Issuu on Google+

| Quinta-feira, 24 de março de 2011 |

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

15

PREFEITURA DE COLOMBO ESTADO DO PARANÁ

PORTARIA n° 24/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal MARCIA REGINA PIANTEK, RG: 4.091.591-5/PR, CPF: 567.706.349-53, no cargo de ASSISTENTE DE ALUNOS, sob matrícula n° 3298, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 14/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

SANDRA MARA BONTORIN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 25/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal NEIDINA NOBREGA DA SILVA, RG: 1.689.662-4/PR, CPF: 583.541.829-91, no cargo de AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, sob matrícula n° 3831, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 17/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

SANDRA MARA BONTORIN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 026/2011 O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal DURCILIA TEREZINHA KOTOVICZ, RG: 246,912/SC, CPF: 202.061.60178, no cargo de Auxiliar de Serviços Gerais, sob matrícula nº. 5767, como dispõe o art. 40 §1º, Inc. III “b” da Constituição Federal e art. 33 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 25/ 2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de Março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 027/2011 O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal DIRCE ELIAS PEREIRA, RG: 1.767.621/PR, CPF: 561.661.179-49, no cargo de Auxiliar de Serviços Gerais, sob matrícula nº. 4147, como dispõe o art. 40 §1º, Inc. III “b” da Constituição Federal e art. 33 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 27/ 2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de Março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 28/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 ao Servidor Público Municipal JOSÉ ORLANDO DOS SANTOS, RG: 2.076.650/PR, CPF: 185.303.629-34, no cargo de SERVENTE, sob matrícula n° 6323, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 28/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 29/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 ao Servidor Público Municipal MARIA

DE LOURDES BECHER, RG: 1.213.807/PR, CPF: 355.087.879-68, no cargo de AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, sob matrícula n° 1375, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/ 2006, conforme Processo Administrativo sob n° 30/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 30/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal BEATRIZ DE FATIMA GURSKI, RG: 3.326.798-3/PR, CPF: 510.489.309-04, no cargo de OPERADOR DE CAIXA, sob matrícula n° 4769, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 31/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

SANDRA MARA BONTORIN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 31/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal ELIANA MARIA ROSA, RG: 1.583.719-5/PR, CPF: 321.823.929-04, no cargo de EDUCADOR INFANTIL, sob matrícula n° 2421, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 32/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 32/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal SELITA JANDREY BOITA, RG: 3.927.119-2/PR, CPF: 609.205.059-53, no cargo de AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, sob matrícula n° 2294, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 38/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

SANDRA MARA BONTORIN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 33/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal JORGE SILVA CUNHA, RG: 16.168.336, CPF: 052.136.798-03, no cargo de TECNICO EM ENFERMAGEM, sob matrícula n° 7764, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 39/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/ 2006 a Servidora Pública Municipal TELMARI DO PILAR BERO BATISTA, RG: 1.447.541-9/PR, CPF: 232,122,929-20, no cargo de PROFESSORA, sob matrícula nº. 4479, como dispõe o art. 06º da Emenda Constitucional nº. 41/2003, conforme Processo Administrativo sob n° 41 /2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido a isonomia e paridade com o servidor na atividade. Dê-se publicidade Colombo, 21 de Março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 36/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal ROSE MARIA WESTLEI DE BRITO, RG: 6.250.884-1, CPF: 830.123.469-53, no cargo de AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, sob matrícula n° 4549, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 42/ 2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 37/2011 A COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Por Invalidez, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal ARIADNA APARECIDA DE LIMA, RG: 5.778.543-8, CPF: 977.912.029-72, no cargo de AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, sob matrícula n° 7844, com fulcro no Art. 40, §1º, inc. I da Constituição Federal e Artigo 30 da Lei Municipal 960/2006, conforme Processo Administrativo sob n° 43/ 2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexa ao Processo. Sendo garantido reajustamento do benefício para manter o valor real de acordo com o Art. 40º § 8º da Constituição Federal. Dê-se publicidade Colombo, 21 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 038/2010 O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/ 2006 a Servidora Pública Municipal ANGELA MARIA OLIVEIRA DOS SANTOS, RG: 1.032.802-0/PR, CPF: 302.340.509-34, no cargo de PROFESSORA, sob matrícula nº. 4275, como dispõe o art. 06º da Emenda Constitucional nº. 41/2003, conforme Processo Administrativo sob n° 45/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido a isonomia e paridade com o servidor na atividade. Dê-se publicidade Colombo, 21 de Março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

SANDRA MARA BONTORIN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 039/2010 O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/ 2006 a Servidora Pública Municipal MARLI RIBEIRO YANO, RG: 1.997.6165/PR, CPF: 015.431.369-66, no cargo de PROFESSORA, sob matrícula nº. 1564, como dispõe o art. 06º da Emenda Constitucional nº. 41/2003, conforme Processo Administrativo sob n° 49/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido a isonomia e paridade com o servidor na atividade. Dê-se publicidade

PORTARIA n° 034/2010 Colombo, 21 de Março de 2011. O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/2006 a Servidora Pública Municipal TERESINHA APARECIDA DE OLIVEIRA, RG: 2.061.672-5/PR, CPF: 401.365.909-34, no cargo de PROFESSORA, sob matrícula nº. 2100, como dispõe o art. 06º da Emenda Constitucional nº. 41/ 2003, conforme Processo Administrativo sob n° 40/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido a isonomia e paridade com o servidor na atividade. Dê-se publicidade Colombo, 21 de Março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 035/2010 O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006,

JOSÉ ANTONIO CAMARGO PREFEITO MUNICIPAL

SANDRA MARA BONTORIN DIRETORA PREVIDENCIÁRIA

PORTARIA n° 040/2010 O COLOMBO PREVIDÊNCIA – PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE COLOMBO, Pelo Chefe do Poder Executivo e pela Diretora Previdenciária, no uso das atribuições que lhes são conferidas pela lei n. 960/2006, RESOLVE: Conceder Aposentadoria Voluntária Por Idade e Tempo de Contribuição, na forma da Lei 960/ 2006 a Servidora Pública Municipal JUREMA DO CARMO LINO, RG: 1.848.787-0/PR, CPF: 391.887.879-15, no cargo de PROFESSORA, sob matrícula nº. 1056, como dispõe o art. 06º da Emenda Constitucional nº. 41/2003, conforme Processo Administrativo sob n° 50/2011, percebendo proventos mensais de acordo com Planilha de Cálculo de Proventos anexas ao Processo. Sendo garantido a isonomia e paridade com o servidor na atividade. Dê-se publicidade Colombo, 21 de Março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO SANDRA MARA BONTORIN PREFEITO MUNICIPAL DIRETORA PREVIDENCIÁRIA


16

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

| Quinta-feira, 24 de março de 2011 |

PREFEITURA DE COLOMBO ESTADO DO PARANÁ EXTRATO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO.

EXTRATO DO CONTRATO

PROCESSO Nº: PARTES:

Processo n°. Inexigibilidade nº Contrato nº. Valor:

1070939/ inexigibilidade 10/2011. Município de Colombo/PR - Associação para o Desenvolvimento da Agroecologia - AOPA OBJETO: Aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para a Rede Municipal de Ensino, através do Chamamento Público 03/2010. VALOR: O valor Maximo da Inexigibilidade é R$866.385,00 (oitocentos e sessenta e seis mil trezentos e oitenta e cinco reais). Pagará o contratante à contratada R$ 603.780,00 (seiscentos e três mil setecentos e oitenta reais). PRAZO: Imediato EMBASAMENTO LEGAL: Artigo 25. Inciso II Lei nº 8.666/93. DATA 23/03/2011

Objeto:

Contratante: Contratado:

Vigência: Data: Secretária:

1070939/2010 10/2011 083/2011 R$ 603.780,00 (Seiscentos e três mil setecentos e oitenta reais). Aquisição de GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARAALIMENTAÇÃO ESCOLAR, para alunos da rede municipal de ensino do Município de Colombo, verba FNDE/PNAE. Município de Colombo - Secretaria Municipal da Educação, Cultura e Esportes. COOPERATIVA DOS AGRICULTORES FAMILIARES DA COLONIA CASTELHANOS - CNPJ sob n.º 08.428.520/ 0001-01 12 (doze) meses. 23 de março de 2011. Dirlei Ribeiro Elias

Aviso de Errata de Licitação Edital – Pregão Presencial Nº. 015/2011 Objeto: Aquisição de materiais e equipamentos de alarmes/vigilância eletrônica através de REGISTRO DE PREÇO para as dependências dos órgãos e entidades da Administração Pública da Prefeitura de Colombo conforme quantidades e especificações constantes no Anexo VI, que integra o Edital. Comunicamos aos senhores licitantes que o referido Pregão Presencial foi transferido para o dia 7 de abril de 2011 às 14:00 horas, devido as correções constantes na ERRATA publicada no site:www.colombo.pr.gov.br. Colombo, 21 de março de 2011. José Antonio Camargo Prefeito Municipal

EXTRATO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO. PROCESSO Nº: PARTES:

1070939/ inexigibilidade 10/2011. Município de Colombo/PR - Cooperativa dos Agricultores Familiares da Colônia Castelhanos OBJETO: Aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para a Rede Municipal de Ensino, através do Chamamento Público 03/2010. VALOR: O valor Maximo da Inexigibilidade é R$866.385,00 (oitocentos e sessenta e seis mil trezentos e oitenta e cinco reais). Pagará o contratante à contratada R$ 90.000,00 (noventa mil reais). PRAZO: Imediato EMBASAMENTO LEGAL: Artigo 25. Inciso II Lei nº 8.666/93. DATA 23/03/2011

EXTRATO DO CONTRATO Processo n°. Inexibilidade nº Contrato nº. Valor Objeto:

Contratante: Contratado:

EXTRATO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO. PROCESSO Nº: PARTES:

1070939/ inexigibilidade 10/2011. Município de Colombo/PR - Cooperativa Alimentar e Agricultura Solidária de São José dos Pinhais COPASOL OBJETO: Aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para a Rede Municipal de Ensino, através do Chamamento Público 03/2010. VALOR: O valor Maximo da Inexigibilidade é R$866.385,00 (oitocentos e sessenta e seis mil trezentos e oitenta e cinco reais). Pagará o contratante à contratada R$ 172.605,00 (cento e setenta e dois mil seiscentos e cinco reais). PRAZO: Imediato EMBASAMENTO LEGAL: Artigo 25. Inciso II Lei nº 8.666/93. DATA 23/03/2011

Vigência: Data: Secretária:

Processo n°. Contrato Inexigibilidade nº. Valor Objeto:

Contratante:

Vigência: Data: Secretária:

VALOR:

DOTAÇÃO:

PRAZO:

DATA ASSINATURA

Nº 036/2011. DISPENSA DE LICITAÇÃO 13/2011. Município de Colombo/PR e Flavio Luis Tosin Locação do Imóvel situado à Rua José Cavassin, 382 - Centro - Colombo/PR. - para utilização do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) Sede. R$ 23.520,00 (vinte e três mil, quinhentos e vinte reais), pelos 24 (vinte e quatro) meses de locação. As despesas decorrentes do presente contrato serão atendidas através dos recursos de dotação orçamentária de 2011, LOA 1201/2010 - DO. 09.01.08.244.0025.2080.339036 - Desdobramento 15.00 (locação de imóveis) - Fonte de Recurso 0.1.000. O prazo de locação deste contrato será de 24 (vinte e quatro) meses, com início em 01 de março de 2011 à 28 de fevereiro de 2013 01 de março de 2011 Denise Helena G. Camargo

1070939/2010 085/2011 010/2011 R$ 90.000,00 (Noventa mil reais). Aquisição de GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARAALIMENTAÇÃO ESCOLAR, para alunos da rede municipal de ensino do Município de Colombo, verba FNDE/PNAE. Município de Colombo - Secretaria Municipal da Educação, Cultura e Esportes. COOPERATIVA DE PROCESSAMENTO DOS AGRICULTORES FAMILIARES DA COLÔNIA CASTELHANOS CNPJ sob n.º 08.428.520/0001-01 12 (doze) meses. 23 de março de 2011. Dirlei Ribeiro Elias

EXTRATO DE CONTRATO DE LOCAÇÃO CONTRATO: PROCESSO: PARTES: OBJETO:

VALOR:

DOTAÇÃO:

EXTRATO DE CONTRATO DE LOCAÇÃO CONTRATO: PROCESSO: PARTES: OBJETO:

Objeto: Contratação de empresa Especializada para ministrar aulas de Curso pré-vestibular para 200 (duzentos) munícipes de Colombo, de baixa renda, em período noturno, com carga horária total de 600 horas /aula, conforme termo de referencia anexo ao edital. Data: 25 de abril de 2011, Às 09:00 Horas. Local de Abertura: Sede da Prefeitura Municipal de Colombo Preço Máximo: Constante no Edital. Critério de Julgamento: Técnica e Preço. Informações Complementares poderão ser obtidas na Secretaria Municipal da Administração, sito a Rua XV de Novembro Nº. 105, Centro, Colombo - Paraná, ou pelos fones: (041) 3656–8002 Ou 3656–8112 ou pelo site: www.colombo.pr.gov.br. Colombo, 22 de março de 2011. José Antonio Camargo Prefeito Municipal

EXTRATO DO CONTRATO

Contratado: EXTRATO DA 4ª PUBLICAÇÃO DA ATA DE REGISTR DE PREÇO Processo - N° N. 1051049/ 2010 Licitação PREGÃO PRESENCIAL - 053/2010 Ata Registro de Preço 102/2010 Valor VALOR TOTAL: R$ 37.350,00 (trinta e sete mil trezentos e cinqüenta reais). Objeto: Contratação de Empresa especializada para fornecer COFFEE BREAK para atender a eventos da Prefeitura Municipal de Colombo, conforme quantidades e especificações constantes do Anexo VI, que integra o presente Edital. Contratante: Município de Colombo, Secretária Municipal de Administração. Contratado: FESTA FACIL PANIFICADORA E CONFEITARIA LTDA-ME - 06.191.297/0001-04 Vigência: 16 de junho de 2010 a 16 de junho 2011 Data da 4ª Publicação: Colombo, 23 de março de 2011. Assinatura: José Antonio Camargo - Prefeito Municipal

1070939/2010 10/2011 084/2011 R$ 172.605,00 (Cento e setenta e dois mil seiscentos e cinco reais). Aquisição de GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARAALIMENTAÇÃO ESCOLAR, para alunos da rede municipal de ensino do Município de Colombo, verba FNDE/PNAE. Município de Colombo - Secretaria Municipal da Educação, Cultura e Esportes. COOPERATIVA DE PROCESSAMENTO ALIMENTAR E AGRICULTURA SOLIDÁRIA DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS - COP&SOL - CNPJ sob n.º 07.142.331/000105 12 (doze) meses. 23 de março de 2011. Dirlei Ribeiro Elias

Aviso de Licitação Edital – Tomada de Preços Nº. 002/2011

PRAZO:

DATA ASSINATURA

Nº 037/2011. DISPENSA DE LICITAÇÃO 15/2011. Município de Colombo/PR e Augustinho José de Borba Locação do Imóvel situado à Floripa Mulmann, 579, Atuba - Colombo/PR. - para utilização do Centro de Convivência Vó Eliza. R$ 15.768,00 (quinze mil, setecentos e sessenta e oito reais), pelos 24 (vinte e quatro) meses de locação. As despesas decorrentes do presente contrato serão atendidas através dos recursos de dotação orçamentária de 2011, LOA 1201/2010 - DO. 09.01.08.241.0026.2086.339036 - Desdobramento 15.00 (locação de imóveis) - Fonte de Recurso 0.1.000. O prazo de locação deste contrato será de 24 (vinte e quatro) meses, com início em 01 de março de 2011 à 28 de fevereiro de 2013 01 de março de 2011 Denise Helena G. Camargo

EXTRATO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO. PROCESSO Nº: PARTES:

1081722/ dispensa 28/2011. Município de Colombo/PR e Datacompy Informática Ltda. OBJETO: Contratação emergencial de serviço de impressão a laser de Holerites, Carnes de IPTU e Boletos para Cobrança da Coleta de Lixo. VALOR: Pagará o Contratante a Contratada, a importância de R$ 29.790,00(vinte e nove mil setecentos e noventa reais). PRAZO: Imediato EMBASAMENTO LEGAL: Artigo 24. Inciso IV Lei nº 8.666/93. DATA 23/03/2011

ADJUDICAÇÃO Processo Administrativo nº. 1073685 O PREGOEIRO, designado pela Portaria nº. 215/2010 do Prefeito Municipal de Colombo, adjudica o procedimento licitatório PREGÃO PRESENCIAL Nº. 014/2011, que tem por objeto a contratação de empresa especializada em manutenção preventiva e corretiva nos equipamentos dos Laboratórios de Informática e Secretarias das Escolas da Rede Municipal de ensino do Município de Colombo conforme quantidades e especificações constantes do Anexo VI que integra o Edital. PROPONENTE: HOT SWAP INFORMATICA LTDA EPP – Lote 001 – R$ 47.700,00 (quarenta e sete mil e setecentos reais). SERVIÇOS: Constantes no edital. PRAZO DE VIGENCIA: 13 (treze) meses, a partir da data de assinatura do contrato e emissão da ordem de serviço. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO: Os pagamentos serão efetuados através da Secretaria Municipal da Administração, 20 (vinte) dias após a execução dos serviços e emissão das notas fiscais. Colombo, 23 de março de 2011. Dê-se publicidade; JOSE CARLOS VIEIRA Pregoeiro

ADJUDICAÇÃO Processo Administrativo nº. 1061819 O PREGOEIRO, designado pela Portaria nº. 215/2010 do Prefeito Municipal de Colombo, adjudica o procedimento licitatório PREGÃO PRESENCIAL Nº. 138/2010, que tem por objeto a Contratação de Empresa para fornecimento através do SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS de KITS DE MATERIAL ESCOLAR, a ser distribuído aos alunos da rede municipal de ensino no ano de 2011, conforme quantidade descrita no Anexo II e especificações constantes do Anexo I, que integram o Edital. LOTE: 02 – MOCHILA E ESTOJO ESCOLAR PROPONENTE: GIRO INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. VALOR: R$ 840.000,00 (Oitocentos e quarenta mil reais). PRODUTOS: Constantes no edital. PRAZO DE ENTREGA: até 60 (sessenta) dias, contados a partir do recebimento da Ordem de Compra / Nota de Empenho; CONDIÇÕES DE PAGAMENTO: Os pagamentos serão efetuados através da Secretaria Municipal da Administração, 20 (vinte) dias após a apresentação das notas fiscais. Colombo, 23 de março de 2011. Dê-se publicidade; JOSÉ CARLOS VIEIRA Pregoeiro


| Quinta-feira, 24 de março de 2011 |

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

17

CÂMARA DE COLOMBO

PREFEITURA DE COLOMBO ESTADO DO PARANÁ

Estado do Paraná

DECRETO Nº. 2344/2011

AVISO DE LICITAÇÃO SÚMULA: "Autoriza o Executivo Municipal a abrir Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 560.000,00 (Quinhentos e sessenta mil reais)". José Antonio Camargo, Prefeito Municipal de Colombo, Estado do Paraná, usando de suas atribuições legais, com base na Lei Federal nº 4.320/64 e na Lei Municipal nº 1.201/2010, decreta:

TOMADA DE PREÇO N.º 04/2011 TIPO: MENOR PREÇO

Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir crédito adicional suplementar no valor de R$ 560.0000,00 (Quinhentos e sessenta mil reais), como segue: 07 01 12.361.0010.2.055 33.90.32 3.3.158 12.365.0014.2.058 33.90.32 3.3.158

SUPLEMENTAÇÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇAO, CULTURA E ESPORTES DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROGRAMA MERENDA ESCOLAR/PNAE/FNDE Material, bem ou serviço para distribuição gratuita 380.000,00 FNDE/MERENDA - Exercício Anterior PROGRAMA DE ALIMENTAÇÃO DOS CMEI´S Material, bem ou serviço para distribuição gratuita 180.000,00 FNDE/MERENDA - Exercício Anterior

TOTAL SUPLEMENTAÇÃO

560.000,00

Art. 2º. Para dar cobertura ao crédito autorizado no artigo 1º, serão utilizados recursos de conformidade com as disposições da Lei 4.320, de 17 de março de 1964, artigo 43, § 1º, item I - superávit financeiro apurado do exercício anterior no valor de R$ 560.000,00(quinhentos e sessenta mil reais) Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Paço Municipal de Colombo Em 22 de março de 2011. JOSÉ ANTONIO CAMARGO Prefeito Municipal

JATOBÁ AGRICULTURA, PECUÁRIA E INDÚSTRIA S.A. CNPJ 03.434.529/0001-01

RELATÓRIO DA DIRETORIA

DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO EM 31 DE DEZEMBRO (Valores expressos em reais)

Senhores Acionistas: Em cumprimento às disposições legais e estatutárias vigentes, apresentamos e submetemos à apreciação de Vs. Ss. o Balanço Patrimonial, a Demonstração do Resultado do Exercício, a Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido, a Demonstração dos Fluxos de Caixa e as Notas Explicativas relativas ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2010, apresentado comparativamente ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2009. Permanecemos ao inteiro dispor para quaisquer esclarecimentos adicionais. Expressamos nossos agradecimentos a todos aqueles que têm participado ativamente do crescimento e desenvolvimento da empresa. Curitiba, 21 de março de 2011 Carlos Seara Muradás - Diretor Superintendente BALANÇOS PATRIMONIAIS ENCERRADO EM 31 DE DEZEMBRO - (Valores expressos em reais) ATIVO CIRCULANTE Caixa e equivalentes de caixa Contas a receber Estoques Impostos a recuperar Outros créditos NÃO CIRCULANTE Títulos e créditos a receber Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos Créditos com coligadas Depósitos judiciais Investimentos Imobilizado

Total do Ativo

2010

2009

44.026.445 2.253.400 40.475.514 2.627.569 2.092.073 91.475.001

51.745.378 2.648.989 30.522.247 2.772.386 2.032.302 89.721.302

771.148

700.578

6.259.189 11.040.352 337.174 28.145.345 149.984.822 196.538.030

3.119.485 12.090.439 337.174 22.737.442 149.076.739 188.061.857

288.013.031

PASSIVO CIRCULANTE Fornecedores Salários e encargos a pagar Tributos e contribuições sociais Títulos a pagar Outras contas a pagar NÃOCIRCULANTE Débitos com coligadas Débitos com acionistas Financiamentos Débitos tributários - REFIS Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos PATRIMÔNIOLÍQUIDO Capital social Reservas de capital Reservas de lucros Reservas para investimentos Prejuízos acumulados TotaldoPassivo

277.783.159

2010

2009

3.081.429 144.012 93.167 3.944.604 177.650 7.440.862

1.582.822 97.509 190.245 8.048.777 117.912 10.037.265

23.160 21.741.575 189.328 1.046.907

23.160 21.740.651 283.588 1.049.307

14.404.641 37.405.611

7.176.645 30.273.351

62.000.000 409.197 148.201 182.665.342 (2.056.182) 243.166.558 288.013.031

2.000.000 60.409.197 148.201 182.665.342 (7.750.197) 237.472.543 277.783.159

DEMONSTRAÇÃO DAS MUTAÇÕES DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO - (Valores expressos em reais) Capital realizado

Reserva de capital

Reserva de lucro

Reserva para investimentos

SALDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2008

2.000.000

60.409.197

148.201

182.665.342

Prejuízo do exercício SALDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2009

2.000.000

60.409.197

148.201

(7.750.197) 182.665.342

(7.750.197) (7.750.197)

60.000.000

(60.000.000)

-

62.000.000

409.197

148.201

5.694.015 182.665.342

5.694.015 (2.056.182)

Aumento de capital Lucro do exercício SALDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010

Lucros (prejuízos) acumulados

Total 245.222.740 237.472.543 243.166.558

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DOS EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 (Valores expressos em reais) 1. CONTEXTO OPERACIONAL A JATOBÁ AGRICULTURA, PECUÁRIA E INDÚSTRIA S.A. tem como atividade preponderante a agropecuária e a locação de imóveis próprios. 2. APRESENTAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS As demonstrações financeiras foram elaboradas e estão sendo apresentadas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil. Na elaboração das demonstrações financeiras é necessário utilizar estimativas para contabilizar certos ativos, passivos e outras transações. As demonstrações financeiras da sociedade incluem, portanto, estimativas referentes à valoração dos estoques bovinos, depreciação do ativo imobilizado, provisões para imposto de renda e contribuição social e demais provisões para refletir as expectativas de recebimentos e pagamentos. Os resultados reais podem apresentar variações em relação às estimativas. Alteração na Lei das Sociedades por Ações As demonstrações financeiras incorporam as alterações introduzidas pela Lei nº 11.941/ 09 e consequentes pronunciamentos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis, os quais modificaram parte das práticas contábeis adotadas no Brasil, visando à atualização da legislação societária brasileira para possibilitar o processo de convergência das práticas contábeis adotadas no Brasil com aquelas constantes nas normas internacionais de contabilidade que são emitidas pelo “International Accounting Standard Board - IASB”. 3. SUMÁRIO DAS PRINCIPAIS PRÁTICAS CONTÁBEIS a) Apuração do Resultado – O resultado das operações é apurado em conformidade com o regime contábil de competência de exercício. A receita de venda de produtos é reconhecida no resultado quando todos os riscos e benefícios inerentes ao produto são transferidos para o comprador. b) Caixa e equivalentes de caixa – Consideram recursos em caixa, depósitos bancários e investimentos de curto prazo de alta liquidez e com risco mínimo de perda de valor. c) Contas a receber de clientes – As contas a receber de clientes são reconhecidas pelo montante original das vendas e créditos constituídos. A provisão para créditos de liquidação duvidosa não foi constituída, pois a administração entende como integralmente realizáveis os créditos a receber. d) Estoques – Estão avaliados ao custo médio de aquisição, não excedendo os valores de mercado e não existindo estoques obsoletos significativos. Os estoques de bovinos (corte) são avaliados a valor de mercado, conforme faculta a NBC - T - 4 do CFC. e) Partes relacionadas – Os saldos mantidos com partes relacionadas estão de acordo com os contratos de mútuos firmados com sociedades controlada e coligada. f) Investimentos em controladas - Os investimentos nas sociedades controladas são reconhecidos pelo método da equivalência patrimonial. g) Imobilizado – O imobilizado está registrado pelo custo de aquisição deduzido da correspondente depreciação que é computada levando em consideração a vida útil e econômica dos bens. Determinados bens foram reavaliados nos anos anteriores por peritos avaliadores independentes, entretanto, em 2008, em virtude das alterações nas regras contábeis, a reavaliação foi revertida contabilmente. h) Passivos – Reconhecidos no balanço quando a sociedade possui obrigação legal ou como resultado de eventos passados, sendo provável que recursos econômicos sejam requeridos para liquidá-los. i) Imposto de renda e contribuição social diferidos – Os impostos diferidos ativo foram calculados sobre os prejuízos fiscais e a base negativa de contribuição social. Os impostos diferidos passivo foram calculados sobre as diferenças temporárias entre as bases de cálculo do IRPJ e da CSLL e os valores contábeis das demonstrações financeiras. As alíquotas atuais dos tributos em questão são as usadas para se determinar os valores diferidos, 25% para o Imposto de Renda e 9% para a Contribuição Social. Impostos diferidos ativos são reconhecidos na extensão em que seja provável que o lucro futuro tributável esteja disponível para ser usado na compensação das diferenças temporárias, com base em projeções de resultados futuros elaboradas e fundamentadas em premissas internas e em cenários econômicos futuros que podem, portanto, sofrer alterações. j) Capital social – É composto por ações ordinárias nominativas sem valor nominal, e registrado no patrimônio líquido. k) Reservas – As reservas são determinadas segundo as previsões societárias, sendo: A reserva legal é calculada na base de 5% do lucro líquido do exercício. A reserva para futuro aumento de capital destina-se a atualizar o capital social da companhia. Reserva para investimentos destina-se a suportar projetos futuros de expansão. l) Regime Tributário de Transição - Para fins de apuração do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre os resultados dos exercícios de 2008 e 2009, a sociedade optou pelo Regime Tributário de Transição - RTT, de tal forma a eliminar os efeitos contábeis decorrentes da Lei 11638/07 e da MP 449/08 por meio de registros no Livro de Apuração do Lucro Real - LALUR e controles auxiliares, sem modificação da escrituração mercantil. 4. ESTOQUES 2010 2009 Composição dos estoques Bovinos 40.251.903 29.972.946 Eqüinos 13.374 13.374 Milho 29.959 210.237 505.968 Soja 40.475.514 30.522.247 Total 5. INVESTIMENTOS

Em 31 de dezembro de 2009 . Fast Flight Taxi Aéreo Ltda Em 31 de dezembro de 2010 . Fast Flight Taxi Aéreo Ltda . Granito Negócios Imobiliários Ltda Movimentação dos investimentos Saldos em 31 de dezembro de 2008 . Ajuste de equivalência patrimonial Saldos em 31 de dezembro de 2009 . Integralização de capital com créditos. . Integralização de capital com bens imóveis. . Equivalência patrimonial Saldos em 31 de dezembro de 2010

Quantidade de quotas

%de participação no capital integralizado

Patrimônio líquido

35.294.000

99,98

22.661.288

(3.626.872)

35.294.000

99,98

20.860.518

(4.125.796) 3.088.528

Resultado do exercício

6.215.285

32,00

22.525.980

Fast Flight

Granito

Outros

Total

26.282.903

-

80.686

26.363.589

(3.626.147)

-

-

(3.626.147)

80.686

22.737.442

22.656.756 2.324.560

2.324.560

(4.124.970)

6.215.285 993.028

-

6.215.285 3.131.942)

20.856.346

7.208.313

80.686

28.145.345

6. IMOBILIZADO Custo Depreciação Corrigido acumulada Terras e Terrenos Imóveis Benfeitorias Bovinos de Elite Tratores Implementos Agrícolas Outros Total 7. PARTES RELACIONADAS

108.818.260 47.673.236 10.290.020 21.268.260 5.973.503 1.344.634 3.499.868 198.867.781

Liquido 2010

Liquido 2009

0 108.818.260 (20.539.390) 27.133.846 (2.997.366) 7.292.654 (17.503.746) 3.764.514 (4.475.656) 1.497.847 (1.057.866) 286.768 (2.308.935) 1.190.933 (48.882.959) 149.984.822

97.262.856 39.171.630 7.227.321 1.669.009 2.071.898 323.910 1.350.115 149.076.739 Mútuos Passivo Não circulante

Ativo Não circulante

Sociedade ligada Sociedades acionistas (JCP a pagar) Total

2010

2009

2010

2009

11.040.352

12.090.439

23.160

23.160

11.040.352

12.090.439

21.741.575 21.764.735

21.740.651 21.763.811

RECEITA OPERACIONAL BRUTA DEDUÇÕES RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA CUSTO DOS PRODUTOS VENDIDOS LUCRO BRUTO RECEITAS/DESPESAS OPERACIONAIS Despesas administrativas e gerais Receitas financeiras Despesas financeiras Depreciação e amortização Resultado da equivalência patrimonial Outras receitas (despesas) operacionais RESULTADO OPERACIONAL BRUTO RESULTADO NÃO OPERACIONAL RESULTADO ANTES DA CONTRIBUIÇÃO SOCIAL Contribuição Social RESULTADO ANTES DO IMPOSTO DE RENDA Imposto de Renda LUCRO LÍQUIDO (PREJUÍZO) EXERCÍCIO

2010 25.348.643 (1.192.421) 24.156.222 (11.378.634) 12.777.588

2009 20.018.263 (1.861.201) 18.157.062 (7.350.843) 10.806.219

(920.655) 5.198.652 (692.455) (4.663.194) (3.131.942) 555.378 9.123.372 930.368 10.053.740 (1.157.222) 8.896.518 (3.202.503) 5.694.015

(13.786.184) 6.949.450 (2.732.606) (7.158.922) (3.626.147) (202.634) (9.750.824) 1.008.201 (8.742.623) 283.730 (8.458.893) 708.696 (7.750.197)

DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA EM 31 DE DEZEMBRO (Valores expressos em reais) LUCRO LÍQUIDO (PREJUÍZO) DO EXERCÍCO Depreciação e amortização Resultado da equivalência patrimonial Custo de imobilizado transferido investimentos Custo de imobilizado vendido/baixado Aumento (redução) nos ativos operacionais: Contas a receber Estoques Impostos a recuperar Outros créditos Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos ativos Aumento (redução) nos passivos operacionais: Fornecedores Salários e encargos a pagar Títulos a pagar Tributos e contribuições sociais Outras contas a pagar Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos passivos Fluxo de Caixa Operacional Líquido ATIVIDADES DE INVESTIMENTOS Investimentos Imobilizado Caixa Líquido das Atividades de Investimentos ATIVIDADES DE FINANCIAMENTOS Créditos com coligadas Titulos e créditos a receber Depósitos judiciais Débitos com acionistas Financiamentos Débitos Tributários - REFIS Caixa Líquido das Atividades de Financiamentos REDUÇÃO LÍQUIDA NAS DISPONIBILIDADES Saldo Inicial das Disponibilidades Saldo Final das Disponibilidades VARIAÇÃO DAS DISPONIBILIDADES

Colombo, 23 de março de 2011.

2010 5.694.015 4.663.194 3.131.942 6.215.285 611.600 20.316.036

2009 (7.750.197) 7.158.922 3.626.147 3.811.152 6.846.024

395.589 (9.953.267) 144.817 (59.771)

140.732 642.448 1.308.819 (1.044.134)

(3.139.704)

115.167

1.498.607 46.503 (4.104.173) (97.078) 59.7382

(91.864) (15.170) 3.069.475 (366.460) 6.234

7.227.996 (7.980.743)

10.631.271

(8.539.845) (12.398.162) (20.938.007)

(40.856.317) (40.856.317)

1.050.087 (70.570) 924 (94.260) (2.400) 883.781 (7.718.933) (51.745.378) 44.026.445 (7.718.933)

(2.200.443) (437.546) 4.635 (1.720.730) (100.981) 1.049.307 (3.405.758) (33.630.804) (85.376.182) 51.745.378 (33.630.804)

Continuação das Notas Explicativas) 8. PATRIMÔNIO LÍQUIDO a) Capital social Em 31 de dezembro de 2010 o capital social era de R$ 62.000.000 (31 de dezembro de 2009 – R$ 2.000.000), dividido em 1.241.185.004 (31 de dezembro de 2009 – 41.185.004) ações ordinárias nominativas e sem valor nominal. b) Reserva legal A reserva legal é constituída a partir do lucro líquido do exercício, aplicando-se o percentual de 5%, antes de qualquer outra destinação, e não excederá a 20% do capital social. 9. IMPOSTO DE RENDA E CONTRIBUIÇÃO SOCIAL DIFERIDOS A sociedade possui débitos e créditos tributários diferidos, registrados contabilmente, calculados sobre a totalidade de seus prejuízos fiscais para fins de imposto de renda, base negativa de contribuição social e diferenças temporárias, imprescritíveis, para serem compensados com lucros tributários futuros, de acordo com os limites estabelecidos pela legislação fiscal vigente, composto conforme abaixo demonstrado: 2010 2009 Prejuízo Fiscal de Imposto de Renda 18.409.380 9.174.956 Alíquota de imposto de renda - 25% 25% 25% Imposto de Renda 4.602.345 2.293.739 Base negativa de Contribuição Social 18.409.380 9.174.956 Alíquota de Contribuição Social 9% 9% 9% 1.656.844 825.746 Contribuição Social Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos sobre prejuízo fiscal e base negativa 6.259.189 3.119.485 Diferenças temporárias: Depreciação incentivada - atividade rural (9.060.803) (8.031.845) Avaliação de estoque a mercado (33.305.789) (13.075.934) Base de cálculo das diferenças temporárias (42.366.592) (21.107.779) Alíquotas efetivas 34% 34% Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos sobre diferenças temporárias (14.404.641) (7.176.645) (8.145.452) (4.057.160) Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos Registro contábil do diferimento: Parcela contabilizada no ativo não circulante 6.259.189 3.119.485 Parcela contabilizada no passivo não circulante (14.404.641) (7.176.645) Imposto de Renda e Contribuição Social diferidos (8.145.452) (4.057.160) 10. RECONCILIAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCICIO E DAS DESPESAS DO IMPOSTO DE RENDA E DA CONTRIBUIÇÃO SOCIAL Lucro antes do Imposto de Renda e da Contribuição Social Alíquota efetiva Imposto de Renda e Contribuição Social Ajustes para refletir a alíquota efetiva: Brindes Multas não dedutíveis Resultado de equivalência patrimonial Reduções benefícios REFIS IV Ajuste diferido de períodos anteriores Base de cálculo dos ajustes da alíquota efetiva Alíquotas de Imposto de Renda e Contribuição Social Imposto de Renda e Contribuição Social sobre ajustes da alíquota efetiva Ajuste do adicional de IRPJ Imposto de Renda e Contribuição Social

2010

2009

10.053.740 34% 3.418.271

(8.742.623) 34% (2.972.492)

53.448 1.995 3.131.936 (383.105) 2.804.274

28.108 981.618 3.626.147 (1.098.507) 2.321.651 5.859.017

34%

34%

953.453 (12.000) 4.359.725

1.992.066 (12.000) (992.426)

11. INSTRUMENTOS FINANCEIROS Durante os exercícios de 2010 e 2009 a sociedade não efetuou operação envolvendo instrumentos financeiros derivativos. Os instrumentos financeiros ativos e passivos (contas a receber de clientes, fornecedores, partes relacionadas e demais contas a receber e a pagar) estão registrados no balanço patrimonial a valores contábeis, conforme critérios mencionados nas correspondentes notas explicativas. Os valores registrados

no ativo e no passivo circulante têm liquidez imediata ou vencimento, em sua maioria, em prazo inferiores a três meses. Considerando o prazo e as características desses instrumentos, que são sistematicamente avaliados e renegociados, os valores contábeis se aproximam dos valores justos. Curitiba - PR, 21 de março de 2011. CARLOS SEARA MURADÁS Diretor - Superintendente

OBJETO: A presente licitação tem como objeto a contratação de Agência de Viagens para aquisição de passagens Aéreas e Terrestres Nacionais e Internacionais, Traslado e Hospedagem, com a prestação dos seguintes serviços: a) Oferta de serviços para reserva e emissão de bilhetes para vôos nacionais e internacionais, e bilhetes para passagens terrestres, inclusive de retorno; b) Envio de PTAS ou e-ticket para qualquer ponto do Brasil e exterior; c) Entrega de bilhetes nos locais indicados pelo contratante; d) Reserva de assento, quando necessário; e) Reserva de hospedagem conforme critérios a serem estabelecidos pelo contratante. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO: Poderão participar da licitação os interessados que possuam inscrição no Cadastro dos Licitantes da Secretaria de Municipal da Administração do município de Colombo, válida na data da abertura da presente licitação; cadastrados na Câmara Municipal de Colombo. Somente poderão participar da licitação as empresas regularmente estabelecidas no País, cuja finalidade e ramo de atuação principal estejam relacionados ao objeto do presente certame e que satisfaçam integralmente as condições deste Edital. Não poderão participar da presente licitação os interessados que estejam cumprindo as sanções previstas nos incisos III e IV, do art. 87, da Lei nº 8.666/93. Na presente licitação é vedada a participação de empresas em consórcio e a representação de mais de uma empresa pelo mesmo representante. DATA E HORÁRIO DA ABERTURA: 11 de abril 2011 às 14h. LOCAL: Sala de reuniões da Câmara Municipal de Colombo, localizada na Rua Francisco Busato, 8005 - Centro. RECEBIMENTO: A documentação e as propostas serão recebidas até às 14h do dia 11 de abril de 2011, no Protocolo da Câmara Municipal de Colombo. INFORMAÇÕES: O Edital, seus anexos e demais informações complementares podem ser obtidos junto à Comissão Especial de Licitação, na Câmara Municipal de Colombo, no horário das 9 às 11 horas e das 14 às 16h30min – Fone: (41)3656-8200.

IVO PUCZAPSKI Contador CRC - PR 32.458/O-8

RELATÓRIO DO AUDITOR INDEPENDENTE Ilmos. Senhores Acionistas e Diretores JATOBÁ AGRICULTURA, PECUÁRIA E INDÚSTRIA S.A. Av. Sete de Setembro, 6350, Bairro Seminário, CEP. 80.240.001 - Curitiba - PR. Examinei as demonstrações contábeis individuais da companhia JATOBÁ AGRICULTURA, PECUÁRIA E INDÚSTRIA, que compreendem o balanço patrimonial em 31 de dezembro de 2010 e as respectivas demonstrações do resultado, das mutações do patrimônio líquido e dos fluxos de caixa para o exercício findo em 31 de dezembro de 2010, assim como o resumo das principais práticas contábeis e demais notas explicativas. Responsabilidade da Administração sobre as Demonstrações Contábeis A Administração da Companhia é responsável pela elaboração e adequada apresentação dessas demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil aplicáveis às sociedades anônimas e pelos controles internos que ela determinou como necessários para permitir a elaboração de demonstrações contábeis livres de distorções relevantes, independentemente se causada por fraude ou erro. Responsabilidade do Auditor Independente Minha responsabilidade é a de expressar uma opinião sobre essas demonstrações financeiras com base em trabalhos conduzidos de acordo com as normas brasileiras e internacionais de auditoria. Essas normas requerem o cumprimento de exigências éticas pelo auditor e que a auditoria seja planejada e executada com o objetivo de obter segurança razoável de que as demonstrações contábeis estão livres de distorção relevante. Uma auditoria envolve a execução de procedimentos selecionados para obtenção de evidência a respeito dos valores e divulgações apresentados nas demonstrações contábeis. Os procedimentos selecionados dependem do julgamento do auditor, incluindo a avaliação dos riscos de distorções relevantes nas demonstrações contábeis, independentemente se causada por fraude ou erro. Nessa avaliação de riscos, o auditor considera os controles internos relevantes para a elaboração e a adequada apresentação das demonstrações contábeis da Companhia para planejar os procedimentos de auditoria que são apropriados nas circunstâncias, mas não para expressar uma opinião sobre a eficácia dos controles internos da empresa. Uma auditoria inclui também a avaliação da adequação das práticas contábeis utilizadas e a razoabilidade das estimativas contábeis feitas pela Administração, bem como a avaliação da apresentação das demonstrações contábeis tomadas em conjunto. Acreditamos que a evidência de auditoria obtida é suficiente e apropriada para fundamentar nossa opinião. Opinião Em nossa opinião, as demonstrações contábeis acima referidas apresentam adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a posição patrimonial e financeira, individual da companhia JATOBÁ AGRICULTURA, PECUÁRIA E INDÚSTRIA, em 31 de dezembro de 2010, o desempenho de suas operações e os seus fluxos de caixa para o exercício findo em 31 de dezembro de 2010, de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil, aplicáveis às companhias com sede no Brasil. Curitiba, 21 de março de 2011. (a) Contador, ANTONIO CARLOS DÓRO – CRCPR 15.783-O3/S-SC CPF. 056.786.509-63 – CNAI – 232 – AUDITOR INDEPENDENTE

Alceu Luiz Mottin Presidente da Comissão de Licitações

ROMANI S.A. INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE SAL CNPJ/MF Nº 76.491.836/0001-06 ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA E EXTRAORDINÁRIA EDITAL DE CONVOCAÇÃO Ficam convocados os senhores acionistas de Romani S.A – Indústria e Comércio de Sal, a comparecerem às Assembléias a serem realizadas às 10:00 horas do dia 12 de abril de 2011, na sede social da Empresa, na Travessa Solieri, 19 - Prado Velho, nesta Capital, para deliberarem sobre as seguintes Ordens do Dia: em A.G.O. (1) exame, discussão e votação do Relatório da Diretoria, Balanço Patrimonial e demais Demonstrações Financeiras relativas ao exercício findo em 31.12.2010; (2) deliberação sobre a destinação do resultado daquele exercício; (3) eleição da Diretoria para o triênio 2011/2014; (4) fixação dos honorários da Diretoria; e (5) outros assuntos de interesse da Sociedade, e em A.G.E. (1) aumento do capital social com os recursos da conta Juros Sobre o Capital Próprio. Curitiba, 18 de março de 2011. EMILIO CARLO NAZZARENO FINESCHI Diretor Presidente


18

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL

| Quinta-feira, 24 de março de 2011 |

Agostinho Zarpellon & Filhos S.A. - Indstria e Comr

cio

Saldos em R$ . 31.12.10 31.12.09

CNPJ (MF) nº 78.141.843/0001-03 IRATI - PR

Receita Operacional Receita Operacional Bruta

RELATÓRIO DA DIRETORIA

Deduções da receita Impostos sobre a Receita

Em cumprimento às disposições legais e estatutárias que regem a sociedade, submetemos à apresentação de V.Sas. as demonstrações contábeis relativas ao exercício findo em 31 de dezembro de 2010. Consignamos nossos agradecimentos aos clientes, fornecedores, funcionários e público em geral pelo apoio dado a Companhia. Irati - PR, 15 de Março de 2011

LUCROOPERACIONALBRUTO Custos das vendas Custos dos Produtos Vendidos

BALANCOS PATRIMONIAIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 ATIVO CIRCULANTE Disponibilidade Aplicações Financeiras Clientes Estoques Imposto a Recuperar Outros Créditos ATIVO NÃO CIRCULANTE REALIZAVEL A LONGO PRAZO Depósitos Judiciais PERMANENTE Investimentos Imobilizado Intangível TOTAL DO ATIVO

Saldos em R$ . 31.12.10 31.12.09 98.002,61 550.118,96 260.726,83 206.704,41 2.516.290,15 43.592,88 3.675.435,84

219.522,29 511.366,15 431.755,28 239.566,01 2.465.422,50 34.796,65 3.902.428,88

26.727,24 26.727,24

27.876,41 27.876,41

1.838.984,27 4.034.047,78 3.254,26 5.876.286,31

1.838.984,27 3.792.611,84 2.440,40 5.634.036,51

9.578.449,39

9.564.341,80

PASSIVO CIRCULANTE Fornecedores Obrigações Trabalhistas e Sociais Obrigações Tributarias Adiantamento de Clientes Títulos a Pagar Outros Débitos PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Social Prejuízos Acumulados

Saldos em R$ . 31.12.10 31.12.09 81.564,14 290.784,28 51.188,71 6.743,00 2.534.424,52 25.594,00 2.990.298,65

19.682,36 172.350,05 40.610,86 29.928,97 2.369.274,14 5.668,56 2.637.514,94

9.090.000,00 (2.501.849,26) 6.588.150,74

9.090.000,00 (2.163.173,14) 6.926.826,86

Prejuízo do Exercício Quantidade de Ações Prejuízo por Ação

4.220.942,27 4.220.942,27

(803.458,79) (803.458,79) 3.036.417,75

(586.502,83) (586.502,83) 3.634.439,44

(2.699.231,37) (2.699.231,37)

(2.718.592,60) (2.718.592,60)

(300.971,33) (836.012,93) (4.443,94) 63.421,01 (1.078.007,19) (740.820,81)

(1.135.806,69) (672.326,93) (97.238,03) 30.738,72 (1.874.632,93) (958.786,09)

429.752,95 429.752,95 (311.067,86) 69.000.000 (0,0045)

12.249,74 12.249,74 (946.536,35) 69.000.000 (0,0137)

DEMONSTRAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 Saldos em R$ 31.12.10 TOTAL DO PASSIVO

CAPITAL SOCIAL 9.090.000,00

9.578.449,39

PREJUÍZOS ACUMULADOS (1.216.636,79) (946.536,35) (2.163.173,14) (311.067,86) (27.608,26) (2.501.849,26)

9.090.000,00 9.090.000,00

ATIVIDADESOPERACIONAIS Resultado do Exercício Despesas que não afetam o caixa (+) Depreciações Variações nos Ativos e Passivos (Aumento) Redução de Clientes (Aumento) Redução impostos Recuperar (Aumento) Redução de outros Créditos (Aumento) Redução dos Estoques Aumento (Redução) Fornecedores Aumento (Redução) Obrigações Trabalhistas Aumento (Redução) Obrigações Tributárias Aumento (Redução) Adiantamentos de Clientes Aumento (Redução) de Títulos a Pagar Aumento (Redução) de Contas a Pagar

9.564.341,80

PATRIMÔNIO LÍQUIDO 7.873.363,21 (946.536,35) 6.926.826,86 (311.067,86) (27.608,26) 6.588.150,74

As notas explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 - (Em Reais) 4. Impostos a Recuperar O saldo inclui créditos por retenção sobre rendimentos de aplicações financeiras do exercício atual e anteriores e também sobre aquisições de insumos.

5. Investimentos Inclui participações societárias que totalizam 93,93% do saldo, como também depósitos compulsórios a Eletrobrás (2,73%) e reservas Florestais que somam 3,34%.

6. Imobilizado

Custo Reflorestamento 1.892.555 Terrenos 1.468.229 Edificações e Construções 656.756 Maquinários Industriais 3.180.043 Veículos 143.852 Instalações Elétricas 135.211 Móveis e Utensílios 71.942 Equipamentos de Informática 61.264 Instalações Telefônicas 2.696 Outras Imobilizações 62.207 TOTAL

31/12/10 Depreciação

Saldo 1.892.555 1.468.229

(563.524)

Custo 2.044.058 1.391.566

93.232

656.756

31/12/09 Depreciação

(549.576) (2.747.381) (321.030)

Saldo 2.044.058 1.391.566 107.180

(2.796.645) (44.596)

383.398 99.255

2.892.074 345.092

144.693 24.062

(87.251)

47.961

116.547

(78.968)

37.579

(38.246)

33.696

68.412

(38.065)

30.347

(56.277)

4.986

55.638

(55.638)

-

(1.730)

966

2.696

(1.303)

1.393

(52.439)

9.768 4.034.048

62.207

(50.473)

11.734 3.792.612

7. Títulos a Pagar Do saldo em aberto, 87% é referente à operações intercompany, sendo o restante dividas com outros fornecedores. 8. Capital Social O capital Social é de R$ 9.090.000,00 divididos em 69.000.000 ações ordinárias nominativas sem valor nominal. DIRETORIA Arno Marcos de Campos Diretor

Luiz Fernando Zarpellon Diretor

Acir Carlos Horst Técnico Contábil CRC – PR 21.257/O-1

PARECER DOS AUDITORES INDEPENDENTES Aos Srs. Acionistas AGOSTINHO ZARPELLON & FILHOS S.A INDÚSTRIA E COMÉRCIO (1) Examinamos o balanço patrimonial da AGOSTINHO ZARPELLON & FILHOS S.A. INDÚSTRIA E COMÉRCIO, levantado em 31 de dezembro de 2010, e as respectivas demonstrações do resultado, das mutações do patrimônio líquido e do fluxo de caixa correspondentes ao exercício findo naquela data, elaborados sob a responsabilidade de sua administração. Nossa responsabilidade é a de expressar uma opinião sobre essas demonstrações contábeis. (2) Nossos exames foram conduzidos de acordo com as normas de auditoria aplicáveis no Brasil e compreenderam: (a) o planejamento dos trabalhos, considerando a relevância dos saldos, o volume das transações e o sistema contábil e de controles internos da Sociedade; (b) a constatação, com base em testes, das evidências e dos registros que suportam os valores e as informações contábeis divulgadas; e (c) a avaliação das práticas e das estimativas contábeis mais representativas adotadas pela administração da Sociedade, bem como da apresentação das demonstrações contábeis tomadas em conjunto.

3.839.876,54 3.839.876,54

As notas explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis

DEMONSTRAÇÃO DA MUTAÇÃO DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO - EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 - (Em Reais)

1. Contexto operacional A empresa tem como objetivo social o comércio, indústria e exportação de madeiras em suas modalidades diversas e exploração de atividade agro-florestal. 2. Apresentação das Demonstrações Contábeis As demonstrações contábeis estão sendo apresentadas com base nas disposições contidas na Lei das Sociedades por Ações e foram elaboradas com base nas práticas contábeis adotadas no Brasil. 3. Principais práticas contábeis (a) Apuração do resultado O resultado é apurado pelo regime de competência de exercícios. Os rendimentos e encargos incidentes sobre os Ativos e Passivos Circulantes, bem como os efeitos de ajustes de valores do Ativo para o valor de realização ou de mercado, quando aplicável, estão reconhecidos no resultado. (b) Estoques Os estoques foram avaliados ao custo médio de aquisição ou produção, líquidos de impostos recuperados, não superando os preços de mercado. (c) Permanente Demonstrado ao custo de aquisição. As depreciações, amortizações e exaustão são calculadas com base no método linear às taxas usualmente aceitas e no prazo estimado de vida útil do bem. (d) Passivo circulante Demonstrado pelos valores conhecidos ou calculáveis acrescidos, quando aplicável, dos correspondentes encargos e variações monetárias incorridos até a data do balanço. (e) Imposto de Renda e Contribuição Social Não foram constituídas as provisões para imposto de renda e contribuição social, visto que foi apurado no exercício, prejuízo fiscal e base negativa de contribuição social.

Despesas Operacionais Vendas Administrativas Financeiras Receitas Financeiras RESULTADOOPERACIONAL Despesas/Receitas não Operacionais Resultado não Operacional

As notas explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis

SALDOS EM 31/12/08 Prejuízo do exercício SALDOS EM 31/12/09 Prejuízo do exercício Ajustes do exercício anterior SALDOS EM 31/12/10

DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009

(3) Em nossa opinião, as demonstrações contábeis acima referidas representam adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a posição patrimonial e financeira da AGOSTINHO ZARPELLON & FILHOS S.A. INDÚSTRIA E COMÉRCIO, em 31 de dezembro de 2010, o resultado de suas operações, as mutações de seu patrimônio líquido e o fluxo de caixa referente ao exercício findo naquela data, de acordo com as práticas contábeis emanadas da legislação societária brasileira. (4) Anteriormente, examinamos as demonstrações contábeis do exercício findo em 31 de dezembro de 2009 apresentadas para fins de comparação, sobre as quais emitimos parecer, sem ressalvas, datado de 24 de Março de 2010. Curitiba – PR, 4 de março de 2011

JC Souza, RADURÊS Auditores Independentes CRC PR nº 005.495/O-1

João Carlos de Souza Contador CRC 1SP nº 159.112/O-2 – T - PR

Caixa Líquido das Atividades Operacionais ATIVIDADES DE INVESTIMENTOS (Aumento) Redução do imobilizado Caixa Líquido das Atividades de Investimentos ATIVIDADES DE FINANCIAMENTO (Aumento) Redução das Aplicações Financeiras (Aumento) Redução de Empréstimos e Financeiros (Aumento) Redução de Ajustes Exercícios anteriores Caixa Líquido das Atividades de Financiamentos VARIAÇÃOLIQUIDADOCAIXA CAIXA-SALDOINICIAL CAIXA-SALDOFINAL

. 31.12.09

(311.067,86) 196.835,44 196.835,44 498.159,05 171.028,45 (50.867,65) (7.647,06) 32.861,60 61.881,78

(946.536,35) 236.941,39 236.941,39 1.068.995,19 790.284,95 (4.301,47) (33.796,19) 153.015,82 9.286,88

118.434,23

17.241,01

10.577,85

21.796,88

(23.185,97) 165.150,38 19.925,44

(3.463,19) 122.414,05 (3.483,55)

383.926,63

359.400,23

(439.085,24)

301.425,20

(439.085,24)

301.425,20

(38.752,81)

(437.646,74)

-

(77.257,23)

(27.608,26)

-

(66.361,07)

(514.903,97)

(121.519,68) 219.522,29 98.002,61

145.921,46 73.600,83 219.522,29

As notas explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO EXERCÍCIOS FINDOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009

1. RECEITAS Receitas das Vendas e Serviços Demais Receitas 2. DESPESAS Materiais e Insumos Consumidos Outras Despesas Despesas Administrativas 3. RETENÇÕES Depreciações 4. VALORADICIONADOLÍQUIDO 5. VALORADICIONADORECEBIDO EMTRANSFERÊNCIA Receitas Financeiras Dividendos Recebidos 6. VALORADICIONADOTOTAL A DISTRIBUIR 7. DISTRIBUIÇÃOVALORADICIONADO Empregados Salários e Encargos de Empregados Benefícios a Empregados Tributos Federais Estadual Municipal RESULTADODOEXERCICIO

Saldos em R$ . 31.12.10 31.12.09 4.269.629,49 4.233.192,01 3.839.876,54 4.220.942,27 429.752,95 12.249,74 (1.782.003,46) (2.601.648,13) (1.238.784,60) (1.387.846,70) (305.415,27) (1.080.593,55) (237.803,59) (133.207,88) (196.835,44) (236.941,39) (196.835,44) (236.941,39) 2.290.790,59 1.394.602,49 63.421,01 62.163,27 1.257,74

30.738,72 29.421,79 1.316,93

2.354.211,60 2.665.279,46 1.861.820,67 1.764.210,04 97.610,63 803.458,79 379.237,92 424.220,87 (311.067,86)

1.425.341,21 2.371.877,56 1.837.504,35 1.752.524,91 84.979,44 534.373,21 119.671,33 413.728,92 972,96 (946.536,35)

As notas explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis


| Quinta-feira, 24 de março de 2011 |

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS/ NACIONAL PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS

ESTADO DO PARANÁ

ESTADO DO PARANÁ

ESTADO DO PARANÁ

Secretaria Municipal de Administração

Secretaria Municipal de Administração

Secretaria Municipal de Administração

Aviso de Licitação

19

Aviso de Licitação Aviso de Licitação Pregão Presencial nº 020/2011

Tomada de Preços nº 004/2011 OBJETO: Contratação de empresa especializada para elaboração de Levantamentos Topográficos Cadastrais para obras de pavimentação de vias públicas no município de Pinhais. TIPO DE LICITAÇÃO: Menor Preço. VALOR MÁXIMO: R$ 146.757,50 ENTREGA E ABERTURA DOS ENVELOPES: dia 13/ 04/2011, às 09:00 horas. EDITAL: Estará disponível aos interessados, no site http://www.pinhais.pr.gov.br, no link Licitações, do dia 25/03/2011 ao dia 11/04/2011. INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas no site ou pelo telefone (041): 3912-5277, das 08:00h às 12:00h e das 13:00h às 17:00h. Prefeitura Municipal de Pinhais, 23/03/2011.

Pregão Presencial nº 021/2011 OBJETO: Contratação de seguro para veículos da frota municipal. TIPO DE LICITAÇÃO: Menor Preço. VALOR MÁXIMO: R$ 255.532,44. ENTREGA E ABERTURA DOS ENVELOPES: dia 11/ 04/2011, às 09:00 horas. EDITAL: Estará disponível aos interessados, no site http://www.pinhais.pr.gov.br, no link Licitações, do dia 24/03/2011 a 05/04/2011. INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas no site ou pelo telefone (041): 3912-5295, das 08:00h às 12:00h e das 13:00h às 17:00h. Prefeitura Municipal de Pinhais, 23/03/2011.

Sistema de Registro de Preços OBJETO: Prestação de serviços de manutenção preventiva e corretiva com aplicação e/ou fornecimento de peças genuínas da marca do veículo/máquina/equipamento ou originais de fábrica, para a Frota de veículos pesados da Prefeitura Municipal de Pinhais e para o Complexo Industrial de Pinhais. TIPO DE LICITAÇÃO: Menor Preço. VALOR MÁXIMO: R$ 1.000.000,00. ENTREGA E ABERTURA DOS ENVELOPES: dia 08/04/2011, às 09:00 horas. EDITAL: Estará disponível aos interessados, no site http://www.pinhais.pr.gov.br, no link Licitações, do dia 25/ 03/2011 ao dia 06/04/2011. INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas no site da prefeitura, ou pelo telefone (41) 3912-5277 das 08:00h às 12:00h e das 13:00h às 17:00h. Prefeitura Municipal de Pinhais, 23/03/2011.

Torneio de tênis beneficente ao Instituto para Cuidado do Fígado tem mais uma disputa neste final de semana Nesta sexta-feira, dia 25, começa em Curitiba (PR) mais uma chave dos jogos do ICFígado Open 2011, torneio de tênis que a Marco Silva Academia de Tênis promove em prol do Instituto para Cuidado do Fígado (ICF). Desta vez, o evento conta com 100 tenistas inscritos, para as categorias B e C, acima de 35 e 50 anos, respectivamente. O torneio superou as expectativas dos organizadores, alcançando 220 inscritos para as duas fases – a primeira ocorreu em fevereiro. O Instituto para Cuidado do Fígado (ICF) atende gratuitamente na capital paranaense, facilitando o tratamento de pacientes com doenças hepáticas. Por ser uma instituição sem fins lucrativos, é mantida através de doações e da renda de eventos beneficentes. O ICFígado Open 2011 tem como patrocinadores: Hospital Sugisawa, CDTO Paraná, Laboratório Nassar, Federação Paranaense de Tênis, academia Marcos Silva, Cenacolo restaurante e eventos e GESTI - solução em terapia intensiva. Serviço: ICFígado Open 2011 De 25 a 27 de março (jogos sexta-feira, após às 18h, e sábado e domingo, a partir das 9h)

Academia Marco Silva: www.marcosilvatennis.com.br Informações: (41) 30226502 Um pouco sobre Marco Silva: O tenista Marco Silva começou sua carreira esportiva aos 12 anos. Começou a prática como catador de bolinhas, ou boleiro, e assim de maneira autodidata foi aprendendo e aperfeiçoando a técnica de

maneira irrepreensível, já que é bastante perfeccionista. Começou a dar aulas com 16 anos e jogar alguns torneios paranaenses - que podiam ser conciliados com suas aulas e foi por muitas vezes o tenista número 01 do Paraná de 1999 a 2005. Em 2001 o tenista esteve em Madrid jogando o Campeonato Espanhol por 02 meses e conquistou o título de vice-campeão de duplas de Madrid. Jogou vários torneios abertos

pelo sul do Brasil onde ganhou diversos títulos. Em 2006 começou a jogar a principal categoria Sênior (35 a 40 anos), foi campeão de várias etapas e conquistou o título de vice-campeão brasileiro de 2006 disputado em Goiânia. Em julho de 2007 sagrou-se campeão brasileiro em Guarapari – ES. Em agosto do mesmo ano foi bicampeão do torneio internacional de Florianópolis.


editais24-03