Issuu on Google+

PUB

Música Long Way to Alaska fizeram da distância entre membros uma arma pág. 08

Lazer Noite de Santo António para os que gostam de um toque alternativo pág. 09 PUB

PORTUGAL quarta-feira 12 junho 2013 ano 6, nº 1894 Lisboa 16° | 25°

Porto 15° | 20°

www.readmetro.com Diretor: Diogo Torgal Ferreira

Papa Francisco admite “lobby gay” na Santa Sé Vaticano. Sobre a reforma da Igreja, o Sumo Pontífice exclui-se da tarefa, admitindo ser “desorganizado” pág. 06 Economia

Nacional

Grupo Vinci compra ANA

Greve sem serviços mínimos

Comissão Europeia autoriza venda da empresa aos franceses pág. 07

Exame de Português do 12.º ano poderá ser adiado pág. 16

Sport

PUB

Corrida aos “matadores” Grandes do futebol europeu à caça dos grandes goleadores pág. 14

Cronista

Owen Wilson está de volta às comédias com Vince Vaughn: “Os Estagiários” chega amanhã aos cinemas. págs. 10 e 11 GETTY

Sérgio H. Coimbra Um português na capital dos EUA pág. 02 PUB


1

JORNAL

Mário Soares

“Vítor Gaspar é um fanático neoliberal” Palavras do ex-Presidente da República, publicadas na sua crónica semanal no Diário de Notícias, mais uma vez bastante críticas em relação ao atual ministro das Finanças. GETTY IMAGES

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

02

Opinião

SÉRGIO H. COIMBRA

ONLINE

JORNALISTA

Um português em Washington Esta pacata localidade acordou revoltada. A National Security Agency (NSA) anda a espiolhar as contas de email e de telefone de uma larga maioria dos cidadãos norte-americanos sem autorização dos tribunais ou dos próprios (embora com autorização do Congresso eleito pelos ditos cidadãos), através de um programa designado “Prisma”. A cidade, o país, aliás o mundo inteiro, levantou-se indignado. Era o que mais faltava! Escusado será dizer que esta indignação vem do mesmo tipo de gente que voluntaria segredos do foro privado no Facebook e Instagram; que sabe muito bem que os motores de busca vasculham a sua vida eletrónica; que não se importa que os serviços fiscais conheçam a morada, número de filhos ou de veículos que possui, se fez obras na casa ou se dá dinheiro à caridade; que sorri para o agente da segurança quando este mete as mãos na sua bagagem nos aeroporto; que, usando o multibanco, cartão de crédito, via verde ou simplesmente passando por

certas ruas, sabe que os seus passos estão a ser vigiados… Sejamos sérios. O que realmente nos devia preocupar neste caso é saber como é que a espionagem é subcontratada a uma empresa privada. Quem os vigia? Quantos têm acesso à informação? Onde guardam os dados? Obviamente, a NSA não anda a fazer o trabalho de casa, subcontratando empre-

O que nos devia preocupar neste caso é saber como é que a espionagem é subcontratada a privados sas com um empregado que, ao contrário dos agentes da NSA, tem uma relação ambígua com o sigilo exigido na profissão, ou permitindo a saída de powerpoints com informação sensível. Todos sabemos que o Governo dos EUA contrata mercenários – segurança privada, como agora lhes chamam – para ajudar nas guerras estrangeiras. Mas entregar a vida dos seus nas mãos de privados devia estar fora da equação.

facebook www.facebook.com/HuffPostCelebrity “Parece que a nossa supermodelo da década de 90 está outra vez em alta. Aos 47 anos, Cindy Crawford é a capa da edição de verão da revista Muse e ainda tem um aspeto de ‘canhão’ como sempre a conhecemos.”

twitter @jimmyfallon [Jimmy Fallon] “Obama acabou de se reunir com o presidente da China, Xi Jinping. Obama pediu à China que deixasse de espiar os EUA. Jinping respondeu, ‘Vocês primeiro’.”

vídeo do dia

No futebol argentino o histórico Independiente está à beira de descer de divisão mas os seus adeptos não se conformam... Venha escrever connosco. Entre em facebook.com/metroportugal

Herge del Rio. Nos pastéis de Belém

Regressado de Marraqueche, Lisboa recebe-me em festa com cheiro a sardinhas e manjericos. Gosto muito de viajar, mas gosto ainda mais de voltar a casa, aos meus amigos, às minhas tradições e sabores. Desde o dia em que cheguei que ando com desejo de comer pastéis de Belém. Como tinha de ir ao CCB, aproveitei a viagem para me deliciar com uns estaladiços pastéis de Belém – hoje em dia mundialmente famosos – sem grande peso na consciência, já que em Marraqueche os doces não abundam. Os pastéis de Belém fabricam-se pelo menos desde 1837 segundo a antiga “receita secreta” transmitida e exclusivamente conhecida pelos mestres pasteleiros que os fabricam artesanalmente até aos dias de hoje. O problema destes pastéis é que não dá para comer só um e ficar satisfeito! Sigam-me no Facebook!


www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA,1214DE QUARTA-FEIRA, DEJUNHO JANEIRO DEDE 2013 2013

NACIONAL | 03 01 Festas de Lisboa 2013

Creches “inacessíveis” a famílias mais pobres Crianças. A grande maioria dos jardins de infância públicos opta por um preço médio, inviabilizando a frequência das crianças oriundas das famílias mais desfavorecidas. Segundo um estudo da Universidade do Minho, a maioria dos estabelecimentos não cumpre os seis escalões de mensalidade previstos na lei. De acordo com a investigadora da instituição minhota, Emília Vilarinho, nos casos em que não é fixada uma mensalidade fixa o habitual é haver até três escalões. “Certos pais pagam cerca de 55 euros quando, pelos seus rendimentos per capita, se situam no primeiro escalão e deveriam pagar de 17 a 21 euros, no máximo”, explicou. Tal “acaba por prejudicar as famílias com menos possibilidades financeiras e coloca em xeque a qualidade

e a igualdade educativa das instituições”. Emília Vilarinho avaliou um concelho do norte do País e acompanha os estudos nacionais mais recentes na área. Segundo a docente, a aplicação da mensalidade média leva à deslocalização das crianças de classe média/alta dos jardins de infância privados e solidários para os públicos. “São lógicas de quase mercado e há uma disputa permanente pelos ‘clientes’, face à queda da natalidade”, referiu.

Conclusão

O estudo defende a criação urgente de um Observatório do Pré-Escolar, para evitar que haja um só escalão na mensalidade e o crescente abandono dos jardins de infância por dificuldades financeiras. PUB

Saúde. Guia de apoio a quem acumula lixo O Provedor de Justiça recomendou ao diretor-geral da Saúde que elabore um guia para ajudar as autoridades locais a intervir nos casos de Síndrome de Diógenes, uma desordem psiquiátrica que leva à acumulação de lixo em casa. Esta patologia carateriza-se por uma quebra e rejeição de padrões sociais, que se reflete num descuido pessoal e habitacional severo. O doente recolhe na via pública objetos que acumula no domicílio, muitos deles conspurcados, e chega a levar para casa um “número exorbitante” de animais. A recomendação dirigida ao diretor-geral da Saúde surge na sequência de várias queixas que o Provedor recebeu, ao longo dos anos, contra as autoridades de saúde.

“Queremos ficar, pelo menos, nos dez primeiros”

“Ainda estamos na fase da aprendizagem”

ADOLFO BARÃO RESPONSÁVEL PELA MARCHA DA AJUDA

FONTE DA MARCHA DE BELÉM

Há quantos anos é que já participam nas marchas? Qual o balanço que fazem?

Há quantos anos é que já participam nas marchas? Qual o balanço que fazem?

Desde 1937 que participamos nas marchas. É um balanço positivo, sendo que já tivemos boas classificações. Um 3.º lugar, um 6.º ou um 7.º.

Desde 2009. A participação tem ficado dentro das nossas expetativas pois ainda estamos na aprendizagem. A classificação tem ficado entre o 18.º e o 15.º. Esperamos fazer melhor.

Quais as novidades da vossa marcha para este ano?

Vamos apostar em algo que tem tudo a ver com a realidade. Será uma aposta forte.

Quais as novidades para este ano?

Procuramos transmitir uma prática do tempo das descobertas aquando da partida das naus da praia do Restelo.

Porque é que a vossa marcha deve ganhar?

Porque é que devem ganhar?

É uma pergunta complicada. Vamos fazer tudo para ganhar, mas obviamente que as outras marchas são também muito boas. Queremos ficar pelo menos nos dez primeiros.

Não sabemos se devemos ganhar. O que pretendemos é apresentar um trabalho bem estruturado com um bonito figurino e deixamos ao júri a tarefa de avaliar esse trabalho.

Metro Portugal

Arruamento D à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA - PORTUGAL

Habitação social. Acesso revisto O Governo quer definir as condições de acesso à habitação social, numa proposta no âmbito da revisão da renda apoiada que deve chegar ao parlamento antes do final desta sessão legislativa,

anunciou ontem a ministra do Ambiente, Assunção Cristas. “Procurarei apresentar um diploma equilibrado e que responda a quem tem condições de acesso à habitação social”, disse.

METRO PORTUGAL Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à PROPRIEDADE Metro International, SA, EDITORA Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social €4.048.845,00, Contribuinte 505338602, registada na C.R.C de Cascais nº 505338602, Principal acionista Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade Diária Distribuição Gratuita Impressão Sogapal – Sociedade Gráfica de Paiã, Lda., Av. dos Cavaleiros, 35-35ª, Portela da Ajuda, 2795-625 Carnaxide DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Diretora Adjunta Ana Silveira Agências Adriana Macedo, Margarida Rego, Paula Tavares, Raquel Pinto, Daniel Barata; Diretos Eva Oliveira, Filomena Mestre, João Rodrigues, Luís Farinha, Ricardo Afonso Planeamento Maria da Luz Veiga Tel. 210494204/210494815; Fax 21 049 31 34 PORTO Tiago Medeiros, Gabriela Raposo Tel. 22 532 23 00 Fax 22 532 23 99 E-mail publicidade@metroportugal.com DESIGN GRÁFICO Rui Gonçalves, António Garcia MARKETING João Aleixo, Rita Costa Passatempos Marta Tavares (passatempos@metroportugal.com) Ativações e Eventos João Aleixo (coordenador) Joana Gil, Marta Brigham CHEFE DE DISTRIBUIÇÃO José Magalhães Distribuição António Caldeira, Orlando Lopes (Porto) DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto) Editora gráfica Sónia Santos Grafismo Filipa Rosa, Rita Alves Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso.


www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

04

Norte

Saída da Porto Vivo A ministra do Ambiente, Assunção Cristas, disse ontem no parlamento que o Governo quer sair da administração da sociedade de reabilitação urbana Porto Vivo, alegando que o Estado “não deve ser duplamente financiador e acionista”.

Sul

Greve da Valorsul encerra cinco instalações A greve que os trabalhadores da Valorsul iniciaram à meia-noite de ontem para contestar a privatização da empresa de valorização e tratamento de resíduos sólidos encerrou 5 das suas 7 instalações, confirmou a administração à agência Lusa.

Antigos administradores dos CTT absolvidos O Tribunal de Coimbra absolveu ontem os três antigos administradores dos CTT, acusados de crimes económicos e de gestão danosa, no âmbito de um processo que envolveu mais oito arguidos. O presidente dos CTT entre 2002 e 2005, Carlos Horta e Costa, e os administradores Manuel Carrasqueira Baptista e Gonçalo Rocha, foram absolvidos de todos os crimes de que eram acusados, designadamente de terem provocado prejuízos de 13,5M€ à empresa. © GETTY IMAGES

Família. Rede de intervenção social avança O ministro da Solidariedade e Segurança Social anunciou ontem a criação de uma rede nacional de intervenção social, que irá fazer um acompanhamento efetivo das famílias em situação vulnerável, promovendo a criação de postos de trabalho. O novo modelo de cooperação a estabelecer com as instituições vem responder “à exclusão social”, argumentou Pedro Mota Soares.

Baixas. Governo vai ser “completamente intransigente” O secretário de Estado da Solidariedade e Segurança Social garantiu ontem que o Governo será “completamente intransigente” com situações de baixas médicas fraudulentas. Marco António Costa falava na Comissão de Segurança Social e Trabalho sobre as milhares de baixas que não obedecem aos requisitos legais, conforme noticiou na segunda-feira o Correio da Manhã.

São naturais, mas perigosos Saúde. Observatório de Interações Planta-Medicamento (OIPM) será o organismo nacional que vai receber as notificações de efeitos adversos com produtos naturais. A Organização Mundial da Saúde (OMS) tem diretivas que obrigam a que todos os produtos de medicina tradicional, à base de plantas, apresentem provas de eficácia e de segurança e sejam sujeitos a controlos de qualidade, “o que nem sempre acontece”, disse à agência Lusa a coordenadora do OIPM, Maria da Graça Campos. A responsável do observatório adiantou que a OMS tem recebido várias notificações de efeitos adversos com produtos naturais. “Infelizmente, têm aparecido uma série de produtos incluindo ‘plantas milagreiras’ e igualmente perigosas na prevenção e no tratamento” de doenças como o cancro.

Nos últimos 30 anos, entraram no mercado cerca de 124 medicamentos para o cancro, sendo que apenas 20 são de síntese química total. “Todos os outros, mais de 100, são de origem em produtos naturais”, disse. “Estas substâncias químicas retiradas da natureza são suficientemente ativas para poderem contribuir para matar células tumorais, mas devidamente controladas e usadas em doses que permitam que o benefício seja superior ao risco”, disse. O uso de extratos de plantas só é seguro se forem preparados com rigoroso controlo de qualidade e as doses dos constituintes estejam devidamente determinadas.

Efeitos graves A toma de alguns produtos naturais pelos doentes oncológicos antes da cirurgia pode causar “acidentes graves” e até mesmo fatais durante a intervenção cirúrgica, diz o Observatório. “As misturas que os doentes oncológicos fazem e que têm causado situações graves de saúde em Portugal e em outros países” é um dos temas da campanha ‘Aprender Saúde entre as Plantas e os Medicamentos’, do Observatório da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra. “Os acidentes em cirurgia são dos mais graves e podem ser fatais, quando se consumiu antecipadamente alguns tipos de produtos naturais”.


NACIONAL | 05

111 milhões para estradas Segurança rodoviária. Conservação de vias vai custar 111,3 milhões de euros à Estradas de Portugal em 2013. A Empresa Estradas de Portugal (EP) anunciou ontem ter investido em obras de conservação e segurança rodoviária, durante o último ano, 80 milhões de euros, verba que deverá subir para 111,3 milhões em 2013. Fonte oficial da EP explicou à agência Lusa que em 2012 foram investidos 16,8 milhões de euros na conservação periódica de pontes e 3,5 milhões em segurança rodoviária. A maior fatia do investimento foi, no entanto, para trabalhos de conservação corrente, que custaram 48,4 milhões de euros. Atualmente, sob jurisdição direta, a EP conta com 13.516 quilómetros de estradas em Portugal continental e os mesmos trabalhos de

O distrito de Beja é o que tem a maior extensão de estradas da Rede Rodoviária Nacional gerida pela EP, com 1.243 km. © BRUNO SIMÃO

conservação, segurança rodoviária e manutenção custaram, em 2011, mais de 102 milhões de euros, indicou a mesma fonte. Para 2013, a empresa que gere a Rede Rodoviária Nacional prevê investimentos de manutenção, conservação e reabilitação de 111,3 milhões de euros: 49 milhões para contratos de conservação corrente; 32,3 milhões para conservação periódica de pontes; e 30 milhões de euros para conservação periódica de estradas – investimentos que, segundo a EP, se justificam com uma “política consistente e reiterada” na conservação e requalificação da “qualidade” da rede rodoviária. Consistem em trabalhos de reparação e beneficiação dos pavimentos, melhoria dos sistemas de drenagem, conservação de pontes e viadutos, incremento da segurança rodoviária ou limpeza de bermas e dos terrenos adjacentes à estrada, entre outros. De recordar que fruto das intempéries verificadas desde o final de 2011, a EP anunciou há poucas semanas a implementação do Plano de Recuperação de um Inverno Rigoroso, reforçando com 20 milhões de euros a execução de 41 empreitadas de conservação da RRN AGÊNCIA LUSA sob jurisdição direta.

UE. Aprovada nova legislação de alimentos para bebés Os eurodeputados aprovaram ontem, em Estrasburgo, nova legislação sobre a rotulagem e a composição dos alimentos para bebés, para fins medicinais específicos e para controlo de peso, visando reforçar a proteção dos consumidores. As novas regras, aprovadas durante a sessão plenária do Parlamento Europeu, têm também como objetivo “facilitar a distinção entre os alimentos de consumo corrente e os que são destinados a grupos específicos”.

Rotulagem Rotulagem, apresentação e publicidade das fórmulas para crianças até aos 12 meses e a rotulagem das fórmulas de transição “não devem incluir imagens de latentes nem outras ou textos suscetíveis de criar impressão falsamente positiva da utilização destas fórmulas” para que “não desincentivem o aleitamento materno”.

PUB


www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

MUNDO | 06

Há um ‘lobby gay’ na Santa Sé Vaticano. O Papa Francisco chamou a si todas as atenções ao reconhecer abertamente, pela primeira vez, a existência de uma rede de corrupção homossexual no Vaticano. A confidência terá sido feita na quinta-feira, durante um encontro do Sumo Pontífice com responsáveis da Confederação latino-americana e das Caraíbas dos religiosos e religiosas (CLAR), mas só agora foi revelada. “Na Cúria (governo da Igreja) há gente santa, mas também há uma rede de corrupção. Fala-se de ‘lobby gay’ e é verdade, ele existe”, disse o Papa, citado no site católico progressista Reflexão e Libertação. “Há que ver o que podemos fazer”, continuou, sem especificar que tipo de medidas tenha em mente avançar. O encontro decorreu durante cerca de uma hora e um dos temas em foco foi a reforma da Igreja Católica, que, segundo palavras

Espanha

atribuídas pela fonte ao próprio Papa, é defendida por “quase todos os cardeais”. No entanto, Francisco admitiu frontalmente sentir-se sem espaço de manobra: “Não posso fazer eu a reforma”, disse o chefe da Igreja Católica, que se confessou “desorganizado” – esse trabalho, acrescentou, caberá à comissão de oito cardeais que o próprio nomeou e que deverá reunir-se pela primeira vez oficialmente em Roma, em outubro próximo. Da Santa Sé houve uma “não reação”, na pessoa do respetivo porta-voz. O padre Lombardi falou de “um encontro privado”, ao qual não esteve presente e sobre o qual “não tem comentário RUI ALEXANDRE COELHO algum a fazer”.

Notícia com rasto Há alguns meses que correm boatos sobre a homossexualidade de alguns religiosos no Vaticano. A 21 de fevereiro, o jornal italiano

1La Repubblica avançou que

a renúncia de Bento XVI, anunciada na semana anterior, estaria ligada a um relatório que revela a existência de um “lobby gay” no Vaticano. Segundo a publicação, Bento XVI

2teria recebido, em dezembro,

um documento de trezentas páginas a descrever escândalos sobre lutas de poder e desvios de dinheiro, além de fazer referência ao poder do “lobby gay” no interior da Igreja. A Santa Sé foi sempre veemente a negar estas informações.

3

Afeganistão. Juízes atacados em Cabul Um carro-bomba explodiu ontem nas redondezas do Supremo Tribunal de Cabul, tendo morto pelo menos 16 pessoas e ferido 40. O ataque foi reivindicado pelos talibãs – em comunicado enviado à BBC, afirmaram ter conduzido o atentado para matar juízes que “obedecem aos poderes do ocidente”. A maioria das vítimas são funcionários do tribunal. No mesmo dia se soube que o número de crianças mortas ou feridas no conflito no Afeganistão foi de 524 no primeiro semestre de 2013, um aumento de 30% em relação ao mesmo período do ano anterior, anunciou a missão afegã da ONU (UNAMA). O responsável da UNAMA, Jan Kubis, revelou que, entre janeiro e junho, o número de crianças vítimas da violência da guerra afegã correspondeu a 21% do total de civis mortos ou feridos no conflito.

Civis sofrem

24% Eis o assustador aumento do número de civis vítimas em eventos violentos no país em relação ao mesmo período de 2012, tendo sido atingidas 2.499 pessoas.

EUA

Comprometem Iñaki

Primeiro, a segurança

Dois arrependidos do caso Noós, no qual o genro do rei de Espanha é acusado de fraude e desvio de dinheiro público, confirmaram à polícia que Iñaki Urdangarín deu ordens para a falsificação de faturas e cobrava €10 mil para aparecer em público. Um deles, Robert Cockx, disse ao juiz encarregue do caso que “facilitou” uma empresa e uma conta bancária na Suíça para o genro do rei cobrar €350 mil.

A maioria dos norte-americanos (56%) inquiridos numa sondagem do Washington Post e do Pew Research Center aprova a recolha dos registos de telecomunicações pelo governo de Washington de modo a prevenir ações terroristas, ainda que a prática viole a privacidade. Dos inquiridos, 41% considera essa prática “inaceitável”.

Reino Unido

Confrontos em Londres Pelo menos seis manifestantes foram detidos em Soho, no centro da capital britânica, Londres, num protesto contra a reunião da cúpula do G8 que se realiza na próxima semana, dias 17 e 18 de junho, na Irlanda do Norte. Segundo a agência Reuters, 32 pessoas terão sido detidas no protesto que se designa “Carnaval Contra o Capitalismo” e que foi promovido por cerca de 100 elementos do grupo StopG8.

Limpeza ao amanhecer, em vão A polícia turca entrou ontem de manhã na praça Taksim, em Istambul, centro da vaga de protesto antigovernamental que abala a Turquia há 13 dias, e tomou conta da mesma. Temporariamente. Ao fim da noite os manifestantes retomaram posições. Istambul continua debaixo de fogo. © EPA


www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

Venda da ANA autorizada Negócio. A Comissão Europeia aprovou ontem a aquisição da gestora dos aeroportos portugueses pela empresa francesa Vinci, após garantir que não há problemas de concorrência. A venda da ANA – Aeroportos de Portugal foi aceite, após a conclusão de que a operação de privatização, prevista no programa de assistência financeira, não viola as regras comunitárias de concorrência. Em comunicado, o executivo comunitário realça que avaliou os efeitos da operação aos mais diversos níveis – desde a gestão aeroportuária às relações com os mercados de serviços de engenharia elétrica e mecânica, nos quais o grupo Vinci também é ativo –, concluindo que “a transação não levantaria preocupações em matéria de concorrência”. Bruxelas recorda ainda que a operação proposta, e à qual deu

agora “luz verde”, resulta de uma iniciativa do Estado português no contexto da privatização da ANA, contemplada no programa de assistência económica e financeira concedida a Portugal por parte da troika (UE, BCE e FMI).

Preço

3.080 milhões de euros é o valor que o grupo francês Vinci vai pagar pela ANA – 100 milhões de euros é o montante inicial a desembolsar e o restante é para ser pago num prazo máximo de nove meses.

ECONOMIA | 07

Estado

Dívida à Segurança Social chega aos 680M€ Nos primeiros cinco meses deste ano, a Segurança Social detetou mais 680M€ em dívida. Um valor que representa um acréscimo de 4,5% face a período homólogo, revelou aos jornalistas o secretário de Estado da Segurança Social, Marco António Costa. A dívida total que a Segurança Social ambiciona vir a cobrar ascende agora a 2.943M€.

CGD. Pedro Reis vai ser administrador Pedro Reis, presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) vai assumir o cargo de administrador não executivo da Caixa Geral de Depósitos (CGD). José Crespo de Carvalho, catedrático do ISCTE do departamento de Marketing, Operações e Gestão Geral vai assumir o mesmo cargo, noticia o Diário Económico. Pedro Reis vai acumular as novas funções com as da AICEP.

Ajuda externa

Juncker admite erros no resgate à Grécia O ex-presidente do Eurogrupo Jean-Claude Juncker reconheceu que a UE e o FMI cometeram vários “erros” no resgate da Grécia. Juncker, que era presidente do conjunto dos ministros da Economia e das Finanças da UE na altura de ajuda aos gregos, reitera, contudo, que os dois resgates, no valor de 240 mil milhões de euros, cumpriram o seu “objetivo”.

Software. Google comprou a Waze A Google comprou a Waze, uma empresa fornecedora de software de mapas originária de Israel que entretanto transferiu a sua sede para os Estados Unidos, por cerca de 1,3 mil milhões de dólares, o equivalente a cerca de 983 milhões de euros, segundo posts publicados nos blogues da Google e da Waze. O objetivo da compra é melhorar os serviços de mapas da Google. PUB


2

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

08

CULTO

LONG WAY TO ALASKA Já passaram três anos desde que editaram o vosso primeiro disco, “East River”. O que se passou durante este período?

Psy

“Lembram-se que eu era e sou um grande fã da banda Queen? Tenho um brunch marcado com o Brian May! [Para uma colaboração?] Parece que sim. Não sei, vou só almoçar com ele, mas estou muito entusiasmado” O autor de “Gangnam Style” diz que é fã dos Queen desde os 15 anos. Na calha estará uma colaboração entre o rei da pop sul-coreana e a banda inglesa. GETTY

“Life Aquatic” é o novo trabalho da banda de Gil Amado, Gonçalo Alvarez, Lucas Carneiro e Nuno Abreu. Gil fala da nova cara (mais bronzeada?) da banda. A comprar ou a descobrir em longwaytoalaska.bandcamp.com

JÁ É VERÃO NO ALASCA

A promoção do disco foi durante 2011 e em setembro o Nuno, o vocalista, foi para Ancara terminar o curso – num programa tipo Erasmus. Voltou só em maio de 2012. Enfim, até calhou bem, porque desde novembro de 2009 nunca tivemos um mês de pausa sem concertos ou ensaios. Acabou por ser uma pausa – não sei se demasiado grande – mas foi a que teve de ser. Mas enquanto ele esteve fora tivemos a fazer uma música entre Portugal e Turquia, editada no ano passado numa coletânea do Adolfo Luxúria Canibal.

Foi no regresso do Nuno da Turquia que voltaram a compor? São essas as canções que estão neste “Life Aquatic”?

Sim, deu para arejar a cabeça e partir para outras composições. Fomos falando e planeando mais ou menos as coisas: pegar em músicas inacabadas e gravar um EP. Os primeiros esboços destas músicas já tinham sido feitos poucos meses antes de o Nuno ir embora. Fazer o EP e não um álbum tinha que ver com isso: são canções que surgem numa de-

terminada fase da nossa vida, com outra forma de composição... Estas canções parecem ter uma sonoridade muito próxima do verão: ideal para a altura do ano que estamos a viver. Mas este quentinho que carregam também está relacionado com o facto de terem sido escritas num período de verão?

Sem dúvida. Essas músicas foram feitas no verão de 2011 e também faz parte da nossa evolução e mudança de estilo: menos intimista, acústica, melancólica, delicodoce, para fazermos algo igualmente melódica e harmoniosa, mas mais festiva. Também não é por acaso que as editamos por esta altura, em que está melhor tempo. O Miguel Nicolau (dos Memória de Peixe) participa num dos temas. Também foi algo pensado logo na origem das canções?

Sim, também já tinha sido pensado. Queríamos fazer um disco com uma ou mais participações. No caso do Miguel Nicolau, sempre partilhámos muito um gosto grande pelo trabalho dele nos Memória de Peixe.

Gil, pelo que sei, os Long Way To Alaska têm dois elementos a morar em Braga e outros dois em Lisboa. Como é trabalhar à distância de 350 quilómetros uns dos outros?

Bom, neste momento tem que se fazer um bocadinho mais de trabalho de casa e quando temos fins de semana de ensaio – normalmente de 15 em 15 dias – dedicamos o tempo todo à banda. Já nos conhecemos há bastante tempo, somos amigos, as coisas vão fluindo cada vez melhor, de forma mais eficaz e rápida. Por um lado pode dificultar, mas também estimular na criação?

Exatamente: acabamos por dar mais valor ao ensaio e isso estimula muito mais para criar. Mas já estamos a falar em preparar músicas novas para tocar ao vivo. Quanto a novo disco... não sabemos, mas queríamos editar no próximo ano, BRUNO MARTINS sem dúvida.


09

Letras

3

LIVROS DE CABECEIRA “Uma Verdade Incómoda” JOHN LE CARRÉ D. Quixote O mais recente trabalho de uma lenda viva da literatura de política, mistério e intriga. “Uma Mulher Em Berlim” MARTA HILLERS Asa Diários de uma berlinense escritos após a II Guerra Mundial, no dramático período da invasão aliada. “O Diário Secreto de Adrian Mole...” SUE TOWNSEND Editorial Presença Foi por causa deste livro que muito adolescente se apaixonou pela literatura.

Um arraial alternativo Lisboa. Na noite mais longa da cidade, a proposta não se fica só pelas marchas e bailaricos tradicionais. Hoje há outros concertos um pouco por toda a capital. Há quem goste, tradicionalmente, de ir para a Av. da Liberdade ver as marchas. Tudo bem. Há quem prefira os arraiais de bairro onde se baila até de manhã por entre sardinhas e copos de vinho. Melhor ainda. Mas este ano, o Largo do Intendente recebe a iniciativa Red Bull Santo Vertical: a fachada do Largo Residências – janelas e varandas –

transforma-se em palco e os músicos debitam música para a rua. A noite arranca às 19h com DJ Johnny e prosseguirá com concertos de Paus, Cais Sodré Funk Connection, Da Chick e Batida. Entrada livre. Já na Baixa, o arraial acontece debaixo da terra. A estação Baixa-Chiado PT Bluestation, acolhe, a partir das 17h, uma festa com música popular ao vivo... e decoração a rigor. Mais tarde, no Cais do Sodré – e porque o Santo António também é casamenteiro –, o Musicbox acolhe casamentos em palco (onde não faltará um padre): os Bandido$ e os Lovely Bastards ficam encarregues da música e Christeene, uma “drag queen” norte-americana, estará ao comando do microfone.

Intendente

Horários do Red Bull Santo Vertical: • 20h30: Paus • 22h30: Cais Sodré Funk Connection • 23h30: Da Chick • 1h00: Batida

TV. “Guerra dos Tronos” bate recorde O último episódio da terceira temporada de “A Guerra dos Tronos”, que passou na segunda-feira nos EUA, foi a série de televisão mais pirateada de sempre, diz o site TorrentFreak. O blogue da página adianta que o episódio foi partilhado e descarregado, só pela plataforma Bit Torrent, um milhão de vezes em 24 horas. A série continua a acumular recordes de pirataria, já que em 2012 também já tinha sido considerada a série mais descarregada da Internet.

7.ª arte. Três anos sem José Saramago Mais de 20 cineclubes e associações culturais de todo o País vão exibir no dia 18 o documentário “José & Pilar”, de Miguel Gonçalves Mendes, assinalando os três anos da morte de José Saramago. “José & Pilar” será exibido em cineclubes como o de Guimarães, Fafe, Tavira, Viseu, Abrantes, Telheiras e Angra do Heroísmo, ou no Centro de Estudos Cinematográficos da Ass. Académica de Coimbra ou Museu de Portimão.

Super-Homem está de regresso e rijo como o aço Vamos falar de aço (mas não do novo livro de João Malheiro): “O Homem de Aço”, ou melhor Henry Cavill, já começou a voar em estreias do novo filme sobre o Super-Homem. “Man of Steel” – que além de Cavill no papel principal conta ainda com Amy Adams no papel de Lois Lane – foi apresentado segunda-feira à noite em Nova Iorque, numa festa que contou com a presença de outros atores e celebridades. Em Portugal, o filme estreia a 27 de junho. GETTY IMAGES

Ao vivo

Cinema

Festival

Blaya no Optimus Alive

“Curtas da Casa” voltam

Regressar ao Crato

A MC e bailarina dos Buraka Som Sistema, Blaya, vai estrear o seu primeiro EP, homónimo, no Optimus Alive, no dia 14 de julho. O álbum já pode ser descarregado gratuitamente em www.optimusdiscos.com.

O Douro Film Harvest (entre 14 e 21 de setembro), relança o “Curtas da Casa”, uma competição nacional de curtas-metragens. Inscrições abertas até 5 de agosto. Informações em www.dourofilmharvest.com.

O fadista Carlos do Carmo, os GNR, Aurea e os Skunk Anansie são alguns dos artistas que atuarão entre 28 e 31 de agosto, no Festival do Crato, que acontece durante a Feira de Artesanato e Gastronomia.


www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

10

Owen Wilson: A cabeleira loira mais divertida de Hollywood Cinema. O ator texano regressa às comédias – mais uma na sua longa lista – com o seu amigo Vince Vaughn. Em “Os Estagiários”, fazem o papel de dois génios informáticos na Google. Mas será que são mesmo génios? JOHN-MIGUEL SACRAMENTO EM HOLLYWOOD

Seria natural que Owen Wilson, cavalheiro sensível no seu humor hesitante e melindroso de toque humano, fosse muito mais que um palhaço espalhafatoso nas artes de entreter. Dizem que por trás de cada génio do humor há um ser deprimido. Com ele é provável que seja mesmo verdade. Aliás, estamos todos surpreendidíssi-

mos aqui em Hollywood com o segundo fôlego na vida e na carreira do ator. Há dias a descaída foi tão grande que o boato circulado tinha contornos de horror. Será que o Owen tentou exercer o seu direito à interrupção voluntária da vida? Consta. Duas vezes. Que perda tal seria. E que bom tê-lo de volta aqui aos saltos no filme “Os Estagiários”, outra vez com Vince

Vaughn a fazer de par de garotos desastrados que, dada a falta de emprego na nova economia para os que antes eram considerados qualificados, vão dar como estagiários velhotes nesse recreio da juventude digital que é o campus da Google. Logo eles, para quem novas tecnologias são um conceito tão estranho como a maturidade. Entretanto, vamos fazer votos de boa carreira ao Owen. Ele é tão bom rapaz. Nasceu no coração moderno do Texas, tem uma parceria criativa tão bonita com o realizador e colaborador Wes Anderson, a cabeça loira mantém-se magnífica no ondular genuinamente solar do sul, e, numa carreira feita de momentos

divertidos, até foi capaz de providenciar a Woody Allen, no “Meia-Noite em Paris”, aquela voz nova, meio confusa mas adorável, que o realizador de Manhattan procurou durante anos para fazer de sósia e protagonista ideal dos seus filmes – uma procura que já vinha do tempo do Kenneth Branagh. Hoje, o cómico deprimido volta a criar confusão. Em pleno campus da Google, ele e o companheiro de estrada, Vince Vaughn, dois estagiários, inventam gargalhadas e pelo caminho criam elos de ligação entre a velha e a nova maneira de ver as coisas. Na vida real, o Owen tem belíssimas maneiras e pilhas de piada. Sendo mesmo delicado como qualquer


CINEMA | 11

cómico que se preze, não foi feito para este mundo. Além dos computadores e da linguagem contemporânea deste filme, há, como sempre, namoriscos à mistura no guião. Sei que está casado e tem um filho, mas, diga, ainda se lembra de alguma saída noturna com uma rapariga nova, talvez mesmo uma namorada que a sua mãe lhe tenha querido

Bio Owen Cunningham Wilson é um ator e produtor norte-americano. • Origens: Nasceu a 18 de novembro de 1968 em Dallas, Texas. Filho de um executivo e de uma fotógrafa, tem dois irmãos, ambos atores. • Carreira: O primeiro papel que representou foi em “Bottle Rocket”, um filme escrito por si e por Wes Anderson. Seguiu-se “The Cable Guy”, dirigido por Ben Stiller. Participou ainda, com papéis menores, em “Anaconda”, “Armageddon”. A sua grande estreia na comédia foi em 2000, em “Shanghai Noon”, ao lado de Jackie Chan. • Carreira: A dupla com Ben Stiller em “Zoolander”, (2001) foi a rampa para o sucesso. A partir daí, sucederam-se muitas mais comédias.

impingir? Era fácil para si perceber se a coisa iria dar certo ou não? Para

mim, dava para perceber logo se aquilo ia dar, ou não, nalguma coisa. Se teria futuro, quero eu dizer. Isso é importante, essa coisa do perceber. Porque, repare bem, mesmo que as compatibilidades mais óbvias e visíveis deixem de ser obstáculo à relação, daí para a frente vai ser preciso contornar ainda muitos outros rochedos e problemas. Eu via logo, passados uns instantes. Mas costumava mesmo ir em “blind dates” e situações dessas? Suponho que não funciona muito bem consigo, porque ela ia sempre saber quem o Owen é, dada a notoriedade mediática... Lembro-me de, uma

noite, ter ido num desses “blind dates”. Decidimos ir ao cinema. E, depois, fomos pelo passeio até ao carro. Eu, à medida que ia andando, sempre a falar. Às tantas abro a porta do carro, entro, sento-me e só depois reparo que ela ainda está lá fora à espera que eu lhe vá abrir a porta e a escolte até ao assento. Já estava dentro do carro! A falar! Só quando olhei para o lado é que me perguntei “Mas onde é que ela se meteu?” Envergonhou-me. Fiquei mesmo embaraçado. Repare que, ao fazer isso, ela obrigou-me a sair, dar a volta, deixá-la entrar, etc. Levei-a logo para casa. Não fizemos mais nada. Senti-me um bocadinho... não sei.

Para lá da química

“Mesmo que as compatibilidades mais óbvias e visíveis deixem de ser obstáculo à relação, daí para a frente vai ser preciso contornar ainda muitos outros rochedos e problemas. [Na altura dos namoriscos] percebia logo, passados uns instantes” Uma coisa é: se entramos num sítio, num restaurante, num edifício, num bar, o que seja, se for algo assim faz sentido que eu mantenha a porta aberta ou, até, que seja eu a abrir a porta. Mas, de resto, acho que não deve haver mais essa obrigação de ser sempre ele a fazer essas coisas. Está a falar do excesso de formalismo? Sim, porque

a determinado ponto passa a ser meramente piroso. Um homem deve ser sempre um cavalheiro, mas uma menina nova não tem sempre de se portar como se trabalhasse num bar noturno, como, parece, era o caso desta. Acho que, hoje, lhes chamam dançarinas de burlesco. Como é que se mantém tão elegante e saudável de corpo? Faz dietas?

Já sei: acha que, se obedecer a determinada rotina, fica com melhor aspeto. E quais são os segredos dessa rotina? Estive na

Austrália, há tempos. Foi numa época de Ano Novo. E comecei a nadar. O que eles têm lá é uma série de piscinas enormes, de água salgada, ao lado de muitas praias urbanas. Continuo a fazer isso, aqui na Califórnia. Não nado aquilo que nadava diariamente na Austrália, para aí uns 1.500 metros por dia. Mas ainda faço isso quatro dias por semana, sempre que posso. Não é bem uma rotina para me manter em forma física. O que tenho notado é que, se não faço exercício, as nuvens mais negras e tenebrosas começam a acumular-se à volta e dentro da minha cabeça.

As regras do cavalheirismo

“Um homem deve ser sempre um cavalheiro, mas uma menina nova não tem sempre de se portar como se trabalhasse num bar noturno”


PEQUENOS ANÚNCIOS

OFERECEM-SE CACHORRINHOS BÉBÉS 96 748 59 00 - 21 457 71 24 - CARCAVELOS

AZEVEDO, PINHO & JESUS, LDA Desde 1951 Somos uma empresa de confiança Avaliador Oficial credenciado pela Casa da Moeda

PENHORES E COMPRA E VENDA DE OURO • PRATA • JÓIAS • MOEDAS • RELÓGIOS

COMPRAMOS CAUTELAS DE PENHOR

Rua dos Sapateiros, 115 - 1.º esq.º, Lisboa (saída do metro da Baixa/Chiado)

Tels.: 21 346 54 11 • 21 342 94 83 • 21 321 93 46 Fax: 21 321 14 97 | E-mail: geral@apj.com.pt

35 Anos

A fazer clínica Osteopática em Portugal

TEM DORES

Na Coluna Vertebral, Joelhos, Musculares ou DORES em outras articulações?

TRATE-SE PELA OSTEOPATIA A nossa experiência de mais de 35 anos de Clínica Osteopática tem resolvido inúmeros casos clínicos e também poderemos solucionar o seu problema!

1.º CONSULTA e TRATAMENTO GRÁTIS AS SEGUINTES 25 EUROS Faça a sua marcação das 14h às 19h00 Tratamento Personalizado Qualidade, Rigor e Experiência

Tel. 91 189 92 54 E-mail centro.drborgesdesousa@hotmail.com O QUE É A OSTEOPATIA? É uma terapia manual com diagnostico e tratamento diferente de qualquer outra terapia para avaliar as alterações de mobilidade das articulações e dos tecidos, com ou sem dores, que são responsáveis pelas manifestações de doenças

Centro Osteopático Dr. Borges de Sousa Morada: Av. do Conde n.º 5823 – Loja 4465-093 São Mamede de Infesta


www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

Horizontais: 1. Região mamal. Escarnecer. 2. Indica lugar,

Palavras cruzadas

tempo, modo, causa, fim e outras relações (prep.). Auroque. Refeição tomada à noite e que é a última do dia. 3. Claridade que o Sol envia à Terra. Relativo aos campos cultivados. 4. Talento. Recitar. Letra grega correspondente a p. 5. Labutar. Cólera. 6. Medida para secos correspondente ao alqueire. Cobertura para a cabeça, sem abas, e quase sempre com pala. 7. Incógnita. Porção determinada. 8. Avançava. Nome próprio masculino. Gostar muito de. 9. Amarelo-avermelhado. Membro guarnecido de penas que serve às aves para voar. 10. Voz imitativa do sino, do choque de moedas, etc.. Ovário dos peixes. Forma antiga de mim. 11. Ter tonturas. Calcular.

A febre das raspadinhas Não tenho nada contra quem quer tentar a sorte através das raspadinhas, mas quando isso se torna um vício tresloucado que se sobrepõe e impede outras necessidades básicas é caso preocupante. A febre das raspadinhas é uma doença provocada por um vírus compulsivo, que provoca alucinações sobre enriquecimento fácil e pés de meia que não são mais nada do que acelerar o esvaziamento do depauperado bolso dos portugueses. Gaspar e raspar, duas realidades atuais que nos empobrecem com a ilusão de que tudo vai mudar para melhor. EMANUEL CAETANO, ERMESINDE

O que veste a Angelica Ardasheva? “Estou com um top da Three Floor, sapatos Stefanel, mala Reed Krakoff e casaco e jeans da ASOS.” Que item de vestuário vestiria para o resto da vida? “Adoraria poder usar vestidos a toda a hora.” GIIA

PUB

As cartas dos leitores devem ser enviadas para Metro/Arruamento D à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA, ou por e-mail para: leitores@metroportugal.com. As opiniões desta página não vinculam as do METRO nem traduzem a opinião do jornal. O METRO reserva-se o direito de editar as cartas que não devem exceder os 400 caracteres..

Verticais: 1. Peça de qualquer aparelho a que o pé imprime movimento. Designação genérica das rochas de textura foliada ou laminar, como a ardósia. 2. Título dos descendentes de Mafoma. Espécie de albufeira. Medida itinerária chinesa. 3. Colecção de cartas geográficas. Gracejar. 4. A tua pessoa. Aqui está. Rima. 5. Além disso. Contr. da prep. de com o adv. aqui. 6. Ourela. Grito prolongado e lamentoso do cão. 7. Palavra. Célula que resulta da fecundação dos gâmetas. 8. Esvaziar. Base aérea portuguesa. O espaço aéreo. 9. Vesícula que contém a bílis. Certo benefício de que gozam as comunidades indianas. 10. Lamento. O vencimento diário de um soldado (ant.). Dificuldade em respirar que surge por acessos irregulares. 11. Pilhagem. Atraiçoar.

Sudoku

•••••

Solução cruzadas

Horizontais: 1. Peito, Mofar. 2. Em, Uro, Ceia. 3. Dia, Arval. 4. Arte, Ler, Pi. 5. Lidar, Ira. 6. Rasa, Boné. 7. Xis, Quota. 8. Ia, Rui, Amar. 9. Ruivo, Asa. 10. Tlim, Ova, Mi. 11. Oirar, Orçar.

Correio do leitor

Verticais: 1. Pedal, Xisto. 2. Emir, Ria, Li. 3. Atlas, Rir. 4. Tu, Eis, Ruma. 5. Ora, Daqui. 6. Orla, Uivo. 7. Verbo, Ovo. 8. Ocar, Ota, Ar. 9. Fel, Inama. 10. Ai, Pré, Asma. 11. Razia, Trair.

Street Fashion Milão

LAZER | 13

Solução sudoku


3 SPORT

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

Europa anda à caça... dos predadores Futebol. Procura-se homem de área! Muitos clubes querem reforçar o seu ataque e o Barcelona até já o fez. Chelsea, Real Madrid, entre outros, têm alvos definidos. O Barcelona foi o mais célere a resolver “os seus problemas”, contratando o brasileiro Neymar, por 57M€. O novo milionário Monaco também assegurou Falcao, por 50M€. Já Bayern, Real Madrid, Chelsea, Tottenham ou Fiorentina têm alvos identificados e andam a ver se conseguem o melhor negócio. O Bayern quer o polaco Lewandowski, mas o rival do Borussia de Dortmund não o quer deixar sair e até triplicou o seu salário – ficou a auferir 4,5M€/ano. Também Man. United e Chelsea estão de olho no avançado, de 24 anos, que tem contrato com o Dortmund até 2014. Se Lewandowski fosse para os bávaros – onde já está Mandzukic –, o polaco substituiria o alemão Mario Gómez, que, segundo o jornal Bild, está a caminho da Fiorentina.

Mano Menezes

“O trabalho na seleção brasileira quase me levou ao FC Porto. Deu-me um reconhecimento internacional maior, mas faltaram detalhes” Palavras do técnico e ex-selecionador brasileiro ao programa Bola da Vez, da ESPN. GETTY IMAGES

14

UEFA

Mario Gómez pode ir para a Fiorentina. O empresário não confirma, avançando só que Gomez “vai para onde sentir que é a primeira opção”. A “Juve” também está de olho no atleta do Bayern. © GETTY

Já Cavani é disputado por Real Madrid e Chelsea, avança La Gazzetta dello Sport – a cláusula de rescisão do uruguaio no Nápoles é de 63M€. E Luis Suárez, companheiro de ataque de Cavani no Uruguai, está de saída do Liverpool: o Real Madrid deve ser o seu destino.

De saída do Real está Higuaín, apontado ao Arsenal e à Juventus, que também aposta em Tévez. Da “Juve” deve sair o avançado italiano Matri para o AC Milan. Por fim, o Tottenham de Villas-Boas tem vários alvos, entre eles, o brasileiro LeanL.C. dro Damião e o belga Benteke.

Futebol

Málaga fora da Europa

Sub-20 já tem eleitos

O Málaga foi proibido de participar nas competições europeias da próxima temporada, por não cumprir o fair-play financeiro. O clube espanhol tinha recorrido da decisão da UEFA, mas o Tribunal Arbitral de Desporto confirmou o veredito do organismo que supervisiona o futebol europeu. O fair-play financeiro é um conjunto de regras financeiras para controlar as contas dos clubes.

O selecionador Edgar Borges já anunciou os convocados de Portugal para o Mundial de sub-20, que vai decorrer na Turquia, entre 21 de junho e 13 de julho. Destaque para as presenças dos sportinguistas Tiago Ilori, Ricardo Esgaio, João Mário e Bruma; dos benfiquistas João Cancelo e André Gomes; dos portistas Tiago Ferreira e Gonçalo Paciência; e de Edgar Ié e Agostinho Cá, do Barcelona.

Futebol

Costinha é o novo treinador do P. Ferreira Costinha é o novo treinador do P. Ferreira. O técnico, que orientou o Beira-Mar no final da época passada, vai substituir Paulo Fonseca, treinador do FC Porto. Costinha terá como adjunto Maniche.

Andebol. Campeão mundial no caminho Portugal defronta hoje, às 21h30, no Multiusos de Guimarães, a campeã do mundo Espanha na qualificação para o Europeu de 2014. O jogo da Seleção Nacional, que tenta apurar-se para o Europeu, será transmitido na Bola TV e na Andebol TV. No dia 16, Portugal defronta, fora, a Macedónia.

Triatlo. Elite lusa em terras turcas Bruno Pais, Hugo Ventura, João Pereira e Miguel Arraiolos vão disputar o Campeonato da Europa de triatlo no escalão de elite, de 14 a 16 de junho, em Alanya, Turquia, anunciou ontem a Federação de Triatlo de Portugal. Pedro Basílio é o único representante nacional na competição de paratriatlo.


PUB


www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013

Greve de dia 17 sem serviços mínimos Professores. Segunda-feira é dia de exame nacional e de greve de docentes. Mas não serão decretados serviços mínimos que assegurem a prova. O colégio arbitral nomeado para decidir sobre a determinação de serviços mínimos na greve dos professores do dia 17 decidiu que não há lugar à sua decretação, avançou ontem a Federação Nacional de Educação (FNE). Sem serviços mínimos, o Ministério da Educação poderá ter de adiar o exame para outra data, de forma a que a prova decorra dentro da normalidade. O acórdão sugere uma data dentro da 1.ª fase dos exames nacionais do secundário, por exemplo, o dia 20 de junho. Segundo o colégio, a greve, pese embora coincidente com o 1.º dia de exa-

“Vitória sindical” Para o secretário-geral da Federação Nacional de Educação, João Dias da Silva, a não fixação de serviços mínimos para a greve dos professores “é uma vitória sindical”.

16 Economia

Afinal há voos para França

www.mashable.com

A TAP anunciou que “ficaram sem efeito” os cancelamentos de voos de e para França amanhã, depois de os controladores aéreos franceses terem desconvocado o terceiro dia de greve.

“Acha que já parou de evoluir? Então pense de novo. O artista visual de Pittsburgh, Nickolay Lamm, trabalhou num programa de genética informática para ilustrar a evolução humana nos próximos 100 mil anos. Contudo, muitas dessas ideias não assentam em evolução, mas antes em engenharia e tecnologia aplicada aos genomas.”

Culto

Oprah, a mecenas A apresentadora e produtora de televisão norte-americana Oprah Winfrey anunciou ter doado nove milhões de euros para o novo Museu de História e Cultura Afro-americana, ainda em construção.

Sport mes finais nacionais do ensino secundário, “não afeta de modo grave e irremediável o direito ao ensino na sua vertente de realização dos exames finais nacionais, não se estando por isso perante a violação de uma necessidade social impreterível”.

blog do fecho

Bolsa

O dia a dia dos mercados Petróleo

Euribor 6m Psi-20

$102,24 (-1,65%)

0,315 (+0,003%)

Sulejmani oficializado O Benfica oficializou ontem o sérvio Sulejmani, ex-jogador do Ajax. O avançado, 24 anos, vinculou-se aos encarnados até 2018, após ter passado nos exames médicos, podia ler-se num comunicado do clube.

5.777,29 (-1,81%)

Euro para: Dólar 1,3303; Libra 0,8508; Real 2,8416

Golfistas não foram poupados nos autógrafos no US Open Um adepto de golfe exibe uma tarja autografada por vários golfistas durante os treinos da 113.ª edição do US Open, que decorre no Merion Golf Club, em Ardmore, Pensilvânia, EUA, até 16 de junho. Tiger Woods, o número um do mundo, continua – por isso mesmo – a ser um dos grandes favoritos à vitória no torneio – um dos quatro major. Mas o norte-americano há cinco anos que falha nestas provas... GETTY IMAGES


20130612_pt_lisbon