Page 1

IT’S ONLY ROCK ’N ROLL,

MAS ELE GOSTA!

NCISCO SOLTA A FR PA PA , M U LB Á O V EM NO PROGRESSIVO PÁG. 13 O A P O P O D I A V E Z O AV CURITIBA Terça-feira, 1º de dezembro de 2015 Edição nº 1.146, ano 5 MÍN: 15°C MÁX: 22°C

www.metrojornal.com.br | leitor.ctb@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @MetroJornal_CTB

Eleição de 2016 não terá urna eletrônica, diz Justiça Cortes. Depois de saber de um contingenciamento de RS 1,74 bilhão nas suas verbas, cúpula do Judiciário anuncia que faltará dinheiro para as eleições municipais e que o pleito do ano que vem terá que ser feito em papel. Governo anunciou corte de R$ 11 bi no orçamento PÁGS. 06 E 08

PAPAI NOEL MAIS MAGRO Curitibanos gastarão menos neste Natal

PÁG. 07

Na COP, Dilma diz que Brasil vai punir Em discurso em Paris, presidente condena “ação irresponsável” que provocou tragédia ambiental PÁG. 10

Sindimoc anuncia greve parcial do transporte coletivo Ônibus de empresas que não pagaram a primeira parcela do 13º salário dos motoristas não devem rodar hoje PÁG. 03

Neymar é finalista do prêmio Bola de Ouro da Fifa Shoppings apostam em promoções para manter vendas. No Barigui, haverá sorteio de carros | NAIDERON JR/DIVULGAÇÃO

Craque brasileiro vai disputar com Messi e Cristiano Ronaldo o título de melhor do mundo PÁG. 16


02|

1 FOCO

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Jurados do caso Carli Filho são sorteados Justiça. Tribunal já tem 50 nomes para júri popular de ex-deputado, em 21 e 22 de janeiro. No dia do julgamento, sete serão escolhidos. STJ negou recurso da defesa para evitar sessão A 2ª Vara do Tribunal do Júri sorteou ontem as 50 pessoas que poderão compor o julgamento do ex-deputado Luiz Fernando Ribas Carli Filho, acusado de causar duas mortes no trânsito em 2009. Destes 50 nomes, sete serão escolhidos para o chamado conselho de sentença. Os nomes só serão conhecidos na data da sessão, marcada para os dias 21 e 22 de janeiro do ano que vem. O sorteio, segundo a Justiça, foi feito por meio eletrônico e durou cerca de dez minutos. Os jurados são escolhidos entre toda a sociedade. São pessoas comuns, idôneas e maiores de 18 anos. No dia 9 de novembro, o STJ (Superior Tribunal de Justiça) negou um recurso da defesa de Carli Filho para que ele não fosse a júri popular.

O caso Carli Filho é acusado de homicídio com dolo eventual, quando se assume o risco de matar. Em 7 de maio de 2009, o carro que o ex-deputado dirigia, na Avenida Monsenhor Ivo Zanlorenzi, no Mossunguê, atingiu o veículo em que estavam Gilmar Yared, de 26 anos, e Carlos Murilo de Almeida, de 20 anos. Os dois morreram na hora. O inquérito policial apontou que Carli Filho dirigia entre 161 e 173 km/h, estava com a habilitação cassada e havia ingerido volume de álcool quatro vezes acima do tolerado à época. No ano passado, a deputada federal Christiane Yared (PTN), mãe de uma das vítimas, foi a mais votada no Paraná com a bandeira do combate aos crimes de trânsito. METRO CURITIBA

Carli Filho será julgado nos dias 21 e 22 de janeiro | MARCELO ELIAS / FUTURA PRESS

Orçamento. LOA trava por ação da Defensoria A Assembleia Legislativa cancelou ontem um reunião da Comissão de Orçamento que estava marcada para acontecer hoje. No encontro seria analisada a LOA (Lei Orçamentária Anual) de 2016. Os deputados tomaram a decisão de cancelar a tramitação da LOA para cumprir uma liminar do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Luís Roberto Barroso, em resposta a uma ação movida pela Anadep (Associação Nacional dos Defensores Públicos). Os defensores alegam que a Defensoria Estadual não participou da discussão sobre o seu orçamento, o que contraria a sua autonomia legal. Já o governo afirma que os recursos previstos para a Defensoria estavam acima do necessário. O governo do Estado havia previsto para o ano que vem uma redução de R$ 140 milhões para R$ 45 milhões nos gastos. METRO CURITIBA

Detrans

Reunião em Foz O Congresso Brasileiro da Associação Nacional dos Detrans, que acontece a partir de amanhã em Foz do Iguaçu, soma mais de 800 inscritos e 31 palestrantes confirmados. No evento de dois dias serão quatro minicursos e quatro mesas de debates. O presidente da associação e diretor-geral do Detran Paraná, Marcos Traad (foto), destaca que a iniciativa nunca ocorreu no Brasil. “O Congresso da AND é inédito neste sentido, por isso é tão importante”, avaliou.

Cotações Dólar + 1,65% (R$ 3,887) Bovespa - 1,64% (45.120 pts) Euro + 0,34% (R$ 4,089) Selic (14,25% a.a.)

Salário mínimo (R$ 788)

Transporte. Governo apresenta planos para 35 aeroportos e 65 balsas A Seil (Secretaria de Infraestrutura e Logística) inicia nesta semana uma série de encontros regionais no interior para apresentar os novos planos aeroviário e hidroviário do Estado. A primeira reunião acontece hoje em Cascavel, região Oeste. Depois haverá encontros em Maringá, Londrina e Ponta Grossa. Neles os técnicos do executivo vão colher sugestões dos participantes. Uma equipe do governo visitou os 35 aeroportos regionais e fez um levantamento da situação de cada um. Nas balsas o governo vai regular todo setor, que hoje não tem legislação específica. São 104 embarcações em todo Estado. METRO CURITIBA

Hoje balsas não têm regulação | IVAN BUENO/ DIVULGAÇÃO SEIL

“Há casos em que apenas o licenciamento resolve a regularização destes serviços”. JOSÉ RICHA FILHO, SECRETÁRIO ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA

FALE COM A REDAÇÃO leitor.ctb@metrojornal.com.br 041/3069-9189 COMERCIAL: 041/3069-9191

O Metro jornal circula em 23 países e tem alcance diário superior a 18 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Campinas e Grande Vitória, somando 495 mil exemplares diários.

Empreendedores

Coleta de sangue

Tecpar apresenta linhas de crédito para inovação

Doadores podem não pagar pelo EstaR

Bandeira 2 passa a valer durante todo o dia

O Tecpar (Instituto de Tecnologia do Paraná) apresentou ontem as linhas de crédito disponíveis para projetos de fomento inovadores no Estado. Entre as possibilidades de financiamento indicadas estão a plataforma iTec, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e a plataforma BNDES Soluções Tecnológicas. “Só com maior produtividade e competitividade podemos gerar mais riquezas no Brasil. Uma forma de alavancar os negócios é por meio da inovação tecnológica”, disse o diretor-presidente do Tecpar, Júlio Felix.

Tramita na Câmara Municipal um projeto de lei do vereador Bruno Pessuti (PSC), que permite que doadores de sangue não paguem EstaR (Estacionamento Regulamentado) durante o período da coleta. Pessuti explica que locais como o Hemepar (Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná) já têm vagas gratuitas, três delas por meio de pedido feito por ele: “Só que em dias de alta demanda, quando há campanhas de doação de sangue, por exemplo, elas são insuficientes”, argumentou. O projeto será analisado nas comissões da Casa.

Desde ontem os taxistas de Curitiba começaram a cobrar bandeira 2 em todos os horários. O valor mais caro está previsto em lei municipal e serve como um 13º salário para os taxistas. Durante o ano a bandeira 2 só pode ser cobrada entre 20h e 6h em dias úteis e em todos horários em finais de semana. Já a partir de hoje os comerciantes de rua de Curitiba passam a trabalhar em horário ampliado devido ao Natal. As lojas prometem abrir até as 22 h nos dias úteis, além de ampliar o expediente aos sábados e domingos.

METRO CURITIBA

METRO CURITIBA

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB: 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Gerente Executivo: Ricardo Adamo Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso Metro Curitiba. Gerente Executivo: Rodrigo Afonso. Editora-Executiva: Martha Feldens (MTB: 071) Editora de Arte: Priscila S. Belavenute. Grupo Bandeirantes de Comunicação Curitiba - Diretor Geral: André Aguera.

Taxistas

METRO CURITIBA

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Santa Cecília, 802, Pilarzinho, CEP 80820-070, Curitiba, PR. Tel.: 041/3069-9191 O Metro Curitiba é impresso na Gráfica RBS – Zero Hora Editora Jornalística S/A. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 30.000 exemplares


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Greve parcial afeta Curitiba e RMC hoje Transporte coletivo. Nem todos os motoristas e cobradores receberam a 1º parcela do 13º ontem. Na capital, 2 dos 3 consórcios pagaram e vão rodar; região Sul será a mais prejudicada Apesar da longa negociação durante todo o dia de ontem no MPT-PR (Ministério Público do Trabalho) e dos aportes urgentes feitos pelas empresas e pela Urbs, a greve no transporte coletivo de Curitiba e região metropolitana prevista para começar à 0h de hoje não foi evitada. Dos 3 consórcios que operam em Curitiba, dois pagaram a 1ª parcela do 13º salário dos seus funcionários e vão rodar: Pontual e Transbus. Já o Pioneiro não pagou todos seus colaboradores e vai prejudicar o funcionamento de diversas linhas na capital. Apenas uma das 4 empresas que compõe o consórcio quitou o valor ontem, a CCD. Já a Viação Cidade Sorriso, Viação Tamandaré e Auto Viação São José dos Pinhais não pagaram. Segundo o Sindimoc (Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e região) todo o consórcio vai parar e só retorna

Parte da cidade deve amanhecer sem ônibus | ARQUIVO METRO / RODRIGO FÉLIX LEAL

quando o pagamento for feito aos colaboradores das demais empresas. Dessa forma, diversas linhas que operam na região Sul da cidade serão afetadas, como nos bairros Boqueirão, Bairro Novo, Capão Raso, Lindóia, Portão, Sítio Cercado, Umbará e Vila Guaíra. Região Central, Leste e Norte também sofrerão impactos. Segundo a Urbs, a Cidade Sor-

riso opera cerca de 30% da linha Santa Cândida/Capão Raso e 40% da Pinheirinho/Rui Barbosa. Na RMC, Araucária, Campo Largo e Almirante Tamandaré também vão ser afetadas pela paralisação. Negociação No início da noite de ontem o Setransp (Sindicato das Empresas de Ônibus de Curiti-

Outdoors contra ‘privilégio de deficientes’ causam polêmica Pelo menos 4 outdoors com os dizeres ‘Pelo Fim dos Privilégios para Deficientes’ espalhados por Curitiba causaram polêmica ontem nas redes sociais e até na Câmara Municipal. Os responsáveis se autodenominam como MRD (Movimento pela Reforma de Direitos). Na página do grupo no facebook foram publicadas diversas postagens ao longo do dia criticando direitos adquiridos pelas pessoas com deficiência nos últimos anos, o que gerou a revolta de muitos usuários da rede. O MRD pede a redução em 50% das vagas exclusivas e de filas e assentos exclusivos para deficientes, o fim das cotas em empresas e nos concursos públicos e também o fim da isenção de impostos na compra de carro zero. Questionado, o grupo não disse quantos outdoors foram espalhados e se realmente se tratava de algo sério, mas convocou uma coletiva de imprensa hoje à tarde em um hotel da cidade para

Outdoor na rua Santa Cecília foi o primeiro a parar nas redes sociais | METRO CURITIBA

se explicar. A Favretto, empresa responsável pelo espaço do 1º outdoor divulgado na internet, na Vista Alegre, disse que estava buscando informações sobre o cliente para poder se posicionar sobre o tema, mas confirmou que 4 espaços foram locados com a empresa para este fim na cidade. Um deles, no Sítio Cercado, foi pichado durante a tarde. O aluguel custa R$ 770 por 14 dias. Diversos vereadores repudiaram o movimento, incluindo Pedro Paulo (PT), que disse que vai denunciar o ca-

so ao Ministério Público. O presidente da ADFP (Associação dos Deficientes Físicos do Paraná), Mauro Nardini, também repudiou a mensagem. Publicidade? Ao mesmo tempo que as postagens nas redes sociais e os outdoors geraram revolta, muitos acreditam que tudo não passa de uma campanha publicitária em virtude do Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, nesta quinta-feira (3) e do Dia Mundial da Acessibilidade, no sábado (5). METRO CURITIBA

ba e Região Metropolitana) informou que 85% do valor devido por todas as empresas em relação a 1ª parcela do 13º foi pago com recursos próprios. O restante deve ser acertado hoje, conforme adiantamentos de repasses da Urbs. Ontem a Urbs antecipou o repasse de R$ 2,5 milhões referente as operações dos dias 27, 28, 29 e de parte de ontem, que era para ser feito apenas amanhã. Segundo o Setransp, parte desse valor só foi recebido após o expediente bancário, o que impossibilitou o pagamento de todos. A prefeitura de Curitiba também fez um depósito de R$ 1,6 milhão do próprio cofre e outro de R$ 900 mil, que deve cair até o meio-dia de hoje a título de adiantamento ao sistema. BRUNNO BRUGNOLO METRO CURITIBA

03|

Evangélico. Justiça recebe laudo sobre mortes na UTI O IML (Instituto Médico Legal) entregou ontem à Justiça a perícia dos prontuários de sete pessoas mortas na UTI do Hospital Evangélico, em Curitiba, sob o comando da médica Virgínia Soares de Souza, suspeita de abreviar a vida dos pacientes. A 2ª Vara do Tribunal do Júri dependia da conclusão do laudo para avançar no processo e marcar o interrogatório dos réus. O documento do IML, com cerca de 400 páginas, responde a mais de 4 mil perguntas técnicas sobre o procedimento na UTI envolvendo os pacientes. As partes (Ministério Pú-

blico e defesa de Virgínia e de outros seis funcionários do hospital) têm 30 dias para se manifestar. Mas como haverá recesso judiciário a partir do dia 19 de dezembro, os réus só serão ouvidos no ano que vem. “O processo está numa fase de esclarecimento. Tanto a defesa como o MP podem fazer questionamentos sobre a perícia”, diz o juiz Daniel Surdi de Avelar, responsável pelo caso. O MP-PR informou que não vai se manifestar antes de analisar a perícia. Já a defesa diz ter feito uma avaliação prévia, e sustenta a tese de que não houve fato criminoso. METRO CURITIBA

Depois de 2 anos e meio, réus serão interrogados | ARQUIVO METRO / RODRIGO LEAL

Orgânicas

UFPR vende mudas de plantas ornamentais O Centro de Estações Experimentais do Canguiri, fazenda da UFPR em Pinhais, está vendendo dezenas de mudas de espécies de plantas ornamentais por preços acessíveis. As plantas são produzidas de forma orgânica e são excedentes das aulas práticas e pesquisas realizadas pela universidade, segundo a professora do departamento de Fitotecnia e Fitossanitarismo, Francine Cuquel. Os recursos provenientes da venda são utilizados para manutenção da área e custeio de novas pesquisas. A estufa de floricultura da fazenda fica na rua Ivone Pimentel, 19, em Pinhais, e funciona das 8h às 11h e das 13h às 17h em dias úteis. Os preços variam entre R$ 3 e R$ 30. Uma muda de ipê roxo, por exemplo, custa R$ 8, já uma samambaia sai por R$ 10. METRO CURITIBA

Guardas e policiais entraram em 18 ônibus no fim de semana | DIVULGAÇÃO

Presença. Guarda reforça segurança no transporte No último fim de semana a GM (Guarda Municipal) abordou 785 pessoas em 18 linhas de ônibus do transporte coletivo de Curitiba para coibir assaltos, roubos e furtos, que cada vez mais assustam os passageiros. Segundo a prefeitura, a GM está reforçando as operações em parceria com a Polícia Militar e a Polícia Civil em todas as regionais da cidade, inclusive com o Grupo de Operações com Cães da GM. Durante as abordagens, os agentes informam sobre a ação e começam as

revistas procurando armas que possam ser usadas em roubos e agressões contra usuários e trabalhadores do transporte coletivo. De acordo com dados da própria GM, foram atendidas 3.728 ocorrências até o último dia 17 nos ônibus da capital. Destas, 1.365 foram por motivo de roubo, outros 56 por furto e 29 por tentativa de roubos e furtos. Em 13 a GM constatou o uso de armas de fogo. Dos 162 flagrantes da GM neste ano, 50 foram por roubo e 9 por furto. METRO CURITIBA


06|

Vídeo gravado por assessor | MINISTÉRIO PÚBLICO/DIVULGAÇÃO

Corrupção. Deputado Jardel é afastado A trajetória de Jardel na política do Rio Grande do Sul pode ter chegado ao fim. Uma investigação do Ministério Público, deflagrada ontem, apurou que o deputado estadual Mário Jardel (PSD), eleito com 41.277 votos, teria montado um esquema de corrupção para embolsar verbas públicas. O MP-RS verificou indícios de crimes como peculato, concussão, falsificação de documentos e lavagem de dinheiro. As investigações identificaram pelo menos quatro funcionários-fantasmas, que recebiam salários sem trabalhar. Um desses servidores seria a mulher do homem que fornecia drogas para Jardel: durante buscas na casa do deputado, duas buchas de cocaína foram apreendidas. Além disso, há indícios de que Jardel extorquia cerca de R$ 3 mil dos salários de cada funcionário do seu gabinete e da bancada do PSD (Partido Social Democrático). Com o esquema, Jardel lucraria entre R$ 30 mil e R$ 50 mil por mês, que ele utilizaria para pagar despesas pessoais. Jardel também fraudaria diárias de viagem e valores de indenização veicular, a partir da falsificação de estadias em hotéis e da quilometragem dos carros. METRO POA Operação Lava Jato

Janot quer investigar Renan, Delcídio e Jader O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ontem ao Supremo Tribunal Federal a abertura de inquéritos para investigar os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA) e Delcídio do Amaral (PT-MS) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. METRO

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

2016 terá volta da votação em papel, ameaça cúpula da Justiça ‘Não há dinheiro’. Inconformados com contingenciamento de verbas feito pelo governo federal, presidentes de tribunais superiores afirmam que eleições municipais não terão urnas eletrônicas No que depender da Justiça, a crise financeira enfrentada pelo governo federal vai levar o Brasil de volta ao passado nas eleições municipais do ano que vem, quando mais de 140 milhões de brasileiros devem votar para prefeito e vereador. Atingido por um corte de R$ 1,74 bilhão pelo contingenciamento de gastos da União -- provocado pela demora na votação da revisão da meta fiscal pelo Congresso (leia mais na página 8) --, o Poder Judiciário avisou que não será possível fazer a votação em urnas eletrônicas. Elas começaram a ser introduzidas nas eleições de 1996 e o sistema foi universalizado em 2000. Cédulas de papel só eram utilizadas quando a urna eletrônica quebrava e não havia outra para substituir.

plicado secamente: “O contingenciamento imposto à Justiça Eleitoral inviabilizará as eleições de 2016 por meio eletrônico”.

Eleitor usa cédula de papel em 2002, em Brasília | MÁRCIA GOUTHIER/FOLHAPRESS

A decisão, encarada no governo como uma forma de pressão contra o contingenciamento, foi comunicada em uma portaria publicada ontem no Diário Oficial da União, com as assinaturas dos presidentes de todos os tribunais superiores do país. No texto, o motivo é ex-

O dinheiro não dá Por nota, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) informou que o corte de R$ 428 mil em seus recursos “prejudicará a aquisição e manutenção de equipamentos necessários para a execução do pleito do próximo ano”. Segundo a Corte, já está em andamento uma licitação de R$ 200 milhões para a compra de urnas. O governo federal não se manifestou oficialmente sobre a ameaça de eleições com cédulas de papel. RAPHAEL VELEDA METRO BRASÍLIA

Conselho de Ética decide hoje se processa Cunha Sob a pressão de novas notícias negativas envolvendo o presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o Conselho de Ética da Casa vota hoje, a partir das 14h30, o parecer elaborado pelo deputado Fausto Pinato (PRB-SP), sugerindo que o colegiado dê prosseguimento ao processo que pode resultar na cassação do mandato do peemedebista. Cunha se defendeu ontem da denúncia de que teria recebido R$ 45 milhões em propina do BTG Pactual, do baqueiro André Estevez, preso desde a semana passada, para beneficiar a instituição com uma emenda a uma Medida Provisória (a MP 608), que tratava de regras fiscais para bancos. “A emenda que eu fiz prejudicou o interes-

Zika. Crescem 68,8% casos suspeitos de microcefalia O Ministério da Saúde divulgou ontem novo boletim epidemiológico informando 1.248 casos suspeitos de microcefalia, um aumento de 68,8% em relação ao último número informado, de 739. Os levantamentos têm uma semana de diferença: foram finalizados em 21 e 28 de novembro. As ocorrências foram registradas em 13 estados e no DF. O governo confirmou, no último sábado, que há relação entre a malformação, que pode afetar o desenvolvimento motor das crianças, e o vírus zika, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o mesmo da dengue. Mais pesquisa O monitoramento dos casos de microcefalia se tornou prioridade para o governo, o que explica, em parte, o salto na contagem. As pesquisas continuam, para identificar a atuação do vírus e o período de maior vulnerabilidade para a gestante -- em princípio, acredita-se que sejam os três primeiros meses de gravidez. Entenda Por ter sintomas bem mais brandos do que a dengue ou a chikungunya, outras doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, o zika não ganhou muita atenção das autoridades de saúde até a confirmação de sua relação com o aumento de casos de microcefalia.

AP

Combate foi intensificado no DF | GABRIEL JABUR/AGÊNCIA BRASÍLIA

Estudos nos tecidos e no sangue de um bebê nascido com microcefalia que morreu no Ceará, feitos pelo Instituto Evandro Chagas, encontraram traços do vírus zika. A notícia foi divulgada no último sábado pelo Ministério da Saúde. O órgão informou ainda que os repelentes de insetos vendidos no Brasil podem ser utilizados com segurança por mulheres grávidas. O vírus zika tem provável origem na África, mas registra muitos casos na Ásia. As autoridades suspeitam que o aumento de casos no Brasil tenha relação com o turismo durante a Copa do Mundo de 2014. FABIANE GUIMARÃES RAPHAEL VELEDA METRO BRASÍLIA

MAPA DA MICROCEFALIA 79 MA

CE

12

PA

248

25 RN

PI

PB

36

646

PE

TO

12

AL SE BA

MT

59

37

Cunha tenta se livrar de processo

GO

DF

2

1

77 TOTAL DE CASOS SUSPEITOS*

| MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

1.248

MG

se que estão colocando”, disse Cunha a jornalistas, em Brasília. Outro revés para o carioca foi a revelação, pelo jornal “O Estado de S. Paulo”, de que a Justiça da Suíça o multou em 6 mil francos suíços (R$ 22,3 mil) por tentativa de obstrução, já que ele teria tentado evitar, com manobras judi-

ciais, que extratos de contas suas no país fossem enviados a autoridades brasileiras. Cunha continua guardando na manga, como arma de barganha, a decisão de acatar ou não um pedido de abertura de processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT). METRO BRASÍLIA

ES

MS

1 SP

13

RJ

PR

SC

153 139 175 167 147 2010

2011

2012

2013

2014

2015

Há casos suspeitos em 13 estados e no DF — cinco unidades da federação a mais do que na semana passada —, um aumento de 509 registros suspeitos (68,8% a mais em sete dias) FONTE: MINISTÉRIO DA SAÚDE

*ATÉ 28 DE NOVEMBRO


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

07|

Atrativos Confira as promoções dos shoppings para 2015: Ʉ ıĤÿĮÿÜÑȩ A cada R$ 250 o cliente concorre a um kit com produtos LG. Ʉ ÿáÑáåȩ R$ 50 dão direito a cupons para o sorteio de um Fluence 0 km. Ʉ ĤĽĨĮÑČȩ Com R$ 2 mil em compras o cliente tem benefícios como estacionamento gratuito e ingressos de cinema durante 3 meses.

O Natal é a data que mais movimenta o comércio | NAIDERON JR./DIVULGAÇÃO

Papai Noel deve ser mais magro este ano Comércio. Pesquisas indicam queda nas vendas para o período e valores mais baixos nas compras dos paranaenses. Número de temporários também deve cair A árvore de Natal nas casas dos paranaenses não deve estar recheada de presentes neste ano. É o que apontam pesquisas divulgadas pela Fecomércio e pela ACP (Associação Comercial do Paraná) que ouviram consumidores e lojistas do estado. A data é, tradicionalmente, a que mais movimenta o comércio durante o ano inteiro. A regra não deve mudar, mas o desempenho em relação ao ano passado não é dos mais animadores. Os dados indicam que o número de paranaenses dispostos a gastar com compras de Natal diminuiu. De acordo com a Fecomércio, 77% dos consumidores têm a intenção de comprar presentes. No ano passado o índice chegava a 91% dos pesquisados. O resultado, segundo a ACP, é uma queda real de 15% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado. O valor das lembranças de Natal também deve diminuir. Ainda de acordo com a ACP o gasto médio por presente deve ser de R$ 85. Os

entrevistados disseram que pretendem presentear três pessoas. Parentes, filhos e cônjuges encabeçam a lista dos sortudos. Para driblar a falta de ânimo dos consumidores as promoções são a saída de muitos lojistas (veja mais ao lado). Decorações chamativas nas lojas, bons produtos e treinamento dos vendedores também estão nos planos dos comerciantes. Menos oportunidades

Um dos reflexos na queda do desempenho do comércio durante o Natal é a diminuição da contratação de funcionários temporários. Na pesquisa feita pela ACP 60% dos comerciantes disseram ter desistido de contratar novos funcionários para o período. Entre os que não abriram mão da ajuda extra houve diminuição no número de contratações e da perspectiva de efetivação. Apenas 13% dos temporários devem terminar o Natal ainda empregados. METRO CURITIBA

Ʉ ĨĮÑÞÕėȩ Programação com os personagens do filme Toy Story e o sorteio de 30 tablets. R$ 200 em compras dão direito a um cupom. Ʉ 7ıåČČåĤȩ Gastando R$ 400 é possível concorrer a valespresentes de R$ 10 mil e a um Lexus NX F Sport. Ʉ 8ėĺėÑĮåČȩ R$ 500 em compras rendem um chocolate Kopenhagen. R$ 1,5 mil dão direito a uma garrafa de Chandon e um chocolate. Acima de R$ 2,5 mil, uma champanheira com duas taças, uma garrafa de Chandon e um chocolate. Ʉ GÑČČÑáÿıđȩ R$ 600 em compras dão direito a um conjunto de pratos com detalhes em ouro. Com R$ 200 já é possível concorrer a um Hyunday New ix35. Ʉ GÑĤĊNþėġġÿĒûÑĤÿûıÿȩ Com R$ 350 em compras é possível concorrer a três Chevrolet Tracker LTZ por semana. Ʉ GÓĮÿėÑĮåČȩ Gastando R$ 600 o cliente ganha um organizador de viagens da Brooksfield e concorre a uma viagem pelos cinco continentes com acompanhante. Ʉ GėČČėNþėġȩ R$ 100 em compras dão direito a um cupom para o sorteio de dois Jeep Renegade Sport 0 km. Ʉ NÕė/ėĨçȩ R$ 400 gastos dão um panetone em lata personalizada. Com R$ 150 é possível concorrer a um Toyota Corolla 2016. Ʉ SėĮÑČȩ R$ 100 em compras dão direito a um cupom para o sorteio de dois Citroën C3 0 km.


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

08|

Governo faz corte de R$ 11 bi no Orçamento Contas no vermelho. Cidades e Transportes são as pastas mais atingidas por novo bloqueio. Contingenciamento total pode chegar a R$ 89,6 bilhões neste ano, afirma Planejamento O governo federal bloqueou R$ 11,2 bilhões de despesas discricionárias do Orçamento da União. Desse valor, R$ 500 milhões são de emendas impositivas e R$ 10,7 bilhões das demais programações. O Ministério das Cidades teve o maior corte com R$ 1,651 bilhão, seguido dos Transportes, com R$ 1,446 bilhão, e Integração Nacional, com R$ 1,099 bilhão. Foram preservadas todas as despesas obrigatórias como o salário dos servidores e pagamentos do Bolsa Família. O governo tinha até ontem para publicar o decreto, já que o Congresso ainda não votou a alteração da meta de fiscal para este ano. A mudança reduz o superavit primário de R$ 66,3 bilhões para um deficit que pode chegar a R$ 119,9 bilhões, caso haja o pagamento das chamadas pedaladas fiscais. Com isso, o Executivo se viu obrigado a indicar cortes para cumprir exigência da Lei de Responsabilidade Fiscal. A votação estava prevista para quarta-feira da semana passada, mas foi afetada pela prisão do senador Delcí-

MAIORES CORTES Em R$ milhões CIDADES

1.651,3 1.446,5 1.099,6 885,5 696,7 591,8 TOTAL 481 10.652,2 448,4 448 327,7 2.575,7

TRANSPORTES INTEGRAÇÃO NACIONAL DESENV. SOCIAL E COMBATE À FOME DEFESA JUSTIÇA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO ESPORTES SECRETARIA DA AVIAÇÃO CIVIL FAZENDA OUTROS FONTE: MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO

dio do Amaral (PT-MS), ex-líder do governo no Senado, por suspeita de obstrução no andamento da operação Lava Jato, que investiga esquema de corrupção na Petrobras. A sessão acabou sendo adiada para hoje. Diante do impacto do contingenciamento, o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, realizou ontem reunião com os secretários-executivos de todos os ministé-

rios, com o objetivo orientar sobre medidas operacionais. Com o novo corte, o contingenciamento total do Executivo, em 2015, poderá atingir R$ 89,6 bilhões, disse o Ministério do Planejamento. Em maio, foi anunciado um corte de R$ 69,9 bilhões na peça orçamentária, valor que foi acrescido de outros R$ 8,6 bilhões em julho. O valor de R$ 10,7 bilhões, segundo o ministério, corres-

App de viagens de carro BlaBlaCar chega ao Brasil A empresa que desenvolveu o aplicativo que conecta pessoas interessadas em viajar de carro para outras cidades, BlaBlaCar, lançou ontem suas operações no Brasil. A companhia foi fundada na França em 2006 e recebeu desde o ano passado US$ 300 milhões em duas rodadas de investimentos para fomentar sua presença internacional, que com o Brasil passa a ser de 20 países. A BlaBlaCar avalia que seu serviço não vai enfrentar oposição no país, uma vez que tem por objetivo permitir redução de custo de viagens de carro entre cidades e não criar um serviço de motoristas remunerados. Inicialmente, as viagens arranjadas pelo aplicativo não incorrerão em taxas co-

ponde ao total ainda disponível no Orçamento de 2015 para despesas discricionárias que podem ser contingenciadas em 10 de novembro. Essas despesas incluem, entre outros, gastos destinados ao investimento, à manutenção do funcionamento dos órgãos do governo federal, pagamento de aluguel, água e luz. A presidente Dilma cancelou as viagens que faria nesta semana ao Japão e ao Vietnã. Segundo a Secretaria de Comunicação, “o governo não pode mais empenhar novas despesas discricionárias, exceto aquelas essenciais ao funcionamento do Estado e do interesse público”.

Aplicativo de empresa francesa oferece caronas pagas | REPRODUÇÃO

bradas pela empresa no Brasil. A tarifa que será cobrada pela BlaBlaCar futuramente dos passageiros no país será equivalente a 10% a 15% do custo estimado da viagem para cada passageiro. A empresa, por exemplo, calcula atualmente o custo da viagem de carro entre

São Paulo e o Rio de Janeiro em R$ 180, considerando combustível e pedágios. Assim, no caso do motorista levar dois passageiros, o custo para cada um será de R$ 60, mas a tarifa a ser cobrada para remunerar a BlaBlacar incidirá apenas sobre a parcela de cada passageiro. METRO

Rombo inédito Diante da queda nas receitas e gastos maiores na Previdência, o setor público brasileiro registrou pela primeira vez deficit primário para outubro, de R$ 11,530 bilhões – o pior patamar da série histórica do Banco Central, iniciada em dezembro de 2001. No ano, o resultado saiu de um deficit de R$ 8,4 bilhões até setembro para um rombo de R$ 19,9 bilhões até outubro. METRO

Inadimplência. Participação da classe C bate recorde no 3º tri A participação da Classe C entre os inadimplentes bateu recorde no terceiro trimestre, segundo pesquisa divulgada ontem pela Boa Vista/SCPC. Cerca 57 milhões de brasileiros têm ao menos uma dívida com o pagamento em atraso. Desse total, 59% pertencem à classe C. Em 2014, essa fatia era de 50%. Na classe B, por outro lado, a participação entre inadimplentes caiu de 42% para 31%. Na D/E, por exemplo, a percentagem passou de 6% no ano passado para 7% este ano. Quanto à classe A, a variação também foi mínima: de 2% para 3% em 12 meses. METRO

Câmbio. Dólar sobe por turbulências políticas Os investidores reagiram a preocupações com o impacto da prisão do ex-presidente do BTG Pactual, André Esteves, sobre o mercado doméstico e com possíveis desdobramentos para o quadro político brasileiro. O dólar avançou ontem 1,65%, a R$ 3,8865 na venda, maior nível de fechamento desde 28 de outubro, quando ficou em R$ 3,9201. Com isso, a moeda americana anulou o recuo que havia acumulado em novembro e terminou o mês com alta de 0,61%. O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou com queda de 1,64%, a 45.120,36 pontos. É a menor pontuação de fechamento desde 30 de setembro. No fim de semana, Esteves renunciou a todos os seus

1,65% foi a alta do dólar, que encostou ontem em R$ 3,90 cargos no BTG após o Supremo Tribunal Federal mantê-lo preso por tempo indeterminado por suspeita de obstrução da operação Lava Jato. A preocupação é de que mais denúncias possam surgir no campo político ou que o próprio BTG seja muito atingido, o que poderia obrigá-lo a desmontar posições no mercado e, assim, afetar a liquidez. Novas denúncias contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), também se somaram ao quadro de incertezas. METRO

Focus. Previsão de inflação é elevada pela 11a semana A projeção de instituições financeiras para a inflação este ano subiu pela 11ª semana seguida. A estimativa passou de 10,33% para 10,38%, segundo o boletim semanal Focus, divulgado ontem. Para 2016, a estimativa para o IPCA segue em 6,64%, acima do limite da meta do governo, 6,5%. Diante das pressões inflacionárias, a perspectiva Petrobras Ferreira deixou presidência do Conselho MARCOS OLIVEIRA/AGÊNCIA SENADO

Murilo Ferreira confirma renúncia O presidente licenciado do Conselho de Administração da Petrobras, Murilo Ferreira, renunciou ao cargo após notícias de conflitos com a atual gestão da estatal e diante de uma crise na mineradora que preside. Ferreira, que também é presidente-executivo da Vale, estava licenciado do Conselho da Petrobras desde 14 de setembro de 2015, quando foi substituído interinamente por Luiz Nelson Guedes de Carvalho, que permanecerá na função até a próxima reunião do colegiado. METRO

para a taxa básica de juros no final de 2016 passou a 14,13% na mediana das projeções, contra 13,75% antes. Na semana passada, o Banco Central manteve a Selic em 14,25% ao ano pela terceira vez seguida, mas a decisão foi dividida, com dois membros defendendo a sua elevação, em um sinal de que um futuro aumento pode vir já no início de 2016. METRO Moeda chinesa

FMI incorpora yuan em cesta O FMI (Fundo Monetário Internacional) anunciou ontem a incorporação da moeda chinesa em sua exclusiva cesta de divisas. O yuan se junta ao dólar, ao euro, ao iene e à libra esterlina na cesta de moedas que o FMI utiliza como um ativo internacional de reservas. METRO Natal

Gasto médio será o menor em 10 anos O gasto médio com presentes de Natal em 2015 deve ser o menor em dez anos. Segundo pesquisa da Fecomércio RJ/Ipsos, a despesa deverá ser de R$ 138,47, contra R$ 223,83 em 2014. METRO


10|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

Brasil vai punir, diz Dilma COP21. Presidente condenou ‘ação irresponsável de algumas empresas’ que provocou a ‘maior tragédia ambiental da história do país’ A presidente Dilma Rousseff disse ontem, em Paris, que uma ação irresponsável causou o rompimento de barragens na bacia hidrográfica do Rio Doce e que empresas serão duramente punidas por isso. “A ação irresponsável de umas empresas provocou o maior desastre ambiental na história do Brasil, na grande bacia hidrográfica do rio Doce”, afirmou. “Estamos reagindo pesado, com medidas de punição, apoio às populações atingidas, prevenção de novas ocorrências e punindo severamente os responsáveis por essa tragédia.” O rompimento da barragem de Fundão, da empresa de mineração Samarco, liberou mais de 30 milhões de m³ de rejeitos no último dia 5 de novembro, destruindo o distrito de Bento Rodrigues (MG) e contaminando o rio Doce. Dilma e outros cerca de 180 chefes de governo e de Estado estavam em Paris ontem para a abertura da 21ª Conferência do Clima (COP21), que vai até o próximo dia 11 de dezembro. Os países estão sendo desafiados a apresentar propostas para evitar o aquecimento global acima de 2ºC até 2100. O Brasil apresentou a

O 1º Dia

EUA e China

43%

1

é a redução de emissões de gases de efeito estufa pretendida pelo Brasil até 2030, tendo 2005 como ano-base meta de diminuir as emissões de gases de efeito estufa em 37% até 2025 e em 43% até 2030, tendo 2005 como ano-base. Para isso, o país propõe acabar com o desmatamento ilegal da Amazônia, restaurar e reflorestar 12 milhões de hectares de florestas, recuperar 15 milhões de hectares de pastagens degradadas, integrar 5 milhões de hectares de lavoura, pastagem e pecuária, alcançar 45% de energias renováveis na composição da matriz energética e aumentar 10% sua eficiência energética. Para o secretário-executivo do Observatório do Clima, Carlos Rittl, porém, o país tem capacidade para fazer muito mais. “O nível de redução de emissão é insuficiente”, disse, contando que hoje o Brasil emite em torno de 1,5 bilhão de toneladas de gases. METRO Leia mais no metrojornal.com.br

Disposição é maior, dizem paranaenses

2

3 “Não estamos lutando pela natureza Somos a própria natureza se defendendo”

4

5

1- François Hollande, presidente da França, e Barack Obama, presidente dos EUA | C.HARTMANN/REUTERS 2- Ségolène Royal, ministra da França, e Dilma Rousseff | CHRISTIAN HARTMANN/REUTERS 3- Narendra Modi, primeiro-ministro da Índia | STEPHANE MAHE/REUTERS 4- Mensagem de artista de rua em ponto de ônibus de Paris | BENOIT TESSIER/REUTERS 5- Xi Jinping, presidente da China, país que mais polui no mundo | STEPHANE MAHE/REUTERS

Planos dos mais pobres vão custar US$ 1 tri, diz pesquisa Hollande: dois grandes desafios globais para enfrentar | PHILIPPE WOJAZER/REUTERS

Hollande relaciona luta pelo clima com terrorismo As lutas contra o terrorismo e o aquecimento global têm uma ligação forte, disse ontem o presidente da França, François Hollande, duas semanas após ataques de militantes islâmicos na capital francesa. Hollande também reiterou que qualquer acordo para tentar manter o aumento das temperaturas globais abaixo de 2ºC precisaria ser “universal, diferenciado e obrigatório”, com países ricos contribuindo mais do que os pobres.

“Não posso separar a luta contra o terrorismo da luta contra o aquecimento global”, disse Hollande, durante a abertura das conversas. “Esses são dois grandes desafios globais que temos que enfrentar, porque temos que deixar para nossas crianças mais do que um mundo livre do terror, também devemos a elas um planeta protegido de catástrofes. A paz mundial está no centro das conversas”, disse. METRO

Os 48 países mais pobres do mundo irão precisar de cerca de US$ 1 trilhão entre 2020 e 2030 para efetivarem seus planos de enfrentamento às mudanças climáticas, e esses projetos deveriam ser uma prioridade no financiamento internacional, disseram pesquisadores. Estimativas baseadas em planos entregues pelos países menos desenvolvidos (LDCs, na sigla em inglês) para um novo acordo da ONU (Organização das Nações Unidas) cuja meta é frear o aquecimento global mostram quem eles custarão cerca de US$ 93,7 bilhões por ano a partir de 2020, quando se espera que um pacto a ser acordado em Paris nas duas próximas semanas entre em vigor. Este valor inclui US$ 53,8 bilhões anuais para reduzir as emissões de poluentes e

US$ 93,7 bilhões por ano é de quanto precisarão os 48 países mais pobres do mundo para cumprirem seus planos até 2030 US$ 39,9 bilhões para se lidar com eventos climáticos mais extremos e com a elevação do nível dos mares, de acordo com um relatório do IIED (Instituto Internacional para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento), sediado em Londres. Os países menos desenvolvidos – da Etiópia à Zâmbia, do Iêmen aos Estados-ilhas do Pacífico – abrigam algumas das comunidades mais pobres e que estão sofrendo os piores impactos das crescentes secas, enchentes, tempestades e costas sob efeito da erosão. Ao

mesmo tempo, eles produzem tão somente uma pequena fração dos gases de efeito estufa, catalisadores da mudança climática. Essas nações são vítimas de uma falta de recursos e de conhecimento generalizados para enfrentarem essa mudança, mas quase todas redigiram as assim chamadas INDC para um novo acordo climático global. Apesar da necessidade evidente de fundos para os países mais pobres combaterem a mudança climática, a maior parte do financiamento governamental tem ido para as nações mais ricas, enfatizou o relatório do IIED. Dos US$ 11,8 bilhões anuais de governos doadores remetidos aos LDCs em 2013 e 2014, a maior fatia, de US$ 10 bilhões, foi destinada a ações para conter as emissões de poluentes. METRO

Ao menos dois representantes do Paraná participam da COP21. São eles o colunista do Paraná Portal e mestre em hidrologia, Antonio Fonseca dos Santos, e o presidente da Comissão de Direito Ambiental da OAB-PR (Ordem dos Advogados do Brasil) e colaborador do grupo J Malucelli, José Gustavo de Oliveira Franco. Ambos destacam que em relação à COP15, de 2009, EUA e China estão mais dispostos a firmar acordos mais amplos. Antonio diz estar pessimista quanto a possibilidade de um acordo ‘vinculante’, como o de Kyoto, por exemplo. Já Franco diz que a possibilidade de um bom termo existe. Antonio, que vai participar de uma mesa nesta COP, alerta que, pelas propostas apresentadas até agora, não será possível chegar ao objetivo de evitar o aquecimento acima de 2ºC. METRO CURITIBA

Para Moon, ‘precisamos ir mais rápido e mais longe’ O secretário-geral da ONU Organização das Nações Unidas), Ban ki-Moon, pediu a líderes mundiais no começo de encontro sobre o clima em Paris, com duas semanas de duração, que devem acelerar ações para evitar o perigoso aumento de temperaturas. Promessas nacionais de cortes de emissões de mais de 180 nações foram, disse o secretário-geral, um bom começo, mas não o suficiente para conter o aquecimento global em no máximo 2ºC, limite que, segundo cientistas, irá evitar piores consequências. “Paris precisa marcar um ponto de mudança decisivo”, disse. “Precisamos ir mais rápido e mais longe para limitar o aumento da temperatura global em menos de 2 graus Celsius”, afirmou ki-Moon. METRO


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

Mostra tem peças inéditas e debates Teatro. Programação da Mostra de Dramaturgia Sesi – Teatro Guaíra começa hoje no Teatro José Maria Santos A quarta edição da Mostra de Dramaturgia do Sesi – Teatro Guaíra tem início hoje, no Teatro José Maria Santos. A programação segue durante a semana com seis peças inéditas, todas apresentadas às 20h. O espetáculo que abre o evento é ‘Perpétuo’, de Daniele Cristyne. Seguem a programação ‘Florescerro’, de Gus Hermsdorf; ‘Vende-se uma geladeira azul’, de Rafael Cal; ‘Ave Miss Lonelyhearts’, de Gustavo Marcasse; ‘Para nunca mais’, de Cristiano Nagel; ‘Meriene’, de Giovana Gregório; e ‘Aporia Em SI#’, de Melanie Peter. Além dos espetáculos, a

2 CULTURA

mostra oferece, ainda, bate-papos. As conversas acontecem logo após as apresentações e contam com a participação de Valmir Santos, Marcio Abreu, Grace Passô, Mauricio Arruda Mendonça, Diego Fortes e Georgette Fadel. O Núcleo de Dramaturgia Sesi – Teatro Guaíra forma dramaturgos, diretores e atores em todo o Estado. A programação completa da mostra está em www.sesipr.org. br/nucleodedramaturgia.

Encontro

Star Wars O escritor Timothy Zahn (foto), autor da trilogia Thrawn de Star Wars, vem à capital hoje para um bate-papo nas Livrarias Curitiba do Shopping Palladium. O evento acontece às 19h30 e tem entrada franca.

METRO CURITIBA

No Teatro José Maria Santos De hoje até segunda, às 20h Entrada franca

11|

‘Meriene’ será apresentada no domingo | DIVULGAÇÃO

A atração de amanhã é o espetáculo ‘Florescerro’ | IVAN AMORIN


12| Lançamento

Hospital Bom Retiro tem livro A Livraria da Vila do Shopping Pátio Batel recebe, hoje às 18h30, o lançamento da obra ‘Psiquiatria e Espiritismo – A História do Hospital Bom Retiro (Curitiba, 1930-1950)’, escrito pela psicologa e historiadora Andrea de Alvarenga Lima. O livro, que tem co-autoria de Adriano Furtado Holanda, procura esclarecer como a doença mental era tratada no início do século passado. A entrada é franca. METRO CURITIBA Arte

Alunos do Ieppep expõem trabalhos Tem abertura hoje, às 9h30, a mostra ‘Arte e Patrimônio Cultural’, com obras dos alunos do Ieppep (Instituto de Educação do Paraná Professor Erasmo Pilotto). A exposição fica aberta na escola até sexta, com entrada franca. METRO CURITIBA

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

Zeca Baleiro faz show com roda de samba Música. Apresentação acontece hoje e tem a participação de Alex de Souza, do grupo Prestatenção Está marcada para hoje, no Folha Seca Bar, uma apresentação do cantor Zeca Baleiro em um formato inusitado: uma roda de samba. O show começa às 21h, mas não há mais ingressos disponíveis. O espetáculo é uma comemoração aos 13 anos do bar e terá como característica a dobradinha samba e futebol. Zeca Baleiro e o músico que o acompanha, Alex de Souza, do grupo Prestatenção – que tradicionalmente se apresenta no espaço – compartilham a paixão pelo esporte. Os dois, inclusive, já compuseram uma música juntos: ‘Craque Alex’, uma homenagem ao jogador Alex, ídolo do Coxa. Com dez discos e oito DVDs lançados ao longo da carreira, Zeca Baleiro tem se

10 Discos já foram lançados por Zeca Baleiro ao longo da carreira, e 8 DVDs produzidos envolvido com novas áreas, como o teatro e a literatura. O público que irá assisti-lo contará com 180 fãs e convidados. Quem comprou os ingressos pôde doar um livro ou uma caixa de lápis de cor, que serão entregues a crianças atendidas pela ONG Transforme Sorrisos, de Curitiba. METRO CURITIBA

No Folha Seca Bar Rua Petit Carneiro, 394 Hoje, às 21h Ingressos esgotados

O futebol será um dos temas da apresentação do músico | RAMA DE OLIVEIRA


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

13|

Te cuida, padre Marcelo! Lançamento. Se antes o diabo era considerado o pai do rock, Papa Francisco decide assumir a paternidade e coloca nas lojas seu primeiro disco Esse senhor de 78 anos não para de surpreender. Carismático, pop, com boas intenções de abertura da igreja católica, argentino e agora rockeiro. O Papa Francisco acaba de lançar um disco que o rock é referência, “Wake Up!”. Na verdade está mais para rock progressivo, com sons contemplativos e passagens instrumentais que lembram o gênero. A abertura, “Annuntio Vobis Gadium Mangum” usa um trecho de um discurso de Francisco em italiano e algumas partes musicais poderiam estar de pano de fundo de “Game of Thrones”. Curioso também como os arranjos de cada música se aproximam de diferentes estilos musicais do mundo. “Salve Regina” tem um estilo de música árabe, enquanto “Laudato Sie…” passa por uma cumbia bem pop, dançante, cantada em espanhol. É preciso deixar uma coisa bem clara: o Papa Francis-

co não foi a estúdio e começou a cantar. Sua voz aparece nas faixas através de discursos pelo mundo, em diferentes. A partir disso, letras cheias de mensagens da igreja católica são cantadas por outras vozes. O primeiro single, “Wake Up! Go! Go! Forward!, essa sim um rock progressivo, com solos de guitarras, sopros e cordas, produzida a partir de um sermão em inglês que o Papa deu na Coreia do Sul. A referência ao estilo não é à toa, já que Tony Pagliuca, fundador da banda progressiva Le Orme nos anos 1970, compôs a maioria das músicas do disco. Para fechar, uma mensagem/canção em português, “Fazei o que Ele Vos Disser”. Não, não espere um samba ou bossa nova. A canção está muito mais para uma versão católica de Enya. METRO Ouça “Wake Up! Go! Go! Forward!” no metrojornal.com.br

“WAKE UP!” PAPA FRANCISCO SAN PAOLO R$ 30

Pop é pouco para o Papa Francisco | ALEX WONG/GETTY IMAGES


14|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{PUBLIMETRO}

Termine sua relação via internet

Os invasores

Leitor fala

Transitar em Curitiba Greve do transporte coletivo, táxis em bandeira 2 e Uber proibido. Está ficando muito difícil transitar por Curitiba. JORGE DERVICHE FILHO - CURITIBA, PR

Transporte Cruzadas

Uma senhora e seu filho, após adentrar a estação tubo UFPR da rua Marechal Floriano Peixoto (em frente ao Shopping Estação), rumo ao Boqueirão, notaram a falta de R$ 1,15 do troco. A senhora reclamou ao cobrador e este, por sua vez, se irritou e acabou sendo grosseiro com a mulher. O filho, um rapaz magro, franzino, defendeu a mãe e o cobrador, de porte forte e meio-sarado, já levantou da cadeira e foi querer bater no passageiro. Isso dentro de uma estação tubo com vários passageiros. Então a mãe entrou no meio e evitou que houvesse luta corporal, ou que o cobrador agredisse seu filho. Foi às 20h20 do sábado, dia 28. Creio que quem trabalha com o público não pode se estressar chegando ao fato de querer agredir e bater em passageiros dentro de uma estação tubo. Se esses profissionais estão insatisfeitos com o que ganham, ou julgam o ambiente cheio de estresse, mudem de profissão, simples assim. Inconcebível esta atitude deste cobrador!

Modernidade. Por meio do ‘The Breakup Site’ você pode acabar com seu namoro via Snapchat, SMS, telefone e mais Começar um relacionamento é relativamente fácil: as pessoas mais românticas dão flores, as mais modernas mandam whatsapp ou sms e as mais tradicionais fazem o velho e eficaz pedido formal... Mas, quando as coisas se complicam e o término é inevitável, muitos fogem da responsabilidade de colocar um ponto final na relação. Pensando nessa dificuldade, dois irmãos canadenses criaram o “The Breakup Shop”, um novo serviço on-line que termina o seu relacionamento indesejado por apenas alguns dólares. Imagina se essa moda pega no Brasil? O Breakup Shop oferece aos amantes descontentes, um leque de opções para terminar o namoro de maneiras não muito ortodoxas: por US$ 5, seu “quase ex” receberá um snapchat de alerta sobre o término, também pode-se optar por um tele-

fonema a US$ 29 ou pagar US$ 48 para acabar com tudo via mensagem de texto e entrega de flores. O combo mais esquistito do site se chama “breakup gift pack” (pacote de presentes para términos) que, por US$ 80, inclui uma caixa de biscoitos, um cartão presente Netflix e vinho para beber e afastar a tristeza. “O serviço é direcionado àquelas pessoas muito tímidas ou as que preferem evitar todas as implicações e o estresse de um término”, afirma Mackenzie Keast, 28, um dos irmãos canadenses criadores do serviço. Ele explica que o serviço também é alvo de brincadeiras. “Já terminamos mais de 60 relacionamentos. Alguns deles são piadas entre amigos, mas também já recebemos pedidos bem sérios”, explica. Conheça o serviço pelo site http://breakupshop.com. METRO

CELIO BORBA - CURITIBA, PR

Quer mais?

Clique metrojornal.com.br para acessar conteúdo exclusivo, atualização de nossas reportagens, todos os nossos colunistas e galerias com as melhores imagens do dia. Para falar com a redação:

leitor.ctb@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Sudoku

Terminar o namoro pode se tornar uma tarefa mais simples | FOLHAPRESS

Horóscopo

Está escrito nas estrelas POR: GUILHERME SALVIANO

www.estrelaguia.com.br

Tanto no trabalho quanto nos negócios, ideias criativas irão contribuir para a superação de desafios.

Cuide para que assuntos que despertem sua vaidade ou mesmo caprichos não afastem de pessoas especiais.

Bom momento para incrementar a sua rotina estudos, interesses religiosos e o exercício de sua fé.

Uma dedicação extra a assuntos do lar tomará sua atenção com mais ênfase. Boa hora para conversas com familiares.

Bom momento para exercitar crenças e identificar um pouco mais as coisas que realmente valoriza espiritualmente.

Examinar detalhes será de grande auxílio para evitar contratempos relacionados a negociações e assuntos profissionais.

Mercúrio – que rege seu signo – faz bom aspecto com Urano, influência especial para se adaptar a inovações e se desprender de padrões.

O espírito de grupo e a troca de informações serão essenciais para concluir assuntos importantes no seu dia.

O bom aspecto de Mercúrio com Urano – regente de seu signo – é positivo para estudos e atividades culturais em boas companhias.

Momento para perceber com mais nitidez alguns valores importantes para as pessoas com que mais se relaciona.

O trabalho traz tendências para priorizar novas ideias, trocar informações e agir com mais interação diante de novos interesses.

Valorizar sua autenticidade é essencial para se sentir mais feliz, tanto nos objetivos como em suas relações.

Soluções


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

Paraná

Coxa

Fernandes renova e Alisson retorna ao clube

Henrique Almeida iguala gols de Alex em 2013

Depois de anunciar o técnico Claudinei Oliveira para comandar o time na próxima temporada, o Paraná já começou a formulação do elenco para 2016. O lateral-esquerdo e meia Fernandes, um dos principais nomes da equipe na Série B, renovou seu contrato com o clube até dezembro de 2017, como registrado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF. Já o zagueiro Alisson retorna ao clube após ser emprestado ao Botafogo. Ontem o clube carioca soltou uma lista de dispensas com o nome do jovem de 21 anos, que deve integrar o elenco Tricolor no ano que vem. No campo das contratações, o Paraná negocia com Válber, meia de 34 anos do Sampaio Corrêa.

Conhecido pelos gols decisivos no Coritiba, especialmente no segundo turno, o atacante Henrique Almeida chegou a 12 tentos no Brasileirão na vitória contra o Palmeiras no último domingo. O atleta igualou a marca do meia Alex em 2013, ano em que retornou ao Alviverde. Em 2014 o artilheiro do Coritiba na Série A foi o camaronês Joel, com apenas 8 gols. A escassez no setor ofensivo é um dos motivos para o Coxa não estar em situação mais tranquila no campeonato. Com 31 gols marcados, o Verdão tem o terceiro pior ataque da competição, à frente de Vasco (28) e Joinville (26). Já a defesa, com 42 gols sofridos, está em situação mais animadora: é a nona melhor da Série A. METRO CURITIBA

METRO CURITIBA

{ESPORTE}

Chapa esquenta a 2 semanas da eleição atleticana Furacão. CAPGigante (situação) e Atlético de Novo (oposição) brigam nos bastidores e alimentam disputa pelos quase 10 mil votos no dia 12 Com a desistência de outros grupos que chegaram a mostrar intenção de concorrer à direção do Atlético, as chapas CAPGigante e Atlético de Novo intensificam a campanha para as eleições do próximo dia 12, um sábado. No último domingo, integrantes dos dois grupos chegaram a trocar acusações e socos do lado de fora da Arena da Baixada, antes da vitória contra o Flamengo. Durante o dia, ambos estiveram no local para entregar panfletos e conversar com os torcedores.

Opinião

HELIO CASTRONEVES HELIO.CASTRONEVES @METROJORNAL.COM.BR

DE VOLTA AO KART NA COLÔMBIA É não é que o Natal já está aí? Impressionante como o ano passou rápido, não é? Não sei se com vocês é igual, mas sempre fico com a impressão de que os dias estão mais curtos, que o tempo passa em alta velocidade e, quanto menos a gente espera, já está falando novamente em Natal e Ano Novo. Mas hoje eu vou falar de uma festa de performance e solidariedade. Depois de amanhã vou para Colômbia, onde participarei novamente da competição de kart promovida pelo meu teammate Juan Pablo Montoya. A Carrera de Estrellas é um evento muito legal promovido anualmente pela Fundación Fórmula Sonrisas, que é uma orga-

nização sem fins lucrativos criada em 2003 pelo Juan e sua esposa Connie. O trabalho da fundação dura o ano todo. Sempre por meio do esporte, o objetivo é melhorar a qualidade de vida das crianças colombianas que vivem em áreas carentes. As corridas de kart acontecerão no sábado, 5, no Autódromo de Tocancipá, que fica distante cerca de 40 km do centro de Bogotá, a capital da Colômbia. Como o nome já diz, é um autódromo, mas as competições de kart acontecem num circuito alternativo de pouco mais de 1.500 metros, o que dá quase a metade do traçado principal. O Juan Pablo e a Connie convidam pilotos de

15|

diversas categorias para participar. O grupo mais numeroso vem da IndyCar, num quarteto que será completado pelos colombianos Sebastian Saavedra e Carlos Munhoz. Das categorias de base vão o Julian Leal, que corre GP2, e a Tatiana Calderón, da Fórmula 3 europeia. Ambos são da Colômbia. Para completar a galera colombiana participará o Gustavo Yacaman, que corre no mundial de endurance da FIA. Competirão também o sueco Mattias Ekstrom, da DTM; o norte-americano Travis Pastrana, do Global RallyCroos, onde também corre o Nelsinho Piquet, e o inglês Jordan Lennox-Lamb, que é um fera do kartismo mundial. Todos nós vamos usar o kart com marchas Birel DD2 e motor Rotax 125. A Adriana, minha mulher, é colombiana de Pereira e vamos esticar nossa estada no país para ações assistenciais. Vamos que vamos, galera!

Helio Castroneves, 40, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro com mais vitórias na Indy, com 29 conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e 2009). Disputa em 2015 sua 17ª temporada na categoria e 15ª pelo Team Penske.

As chapas de situação (CAPGigante) e oposição (Atlético de Novo) vão disputar 9.948 votos. Pela oposição, Henrique Gaede é o candidato da chapa para o Conselho Deliberativo, e João Alfredo Costa Filho concorre ao Administrativo. Já a situação tem o atual presidente Mario Celso Petraglia para o Deliberativo e Luiz Sallim Emed, vice-presidente do clube, para o Administrativo. As chapas têm até amanhã para fazer a inscrição. METRO CURITIBA

3 ESPORTE Perto do fim

Kobe Bryant

Membros das chapas se estranharam no domingo | REPRODUÇÃO / TWITTER

O astro do Los Angeles Lakers anunciou que encerrará a carreira ao final da temporada 2015-2016 da NBA. “Esta temporada é tudo o que tenho para dar. Estou pronto para deixar o basquete”, afirmou o jogador de 37 anos, cinco vezes campeão da NBA e 3º maior cestinha da história da liga americana.


16|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2015 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

ALBERT GEA/REUTERS

GLEB GARANICH/REUTERS

LIONEL MESSI

Ainda protagonista, mas não tanto

CRISTIANO RONALDO

Ele se acha, mas os números dão suporte Que a vaidade de Cristiano Ronaldo divide espaço com seu talento e habilidade é algo conhecido. Mas o português do Real Madrid também pode se exibir com números tão positivos. Nesta temporada, entre jogos pelo clube e Seleção, o CR7 balançou as redes 55 vezes nas 56 partidas em que esteve em campo. Não bastasse, ainda deu 17 assistências para gol. Eleito três vezes melhor jogador do mundo, o atual detentor do título chega com moral na disputa.

REPRODUÇÃO

NADA

NEYMAR

É dos carecas que a Fifa gosta mais

Bola de Ouro. Pela primeira vez, Neymar é finalista do prêmio de melhor jogador do mundo. Os concorrentes? Os de sempre: Lionel Messi e Cristiano Ronaldo trio de melhores jogadoras do ano tem Carli Lloyd, dos Estados Unidos, Aya Miyama, do Japão, e Celia Sasic, da Alemanha. A brasileira Marta, melhor do mundo 5 vezes, ficou fora. METRO

IMAG ETTY OS/G RAM

JUSTO

ES

MAIS

DAV ID

D

esde 2007, o Brasil não tem um jogador entre os três melhores do mundo. Este ano, no entanto, a situação será diferente. Na manhã de ontem, a Fifa anunciou os três finalistas da Bola de Ouro 2015, e Neymar está entre eles. Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, figuras frequentes na premiação, são os concorrentes. O vencedor será conhecido no dia 11 de janeiro de 2016. A expectativa era grande para saber se Neymar seria indicado, já que sua vaga era ameaçada pelo colega de Barcelona Luis Suárez. Mas o uruguaio ficou fora da disputa. Juntos, Messi e CR7 somam sete Bolas de Ouro, quatro do argentino do Barça e três do português do Real Madrid. A última vez que um deles não levou o prêmio foi em 2007, quando Kaká foi o eleito. Neymar, aliás, é o 7º representante do Brasil. Além dos vencedores Romário (1994), Ronaldo (1996, 1997 e 2002), Rivaldo (1999), Ronaldinho (2004 e 2005) e Kaká (2007), Roberto Carlos ficou na 2a colocação em 1997. “Eu não jogo futebol visando prêmios individuais. Isso vem naturalmente. Mas só de ser nomeado, estando ao lado do Messi e sendo o 1º brasileiro em 7 anos, já é motivo de muita felicidade”, disse Neymar ao site da CBF. Os indicados para melhor treinador de equipe masculina foram Luis Enrique, Pep Guardiola e Jorge Sampaoli. O

Ninguém duvida da capacidade e da qualidade de Lionel Messi. Se na Seleção Argentina, pela qual levou o vice-campeonato na Copa de 2014, ele é o centro das atenções, no Barcelona ele já não tem o mesmo protagonismo de antes. Além dele, Neymar e Luis Suárez são os responsáveis por infernizar a zaga dos rivais. Nem por isso o camisa 10 deixou de fazer os seus golzinhos: “só” 57 em 60 jogos, além de 23 assistências. Para ajudar, conduziu o Barça ao título da última Liga dos Campeões.

Quando chegou ao Barcelona, em 2013, Neymar adotou o discurso de “ajudar Messi”, de quem se tornou amigo. O tempo passou e o brasileiro não apenas fez ótima parceria com o argentino como também começou a decidir jogos e distribuir habilidade, efetividade e passes para gols. Contando os jogos pelo Brasil, Neymar mandou 44 bolas para a rede nas 60 vezes em que entrou em campo, além de 13 assistências. Também fez gol na final da Liga dos Campeões, contra a Juventus. Aos 23 anos, o atacante já divide os holofotes com Messi. A Bola de Ouro está aí, quicando para Neymar, que se despediu dos penteados cheio de estilo.

WENDELL LIRA Incluído na lista dos 3 autores dos gols mais bonitos do ano, o até então desconhecido Wendell Lira curte a fama. O jogador, que marcou o golaço pelo Goianésia contra o Atlético-GO e assinou com o Vila Nova-GO, disputa o prêmio Puskás – de gol mais bonito do ano – com Florenzi, da Roma, e Messi, do Barça. Ele falou com o Portal da Band: “Na hora eu nem acreditei. Está sendo um grande sonho. Eu acreditei muito nisso junto com todo mundo, que me abraçou. Com certeza vou tirar muitas selfies e pedir autógrafos para o Neymar, Messi, Cristiano Ronaldo e outros astros do futebol que estarão por lá. Tem que aproveitar, é um fato que acontece uma vez na vida.” METRO

20151201_br_metro curitiba