Issuu on Google+

O Metro Jornal é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica Belo Horizonte Gráfica e Editora.

BASTIDORES DO TEATRO ALEXANDRE NERO E SUPERELENCO ENCENAM A COMÉDIA MUSICAL ‘O GRANDE SUCESSO’ EM BH PÁG. 10 BELO HORIZONTE Sexta-feira, 2 de dezembro de 2016 Edição nº 1.276, ano 6 MÍN: 17°C MÁX: 29°C

www.metrojornal.com.br | leitor.bh@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @MetroJornal_BH

de 2017 Renan vira réu por IPVA fica 4,4% mais barato crime de peculato em Minas Pela 1ª vez. Horas antes de julgamento do STF, Renan Calheiros recebe Sérgio Moro em debate acalorado sobre projeto de lei dos abusos de autoridade. À tarde, Supremo, por 8 votos a 3, aceita denúncia contra senador em processo que o acusa de usar dinheiro da verba parlamentar para bancar pensão de filha PÁG. 04

Escala de pagamento do imposto começa em 9 de janeiro no Estado; queda no valor venal dos veículos determinou redução no imposto PÁG. 02

Galo decide não enfrentar a Chapecoense Daniel Nepomuceno afirmou que time alvinegro não entrará em campo contra clube catarinense no dia 11 PÁG. 15

Polícia confirma que provas e redação do Enem 2016 vazaram Número ainda indeterminado de candidatos tinha o gabarito e o tema da redação do exame, diz MPF-CE PÁG. 05

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

MPMG faz operação contra empresa que sonegou R$ 50 mi Renan é defensor de projeto que prevê punições a autoridades do Judiciário, do Ministério Público e das forças de segurança; Moro teme ‘criminalização da Lava Jato’ | ALAN MARQUES/FOLHAPRESS

Investigação aponta venda de produtos sem nota, subfaturamento e emissão de documentos falsos PÁG. 03


02|

1 FOCO

México

Lacerda cancela viagem O prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB), cancelou a viagem que faria à Cidade do México para a divulgação do Prêmio das Cidades do C40, durante a 6ª Cúpula Anual de Prefeitos. BH disputa a premiacão com Nova Iorque e Paris. Segundo o prefeito, o cancelamento ocorreu em virtude das articulações da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), em relação à votação de vários projetos em tramitação no Congresso Nacional em favor dos municípios.

Cotações Dólar + 2,40% (R$ 3,468) Bovespa - 3,88% (59.506 pts) Euro + 3,18% (R$ 3,702) Selic (13,75% a.a.)

Salário mínimo (R$ 880)

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

FOCO

IPVA fica 4,4% mais barato em Minas Gerais No bolso. Queda no valor venal dos veículos reduz preço a ser pago pelo imposto. Cota única quitada em janeiro dará 3% de desconto O contribuinte recebeu uma notícia positiva neste início de mês. O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) teve queda no valor de 4,4%. Segundo a Receita Estadual, um dos motivos que impulsionaram a queda do imposto foi o aumento da frota, que foi de 337 mil veículos (3,72%). Assim como nos anos anteriores, quem pagar o imposto à vista ganha um desconto de 3%, e o IPVA com o valor a partir de R$ 150 pode ser parcelado em três vezes. De acordo com a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais, a arrecadação total do IPVA emitido para 2017 é de R$ 4,6 bilhões, um incremento de R$ 240 milhões (5,46%) em relação a 2016. Do valor ar-

Mangabeiras. Tirolesa será inaugurada no domingo Belo Horizonte receberá oficialmente neste domingo uma tirolesa com 800 metros de extensão, que será instalada entre o Mirante e o Parque das Mangabeiras. Com velocidade de descida de até 100 km/h, a nova atração em BH promete oferecer ao visitante um passeio único pela Serra do Curral. Segundo a empresa, é recomendado que a pessoa que pretenda se aventurar esteja usando roupas cômodas que permitam uma maior mobilidade. A tirolesa ficará na rua Pedro José Pardo, número 1.000, no bairro Mangabeiras, com funcionamento das 10h às 18h. Os ingressos custarão entre R$ 40 e R$ 50. METRO BH

recadado do IPVA, 20% vão para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (Fundeb), 40% para o caixa único do Estado e 40% para o município onde o veículo foi licenciado. O prazo para o pagamento começou ontem e pode ser feito diretamente nos terminais de autoatendimento ou guichês dos agentes arrecadadores autorizados, bastando informar o número do renavam do veículo. O contribuinte que preferir emitir a guia de arrecadação poderá retirá-la pelo site da SEF/MG ou pessoalmente nas Repartições Fazendárias ou Unidades de Atendimento Integrado (UAI). Por outro lado, quem

adquiriu veículo zero quilômetro ou transferido de outro Estado depois do dia 14 de outubro só consegue quitar o imposto antecipadamente até 31 de dezembro, retirando a guia de recolhimento. O não pagamento do IPVA 2017 nos prazos estabelecidos gera multa de 0,3% ao dia (até o 30º dia), e de 20% após o 30º dia. Os juros são calculados sobre o valor do imposto ou das parcelas, acrescido da multa pela taxa referencal do Selic. Em 2016, a taxa de inadimplência do imposto cresceu, segundo a Secretaria de Estado da Fazenda (SEF-MG). Em outubro de 2016 ela alcançava 6,7% e no mesmo mês do ano passado estava em 6,19%. METRO BH

CALENDÁRIO IPVA 2017 Para automóveis, caminhonetes, micro-ônibus, motos e similares MÊS

JANEIRO

FEVEREIRO

MARÇO

1ª Parcela ou Cota Única Com Desconto

2ª Parcela ou Cota Única Sem Desconto

3ª Parcela

Placa

Dia do Vencimento

Dia do Vencimento

Dia do Vencimento

Final 1

09/1

09/2

09/3

Final 2

09/1

09/2

09/3

Final 3

10/1

10/2

10/3

Final 4

10/1

10/2

10/3

Final 5

11/1

13/2

13/3

Final 6

11/1

13/2

13/3

Final 7

12/1

14/2

14/3

Final 8

12/1

14/2

14/3

Final 9

13/1

15/2

15/3

Final 0

13/1

15/2

15/3

Parcela

BHTrans abre licitação para manutenção de estações A BHTrans lançou ontem uma licitação para manutenção preventiva e corretiva nas estações de transferência municipais do Move, em Belo Horizonte. Ao todo, a capital conta com 37 pontos de embarque e desembarque para o transporte. Segundo o anúncio da concorrência publicado no Diário Oficial do Município (DOM) de ontem, a empresa vencedora deverá fornecer mão de obra, materiais, equipamentos, ferramentas, insumos e serviços de manutenção predial para garantir a integridade física e funcional das estações. A entrega dos envelopes de documentos para habilitação e proposta comercial deverá ser feita no dia 3 de janeiro de 2017. FALE COM A REDAÇÃO leitor.bh@metrojornal.com.br 031/3508.5719 COMERCIAL: 031/3508.5720

O Metro Jornal circula em 23 países e tem alcance diário superior a 18 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, ABC, Campinas, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte, Porto Alegre, Brasília, Grande Vitória e Maringá, somando 505 mil exemplares diários.

Plano Diretor

Manifestantes ocupam Câmara Pedindo a votação e aprovação do Plano Diretor de BH, manifestantes ocuparam ontem o saguão da Câmara Municipal. Como não houve quórum, a reunião foi remarcada para hoje. O projeto tramita na Casa há mais de um ano. METRO BH

Chuva

Cidades mineiras em emergência Estação do Move terá empresa para manutenção preventiva | BRENO PATARO/PBH

Gasto mensal Segundo a BHTrans, cada estação de transferência do Move municipal representa um gasto de R$ 32 mil mensais. O valor é gasto em contratos com

empresas responsáveis pela limpeza interna, segurança e manutenção dos equipamentos eletrônicos, como o ar-condicionado e as portas.

Três cidades decretaram situação de emergência em MG devido a estragos das chuvas. O último pedido foi de Marilac, no Rio Doce, que foi atingida por um temporal. Resplendor e Itueta já tinham feito o decreto. METRO BH

METRO BH

EXPEDIENTE Metro Jornal. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso Metro Jornal Belo Horizonte. Gerente executivo: Cássio Mota. Editor-Executivo: Juvercy Júnior (MTB: 12.331) Editor de Arte: Cleber Machado e Pablo Tavares Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas Diretor Geral: José Saad Duailibi. Chefe de Jornalismo: André Vasconcelos

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, CEP 30350-453, Belo Horizonte, MG. Tel.: 031/3508.5720. O Metro Jornal Belo Horizonte é impresso na Belo Horizonte Gráfica e Editora. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 40.000 exemplares


BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

MP apura esquema de sonegação na RMBH Imposto. Empresa investigada teria sonegado mais de R$ 50 milhões com notas fiscais falsas Um grupo suspeito de sonegar ao menos R$ 50 milhões dos cofres públicos foi desarticulado ontem pelo Ministério Público de Minas em uma operação conjunta com a Polícia Civil e a Secretaria de Estado de Fazenda. O alvo das ações foi a empresa Lupus, que produz alimentos para animais e possui sede em Santa Luzia, na Grande BH. Conforme as investigações, o grupo vendia mercadorias sem a emissão de nota fiscal, além do subfaturamento e a emissão de documentos fiscais com falsos destinatários. “O imposto era calculado sobre um valor declarado em nota e tinha uma margem de agregação. Então, com isso, ela colocava um valor menor na nota para poder pagar menos imposto”, explicou o su-

Além do crime de sonegação fiscal, os envolvidos podem responder por formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Nenhum representante da Lupus foi encontrado para comentar o caso.

Empresa é sediada em Santa Luzia, na Grande BH | REPRODUÇÃO/TV BAND

perintendente da Receita Estadual, Marcos Baeta. O esquema permitia ao grupo vender grandes quantidades de rações com impostos abaixo do previsto, tornando a concorrência com

outras empresas desleal. Ao todo, foram cumpridos nove mandados envolvendo quatro pessoas jurídicas e cinco pessoas físicas nas cidades de BH, Santa Luzia, Lagoa Santa e Rio de Janeiro.

Na mira desde 2009 A Lupus já estava sendo investigada pelo MP desde sua criação, em 2009. A empresa surgiu depois da reestruturação empresarial do Grupo Nutriara, também do ramo de raçoes e com atuação no Brasil e no exterior. A empresa encerrou as atividades deixando uma dívida tributária de mais de R$ 30 milhões. PEDRO NASCIMENTO METRO BELO HORIZONTE

03|

Legislativo. Adalclever Lopes é reeleito para a presidência da Assembleia O deputado Adalclever Lopes (PMDB) foi reeleito ontem ao cargo de presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O parlamentar ocupa o cargo desde 2015 e foi reeleito por unanimidade entre deputados estaduais. Ontem também foram eleitos os demais membros da Mesa do Legislativo estadual (confira na lista abaixo). Após o resultado da votação, o peemedebista garantiu que ouvirá cada vez mais os

deputados e respeitar os cidadãos mineiros. “Apesar de defendermos diferentes bandeiras, o desejo de se fazer uma Assembleia Legislativa forte é o que nos une”, declarou. Entre as tarefas da Mesa Diretora estão conduzir os trabalhos legislativos, propor alterações no Regimento Interno da Casa, promulgar emendas à Constituição, além de orientar os serviços administrativos do Parlamento. METRO BH

Os eleitos Confira como fica a nova Mesa Diretora da Assembleia

Ʉ ɶɤĺÿÝåȿġĤåĨÿáåĒĮåȩ Inácio Franco (PV)

Ʉ GĤåĨÿáåĒĮåȩ Adalclever Lopes (PMDB) (reeleito)

Ʉ ɴɤĨåÝĤåĮÓĤÿėȩ Rogério Correia (PT)

Ʉ ɴɤĺÿÝåȿġĤåĨÿáåĒĮåȩ Lafayette de Andrada (PSD)

Ʉ ɵɤĨåÝĤåĮÓĤÿėȩ Alencar da Silveira Jr. (PDT) (reeleito)

Ʉ ɵɤĺÿÝåȿġĤåĨÿáåĒĮåȩ Dalmo Ribeiro Silva (PSDB)

Ʉ ɶɤĨåÝĤåĮÓĤÿėȩ Arlen Santiago (PTB)


04|

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

STF torna Renan réu pela 1ª vez Membros do poder Judiciário em frente ao STF | WILSON DIAS/AGÊNCIA BRASIL

Pacote anticorrupção. Juízes e promotores protestam Juízes e membros do ministério público protestaram ontem contra as emendas incluídas pela Câmara dos Deputados no chamado pacote anticorrupção, nascido de uma iniciativa patrocinada pelo Ministério Público no país inteiro. Os manifestantes se reuniram na área externa do STF (Supremo Tribunal Federal) em Brasília e na frente de tribunais em cidades da Paraíba, do Paraná, de Pernambuco, do Rio Grande do Sul e de São Paulo.

Entre as mudanças feitas pelos deputados na madrugada da última quarta está a inclusão de punições a magistrados e membros do MP por abuso de autoridade. Os manifestantes veem na emenda uma ameaça às investigações de políticos em operações como a Lava Jato e pedem que o Senado reveja as emendas. Parlamentares, como o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), se uniram ao protesto na Praça dos Três Poderes. METRO BRASÍLIA

Revisão. TRF4 aumenta penas de Baiano e Cerveró Dois personagens já condenados da Operação na Lava Jato tiveram suas penas aumentadas na revisão de seus processos na segunda instância. Em julgamento de apelação nesta quarta-feira, a 8ª Turma do TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) decidiu aumentar a pena do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró de 12 anos e três meses para 27 anos e quatro meses de reclusão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A pena do lobista Fernando Soares, o Fernando Baiano, foi de 16 anos e

um mês para 26 anos pelos mesmos crimes. Como são delatores, porém, eles devem cumprir a pena conforme acordo assinado com o MPF (Ministério Público Federal). Cerveró, por exemplo, saiu da carceragem em junho deste ano e até o meio do ano que vem ficará em prisão domiciliar no Rio de Janeiro com tornozeleira eletrônica. Depois ele ainda deve cumprir mais dois anos em regimes semiaberto e aberto. Baiano já cumpre o regime semiaberto. METRO CURITIBA

Placar de 8 x 3. Ministros do Supremo decidem abrir inquérito contra o presidente do Senado, acusado de desvio de dinheiro público. Parlamentar diz confiar na Justiça O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), virou réu em inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal), que vai julgar se ele desviou dinheiro público para pagar a pensão de uma filha que teve fora do casamento. O caso foi divulgado em 2007 e pesou na renúncia do senador à presidência da Casa na época. Ele foi acusado de ter a ajuda da empreiteira Mendes Júnior para pagar a pensão. Se condenado, Renan pode pegar até 12 anos de prisão, mas, enquanto corre o processo, ele não precisará se afastar do cargo que ocupa. Os ministros do STF decidiram – pelo placar de 8 x 3 – que há indícios de que dinheiro público foi usado para pagar a pensão. Renan teria destinado parte de sua verba de gabinete no Senado pa-

Senador alega inocência e vê falhas na investigação Ministros do Supremo na sessão de ontem | CARLOS HUMBERTO/STF

ra pagar uma locadora de veículos de Maceió, onde mora, que não teria prestado serviços e teria feito empréstimos pessoais ao senador. Relator do processo, o ministro Edson Fachin aceitou a denúncia de peculato e rejeitou a de falsidade ideológica. O ministros que votaram pela rejeição de todas as acusações foram Ricardo Lewandowski, Gilmar Men-

des e Dias Toffoli. Toffoli, aliás, é responsável pela manutenção de Renan na presidência do Senado. No início do mês, ele pediu vista após seis de oito ministros presentes julgarem que réus não podem estar na linha sucessória da presidência da República. Não há prazo para a retomada deste julgamento nem para a sentença sobre o caso Renan. METRO BRASÍLIA

“Não há prova contra o senador, nem mesmo probabilidades, apenas suposição”, diz nota divulgada ontem por Renan Calheiros. O senador alegou que recebeu ‘com tranquilidade’ a decisão do STF e que confia na Justiça. “O debate entre os ministros evidenciou divisão e dúvidas quanto à consistência dos indícios do Ministério Público, qualificados como precários por vários deles”, diz o texto. Renan ainda é investigado em outros 11 processos no STF. METRO BRASÍLIA

Debate opõe Moro e Gilmar Mendes

Moro observa Renan Calheiros | LULA MARQUES/AGPT

O clima beligerante entre o presidente do Senado e membros da Justiça teve uma trégua ontem, com a ida do ministro do STF Gilmar Mendes e do juiz federal Sérgio Moro

ao Senado para debater com Renan Calheiros (PMDB-AL) o projeto de pei contra o abuso de autoridades, que os senadores pretendem votar na semana que vem.

Em tom respeitoso, Moro afirmou que a nova lei pode criminalizar as investigações da Lava Jato, argumento rebatido com energia por Gilmar Mendes. METRO BRASÍLIA

“Eu considero a operação Lava Jato sagrada. Ela definiu alguns avanços civilizatórios e precisa, sim, ser estimulada.”

“Talvez não seja o melhor momento. Uma nova lei poderia ser interpretada como tendo o efeito de tolher investigações.”

“Teríamos, então, que buscar um ano sabático das operações para que o Congresso pudesse deliberar sobre o tema?”

RENAN CALHEIROS, PRESIDENTE DO SENADO

SÉRGIO MORO, JUIZ FEDERAL

GILMAR MENDES, MINISTRO DO STF

Odebrecht fecha acordo de leniência de R$ 6,7 bi

Acordo de leniência da Odebrecht é o maior do mundo | ZANONE FRAISSAT/FOLHAPRESS

Segundo o jornal “Folha de S. Paulo”, a Odebrecht começou a assinar ontem na capital paranaense o acordo de leniência com os procuradores da Lava Jato. Com o acordo, uma espécie de delação premiada da empresa, a empreiteira admite irregularidades, mas poderá continuar a ser contratada pelo poder público. A empresa deve pagar uma multa de R$ 6,7 bilhões no período de 20 anos – valor que será dividido entre Brasil, Estados

Unidos e Suíça. No início da noite, a empresa soltou o extenso comunicado ‘Desculpe, a Odebrecht errou’, dizendo que aprendeu várias lições, além de assumir diversos compromissos, como ‘combater e não tolerar a corrupção em quaisquer de suas formas, inclusive extorsão e suborno’. Paralelamente à assinatura do acordo de leniência, a delação premiada de 77 executivos da empresa também começa a ser assi-

nada em Brasília. Entre os delatores está o ex-presidente da empreiteira Marcelo Odebrecht, preso desde junho do ano passado em Curitiba, onde deve permanecer pelo menos até o fim do que vem. As delações deveriam ter sido assinadas na semana passada, mas um pedido dos EUA por valor maior da multa gerou um entrave. Quando concluídas as assinaturas, os procuradores da PGR (Procuradoria Geral da República) precisam

validar os depoimentos dos delatores antes de enviar o material para homologação do ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal). A delação dos executivos da Odebrecht deve atingir mais de uma centena de políticos, incluindo governadores, deputados e senadores. Os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Dilma Rousseff (PT) e o presidente Michel Temer (PMDB) teriam sido citados nas negociações. METRO CURITIBA


BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

PMDB ligados a Lúcio Vieira Lima, irmão do ex-ministro Geddel, vão pedir à Polícia Federal para investigar as relações do ex-ministro da Cultura Marcelo Calero com o banqueiro Eduardo Mariani. Insinuam que o banqueiro é o beneficiado pelo embargo do edifício La Vue, onde Geddel comprou apartamento. Depois de pronto, o prédio de 28 andares faria sombra ao Morro Mariani, propriedade do banqueiro.

“[NOTAS FISCAIS] DESTINAVAM-SE A MASCARAR DESVIO DE DINHEIRO PÚBLICO” MINISTRO EDSON FACHIN, DO STF, AO ACEITAR DENÚNCIA CONTRA O PRESIDENTE DO SENADO

de fazer lobby contra sua instalação. PROCURADORES NÃO PODEM ‘RENUNCIAR’ À LAJA JATO. Procuradores não

Marcelo Calero | MARCELO CAMARGO/ AGÊNCIA BRASIL

REUNIÃO SUSPEITA. Em dezembro de 2015, diz a denúncia, quando o embargo foi imposto, o banqueiro se reuniu com dirigentes do Iphan nacional e da Bahia.

podem “renunciar” à Lava Jato, quando protestaram contra o “pacote anticorrupção” desfigurado pela Câmara. Não há previsão legal para “renúncia”. As ações são vinculadas funcionalmente a eles, e não pessoalmente, lembra Roberto Tardelli, aposentado do Ministério Público de SP, em artigo reproduzido no site Diário do Poder. Só deixariam sob a autorização do procurador-geral, que a concedeu.

TOMBAMENTO. O embargo

É O QUE ELES QUEREM. Se deixarem coletivamente a Lava Jato, os procuradores farão a alegria dos investigados pela operação. É tudo que desejam.

ELE TAMBÉM PRESSIONA.

EIS A URNA. A maldade circula nas redes sociais: “Cremado, Fidel finalmente conheceu uma urna.”

na obra do prédio na Ladeira da Barra, em Salvador, é justificada por ofender sítio tombado como patrimônio histórico.

O presidente da CPI da Lei Rouanet, deputado Alberto Fraga (DEM-DF), acusa Marcelo Calero

PODER SEM PUDOR

Amigo atrasado O telefone tocou no gabinete do então líder do PMDB no Senado, Ney Suassuna (PB). Na outra ponta da linha, um homem apressado não deixava a secretária falar e diz ser grande amigo de Valdick Suassuna, irmão do senador.

05|

Prova do Enem vazou, conclui PF

Política

PMDB SUSPEITA DA RELAÇÃO DE CALERO E BANQUEIRO. Deputados do

{BRASIL}

- Gostaria muito de reencontrá-lo. - Olhe, senhor, me desculpe... – tentou a secretária. - ...sou amigo dele, sim – interrompeu o homem. - Valdick morreu há uns quatro anos – respondeu a secretária, irritada – Só se for em sessão espírita...

COM ANDRÉ BRITO, GABRIEL GARCIA E TIAGO VASCONCELOS WWW.DIARIODOPODER.COM.BR

Cinco milhões e oitocentos mil candidatos realizaram as provas do Enem nos dias 5 e 6 de novembro. Alguns deles sabiam o tema da redação e tinham o gabarito das respostas, concluiu a Polícia Federal em relatório tornado público ontem pelo MPF (Ministério Público Federal) no Ceará. A investigação não estimou ainda quantos candi-

datos tiveram acesso ao vazamento. Dois foram presos pela PF ainda na sala de provas, um no Maranhão e outro em Minas Gerais, com fotos do gabarito. Em seus computadores pessoais, a perícia policial encontrou pesquisas no Google com o tema da redação – intolerância religiosa – na manhã de domingo, dia 6, horas an-

tes do início da prova. Na época, outras nove pessoas foram presas em Montes Claros (MG), suspeitas de integrar uma quadrilha que cobrava até R$ 180 mil por gabarito e passava as informações por celular e ponto eletrônico. O Ministério da Educação, por nota, reclamou do que chamou de “vazamen-

to” de informações, pelo MPF, de um inquérito que corre em sigilo. O órgão atacou o procurador Oscar Costa Filho, que teria “histórico de tentativas de impedir a realização do Enem em anos anteriores” e o acusou de “gerar fatos que provocam tumulto e insegurança para milhares de estudantes”. METRO


06|

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

Tesouro amplia horário Investimentos. Operações de compra e venda de títulos públicos poderão ser feitas das 9h30 às 18h nos dias úteis. Programa também terá aplicativo A partir de amanhã, o Tesouro Direto, a plataforma do governo federal para compra e venda de títulos públicos, passará por uma “segunda onda” de inovações. As principais novidades são a ampliação do horário de negociação dos títulos e o lançamento de um aplicativo para pequenos investidores. Segundo o Tesouro Nacional, das 9h30 às 18h, nos dias úteis, os investimentos e resgates serão processados com os preços e taxas disponíveis no momento da transação. As operações também poderão ser feitas das 18h às 5h e ao longo de todo o fim de semana ou feriado, mas serão liquidados com os preços de abertura do dia útil seguinte. Nos dias úteis, das 5h às 9h30, o sistema ficará em manutenção. Hoje, o resgate diário só está disponí-

vel, nos dias úteis, das 18h às 5h, e em tempo integral nos fins de semana e feriados. O governo federal também lançou um aplicativo oficial para facilitar as operações. Inicialmente, a novidade estará disponível de forma gratuita apenas para Android. Será possível realizar todas as transações como investimentos, resgates, agendamentos e consulta de extrato. O investidor poderá ainda cadastrar o número do celular no site do Tesouro Direto (www.tesouro.fazenda.gov. br) para receber informações por SMS, que avisará sobre as operações, colocará à disposição o extrato e notificará sobre a cobrança de taxas. As informações também serão envidadas por e-mail. O extrato passará a ter um melhor visual, didático e intuitivo, com um gráfico para mostrar a evolução do valor da aplicação de investimentos

realizados a partir de 2015. Foi criado ainda um curso gratuito on-line para que investidores aprendam a aplicar no Tesouro. O conteúdo do curso estará disponível no site do programa. “Planejamos também uma terceira onda com diversas melhorias a serem implantadas a partir de 2017 para aproximar ainda mais os investidores”, disse Ana Paula Vescovi, secretária do Tesouro Nacional. Em março de 2015, foram anunciadas as primeiras medidas para tornar mais fácil o entendimento sobre os papéis negociados por meio do programa, que incluíram a mudança nos nomes dos títulos e a implementação da liquidez diária. No mês passado, 50,5 mil pessoas se cadastraram no programa. Com isso, o total de investidores chegou a 1,024 milhão. METRO

COMO COMO FUNCIONA FUNCIONA O QUE É Criado em 2002, o Tesouro Direto permite que pessoas físicas comprem títulos públicos pela internet, por meio de um banco ou corretora

APLICAÇÃO MÍNIMA

R$ 30

CUSTOS Taxa de custódia de 0,3% ao ano, taxa de administração de bancos e corretoras (há empresas que não cobram) e Imposto de Renda na hora do resgate de 15% a 22,5%

NOMES DOS TÍTULOS COMO ERA

COMO FICOU

RENDIMENTO

Tesouro Prefixado 20XX

Taxa contratada

Tesouro Prefixado com Juros Semestrais 20XX

Taxa contratada

LFT

Tesouro Selic 20XX

Selic + taxa contratada

NTN-B

Tesouro IPCA 20XX

IPCA + taxa contratada

Tesouro IPCA com Juros Semestrais 20XX

IPCA + taxa contratada

LTN PREFIXADOS

NTN-F PÓS-FIXADOS INDEXADOS À SELIC PÓS-FIXADOS INDEXADOS À INFLAÇÃO

NTN-B PRINCIPAL

HORÁRIO AMPLIADO

As operações poderão ser feitas das 9h30 às 18h, nos dias úteis, levando em consideração o preço e taxa disponíveis no momento da transação. Depois deste horário e até as 5h da manhã, os investidores terão o direito de agendar as operações seguintes. FONTE: TESOURO DIRETO

Câmbio. Dólar dispara 2,4% e Bolsa cai 3,9% Os mercados acionário e de câmbio foram influenciados pelo cenário político doméstico e por temores com os próximos passos do Fed, banco central norte-americano. O dólar avançou 2,40%, a R$ 3,4685 na venda, maior nível desde 16 de junho (R$ 3,47). Em novembro, a moeda norte-americana já havia acumulado alta de 6,18%, a maior mensal desde setembro de 2015. Já o Ibovespa, principal índice da Bolsa, despencou 3,88%, aos 59.506 pontos. “O cenário político está conturbado, o que pressiona a moeda (norte-americana)”, disse à Reuters Alessandro Faganello, operador da Advanced Corretora. Ele se referia à manobra frustrada do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), de tentar aprovar urgência para votar o texto desfigurado das 10 medidas anticorrupção. METRO


08|

Hollande, ontem, no Palácio do Eliseu: esquerda dividida | REUTERS

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

Cinzas de Fidel e de Che ‘dormem’ juntas

Arlindo Chinaglia: mandato de dois anos | DIVULGAÇÃO/CÂMARA DOS DEPUTADOS

Santa Clara. Restos mortais do ex-líder cubano, morto há uma semana, estão percorrendo

França. Hollande o país e devem chegar amanhã a Santiago de Cuba, onde no domingo serão sepultados Mercosul. anuncia que não Brasileiro irá uma processadora de carOs restos mortais do líder ne de Santa Clara, 280 qui- liderar Parlasul sairá candidato revolucionário Fidel CasO presidente da França, François Hollande, declarou ontem que não disputará as eleições de 2017. “A experiência me deu a humildade necessária à minha tarefa”, afirmou. “Como presidente, tenho o dever de dirigir o Estado. Como socialista, não posso aceitar a divisão da esquerda. Por isso, decidi não ser candidato a um novo mandato”, disse Hollande, que chegou ao poder em 2012. O anúncio de Hollande surge depois da vitória de François Fillon nas primárias da direita. Pesquisas indicam que Fillon iria ao segundo turno com a ultradireitista Marine Le Pen e a venceria com folga. METRO

tro chegaram ontem a Santa Clara, no centro de Cuba, onde repousaram durante uma noite junto às de seu companheiro revolucionário Ernesto “Che” Guevara, como parte da peregrinação por todo o país semelhante à que ambos realizaram durante a Revolução de 1959. As cinzas de Fidel, que morreu na sexta-feira aos 90 anos, partiram de Havana na quarta-feira para um percurso de quatro dias pela ilha que terminará na cidade colonial de Santiago de Cuba, no sul do país. A relação entre Fidel e Guevara foi tão próxima que Castro chegou a admitir que sonhava com ele anos depois de sua morte. “O tem-

Cubanos aguardam passagem de cortejo; no detalhe, Fidel e Che | REUTERS

po passa, e às vezes você sonha com o companheiro que morreu, e o vê vivo e conversa com ele”, disse em uma entrevista publicada no livro “Cien horas con Fidel”.

“Este é um lugar sagrado nosso porque aqui repousa o Che, e agora Fidel vai passar a noite junto a seu companheiro de luta”, disse Pedro Pineda, funcionário de

lômetros a leste de Havana, onde um memorial com uma estátua homenageia o guerrilheiro cubano-argentino que se converteu em ícone da revolução. “Eu sou Fidel!”, gritavam os cubanos ao longo do caminho para se despedirem de “El Comandante”. Uma vez finalizado o trajeto de quase mil quilômetros, os restos de Fidel repousarão no cemitério Santa Ifigenia, perto da tumba de um de seus grandes inspiradores: o herói da independência cubana, José Martí. Os ex-presidentes brasileiros Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff anunciaram que irão amanhã a Cuba para as últimas homenagens a Fidel. METRO

O deputado federal brasileiro Arlindo Chinaglia (PT-SP) assumiu ontem a presidência do Parlasul (Parlamento do Mercosul). Chinaglia substitui o argentino Jorge Taiana para um mandato de dois anos à frente do órgão, criado em 2006 para reunir os deputados dos Estados membros e discutir a integração regional. A transmissão de cargo ocorreu durante a sessão ordinária do Parlamento, em Montevidéu. Ontem foi o último dia para a Venezuela incorporar à sua legislação todas as resoluções do Mercosul. Como ainda faltariam 112, o país deve ser suspenso do bloco, segundo informado pela Reuters. METRO


2 CULTURA Lemonade

Beyoncé A revista americana Rolling Stone, especializada em cultura e entretenimento, divulgou sua lista dos 50 melhores álbuns lançados em 2016. O ranking foi publicado no site oficial da revista nesta semana. Beyoncé ficou em primeiro lugar com seu álbum Lemonade, lançado em abril.

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

DIVULGAÇÃO

10|

ALEXANDRE NERO Ator apresenta em BH a peça “O Grande Sucesso”. O espetáculo leva para o palco temas como sucesso e fracasso, com muito humor

‘NÃO É UM MUSICAL TRADICIONAL’ O Cine Theatro Brasil Vallourec recebe neste fim de semana o musical “O Grande Sucesso”, que mostra de maneira cômica as dificuldades pelas quais os atores passam enquanto esperam entrar em cena. Na montagem, Alexandre Nero, recentemente indicado ao Emmy Internacional, divide o palco com outros sete atores. Ao Metro, o ator contou detalhes da peça. Confira: Como a história é contada no palco? Somos oito artistas no palco. A peça fala sobre um grupo de artistas secundários que espera para entrar em cena. Enquanto não che-

ga a hora, eles levantam uma série de questões filosóficas e provocativas que valem tanto para o teatro quanto para a vida.

queria um espetáculo que falasse exatamente de sucesso e fracasso, mas que não subestimasse o olhar poético e a imaginação do público.

A peça faz uma reflexão sobre sucesso e fracasso. Como você define o sucesso e o fracasso? Quando cheguei à TV, comecei a receber muitos parabéns. Entendi que era a versão das pessoas de que eu tinha, enfim, alcançado “sucesso”, dinheiro, fama ou “chegado lá”, como costumam dizer. Mas, para mim, o sucesso nunca esteve relacionado a essas coisas. Quando encomendei o texto ao meu parceiro Diego Fortes,

Como lida com isso? Já tive mais fracassos do que sucessos, e eles são absolutamente comuns na vida de qualquer pessoa, afinal o fracasso é certo; o sucesso, não necessariamente. Não tem a ver somente com talento ou empenho. Os fracassos simplesmente acontecem, e eles nos engrandecem, nos ensinam. Será que fazer sucesso é lotar o teatro, apenas? Nem tudo é só dinheiro, ibope. Há muitas outras coisas que me interessam.

Como foi a preparação para interpretar o personagem? Para preparar um novo personagem, show ou espetáculo, nada substitui estudar e pesquisar profundamente cada projeto. Nesse caso específico, “O Grande Sucesso” é fruto de um processo criativo que só o teatro proporciona. Qual é o ponto alto do espetáculo? Como o público

vai se surpreender? A originalidade é o ponto alto. “O Grande Sucesso” não é um musical tradicional. Tem muito humor, mas um humor irônico, que é tipicamente meu, meio melancólico, muito curitibano, que está presente em toda a atmosfera do espetáculo. METRO No Cine Theatro Brasil Vallourec (Praça Sete). Amanhã, às 20h, e no domingo, às 19h. Ingressos de R$ 25 a R$ 70


12|

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{PUBLIMETRO}

Leitor fala

Os invasores

Receita Minuto

Roger Machado no Galo Grande acerto do Atlético! Acho o Roger um treinador conceitualmente moderno, sabe o que está acontecendo no futebol atual e poderá, enfim, organizar o extremamente qualificado time alvinegro. Terá que saber lidar com os egos do elenco, e requerer algumas contratações pontuais, na defesa principalmente, mas tem tudo para fazer um ótimo trabalho.

DANIEL BORK DANIEL.BORK@METROJORNAL.COM.BR

Cruzadas

BOLACHINHA BICOLOR

RAPHAEL OLIVEIRA – BELO HORIZONTE, MG

Fim da Lava Jato É lamentável dizer isso, mas os ilustres procuradores, promotores, enfim o Poder Judiciário por si só não será capaz de destruir essa geração de agentes políticos corruptos, que há séculos estão destruindo nosso Brasil. Precisamos repensar a história e buscar alternativas reais para colocar Ordem, Progresso e Justiça nesse Brasil.

INGREDIENTES 1 xícara (chá) de manteiga 1 xícara (chá) de açúcar 2 ovos 1 colher (chá) de baunilha 5 colheres (sopa) de leite 3 xícaras (chá) de farinha de trigo

4 colheres (sopa) de cacau em pó 2 colheres (sopa) de manteiga derretida 1 colher (sopa) de fermento em pó

MARCOS DIAS – BELO HORIZONTE, MG

Modo de preparo: Bata todos os ingredientes em uma batedeira, menos o cacau. Deixe ficar uma massa homogênea e divida em duas partes. Em uma das partes misture o cacau até ficar uma massa de chocolate. Após, abra as duas massas, coloque uma sobre a outra e enrole como um rocambole. Coloque em um papel filme e leve para a geladeira para endurecer. Retire, corte em formato de bolachinhas, com a ajuda de uma faca e coloque em uma assadeira levemente untada com manteiga ou óleo. Leve para assar em forno pré-aquecido (200°C) por cerca de 15 minutos. Retire, espere esfriar e sirva.

Vaquejada Como brasileira, tenho vergonha de dizer que o meu país voltou para idade média e aprovou essa monstruosidade que é a vaquejada como patrimônio cultural. Isso sim é símbolo do atraso! Só podia ser o Temer – o presidente por ‘acaso’. MARCELO CORREIA – BELO HORIZONTE, MG

Rendimento: 50 unidades Quer mais?

BOLO DE ARROZ CRU

Clique metrojornal.com.br para acessar conteúdo exclusivo, atualização de nossas reportagens, todos os nossos colunistas e galerias com as melhores imagens do dia.

100 gramas de queijo parmesão ralado 100 gramas de coco seco ralado 1 colher (sopa) de fermento em pó

Para falar com a redação:

INGREDIENTES 4 ovos 3/4 xícara (chá) de óleo 1 1/2 xícara (chá) de açúcar 1 xícara (chá) de leite 2 xícaras (chá) de arroz cru

leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Sudoku

Modo de Preparo: Deixe o arroz de molho por 8 horas na geladeira, deixando-o hidratar; coloque o leite, o óleo, e os 4 ovos no liquidificador e bata, acrescente o arroz e bata novamente até triturar bem o arroz, passe a mistura para uma travessa e acrescente o açúcar, o coco, o queijo parmesão, e o fermento; passe toda a mistura para um assadeira untada e leve ao forno a 180 graus por aproximadamente 40 minutos. Forno: 180°C/40m

Rendimento: 10 porções

Daniel Bork apresenta o programa Dia Dia de segunda a sexta às 9h, na Band

Horóscopo Período importante para projetos a longo prazo. Situações que envolvam novas responsabilidades marcarão o momento profissional.

Está escrito nas estrelas POR: GUILHERME SALVIANO Valorize momentos para cuidados com o corpo, saúde e para recompor-se de desgastes causados pela rotina. Aproveite o momento para se divertir mais e desviar a mente de preocupações que ocuparam sua

www.estrelaguia.com.br Muitas vezes é essencial se desfazer de lugares e pertences a que somos apegados para dar espaço ao que é diferente e renovar energias.  

Este é um dia positivo para vivenciar seu intelecto, para se empenhar a leituras ou hobbys que façam bem a mente.

atenção na semana.

Seja cuidadoso(a) com a maneira de tratar alguns assuntos íntimos ou que envolvam as emoções de quem se relaciona.

Assuntos ligados a familiares devem tomar uma atenção extra. Dia em que está propenso(a) a organizar os ambientes que vive.    

Tenha atenção para não agir com posturas antissociais que façam se afastar de bons amigos ou desagradar pessoas.

A Lua em seu signo oposto, Capricórnio, trará uma sensibilidade diferente para perceber o que as outras pessoas precisam.

A vida amorosa recomenda paciência e jeito para lidar com certas conversas. Procure compreender mais os pensamentos de quem gosta.

O envolvimento com amigos tende a ser mais intenso e prazeroso. Também é um momento para se voltar a causas voluntárias.

A Lua em seu signo favorece novas responsabilidades, mas traz necessidade de persistência diante de obstáculos trazidos por elas.

Soluções


BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

13|

Metro BH vence prêmio de melhor mídia impressa do ano O Sinapro-MG (Sindicato das Agências de Propaganda de Minas Gerais) entregou ontem à noite em evento realizado no Espaço Meet Porcão, no bairro São Bento, o prêmio Minas de Comunicação/Os Melhores da Propaganda Mineira 2016, realizado pela AMP

César Troncoso e Dan Stulbach em cena de ‘ O Vendedor de Sonhos’ | DIVULGAÇÃO

Cine social Beneficente. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas, em parceria com Luiz Sternick, promovem pré-estreia do filme ‘O Vendedor de Sonhos’. A sessão terá renda revertida para crianças carentes mineiras O Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas, em parceria com Luiz Sternick, promove nesta segunda-feira, dia 5 de dezembro, às 21h, no Cineart do Ponteio Lar Shopping (Rodovia BR-356, 2500 – Santa Lúcia), uma sessão beneficente de pré-estreia do filme “O Vendedor de Sonhos”, do diretor paulista Jayme Monjardim. O evento faz parte do projeto “No escurinho do cinema com Luiz Sternick” e terá renda revertida para o “Salão do Encontro”, uma das mais importantes entidades beneficentes do mundo no combate à pobreza infantil e uma das 20 maiores instituições beneficentes do país. “Esperamos arrecadar o máximo possível e fazer do

projeto um sucesso”, explica Sternick. “Nossa maior intenção é reafirmar o Salão do Encontro como instiuição importante na recuperação de pessoas carentes. É hora de retribuir tudo o que a vida nos proporcionou e ajudar essas crianças”, concluiu. Baseado no livro de Augusto Cury, o longa conta a história de um renomado psicólogo que, desiludido com a vida, está prestes a cometer suicídio. Ao conversar com um mendigo, desiste de suas intenções e aceita o convite do novo amigo para seguir por uma nova trajetória pela cidade. Os convites custam R$ 60 e estarão à venda no local, na hora do evento. METRO BH

O Metro indica

Infantil ‘A Gaiola’. Assinado pela diretora Duda Maia, o musical conta a história de amor e separação de um passarinho que cai, ferido, na varanda da casa da menina. De amanhã a 19 de dezembro, às 11h e às 15h, no CCBB (Praça da Liberdade). Ingressos de R$ 10 a R$ 20.

Show 14 Bis e Beto Guedes. Com uma mistura de músicas inéditas e releituras, o 14 Bis convida Beto Guedes para apresentação única em BH. No repertório, clássicos dos artistas como “Sal da Terra”, “Trem Azul” e “Todo Azul do Mar”. Amanhã, às 21h, no Palácio das Artes (av. Afonso Pena, 1537 – Centro). De R$ 50 a R$ 100.

Artes 2ª Feira do Memorial. Cerca de 30 profissionais das áreas de fotografia, design e ilustração apresentam trabalhos criativos, originais e exclusivos ao público mineiro, que poderá apreciar e adquirir os produtos diretamente dos artistas. Amanhã, das 10h às 18h, e no domingo, das 10h às 16h. No Memorial Minas Gerais Vale (Praça da Liberdade). Gratuito.

– Associação Mineira de Propaganda. O vencedor na categoria Veículo do Ano – mídia impressa – foi o Metro Jornal BH. Esse é o segundo ano em que o jornal do Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas recebe a premiação. A festa contou com

importantes nomes da comunicação mineira, além de agências e veículos. O prêmio escolhe os profissionais, anunciantes e veículos do ano para estimular o desenvolvimento do mercado da comunicação em Minas Gerais. METRO BH

Gerente Executivo do Metro, Cássio Mota, junto ao Presidente do Metro Brasil, Cláudio Bianchini, e o Diretor Geral do Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas, José Saad Duailibi DIVULGAÇÃO


3 ESPORTE Homenagem

Histórico Mesmo com o cancelamento da partida, a torcida do Atlético Nacional compareceu em grande número – estima-se 100 mil pessoas vestindo branco com velas e flores –, ao estádio Atanasio Girardot para uma cerimônia em homenagem às vítimas do acidente que vitimou profissionais da imprensa e a delegação da Chapecoense. Ontem, brasileiros agradeceram a linda homenagem.

14|

BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Autonomia do voo foi questionada Colômbia. Funcionária de agência aérea boliviana desaprovou plano de voo apresentado Dois documentos mostram que uma funcionária da Agência Nacional de Aviação da Bolívia questionam o piloto Miguel Quiroga, da LaMia, sobre a autonomia do avião para o trajeto. A aeronave caiu na madrugada de segunda para terça-feira, matando 71 pessoas e ferindo outras 6. De acordo com descoberta do jornal boliviano “El Deber”, Celia Castedo Monasterio, responsável por revisar os planos de voo, teria alertado que a capacidade de armazenamento de combustível da aeronave não era adequada para aquele deslocamento – de Santa Cruz de La Sierra (BOL) para Medellín (COL) –, além de faltar um plano alternativo, já que a quantidade de combustível seria insuficiente

em caso de emergência. Ao questionar um despachante sobre o tempo de voo, que seria o mesmo de autonomia de combustível, que era de 4h22, ele teria dito que duraria menos. “Não, senhora, essa autonomia que me passaram é suficiente. Assim, não apresento mais nada. Vamos fazer em menos tempo, não se preocupe. Fique tranquila”, disse o despachante. Celia, sem sucesso, ainda insistiu: “Isso está errado. Peço que troque o plano de voo”. A funcionária, no entanto, não tinha autoridade para impedir a realização do voo. Esta responsabilidade cabia à Departamento de Aviação Civil da Colômbia. A agência ainda não se manifestou so-

bre o caso e a funcionária foi afastada de suas funções. Caixa-preta As caixas-pretas de dados e voz do avião RJ-85 serão abertas na Inglaterra, que ofereceu seu laboratório do AAIB (Escritório Oficial de Investigação de Acidentes Aéreos), especializado em apurar tragédias civis aeronáuticas, para abrir as caixas-pretas. O avião, de fabricação britânica, tinha 17 anos de uso. Participarão do procedimento investigadores da Bolívia, Brasil, Inglaterra e do (NTSB) National Transportation Safety Board, órgão oficial de investigação dos Estados Unidos. Responsável pelo controle aéreo da Bolívia, a DGAC

Caixas-pretas do avião foram enviadas à Inglaterra | TWITTER

(Direção Geral de Aeronáutica Civil) anunciou a suspensão imediata das atividades da empresa LaMia após o acidente com a delegação da Chapecoense, sob a acusação de voar sem seguir protocolos de segurança. METRO

Velório será amanhã na Arena Condá A previsão para o velório coletivo dos mortos na tragédia da Colômbia na Arena Condá mudou de hoje para o período da manhã de amanhã. De acordo com Ivan Tozzo, presidente em exercício da Chapecoense, a mudança ocorreu pelo horário de chegada dos corpos, que virão ao Brasil em aviões da Força Aérea Brasileira. Eles estão programados para deixar Medellín na manhã de hoje e devem pousar em Chapecó na madrugada. Os corpos das vítimas do acidente com o avião da LaMia que levava o elenco da Chape para Medellín devem seguir em caravana fúnebre até o aeroporto Olaya Herrera. A decisão, porém, ainda depende de trâmites burocráticos. Se for confirmada, serão 64 carros com distintivos do clube catarinense. O número de corpos previsto no velório também pode ser alterado. Por enquanto, são esperados 51. A cerimônia deve durar cerca de três horas, segundo Tozzo. METRO


BELO HORIZONTE, SEXTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2016 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

15|

Atlético avisa que não Versão da controladora W.O. enfrentará a Chapecoense Mensagem. Funcionária que orientava avião da LaMia minutos antes do acidente escreveu carta com desabafo sobre tragédia; ‘Fiz o humanamente possível e tecnicamente obrigatório’ Yaneth Molina, controladora de voo colombiana que atendeu o chamado de Miguel Quiroga, piloto responsável pela aeronave da LaMia que caiu na região da Antióquia vitimando 71 pessoas, incluindo a delegação da Chapecoense e profissionais de imprensa, enviou ontem uma carta dirigida aos colegas controladores de voo e di-

“Apreciados companheiros. É para mim reconfortante saber que mesmo neste meio tão difícil conto com o apoio de vocês. De todos os cantos do país, me enviaram mensagens de força e acompanhamento neste momento difícil de minha vida profissional. Não tenho mais o que agradecer a vocês de antemão e, com o coração, todo o seu apoio. Nosso trabalho é tão especial que hoje me colocou

vulgado primeiro pela rádio local Caracol. Ela se comunicou com a aeronave minutos antes do acidente. No documento, Yaneth diz que assegurou que fez tudo o que pôde para livrar as pessoas da tragédia: “Fiz o humanamente possível e o tecnicamente obrigatório para conservar as vidas desses usuários”. Leia a carta

nestas circunstâncias de tempo e lugar para enfrentar a crueldade da realidade que resultou deste incidente. Companheiros, por minha família e por este trabalho que valorizo e respeito, posso afirmar com absoluta certeza que de minha parte fiz o humanamente possível e o tecnicamente obrigatório para conservar a vida destes usuários de transporte aéreo. Lamentavelmente, meus esforços foram em vão pelas razões que todos vocês

na íntegra abaixo. Em um texto em tom de desabafo, a controladora diz que tem recebido muitas mensagens de apoio, mas também ameaças: “Pessoas ignorantes ameaçam minha integridade física e minha tranquilidade pessoal.” A Associação de Controladores Aéreos da Colômbia isentou Yaneth de culpa no

conhecem. Hoje a vida me colocou nesta posição pouco agradável de ter que enfrentar uma situação como a do dia 28, situação que, por nosso trabalho, estamos expostos todos os dias, todos os turnos, e desta vez coube a mim e reitero diante de vocês que me manifestaram apoio, que tudo que fiz na frequência foi para preservar a integridade dos ocupantes dessas aeronaves, principalmente e porque os ocupantes das outras aeronaves estavam sob minha responsabilidade.

episódio. Em entrevista à rádio “Blu”, Carlos Ferney Llanos, presidente da associação, apontou que a profissional fez todo o procedimento correto e reiterou a versão de que o piloto do avião não declarou a emergência a tempo: “Ela atuou profissionalmente, é quase uma heroína, separando os aviões em situação de emergência.” METRO

Lamentavelmente, por causa de meus colegas jornalistas, consegui que pessoas ignorantes e alheias a este ofício, e sobretudo que ignoram os procedimentos, ameacem minha integridade física e minha tranquilidade pessoal, pois estou analisando soluções a respeito das quais espero discutir com os diretores da entidade.

Desde que a tragédia no voo da Chapecoense aconteceu, o Atlético se mostrou solidário com o clube catarinense em relação à última rodada do Brasileirão. E uma das inúmeras dúvidas está esclarecida: o Galo não vai entrar em campo na Arena Condá. Daniel Nepomuceno, presidente da equipe alvinegra, avisou à CBF da decisão em um pronunciamento oficial no CT do Atlético.

Apoio. Ronaldinho e Riquelme se oferecem

Com todo meu respeito e companheirismo, de todo o coração, Yaneth Molina”

“Vim aqui somente informar que o Atlético não irá jogar contra a Chapecoense, não irá para Chapecó na ultima partida. A gente acredita no esporte, respeita a dor, não é o momento de cobrar de jogador nenhum. Já comuniquei à CBF. Nessa partida, o Atlético não irá. Provavelmente, a maior punição é a perda dos três pontos. É o mínimo que tem que ter pelos familiares, pela cidade e pelo país que está sofrendo”. METRO

Riquelme está aposentado | RICHARD HEATHCOTE/GETTY IMAGES

Além de atletas de muitos times, o clube catarinense também poderá contar com Ronaldinho Gaúcho, em fim de carreira, e o argentino Riquelme, já aposentado. Ambos sugeriram que podem jogar de graça pela Chape no 1º semestre. METRO



20161202_br_metrobh