Issuu on Google+

Editoração: Chico Lustosa - e-mail: composicao@metropolesjp.com.br / lustosa@onda.com.br

| 15 a 17 de março de 2013 |

19

VW oferece curso de mecânica para mulheres A Volkswagen está oferecendo curso gratuito de mecânica para mulheres, que será realizado neste sábado (16). As aulas serão ministradas em 53 concessionárias de 16 Estados, além do Distrito Federal. A intenção da Volkswagen é aproximar o público feminino da marca, uma vez que identificou por meio de estudos que 60% das decisões de compra de um automóvel partem delas, seja por aquisição própria ou aconselhando os maridos. As interessadas devem se inscrever até hoje no site da Volkswagen do Brasil (www.vw.com.br), onde serão informados os dados pessoais e eleita a concessionária mais cômoda para fazer o curso chamado de MIM (Mecânica Inteligente para Mulheres). Ele consiste em noções básicas sobre funcionamento e manutenção de veículos. Ao todo, estão disponíveis 1.300 vagas para as aulas que terão início a partir das 10h. O curso será dividido em alguns tópicos, no qual as alunas irão descobrir, entre outras coisas, verdades e mentiras sobre modo de dirigir. As aulas não ficarão restritas a salas, isso porque haverá visita a uma oficina mecânica para que as alunas possam conhecer peças importantes de veículos.

Veja o carro a ser utilizado pelo Papa Francisco 1º O novo Sumo Pontífice da Igreja Católica andará de papamóvel Mercedes-Benz herdado de Bento XVI

Pontífice da Igreja Católica andará de papamóvel Mercedes-Benz herdado de Bento XVI

O 5º conclave da Igreja Católica elegeu na tarde desta quarta-feira (13) o argentino Jorge Mario Bergoglio como o 266º Papa da história. Francisco 1º, como o Sumo Pontífice escolheu ser chamado, fará suas viagens pelo mundo a bordo de um papamóvel feito pela MercedesBenz e herdado de Bento XVI (veja detalhes do carro nas fotas desta página). O veículo foi entregue pelo próprio presidente global da Mercedes-Benz, Dieter Zetsche, ao Papa Bento XVI em dezembro do ano passado. Por conta da saúde debilitada do pontífice, o papamóvel foi pouco utilizado.

Baseado na última geração do utilitário esportivo Classe M, o carro oficial do Papa levou nove meses para ser produzido e agora conta com uma cúpula de maiores dimensões, proporcionando mais espaço interno e conforto para Sua Santidade. O compartimento permite também que os fiéis tenham uma visão melhor do representante máximo da Igreja Católica. O novo papamóvel também aderiu à tendência de veículos mais ecológicos, uma vez que conta com tecnologia start-stop, que desliga o motor em marcha lenta, reduzindo o consumo de combustível e de emissões. Nos últimos anos, o Papa Emérito deu preferência a modelos ecologicamente corretos, como os elétricos Renault Kangoo Maxi Z.E e o Citroën C-Zero. A primeira viagem do Papa Francisco poderá ter o Rio de Janeiro como destino. A Cidade Maravilhosa sediará a Jornada Mundial da Juventude, marcada para o fim de julho.

3383-6650

Mercedes-Benz e o Vaticano - A montadora alemã mantém parceria com o Vaticano desde 1930, quando foi utilizado o modelo Nürburg 460. Antes disso, os Sumo Pontífices se locomoviam entre os fiéis em carroças tracionadas por cavalos. Após o segundo atentado sofrido pelo Papa João Paulo II, em 1981, os papamóveis passaram receber blindagem. Na primeira visita do Pontífice ao Brasil, em 1980, o veículo utilizado foi um Landau com teto solar, além de uma espécie de micro-ônibus aberto. Já a passagem de Bento XVI pelo País foi guiada por um Mercedes-Benz ML 430, dotado de blindagem capaz de suportar disparos de fuzil e explosões de granadas. A BMW e a Volkswagen chegaram a oferecer papamóveis ao Pontífice alemão, que preferiu continuar rodando com modelos da Mercedes-Benz. Isso, no entanto, não quer dizer que Bento XVI não tenha utilizado veículos de outras marcas para uso pessoal. O último Papa chegou a receber um Volkswagen Phaeton e um Volvo XC90.


automoveis15-3-13