Issuu on Google+

PUB

PORTUGAL quinta-feira 24 outubro 2013 ano 6, nº 1965 Lisboa 18° | 21°

Porto 18° | 21°

www.readmetro.com Diretor: Diogo Torgal Ferreira

Comércio eletrónico já vale 49 mil M€ Nacional. Dos 6,7 milhões de internautas que existem no País, 2,5 milhões fazem compras online e até 2017 o número crescerá para os 3,5 milhões (35% da população). Pagamentos de serviços em ATM foram 10 mil M€ em 2012 pág. 07 PUB

Sport

Mundo

Liga dos Campeões. Águias empatam com Olympiacos em noite condicionada

Facebook revê política

Benfica melhor na segunda parte, marcada por bátega que influenciou espetáculo. Resultado (1-1) fixado por Cardozo aos 84m. PSG goleia na Bélgica. pág. 14

Ana Rita Clara

Vídeo de mulher decapitada retirado após coro de críticas pág. 08

Cronista

Falta a Justiça no seu devido lugar pág. 04 PUB


PUB


1

JORNAL

Durão Barroso

“Precisamos de desbloquear o fluxo de crédito e ajudar as empresas, sobretudo as PME. Sinceramente, desaponta-me que os Estados-membros não sejam mais ambiciosos nesta matéria” O presidente da Comissão Europeia falou ontem no Parlamento Europeu, em Estrasburgo, num debate sobre a cimeira de chefes de Estado e de Governo da União Europeia que decorre hoje e amanhã em Bruxelas. GETTY IMAGES

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

04

Opinião

ONLINE

ANA RITA CLARA APRESENTADORA DE TV NA SIC E SIC MULHER PROGRAMA ‘MAIS MULHER’ 2.ª A 5.ª 17H30, SIC MULHER | WWW.FACEBOOK.COM/ANARITACLARAOFICIALTV | ANARITAGRAM

facebook

O lugar dos réus Nada nos causa maior desolação do que a injustiça. Fomos educados na democracia, ou pelo menos somos considerados como um povo de valores democraticamente instituídos e de exercermos os nossos direitos democraticamente. Mas o que será que aconteceu no caminho desta evolução política? Em que as pessoas parecem esquecer esse seu livre arbítrio?! A escolha e o poder que detêm enquanto cidadãos?! De elegerem para os lugares decisivos, quem realmente exibe capacidades para o fazer? E existem leituras que também colocam em questão tudo aquilo que somos. Aquilo que representamos enquanto País. Enquanto lugar familiar de “brandos costumes” e de tolerância. Talvez a grande verdade seja mesmo a de que somos não-reativos, ao contrário dos nossos vizinhos espanhóis, com sangue a escorrer pela cara e revolta nos olhos. O livro “Impunidade”, sugere uma viagem àquilo que nos envergonha. Já não somos inocentes, estamos sim a aguardar absolvição. As páginas do livro da jornalista Virgínia Lopez

sugerem um olhar profundo e factual a 15 escândalos chocantes. Passamos por Camarate, seguido do caso Freeport, com direito a Sacos Azuis, BPN, Operação Furacão e Presidentes culpados reeleitos. E se disser “já que todos roubam, pelo menos rouba para nós”... não estranhe. Paro para pensar... Que mentalidade é esta que já não conhece o lugar da Justiça?! Quando foi instituída esta aceitação social e total banalização da ilegalidade? Aproveito para respirar e pensar que talvez seja um reflexo da nossa profunda perda de crédito com aqueles que comandam as nossas vidas. Que com as suas leis ultrapassadas, os seus métodos aflitivos, as dúvidas, os impostos, os debates... nos retiraram o mais bonito numa sociedade: o acreditar. E quando já não se acredita tudo perde valor, as instituições caem, a permissibilidade instala-se. Os braços estão para baixo. Mas pedem um abraço forte. Para que reajamos como fomos na origem, quando descobrimos o mundo e éramos unidos por algo maior do que nós. Vale a pena acreditar.

facebook.com/thenewyorkydailynews “Aparentemente Lindsay Lohan não precisa de álcool para se meter em encrencas numa saída à noite. A atriz mostrou-se ‘insanamente conflituosa’ depois de uma festa de karaoke num bar de Nova Iorque.”

blog Alec Baldwin – @ABFalecbaldwin “O Post (New York Post) está obcecado com as mamas da minha mulher. Ponham-se na fila.”

vídeo do dia

Veja o vídeo da música “One Note Samba”, de Stacy Kent, filmado há poucas semanas em Portugal. Venha escrever connosco. Entre em facebook.com/metroportugal

Boa notícia do dia

Sucesso no Ano de Portugal no Brasil O comissário-geral do Ano de Portugal no Brasil afirmou ontem que o balanço dos 10 meses de iniciativas desta a comemoração foram um “sucesso” e disse que não esperava ter atingido patrocínios no valor de 10 milhões de euros. Miguel Horta e Costa falava após uma audiência com o Presidente da República. O Presidente “quis conhecer com mais detalhe o que foi o Ano de Portugal no Brasil”, que arrancou a 7 de setembro de 2012 e terminou a 10 de junho último. “Foram dez meses em que levámos para o Brasil um Portugal novo, moderno, contemporâneo, inovador, jovem. Um Portugal que surpreendeu o Brasil”, salientou Miguel Horta e Costa.

Batizado do Príncipe George O príncipe George, com três meses e terceiro na sucessão ao trono de Inglaterra, foi ontem batizado com água do rio Jordão, numa cerimónia que os pais, William e Kate, quiseram íntima, ao contrário das festas reais habituais. Apenas 22 convidados, incluindo a bisavó, a rainha Isabel II. © GETTY


PUB


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

06

Reforma estará hoje em análise

Passos Coelho rejeitou ontem a existência de “pressões influenciáveis” sobre o Tribunal Constitucional (TC). © TIAGO PETINGA/LUSA

Swap

Impostos. 2015 pode ser o ano em que baixam A ministra das Finanças afirmou que espera que seja possível reduzir em 2015 a carga fiscal imposta aos portugueses. “Ainda não tivemos condições em 2014 para baixar a carga fiscal, esperamos que no orçamento de 2015 seja possível ter um pouco mais de folga para reduzir a carga fiscal que afeta os trabalhadores”, afirmou Maria Luís Albuquerque que apresentou ontem a proposta de Orçamento do Estado para 2014 no Parlamento. A ministra disse ainda que o Governo sabe já que a estratégia de consolidação orçamental do programa da troika “produziu resultados e que este é o caminho a seguir”. E defendeu os méritos do programa acordado com o Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu.

Mais roubos e burlas no primeiro semestre

Os contratos swap são anuláveis se houver uma alteração “anormal” das circunstâncias que se verificavam aquando da celebração, nomeadamente a nível das taxas de juro, sentenciou o Supremo Tribunal de Justiça (STJ). A posição consta de um acórdão pelo qual o STJ confirma a decisão das duas instâncias inferiores.

Os roubos a bombas de gasolina, a estações de correio e a bancos foram alguns dos crimes que mais aumentaram no primeiro semestre deste ano, revelou ontem o Sistema de Segurança Interna. Também as burlas, furtos em edifícios comerciais ou industriais sem arrombamento e furto de metais não preciosos sofreram um aumento, apesar da criminalidade geral e da criminalidade violenta e grave terem diminuído.

Vale e Azevedo expulso da Ordem João Vale e Azevedo, a cumprir pena no Estabelecimento Prisional da Carregueira (Sintra), foi expulso da Ordem dos Advogados (OA) por falta de idoneidade moral, disse à agência Lusa fonte do Conselho Superior daquela associação profissional. A decisão de “cancelamento da inscrição” foi tomada a 8 de fevereiro.

Pedro Passos Coelho respondia a uma intervenção do secretário-geral do PS, António José Seguro, que criticou os sucessivos adiamentos na apresentação do guião da reforma do Estado, inicialmente previsto para fevereiro. “O guião da reforma do Estado está agendado para este Conselho de Ministros. E, na próxima semana, o senhor deputado poderá utilizar na discussão do Orçamento do Estado para 2014 o guião sobre a reforma do Estado”, disse o primeiro-ministro. Passos Coelho disse ainda, desta feita em resposta ao deputado do Bloco de Esquerda (BE), João Semedo, que está “muito comprometido” na conclusão do programa de resgate a Portugal porque “é isso que os portugueses esperam deste Governo”. O responsável escusou-se a avançar cenários para o futuro pós-troika, embora assumindo que Portugal estará atento ao que a Irlanda fizer quando concluir o seu programa de assistência financeira.

Segurança

Contratos anuláveis se houver alterações

Advogados

Governo. O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, anunciou ontem, durante o debate quinzenal, que decorreu na Assembleia da República, que o guião da reforma do Estado estará hoje para apreciação no Conselho de Ministros.

Salário. Duodécimos mantêm-se em 2014 O ministro do Emprego e Segurança Social confirmou que os trabalhadores do setor privado poderão optar por receber o pagamento de metade dos subsídios de férias e de Natal em duodécimos em 2014. Mota Soares falava no final de uma reunião em sede de concertação social.

Protesto. Aumento da idade da reforma Os parceiros sociais mostraram-se ontem contra a proposta do Governo de aumentar a idade de acesso à reforma para os 66 anos em 2014. Ainda que a justificação do Governo seja financeira, o presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, João Vieira Lopes, considerou “completamente contraditório, numa altura em que se pretende combater o desemprego jovem e aumentar a idade da reforma”.


PUB

NACIONAL | 07

Em 2012 resultaram de pagamentos de serviços em ATM quase 10 mil M€. A utilização dos multibancos foi incluída no estudo dada a relevância desta forma de pagamento. © VÍTOR MOTA

Comércio eletrónico sobe Estudo. O comércio eletrónico já vale 49 mil M€ em Portugal e em 2017 representará 45% do PIB, revela a Associação do Comércio Eletrónico e da Publicidade Interativa (ACEPI/IDC). Há 6,7 milhões de internautas em Portugal (64% da população), e até 2017 serão 8,4 milhões (80% da população). Esta é uma das conclusões do estudo da Associação do Comércio Eletrónico e da Publicidade Interativa (ACEPI/IDC). Os dados foram avançados durante o Fórum da Economia Digital, no Centro de Congressos de Lisboa. De acordo com o “Estudo Economia Digital em Portugal 2009-2017”, há 2,5 milhões de compradores online em Portugal (24% da população) e até 2017 este número irá aumentar para os 3,5 milhões (35% da população). O documento revela que o comércio eletrónico entre consumido-

Citação

“A economia digital em Portugal está em franco desenvolvimento com o comércio eletrónico a valer 49 mil milhões de euros” Alexandre Nilo Fonseca, Presidente da ACEPI

res e entre empresas já alcançou os 36,7 mil M€ (24% do PIB), e deverá crescer para os 69 M€ em 2017 (43% do PIB). No total vale 49 mil M€ (o que equivale a 31% do PIB). No País foram vendidos 2,7 milhões de dispositivos móveis, incluindo PC portáteis, tablets e smartphones.

Automóvel. Centros chumbam inspeção Em 30 centros de inspeção, nenhum detetou as 6 anomalias implementadas nos automóveis levados pela Deco. A maioria assinalou menos de metade das deficiências. A Deco fala em “falta de rigor e facilitismo” que “põem em risco a segurança rodoviária”. Face aos resultados, a entidade exige que o Instituto da Mobilidade e dos Transportes tome medidas para aumentar o rigor dos centros de inspeção.

Os casos mais graves devem ver a sua atividade suspensa, diz a Deco. © NUNO VEIGA/CM


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

MUNDO | 08

Extravagâncias custam suspensão a bispo Vaticano. Na senda cultural de Igreja para os pobres promovida pelo Papa Francisco, o Vaticano decidiu afastar o bispo de Limburg, ou ‘bispo do luxo’, como é conhecido nos ‘media’. A saída de Franz-Peter Tebartz-van Elst da diocese daquela cidade do sudoeste alemão não é definitiva: deverá ocorrer “durante algum tempo” e foi classificada como “oportuna”, fez saber a Santa Sé, em comunicado. O vigário-geral Wolfgang Roesch será o substituto temporário na exerção local do ministério episcopal, isto enquanto o Vaticano aguarda os resultados de um inquérito da Igreja alemã sobre o caso. A punição surge depois de o contestado bispo se ter reunido em Roma com o Papa Francisco, numa fase em que a pressão para suspender Franz-Peter Tebartz-van Elst PUB

já era grande. A imprensa alemã avança que, para se encontrar com o sumo pontífice, o bispo “despesista” de 53 anos deslocou-se numa companhia aérea de baixo custo. No centro da controvérsia está o projeto de construção da nova casa diocesana de Limburg, cujo orçamento terá derrapado dos 5,5 milhões de euros iniciais para 31 milhões. A revista alemã Der Spiegel aponta que os aposentos do bispo terão custado 2,9 milhões de euros e, a título de exemplo, avança que os mesmos têm uma sala de refeições de 63 metros quadrados e uma banheira no valor de €15.000. RUI ALEXANDRE COELHO

Franz-Peter Tebartz-van Elst evitou ser resignado, mas enfrenta uma suspensão por tempo indeterminado. © BORIS ROESSLER/EPA

Síria. ‘Snipers’ fazem tiro ao alvo a barriga de grávidas Um médico britânico revelou que franco-atiradores sírios estão a alvejar a barriga de mulheres grávidas, em troca de cigarros. Numa reportagem da televisão norte-americana CNN, David Nott, cirurgião que tem trabalhado como voluntário em hospitais sírios, junto da ONG Syria Relief, explicou que vários fetos em fase adiantada da gestação estão a ser retirados do útero de grávidas. Na peça da CNN mostra-se uma imagem divulgada pela Syria Relief, com quem Nott tem trabalhado, de um raio-X de um bebé por nascer com uma bala alojada no crânio. A mãe sobreviveu; o bebé, não. Segundo Nott, 90% das cirurgias que tem realizado na Síria estão relacionadas com feridas infligidas por snipers; ao fim de algum tempo, descortinou um padrão na zona dos disparos, consoante os dias. “Daí que me pareça haver algo ali, um jogo, entre os snipers.”

Itália

Berlusconi em tribunal O antigo primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi deverá regressar aos tribunais para ser julgado num caso de corrupção no qual é acusado de ter subornado um senador da oposição. A primeira audiência do processo, conforme determinada ontem por um juiz de Nápoles, será a 11 de fevereiro de 2014.

Rússia

Acusação contra a Greenpeace reduzida A acusação contra os membros da tripulação do navio da Greenpeace Artic Sunrise detidos na Rússia desde setembro foi reduzida, passando de “pirataria” para “vandalismo”. Os elementos e colaboradores da ONG ecologista arriscavam até 15 anos de prisão. O vandalismo pode ser punido até 7 anos de prisão.

Internet. Facebook cede e retira vídeo com decapitação Um coro de críticas de utilizadores, associações ou personalidades como o primeiro-ministro britânico (David Cameron) levou o Facebook a barrar o acesso a um vídeo que mostrava uma mulher a ser decapitada. Ao mesmo tempo, a rede social de Mark Zuckerberg acrescentou que será feita uma “reavaliação da política” da empresa californiana e a “abordagem” sobre o citado tipo de conteúdos. Na véspera, a rede social recusara-se a reverter a sua política sobre vídeos, apesar das queixas. Em sua defesa, declarava que “as pessoas recorrem” ao endereço para denunciar “a violação dos direitos humanos, atos de terrorismo” e “acontecimentos violentos” como o da decapitação, e não para os “glorificar”.

Reação

12h59 foi a hora em que David Cameron publicou no seu Twitter: “Estou satisfeito por o Facebook ter mudado a sua abordagem sobre vídeos de decapitação. Agora é assegurar uma política robusta na proteção de crianças.”


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

Mercado Puro

A economia familiar PEDRO TUNA ADMINISTRADOR ROOMDIMENSIONS

Sabemos lidar com as grandes responsabilidades quando sabemos dominar as pequenas. Uma criança que não seja educada a entender o valor do dinheiro e das demais responsabilidades financeiras, dificilmente dará algum dia um bom gestor. E essa educação começa na economia familiar e no seu entendimento. Quais são realmente os bens essenciais para uma família e quando podemos gastar num bem supérfluo. Quem desde novo saiba entender este conceito de certeza saberá assumir maiores responsabilidades para gerir o que é seu mas também o que é dos outros.

Espanha. Saída da recessão no 3.º trimestre A economia espanhola saiu da recessão no terceiro trimestre do ano, crescendo 0,1% entre julho e setembro, depois de nove trimestres consecutivos de queda. Segundo dados do Banco de Espanha de ontem, apesar da retoma no final do ano, 2013 fechará, em termos anuais, ainda com contração económica. No terceiro trimestre o crescimento ligeiro do PIB deveu-se, em grande parte, ao contributo do setor exterior (0,4%) compensando o consumo interno (0,3%).

Quatro bancos sujeitos a testes de stress do BCE Banca. Quatro bancos portugueses – BPI, BCP, CGD e Grupo Espírito Santo – vão fazer primeiros testes de stress do BCE. Em comunicado ontem divulgado, o Banco Central Europeu (BCE) indica quase 130 entidades financeiras de grande dimensão de vários países da Zona Euro cujos balanços vão ser examinados em testes de stress. Como explica no documento, citado pela agência Lusa, a análise do BCE, que começa em novembro e irá durar 12 meses, pretende avaliar a qualidade dos ativos e a transparência dos balanços dos bancos “como preparação para assumir em pleno a responsabilidade pela supervisão, no âmbito do mecanismo único de supervisão”. Além disso, a avaliação visa “a correção (identificar e implementar as medidas corretivas requeridas) e o reforço da

confiança (assegurar que os bancos são sólidos e fiáveis)”. A avaliação será feita com base em três elementos, explica o BCE, referindo que, por um lado, será uma análise do risco para verificar os principais riscos dos bancos seja de liquidez, alavancagem ou financiamento. Em segundo lugar, adianta, avaliará a qualidade dos ativos, para aumentar a transparência da exposição dos bancos, incluindo a adequação do valor dado aos ativos e de que forma se adeqúa às provisões relacionadas. Por fim, um teste de esforço, destinado a determinar a capacidade de resistência dos balanços dos bancos a cenários de tensão.

Capital BCE vai exigir um rácio de capital mínimo de 8% nos testes de stress que vai realizar antes de assumir a supervisão bancária única em 2014. • BCE vai exigir um rácio de capital mínimo de 8%: 4,5% de capital básico e 2,5% de uma ‘almofada’ para fazer face a imprevistos. Aos bancos considerados sistémicos será ainda pedido mais 1% neste rácio. • Entre os 130 bancos incluídos nesta avaliação do BCE, 24 são alemães, 16 de Espanha e 15 de Itália. • Desde o início da crise, os bancos da Zona Euro aumentaram o capital em 225 mil M€, enquanto outros 275 mil M€ foram injetados pelos países.

PUB

O dia a dia dos mercados Petróleo

Euribor 6m

Psi-20

$97.20 (-1.12%)

0,340 (0,00%)

6.247,42 (-1,57%)

Euro para: Dólar 1,378; Libra 0,852; Real 3,011

Chocolataria

Equador em expansão A Chocolataria Equador – que confeciona chocolate 100% artesanal de produção portuguesa – chegou a Lisboa. Depois de duas lojas próprias no Porto, a marca abriu um novo espaço na Rua da Misericórdia, nº 72.

Comércio

Sonae Sierra em Solingen

Ao longo da crise (desde 2008), Espanha entrou duas vezes em recessão. © LUÍS GARCÍA

ECONOMIA | 09

O centro comercial em Solingen, na Alemanha, desenvolvido pela Sonae Sierra e MAB Development abre hoje ao público. O investimento de 120 M€ criou 500 postos de trabalho.


2

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

10

CULTO

Ócio criativo com...

JOÃO SÓ

Selma Uamusse, cantora JOÃO BELARD

Um disco: ‘Black Radio 1’ – um disco da Blue Note do pianista Robert Glasper. Junta nos convidados alguns dos meus vocalistas de referência como a Erykah Badu, Mos Def, Bilal, Meshel Ndegeocello, Lala Hathaway. É o melhor de vários universos musicais.” Um livro: “‘Sangue Negro’ é um livro que reúne a poesia da escritora moçambicana Noémia de Sousa. É um livro em que se aborda a ruralidade, a escravidão, os sentimentos de fraternidade e busca de liberdade. É também uma referência para um dos temas do meu primeiro e novo disco a solo, a caminho.” Um filme: “Há muito que espero para ver o ‘Nina’, o filme biográfico da Nina Simone com a atriz Zoe Saldana. Nos últimos anos tenho conhecido cada vez mais a vida da talentosa pianista. Impressiona-me o seu talento, carisma, ativismo e fabuloso historial. Ainda não estreou, mal posso esperar... honra seja feita ao seu incrível legado.”

Dos seus anteriores discos para este novo trabalho perdeu-se a parte d’“Os Abandonados”. Caiu a parte

O músico volta a mostrar uma impressionante dedicação à escrita de canções. O novo disco, “Coração no Chão”, é hoje apresentado na sala TMN Ao Vivo (22h).

PAIXÃO PELA COMPOSIÇÃO

do nome, mas eles não caíram (risos). Continuam comigo em palco. Mas foi uma questão formal de me assumir como cantor-compositor. Sempre fui uma pessoa um pouco insegura – agora estou um pouco mais confiante – sempre arranjei maneira de estar meio camuflado. E este disco, como é muito sincero e direto, achei que fazia sentido começar um percurso como João Só. E o que é que isso significa para si enquanto compositor? Só assumi

o nome a solo depois de estar tudo feito e ouvir. Este disco também é rock ‘n’ roll, mas as canções são mais sucintas, a produção foi um bocadinho mais eficaz – com ajuda do Nuno Rafael. As influências são de bandas como os Beatles. Mas aqui parece haver, também, uma maior ligação ao rock ‘n’ roll norte-americano. É um disco

de bandas norte-americanas muito fãs dos Beatles: Tom Petty, Roy Orbison... mesmo banda mais modernas, como os Wilco ou o REM,

de quem gosto muito. O formato canção é a coisa mais importante, os arranjos vêm depois. Houve um tema que me fez lembrar “Sweet Home Alabama”, dos Lynyrd Skynyrd. Chama-se “Queres”.

É a minha música ‘rock-deserto’. Gosto muito de fazer citações a músicas ou bocados de melodias que se conhecem. O João parece desafiar bastante a criatividade: além dos seus discos, tem o projeto Mendes & João Só, tem um programa de televisão com o Nuno Markl chamado “Telebaladas”. É um desafio grande construir canções ou é um ato natural? Para mim é um pri-

vilégio trabalhar com essas pessoas. Sempre tive dificuldade em coexistir num meio em que só se pode lançar um disco de dois em dois anos. Gosto mesmo muito de fazer músicas. O “Telebaladas” é uma

maneira perfeita para escoar criatividade e me divertir – e dar oportunidade às pessoas para terem uma música personalizada. Mas é fácil para si escrever canções?

Calma aí! (risos) Há umas mais fáceis que outras. Há canções que me demoram uma semana a fazer e outras uma hora e meia! Mas sim, tenho facilidade em compor, porque também sou grande consumidor de canções. Está-se sempre a passar aqui qualquer coisa (risos).

O stress ajuda a compor? Acho que

sim. As grandes baladas são sempre BRUNO MARTINS feitas sobre stress!

Prémios Worten RFM João Só é um dos músicos convidados para os Prémios Worten RFM. O evento acontece no dia 9 de novembro, no Campo Pequeno, em Lisboa. Além de João Só, vão estar presentes Expensive Soul, Boss AC, Aurea, João Pedro Pais, Kika, Azeitonas, Monica Ferraz. Os bilhetes custam entre os €15 e os €21,50.


11

O mundo inteiro nas telas de Lisboa 7ª arte. Arranca hoje a 11ª edição do Doclisboa – Festival Internacional de Cinema. A sessão de abertura acontece a partir das 21h30 na Culturgest com a apresentação de “Pays Barbare”.

“Pays Barbare” é o filme de abertura da edição deste ano do Doclisboa.

“I Love Kuduro”, de Mário Patrocínio, é apresentado no domingo à noite no São Jorge.

O filme tem a realização dos italianos Yervant Gianikian e Angela Ricci Lucchi, sendo um documento “sobre o fascismo e o colonialismo”, escrevem os autores. A edição deste ano exibe 244 filmes de 40 países, somando um total de 123 longas e 121 curtas-metragens. A programação conta ainda com 46 filmes portugueses, 42 primeiras obras, 36 estreias mundiais, cinco internacionais e uma europeia. O filme português “E Agora? Lembra-me”, de Joaquim Pinto – já foi exibido nos festivais de cinema de Nova Iorque e em Locarno, onde foi premiado, e também no festival Queer, em Lisboa. O certame vai durar até dia 3 de novembro e decorre em dez espaços de exibição, não apenas em Lisboa, mas também em Almada,

saindo pela primeira vez da capital – com enfoque especial para a Culturgest, Cinema São Jorge e Cinema City, em Alvalade. São 16 as secções em que se divide o festival. Para lá das competições nacionais e internacionais (de curtas e longas-metragens), nota para as secções “Riscos” (comissariada por Augusto M. Seabra); “Investigações”; “Heart Beat”; “Cinema de Urgência”; “Verdes Anos”; uma retrospetiva de Alain Cavalier ou uma secção dedicada ao golpe militar no Chile, que aconteceu há 40 anos.

Sugestões Alguns filmes a não perder nos próximos dias. Consulte o programa completo em www.doclisboa.org. • “Le Filmeur”, Alain Cavalier 25 outubro – 18h45 – Culturgest • “Plot Point”, de Nicolas Provost 26 outubro – 21h45 – C. City • “I Love Kuduro”, Mário Patrocínio 27 outubro – 22h – São Jorge • “The Revolutions Will Not Be Telivised, It Will Be Twitted” 1 novembro – 21h30 – São Jorge

Cinema

Romance de Cunhal adaptado por Leitão O romance “Até Amanhã, Camaradas”, de Manuel Tiago, pseudónimo literário do antigo líder do PCP, Álvaro Cunhal, foi adaptado para cinema por Joaquim Leitão. O filme estreia a 7 de novembro.

Tabelas

Michael Jackson, o artista que mais fatura Michael Jackson voltou a ocupar o trono das celebridades que mais dinheiro ganha, incluindo as vivas. De acordo com a Forbes, Madonna ganhou, entre junho de 2012 e junho de 2013, 125 milhões de dólares (90 M€). Jackson foi até aos 116 M€.

Arte

Dois quadros de José Malhoa por €250.000 Os quadros “Oferecendo Laranjas” e “Rua da Cadeia” do pintor português José Malhoa (1855-1933) foram vendidos terça-feira à noite, num leilão, em Lisboa, por um valor global de 250 mil euros, revelou ontem à agência Lusa fonte da leiloeira.

Celebração. Dead Combo fazem 10 anos Por altura do décimo aniversário de canções, os Dead Combo vão editar, no próximo dia 7 de novembro, uma fotobiografia que reúne imagens de bastidores, concertos e ensaios, captadas por fãs e profissionais, que registam esta década: “10 Anos de Vadiagem”. Já em dezembro, Pedro Gonçalves e Tó Trips vão atuar, entre 12 e 15, na Galeria Zé dos Bois para quatro sessões especiais, reservando para cada uma das noites a interpretação, na íntegra, de cada álbum.

BD. “Astérix Entre os Pictos” editado hoje em Portugal A Escócia antiga é o cenário para o novo livro de Astérix e Obélix, no álbum “Astérix Entre os Pictos”, a editar hoje em simultâneo em mais de 20 idiomas, incluindo o português. O livro é assinado por Jean-Ives Ferri (argumento) e Didier Conrad (ilustração) que dão continuação ao trabalho de Uderzo.

A noite de ontem [segunda-feira] foi verdadeiramente mágica! Sou a rapariga mais sortuda do mundo. Vou casar com o meu melhor amigo”

Kim Kardashian confessou toda a sua felicidade à E! por ter sido pedida em casamento pelo namorado Kanye West. © GETTY IMAGES


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

Metro Portugal Arruamento B à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA - PORTUGAL

METRO PORTUGAL Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à PROPRIEDADE Metro International, SA, EDITORA Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social €4.048.845,00, Contribuinte 505338602, registada na C.R.C de Cascais _nº 505338602, Principal acionista Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade Diária Distribuição Gratuita Impressão Lisgráfica, Impressão e Artes Gráficas S.A. Rua Consiglieri Pedroso 90, Casal de Santa Leopoldina, 2730-053 Queluz de Baixo. DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Diretora Adjunta Ana Silveira Agências Adriana Macedo, Margarida Rego, Paula Tavares, Raquel Pinto, Daniel Barata; Diretos Eva Oliveira, Filomena Mestre, João Rodrigues, Luís Farinha, Ricardo Afonso Planeamento Maria da Luz Veiga Tel. 210494204/210494815; Fax 21 049 31 34 PORTO Tiago Medeiros, Gabriela Raposo Tel. 22 532 23 00 Fax 22 532 23 99 E-mail publicidade@metroportugal.com DESIGN GRÁFICO Rui Gonçalves, António Garcia MARKETING João Aleixo, Rita Costa Passatempos Marta Tavares (passatempos@metroportugal.com) Ativações e Eventos João Aleixo (coordenador) Joana Gil, Marta Brigham CHEFE DE DISTRIBUIÇÃO José Magalhães Distribuição António Caldeira, Orlando Lopes (Porto) DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto) Editora gráfica Sónia Santos Grafismo Filipa Rosa, Rita Alves, Túlio Vasco Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso. PUB

Correio do leitor

Horizontais: 1. Até agora. A maçã do rosto. 2. Parte terminal

Palavras cruzadas

dos membros superiores do homem. Ave pernalta africana. Planta labiada, vivaz com base lenhosa. 3. Contr. da prep. a com o art. def. o. Celebração da Eucaristia, na Igreja Católica e na Ortodoxa. Indica lugar, tempo, modo, causa, fim e outras relações (prep.). 4. Proprietário. Perigosa. 5. Espaço de 12 meses. Diz-se do som articulado na garganta. 6. Servi-me de. Mistura com iodo. 7. Acorrentar. Espécie de boi selvagem. 8. Assume expressão alegre. Bom-senso. 9. Aqueles. Líquido branco, segregado pelas glândulas mamárias das fêmeas dos mamíferos. O espaço aéreo. 10. Nome próprio masculino. Cólera. Alguma. 11. Provida de asas. Refulgir.

Soares sem vergonha Mário Soares continua a surpreender com as suas declarações. Recentemente, ouvi-o chamar delinquente ao atual Governo. Primeiro, um ex-Presidente da República deveria ter um mínimo de decoro quando se refere a governantes eleitos pelo povo. Depois, como pode Soares, que apoiou Sócrates até ao último dia de governação, muito depois de o país ter percebido a tragédia em que este deixou as contas públicas, criticar quem tem agora a responsabilidade de resolver a situação? Soares nunca olhou a meios pelo poder e pelo PS, mas acredito que está agora a perder o senso e a ir longe demais. TOMÁS MARQUES, ALGÉS

As cartas dos leitores devem ser enviadas para Metro/Arruamento B à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA, ou por e-mail para: leitores@metroportugal.com. As opiniões desta página não vinculam as do METRO nem traduzem a opinião do jornal. O METRO reserva-se o direito de editar as cartas que não devem exceder os 400 caracteres..

Verticais: 1. Desejava. Fruto da amoreira e de algumas espécies de silvas. 2. Átomo, grupo de átomos ou molécula que perdeu a sua neutralidade eléctrica por ter captado ou perdido um ou mais electrões. Contr. da prep. em com o art. indef. um. O meridiano. 3. Contr. da prep. em com o art. def. o. Regular por dose. Imposto Automóvel (abrev.). 4. Contr. do pron. pess. compl. me e do pron. dem. o. Que é de bronze. 5. Chegar ao fim proposto. Emprega-se para excitar ou animar (interj.). 6. Serviu-se de. Empunhar. 7. Senão. Tremer de frio. 8. Agastamento. A si mesmo. 9. Medida itinerária chinesa. Custoso. Designa dor, admiração, repugnância (interj.). 10. Pássaro. Rio da Suíça. Governanta. 11. Lanço secundário de estrada ou caminho-de-ferro. Ter tonturas.

Sudoku

•••••

Solução cruzadas Horizontais: 1. Ainda, Malar. 2. Mão, Tua, Iva. 3. Ao, Missa, Em. 4. Dono, Má. 5. Ano, Gutural. 6. Usei, Ioda. 7. Amarrar, Uro. 8. Ri, Siso. 9. Os, Leite, Ar. 10. Rui, Ira, Uma. 11. Alada, Raiar. Verticais: 1. Amava, Amora. 2. Ião, Num, Sul. 3. No, Dosar, IA. 4. Mo, Eril. 5. Atingir, Eia. 6. Usou, Asir. 7. Mas, Tiritar. 8. Amuo, Se. 9. Li, Árduo, Ui. 10. Ave, Aar, Ama. 11. Ramal, Oirar.

Ficha técnica

LAZER | 12

Solução sudoku


PEQUENOS ANÚNCIOS

CRÉDITO

AZEVEDO, PINHO & JESUS, LDA

ATÉ 1000 EUROS

Desde 1951 Somos uma empresa de confiança Avaliador Oficial credenciado pela Casa da Moeda

EM DINHEIRO E SEM BUROCRACIA. Telemóvel: 92 007 91 52 TAEG - 11,25 e TAXA DE JUROS DE 17,9

PENHORES E COMPRA E VENDA DE

AS SUAS JANELAS E ESTORES TÊM PROBLEMAS?

COMPRAMOS CAUTELAS DE PENHOR ABERTO À HORA DO ALMOÇO

Prateleiras, móveis ou varões de cortinados por montar?

Peça já o seu orçamento GRÁTIS... Ligue hoje mesmo

OURO • PRATA • JÓIAS • MOEDAS • RELÓGIOS

Rua dos Sapateiros, 115 - 1.º esq.º, Lisboa (saída do metro da Baixa/Chiado)

Tels.: 21 346 54 11 • 21 342 94 83 • 21 321 93 46 Fax: 21 321 14 97 | E-mail: geral@apj.com.pt

93 943 75 99

CRÉDITOS

MEDI FINANCE A GARANTIA DO SEU CRÉDITO… RESPOSTA NA HORA!!!

COM/SEM PROBLEMAS BANCÁRIOS EMPRESA REGISTADA / ANÁLISES GRATUITAS

geral.medifinance@sapo.pt 213 150 620 / 962 491 939 / 915 789 254 Ex: 5000€ = 63,61€ - 120 meses TAEG: 13,5% - Taxa Juro: 8,75% = 7.633,20€ Med. Indep. Cred. Concedido p/ Entidades Autoriz.

Admissão de condutores M/F de Serviços Turísticos em LISBOA: A Carristur, empresa de referência no sector do turismo, contrata condutores de acordo com o seguinte perfil: - Carta de condução da Categoria “D”, possuidores de CAM e CQM; - CAP de Transporte Colectivo de Crianças (preferencial); - Dá-se preferência a formação profissional obtida na Carristur; - Habilitações literárias mínimas 9.º ano de escolaridade; - Idade entre os 23 e os 40 anos - Conhecimento de Inglês e Espanhol (preferencialmente também Francês e/ou Alemão); - Disponibilidade para trabalhar com horários irregulares e com trabalho suplementar. Oferece-se oportunidade de integrar uma Empresa prestigiada e sólida, num sector em crescimento. Respostas a enviar com urgência para: ana.catarino@carris.pt


3 SPORT

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

14

Benfica só não meteu água devido a Roberto Liga dos Campeões. Os encarnados empataram em casa na 3ª jornada do Grupo C e estão a cinco pontos do líder PSG. Um livre direto de Cardozo, logo aos três minutos, obrigou o ex-benfiquista Roberto a boa defesa. Esta foi a melhor ocasião de golo das águias, que começaram melhor o jogo, mas com o passar do tempo foram perdendo o domínio para o Olympiacos. Depois apareceu Mitroglu, o avançado do Olympiacos e da seleção grega que, felizmente para o Benfica, esteve perdulário falhando duas boas oportunidades de golo. Já o médio Domínguez não falhou e, após perda de bola de Matic, fez o 1-0, com classe, tirando ainda

PUB

Garay do caminho. Resultado certo, pois os gregos foram superiores. Na segunda metade, Jesus lançou Ivan Cavaleiro. Mas não foi o jogo ideal para o jovem se mostrar, pois uma bátega de água condicionou parte do espetáculo até porque a bola pouco rolava. Nesta altura só um livre de Lima levou perigo à baliza dos gregos. Aos 84m, e com o campo já drenado, Roberto safou o Benfica com uma má saída (lembram-se?) após um canto e Cardozo empatou, conseguindo um mal menor na Luz.

1 1 BENFICA

OLYMPIACOS

Artur André Almeida Luisão Garay Siqueira Matic Enzo (Amorim, 81m) Gaitán (Rodrigo, 81m) Ola John (Cavaleiro, 46m) Lima Cardozo T: J. Jesus

Roberto Salino Siovas Manolas Holebas Maniatis Samaris Weiss (Ndinga, 57m) Fuster (Yatabaré, 69m) Domínguez Mitroglu (Medjani, 88m) T: Michel

Local: Estádio da Luz, Lisboa Golos: Domínguez (29m) e Cardozo (84m) Disciplina: cartões amarelos para Fuster (36m), Weiss (42m), Enzo (56m), Mitroglu (60m) e Gaitán (62m).

No outro jogo do grupo, o PSG bateu, na Bélgica, o Anderlecht, por 5-0, com quatro golos de Ibrahimovic. O outro tento da equipa franceL.C. sa foi apontado por Cavani.


15

Champions. Ronaldo bate Juventus com dois golos No jogo grande da 3.ª jornada da prova, o líder Real Madrid recebeu e derrotou a Juventus (2-1), com dois golos de Ronaldo. No outro jogo do Grupo B, o Galatasaray, com Bruma, bateu o Copenhaga (3-1). No Grupo A, o líder Man. United derrotou a Real Sociedad (1-0) enquanto o Bayer Leverkusen derrotou o Shakhtar (4-0). No agrupamento D, o campeão europeu, Bayern, goleou o Viktoria Plzen (5-0) e Manchester City venceu CSKA (2-1). O Bayern Munique segue em primeiro.

Em destaque

O Bayern venceu, em Munique, os checos do Viktoria Plzen, por 5-0. Ribery bisou. Alaba, Götze, Schweinsteiger também marcaram.

Futebol

Leões e Elias de acordo O Sporting anunciou ontem que encontrou uma “plataforma de entendimento” com o representante do médio Elias, Eliseu Trindade, e que vão ser retirados os processos que as duas partes interpuseram na FIFA. No site do Sporting está escrito que a SAD e Eliseu Trindade estão “alinhados e concentrados”, para encontrarem uma solução. Em causa estão, recorde-se, questões salariais.

Ténis

Federer no Masters Roger Federer e Tomas Berdych apuraram-se ontem para o Masters, prova que reúne os oito melhores tenistas do ranking ATP e que fecha a época e que este ano decorre em Londres, Inglaterra, de 4 a 11 de novembro. Nadal, Djokovic e Del Potro e Ferrer já estão qualificados. Wawrinka, Gasquet, Tsonga e Raonica também estão na luta pela qualificação.

“Quero lutar pelo top 10” Ciclismo. Rui Costa, campeão do mundo, estabeleceu ontem a sua meta para a próxima edição da Volta à França, em 2014. O ciclista da Póvoa de Varzim, que correrá pela italiana Lampre, após ter deixado a espanhola Movistar, afirmou que será “um Tour complicado” e recordou que se adapta “melhor a provas de uma semana, de um dia”. Não obstante, o corredor espera “estar numa boa condição e, quem sabe, lutar pelo top 10”. Rui Costa esteve ontem na apresentação da 101.ª edição do Tour, em Paris, França. A prova arranca de Leeds, Inglaterra, a 5 de julho, e termina em Paris, a 27 de julho. Três das 21 etapas são em estradas britânicas, deixando Rui Costa em alerta pois o Tour já é uma prova “dura” e que será dificultada pelas etapas em L.C. Inglaterra “devido ao vento”.

Este ano, Rui Costa venceu duas etapas do Tour. O luso não quer estancar e espera “poder subir novamente um degrauzinho”. © GETTY PUB


PUB


20131024_pt_lisbon