Page 1

YOU CAN’T WIN CHARLIE BROWN Entrevista sobre o muitíssimo aguardado segundo álbum pág. 09

Música Kanye West inspira devoção Fim de semana Guia para os tempos livres pág. 11 PUB

PORTUGAL sexta-feira 17 janeiro 2014 ano 6, nº 2017 Lisboa 10° | 13°

Porto 09° | 12°

www.readmetro.com Diretor: Diogo Torgal Ferreira

O filme “Feral”, de Daniel Sousa, realizador português nascido em Cabo Verde, foi nomeado para o Óscar de melhor curta-metragem de animação. Conheça os principais candidatos do ano pág. 10 GETTY

Vistos ‘gold’ puxam pelo imobiliário Nacional. Consultora revela investimento de 270 milhões de euros em 2013 no âmbito de programa de incentivo pág. 04

Economia

Mundo

Ratings com sotaque luso Nova agência global de ratings tem um português como líder pág. 08

Sport

Bernie está em maus lençóis Acusação de suborno põe em cheque o senhor todo-poderoso da F1 pág. 15

Cronista

Balanço Vital com o Alvim Escritor Sandro William Junqueira pág. 02

Vaticano. Crimes contra as crianças “não têm justificação” Santa Sé responde a investigação da Comissão para os Direitos Humanos da ONU sobre abusos sexuais de menores. pág. 06


1

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

02

Sandro William Junqueira, escritor – Março de 2013: visionei pela vigésima primeira vez o filme de animação “A Viagem de Chihiro” do mestre japonês Hayao Miyazaki.

JORNAL

5 PROPOSTAS PARA O FUTURO: – Fazer o trilho dos Apalaches. – Conseguir a reposição, num teatro perto de mim, das peças “Platónov”, de Anton Tchékhov, com encenação de Nuno Cardoso, e a “Tristeza e Alegria na Vida das Girafas” do Tiago Rodrigues.

“Em 2005 verti lágrimas sinceras ao receber a notícia da retirada do Pedro Barbosa”

5 ACONTECIMENTOS: – Em janeiro de 1998, na casa da minha avó, em Barcelos, comi 17 carcaças morninhas com manteiga ao lanche. – Durante o cumprimento do serviço militar, em outubro de 1993, como faxina à cozinha na capitania do porto de Faro, descasquei e fiz em palitos dois baldes de batatas (cerca de 20 quilos) em 41 minutos. O meu recorde pessoal.

Pedro Passos Coelho

“Portugal e Espanha estão a desmentir as vozes mais pessimistas, e estamos ambos apostados na recuperação definitiva das nossas economias” Palavras do primeiro-ministro proferidas no Real Mosteiro de Yuste, em Cáceres, onde ontem o Príncipe das Astúrias entregou o Prémio Carlos V ao presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso. GETTY IMAGES

– Corria o ano de 2004 quando li “O Idiota”, de Fiódor Dostoiévski. – A 11 de agosto de 2005 verti lágrimas sinceras ao receber a notícia de que o Pedro Barbosa abandonara a carreira como jogador profissional de futebol.

– Propor o Sir Ken Robinson para ministro da Educação durante duas legislaturas. – Ser convidado para integrar a equipa técnica do Sporting Clube de Portugal. – Decorar a poesia completa do Manuel de Barros.

Balanço Vital

FERNANDO ALVIM DIRETOR DA WWW.SPEAKYTV.TV | WWW.ESPEROBEMQUENÃO.BLOGSPOT.COM

Boa notícia do dia

Portugal e EUA reforçam cooperação científica Portugal e os EUA vão aumentar a cooperação e o intercâmbio científicos, ao abrigo de três protocolos assinados ontem pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) e pela Comissão Fulbright. Os protocolos visam promover um programa de bolsas, a cedência de instalações para o funcionamento da comissão e do centro de informação Fulbright e a integração do arquivo histórico da comissão no arquivo de ciência e tecnologia da FCT. Este ano as bolsas vão ter valores, por bolseiro, até 18.500 euros, para doutoramentos, até 8.800 euros, para professores e investigadores doutorados, e até 9.450 euros, para professores e investigadores americanos convidados.

Grupos de “autodefesa” do México Em Antunez, cidade mexicana, um dos autodenominados grupos de “autodefesa” procede ao enterro de mais uma vítima do flagelo do narcotráfico que afeta o país. Apesar da postura conciliatória em relação a estes grupos, dando-lhes a possibilidade de entregarem às autoridades as suas armas pela sua própria iniciativa, o governo local considera-os ilegais. © GETTY IMAGES


PUB


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

04

Investimento “dourado” Imobiliário. 2013 ficou marcado pelos 270 milhões de euros investidos no âmbito do programa vistos “gold”, sobretudo em habitação, revelou fonte de uma consultora. Em 2013 somaram-se ainda mais de 300 milhões de euros no mercado fundamentalmente comercial, segundo a Jones Lang LaSalle. Em declarações à agência Lusa, o diretor-geral da consultora, Pedro Lancastre, precisou que 270 milhões de euros dizem respeito a cerca de 400 vistos “gold”. “É uma novidade do ano. No ano passado [2012] não acontecia. É uma nova tendência e foram 400 vendas que não teriam sido feitas se este programa não estivesse em vigor e foram 270 milhões de euros que entraram no País”, notou o responsável. A atribuição dos vistos “gold” impõe que a atividade de investimento, promovida por um indivíduo ou uma sociedade, seja desenvolvi-

OCDE

da por um período mínimo de cinco anos em Portugal, prevendo-se várias opções, em que se incluem a transferência de capital num montante igual ou superior a um milhão de euros, a criação de pelo menos dez postos de trabalho ou a compra de imóveis num valor mínimo de 500 mil euros. No total, Portugal concedeu até final de dezembro 471 vistos “gold”, que se traduzem num volume de investimento de 306,7 milhões de euros no País, segundo fonte oficial do gabinete do vice-primeiro-ministro, Paulo Portas. Pedro Lancastre disse que o investimento estrangeiro aconteceu em 2013 porque o País “recuperou a credibilidade e estabilidade”.

Um ano em revista Em resumo, o responsável da Jones Lang LaSalle, Pedro Lancastre, referiu que 2013 ficou marcado pela duplicação do volume de investimento imobiliário em Portugal. “É o ano dos ‘golden visas’, com 270 milhões de euros de investimento estrangeiro a ser efetuado em Portugal, e do comércio de rua”, já que cada vez mais marcas mundiais mostraram interesse em abrir lojas em Lisboa. O ano de 2013 também fica marcado pelo Turismo, com todos os indicadores a crescerem. Em termos negativos, o responsável destacou a pouca transação de escritórios, ao apenas se terem transacionado 78 mil metros quadrados. Os resultados da empresa aumentaram 30%, de uma “base muito razoável para bastante”.

Troika. Cavaco Silva confia no fim em maio O Presidente da República reforçou ontem a convicção de que em maio Portugal concluirá o programa de ajustamento “com sucesso”, apontando 2014 como um ano “crucial”. Cavaco Silva salientou que em 2013, apesar de não ter sido “um ano fácil para Portugal”, a economia registou alguns sinais positivos que permitem encarar 2014 com mais “esperança”.

União Europeia. “Europa não tem culpa da crise” A Europa não é responsável pela crise, não pode converter-se na sua vítima e pode perder-se caso os elementos básicos da sua construção sejam abandonados, defendeu o presidente da Comissão Europeia. Durão Barroso falava no Real Mosteiro de Yuste (Cáceres), onde ontem recebeu, das mãos do príncipe das Astúrias, o Prémio Carlos V 2012, em reconhecimento pelo seu papel na defesa do interesse geral num período de crise.

TAP

Santos Pereira diretor de estudos nacionais

Governo solicita atualização da avaliação

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) nomeou o ex-ministro da Economia, Álvaro Santos Pereira, diretor do departamento de estudos nacionais, assumindo o cargo a 1 de abril. Em comunicado a OCDE revela que Santos Pereira irá apoiar o economista-chefe e “assegurar que a OCDE continua na vanguarda da agenda política e económica internacional”.

O Governo pediu aos assessores financeiros da privatização da TAP uma atualização da avaliação da companhia aérea. Esta atualização, pedida ao Barclays Capital, ao Banco Espírito Santo de Investimento, ao Citi Bank e ao Crédit Suisse, visa ter em consideração os resultados da TAP referentes a 2013.

PPP

Poupar quase 160 M€

MARIO CRUZ/LUSA

As poupanças com as parcerias público-privadas (PPP) rodoviárias aproximaram-se dos 160 M€ em 2013, mais de metade da meta de redução de 300 M€ fixada para o ano passado, disse à agência Lusa fonte governamental. Dos 300 M€ que o Governo tinha previsto poupar em 2013 com a renegociação das PPP, “um pouco mais de 150 milhões de euros foi conseguido” no ano passado, sem o acordo dos bancos.

PSD sozinho na defesa do referendo O PSD esteve ontem sozinho em defesa do referendo à adoção e coadoção por casais do mesmo sexo – uma resolução da JSD liderada por Hugo Soares (na foto) –, com o CDS a demarcar-se e a oposição a considerá-la “inconstitucional” e uma “fraude política”. O diploma será votado hoje. © MÁRIO CRUZ/LUSA


PUB

05 | NACIONAL

Cerca de 61% dos condutores jovens mortos e dos feridos graves circulam em automóveis ligeiros, e 34% em veículos motorizados de duas rodas. © VÍTOR MOTA / CM

Centenas de jovens mortos Sinistralidade. Relatório da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) revela número de acidentes de viação que decorreram em Portugal entre 2010 e 2012. Duzentos e sessenta e um jovens, entre nos 18 e os 24 anos, morreram em acidentes de viação, em Portugal Continental, no período de 2010 a 2012, disse a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR). Os dados foram divulgados durante a apresentação da edição deste ano do programa de segurança rodoviária “BP Segurança ao segundo”, destinado a futuros condutores. Segundo a ANSR, o risco de morte, em acidentes de viação, de jovens entre os 18 e os 24 anos, nos três anos em análise, foi cerca de “30% superior ao da restante população”, ainda assim inferior a valores médios da União Europeia (UE).

Transportes públicos

Fraude custa 10 M€/ano A fraude custa mais de 10 M€ por ano às empresas de transportes públicos de Lisboa e do Porto, com a Carris e o Metro do Porto a registarem as maiores perdas de receita, segundo dados do Ministério da Economia. Entretanto, a Deco defendeu que as empresas de transportes devem compensar os clientes afetados por greves prolongadas, aumentando o período do passe mensal em função dos dias da paragem.

Fim de semana

Em relação aos dias em que ocorrem os acidentes, sábado e domingo registam 40% dos condutores mortos ou com feridos graves. A ANSR refere que, na UE, os jovens têm um risco de morte de quase o dobro da média da população dos respetivos países, mas que Portugal, a par da Hungria, registou em 2010 a menor taxa de risco relativa a casos de morte de jovens na União.

www.pordata.pt

Sabia que... ... a taxa de inflação no ano que passou foi a mais baixa dos últimos três anos? Em 2013, a taxa de inflação foi 1/10 da registada no ano de 2012. Caminho: Pordata>Portugal>Contas Nacionais>Preços>Taxa de Inflação (Taxa de Pordata>Portugal>Variação - IPC)

SAIBA MAIS SOBRE PORTUGAL E A EUROPA NA BASE DE DADOS PORDATA.PT


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

MUNDO | 06

Porto Rico

Estatuto discutido Foi aprovado ontem um fundo nos EUA para promover uma consulta sobre o estatuto de Porto Rico, um Estado livre com Constituição e executivo próprios, mas dependente de Washington em áreas como fronteiras, defesa ou relações externas.

França

Gayet processa revista A atriz francesa Julie Gayet processou a Closer por violação do direito à privacidade devido ao artigo sobre a alegada relação com o presidente, François Hollande. Gayet pede uma indemnização que chega aos €54.000 e se vencer a revista terá de publicar o veredito na capa.

Capital chinesa acordou sob um manto de densa poluição Pequim acordou ontem envolta numa espessa nuvem de poluição, com os indicadores da qualidade do ar a atingir níveis mais de 20 vezes superiores aos máximos recomendados pela Organização Mundial da Saúde. A visibilidade ficou reduzida a poucas centenas de metros, o céu tingiu-se de cinzento e nas paragens de autocarro havia muitas pessoas com máscaras a tapar a boca e o nariz. “A qualidade do ar atingiu o nível ‘mais poluído’”, assinalou o China Daily. © EPA

Itália. Armas químicas sírias na Calábria A operação de transbordo de cerca de 500 toneladas de químicos do arsenal sírio vai decorrer no porto de Gioia Tauro, na região da Calábria, disse ontem o ministro do Transportes de Itália, Maurizio Lupi. Recorde-se que o transbordo esteve em vias de ser feito nos Açores. Já o autarca de Gioia Tauro desgosta da ideia. “Se acontece algo as pessoas vêm buscar-me com uma forquilha.”

Egito. Presidência interina satisfeita com referendo A presidência interina egípcia congratulou-se ontem com a “forte participação” no referendo sobre a Constituição, considerado pelas novas autoridades como um apoio popular à destituição em julho, pelos militares, do presidente islamita Mohamed Morsi. Segundo vários media locais, mais de 90% dos votantes aprovaram a nova Constituição, mas resultados finais só amanhã.

GETTY IMAGES

“Abusos sexuais sem desculpa” Vaticano. Representante da Santa Sé disse à Rádio Vaticano que os crimes contra as crianças “não têm justificação” e que a Igreja Católica está “apostada” em acabar com a pedofilia. Silvano Tomasi acrescentou que o Vaticano “nunca colocou obstáculos” às investigações de abusos sexuais de crianças e defendeu a “transparência” do processo. As palavras de ontem do arcebispo surgem numa altura em que a Comissão para os Direitos da Criança da ONU confronta o Vaticano sobre as acusações de abusos sexuais de que alguns dos seus padres têm sido acusados ao longo de décadas. Neste inquérito, ao qual a Santa Sé está a responder pela primeira vez, Tomasi garantiu – antes da entrevista à rádio – que a prevenção destes casos é uma “prioridade

imediata”. Todavia, defendeu a Igreja Católica, argumentando que “lamentavelmente existem em todas as profissões” pessoas que molestam sexualmente crianças. Tomasi recordou ainda em Genebra, Suíça, que os padres pedófilos “não são funcionários do Vaticano, mas cidadãos dos países onde vivem, logo devem ser julgados segundo essas leis”. Note-se que o Papa disse ontem durante a homilia sentir “vergonha dos escândalos” que abalam a Igreja Católica. “Há tantos que não quero falar individualmente, mas todos sabemos onde estão LUÍS CARMO e quem são.”

Alguns escândalos... • Na Alemanha o padre Andreas L, admitiu que esteve envolvido em 280 casos de abuso sexual a três crianças desde 2004; • Nos EUA os padres de Boston Paul Shanley e John Geoghan confessaram abusos nos anos 90; • Na Bélgica o bispo de Bruges, Roger Vangheluwe, resignou em abril de 2010, depois de ter admitido que abusou de rapazes durante anos; • Na Irlanda um estudo de 2009 mostrou que na maior parte do século passado foram vários os abusos cometidos nos orfanatos e escolas públicas do país.


PUB


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

ECONOMIA | 08

Português lidera nova agência de rating Mercados. O economista José Poças Esteves é o presidente-executivo da nova agência de rating global, ARC Ratings, ontem apresentada em Londres e que junta cinco congéneres. Além da Companhia Portuguesa de Rating, a ARC conta com a CARE Rating (Índia), a GCR (África do Sul), a MARC (Malásia) e a SR Rating (Brasil). As agências de rating classificam o risco de crédito de empresas, municípios e países, atribuindo notas (ratings) em função da capacidade de pagamento das dívidas que lhes atribuem. As três maiores são a Moody’s, Fitch e Standard&Poor’s, mas surgiram recentemente novas empresas para disputar a primazia norte-americana, como a chinesa Dagong. Neste momento há 21 agências de rating registadas e duas certificadas na União Europeia (UE).

O lançamento da ARC Ratings é uma “grande notícia” para as empresas portuguesas de média e grande dimensão porque pode abrir o acesso aos mercados de capitais internacionais, disse o presidente executivo, citado pela agência Lusa. “Não só em Portugal, em toda a Europa e grande parte do mundo, achamos que vai ser uma grande notícia porque as médias e grandes empresas (...) são muito maltratadas pelo sistema financeiro porque estão muito dependentes da banca – praticamente a única [opção de financiamento] – porque os mercados de capitais estão quase fechados para eles”, justificou Poças Esteves.

A ARC classificará dívidas soberanas, mas o seu código de conduta impõe que só publicarão os “ratings” solicitados © DR

PUB

Eurostat. PIB vai aumentar com novas regras O Produto Interno Bruto (PIB) de Portugal vai aumentar entre 1 a 2% devido à mudança nas regras do Sistema Europeu de Contas que vai entrar em vigor a 1 de setembro, anunciou ontem em Bruxelas o Eurostat. Segundo o gabinete de estatísticas europeias as alterações ao Sistema Europeu de Contas preveem, entre outras alterações, a inclusão como investimento nas contas nacionais da despesa com investigação e desenvolvimento ou a despesa em sistemas de armamento. A nova metodologia inclui ainda uma análise mais detalhada dos sistemas de pensões dos Estados-membros, da contribuição dos serviços de seguros para o PIB e um maior controlo das alterações macroeconómicas para os 15 anos seguintes.

Mercado Puro

Desvalorização pelos preços FILIPE GARCIA ECONOMISTA DA IMF

As assimetrias de variação dos preços na Zona Euro podem constituir uma ferramenta de “desvalorização cambial interna”. Dado que o câmbio é fixo entre os países da UEM, a queda dos preços, acontecendo de forma heterogénea, tem efeitos semelhantes a uma desvalorização cambial com os preços domésticos a subir menos (ou a cair) face aos principais parceiros comerciais, nomeadamente Alemanha. Como a inflação na Alemanha é baixa, isso significa que, para ganhar competitividade, os restantes países têm de ter uma evolução de preços ainda mais moderada, levando a que Portugal, Grécia ou Espanha tenham de registar taxas perto ou abaixo de 0%, que é o que tem sucedido nos últimos meses.

O dia a dia dos mercados Petróleo

Euribor 6m

Psi-20

$105,57 (-0,66%)

0,405 (+2,02%)

7.094,31 (-0,43%)

Euro para: Dólar 1,361; Libra 0,832; Real 3,223

Fórum Económico Mundial

Crise orçamental preocupa As crises orçamentais nas principais economias, o desemprego, a falta de água e as severas disparidades de rendimento são as principais preocupações inscritas no relatório deste ano do Fórum Económico Mundial.

OPEP Capitalização

2,4% A nova metodologia irá ainda provocar um aumento médio do PIB nos países europeus de 2,4%, na sua maioria relacionado com a capitalização da despesa em investigação e desenvolvimento.

Procura revista em alta A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) reviu ontem em alta ligeira a estimativa da procura mundial de petróleo para 2013 e 2014.


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

09 FOTOS DE VERA MARMELO

2 CULTO

Depois de um EP e do disco “Chromatic”, como é que começa a nascer este “Diffraction/Refraction”?

Assim que estivemos com mais tempo livre – quer dos nossos trabalhos, quer da digressão – começámos a compor. A génese não foi muito diferente: o disco tem as ideias bases do Afonso [Cabral], do Luís [Costa], do João [Gil] e minhas [a banda é ainda composta por David Santos aka

que era algo que gostaríamos que acontecesse, ter um disco que soasse a disco, mas não trabalhámos intensivamente nisso. Simplesmente aconteceu. Foi quando acabámos a mistura, com o Luís Nunes, que nos reunimos a ouvir o disco de uma ponta a outra e concluímos que foi uma experiência de que gostámos muito: misturar numa mesa analógica, música a música,

YOU CANT’ WIN CHARLIE BROWN Eis o regresso em grande da banda portuguesa: o novo “Diffraction/Refraction” é editado na segunda-feira e amanhã é apresentado no Centro Cultural de Belém. Salvador Menezes conta como nasceu o álbum.

AS ORIGENS DA REFLEXÃO Noiserv, e Tomás Sousa]. Fazíamos a base em casa e enviávamos uns aos outros. E as conversas começaram por aí, naturalmente.

com poucas possibilidades de alterações depois de cada canção concluída. Isso ajudou a fazer com que as músicas não destoassem umas das outras.

O que me parece saltar mais à vista, para lá de composições lindíssimas, é a coesão do disco. Tudo faz sentido, independentemente dos ambientes que as canções transmitem...

Diz-se que os segundos discos costumam ser de grande pressão para as bandas. No vosso caso, e na vossa música, não senti isso. Pelo contrário. Como foi, afinal de contas?

Todos nós sentimos isso. Claro

Não sentimos. O objetivo foi

apenas “‘bora fazer melhor que o anterior”. Eu tenho um sentimento, em específico, sempre que componho uma música: “Se calhar, da próxima vez que começar a compor algo, não vou conseguir!” Isto é medo pessoal e não tem que ver com ser ou não ser um segundo disco. Entre o “Chromatic” e este disco tiveram algumas experiências interessantes: recriaram o disco “Velvet Underground & Nico” para tocar ao vivo; concertos em que se juntaram em palco com outra banda, os PAUS... tudo isto são experiências que vos deram outro “calo” enquanto compositores?

Todas essas experiências são importantes, porque acabam por influenciar. Foi com o trabalho para o concerto dos Velvet Underground que percebemos o trabalho de cada um na banda: conseguimos encontrar os pontos fortes e fracos de cada um, enquanto dantes não havia tantos restrigimentos e cada um fazia o que queria. Aqui aproveitámos o melhor de cada um. O título do vosso novo disco, “Diffraction/Refraction” remete para os diversos sons que encontramos na música? Sejam mais orquestrais, depois mais íntimos ou até um pouco eletrónicos?

Essa foi a nossa intenção, haver vários ambientes ao longo do disco e, se calhar, até na mesma música. O nosso designer, o Pedro Gaspar, deu uma ajuda e sugeriu fazer duas capas: uma mais fria, outra mais quente. Não são opostos, mas são ambientes diferentes. E aplica-se bem à nossa música. BRUNO MARTINS

Alex Turner

“Às vezes é difícil tocar as canções mais antigas ao vivo. Já não apetece. Quando contamos a mesma piada 600 vezes já não se presta atenção ao que se diz” Vocalista dos Arctic Monkeys confessa-se cansado de tocar ao vivo os temas mais antigos da banda, como é o caso de “I Bet You Look Good On The Dancefloor”, do primeiro trabalho de estúdio da banda. GETTY IMAGES


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

10

Nomeações principais • Melhor Filme “Golpada Americana” “Capitão Philips” “O Clube Dallas” “Gravidade” “Her” “Nebraska” “Philomena” “12 Anos Escravo” “O Lobo de Wall Street” • Melhor Realizador David Russell – “Golpada Americana” Alfonso Cuarón – “Gravidade” Alexander Payne – “Nebraska” Steve McQueen – “12 Anos Escravo” Martin Scorsese – “O Lobo de Wall Street”

“Golpada Americana”, com um verdadeiro elenco de luxo, é um dos filmes favoritos a uma noite de sonho no próximo dia 2 de março. © GETTY IMAGES

Uma Academia dividida Cinema. Os filmes “Golpada Americana” e “Gravidade” lideram a corrida para a 86ª edição dos Óscares, com dez nomeações cada. As listas foram divulgadas ontem. “Golpada Americana”, do norte-americano David O. Russell, e “Gravidade”, do mexicano Alfonso Cuarón, são os dois filmes que somam o maior número de nomeações, principalmente em categorias como Realização, Melhor Filme, Representação Masculina e Feminina e Argumento. Depois deste duo surge “12 Anos Escravo”, de Steve McQueen, filme com nove nomeações, todas nas principais categorias. Com seis nomeações seguem-se “O Clube de Dallas”, de Jean-Marc Vallée, “Capitão Phillips”, de Paul Greengrass, e “Nebraska”, de Alexander Payne. “O Lobo de Wall Street”, de Martin Scorsese, ficou com cinco nomeações. Para Melhor

Música

Talento luso-cabo-verdiano O filme de animação “Feral”, realizado por Daniel Sousa, cineasta português nascido em Cabo Verde, está nomeado para o Óscar de melhor curta-metragem de animação. “Feral” conta a história de um menino selvagem, uma criança que se tenta adaptar à civilização, depois de ter sido encontrada num bosque, onde cresceu. Este é o sexto filme de Daniel Sousa e soma mais de uma dezena de prémios entre os cerca de 40 festivais de cinema onde foi exibido, nomeadamente o de Annecy (França), onde acabou por arrecadar três distinções em 2013.

Imagem

Filme foram nomeados “Golpada Americana”, “Capitão Phillips”, “O Clube de Dallas”, “Gravidade”, “Her”, “O Lobo de Wall Street”, “12 Anos Escravo”, “Philomena” e “Nebraska” (ver caixa ao lado). Já a banda sonora que o português Rodrigo Leão compôs para o filme “O Mordomo”, de Lee Daniels, que foi considerada elegível, não chegou às nomeações finais. Nota ainda para o Óscar de Melhor Filme de Animação, que inclui “The Wind Rises”, o anunciado último filme do realizador japonês Hayao Miyasaki. A ele juntam-se “Os Croods”, “Frozen”, “Gru, o Maldisposto 2” e “Ernest & Celestine”. A Academia de Cinema dos EUA anunciou ainda que a cerimónia irá homenagear os heróis do cinema: “Os heróis da vida real, os super-heróis, os heróis mais conhecidos, os heróis da animação, tanto do passado como do presente, assim como os realizadores que lhes deram vida”. A gala está marcada para 2 de março, em Los Angeles, com apresentação de Ellen DeGeneres. LUSA

Dança

• Melhor Ator Christian Bale – “Golpada Americana” Bruce Dern – “Nebraska” Leonardo DiCaprio – “O Lobo de Wall Street” Chiwetel Ejiofor – “12 Anos Escravo” Matthew McConaughey – “O Clube de Dallas” • Melhor Atriz Amy Adams – “Golpada Americana” Cate Blanchett – “Blue Jasmine” Sandra Bullock – “Gravidade” Judi Dench – “Philomena” Meryl Streep – “Um Quente Agosto” • Melhor Ator Secundário Barkhad Abdi – “Capitão Phillips” Bradley Cooper - “Golpada Americana” Michael Fassbender – “12 Anos Escravo” Jonah Hill – “O Lobo de Wall Street” Jared Leto – “O Clube de Dallas” • Melhor Atriz Secundária Sally Hawkins – “Blue Jasmine” Jennifer Lawrence – “Golpada Americana” Lupita Nyong’o – “12 Anos Escravo” Julia Roberts – “Um Quente Agosto” June Squibb – “Nebraska” • Melhor Filme Estrangeiro “The Broken Circle Breakdown” – Bélgica “The Great Beauty” – Itália “The Hunt” – Dinamarca “The Missing Picture” – Camboja “Omar” – Palestina

Arte

Boiler Room em Lisboa

O impacto da troika

Ballet e rock ‘n’ roll

Pintura cedida ao MNAA

O evento de música da Red Bull “Boiler Room” volta hoje a Lisboa e conta com Branko, Moulinex & Xinobi, Octa Push, Marfox, Throes + The Shine entre outros. A partir das 19h em http://boilerroom.tv.

Um grupo de oito fotógrafos e um realizador lançou o Projeto Troika, para documentar o impacto da troika e questionar o futuro. Mais informações sobre o projeto no site www.projectotroika.com.

O grupo de dança Rock the Ballet vai apresentar um novo espetáculo em Portugal, em fevereiro. Estreia no Porto (Coliseu) no dia 26 e depois passa por Figueira da Foz (27) e Lisboa (CCB, dia 28).

Uma tela da autoria de Josefa de Óbidos (1630-1684), representando um “Menino Jesus Peregrino”, foi cedida por privados ao Museu Nacional de Arte Antiga e colocada na exposição permanente.


CULTO | 11

STORYBOARD PARA O SEU FIM DE SEMANA

1

2

3 4

5

E você: acredita em Kanye West? Fé. Um grupo de fãs anónimos de Kanye West, que em comum têm a devoção ao rapper, decidiu “fundar” uma religião inspirada no marido de Kim Kardashian: a Yeezianity. Uma das principais crenças desta coletividade foi que Kanye West foi “enviado por Deus para inaugurar uma nova era da humanidade”. A única verdade, no meio disto tudo, é que Kanye West acredita, ele próprio, que é um Deus [ouça-se o tema “I Am A God”]. A música e personalidade de Kanye são as bases da religião, que assenta em cinco pilares: todas as coisas devem ser criadas tendo em vista o bem de todos; o direito do ser humano em expressar-se não deve, jamais, ser reprimido; o dinheiro é desnecessário, exceto como meio de troca; o Homem possui o poder de criar tudo o que quer e necessita; todo o sofrimento humano existe para estimular o poder criativo do Homem. “Depois de a criar [a religião], refleti sobre ela e pensei que era apenas um renascimento do Cristia-

“Dá-me a sua bênção, Yeezus?” ©GETTY IMAGES

nismo, mas com Yeezus em vez de Jesus”, disseram os fundadores ao site Noisey. “Ele tem os mais altos padrões morais e a mais alta integridade. Ele é a pessoa mais criativa. E, como é normal, recebe um monte de críticas. Não é que não gostem dele, é que elas não percebem o que ele está a fazer.”

Música

GIRA-DISCOS DO METRO

Guta Naki em concerto... na Internet 1dosAMúsica: sugestão é: no domingo, não saia de casa. Veja o concerto Guta Naki em http://gutanaki.com, a partir das 18h. Humor: “Boinas” e Raminhos juntos hoje 2espetáculo Luís Filipe Borges “Boinas” e António Raminhos dão um hoje nas Galerias de Paris, a partir das 22h30. Feira: Mercado de segunda mão em Sintra com entrada livre 3emEste domingo, procure pechinchas no Mercado de 2.ª Mão, Sintra, realizado pela associação Voando em Cynthia. Teatro: “Como Queiram” no São Luiz 4 Esta é uma peça de William Shakespeare. Em cena de terça a sábado, às 21h, e domingos às 17h30. Gastronomia: Já conhece o Uni Sushi Restaurant, na Ericeira? 5 A sugestão é: comida japonesa e o peixe mais fresco apanhado ali mesmo, na Ericeira.

“Brown Sugar” (1995) D’Angelo Era uma vez um puto de 21 anos que se revelou ao público em meados dos anos 1990 para indicar os novos caminhos da soul – ou, para os que acham que nada de novo há debaixo do sol, para recuperar uma abordagem clássica ao género. O puto era D’Angelo; o disco em que encontramos essas pistas é “Brown Sugar”, o primeiro do músico. R.A.C.

Música. Trinta anos sem Ary dos Santos O poeta José Carlos Ary dos Santos morreu, faz amanhã, 30 anos. É um dos mais profícuos autores de canções portuguesas. Venceu por quatro vezes o Festival RTP da Canção, com os temas “Desfolhada”, por Simone de Oliveira; “Menina do Alto da Serra”, por Tonicha; “Tourada”, por Fernando Tordo; e “Portugal no Coração”, pelo grupo Os Amigos. Foi – qualificou José Jorge Letria – “um homem que teve sempre uma atitude desmedida de coragem, força, generosidade e solidariedade, cuja obra poética é muitas vezes abafada pelas canções que escreveu”. Amália Rodrigues, Simone de Oliveira, Paulo de Carvalho ou Beatriz da Conceição foram alguns dos artistas que interpretaram as letras do poeta. Com Carlos do Carmo fez “Um Homem na Cidade”. Hoje vários são os intérpretes que recriam as suas letras: Mariza, Camané ou AGÊNCIA LUSA Mayra de Andrade.


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

Horizontais: 1. Um par. Prevenir. 2. Caminhar. Rancor profundo. Unidade de medida agrária equivalente ao decâmetro quadrado. 3. Boca de um rio. Norma social. 4. Contrário. Designa diferentes relações, como posse, matéria, lugar, providência, etc. (prep.). 5. Resultado de grandes fadigas (fig.). Que não está cozido. 6. Aqueles. Poente. Anno Domini (abrev.). 7. Aqui está. Que não é válido. 8. Graceja. Que têm asas. 9. Auroque. Composição poética de assunto elevado e destinada ao canto. 0. Virtude. Rendimento do dinheiro emprestado. Imposto Automóvel (abrev.). 11. Desejavam. Igualar (pop.).

Palavras cruzadas

Verticais: 1. Prolixo, abundante em palavras. Ribanceira. 2. Rezo. Servi-me de. Indica lugar, tempo, modo, causa, fim e outras relações (prep.). 3. Elemento de formação de palavras que exprime a ideia de animal. Alguma. 4. Isolado. Escrever em prosa. 5. Gratificam. Estabelecimento comercial. 6. Grito de dor ou de alegria. Tempo de descanso, na hora de maior calor. A unidade. 7. Forma internacional de vóltio. Oferecer. 8. Segunda época do Paleogénico. Alternativa (conj.). 9. Desloca-se para fora. Costume. 10. O espaço aéreo. Que se refere a dois. Claridade que o Sol envia à Terra. 11. Tecido de arame. Misturar nas proporções devidas.

LAZER | 12

Ficha técnica Metro Portugal Arruamento B à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA - PORTUGAL

METRO PORTUGAL Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à PROPRIEDADE Metro International, SA, EDITORA Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social €50.000,00, Contribuinte 505338602, registada na C.R.C de Cascais _nº 505338602, Principal acionista Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade Diária Distribuição Gratuita Impressão Lisgráfica, Impressão e Artes Gráficas S.A. Rua Consiglieri Pedroso 90, Casal de Santa Leopoldina, 2730-053 Queluz de Baixo. DEPARTAMENTO COMERCIAL

Sudoku

•••••

Solução cruzadas Horizontais: 1. Dois, Avisar. 2. Ir, Ódio, Are. 3. Foz, Lei. 4. Oposto, De. 5. Suor, Cru. 6. Os, Oeste, AD. 7. Eis, Nulo. 8. Ri, Alados. 9. Uro, Ode. 10. Bem, Juro, IA. 11. Amavam, Ugar. Verticais: 1. Difuso, Riba. 2. Oro, Usei, Em. 3. Zoo, Uma. 4. Só, Prosar. 5. Dão, Loja. 6. Ai, Sesta, Um. 7. Volt, Dar. 8. Eoceno, Ou. 9. Sai, Uso. 10. Ar, Dual, Dia. 11. Rede, Dosear.

Solução sudoku

DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Diretora Adjunta Ana Silveira Agências Adriana Macedo, Margarida Rego, Paula Tavares, Raquel Pinto, Daniel Barata; Diretos Andreia Carolino, Fátima Guerreiro, Filomena Mestre, João Rodrigues, Luís Farinha Planeamento Maria da Luz Veiga Tel. 210494204/210494815; Fax 21 049 31 34 PORTO Tiago Medeiros, Gabriela Raposo Tel. 22 532 23 09 Fax 22 532 23 99 E-mail publicidade@metroportugal.com DESIGN GRÁFICO Rui Gonçalves MARKETING João Aleixo, Elizabeth Shipeio Passatempos Marta Tavares (info@clubedepassatempos.pt) Ativações e Eventos João Aleixo (coordenador) Joana Gil, Rita Costa CHEFE DE DISTRIBUIÇÃO José Magalhães Distribuição António Caldeira, Orlando Lopes (Porto) DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto) Editora gráfica Sónia Santos Grafismo Filipa Rosa, Rita Alves, Túlio Vasco Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso.

Correio do leitor

Retoma Contra todas as previsões dos críticos do Governo, Portugal registou pelo 9º mês consecutivo a queda da taxa de desemprego. Claro que estes dados são pouco noticiados. O País vive refém da propaganda de extrema esquerda, que, mesmo não ganhando eleições, tem um eco desproporcional na comunicação social. Já o aumento registado nos últimos 4 meses nas compras com cartões de crédito e débito não é bom presságio. Mostra que os portugueses não aprendem, e que aos primeiros sinais de retoma voltam a gastar em vez de poupar. Acenam-nos com o argumento falacioso de o consumo estimular a economia. Infelizmente, só seria verdade se consumíssemos apenas produção nacional. A grande maioria do que compramos engrossa a fatia das importações (...). A lição de economia é simples e antiga: trabalhar, trabalhar, trabalhar; poupar, poupar, poupar. Infelizmente, os portugueses nunca foram bons alunos. GUILHERME BETTENCOURT

PUB

M.A. Escola de Formacão Técnica Especializada na Área da Saúde e Educação

CURSOS COM ESTÁGIO

As cartas dos leitores devem ser enviadas para Metro/Arruamento B à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA, ou por e-mail para: leitores@metroportugal.com. As opiniões desta página não vinculam as do METRO nem traduzem a opinião do jornal. O METRO reserva-se o direito de editar as cartas que não devem exceder os 400 caracteres..

Street Fashion Milão

Street Fashion Londres

O que veste a Kim Brown? “Quimono vintage, calças Replay, blusa Zara, boné River Island e botas da ASOS.” Peça obrigatória no seu armário? “Sou completamente apaixonada por joalharia vintage. Tenho uma coleção que vai bem com o meu guarda-roupa.” MWN

O que veste a Anouk Bos? “Sapato Christian Louboutin, calças e casaco Zara, e bolsa da Yves Saint Laurent.” Quais são as suas grandes influências? “Sou uma mulher de negócios, por isso, gosto de manter o meu estilo simples.” MICHELLE BOBB-PARRIS

TÉCNICO AUXILIAR DE FARMÁCIA - 16 meses + estágio - Inscrição 50€ propina mensal 150€

AUXILIAR TÉCNICO DE ACÇÃO EDUCATIVA

- 12 meses + estágio - Inscrição 45€ propina mensal 145€

EM CURSOS AÍS TODO O P

TÉCNICO AUXILIAR DE FISIOTERAPIA

- 14 meses + estágio - Inscrição 65€ propina mensal 150€

TÉCNICO DE MASSAGEM DESPORTIVA E DE REABILITAÇÃO - 8 meses s/ estágio - Inscrição 40€ propina mensal 135€

TÉCNICO AUXILIAR DE VETERINÁRIA

- 14 meses + estágio - inscrição 60€ propina mensal 149€

ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO 726 - Serviços de Saúde – Terapia e Reabilitação 727 - Serviços de Saúde – Ciências Farmacêuticas 761 - Serviços de Apoio a Crianças e Jovens

TÉCNICO DE INTERVENÇÃO EM PSICOLOGIA SOCIAL E COMUNITÁRIA - 12 meses + estágio - Inscrição 60€ propina mensal 160€

AUXILIAR DE ACÇÃO MÉDICA - 18 meses + estágio - inscrição 55€ propina mensal 149,50€



210 195 260 918 529 149 918 249 897 962 261 651

geral@formacaotma.net | www.formacaotma.net


PEQUENOS ANÚNCIOS

COMPRO Coleções de Moedas, Notas e Selos Recheio de Casas (Antiguidades) Garrafas de Whisky e Aguardentes Peças em Prata Relógios Pulso/Bolso

916 228 770

os Avaliam lio ao domicí

VENDE-SE

PRÉDIO EM SÃO ROMÃO COBRIMOS QUALQUER OFERTA!

SEIA

 R/c, 1.º e 2.º Andar + Sótão + Arrecadação  T7, Transformado em T2+2  1 Escritório  2 Lareiras  1 WC

PAGAMOS O VALOR MÁXIMO

COMPRAMOS

OURO E PRATA ATA ESTAMOS ABERTOS O ANO INTEIRO

Segunda a Sexta das 9h às 19h • Sábados das 9h às 13h Avenida António Augusto de Aguiar, 181 (próximo do El Corte Inglês e Praça de Espanha)

Tel.: 21 386 87 03 • Tel.: 96 194 96 01

 Todo remodelado, pavimento, carpintarias, wc, instalação eléctrica, canalizações e tlf., telhado/cobertura completamente nova. Preço 45.000€ (negociáveis)

casasaoromao1@gmail.com


3

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2014

14

SPORT

Belenenses leva um ponto do Estoril e não “Kay” Estoril e Belenenses empataram 1-1 na Amoreira, no jogo do Grupo C que fechou a 2ª ronda da fase de grupos da Taça da Liga. Para os azuis do Restelo, perder significava não estar nas meias-finais, e até foi o Estoril a adiantar-se por Yohan Tavares (35m). Mas uma cabeçada certeira na segunda parte de Kay (na foto) distribuiu um ponto pelas duas equipas e alimenta a fé do Belenenses, que se qualifica se vencer em Braga. O Estoril está eliminado. © JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Benfica reencontra “carrasco” insular TAÇA DA LIGA – 2.ª RONDA

Liga. Muita coisa mudou desde 19 de agosto, quando o Benfica, ainda combalido pelo final da época passada, perdeu com o Marítimo nos Barreiros (2-1), no arranque da Liga 2013/2014.

GRUPO A

1. RIO AVE, 4 PONTOS (3-1 ) 2. V. SETÚBAL, 4 PONTOS (2-1) 3. P. FERREIRA, 3 PONTOS (2-3) 4. SP. COVILHÃ, 0 PONTOS (1-3) GRUPO B

1. FC PORTO, 4 PONTOS (4-0) 2. SPORTING, 4 PONTOS (3-0) 3. MARÍTIMO, 1 PONTO (0-3) 4. PENAFIEL, 1 PONTO (0-4) GRUPO C

1. SP. BRAGA, 6 PONTOS (5-1) 2. BELENENSES, 4 PONTOS (2-1) 3. ESTORIL, 1 PONTO (2-3) 4. BEIRA-MAR, 0 PONTOS (0-4) GRUPO D

1. BENFICA, 6 PONTOS (3-0) 2. GIL VICENTE, 2 PONTOS (2-2) 3. NACIONAL, 1 PONTO (2-3) 4. LEIXÕES, 1 PONTO (0-2) *ENTRE PARÊNTESES A DIFERENÇA DE GOLOS

Hoje, cinco meses após esse desaire, as águias transbordam confiança. Desde logo não voltaram a perder a nível doméstico, e, apesar de terem deixado alguns pontos pelo caminho, será no primeiro lugar da Liga que vão entrar em campo, no domingo, para enfrentar o Marítimo. A provar que “o passado foi lá atrás” está a marca de sete jogos consecutivos a ganhar, e cinco sem sofrer golos, que o Benfica (36 pontos) apresenta antes de começar a defender a liderança perante Sporting (34 pontos) e FC Porto (33 pontos). Mas há mais mudanças para notar: Matic já mora em Londres, às ordens de José Mourinho, no Chelsea, e este será o primeiro teste a sério – o Leixões, na quarta-feira, não o foi – para se perceber que “Manel” irá Jorge Jesus lançar no lugar do

médio defensivo sérvio. Fejsa perfila-se, à partida, como o substituto natural do compatriota. Terminado o duelo em Lisboa começa o do Porto, entre dragões e V. Setúbal. Vencer o Penafiel a meio da semana não terá servido para acalmar as hostes portistas, inquietas desde a derrota na Luz, pelo que se espera do FC Porto uma resposta à altura do momento. Amanhã joga o Sporting, em Arouca, na ideia de voltar a liderar a prova, mesmo que RUI ALEXANDRE COELHO à condição. 16.ª JORNADA HOJE

OLHANENSE-V. GUIMARÃES, 20H00 (SPTV) AMANHÃ

AROUCA-SPORTING, 20H15 (SPTV) DOMINGO

Até ver com uma utilização intermitente, Fejsa é o favorito para substituir Matic, ou, como diz Jesus, fazer de “Manel”. © MANUEL ARAÚJO.

ACADÉMICA-GIL VICENTE, 16H00 RIO AVE-BELENENSES, 16H00 SP. BRAGA-P. FERREIRA, 17H00 BENFICA-MARÍTIMO, 17H00 (BENFICA TV) FC PORTO-V. SETÚBAL, 19H15 (SPTV) SEGUNDA-FEIRA

NACIONAL-ESTORIL, 20H00 (SPTV)


15

Ecclestone vai mesmo para o banco dos réus Fórmula 1. O patrão da F1 não se irá livrar de ir a julgamento num caso de corrupção, na Alemanha. A justiça de Munique marcou a primeira audiência de Bernie para o fim de abril. Bernie Ecclestone é acusado de ter subornado um banqueiro alemão, Gerhard Gribkowsky, a propósito da venda dos direitos de exploração comercial da F1 ao fundo de investimento britânico CVC. Montante envolvido: 35 milhões de euros. Em 2006, Gribkowsky ficou encarregue pelo banco público BayernLB, a cujo conselho de administração pertencia, de vender a participação que a instituição tinha na F1, operação em que trabalhou com Ecclestonne. O magnata de 83 anos recebeu do banco uma comissão de 66 milhões de euros pela venda da participação à CVC, mas entregou 35 milhões de euros a Gribkowski.

O banqueiro, que não declarou a soma, foi condenado a oito anos e meio de prisão por corrupção e fraude fiscal. Durante o processo, disse que o montante tinha sido um suborno. Bernie admitiu o pagamento, mas alega que nada fez de ilegal. Anunciado o julgamento, Ecclestone suspendeu funções como diretor no conselho de administração da empresa que gere os direitos comerciais da F1, a CVC. Curiosamente, em comunicado, explica-se que Ecclestone continuará “a gerir o negócio no dia a dia”, o que tem feito nas últimas quatro décadas, mas agora sujeito a “uma maior monitorização e controlo da direção”. R.A.C. COM LUSA

Ecclestone anunciou a intenção de se “defender vigorosamente” na audiência que terá lugar no fim de abril. © GETTY IMAGES

Ténis. Del Potro, uma promessa de novo adiada Adios, Juan. Apesar de ter um ranking de meter respeito – é o n.º 5 mundial –, Juan Martín Del Potro saiu de cena logo na 2.ª ronda do Open da Austrália com uma derrota frente ao 62.º do ATP, o espanhol Roberto Bautista Agut, em cinco sets (4-6, 6-3, 5-7, 6-4, 7-5). Foi a primeira grande surpresa no quadro masculino do primeiro Grand Slam da época, e o confirmar de que o argentino tarda em cumprir o que dele se esperou quando, em 2009, conquistou o US Open aos 20 anos: ser capaz de dominar o circuito ou, pelo menos, estar ao nível dos melhores da sua geração. Hoje com 25 anos, Del Potro não voltou a ganhar outro título “major”. Nos jogos do dia que incluíram os restantes ‘pesos-pesados’ do circuito, tudo normal: Nadal (n.º 1), Murray (n.º 4) e Federer (n.º 6) qualificaram-se sem ceder qualquer set perante rivais de ranking modesto. PUB

Mundial 2014

Sedes visitadas O secretário-geral da FIFA, o francês Jerome Valcke, inicia na próxima segunda-feira uma visita às sedes do Mundial’14 e vai participar na inauguração da Arena das Dunas, anunciou o organismo. A menos de seis meses do início do torneio, Valcke vai iniciar a semana em São Paulo, onde irá visitar a Arena Corinthians.

NBA

Nem a Casa Branca inspira os Miami Heat Um dia após terem sido recebidos pelo presidente dos EUA, Barack Obama, os bicampeões da NBA Miami Heat saíram derrotados (114-97) da visita aos locais Washington Wizards. E a derrota, terceira seguida da equipa de LeBron James (na foto), podia ter sido bem pior: o atraso chegou a ser de 34 (!) pontos.

Rali Dakar. Hélder Rodrigues fica com quinto lugar em risco O português Hélder Rodrigues (Honda) manteve ontem o 5.º posto nas motas do Dakar 2014, cumprida que ficou a 11.ª etapa, mas o lugar está sob pressão do francês Cyril Despres (Yamaha), a 43 segundos. Entre Antofagasta e El Salvador, no Chile, a especial de 605 km foi ganha em 6h36m08s pelo líder, o espanhol Marc Coma (KTM), isto apesar de uma queda na parte inicial da etapa. Despres chegou em 2.º, a 2m51s, e Hélder Rodrigues foi 6.º, a 9m23s. O 2.º português mais bem classificado foi Pedro Oliveira (Speedbrain), em 34.º, enquanto Bianchi Prata (Husqvarna) foi 39.º e Vítor Oliveira (Husqvarna) o 44.º. Na geral, Pedro Oliveira é o segundo melhor motard Nacional, em 25.º.

Citação

“Diverti-me durante cinco dias, mas a decisão vem do alto da hierarquia e agora vou ser obrigado a travar” EPA

Stéphane Peterhansel (Mini) anunciou que vai deixar de discutir a vitória final com o colega de equipa Nani Roma.


PUB


20140117_pt_lisbon  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you