Page 1

STACEY KENT

Artes É oficial: Fundação Joana Vasconcelos avança pág. 11

À conversa com uma ‘jazz singer’ americana pág. 10

Focus Primavera/verão 2014 em versão masculina pág. 08 PUB

PORTUGAL quinta-feira 3 outubro 2013 ano 6, nº 1950 Lisboa 19° | 23°

Porto 16° | 20°

www.readmetro.com Diretor: Diogo Torgal Ferreira

Wake Up Bus faz-se à estrada Nacional. Autocarro parte do Porto e percorre Europa com a missão de alertar para os perigos de conduzir com sono. Rastreios, informação e formação no programa pág. 04 Nacional

Sport

Austeridade disfuncional Maioria dos europeus considera que políticas contra crise falharam pág. 05

Mundo

Confiança no governo Executivo italiano aprovado depois de recuo de Berlusconi pág. 07

Economia

PT e Oi anunciam fusão Ambição de nova empresa é ser um dos maiores ‘players’ globais pág. 06

Férias militares? Só em Pequim No campo de férias militar, em Pequim, na China, cada participante tem de lavar a sua própria roupa interior. Inaugurado em 2008, hoje já são mais de 2.000 os rapazes e as raparigas que passam por lá durante apenas dois meses, no verão. Têm entre os 6 e os 17 e 30% são raparigas. GEPA/DIEGO AZUBEL

Cronista

Ana Rita Clara Autárquicas 2013: ilações a tirar pág. 02

Liga dos Campeões. Águias derrotadas em Paris pelo milionário PSG por 3-0 Ibrahimovic adiantou parisienses aos 5m e fechou contagem aos 30m. Marquinhos marcou pelo meio frente a um Benfica sem argumentos. pág. 14


1

JORNAL

Paulo Rangel

“A única coisa que recomendo ao PSD é que pode tirar ilações políticas e juízos políticos, mas não devia iniciar um processo de perseguições. Isso acho que seria negativo para o partido” Palavras do eurodeputado social-democrata, à saída do Conselho Nacional do PSD que terminou na madrugada de ontem, argumentando que o partido laranja não deve começar uma “caça às bruxas” depois da hecatombe nas eleições autárquicas. LUSA

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

02

Opinião

ONLINE

ANA RITA CLARA APRESENTADORA DE TV NA SIC E SIC MULHER PROGRAMA ‘MAIS MULHER’ 2.ª A 5.ª 17H30, SIC MULHER | WWW.FACEBOOK.COM/ANARITACLARAOFICIALTV | ANARITAGRAM

Urgência eleitoral O País desacelerou para eleger os presidentes das suas autarquias. Abrandou o ritmo próprio destes tempos, que se castra ou acelera, consoante o balanço dos números e da economia. E se falamos em contagens surpreendentes, fugindo da ambígua visão política a que já estamos habituados, foi realmente um dia fraturante. Sentimos claramente que o poder eleitoral começa a desvincular-se cada vez mais dos cidadãos e de todos os portugueses. Que a descrença política se propagou por todos os setores e estratos sociais e que o olhar para com as eleições se alterou. Mas, apesar do nível de abstenção apresentado, não podemos descurar o que representa nas nossas vidas todo o processo eleitoral. E talvez só agora, e mais do que nunca, as pessoas devam compreender que votar, mais do que uma obrigação... é um direito. É uma urgência fundamental. Onde os recados são passados da melhor forma possível. Na justiça democrática. Na definição real daquilo que a nossa sociedade nos possibilita. Na única instância, ainda credível, onde o povo se pode

e deve manifestar. Todo o processo eleitoral é recheado de oscilações, mas foi surpreendente observar a evolução da importância de todo este momento. Os media naturalmente alteraram a sua programação e fixaram-se em todos os acontecimentos do dia. E, apesar de toda a discrepância nas abordagens, o que importa salientar é a vontade latente de todos os portugueses, de marcarem bem a sua perspetiva e pontos de vista. Talvez mais do que nunca compreendam as “ondas” de manifestações e pressões para participarem nos votos da sua periferia, nas decisões que também são suas. Podemos até refletir sobre esta nova vaga, que, espero eu, seja muito mais prática e ativa nas suas ideologias, do que apenas imaginativa nas suas constituições. A revolução nasce daquilo que nos é possível transformar. E acredito que começa na mudança de atitudes. E se a participação e uma voz mais ativa e atenta, na esfera política e decisiva da nossa realidade é o primeiro sinal disso, então é tempo de agir. Mudar. O tempo não é de luto, é de reação.

facebook www.facebook.com/thehollywood gossip “Pobre Kristen Stewart. Primeiro perdeu o cabelo, após o fim da relação com Robert Pattinson. Agora, perdeu-o mesmo! Fontes confirmam que o ator namora Dylan Penn, uma modelo de 23 anos, e filha de Sean Penn.”

twitter @OfficialKat [Kat Dennings] “Porque é que em todos os filmes de terror se transformam meninas pequeninas em monstros assustadores?! Meninas pequeninas são amorosas, já chega.”

vídeo do dia

Em Nova Iorque um condutor sentiu-se ameaçado por um grupo de motards, mas acabou por resolver o assunto... Venha escrever connosco. Entre em facebook.com/metroportugal

Boa notícia do dia

Setor farmacêutico junta esforços pela exportação Um conjunto de produtores e exportadores de medicamentos e a autoridade que regula o setor comprometeram-se a promover a exportação e internacionalização das empresas farmacêuticas, um mercado que ultrapassou os 702 milhões de euros em 2012. O protocolo que concretiza esta intenção foi firmado entre a PharmaPortugal, uma parceria de produtores e exportadores associados da Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica (Apifarma), e o Infarmed. Através deste protocolo – de duração de dois anos –, os subscritores comprometem-se a “conjugar esforços para aumentar o valor das exportações a partir de Portugal”, segundo nota conjunta.

Tributo ao soldado desconhecido De visita à Austrália por um dia para uma série de reuniões com Tony Abbot (à dta.), o recém-eleito primeiro australiano, John Key, chefe do governo da Nova Zelândia, fez questão de prestar a sua homenagem no monumento dedicado ao soldado desconhecido australiano, em Camberra. © GETTY IMAGES


PUB


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

04

Se conduzir não dê boleia ao sono Segurança Rodoviária. Wake Up Bus percorre a Europa para alertar para os perigos de conduzir com sono. Ação de sensibilização começa hoje no Porto, com a partida do autocarro. A campanha “Se conduzir não dê boleia ao sono”, que parte hoje do Porto e segue para Lisboa, vai percorrer a Europa com destino a Bruxelas, parando em 11 cidades dos 15 países que aderiram à iniciativa que pretende alertar para os perigos da sonolência ao volante. O projeto e coordenação é da presidente da Associação Portuguesa de Sono (APS), psiquiatra e especialista em Doenças do Sono, Marta Gonçalves, em cooperação com a Sociedade Europeia do Sono (European Sleep Research Society)

e os seus presidentes. Os principais destinatários são os condutores profissionais, mais frequentemente expostos a acidentes provocados por condução com sono. A partida do Wake Up Bus é assinalada, hoje, no Porto, pela manhã, com a instalação na Praça dos Leões, de uma tenda com um simulador de capotamento onde os interessados poderão experienciar uma das consequências de adormecer ao volante. O simulador tem também como objetivo ajudar a preparar as pessoas para se “defenderem” de uma situação

dessas. Em simultâneo estarão a decorrer rastreios para avaliar o grau de sonolência excessiva e o risco de sofrer de apneia do sono. No mesmo local será ainda possível encontrar promotores vestidos de ovelhas a distribuir informação a todos os que passarem no local a pé ou de automóvel, enquanto simulam estar com sono e a pedir boleia aos condutores que param nos semáforos junto à Praça. Hoje ainda, a chegada do autocarro a Lisboa é marcada também pela realização de rastreios na Praça do Rossio e por distribuição de informação por promotores. Às 15h00 decorre no Ministério da Administração Interna a apresentação dos resultados nacionais do questionário realizado a nível Europeu durante o verão.

Haverá um simulador de capotamento onde se pode perceber uma das consequências de adormecer ao volante. © GETTY IMAGES

PUB

Reprodução. Jovens pouco interessados em doação Um estudo inédito sobre o recurso a gâmetas de dadores, que envolveu mais de 1.500 adolescentes, revelou que os jovens portugueses estão pouco predispostos a doarem óvulos e espermatozoides, apesar de aceitarem esta técnica. “Doação de gâmetas: atitudes e predisposição para o uso e recuso nos adolescentes portugueses” é uma investigação da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação e da Faculdade de Ciências, da Universidade do Porto. De acordo com os resultados, há “uma baixa predisposição dos adolescentes, quer para recorrer no futuro a dadores de gâmetas caso necessitem, quer para serem dadores”.

Estudo

1.532 jovens (941 mulheres e 591 homens), com idades compreendidas entre os 14 e os 22 anos e a frequentar o ensino secundário público participaram no estudo que será divulgado hoje na Figueira da Foz.

Sinistralidade. Mais de 85 mil acidentes rodoviários Foram 85.104 os acidentes rodoviários que ocorreram nas estradas portuguesas entre janeiro e setembro deste ano, provocando 365 mortos e 1.416 feridos graves, indicou hoje a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR). Nestes meses ocorreram mais 434 acidentes do que no mesmo período do ano passado. Os dados indicam também que o número de mortos diminuiu 16,4% nos primeiros nove meses do ano.

Telemóvel. 13.429 condutores multados A GNR multou 13.429 condutores por usarem o telemóvel durante a condução no primeiro semestre do ano, menos 185 do que em igual período de 2012. Durante os primeiros seis meses do ano, a GNR detetou ainda 13.173 infrações por falta de uso de cinto de segurança (menos 759 do que em igual período de 2012) e 829 contraordenações por falta de cadeirinhas para crianças (mais 112).


NACIONAL | 05

Soluções têm de vir da Europa Crise. O ministro da Economia defende “soluções europeias” para consolidar as soluções de cada país para responder à crise. Numa intervenção no encerramento de um seminário sobre as relações económicas entre Portugal e a Suécia, que decorreu ontem em Estocolmo no âmbito da visita de Estado do Presidente da República que teve início na terça-feira na capital daquele país escandinavo, Pires de Lima falou sobre os tempos “exigen-

Custos elevados Também em Estocolmo, Cavaco Silva alertou para os elevados custos dos empréstimos para as empresas de média dimensão, considerando que têm sido “bastante injustos” e “economicamente ineficazes” “O meu país tem suportado os custos da fragmentação do mercado financeiro europeu. Os elevados custos dos empréstimos para as empresas portuguesas de média dimensão têm sido bastante injustos e, pior, economicamente ineficazes”, afirmou o Presidente da República.

1

Cavaco recordou ainda o “enorme

2esforço” que Portugal tem feito,

implementando “um ambicioso programa de reformas estruturais”.

tes” que se vivem na Europa desde o início da crise financeira em 2008. Uma crise que, sublinhou o governante, teve consequências “terríveis” nas economias mais pequenas, como a portuguesa, e mostrou a interdependência entre as economias de cada Estado-Membro da União Europeia. “Quando um Estado-Membro tem um problema, os efeitos são sentidos em todos os outros Estados-Membros”, sustentou. Por isso, acrescentou António Pires de Lima, “se um problema local tem implicações europeias, então são necessárias soluções europeias para complementar e consolidar as soluções locais”. O ministro lembrou ainda os desafios que Portugal enfrenta, comparando a situação com a vivida na Suécia nos anos 90, notando que a crise forçou os portugueses a olhar para os erros cometidos no passado e a examinar o que correu mal. Contudo, continuou, os ajustamentos que empresas e famílias tiveram de realizar tornaram-nos mais bem preparados para enfrentar o futuro. “Apesar de ainda haver um longo caminho pela frente, estamos confiantes que iremos ultrapassar os desafios e já existem sinais que estamos no caminho certo”, frisou.

Autárquicas

Empate obriga a repetir O empate de domingo nas eleições para a União de Freguesias de Britelo, Gémeos e Ourilhe, em Celorico de Basto, e para a freguesia de Caíde de Rei, em Lousada, vai determinar a repetição do ato eleitoral. O igual número de votos entre PS e PSD no primeiro caso e PSD/CDS e PS no segundo foram confirmados pela assembleia de apuramento de resultados.

Defesa

Países juntos em exercício marítimo Os ministros da Defesa de Portugal, Espanha e Marrocos acompanham hoje um exercício conjunto ao largo de Portimão, Faro, envolvendo meios navais e aéreos com o objetivo de treinar operações de segurança marítima. O exercício, designado Seaborder, decorre no âmbito da presidência portuguesa da Iniciativa 5+5.

Sondagem. Austeridade falhou, dizem os europeus Mais de metade dos europeus e mais de dois terços dos portugueses pensam que as políticas de austeridade seguidas desde o início da crise falharam, segundo uma sondagem Gallup para a plataforma “Debating Europe”. Para 51% dos cidadãos da União Europeia inquiridos, as políticas de austeridade seguidas para equilibrar as finanças públicas não funcionam. Só 5% pensa o contrário e 34% que as políticas precisam de mais tempo para fazer efeito. Para 60% dos inquiridos, há soluções melhores que a austeridade. Em Portugal, 81% pensam dessa forma, na Grécia 94% e na Espanha 80%. Apenas 16% dos inquiridos consideraram não haver soluções melhores.

Parlamento

Debate quinzenal a 23 de outubro O Parlamento agendou para 23 de outubro um debate quinzenal com o primeiro-ministro, Passos Coelho, a que se seguirá uma discussão sobre o conselho europeu dos dias 24 e 25, que visa debater temas como a economia digital, inovação e serviços ou crescimento.

Apenas 22% dos europeus afirmam que as políticas de austeridade beneficiam toda a Europa. © GETTY IMAGES PUB


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

ECONOMIA | 06

Mercado Puro

Bancos online PEDRO TUNA ADMINISTRADOR ROOMDIMENSIONS

O acordo feito vai criar o maior operador de telecomunicações da lusofonia, cotado em Lisboa, São Paulo e Nova Iorque. © GETTY IMAGES

Um dos maiores ‘players’ globais Telecomunicações. As operadoras Portugal Telecom (PT) e Oi (Brasil) assinaram ontem um acordo de intenções para a fusão das duas empresas, e das holdings da operadora brasileira. A nova empresa só avançará depois de a fusão ser aprovada por todos os acionistas das operadoras portuguesa e brasileiras, além de um aumento de capital de 2,3 M€ a 2,7 mil M€ e à aprovação das entidades reguladoras. As duas operadoras antecipam que a fusão irá gerar sinergias de aproximadamente 1,8 mil M€. Os acionistas da PT vão ficar com 38,1% do capital do operador resultante da fusão e com direito de voto. Segundo o comunicado enviado ontem à CMVM, a transação está

prevista para o primeiro semestre do próximo ano e as empresas explicam que a fusão surge na sequência da aliança estabelecida em 2010, ano em que a PT entrou na Oi. O presidente executivo da nova empresa será Zeinal Bava, atual presidente da PT. À agência Lusa, o responsável sublinhou que ontem nasceu “uma empresa com raiz nos países de língua portuguesa e um mercado de 260 milhões de pessoas. Uma empresa que está entre as maiores

BCE. Preparado para usar todos os instrumentos à disposição O presidente do Banco Central Europeu (BCE) disse ontem que a instituição está pronta a “usar todos os instrumentos à sua disposição”, caso seja necessário apoiar a atividade de crédito e face a um crescimento ainda frágil da Zona Euro.

Mario Draghi acrescentou que o BCE vai manter a sua política monetária acomodatícia “enquanto for necessário”, depois de ter sido conhecido que a taxa de juro de referência se mantém no mínimo histórico de 0,5%, definido em maio.

do mundo com mais de 100 milhões de clientes, 30 mil colaboradores e presente em quatro continentes.” A partir de Londres, onde apresentou a nova companhia aos mercados, Zeinal Bava explicou que “a ambição é estar entre os maiores players globais, assumindo uma vocação multinacional”, ser “uma referência em termos de inovação tecnológica, excelência operacional e criação de valor acionista” e que a “nova empresa terá um novo nome, um nome que lhe transmita um caráter e uma ambição global”. O presidente executivo da PT e da Oi revelou ainda que a fusão “no limite vai criar muito mais emprego em Portugal, vamos poder criar oportunidades para colaboradores”.

O presidente do BCE disse ainda que o impasse orçamental nos EUA pode ser um risco não só para aquele país, mas também para todo o mundo. “A paralisia, a prolongar-se, representa um risco. Por agora, a impressão é de que não vai acontecer”, afirmou Draghi. Já a uma pergunta sobre as consequências de um eventual ‘default’ (falência) dos EUA, o presidente do BCE respondeu com um conciso “não respondo”.

Sou um utilizador diário dos sites bancários onde realizo praticamente todas as operações pessoais e empresariais. A qualidade de um banco meço-a pela fiabilidade da sua plataforma online e pela competência do meu gestor de conta. Digo, pois, sem qualquer espécie de patriotismo bacoco, que os serviços online dos bancos nacionais têm um nível muito superior ao dos bancos estrangeiros que, menosprezando uma cultura tecnológica que nos coloca muitas vezes um passo á frente de outros utilizadores europeus, preferiram adaptar em vez de inovar. O resultado nem sempre é o melhor.

França

Ryanair condenada a pagar mais de 10 M€ Um tribunal francês condenou a companhia aérea low cost Ryanair a pagar cerca de 10 M€ em indemnizações e juros por violar leis laborais, bem como uma multa de €200.000. A empresa enfrentou várias acusações, incluindo o impedimento de plenários e impedir o acesso dos sindicatos ao aeroporto de Marseille-Marignane.

Algarve

Laranja em queda A laranja do Algarve registou uma quebra global de produção entre 60 a 70% na campanha de verão deste ano, que terminou no passado dia 30 de setembro, em relação a 2012, segundo os produtores.

Brasil

Mais turistas portugueses O Instituto Brasileiro de Turismo revelou ontem que dados relativos à entrada de turistas portugueses no Brasil mostram um aumento de 4,4% entre janeiro e agosto, face a 2012.


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

Letta com voto de confiança Itália. Silvio Berlusconi recuou e pediu, inesperadamente, aos deputados italianos para votarem a favor do executivo. O governo de coligação do primeiro-ministro italiano, Enrico Letta, obteve assim ontem a confiança do Senado com o apoio do líder conservador Silvio Berlusconi. O governo de Letta conquistou a moção de confiança com 235 votos a favor e 70 contra. Antes, numa intervenção diante do hemiciclo, Letta advertiu que uma eventual queda do executivo seria “fatal e irremediável” para Itália. Assim, o antigo primeiro-ministro decidiu não ser derrotado. “Tendo em conta que Itália carece de um governo que introduza reformas institucionais e estruturais decidimos, não sem trabalho interno, pelo voto de confiança”, disse.

MUNDO | 07

Síria

Jornalistas alvo de rapto Pelo menos 22 jornalistas estrangeiros foram sequestrados no último ano na Síria, muitos dos quais continuam em cativeiro, denunciou a organização Campanha Emblema de Imprensa (PEC, sigla em inglês). Em comunicado, a organização não-governamental que defende os direitos dos jornalistas condena o aumento de sequestros em território sírio, a maioria feita por grupos armados.

Reino Unido

Mais aliados na UE

Nos próximos dias será votada a expulsão de Berlusconi do cargo de senador, ao abrigo da “Lei Severino”. © EPA

O primeiro-ministro britânico afirmou ontem que o Reino Unido ganhou aliados na União Europeia (UE) pela posição de força que assumiu na batalha com Bruxelas pela recuperação de poderes. Discursando no congresso anual do Partido Conservador, David Cameron rejeitou desta forma as críticas de que isolou o Reino Unido dos parceiros europeus.

Grécia. Quatro deputados do Aurora Dourada acusados Quatro deputados do partido grego de extrema-direita Aurora Dourada foram ontem acusados de pertencerem a uma “organização criminosa”, mas três saíram em liberdade do tribunal. As acusações foram anunciadas após os seus depoimentos em tribunal. Três dos deputados saíram em liberdade condicional, enquanto um quarto foi colocado em detenção provisória por alegado envolvimento no assassinato do músico antifascista Pavlos Fyssas.

Detenções

6 dos 18 deputados do partido de extrema-direita foram detidos no fim de semana após uma vasta operação da polícia antiterrorista, incluindo o líder Nikos Michaloliakos e o seu adjunto Christos Pappas. PUB


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

FOCUS | 08

Flores e padrões: as novas modas no masculino Em Milão ficámos a saber que, afinal, o “flower power” está de volta e desta vez no masculino. Já em Paris os homens têm direito a estarem mais confortáveis. Eis as tendências para a estação primavera/verão 2014. RICHARD PECKETT

1

Flores para eles

Quando pensávamos que as roupas masculinas não se podiam tornar mais femininas, eis que as tendências para a primavera/verão 2014 mostram o contrário. Miuccia Prada levou o seu estilo masculino até a um sítio tropical chamado “Paraíso ameaçador”, onde palmeiras idílicas e costas límpidas se podem transformar em cemitérios assustadores como no filme de 1999, “A Praia”. Já Dries van Noten entrou decididamente num estilo com padrões em rococó e veludos ousados, enquanto a Gucci criou leggings masculinas e t-shirts com ar desportivo – tudo com padrões florais, obviamente. Como usar este jardim no dia a dia? Não tencionamos usar flores dos pés à cabeça, por isso tente usar apenas uma peça com floreados.

Dries van Noten. © DR

2 3 Calções largos

Peças largas estão de novo na moda. Vá, não é bem ao estilo Will “Príncipe de Bel Air” Smith nos anos 90, mas a Emporio Armani não esteve sozinha na criação de calças largas acima do joelho a fazer lembrar os idos anos 80. Claro que a Givenchy também descobriu o seu nicho de calções, com padrões relacionados com a tecnologia (aparelhos de gravação ou rádios), tudo usado por cima de – rufo de tambores, por favor – leggings... Como usar estes padrões no dia a dia? Use com algo justo em cima para criar uma silhueta mais interessante, mas atenção, por favor não exagere na largueza das peças.

Verão desportivo

A roupa desportiva, outrora sinónimo de dificuldade em criar algo novo, tem-se tornado num caso sério nas passerelles. O designer Paul Smith, conhecido pela sua excentricidade muito britânica, transformou padrões e formas clássicas ao estilo desportivo. Entretanto, a Kenzo parece ter entrado na onda do surf e do skate da Califórnia, transformando calças desportivas mais confortáveis e com padrões relacionados com o mar. Já em Paris, a Lanvin fez os modelos desfilarem com coletes com padrões, t-shirts largas e, vejam só (!), fatos de treino sedosos. Como usar no dia a dia? Os blusões combinados com calças feitas no alfaiate dão um ar refinado.

Givenchy

Z Zenga (cima) e Kenzo (direita)

© CATWALKING

© CATWALKING


PUB


2

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

10

CULTO

STACEY KENT Sei que já tem a paixão pela língua portuguesa e pela música brasileira há muitos anos. Pode dizer-se que este disco, “The Changing Lights”, era algo que já queria fazer há muito tempo?

Jay-Z

“Ela [Blue Ivy] gosta da música da mãe – vê os concertos dela no computador todas as noites. Este meu disco foi uma novidade e ela adora todas as canções. Está-me sempre a pedir: ‘Mais, papá! Mais!’ É a minha maior fã” O rapper conta que a sua bebé de 18 meses, Blue Ivy, adora ouvir o seu último disco, “Magna Carta Holy Grail” . GETTY IMAGES

“The Changing Lights” era um desejo da norte-americana desde pequena. Hoje fala e canta em português e é o que faz, com a inspiração brasileira e lusitana.

SENTIMENTO LUSÓFONO

Sabia que faria este disco um dia. Mas sempre estive à espera do momento certo: tinha uma longa lista de canções que fui fazendo e que queria gravar, porque a paixão pela música que vem do Brasil nasceu ainda antes de eu ser cantora. Foi em jovem que ouvi um disco de João Gilberto e fiquei com uma paixão enorme. Era um universo que fazia sentido para mim, mesmo sem cantar. Sabia que seria bom gravar um dia as canções dos meus heróis e que hoje são meus amigos – como o caso de Marcos Valle ou Roberto Menescal. E acaba por misturá-las com o seu universo. Sim, com o Jim Tomlin-

son e Kazuo Ishiguro. São canções que compartilham a mesma sensibilidade, falam de saudade, da sensação de perder alguém... Por exemplo, o tema “The Changing Lights” fala dessa sensibilidade que está comigo. Digamos que estava à espera desta canção para poder fazer este disco!

Mas quando era mais pequena não percebia o que estas palavras significavam. O que é que sentia?

A primeira vez que ouvi a voz do João Gilberto senti uma grande intensidade, mas, ao mesmo tempo, alguma fragilidade. Eu era muito emocional, mas sem ser dramática. Sem perceber a poesia, conseguia perceber, mas, ao mesmo tempo, tinha uma grande dose de mistério! Sentia como se fosse música clássica... E uma vez que tinha tantos temas por onde escolher, foi difícil selecionar quais os que deviam entrar ou não no disco? Foi incrivelmente

difícil! Estou sempre a fazer listas, sobre tudo! Tinha a lista destas canções há muito tempo, que saberia que interpretaria um dia. Mas não estava à espera das canções mais bonitas, mas das canções que podem criar um universo total, que possam ficar jun-

tas. E já tenho outra lista das canções que não gravei desta vez, mas que vou gravar um dia! (risos).

Além dos poemas em inglês, tem também os poemas “A Tarde” e “Mais Uma Vez”, originais de António Ladeira, que é o seu professor de português! Como foi trabalhar estes temas com um amigo português? Foi um gosto

enorme. Eu e o António partilhamos a mesma visão do mundo, as mesmas paixões. Só de ler os seus poemas percebi que ele daria um bom letrista para mim. Estas canções são muito pessoais e o António conhece-me bem, pode ajudar a criar os poemas a pensar na minha “personagem”. Neste mês de outubro vem a Portugal fazer cinco concertos [dia 8, Portimão; dia 9, Coliseu do Porto; dia 10, Caldas da Rainha; dia 11, Águeda; e dia 12, Centro Cultural de Belém – Lisboa]. Tem um gosto especial cantar em português em Portugal? Sim! Estou ansiosa

para ir para o palco e mostrar as canções, universo e personalidade. Fico sempre muito feliz por ir a Portugal, porque sinto que já partilhamos este sentido BRUNO MARTINS de emoção.


11

Fundação de Joana Vasconcelos vai arrancar Artes. A artista plástica portuguesa decidiu criar uma fundação com o seu nome para preservar a sua obra, criar uma coleção e bolsas de estudo. O diretor da nova fundação, Ricardo Vasconcelos, revelou à agência Lusa que a Fundação Joana Vasconcelos, totalmente privada, só deverá ser oficializada em 2014, mas o reconhecimento por parte do Governo foi publicado ontem em Diário da República, assinado pelo ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares, Luís Marques Guedes. “A fundação foi criada para preservar a obra da artista, ir guardando desenhos, as coisas que tem feito. Estamos a trabalhar numa base

“Hall of Fame” • Criação: entre as obras mais emblemáticas constam sapatos de salto alto, de grandes dimensões e feitos com panelas; faiança de Bordalo Pinheiro coberta de renda ou um lustre criado com tampões. • Fama: este ano a sua exposição individual no Palácio da Ajuda foi a mais visitada em Portugal, com 232.000 visitantes. Em 2012 expôs no Palácio de Versalhes, em Paris.

de dados da obra dela. Vamos criar ainda uma coleção de arte com obras de outros artistas nacionais e internacionais, com os quais Joana Vasconcelos tem trabalhado”, divulgou o diretor da fundação. Outro dos objetivos do novo organismo é criar bolsas de estudo para estudantes de artes, não necessariamente artes plásticas, e que poderão incluir também países do universo da lusofonia, acrescentou. A sede da fundação será o ateliê de Joana Vasconcelos em Lisboa e a futura coleção de arte poderá ser visitável, afirmou Ricardo Vasconcelos, referindo ser ainda “prematuro” revelar qual será o orçamento para gerir o organismo. Joana Vasconcelos, nascida em Paris em 1971, expõe regularmente desde os anos 1990 e tem várias obras – sobretudo esculturas e instalações – representadas em coleções LUSA de arte públicas e privadas.

Disco

Murphy une os manos Igor e Max Cavalera O ex-líder dos LCD Soundsystem, James Murphy, vai produzir um disco com os irmãos Max e Igor Cavalera, ex-elementos dos Sepultura. Em entrevista ao The Guardian, Igor, o baterista, descreve o projeto como sendo a “versão em metal dos White Stripes”. O produtor terá prometido aos manos que “seria o álbum mais pesado” das suas vidas.

Letras

“A Desumanização” ao vivo no Maria Matos O novo romance de Valter Hugo Mãe, “A Desumanização”, vai ser lançado no próximo domingo, às 17h, no Teatro Maria Matos, em Lisboa. Joana Vasconcelos, Catarina Homem Marques e Pedro Vieira vão conversar com o escritor e Rodrigo Leão irá atuar ao vivo com a sua banda. A entrada para a apresentação é grátis.

PUB

Há coisas que sei, mas que, por responsabilidade, não posso escrever. Poderia tornar o mundo num lugar mais perigoso...”

Tom Clancy, numa entrevista a Larry King, em 2000. O autor de livros de espionagem e thrillers militares (“Jogos de poder”, “Perigo imediato” ou “Caça ao outubro vermelho”) morreu ontem aos 66 anos nos EUA. © GETTY


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

Correio do leitor

Horizontais: 1. Corte no vestuário para se adaptarem as

Palavras cruzadas

mangas. Pôr touca em. 2. Patrocinar. Bafio. 3. Auroque. Bebida alcoólica, proveniente da destilação do melaço. Contr. da prep. a com o art. def. os. 4. A si mesmo. Corda de reboque. Contr. da prep. em com o art. def. a. 5. Vagabundear. Designa dor, admiração, repugnância (interj.). 6. Escola secundária oficial (ant.). Tostar. 7. Molibdénio (s.q.). Embriaguez (pop.). 8. Pedra de amolar. Incógnita. Ósmio (s.q.). 9. Bago do cacho da videira. Fruto da ateira. Que não está cozido. 10. Contr. da prep. de com o pron. pess. ele. Esmoncar. 11. Cordão de metal ou de requife que guarnece ou abotoa a frente do vestuário. Designa repulsa ou raiva (interj.).

Portugal mundial No fim de semana passado, tirando o protagonista habitual, Cristiano Ronaldo, nós, portugueses, tivemos um campeão de ciclismo, um tenista campeão numa prova ATP e dois treinadores portugueses a orientar o derby de Londres. Somos bons! Apesar de estarmos neste retângulo pequeno, estamos ao nível dos melhores do mundo. Temos tudo nas nossas mãos, basta querer e lutar. GUSTAVO FERNANDES

Greve no metro

O que veste a Andi Muise? “É tudo vintage menos a mala, que é Hermes.” Com quem trocava de guarda-roupa? “Até tenho vergonha de dizer, mas seria ou com a Khloe ou com a Kourtney Kardashian. Têm imensos sapatos Christian Louboutin!” SHANITA SIMS

No próximo dia 8 os trabalhadores do Metro de Lisboa (ML) cumprem mais um dia de greve. (...) Quem são os prejudicados com as “já mais que habituais únicos prejudicados com a greve” – greves no ML? Somos nós, passageiros (...). No dia 15, parece que haverá “mais do mesmo” (2 greves no espaço de 8 dias). Até quando? Mais uma vez peço que dirijam a vossa luta para quem tem poder negocial – administração e Governo. Nós, simples passageiros (...), não podemos satisfazer as vossas exigências. JOSÉ ANTÓNIO

PUB

ESTÁ APENAS A 9 MESES DE UMA NOVA PROFISSÃO. Curso de

MASSAGEM DESPORTIVA e de

TERAPIA MANUAL (9 meses de formação)

(Formação organizada em parceria com SIMAC)

CFP-COL Centro Osteopático de Lisboa, Ldª Lisboa 213 649 439 | Porto 222 087 453 col.cfp@gmail.com | www.cfpcol.pt

10% de desconto na inscrição contra apresentação do jornal !! desconto válido até 31 de Outubro !!

Verticais: 1. Relativo a causa. Substituição. 2. Irra (interj.). Que se não move. 3. Espaço percorrido, voando. Repercussão. Fileira. 4. Grito de dor ou de alegria. Unidade de medida agrária equivalente ao decâmetro quadrado. Indica lugar, tempo, modo, causa, fim e outras relações (prep.). 5. O espaço aéreo. Moeda da antiga Índia Portuguesa. 6. Peixe salmónida. Ser presente. 7. Habitar. Aquelas. 8. A unidade. Que é próprio dela. Sétima nota da escala musical. 9. Contr. da forma apocopada da prep. com com o art. def. a (pop.). Serve-se de. Coloração. 10. Perda de voz, por doença. Discursar. 11. Flor da roseira. Acto ou efeito de tirar letras na escrita, raspando.

Sudoku

•••••

Solução cruzadas Horizontais: 1. Cava, Toucar. 2. Apoiar, Mofo. 3. Uro, Rum, Aos. 4. Se, Toa, Na. 5. Errar, Ui. 6. Liceu, Assar. 7. Mo, Perua. 8. Mó, Xis, Os. 9. Uva, Ata, Cru. 10. Dele, Assoar. 11. Alamar, Irra. Verticais: 1. Causal, Muda. 2. Apre, Imóvel. 3. Voo, Eco, Ala. 4. Ai, Are, Em. 5. Ar, Rupia. 6. Truta, Estar. 7. Morar, As. 8. Um, Sua, Si. 9. Coa, Usa, Cor. 10. Afonia, Orar. 11. Rosa, Rasura.

Street Fashion Nova Iorque

LAZER | 12

Solução sudoku


PEQUENOS ANÚNCIOS

A Profissão do Presente com Futuro Seja um Técnico Profissional Estude CIATE • Electrónica Analógica e Digital • hardware de Computadores • ENERGIAS ALTERNATIVAS • Hi-fi e Televisão (LCD/PLASMA)

Centro Integral de Adestramento Tecno-Electrónico

Aprovação do Min. da Educação n.º 12/93

• Electrónica Industrial (Automação/Domótica/ /Microcomputadores

Protoc olos d e está com E gio mpres as Líd eres do Me rcado

Rua Carolina Michaelis de Vasconcelos, 12A • 1500-144 Lisboa • Tlf. 21 778 31 60 • ciateportugal@ciate.com • www.facebook.com/ciateportugal

AZEVEDO, PINHO & JESUS, LDA

Desde 1951 Somos uma empresa de confiança Avaliador Oficial credenciado pela Casa da Moeda

PENHORES E COMPRA E VENDA DE OURO • PRATA • JÓIAS • MOEDAS • RELÓGIOS

COMPRAMOS CAUTELAS DE PENHOR ABERTO À HORA DO ALMOÇO

Rua dos Sapateiros, 115 - 1.º esq.º, Lisboa (saída do metro da Baixa/Chiado)

Tels.: 21 346 54 11 • 21 342 94 83 • 21 321 93 46 Fax: 21 321 14 97 | E-mail: geral@apj.com.pt

CREDITOK 218 479 195 Faça o seu Crédito: 912 277 988 Pessoal 968 851 452 Habitação Análise Grátis

Empresarial

EMPRESA REGISTADA PARA O DEVIDO EFEITO

www.creditok.webs.com

ANÁLISES GRÁTIS

www.credifast.webs.com

• Crédito Pessoal • Crédito Consolidado • Crédito Habitação • Crédito Automóvel • Crédito Empresarial EMPRESA REGISTADA PARA O DEVIDO EFEITO

Com problemas bancários, dizemos que sim!

EX: 5.000€ - 100,47 em 60M total 6,628€ / Taxa de Juro 11,25 TAEG 17,9

LIGUE JÁ!

EX: 5.000€ - 100,47 em 60M total 6,628€ / Taxa de Juro 11,25 TAEG 17,9

CRÉDITOS MEDI FINANCE A GARANTIA DO SEU CRÉDITO… RESPOSTA NA HORA!!! COM/SEM PROBLEMAS BANCÁRIOS EMPRESA REGISTADA / ANÁLISES GRATUITAS

geral.medifinance@sapo.pt 213 150 620 / 962 491 939 / 915 789 254 Ex: 5000€ = 63,61€ - 120 meses TAEG: 13,5% - Taxa Juro: 8,75% = 7.633,20€ Med. Indep. Cred. Concedido p/ Entidades Autoriz.

218 481 496

911 540 899 • 961 552 743

Med. Indep. Cred. Concedido p/entidades autoriz.

Problemas Bancários? A Creditok tem a Solução ideal para si!

CREDIFAST


3 SPORT

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

14

Os emigrantes não mereciam... Champions. O Benfica caiu com estrondo na difícil deslocação a Paris, de onde saiu vergado a um desaire por 3-0. A derrota não compromete, mas a exibição preocupa. Que se passa, Jesus? Quando Ibrahimovic fez o terceiro golo do PSG, à meia hora de jogo, muito benfiquista ter-se-á lembrado daquele fatídico 25 de novembro de 1999, que na história encarnada rima com a pior derrota europeia do clube, sofrida em Vigo (7-0). Felizmente para as águias que esse fantasma foi desaparecendo: o marcador ficaria parado naquele 3-0, uma derrota pesada, sim, mas sem grandes efeitos históricos. Evitado o descalabro no resultado, importa analisar o comportamento do Benfica, sobretudo na primeira parte. E condená-lo. É certo que o novo-rico PSG reúne um plantel invejável – só o ataque conta com Lavezzi, Ibrahimovic e Cavani –, mas nada justifica a paupérrima imagem deixada até ao intervalo por uma equipa PSG cujo presidente sonha com a final da prova.

“Acho que a federação inglesa de futebol tomou uma decisão que mais parece uma anedota. É incrível” Técnico do Tottenham sobre a ausência de punição ao avançado do Chelsea, Fernando Torres, que arranhou a cara do defesa da equipa de White Hart Lane, Jan Vertonghen, no dérbi londrino do último fim de semana. GETTY IMAGES

Ciclismo

GRUPO A

SHAKHTAR 1 - 1 MAN. UNITED B. LEVERKUSEN 2 -1 R. SOCIEDAD Líder: Man. United GRUPO B

REAL MADRID 4 - 0 COPENHAGA JUVENTUS 2 - 2 GALATASARAY Líder: Real Madrid GRUPO C

PSG 3 - 0 BENFICA ANDERLECHT 0 - 3 OLYMPIACOS Líder: PSG GRUPO D

MAN. CITY 1 - 3 BAYERN CSKA MOSCOVO 3 - 2 PLZEN Líder: Bayern

3 0

André Villas-Boas

RESULTADOS

BENFICA

O avançado sueco Zlatan Ibrahimovic foi a figura maior da partida, com dois golos à sua conta. © GETTY IMAGES

Sem ideias nem agressividade, o Benfica foi assistindo, sem reação, ao avolumar do resultado – golos de Ibrahimovic (5m e 30m) e Marquinhos (25m). Chegou a ser caricato assistir a tamanha impotência. O reatamento foi diferente. Com o triunfo selado, o PSG abrandou o ritmo e limitou-se a trocar a bola sem objetividade. Já o Benfica regressou com outra postura e esteve perto de reduzir. Não o fez. Também R.A.C. não merecia nada de Paris.

Futebol

Lance devolve medalha

Mauri: castigo alargado

Banido do desporto profissional por ter assumido o recurso ao doping, Lance Armstrong já devolveu ao Comité Olímpico Internacional (COI) a medalha de bronze ganha no contrarrelógio dos Jogos Olímpicos de Sydney 2002. “Armstrong enviou-a para o Comité Olímpico dos Estados Unidos a 12 de setembro e recebemo-la um dia depois”, disse a porta-voz do COI, Nadia Bonjour.

O Conselho de Justiça da Federação italiana de futebol decidiu aumentar para nove meses a suspensão do médio italiano da Lazio Stefano Mauri pela implicação no caso de combinação de resultados e fraude nas apostas desportivas. Condenado a seis meses de suspensão na primeira instância, o internacional italiano de 33 anos viu a sua suspensão ser alargada para nove meses.

Motociclismo

Mundial’14 com 19 pistas Um total de 19 corridas compõem o calendário do Mundial de Moto GP para a época 2014, foi anunciado. A época arranca a 23 de março, com o Grande Prémio do Catar, em Losail, e termina a 9 de novembro, em Espanha, no traçado de Valência.

Real Madrid. CR7 bisa no jogo 100 Cristiano Ronaldo abrilhantou o seu 100.º jogo europeu com um bis na goleada caseira do Real Madrid frente ao Copenhaga, por 4-0. Além do avançado português, que marcou o quinto golo na prova em apenas dois jogos, também o ex-benfiquista Di María festejou duas vezes com direitos de autor no Bernabéu.

Champions. Futebol, feridos e detidos A polícia suíça anunciou que 23 adeptos ficaram feridos devido a incidentes entre claques do Basileia e do Schalke, em jogo da 2.ª ronda da Champions, e que 27 pessoas foram detidas, entre as quais 17 membros da Greenpeace que protestavam contra a empresa russa Gazprom (patrocinadora da equipa alemã).


15

Trio à procura do sucesso Liga Europa. V. Guimarães, Estoril e P. Ferreira disputam hoje a 2ª jornada da fase de grupos da Liga Europa.

Ana vai mais cedo para casa A tenista sérvia Ana Ivanovic, nº 14 do ranking WTA, sofreu uma saída prematura do torneio de Pequim à custa da eslovena Polona Hercog, que veio das rondas de qualificação. A surpreendente derrota da ex-líder mundial aconteceu na segunda ronda, pelos parciais de 6-4 e 6-4. © EPA

Aos minhotos, líderes do Grupo I com três pontos, cabe o desafio teoricamente mais exigente: visitam o Lyon (18h, SIC). Os franceses têm muita tarimba europeia, mas atravessam uma fase horrível – um triunfo em nove jogos. É aproveitar. À mesma hora (SPTV Live) joga o Estoril, na Rep. Checa, contra o Slovan Liberec (Grupo H). Dos “canarinhos” espera-se uma resposta vitoriosa à boa imagem deixada na derrota inaugural com o Sevilha, em casa. Já o P. Ferreira (Grupo E) recebe o Pandurii (20h05, SPTV 1) com a mesma missão do Estoril: imitar o bom exemplo que o Vitória de Guimarães deu na 1.ª ronda e somar os primeiros três pontos na prova. R.A.C.

Maazou deve ser a referência do ataque vitoriano em Lyon. O avançado do Níger já soma três golos esta época. © GETTY IMAGES PUB


www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 3 DE OUTUBRO DE 2013

Obama convida democratas e republicanos EUA. O presidente dos EUA convidou ontem os líderes democratas e republicanos para uma reunião para discutir o orçamento e a dívida. Segundo a Casa Branca, em discussão, na reunião que decorria à hora de fecho esta edição, estava “a necessidade de pôr fim à paralisação do Estado e de aumentar o limite da dívida”. O presidente Barack Obama tenta que a Câmara dos Representantes aprove uma lei orçamental para “reabrir” o governo sem as medidas, que os democratas no Senado se recusam a aprovar, concebidas para afastar a sua lei de Saúde, conhecida como “Obamacare”. O chefe de Estado tenta também que o Congresso aprove uma lei aumentando o teto da dívida gover-

Shutdown

800 mil funcionários públicos estão em casa desde terça-feira devido aos serviços da administração federal parcialmente paralisados pela primeira vez em 17 anos e ao encerramento de parques e museus.

namental de 16,7 triliões de dólares (12,2 biliões de euros), sem a qual o Governo poderá ficar sem dinheiro para pagar as suas contas a meio deste mês, o que pode desencadear um incumprimento da dívida pela primeira vez na história dos EUA.

16 Nacional

blog do fecho

40 detidos por incêndios

www.fubiz.net

A GNR deteve, entre janeiro e 30 de setembro, 40 pessoas pelo crime de incêndio florestal e aplicou 2.007 multas relacionadas com a defesa da floresta, sendo a maior parte por falta de limpeza da vegetação.

“Finn Reimer é um designer gráfico que adora hip hop. Inspirado pelo disco ‘Good kid, Maad city’, de Kendrick Lamar, o artista reinterpretou as letras do disco graficamente. Um resultado com muito sucesso na forma de um livro com uma adorável tipografia, fotografias e, no futuro, vídeos.”

Mundo

Pena para vingança porno A publicação de fotografias de um ex-parceiro ou parceira desnudos na Internet pode implicar uma pena de prisão até seis meses na Califórnia, EUA, após aprovada a lei contra a designada “vingança porno”.

Culto

Bolsa

O dia a dia dos mercados Petróleo Euribor 6m

Psi-20

Dealema com novo tema O grupo Dealema apresentou ontem, através do Facebook, o novo single “Bom Dia”, com Ace dos Mind Da Gap. Este é o primeiro avanço do novo disco, “Alvorada da Alma”, que será editado em dezembro.

$103.99 (+1,91%)

0,337 (-0,30%)

6.038,50 (+0,93%)

Euro para: Dólar 1,358; Libra 0,837; Real 2,990

Pelo menos cinco muçulmanos mortos no oeste da Birmânia Pelo menos cinco muçulmanos morreram em confrontos no oeste da Birmânia. “O balanço eleva-se a cinco mortos, quatro homens e uma mulher. São todos ‘kamans’”, disse a polícia local. Os confrontos começaram com uma disputa banal entre um budista da minoria ‘rakhin’ e um muçulmano da minoria ‘kaman’. Ontem, um grupo de centenas de budistas queimou casas numa aldeia a cerca de 20 quilómetros de Thandwe. © EPA

Metro Portugal Arruamento B à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA - PORTUGAL METRO PORTUGAL Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à PROPRIEDADE Metro International, SA, EDITORA Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social €4.048.845,00, Contribuinte 505338602, registada na C.R.C de Cascais nº 505338602, Principal acionista Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade Diária Distribuição Gratuita Impressão Lisgráfica, Impressão e Artes Gráficas S.A. Rua Consiglieri Pedroso 90, Casal de Santa Leopoldina, 2730-053 Queluz de Baixo. DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Diretora Adjunta Ana Silveira Agências Adriana Macedo, Margarida Rego, Paula Tavares, Raquel Pinto, Daniel Barata; Diretos Eva Oliveira, Filomena Mestre, João Rodrigues, Luís Farinha, Ricardo Afonso Planeamento Maria da Luz Veiga Tel. 210494204/210494815; Fax 21 049 31 34 PORTO Tiago Medeiros, Gabriela Raposo Tel. 22 532 23 00 Fax 22 532 23 99 E-mail publicidade@metroportugal.com DESIGN GRÁFICO Rui Gonçalves, António Garcia MARKETING João Aleixo, Rita Costa Passatempos Marta Tavares (passatempos@metroportugal.com) Ativações e Eventos João Aleixo (coordenador) Joana Gil, Marta Brigham CHEFE DE DISTRIBUIÇÃO José Magalhães Distribuição António Caldeira, Orlando Lopes (Porto) DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto) Editora gráfica Sónia Santos Grafismo Filipa Rosa, Rita Alves Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso.

20131003_pt_lisbon