Issuu on Google+

w w w. m e t r o p o l e j o r n a l . c o m . b r

Ano 13 | Nº 3098 | 4 e 5 de agosto de 2012

Coritiba joga amanhã contra o Fluminense

tem (3) o julgamento da Ação Penal 470, o processo do mensalão. A sessão foi dedicada às considerações da Procuradoria-Geral da República (PGR). O procurador-geral, Roberto Gurgel, usou o tempo de cinco horas para explicar por que cada um dos 38 réus deve ser condenado, segundo a convicção formada pelo Ministério Público durante o processo. Disse que foi o "mais atrevido e escandaloso caso de corrupção e desvio de dinheiro público" da política nacional. Página 3

Plenário do Supremo Tribunal Federal no segundo dia de julgamento do mensalão

» Tentando se reabilitar no Brasileirão, a equipe do Coritiba recebe o Fluminense, amanhã (5), no Estádio Couto Pereira. A partida é válida pela 14ª rodada da Série A e está marcada para as 16 horas. O alviverde busca conquistar três pontos em casa para continuar subindo na tabela do campeonato. As duas equipes jogaram 30 vezes. O Coritiba venceu 14. O Fluminense levou a melhor em outras nove partidas. Os empates são sete até agora.

Setim Lança campanha em São José dos Pinhais

CMN aprova socorro a produtores da Região Sul do País » Os produtores rurais

afetados pela estiagem na Região Sul no começo do ano receberam ajuda do governo. Em reunião extraordinária, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou medidas que elevam a capacidade das instituições financeiras

de renegociarem as dívidas dos produtores. O CMN aboliu o limite de dívida que os bancos poderiam prorrogar ou renegociar com os mutuários que pegaram empréstimos rurais com recursos do BNDES. Página 6

CNT/Sensus: aumenta aprovação do governo Dilma

Página 9

Ademar Marques

Zoonoses orienta sobre o tratamento de animais » A Prefeitura de São José dos Pinhais organizou ação conjunta para orientar e se for o caso notificar pessoas que acumulam animais dentro de casa sem as devidas condições. Após denúncias, as secretarias municipais do Meio Ambiente, Saúde, Assistência Social e Segurança vão aos locais indicados e verificam a situação dos animais, a segurança e a pessoa responsável.

» O governo da presidente Dilma Rousseff teve aprovação de 56,6% da população, de acordo com pesquisa feita pelo Instituto Sensus e divulgada ontem (3) pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT). O número é superior aos 49,2% registrados do último levantamento, feito há um ano. Evento contou com a presença do governador Beto Richa e de lideranças políticas do estado e do município

» Cerca de quatro mil pessoas compareceram na noite de ontem (3) ao lançamento da campanha de Luiz Carlos Setim à prefeitura de São José dos Pinhais, pela Coligação União Por São José (DEM-PSDB-PSB-PTB-PP-PT do B-PRP), nas dependências do Buffet Imperial. O evento, que contou com a presença do governador

Página 4

Famílias do Rio Itaqui receberão novas casas

Beto Richa e de deputados federais e estaduais, serviu para alavancar a campanha do candidato da oposição no município. "São José dos Pinhais precisa retomar o crescimento rumo ao desenvolvimento. Assim como eu, milhares de são-joseenses sabem que o Setim é o melhor para esta cidade", disse o governador Beto Richa.

Além disso, 75,7% avaliam como positivo o desempenho pessoal da presidente. A pesquisa traz dados sobre a expectativa da população em relação ao governo e a temas conjunturais. Foram ouvidas 2 mil pessoas nas cinco regiões do país e em 20 unidades da Federação, entre os dias 18 e 26 de julho.

Rocha Loures lança campanha neste sábado » O candidato da coligação PMDB/PV à Prefeitura de são José dos Pinhais, Rodrigo Rocha Loures, lança hoje, oficialmente, sua campanha para a eleição de outubro. A coordenação informa que Rocha Loures e seu candidato a vice, Marcos da Vidofer, farão uma

caminhada pelo calçadão da Rua XV, a partir das 9 horas, na companhia de companheiros e companheiras candidatos à Câmara de Vereadores, correligionários, amigos e a população. "Vamos dar uma grande demonstração de amor à nossa cidade", disse Rocha Loures.

Porto avança na dragagem do Canal da Galheta » O equipamento que

APPA

» Após a conclusão do processo de licitação, serão iniciadas as obras de moradias para as famílias que ocupam áreas de preservação ambiental ao longo do Rio Itaqui, nas regiões do Guatupê e da Borda do Campo. Aproximadamente 200 famílias que são proprietários legais serão beneficiadas nessa fase inicial das obras, elas serão desapropriadas e indenizadas. Essa ação faz parte do programa de revitalização e construção do Parque Linear do Itaqui e sua verba para essa fase é de pouco mais de R$ 16 milhões provenientes do governo federal. Página 4

Diário de Circulação Nacional

» O Supremo Tribunal Federal (STF) retomou on-

Fábio Rodrigues Pozzebom ABr

Página 9

Presidente: Ary Leonel da Cruz

Gurgel apresenta denúncia no STF contra réus do mensalão

Atlético treina para enfrentar o São Caetano » O Atlético Paranaense treinou na manhã de ontem (03) visando o jogo contra o São Caetano, que será disputado hoje (04) no estádio Gigante do Itiberê, em Paranaguá, às 16h20, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Após garantir os três pontos na partida contra o Guaratinguetá, na última terça-feira (31), o Furacão chegou aos 20 pontos na competição e diminuiu para seis a diferença para chegar ao G-4.

Sábado/Domingo

O trabalho devolverá ao Canal da Galheta a profundidade de 15 metros

faz a dragagem de manutenção do Canal da Galheta retirou mais de 630 mil metros cúbicos de sedimentos nas proximidades da Ilha do Mel. A quantidade representa um quarto do previsto na primeira região trabalhada, o local mais crítico do canal de acesso ao Porto de PaPágina 6 ranaguá.


2

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

Editorial

Crise de confiança A crise continua fazendo estragos na economia brasileira. O alerta, agora, vem de um setor dinâmico, a construção civil, responsável pelo emprego de um grande contingente de trabalhadores com pouca especialização. O pessimismo dos empresários do setor da construção civil do país se intensificou no período de maio a julho deste ano, segundo a pesquisa Sondagem da Construção, elaborada pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV). O Índice de Confiança da Construção (ICST) caiu 9,9%, a maior redução desde novembro de 2011 (-10,2%). No trimestre encerrado em junho, o índice havia recuado 9,5%. Entre os representantes das 699 empresas consultadas que apontaram maior pessimismo estão os dos segmentos de aluguel de equipamentos de construção e demolição com operador, com queda de 3,9%, e obras de engenharia elétrica e para telecomunicações, com recuo de 15,8%. O índice foi influenciado, principalmente, pela avaliação que mede as expectativas sobre as atividades no futuro. O Índice de Expectativas diminuiu 9,2%, ante um recuo de 8,6%. O Índice da Situação Atual teve queda de 10,5%, indicando estabilidade em relação a junho, quando a variação ficou negativa em 10,6%. Para 25,8% dos entrevistados, houve uma melhora das atividades. Em igual período do ano passado, o percentual era maior (34,8%). Já a parcela dos que acreditam em redução da atividade aumentou, passando de 11,8%, no mesmo período do ano passado, para 17,3%. Também cresceu o percentual dos que prevêem uma situação ruim para os negócios, nos próximos seis meses, de 1,5% para 4%. No sentido oposto, a parcela dos que apostam em melhora atingiu 42%, taxa inferior à apurada no encerramento de junho (54,4%). A recuperação da atividade econômica tem sido “gradual”, segundo avaliação do Banco Central (BC) no Boletim Regional, publicado ontem (3). O boletim é uma publicação trimestral, com o objetivo de apresentar uma visão das regiões do país a partir de dados e indicadores econômicos. De acordo com o boletim, “nos primeiros cinco meses do ano, a economia brasileira tem mantido ritmo moderado de expansão”. Um dos motivos para a atividade estar em ritmo mais lento são os efeitos da crise econômica internacional. “A recuperação da atividade econômica doméstica tem se materializado de forma bastante gradual, em grande parte devido aos impactos negativos do cenário internacional sobre o comércio e a confiança dos empresários”, afirma o boletim. Outro fator identificado pelo banco são “os efeitos decorrentes de adversidades climáticas enfrentadas pelo setor primário, com quebras de safra em diversas regiões produtoras do país”. O BC cita ainda a redução da atividade industrial, especialmente na Região Sudeste. O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) mostra que o crescimento da economia nos cinco meses do ano foi 0,85%, na comparação com igual período de 2011. No entanto, para o BC, a expectativa é de aumento da atividade econômica neste semestre.

Política & Poder RICHA VAI ESPERAR O governador Beto Richa (PSDB) não vai tomar nenhuma atitude por enquanto em relação ao imbróglio em que se meteu o secretário de Estado da Indústria e Comércio. Já que o próprio não pede afastamento do cargo e deixa para Richa o desconforto, este pretende primeiro ouvi-lo sobre as denúncias. O governador não quis antecipar qual posição deve adotar para o caso, ressalvando que tomará medidas iguais às que aplicaria para qualquer secretário nestas condições. A situação de Barros não é boa: ao falar sobre as investigações onde é alvo de suspeitas do Ministério Público Estadual por práticas de corrupção, improbidade, interferência administrativa e tráfico de influência, ele admitiu que mandou o secretário de saneamento de Maringá, base eleitoral dele e da família, promover um "acordo" entre as concorrentes de uma licitação de R$ 7,5 milhões, sob investigação por suposta fraude. Ricardo Barros é também vicepresidente nacional do Partido Progressista e secretário e confirmou que teria motivação em acompanhar o uso da verba da prefeitura com interesse eleitoral. A declaração, em entrevista coletiva, teve reações em Maringá, onde o prefeito Silvio Barros é irmão do secretário e pode provocar a impugnação da candidatura de Carlos Roberto Pupin (PP), candidato apoiado pela família Barros e aliados. MAS PSB NÃO O diretório do PSB, que já havia pedido a impugnação de Pupin por abuso de poder econômico e uso da publicidade oficial, vai entrar com recurso no Tribunal Regional Eleitoral apresentando gravações da entrevista de Barros na televisão e cópias de matérias em jornais. "Já não estamos falando mais de uma denúncia e sim de uma confissão explicita", afirma o advogado do PSB, João Luiz Agner Regiani. IMPUGNAÇÃO Na segunda-feira, 30, um dia antes da divulgação de "grampos" do MPE envolvendo conversas de Ricardo Barros, o juiz eleitoral da 66ª Zona Eleitoral de Maringá, José Cândido Sobrinho, havia indeferido o pedido de impugnação da candidatura de Pupin. Agora o PSB também vai apresentar representação ao juiz eleitoral denunciando o uso da máquina administrativa em favor do candidato do PP. ACUSAÇÕES O advogado do PSB alega que Pupin, que é vice-prefeito na atual administração, ocupou o cargo de prefeito nos últimos 100 dias com o pedido de licença de Silvio Barros. "Nesse período ele usou cargos comissionados da prefeitura como moeda de troca de apoio partidário e conseguiu arregimentar o apoio do PMDB, PSDB, PSD, PSL, PTB, PRB, PHS, PPS, PRP, PTC e PTdoB", acusa Regiani. Também o PT de Maringá vai denunciar o caso à Justiça Eleitoral ao mesmo tempo que tenta criar uma CPI na câmara municipal para investigar as denúncias e afastar o prefeito licenciado Silvio Barros. A EXPLICAÇÃO O secretário Ricardo Barros justificou sua atitude. “Eu sou o coordenador político do nosso grupo e, desde que se iniciou o processo eleitoral, em setembro do ano

Correspondência para roselivalerio@gmail.com passado, quando o prazo de filiações foi encerrado, eu passei a monitorar as ações que interessam ao processo eleitoral. E a publicidade da administração interessa ao processo eleitoral. Não interfiro na administração, mas acompanho os assuntos que são de interesse do processo eleitoral na cidade", disse ele na entrevista. SEM GRAÇA Nenhuma surpresa ou grande destaque no primeiro debate entre os candidatos à prefeitura de Curitiba realizado anteontem a noite pela Band TV. A estrutura engessada do evento e participantes sem disposição de atacar os adversários, tornaram o evento tedioso. Propostas genéricas e tom cordial deixaram o debate morno. DE LEVE 1 Quando deveria melhorar, nos dois blocos em que poderiam fazer perguntas para os adversários, o autor da pergunta e o candidato que a responderia foram definidos por sorteio, não permitindo o direcionamento das perguntas e limitando a estratégia dos candidatos. No geral, mesmo todos criticando várias coisas da atual administração da capital, nenhum dirigiu críticas diretas ao prefeito Luciano Ducci (PSB), candidato à reeleição. DE LEVE 2 E o esperado confronto entre Ducci e o candidato do PDT, Gustavo Fruet, não ocorreu. O clima foi muito diferente das batalhas judiciais que travam na Justiça Eleitoral. Fruet quase não citou sua aliança com o PT, fazendo apenas duas menções ligeiras ao governo federal. SAIA JUSTA Entre os três candidatos que lideram as pesquisas, Ratinho Junior (PSC) teve postura mais firme em suas considerações e, ao fazer uma pergunta para o prefeito Ducci, não perdoou. "Como o senhor que é médico se sente ao ver que a saúde de Curitiba está doente?". Na resposta e ao longo de quase todo o debate, Ducci enumerou as obras realizadas por sua administração e citou, várias vezes, a parceria com o governador Beto Richa. A VONTADE Se Fruet preferiu evitar expor o apoio que tem do PT, Ratinho Junior entrou no vácuo. Apesar de não ter os petistas em sua aliança, mas aproveitando que seu PSC continua na base do governo Dilma Rousseff, fez diversos elogios ao governo federal e propôs ainda mais parcerias com a presidente. FOI MELHOR Valeu a pena o debate pela participação do candidato do Rafael Greca (PMDB), mais experiente em programas desse tipo que seus adversários e com o histórico de já ter sido prefeito de Curitiba. Usou de seu conhecido estilo, com citações bíblicas e poéticas, lembrou o que fez na administração da cidade entre 1993 e 1996 e, provocou risos ao citar "o companheiro Sócrates", do PMDB de Atenas. E A RESPOSTA? A vontade antes, durante e depois, no final do debate, quando perguntado que questão não havia sido feita e que gostaria de ter respondido, Greca não enrolou. A pergunta seria: "Como você tem coragem de se lançar candidato em um partido dividido, cobiçado pelos donos do poder, contra as máquinas municipal, estadual e federal, depois de sequer ter conseguido se eleger deputado?". GROSSO MODO Curioso que enquanto todos os candidatos querem se mostrar aliados do governo federal e da presidente Dilma, o candidato apoiado pelo PT tenha sido tão discreto. Em linhas gerais, todos defendem o metrô, mas de formas diferentes e não falaram da Copa do Mundo de 2014, vai ver que por receio

de se arriscar em uma área ainda obscura. Na campanha em Curitiba, a se deduzir do debate, a saúde pública será a questão mais batida no horário de propaganda eleitoral. CIDADES VIZINHAS Dois candidatos concordaram em um ponto, polêmico, diga-se de passagem, no debate. Rafael Greca e Ratinho Júnior defenderam que, se Curitiba não tem áreas para a construção de moradias populares, é possível fazer um "estoque de terrenos" na Região Metropolitana de Curitiba. A possibilidade está prevista no plano de governo de ambos. COLARINHO BRANCO Projeto de lei que torna crime hediondo atos de corrupção passiva e ativa, bem como os delitos de concussão, peculato e excesso de exação contra a administração pública aguarda inclusão na pauta de votação da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). A proposta do senador Pedro Taques (PDT-MT) já recebeu parecer favor��vel do relator, senador paranaense Alvaro Dias (PSDB). MAIS DOIS Como a decisão da CCJ é em caráter terminativo, o projeto não precisará ser votado em plenário. No texto original do senador Taques não estava incluido peculato e excesso de exação no rol de crimes considerados hediondos, definidos na lei 8.072/1990. Álvaro, porém, incluiu emenda com esses delitos, o que significa que tais atos não são passíveis de fiança, graça ou anistia. RIGOR NAS PENAS O projeto de Taques também altera o Código Penal de 1940 e aumenta a pena a essas práticas para, no mínimo, quatro anos de reclusão. Assim, quem praticar os crimes de peculato (apropriação de bens públicos ou particulares em razão de cargo público) ou corrupção passiva e ativa poderá ser preso por até 12 anos e receber multa. E para os crimes de concussão (exigência de vantagem em razão de função pública) e excesso de exação (cobrar tributo ou contribuição social indevida) a proposta prevê até oito anos de reclusão, além de multa. DE ÁLVARO A propósito de Álvaro Dias, em discurso no Senado, ele falou de sua expectativa de que o julgamento do mensalão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) se transforme em um símbolo da vitória da luta contra a impunidade no Brasil. "Esse importante julgamento pode significar o início do fim dessa cultura de impunidade que provoca indignação na parte decente do País", observou. CONTRA LULA O senador tucano leu trechos de seu voto em separado proposto à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios, destacando seu entendimento sobre a necessidade de responsabilização do ex-presidente Lula por não ter tomado providências quando informado pelo ex-deputado Roberto Jefferson da existência do mensalão. Em seu voto, na época, Álvaro propôs a abertura de processo de impeachment contra Lula, por entender que o ex-presidente não teria agido de forma adequada para eliminar o esquema.

Incêndios florestais revelam estado de desobediência civil Brasília – A deficiência da fiscalização, associada aos efeitos do clima e aos aspectos econômicos, vem agravando ainda mais o cenário de incêndios nos biomas brasileiros este ano, avaliou ontem (3) o coordenador do Monitoramento de Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Alberto Setzer. Imagens captadas por satélites do Inpe apontam que, de janeiro até hoje (3), foram identificadas 32,6 mil ocorrências de focos de incêndio no país. O número é 61% maior que o registrado no mesmo período do ano passado. E as previsões para as próximas semanas não favorecem a mudança desse cenário. Em algumas regiões do Brasil Central, as temperaturas devem se manter acima dos 30º graus Celsius e a umidade relativa do ar, abaixo de 40%. “Todas as queimadas são proibidas. Alguns estados têm leis mais rígidas em relação ao problema, como o Acre e Mato Grosso. Ainda assim, Mato Grosso está cheio de focos de incêndio, o que indica que a fiscalização não está ocorrendo como deveria. Quando a fiscalização é mais efetiva, os registros de queimadas caem”, disse Setzer, lembrando que a fiscalização pode ser atribuição da União, dos estados ou do município. O pesquisador do Inpe descreve a situação como “um estado de desobediência civil”. Segundo ele, as leis ambientais são claras e completas, mas não são cumpridas na prática. “Assim como aconteceu na Amazônia com o desmatamento, onde mais de 90% do desmatamento da região foram ilegais. Tem que ter a dobradinha educação com fiscalização”, defendeu. No contexto nacional, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) é o responsável pela fiscalização. Procurado pela Agência Brasil, o órgão ainda não se manifestou. Nas últimas 24 horas, 72 unidades de conservação foram atingidas. Desse total, 16 são áreas federais, 15 estaduais e 37 territórios da Fundação Nacional do Índio (Funai). A subordinação das outras quatro ocorrências não foi identificada. De acordo com Christian Niel Berlinck, coordenador de Emergências Ambientais do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), das 312 unidades de conservação que existem hoje, 100 são consideradas prioritárias para as questões de incêndios florestais. “Nestas unidades são realizados 120 cursos anuais, capacitadas 3.600 pessoas e contratados 1.743 brigadistas”, explicou. Entre as prioridades do órgão estão a Estação Ecológica de Serra Geral do Tocantins, que abrange os municípios de Almas, Ponte Alta do Tocantins, Rio da Conceição e Mateiros, no estado de Tocantins e o município de Formosa do Rio Preto, na Bahia; o Parque Nacional das Nascentes do Paranaíba, na divisa dos estados do Piauí, Maranhão, da Bahia e do Tocantins; a Estação Ecológica de Uruçuí-Uma, que abrange os municípios de Baixa Grande do Ribeiro e Santa Filomena, no sudoeste do Piauí; e o Parque Nacional da Serra da Canastra, nos municípios de São Roque de Minas, Sacramento e Delfinópolis, no sudoeste de Minas Gerais. Berlinck acrescentou que “a maioria dos incêndios florestais [aproximadamente 98%] tem origem antrópica, quer por dolo ou culpa”. Ou seja, quem provoca as queimadas é o homem. Segundo ele, não existe possibilidade de incêndio natural neste período do ano. “Os incêndios ocorrem porque o homem coloca [fogo nas matas]. Incêndio natural é o incêndio por raio, que está associado à presença de nuvens e, geralmente, vem seguido de chuvas que ajudam a controlá-lo, o que não ocorre na época de seca”.

Deputados vão à Justiça para vendas da TIM continuarem suspensas Decisão da Anatel de liberar vendas foi “vergonhosa e sem sentido”, porque nada foi feito para melhorar serviços Roseli Valério, de Curitiba Insatisfeitos com a decisão da Anatel que entrou em vigor ontem, na próxima segunda-feira os deputados da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa vão ingressar com uma ação cautelar na Justiça Federal para que a TIM continue proibida de vender novas linhas no Paraná. O presidente da Comissão, deputado Leonaldo Paranhos (PSC), argumenta que não há nada que justifique a decisão da Anatel de voltar a permitir as vendas das operadoras. “No caso da TIM nada foi feito para melhorar o serviço, pelo contrário, o sinal continua tão ruim ou pior do que antes”, diz ele. Paranhos critica a Agencia Nacional de Telecomunicações. “Essa decisão da Anatel é vergo-

nhosa e sem sentido, já que nada de concreto foi feito para melhorar os serviços prestados aos usuários”, aponta ele. Para o deputado, deve ter havido pressão e a medida foi tomada em razão do Dia dos Pais, data em que tradicionalmente o celular é um dos presentes mais procurados. “Se fosse para liberar a venda apenas com ‘promessa de investimento’, não haveria necessidade de punição, bastava que a Anatel solicitasse os planos às operadoras, que não se negariam em fornecê-los”, observa. Na mesma No caso da TIM, única operadora no Paraná que teve as vendas suspensas, Paranhos afirma que a empresa sequer cumpriu com os compromissos assumidos junto à Comissão de Defesa do Consumidor, principalmente o de melhorar a qua-

lidade do sinal através da ampliação do número de antenas. “Aqui no Paraná, com apoio do Ministério Público, Procon, OAB-PR e Delegacia de Defesa do Consumidor, vamos continuar cobrando insistentemente para que as operadoras respeitem os consumidores e cumpram a obrigação de entregar o que prometem na hora da venda, isto é, qualidade no sinal e nos serviços prestados”, reitera Paranhos. Uma outra ação de iniciativa da Comissão foi ajuizada poucos antes da Anatel suspender as vendas da TIM no Paraná, por causa das reclamações de usuários de todas as regiões do Estado. Também o senador Roberto Requião (PMDB) juntou críticas as do deputado sobre a liberação das vendas das operadoras. “Não gostei do jogo

de cena do governo e as telefônicas. Estava ruim, continua ruim e nós continuamos pagando. E o Paulo Bernardo continua no ministério”, comentou, referindo-se ao ministro das Comunicações, órgão ao qual a Anatel é ligada. Ricardo Barros No início da noite de ontem a Agência Estadual de Notícias, do governo do Estado, informou que o secretário da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul, Ricardo Barros, pediu afastamento temporário do cargo a partir do próximo dia 10 de agosto. De acordo com o breve comunicado, o anuncio foi feito pelo próprio governador Beto Richa (PSDB) ao autorizar a licença sem remuneração. Depois de seu “afastamento” quem assume o cargo é o diretor-geral da pasta, Ercílio Santinoni.


| 4 e 5 de agosto de 2012 |

3

STF retoma julgamento com apresentação da denúncia do procurador-geral da República O Supremo Tribunal Federal (STF) retomou ontem (3), por volta das 14h30, o julgamento da Ação Penal 470, o processo do mensalão. A sessão desta sexta-feira foi dedicada às considerações da Procuradoria-Geral da República (PGR). O procurador-geral, Roberto Gurgel, usou o tempo de cinco horas para explicar por que cada um dos 38 réus deve ser condenado, segundo a convicção formada pelo Ministério Público durante o processo. O procurador disse que não dividiu o tempo com outros colegas porque esse é um trabalho "que diz respeito apenas ao procurador-geral da República". Gurgel reafirmou a existência do mensalão. Disse que foi o "mais atrevido e escandaloso caso de corrupção e desvio de dinheiro público" da política nacional. Na primeira metade de sua sustentação oral, no julgamento da Ação Penal 470, no Supremo Tribunal Federal (STF), Gurgel citou o papel de cada integrante do esquema, dando destaque à atuação do ex-ministro chefe da Casa Civil José Dirceu, que, de acordo com o procurador, era o "mentor" da ação. Mesmo com tempo limitado, o procurador dedicou os 20 minutos iniciais a considerações filosóficas sobre a relação entre ética e poder. Gurgel citou pensadores como Raymundo Faoro (brasi-

Fábio Rodrigues Pozzebom ABr

Mesmo com tempo limitado, o procurador dedicou os 20 minutos iniciais a considerações filosóficas sobre a relação entre ética e poder

Plenário do Supremo Tribunal Federal no segundo dia de julgamento do mensalão

leiro, autor do livro Os Donos do Poder), o italiano Norberto Bobbio e o alemão Max Weber. E, concluindo a etapa teórica da denúncia, deu os motivos pelos quais considerou o esquema criminoso. "Com base na prova reunida na ação penal, os fins não justificam os meios, quando ignoram, cabalmente, o que é moralmente correto e socialmente aceitável". O procurador ainda rebateu críticas dos advogados dos réus que figuram no processo, que consideraram o mensalão "uma criação de delírio" do Ministério Público. "A robusteza da prova colhida torna risível a assertiva", argumentou Gurgel. Segundo o procurador,

o mensalão foi montado em 2003, logo no início do primeiro mandato do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para cooptar apoio político. "Maculou-se a República, instituindo-se à custa do desvio de dinheiro público, um sistema de movimentação financeira à margem da legalidade, com o objetivo de comprar o voto de parlamentares em matérias relevantes para o governo". Gurgel disse que a base do esquema constituía na captação de verbas por parte do publicitário Marcos Valério, a mando da cúpula do PT, para distribuição entre parlamentares da base aliada. O procurador teve direito a cinco horas para

falar sobre os 38 réus, uma média de oito minutos para cada um. Na primeira parte de sua apresentação, ele optou por dar destaque a José Dirceu, primeiro da sequência acusatória, a quem dedicou quase 30 minutos de sua fala. Gurgel concordou que há provas pouco robustas contra quem chamou de "principal figura de tudo que apuramos" e "o grande protagonista" do mensalão, mas atribuiu o fato ao papel de liderança que Dirceu exercia. "Como quase sempre ocorre com chefes de quadrilha, o acusado não aparece nos atos de execução do esquema", justificou. Ainda no núcleo político (os réus foram divi-

Rocha Loures anuncia que metade dos cargos públicos deverá ser ocupada por mulheres No primeiro da série de eventos "Rodas de Conversa", o candidato a prefeito de São José dos Pinhais pela Coligação São José - A Cidade que Sonhamos (PMDB-PV), Rodrigo Rocha Loures, afirmou que sua gestão terá como meta que pelo menos metade dos cargos públicos seja ocupada por mulheres. Além disso, Rocha Loures sugeriu que a prefeitura crie um espaço público adequado à participação feminina na política, considerando suas peculiaridades e características próprias, como a necessidade de estar ao lado dos filhos durante suas atividades públicas: "Da mesma forma que os gregos tinham na agora, a praça principal de suas cidades, o espaço propício para a manifestação política, podemos ter em São José um local adequado à participação das mulheres na vida pública da cidade", disse. A primeira das "Rodas de Conversa" promovida pela candidatura de Rocha Loures con-

tou com a participação de líderes comunitárias e candidatas a vereador em São José dos Pinhais, além de populares em geral. O tema da conversa foi políticas públicas para mulheres. O formato do evento possibilita aos participantes que se manifestem e perguntem diretamente ao candidato questões sobre o assunto proposto, permitindo que sua visão seja incorporada ao plano de governo da candidatura. Também participaram do diálogo as professoras Claudia Coser, coordenadora do curso de Administração da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), e Sonia Ana, chefe do departamento de Educação da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). "A mulher ainda não sabe se empoderar. Ela atribui muito para si. Precisamos aprender a compartilhar", disse Sonia Ana. "Transferir a eficiência do setor privado para a esfera pública é interessante", afirmou Claudia.

As "Rodas de Conversa" serão promovidas semanalmente pela campanha de Rocha Loures

Durante o evento, Rocha Loures ressaltou a necessidade das mulheres participarem mais ativamente da política da cidade. "A democracia plena e profunda só acontece se o povo se mobilizar. E as mulheres estão sendo pouco ouvidas. Se as mulheres de São José não se articularem, não vamos conseguir fazer a revolução que queremos na

saúde, na educação e na segurança", completou o candidato. As "Rodas de Conversa" serão promovidas semanalmente pela campanha de Rocha Loures. O próximo tema será educação. Os eventos ocorrem no comitê central da campanha, à Rua Voluntários da Pátria, 1011, no Centro de São José dos Pinhais.

didos em três núcleos: político, operacional e financeiro), Gurgel citou o ex-presidente do PT José Genoíno, o ex-secretáriogeral do partido Silvio Pereira e o ex-tesoureiro da legenda Delúbio Soares, além dos parlamentares dos partidos beneficiados pelo esquema - PL (hoje PR), PTB e PP. Do núcleo publicitário-financeiro, o destaque foi para Marcos Valério. "Dirceu foi o mentor do esquema enquanto Marcos Valério foi seu executor", sintetizou Gurgel. O interesse desse núcleo, segundo o procurador, era se aproximar do governo a fim de obter vantagens em contratos publicitários e desvio de verba em benefício próprio. Ainda segundo Gurgel, o núcleo financeiro - formado por dirigentes do Banco Rural à época aceitou entrar no esquema para obter vantagens em transações envolven-

do instituições financeiras. Segundo a denúncia, o grupo forjou empréstimos que não ocorreram na realidade, dissimulando a origem ilegal da verba. O procurador lembrou que representantes do Banco BMG não estão na ação penal do STF porque o caso está sendo tratado em outro processo, que tramita na Justiça de primeiro grau. Na segunda fase da exposição, Gurgel passou a tratar dos crimes imputados a cada um dos réus e as provas que sustentam as acusações. Os crimes citados na denúncia - variáveis para cada réu - são formação de quadrilha (um a três anos de prisão), corrupção ativa e passiva (dois a 12 anos cada), peculato (dois a 12 anos), evasão de divisas (dois a seis anos), gestão fraudulenta de instituição financeira (três a 12 anos) e lavagem de dinheiro (três a dez anos).


4

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

Famílias do Rio Itaqui receberão novas moradias

Comunicação Digital é tema de palestra do Conjove Foto: Sergio Sabino (PMSJP)

Após a conclusão do processo de licitação, as obras de moradias para as famílias que ocupam áreas de preservação ambiental ao longo do Rio Itaqui, nas regiões do Guatupê e da Borda do Campo terão inicio. A empresa vencedora tem o prazo de 15 meses para a execução da construção de 194 unidades residenciais e 16 comerciais, o que beneficiará cerca de 1.150 famílias da região com a conclusão de todas as fases do programa. A Ordem de Serviço nº. 046/2012 da Secretaria Municipal de Recursos Materiais e Licitações (SERMALI) foi emitida na data de 13/07/2012, a partir desta a empresa vencedora já pode iniciar as obras. Essa ação faz parte do programa de revitalização e construção do Parque Linear do Itaqui e sua verba para essa fase é de pouco mais de R$ 16 milhões provenientes do governo federal. Aproximadamente 200 famílias que são proprietários legais serão beneficia-

Casas, apartamentos e casas adaptadas a portadores de necessidades especiais contemplam esta fase

das nessa fase inicial das obras, elas serão desapropriadas e indenizadas. A remoção das famílias será feita em dois conjuntos, um na região do Guatupê com 631 unidades, cujo projeto encontra-se em análise pela Caixa Econômica, através do Programa Minha Casa Minha Vida e o outro na Borda do

Campo com 194 unidades, o qual se encontra em fase inicial de obra. O Conjunto Habitacional Borda do Campo, localizado no entorno das Ruas: João Maria Djazi, Projetada A e Vereador Altamir Stoco, contemplará a construção de 74 (setenta e quatro) unidades de casas térreas, 8 (oito)

unidades de casas térreas adaptadas, 4 (quatro) unidades de edifícios Tipo B e 6 (seis) unidades de edifícios Tipo D, essas tipificações são para os conjuntos que contemplam casas, apartamentos e casas adaptadas a portadores de necessidades especiais, totalizando uma área construída de 9,9 mil m².

Prefeitura fiscaliza e orienta pessoas que acumulam cães e gatos em São José dos Pinhais A Prefeitura de São José dos Pinhais organizou ação conjunta para orientar e se for o caso notificar pessoas que acumulam cães dentro de casa. Após denúncias, as secretarias municipais do Meio Ambiente, Saúde, Assistência Social e Segurança vão aos locais indicados e verificam a situação dos animais, a segurança e a pessoa responsável. Por vezes, vizinhos reclamam do mau cheiro ou barulho que os animais causam, mas também relatam más condições em que os bichos são guardados. Veterinários são acompanhados de Guardas Municipais para fazer a vistoria nas casas. Nesta semana, a ação foi feita no bairro Afonso Pena. A veterinária Dariane Catapan, acompanhada do veterinário da UVZ (Unidade de Vigilância de Zoonose) Haroldo Greca Junior entraram na residência indicada com a permissão da proprietária para avaliar a condição dos animais. "Contamos 18 cães e segundo a dona dos animais há mais 15 gatos dentro da casa, sendo que o permitido por lei são 10 animais", diz a veterinária. A proposta da Secretaria do Meio Ambiente foi castrar todos os animais, vacinar, aplicar anti-pulgas,

Promovendo parcerias para o crescimento empresarial

"No campo do comércio eletrônico não é diferente, é necessário investimento, por isso é importante, por exemplo, o gerenciamento do site de sua empresa", assim destaca Aurélio Forbellone, que apresentou o tema Comunicação Digital no Projeto Café com palestra do Conselho do Jovem Empresário de Ponta Grossa (Conjove), na última quinta-feira (02), na sede da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG). De acordo com dados apresentados por Forbellone, o comércio eletrônico no Brasil passou em 2007 de 6,3 bilhões para 18,7 bilhões em 2011. "O crescimento é bem avançado. Hoje, se o empresário não tem comércio eletrônico ele está perdendo dinheiro". O crescimento entre 2010 e 2011, em se tratando de comércio eletrônico, foi de 26%. A palestra contou com aproximadamente 50 empresários de diversos setores. "A proposta do Projeto Café com Palestra é trazer temas relevantes para as discussões, assuntos do dia a dia empresarial, que despertam o interesse do segmento. Nesta linha foi pensado o tema apresentado", comenta o presidente do Conjove, Bruno Ronchi. Além do Café com Palestra o Conjove realiza outros projetos que apoiam a missão da ACIPG na promoção do associativismo como fator de desenvolvimento, propiciando o surgimento de novas lideranças.

FALECIMENTOS  Paulo Sergio da Silva. Sepultamento hoje, às 14 horas, no Cemitério Caminho do Céu.  Maria Gonçalina Silveira, 66 anos. Sepultada ontem no Cemitério Caminho do Céu.  Sebastião Ferreira de Andrade, 81 anos. Sepultado ontem no Cemitério Parque Senhor do Bonfim.  Raimunda de Oliveira, 64 anos. Sepultada ontem no Cemitério Parque Senhor do Bonfim.  Emilia Chaves da Costa, 89 anos. Sepultada ontem no Cemitério Parque Senhor do Bonfim. Serviço Funerário Municipal - São José dos Pinhais Rua Ângelo Zem, 55 Centro - Fone : 3382 1271

Secretarias municipais do Meio Ambiente, Saúde, Assistência Social e Segurança notificam acumuladores de cães

vermífugos e levar para a adoção, e consequentemente melhorar a vida dos bichos e dela própria, que é idosa e mora sozinha. Ela recebeu um prazo de 30 dias para reduzir o número de animais em casa. Haroldo Júnior disse que a equipe não conseguiu examinar os animais devido ao espaço de difícil acesso, escuro e úmido. "Tinha um gato em cima de uma prateleira, agitado e andando de um lado para o outro junto com dois cachorros. A situação é bem

crítica", afirmou. Haroldo informou que animais que apresentam extremo sofrimento, debilitados ou com lesões graves, podem ser encaminhados para eutanásia. Para animais em condições de serem entregues a outra pessoa, a Unidade de Vigilância de Zoonose providencia a adoção assistida. Caso o animal não esteja sendo bem tratado, o adotante terá um prazo para corrigir as situações, ou então o animal será encaminhado para a Secreta-

ria do Meio Ambiente. Em caso de maus-tratos, os donos respondem judicialmente. Haroldo explica que os acumuladores não têm a intenção de maltratar os animais, mas acabam não dando conta de cuidar. "Os acumuladores gostam dos animais e geralmente não deixam entrar na casa para ver os animais com medo de perdê-los, eles abrem mão de tudo pelos animais e acabam prejudicando a própria saúde", relata o veterinário.


5

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

Metró ole Variedades "Para conhecer um homem: veja como ele age, descubra o que ele busca, examine o que lhe faz feliz." (Confúcio)

TOME NOTA

Céu com poucas nuvens

Máx. 25º Mín. 10º

Dia 05: Mín. 10º e Máx. 25º Dia 06: Mín. 11º e Máx. 25º Dia 07: Mín. 10º e Máx. 24º

PROGRAMAÇÃO DE CINEMA

Bolo Fofinho de Café com Calda de Laranja Ingredientes: Massa: 2 ovos 2 xícaras (chá) de farinha de trigo 1 colher (chá) de fermento 1 e 3/4 (chá) de açúcar 1 xícara (chá) de achocolatado em pó 1 e 1/2 xícara (chá) de café bem forte 1 xícara de manteiga ou margarina sem ser light Calda: 1 laranja 1/2 xícara (chá) de água 2 colheres (sopa) de açúcar Modo de Preparo Bolo: Bata as claras em neve, reserve. Misture a farinha, o fermento e o açúcar, depois junte a margarina e as gemas e bata bem. Acrescente o achocolatado e o café. Junte todos os ingredientes e por último, as claras em neve que devem ser misturadas delicadamente. Asse em forma untada e enfarinhada por aproximadamente 30 minutos. Calda: Esprema a laranja e peneire. Acrescente a água e o açúcar e leve ao fogo até que levante fervura. Corte a massa do bolo em fatias grossas. Monte em um pirex, uma camada de fatias, molhe com a calda e assim por diante. Levar à geladeira.

Ponto turístico do Rio de Janeiro Aprender, em inglês

Pedaço de vela

São usados pela medicina alternativa Estado de economia extrativista

T

O

C

O

Característica do matador

Leigo Deus dos sonhos (Mit.)

Recurso da máquina fotográfica Função do blog (Inform.)

91

Vulcão como o Etna

Oca; vazia

Apóstolo de Cristo que duvidou da ressurreição

A Árvore Nacional

São afetadas pela asma Habitada; ocupada

Formação do membro da OAB

Típico abrigo para os náufragos

Código de endereçamento postal A quantia deixada no banco

Grande (?), ator Mulher de Teatro

Disco para armazenar dados (Inform.) Não cozido Combate os ambulantes

Consumirse em chamas (?) CavalOfensa; cante, afronta humorista brasileiro

Susudoeste (abrev.) Peça de música para uma só voz

Miguel (?), político pernambucano Ator de “O Homem que Copiava”

BANCO

Apelido de Ângela Maria

Solução

A C R E

5) Qual era a personagem interpretada por Lucélia Santos na novela "Cidadão Brasileiro"? a) Tereza b) Eleni c) Fausta d) Manuela

Quadro como “O Homem de Turbante”, de Van Eyck O que falta ao apático

Fruto de polpa branca Raça de cão com manchas no corpo

V A

4) Em qual dessas produções, a atriz Débora Evelyn viveu a personagem Beatriz? a) "Chocolate Com Pimenta" b) "Um Anjo Caiu do Céu" c) "Celebridade" d) "Desejo de Mulher"

© COQUETEL 2005

Prestações ainda não pagas

P R O D U T O S N A T U R A I S

3) Como se chamava a personagem interpretada por Neusa Maria Faro na novela "Alma Gêmea"? a) Divina b) Cristina c) Doralice d) Mirna

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

D I R E I T O

2) Qual dessas famosas é casada com o ator Marcello Antony? a) Cristina Mullins b) Mônica Torres c) Tânia Kalil d) Totia Meireles

Os nevos melancíticos, conhecidas mais popularmente como pintas, são formações normais no corpo humano. Eles podem ser planos ou elevados, grandes ou pequenos, congênitos (quando presentes ao nascimento) ou adquiridos, podem ter pelos e sua coloração pode variar da cor da pele ao negro. Quanto mais clara a pele da pessoa e quanto mais tempo ela tomar sol, maior o número de pintas ela deve ter em seu corpo. O número de pintas varia muito, pode ser única, mas maioria dos adultos brancos possui entre 10 a 40 pintas na pele, mas existem casos mais raros de pessoas que têm mais de 100! Este artigo pretende ensinar a identificar lesões que contenham algumas características de cânceres de pele, visto que são patologias muito comuns em nosso meio. Em geral, toda pinta apresenta a possibilidade de transformação em câncer da pele. Felizmente, tal transformação ocorre apenas numa minoria dos casos, o que não significa que não devemos estar atentos para esta possibilidade. Na realidade, uma vez que estas lesões estão visíveis e em local de fácil acesso, sua retirada pode evitar problemas maiores para a saúde. O conceito de que pintas de nascença são benignas nem sempre é verdadeiro. Sinais de nascença são tão ou mais perigosos que aqueles que surgem na juventude e podem ser retirados sempre que o resultado estético for vantajoso. É exatamente por estes motivos que algumas pintas ou sinais precisam ser retirados, mas não são todos. Devem ser removidas apenas as lesões que justifiquem a remoção, evitando cirurgias desnecessárias que causem cicatrizes. Sempre costumo dizer os meus pacientes que a pinta sempre é trocada por uma cicatriz, por menor que ela seja. O autoexame é método para você examinar regiões do corpo de difícil visualização, e é recomendado que ele seja feito a cada três meses. Com a ajuda de um espelho de mão e um espelho de parede você pode examinar o corpo todo, ajudando o dermatologista a encontrar pintas que podem se tornar perigosas.

A Ç U C T O C O O R F E R A T I E R E A Z I T A L O C H A R D A R A P O R A M

1) A novela é "Páginas da Vida". Qual dessas atrizes interpretou a mãe de Sérgio, personagem vivido por Max Fercondini na trama? a) Louise Cardoso b) Ana Botafogo c) Glória Menezes d) Lília Cabral

Qualquer sinal na pele pode se transformar em um tumor mais grave

P D E A A R N L A I M M A RI O T A S A A O S T E O M E S S R O

radora vocal), Paulo Kavi (sonoplastia e composição de música original); Eduardo Giacomini (figurinos); Rodrigo Ziolkowski (iluminação); Laercio Ruffa e Mônica Infante (ambientação cênica); Maura Cristina (caracterização); Vinicius Maguifer (assistente de produção); Mauro Chaves Pinto (operador de som); Hercilio Nalesso (operador de luz); Alex Martins (montagem). Produção: Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR)

P O V O A D A

(Respostas: 1-d / 2-b / 3-a / 4-c / 5-c)

seus amores, e principalmente um encontro do homem consigo mesmo. O elenco é composto por Muhammad El Chab, Kálita Quareli, Eliane Pedroso, Guilherme Empke, Rafael Pedretti, Gustavo Hermes, Rodney Veiga, Axson Bonini, Samara Macedo, Fernanda Kogin, Lillian Sidoriw, Eduardo Mehl, Alan Cristian. A montagem do espetáculo conta com as participações de Monica Infante (direção de movimento e assistente de direção); Cida Stier (prepa-

S P A O L E D Z O O D I E V I C E P D E O AG R A T A R R I L A Z

Espetáculo Homem ao Vento estreia no sábado no TUCA O Grupo de Teatro Tanahora da PUCPR estreia nesta sábado (4), com sessões às 18h e às 20h, o espetáculo Homem ao Vento, do dramaturgo curitibano Marcos Damaceno. A peça, inspirada nas obras do autor francês Antoine de Saint-Exupèry: Terra dos Homens, Cidadela e O pequeno Príncipe, aborda o homem em busca do autoconhecimento e reserva uma surpresa para a plateia pela forma como é encenada. A direção é de Laercio Ruffa. O texto é uma reflexão sobre o homem em suas relações com os ambientes que o cerca: a família, o trabalho, os amigos,

4/ária. 5/laico — learn. 6/arraes — sapoti. 11/lázaro ramos.

Imagens na Aldeia do Beto A artista plástica Luciana Ávila Ferreira abre sua terceira exposição individual, As Imagens que Eu Escrevo, neste domingo, dia 5, ao meio-dia, na Aldeia do Beto – Gastronomia & Cultura. Na ocasião ela vai apresentar 25 obras, em vários tamanhos, na técnica de acrílico sobre tela. As imagens abstratas são carregadas de cor e alegria. A mostra, que fica em cartaz até o dia 8 de setembro, tem entrada franca. Luciana Ávila Ferreira nasceu na cidade de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. Algumas características lhe diferenciaram das outras crianças e assim seus pais descobriram que ela era especial. Iniciou-se uma busca por diagnósticos e tratamentos, mas, acima de tudo, pela felicidade. Passou por várias escolas normais e especiais e, ao longo do caminho, contou com a ajuda de profissionais extremamente competentes e dedicadas que foram essenciais em sua trajetória. Entre elas está a psicopedagoga Simone Carlberg, que lhe orienta no desenvolvimento da leitura e da escrita, a professora de educação artística Maria da Glória, que lhe introduziu ao mundo das artes, a levando a museus, exposições e lhe apresentando os movimentos e as obras dos grandes mestres. E, por fim, a artista plástica Daniele Henning, com seu enorme talento para a pintura e profunda amizade por Luciana, que vem lhe acompanhando na carreira artística há cinco anos.


6

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

TR, POUPANÇA E TBF TR MENSAL % mar abr 0,04 0,10

mai 0,05

jun 0,00

ano 0,26

12 m 0,92

POUPANÇA MENSAL % mar abr mai 0,54 0,52 0,55

jun 0,50

ano 3,31

12 m 7,14

ÍNDICES DIÁRIOS Período 6/7 a 6/8 7/7 a 7/8 8/7 a 8/8 9/7 a 9/8 10/7 a 10/8 11/7 a 11/8 12/7 a 12/8 13/7 a 13/8 13/7 a 13/8 14/7 a 14/8 15/7 a 15/8 16/7 a 16/8 17/7 a 17/8 18/7 a 18/8 19/7 a 19/8 20/7 a 20/8 21/7 a 27/8 22/7 a 28/8 23/7 a 29/8 24/7 a 30/8 25/7 a 25/8 26/7 a 26/8 27/7 a 27/8 28/7 a 28/8 29/7 a 29/8 30/7 a 30/8 CONSTRUÇÃO em % mar CUB/PR 0,13 CUB (maio/2012): R$ O equipamento que faz a dragagem de manutenção do Canal da Galheta retirou mais de 630 mil metros cúbicos de sedimentos nas proximidades da Ilha do Mel

Porto já concluiu 25% do trabalho de dragagem no trecho mais crítico O trabalho devolverá ao Canal da Galheta a profundidade de 15 metros, o que aumentará a segurança da navegação. Hoje, há pontos com 13,10 metros O equipamento que faz a dragagem de manutenção do Canal da Galheta retirou mais de 630 mil metros cúbicos de sedimentos nas proximidades da Ilha do Mel. A quantidade representa um quarto do previsto na primeira região trabalhada, o local mais crítico do canal de acesso ao Porto de Paranaguá. O trabalho devolverá ao Canal da Galheta a profundidade de 15 metros, o que aumentará a segurança da

navegação. Hoje, há pontos com 13,10 metros. A dragagem foi iniciada em 18 de julho. “Apesar do mau tempo, os serviços estão sendo executados dentro da normalidade, sem prejuízo para a operação do porto”, afirmou o superintendente da Appa, Luiz Henrique Dividino. O volume retirado é aproximado porque o contrato prevê a realização das medições por metas a serem atingidas, em função da profundidade.

SISTEMA A draga usa sistema de dutos que são baixados até o fundo do canal e fazem a sucção dos sedimentos. O material é comportado nos porões da embarcação, com capacidade de 17 mil metros cúbicos. Uma vez cheia, a draga esvazia os compartimentos na área de despejo. O tempo de viagem entre a área dragada neste primeiro momento e a área de despejo é de duas horas, aproximadamente. O equi-

pamento faz cerca de cinco viagens por dia. Após concluída a dragagem do canal externo, o equipamento vai limpar dois trechos entre o canal externo e o Porto de Paranaguá. Na segunda fase do projeto, terá início a dragagem do canal de acesso ao Porto de Antonina. A obra custará R$ 37 milhões e será paga com recursos próprios da Appa. O prazo de execução é de seis meses.

CMN aprova medidas de socorro a produtores da Região Sul do País Brasília – Os produtores rurais afetados pela estiagem na Região Sul no começo do ano receberam ajuda do governo. Em reunião extraordinária, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou medidas que elevam a capacidade das instituições financeiras de renegociarem as dívidas dos produtores. O CMN aboliu o limite de dívida que os bancos poderiam prorrogar ou renegociar com os mutuários que pegaram empréstimos rurais com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). As

instituições só poderiam refinanciar 8% das parcelas que vencem a cada ano. A medida beneficia tanto grandes produtores como agricultores familiares. Em comunicado, o Ministério da Fazenda informou que essas medidas ampliam o acesso de agricultores familiares afetados pela seca na Região Sul. De acordo com a pasta, alguns bancos cooperativos da Região Sul haviam atingido o teto de renegociação. Em relação aos agricultores familiares, o CMN reabriu o prazo para a adesão à linha de crédito especial que

refinancia dívidas com o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Agora, os pequenos produtores têm até 5 de novembro para requerer a recomposição dos débitos. O conselho aprovou ainda medidas de socorro aos produtores de arroz e de carne suína, que estão tendo dificuldade em comercializar a safra. Quem estiver inadimplente em 2012 pode começar a quitar a dívida em 15 de fevereiro de 2013. Caso as dificuldades não sejam momentâneas, e a instituição financeira constate incapacida-

de de pagamento, o produtor poderá pagar as parcelas das linhas para investimento até um ano depois do vencimento da última parcela. Os suinocultores também poderão renegociar o pagamento do saldo devedor das linhas de custeio em até cinco anos, com o vencimento da primeira parcela fixado para um ano após a formalização do refinanciamento. O CMN é composto pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega; pelo presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, e pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior.

Mantega não vai aceitar demissões na GM Brasília - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse ontem (3) que “não vai tolerar o descumprimento do acordo de não demissão nos setores beneficiados pela redução do IPI [Imposto sobre Produtos Industrializados]”. A informação foi dada pela assessoria de imprensa do Ministério da Fazenda. Este ano, o governo reduziu IPI para veículos e a linha branca (fogões, geladeiras, tanquinhos e máquinas de lavar). Hoje, oito fábricas da General Motors (GM) em São José dos Campos (SP) permaneceram paradas. Os cerca de 7.200 metalúrgicos decidiram cruzar os braços em protesto contra a possibilidade de haver duas mil demissões. Os trabalhadores fizeram também uma manifestação na Rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo e Rio de Janeiro. Amanhã (4), segundo o Sindicato dos Metalúrgicos, haverá uma reunião com representantes da GM e do Governo do Estado de São Paulo para discutir o futuro dos trabalhadores. No último dia 31, o sindicato contestou declarações do ministro da Fazenda de que a GM está com saldo positivo na geração de empregos. Em nota, a entidade informou que a fabricante de veículos mais demitiu do que contratou nos últimos 12 meses.

TR 0,0000 0,0000 0,0034 0,0171 0,0212 0,0143 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0176 0,0016 0,0009 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0215 0,0181 0,0232 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

TBF 0,6292 0,6237 0,6534 0,6772 0,6813 0,6744 0,6321 0,6001 0,6001 0,6048 0,6337 0,6677 0,6516 0,6509 0,6349 0,6127 0,6174 0,6469 0,6816 0,6782 0,6834 0,6483 0,6170 0,6045 0,6334 0,6485

abr 0,21 1.005,53

mai 0,36

Poupança 0,4828 0,4828 0,4862 0,5000 0,5041 0,4972 0,4551 0,4551 0,4551 0,6048 0,4551 0,4728 0,4567 0,4560 0,6349 0,6127 0,4551 0,4551 0,4767 0,4733 0,4784 0,4551 0,4551 0,4551 ano 1,00

12 m 8,78

FAJ-TR / TR-FATOR

2/8 3/8 SELIC Jun/11 Jul/11 Ago/11 Set/11 Out/11 Nov/11

2,76628881 2,76631735

0,96% 0,97% 1,07% 0,94% 0,86% 0,86%

0,01239379 0,01239392

Dez/11 Jan/12 Fev/12 Mar/12 Abr/12 Mai/12 * Jun/12

0,91% 0,89% 0,75% 0,82% 0,71% 0,74% 1,00%

* No mês corrente o valor da Selic é sempre 1,00% IR - JULHO * IR 2012: A segunda parcela do IR 2012 venceu em 31/05. Para pagamento de parcelas atrasadas há em fevereiro Selic de 10,22%, mais multa. ** Para pagar atrasado um tributo cujo vencimento foi no mesmo mês, será cobrada a Selic do mês corrente (1,00%). Para atrasos que extrapolem o mês em curso, será cobrada taxa equivalente à soma da Selic dos meses em atraso, mais multa. PREVIDÊNCIA Competência: JULHO As empresas têm prazo para pagar até 20/06 e as pessoas físicas até 15/06. A partir desses prazos há multas de 4% a 100%, além de juros pela taxa Selic. EMPRESÁRIO/EMPREGADOR Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 545,00 (R$ 59,95) e R$ 3.691,74 (406,09), através de GPS. AUTÔNOMO 1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 545,00 (R$ 109,00) a R$ 3.691,74 (R$ 738,34) . 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% até o máx. de R$ 3.691,74 (R$ 406,09) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre o que recebe de jurídicas, até R$ 3.691,74 (R$ 406,09). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.691,74. FACULTATIVO Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 545,00 (R$ 109,00) e R$ 3.691,74 (R$ 738,34), através de carnê. ASSALARIADOS Salário Contribuição (R$) Até 1.174,86 De 1.174,87 até 1.958,10 De 1.958,11 até 3.916,20

Alíquota 8,00% 9,00% 11,00%

EMPREGADOS DOMÉSTICOS Empregado Empregador Total

Alíquota % 8 a 11 12 20 a 23

R$ mín 49,76 74,64 124,40

SALÁRIO FAMÍLIA – JUNHO/12 Salário de até R$ 608,80 Salário de R$ 608,81 a 915,05

R$ máx 430,78 469,94 900,72

R$ 31,22 R$ 22,00

OUTROS ÍNDICES BTN + TR TJLP Sal. Mínimo FGTS UPC

Mar 1,566858 6,00 622,00 0,2466 22,24

Abr 1,568531 6,00 622,00 0,3536 22,28

IR – TABELA DE JUNHO Desconto na fonte e carnê-leão Base (R$) Alíquota Até 1.637,11 isento 1.637,122 a 2.453,50 7,5% 2.453,51 até 3.271,38 15,0% 3.271,39 até 4.087,65 22,5% Acima de 4.087,65 27,5%

Mai 1,568887 6,00 622,00 0,2693 22,28

Jun 1,569621 6,00 622,00 0,2935 22,28

Dedução – R$ 122,78 R$ 306,80 R$ 552,15 R$ 756,53

Deduções: a) Assalariados: 1) - R$ 164,56 por dependente; 2) - pensão alimentícia; 3) - contribuição à Prev. Social; 4) - R$ 1.637,11 por aposentado a partir de 65 anos; 5) - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carnê Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.


7

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

Prevenção de acidentes de motos é tema de workshop Foto Sérgio Sabino/PMSJP

antes, mas hoje tomo cuidado dobrado, sobretudo com os outros que estão ao meu redor no trânsito", comenta. Osmar já reuniu 1,3 milhão de assinaturas em um abaixo-assinado para mudar a legislação brasileira, enquadrando acidentes de trânsito como crimes. "Acredito que isso mudará a consciência das pessoas e todos serão mais responsáveis e conscientes, com menos pressa e mais respeito", afirma. Durante o período da tarde, os presentes foram divididos em cinco grupos, cada um trazendo cinco problemas e cinco possíveis soluções. A Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito irá documentar as discussões e apresentá-las em breve à população. Participaram dos grupos representantes de vários segmentos, entre eles: usuários, auto escolas, motofretistas, Detran, socorristas, Samu, Polícia Militar do Paraná (BPTran), concessionárias de rodovias, empresas de ônibus, concessionárias vendedoras de motocicletas e o Batalhão de Trânsito da Guarda Municipal de São José dos Pinhais. Giovani explica a importância da participação de todos os segmentos envolvidos nas discussões. "Nós convidamos sempre para os workshops usuários e especialistas para que possamos gerar um marco para as campanhas futuras. A definição de políticas públicas deve começar com discussões", detalha. Irvando Carulla, secretário municipal de Saúde, apresentou painel sobre a questão da saúde pública com relação aos acidentes envolvendo motociclistas. "Hoje no Brasil, a maior causa de óbitos é externa, passamos

por uma transição epidemiológica. Antigamente, as pessoas morriam por doenças infecciosas, depois, por doenças crônicas", comentou. Irvando explicou ainda que a motocicleta é o principal veículo causador de morte precoce externa e de limitações físicas na população jovem do país, por isso a necessidade de ações prevenção e conscientização. LESÕES PREOCUPANTES Dados estatísticos do Siate mostram que os acidentes envolvendo motos estão crescendo em São José dos Pinhais. Em 2010, foram 588 acidentes envolvendo motos, contra 656 em 2011 e 365 somente no primeiro semestre de 2012. O bombeiro socorrista do Siate Doalcei Domingues comentou que para as equipes de socorro, a visão de um acidente de moto é sempre impactante. "Quando recebemos um chamado para atender a este tipo de acidente, sabemos que teremos de imobilizar ao menos uma fratura. Os acidentes envolvendo motos são sempre muito graves", afirma. Domingues alertou também para a vontade de ajudar de muitas pessoas, que pode ser prejudicial à vítima. "Encontramos acidentes com muita gente ao redor, com o condutor já sem o capacete e com apoios inadequados para a cabeça, podendo ocasionar gravíssimas lesões na coluna cervical", explica. O socorrista lembrou também de um acidente em que as pessoas afirmavam que o motociclista estava consciente e conversando. "Porém, ele estava confuso e o quadro era grave, ele havia tido traumatismo craniano", lembra.

Samu atende mais três cidades da Região Metropolitana de Curitiba A população de Araucária, Contenda e Lapa, na Região Metropolitana de Curitiba, tem à disposição três novas ambulâncias do Samu Metropolitano. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) foi instalado na tarde da última quinta-feira (2), em Araucária, com dois veículos de suporte básico de vida e uma UTI móvel, que atenderão os três municípios e, caso necessário, podem dar apoio a outros da Região Metropolitana. "A ampliação do alcance do Samu vai possibilitar atendimento mais rápido e qualificado das demandas de urgência e emergência. Também estamos aumentando a oferta de leitos de UTI para desafogar os serviços hospitalares da capital", explicou o secretário da Saúde, Michele Caputo Neto. Mais 84 leitos de UTI estarão disponíveis

para o SUS na RMC até o fim do ano. Toda a rede do Samu Metropolitano é gerenciada pela Central de Regulação Médica de Urgência instalada em Curitiba. A central conta com teleatendentes e médicos reguladores responsáveis pela triagem e encaminhamento das solicitações. Eles buscam o máximo de informações sobre a situação do paciente e caracterizam o grau de urgência da solicitação. "Grande parte das ocorrências não necessita ambulâncias e é solucionada com orientações sobre procedimentos que devem ser adotados até a procura de um serviço médico", explicou o diretor de Políticas de Urgência e Emergência da Secretaria da Saúde, Vinicius Filipak. Até o fim do mês será concluída a primeira etapa de implantação do Samu Metropo-

litano. Nesta primeira fase, 14 municípios serão beneficiados, além de Curitiba que já tem o serviço em funcionamento. A rede de urgência e emergência também conta com o Siate (Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergências), mantido pelo Corpo de Bombeiros. PRONTO ATENDIMENTO Anexa à base do Samu de Araucária, foi inaugurada a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do município. A UPA funciona 24 horas e diminui a dependência dos prontos-socorros de hospitais, pois conta com estrutura intermediária qualificada para atender casos de média complexidade, como pressão e febre altas, fraturas, cortes, infarto e derrame. A população pode procurar a unidade diretamente, sem necessidade de chamar o Samu.

Christiane Yared, que perdeu o filho Gilmar no acidente que envolveu o ex-deputado Carli Filho

Polícia ocupa região Sul de Curitiba para implantação de UPS A sétima Unidade Paraná Seguro (UPS) de Curitiba começou a ser instalada na Vila Osternack ontem (03). Um grupo de 300 policiais ocupou a comunidade que fica no bairro Sítio Cercado, na região Sul da capital. A operação, chamada de congelamento pelos profissionais de segurança, começou às 6 horas da manhã e inclui barreiras policiais, abordagens e revistas. São 280 policiais militares e 20 policiais civis, além de guardas municipais, que participam da ação. Neste primeiro momento a principal tarefa é fazer a inspeção da área. De acordo com o secretário de Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar, os policiais ficarão em caráter permanente nos bairros que estão recebendo UPS. "A quantidade de homens se reduz, mas com base em um planejamento operacional. É importante frisar que o policiamento é permanente, ele não vai embora", completa o secretário. "As pessoas têm percepção da força do Estado e compreendem o conceito da UPS. Esta semana eu vi cartazes de moradores do Tatuquara pedindo uma unidade bairro. Estamos no caminho certo", avalia o secretário estadual da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar. Todo o bairro do Sítio Cercado concentra 6,6% da população de Curitiba, 8,48% das mortes violentas da cidade e 4,71% do total de roubos ocorridos na capital, no período de janeiro a julho deste ano. "Queremos recuperar a capacidade que foi perdida de organização da vida comunitária no bairro", afirma Almeida Cesar. "O foco dessa atuação é a Vila Osternack, mas a intenção é que a operação se espalhe para vilas próximas, como Santa Inês e Regina", explica o comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Roberson Bondaruk. A chegada da UPS do bairro foi bem recebida pelo cobrador de ônibus José Mendonça, que trabalha no terminal da Vila Osternack. "Já fui assaltado mais de 40 vezes aqui. De uns tempos para cá já começou a dar uma melhorada", afirmou. ETAPAS A implantação de UPS integra as medidas do governo estadual para reforçar a segurança pública e reduzir a taxa de criminalidade no Estado. As outras seis unidades estão em funcionamento em bairros da capital: Uberaba, Parolin e Cidade Industrial de Curitiba (Caiuá,

Foto Chuniti Kawamura/AEN

Durante todo o dia de ontem (3) foram realizadas discussões sobre o trânsito e, essencialmente, sobre motocicletas no Hotel Paraná Golf, em São José dos Pinhais. O Workshop de Prevenção de Acidentes com Motos, promovido pela Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito, trouxe representantes de vários segmentos para discutir e delinear uma política pública de prevenção e conscientização. Giovani de Souza, secretário municipal de Transportes e Trânsito, explica que o objetivo de sua pasta é tornar São José dos Pinhais uma referência nacional em segurança no trânsito. "Estamos realizando uma série de Workshops em áreas que queremos trabalhar futuramente. Já realizamos sobre mobilidade, transporte escolar, agora o de prevenção de acidentes de moto e estamos planejando para táxis e transportadoras futuramente", explica. Christiane Yared, presidente do Instituto Paz no Trânsito, perdeu o filho Gilmar Rafael, de 26 anos em 2009 no acidente de trânsito que envolveu o ex-deputado Fernando Carli Filho. "Nós atendemos as famílias das vítimas e também os infratores". Christiane critica a facilidade de acesso às motocicletas, que causa imprudência e acidentes. "Há muitos condutores de moto sequer sem Carteira de Habilitação, pois a moto é um bem fácil de ser conquistado", completa. Osmar Bueno Silveira, mesmo após ter perdido o filho Marcelo de 28 anos em um acidente de moto, optou por não vender a sua própria e continuar pilotando. "Eu já tomava cuidado

Sétima Unidade Paraná Seguro é instalada na Vila Osternack

Nossa Senhora da Luz, Sabará e Vila Verde). São três as fases para uma instalação efetiva de uma nova UPS. Previamente, ocorre uma fase de varredura e identificação de criminosos que atuam na região. Em seguida, acontece a ação de congelamento, com abordagens e detecção de possíveis anormalidades na área. A etapa seguinte é a implantação oficial da unidade, quando a polícia já tem o domínio da região. Além da manutenção de policiamento comunitária e implantação de serviços públicos, em parceria com a prefeitura do município. "A UPS do Paraná não é apenas uma ação de polícia, mas de revitalização da vida comunitária local, com uma polícia amiga, que se torna conhecida da população", diz o secretário. Almeida Cesar lembra que a estratégia é manter uma dinâmica na implantação de novas UPS, obedecendo a capacidade operacional da Polícia Militar do Paraná. Segundo o secretário da Segurança, em uma fase posterior, serão edificadas construções padrões para as sedes, com central de monitoramento e espaços que permitam atividades de interação com a comunidade, como cursos técnicos. INTERIOR Até o fim do ano, outras três unidades serão implantadas em Curitiba, totalizando dez na capital. Segundo o governador Beto Richa o projeto também será levado para cidades do interior do Estado, dentro do programa que reestruturação das forças de segurança. Por meio do programa Paraná Seguro já foram contratados 3.120 novos policiais - de um total de 12 mil que devem ser incorporados até 2014. O programa prevê também a compra de 3.200 viaturas, instalação de 400 módulos policiais móveis e construção de 95 delegacias, entre outras medidas.


8

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

Fotos: Richard Benvenutti.

Dirceu João Maschyo E-MAIL: dirceumetropole@hotmail.com

Copa Kaiser

Vai começar a Copa Kaiser, o maior campeonato amador do Paraná A competição prioriza equipes de várzea da região de Curitiba e que não são federadas, no total serão 96 times, o campeão tem o direito de disputar a edição nacional da Copa

Estiveram presentes no jantar de entrega dos uniformes para as equipes o gerente comercial da Kaiser, Jeferson Moura, Fernando Rossi, da Spaipa, o presidente da Federação Paranaense, Hélio Cury e Arion França, da bebidas Tisso

Tudo pronto para o pontapé inicial da 4ª Copa Kaiser de Curitiba, campeonato que vai reunir noventa e seis equipes da capital a partir do dia 05 de agosto. O evento é voltado para atletas amadores da capital paranaense que não sejam inscritos na Federação Paranaense de Futebol. O torneio já é consagrado como o maior campeonato de várzea organizado do Brasil e conta com o apoio e assessoria técnica da Federação Paranaense de Futebol e da Prefeitura Municipal de Curitiba. Os jogos são realizados aos domingos às 13h30 e às 15h30 em diversos campos da cidade. A Kaiser vai presentear todos os times selecionados com jogos de uniformes completos, bolas e arbitragem. A equipe campeã vai receber um prêmio de três mil reais, além de troféu e medalhas, representando a cidade de Curitiba na edição nacional da Copa Kaiser. De acordo com Ana Flavia Rodrigues, gerente de comunicação da Spaipa, o campeonato é mais uma demonstração do quanto a Kaiser e a Spaipa acreditam no desenvolvimento dos atletas amadores. “Patrocinar programas de incentivo ao esporte e vida saudável está em nossa plataforma de comunicação. Pelo quarto ano realizamos este evento que a cada ano ganha mais adeptos e já se tornou uma referência no futebol amador”. A Copa Kaiser Há 15 anos, a Kaiser organiza e patrocina o principal cam-

peonato de futebol amador do Brasil: a Copa Kaiser. A partir deste ano, o campeonato, que já revelou talentos como Ricardo Oliveira, Kleber Pereira, Zé Roberto, Serginho Chulapa, César Sampaio e Leandro Damião, passa a ser o principal foco de patrocínio da marca, com investimento 148% maior em relação a 2011. Para esta temporada, a Copa Kaiser trouxe novidades que colocam os jogadores como as verdadeiras estrelas do campeonato. Mano Menezes, o atual técnico da seleção brasileira, estará de olho naqueles que se destacarem durante os jogos e que devem formar uma seleção de craques em novembro, mês de encerramento do campeonato. Além disso, as principais partidas são agora cobertas pela equipe de esportes do UOL, um dos maiores portais de internet. “A Copa Kaiser é motivo de muito orgulho para a Cervejaria HEINEKEN, pois com tantos anos de tradição e tantos atletas que despontaram por meio dela, o campeonato se tornou referência nas cidades em que os jogos são realizados, pela sua seriedade como futebol de várzea. Entendemos que este é o melhor canal para nos comunicarmos com o público-alvo da marca Kaiser ”, afirma Mariana Stanisci, diretora de Marcas Mainstream da Cervejaria HEINEKEN. Com o objetivo de focar os investimentos na Copa Kaiser, após dois anos patrocinando a Copa Libertadores da América, a Kaiser optou por não

Mais de 200 pessoas estiveram presentes na abertura da Copa Kaiser 2012

Rodada Intermunicipal Master 35 e Seniores 45

Na edição de 2012 o campeão foi o Santíssima Trindade

Bordignon x Grêmio Ipiranga (Seniores) – às 13h45 XV de Pinhais x Gessopar (Master) – às 15h45 Local: Campo dos Garotos Unidos – Pinhais. Paissandu x Unidos Vila Hauer (Seniores) – às 13h45 GERA de Pinhais x Barça (Master) – às 15h45 Local: Maria Antonieta – Pinhais. Inter de Pinhais x Grupo dos XV (Master) – às 13h45 Grupo dos XV x Sergipe (Seniores) – às 15h45 Local: Amocra – Pinhais. Crystal x Grêmio Negritude (Master) – às 13h45 Vila Nova x Juventude (Seniores) – às 15h45 Local: C.T do Grêmio do Ganchinho. Rio Negro x Terrassis (Master) – às 10h Real Clube Pinhais x Barra Preto ( Seniores) – às 11h30 Local: C.T do Grêmio do Ganchinho.

Rodada da Associação Paranaense do Esporte

O campeonato incentiva times não federados, como o Clube Atlético Internacional, do Uberaba, fundado em 1967 e que participa pela terceira vez da Copa, estreia contra o DPS EC no campo do Iguaçu às 13h30

renovar o contrato para alavancar ainda mais o investimento em seu campeonato proprietário. A Copa Kaiser realiza anualmente mais de 1.200 partidas e conta com um público superior a 1,5 milhão de pessoas. Neste ano, o campeonato é realizado nas ci-

dades de São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), São José do Rio Preto (SP), Blumenau (SC) e Porto Alegre (RS). Confira a tabela completa dos jogos do site da F.P.F. www.federacaopr.com.br. (Colaboração Rubens Binder, assessoria de imprensa).

Rodada Cinquentinha – 2ª fase – 3ª rodada – hoje às 10h. Zezitos/Morgenau x Capão Raso (Amafemo) Zezitos x Op Pilarzinho (Flamengo) Vasco da Gama x Flamengo (Vasco) União Nova Orleans x CA Milan (Orleans) Malharia Cristiane x Vila Fanny (Ganchinho) Triestre x Costeira (Maria Antonieta) Santa Quitéria x União Caiuá (S.Quitéria) Sant Trindade x Botafogo (Parque Linear) Quarentinhas – Domingo – 05/08 – às 10h. Milan x Bola de Ouro (Moacir Tomelin - SJ dos Pinhais). Juventude x Flamengo/São Bráz (Paulo Vicente Berlezi – Parque Castelo Branco) Imperial x Vila Sandra (Imperial no Jardim Adriana em Colombo) Gralha Azul x Vila Torres (Rio Verde) Rio Negro x Sant Trindade (Leões). Quinta Feira dia 09/08 – às 20h. União Nova Orleans x GERA (Orleans)


| 4 e 5 de agosto de 2012 |

9

Atlético faz último treino antes da partida contra o São Caetano O Atlético Paranaense treinou na manhã de ontem (03) visando o jogo contra o São Caetano, que será disputado hoje (04) no estádio Gigante do Itiberê, em Paranaguá, às 16h20, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Após garantir os três pontos na partida contra o Guaratinguetá, na última terça-feira (31), o Furacão chegou aos 20 pontos na competição e diminuiu para seis a diferença para chegar ao G-4. Na manhã de ontem (03), o técnico Jorginho foi a campo com os jogadores para realizar um treino tático com a

equipe, seguido de cobranças de escanteios e faltas laterais, tanto ofensivas quanto defensivas. Para embalar novamente no Brasileiro, o Furacão terá de vencer São Caetano no "jogo de seis pontos". O São Caetano vem de um empate por 0 x 0 em casa contra o Vitória. Com o resultado, o Azulão ocupa a quinta colocação da competição, com 26 pontos ganhos em 14 jogos, com sete vitórias e cinco empates. Desde a tarde de ontem, o elenco está concentrado no CT do Caju, onde fica até a saída para Paranaguá, que acontece hoje logo após o almoço.

Foto Gustavo Oliveira/CAP

Desta vez, Furacão tem que vencer o time paulista para embalar no Brasileirão

Técnico Jorginho orienta jogadores no CT do Caju

Vôlei Feminino do Paraná Coritiba joga Clube não leva o primeiro turno amanhã no Couto Pereira A equipe feminina de voleibol do Tricolor, que vinha de uma sequência de quatro vitórias e tinha boas chances de conquistar o 1º turno do Torneio Regional, pecou nos erros e acabou derrotada por três sets a zero pela equipe de Araucária. A partida aconteceu na última quinta-feira (2), às 19h, no Ginásio da Sede Social (Kennedy). Com um clima nervoso, o primeiro set viu a equipe visitante abrir 16/10 contra o Paraná Clube/UniBrasil. As meninas paranistas, no entanto, reagiram e chegaram a empatar por 21/21. Mas não teve jeito: as adversárias fecharam 25/ 21. O segundo set começou bem para o Paraná, que chegou a abrir sete pontos de vantagem. O excesso de erros, e a boa atuação das adversárias, fez com que o Araucária virasse, vencendo novamente por 25/21. O último set mostrou um equilíbrio inicial, mas fechou 25/20 para o time visitante. O técnico paranista, Fábio de Almeida, apesar de reconhecer a má atuação no jogo, lembrou que "foi um caso isolado", afinal as meninas vinham de ótima campanha e estavam invictas na competição. Agora elas precisam vencer o 2º turno, que começa no final de agosto, para disputar a decisão do torneio. Na próxima semana, as meninas do vôlei disputam a 5ª etapa do Estadual. Os jogos serão sexta (10) contra o Cascavel; sábado (11) contra o Londrina; e domingo (12) contra o Araucária. As partidas terão transmissão ao vivo pelo site da Federação Paranaense de Voleibol.

Apesar da boa campanha, Tricolor perde para Araucária

Coritiba recebe o Fluminense amanhã, no Alto da Glória

Tricolor fecha preparação para jogo de hoje à noite De olho no Brasileirão e tentando mais uma vitória fora de casa, o Tricolor da Vila Capanema fechou na tarde de ontem a preparação para a partida desta noite (4), contra o ABC de Natal, no Estádio Frasqueirão, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Um último treino foi realizado no período da tarde de ontem (3), na Vila Olímpica do Boqueirão. O meia Maicon, liberado pelo departamento médico, é uma das opções para o

confronto deste final de semana. Depois dos treinos da sextafeira, o técnico Ricardinho concedeu entrevista na sala de imprensa do clube e, em seguida, acompanhou os jogadores até o Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, onde embarcaram para o Nordeste. O Paraná enfrenta o ABC-RN às 21h, hoje (4). ARBITRAGEM A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) definiu a escala de arbitragem para a partida desta noite, entre Paraná

Paraná fez o último treino ontem antes de embarcar Clube e ABC. O árbitro Fran- za (CE) e Carolina Romanholi cisco de Assis de Almeida Filho Melo (CE). O quarto árbitro (CE) será auxiliado pelos assis- será Leandro Saraiva Dantas de tentes Armando Lopes de Sou- Oliveira (RN).

Tentando se reabilitar no Brasileirão, a equipe do Coritiba recebe o Fluminense, amanhã (5), no Estádio Couto Pereira. A partida é válida pela 14ª rodada da Série A e está marcada para as 16 horas. Nesta partida, o alviverde busca conquistar três pontos em casa para continuar subindo na tabela do campeonato. As duas equipes já jogaram 30 vezes em competições e, desses jogos, o Coritiba venceu 14. O Fluminense levou a melhor em outras nove partidas. Os empates são sete até agora. O Coritiba ocupa a 12ª posição na tabela, com 15 pontos ganhos em 13 jogos, atrás do Flamengo, que tem 16 pontos ganhos.


10

| 4 e 5 de agosto de 2012 |

Editoração: Chico Lustosa - e-mail: composicao@metropolesjp.com.br / lustosa@onda.com.br

Kia exibe novo Cerato por inteiro Nova geração do sedã será apresentada no Salão de Paris (França), em setembro

Volkswagen Golf VII será comercializado em setembro Com início de produção agendado na Alemanha, o Volkswagen Golf VII tem estreia confirmada para o Salão de Paris, segundo informações oficiais. No entanto, de acordo com o jornal Wolfsburger Allgemeine Zeitung, a premiere mundial do hatch será em Berlim, no próximo dia 4 de setembro, 25 dias antes do motorshow francês. A apresentação seria em um evento especial na Neue Berlim Nationalgalerie - nova galeria

nacional de arte moderna. Os flagras conseguidos até o momento indicam que o modelo não terá mudanças drásticas no visual. A principal novidade está na parte de baixo. O modelo usará a nova plataforma da Volkswagen MQB -, já confirmada também para as novas gerações do Audi A3 e do Seat Leon. Segundo o jornal, não há confirmação se na premiere alemã será apresentado o carro ou apenas vídeos e fotos do novo Golf.

Beetle fica com cara de mau nas mãos da ABT Sportsline Após modificar dois modelos da Audi, o A1 e o A7, a ABT voltou suas atenções para os veículos da Volkswagen. A preparadora, especializada em mexer nos carros alemães, mostrou seu novo pacote de atualizações para o Beetle. Começando pelo motor, o 2.0 litros TDI ganhou 30 cv de potência em relação ao modelo de série depois de um remapeamento e agora chega aos 170 cv . Graças à potência extra, o compacto acelera de 0 a 100 km/h em 8,8 segundos, 0,6 mais rápido que a versão padrão. Além das mudanças debaixo do capô, o “besouro” ganhou um bodykit aerodinâmico, máscara nos farois para deixar o veículo com cara de mau, suspensão esportiva, freios de alto desempenho e rodas de liga leve de 20 polegadas.

Após divulgar esboços e imagens de algumas partes do Kia Cerato, a fabricante coreana revelou na segundafeira (30) a novidade por completa. Conhecido em alguns mercados como o nome de Forte, a nova geração do sedã estreará na Coreia com o nome de K3. A apresentação mundial do modelo está marcada para o Salão de Paris (França), no próximo mês de setembro. As vendas, porém, devem ter início somente em 2013. Observando as imagens e comparando o design com o da geração atual, é possível notar que o modelo foi totalmente renovado, ganhando linhas mais agressivas e esportivas. Mesmo assim, os traços do modelo continuam seguindo a atual tendência de design da Kia, obra do chefe de design da marca, Peter Schreyer. A Kia fez questão de destacar que duas novas configurações de carroceria estão entre as novidades da nova geração do modelo. São elas, uma hatchback de quatro portas e outra cupê de duas portas. Modelo mais vendido pela Kia no mundo em 2011, o Cerato somou no período, 445 mil exemplares comercializados. Atualmente, ele é oferecido no Brasil em duas configurações, a sedã partindo de R$ 58.200 e a versão cupê, a Koup por R$ 83.900.

3 3 8 3 - 6 6 5 0


metropole4-8-12