cível da Comarca de Curitiba-PR, na forma da Lei, etc. Faz Saber a todos quantos o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem, que por este Juízo e Cartório, com sede na Avenida Candido de Abreu, 535 1.º andar, tramitam os aos autos n.º 006599235.2010.8.16.0001 de BUSCA E APREENSÃO FIDUCIÁRIA em que é autor BV FINANCEIRA S/A - CREDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO, dos quais se extraí o presente edital para o fim de CITAR o requerido MOYSES DE OLIVEIRA, inscrito no CPF n.º 561.611.589-49, atualmente em lugar ignorado, para que tome ciência dos termos da demanda e querendo, no prazo de quinze dias, apresente contestação, sob pena de revelia, presumindo-se como verdadeiros todos os fatos narrados pela parte promovente, podendo ainda, nos termos do parágrafo 2.º do Decreto-Lei 911/69, dentro do prazo de cinco dias, promover ao pagamento integral da divida pendente, síntese da inicial: O autor ingressou com ação de Busca e Apreensão, pois firmou com o requerido contrato financiamento sob nº 140045696, sendo dado em garantia fiduciária o veiculo: AUTOMOVEL - MARCA/MODELO FORD FIESTA GL 1.0MPI 4P - ANO/MODELO 2000/2000 COR BRANCA - PLACA AJG 0632 - CHASSI 9BFBSZFHAYB302771,ocorre que o requerido não cumpriu com suas obrigações, sendo constituído em mora. Realizada a apreensão do bem o requerido não foi encontrado para citação pessoal ensejando a expedição do presente edital. ADVERTÊNCIA: Decorrido o prazo não apresentação contestação, será decretada a revelia da requerida. Eu, (a) (Edno Francisco Ribeiro) Juramentado, o digitei e subscrevi. Curitiba, 12 de julho de 2011. (a) LUCIANO CAMPOS DE ALBUQUERQUE - JUIZ DE DIREITO.

2ª Publicação do Extrato da Ata de Registro de Preços Processo n° 1066247/2010 Licitação Concorrência n.° 11/2010. Ata de n.º 191/2011 Valor R$ 13.529,02 (treze mil, quinhentos e vinte e nove reais e dois centavos). Objeto Aquisição de materiais médicos hospitalares, materiais para Raio-X, preservativos para atendimentos nas Unidades de Saúde, Prontos Atendimentos, CAPS, DST, CEO e Central de Ambulâncias e materiais de consumo do SIATE. Contratante Secretaria Municipal da Saúde. Contratado Comercial Cirurgica Bramed LTDA, CNPJ n.º 11.589.865.0001-51. Vigência 24 de maio de 2011 a 23 de maio de 2012. Preços Registrados Encontram-se a disposição no Setor de Contratos, sito à Rua XV de Novembro, 105 Centro Colombo/PR ou pelo site www.colombo.pr.gov.br no link licitações. Data da 2ª Publicação Colombo, 05 de janeiro de 2012. Assinatura: Ivonne Cecilia Restrepo Solano.

JUÍZO DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA – PR. Edital de citação da requerida GILIANE ALMEIDA DO NASCIMENTO, com prazo de 20 DIAS. A doutora Vanessa Jamus Marchi, MM. Juiz de Direito da 2ª Vara Cível da Comarca de CuritibaPR, na forma da Lei, etc. Faz Saber a todos quantos o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem, que por este Juízo e Cartório, com sede na Avenida Candido de Abreu, 535 1.º andar, tramitam os aos autos n.º 007772-44.2010.8.16.0001 de BUSCA E APREENSÃO FIDUCIÁRIA em que é autor BV FINANCEIRA S/ A – CREDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO, dos quais se extraí o presente edital para o fim de CITAR a requerida GILIANE ALMEIDA DO NASCIMENTO, inscrita no CPF n.º 093.751.886-71, atualmente em lugar ignorado, para que tome ciência dos termos da demanda e querendo, no prazo de quinze dias, apresente contestação, sob pena de revelia, presumindo-se como verdadeiros todos os fatos narrados pela parte promovente, podendo ainda, nos termos do parágrafo 2.º do Decreto-Lei 911/69, dentro do prazo de cinco dias, promover ao pagamento integral da divida pendente, síntese da inicial: O autor ingressou com ação de Busca e Apreensão, pois firmou com a requerida contrato financiamento sob nº 500305570, sendo dado em garantia fiduciária o veiculo: MOTOCICLETA - MARCA/MODELO HONDA CG TITAN KS - ANO/ MODELO 2009/2009 - COR VERMELHA - PLACA AQY 7514 - CHASSI 9C2KC15109R019065, ocorre que a requerida não cumpriu com suas obrigações, sendo constituído em mora. Realizada a apreensão do bem a requerida não foi encontrado para citação pessoal ensejando a expedição do presente edital. ADVERTÊNCIA: Decorrido o prazo não apresentação contestação, será decretada a revelia da requerida. Eu, (a) (Edno Francisco Ribeiro) Juramentado, o digitei e subscrevi. Curitiba, 07 de julho de 2011. (a) VANESSA JAMUS MARCHI - JUÍZA DE DIREITO SUBSTITUTA.

PRODUTOS & SERVIÇOS


| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

¨Quando isso ou aquilo acontecer ou se eu conseguir isso ou me tornar aquilo aí finalmente vou ficar em paz”. Aí está o ego fugindo do presente e colocando a paz sempre no futuro ou culpando o passado. “O que aconteceu no passado nunca me deixa ficar em paz.” Se ouvirmos as histórias das pessoas, veremos que todas elas tem o título: “Por que eu não consigo ficar em paz agora.” O ego não sabe que sua única oportunidade de ficar em paz é agora. Ou talvez ele saiba e tenha medo de que nós acabemos descobrindo isso. Paz, acima de tudo, é o fim do ego. Como ficar em paz agora? Fazendo as pazes com o momento presente. Esse momento é o campo em que o jogo da vida acontece. Não há nenhum outro lugar em que ele possa existir. Uma vez que tenhamos nos reconciliado com o momento presente, devemos observar o que ocorre, o que podemos fazer ou escolher fazer ou, em vez disso, o que a vida faz por nosso intermédio. Há uma expressão que revela o segredo da arte de viver, a chave de todo sucesso e de toda felicidade: nossa unificação com a vida. Quando formamos um todo com ela, formamos um todo com o Agora. Nesse instante, compreendemos que não vivemos a vida, é ela que nos vive. A vida é a dançarina e nós, a dança. O ego adora o ressentimento que alimenta contra a realidade. Ser contra é uma das essências do ego. Aí nasce o negativismo em que o ego se fortalece. Nesse sentido, causamos sofrimento a nós mesmos e aos outros sem nem sequer saber que estamos fazendo isso, ignorando que estamos criando o inferno na Terra. Quando provocamos dor estamos totalmente sob o domínio do ego, estamos inconscientes.O ego é incapaz de reconhecer a si próprio e ver o que está causando. Ele faz exatamente o que condena nos outros, porém não percebe isso. Quando é desmascarado ele usa a negação irada, argumentos sagazes e justificativas para distorcer os fatos. Tanto as pessoas quanto as empresas e os governos agem assim. No instante em que todos os recursos falham, o ego recorre aos gritos e até mesmo à violência física. Envia soldados. Agora podemos entender a sabedoria profunda das palavras de Jesus na cruz: “Perdoai-os, pois eles não sabem o que fazem.” Para darmos fim ao sofrimento que vem afligindo a condição humana há milhares de anos, precisamos começar por nós mesmos e assumir a responsabilidade por nosso estado interior agora. Para isso pergunte-se “Estou dando espaço para algum negativismo?” Fique alerta, preste atenção nos seus pensamentos e nas suas emoções. Observe as formas de infelicidade que se manifestam em graus menos elevados, como descontentamento, irritação, saturação, etc. Fique atento aos pensamentos que parecem justificar ou explicar essa infelicidade, mas que, na verdade, são seus causadores. Caso você tome consciência de um estado negativo dentro de si mesmo, isso não significa um fracasso da sua parte. É sucesso. A consciência está crescendo. Enquanto a consciência não se manifesta existe identificação com os estados internos, e essa identificação é o ego. Com a consciência vem o abandono da identificação com os pensamentos, as emoções e as reações. Nossa percepção do eu, ou seja, de quem somos, passa então por uma mudança: diante de nós estão os pensamentos, as emoções e as reações, e agora nós somos a consciência, a presença consciente que testemunha esses estados. Parapsicólogo Flávio Wozniack 3336-5896 9926-5464 A Parapsicologia pode ser de grande ajuda para os casos de: Depressão, medos, síndrome do pânico, ansiedade, bloqueios, traumas, dependências químicas, superação de perdas. Atendimento em Curitiba, Colombo e São José dos Pinhais

Uma das maiores atrações do Natal de Curitiba recebeu mais de 500 mil pessoas Ainda dá tempo para ver a Galeria de Luz montada no calçadão da rua XV de Novembro, uma das maiores atrações do Natal de Curitiba. A galeria ficará acesa até esta sexta-feira (6), no trecho entre as ruas Barão do Rio Branco e Marechal Floriano Peixoto. Até o dia 23 de dezembro, os organizadores contabilizaram 500 mil pessoas que visitaram a galeria e assistiram ao Desfile de Luz, espetáculo com malabaristas e bailarinos, que integrou a programação de Natal no Centro da cidade. A previsão é que 700 mil visitem a Galeria de Luz até dia 6. A Galeria de Luz é apresentada pela primeira vez no Brasil. O criador, o artista italiano Valério Festi, é conhecido por conceber eventos e instalações com linguagem estética e poética que se tornaram referência no mundo. A homenagem no aniversário do terremoto de Kobe, no

Brunno Covello/SMCS (arquivo)

Parapsicologia e Vida Melhor - nº 219

Espetáculo da Galeria de Luz na Rua XV termina hoje

Até a noite desta sexta-feira as pessoas ainda podem assistir ao espetáculo da Galeria de Luz

Japão, e as arquiteturas de luz das Galeries Lafayette, em Paris, são alguns deles. Essa é a segunda vez que o Studio Festi prepara um espetáculo para Curitiba. A primeira foi em junho, em

frente ao Paço da Liberdade, para o Mia Cara Curitiba, semana em comemoração aos 150 anos da unificação da Itália. A intenção é fazer com que novos espetáculos do

gênero marquem o Natal dos próximos anos. A cada ano, o show será dedicado à cultura de um país cujos povos marcam a cultura do Paraná. Neste primeiro Natal, a homenagem é para a Itália.

Ruas da Cidadania passam por obras de reforma e adequação As seis Ruas da Cidadania de Curitiba, mais os três prédios que abrigam as administrações regionais da Matriz, Bairro Novo e CIC, vão receber obras de manutenção, recuperação, revitalização e adequação para acessibilidade de pessoas com deficiência. Os trabalhos serão realizados neste primeiro semestre de 2012. Nesta quinta-feira (5), equipes contratadas pela Prefeitura começaram a limpeza da cobertura da Rua da Cidadania Boa Vista. Também começaram os serviços de manutenção nas Ruas da Cidadania de Santa Felicidade e do Boqueirão. Ao todo, 9.776 metros quadrados da cobertura do ginásio de esportes e da Rua da Cidadania serão revisados, com troca de telhas e calhas, além de limpos. Os trabalhos nas nove administrações regionais incluem a substituição de rufos, revisão de toda a estrutura metálica, instalação elétrica, hidráulica, iluminação e pisos internos e externos. "Todo o ano fazemos a manutenção nestes espaços. Desta vez estamos fazendo uma grande intervenção, inclusive com adequação para acessibilidade nos sanitários e nos acessos às Ruas da Cidadania", disse o engenheiro Soelio Antonio Vendramin, do departamento de Edificações da Secretaria Municipal de Obras Públicas. A próxima Rua da Cidadania a receber as obras é a Portão/Fazendinha, agora na segunda quinzena de janeiro. Em fevereiro começam os trabalhos na Rua da Cidadania Pinheirinho e na Matriz, na Praça Rui Barbosa. No mês de março os prédios das administrações do Cajuru e CIC vão passar pelas reformas.

Foto Cesar Brustolin/SMCS

ARTIGO

9

As seis Ruas da Cidadania de Curitiba estão passando por reformas. Na imagem, a Rua da Cidadania Boa Vista

HISTÓRICO As Ruas da Cidadania começaram a ser implantadas há 16 anos e representam a descentralização da adminis-

tração municipal. Nas nove regionais o cidadão encontra todos os serviços municipais que a Prefeitura de Curitiba oferece no prédio central.

A Rua da Cidadania do Boqueirão, ao lado do Terminal do Carmo, foi a primeira inaugurada em Curitiba, no dia 29 de março de 1995.


10

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

Polícia rodoviária divulga balanço da Operação Réveillon Patrulheiros autuaram mais de 40 pessoas e prenderam 17 por embriaguez ao volante radares fotográficos e uso de aparelhos de bafômetro. O oficial explicou que houve redução na quantidade de acidentes, apesar de aumento no número de mortos e feridos, em comparação com o mesmo feriado do ano passado. "Temos que levar em consideração alguns fatores como o tipo de veículo e o número de pessoas no carro, as condições climáticas e o tipo de acidente", explica o tenente-coronel. Ele citou o acidente ocorrido no litoral, sábado (31), em que três ocupantes do mesmo veículo morreram. "No ano passado, foram duas mortes, porém em acidentes diferentes no litoral".

sábado (31) e três prisões e 14 autuações no domingo (1°). "A embriaguez é uma grande preocupação já que o motorista perde os sentidos e pode provocar acidentes graves", afirma o Vieira. Em relação ao excesso de velocidade, o BPRv registrou 143 autuações na sexta (30), 151 autuações no sábado (31) e 37 autuações no domingo (1°). Foram registrados 95 acidentes, nove mortes e 145 feridos e nenhum atropelamento em todo o Paraná. No ano passado ocorreram 105 acidentes, além de sete mortes, 114 pessoas feridas e três atropelamentos. Em relação às autuações, o BPRv emitiu 1.062 autuações neste feriado em todo o estado, contra 1.099 no ano passado. "A maioria dos acidentes ocorre pela imprudência, falta de atenção, do motorista e excesso de confiança. Neste fe-

INFRAÇÕES Dos crimes de embriaguez, os policiais registraram dez prisões e 19 autuações na sexta (30), quatro prisões e sete autuações no

riado, a condição climática não favoreceu o trânsito e dificultou a atuação do policial", cita Vieira. LITORAL Nas estradas do Litoral foram registrados, neste feriado, 16 acidentes, três mortes, oito feridos e nenhum atropelamento. No ano passado ocorreram 30 acidentes, 12 feridos, duas mortes e nenhum atropelamento. Em relação às autuações emitidas nas estradas do litoral, o BPRv registrou 429 neste feriado, contra 300 no ano passado. "Nossa maior dificuldade no litoral foi decorrente das condições climáticas desfavoráveis, além da imprudência do motorista", destaca o capitão Alexandre Dupas, comandante da 1.ª Companhia do BPRv, responsável pelas PR-407 e PR-412.

Uma moto Hornet, sem placas, foi apreendida no final da tarde da última quarta-feira (4) por policiais militares da "Operação Verão", no balneário Olho D´água, em Pontal do Paraná, litoral do estado, após acompanhamento tático e cerco policial. O veículo estava com alerta de roubo desde a última segunda-feira (2), quando teria sido roubado à mão armada em uma praça de Curitiba. Segundo informações do aspirante Bruno Emanoel Lopes Bueno, coordenador de policiamento de unidade na ocasião da abordagem, o condutor passou em atitude suspeita por uma viatura da PM no balneário de Shangrilá, o que fez com que a equipe o acompanhasse. "No entanto, quando começou

o acompanhamento a jovem que estava na garupa percebeu e avisou o condutor, que por sua vez, acelerou saindo da visão destes policiais, que passaram a informação para outras viaturas", contou. Depois de sair das proximidades da praia, o condutor atravessou a rodovia PR-412, que leva a Pontal do Sul, e algumas quadras depois parou. "Um cerco foi feito no decorrer do acompanhamento até que chegamos nesta casa onde os abordamos. Como não havia placas consultamos o chassi e logo veio a confirmação de roubo", revela Bueno. O condutor, que não teve a identidade revelada, e a moto foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para providências cabíveis.

Foto sargento Daniel Macena/PMPR

Moto importada roubada em Curitiba é recuperada no litoral

Durante a operação foram feitos mais de 300 autos de infração por excesso de velocidade

RONDA POLICIAL CRIVADO DE BALAS Hernandes Neniman, 21 anos, ficou ferido em estado grave depois de receber vários disparos de arma de fogo quando dirigia o seu automóvel na Rua Luteranos, Jardim Maria Antonieta, em Pinhais, na tarde da última quarta-feira (4). Policiais militares do 17º Batalhão contaram que um jovem, identificado como Luís Fernando da Silva, 17 anos, que nada tinha a ver com a confusão, foi atingido no pé. As duas vítimas foram socorridas por uma ambulância e levadas ao Hospital Cajuru e o caso foi repassado à DP de Pinhais, que investiga as duas tentativas de homicídio. POLÍCIA PRENDE "BOCÃO" Depois de várias tentativas frustradas, policiais militares da capital conseguiram prender Paulo Sérgio dos Santos, 38 anos, o "Bocão", considerado o rei do tráfico na região do Parolin, em Curitiba e suspeito da autoria de diversos homicídios. Bocão foi capturado durante um patrulhamento da PM, mas já era procurado há algum tempo pela Polícia Civil. Levado à DP de Vigilância e Capturas, o detido será investigado pelos vários crimes a ele atribuídos, inclusive, a tentativa de homicídio contra uma menina de quatro anos e um rapaz de 16, na tarde de quarta-feira (4), durante um tiroteio entre gangues rivais. UM MORTO E TRÊS FERIDOS Um tiroteio no final da noite de anteontem (4), na frente de um boteco, na Rua Bley Zorning, bairro Boqueirão, em Curitiba, deixou um morto e três feridos. Testemunhas contaram que ocupantes de um veículo Siena, armados, se aproximaram de um bar e dispararam várias vezes contra os fregueses. Uma das vítimas, que não foi identificada, levou mais de 20 tiros de calibre 12 e não resistiu aos ferimentos, morrendo logo em seguida dentro da ambulância. Mais três feridos foram levados para hospitais da capital e a DP de Homicídios está investigando.

A motocicleta teria sido roubada no início desta semana no centro de Curitiba

Foto cabo Manoel Gomes/PMPR

Polícia Federal e PM se unem para combater policiais criminosos Uma reunião com o objetivo de discutir metas para combater crimes praticados por maus policiais foi realizada nesta semana entre os comandos da Polícia Militar e Departamento da Polícia Federal no Paraná. O comandante geral da PM, coronel Roberson Bondaruk recebeu na sede da corporação o superintendente regional da PF no Paraná, José Alberto Iegas e o diretor de logística policial da instituição, delegado Joaquim Mesquita. O objetivo é o estreitamento de relações entre as duas forças policiais para a melhoria nos trabalhos e o combate a crimes cometidos por maus policiais. Para a Po-

Foto Divulgação/PMPR

A Operação Réveillon, do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), prendeu 17 pessoas por embriaguez ao volante e autuou mais 40 pela mesma infração, nos 12.421 quilômetros de rodovias sob jurisdição do Estado. Também foram feitos 331 autos de infração por excesso de velocidade. A operação começou às 18h da sexta-feira (30) até as 24 de domingo (1º). O relatório da operação foi divulgado na manhã desta terça-feira (03). "Empregamos o máximo de esforços para fiscalizar as estradas e proteger a população. Colocamos na rua os policiais que estavam de folga e também os do serviço administrativo", disse o tenente coronel João Vieira, comandante do BPRv. Os policiais militares do BPRv realizaram blitze nas rodovias, fiscalizações de velocidade com o auxílio de

Coronel Roberson Bondaruk e o comando da PF no Paraná, em reunião no QG da Polícia Militar

lícia Militar, de acordo com o comandante geral, é importante este aperfeiçoamento entre a PM e PF para o fortalecimento no apoio às ações conjuntas contra desvio de conduta, corrupção e envolvimento de policiais em crimes de natureza grave. "Já realizamos um grande trabalho em conjunto, como grandes operações, que resultaram em diversas prisões e apreensões; e esta reuniu serviu para traçarmos planos e metas, além de afinarmos algumas linhas de pensamento para que os trabalhos futuros sejam ainda melhores", disse o coronel Roberson Bondaruk ao explicar os motivos da reunião.

CASAL Depois de tentar assaltar um casal de chineses, na madrugada de ontem (5), na Rua André de Barros, centro de Curitiba, o casal Fernando de Abreu, 31 anos, e Francilene Alves dos Santos, 28, acabou preso por policiais militares. Segundo a polícia, os chineses se preparavam para abrir o estabelecimento comercial, por volta das 4h, quando foram abordados pelo casal armado com uma faca e uma pistola de brinquedo. Os gritos dos chineses atraíram a atenção dos policiais que patrulhavam a região e conseguiram dominar Fernando e Francilene, que foram levados ao 1º DP e autuados em flagrante. MAU EXEMPLO O agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Alessandro dos Santos Carvalho foi detido na madrugada de ontem (5) e levado para a DP de Delitos de Trânsito, em Curitiba, por estar dirigindo um veículo com licenciamento vencido e a carteira de habilitação suspensa. O patrulheiro foi abordado por um agente da Polícia Civil, que suspeitou da forma como ele dirigia o automóvel. No local, Carvalho se negou a fazer o teste do bafômetro e, diante disso, teve que ser conduzido à delegacia.


| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

11

Números comprovam que com a Guarda Municipal Pinhais é uma cidade mais segura Resumo Geral das Ocorrências de 01/01/2011 a 31/12/2011 Abordagem de Suspeito ............................................... 673 Agressão Física ............................................................ 214 Agressão Verbal ............................................................ 7 Ameaça .......................................................................... 85 Apoio a outros Órgãos .................................................. 41 Armas ............................................................................. 30 Atendimento de Acidentes ........................................... 25 Atendimento de Alarmes ......................................... 1.023 Atentado ao Pudor ........................................................... 7 Atropelamento .............................................................. 10 Colisão ......................................................................... 182 Defesa Civil .................................................................... 4 Desacato .......................................................................... 6 Direção Perigosa ............................................................ 29 Drogas ............................................................................ 53 Encaminhamento Assistencial ..................................... 56 Encaminhamento Hospitalar ....................................... 22 Estelionato ...................................................................... 4 Furto ............................................................................ 135 Homicídio ..................................................................... 13 Invasão de Domicílio .................................................... 83 Maria da Penha ............................................................. 66 Meio Ambiente ............................................................ 41 Outros ...................................................................... 1.495 Orientação de Trânsito ................................................. 35 Perturbação a Tranqüilidade ....................................... 400 Roubo .......................................................................... 173 Tentativa de Homicídio .................................................. 4 Vandalismo .................................................................... 90 Veículos Abandonados .................................................. 38 Total de Ocorrências ...................................... 5.044

Passados pouco mais de um ano da implantação da Guarda Municipal, Pinhais começa a colher os “bons frutos” de um trabalho que efetivamente está dando certo. O município que há muitos anos vinha identificandose como um dos mais violentos da Região Metropolitana de Curitiba já apresenta uma nova realidade. Queda na criminalidade De acordo com levantamento feito pela Polícia Civil, Pinhais reduziu pela metade o número de mortes violentas, como homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Em entrevista a Gazeta do Povo, o delegado Fábio Amaro disse que a redução das mortes é atrelada à criação da Guarda Municipal em Pinhais. “Com certeza, essa presença de mais uma polícia ostensiva inibe a criminalidade”, avalia o delegado. Em 2011, Pinhais havia registrado 123 casos de morte violenta. Já em 2011 foram 65 situações. Combatendo as drogas Mesmo não tendo como atribuição, a apreensão de drogas foi um dos pontos altos do relatório emitido esta semana pela Guarda Municipal de Pinhais. Em 2011, o trabalho da Guarda Municipal neste segmento resultou na apreensão de mais de 6 quilos de dro-

gas e o encaminhamento à delegacia de 35 pessoas envolvidas com o tráfico. “Muitas apreensões foram feitas devido às denuncias. Por isso da importância da comunidade denunciar, pois contribui com o combate às drogas e, além disso, a pessoa se mantém anônima”, alertou o superintendente, José Arildo de Oliveira. Módulos e a aproximação com a comunidade A Prefeitura de Pinhais inaugurou em dezembro o módulo da Guarda Municipal no bairro Maria Antonieta. Além desta unidade estão sendo instalados mais dois postos, um na Avenida Iraí que atende os bairros Weissópolis e Vargem Grande e outro na Avenida Jacob Macanhan, na região do Jardim Claudia e Atuba. Para a construção dos três módulos, a Prefeitura investiu aproximadamente R$ 100 mil. Segundo o superintendente da Guarda, José Arildo de Oliveira, os agentes ficam no posto fixo para atender a comunidade. “A idéia é estar próximo da população. Além do atendimento na unidade fixa, continuaremos nossos trabalhos de rondas estratégicas pelas regiões”, informou. Estrutura e preparo para o atendimento Com viaturas de pequeno e grande porte, equipamentos tecnológicos, armamento de fogo e treinamentos qualificados, a Guarda Municipal de Pinhais está amplamente

preparada para efetuar o policiamento preventivo, monitorar os espaços públicos do município e contribuir com o trabalho das polícias Civil e Militar. “A Guarda Municipal de Pinhais tem um preparo surpreendente, contribui efetivamente com o nosso trabalho, hoje me sinto muito mais tranqüilo em exercer minha função como juiz”, destacou José Orlando Bremer, juiz da Comarca de Pinhais. Mais Guardas Para ampliar ainda mais a capacidade de atendimento no município a Prefeitura de Pinhais abriu nesta semana um novo concurso público visando a contratação de guardas municipais. No momento serão ofertadas 13 vagas a serem ocupadas de imediato. Segundo José Arildo, hoje a Guarda Municipal de Pinhais vem se destacando como uma das corporações melhores preparadas do Estado. “O empenho e compromisso assumido pelo prefeito Luizão e toda a administração municipal somada a dedicação dos nossos guardas tem contribuído muito para que Pinhais obtenha destaque no combate a criminalidade e conseqüentemente na melhoria efetiva da segurança pública do município”, concluiu.


12

| Sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 |

O novo comandante rubro negro, Juan Carrasco, cumprimenta o atacante Nieto

Novo técnico do Furacão se apresenta e conhece jogadores Após a apresentação oficial como novo treinador do Atlético Paranaense, que ocorreu na Sala de Imprensa da Arena, o uruguaio Juan Ramon Carrasco já iniciou seu trabalho no CT do Caju. Por volta das 17h de ontem (5), acompanhado de sua comissão técnica, o novo treinador subiu ao gramado (campo 6) e foi apresentado ao elenco rubro negro. Na sequência, ele conversou com os atletas e explicou sobre a sua filosofia de trabalho. Depois das apresentações, foi a vez do preparador físico, Alezandro Martinez, falar ao grupo e iniciar as atividades de aquecimento e controle de bola. Na última parte do trabalho, os jogadores participaram de um coletivo no qual o técnico Juan Carrasco pode começar a observar as características de cada um dos atletas que compõe o elenco. Agora, integrando o quadro da Segundona do Brasileirão, o Clube Atlético Paranaense começa a preparar seus atletas para a temporada de 2012. Um dos compromissos mais importantes para o novo treinador e sua comissão técnica é o Campeonato Paranaense, que começa nos próximos dias e o Furacão já sabe quem é o adversário de estréia; o Londrina, cujo duelo está marcado para o dia 22 deste mês, às 19h30, em local que ainda será definido pela Federação Paranaense de Futebol (FPF).

Jogadores do Coritiba passam por avaliação no CT da Graciosa De volta aos trabalhos, o elenco coxa-branca iniciou nesta quarta-feira (04) no Centro de Treinamento da Graciosa, a todo vapor a temporada 2012. A bateria de exames é fundamental para que o departamento de performance física do clube dê início aos trabalhos. E com os resultados das avaliações fisiológicas, é possível definir junto com toda a equipe multidisciplinar a carga de trabalho para a pré-temporada. Raul Osiecki, fisiologista do Coritiba conta um pouco do roteiro de cada atleta nestes primeiros dias. “Eles passam por uma avaliação fisiológica e médica, fazem uma avaliação bioquímica, de sangue e depois de composição corporal, onde podemos constatar o peso muscular, gordura, massa muscular, peso óseo. E os atletas ainda fazem um teste de capacidade aeróbica e limiares metabólicos”, explica. Já em seguida, os atletas darão continuidade aos trabalhos, sendo observados com “testes específicos de campo, onde se pode avaliar a agilidade, velocidade, potência de membros inferiores”, diz Raul. “Em todos os treino durante a pré-temporada, os atletas serão monitorados”, completa. Para o fisiologista, “é fundamental dois aspectos: Pri-

Foto Divulgação/Coritiba F.C

Foto Clewerson Bregenski/CAP

Gazeta Press

O médico fisiologista Raul Osiecki observa o volante Gil, na esteira

meiro estão chegando novos atletas e precisamos de um diagnóstico corporal e físico de cada um deles. Segundo, quanto aos atletas que já estavam no elenco, eles passaram 30 dias em período de inatividade, embora alguns busquem manter sua condição, mas agora vamos verificar o estado de retorno de cada um”, conta. Osiecki lembra que a individualidade de cada atleta é trabalhada de forma especifica. “Os atletas tem características próprias. Alguns

tem facilidade em ganho de peso, ou perda de peso. Vamos avaliar o que aconteceu e com os resultados podemos organizar as cargas de trabalho progressivo para saber qual é o 100% dele hoje, porque é diferente do que tínhamos antes”, compara. “A partir daí, envolve todo o trabalho de preparação física, que vai saber como aplicar as cargas necessárias a cada um. Envolve o trabalho da nutrição, que vai orientar como recuperar ou perder peso. É o momento em que

todo o grupo multidisciplinar participa ativamente da elaboração do trabalho a cada atleta”, completa. O momento de pré-temporada se torna fundamental para a seqüência de trabalho ao longo de toda a temporada. “É o período que não temos jogos, e com a rotina de jogos fazemos apenas testes mais curtos. Agora a gente pode fazer avaliações mais completas. Na própria prétemporada a gente pode avaliar o atleta pela sua linha de repouso”, finaliza.

metropole6-1-12  

metropole6-1-12

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you