Page 1

Música Inspirações da vida de João Vieira em “The White Haus Album” pág. 10

Televisão Norte-americana NBC está a planear série sobre a vida e a carreira dos Beatles pág. 11 PUB

PORTUGAL segunda-feira 16 junho 2014 ano 6, nº 2113 Lisboa 21° | 36°

Porto 21° | 31°

www.readmetro.com Diretor: Diogo Torgal Ferreira PUB

Clicar no rato em vez de esticar o dedo Nacional. Procura e oferta de boleias através da Internet aumenta. Custos das viagens ficam mais baixos pág. 04 Nacional

Mundo

Mais participação orçamental Poder de decisão dos cidadãos sobre comunidade aumenta pág. 05

Economia

Multiplicação do tráfego Velocidade de banda larga e vídeo define futuro próximo da Web pág. 06

Candidata a património mundial Pensa-se que a cidadela de Erbil, no Iraque, seja o local mais antigo do mundo continuamente habitado. Está entre quase 30 sítios e monumentos candidatos ao reconhecimento como Património Mundial, num encontro do comité da UNESCO que começou ontem em Doha, no Catar. GETTY IMAGES

Cronista

Rita Camarneiro Sobre o começo do Mundial pág. 02

MARTIN ALIPAZ/EPA

Cimeira. Conflitos e violação dos direitos humanos impedem desenvolvimento Secretário-geral da ONU destaca equilíbrio entre necessidades dos povos e as do planeta na abertura do encontro G77 + China. pág. 08 PUB


1

JORNAL

António Francisco dos Santos

“Quando o bem e a dignidade das pessoas está em causa não podemos perder tempo com discussões estéreis e inúteis, mesmo que as causas e posições políticas sejam antagónicas” O bispo do Porto considerou ontem que a ação do poder político na gestão da crise económica podia ter sido “diferente”, apoiando mais os necessitados, em vez de perder tempo a “digladiar-se” e em “contendas estéreis”. ESTELA SILVA/LUSA

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

02

Crónica

ONLINE

RITA CAMARNEIRO WWW.FACEBOOK.COM/RITA.CAMARNEIRO WWW.FACEBOOK.COM/ARITACAMARNEIRO

facebook

Ah, o Mundial... A cerimónia de abertura do Mundial de futebol foi extremamente engraçada e, ao mesmo tempo, intrigante. Gostei especialmente do batalhão de homens pintados de azul a segurar uma canoa com um garoto em cima a fingir que remava e das pessoas vestidas de árvores, de relva e de outras coisas estranhas que não consegui decifrar. Por momentos pensei que os Jogos Sem Fronteiras tivessem voltado, mas faltava o Eládio Clímaco e a equipa da Figueira da Foz. As coreografias foram obviamente inspiradas no Carnaval de Estarreja bem como nas Marchas Populares de Santo António e a expressão facial dos bailarinos leva-me a crer que só aceitaram lá estar porque estavam irreconhecíveis no que toca à caracterização. No entanto, gostei da bola grandona colorida que já para o final do evento cuspiu uma Jennifer Lopez e um Pitbull. Foi pena terem cantado,

“Por momentos pensei que os Jogos Sem Fronteiras tivessem voltado, mas faltava do Eládio Clímaco” contentava-me com a J.Lo a abanar-se e com a presença do rapper vestido de empresário dos anos 90, que por sinal apresenta claras semelhanças com o nosso Pedro Abrunhosa. Mas devo confessar, qualquer hino que se faça para o Mundial deixa-me tensa pois lembra-me o Festival da Canção na capacidade de produzir músicas que induzem, invariavelmente, uma vontade de me lavar. Mas nem tudo é mau, os jogos têm sido bem interessantes, embora acabem com manifestações e porrada, um clássico, portanto. Mas o que interessa é o jogo de hoje, e que Portugal vença aos sacanas dos alemães e assim sucessivamente.

www.facebook.com/eentertainment “Justin Bieber parece ter aceitado um acordo judicial. Assim, para não ir a julgamento, vai frequentar aulas de controlo de raiva. O cantor foi preso em janeiro depois de ter sido apanhado numa corrida ilegal de carros.”

twitter @NiallOfficial [Niall Horan] “Comer muito e relaxar no sofá! São duas coisas nas quais sou muito bom, e ambas serão feitas hoje.”

vídeo do dia

Sim, é verdade: cerca de 20 anos depois Harry e Lloyd estão de volta. Não acredita? Eis o trailer de “Dumb and Dumber To”. Venha escrever connosco. Entre em facebook.com/metroportugal

Boa notícia do dia

Certificação para contacto com a água Os materiais em contacto com a água para consumo humano, como tubagens ou químicos de tratamento, vão ser certificados e constar de uma lista disponibilizada pela entidade reguladora do setor, à qual os operadores devem recorrer quando fazem obras. “Vamos regulamentar uma certificação de produto, um processo de certificação que já está em vigor, por exemplo, na diretiva dos materiais de construção, o que vai fazer com que as operadoras, quando têm de selecionar os seus materiais, apenas tenham de consultar a lista que a ERSAR vai publicar no site”, disse um diretor Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR) à agência Lusa.

Em terra, ao sabor do vento Alguns dos melhores velejadores ingleses participaram este fim de semana naquela que foi a sexta e última prova do campeonato britânico de vela em terra. Na praia de Cotham, em Redcar, todas as categorias da modalidade tiveram em disputa com entusiasmo e espírito competitivo. © GETTY IMAGES


PUB


www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

04

Pedir boleia é pela Internet Sites. A procura e a oferta de boleias através de páginas de Internet aumentaram no último ano em Portugal, proporcionando uma poupança de custos nas viagens dos utilizadores. O simples esticar do polegar à berma da estrada para pedir boleia começa a estar ultrapassado. Agora, andar à boleia pressupõe um planeamento com antecedência, através da utilização dos sites de boleias, sempre com o mesmo princípio de economizar dinheiro. Intitulada de carpooling, a partilha de boleias está cada vez mais presente na vida dos portugueses. Segundo um estudo do Observador Cetelem 2014, Portugal foi o país em que “uma maior percentagem de pessoas partilhou deslocações automóveis” no ano anterior, disse o diretor de marketing do Cetelem, Diogo Lopes Pereira. Os portugueses ocupam o primeiro lugar no ranking de partilha de boleias, com uma percentagem de 28% face à média europeia, que se situa em torno dos 20%, seguindo-se Turquia, França e Espanha, adiantou. A partilha de boleias é “uma tendência que se tem vindo a afirmar muito com a ajuda da evolução tecnológica”, explicou.

Bombeiros

O estudo do Observador Cetelem 2014 foi realizado em novembro do ano passado em oito países: Alemanha, França, Itália, Portugal, Espanha, Bélgica, Reino Unido e Turquia. © SÉRGIO LEMOS /CM

Sites mais procurados Entre os sites de boleias utilizados pelos portugueses estão: www.umcoche.com; www.blablacar.pt; www.boleia.net; www.pendura.pt; www.deboleia.com e www.viagensportostoes.org.

Droga

Depois do registo gratuito, cada pessoa pode oferecer boleia, disponibilizando informação sobre o local de partida e de chegada, hora da viagem, custo e número de lugares disponíveis, ou apenas procurar boleia nos anúncios publicados.

Eco Radar

Criar escolas eficientes SARA CAMPOS SARACAMPOS@QUERCUS.PT

É na escola que se aprende e é também lá que, durante alguns anos, passamos grande parte do nosso tempo. Quase como uma segunda casa, nossa e de mais umas boas dezenas de pessoas. Todas juntas somam, na verdade, um potencial considerável no que respeita à poupança de energia. Este é, pois, o principal objetivo do Projeto Auditorias Energéticas a Escolas, que desafia estabelecimentos de ensino de Portugal Continental a poupar na fatura mensal, candidatando-se a receber, sem custos, uma auditoria. Aberto a todos os níveis de ensino, o projeto recebe inscrições até 30 de junho e estabelece alguns critérios. As escolas candidatas não podem ter estado no programa Parque Escolar ou recebido intervenções energéticas nos últimos cinco anos, tendo de apresentar um consumo anual acima dos €18.000. Identificados os equipamentos e hábitos de consumo, será avaliada a margem de poupança existente e elaborado um plano de intervenção para cada escola, a par de uma ação de sensibilização. Uma iniciativa desenvolvida pela EDP em parceria pela Quercus, no âmbito do Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica, promovido pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos. Saber mais: www.ecocasa.pt.

Amarante

Falta de equipamento preocupa associação

GNR apreende 191 plantas de canábis

Incêndio combatido por 177 bombeiros

A Associação Portuguesa de Técnicos de Segurança e Proteção Civil manifestou-se ontem preocupada com “a insuficiência dos meios aéreos” para combater os incêndios florestais e com “a falta” de equipamento de proteção individual para os bombeiros. A associação diz que a falta de equipamentos “colocará em risco acrescido a saúde, vida e integridade física” dos bombeiros, podendo “ser fator de vulnerabilidade que condicione as decisões dos comandantes de operações de socorro nos teatros de operações”.

A GNR de Lisboa apreendeu, durante o fim de semana, na localidade de Almornos/Almargem do Bispo, concelho de Sintra, 191 plantas de canábis, produto similar seco e quatro armas brancas, informou ontem a entidade policial.

Um incêndio lavrava ainda ontem no concelho de Amarante estando, à hora de fecho desta edição, a ser combatido por 177 bombeiros, auxiliados por 44 veículos e três meios aéreos. Em declarações à agência Lusa, o comandante da Proteção Civil de Amarante, Hélder Ferreira, disse que ao fim do dia a situação já era “mais favorável” em relação ao período da manhã, graças à intervenção dos meios aéreos (dois aviões e um helicóptero), uma vez que são zonas de muito difícil acesso por terra.

GETTY IMAGES

Energia. Vento fornece um quinto do que se consome Quase 2.500 aerogeradores espalhados por zonas montanhosas e costeiras produzem atualmente cerca de um quinto da eletricidade consumida em Portugal, uma aposta, liderada pelo distrito de Viseu, que pôs o País no top do aproveitamento da energia eólica. Nos primeiros cinco meses deste ano, os ventos sopraram de feição e a energia eólica assegurou 27% do consumo nacional, de acordo com dados da REN, a gestora da rede elétrica nacional.


NACIONAL | 05

Portugueses têm hoje maior poder de decisão Sociedade. O funcionamento dos Orçamentos Participativos (OP) tem melhorado nos últimos anos, dando maior poder de decisão aos cidadãos sobre o que querem para a comunidade. Tal como em dezenas de autarquias portuguesas, Alenquer decidiu este ano guardar dinheiro do orçamento municipal para concretizar os projetos que os munícipes considerem melhorias para o concelho. Na freguesia de Vila Verde dos Francos foram discutidas pelos moradores dez propostas para concretizar através deste Orçamento Participativo (OP). No final, o centro de dia para idosos foi o mais votado. Giovanni Alegretti, do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, e Nelson Dias, da Associação In Loco têm acompanhado o processo dos Opem Portugal na última década. Há cerca de dez anos,

quando os municípios começaram a recorrer aos OP, eram casos em que o município pedia propostas aos munícipes, mas era a autarquia quem decidia que projetos concretizar. Em 2014 estes OP deixaram de existir e, agora, a tendência é que o cidadão tenha voz para propor, discutir, conhecer melhor os projetos e votar com os seus vizinhos o que consideram melhor para a comunidade, acrescenta Nelson Dias. Segundo Alegretti, “este aumento da qualidade deliberativa também favorece a qualidade das propostas”, tanto que “já há muitas câmaras que estão a realizar obras que não passaram”.

As capitais das regiões autónomas, Funchal e Ponta Delgada, vão fazer orçamentos participativos pela primeira vez este ano. © DR

PS. Costa diz não responder a “ataques pessoais” O presidente da Câmara de Lisboa e candidato à liderança do PS, António Costa, reafirmou ontem, em Vizela, que não vai “perder tempo” com questões estatutárias, nem a “responder a ataques pessoais”. “Não me afastarei do meu caminho, nem perderei tempo com questões estatutárias nem a responder a ataques pessoais e, muito menos, a fazê-los”, disse António Costa à agência Lusa. Recusando comentar quaisquer declarações do secretário-geral do PS, António José Seguro, rejeitou a existência de um clima de resposta e contrarresposta neste período de disputa pela liderança dos socialistas. “Não tenho falado das questões estatutárias e pessoais. Tenho falado dos portugueses, de Portugal, e é assim que continuarei até ao fim deste processo”, assegurou. Costa foi ontem recebido na sede do PS de Vizela e participou depois num almoço com militantes. PUB

PCP pede hoje eleições antecipadas O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, anunciou que vai hoje defender a demissão do Governo na audiência com o Presidente da República. Cavaco Silva “deveria demitir” o Governo e “convocar eleições antecipadas”, afirmou ontem Jerónimo de Sousa. © LUÍS COSTA/CM


www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

Indústria. Empresas nacionais são flexíveis O elevado desempenho ao nível da qualidade, flexibilidade, entrega e custo distinguem as 34 empresas portuguesas que participaram no Inquérito Internacional de Estratégias de Produção, feito pela Faculdade de Economia e Gestão da Católica Porto, em parceria com o INESC TEC e FEUP. As conclusões do estudo indicam que as empresas nacionais melhoraram a produtividade e evidenciaram, nos últimos três anos, uma melhoria de desempenho acima da média da amostra global. Não obstante, as fábricas nacionais apresentam menor autonomia no desenvolvimento de produtos e processos e um papel reduzido enquanto centros de conhecimento. E também apresentam baixos níveis de investimento em I&D, em competências da força de trabalho e iniciativas estratégicas. Se esta situação se prolongar, pode comprometer a competitividade a longo prazo. PUB

ECONOMIA | 06

Conjuntura

Indicadores e dívida marcam semana A divulgação de vários indicadores económicos na Europa e EUA e das decisões da Reserva Federal sobre política monetária vão prender as atenções dos investidores, numa semana marcada também por emissões de dívida de vários países europeus, como Alemanha, França, Espanha, Grécia e também Portugal.

Brasil

Pires de Lima lidera missão empresarial O ministro da Economia lidera a partir de hoje uma missão ao Brasil para promover as empresas portuguesas e captar investimento e onde terá encontros com a Embraer, InterCement, e a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo. Pires de Lima será acompanhado pelo secretário de Estado adjunto e da Economia, Leonardo Mathias, e pelo presidente da AICEP, Miguel Frasquilho.

A adoção de vídeo em ultra-alta definição/4K e as tecnologias M2M, incluindo os carros inteligentes (smart cars), são alguns dos impulsionadores do crescimento do tráfego. © GETTY

Cerca de 1,6 Zettabytes no horizonte Tecnologia. Tráfego global através de Internet Protocol (IP) vai multiplicar-se quase por três vezes nos próximos quatro anos e a sua composição vai mudar significativamente. O crescimento de utilizadores e dispositivos de Internet fica a dever-se à maior velocidade da banda larga e ao crescente consumo de vídeo. Em 2018, este tráfego gerado por conexões fixas e móveis alcançará 1,6 Zettabytes (mais de 1,5 biliões de Gigabytes) anuais, um crescimento interanual de 21% entre 2013 e 2018. Estas são conclusões do relatório “Cisco Visual Networking Index Global Forecast and Service Adoption 2013-2018”, a que o metro teve acesso. Em 2018, a maioria do tráfego terá como principal origem dispositivos que não o PC pela primeira vez na história da Net: o tráfego WiFi suplantará o cabo e o vídeo em HD gerará mais tráfego que o vídeo SD. A juntar a isto, o tráfego que cruzará as redes à escala global será maior que a soma de todo o tráfego dos anos anteriores – entre 1984 e 2013 foram gerados 1,3 Zettabytes de tráfego IP à escala global; em 2018 criar-se-ão 1,6 Zettabytes. O documento revela ainda que a Internet of Everything está a crescer e em 2018 haverá quase tantas conexões máquina-a-máquina (M2M) como habitantes na Terra. Por

exemplo: os carros inteligentes terão quase quatro módulos M2M por veículo. A Cisco define a Internet of Everything – a “Internet de todas as coisas” – como uma união de pessoas, processos, dados e tudo o que torna as conexões em rede mais relevantes e valiosas do que antes. Doug Webster, vice-presidente da Cisco, multinacional californiana especializada em soluções para redes e comunicações, salienta que este relatório prevê ainda que, em 2018, irá registar-se 13 vezes mais tráfego IP do que em 2008: “Aproximamo-nos da nova ‘Era Yottabyte’, que implica enormes oportunidades para fornecedores de serviços e organizações que estejam preparados para aproveitar as vantagens da Internet of Everything.”

2018

123 Exabytes será o tráfego mensal em 2018, equivalente a 8.800 milhões de ecrãs transmitindo a final do Mundial em ultra-alta definição; ou 5.500 milhões de pessoas a ver o final da IV temporada de “A Guerra dos Tronos” em vídeo-on-demand em ultra-alta definição/4K.


PUB


www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

MUNDO | 08

Paquistão

“Grande ofensiva” contra talibãs e Al-Qaeda O exército paquistanês anunciou ontem que lançou uma “grande ofensiva” contra os talibãs e a Al-Qaeda no Waziristão do Norte, uma região tribal no noroeste, que é o principal bastião dos terroristas no país.

Itália

Mais de 1.800 imigrantes socorridos na Sicília As autoridades marítimas italianas socorreram no sábado 1.812 imigrantes em águas do estreito da Sicília. Segundo a marinha italiana, os trabalhos de resgate duraram toda a noite e foram levados a cabo por navios do dispositivo “Mare Nostrum”.

Israel responsabiliza Hamas pelo rapto de três jovens Israel disse ontem que foi a organização terrorista Hamas – que controla a Faixa de Gaza – quem raptou três jovens israelitas, dois de 16 anos e um de 9, na quinta-feira quando pediam boleia perto da cidade de Hebron e avisou para “consequências sérias” ao mesmo tempo que intensificou a procura e prendeu dezenas de palestinianos. “Foram raptados e o rapto foi feito pelo Hamas”, disse o primeiro-ministro israelita Benjamim Netanyahu. © EPA MIKE PALAZZOTTO/EPA

Ucrânia. Mão dura, pedem manifestantes Milhares de pessoas concentradas na Praça Maidan, em Kiev, exigiram ontem ao presidente ucraniano Poroshenko mão dura com os rebeldes pró-russos e com os responsáveis da operação militar lançada contra os rebeldes. A morte, no sábado, de 49 soldados ucranianos em Lugansk às mãos dos separatistas pró-russos reativou as exigências do movimento Maidan.

Irão. Hostilidade a intervenções militares no Iraque O Irão é hostil a “qualquer intervenção militar estrangeira no Iraque”, segundo a porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Marzieh Afkham, citada ontem pela agência ISNA, após o anúncio do destacamento de um porta-aviões norte-americano para o Golfo. “Todas as ações que compliquem a situação no Iraque não são do interesse do país nem da região”, disse.

Direitos são condição prévia Bolívia. Os países “não podem alcançar o desenvolvimento sustentável enquanto se travam conflitos e se violam direitos humanos”, disse Ban Ki-moon na cimeira do G77 + China. Na sua intervenção durante a sessão inaugural do encontro, que reúne representantes do grupo de países mais numeroso no seio da ONU, o secretário-geral das Nações Unidas destacou a importância de atingir um equilíbrio entre “as necessidades dos povos e as do planeta”. “Os países não podem alcançar o desenvolvimento sustentável enquanto se travam conflitos e se violam os direitos humanos, se descuida a boa governação e o Estado de Direito e enquanto a desigualdade e a injustiça alimentam a instabilidade”, afirmou na Bolívia. O secretário-geral da ONU falava na abertura da cimeira do G77 +

China diante de presença, entre outros, de presidentes de regimes acusados de violações aos direitos humanos como o do Zimbabué, Robert Mugabe; Guiné Equatorial, Teodoro Obiang; ou Cuba, Raúl Castro. Por isso, afigura-se “fundamental” que os membros do G77 se apoiem uns aos outros “para que a Carta das Nações Unidas e a Declaração Universal dos Direitos Humanos sejam sempre cumpridas”, acrescentou. O objetivo da cimeira é traçar as diretrizes da agenda internacional de desenvolvimento para depois dessa data, a fim de se retomar a luta contra a pobreza e a proteção do meio ambiente.

G77 + China O tema da cimeira do G77+ China é a “criação de uma nova ordem mundial”, visando reforçar a estrutura institucional de um grupo heterogéneo e promover o desenvolvimento por via da cooperação. • Este encontro marca o 50º aniversário do grupo, uma organização criada por 77 países em 1964 em Genebra, que hoje conta com 133 Estados-Membros, que representam dois terços dos países e dos votos no seio da Assembleia-Geral da ONU. • Os dignitários estão reunidos para debater uma agenda global posterior a 2015 e que deve dar relevo aos Objetivos do Desenvolvimento do Milénio delineados pela ONU.


PUB


2

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

10

CULTO

WHITE HAUS Qual é o grande desafio de deixar o trabalho de uma banda e passar a fazê-lo a solo? Quando se pas-

Eric Idle

“Estamos muito entusiasmados não só por podermos fazer asneira em palco, mas agora dão-nos a oportunidade de poder fazer asneira também na televisão” O membro dos Monty Python reagiu com boa disposição quando soube que o último dos dez espetáculos “Monty Python Live (Mostly)” que o coletivo de comédia vai fazer na Arena O2 (entre 1 e 20 de julho) em Londres também vai ser transmitido no canal televisivo inglês Gold. GETTY IMAGES

Com os X-Wife parados, João Vieira atira-se livremente e a solo às inspirações da sua vida. “The White Haus Album” é o nome do disco, feito para dançar.

acompanhado, não posso estar sozinho. Tentei fazer sozinho, mas não consigo. Há músicas que têm quatro ou cinco teclados a tocar ao mesmo tempo, tenho um baixo, tenho que mudar coisas. É um stress. Nesta altura os X-Wife estão parados, não têm material novo e eu gosto de andar na estrada, de tocar e da sensação de estar no palco.

UM DISCO PARA PISTAS

sa demasiadamente tempo a fazer uma coisa, ficamos sem noção do trabalho, isto é, se vai agradar ou não. Tinha mesmo muitas dúvidas, porque já estou demasiadamente envolvido no processo. É um bocadinho mais arriscado: este disco não foi pensado para seguir uma linha estética como havia nos X-Wife, por exemplo. Aqui fui buscar as influências de tudo aquilo que gosto muito. Aqui há uma liberdade muito maior, de experimentar, de fazer maluqueiras, efeitos na voz... De onde vem a vontade de fazer este projeto a solo como White Haus? Este era um projeto para

dar mais continuidade à minha carreira como DJ Kitten. Tinha chegado a um ponto em que não ia crescer mais, estava a decrescer porque o hype já tinha passado e então tive a necessidade de produzir música como DJ. Pensei em produzir música para as pistas de dança e foi isso que fiz com o primeiro EP. A reação foi tão boa que pensei em continuar. Como tinha canções que também não

eram para a pista, avancei com a ideia do álbum. Não sei se é por causa da voz, mas sinto que existe uma coerência e ligação grande entre o seu trabalho nos X-Wife; enquanto DJ e agora a solo. Há algo que une todas estas facetas? Claro.

É a música que ouço desde miúdo. Enquanto nos X-Wife estava limitado em termos de referências, aqui tenho mil e uma referências. Mas é diferente: pousei a guitarra e quis focar-me mais na parte rítmica de baixo e bateria e a partir daí começar a cantar por cima, a improvisar muitas vezes. No entanto, não deixa de ser sempre a mesma pessoa a cantar, mas aqui é mais relaxado, menos agressivo. Às vezes quase em registo spoken word.

É um músico muito diferente daquilo que era nos X-Wife? Acho que a

idade tem-me tornado diferente. Já era uma espécie de oposto em DJ Kitten, que as atuações eram uma maluqueira do pior; em X-Wife, sobretudo no início, era muito concentrado até porque não era um guitarrista muito virtuoso. Aqui exige uma concentração muito grande na parte eletrónica, mas também tenho de estar à vontade no palco enquanto canto. Isto é para ser um bocado club: pôr as pessoas a dançar, como se fosse um DJ. E onde vamos poder ouvi-lo? Dia 21,

O trabalho ao vivo também se torna muito diferente? Vou apostar num

formato de banda. Tenho que estar

no Café Au Lait, no Porto e dia 26 no Musicbox, em Lisboa. São as festas de apresentação. BRUNO MARTINS


11

NBC a preparar série 3 televisiva sobre Beatles?

Música

Televisão. Pode vir a ser um dos grandes sucessos da televisão: o canal NBC estará a planear criar uma série baseada na vida e na carreira dos Beatles. De acordo com o site site Deadline Hollywood, a série de oito episódios será escrita por Michael Hurst, que foi o criador e produtor executivo da série “Os Tudors”, Teri Weinberg e Ben Silverman. O projeto mostra que o canal televisivo está a apostar mais neste formato, depois de já ter apresentado “The Sound of Music”, “Rosemary’s Baby” ou “A.D.”, que dá continuação à minisérie “A Bíblia” (com Diogo Morgado). Esta não será a primeira vez que os “Fab Four” vão ser tema de

Há muito material para ser tratado em filme sobre a história dos Beatles. A nova série pode esclarecer algumas. © DR

séries de televisão. Em 1978, já Robert Zemeckis realizava a produção de Steven Spielberg “Febre da Juventude”, ainda que a banda de Liverpool não aparecesse no ecrã. Já em 1994, “Os Cinco Rapazes de Liverpool” apresentava a banda e com a presença de Stuart Sutcliffe, considerado o quinto Beatle. Sendo uma (ou “A”) das bandas mais importantes da história da música, é natural que haja tanto interesse em contar as histórias dos Beatles. Em 2009, Aaron Taylor Johnson interpretou o papel de John Lennon no filme “Nowhere Boy”, realizado por Sam Taylor Wood, e que relatava os primeiros anos do músico. No entanto, não há muitos “biopics” da banda. Para julho está marcado o relançamento do documentário “A Hard Day’s Night”, que assinala os 60 anos do primeiro lançamento discográfico.

DISCOS DE ALGIBEIRA

“Finalmente” ELIAS [Ed. Autor] Depois de trabalhar com We Trust ou Manel Cruz, o músico estreia-se agora com um EP. “Upside Down Mountain” CONOR ORBEST [Nonesuch] O regresso de um dos grandes talentos da escrita de canções, líder dos Bright Eyes. “Lazaretto” JACK WHITE [XL Recordings] O sucessor de “Blunderbuss” traz-nos de volta um dos reis do rock deste século.

PUB

Disco

Rick Rubin volta ao trabalho com Kanye O produtor Rick Rubin vai voltar a assumir a cadeira da produção num disco de Kanye West. O rapper quererá continuar a apostar num registos crue pesado depois de “Yeezus”. Na BBC, Rick Rubin disse que Kanye já começou a trabalhar nas ideias vocais e Q-Tip poderá integrar o disco.

Pedido

Sia “faz-se” ao lugar na banda sonora de Bond A cantora australiana Sia utilizou o Twitter para implorar que seja ela a escolhida para cantar o próximo tema oficial de um filme de James Bond. A artista quer seguir as pisadas de nomes como Shirley Bassey, Paul McCartney, Alicia Keys, Jack White e Adele.

GETTY IMAGES

Óbito. Morreu o cpt. Geering, de ‘‘‘Allo ‘Allo!” O ator inglês Sam Kelly, que fez de Capitão Hans Heering na famosa série de comédia na BBC “‘Allo ‘Allo!” nos anos 80, morreu no passado sábado, aos 70 anos, vítima de doença prolongada. “Sam Kelly morreu pacificamente esta manhã após ter lutado corajosamente contra uma doença prolongada”, anunciou a agente. Fica a recordação de uma das mais engraçadas saudações nazi de sempre.

Música. James Blake prepara 3.º disco James Blake já está com os olhos postos no futuro e no terceiro disco da sua carreira. O músico inglês atuou este fim de semana no festival Bonnaroo, em Manchester, e, numa entrevista à Billboard, revelou que o sucessor de “Overgrown” já está a ser pensado e terá edição em 2015. Blake revelou ainda tem trabalhado com Justin Vernon (Bon Iver) e também Kanye West.


www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

Street Fashion Londres

Street Fashion Florence

LAZER | 12

Horizontais: 1. Limpar, esfregar com areia ou outro pó.

Palavras cruzadas

Servira-se de. 2. Relativo à cúria. Que é de bronze. 3. Sétima letra do alfabeto grego correspondente ao e longo dos latinos. Ligar. Bismuto (s.q.). 4. Despido. Osso da coxa dos vertebrados. Aquelas. 5. Ourela. Dar asas a. 6. Cantor ambulante. Aniversário natalício. 7. Mulher que possui muitos bens. Enfurecer. 8. Sobre (prep.). Pífaro. Medida itinerária chinesa. 9. A si mesmo. Discursar. Possui. 10. Pano de algodão com que os guerreiros de Timor cobriam o corpo, da cintura ao joelho. Pessoa descendente de uma raça que se diz oriunda de Sem. 11. Planta gramínea. Próprio para moer.

Verticais: 1. Gesto com a mão, com os olhos ou com a cabeça. Animal de carga. 2. Quebra de relações sociais ou familiares. Dividir ao meio. 3. Época notável. Recitar. Caminhar. 4. Grito de dor ou de alegria. Que causa fadiga. 5. Escumalha. Esvaziar. 6. Fruto da limeira. Damas de companhia. 7. Classe. Qualquer carruagem. 8. Aglomeração de serras. Contr. do pron. pess. compl. me e do pron. dem. o. 9. Fluido gasoso, transparente e invisível que constitui a atmosfera. Grande porção. Sinal gráfico que serve para nasalar a vogal a que se sobrepõe. 10. Ribanceira. Pequena sala. 11. Aplane. Escrever em versos rimados.

Sudoku

•••••

Solução cruzadas Horizontais: 1. Arear, Usara. 2. Curial, Eril. 3. Eta, Liar, Bi. 4. Nu, Fémur, As. 5. Orla, Alar. 6. Aedo, Anos. 7. Rica, Irar. 8. Em, Gaita, Li. 9. Se, Orar, Tem. 10. Tais, Semita. 11. Arroz, Molar. Verticais: 1. Aceno, Besta. 2. Rutura, Mear. 3. Era, Ler, Ir. 4. Ai, Fadigoso. 5. Ralé, Ocar. 6. Lima, Aias. 7. Aula, Trem. 8. Serrania, Mo. 9. Ar, Ror, Til. 10. Riba, Saleta. 11. Alise, Rimar.

Solução sudoku O que veste a Irene Cioni? “Blusa COS, sandálias & Other Stories, calções Pink Memories e mala Patricia Pepe Firenze.” O que a influencia? “Regra geral, tem a ver com a minha disposição no dia, mas às vezes visto-me para me animar.” MICHELLE BOBB-PARRIS

PUB

O que veste a Lindsay Eisenkraft? “Mala Gucci, sandálias Manolo Blahnik, óculos de sol H&M e vestido Brittany J. Kinkard.” Se pudesse, trocava de guarda-roupa com quem? “Diria com Lauren Hutton da década de 70.” MELANIE GALEA

Ficha técnica Metro Portugal Rua Luciana Stegagno Picchio, n.º 3, 1549-023 LISBOA - PORTUGAL E-mail: geral@metroportugal.com

METRO PORTUGAL Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à PROPRIEDADE Metro International, SA, EDITORA Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social €50.000,00, Contribuinte 505338602, registada na C.R.C de Cascais _nº 505338602, Principal acionista Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade Diária Distribuição Gratuita Impressão Lisgráfica, Impressão e Artes Gráficas S.A. Rua Consiglieri Pedroso 90, Casal de Santa Leopoldina, 2730-053 Queluz de Baixo. DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Diretora Adjunta Ana Silveira Agências Adriana Macedo, Daniel Barata, Margarida Rego, Miguel Diniz, Paula Tavares, Raquel Pinto; Diretos Andreia Carolino, Filomena Mestre, Joana Almeida, João Rodrigues, Luís Farinha Planeamento Maria da Luz Veiga Tel. 210494204/210494815; Fax 21 049 31 34 PORTO Gabriela Raposo, Tiago Medeiros Tel. 22 532 23 09 Fax 22 532 23 99 E-mail publicidade@metroportugal.com DESIGN GRÁFICO Joana Pio, Rui Gonçalves MARKETING Elizabeth Shipeio, João Aleixo Passatempos Marta Tavares (info@clubedepassatempos.pt) Ativações e Eventos Joana Gil (coordenadora), David Fernandes, Mafalda Esteves, Patricia Cristina, Vânia de Araújo CHEFE DE DISTRIBUIÇÃO José Magalhães Distribuição António Caldeira, Orlando Lopes (Porto) DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto) Editora gráfica Sónia Santos Grafismo Rita Alves, Túlio Vasco Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso.

Correio do leitor

De pequenino se torce o pepino De pequenino se torce o pepino, dizem eles, e dizem bem. Menores criam gangues e vão assaltando em polos universitários. Crianças vão roubando um telemóvel aqui, uma carteira ali, como se nada fosse. Bem e vamos lá ver, haverá algum problema? São crianças, afinal de contas. Melhor será dizer-lhes que não podem fazer nada disso e deixá-las andar, deixá-las voltar à sua vida, à sua essência tão inocente. (...) Haverá algo de errado em assaltar alguém e de seguida “postar” algo no facebook a vangloriar-me daquilo que acabei de fazer? Haverá algo de errado se se esfaquear alguém apenas porque não possui dinheiro ou telemóvel que se possa roubar? Não creio, afinal são apenas crianças, com necessidade de ocuparem os seus tempos livres. E sejamos sinceros, não se pode bem dizer que, nos dias que correm, ir ao cinema, ou comprar um videojogo, ou umas roupas seja barato. Têm de lhes dar uma desculpa, vá lá. LUÍS PINTO

As cartas dos leitores devem ser enviadas para Metro/Rua Luciana Stegagno Picchio, n.º 3, 1549-023 LISBOA, ou por e-mail para: leitores@metroportugal.com. As opiniões desta página não vinculam as do METRO nem traduzem a opinião do jornal. O METRO reserva-se o direito de editar as cartas que não devem exceder os 400 caracteres..


PUB


www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

PRESS | 14

Yoco oferece consultas com o nutricionista Nestlé. Marca promove este mês de junho um conjunto de iniciativas com o objetivo de divulgar hábitos equilibrados de alimentação infantil. O Mês da Nutrição da Yoco quer fomentar o acompanhamento regular das crianças por parte dos nutricionistas. Por isso, durante este mês a marca oferece 100 consultas com nutricionistas para crianças, em consultórios, bastando para tal que os consumidores enviem talões comprovativos da compra de duas embalagens Yoco. As iniciativas Mês da Nutrição Yoco realizam-se por todo o País e incluem a disponibilização de checkups nutricionais gratuitos feitos por nutricionistas e a oferta de iogurtes e queijinhos Yoco em vários espaços comerciais e de lazer: lojas Continente, Pingo Doce e Auchan, Jardim Zoológico de Lisboa, Centro Comercial Amoreiras, Centro Comercial Alegro em Alfragide e Centro Comercial Norte Shopping.

Lipton Ice Tea tem novos sabores para este verão Com a chegada do verão, os dias ficam maiores, mais quentes e os finais de tarde tornam-se mágicos. Este é o momento perfeito para apreciar os cocktails mais requisitados da estação: Daiquiri, Pina Colada e Mojito, os novos deliciosos e refrescantes sabores de Lipton Ice Tea. O Lipton Ice Tea Daiquiri surpreende com o irresistível toque tropical de morango e pitaya; o

Lipton Ice Tea Pina Colada seduz com o inconfundível sabor exótico a ananás e coco; e o Lipton Ice Tea Mojito combina na perfeição toda a leveza do chá verde com o poder refrescante de lima e menta. Numa edição limitada até setembro, Lipton Ice Tea Daiquiri, Pina Colada e Mojito estão disponíveis nas grandes superfícies e na restauração, em formato garrafa de 1,5 L e em lata de 25 cl.

Para ficar a saber tudo visite o novo site www.yoco.pt, com informação sobre iogurtes, queijinhos Yoco, calendário das iniciativas Mês da Nutrição Yoco, dicas sobre alimentação infantil, sugestões práticas para refeições ligeiras, jogos e muito mais!

CC Alvalade tem novas lojas da moda O H3, com os seus hambúrgueres Gourmet, o Corner de Sushi Wasabi, onde poderá encontrar temakis ou combinado de sushi, ou o Tapas Lounge by Iguarias, um bar de tapas e gins com um menu assinado pelo Chefe Cordeiro, são

algumas das ofertas da restauração do Centro Comercial Alvalade, espaço que está na moda e que em outubro comemora um ano desde que ganhou nova vida, após uma remodelação completa. Na área da moda, a Dress To é uma das novidades, com um conceito de moda feminina, versátil e moderna. Para quem gosta de acessórios, a Horas d’Ouro disponibiliza vários artigos e serviços de ourivesaria.

Hammerite: a fórmula inovadora Hammerite, referência no mercado no segmento de metais da Robbialac, apresenta a fórmula inovadora Dualtech, que oferece dupla proteção aos metais, pois atua na ferrugem e repele a água. A eficácia da Dualtech está na combinação de pigmentos anticorrosivos que impedem a evolução da ferrugem e de ceras especiais que conferem repelência à água. O esmalte Hammerite, que garante oito anos de proteção, está disponível nos acabamentos Liso AltoBrilho, Liso Meio-Brilho, Martelado Brilhante e Forjado, em embalagens de em 0,25L, 0,75L, 2,5L e 5 L, dependendo das cores e acabamentos.


PUB


PEQUENOS ANĂšNCIOS

Não Consegue CRÉDITO? Temos a solução sem custos de processo NEGÓCIO SÉRIO E REAL sem recurso a crÊdito 960 071 611 | geral.medifinance@sapo.pt

MEDIFINANCE

Tem IMĂ“VEL? c/s Hipoteca

OPERADORES CALL-CENTER PART-TIME

ODIVELAS Das 16h Ă s 20h30 Base xa: 350â‚Ź PrĂŠmios: MĂŠdia 150â‚Ź Marcar entrevista:

932 583 381 (11h Ă s 18h)

.,68BTI E\

$%5$80$/$9$1'$5,$ 6(/)6(59,&(&217$&7(126 ()$=(026'(6,80(035(6Ăˆ5,2'(68&(662 "OJNBUF'PUPGJYFF.‡RVJOBT"VUPN‡UJDBT -EB 7HO(PDLODQLPDWH#PDLOWHOHSDFSW


PEQUENOS ANÚNCIOS


3 SPORT

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2014

Preparados: venham daí os alemães Mundial 2014. Será uma Seleção portuguesa em pleno que irá estrear-se hoje no Campeonato do Mundo do Brasil, frente à Alemanha, na Arena Fonte Nova, em Salvador da Bahia (17h). O adversário já é por si só temível e a estatística mais recente de confrontos diretos não ajuda: os germânicos levaram a melhor nas últimas três ocasiões (Mundial 2006, Euro 2008 e Euro 2012). Para se encontrar uma vitória portuguesa temos mesmo de recuar à noite louca de Sérgio Conceição, no Euro 2000, aquele 3-0 com um hat-trick à conta do buliçoso extremo. Mas a estatística vale o que vale, e o ambiente no balneário nacional, a avaliar pelo discurso do capitão Ronaldo, é de confiança. O melhor do mundo não tem dúvidas: “este vai ser o ano de Portugal”, e a “história vai começar a mudar” – a principiar pela rotina de desaires contra Neuer, Lahm, Ozil e amigos.

Joachim Low

“Será um confronto entre o número dois [Alemanha] e o número quatro [Portugal] no ranking da FIFA, mas, se jogarmos coletivamente, defendermos bem e aproveitarmos as oportunidades que tivermos no ataque, podemos ir muito longe” Selecionador alemão, na antevisão ao embate de hoje da primeira jornada do Grupo G. GETTY IMAGES

18

A condição física de CR7 tem sido um dos temas do momento, e ontem, véspera do pontapé de saída português no Mundial, não foi exceção. Ronaldo, esse, não se esquivou a abordá-la. De peito feito: “Queria estar a 110%, mas estou apenas 100. É o suficiente para ajudar a Seleção.” Ao lado do capitão esteve Paulo Bento, que, sobre o jogo com os alemães, admitiu a necessidade de Portugal ter, “ao longo dos 90 minutos, capacidade para gerir o jogo em função do adversário” e “do clima”, sem nunca “perder o controlo emocional”. E por falar no clima, uma farpa para a FIFA: jogar às 13h00 locais, com previsão de temperaturas altas e muita humidade, “não é forma de proteger o futebol”, apontou. R.A.C.

Ronaldo garantiu que está a 100% para o muito esperado primeiro embate de Portugal no Mundial do Brasil. © JOSÉ SENA GOULÃO/EPA

Grupo F. Grupo E. Suíços Grupo E. Argentina ganham no Benzema sua, mas vence último suspiro rouba a cena Sem ser brilhante, longe disso, a Argentina tirou o essencial da estreia: os três pontos. A Bósnia colocou a oposição que pôde, mas saiu de mãos a abanar da sua primeira partida em mundiais. Adiantou-se a Argentina, logo aos 2m, num cabeceamento do sportinguista Rojo (titular, tal como outra cara bem conhecida dos portugueses, o benfiquista Garay) que desvia no infeliz Kolasinac antes de entrar. Messi apareceu em modo génio aos 65m, fazendo o 2-0. Ibisevic assinou o golo de honra da Bós- ARGENTINA BÓSNIA nia (83m).

2 1

SELEÇÕES: GRUPO F J V E D GOLOS PTS 1. ARGENTINA 1 1 0 0 2-1 3 2. IRÃO 0 0 0 0 0 0 3. NIGÉRIA 0 0 0 0 0 0 4. BÓSNIA 1 0 0 1 1-2 0 IRÃO-NIGÉRIA (20H00 SPORT TV) ARGENTINA-IRÃO (21 JUN.) NIGÉRIA-BÓSNIA (21 JUN.)

Gasta, mas assertiva, a máxima de A eficácia de Karim Benzema, com que “quem não marca arrisca-se dois golos e “meio”, foi o bastante a sofrer” encaixou ontem que nem para a França superar uns honduuma luva no Equador. Já para lá dos renhos modestos. O avançado do 90m, com 1-1 no marcador, o avan- Real Madrid abriu o ativo à beira çado equatoriano Arroyo teve a vitó- do intervalo (43m), de penalty, ria nos pés, mas demorou muito num lance que deixou as Hondupara rematar e permitiu o desarme ras reduzidas a dez jogadores – Paa Behrami. Ato contínuo, o médio lacios cometeu o castigo máximo do Nápoles conduziu um contra-ata- e foi expulso com duplo amarelo. que, o qual prosseguiu apesar de ter Depois do reatamento (48m), sofrido uma falta dura, e alguns se- novamente Benzema no papel gundos depois estava Seferovic a fes- principal: rematou ao poste, a bola tejar o golo da vitória suíça por 2-1, ressaltou no guarda-redes rival assinalava o relógio 93m. Depois a Valladares e entrou. Detalhe: o lanbola foi ao meio-campo e o jogo ter- ce permitiu aproveitar as potenciaminou. O Equador até tinha marca- lidades da tecnologia da linha do primeiro, por Enner Valencia, de golo – verificou-se que a bola mas Seferovic concluiu fora de entrou mesmo, quando a dúvida horas a reviravolta pairava. Benzema SELEÇÕES: que Mehmedi cofecharia o marcaGRUPO E J V E D GOLOS PTS dor em 3-0 (72m). meçou aos 48m.

2 1 SUÍÇA

EQUADOR

1. FRANÇA 1 1 0 0 3-0 2. SUÍÇA 1 1 0 0 2-1 3. EQUADOR 1 0 0 1 1-2 4. HONDURAS 1 0 0 1 0-3 SUÍÇA-FRANÇA (20 JUN.) HONDURAS-EQUADOR (20 JUN.)

3 3 0 0

3 0 FRANÇA

HONDURAS


19

Bicampeonato verde e branco Futsal. O Sporting ganhou por 4-3 (a.p.) no Fundão e renovou o título de campeão nacional, fechando o play-off da final em 3-1. Os leões somam o 12º título em 24 edições da prova. Um dia depois de verem o Fundão reduzir a decisão para 2-1, e renovar esperanças na procura de um título inédito, os leões voltaram ao pavilhão da Beira Interior decididos a levar a taça para Lisboa. E dessa entrada determinada resultaram golos de Caio Japa (5m) e Alex (16m). Mas os verdes e brancos estavam destinados a ter de sofrer para poderem fazer a grande festa, culpa do Fundão. O vencedor da Taça de Portugal reduziu antes do

Hegemonia

4 títulos venceu o Sporting nos últimos cinco anos: 2009/2010, 2010/2011, 2012/2013 e 2013/2014. A exceção foi 2011/2012, época em que o Benfica conquistou o último dos seis títulos de campeão.

MotoGP

intervalo, por David (17m), e forçou o prolongamento por Noé Pardo. O 2-2 apareceu a um minuto dos 40 regulamentares. Depois, no prolongamento, o Sporting fez valer a sua experiência em momentos de decisão e abriu nova vantagem de dois golos, pelos mesmos protagonistas – Caio Japa (41m) e Alex (46m). O golo em “cima do gongo” do anfitrião Mário Freitas já não evitou o título dos leões. Em dia de festa do Sporting, dois brasileiros estiveram com as emoções ainda mais à flor da pele, pois estão de saída. Divanei, 30 anos, vai jogar no Kairat (Cazaquistão) na próxima época, interrompendo a segunda passagem pelo Sporting (2009/2011; 2012/2014); já Deo, 31 anos, anunciou que deve rumar a um emblema russo, cujo nome será divulgado em breve, após 12 anos de leão RUI ALEXANDRE COELHO ao peito.

Ciclismo

Quinta vitória consecutiva da Audi A Audi, através do carro número 2, venceu ontem a 82ª edição das 24 horas de Le Mans. A formação vencedora proporcionou à Audi o seu 13º triunfo e quinto consecutivo na prova, tendo superado o Audi número 1 e o Toyota número 8. Os pilotos portugueses ficaram aquém das expetativas. © GETTY IMAGES

Ténis. Federer e “sucessor” Dimitrov campeões na relva O suíço Roger Federer revalidou o título na relva de Halle (Alemanha), onde já é heptacampeão, depois de bater na final o colombiano Alejandro Falla por 7-6 (7/2) e 7-6 (7/3). Noutro torneio em relva, Grigor Dimitrov ergueu o troféu de Queen’s (Londres) ao derrotar na fi-

Basquetebol

nal o espanhol Feliciano Lopez, por 6-7 (8-10), 7-6 (7-1) e 7-6 (8-6). Muito comparado a Federer, devido ao seu estilo de jogo ofensivo, o búlgaro, 13.º do mundo, é o primeiro tenista desde o suíço e David Ferrer, em 2012, a ganhar torneios em três superfícies diferentes no mesmo ano.

Futebol

GETTY IMAGES

Márquez vence pela sétima vez seguida Marc Márquez continua a não dar hipóteses à concorrência no Mundial de MotoGP, e ontem deu nova prova disso com o triunfo no circuito de Montmeló, a etapa da Catalunha, que disputou em casa. Foi a sétima vitória consecutiva em sete corridas para o campeão mundial, diante de Valentino Rossi (Yamaha) e do colega de equipa Dani Pedrosa. Na geral, Márquez lidera com 175 pontos. Seguem-se Rossi (117) e Pedrosa (112).

Dauphiné: Talansky vence Andrew Talansky (Garmin) ganhou o Critério do Dauphiné, prova de oito etapas que se realiza em França. Foi a mais importante conquista da carreira do norte-americano de 25 anos, décimo no Tour 2013.

Portuguesas derrotadas

Jesus observa em Angola

A seleção portuguesa feminina de basquetebol perdeu por 67-60 frente à Estónia, em jogo do Grupo C de qualificação para o Europeu de 2015. Com esta derrota, Portugal, terceiro no Grupo C ao fim de três jornadas, foi alcançado pela Estónia (quarto), que soma agora os mesmos quatro pontos. O grupo é comandado pela Lituânia, que venceu em casa a Itália, por 70-59, e isolou-se na liderança, com seis pontos, mais dois do que as restantes equipas.

O treinador do Benfica, Jorge Jesus, assistiu ontem no Calulo, Angola, ao empate caseiro do Libolo frente às “águias” de Luanda, durante uma visita a convite da equipa do Recreativo que serviu ainda para observar jogadores. Jesus encontra-se em Angola por alguns dias e viajou para o centro do país a convite da direção do Recreativo do Libolo, atual líder do campeonato angolano de futebol (Girabola), explicou à agência Lusa um dirigente daquele clube.

PUB


PUB

20140616_pt_lisbon  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you