Page 1

PUB

GRANDE PORTO sexta-feira 20 Abril 2012 ano 6, nº 1646 Hoje 11° | 15°

Amanhã 13° | 15°

www.readmetro.com Director: Diogo Torgal Ferreira

TIANJIN QUER SER A MAIOR ECOCIDADE DO MUNDO {pág. 2}

Cocó = energia O nosso futuro pode passar por aqui {pág. 3} Portugal, uma nação cheia de energias... renováveis {pág. 5}

CELEBRAR O NOSSO PLANETA No domingo, dia 22 de abril, celebra-se mais um Dia da Terra Como não podia deixar de ser, e mantendo a tradição, não quisemos passar ao lado da data

Leões à frente na eliminatória Sporting deu a volta e bateu Athletic por 2-1 {pág. 14}

Carla H. Quevedo Sobre os custos económicos da sinistralidade rodoviária {pág. 6} PUB


02

dia da terra FOTOS: JORDAN POUILLE

CHINA APOSTA NO VERDE Cidade chinesa de Tianjin pretende tornar-se na maior ecocidade do mundo Tianjin quer receber milhares Problema: falta de residentes pode fazer frustrar o projeto JORDAN POUILLE METRO WORLD NEWS

É necessária muita imaginação para acreditar ser aqui que o futuro urbano da China está a ser preparado. Em terras salinas, entre uma zona industrial sombria e um mar poluído. Mas é verdade. A primeira cidade chinesa construída com propósitos ecoamigáveis está a ser crescer a partir do zero cerca de 150 km a leste de Pequim. Espera-se que, em 2020, 30 kms quadrados alberguem 350.000 chineses ecoconscientes. Até que ponto Tianjin é especial? Certamente que não se revela tão revolucio-

“O nosso maior objetivo é produzir 20% de eletricidade através de energia renovável, a par dos objetivos europeus para 2020”, diz-nos Yan Xu, manager da comunidade ecocidade

Ecologia: um longo caminho

Bem-vindos à ecocidade

Parque eólico – fonte de energia renovável em Tianjin

Ecocidade Tianjin vai receber 350.000 residentes em 2020. O governo local assinou um contrato com o de Singapura e empresas ocidentais para garantir as melhores tecnologias verdes. Todos os anos a China constrói 20 novas vilas e cidades.

nária como a propaganda local reclama, mas os esforços são significativos. Por aqui já não haverá edifícios de escritórios feitos de vidro como aqueles que se veem ao longo da China e cujo consumo de energia é, geralmente, colossal. Todos os edifícios de Tianjin apresentam janelas mais pequenas com paredes grossas de modo a manter o calor no interior.

Campo de painéis solares

Também há o fim de reduzir a distância de condução entre casa e escritório e atrair negócios neutros em emissão de carbono. Foi para lá que se mudou a maior empresa de animação da China, que vende desenhos animados de kung fu para o Médio Oriente, Indonésia, Irão e Portugal. Os folhetos sobre a ecocidade descrevem aparta-

Apartamentos completamente mobilados em Tianjin

mentos “com as melhores máquinas de lavar, casas de banho e chuveiros ao nível da poupança”. Devido ao grande investimento no tratamento da água poluída, o preço da mesma duplicou na área durante o ano passado. Por isso os residentes vão fazer os possíveis para não desperdiçar uma gota que seja. “O nosso objetivo principal é produzir 20% de ele-

tricidade através de energia renovável, a par dos objetivos europeus para 2020”, diz Yan Xu, uma das “managers da comunidade ecocidade”. Mas o sucesso de Tianjin está ainda por provar. “Só vendemos seis apartamentos no mês passado. Moinhos de vento poderosos ou painéis solares não vão atrair os chineses. É preciso conforto e acessibilidade”,

Dongtan, na ilha de Chongming, perto de Xangai, foi em tempos apresentado no projeto chinês da ecocidade. Era suposto que ali fosse produzida energia própria, baseando-se apenas em agricultura orgânica. Mas apesar do ruído, nada aconteceu. Dongtan é agora lembrada como a “obra-prima de ecobranqueamento”. O mesmo sucedeu em Tangshan. O celebrado projeto de ecocidade foi anunciado em 2008, mas não atraiu investidores. Nem arrancou. JORDAN POULLIE diz Hailong, um agente imobiliário local. A equipa deste jovem vende apartamentos totalmente equipados entre 8.000 yuan (€959) e 10.000 yuan (€1.203). Ao todo, 6.500 apartamentos serão concluídos este verão, mas as metas de vendas não serão cumpridas. “Culpamos a regulamentação nacional, que refreia a especulação e esfria o mercado.”


03

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

Fazer do cocó energia Esgotos – é uma forma nova, inesgotável, de energia Cada vez mais empresas usam energia dos esgotos para tratar a água Índia, China e África estão a liderar a transformação dos dejetos humanos em energia FOTOS: NICK CUNARD/METRO WORLD NEWS

ELISABETH BRAW METRO WORLD NEWS

Como funciona

Em Didcot, a 80kms de Londres, uma central de energia de aspeto normal aquece duzentas casas – com excrementos humanos. ‘Energia do cocó’ é criada através dos esgotos. “O esgoto chega às nossas estações de tratamento e é preciso energia para o tratar”, explica Rupert Kruger, diretor de inovação da Thames Water, que gere a fábrica. “A novi-

Esgoto – tudo o que

1vá cano abaixo nas pias, sanitas e chuveiros vai parar a uma ‘fábrica de cocó’. Sólidos e líquidos

2são separados. Os sólidos,

3principalmente lodo, criam metano e hidrogénio, que é transformado em energia. A energia é usada da mesma forma que as outras fontes de energia.

“O esgoto não tem tanta energia como o petróleo, mas produzimos tanto que é uma boa fonte de energia” ELIZABETH HEIDRICH,

Também podem criar

4combustível para veícuA energia barata não cheira mal. Esta grande piscina de cocó em Didcot produz energia suficiente para duzentas casas

los, químicos e fertilizantes. O lodo do esgoto também pode ser seco em blocos, que funcionam da mesma forma que toros.

BIÓLOGA NA UNIVERSIDADE DE NEWCASTLE

dade é que usamos o esgoto para criar energia. Agora temos dez centrais que geram energia dos esgotos: o suficiente para 15 lares.” Bem-vindo ao novo mundo da energia, onde o chichi e o cocó substituem o petróleo e o carvão. A energia é gerada quando as bactérias desfazem a matéria orgânica na água. “O esgoto tem mais energia do que o pensado”, diz Eliza-

Os líquidos são limpos

beth Heidrich, bióloga na Universidade de Newcastle. “Não tem tanta energia como o petróleo, mas produzimos tanto que é uma boa fonte energética.” Os humanos têm de ir sempre à casa de banho, o que torna o esgoto fonte de energia inesgotável. Cada vez mais empresas usam a energia do esgoto no tratamento da água, o que representa 2% do consumo.

Inesperadamente, é o mundo em desenvolvimento que marca o ritmo. “O Ocidente insiste em retirar os contaminantes do desperdício humano”, diz Kartik Chandran, professor na Universidade de Columbia. “Isso é estúpido; os contaminantes ajudam a transformar o esgoto em energia. O resultado é que Índia, China e África lideram [nesta tecnologia]”.

Energia diretamente da sanita Em breve, os lares vão ser capazes de gerar energia – na própria casa de banho. Michael Hoffmann, professor na Cal. Tech, financiada pela Fundação Gates, in-

ventou o sanitário que desfaz de imediato os dejetos. A casa de banho portátil, desenhada para os países onde os excrementos geram doenças – transforma de imediato os dejetos humanos em energia para a casa. E a casa de banho em si não consome energia. É alimentada pelo sol.

5para reutilizar na descarga, para água não potável ou para irrigação.

PUB


04

dia da terra

A agricultura urbana é uma tendência crescente para cidadãos famintos por uma maior ecoconsciência Há um lugar em Londres que se orgulha de ser “a primeira exploração agrícola dentro de uma loja” O metro visitou este novo ponto de encontro de “hispters” e saboreou o resultado da experiência

“Hipsters” apostam na agricultura... caseira FOTOS: ANTHONY JOHNSTON/MWN

ANTHONY JOHNSTON METRO WORLD NEWS

Tem sido chamada de “primeira quinta no mundo dentro de uma loja” mas, lá dentro, ninguém ouve porcos a grunhir ou o ruído de máquinas a trabalhar. Não, a Farm: Shop está muito longe disso. O café agrícola perfeitamente funcional, cuja produção cresce a 100% dentro dos limites de uma casa vitoriana, está localizada entre a poluição urbana e a expansão do bairro londrino de Dalston. Aqui estamos longe da Inglaterra bucólica, mas se pedir uma salada ao balcão ficará contente por descobrir que tomate e alface foram cultivados numa sala adjacente – são produtos frescos, locais. Falamos de agricultura urbana, uma nova ideia que consiste em produzir alimentos no interior da cidade e que tem sido estimulada pela procura ecoconsciente dos “hipsters” em prol da produção local. “Temos visto um grande crescimento na agricultura urbana. Nos EUA e Canadá, as leis de zoneamento estão a ser alteradas para permitir a agricultura em áreas residenciais”, diz Nevin Cohen, professor assistente de Estudos Ambientais da New School em Nova Iorque e especialista em agricultura urbana. Fundada pelo escultor Andrew Merritt e pelo engenheiro Paul Smyth, há dois anos, a Farm: Shop é uma fazenda que deseja demonstrar ser possível cultivar alimentos na cidade. É uma ideia inovadora que rendeu a vitória numa prova local de renovação de edifícios abandonados e valeu um ano de aluguer sem custos. Num ambiente experimental, o local assemelha-se a um laboratório.

Fábrica de alfaces num café: demora cerca de sete semanas desde o cultivo até ao crescimento da alface

Quinta urbana

Crítica

E AGORA VENHA O TESTE DO PALADAR Sim, isto é um galinheiro no terraço de um edifício

“Isto surge da necessidade económica. É uma alternativa ao sistema alimentar industrial” NEVIN COHEN

A mesa onde a clientela se senta é dominada por tanques cheios de peixe e camas de alface sob luzes fluorescentes. O peixe e a alface fazem parte de um sistema de aquaponia, método em que peixe e plantas partilham nutrientes.

No edifício há quartos cheios de tomates e plantas de malaguetas. Mas a parte mais intrigante é a existência de um galinheiro no terraço. As galinhas correm por ali enquanto, na rua, há autocarros de dois andares a fazer barulho. Pode não ser livre, mas pelo menos sabemos exatamente de onde vêm os ovos que comemos. A Farm: Shop pode ser um protótipo de algo comum no futuro: um local para fazer crescer vegetais sem depender do campo.

Não podia deixar a Farm: Shop sem provar alguns dos seus produtos. Equipado com uma tesoura de escritório, corto o que acho que se parece com a folha de alface mais apetitosa. Estão a crescer ali há sete semanas e encontram-se boas para consumo. Depois de cortar um punhado de folhas de alface, entreguei-as ao Kristen para a minha refeição – alface, pão e algum azeite, “uma sanduíche de alface”. Faminto como estava, ataquei a sanduíche sem demora. Não houve momento algum para pensar na água de

Construa o seu próprio sistema de aquaponia Tanque de peixes | Fábrica de tanques de água Bed Água misturada com

1resíduos dos tanques Comida caseira

de peixes é escorrida num canteiro. Os resíduos de amoníaco dos peixes são convertidos por bactérias naturais em nutrientes e depois absorvidos pelas plantas. A água filtrada regressa

2limpa, oxigenada e nu-

tritiva ao tanque de peixes. Resíduos de água e pei-

tanques de peixe que a planta absorveu. Veredito: tão saboroso como a alface “normal” pode ser. Mas, para ser honesto, saber como a comida é produzida aqui (as fezes dos peixes...) não é algo AJ que te faça salivar.

3xes regressam depois ao tanque. O ciclo repete-se.


www.readmetro.com

05

SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

RICARDO MARCELINO

Energia a partir de casa Portugal recebe mais de metade da eletricidade a partir de energias renováveis Mas descobrimos que os empresários nacionais também estão a vender essas energias a partir das próprias casas CÉLIA PEDROSO, MWN Os festivais de música de Lisboa ou o aeroporto do Porto têm um fornecimento de energia maioritariamente limpa. As contas de eletricidade também revelam que mais de metade do que os portugueses gastam em casa é produzido por fontes de energia renovável, como a eólica. O amor de Portugal pelas energias verdes está a ser conduzido por empresários como Bruno Caramelo, de 35 anos, que trabalha com equipamento hidráulico. Vive em Mafra com a sua família, a 40 km de Lisboa, numa casa de dois andares, onde foram colocados novos painéis fotovoltaicos no telhado. Está a produzir energia e a vendê-

50,2% da eletricidade portuguesa em 2010 foi produzida por energias renováveis -la à rede, após ter pago €15.000 pelo equipamento. “Espero recuperar o investimento e obter lucro dentro de sete anos”, diz olhando para o seu telhado. “Consigo produzir o dobro da energia que gasto, o que tem algum impacto financeiro e reduz a pegada de carbono.” Também tem um painel solar térmico para aquecer a água que foi eficiente neste inverno. “Só utilizei outra fonte de energia durante uma semana”, explica.

“Quando produzimos energia, tornamo-nos em melhores consumidores.” No dia em que o visitámos, produziu 22 kW. Diz que a média é de cerca de 20 kW no inverno e de 30 kW no verão. Isso significa que pode vender até quase €400 por mês. Tal como ele, muitas pessoas começaram a vender energia à rede após o início do programa de microgeração, em 2008. “Este sistema não desperdiça energia em transportes, uma vez que é consumido localmente pelos vizinhos.” Portugal tem uma das maiores percentagens de produção de energias renováveis na União Europeia. O programa de ener-

gias renováveis começou em 2005 e desenvolveu-se rapidamente. Contudo, provocou controvérsia devido ao seu elevado custo ao consumidor que paga agora mais pela eletricidade do que a maioria dos europeus. Ao mesmo tempo, o acordo assinado em 2011 com a UE, BCE e FMI para o resgate do País limita os subsídios. Estão a ser planeadas novas regras. “O preço que recebo enquanto produtor ainda é favorável, mas a perda de incentivos do Governo vai afastar gente. Enquanto consumidor, sei que pagamos muito, mas também devemos pensar no petróleo que não estamos a utilizar”, sustenta.

Bruno Caramelo espera que o seu investimento de €15.000 compense daqui a sete anos

“Melhorar a eficiência energética” Portugal é um bom exemplo de produção de energias renováveis, mas ainda pode melhorar. “O programa de micro-geração perdeu benefícios fiscais e o Governo parou de apoiar as instalações de painéis fotovoltaicos. A eficiência energética também preci-

sa de melhorar. Tudo isto é necessário para alcançar a meta da UE de melhorar a eficiência energética em 20% até 2020”, diz Ana Rita Antunes, perita do grupo ambiental Quercus. “Estamos sujeitos à variação do clima na utilização de produção de electricidade a partir de fontes renováveis. Estes factos foram cruciais em 2011, quando o peso das energias renováveis caiu em contraste com 2010”, salienta.

PUB


www.readmetro.com

06

SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

1 jornal

Não perca hoje!

CINEMA “LAND AND FREEDOM” Cinemateca, 15h30 Bilhetes €1,10-€2,20 Inserido no ciclo “Matinés da Cinemateca/Cineastas do Nosso Tempo”, a instituição de Barata Salgueiro faz a projeção de um filme fulcral na obra cinematográfica do britânico Ken Loach, um cineasta-chave da 7ª arte europeia.

metro online

Veja o trailer do remake de “Total Recall – Desafio Total”, com Colin Farrell como estrela.

Dor de cabeça www.facebook.com/ nmemagazine “O homem misterioso que foi visto de mãos dadas com Katy [Perry] em Coachella é o guitarrista dos Florence and the Machine, Robert Ackroyd. O casal foi visto no meio do público enquanto Rihanna tocava com Calvin Harris e, mais tarde, via o concerto dos Radiohead.”

CARLA H. QUEVEDO BOMBA-INTELIGENTE. BLOGS.SAPO.PT

ACIDENTES DE VIAÇÃO m estudo realizado por dois investigadores da Universidade Autónoma de Lisboa, Arlindo Donário e Ricardo Santos, a pedido da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, sobre os custos médios dos acidentes de viação revelou um valor muitíssimo elevado. A despesa com os acidentes de viação, de 1996 a 2010, terá sido, em média, de 2.500 milhões de euros por ano. O valor foi calculado tendo em conta “a perda de produção dos mortos e feridos, que representou 40%, os danos nos veículos, intervenção direta de entidades fiscalizadoras e honorários pagos a advogados, além dos custos hospitalares, de transportes, de peritagens, com seguros, custas judiciais, funcionamento dos tribunais e com a segurança ou prevenção rodoviária”. Segundo o Jornal de Notícias, o estudo refere que houve uma diminuição de acidentes rodoviários graças à construção das autoestradas. As cobranças relativas a infrações do Código da Estrada aumentaram

U

por causa dos valores elevados das multas e porque o pagamento após a infração passou a ser obrigatório. A investigação conclui que a despesa com feridos ligeiros aumentou de 30 para 61% em 14 anos. No mesmo espaço de tempo, os custos com os feridos graves baixaram de 30 para 14%. É bom sabermos que

www.facebook.com/ Gigwise “Rihanna chocou os seus fãs (outra vez) depois de ter sido vista com um misterioso pó branco em Coachella. As imagens apareceram no Twitter, com Rihanna às cavalitas de um homem.”

www.facebook.com/ hollyscoop “Agora que já estão noivos, Brad Pitt e Angelina Jolie já começaram as celebrações. O casal alugou um avião e foi para as Galápagos onde se vão divertir que nem reis com a família completa.”

Venha escrever connosco, entre em facebook.com/metroportugal

Talvez o apelo ao vil metal consiga produzir mais efeitos. Mas é claro que a solução para acabar com isto é andar de autocarro e de metro correr riscos estúpidos na estrada custa muito dinheiro ao Estado e aos privados. As campanhas de prevenção de acidentes de viação não são eficazes, porque os cidadãos parecem não entender que o ato de conduzir implica assumir uma responsabilidade pela sua vida e pela dos outros. Talvez o apelo ao vil metal consiga produzir mais efeitos. Mas é claro que a solução para acabar com o risco e baixar a despesa é andarmos de autocarro e de metro.

@rihanna “[As pessoas] #Peixes muitas vezes são artistas e, devido à sua sensibilidade acentuada, têm tendência a refugiarem-se do mundo à sua volta para se protegerem.”

http://mediadecoder. blogs.nytimes.com/ “Reações à morte de Dick Clark, um ícone da Noite de Fim de Ano.”

Ver para crer

Boa notícia do dia

Quer ajudar a Terra: este é o momento O Dia da Terra, que se celebra já no próximo domingo, dia 22, é uma extraordinária oportunidade para dar largas ao ecologista e ambientalista que há em si, ajudando organizações e caridades “verdes”, seja com donativos, seja com divulgação de causas que mereçam a sua atenção. Para ter um exemplo, este ano a CrowdRise, a organização ambientalista criada pelo ator norte-americano Edward Norton, espera que um pouco de competição faça a

diferença. Assim, a sua instituição, em parceria com o site Groupon, está a oferecer 50 mil dólares às três organizações ambientais que consigam angariar mais dinheiro online a propósito do Dia da Terra. Organizações “verdes” internacionais como a Conservation International ou a Global Green, entre outras, já estão na corrida pelo prémio. Veja a lista completa de “pretendentes” ao grande prémio no site http://www.crowdrise.com/EarthDay2012.

WARREN LITTLE/GETTY IMAGES

Os Lucky Lukes de carne osso Em Londres, em jeito de ensaio geral para aos Jogos Olímpicos a decorrer este verão, realiza-se por estes dias o Campeonato do Mundo de Tiro, prova que põe frente a frente os melhores na arte de fazer pontaria e disparar.

Metro Portugal Arruamento D à Rua José Maria Nicolau, nº3 1549-023 LISBOA - PORTUGAL

www.facebook.com/metroportugal

METRO Portugal Título licenciado a Transjornal – Edição de Publicações, SA pertencente à Propriedade Metro International, SA, Editora: Transjornal – Edição de Publicações, SA., Capital Social: €4.048.845,00, Contribuinte: 505338602, registada na C.R.C de Cascais nº 505338602, Principal acionista: Metro News – Publicações, S.A (100%) CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Francisco Pinto Barbosa, Luís Santana, Pedro Araújo e Sá, Gonçalo Sousa Uva e António Zilhão. Depósito Legal: 220825/04, ERC nº 124635, Periodicidade: Diária, Distribuição: Gratuita, Impressão: Sogapal- Sociedade Gráfica de Paiã, Lda., Av. dos Cavaleiros, 35-35ª, Portela da Ajuda, 2795-625 Carnaxide DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL Ricardo Branco Coordenadoras Agências Ana Silveira e Joana Santana Agências Adriana Macedo, Margarida Rego, Paula Tavares, Raquel Pinto, Daniel Barata; Diretos Luís Filipe (coordenador), Eva Oliveira, Filomena Mestre, João Rodrigues, Luís Farinha, Ricardo Afonso, Sónia Andrade; Planeamento Maria da Luz Veiga Tel.: 21 049 40 00 Fax: 21 049 31 34 Porto Coordenador Comercial: Tiago Medeiros; Diretos: Vitor Machado; Agências: Ivone Pinheiro; Tel.: 22 532 23 10 Fax: 22 532 23 99 E-mail: publicidade@metroportugal.com Design gráfico Rui Gonçalves, Joana Túlio Diretor de Marketing Luís Rebola Gestor de Produto João Aleixo Passatempos Ana Barbado, Marta Tavares (passatempos@metroportugal.com) Chefe de Distribuição José Magalhães Distribuição António Caldeira, Hugo Castanheira (assistente), Orlando Lopes (Porto) | DIRETOR Diogo Torgal Ferreira Editor Executivo Magalhães Afonso Coordenador Bruno Martins Redação Luís Carmo, Patrícia Tadeia, Rui Alexandre Coelho, Raquel Madureira (Porto), Simon Pereira (estagiário) Editora gráfica Sónia Santos Gráfica Filipa Rosa Fotografia Laura Haanpää Assistente Ana Rodrigues Revisão Catarina Poderoso.


www.readmetro.com

notícias

07

SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

LUÍS ANICETO

Nacional

Matta retira candidatura

embora reconheça que o risco é maior na costa alentejana e no Algarve.

Grande Porto

CPLP impediu politização

Considerações “insólitas”

dispositivos eletrónicos em caixas de multibanco, tendo em vista a obtenção de dados de cartões” para “posterior inserção em cartões e levantamentos fraudulentos em Portugal e na Rússia”.

MIGRAÇÃO. O ex-ministro TRIBUNAL. Paulo Sarago-

ça da Matta retirou ontem a sua candidatura a juiz do Tribunal Constitucional, que tinha sido proposta pelo PSD. “Por razões de ordem pessoal acabei de manifestar ao Parlamento a minha indisponibilidade para manter a minha candidatura”, disse o jurista. O PSD indicou já depois disso a jurista Maria José Rangel Mesquita como candidata substituta.

dos Negócios Estrangeiros, Luís Amado, aplaudiu ontem a “responsabilidade” dos políticos portugueses por nunca terem usado a imigração como arma política, devido em parte, disse, à criação da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Universitários deprimidos SAÚDE. Um estudo que

Riscos em toda a costa TSUNAMI. O antigo reitor da Universidade de Coimbra Fernando Rebelo defendeu ontem que toda a costa nacional está sujeita ao risco de tsunami, e não apenas a sul de Peniche, como consta no Mapa Oficial de Riscos,

Planisfério

Heroína medicinal UE. Um número crescente

de países europeus está a experimentar programas em que viciados em heroína são tratados com uma versão medicinal da droga, uma terapia que já provou ter eficácia, segundo um relatório ontem divulgado. No relatório do Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência, analisam-se os resultados de programas em que viciados em opiáceos – nomeadamente heroína – para quem tratamentos com drogas de substituição tradicionais não funcionaram, podem beneficiar desta nova abordagem.

envolveu 300 estudantes da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro concluiu que 17,4% dos universitários tinha sintomatologia depressiva clinicamente significativa. A maioria dos inquiridos está deslocada da sua residência habitual e provêm de um meio urbano e vive em casa ou apartamento partilhado.

RIO TINTO. O presidente

Insatisfação de todos os pedidos leva à violência

Mais casos de agressão de menores aos pais DELINQUÊNCIA. Uma

docente de criminologia reportou casos de menores que “não sabem lidar com a frustração” e agridem os pais porque estes deixaram de lhes satisfazer todos os pedidos devido às dificuldades financeiras. “Começa a acontecer um cenário que não era muito comum, de filhos que batem nos pais, não como resultados de processos de vitimação ligados a negligência e a famílias desestruturadas, mas porque não sabem li-

Anders Breivik Atentados queria mais matam 35 NORUEGA. Além do duplo ataque que levou a cabo em julho de 2011, na Noruega, vitimando 77 pessoas, Anders Breivik anunciou ontem que o plano inicial era efetuar outros dois. Ao quarto dia de julgamento, Breivik já não fez a saudação nazi, seguindo um conselho do seu advogado, e explicou que, antes do tiroteio, pretendia fazer explodir três bombas e não uma.

Mulheres românticas ROMANTISMO. Um estudo publicado pelo jornal Scientific Reports sugere que as mulheres ligam mais aos parceiros do que a outra pessoa qualquer. Revela ainda que os homens ligam mais às parceiras nos primeiros sete anos da relação, sendo que depois ligam mais aos amigos.

IRAQUE. Uma série de ataques coordenados fizeram ontem 35 mortos e dezenas de feridos no Iraque. Foi o dia mais violento no país desde 20 de março, quando a rede terrorista Al-Qaeda organizou vários ataques que provocaram 50 mortos e 225 feridos. As autoridades contabilizaram, ao todo, 14 carros bomba e outros aparelhos com explosivos.

dar com a frustração”, disse a docente de criminologia Vera Mónica Duarte à agência Lusa. Situações destas ocorrem no seio de famílias “que há poucos anos estavam numa situação de estabilidade e que, neste momento, não podem dar aos seus filhos aquilo que durante muito tempo puderam”, explicou a docente, que coordena o seminário “Delinquência juvenil, explicações e implicações”, de hoje no Instituto Superior da Maia.

Trocos

75% dos pobres não tem conta BANCO MUNDIAL. Três

quartos dos pobres de todo o mundo não têm conta bancária. Isto deve-se, não só à pobreza, mas também ao custo, à distância percorrida e à quantidade de papéis envolvidos na abertura de uma conta, de acordo com um relatório do Banco Mundial. O estudo, de 2011, envolveu 150.000 pessoas de 148 países concluiu que mais de 75% dos adultos que ganham menos de 2 dólares (€1,5) por dia não utilizam uma instituição financeira formal. Em todo o mundo, 22% declararam ter poupado dinheiro numa instituição financeira formal.

da Junta de Freguesia de Rio Tinto classifica de “insólitas” as considerações de uma juíza de Gondomar, que o acusou de depor em tribunal para obter “vantagem eleitoral” num processo relacionado com inundações na localidade. Marco Martins foi testemunha de um processo que um conterrâneo intentou contra a Metro do Porto, construtor da linha de Fânzeres e a seguradora da obra.

Clonavam cartões

Confrontos com a polícia FONTINHA. A Câmara do

Porto diz que estava disponível para permitir a ocupação da Es.Col.A até ao fim de junho, desde que fosse formalizado um contrato de cedência e o pagamento de uma renda de €30. Pelo menos duas pessoas foram ontem levadas para a esquadra e verificaram-se confrontos entre a polícia e elementos do movimento, alvo de despejo coercivo.

DETENÇÃO. A PJ deteve

três homens suspeitos de crimes de contrafacção de cartões bancários e burla informática no Norte do País “O modo de atuação passava pela colocação de

Sustentação em dúvida CRISE. Oito dos maiores institutos de economia alemães consideram “muito duvidoso” que Portugal e Grécia sustentem as suas dívidas públicas. Já a sustentabilidade das dívidas da Espanha, Irlanda e Itália só poderá ter êxito “se todas as reformas estruturais e medidas de consolidação orçamental anunciadas forem implementadas”.

Reformas são “muito boas” ESPANHA. A directora-geral do Fundo Monetário Internacional declarou ontem que Espanha “está a levar muito a sério a situação” do setor financeiro, tendo considerado que as medidas do governo espanhol para o sanear são “muito boas”.

Makro anunciou ontem, em Lisboa, um plano de reestruturação que se vai traduzir numa redução de 328 postos de trabalho – 20% – até ao final do ano.

Benefícios de 594 M€ EASYJET. A aposta da

easyJet no aeroporto de Lisboa, onde a empresa inaugurou ontem a sua base, irá trazer “benefícios de 594 M€” ao País disse o ministro da Economia.

O dia-a-dia dos mercados Petróleo

Euribor 6m

$117.94 (-0.03%)

1,038 (-0,29%)

Psi-20

Makro corta 328 empregos DISTRIBUIÇÃO. A empresa

de distribuição grossista

5.177,12 (-0,22%)

Euro para: Dólar 1,313 Libra 0,818 Real 2,481


08

DR

2

Entrevista Metro

O dia de comprar um disco Treze lojas de música em Portugal aderiram à comemoração, amanhã, do “Record Store Day”, uma iniciativa que assinala em todo o mundo a existência de espaços independentes de venda de discos. A iniciativa foi lançada em 2007 nos EUA para promover a música independente. No Porto aderiram a Louie Louie, que também tem lojas em Braga e em Lisboa, e a CDgo que terá concertos grátis de We Trust, Blac Koyote ou Memória de Peixe.

weekend

O músico já tinha lançado alguns EP: este é o primeiro longa-duração que gravou, e com um grupo de amigos

Top/Flop

Ritz Club O mítico Ritz Club, em Lisboa, que esteve fechado durante 12 anos, reabre a 16 de maio, diz a Lusa. Além da sala de espetáculos terá mais dois espaços, cuja finalidade será revelada em breve.

O lisboeta Walter Benjamin lança, a partir de Londres, o belíssimo “The Imaginary Life Of Rosemary And Me” Amanhã toca em Lisboa

DE LONDRES, COM AMOR (POR LISBOA) Bob Dylan foi uma inspiração para estas histórias imaginadas. Mas apenas para a parte metodológica. Já há algum tempo que se ouve falar que este disco estava quase a sair...

Hologramas Depois de Tupac, no festival de Coachella, já se fala de outros artistas falecidos em palco: Notorious B.I.G, Jimi Hendrix ou Marvin Gaye. E aquela história do “rest in peace”?

(risos) Houve várias coisas que se meteram no meio. Uma foi que, quando o disco estava quase a ficar pronto, me apercebi que não era aquilo que queria. Talvez por uma questão de perfecionismo. Apresenta o disco como sendo de Walter Benjamin com os “The Most Wasted Friends”. Qual o significado e “Wasted”? “Bêbedos” ou “devastados emocionalmente”?

(risos) Não, foi uma piada que foi feita no Largo do Carmo, a beber café. A ideia do disco é ser do Walter Benjamin com uma banda. É um trabalho muito colaborativo, como se

fosse “Dylan and his band”... mas pensámos em algo mais disparatado. O Dylan foi uma influência grande para este trabalho.

Inspirei-me no Dylan, mas mais no sentido metodológico. Há um ano e meio dei muita atenção ao [disco] “Nashville Skyline”

“Gosto da ideia de cada um criar o imaginário próprio à volta das canções”

e marcou-me muito, pelas canções e também pelo processo de se chegar a um estúdio e simplesmente se gravar. Foi o que tentámos, mas fui ouvir o disco e não estava como queria. A ideia inicial era uma sonoridade muito mais despida, mas começámos a desenvolver as ideias e acabou por ficar uma sinfonia mais pop. Mora em Londres há três anos. Também o inspirou?

Creio que sim. Mas mais a distância Londres-Lisboa. É uma componente forte do disco. Aliás, o disco começa com pássaros gravados no Regent’s Canal, onde passo todos os dias. Marcou-me muito, porque pensei aí muito sobre o disco. Claro que há muitas Londres, mas o disco não me pareceu ter uma sonoridade muito urbana....

Ao vivo Amanhã Auditório Padre Carlos Alberto Guimarães, Lisboa (21h30); 27 de Abril Maus Hábitos, Porto (22h30)

Nunca tinha pensado nisso. “High Speed Love” pode ser um pouco mais urbano que outros... talvez! Mas sim, Londres tem várias caras. Gosto da ideia de cada um criar o imaginário próprio à volta das canções. E são histórias imaginadas, como o nome indica?

Acho que há uma mistura, a não ser que escrevesse um diário. Não é um disco sobre factos, mas a pensar sobre o futuro. É íntimo, mas não estou a tentar retratar as coisas que me BRUNO MARTINS acontecem.

Iniciativa começou nos EUA em 2007

Em Lisboa, a Flur irá lançar o álbum “Lisbon Bass”, uma compilação feita por D-Mars e Violet, e será palco de uma atuação do guitarrista Tó Trips que apresentará temas do novo álbum a solo, e uma pequena apresentação de bandas, entre elas as Pega Monstro. Fora de Portugal, o dia é assinalado com dezenas de edições discográficas especiais de artistas como Animal Collective, Arctic Monkeys, White Stripes, Janis Joplin, Gorillaz ou Lou AGÊNCIA LUSA Reed.

Em busca da Palma de Ouro David Cronenberg (ver caixa do Telex na página ao lado), Alan Resnais, Michael Haneke e Walter Salles são alguns dos realizadores que vão estar em competição pela Palma de Ouro que será entregue na 65.ª edição do Festival de Cinema de Cannes, entre 16 e 27 de maio. Os 21 nomeados foram ontem conhecidos e a atriz portuguesa Rita Blanco também estará presente, uma vez que participa no filme “Amour”, do austríaco Michael Haneke.


www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

DR

Especialista

A CANÇÃO DO BANDIDO

Sexta

PEDRO RAMOS RADIALISTA & ETC.

Ao segundo álbum enquanto Perfume Genius, o músico de Seattle, Mike Hadreas, limpa o seu som e arruma melhor as camadas sonoras que marcaram a estreia pela Matador em 2010, “Learning”. Não consegue ainda despir por completo a fantasia de carnaval Sufjan Stevens vs. Antony & The Johnsons, mas cresce como compositor em relação ao primeiro álbum, fugindo com sucesso a mais um esboço bem intencionado. Em canções como “All Waters”, “Hood” ou “Take Me Home” quase nos convence de que é mestre. Não o é, embora a inteligência

Telex

Pattinson em Portugal CINEMA. O ator Robert

Pattinson, o realizador David Cronenberg e o escritor Don DeLillo vão estar em Portugal em maio para a estreia do filme “Cosmopolis”. A revelação foi feita pelo produtor Paulo Branco à agência Lusa. “Cosmopolis” foi selecionado para a competição oficial do Festival de Cannes e terá estreia comercial em Portugal a 31 de maio.

Alice Russell no Musicbox CONCERTO. Os Quantic e

Alice Russell vão estar no Musicbox, em Lisboa, no

maior de Hadreas esteja precisamente em conhecer as suas limitações. E a maior arte de “Put Your Back N 2 It”, é a da poupança. Quando uma canção não tem pernas para andar, Hadreas conclui. Sabe quando sair de uma canção, fazendo com que nenhuma aqui presente chegue aos 4 minutos. Não se arrasta e consegue disfarçar a eventual monotonia da fórmula. Infelizmente, metade do disco está recheado de canções vulgares, o que faz com que falhe a obra-prima. Talvez ao terceiro álbum? Eu ainda acredito nele. REALIZADOR DE RÁDIO NA RADAR (97.8 FM / WWW.RADARLISBOA.FM)

dia 25 de maio. A cantora inglesa, dona de uma impressionante voz, já é conhecida dos portugueses, enquanto os Quantic são um grupo de músicos colombianos que tocam há quase 40 anos. Editaram juntos o álbum “Look Around the Corner” um verdadeiro paraíso tropical, com misturas de soul, blues, folk, gospel apimentadas com toques de américa latina.

Noite: Deleite-se com a oferta gastronómica do NOA – Tapas-Sushi Bar (Rua Mártires da Liberdade))

STORYBOARD PARA O SEU FIM DE SEMANA

Sábado

Candidatos às “curtas” VILA DO CONDE. O Festival

Internacional de Curtas-Metragens de Vila do Conde recebeu mais de três mil filmes candidatos às competições da 20.ª edição do evento, que decorre de 7 a 15 de julho. O prazo para inscrição de filmes para as competições nacional e ‘Take One!’ ainda decorre até ao dia 23 de maio. O festival será dedicado ao cineasta americano Stanley Kubrick, desaparecido em 1999, e vai incluir projeção de filmes de culto e curtas-metragens do autor.

Noite: Cantor italiano Fabrizio Cammarata apresenta o álbum ‘Rooms’ no Maus Hábitos (22h30)

Tarde: Encerramento do Festival Audiovisual Black & White, na Católica (Campus Foz), a partir das 14h30

Domingo

Tarde: “Cinco Séculos de Desenho na Coleção da Faculdade de Belas Artes da UPorto”, patente no Museu Nacional Soares dos Reis, é uma exposição obrigatória

Noite: Não perca no cinema “A Pesca do Salmão no Iémen”, filme com Ewan McGregor e Emily Blunt

09


www.readmetro.com

lazer

Street Fashion. Londres

10

SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

Correio

Os “voos socialistas” não param

Kasia Evans, consultora imobiliária MICHELLE BOBB-PARRIS

O que veste a Kasia? “Sapatos Chanel, calças AG, camisa AKA New York e mala Céline.” As suas influências: “Tento seguir as modas, mas é difícil porque fui mãe há pouco tempo. Mas gosto de ir à Céline, MaxMara, Zara e à Paul Ka.”

Se não vejamos: se alguém tem dívidas e grandes é a Câmara Municipal de Lisboa. Mas o Sr. A. Costa cansou-se desta casa e foi arrumar escritórios no edifício da Vista Alegre, pelo qual lhe cobram, mensalmente, acima dos 5.000,00 euros, soube-o há dias. Digam-me se isto não é de pasmar?! Uns não pagam multas pelas infrações que praticam (não são deles, dizem, são do Estado), outros lançam o nosso dinheiro pela janela fora!… Por estas e outras aberrações é que nós, povo, nos encontramos neste buraco sem fundo

onde nos meteram e teimam em não nos deixar sair. Sr. primeiro-ministro, por favor, acabe, também, com estes sorvedouros – porque não há medulas que aguentem. Zeca Afonso tinha toda a razão: eles comem tudo e não deixam MJR nada!...

Nuno Guedes Vaz Pires Director Executivo

www.essenciadovinho.com

É tão simples… No vinho há dicas práticas que nos facilitam a vida, nos poupam algum dinheiro e dores de cabeça. Se está farto de sujar aquelas toalhas brancas de linho com pingas de vinho tinto experimente usar um simples ‘drop stop’. Disponível em qualquer garrafeira.

Desperdício Zero! Desperdício Zero. Grande iniciativa. Na verdade, até doía a alma ver a quantidade de comida que os restaurantes e os supermercados deitavam fora. Finalmente alguém conseguiu que muitos alimentos fossem aproveitados e dados a famílias mais carenciadas. Podem também aproveitar a ideia para roupas, calçado, brinquedos. Ainda há boa gente, fiquei mesmo contente!

Melhor, só no supermercado Esteja atento às cada vez mais frequentes promoções de vinho. As lojas da especialidade procuram adaptar-se ao tempos que correm e têm ótimos vinhos a preços mais competitivos. Melhor para a carteira só mesmo no supermercado… quando há as já famosas feiras de vinhos. 15 Cistus 2009 Douro| Tinto | Quinta do Vale da Perdiz €3,99 | 135.000 garrafas | 16 ºC Aroma bem maduro, a lembrar um LBV, atrativo por essa razão, mas igualmente no limiar. Na boca tem boa estrutura, é afinado, firme, com leve vegetal e final de bom acabamento.

MARIA/CASCAIS

PUB

Palavras Cruzadas Horizontais 1. Tinta vermelha, muito viva, extraída da cochonilha e de outras plantas. Assuada. 2. Aguçaras. Debaixo de. 3. Batráquio anfíbio aquático, anuro, da família dos ranídeos. Contr. da prep. de com o adv. além. Despido. 4. Restabelecer a saúde de. Lírio. 5. Coloração da face. Dureza. 6. Dar movimento a. Atrever-se. 7. Guarda-vassouras. Móvel onde se dispõem e guardam bebidas com ou sem álcool. 8. E não. Solicitar alguma coisa a alguém. 9. A tua pessoa. Casinhoto para abrigo de cão. O espaço aéreo. 10. Nome da letra M. Bom caçador de ratos. 11. Os ramos ou a folhagem das plantas. Galardão.

Solução Cruzadas

Sudoku

Solução

HORIZONTAIS: 1. Carmim, Vaia. 2. Afiaras, Sob. 3. Rã, Dalém, Nu. 4. Curar, Lis. 5. Cor, Rijeza. 6. Mexer, Ousar. 7. Alizar, Bar. 8. Nem, Pedir. 9. Tu, Canil, Ar. 10. Eme, Rateiro. 11. Rama, Laurel.

•••••

VERTICAIS: 1. Cara, Manter. 2. Afã, Celeuma. 3. Ri, Coxim, Em. 4. Madurez. 5. Irar, Rapar. 6. Malar, Renal. 7. Sério, Dita. 8. Jubileu. 9. As, Lesar, Ir. 10. Ionizar, Are. 11. Abusar, Prol.

Sudoku

Verticais 1. Parte anterior da cabeça. Fornecer alimentos a. 2. Trabalho penoso. Vozearia de gente no trabalho. 3. Assume expressão alegre. Almofada para assento ou encosto. Indica lugar, tempo, modo, causa, fim e outras relações (prep.). 4. Acção ou efeito de madurar. 5. Enfurecer. Raspar. 6. Osso que constitui a saliência da face. Relativo aos rins. 7. Honesto. Sorte. 8. Grande solenidade judaica celebrada de 50 em 50 anos. 9. Aquelas. Molestar. Caminhar. 10. Dissociar as moléculas em iões. Unidade das medidas agrárias equivalentes ao decâmetro quadrado. 11. Fazer mau uso de. Proveito.


PUB


pequenos anúncios

ECNOR – ECONOMIA E ORGANIZAÇÃO DE EMPRESAS, LDA Docentes com experiência do Ensino Universitário. Destinatários: Aqueles que têm conhecimentos adquiridos de Contabilidade Geral de nível superior e outros interessados na Fiscalidade.

CURSO INTENSIVO DE NÍVEL SUPERIOR DE FISCALIDADE - MÓDULO II * (IRC+IVA) Sábados, 39 horas, 2,5 meses, das 14:30 às 18:30h

INÍCIO: 23 de Junho de 2012, ÚLTIMAS INSCRIÇÕES INFORMAÇÕES / INSCRIÇÕES: Rua João das Regras, 273 e 284 – PORTO (Junto ao Quartel General – à Pr. República)

Tel.: 222 006 397 – 919 030 543 – 223 394 890 Site: www.ecnor.pt E-mail: form.profi@ecnor.pt Indique telef/telem *MÓDULO I em NOVEMBRO

ECNOR ACREDITADA PELA


pequenos anĂşncios


14

LUSA

3 sport

Leão deu cambalhota Sporting esteve a perder, mas virou o resultado, na 1.ª mão da meia-final da Liga Europa Marat Izmailov, castigado, não joga na 2.ª mão em Espanha Os “leões” portugueses bateram ontem “los leones” espanhóis, depois de terem estado a perder, e vão defrontar o Athletic de Bilbau, em San Mamés, na próxima quinta-feira, com uma vantagem de um golo. O Sporting foi melhor na 1.ª parte. Com Carriço a trinco (Elias não joga na Europa) e André Martins na posição do tocado Matías, os leões, sem deslumbrarem, tiveram as melhores ocasiões. Só que os remates

2 1 SPORTING

ATHLETIC

de Insúa, Wolfswinkel e João Pereira não levaram a direção certa, com exceção de um livre do argentino. O golo de Aurtenetxe, aos 54 minutos, após livre, afetou o Sporting. E os bas-

cos podiam ter dilatado o resultado, mas Amorebieta atirou ao poste. O Sporting recompôs-se. Wolfswinkel ameaçou de cabeça, mas foi ao lado, outra vez! Insúa não falhou e... de cabeça fez o 1-1. Capel completou a cambalhota no marcador, fazendo o 2-1, de fora da área. Carrillo podia ter feito 3-1. Falhou. Os leões vencem os bascos em Alvalade, como em 85/86. Então passaram a eliminatória na UEFA. Bom prenúncio?! L.C.

Capel ( à frente) fez o segundo. Insúa marcara o primeiro

PUB

Águia vigia Aveiro A quatro jornadas do fim da Liga, e com 12 pontos em disputa, o Benfica recebe na Luz o Marítimo. Jorge Jesus continua à espera de Aimar, lesionado, e também não conta com o belga Witsel, suspenso. O Sp. Braga vai à Mata Real defrontar o P. Ferreira e Hugo Viana, castigado, é o grande ausente. Em caso de vitória, os minhotos passam provisoriamen-

te ao 2.º lugar – e respetivo apuramento direto para a Liga dos Campeões –, uma vez que as “águias”, com um ponto de vantagem, só no sábado recebem o Marítimo. Mais tarde, o FC Porto defende a liderança perante o Beira-Mar, já com os Danilo e Fernando aptos, mas sem Álvaro Pereira, castigado. Os leões têm um jogo complicado, na Madeira, diante do Nacional.

27ª JORNADA HOJE: P. FERREIRA-SP. BRAGA (20H15, SPTV) AMANHÃ: BENFICA-MARÍTIMO (17H00, SPTTV) V. GUIMARÃES-U. LEIRIA (19H15, SPTV) FC PORTO-BEIRA-MAR (21H15, TVI) DOMINGO: GIL VICENTE-RIO AVE (16H00) FEIRENSE-V. SETÚBAL (16H00) NACIONAL-SPORTING (19H15, SPTV) SEGUNDA-FEIRA: ACADÉMICA-OLHANENSE (20H15, SPTV)

RECORD

‘Vice’ leão averiguado

Guimarães já treina

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) abriu um processo de averiguações ao denominado “caso Cardinal”. O órgão disciplinar decidiu, por iniciativa própria, avançar com averiguações ao vice-presidente do Sporting, Paulo Pereira Cristóvão, a 16 de abril, disse ontem à agência Lusa fonte ligada ao processo. Na base da investigação está uma denúncia feita

A direção do V. Guimarães pagou ontem ao plantel de futebol o primeiro dos quatro salários em atraso. Depois da recusa do plantel em treinar, na quarta-feira, após sucessivas quebras de promessas por parte da direção, os jogadores voltaram ao trabalho. Em relação ao sucedido, o presidente vimaranense disse que “foi um episódio que era preferível que não tivesse acontecido”.

FPF investiga Cristóvão

pelo próprio clube leonino à FPF. Em causa está uma alegada verba depositada na conta bancária do árbitro auxiliar José Cardinal. A investigação apurou que a pessoa têm profissionalmente ligação ao vice-presidente do emblema leonino.


www.readmetro.com

15

GP do Bahrein com alta tensão

Inlgaterra. Natação

SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2012

Grande Prémio de Fórmula 1 vai realizar-se, mas a violência está a assolar o país Manifestações marcadas para os dias da prova O ambiente está tenso e há registos de violência nas ruas do Bahrein, país que este fim de semana acolhe o 4.º Grande Prémio de F1 da época. Apesar do “barril de pólvora” que é aquele país asiático – a maioria xiita contesta o rei Hamad, sunita –, a Federação Internacional do Automóvel e a organização mantêm a prova, garantindo a segurança da mesma. O espanhol Pedro de la Rosa, presidente da Associação de Pilotos de Grande Prémio, também disse on-

No alcatrão

É no domingo a 4ª prova do ano de F1 (13h, SPTV2): Alonso (foto) foi o último a vencer no Bahrein, em 2010. 2011 foi... cancelado. 2004 foi o ano de estreia – Alonso venceu três vezes a prova e Massa duas; Button tem um triunfo, assim como Schumacher.

tem que a situação no Bahrein “não é uma preocupação”. Porém, há vozes discordantes. John Yates, ex-polícia britânico que tra-

balha para o governo do Bahrein, afirmou ao The Guardian que “não se pode garantir a segurança da prova”. “Seria um idiota se

dissesse isso”, explicou: “É um evento aberto, não podemos impedir um idiota de ir a correr para a pista.” Ontem houve confrontos entre polícias e manifestantes que convocaram, nas redes sociais, manifestações de oposição ao rei Hamad coincidentes com os três dias da prova. Um membro da Force Indie deixou mesmo o Bahrein, após o carro onde ia, com mecânicos, ter sido atingido por um cocktail molotov. Não houve feridos, mas fica a insegurança.

Britânicas, como anfitriãs, já estão qualificadas GETTY

As divas da piscina A seleção britânica de natação sincronizada, mesmo já apurada, participa na qualificação para os Jogos Olímpicos, no London Aquatics Centre. É neste espaço que, nos JO de Londres, vão decorrer as provas de natação ou natação sincronizada, entre outras. PUB

Jogadas

Os ingressos para o jogo do Estádio Nacional vão estar disponíveis em www.fpf.pt., junto dos clubes participantes e nas instalações das associações de futebol de Coimbra e de Lisboa.

Ricco suspenso 12 anos

Djokovic vence em dia difícil TÉNIS. Novak Djokovic apurou-se ontem para os quartos-de-final do Masters de Monte Carlo, após vencer o ucraniano Alexandr Dolgopolov, por 2-6, 6-1, 6-4. Djokovic obteve o triunfo no dia em que soube da morte do seu avô.

Bilhetes para a Taça à venda FUTEBOL. Os bilhetes

para a final da Taça de Portugal, entre a Académica e o Sporting, a 20 de maio, começam a vender-se na segunda-feira, com preços entre os 10 e os 30 euros.

CICLISMO. O italiano Riccardo Ricco, 28 anos, foi suspenso por 12 anos pela autoridade italiana antidopagem, devido a uma autotransfusão com sangue manipulado. A prática de dopagem levou o corredor de Modena, em fevereiro de 2011, ao internamento hospitalar de urgência em perigo de vida devido a complicações renais.

Raul deixa Schalke 04

Duelo luso em Roma O português Rui Machado, 96.º do mundo do ténis, passou ontem aos quartos-de-final do RAI Open 2012, Challenger de Roma, após vencer o cazaque Andrey Golubev. O encontro – que na quarta-feira tinha sido interrompido devido à chuva quando o resultado estava 3-6, 7-6 (7-4) e 3-2 – terminou ao final de 2h27m, com o português a conquistar todos os jogos disputados ontem. Machado vai agora defrontar na capital italiana o também português João Sousa, que derrotou o turco Marcel Ilhan pelos em três sets com os parciais de 4-6, 6-3 e 7-6 (7-0). GETTY

FUTEBOL. O avançado Raul

Gonzalez vai abandonar o Schalke 04 e o futebol europeu no fim da época 2011/12, anunciaram ontem o clube alemão e o internacional espanhol. “O meu futuro não passa pela Europa”, disse o avançado, de 34 anos.

Machado defronta Sousa


PUB

20120420_pt_porto  

Cocó=energia Onossofuturopode passarporaqui {pág.3} Nodomingo,dia22deabril,celebra-semaisumDiadaTerra Comonão podiadeixardeser,emantendoatra...