Issuu on Google+

PUB

Focus Como é o sentido de humor na China? O que faz os chineses rir? pág. 06

Plus Novo Opel Zafira: um motor “verde” para uma condução sem ruídos pág. 13 PORTUGAL terça-feira 10 setembro 2013 ano 6, nº 1933 Lisboa 17° | 29°

38.343

Porto 14° | 27°

pessoas like

www.readmetro.com Diretor: Diogo Torgal Ferreira

Smartphones lideram pela primeira vez Economia. Telemóveis inteligentes foram mais vendidos que os tradicionais em Portugal no segundo trimestre pág. 05 Nacional

Culto

Conhecer antes de votar PSD apela a PS que espere pelo texto do Orçamento do Estado pág. 04

Sport

Particular com história Portugal e Brasil defrontam-se em amigável nos EUA pág. 14

Cronista

Manifestação em Washington reivindica ataque à Síria, que poderá ser evitado se regime de Bashar al-Assad entregar arsenal de armas químicas à comunidade internacional pág. 07 EPA

Manuel Falcão Razões para votar nas autárquicas pág. 02

Cinema. Festival de Toronto mostra novidades a ter em especial atenção Um dos mais prestigiados certames do género mostra 228 filmes até dia 15. Em Lisboa, a 7ª arte faz-se a pedalar em duas rodas. págs. 08 e 09 PUB


1

JORNAL

Cavaco Silva

“Os escoteiros de Portugal são um importante espaço do desenvolvimento da vida cívica dos nossos jovens e do desenvolvimento da cidadania democrática” O Presidente da República destacou ontem o papel dos escoteiros na cerimónia em que conferiu o título de Membro Honorário da Ordem de Instrução Pública à Associação dos Escoteiros de Portugal, por ocasião do seu 100º aniversário. GETTY IMAGES

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

02

Tiro ao alvo

ONLINE

MANUEL FALCÃO WWW.TWITTER.COM/MFALCAO WWW.FACEBOOK.COM/MFALCAO

PARA QUÊ VOTAR?

facebook www.facebook.com/gigwise

Para que serve um voto nas autárquicas? Basicamente para ver se as cidades, vilas e freguesias onde vivemos ficam mais apetecíveis para todos nós, se ficam mais confortáveis para o dia a dia, se os órgãos autárquicos nos ajudam em vez de nos atrapalharem, se existe uma ação social capaz, se é estimulada de alguma forma a criação de emprego e o desenvolvimento económico e social. Portanto este é o momento exato para pensar: estes que lá estão há quatro anos facilitaram-me a vida ou infernizaram-me a cabeça? Gastaram bem o dinheiro dos nossos impostos ou andaram a desperdiçá-lo em manias? Têm noção do que é a vida hoje em dia e querem ajudar, ou vivem numa qualquer utopia e querem dificultar? Os que lá estão há quatro anos, que fizeram pela limpeza das ruas, pela segurança, pela recuperação e conservação? E os pavimentos das estradas – foram só arranjados em véspera de eleições, ou são regularmente conservados e mantidos para que existam menos acidentes e se causem

menos prejuízos ao veículos? Se cada um de nós pensar desta forma, poderá fazer um juízo rápido sobre quem dirigiu a sua câmara e a sua freguesia. Será que vale a pena continuarem estes, ou é melhor escolher outros? Nestas eleições os programas partidários contam menos que a capacidade das pessoas. Eu, na minha Câmara e na minha freguesia, quero quem me ajude,

“Jared Leto, líder dos 30 Seconds To Mars, comentou a extrema perda de peso que sofreu para desempenhar um transexual no filme ‘Dallas Buyes Club’. ‘Parei de comer’, admitiu Leto ao site norte-americano The Wrap.”

blog pedroroloduarte.blogs.sapo.pt/

“Preocupo-me mais com o que fizeram ao meu dia a dia (...) quero quem cuide de quem cá vive ” não quero quem me dificulte a vida, quero quem empregue bem o dinheiro sem ser em obras incompreensíveis, quero quem me ajuda a poupar, em vez de me meter mais multas e limitações em cima. Eu, onde voto, preocupo-me mais com o que fizeram ao meu dia a dia do que com aquilo que fizeram para os visitantes e forasteiros. Quero quem cuide de quem cá vive em vez de quem cuide de fazer “show off”.

“Quantas vidas tem uma banda rock? Foi esta a pergunta que me ocorreu no sábado, quando fui surpreendido com o concerto dos GNR.”

vídeo do dia

Os Franz Ferdinand têm um novo vídeo para o tema “Evil Eye”, que faz parte do mais recente disco da banda. Espreite-o! Venha escrever connosco. Entre em facebook.com/metroportugal

Boa notícia do dia

Mortalidade infantil das mais baixas da UE Portugal tem a sexta taxa de mortalidade infantil mais baixa da União Europeia (UE), mas, por outro lado, a esperança de vida fica abaixo da média comunitária, de acordo com um relatório sobre “desigualdades na saúde”, ontem divulgado pela Comissão Europeia. De acordo com os dados do documento, a taxa de mortalidade infantil em Portugal baixou de 5 crianças por cada 1.000 nados-vivos em 2001 para 3,1 em 2011, sendo este o sexto valor mais baixo da UE, onde a média se cifrava em 3,9 mortes por cada 1.000 nascimentos. A taxa de mortalidade infantil mais reduzida foi registada na Suécia (2,1), enquanto a mais elevada foi na Roménia (9,4).

O primeiro potro Przewalski No Highland Wildlife Park, Escócia, uma égua passeia com o seu recém-nascido. Este é o primeiro potro Przewalski – raça extinta no seu habitat natural até que uma pequena população foi reintroduzida em cativeiro em 1990 – a nascer naquele parque em cinco anos. © GETTY IMAGES


PUB

NACIONAL | 03

Quanto à diminuição do número de alunos no ensino superior, Nuno Crato defendeu que é preciso esperar pelas colocações das segundas e terceiras fases. © DIOGO PINTO

Repensar a oferta de cursos Educação. O ministro da Educação disse ontem que é preciso repensar os casos dos cursos superiores sem candidaturas, defendendo que as instituições têm de “repensar a sua oferta”. “Temos que repensar o que se passa nos casos em que não existem candidaturas. Já tomámos medidas para que os cursos com apenas 10 alunos não reabrissem e agora, depois de conhecer resultados da segunda e terceira fase, vamos ter que voltar a tomar medidas”, afirmou Nuno Crato, durante uma visita à escola secundária da Moita. O governante referiu que as instituições de ensino superior têm a sua autonomia, mas que devem “repensar a oferta que estão a fazer”. “É necessário uma reestruturação da rede, que tem que ser feita em colaboração com as instituições de ensino superior. Existem cursos que não têm procura e as instituições

Demografia

Desequilíbrio

“Os resultados [do concurso] mostram como é ainda mais urgente debruçarmo-nos sobre o país que queremos ter” Júlio Pedrosa, ex-ministro da Educação, sobre os resultados da primeira fase de acesso ao Ensino Superior

têm que se adaptar a isso. Uma das medidas que estamos a tomar, e que será útil para os politécnicos, é a criação dos cursos superiores especializados que vão corresponder a uma das necessidades de Portugal, que são técnicos superiores médios”, explicou.

www.pordata.pt

Número de nascimentos continua a diminuir

Sabia que...

O número de nascimentos em Portugal continuou a diminuir no primeiro semestre deste ano, período em que nasceram 40.008 crianças, menos 3.830 do que no ano passado, segundo dados do rastreio neonatal. Nos primeiros seis meses deste ano, 40.008 recém-nascidos submeteram-se aos testes de rastreio neonatal, conhecidos como “teste do pezinho”.

... 2/3 da população portuguesa (entre os 25 e os 64 anos) não completou sequer o ensino secundário? Somos o país dos 27 da União Europeia com maior percentagem de pessoas sem o secundário. Pordata>Europa>Educação>Escolaridade da População>População dos 25 aos 64 anos com o ensino secundário

SAIBA MAIS SOBRE PORTUGAL E A EUROPA NA BASE DE DADOS PORDATA.PT


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

NACIONAL | 04

PSD pede ao PS para esperar OE2014. O PSD apelou ao PS para que espere pelo “texto concreto” do Orçamento do Estado para 2014 para definir o sentido de voto, após acusar aquele partido de irresponsabilidade. Na sede nacional social-democrata, o vice-presidente do partido disse ontem que o PSD “não pode deixar de lamentar a atitude do líder da oposição ao ameaçar o País com o voto contra um orçamento que ainda nem sequer conhece” e deixou “um apelo a que em sede parlamentar e depois de conhecido o texto concreto do Orçamento do Estado (OE), o PS possa definir a posição”. Marco António Costa reagiu desta forma a declarações do secretário-geral do PS, feitas numa entrevista publicada domingo no DN. Nessa entrevista, questionado se o PS vai votar contra o OE para 2014, António José Seguro respondeu: “Mas há algum indício de que assim não seja? Não conheço a proposta do OE,

Segurança

mas, naturalmente, os portugueses estarão, com certeza, à espera daquilo que será o nosso voto, porque a política do Governo se vai manter.” Antes de apelar ao PS para que pondere a sua posição quanto ao próximo OE, Marco António Costa acusou Seguro de prosseguir a “política de irresponsabilidade” que conduziu Portugal à necessidade de um resgate financeiro. O social-democrata alegou que, em contraste, “o PSD, enquanto partido da oposição, seja com a liderança de Marcelo Rebelo de Sousa, Luís Marques Mendes, Manuela Ferreira Leite ou Pedro Passos Coelho, nunca deixou de assumir as responsabilidades perante o País”, viabilizando orçamentos.

“Tirar a troika” do País Marco António defende que o PS deve trabalhar com o Governo para o sucesso das 8ª e 9ª avaliações do programa de resgate ao País e ajudar a “tirar a troika de Portugal”. Para o porta-voz do PSD, “aquilo

1que seria desejável é que o maior partido da oposição, aquele que trouxe a troika para Portugal, nos ajudasse também agora a tirar a troika de Portugal, obtendo uma oitava e nona avaliação com sucesso e, com isso, o regresso de Portugal aos mercados de forma plena”. Social-democrata recorda “o apelo

2à concertação com os partidos da

oposição no âmbito dos exames regulares da troika” feito pelo primeiro-ministro Passos Coelho na Assembleia da República, no final de julho.

Troika. Portas e Albuqurque ouvidos na AR O vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, e a ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, vão amanhã à Assembleia da República (AR) para avaliar o cumprimento do programa de resgate financeiro a Portugal. Os governantes responsáveis pelas relações com a troika vão ser ouvidos na Comissão Eventual para Acompanhamento das Medidas do Programa de Assistência Financeira.

Governo. Ministro Rui Machete em périplo europeu O Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, acompanhado pelo Secretário de Estado dos Assuntos Europeus, Bruno Maçães, está hoje e amanhã em Estrasburgo e Bruxelas, num primeiro “roadshow” europeu. Estes encontros com altos dirigentes de instituições europeias seguem-se ao mini-périplo europeu, realizado na semana passada, pela ministra das Finanças Maria Luís Albuquerque e pelo vice-primeiro-ministro, Paulo Portas.

Saúde

Mal-estar afastado

País tem falta de médicos

A ministra da Justiça negou ontem a existência de mal-estar entre as polícias, apesar de a Judiciária ter estado ausente da cerimónia de criação do Grupo de Reflexão Estratégico em Segurança Interna (GRESI). Sobre esta ausência, Paula Teixeira da Cruz disse aos jornalistas que o GRESI trata questões relacionadas com a segurança, sendo a PJ “sobretudo uma polícia de investigação criminal”.

O ministro da Saúde anunciou ontem que é meta do Governo ter os cuidados de saúde próximos das populações, embora admita que o País continua a ter uma clara falta de médicos na medicina geral e familiar. Para Paulo Macedo, é essencial que os médicos de medicina geral estejam perto da população, o que não acontece noutras especialidades.

Porto

Homem atropelado com gravidade pelo metro Um octogenário foi ontem atropelado com gravidade pelo metro do Porto quando atravessava a linha, na estação da Senhora da Hora, no momento em que uma composição estava a chegar ao local. Segundo fonte da transportadora, “o metro ainda fez uma travagem, mas acabou por atropelar” o homem de 84 anos, apesar de ter “buzinado”. O ferido foi levado para o Hospital de S. João.

As florestas como inspiração A exposição “Futurospective Architecture” do arquiteto japonês Sou Fujimoto inaugura hoje no Centro Cultural de Belém. Na apresentação à imprensa, Fujimoto explicou que o objetivo dos seus projetos é “criar um ambiente mais vivo e rico” nos edifícios, inspirando-se na natureza.


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

ECONOMIA | 05

Smartphones cada vez mais procurados Telecomunicações. Em Portugal, pela primeira vez, foram vendidos mais telemóveis inteligentes, do que tradicionais, segundo um estudo da IDC European Mobile Phone Tracker. No segundo trimestre de 2013 foram vendidos em Portugal 1,04 milhões de telemóveis, uma queda de 3% nas vendas em relação ao mesmo período de 2012, refere o estudo “IDC European Mobile Phone Tracker”, citado pelo JdN. Apesar disso, os smartphones continuam a crescer, tendo ultrapassado as vendas dos telefones tradicionais pela primeira vez. No trimestre foram vendidos 570 mil, um crescimento de 25% face ao período homólogo. Os telefones inteligentes representaram 55% das vendas totais de telemóveis no trimestre. “Esta tendência continuará a acentuar-se nos próximos trimes-

tres, uma vez que a aposta dos fabricantes continuará a ser em telefones a preços baixos, com o sistema operativo Android, mas com uma superior experiência de utilização”, adiantou Francisco Jerónimo, Diretor Europeu de Research da Área de Telefones Móveis da IDC. O Android – sistema operativo da Google – que como, no resto do mundo, “continua também a dominar as preferências dos consumidores portugueses” alcançou no segundo trimestre a maior quota de mercado de sempre, ao representar 82% das vendas totais de smartphones, “fruto do sucesso dos terminais da Samsung, LG e Sony”, refere a IDC.

OCDE

OMC. “Novo fôlego” contra o protecionismo O novo diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC) pediu ontem aos países para reavivarem as relações comerciais entre Estados e regiões e pediu “novo fôlego” contra os perigos do protecionismo. “O mundo percebe que nos esquecemos de negociar, somos vistos como estando paralisados, é essencial trazer um novo fôlego para as negociações”, disse o brasileiro Roberto Azevêdo no primeiro discurso enquanto sucessor de Pascal Lamy à frente da OMC. Em funções desde dia 1, o diretor-geral da OMC acrescentou que “o futuro do sistema multilateral do comércio está em risco” e que “os que têm mais a perder são os [países] mais pequenos e vulneráveis”.

Comércio

2,5% é a estimativa do crescimento do comércio mundial para este ano, segundo a OMC, que revê em baixa a estimativa anterior de 3,3%. A OMC também reviu em baixa as trocas comerciais – 4,5% em vez de 5,5%.

Nova estimativa de retoma económica A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) voltou ontem a prever que a atividade económica em Portugal vai recuperar nos próximos meses, estimando a tendência para Espanha, Irlanda e Grécia. Os indicadores para Portugal chegaram já aos 101,22, pontos.

UE

Estónia entra em recessão A economia estónia entrou em recessão, depois de reportar uma contração de 0,2% face ao trimestre anterior, quando a primeira leitura apontava para que contraísse 0,1%. São já dois trimestres consecutivos de contração do PIB da Estónia e o recuo deve-se sobretudo aos transportes e armazenamento.

Segundo a IDC, a Nokia reconquistou a liderança do segmento de telefones tradicionais à Samsung. © GETTY IMAGES

Tecnologia. Marca com apps centradas para os jovens A Optimus apresentou uma nova marca – a WTF –, direcionada para jovens até aos 25 anos que centra a experiência de comunicação na utilização de apps (aplicações) para smartphones. As comunicações por voz e SMS surgem como complemento. Disponível a partir de hoje, a WTF inclui a utilização ilimitada do WhatsApp, Viber, Skype, Facebook Messenger, Facetime, iMessage e Blackberry Messenger. A inclusão futura de mais aplicações, neste serviço, não foi descartada. Duarte Sousa Lopes, diretor de marketing da Optimus, explica, citado pelo JdN, que “caso surja uma aplicação com a escala do WhatsApp ou do Viber, ela será incluída aqui”. Os três tarifários da marca têm em comum o tráfego ilimitado nas aplicações e o sistema de pagamento funciona em regime pré-pago, o que não implica fidelização. PUB


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

FOCUS | 06

LOL chinês: o que os faz rir? Pequim. O sentido de humor chinês é inteligente ou infantil? O metro olha para as piadas novas e antigas, que têm trocadilhos em comum. Os chineses podem viver num estilo de vida autoritário e serem guiados por valores de Confúcio, mas sem dúvida que sabem rir bem alto, em qualquer circunstância. A TV ou a rádio fazem interferência entre si, ou “xiangsheng”, e são um grande êxito a nível nacional, especialmente entre reformados. Voltando atrás ao século XIX e à Dinastia Qing, a interferência não passa de uma performance cómica entre dois oradores, regra geral um humorista colorido e um homem sábio. Ou seja, é uma cena humorística em que dois ou mais artistas fazem réplicas espirituosas. O canadiano Henry Rowswell, conhecido como “Dashan”, é venerado na China graças aos seus trocadilhos chineses exibidos na CCTV e na Hunan TV, os canais mais famosos do país. Mas quando falamos dos mais jovens, a história muda de figura. “Sei o que faz rir os meus estudantes de 20 anos, e é muito diferente do que faz rir os mais velhos”, diz

Só sorrisos na aldeia de Sum Qiao, na província de Anhui. O nosso repórter fez estes habitantes locais rir ao dizer “Olá, meus amigos” em chinês. © GETTY IMAGES

Victor Gaumé, professor de francês na Universidade de Wuhan. “Sei o que eles gostam pois já vimos filmes juntos na sala de aula. Gostam quando alguém vai contra um poste, mas qualquer piada estrangeira não os faz rir. Estranhamente, conseguem rir em momentos trágicos, como quando um herói morre violentamente.” E os oficiais também podem ter muita graça. Ultimamente, um ami-

go meu e a sua linda mulher tentaram divorciar-se no muito sério “Escritório de registo de divórcios e casamentos” em Pequim. O funcionário revelou ser um verdadeiro guru do amor: “O seu marido trabalhou na França, por isso deve ser romântico. Voltem para casa, seja carinhosa e surpreenda-o.” O casal saiu do escritório em estado de choque. Outro amigo, um jornalista chinês que sempre evitou discutir

Perdido na tradução? Eis algumas piadas de Pequim “Sempre que a polícia local procura subornos costumo dizer-lhes: ‘O rabo do tigre é intocável’.”

“Sabem como se chama a um palito que saiu do hospital? Um cotonete!” Li Fang, lojista

Huang Ping, vendedor de rua

“Um rato solteiro foi num encontro român“Para quebrar a monotico com um morcego tonia, um casal decide fêmea. Já em casa, os jantar nu. – Mulher: ‘As amigos gozaram com ele. Ele minhas mamas contiresponde: ‘Como se atrevem nuam escaldantes como quando a gozar comigo? Até pode não era nova.’ – Marido: ‘Isso é ser bonita, mas é hospedeira porque as enfiaste na sopa.’” de bordo.” Jian Zhou, empregado de mesa Yao Zhen, engenheiro

“Dois crepes casaram-se. Depois de os convidados se irem embora, um dos crepes vê uma almôndega na cama: “Quem és tu?” Diz a almôndega: “Despi-me, já não me reconheces?” Su Song, funcionário de uma fábrica

“Tenho dois maus hábitos. Um é dormir todo nu.” Diz o amigo: “Vá lá. Não é assim tão mau hábito. Qual é o segundo?” “Bem, sou sonâmbulo.” Wei Yang, arquiteto

comigo a Primavera Árabe, argumentou uma vez: “Se alguma vez houver uma revolução na China, será na fila de espera dos bancos. As pessoas podem perder uma tarde inteira lá, apenas para pedir uma fatura.” Dado que enfrentar diretamente o governo chinês pode trazer problemas, há quem use o humor para o fazer. Por exemplo, durante o 18.º Congresso do Partido Comunista Chinês, os utilizadores de redes sociais usaram a expressão “Sparta”, que tem o mesmo som que “Grande 18” em chinês, para gozarem com o nome do evento. E quando o ex-presidente Hu Jintao ainda estava à frente do partido, quem quisesse gozar com o seu conceito vazio de “Sociedade Harmoniosa” (“hexie shehui’’) optava pela palavra “caranguejo do rio”, palavra homófona para a palavra “harmonia”. Até agora, os caranguejos do rio ainda não são considerados ferramentas de subversão por parte do JORDAN POUILLE, MWN Estado.

Especialista

“É um choque cultural” DASHAN, AKA MARK ROWSWELL COMEDIANTE CANADIANO RADICADO NA CHINA

Dashan, pode contar-nos uma piada? Não acho que seja conheci-

do por contar “piadas”. A comédia que tenho feito é mais de situação – tem piada porque a personagem Dashan é completamente ocidental por fora e chinês por dentro, ou na maneira como fala. Por isso a “piada” é só o choque cultural. Quais as suas melhores experiências? Enquanto performer, diria

que ter conhecido os presidentes Jiang Zemin e Hu Jintao, este último que me disse: “Na China é canadiano, mas quando o vemos no Canadá ele é um de nós. É chinês.” Tem piada.


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

MUNDO | 07

Entregar armas ou ser atacado Síria. O governo sírio ainda pode evitar uma intervenção militar internacional entre fronteiras, caso entregue, no prazo de uma semana, “cada uma das suas armas químicas”.

Atmosfera: remoção de CO2 em risco Um estudo recente sobre alterações climáticas conclui que o aquecimento dos oceanos está a diminuir a quantidade de fitoplâncton (uma alga microscópica) no mar, organismo responsável pela remoção de 50% do dióxido de carbono (CO2) do planeta Terra. © EPA

Itália

Guatemala

Berlusconi agita país

Acidente mata dezenas

Uma comissão especial do Senado italiano começou ontem a discutir a possível expulsão de Silvio Berlusconi, na sequência da recente condenação de “Il Cavaliere” por fraude fiscal. A decisão está a agitar a coligação governamental, e poderá inclusive encaminhar o país para nova crise política – destacados membros do Povo da Liberdade (PDL de centro-direita), comandado por Berlusconi, ameaçaram retirar-se do governo dirigido pelo primeiro-ministro Enrico Letta caso a proposta seja aprovada.

Mais de 30 pessoas morreram ontem quando o autocarro em que viajavam caiu por uma ribanceira, em San Martín Jilotepeque, estado de Chimaltenango (oeste), indicaram organizações de socorro. Segundo o porta-voz dos Bombeiros Municipais Provinciais, Cecilio Chacaj, há um número indeterminado de feridos entre os 90 passageiros.

República Centro-Africana

Violência mortal alastra Pelo menos 60 pessoas foram mortas na República Centro-Africana, em combates, ontem e domingo, entre as forças do regime e grupos armados que alegadamente apoiam o ex-presidente François Bozizé, informou a presidência centro-africana. Segundo o porta-voz da Presidência, Guy-Simplice Kodégué, “homens armados” infiltraram-se nos últimos dias em aldeias da região de Bossangoa, 250 quilómetros a noroeste de Bangui, a capital.

A alternativa ao deflagrar de um conflito internacional no país, liderado pelos EUA, foi ontem sugerida pelo chefe da diplomacia norte-americana, John Kerry, numa conferência de imprensa com o homólogo britânico, William Hague, em Londres. Mas não demorou muito até que o departamento de estado de Washington classificasse esse prazo de “retórico”. “O que [Kerry] quis dizer é que não se pode confiar neste ditador brutal (...). Se fosse fácil convencê-lo a entregar as armas químicas, isso já teria acontecido e há muito”, dispôs-se em comunicado. Houve quem levasse a sério o ultimato de Kerry. Foi o caso da Rússia. Aliada de Damasco, Moscovo prometeu, através do chefe da diplomacia, interceder junto do governo sírio no sentido de que “coloque as suas armas químicas ao dispor da comunidade internacional e depois as destrua”. Serguei Lavrov sublinhou que esperava uma resposta “rápida e positiva” de Damasco, e teve-a, horas depois. Presente na ca-

“Ilibado”

1 dia após ter sido libertado pelos rebeldes sírios, junto do jornalista italiano Domenico Quirico, após cinco meses de sequestro, o professor belga Pierre Piccinin defendeu que os ataques com gás sarin em Damasco, a 21 de agosto, não são da responsabilidade de Bashar.

pital russa, Walid Mouallem, homólogo sírio de Lavrov, declarou que a Síria “saúda a iniciativa russa”. Não confirmou, porém, se a vai seguir. Encerrado o período de férias, o Congresso dos EUA começou ontem a debater se dará aval a uma ofensiva americana – ofensiva essa que, frisou Kerry, seria “incrivelmente reduzida”. Espera-se, hoje mesmo, que saia uma votação do Senado. Até lá devem ganhar eco as ameaças de retaliação aos EUA, em caso de ataque, ontem veiculadas por Bashar al-Assad ao canal de TV norte-americano CBS News. “Esperem RUI ALEXANDRE COELHO tudo...” PUB

Filipinas. Quatro mortos e mais de 200 reféns a sul Pelo menos quatro pessoas morreram e duzentas ficaram reféns num ataque ontem perpetrado por alegados membros da Frente Moro de Libertação Nacional, na cidade de Zamboanga, no sul das Filipinas, noticiou o diário The Inquirer. Um porta-voz do Exército, citado pelo jornal, indicou que os insurgentes separatistas fizeram cerca de duzentas pessoas reféns na zona de Kasanyangan e outras 37 em Santa Catalina.

CONCURSO DOS ÓRGÃOS DE INFORMAÇÃO N.º 37 DE 15/09/2013. PROGNÓSTICO “METRO”:

1. BRAGA-ESTORIL 2. RIO AVE-V. GUIMARÃES 3. ACADÉMICA-BELENENSES 4. NACIONAL-AROUCA 5. FARENSE-AC. VISEU 6. BEIRA-MAR-PORTIMONENSE 7. FEIRENSE-BRAGA B. 8. TROFENSE-PENAFIEL 9. OLIVEIRENSE-TONDELA 10. U. MADEIRA-MARÍTIMO B 11. ATLÉTICO-AVES 12. INTER-JUVENTUS 13. EVERTON-CHELSEA

X 1 2 1 1 1 2 X 1 1 1 2 2


2

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

08

CULTO

O Festival de Cinema de Toronto é considerado um dos melhores do género. Começou em 1978 e esta é a 38ª edição. © GETTY IMAGES

As novidades de Toronto Cinema. Até dia 15, a cidade canadiana acende os holofotes para novas produções a que os cinéfilos devem estar atentos.

Kathy Etchingham

“[O guarda-roupa] tem escrito ‘Austin Powers’ por todo o lado. Eu nunca vestiria nada daquilo... o Andre [3000] e a Hayley [Atwell] são muito mais velhos do que o Jimi e eu éramos... Eu não quero que o filme mude a história” Kathy Etchingham, ex-namorada de Jimi Hendrix, critica a biopic do guitarrista interpretada por Andre 3000 e Hayley Atwell. E considera que não vai contar a realidade. GETTY IMAGES

Começou, no fim da passada semana, a edição de 2013 do Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF, na sigla oficial). São 288 filmes a ser apresentados no Canadá em dez dias. Estes são aqueles que mais curiosidade nos despertam – quem sabe se não os vamos poder espreitar em breve num dos nossos circuitos de festivais nacionais ou então nas salas... o melhor é tomar notas. 1. “GRAVITY”

Aqueles que já viram a saga feita de Alfonso Curaon feita nas profundidades assustadoras do espaço – com Sandra Bullock e George Clooney enquanto astronautas à deriva – garantem que ficaram de queixo caído e olhos esbugalhados. Claro que mal podemos esperar. 2. “AUGUST: OSAGE COUNTY”

O êxito disfuncional da Broadway escrito por Tracy Letts salta para o grande ecrã com um elenco gigante: Meryl Streep, Julia Roberts, Viola Davis, Benedict Cumberbatch, Ewan McGregor e Chris Cooper a criarem os laços de família mais esquisitos. 3. “12 YEARS A SLAVE”

O realizador de “Shame”, Steve

McQueen, junta um elenco de estrelas: Michael Fassbender, Brad Pitt e Benedict Cumberbatch num registo de crueldade inacreditável para com Chiwetel Ejiofor. É um épico negro, dramático, sobre um afro-americano livre tornado escravo no período da pré-Guerra Civil nos EUA. 4. “KILL YOUR DARLINGS”

John Krokidas apresenta o nascimento da geração “Beat” – e também o homicídio que fez com que o movimento literário quase desaparecesse. Daniel Radcliffe, Jack Huston e Ben Foster em performances corajosas enquanto Allen Ginsburg, Jack Kerouac e William S. Burroughs, respetivamente. Ao lado, Dane DeHaan – a roubar cenas – como o complicado Lucien Carr. 5. “MANDELA: LONG WALK TO FREEDOM”

Idris Elba assume a biografia do líder sul-africano nesta escolha prestigiosa que se prevê que vá confirmar junto do “mainstream” aquilo que os fãs de “The wire” e “Luther” já sabem há anos: que Elba é uma força da natureza. Mais: a nova “Moneypenny” de James Bond, Naomie Harris, contracena enquanto Winnie Mandela.

6. “DALLAS BUYERS’ CLUB”

Matthew McConaughey arrasou, em 2012, com performances sedutoras e ecléticas: “Magic Mike”, “Killer Joe” e “Bernie”. Tudo parece um simples prelúdio para este grande candidato a prémios, em que interpreta um doente com sida na década de 80 a tentar encontrar soluções junto do serviço de saúde norte-americano... 7. “YOU ARE HERE”

A mente criativa de “Mad men”, Matthew Weiner, faz a sua estreia na realização com este “road movie” com Owen Wilson e Zach Galifiniakis a apresentarem-se como amigos de longa data a regressar à terra-Natal devido à herança que o falecido pai de um deles deixou. 8. “PRISONERS”

O guião para este thriller dramático chegou à lista dos melhores em 2009, mas o filme acabou por ficar para trás. Parece valer a espera uma vez que as reações iniciais ao filme, com Hugh Jackman e Jake Gyllenhaal, foram arrebatadoras. 9. “THE DOUBLE”

Richard Ayoade, que realizou o encantador filme britânico “Submarine” apresenta um trabalho bizarro com Jesse Eisenberg como um homem levado à loucura devido ao aparecimento de um sósia. Dizer que Ayoade despertou a nossa curiosidade é muito pouco. 10. “BLUE IS THE WARMEST COLOR”

O filme vencedor da última edição de Cannes – sobre duas mulheres apaixonadas – chega à América do Norte, onde deverá atingir as audiências facilmente pelas performances de Lea Seydoux e Adele NED EHRBAR/MWN Exarchopoulos.


09

Cinema em duas rodas Lisboa. Começa depois de amanhã, em Lisboa, mais uma edição do Bicycle Film Festival, o evento que celebra a bicicleta. Além dos filmes, conte-se também com corridas... O evento acontece entre quinta-feira e domingo. Mas o arranque dá-se com uma corrida de bicicletas pelas ruas da capital: o LX Alleycat’13 vai às ruas de Lisboa, com partida marcada para as 21h do topo do parque de estacionamento da EMEL na Calçada do Combro. Para participar basta fazer a inscrição no local duas horas antes. A programação de sexta-feira e de sábado é dedicada, em grande parte, ao cinema: a sessão de abertura está marcada para sexta-feira às 21h45, no Palácio Foz, com a exibição de “Moon rider”, de Daniel Dencik, e da curta-metragem “El diablo”, de Paolo Casalis.

Programa Aqui fica a programação cinematográfica do Bicycle Film Fest, no Palácio Foz/Cinemateca Júnior. • Sexta-feira 19h30 – Curtas-metragens 21h45 – Sessão de abertura: “Moon rider” • Sábado 18h30 – Racing around the world 21h – The way we roll 22h45 – Curtas-metragens

O baixista dos brasileiros Charlie Brown Jr., Champignon, foi encontrado morto em casa, em São Paulo. O músico ter-se-á suicidado com um tiro na boca. É a segunda morte na banda em seis meses: o vocalista, Chorão, morreu em março.

Pintura

Um inédito de Van Gogh O Museu Van Gogh de Amesterdão revelou ontem um quadro desconhecido do mestre holandês, que esteve durante anos “escondido” no sótão de um colecionador particular, por este pensar que era falso. O óleo, datado de 1888, chama-se “Coucher de soleil à Montmajour” (“Pôr do Sol em Montmajour”).

3

LIVROS DE CABECEIRA “O herói discreto” MÁRIO VARGAS LLOSA Quetzal O novo romance marca o regresso a geografias, personagens e a temáticas que o celebrizaram. “A felicidade em Albert Camus “ MARCELLO DUARTE MATHIAS Dom Quixote Um importante clássico da literatura lusófona de 1975 agora reeditado. “Contos sobrenaturais” CARLOS FUENTES Porto Editora O território do relato fantástico é a natureza do escritor mexicano.

PUB

Óbito

Mais uma morte nos Charlie Brown Jr.

No total serão exibidos 32 filmes de 16 países, divididos em cinco sessões. Além da celebração da bicicleta – meio de transporte e também de diversão cada vez mais apreciado em Portugal – haverá ainda festas com DJ, “bike sprints”, workshops, entre muitas outras atividades. Caso do “Bike Polo”: sábado, entre as 12h e as 18h, haverá demonstrações e competição desta modalidade na Praça dos Restauradores. O Bicycle Film Festival decorre em cidades de todo o mundo, de Buenos Aires, na Argentina, a Sydney, na Austrália, passando por São Petersburgo, na Rússia, à Cidade do Cabo, na África do Sul. Lisboa acolhe a iniciativa pelo quinto ano consecutivo. O diretor do evento internacional, Brendt Barbur, diz que se sentiu na obrigação de criar o festival depois de ter sido atingido por um autocarro quando andava de bicicleta, em Nova Iorque e transformar o acidente numa experiência positiva.

Letras

Arte. Parceria ibérica de museus Uma exposição com 60 pinturas do Museu do Prado, de Madrid, e o intercâmbio de obras de Bosch e Dürer são alguns dos pontos principais de um protocolo ontem assinado com o Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa. O acordo foi formalizado pelos diretores das duas instituições – António Filipe Pimentel, do museu português, e Miguel Zugaza, do Prado – no Museu Nacional de Arte Antiga.

Música. Arcade Fire mostram single Depois de domingo se ter especulado a participação de David Bowie no novo disco dos Arcade Fire... a confirmação! No domingo à noite, a banda desvendou o primeiro single do seu novo disco. O tema chama-se “Reflektor” e conta com a produção de James Murphy e vozes de Bowie. Ainda não foi revelado o nome do sucessor de “The Suburbs”, mas a data de edição está marcada para 29 de outubro.


PUB


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

Street Fashion Londres

Correio do leitor

LAZER | 11

Horizontais: 1. Imposto. Renovar. 2. Acentuar com til.

Palavras cruzadas

Adição. 3. Pardo. Modo de dizer. 4. Indica lugar, tempo, modo, causa, fim e outras relações (prep.). Desagradável ao tacto ou ao ouvido. 5. Conserva de uvas. Avançava. 6. Carta de jogar. Composto hidrocarbonato muito abundante nos vegetais, principalmente nos tubérculos, rizomas e sementes. Recitei. 7. O espaço aéreo. Que não deixa passar a luz. 8. Contente. Cobalto (s.q.). 9. Óxido ou hidróxido de cálcio. Desmontar. 10. Paraíso terreal no qual, segundo o Génesis, viveram Adão e Eva. Qualquer espécie de alimento, especialmente carne. 11. Título dos antigos imperadores e príncipes da Índia. Que tem de facto existência.

Político profissional

Verticais: 1. Tecido de seda lustrosa. Parte do lombo do boi, entre a pá e a extremidade do cachaço. 2. Peixe da família dos escômbridas da ordem dos acantopterígios. Hortaliças e vegetais cortados, cozidos ou crus, temperados de formas diversas. 3. Incógnita. Tornar a ler. 4. Quarto interior de dormir. Contr. da prep. em com o art. def. a. 5. Àquele. Fruto da amoreira e de algumas espécies de silvas. 6. Caminhar. Adiposidade. Designa cautela (interj.). 7. Já utilizada. Grito aflitivo. 8. Ósmio (s.q.). Apoderar-se de. 9. Aprovei ou elegi por meio de voto. Nome da letra N. 10. Sem a noção dos princípios da moral. Qualquer de entre dois ou mais. 11. Ramificação. Desonesto.

Sudoku

•••••

Solução cruzadas Horizontais: 1. Taxa, Inovar. 2. Atilar, Soma. 3. Fusco, Tom. 4. Em, Áspero. 5. Uvada, Ia. 6. Ás, Amido, Li. 7. Ar, Opaco. 8. Alegre, Co. 9. Cal, Apear. 10. Éden, Vianda. 11. Marajá, Real. Verticais: 1. Tafetá, Acém. 2. Atum, Salada. 3. Xis, Reler. 4. Alcova, Na. 5. Ao, Amora. 6. Ir, Ádipe, Vá. 7. Usada, Ai. 8. Os, Ocupar. 9. Votei, Ene. 10. Amoral, Cada. 11. Ramo, Imoral.

O que veste a Alice Rausch? “Calças Zara, camisola Vogue, ténis Converse e mala Chanel.” As suas influências: “Inspiro-me em editoriais de moda.” O que bania para sempre? “Ténis de salto alto, porque são mesmo muito feios.” MICHELLE BOBB-PARRIS

Depois de nos ter mandado emigrar, de dizer que o “desemprego é uma boa oportunidade para mudar de vida”, de acusar-nos de sermos mansos e piegas, o primeiro-ministro aconselha bom senso ao Tribunal Constitucional desprezando a própria Constituição, pois esta “nunca fez nada pelos 900 mil desempregados”. Concordo, o TC deveria colocar esses 900 mil desempregados nos meios partidários para se providenciar uma profissão. A Constituição obrigaria a que todo o desempregado tivesse um padrinho político, que prosperasse na vida debaixo da saia do partido ou na empresa do seu correligionário, que tivesse uma oportunidade de ser um futuro político profissional da treta e ter o seu momento de glória ao discursar numa aula da Universidade de verão.

Solução sudoku

EMANUEL CAETANO, ERMESINDE

PUB

M.A. Escola de Formacão Técnica Especializada na Área da Saúde e Educação

CURSOS COM ESTÁGIO TÉCNICO AUXILIAR DE FARMÁCIA

16 meses + estágio - inscrição 50€ propina mensal 150€

AUXILIAR TÉCNICO DE ACÇÃO EDUCATIVA 12 meses + estágio - inscrição 45€ propina mensal 145€

TÉCNICO AUXILIAR DE FISIOTERAPIA

14 meses + estágio - inscrição 65€ propina mensal 150€

TÉCNICO DE MASSAGEM DESPORTIVA E DE REABILITAÇÃO

8 meses s/ estágio - inscrição 40€ propina mensal 135€

TÉCNICO AUXILIAR DE VETERINÁRIA

14 meses + estágio - inscrição 60€ propina mensal 149€

TÉCNICO EM PSICOLOGIA SOCIAL E COMUNITÁRIA 12 meses + estágio - Inscrição 60€ + propina mensal 160€

TÉCNICO AUXILIAR DE ACÇÃO MÉDICA 18 meses + estágio + inscrição 55 € propina mensal 149,50€

ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO 726 - Serviços de Saúde – Terapia e Reabilitação 727 - Serviços de Saúde – Ciências Farmacêuticas 761 - Serviços de Apoio a Crianças e Jovens

ENTIDADE CERTIFICADA

VILA REAL • VISEU • AVEIRO • CASTELO BRANCO • LEIRIA • TOMAR • SANTARÉM TORRES VEDRAS • SETÚBAL • LISBOA • ÉVORA • BEJA • PORTIMÃO • FARO 210 195 260 | 210 996 966 | 918 529 149 | 918 249 897 | 962 261 651 geral@formacaotma.net | www.formacaotma.net


PEQUENOS ANÚNCIOS

AZEVEDO, PINHO & JESUS, LDA Desde 1951 Somos uma empresa de confiança Avaliador Oficial credenciado pela Casa da Moeda

PENHORES E COMPRA E VENDA DE OURO • PRATA • JÓIAS • MOEDAS • RELÓGIOS

COMPRAMOS CAUTELAS DE PENHOR

Prof.ª natural do Japão c/ 19 anos de experiência. Lecionou no Curso Livre da Universidade Nova de Lisboa, I.O. e na Embaixada do Japão.

ABERTO À HORA DO ALMOÇO Rua dos Sapateiros, 115 - 1.º esq.º, Lisboa (saída do metro da Baixa/Chiado)

Tels.: 21 346 54 11 • 21 342 94 83 • 21 321 93 46 Fax: 21 321 14 97 | E-mail: geral@apj.com.pt

Problemas Bancários? A Creditok tem a Solução ideal para si!

218 479 195 Faça o seu Crédito: 912 277 988 Pessoal 968 851 452 Habitação Análise Grátis

Empresarial

EMPRESA REGISTADA PARA O DEVIDO EFEITO

www.creditok.webs.com EX: 5.000€ - 100,47 em 60M total 6,628€ / Taxa de Juro 11,25 TAEG 17,9

CREDIFAST ANÁLISES GRÁTIS

www.credifast.webs.com

• Crédito Pessoal • Crédito Consolidado • Crédito Habitação • Crédito Automóvel • Crédito Empresarial EMPRESA REGISTADA PARA O DEVIDO EFEITO

Com problemas bancários, dizemos que sim!

EX: 5.000€ - 100,47 em 60M total 6,628€ / Taxa de Juro 11,25 TAEG 17,9

LIGUE JÁ!

218 481 496

911 540 899 • 961 552 743

Med. Indep. Cred. Concedido p/entidades autoriz.

CREDITOK

CURSO DE JAPONÊS www.aulasdejapones.pt

ESTÁ APENAS A 9 MESES DE UMA NOVA PROFISSÃO. Curso de

MASSAGEM DESPORTIVA e de

TERAPIA MANUAL (9 meses de formação)

(Formação organizada em parceria com SIMAC)

CFP-COL Centro Osteopático de Lisboa, Ldª Lisboa 213 649 439 | Porto 222 087 453 col.cfp@gmail.com | www.cfpcol.pt

15% de desconto na inscrição contra apresentação do jornal !! desconto válido até 14 de Setembro !!


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

MOTORES | 13

O novo motor 1.6 CDTI da Opel é tão ecológico que já cumpre a norma de emissões Euro 6 que só vai entrar em vigor em setembro de 2015 . © GETTY IMAGES

O silêncio é mesmo de ouro Opel. Em outubro estará disponível em Portugal o Zafira Tourer 1.6 CDTI, que estreia o primeiro motor turbodiesel. A marca alemã desdobra-se em elogios para esta nova motorização e garante que o 1.6 CDTI é o mais sofisticado motor diesel produzido pelos seus engenheiros. “Temos uma grande expetativa para este motor”, confessou Falcão Neves, diretor-geral da GM Portugal, na apresentação deste Zafira Tourer. E quais são os principais argumentos deste motor de arquitetura avançada? Resumidamente, para não cansar o leitor com questões técnicas, o 1.6 CDTI é construído

em alumínio; possui o sistema BlueInjection de redução catalítica seletiva que já cumpre a norma de emissões Euro 6, tornando-o tão “verde” como um motor a gasolina; e é bastante silencioso. Com estas novidades, o Zafira tornou-se mais económico, embora tenha uma potência de 136cv. A marca anuncia 4,1l/100km. No ensaio feito por nós, a média obtida foi de 6,1l/100km, mas fazendo uma condução despreocupada, alternada entre cidade e autoestrada

Ficha técnica Opel Zafira Tourer 1.6 CDTI Cosmo, caixa manual de seis velocidades. • Vel. máxima: 193km/h • 0/100km/h em: 11,2 segundos • Potência: 136 cv • Consumo misto: 4,1l • Emissões CO2: 109 g/km • Preço: €31.500

e acelerando sempre que possível. A propósito diga-se que a condução é agradável e, sim, como prometido pela Opel praticamente sem ruídos.

No interior destaque para Lounge Seeting, que permite configurar de forma diversa os bancos (correm sobre calhas), para os diversos compartimentos para arrumar objetos ou para a consola central multifuncional. O equipamento, único, é o Cosmo e traz de série sensores de estacionamento, sensor de chuva e de controlo automático das luzes, ar condicionado eletrónico de duas zonas, bancos de couro e tecido, espelhos retrovisores com aquecimento ou espelho retrovisor interior eletrocromático. Este monovolume de sete lugaLUÍS CARMO res custa €31.500.

Volkswagen. Golf Variant tem novas linhas e não só... Começa este mês a ser comercializado o novo Golf Variant, que foi redesenhado e tem agora uma volumetria para bagagens até 1.620 litros, avança a Volkswagen. Com cinco motores, dois a gasolina e três a diesel e potências que variam entre os 90 e os 150 cv, o novo Variant está mais leve até 105 kg e ganhou mais 100 litros de espaço de carga.

O novo Golf Variant é o primeiro equipado de série com um melhorado bloqueio eletrónico do diferencial XDS+, que permite mais agilidade na condução em zonas sinuosas. Este Variant traz também de série o Start/Stop e a travagem regenerativa. Os motores tem caixas manuais de cinco e seis velocidades, mas há transmissões automáticas.

Os novos motores a gasolina e diesel estão mais económicos até cerca de 15%. © DR


3 SPORT

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

Falta Ronaldo... e também Hulk Futebol. As seleções de Portugal e Brasil vão defrontar-se num particular na próxima madrugada em Boston, EUA. História é o que não falta nos duelos entre a equipa das quinas e o escrete canarinho. Os dois países só se defrontaram duas vezes em grandes competições, mas também alguns particulares deram que falar! No último amigável entre Brasil e Portugal, em 2008, o resultado foi de 6-2 (!) favorável à equipa sul-americana. O selecionador era Carlos Queiroz e o resultado caiu mal à equipa e deixou o País chocado. Nos três desafios anteriores a história foi bem diferente, com duas vitórias portuguesas e um empate. Sempre em jogos de caráter particular. Em 2007, em Londres, Portugal venceu por 2-0, com golos de Simão e Ricardo Carvalho. Em

PUB

14

Paulo Bento disse ontem, em conferência de imprensa, que os jogadores portugueses “devem estar gratos” a Scolari . © JOSÉ MOREIRA

2003, no Porto, a vitória voltou a sorrir à Seleção Nacional. Ronaldinho marcou para o Brasil, mas Pauleta e Deco marcaram para Portugal. Precisamente Deco foi o destaque do empate, pois estreou-se como internacional pela equipa das quinas. Antes do empate em 2002, em Alvalade, o escrete goleou por duas vezes Portugal na década de 80, ambas as vezes por 4-0. Nos jogos “a sério” o registo de Portugal em Mundiais é mais positivo do que nos particulares. Em 1966, em Inglaterra, os portugueses bateram os brasileiros, por 3-1. Mais recentemente, em 2010, na África do Sul, o resultado foi um empate sem golos. No total, Portugal e Brasil realizaram 19 encontros. Os brasileiros ganharam em 12 ocasiões, registaram-se três empates e quatro vitórias lusas. A partida de amanhã também tem história. Luiz Felipe Scolari, selecionador nacional de 2003 a 2008, volta a defrontar a sua antiga equipa. No Gillette Stadium, Boston (1h52, RTP1), não vai estar Cristiano Ronaldo, lesionado. Os brasileiros também têm baixas de peso com o ex-portista Hulk à cabeça. Scolari não contará ainda com Dani Alves, LUÍS CARMO Marcelo e Fred.


15

Futebol

Rússia recebe Israel A Rússia recebe hoje Israel, na qualificação para o Mundial 2014, jogo ao qual o selecionador nacional, Paulo Bento, estará particularmente atento. Se o russos vencerem os israelitas passam para a frente de Portugal, ocupando o 1º lugar do grupo F. Qualquer resultado que não seja uma vitória russa deixa a equipa das quinas na liderança do agrupamento.

Ciclismo

Barguil vence e Nibali segue líder na Vuelta O francês Warren Barguil, da Argos-Shimano, venceu ontem a 16ª etapa da Volta a Espanha que é liderada pelo italiano Vicenzo Nibali, da Astana. Nos portugueses, André Cardoso, da Caja Rural, acabou a etapa na 8ª posição e José Mendes, da Netapp-Endura, 57º Na geral, Cardoso está em 18º e Mendes em 25º.

Hóquei. Ataque ao título cada vez mais perto A seleção portuguesa de hóquei em patins deve chegar a Luanda no próximo dia 16 para participar no Mundial que decorrerá em Angola de 20 a 28 deste mês. O Brasil já está no país e as restantes seleções deverão chegar a partir de segunda-feira. A Inglaterra tem problemas financeiros e poderá não participar. Se assim for, o Uruguai, 4.º no Mundial B, disputará a prova. Além de Luanda, o Mundial joga-se no Namibe. Estarão na competição 16 equipas, distribuídas por quatro grupos.

Seleção

11 convocados: Hélder Nunes, Barreiros, Jorge Silva (FC Porto) Ricardo Silva, Luís Viana (J. Viana), Valter Neves, Diogo Rafael, João Rodrigues, Pedro Henriques (Benfica), Gonçalo Alves (Oliveirense) e Girão (Valongo).

Pouco Serena na hora da vitória A norte-americana Serena Williams bateu a bielorrussa Viktoria Azarenka (7-5, 6-7 e 6-1), num jogo que terminou na madrugada de segunda-feira e conquistou o 5º US Open da carreira, igualando Chris Evert e Steffi Graf. Serena, 31 anos, soma agora 17 vitórias em torneios do Grand Slam. © GETTY

PUB


www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013

FIFA não sabe que fazer com Mundial 2022 Futebol. O presidente da FIFA, Sepp Blatter, veio a público admitir que a realização do Mundial de futebol no Catar, em 2022, é “um erro”. Em julho, Blatter sugeriu uma inédita realização do torneio durante o inverno, dado a média de temperatura superior a 40 graus centígrados que ali se faz sentir no verão. Mas ontem o suíço escolheu um tom mais grave para falar do tema, agora um problema. “Cometemos um erro ao eleger o Catar”, declarou o dirigente ao site Inside World Football. Para Blatter, disputar o Mundial 2022 no inverno passou a ser mesmo a única opção “responsável”. A proposta será apresentada ao Comité Executivo da FIFA a 3 de outubro próximo, quando este reunir, e, a atender à opinião de

Votação

14 dos 27 membros do comité executivo da FIFA votaram a favor do Catar na quarta e decisiva votação da corrida à organização do Mundial 2022, em 2010, superando os oito que favoreceram os EUA.

membros como o líder da federação alemã de futebol, Blatter não terá vida fácil. “Se a escolha [pelo Catar] foi um erro, que se revogue ao invés de prejudicar quem não está interessado na mudança do torneio para o inverno”, observou R.A.C. Theo Zwanziger.

16 Nacional

AMI recicla radiografias

twit do fecho Lena Dunham

A Assistência Médica Internacional (AMI) lança hoje mais uma campanha de reciclagem de radiografias, projeto que reciclou 1.500 toneladas de exames nos últimos 17 anos. A entrega deve ser feita nas farmácias.

“Perdi o papel nas ‘Cinquenta sombras de Grey’ por isso não vão ouvir falar de mim durante uns tempos.”

Culto

Meio milhão no cinema O filme “A gaiola dourada”, do realizador lusodescendente Ruben Alves, já foi visto em Portugal por mais de 530.000 espetadores. A obra já se tornou no filme mais visto do ano nas salas de cinema.

Sport

@lenadunham atriz, argumentista e realizadora

Bolsa

O dia a dia dos mercados Petróleo

Euribor 6m Psi-20

$108.92 (-1.47%)

0,342 (-0,58%)

Sub-21 em Melgaço A Seleção Nacional de Sub-21 faz hoje um particular com a Polónia, às 17h15, em Melgaço. Recorde-se que Portugal bateu a Noruega, por 5-1, no 1º jogo de apuramento para o Euro 2015 da categoria.

5.953,90 (-0,40%)

Euro para: Dólar 1,325; Libra 0,844; Real 3,019

Atrás da maré para encontrar alimentação Um bando de aves limícolas – que inclui diversas espécies deste género – voa em conjunto em direção a novos terrenos alimentares que vêm com a maré cheia. Na reserva natural de Snettisham, em Inglaterra – uma das principais do Reino Unido, com mais de 300.000 pássaros – assiste-se a um dos grandes espetáculos da vida selvagem no Reino Unido. Algumas vezes por ano, marés um pouco mais cheias que o normal obrigam as aves a deslocar-se nas planícies de lodo à procura de comida. © GETTY

Metro Portugal Arruamento B à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA - PORTUGAL METRO PORTUGAL Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à PROPRIEDADE Metro International, SA, EDITORA Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social €4.048.845,00, Contribuinte 505338602, registada na C.R.C de Cascais nº 505338602, Principal acionista Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade Diária Distribuição Gratuita Impressão Sogapal – Sociedade Gráfica de Paiã, Lda., Av. dos Cavaleiros, 35-35ª, Portela da Ajuda, 2795-625 Carnaxide DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Diretora Adjunta Ana Silveira Agências Adriana Macedo, Margarida Rego, Paula Tavares, Raquel Pinto, Daniel Barata; Diretos Eva Oliveira, Filomena Mestre, João Rodrigues, Luís Farinha, Ricardo Afonso Planeamento Maria da Luz Veiga Tel. 210494204/210494815; Fax 21 049 31 34 PORTO Tiago Medeiros, Gabriela Raposo Tel. 22 532 23 00 Fax 22 532 23 99 E-mail publicidade@metroportugal.com DESIGN GRÁFICO Rui Gonçalves, António Garcia MARKETING João Aleixo, Rita Costa, Filipa Fouto Passatempos Marta Tavares (passatempos@metroportugal.com) Ativações e Eventos João Aleixo (coordenador) Joana Gil, Marta Brigham CHEFE DE DISTRIBUIÇÃO José Magalhães Distribuição António Caldeira, Orlando Lopes (Porto) DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto) Editora gráfica Sónia Santos Grafismo Filipa Rosa, Rita Alves Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso.


20130910_pt_lisbon