Issuu on Google+

DEU RUIM NA JUSTIÇA DO DF

Nachtergaele atua em ‘Processo Conscerto do Desejo’, no teatro Poeirinha

ZECA PAGODINHO É CONDENADO POR SUPERFATURAMENTO DE SHOWS PÁG. 16

No palco, à flor da pele Matheus Nachtergaele homenageia mãe em peça

Zeca alega que cobrou seu valor de cachê em 2008: advogado vai recorrer

PÁG. 14

RIO DE JANEIRO Quarta-feira, 2 de dezembro de 2015 Edição nº 1.267, ano 6 MÍN: 19°C MÁX: 30°C

www.metrojornal.com.br | leitor.rj@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @MetroJornal_RJ

Manobra adia processo de cassação de Cunha Ficou para hoje. Lançando mão de muita discussão e bate-boca, tropa de choque de aliados do presidente da Câmara conseguiu suspender a sessão do Conselho de Ética. Reunião deveria votar o relatório do deputado Fausto Pinato que pede a continuidade das investigações PÁG. 06

UERJ ESTÁ ESTAGNADA

Para aumentar arrecadação, desconto do IPVA vira 3%

Alunos ocupam universidade em protesto pela falta de pagamento de bolsistas e terceirizados e por parcelamento de salários no Estado. Aulas não foram retomadas PÁG. 03 CAIUÁ FRANCO/ TV GLOBO/ DIVULGAÇÃO

Crise no Estado diminui percentual para quem paga o imposto em cota única. Confira datas de pagamento PÁG. 04 Cris Vianna foi vítima de injúria racial em rede social. Atriz diz que vai usar sua voz por muitos que sofrem esse ataque

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

PÁG. 14

‘Não posso me Estudantes bloquearam os acessos à unidade e impediram a retomada das aulas, prevista para ontem | ERBS JR./ METRO RIO

calar’

BRUNA PRADO/ METRO RIO/ 29-04-2015

O Metro Jornal é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável.

ROBERTO FILHO/ DIVULGAÇÃO


02|

1 FOCO

Segurança é reforçada em três regiões

Jorge Lima, pai de Roberto Souza, pede Justiça | JOSE LUCENA/FUTURA PRESS

Furtos e roubos. Foram presas 23 pessoas no primeiro dia da Operação Segurança Presente, parceria do Governo do Estado com a Fecomércio Eles são policiais militares, mas não andam fardados. Usam coletes que lembram os de agentes de trânsito, e bicicletas, motos e carros diferentes do resto da corporação. Só patrulham áreas específicas: Aterro do Flamengo e Lagoa, na zona sul, e Méier, na zona norte. No Operação Segurança Presente, que começou ontem, 270 agentes participam da ação em áreas com altos índices de furtos e roubos de rua. Até o fim do mês, o efetivo deve chegar a 400 homens. O governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, acompanhou ontem, no Aterro do Flamengo, o primeiro dia da operação – uma parceria entre o Governo do Estado e o

O juiz do Plantão Judiciário Sandro Pitthan Espíndola converteu para preventiva a prisão em flagrante dos quatro policiais militares envolvidos nas mortes de cinco jovens de 16 a 25 anos, na noite de sábado, em Costa Barros, na zona norte. Todos eram lotados no 41º BPM (Irajá) e foram levados para o Batalhão Especial Prisional (BEP) da PM, em Niterói, região metropolitana. Em nota, a Polícia Militar informou que o Comandante-Geral da PM, coronel Alberto Pinheiro Neto, determinou, ontem, que os policiais presos sejam submetidos – de imediato – ao Processo Administrativo Disciplinar que julgará a exclusão deles. METRO RIO

EDIMILSON MIGOWSKI EDIMILSON.MIGOWSKI @METROJORNAL.COM.BR

Em estado grave Filho do escritor Nelson Rodrigues, o diretor de teatro, produtor e roteirista Nelson Rodrigues Filho, de 70 anos, está internado em estado grave no Hospital São Lucas, em Copacabana, na zona sul. Ele sofreu um Acidente Vascular Encefálico (AVE) hemorrágico na última sexta-feira. Segundo a unidade, ele foi submetido à uma cirurgia e está no Centro de Tratamento Intensivo (CTI), onde respira com ajuda de aparelhos.

Serviço. CPF será emitido junto com a certidão de nascimento

Costa Barros. Justiça torna prisão de PMs preventiva

SAÚDE EM PAUTA

Nelson Rodrigues Filho

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Professor de Medicina e diretor geral do Instituto de Pediatria da UFRJ (IPPMG/UFRJ), Dr. Edimilson Migowski escreve às quartas-feiras. COM BRENO RODRIGUES

Agentes no Aterro do Flamengo | PAULO VITOR/ GOVERNO DO ESTADO

Sistema Fecomércio-RJ. “Tenho certeza de que as operações na Lagoa, no Aterro e no Méier servirão de exemplo para que outras parcerias possam ser estabelecidas”, disse.

O balanço da ação teve 23 presos e 98 conduzidos à delegacia, três menores acolhidos pelo Conselho Tutelar, três facas apreendidas e um celular recuperado. METRO RIO COM BAND

Um serviço pioneiro vai facilitar a vida do cidadão carioca: desde ontem, todos os cartórios do Estado do Rio poderão emitir o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) nas certidões de nascimento. A medida foi lançada ontem, pela Receita Federal e a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado do Rio de Janeiro (Arpen-RJ). O projeto abrangerá os diversos Cartórios de Registro Civil do Estado ligados à Arpen-RJ que já podem emitir o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) na 1ª via da certidão de nascimento de todos os recém-nascidos no Estado. Também será permitido o cadastro da filiação independentemente do gênero que compõe a família. A emissão do CPF na certidão de nascimento tem como objetivo evitar as fraudes e os problemas causados por homônimos. METRO RIO

DE OLHO NA SAÚDE ENTRE AS AMÉRICAS Hoje, dia 2 de dezembro, comemoramos o Dia Panamericano da Saúde, uma data que mobiliza o continente em torno de campanhas educativas e preventivas, buscando o bem-estar da população. No Brasil, o Dia Panamericano da Saúde teve sua instituição em 2 de dezembro de 1941. A data foi sugerida pela Organização Pan-americana da Saúde (OPAS), criada em 1902 e constituída por representantes de todos os países das Américas.

FALE COM A REDAÇÃO leitor.rj@metrojornal.com.br 021/2586-9565 COMERCIAL: 021/2586-9570

O Metro jornal circula em 23 países e tem alcance diário superior a 18 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Campinas e Grande Vitória, somando 495 mil exemplares diários.

Objetivo da campanha » O objetivo da data é conscientizar sobre os principais cuidados com a saúde, além de fortalecer conceitos sobre qualidade de vida, como a boa alimentação e a prática de esportes. » Faz-se necessário fazer exames periódicos de câncer de mama e de próstata, além de ficar longe de vícios como cigarro, álcool

ou drogas. » A ampla divulgação do calendário de vacinação é um grande objetivo da data. Uma das principais vitórias que o Brasil obteve nos últimos anos, que precisa ser lembrada e comemorada neste dia, é a erradicação de doenças através da vacinação. Dica do livro ‘A Vida do Bebê’

» Após sofrer com algumas epidemias, o Brasil possui hoje um rigoroso controle de doenças através de calendários obrigatórios de vacinação nos primeiros anos das crianças. Um dos exemplos do sucesso de campanhas de vacinação é a erradicação da paralisia infantil no país. Não deixe de vacinar seu filho! Fique bem, cuidese bem!

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Gerente Executivo: Ricardo Adamo Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso Metro Rio de Janeiro. Editora-Executiva: Ana Lúcia do Vale. (MTB: 18.892) Editora de Arte: Cláudia Lorena. Gerente Comercial: Patrícia Capeluto Grupo Bandeirantes de Comunicação RJ. Diretor Geral: Daruiz Paranhos Diretor de Jornalismo: Rodolfo Schneider. Diretor Comercial: Tuffy Habib

Filiado ao

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: Rua Álvaro Ramos, 350, 4º andar, Botafogo, CEP 22280-110, Rio de Janeiro, RJ. Tel.: 021/2586-9570. O Metro Rio de Janeiro é impresso pela News Technology Gráfica e Editora Ltda. Tels.: 021/3552-0580 e 021/3552-0553


RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

03|

Protesto de alunos impede retomada das aulas na Uerj Crise no Estado. Estudantes bloqueiam acessos da universidade em protesto contra a falta de pagamento de bolsas e de salários aos funcionários terceirizados, além do parcelamento dos vencimentos dos servidores. Atividades retornariam ontem, após terem sido suspensas por insalubridade No dia em que as aulas seriam retomadas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), ontem, uma semana após a reitoria suspender as atividades devido ao “estado de insalubridade” do campus no Maracanã, a instituição amanheceu ocupada por cerca de 300 alunos. Em protesto contra a falta de pagamento de bolsas a alunos e de salários a servidores e funcionário terceirizados, os estudantes impediram a entrada na universidade, bloqueando todos os acessos. Parte do grupo ocupou a Uerj na noite de segunda-feira e montou barracas de camping no local, onde os universitários dormiram. Após uma assembleia realizada ontem, os alunos decidiram manter a ocupação por tempo indeterminado, até que os pagamentos sejam quitados. Com faixas e cartazes com frases como “sem bolsa, sem aula” e “7.100 estudantes sem bolsa, 33.000 estudantes sem aula!”, os manifestantes chamavam a atenção para o atraso no pagamento das bolsas aos alunos quotistas. Segundo eles, a de novembro não foi paga e a deste mês, que tem até o dia 7 para ser depositada, não tem previsão de ser quitada. A finalidade da bolsa, no valor de R$ 400, é cobrir despesas com alimentação, transporte e xerox. Os bolsistas também se queixam que o auxílio está há seis anos sem ser reajustado. “O movimento é justo pelo

fato de os terceirizados estarem há mais de um ano com pagamentos irregulares. Trabalham, basicamente, recebendo só vales para transporte e alimentação. Culminou, também, com o não pagamento dos bolsistas, que não têm recursos e dependem do auxílio para frequentar as aulas. Além disso, o governador [Luiz Fernando Pezão] anuncia o parcelamento do salário dos docentes e técnicos administrativos, sem ter garantia que a segunda parcela será paga, assim como 13º salário. É quase o fim do ensino, da educação”, lamenta Flávia Brito, professora adjunta da Uerj. Constrangimento O servidor técnico administrativo César Castro, de 59 anos, representante dos funcionários no conselheiro universitário, diz que a situação é desconfortante: “É muito constrangedor para o servidor da casa ver a pessoa que limpa a sua sujeira, abre o estacionamento e faz a sua segurança estar sem receber. Mas esse problema não é de hoje. Vem se repetindo a cada ano. Aí, o problema dos bolsistas e o parcelamento do salário foram o estopim”. Em um comunicado curto no site da instituição, o reitor da Uerj, Ricardo Vieiralves, disse apenas que “a manifestação pacífica dos estudantes é legítima e motivada”. RENATA MACHADO METRO RIO

“É um movimento justo. Não sei se é a melhor saída, porque os alunos podem ser vistos como agressivos. Mas, diante da omissão do reitor [Ricardo Vieiralves], sem ele estar ali apoiando, os estudantes fazem o que acham melhor.” FLÁVIA BARBOSA BRITO, 43 ANOS, PROFESSORA ADJUNTA DO CURSO DE NUTRIÇÃO DA UERJ

Parte dos estudantes montou barracas e está acampada na Uerj

Cerca de 300 alunos bloquearam todos os acessos à Uerj, impedindo a entrada de alunos e professores | FOTOS: ERBS JR./METRO RIO

‘Estamos lutando para pagar os servidores’, afirma Pezão O governador Luiz Fernando Pezão afirmou, ontem, que está lutando para conseguir antecipar o pagamento aos servidores do Estado da segunda parcela do salário referente à novembro. Mas, a princípio, ela só será paga no dia 9. Além disso, Pezão afirmou, mais uma vez, que não tem garantias de que conseguirá quitar o 13º salário até o dia

17. “Se eu parcelei novembro, como é que estarei com 13º garantido? Não tem nada definido ainda. O Estado perdeu mais de R$ 12 bilhões de sua receita este ano”, justificou. Na segunda-feira, a Secretaria de Fazenda anunciou que, por falta de recursos, o governo parcelará o salário de quase 50% dos servidores, os que ganham acima de R$ 2

mil. Só quem recebe até esse valor receberá os vencimentos de forma integral até hoje. Pezão disse que tem sido difícil manter as contas em dia: “Em relação à Uerj, tivemos a primeira bateria de pagamentos [ontem] e estamos buscando outras formas para agilizar o restante. Estamos lutando diariamente para pagar os servidores”. METRO RIO

Residência do HUPE em risco Médicos residentes do Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE), da Uerj, também protestaram ontem. Em greve desde o último dia 23 (apenas 30% do efetivo está trabalhando), devido ao atraso no pagamentos das bolsas no valor de R$ 2,9 mil, eles caminharam da unidade, no Boulevard 28 de Setembro, até a universidade, bloqueando a rua São Francisco Xavier. Segundo os manifestantes, o programa de residência no HUPE pode ser descredenciado, caso a situação não seja regularizada. “Estávamos recebendo com atraso desde o início do ano e, agora, não

Médicos residentes também protestaram por atraso no pagamento de bolsas

recebemos em novembro a bolsa referente a outubro. Caso isso persista, o programa corre o risco de descredenciamento, pois dificulta a entrada de novos residentes”, disse Vitor Alvarenga, que faz

residência no hospital. O ato também reivindica o pagamento dos terceirizados, que estão trabalhando em esquema de rodízio, o que prejudica o funcionamento da unidade. R.M.

Hospital da UFRJ

Internações e cirurgias eletivas são suspensas O Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), suspendeu, ontem, novas internações e cirurgias eletivas ou não emergenciais. A interrupção dos serviços se deve ao acúmulo de um deficit de R$ 11 milhões no repasse financeiro do Fundo Nacional de Saúde, referente aos serviços prestados pela unidade ao SUS. O atraso no repasse em outubro e novembro retardou o pagamento de fornecedores e interrompeu o abastecimento da unidade, deixando-a sem condições de adquirir medicamentos, material cirúrgico e outros insumos básicos. A direção geral do hospital informou que os pacientes internados seguem com tratamento normalizado, até o momento, e que as atividades serão restabelecidas assim que os recursos forem repassados. METRO RIO


04|

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Desconto do IPVA cai para apenas 3% Crise Econômica. Estado divulga tabela de pagamento do imposto quase sem vantagem para quem optar pela cota única A Secretaria Estadual de Fazenda divulgou ontem as datas para o pagamento do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2016 no Rio de Janeiro. De acordo com o calendário, que começa no dia 19 de janeiro, o vencimento da cota única e da primeira parcela será o mesmo, conforme o número do final da placa (confira no quadro ao lado). A secretaria ainda não informou os valores para o pagamento do imposto no ano que vem. Já o desconto para o pagamento integral do IPVA será de apenas 3%. O desconto diminuiu na in-

10% de desconto foi dado para quem optou pagar em cota única o IPVA de 2014. Neste ano, o desconto foi de 8%. tensidade da crise econômica do Estado. Neste ano, foi de 8% e de 10% em 2014. Em outubro, o governador Luiz Fernando Pezão já havia sancionado uma nova lei que reajusta as alíquotas de cobrança do IPVA – o que deve garantir R$ 500 milhões nas contas do Estado. Carros de passeio e camionetas (inclusive flex,

à gasolina ou a diesel) vão pagar 4% em vez de 3%. Carros com GNV pagam 1,5% Pezão, no entanto, vetou emenda à Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) para cobrar uma alíquota maior – que seria de 4,5% – de proprietários de veículos mais potentes. Segundo a secretaria, para fazer o pagamento do IPVA é necessário imprimir a guia no site do banco Bradesco a partir do dia 13 de janeiro. O pagamento poderá ser realizado em qualquer agência bancária ou pelos serviços de internet banking e de teleatendimento do sistema bancário. METRO RIO

Imposto foi reajustado em outubro |

JOSE LUCENA/FUTURA PRESS

Calendário as placas:

0 1 2 3 4 5 6 7 8 9

1a parcela (19/01), 2a parcela (18/02) e 3a parcela (18/03).) 1a parcela (21/01), 2a parcela (22/02) e 3a parcela (21/03). 1a parcela (25/01), 2a parcela (24/02) e 3a parcela (24/03). 1a parcela (27/01), 2a parcela (26/02) e 3a parcela (28/03). 1a parcela (29/01), 2a parcela (29/02) e 3a parcela (30/03). 1a parcela (02/02), 2a parcela (02/03) e 3a parcela (04/04). 1a parcela (04/02), 2a parcela (04/03) e 3a parcela (06/04). 1a parcela (11/02), 2a parcela (11/03) e 3a parcela (11/04). 1a parcela (15/02), 2a parcela (16/03) e 3a parcela (15/04). 1a parcela (17/02), 2a parcela (18/03) e 3a parcela (18/04).

BRASIL

Alunos protestam em SP contra reorganização Educação. Segundo o Estado, 200 escolas ainda estão ocupadas Em publicação no “Diário Oficial”, o governo do Estado de São Paulo decretou ontem o projeto de reorganização do ensino, que divide os colégios em ciclos únicos (anos iniciais e finais do fundamental e o médio) e fecha 92 escolas, afetando 311 mil alunos. Mesmo assim, as ocupações não cederam à publicação e novas manifestações bloquearam vias da capital paulista. Na ponte São João,

duas das três faixas no sentido centro ficaram interditadas das 7h20 às 8h50. Os estudantes também marcharam por outras ruas da região de Santo Amaro, zona sul. Na pista local da marginal Tietê, alunos caminharam até a ponte da Freguesia do Ó. A Força Tática foi acionada para desobstruir a via. Houve tumulto e policiais atiraram bombas de efeito moral contra os manifestantes. METRO

Policias tentaram desocupar escola na zona sul | ALICE VERGUEIRO/FOLHAPRESS

Teste de HVI chega a farmácias em 2016 Testes rápidos, de farmácia, para atestar se a pessoa está com o vírus HIV, causador da Aids, devem chegar às farmácias no primeiro semestre do ano que vem. Serão autotestes que podem ser feitos em casa. A previsão foi feita ontem pelo ministro da Saúde, Marcelo Castro. A Anvisa publicou na segunda-feira autorização para que os testes sejam registrados.

Segundo o ministro, se o resultado for positivo, o paciente deve procurar a rede pública de saúde para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento. Aproveitando o Dia Mundial de Luta contra a Aids, celebrado ontem, o ministério divulgou que a taxa de detecção da doença no país caiu 5,5% em um ano, de 20,8 casos por 100 mil habitantes em 2013 para 19,7 casos por

100 mil habitantes, em 2014. Foi a maior redução nos últimos 12 anos de epidemia. Mas a doença cresce mais na faixa de 15 a 24 anos: a taxa de detecção subiu de 9,5 em 2004 para 13,4 por 100 mil habitantes no ano passado. A estimativa do ministério é que existam 781 mil pessoas vivendo com o HIV /Aids no Brasil. METRO


06|

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Tropa de choque de Cunha adia votação Manobra. Aliados do presidente da Câmara impedem que processo que pode cassá-lo entre na 1ª fase. Só discussão sobre ‘fura-fila’ durou duas horas. Sessão será retomada hoje Numa demonstração de força, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), montou uma tropa de choque no Conselho de Ética e conseguiu ontem adiar a sessão destinada a votar o relatório de Fausto Pinato (PRB-SP), pedindo a continuidade das investigações do processo que pode resultar na cassação de mandato. A manobra para adiar a sessão foi capitaneada por um conjunto de manobras do regimento. Nova reunião foi marcada para hoje. A primeira intervenção questionava o fato de Onix Lorenzoni (DEM-RS) -- a favor da continuidade do processo -- ter furado a fila de inscrições. Houve bate-boca. “O deputado veio dando uma de malandro”, acusou Sérgio Moraes (PTB-RS). “Tem gente que prometeu e não tem o que entregar”, rebateu Lorenzoni, numa crítica à manobra. A discussão durou duas horas. No segundo ato, Manoel Junior (PMDB-PB) -- que é a favor de uma pena branda a Cunha -- questionou a presença de Eliziane Gama (Rede-MA), também a favor do processo. Ela é suplente no

Dilema

PT orienta voto contra

Sessão durou seis horas, mas não houve votação | ANTONIO ARAÚJO/AGÊNCIA CÂMARA

colegiado e assumiu o cargo quando era filiada ao PPS. “Ela é membro do Conselho, com mandato de dois anos. Só deixamos o Conselho se morrer ou se renunciar. Como não pretendo morrer, e Vossa Excelência também não, vamos ter que esperar acabar o mandato”, ironizou o presidente do colegiado, José Carlos Araújo (PSD-BA). Wellington Roberto (PR-PB) também atuou, com um voto em separado pedindo o arquivamento da representação. Araújo afirmou que o voto em separado só será analisado se a representação de Pinato for derrotada.

CPI do BNDES. Bumlai decide ficar em silêncio O pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Lula, optou por manter silêncio ontem no depoimento à CPI do BNDES. “O fato de estar sendo investigado em Curitiba me faz ter que resguardar uma série de respostas que poderia ter dado na semana passada”, justificou Bumlai. “Vou me manter em silêncio.” Ele teve a prisão decretada em 30 de outubro, justamente quando iria depor à CPI.

Bumlai é acusado por dois delatores da Lava Jato de contrair empréstimos de R$ 12 milhões com o banco Schain. O dinheiro seria usado para quitar dívidas do PT. “Sua postura é covarde e antipatriótica”, protestou o deputado Arnaldo Jordy (PPS-PA). “A minha vida foi construída com trabalho”, afirmou Bumlai. A CPI pedirá a prorrogação dos trabalhos por 30 dias. METRO BRASÍLIA

Delação torturada O advogado Marcelo Nobre, que defende Cunha, afirmou que o processo é ‘natimoro’. “Não podemos politizar a Justiça usando uma denúncia que não traz prova de nada”, disse. “Delação torturada não faz prova.” Nobre falou também que não houve mentira na CPI e que a manutenção de patrimônio num truste não precisa ser declarada à Receita Federal. “Meu cliente está correto”, declarou. MARCELO FREITAS

O PT decidiu enfrentar a ameaça de Eduardo Cunha de abrir o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. A decisão estaria condicionada aos votos dos três petistas do Conselho de Ética na votação da continuidade do processo. “Confio em nossos deputados no Conselho de Ética. Votem pela admissibilidade”, escreveu o presidente do PT, Rui Falcão. Um manifesto de 31 dos 60 deputados já marcava a posição. Zé Geraldo (PT-PA), porém, já falava a favor do arquivamento da ação ‘em nome da governabilidade’. A orientação veio do ministro Ricardo Berzoini (Secretaria de Governo). Há uma preocupação do governo de a Câmara ser paralisada comprometendo medidas de ajuste fiscal. METRO BRASÍLIA

METRO BRASÍLIA

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

INSTITUTO LULA ESCONDE OU NÃO SABE SOBRE PALESTRAS. O ex-presidente

Lula se enrola para explicar como faturou R$ 52,3 milhões, inclusive com sua empresa de palestras, a Lils (suas iniciais), entre 2011 e 2014. Lula jurou que foi sua receita com “palestras”, que, curiosamente, não são encontradas nas redes sociais. Tampouco no YouTube, onde palestrantes profissionais divulgam seu trabalho. O Instituto Lula se recusa a informar a lista de palestras do ex-presidente.

RECORDE MUNDIAL. Ganhando R$ 52,3 milhões com palestras, e se trabalhou os 1.460 dias de 2011 a 2014, Lula recebeu R$ 35,8 mil por dia (!).

Preso após ser flagrado numa suposta tentativa de obstruir as investigações da Lava Jato, o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) responderá a processo de cassação de mandato no Conselho de Ética do Senado. Diante da resistência do presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), de acionar o colegiado por ofício, o PPS e a Rede entregaram ontem a representação. O presidente do conselho, João Alberto de Souza (PMDB-MA), que votou pela revogação da prisão de Delcídio, terá cinco dias para decidir pela continuidade do processo ou pelo arquivamento. Mantida a ação, será dado prazo de 10 dias para a defesa e, em seguida, sorteado um relator, que terá 30 dias úteis para fazer investi-

gação. O processo só deverá ser concluído no fim do primeiro semestre de 2016. Delcídio é acusado de prometer uma mesada de R$ 50 mil à família do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró e fazer um plano de fuga dele para o exterior. O senador afirma que só deu palavras de conforto a Bernardo Cerveró, filho do ex-diretor. Liberdade negada A ministra do STF (Supremo Tribunal Federal) Rosa Weber rejeitou ontem pedido de habeas corpus apresentado pela defesa do senador. Ela alegou que não poderia julgar sobre decisões de Turma e que o advogado que aparece na ação não é o que foi informado à Corte como representante legal. METRO BRASÍLIA

MINISRO DIAS TOFFOLI (TSE), APÓS O CORTE DE 80% DOS RECURSOS PARA AS ELEIÇÕES DE 2016

tro de poucas palestras em grandes empresas, tipo LG, Santander, Itaipava e Caixa. UM MILIONÁRIO. Lula comprou três planos de previdência, à vista, um por R$ 1,2 milhão e dois por R$ 5 milhões cada, em maio e junho de 2014. ATÉ EMBAIXADOR LAVA AS MÃOS PARA CHANTAGEM. A Petrobras está

Ex-presidente Lula | ANTONIO CRUZ/AGÊNCIA BRASIL

Decoro. PPS e Rede pedem cassação de Delcídio

“É UM PASSO ATRÁS, É UM RETROCESSO”

INSUSPEITO. A movimentação financeira milionária, nas contas de Lula, foi detectada pelo Coaf, órgão de inteligência do Ministério da Fazenda. POUCAS PALESTRAS. A mí-

dia segue Lula diariamente, mas só há regis-

sob chantagem no Paraguai, mas o governo do Brasil não se mexe. Nem mesmo por meio do embaixador em Assunção, José Felício, que, segundo altas fontes da estatal, ignorou os inúmeros apelos para fazer gestões junto às autoridades do Paraguai. Eles exigem que a Petrobras pague valores superiores aos de mercado pelo diesel e a gasolina vendidos na rede de postos da estatal naquele país.

PODER SEM PUDOR

Lição de autoridade Depois de demitir o general linha-dura Sílvio Frota do Ministério do Exército, em 1977, Ernesto Geisel o substituiu pelo general Belfort Bethlem. Na posse, fizeram fila para cumprimentar o novo ministro. Obsequiosos, os presidentes da Câmara e do Senado, Marco Maciel e Petrônio Portella, já se preparavam para engrossar o cordão.

- Fiquem onde estão! – ordenou o general Geisel, em tom de reprimenda. Em seguida chamou o novo ministro e determinou: - Agora cumprimente os presidentes do Poder Legislativo! Bethlem obedeceu prontamente, encaminhando-se aos parlamentares. Ele tinha juízo. Maciel e Portella também.

COM GABRIEL GARCIA, RODRIGO VILELA E TIAGO VASCONCELOS WWW.DIARIODOPODER.COM.BR


08|

INSS. Expectativa de vida maior reduz aposentadoria Com o aumento da expectativa de vida do brasileiro de 74,9 para 75,2 anos, quem for se aposentar pelo fator previdenciário terá de trabalhar por mais tempo para que o valor inicial do benefício não seja reduzido. O IBGE divulgou ontem a Tábua de Mortalidade de 2014, que será usada para calcular os benefícios concedidos pela Previdência Social até 30 de novembro de 2016. Segundo o atuário especializado em previdência Newton Conde, a expectativa de vida aumentou em média 60 dias (dois meses) quando se comparam idades entre 40 e 80 anos (período em que se concedem aposentadorias no país). O aumento é praticamente o mesmo registrado pela Tábua de 2013, que foi de 58 dias. Em anos anteriores, a média era de 40 dias. Pelos cálculos de Conde, o benefício solicitado no mês de novembro, quando ainda vigorava a Tábua 2013, tem uma redução de 0,65% (relativamente pequena) comparado com o solicitado no mês de dezembro.

77

EXPECTATIVA DE VIDA 74,9

75

ANOS

75,2 ANOS

Fraude

PIB encolhe 1,7% no 3º trimestre Crise. Tombo da economia brasileira foi o maior desde 1996 e mais forte que o esperado pelo mercado. Investimentos despencaram 4%, indicando que atividade está longe de uma retomada A economia brasileira encolheu 1,7% de julho a setembro em relação aos três meses anteriores, informou ontem o IBGE (Instituto Brasileiro de Variação trimestral do PIB, em % Geografia e Estatística). Foi a 1,5 terceira contração trimestral 2 seguida do PIB e a mais intensa para o período desde o 1 0,5 0,6 0,6 início da série histórica, em 0,1 1996. Sobre o terceiro trimestre de 2014, o PIB caiu 4,5%, 0 também o maior tombo his-0,1 -0,2 tórico na comparação anual. O recuo foi mais forte que-1 -0,8 o esperado por analistas. Pes-1,3 quisa da Reuters apontava-2 -1,7 que a economia teria queda-2,1 de 1,2% entre julho e setembro na comparação trimestral-3 1º TRI 2º TRI 3º TRI 4º TRI 1º TRI 2º TRI 3º TRI 4º TRI 1º TRI 2º TRI 3º TRI e de 4,1% sobre um ano antes. 2013 2014 2015 No terceiro trimestre, a atividade encolheu em pratiSETORES camente todos os setores. O destaque foi a forte queda dos AGROPECUÁRIA -2,4 investimentos produtivos, siINDÚSTRIA -1,3 nalizando que a recuperação SERVIÇOS -1 da economia está distante. INVESTIMENTOS -4 Os investimentos desCONSUMO DAS FAMÍLIAS -1,5 pencaram 4% sobre os três CONSUMO DO GOVERNO 0,3 meses anteriores – nono triPIB -1,7 mestre seguido de queda. FONTE: IBGE E FMI Com a piora do mercado de trabalho, o consumo das fa- recessivo deve prolongar-se cial contribuiu positivamente mílias caiu 1,5%. Já o con- ao longo do restante do ano muito mais pela forte queda sumo do governo teve leve e do próximo”, disse em nota. das importações do que pela A indústria caiu 1,3% no alta das exportações crescimento de 0,3%. O cenário ainda deve pioDiante do resultado, o eco- terceiro trimestre sobre o nomista-chefe do banco Fi- imediatamente anterior, en- rar, já que mais de um milhão bra, Cristiano Oliveira, piorou quanto que serviços e agrope- de pessoas perderam o emsuas estimativas para o PIB cuária mostraram recuo de 1% prego formal nos últimos 12 meses, no início do que deve deste ano e do próximo, pro- e de 2,4%, respectivamente. A disparada do dólar so- ser a recessão mais longa do jetando agora quedas de 3,8% e de 3,1%, respectivamente. bre o real, de 45% neste ano, Brasil desde a década de 1930. “Olhando para a frente, não levou à contribuição positihá nada que permita visua- va externa ao PIB do tercei- Fazenda defende ajuste lizar cenário positivo. Nossa ro trimestre. Para analistas, O Ministério da Fazenda creavaliação é que o atual quadro no entanto, a balança comer- ditou a forte contração do

BRASIL EM RECESSÃO

73

71

2013

2014

FONTE: IBGE

Ao solicitar em dezembro o benefício será menor, mas se o segurado aguardar e solicitar em fevereiro de 2016, por exemplo, mais dois meses de contribuição, ele conseguirá voltar ao nível de benefício que teria em novembro de 2015. A maior redução ficou em 1,34%, na idade de 70 anos. O aumento da expectativa de vida não afetará os trabalhadores que se aposentarem pela fórmula 85/95, que entrou em vigor neste ano e é uma alternativa ao fator previdenciário. METRO

Domésticos. Receita atualiza site do eSocial A Receita Federal atualizou o site do eSocial para permitir que os empregadores paguem os tributos relativos à primeira parcela do 13º salário e liberou a guia para o pagamento dos tributos de novembro. O prazo para o pagamento nos dois casos é 7 de dezembro. O pagamento da segunda parcela do 13º aos trabalhadores deverá ser feita até 20 de dezembro e o

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

recolhimento dos tributos está previsto para 7 de janeiro. O empregador que perdeu o prazo para o recolhimento de outubro deve acessar o aplicativo de emissão da guia no site do eSocial e indicar a data em que deseja fazer o pagamento. O sistema já calcula e emite o documento com os acréscimos legais para a data indicada. METRO Rede social

Volkswagen faz o maior recall de carros da Índia

Facebook lança Instant Articles no Brasil

A Volkswagen fará o recall de 324 mil carros na Índia para a remoção de dispositivos vinculados ao escândalo de emissão de poluentes que afetou seus modelos em outros países. Será o maior recall na história automobilística do país e mais um revés para a montadora de automóveis alemã, que enfrenta grave crise. METRO

O Facebook anunciou a chegada no Brasil do Instant Articles, que permite aos veículos de comunicação publicarem artigos na rede social. Em vez de serem direcionados ao site do jornal, por exemplo, os usuários poderão acessar o conteúdo diretamente no Facebook, o que torna o carregamento das páginas mais rápido. METRO

Vale. Tragédia em Mariana custará US$ 443 mi em 2016 A Vale estima em US$ 443 milhões o impacto financeiro em 2016 do rompimento da barragem em Mariana (MG). Segundo o diretor financeiro da mineradora, Luciano Siani Pires, a tragédia trará perdas de US$ 543 milhões na receita e US$ 55 milhões nos dividendos recebidos da Samarco. A redução terá compensação de US$ 155 milhões devido à paralisação das operações.

A agência de classificação de risco Fitch colocou ontem o rating da Vale “BBB+” em observação negativa, refletindo a maior probabilidade de que a empresa terá que dar apoio à sua subsidiária Samarco. A Fitch também informou que cortou a classificação da própria Samarco em quatro degraus, de “BBB” para “BB-”, retirando o grau de investimento da mineradora. METRO

PELO MUNDO INDONÉSIA CHINA NORUEGA COREIA DO SUL FILIPINAS TAILÂNDIA HONG KONG POLÔNIA ESPANHA SUÉCIA MALÁSIA UCRÂNIA ISRAEL EUA HUNGRIA REINO UNIDO CHILE ALEMANHA FRANÇA ITÁLIA ÁFRICA DO SUL PORTUGAL DINAMARCA -0,1 JAPÃO -0,2 TAIWAN -0,3 ESTÔNIA -0,5 GRÉCIA -0,9 BRASIL -1,7

3,2 1,8 1,8 1,2 1,1 1 0,9 0,9 0,8 0,8 0,7 0,7 0,6 0,5 0,5 0,5 0,4 0,3 0,3 0,2 0,2 0

PIB a incertezas econômicas e “não econômicas”, e classificou o ajuste fiscal como “indispensável para a reversão do cenário menos favorável”. O Ministério ressaltou que a queda dos investimentos no Brasil foi motivada, entre outros fatores, por efeitos diretos e indiretos da redução dos gastos de capital da Petrobras e destacou a importância do combate à inflação para manter o poder de compra da população. METRO

Carros. Vendas crescem 1,59% em novembro

Homens observam lama no Rio Doce | RICARDO MORAES/REUTERS

As vendas de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus novos subiram 1,59% em novembro sobre outubro, mas recuaram 33,74% sobre igual mês de 2014. No ano, os licenciamentos acumulam queda de 25,15%. Para a Fenabrave, que representa as concessionárias, a alta mensal não é significativa, uma vez que a retração se mantém no acumulado para todos os segmentos. METRO


10| Ambiente

Turquia OSMAN ORSAL/REUTERS

Príncipe elogia combate do Brasil ao desmatamento O príncipe Charles, ativista da luta pela proteção de florestas tropicais, elogiou ontem em Paris a política do governo brasileiro de combate ao desmatamento da Amazônia. Segundo o herdeiro da coroa do Reino Unido, o Brasil demonstra que tudo é possível quando vontade política e liderança se somam à mobilização da iniciativa privada e da sociedade civil. Charles também citou a ministra do Meio Ambiente, Izabela Teixeira, que esteve em Londres em 2014. METRO CHRISTIAN HARTMANN/REUTERS

Charles: exemplo do Brasil

Local da explosão

Explosão perto do metrô fere 5 em Istambul Cinco pessoas ficaram feridas quando uma bomba caseira explodiu ontem em um viaduto perto da estação Bayrampasa, do metrô de Istambul, na Turquia. O país tem estado em alerta elevado desde que mais de cem pessoas foram mortas por dois homens-bomba na capital, Ancara, em outubro, três meses depois que um ataque semelhante em uma cidade perto da fronteira com a Síria deixou 33 mortos. A Turquia tem enfrentado os jihadistas do Estado Islâmico e também os militantes curdos. METRO

Acidente. Avião da AirAsia caiu por falhas diversas Problemas crônicos com um sistema de leme avariado e a forma como os pilotos tentaram responder estão entre a série de fatores que contribuíram para a queda do Airbus A320 da AirAsia no mar de Java, em 28 de dezembro do ano passado, matando todas as 162 pessoas a bordo. Os investigadores indonésios não apontaram um único motivo para que o voo QZ8501 desaparecesse do radar, mas estabeleceram

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

várias causas, com destaque para defeito em equipamentos, problemas de manutenção e falhas da tripulação. A investigação concluiu que o clima tempestuoso não está relacionado com as causas da tragédia. Ainda segundo a investigação, o sistema de manutenção da companhia aérea não era “ótimo”, e, depois do acidente, a companhia aérea implementou 51 medidas para melhorar as condições de segurança. METRO

Obama pede força de lei para acordo COP21. Declaração do presidente mostra que maior potência industrial e econômica do planeta mudou o discurso segundo o qual o meio ambiente é ‘inimigo’ do desenvolvimento Em sua última declaração na COP21 (21ª Conferência das Partes das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas), em Paris, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, defendeu que um acordo sobre o clima deve ter força de lei, ao menos no que diz respeito à transparência e a uma revisão periódica dos objetivos de diminuição de emissão de gás carbônico. Obama disse também que as ações para evitar o aquecimento global são essenciais para a economia e a segurança mundiais e devem ser realizadas o quanto antes. Segundo o presidente norte-americano, esta deve ser uma prioridade mun-

Moradores de Pequim, na China, saem para trabalhar usando máscaras para se protegerem do ‘smog’ (smoke + fog), névoa baixa causada pela densa fumaça de poluentes emitida sobre a capital da China, país que mais polui o planeta | D.SAGOLJ/REUTERS

Obama: EUA já aceitam reduzir emissão de poluentes | KEVIN LAMARQUE/REUTERS

Leia mais no metrojornal.com.br

No Japão, baleeiros zarpam para a caça A frota baleeira japonesa partiu ontem para a Antártida para retomar, depois de ficar um ano parada, a caça aos mamíferos. O Japão pretende capturar mais de 300 baleias mink antes do término da caça, no próximo ano, e cerca de 4 mil nos próximos 12 anos, como parte de um programa que define como “pesquisa científica de baleias”. A CIJ (Corte Internacional de Justiça) decidiu no ano passado que o Japão tem de parar com a ação dos baleeiros no oceano AusArgentina

Um dia de smog em Pequim

dial, e, se algo não for feito rapidamente, “vamos ter que direcionar cada vez mais recursos não para oportunidades de crescimento, mas para nos adaptarmos às várias consequências da mudança climática”. A declaração de Obama sinaliza uma mudança de discurso de seu país, já que até hoje os Estados Unidos vinham se negando a participar de acordos que de alguma forma refreiam o desenvolvimento econômico. “Será difícil alcançar um acordo entre 200 países, mas estou convencido de que faremos grandes coisas.” METRO

“No ano passado, infelizmente não pudemos caçar baleias. Mas, agora, não há dia mais feliz do que hoje” TOMOAKI NAKAO, PREFEITO DE SHIMONOSEKI

tral, e um painel da CBI (Comissão Baleeira Internacional) assinalou em abril que o Japão ainda não demonstrou a necessidade de matar baleias. Pouco antes do meio-dia os navios foram lançados ao Guerra ao terror

Baleias são içadas para dentro de baleeiro de ‘pesquisa’ | WIKIPEDIA

mar sob um céu azul claro em Shimonoseki, enquanto os familiares da tripulação e funcionários acenavam da Filipinas

costa. A previsão é de que a caça se estenda até março. O Japão alega há tempos que a maioria das espécies de baleias não está ameaçada de extinção e que comer esses cetáceos é parte de sua cultura alimentar. O país iniciou em 1987 o que define como “caça científica”, um ano depois de entrar em vigor uma moratória baleeira internacional. No entanto, a carne acaba nas prateleiras das lojas, embora já não seja mais consumida pela maioria dos japoneses. METRO Bulgária

Ex-presidente Menem é condenado

Alemanha descarta aliança com Assad

Corte condena fuzileiro por morte de transgênero

Artefato explosivo é encontrado no aeroporto de Sófia

O ex-presidente da Argentina Carlos Menem (1989-1999) foi condenado ontem a quatro anos e meio por um caso de corrupção durante seu governo, no qual também foi sentenciado seu ex-ministro da Economia, Domingo Cavallo. Os dois foram acusados de pagar propina a altos funcionários. METRO

A ministra da Defesa da Alemanha, Ursula Von Der Leyen, descartou ontem qualquer cooperação entre as forças alemãs que irão participar da campanha militar contra o Estado Islâmico na Síria e com o presidente sírio, Bashar Al-Assad. “Deixe-me ser clara: não haverá futuro com Assad”, afirmou. METRO

Um tribunal condenou o fuzileiro naval Joseph Scott Pemberton, dos EUA, pelo assassinato da transgênero Jennifer Laude, encontrada morta em um hotel nos arredores da antiga base da Marinha dos EUA a noroeste de Manila. Pemberton irá cumprir pena mínima de seis anos e máxima de 12 anos. METRO

Autoridades búlgaras descobriram ontem um artefato explosivo em uma van estacionada do lado de fora do aeroporto internacional da capital, Sófia. A polícia búlgara esvaziou anteriormente uma seção do Terminal 1 do aeroporto, enquanto malas na van eram revistadas pelos policiais. METRO


RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{EDUCAÇÃO}

11|

Chegou a hora de mudar o aluno de escola. E agora? Nova fase. Trocar de instituição nem sempre é experiência tranquila para todas as crianças e adolescentes. Nesse momento, pais e colégios precisam se unir para achar a solução menos traumática para a transição Independentemente dos motivos, muitas vezes as famílias precisam mudar seus filhos de escolas. Nesse momento, crianças e adolescentes podem vivenciar período de insegurança e ansiedade. Em geral, os especialistas em educação indicam que preparar os filhos durante as férias para a mudança, com conversas, por exemplo, é um passo importante para a transição tranquila de estudantes, pais e escola.

Incentivar entrosamento entre colegas é uma saída | FREEIMAGES

Conteúdo Além da parte psicológica e de socialização, os alunos precisam se adaptar ao novo currículo educacional, porque mesmo que pequena, sempre haverá diferença de conteúdo, co-

mo explica Luiza Martins, psicóloga do colégio Sarah Dawsey, do Rio de Janeiro. O primeiro passo, portanto, é alertar os filhos que isso provavelmente vai acontecer. Os pais devem acompanhar de per-

to o que acontece na escola e manter contato com professores e coordenadores para saber como está a adaptação. “A instituição tem que perceber essa diferença de conteúdos e prever enca-

minhamentos que ajudem ao aluno. Os pais devem se certificar que isso seja feito pelos profissionais da nova escola”, afirma Elisabete Duarte, do Colégio Nossa Senhora do Morumbi, em São Paulo.

Amigos Os pais devem incentivar os filhos a estabelecerem novas amizades. “As crianças estão entrando em um grupo já formado e essa experiência pode ajudá-los a desenvolver novas competências de relacionamento interpessoal”, afirma a psicóloga Luiza Martins. Mas não espere e não se desespere caso seu filho demore um pouco para aceitar a nova escola e fazer amizades. “Ele precisa de tempo para adaptar-se à nova rotina e criar vínculos com os colegas e professores. Esse vínculo é fundamental para que se sinta seguro e confiante”, diz Elisabete Com o Duarte.

+ ESPECIAL

Volta às aulas

Fique alerta Se a escola não estiver sendo realmente boa para o aluno e os sinais de sofrimento persistirem, especialistas aconselham os pais a entrarem em contato com a instituição de ensino, para chegar a um acordo de como ajudá-lo.


12|

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{EDUCAÇÃO}

Aproveite as férias para Vá! Cursos de uma a quatro semanas fora do país são opções para quem procura uma experiência inicial com idiomas, mas está com a grana curta para um intercâmbio maior

OS DESTINOS MAIS PROCURADOS NAS AGÊNCIAS* 2º

ESTADOS UNIDOS 75%

CANADÁ 91,3%

3º REINO UNIDO 68,8%

IRLANDA 18,8%

AUSTRÁLIA 16,3%

7º NOVA ZELÂNDIA 6,3%

6º ESPANHA 7,5%

Dicas para aproveitar Santuza Bicalho, diretora de cursos no exterior da CVC, pontua três dicas importantes para aqueles que querem embarcar num intercâmbio de curta duração.

1. 2.

Defina qual idioma deseja se aprimorar.

Escolha agências tradicionais que tenham um bom portifólio de escolas estrangeiras disponíveis, compare os preços e se organize para conseguir levar ao país uma

quantia considerável para poder aproveitar a viagem.

3.

Abra sua cabeça e esteja disposto a aprender os costumes e a cultura, fazer amizades. Isso é tão importante quanto as aulas.

FONTE: PESQUISA “MERCADO DE EDUCAÇÃO INTERNACIONAL E INTERCÂMBIO DO BRASIL” DIVULGADA PELA BELTA EM 2013

Amanda Muraca (ao centro) com suas amigas argentinas, Valentina e Consuelo, em Buenos Aires, na Copa de 2014 | ARQUIVO PESSOAL

Morar numa casa diferente, conhecer uma nova cultura, novos amigos e outros idiomas são situações tão impactantes que parecem assustadoras. Mas, para a jornalista Amanda Muraca, 23 anos, foi uma das melhores experiências que já viveu. “Fiz um curso intensivo de espanhol na Argentina por um mês em 2013. Gostei tanto que voltei para lá depois de um ano e meio para estudar por mais seis meses.” Esses programas específicos duram de uma a quatro semanas e, dependendo da agência, podem ser direcionados a idiomas, cursos profissionalizantes ou mesmo para turismo e aprendizado de uma nova cultura. Tudo depende da vontade, da grana e das condições burocráticas de


RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{EDUCAÇÃO} {ESPECIAL}

13| 12|

viajar e também aprender entrada no país que pretende visitar. Segundo Bruno Contreira, gerente de cursos no exterior da agência de intercâmbios STB (Student Travel Boureau), os programas de curta duração são mais procurados no período de férias porque atraem aos jovens que querem aproveitar o tempo livre para desenvolver e aprender um idioma. “Califórnia, San Diego, Hollywood são alguns dos lugares mais procurados nesse período. Mas Canadá, Irlanda, Austrália e Nova Zelândia, por exemplo, são mais flexíveis no que diz respeito a vistos e burocracia. Por isso, também são bastante requisitados”, explica. Victor Costa, 25, conseguiu tirar 30 dias de férias no trabalho e resolveu aproveitar o tempo que terá em janeiro para aperfeiçoar o inglês em Londres. Para ele, esse perío-

27% das agências entrevistadas disseram que o tempo médio de intercâmbio procurado por estudantes é até um mês do não é suficiente para o aprendizado aprofundado de uma língua, mas uma experiência internacional é sempre proveitosa. “Viajar gera somas. O fato de vivenciar o idioma na rotina, no restaurante, ônibus, bares, etc, te imerge na língua e o aprendizado acaba sendo maior”. Moradia A maioria dos intercâmbios de férias oferecem dois tipos de moradia: em casas de família e em repúblicas estudantis. Quem opta pela primeira, geralmente pensa na eco-

nomia, já que o café da manhã e o jantar estão inclusos no pacote. Além desse fator, se interessa em sentir na pele as implicâncias do dia a dia familiar de outra cultura. Já os que preferem as repúblicas, vão gastar um pouco mais com comida e produtos básicos, mas pode ser vantajoso porque a maioria delas está localizada muito perto do centro da cidade, portanto, há economia no transporte. Tudo depende do interesse do estudante. Para Amanda, a principal dificuldade foi a adaptação aos costumes. “É difícil se adaptar a uma outra cultura. Você tem que estar disposto a se acostumar com outras leis, hábitos, comida. Um intercâmbio é muito mais complexo do que aprender outra língua, por isso proporciona um aprendizado de vida tão grande”, conclui. METRO

Moeda

Alta do dólar Com o dólar perto dos R$ 4, há quem diga que é loucura viajar para fora do país. Para Maura Leão, presidente da BELTA (Brazilian Educational & Language Travel Association), o real quase sempre será inferior a outras moedas, portanto, não é necessário adiar a viagem por conta disso. O segredo é se programar, caso não possa gastar com isso agora, guarde o dinheiro até as próximas férias. “Se apareceu a oportunidade, vá. Não se apegue a alta do dólar, organize-se financeiramente e realize o sonho de conhecer outra cultura. É um investimento pelo qual você dificilmente se arrependerá.” Além disso, as agências de viagem estão cientes des-

“As escolas no exterior estão fazendo o possível para abrir caminhos que movimentem esse mercado, o que, consequentemente, faz com que as agências também entrem nessa onda de facilidades” BRUNO CONTREIRA, GERENTE DA STB DE CURSOS NO EXTERIOR

sa alta e estão facilitando as formas de pagamento e lançando pacotes promocionais. “As escolas do exterior estão fazendo o possível para abrir caminhos que movimentem esse mercado, o que, consequentemente, faz com que as agências também entrem nessa onda de facilidades”,

explica Contreira. Mas é importante, antes de mais nada, pesquisar com cautela os preços dos programas, moradia e custo de vida do país que pretende visitar. Assim você poderá se programar e não dará um passo maior do que as pernas. METRO


14|

2 CULTURA

Nana Caymmi

Internada A cantora, de 74 anos, está internada desde segunda-feira, na clínica São Vicente, na Gávea, para a retirada de tumor benigno no estômago. Segundo a assessoria do hospital, ainda não foi emitido um boletim médico sobre o seu estado de saúde.

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

Poesia com música e afeto Teatro. Matheus Nachtergaele recita poemas escritos pela mãe, que morreu três meses após seu nascimento, acompanhado por violão. Ator está no ar na TV fechada com a série ‘Zé do Caixão’, sobre José Mojica Marins Toda poesia já carrega, em si, certa dose de emoção. Mas, para Matheus Nachtergaele, esse sentimento fica à flor da pele durante o espetáculo “Processo Conscerto do Desejo” - o título mistura concerto com conserto -, em cartaz no teatro Poeirinha, em Botafogo, na zona sul. O ator e diretor recita textos da mãe, Maria Cecília Nachtergaele, que morreu três meses após seu nascimento, em 1969. “Desde criança, eu me sentia filho de uma poeta”, afirma Nachtergaele. “Ela era sensível, pré-feminista, com textos muito profundos e ao mesmo tempo com uma autoironia.” A ideia do espetáculo é antiga. Contudo, Nachtergaele acredita que a homenagem à mãe veio no momento certo e tem servido como um processo de autoconhecimento. “Decidi jogar luz no que

“Durante muito tempo eu vivi em luto por não ter conhecido minha mãe. Hoje, entendo que ela está comigo sempre, assim como acontece nessa peça.” MATHEUS NACHTERGAELE, ATOR

era escuro. É uma cerimônia feita para celebrar a permanência das coisas na gente, para falar sobre o poder da ternura em um tempo de capitalismo desenfreado.” Além da escrita, Maria Cecília também era apaixonada por violão. Por isso, o ator é acompanhado pelo violonista Luã Belik. ‘Zé do Caixão’ na TV Nachtergaele está no ar no canal Space como protagonista da série “Zé do Caixão”. Ele vive o cineasta José Mojica Marins, hoje com 79 anos, o qual afirma ser “um dos personagens mais saborosos” que já interpretou. “Ele é amoral, tem virtudes incríveis e feitos medo-

nhos. Obras de arte misturadas com pornochanchada do pior tipo. É machista e ao mesmo tempo amoroso com a família”, analisa o ator, que buscou mais um tom de homenagem do que de sátira. Ainda de acordo com Nachtergaele, o personagem “Zé do Caixão” acabou se confundindo com o próprio José Mojica, seu criador. “Acho que isso foi intencional, mas em certo momento ele se tornou refém. O Zé tomou conta dele”, conclui. METRO RIO No Teatro Poeirinha (rua São João Batista, 108, Botafogo. Tel.: 2537-8053). Ter. e qua., às 21h. R$ 40. 16 anos. Até 16/12.

Matheus encenou a peça no Prêmio da Música Brasileira 2015 | DIVULGAÇÃO/ ROBERTO FILHO

Injúria racial. Atriz Cris Vianna é vítima na web

Documentário sobre Paulinho da Viola está na programação | DIVULGAÇÃO

Dia do Samba. Mostra sobre o ritmo ocupa Caixa Cultural Hoje é o Dia Nacional do Samba e, para comemorar a data, a Caixa Cultural está em cartaz com a mostra de cinema “O Samba Pede Passagem”. O evento segue até o dia 13, apresentando longas, médias e curtas-metragens de diferentes épocas, passando pela chanchada, cinema novo, cinema marginal e documentários contemporâneos. Entre os destaques de hoje estão os longas “Damas do Samba” (2013), de Susanna Lira, com sessão às 16h; e “Amor, Carnaval e Sonhos” (1972), de Paulo Cesar Saraceni, às 17h30. METRO RIO Na Caixa Cultural (av. Almirante Barroso, 25, Centro. Tel.: 39803815). R$ 4. Programação no site: www.caixacultural.gov.br.

Mais uma atriz foi alvo de comentários racistas na internet. Desta vez, Cris Vianna, de 38 anos, que interpreta a Indira na novela “A Regra do Jogo”, da TV Globo, sofreu ataques numa rede social. No dia 31 de outubro, a vítima foi a atriz Taís Araújo, que denunciou o caso à Polícia Civil. Após postar uma foto no Facebook, vieram as dezenas ofensas: “Parece o Bombril que minha mãe usa na pia”; Já usei esse cabelo para lavar a casa hoje, Africana?”, foram alguns dos comentários. A assessoria da atriz informou que o caso foi registrado ontem na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) como injúria por preconceito. Em sua página pessoal, a atriz desabafou: “Não posso me calar. Usarei minha voz por muitos que sofrem este tipo de ataque racista. Como todos vocês tenho orgulho da minha pele, do meu cabelo, da minha origem e de tudo o que sou.” Famosos deram apoio Na internet, artistas manifestaram apoio à atriz. “Mais uma vítima de manifestações racistas. Como bem lembra a querida Cris Vianna, a vítima

Cris sofreu ofensas no Facebook | CAIUÁ FRANCO/ TV GLOBO/ DIVULGAÇÃO

“Não posso me calar. Usarei minha voz por muitos que sofrem este tipo de ataque racista.” CRIS VIANNA, ATRIZ

da vez, racismo é crime inafiançável. Portanto, criminosos merecem sentir o peso da lei. Cris, estamos com você!”, escreveu Cauã Reymond. “E falando sobre violência contra mulheres... Cris Vianna, bela e empoderada”, postou a atriz Camila Pitanga. METRO RIO


16|

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

Zeca Pagodinho é condenado por fraude Distrito Federal. Cantor é punido com três anos de prisão por esquema em contrato de shows. Pena será convertida em prestação de serviços O sambista Zeca Pagodinho é um dos condenados pela Justiça do Distrito Federal por um esquema de contratação ilegal de shows feita pela extinta Brasiliatur (Empresa Brasiliense de Turismo), em 2008. Os ex-administradores da empresa César Augusto Gonçalves, Ivan Valadares de Castro e Luiz Bandeira da Rocha Filho e um representante de uma empresa de locação e serviços, Aldeyr do Carmos Cantuares, também foram condenados à prisão e multa. Zeca Pagodinho, em particular, foi condenado a três anos de prisão em regime semiaberto, que será convertida em prestação de serviços e ao pagamento de um valor a ser definido. A ação, movida pelo MPDFT (Ministério Público

“A verdade é que o artista realizou o show de Brasília, e para isso cobrou o valor de tabela vigente na época.” BERNARDO BOTELHO, ADVOGADO DE ZECA

R$ 170 mil foi o cachê que o sambista recebeu pelo show na Expoagro, em 2008. O MPDFT mostrou que houve superfaturamento. do Distrito Federal e Territórios), levou em conta dois shows contratados pela Brasiliatur em 2008, por ocasião da 15ª Expoagro e do aniversário

de Brasília. O ministério mostrou que, além da contratação ter ocorrido sem licitação, de forma ilegal, houve superfaturamento. Pelo show na Expoagro, Zeca Pagodinho recebeu R$ 170 mil pelo cachê. No aniversário de Brasília, outro artista recebeu R$ 120 mil por 20 minutos de apresentação, valor cobrado por shows de maior duração. O advogado de Zeca Pagodinho, Bernardo Vasconcelos, afirmou que recorrerá da decisão, que qualificou como “injusta”, uma vez que o cantor apenas cobrou o cachê padrão e assinou o contrato, sem ter qualquer participação no processo administrativo: “A condenação é absurda e não se sustenta na prova dos autos, nem mesmo diante dos fatos.” METRO BRASÍLIA

Show hoje

DIVULGAÇÃO

Lia Paris hoje no Audio Rebel

Cantora Lia Paris lança álbum A cantora e compositora paulistana Lia Paris faz show de lançamento de seu primeiro álbum solo homônimo. A apresentação terá Dado Villa-Lobos e Lucas Vasconcellos, do Letuce, como convidados. No Audio Rebel (rua Visconde de Silva, 55, Botafogo. Tel.: 3435-2692). Hoje, às 22h. R$ 30. Livre. METRO RIO

Escola de Negócios

41ª Conferência da EIBA na PUC

Sambista foi condenado pela Justiça | BRUNA PRADO/METRO RIO/29/04/2015

A 41ª Conferência Anual da EIBA (European International Business Academy) segue até amanhã na PUC. Evento reúne mais de 400 participantes de 37 países. Inscrições: eiba2015.org. METRO RIO

Lei da meia-entrada prevê a reserva de 40% dos ingressos A chamada ‘Lei da meia-entrada’, que prevê a reserva de 40% dos ingressos pela metade do valor em eventos artísticos, culturais, esportivos ou de lazer para idosos, estudantes, deficientes e jovens carentes, entrou em vigor ontem, em todo o país. Idosos, pessoas com deficiência (e acompanhantes), estudantes e jovens de até 15 anos têm direito ao benefício, assim como jovens entre 15 e 29 anos de baixa renda que apresentem a Carteira de Identidade Jovem (veja mais ao lado). No Rio, diretores, coordenadores pedagógicos, supervisores e professores das redes estadual e municipal também têm direito – tudo mediante comprovação. Os locais de venda também são obrigados a informar em tempo real sobre a quantidade de ingressos disponíveis para meia-entrada. A lei vale para todas as categorias de ingressos disponíveis para venda ao público geral, inclusive camarotes. O percentual de 40% não se aplica aos programa de sócio-torcedor dos clubes de futebol.

Opiniões divididas “Acho que [a lei] gera mais complicação, burocracia e exigência para quem é produtor de eventos ou proprietário de um espaço cultural, que agora também tem que ficar disponibilizando on-line a quantidade de lugares vendidos já com meia-entrada. O que gera mais um custo: tem que contratar mais uma pessoa para fazer essa comunicação permanente”, comenta Léo Feijó, diretor do Grupo Matriz e coordenador do curso Música e Negócios da PUC-RJ. Para Adil Tiscatti, produtor do Grupo Casal de Cinemas, a lei foi uma dura e longa batalha dos produtores culturais brasileiros: “Penso que, sendo aplicada, a lei vai ‘disciplinar’ as regras de acesso aos cinemas e casas culturais via meia-entrada. A simples nomeação dos órgãos que vão emitir os documentos já trará um constrangimento aqueles que se valiam de falsidades. E os agentes culturais também terão um instrumento para coibir os abusos e atender aqueles que a meia-entrada privilegia.” METRO BH E RIO

“Não acredito que vá reduzir os preços dos ingressos. Acho que gera mais burocracia para quem é produtor ou proprietário de espaço de shows.”

“A lei foi uma dura e longa batalha dos produtores culturais brasileiros. A lei servirá, na minha opinião, para dar um basta às carteiras falsas.”

LÉO FEIJÓ, GRUPO MATRIZ

ADIL TISCATTI, GRUPO CASAL DE CINEMAS

ENTENDA COMO FUNCIONA Quem tem direito? Estudantes, jovens de 15 a 29 anos de baixa renda, pessoas com deficiência e idosos com mais de 60 anos. Como será aplicada? As bilheterias, física ou on-line, terão de avisar “de forma clara, precisa e ostensiva” quantos ingressos estão à venda no total, qual a proporção exata de meias-entradas e quando os ingressos se esgotam. Senão, o consumidor poderá pagar metade do preço. Documentos exigidos Para estudantes, a carteira estudantil, expedida pela UNE e por diretórios acadêmicos, será padronizada. Jovens de baixa renda devem apresentar a Identidade Jovem (que só será emitida em 2016 pela Secretaria Nacional de Juventude), e pessoas com deficiência terão de mostrar o cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social ou o do INSS. Quem fiscalizará? “Orgãos públicos competentes federais, estaduais, municipais e distrital, conforme área de atuação”.

Festa de rua gera mostra A Galeria Aliança Francesa abre, hoje, a exposição dos vencedores do Prix Photo Web 2014. Em destaque, estão as três séries ganhadoras da edição que teve o tema ‘Dia de Festa no Brasil ou na França’. As 30 fotos da mostra são de Brunno Covello, 1o colocado, com a série ‘Carnaval de Rua do Onodi’ (foto); Gustavo Moura, 2o lugar, com ‘Festa de Nossa Sra. do Rosário – PB’; e Daniel Caron, 30 colocado escolhido pelo júri popular, com a série ‘Carnavais de Outrora’. Na rua Muniz Barreto, 746, Botafogo. Tel.: 3299-2000. Abertura hoje, às 19h. Seg. a sex., das 14h às 20h. Grátis. Livre. Até 13/2/2016. | BRUNNO COVELLO/ DIVULGAÇÃO


{PUBLIMETRO}

18|

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

Os invasores

Leitor fala

Polícia que mata japracozinha@omelete.com.br

Com a polícia despreparada e mal remunerada que temos, quem paga o pato é o cidadão de bem. Foi muito triste ver os pais e as mães enterrando aqueles cinco jovens assassinados dentro do carro em Costa Barros. Alguns dos jovens tinham passagem pela polícia, mas isso não justifica tamanha covardia, o carro deles ter sido fuzilado. Espero que a punição aos ditos policiais seja severa, além de eles serem expulsos da PM do Rio.

no REPRODUÇÃO

RAMBO PODE GANHAR UMA SÉRIE DE TV!

Cruzadas

PAULO MARCOS RIBAS – RIO DE JANEIRO, RJ

Redução das linhas de ônibus

John Rambo pode virar série de TV. E com a participação de Sylvester Stallone, que acompanha o projeto de perto e pode ser o produtor-executivo da série. Apesar de não confirmada ainda, espera-se também que o ator volte a interpretar um de seus papéis mais icônicos. Quem está comandando a missão é a emissora Fox, que já teria encomendado um episódio-piloto com roteiro de Jeb Stuart, de Duro de Matar e O Fugitivo, outros clássicos dos anos 1980. A ideia é explorar “a complexa relação entre Rambo e seu filho J.R, um ex-Fuzileiro Naval da Marinha”. A passagem de bastão funcionou recentemente em outro projeto de Stallone. Creed (fil-

Que bela ideia foi essa de reduzirem as linhas de ônibus na cidade... Não entendi ainda quem está sendo beneficiado com a medida, mas com certeza não é a população, que agora tem mais transtorno em fazer baldeação, chega atrasada em seus compromissos, além de ter mais gastos. Não basta as autoridades aumentarem as passagens?

me derivado de Rocky) fez 40 milhões de dólares de bilheteria em sua estreia nos EUA. Uma série de Rambo parece uma continuação óbvia depois do que acontece no fim do quarto episódio no cinema, quando o veterano de guerra vivido por Sylvester Stallone retorna ao local onde cresceu. Porém, o projeto coloca um possível quinto filme da franquia de volta na geladeira sem previsão de produção. É preciso lembrar ainda que esta não seria a primeira vez de Rambo nas telinhas. Em 1986 foi criada uma série animada do personagem, que chegou a ser exibida no Brasil e levou várias crianças da época a andarem por aí com uma faixa vermelha na cabeça.

RANIERI BAPTISTA – RIO DE JANEIRO, RJ

Olimpíada no Rio Não vejo a hora de a nossa cidade receber os Jogos Olímpicos no ano que vem. Só lamento pela Baía de Guanabara ainda estar tão poluída e certamente isso vai manchar a beleza do evento. CARLOS EDUARDO CHAVES – RIO DE JANEIRO, RJ

Quer mais?

Clique metrojornal.com.br para acessar conteúdo exclusivo, atualização de nossas reportagens, todos os nossos colunistas e galerias com as melhores imagens do dia.

FRASE DA SEMANA

“Eu sabia que não podia me envolver. Eu tornaria a vida deles miserável e a minha também.”

Para falar com a redação:

GEORGE LUCAS SOBRE SUA DECISÃO DE DEIXAR STAR WARS DEPOIS DA VENDA PARA A DISNEY

leitor.rj@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

NERDÔMETRO

Sudoku Batman: Seria delírio? Pesadelo? O fato é que o Bruce Wayne de Ben Affleck é desmascarado pelo Homem de Aço no teaser

Superman: No novo teaser de Batman vs Superman o herói aparece como o povo pedia: cascudo e de cara feia.

Criado em maio de 2000, o Omelete.com.br é hoje o maior site de entretenimento e cultura pop do país

Horóscopo

Está escrito nas estrelas POR: GUILHERME SALVIANO

www.estrelaguia.com.br

A ansiedade em esclarecer assuntos no trabalho tende a ser maior e por isso deve aumentar o cuidado para não apressar situações.

Fique atento com as finanças e priorize despesas mais essenciais. Bom momento para refletir sobre gastos efetivamente úteis.  

Atente-se para não se preocupar demais com objetivos insolúveis e dê atenção ao que precisa ser resolvido com mais urgência.     

Procure expressar mais as emoções, investindo em hobbies ou diversões. Exercitar ou aprender alguma habilidade artística fará bem.

A característica observadora – frequente em virginianos – estará acentuada, contribuindo para auxiliar pessoas e solucionar problemas.

O envolvimento com atividades culturais, religiosas, espirituais e que enriqueçam seus conhecimentos revitalizará suas energias.

Está propenso a resgatar lembranças e antigos sentimentos que servirão de inspiração e referência em decisões.  

Possibilidades maiores para lidar com assuntos que envolvam algum tipo de cooperação e integração com outros grupos.

Período intenso para os assuntos íntimos e para a sexualidade na vida amorosa. Tenha mais cuidado e jeito para expor confidências.

Aproveite o dia para conversas com parentes e pessoas que há tempos não convive. Dia positivo para o entretenimento cultural.

Uma dedicação extra a amigos que mantinha distância será proveitosa. Também fará bem se dedicar a círculos sociais diferentes.

Tenha paciência com as diferenças nas relações. Muitas vezes divergências são capazes de aproximar mais do que afastar.

Soluções


RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

19|

Muricy ou Sampaoli? Promessas. Eleição no Flamengo esquenta e candidaturas tentam convencer o associado com novo técnico DAVID RAMOS/ GETTY IMAGES

Com eleições presidenciais marcadas para o dia 7, segunda-feira, um dia após o término do Campeonato Brasileiro, as chapas concorrentes tentam dar a última cartada para garantir o voto do associado rubro-negro. Ainda que os candidatos ainda não possam assinar contratos com possíveis substitutos de Oswaldo de Oliveira, ao menos dois nomes são dados como certos pelas respectivas candidaturas: os técnicos Muricy Ramalho e Jorge Sampaoli. Ontem, a Chapa Verde, de Wallim Vasconcellos, deixou a entender que o atual treinador do Chile estaria já acertado caso vença a eleição. A notícia foi divulgada pelo colunista Ancelmo Gois, de “O Globo”, e repercutida pelos perfis nas redes sociais da própria chapa. O agente do técnico no Brasil, o ex-zagueiro do Fla Gélson Baresi, é quem estaria fazendo a negociação. Durante a tarde, no entanto, o próprio Sampaoli

MARCELO D. SANTS/FRAMEPHOTO/FOLHAPRESS

Jorge Sampaoli ou Muricy Ramalho: eleição na segunda-feira pode definir o novo presidente e o técnico do Flamengo

negou o acerto. Ele afirmou que pretende cumprir o contrato com a seleção chilena. “Pode ser uma intenção política para tentar ganhar eleição. Não conheço esse senhor [Gelson], não tenho representante. Tenho um acordo com a seleção. Não tem nenhuma verdade. Se [o

Flamengo] tem uma intenção, é uma coisa. Um acordo? Impossível”, disse Sampaoli, em entrevista à Rádio 103.3 FM, do Chile. O argentino, porém, não tem garantias de que vai continuar à frente da seleção chilena. A federação local também passará por eleição. Se

a situação não vencer, ele dificilmente continuaria como técnico do país. No fim da tarde, Wallin Vasconcellos concedeu uma coletiva de imprensa para explicar a confusão e voltou a confirmar o acerto com o treinador. “Ele está sob contrato, obviamente só pode confir-

mar após o dia 8. Ele está negando. É óbvio, está sob contrato. Estamos falando de 14 de setembro [quando as negociações começaram]. Vi que não saiu em nenhuma coluna de jornal. Ninguém vaza informação do nosso grupo”, disse o candidato, que criticou a atual diretoria. “Trabalhar com as pessoas que comandam o futebol do Flamengo hoje não dá certo. Se o Muricy chegar vai durar três meses antes de ir embora.” O argentino foi indicado pela Fifa ao prêmio de melhor treinador do mundo deste ano. Concorre com os espanhóis Pep Guardiola e Luis Enrique. A chapa do atual presidente Eduardo Bandeira de Mello já estaria acertada com o técnico Muricy Ramalho. O outro concorrente é Cacau Cotta, da Chapa Branca. Na sexta-feira, às 17h, a rádio Bradesco Esportes FM (91,1) fará um debate ao vivo com os três candidatos. METRO RIO

3 ESPORTE

Vasco encara semana de decisão

Jorginho deve definir a equipe titular amanhã | PAULO FERNANDES/VASCO.COM.BR

Conta refeita

Debandada

Pelé superaria Lionel Messi em Bolas de Ouro

Venezuelanos renunciam à convocação

Aposentado há quase 40 anos, Pelé levou sete troféus e foi considerado o maior vencedor da Bola de Ouro, prêmio dado ao melhor jogador da temporada, e ultrapassou o recordista Messi, que tem quatro. A relação foi “atualizada” pela revista “France Football”, criadora do prêmio. METRO

Ao todo, 15 jogadores da seleção venezuelana renunciaram às convocações para defender o país nas Eliminatórias para a Copa de 2018, na Rússia. O grupo decidiu não disputar mais partidas pela equipe enquanto os dirigentes da Federação e comissão técnica não forem substituídos. METRO

A luta para permanecer na Séria A do Brasileiro só vai terminar no domingo. O Vasco precisa vencer o Coritiba, na capital paranaense, além de torcer por tropeços de Avaí e Figueirense. Ontem, os jogadores cruzmaltinos voltaram a treinar depois de ganhar um dia de folga. Para domingo, o único desfalque do técnico Jorginho é o meia Andrezinho, que tomou o terceiro cartão amarelo na vitória so-

bre o Santos. Mesmo assim, ele vai para Curitiba acompanhar a decisão. “Todos diziam que o Vasco já estava rebaixado, mas chegamos à última rodada com chances, com muito trabalho e força de vontade! Infelizmente recebi o terceiro cartão amarelo e não poderei jogar a última partida, mas estarei lá em Curitiba para ajudar meus companheiros da forma que der. Não deixem de acreditar na gente, porque vamos lutar até o fim”,

disse o jogador em uma rede social. O técnico Jorginho, no entanto, não tem pressa para definir quem será o substituto de Andrezinho – o que deve acontecer apenas amanhã. Bruno Gallo é o favorito para ser escalado. Por outro lado, o zagueiro Rodrigo está liberado. Ele foi julgado ontem pela expulsão contra o Corinthians e pegou um jogo, já cumprido na partida contra o Santos. METRO RIO

Fluminense não terá Fred na última rodada O vice-presidente de futebol do clube, Mário Bittencourt, confirmou ontem que o atacante Fred só volta a atuar no ano que bem. Sem treinar há sete dias, o atacante está fora do jogo diante do Figueirense, no próximo domingo, às 17h, no Orlando Scarpelli. Jogo que interessa diretamente ao Vasco, que torce por um tropeço dos catarinenses. Segundo o dirigente, o

camisa 9 ainda sente o problema no joelho esquerdo e será preservado para a próxima temporada. Bittencourt fez questão de afastar a responsabilidade do Flu em um eventual rebaixamento do Vasco. Para ele, se o time de São Januário cair, será pela fraca campanha que fez ao longo do Brasileiro. “Qualquer coisa que aconteça não será o Flu-

minense a rebaixar o Vasco, que teve um ano muito ruim e ficou na zona de rebaixamento durante quase toda a competição. Estão querendo colocar uma carga e uma responsabilidade que o Fluminense não tem. Nós jamais faríamos qualquer movimento que pudesse prejudicar esse ou outro clube. A gente vai a campo com o que tiver de melhor”, disse o dirigente. METRO RIO

Oleg Ostapenko

Culpa da crise Treinador das principais ginastas brasileiras entre 2002 e 2008, o ucraniano vai voltar a seu país de origem por conta da crise no Brasil. Sem verba de empresas privadas, o Centro de Treinamento de Ginástica de Curitiba não tem como manter o especialista por aqui.


20|

CBF. Cariocas estão fora da Seleção do Brasileirão A uma rodada do fim do Campeonato Brasileiro, a CBF anunciou a seleção do torneio, com domínio total do campeão Corinthians e do Atlético-MG, até aqui segundo colocado – o clube ainda pode ser ultrapassado pelo Grêmio. Nenhum jogador do Rio de Janeiro foi escolhido. Do elenco campeão, detentor da melhor defesa e do melhor ataque, Cássio (goleiro), Gil (zagueiro), Elias (volante), Jadson (meia) e Renato Augusto (meia) foram eleitos para a equipe da Série A. O técnico Tite, comandante do sexto título corintiano, também foi o escolhido como o principal treinador. Já pelo lado do Galo, que foi a principal ameaça ao time paulista durante a competição, quatro nomes estão na relação: Jemerson (zagueiro), Marcos Rocha (lateral-direito), Douglas Santos (lateral-esquerdo) e Rafael Carioca (volante). O time é completado com os atacantes Luan, do Grêmio, e o santista Ricardo Oliveira. Lucas Pratto, também do Atlético-MG, foi eleito o melhor estrangeiro. Gabriel Jesus, do Palmeiras, ficou com o troféu de revelação. METRO

Boca aberta. De seu jeito tradicional, o técnico soltou o verbo sobre questões delicadas dentro da Seleção Brasileira, comentou a postura de Thiago Silva e Jefferson e descartou convocar Paulo Henrique Ganso

Dunga não poupou ninguém | BUDA MENDES/GETTY IMAGES

O técnico Dunga mais uma vez não guardou para si suas opiniões e comentou sobre diversos assuntos que envolvem seu trabalho à frente da Seleção Brasileira. Em entrevista ao canal Fox Sports, o treinador comentou sobre dois atletas que nos últimos tempos foram polêmica no grupo: o zagueiro Thiago Silva e o goleiro Jefferson. Ex-capitão da Seleção e longe do grupo há algumas partidas, o defensor do Paris Saint-Germain tem porta aberta no Brasil, mas precisa mostrar que merece e tem condições psicológicas. “O Thiago é um jogador que está aí e estamos observando. Ele tem chance de voltar. Na Seleção, são 23. Para ser capitão, tem que jogar. Antes de pedir faixa, tem que jogar. O capitão é uma decisão do treinador. No futebol, não posso excluir nada, mas temos que tratar os jogadores como homens, co-

“O que eu não posso é, no futebol de hoje, jogar com menos um, com o meu 10 não voltando para marcar, não participando sem a bola” DUNGA, SOBRE O MEIA GANSO

mo profissionais, e não como crianças. Não tem que ficar coitadinho, pobrezinho. É um trabalho. Não sei de onde reivindicam posto. Você não reivindica, você ganha o posto”, enfatizou. Já o goleiro do Botafogo teve relacionada sua saída do time titular à derrota para o Chile nas Eliminatórias. O goleiro chegou a dizer que merecia “um pouco mais de crédito”. “Quanto a essa polêmica, é interessante. Falamos de mudança, de Europa, de tática, sistema, e a Seleção não é um clube onde há um titu-

Santos joga por um empate para conquistar o bi da Copa do Brasil Esta noite, às 22h, o Allianz Parque, novo estádio do Palmeiras, conhecerá o primeiro time que será campeão lá dentro. Para ficar com o caneco da Copa do Brasil, os donos da casa terão que o Santos pela frente. É o Peixe que chega com a vantagem. Como venceu por 1 a 0 o primeiro confronto, na Vila Belmiro, semana passada, o alvinegro joga por dois resultados: um empate ou qualquer vitória. Ao Palmeiras, só um triunfo interessa. Se ele acontecer por um gol de diferença, a decisão será levada para as cobranças de pênaltis – na final, o gol fora de casa não serve como critério de desempate, como acontece no restante da competição.

Mas não é “apenas” o título da Copa do Brasil que está em jogo. Como chegaram à decisão do torneio, as duas equipes passaram a poupar titulares nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, não conseguiram bons resultados, e viram as chances de chegar ao G-4 acabar. Assim, a única maneira de chegar à Libertadores de 2016 é com o título desta noite. O equilíbrio emocional poderá ser um diferencial. Desde as finais do Campeonato Paulista – vencido pelo Santos sobre o próprio Palmeiras –, os times acaloram a rivalidade. WILSON DELL’ISOLA METRO SÃO PAULO

Fernando Prass; João Pedro, Jackson, Vitor Hugo e Zé Roberto; Arouca e Matheus Sales; Robinho, Dudu e Gabriel Jesus (Rafael Marques); Lucas Barrios. Técnico: Marcelo Oliveira

PALMEIRAS

Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz, Zeca, Thiago Maia, Renato, Lucas Lima, Marquinhos Gabriel, Gabriel e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior

SANTOS

Ʉ   ĨĮÓáÿėȩ Allianz Parque. Hoje, às 22h. Ʉ SĤÑĒĨđÿĨĨÕėȩ Band, Globo, ESPN Brasil, Fox Sports, Rádio Bandeirantes, BandNews FM e Bradesco Esportes FM

Oliveira é o matador do Peixe

RICA

/AGIF/FOLHAPRESS

A CPI do Futebol aprovou oito requerimentos ontem, entre eles o que pede a transferência de informações bancárias e fiscais, incluído o Relatório de Inteligência Financeira (RIF), do ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Ricardo Terra Teixeira, no período de janeiro de 2007 a março de 2012. Foram também aprovadas a quebra de sigilo telefônico e telemático (mensagens eletrônicas) do também ex-presidente da CBF José Maria Marín, no período de março de 2012 a maio de 2015, e do atual presidente da entidade, Marco Polo Del Nero, de março de 2013 em diante. Além disso, os senadores também decidiram pela quebra dos sigilos bancário e fiscal do Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014 (COL), bem como o acesso ao demonstrativo dos resultados e lucros do órgão. METRO RIO

Dunga fala muito

RICARDO SAIBUN

CPI. Marin, Del Nero e Teixeira serão investigados

RIO DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA, 2 DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

RDO

SAIB

U N/ AGIF /FOL H

APR

ESS

lar. A Seleção tem 23 que convocamos e precisamos ter a confiança absoluta. O curioso é que tirei um atacante titular na Copa do Mundo (Hulk) e um lateral (Marcelo) e ninguém reclamou. No dia a dia, nos treinamentos, o Alisson estava sobrando. O jogador se escala”, disse. Sobrou até para Ganso, que não vem sendo convocado e, pelo que parece, não vai ser. “O  que eu não posso é, no futebol de hoje, jogar com menos um, com o meu 10 não voltando para marcar, não participando sem a bola. Por isso é que hoje, na minha opinião, um jogador como o Ganso não está nos meus planos para ser convocado”, disse Dunga, que comentou estar de olho em outro atleta, o volante Felipe Melo: “Tem personalidade, uma coisa que prezo muito, e boa leitura de jogo. Estou observando este jogador.” METRO

Tênis. Rio Open não terá jogos durante a manhã Para fugir do forte calor do verão carioca, a organização do Rio Open divulgou ontem que os jogos começam mais tarde no ano que vem, a partir das 14h15, com a Sessão 1. Depois, a previsão para a Sessão Noite é para 17h. O torneio é um ATP 500 e será jogado entre os dias 15 e 21 de fevereiro, no saibro do Jockey Club. Os organizadores também confirmaram a participação do americano John Isner (11° do ranking da ATP), que estará na chave principal masculina. Ele se junta aos espanhóis Rafael Nadal (5°) e David Ferrer (7°), que atuaram nas últimas duas edições, além do francês Jo-Wilfried Tsonga (10°). Além deles, estão confirmados os brasileiros Thomaz Bellucci (37°), que estará na chaves masculina, e Marcelo Melo, número 1 do mundo nas duplas. No feminino, Teliana Pereira (46° do ranking da WTA) está confirmada. As vendas de ingressos serão abertas para o público no dia 11 através do site tudus.com.br e variam entre R$30 e R$640. METRO RIO


20151202_br_metro rio