Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica Belo Horizonte Gráfica e Editora.

O MARTELO DA

VINGANÇA

SPIKE LEE MOSTRA SUA VERSÃO PARA O CULT COREANO ‘OLD BOY’ COM JOSH BROLIN PÁG 20 BELO HORIZONTE Quinta-feira, 5 de junho de 2014 Edição nº 661, ano 3 MÍN: 15°C MÁX: 27°C sunny

snow

rain

partly

cloudy

sunny www.readmetro.com | leitor.bh@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobh

sleet

thunder

part sunny/ showers

thunder showers

windy

PM troca comandante a sete dias do Mundial hazy

showers

Surpresa. Às vésperas da Copa do Mundo, coronel Antônio de Carvalho, responsável por liderar milhares de militares nos possíveis protestos na capital durante os dias de jogos, deixa o cargo de forma inesperada. O substituto, coronel Ricardo Garcia Machado, já foi apresentado PÁGS. 02 E 03

PARA EVITAR O CAOS

BHTrans apresenta plano de mobilidade para minimizar efeitos do trânsito na Copa PÁG. 04

IPI de automóvel pode subir menos que o esperado Ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirma que a decisão só dependerá ‘da situação do mercado’ PÁG. 08

Senado aprova Lei da palmada, que vai à sanção presidencial

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Avenidas Antônio Carlos e Cristiano Machado irão receber o maior fluxo durante a Copa. Empresa acredita que 60 mil pessoas usarão o Move nos dias de jogos| EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Proposta, que envolveu até a ‘rainha dos baixinhos’, estava em tramitação há quatro anos no Congresso PÁG. 06


1 FOCO

|02|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

FLÁVIO TAVARES/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

MÁRCIO SANT’ANA Comandante-geral da Polícia Militar de Minas Gerais. A troca prejudica o policiamento na Copa do Mundo? De maneira alguma. O coronel Carvalho é um excelente profissional, deu contribuição significativa, mas não reteve seu conhecimento e sua expertise. Isso foi transmitido para seus assessores, comandantes de unidade e o planejamento na PM é feito a várias mãos, a instituição não fica refém a uma pessoa.

Saída

Coronel Carvalho

O coronel da PM Antônio Carvalho esteve à frente do policiamento especializado durante a Copa das Confederações. O comando era responsável pelo Batalhão de Eventos (atingo Batalhão de Choque), Grupo de Ações Táticas Especiais, patrulhamento aéreo, entre outros grupamentos. Apesar de críticas quanto à sua postura rígida com os comandados, o coronel se aposenta elogiado. “Muito respeitado, teve trabalho exaltado, marcado pelas decisões ponderadas”, diz o ouvidor de Polícia na Ouvidoria Geral do Estado, Ricardo Xavier.

Cotações Dólar + 0,26% (R$ 2,28) Bovespa - 0,38% (51.833 pts) Euro + 0,61% (R$ 3,10) Selic (11% a.a.)

Salário mínimo (R$ 724)

Houve divergência? Não. Estou sendo absolutamente transparente com os senhores. Desconheço qualquer tipo de insatisfação ou outra situação, a não ser a condição estatutária que o coronel [Carvalho] alcançou [atingiu o tempo de trabalho para se aposentar]. Você foi pego de surpresa? Sim. Estamos nos refazendo e, de pronto, já anunciamos um novo comandante. O que ficou para trás, ficou, é uma referência, mas o principal é olhar pra frente. Considerando a experiência dele e a preparação para Copa, vocês não poderiam ter conversado? Sim, mas eu não tive essa oportunidade. Ele já trouxe uma decisão pronta. Por que o coronel Carvalho saiu? Já falei para vocês, a única justificativa é o direito que ele adquiriu. Qualquer suposição eu seria injusto. Há quanto tempo ele poderia ter saído? Há algum tempo, eu não sei exatamente. Certamente há alguns meses ele já teria condição. METRO BH

Militares do policiamento especializado, que atuaram nas manifestações em 2013 e vão atuar na Copa do Mundo, têm mudança de comando a pouco mais de uma semana

Tropa que atuará troca comando a 7

Risco? Coronel Antônio Carvalho, que liderou militares nos protestos de 2013, pede para se apos

A exatamente uma semana para o início da Copa do Mundo e a nove dias para o primeiro jogo do mundial em Belo Horizonte, a tropa que atuará especificamente na competição, incluindo o policiamento nos protestos, teve uma inesperada – e misteriosa – troca. O coronel Antônio Carvalho Pereira, policial há 30 anos e comandante do policiamento especializado durante a Copa das Confederações, pediu para se aposentar. A justificativa foi dada pela cúpula da PM mineira, já que o coronel Carvalho, como ficou conhecido, não deu declarações. O substituto foi apresentado durante

“[O coronel Carvalho] era um homem tralhado para o exercício daquela missão. Já existiam tratativas feitas com ele. Evidentemente isso impactou.” MÁRCIO SANT’ANA, COMANDANTE-GERAL SOBRE A SAÍDA DO CORONEL CARVALHO

o anúncio da saída do antecessor: coronel Ricardo Machado. O policial, com 27 anos de corporação, estava trabalhando como assessor militar do secretário de Defesa Social, Rômulo Ferraz. “Não vejo dificuldade nenhuma, trabalhei 12 anos no Batalhão de Choque e dediquei muito a atividade operacional no 22º batalhão”, afirmou Machado, sobre o último trabalho ter sido realizado dentro de gabinete.

Mistério A saída de Carvalho, que já podia se transferir para a reserva há pelo menos seis meses, a sete dias do início da Copa surpreendeu a cúpula da PM. “Não houve divergências. Ele não me verbalizou nada, não externou nenhum descontentamento, nenhum sentimento de contrariedade com a polícia de comando”, garantiu o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Márcio Sant’Ana.

Internamente, no entanto, militares afirmam que havia sim uma discordância entre Sant’Ana e Antônio Carvalho. Um tensa reunião entre os coronéis, nesta semana, teria culminado na saída do comandante do policiamento especializado. Com consistente carreira militar, Carvalho ficou conhecido entre os policiais como um comandante ríspido e autoritário. “Nos tratava muito mal. A tropa comemorou a mudança”, garante um policial que prefere ter a identidade preservada.

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 031/3508.5720

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

leitor.bh@metrojornal.com.br 031/3508.5719

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos, Campinas e Grande Vitória, somando 510 mil exemplares diários.

Metro Belo Horizonte. Gerente executivo: Cássio Mota. Editor-Executivo: Juvercy Júnior (MTB: 12.331) Editor de Arte: Cláudio Machado Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas Diretor Geral: José Saad Duailibi. Diretor de Jornalismo: Júlio Prado

THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, CEP 30350-453, Belo Horizonte, MG. Tel.: 031/3508.5720. O jornal Metro é impresso na Belo Horizonte Gráfica e Editora. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 40.000 exemplares


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO} FLÁVIO TAVARES/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

RICARDO MACHADO Comandante do policiamento especializado.

a para o primeiro jogo em Belo Horizonte | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

em protestos 7 dias da Copa

sentar. Cúpula afirma desconhecer motivo, militares apontam desavenças

Você vai conseguir, em poucos dias, se inteirar de tudo para a Copa? Certamente. Para mim, não é novidade, como para nenhum oficial do alto comando da Polícia Militar, assumir uma função estratégica dessa. Já há algum tempo que venho me preparando para a função e certamente estarei pronto para função que o governador me delegou. Como vai ser a postura? A postura do diálogo prevalece na Polícia Militar. Nós não temos que discutir, nós estamos em um estado democrático, o diálogo tem que prevalecer. Obviamente, a firmeza da ação vai depender do caso concreto. Você atuará na linha de frente durante a Copa, como o coronel Carvalho fez na Copa das Confederações? Certamente o diálogo vai prevalecer. Agora, o acompanhamento vai depender do caso. A Copa das Confederações foi um contexto e agora estamos vivendo outro contexto. E quanto às críticas? A PM foi chamada de frouxa em alguns episódios em 2013. A PM não é frouxa, a PM obedece a lei. A força será utilizada de acordo com a necessidade. Chegou a conversar com o coronel Carvalho? Infelizmente não chegamos a conversar. Quais características marcam seu trabalho? Respeito à pessoa, ao meu soldado, que terá todo meu apoio. METRO BH

Segurança não será afetada, dizem policiais e especialistas Apesar da própria cúpula da Polícia Militar admitir que a troca de comando causa um baque no planejamento para a Copa do Mundo, especialistas e os militares acreditam que a segurança durante o evento esportivo não será prejudicada. “Ele [coronel Carvalho] já tinha a responsabilidade, conhecimento sistêmico, envolvimento com autoridades... Evidentemente que nos impactou, mas não é nada que venha alterar nossas estratégias”, afirmou o comandante-geral Márcio Sant’Ana. “Como atuante da assessoria da Secretaria de Estado de Defesa Social, eu acompanhei todos os plane-

jamentos, todas as reuniões que o secretário [Rômulo Ferraz] esteve presente onde foram apresentados os detalhes do planejamento dos jogos da copa. Então não vejo dificuldade nenhuma nesse aspecto”, garantiu o coronel Ricardo Machado. Opinião semelhante tem o especialista em segurança pública e ex-secretário de Defesa Social de Minas, Luis Flávio Sapori. “É inesperada, mas a substituição não é problema porque existe um protocolo, houve um treinamento. Mera substituição do Carvalho, apesar dele ser de altíssima qualidade, não vai mudar, teremos uma Copa tranquila”, aposta. TR

“Não teremos problema algum. Coronel Machado é muito preparado e tem uma aceitação grande da tropa que comandará.”

“A mudança de uma peça não altera. Não há risco porque não é centralizado e não alteraria o planejamento para Copa.”

SARGENTO RODRIGUES, DEPUTADO ESTADUAL

LUIZ GONZAGA, REPRESENTANTE DOS PRAÇAS

‘Paranoia’

Preocupados, PMs compram equipamentos O receio dos confrontos durante a Copa do Mundo tem atingido até os militares da linha de frente. Centenas de equipamentos de segurança (máscara e óculos) foram comprados pelos próprios policiais nesta semana. A Líder Equipamentos de Segurança, por exemplo, vendeu mais de 200 conjuntos nesta semana. “As vendas aumentaram mais de 30%”, afirma a gerente de vendas Flávia Martins. A máscara que isola vapores orgânicos e gases ácidos, custa R$ 56, enquanto os óculos custam cerca de R$ 55. Outra empresa, a Casa do EPI, fez orçamentos para mais de 160 militares.

“Me chamou a atenção que foi uma iniciativa dos próprios PMs”, diz a gerente Neide Santos. Eles são, em sua maioria, militares de linha de frente que atuam nos bairros, das equipes chamadas Tático Móvel. “Estamos em risco porque os manifestantes não têm nada a perder”, diz um policial que pediu o anonimato. O comando da PM, no entanto, garante que os policiais do Tático Móvel não atuarão nas manifestações. “Cada militar recebeu o equipamento que é necessário. Os de bairros ganharam novas armas, algemas e colete”, diz o porta-voz da PM, major Gilmar Luciano. “Quem tem esse equipamento é quem vai atuar. Isso está me parecendo uma síndrome paranoica”, avalia o especialista em segurança pública, Luis Flávio Sapori. TR

R$ 22 mi Equipamentos apresentados pelo comando da Polícia Militar | FLÁVIO TAVARES/HOJE EM DIA/FOLHAPRESS

foi o investimento da Polícia Militar mineira apenas em equipamentos para a Copa do Mundo. Entre eles, estão novas armas, algemas e coletes.

|02|◊◊ |03|◊◊

Equipamentos comprados por PMs | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH


|04| Educação UARLEN VALÉRIO/O TEMPO/FUTURA PRESS

Professores encerram paralisação Após um protesto que fechou a MG-010 por cerca de seis horas na altura da Cidade Administrativa, os grevistas da rede estadual decidiram suspender a paralisação e voltar ao trabalho a partir de amanhã. A decisão foi tomada após a marcação de uma reunião com a secretária de Planejamento, Renata Vilhena, para a semana que vem. Segundo o sindicato, porém, o estado de greve está mantido. De acordo com a secretaria, a adesão à greve é de apenas 0,19% dos educadores. Já os professores municipais decidiram ontem, em assembleia, manter a greve que completa um mês amanhã. Os demais serviços da prefeitura já foram normalizados. METRO BH Segurança WESLEY RODRIGUES/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

PF testa robô antibomba Equipamentos estratégicos que serão usados pela Polícia Federal durante a Copa do Mundo em Belo Horizonte foram apresentados ontem na superintendência mineira da corporação, onde o efetivo passa por treinamento. Dentre os aparatos estão robôs, equipamentos de raio-x, trajes antifragmentação e braços eletrônicos, entre outros. A Polícia Federal terá uma força-tarefa de 700 agentes para atuar especificamente na Copa em Minas Gerais. Só em equipamentos, foram investidos R$ 3,5 milhões para uso no Estado. METRO BH

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Ônibus especial para o Mineirão custará R$ 15 Copa do Mundo. Torcedores vão caminhar até 2 km entre os pontos de desembarque e o Gigante da Pampulha Quem pretende ir aos jogos da Copa utilizando carro particular ou táxi não terá vida fácil em Belo Horizonte. Com um total de 60 mil torcedores por partida disputada no Mineirão e sem poder contar com a área da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) para desembarques e estacionamentos, a BHTrans priorizou o transporte público em seu Plano Operacional de Mobilidade, divulgado ontem na capital. Porém, mesmo nos modais coletivos, a ida até o Gigante da Pampulha terá alguns percalços. Além de tarifas que podem chegar a R$ 20 (ida e volta), os torcedores vão andar até 2 km entre os pontos de desembarque e a entrada no estádio – na Copa das Confederações, no ano passado, os ônibus especiais eram gratuitos e chegavam até o campus. A expectativa da BHTrans é que dois terços do público total (40 mil pessoas) utilizem o transporte coletivo para cada um dos seis jogos no Mineirão. A principal aposta do plano é nas linhas especiais, que terão 400 ônibus e custarão R$ 15 nos Terminais da Copa e R$ 20 no Aeroporto de Confins (preços de ida e volta). Outra opção, mais barata, é a ida do Centro até as estações UFMG e Mineirão do BRT/Move. A área em torno do estádio será restrita a torcedores com ingresso e profissionais ou moradores credenciados. O estaciona-

Análise política CARLOS LINDENBERG LINDENBERG@BAND.COM.BR

Carlos Lindenberg é colunista do jornal Metro e comentarista da TV Band Minas. Escreve neste espaço às quintas-feiras.

SERVIÇOS DE TRANSPORTE PARA A COPA AEROPORTO DE CONFINS

VEÍCULOS FRETADOS BRT MINEIRÃO

MINAS SHOPPING

PONTO DE TAXI

CENTRO EXPOMINAS

MOVE

SAVASSI BRT PAMPULHA ACESSO NORTE

ACESSO SUL

“Considerando essas proporções do evento, é uma caminhada muito curta [até o estádio]”. TIAGO LACERDA, SECRETÁRIO DE ESTADO DE TURISMO E ESPORTES

mento e circulação de carros será vetada nos dias de jogos e vésperas das partidas. Saiba mais em bhtrans. pbh.gov.br. METRO BH

TERMINAIS COPA

ROTA DE PEDESTRES

MINEIRÃO

Terminais da Copa • Pontos de embarque. Minas Shopping, Centro, Expominas, Savassi e Aeroporto de Confins. • Horários. Saída das 8h às 12h e volta das 14h30 às 18h nos dias 14, 17, 21, 24 e 28 de junho. Na semifinal, em 8 de julho, o embarque vai das 12h às 16h, com retorno entre 18h30 e 22h.

PEQUENAS DIFERENÇAS A pesquisa DataTempo sobre a eleição presidencial em Minas revela uma situação curiosa se comparada à outra, do mesmo instituto, sobre a sucessão estadual. O petista Fernando Pimentel supera a presidente Dilma em Minas, ao mesmo tempo em que o senador tucano Aécio Neves também aparece melhor do que o seu candidato ao governo, Pimenta da Veiga. E é natural que seja assim. Pimentel está mais próximo do eleitorado do que Dilma, assim como Aécio tem mais afinidade com o Estado, que governou por duas vezes, do que Pimenta, que está afastado de Minas há muito tempo. Eleitoralmente, essa comparação não quer dizer muita coisa, mas não deixa de registrar que as disputas presidencial e estadual nem sempre estão alinhadas. No caso da estadual, Pimentel está 10 pontos à frente de Pimenta. Na presidencial, Aécio lidera com 16 pontos à frente de Dilma. As duas diferenças, no entanto, são pequenas. Era de se esperar que Pimentel arrancasse com uma frente mais ampla, enquanto

BRT é a alternativa mais barata | ANGELO PETTINATI/METRO BH/ARQUIVO

a expectativa também era que Aécio decolasse com uma diferença maior em relação à sua principal adversária. Pimentel tem cerca de 30 pontos, e Pimenta, 19. E na sucessão presidencial – em Minas Gerais, apenas – Aécio tem 44,7% de intenções, contra 29,1% de Dilma e 9,6% de Eduardo Campos. Isso significa que, num total de 10 milhões de votos válidos, Aécio teria hoje 1,6 milhão de votos sobre Dilma, diferença maior que a votação total de Campos, menos de 1 milhão. É claro que esses números, a essa distância da eleição, são apenas exercícios estatísticos e, como tal, vão mudar daqui até lá. O fato é que Aécio, para derrotar Dilma, teria que sair de Minas com uma frente estimada de 4 milhões de votos, nas contas dos tucanos. Para concluir, esse baixo índice alcançado por Eduardo Campos, de 9,6%, estaria refletindo, entre outras coisas, a indefinição do PSB em lançar candidato ao governo do Estado e na pouca presença física dele e de Marina Silva em solo mineiro – Campos veio duas vezes, e sua vice, apenas uma. A presidente Dilma, para se ter ideia, já veio nove vezes somente neste ano. Aqui, vale aquela regrinha da propaganda: quem não é visto, não é lembrado.


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

|05|◊◊

Voz do Brasil mudará na Copa Rádio. Durante o Mundial, a transmissão do programa, hoje obrigatória às 19h, poderá ser feita até às 22h, a critério de cada emissora No ar há 79 anos, a Voz do Brasil -- programa oficial do Executivo, do Judiciário e do Legislativo federais --, com retransmissão obrigatória das 19h às 20h, poderá ter o horário alterado durante a Copa do Mundo. A presidente Dilma Rousseff assinou ontem uma MP (Medida Provisória) autorizando a flexibilização. No período de 12 de junho a 13 de julho, as emissoras de rádio poderão alterar o horário. A transmissão segue obrigatória, mas poderá ser feita até às 22h. A mudança foi feita para evitar que os torcedores fiDIVULGAÇÃO/ABERT

DANIEL SLAVIEIRO O presidente da Abert aponta vantagens com a flexibilização da Voz do Brasil. Qual o efeito prático da mudança? Impede que o programa interfira em 1/3 dos jogos da Copa, desmistifica a impressão de que o setor quer acabar com a Voz do Brasil e pode demonstrar ser melhor para a audiência, que hoje às 19h cai de 19% para 2%. Com a flexibilização, poderia aumentar para 5% ou 6%. A experiência do Mundial pode favorecer a flexibilização definitiva? É um passo de uma longa jornada. A gente entende a importância da Voz do Brasil para levar informações do Legislativo, Executivo e Judiciário à sociedade. Agora, a imposição de horário é incompatível com a realidade brasileira. Por que o Congresso resiste a aprovar a flexibilização? É muito mais cultural. A resistência é muito mais dos parlamentares, que não querem mexer nisso porque acham que a Voz do Brasil é um patrimônio deles e um espaço para falar com o cidadão. METRO BRASÍLIA

cassem sem ouvir partidas completas do Mundial. Ao todo, 27 dos 64 jogos da Copa começarão às 18h ou 19h e precisariam ter a transmissão interrompida. A organização da Copa do Mundo autorizou em torno de 1,3 mil emissoras de todo o país a veicular os jogos. Casos excepcionais A MP também autoriza as emissoras de rádio a ter direito temporário à flexibilização da Voz do Brasil em casos excepcionais de interesse público, como em tragédias, por exemplo. A decisão é permanente, até depois do Mundial.

Campanha Desde março, a Abert (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão) tenta junto ao Congresso a aprovação do projeto de lei 595, em tramitação desde 2003, para permitir que as empresas definam, segundo o próprio critério, em qual horário irão transmitir a Voz do Brasil. A proposta está pronta para ser votada no plenário da Câmara e, caso seja aprovada, terá que ser votada ainda pelo Senado. A campanha virtual ‘A voz que eu quero ouvir’ já conta com o apoio de 74 mil pessoas. METRO BRASÍLIA

Programa oficial foi instituído em 1935 | ANDRESSA ANHOLETE/METRO BRASÍLIA


|06|

Lei da Palmada é aprovada no Senado

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

EMPREITEIRAS NEGOCIAM BLINDAGEM NAS CPIS. Grandes emprei-

“NÃO ESTAMOS CASADOS, MAS ESTAMOS MEIO QUE NAMORANDO.”

teiras brasileiras, enroladas na Operação Lava Jato, da Polícia Federal, estão negociando a blindagem dos seus respectivos presidentes, para que não venham a ser convocados para depor na CPI Mista da Petrobras. Pela rigorosa nova Lei Anticorrupção, em vigor desde janeiro, os presidentes respondem pelos atos de corrupção de suas empresas, em razão do princípio do “domínio do fato”.

PRESIDENTA DILMA A JORNALISTAS INTERNACIONAIS, SOBRE AS RELAÇÕES COM BARACK OBAMA

NEGOCIANTES. Indóceis com a escassez de dinheiro para campanha, em razão de investigações recentes da PF, políticos negociam o alcance das CPIs.

ou Eduardo (PSB-PE).

NERVOSISMO. Donos de

VIAJANDO NA MAIONESE.

empreiteiras como Camargo Correia, Odebrecht, Queiroz Galvão estão à beira de um ataque de nervos, com o caso Lava Jato.

FUNDO DO POÇO. Projeto do deputado Vicentinho (PT-SP), de inspiração equina, quer proibir a importação de livros para coibir a “evasão de divisas”.

Campos

O líder da minoria, Domingos Sávio (PSDB-MG), ironiza as declarações do ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) de que nação indígena não tem fronteiras: “Deve estar se baseando no Tratado de Tordesilhas...”.

EXIGÊNCIA DO PPS. O presidente do PPS, Roberto Freire, avisou o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), que o partido só aceitará Gilberto Kassab (PSD) na chapa caso ele rompa com Dilma para apoiar Aécio Neves (PSDB-MG)

José Eduardo Cardozo | SÉRGIO LIMA/FOLHAPRESS

PODER SEM PUDOR

Briga em família Depois que a família se separou em Petrolina (PE), um ano após a morte do senador Nilo Coelho, as eleições são marcadas, aqui e acolá, por disputas entre integrantes do próprio clã. Em 1996, o então prefeito Fernando Bezerra Coelho, que depois seria ministro de Dilma, enfrentou um parente, Guilherme, a quem ironizava nos

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

comícios: - Quem é esse, que não fez o calçamento da Vila Papelão? – e fazia uma pausa, como se esperasse resposta. - Quem é esse, que não fez a adutora...? Quem é esse... – continuava a perguntar. A lista de perguntas só foi interrompida por um bêbado impaciente: - É o teu primo, pô!

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

Educação. Texto, que segue para sanção da presidente, afirma que crianças e adolescentes têm direito de serem educados sem castigos físicos ou tratamento cruel e degradante O Senado aprovou ontem a Lei da Palmada. O projeto inclui dispositivos no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) para garantir o direito da criança e do adolescente de serem educados e cuidados sem o uso de castigos físicos ou de tratamento cruel ou degradante. De acordo com o texto, que segue agora para sanção da presidente Dilma Rousseff, os pais que se conduzirem de forma imprópria deverão ser encaminhados a atendimento psicológico ou psiquiátrico. Os demais casos já são passíveis de punição pelo Código Penal. A lei define castigo como a “ação de natureza disciplinar ou punitiva com o uso da força física que resulte em sofrimento físico ou lesão à criança ou ao adolescente”. O tratamento cruel ou degradante é definido como “conduta ou forma cruel de tratamento que humilhe, ameace gravemente ou ridicularize a criança ou o adolescente. “Temos que mostrar que as pessoas podem e devem ensinar sem violência”, afirmou a apresentadora Xuxa Meneghel, presente à sessão.

O que diz a lei Acompanhe os principais pontos da nova legislação que altera o ECA: • Comportamento. A criança e o adolescente têm o direito de ser educados e cuidados sem o uso de castigo físico ou de tratamento cruel ou degradante. • Punição. Os pais e/ou responsáveis que usarem castigo físico ou tratamento cruel estarão sujeitos as seguintes medidas: encaminhamento à programa de proteção à família, tratamento psicológico ou psiquiátrico, cursos ou programas de orientação e advertência. Xuxa se encontrou com Renan Calheiros

A lei foi alvo de críticas por não especificar os castigos e não prever como será feita a fiscalização. Além disso, pode representar uma interferência à intimidade

| MARCOS OLIVEIRA/AGÊNCIA SENADO

familiar. “A lei é uma bobagem. Ninguém pode tirar o direito dos pais de escolher o que é melhor para o seu filho”, disse o senador Magno Malta (PR-ES). METRO

• Omissão. Profissional de saúde, educação ou assistência social que não denunciarem maus-tratos serão multados em 3 a 20 salários mínimos.

Para fugir de pressão interna, Marinho tira licença do TCE O conselheiro do TCE (Tribunal de Contas do Estado) Robson Marinho tirou licença-prêmio ontem por sete dias. A licença será tirada em dias intercalados, com retorno está previsto para o dia 16. Marinho é investigado pelo Ministério Público de São Paulo e pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça) por ter recebido supostamente US$ 2,7 milhões em propinas da multinacional francesa Alstom em um contrato da área de energia do governo paulista, firmado em 1998. Ao pedir a licença, Marinho tenta se livar da forte

pressão interna que vem sofrendo devido à investigação. Há duas semanas a Promotoria de Defesa do Patrimônio Público, braço do Ministério Público que investiga improbidade, requereu à Justiça o afastamento imediato do conselheiro de suas funções. Ex-chefe da Casa Civil do governo Mário Covas (PSDB), Marinho está isolado no tribunal desde que foi revelada a existência de sua conta secreta em Genebra, com saldo bloqueado de US$ 3 milhões, Ele nega ter recebido propinas para favorecer a Alstom. METRO

O retorno do ex-conselheiro está previsto para o dia 16 |DIVULGAÇÃO


|08|

Câmbio. Governo reduz IOF para atrair dólares O governo reduziu ontem para zero a alíquota do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) sobre empréstimos externos tomados por empresas e bancos com prazo acima de 180 dias. Essa medida facilita a entrada de dólares no país, o que pode ajudar a reduzir o valor da moeda norte-americana. Até então, apenas captações externas com prazo acima de 360 dias tinham alíquota zero do IOF. Para os empréstimos feitos com prazos inferiores a seis meses, a alíquota de 6% continua valendo. Para o ministro da Fazenda, Guido Mantega, a medida beneficia o acesso a capital por bancos pequenos. Segundo ele, a decisão não foi tomada para ajudar no combate à inflação. “O mercado cambial funciona normalmente. O câmbio é flutuante, cada dia pode ter cotação diferente. Não há necessidade desse instrumento [IOF]”, disse o ministro, acrescentando que a inflação no país está caindo. Para analistas, no entanto, a redução do IOF foi adotada para tentar segurar a inflação, após o Banco Central ter encerrado seu ciclo de aperto monetário na semana passada. A medida tem potencial para atrair mais dólares ao país e, assim, evitar a sua valorização e o encarecimento de produtos importados. Mantega disse ainda que o governo não está chamando

“Essa medida vai facilitar a liquidez de alguns segmentos da economia, mas não tem objetivo direto em relação à inflação” MINISTRO DA FAZENDA, GUIDO MANTEGA

capital especulativo ao adotar a medida. “O que mais vem para o Brasil é o investimento estrangeiro direto. É um dos cinco países que mais atrai investimento estrangeiro no mundo. E também vem capital, investimento em renda fixa”, afirmou. Moeda sobe a R$ 2,28 Apesar da medida anunciada ontem pelo governo e da intervenção diária do BC, o dólar fechou ontem a quarta sessão consecutiva em alta ante o real. A divisa norte-americana subiu 0,24%, para R$ 2,2836 na venda, maior patamar desde 26 de março passado, quando fechou a R$ 2,3084. Nas últimas quatro sessões, a alta acumulada é de 2,68%. METRO

Copa. Greve pode cancelar ou atrasar voos da TAM Trabalhadores da Latam Airlines, controladora da TAM, ameaçam atrasar ou cancelar voos antes da Copa do Mundo, em apoio a uma greve iminente que realizariam em 10 e 11 de junho de funcionários da unidade da empresa no Peru. Em função da Copa, a Latam preparou cerca de mil voos tendo como destino o Brasil. O presidente do sindicato de manutenção da LAN Chile, Dario Castillo, disse ontem à agência de notícias “Reuters” que uma reunião entre as lideranças decidiu fazer um acordo com seus colegas em outros países onde a companhia aérea opera para distribuir panfletos de alerta aos passageiros sobre atra-

sos e cancelamentos de voos quando for iniciada a greve. “Acabaram de chegar os folhetos explicativos sobre a greve produzidos em Buenos Aires para começar a distribuir no aeroporto (de Santiago, no Chile). Isso se repetirá nos outros aeroportos da região em apoio à situação dos trabalhadores de manutenção no Peru” , disse Castillo. A Latam tem unidades na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai e Peru. Segundo o dirigente, os técnicos aeronáuticos da LAN Peru pedem melhorias em seu salário após 10 anos sem qualquer reajuste salarial. METRO

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

Mantega acena com prorrogação de IPI menor para carro Veículos. Ministro afirma que imposto subirá a partir de julho, mas intensidade da alta ainda não foi definida. Governo avaliará a situação do mercado na ‘véspera’ O IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) sobre veículos pode subir menos do que o previsto inicialmente pelo governo. Segundo o ministro da Fazenda, Guido Mantega, haverá aumento do imposto a partir de julho, mas ainda não foi definido o tamanho da elevação, que dependerá da situação do setor automotivo. “Teremos aumento do IPI sobre veículos, poderá ser pequeno ou não, vamos avaliar a situação do mercado”, disse ontem o ministro. Pelo cronograma atual, o IPI sobre veículos voltaria ao seu nível normal a partir de julho. No caso dos carros populares (1.0), por exemplo, a alíquota subiria dos atuais 3% para os 7% que vigoravam antes de o governo determinar a redução do IPI, no início de 2012. Segundo uma fonte que acompanha negociações com montadoras, o governo deverá elevar parcialmente as alí-

PREVISÃO INICIAL DE ALTA Alíquotas de IPI

ENTRE JANEIRO E JUNHO

AUTOMÓVEIS

A PARTIR DE JULHO

Populares (1.0)

3%

7%

De 1.0 até 2.0 flex

9%

11%

10%

13%

Utilitários

3%

8%

Utilitários para transporte de carga

3%

4%

Caminhões

0%

0%

De 1.0 até 2.0 gasolina

FONTE: MINISTÉRIO DA FAZENDA

quotas do IPI sobre veículos a partir de julho, mas evitará que o imposto tenha recomposição integral, informou “Reuters”. “Vamos avaliar na véspera para saber se vamos tomar ainda uma decisão sobre o IPI”, afirmou Mantega. Em maio, a comercialização de veículos novos no

país recuou 7,2% na comparação sobre o mesmo período do ano passado. Com vendas 5,5% menores no acumulado do ano, a Fenabrave, que representa as concessionárias, informou na última terça-feira que projeta encerrar 2014 com uma queda de mais de 3%.

Indústria tem em abril a pior queda desde setembro de 2009 A produção da indústria caiu 0,3% em abril, na comparação com o mês anterior, segundo dados divulgados ontem pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Sobre o mesmo período de 2013, a indústria teve retração de 5,8%, a mais intensa desde setembro de 2009, quando houve queda de 7,3%. Na comparação com abril de 2013, a produção de veículos foi a que registrou o maior recuo, de 21,3%, a mais importante influência na taxa da indústria como um todo. “O setor, em função da redução de demanda, tem prejuízos em relação ao mercado internacional e dificuldade de exportação”, disse o gerente da pesquisa do IBGE, André Macedo. Segundo o IBGE, houve predomínio de resultados

Em queda 10

VARIAÇÃO SOBRE IGUAL MÊS DE 2013, EM %

+4,6

0

-0,7 -5,8 -10

FEV

MAR ABR

negativos, já que as quatro grandes categorias da indústria e 20 dos 26 ramos apontaram recuo na produção. Além da diminuição no ritmo de produção, o setor foi influenciado também pelo efeito calendário, uma vez que abril de 2014 teve dois

dias úteis a menos do que igual mês do ano anterior Na contramão, ao menos duas atividades, de televisores e de bebidas, tiveram expansão, impulsionadas pela Copa do Mundo. Entre os bens de consumo duráveis, setor que recuou 12% ante abril do ano passado, a linha marrom foi o único grupo que registrou avanço, de 20,9%. Nos bens semi e não duráveis, cujo recuo foi de 3,9%, a atividade de bebidas avançou 2,5% na mesma base de comparação, puxada sobretudo pela produção de bebidas alcoólicas e refrigerantes. “É muito mais uma expectativa que se tem com um consumo maior, e isso faz com que as empresas antecipem também uma maior produção”, afirmou Macedo. METRO

O ministro disse que o governo não deverá anunciar medidas de estímulo ao setor automotivo alegando que as montadoras têm que solucionar seus problemas setoriais, embora tenha ressaltado que o governo federal avalia medidas para aumentar a oferta de financiamento automotivo. “Estamos estudando maneiras de melhorar o crédito para o setor, mas não é certo que teremos essa medida. O setor tem que andar com as próprias pernas”, afirmou. Energia O ministro comentou ainda que não vê necessidade de aumento nos aportes do governo para ajudar distribuidoras de eletricidade a equacionar custos mais altos com energia após o período de poucas chuvas no país. “No momento não vejo necessidade de novo aporte, mas observamos o dia a dia [das distribuidoras].” METRO

Poupança. Para bancos, valor de indenização é de até R$ 10 bi O presidente da Febraban (Federação Brasileira de Bancos), Murilo Portugal, estima que o valor correto do pedido de ação indenizatória para cadernetas de poupança por perdas com planos econômicos é de R$ 8 bilhões a R$ 10 bilhões. Na semana passada, o STF (Supremo Tribunal Federal) adiou o julgamento do caso. O Ministério Público terá que apresentar um outro relatório, já que no primeiro afirmava que os bancos tiveram ganhos de R$ 441 bilhões com os planos, valor contestado pelo setor. “Pelas nossas contas, esses valores de receita bruta seriam de R$ 17 bilhões a R$ 20 bilhões. O resultado líquido dá metade disso”, disse Portugal. METRO


|10|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

Militar. Estados Unidos vão investigar deserção O Pentágono disse ontem que vai investigar as acusações de deserção do soldado norte-americano Bowe Bergdahl, que ficou em poder do Taleban por quase cinco anos e foi libertado no fim de semana após um acordo de troca de prisioneiros. Em um comunicado, o chefe do Exército dos EUA, o general Raymond Odierno, disse que, após a libertação do militar, a prioridade é “cuidar de sua saúde e assegurar que seja reintegrado apropriadamente”. Odierno assegurou, entretanto, que “em seu devido momento” será realizada uma investigação “profunda, transparente e completa” sobre as circunstâncias que levaram à captura de Bergdahl, em 2009. O governo Obama está sendo criticado internamente pelo acordo. Críticos afirmam que a troca foi apressada, sem um aviso ao Congresso exigido pela lei. Eles também alegam que os cinco prisioneiros de Guantánamo soltos em troca do militar são líderes perigo-

sos que rapidamente voltarão à luta armada. A suspeita de deserção de Bergdahl deu mais argumentos aos críticos. Em sua defesa, a administração Obama diz que apressou o resgate do soldado para garantir sua segurança antes da retirada de tropas do Afeganistão, prevista para este ano. Vídeo O Taleban divulgou ontem um vídeo em que Bergdahl aparece no momento da troca de prisioneiros no leste do Afeganistão. Nas imagens, o militar parece atordoado. O vídeo é o primeiro divulgado publicamente da entrega do soldado. Talebans podem ser vistos posicionados em montanhas nas proximidades e armados com lançadores de foguetes, observando a transferência, que não durou mais que um minuto e envolveu militares e um helicóptero Blackhawk do Exército norte-americano. METRO Assista ao vídeo da troca de prisioneiros no site do Metro www.metrojornal.com.br

Kiev diz que matou 300 em ofensiva Obama prometeu apoio financeiro a Petro Poroshenko

| KEVIN LAMARQUE/REUTERS

Crise. Segundo porta-voz de operação contra separatistas, mortes ocorreram ao longo de um dia, mas rebeldes não confirmaram; Obama prometeu apoio

Soldado fala com taleban antes de ser libertado | AL-EMARA/REUTERS TV

Caso em 1989. Hong Kong relembra massacre Dezenas de milhares de pessoas participaram de uma vigília ontem no parque Vitória, no centro de Hong Kong, em lembrança ao 25º aniversário do massacre da praça da Paz Celestial, ocorrido em Pequim em junho de 1989. Segundo a Reuters, entre os cerca de 180 mil manifestantes, vestidos de preto e levando velas, havia alguns habitantes da China continental. Hong Kong foi devolvido à China em 1997. Pequim adotou um vasto esquema de segurança para evitar manifestações relacionadas à repressão, espalhando a polícia pelas ruas e vasculhando a internet para eliminar qualquer menção aos eventos da época.

Policiais, soldados e agentes à paisana checavam ontem documentos e revistavam sacolas em busca de indícios de que alguém estivesse tentando entrar na praça para lembrar o aniversário da repressão. Vários organismos e países, como EUA e ONU, fizeram um chamado à China para que revele o que ocorreu com os manifestantes em 4 de junho de 1989, o que irritou o governo chinês, que considera o movimento “contra-revolucionário”. O líder espiritual tibetano, o Dalai Lama, aproveitou o aniversário para pedir à China que adote a democracia. METRO

A Ucrânia disse ontem que mais de 300 separatistas pró-Moscou haviam sido mortos em apenas um dia na “operação antiterrorista” lançada por Kiev no leste do país. As mortes teriam ocorrido perto de Slaviansk, cidade tomada pelos ativistas. Segundo um porta-voz da investida ucraniana, cerca de 500 rebeldes teriam ficado feridos na operação. O porta-voz, Vladyslav Seleznyov, disse que dois soldados ucranianos morreram e 45 ficaram feridos nos conSíria

frontos, que chamou de “pesados”. Não houve confirmação entre os separatistas. Na terça-feira à noite, uma porta-voz dos rebeldes, Stella Khorosheva, disse apenas que o número de mortos na cidade estava “crescendo continuamente”. Poroshenko O presidente eleito da Ucrânia, Petro Poroshenko, ordenou a retomada da operação contra os rebeldes. Após um encontro com o presidente dos EUA, Barack Monarquia

Obama, que está na região em uma viagem de quatro dias, Poroshenko disse estar pronto para apresentar em breve um plano para “a resolução pacífica da situação”. Ele toma posse no sábado. No encontro, Obama endossou o presidente eleito e ofereceu a Kiev ajuda financeira e na área da segurança. Segundo o líder norte-americano, Poroshenko foi a escolha certa para liderar o país. “O que os ucranianos disseram na eleição é que Museu Judaico

eles rejeitam a violência”, disse Obama após a reunião, na capital polonesa, Varsóvia. Também ontem, o principal comandante militar da Otan, o general da Força Aérea dos EUA Philip Breedlove, acusou a Rússia de desestabilizar o leste da Ucrânia com o uso de forças apoiadas por Moscou, e exigiu que as interferências cessem. Segundo ele, “uma parte (das tropas russas na fronteira com a Ucrânia) parece ter a intenção de permanecer”. METRO Espionagem

Com 88,7% dos votos, Assad é reeleito

Felipe diz que vai dedicar ‘todas as forças’ como rei

Suspeito de ataque recusa extradição

Alemanha vai apurar escutas feitas por EUA

O ditador sírio Bashar al-Assad venceu com 88,7% dos votos uma eleição tida como farsa pela oposição. O anúncio foi feito pelo líder do Parlamento, Mohammad al-Laham. Ontem, líderes do G7 chamaram o pleito de “fraude”. “Não há futuro para Assad na Síria”, disse o grupo em nota. METRO

O príncipe Felipe, herdeiro do trono espanhol, disse ontem que vai dedicar “todas as forças” para trabalhar com “esperança e apaixonadamente para servir os espanhóis” e sua “querida Espanha”. O rei Juan Carlos abdicou na segunda-feira após quase 40 anos no trono. METRO E AGÊNCIAS

O francês Mehdi Nemmouche, suspeito de ser o autor de um ataque contra o museu judaico de Bruxelas que matou quatro pessoas, recusou sua extradição da França para a Bélgica. A França deve decidir amanhã sobre a extradição de Nemmouche.

A Justiça alemã vai investigar a suposta espionagem dos serviços secretos dos EUA contra a chanceler Angela Merkel, disse ontem o procurador federal alemão Harald Range. O grampo no celular de Merkel foi revelado pelo ex-analista da NSA Edward Snowden. METRO

METRO E AGÊNCIAS


Belo Horizonte, 5 de junho de 2014 Edição especial

Família CG cresceu Honda mostra duas novas versões do modelo já consagrado PÁG. 14

F-Type Coupé R é visto como topo de linha

SUPER MÁQUINA

Jaguar lança F-Type Coupé no Brasil com preços que chegam a R$ 662 mil PÁG. 12

DIVULGAÇÃO


12|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

LANÇAMENTO

IMAGENS: DIVULGAÇÃO

Versão topo de linha conta com motor 5.0 V8

Vende-se luxo Esportivo tem três versões

Modelo memoriza três opções de ajustes de banco e volante

Tecnologia privilegia sistema de entretenimento

Quando se fala em Jaguar não há como imaginar algo diferente de luxo. Famosa por desenvolver supermáquinas, a montadora inglesa traz ao mercado brasileiro o F-Type Coupé, em três versões, com preços que partem de R$ 426.300. Destinado para a classe alta, o superesportivo apresenta características imponentes, principalmente, na motorização, e marca o retorno da empresa às suas raízes esportivas, que começou a ganhar fama há mais de cinco décadas em todo o mundo. Pelo altíssimo valor de mercado – justo, por incrível que pareça, por tantos adjetivos –, a Jaguar não faz previsão sobre o número de unidades que almeja vender do F-Type Coupé no Brasil. De acordo com os executivos da montadora, a ideia não é fazer volume, já que os clientes fiéis da marca, geralmente, adquirem este tipo de produto sem ao menos perguntar o preço. O modelo de entrada da li-

nha esportiva, o F-Type, que custa R$ 426.300, é equipado com motor 3.0 V6 de 340 cv de potência, algo que o faz acelerar de 0 a 100 km/h em 5,3 segundos, podendo atingir até 260 km/h. Na sequência, o modelo intermediário é o F-Type S, com preço de R$ 497.700, que tem o mesmo motor da versão de entrada, mas que conta com um ajuste que entrega um desempenho ainda mais esportivo, passando a 380 cv de potência – o veículo também atinge os 100 km/h mais rapidamente, em apenas 4,9 segundos, e chega a 275 km/h. Por fim, o F-Type R, considerado pela marca como a ‘cereja do bolo’ da linha, vale R$ 662 mil e é dotado de um motor 5.0 V8 Su-

Marca investiu fortemente no uso de alumínio

Para poucos. Jaguar apresenta linha F-Type Coupé com valores que chegam a R$ 662 mil

4,2

segundos é o tempo de aceleração de zero a cem quilômetros na versão F-Type R, considerada a topo de linha entre as três disponíveis. percharger, com nada mais nada menos que 550 cv de potência e 69,3 kgfm de torque. Nesta versão, o esportivo vai de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos, podendo chegar aos inimagináveis 300 km/h. A luxuosa linha consegue tanto desempenho por ser amparada, em todas as configurações, por um baixo peso na carroceria, combinando aços de alta resis-

tência e alumínio. Além disso, o teto, que o torna um cupê, pode ser completamente em alumínio ou com vidro panorâmico e o câmbio é automático de oito velocidades. Com um vasto leque de itens de série, a linha F-Type Coupé conta com bancos em couro com regulagens elétricas, controles de tração e estabilidade, ar-condicionado de duas zonas, airbags laterais e frontais, tela multimídia de 8’’, entre outros itens. O opcional que chama mais a atenção é o kit de freio de carbono, que diminui 21 kg no peso do veículo, possui pinças na cor amarela e custa R$ 30 mil – todas as versões podem recebê-lo. METRO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

DUAS RODAS

14

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Novas versões possuem partida elétrica

Sistema de frenagem está mais eficiente

CG Cargo 125 ESD sai por R$ 6,3 mil

a d ília

n o H

m a f a i l p m a a o d

CarG 150 cado C a , r z o me ua ve Por s chega a iado o cus l r , a o D t v S o a E a se go m m línp u m o m i p com efício. Co c, monoc s e n to-be e 149,2 c ro tempo oto t d flex com qua ar, a m de a o c o i xima no dr ent ecim a má arref potênci ina e 14,3 m. l e p ating v na gaso a 8.500 r é a c 14,2 l, rodando modelo e . etano disso, est ca PGM-FI em i u n s m Alé etrô ões pos ade ão el injeç três vers capacid de kg As om té 20 ro c agagei nsportar a to crom a b – n i a e s r u t eq para e acabamcoplar baú tal. s são nocio l i e a a g d o carg odendo ainel di de is mo or m p p ia Os do com mot ,7 cc, com do – tam com arant o g s 0 4 r o 5 2 a 2 d n 1 . C a tem g nível ape o 8 p e c G a e d C e u v a o c q . o , c , a i 6 a p , a m r d i s f 1 i h d d n 1 o a kg ín A l i n o , e s t á d a . M E T RO 5 l tência de e de 1,06 peco dia te a H c n gar n u”, garan irmã 12 u as po q r o um a cor bran r o ô t i t à o m e rpm. Ou tanna r sin r evolu relação 125 Carg p e s r s o a r n é Em CG até co po cia e po diannte 6.000 n KS, a om freio públi , a interessa omporta stío m g r m a bom de resistê . Entretan c u c C - to que de comb boa e 240 conta nimo eço baixo , há algum ESD a disco d ma frena - que, r a a ando p litros r s u ter ntado detectado a teiro propicia ente, e po S 15,2 roporcion o m ici iar aK ue l, p to, a , havia ampl ais ef - q ica – tida ve onomia. o r t temp idade de tor. E ago - gem m tida elétr a u p a s o r m neces rada do m aliar dura - sui pa conta co a tambor. inda l e freios cilind fez. “Por ncia e de s a ra o de, resistê cterística - a peda a bilida nho, car ara trafe e p p sem mentais a d n u f

g r a C CG

ndema uma nda aua o o ões ,aH dend Aten mercado e de opç go. r u e a q d C e l G da deou o nal C ment tradicio m um mo , a a o o de su apenas c mercad deo s Ante ponível n ra, além ta n o s lo di 5 KS, ag ra aprese SD 2 E o 1 d o a rg CG mont 25 Ca Já à la, a sões CG 1 go ESD. as, r r a e á v C n o ri e0 as cessi G 15 pr e a C nas con em com ue q u a g d o e n s h e v delos is ao nic que vao m ve os reços cessí 125 ços a , e têm p .500 (CG ar5 m a $ 0 5 C atu entre R (CG 1 riam R$ 6.800 ssioKS) a D). profi ais a r a S p go E tinada vez m Des rais, cada ndes cida CG gra libe nais ntes nas a linha m u , e exist rasileiras atingiu b e r s de semp Cargo

ovas n s a u d senta s de 150 cc e r p a a ntador do uma dela o M . o n d Merca da moto, se s versõe


+ ESPECIAL

16|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPECIAL}

ALAN MARQUES/FOLHAPRESS

Alarmante. Casos de brutalidade verbal e física engrossam estatísticas no país e enaltecem a importância da denúncia

Maria da Penha luta pela causa feminina

Lei Maria da Penha completará oito anos; saiba como ela funciona

Insegurança e temor podem causar transtornos psicológicos e até físicos

Clique 180

Denúncia pelo app Aplicativo desenvolvido pela ONU Mulheres é mais um recurso a favor do combate à violência. Com ele, as vítimas podem fazer denúncias pelo smarthphone ou tablet. A ferramenta também permite a chamada rápida para o Ligue 180, da Central de Atendimento à Mulher.

é hora do basta

Medo. É isso o que impede grande parte das mulheres de denunciar atos de violência sofridos em casa, no trabalho, na rua. Segundo dados da ONU (Organização das Nações Unidas), 7 em cada 10 mulheres no mundo são, ou virão a ser, vítimas de agressão por parte de parceiros, familiares ou desconhecidos. Abuso físico, ameaças, intimidação psicológica, assédio e violação sexual estão entre os principais casos. Estatísticas do Banco Mundial indicam que mulheres de 15 a 44 anos correm mais risco de estupro e violência doméstica do que de desenvolverem câncer, passarem por acidentes de carro, guerra ou malária.

Traumas que ficam Além da insegurança de ficar em casa ou sair na rua, muitas mulheres que passam por agressões tam-

Brasil ficou em 70 lugar entre os 84 países do mundo que cometeram mais feminicídios entre os anos de 2006 e 2010. MAPA DA VIOLÊNCIA (2012)

bém se sentem incapacitadas de fazer algo por elas mesmas. “Na maioria dos casos, essas vítimas são colocadas em tal situação de inferioridade que não conseguem reagir; esse é o momento em que mais precisam de apoio”, afirma Ivone Minhoto Meinão, vice-presidente da seção São Paulo da ABMM (Associação Brasileira de Mulheres Médicas) e participante do Fórum “Violência contra a mulher: aspectos jurídicos, penas e ações de apoio médico e governamental”, realizado em 31 de maio. Segundo ela, o estresse devido à agressão contínua, ainda que verbal,

pode gerar doenças graves na mulher. “Quando a pessoa se reprime e não consegue lidar com um problema que inicialmente é psicossomático, este pode se tornar real.” Denúncia sim Um estudo do Ipea aponta que, entre 2001 e 2011, ocorreram mais de 50 mil feminicídios no Brasil. Isto significa que, a cada ano, 5 mil mulheres foram mortas. Aproximadamente um terço dos crimes ocorreu na residência da vítima. “Nós temos acompanhado e digo que esse número não diminuiu: estatísticas mostram que cerca

de duas mulheres são assassinadas a cada duas horas dentro de casa, onde estariam seguras não fosse a violência machista”, afirma Nadine Gasman, representante da ONU Mulheres no Brasil. Muitas dessas perdas poderiam ter sido evitadas se as vítimas tivessem denunciado os agressores. “A denúncia é o primeiro passo para que a mulher acesse seus direitos e se posicione contra a impunidade”, ressalta Gasman. “Recomendamos procurar serviços como o Ligue 180 e as casas de acolhimento.” Atualmente, existem 600 delegacias, 90 juizados e 40 defensorias especializados em violência contra a mulher no país. WANISE MARTINEZ METRO SÃO PAULO

FREEIMAGES.COM

Violência contra a mulher:

Sancionada em 7 de agosto de 2006, a Lei Maria da Penha, nº 11.340, entrou em vigor em 22 de setembro do mesmo ano e está bem perto de completar oito anos. O texto estabelece que todo caso de violência doméstica e intrafamiliar é crime e deve ser apurado por inquérito policial e remetido ao Ministério Público. Além de acabar com as penas que antes eram pagas pelos agressores com cestas básicas e multas, a lei também passou a tipificar as situações sofridas pelas mulheres, o que inclui as violências física e sexual, além da psicológica, patrimonial (controle dos bens e finanças) e o assédio moral. Recentemente, um projeto de lei entrou em discussão no Congresso Nacional para alterar a Lei nº 11.340. De acordo com nova proposta, o agressor deveria ser afastado imediatamente da mulher ameaçada ou violada, a mando do delegado que receber a queixa. Hoje em dia, somente o juiz pode determinar tal medida. Quem é ela? O nome da lei foi escolhido em homenagem à biofarmacêutica cearense Maria da Penha, que foi agredida pelo marido durante anos. Por duas vezes, ele tentou matá-la e, em uma das ocasiões, ela ficou paraplégica. Penha atua em movimentos sociais que combatem a violência contra as mulheres. METRO


+ PLUS

Dica!

Terra do vinho Conhecer uma vinícola é mais do que recomendado na capital do Chile. Além de saborear a qualidade do vinho, a visita também rende como experiência cultural e gastronômica.

|18|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{TURISMO}

O charme de Santiago EDGAR LOPES/FOLHAPRESS

Passeio. História, modernidade, belezas naturais e boa gastronomia são destaques da capital chilena O ar cosmopolita lembra o das cidades europeias, só que esse destino está muito mais perto do Brasil. Cidade fundada pelo espanhol Pedro de Valdivia em 1541, a graciosa Santiago traz uma mescla do antigo e do novo, em que prédios históricos convivem lado a lado com construções modernas. Para quem vai pela primeira vez, é bom saber que a capital do Chile é bastante eficiente e agradável. Ou seja: tudo por lá funciona muito bem. Vale até dizer que o New York Times a elegeu, em 2011, como o lugar número um do mundo. Uma cidade para quem busca boa comida, grandes vi-

Pertinho dali Vista geral da cidade com Cordilheira ao fundo

nhos e variados passeios para dia e noite. Uma das paradas obrigatórias é o famoso mirante Cerro San Cristóbal, que oferece uma vista geral da cidade com a Cordilheira dos Andes ao fundo. Depois de admirar a vista cinematográ-

fica, dá para descer e ir conhecer a casa-museu de Pablo Neruda, La Chascona. Fãs de história vão gostar de conhecer o Museu Pré-Colombino e o Palácio de La Moneda. Já quem quiser ir às compras, pode fazer um tour pelo centro e visitar a

feira artesanal Santa Lucia, que fica em frente ao Cerro Santa Lucia – outro ponto turístico imperdível. Para comer Não dá para deixar de almoçar frutos do mar no famoso e tradicional Mercado Cen-

Viña del Mar e Valparaíso, por exemplo, merecem uma visita. Se puder, programe uma refeição pelos arredores, vale muito a pena provar os sabores chilenos. | LUISA ALCANTARA E SILVA/FOLHAPRESS

tral. É cheio, mas vale a pena. De noite, a sugestão é conhecer algum dos muitos restaurantes e bares de Santiago. O bairro de Providencia tem opções para todos os gostos e estilos. METRO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

Cultive a sua roupa Consumo racional. Estilista inova na moda com peças à base de celulose

Flutuando em uma cuba de chá verde, um disco espesso de celulose não mostra nenhum potencial fashion. Mas ele está vivo, se alastrando e crescendo à medida que os micróbios começam a trabalhar no líquido morno. Depois de algumas semanas – de secar e ser tratado – esse açúcar pegajoso se transforma em uma extravagante jaqueta estampada ou de couro ou em um estiloso sapato plataforma. O conceito e receitas pertencem a Suzanne Lee, uma estilista que mora em Londres, pioneira no uso de roupas cultivadas em laboratório como um modelo de sustentabilidade. “Precisamos criar alternativas para os produtos à base de pretóleo”, explica.

“A indústria têxtil está repensando a questão da poluição e do desperdício, porque tudo termina em um aterro. Já é hora dos estilistas encontrarem outros meios para realizar suas tarefas de modo mais sustentável”, completa. Suzanne trabalhou com biólogos renomados e engenheiros para desenvolver esse novo conceito, que é extremamente versátil, uma vez que a celulose consegue se moldar a qualquer tipo de recipiente em que cresça. A estilista também pode adaptar a cor por meio de corante líquido durante a fermentação. Depois de pronto, podem ser adicionadas estampas e o material Saia feita a partir pode ser cortado ou de celulose bacteriana costurado. O impacto ambiental é mínimo, porque

|19|◊◊

{MEIO AMBIENTE}

não são usados produtos tóxicos e quase nenhum combustível. O tecido é completamente biodegradável, tanto que uma preocupação da estilista era o risco do tecido se dissolver na chuva. Consultoria Como uma pioneira do novo setor, a Biocouture, empresa da estilista, se tornou uma consultora para outras ações comerciais. A criação do ‘couro cultivado’, por exemplo, é uma das parcerias da empresa com a start-up norte-americana Modern Meadow fundada por Peter Thiel, responsável pela PayPal e que também produz carne desenvolvida em laboratório. “O produto não possui mais riscos e atualmente, investir no meio-ambiente é muito positivo”, afirma Andras Forgacs, CEO da Mo-

dern Meadow. Forgacs espera que seus produtos de couro cheguem ao mercado em 2016, inicialmente como itens de que terão seus altos preços justificados por não conterem impurezas que são comumente associadas ao couro tradicional, assim como o abate e o desperdício. A expectativa, no entanto, é de que logo os produtos sejam mais acessíveis. No futuro, Suzanne acredita que será possível usar biomateriais adaptáveis a todas necessidades. A moda é só o começo. A Biocouture está desenvolvendo um material similar que pode ser usado na criação de móveis, eletrônicos e arquitetura – como projetos para edifícios que usam tijolos orgânicos cultivados em laboratório. A era dos materiais vivos acaba de nascer!

Biometeriais

Jaqueta feita a partir de chá verde

Estilista inova produção de setor têxtil A receita criada por Suzanne Lee vem mudando a maneira como os profissionais operam na linha de produção da área e os impactos que causam no meio ambiente. “Este é uma área emergente que requer uma nova forma de pensamento”, diz a estilista. METRO

KIERON MONKS METRO INTERNACIONAL


CULTURA

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

DIVULGAÇÃO

2

|20|

Estreia. Josh Brolin encara o remake de um clássico coreano – e 200 guiozas – em ‘Old Boy’, Josh Brolin com o do diretor nortefamoso martelo americano Spike Lee

A equipe de cozinha do junket de imprensa do remake de “Old Boy”, dirigido por Spike Lee e que estreia hoje nos cinemas, disponibilizou um arranjo feito quase inteiramente de diferentes tipos de guiozas, e Josh Brolin não acha isso muito engraçado (o prato aparece no filme como uma das poucas coisas que são permitidas ao personagem comer no seu mis-

Ele é o ‘cara da comida’ “Depois [de gravar a cena da luta] tive um momento para mim mesmo, chorei e fiquei simplesmente feliz que um cara de 45 anos fosse capaz de conseguir aquilo”

terioso aprisionamento de 20 anos). “Eu acho que é algo burro. É uma jogada de marketing. Quem quer guiozas no café da manhã?”, zomba. Comida, como é possível perceber, é algo presente nos papéis de Brolin e ele está cansado de discutir as quantidades extremas de ingestão necessárias para atuar. “Comi cerca 200 guiozas. Em ‘W’ eu comi 18 sanduíches em uma única cena. Pelo jeito eu sou o cara da comida.” “Oldboy” também exigiu muito da forma física de Brolin, já que seu personagem vai de um alcoólatra inchado para uma ferramenta de vingança em forma. “Tinha mais a ver com retenção de líquidos, então, ganhei 13 kg em 10 dias, e perdi 10 kg em dois dias. Nunca farei is-

so novamente porque acabou com meu corpo. Passando por isso e sentindo câimbras, eu estava ensaiando a luta ao mesmo tempo, o que não foi inteligente.” A luta da qual ele está falando é uma atualização da sequência em um único take do filme coreano, com o herói enfrentando um exército de valentões com apenas um martelo. “Foram cinco semanas de preparação, e foi difícil, para dizer o mínimo”, diz Brolin. “A luta, eu acho, é pelo menos três vezes mais longa que a original. Eu estava tendo sérias dificuldades no começo, e então entrei em pânico. Não estava dormindo muito, o que acho que ajudou o filme, porque eu estava mais emotivo, estava mais no limite, me senti mais exposto, vulnerável, ou o que seja.” Esse nível de auto-abuso valeu a pena. “Nós fizemos em sete takes, e o sétimo foi o melhor”, lembra. “Eu saí andando depois disso e tive um momento para mim mesmo, chorei e fiquei simplesmente feliz que um cara de 45 anos fosse capaz de conseguir aquilo. Foi um momento geriátrico que eu tive.”

JOSH BROLIN, ATOR

NED EHRBAR METRO INTERNACIONAL

Em ritmo de suspense

John Banville

Premiado

O autor irlandês foi anunciado ontem o vencedor do 34º prêmio Príncipe das Astúrias de Literatura. Segundo o júri, sua obra pode ser descrita como “inteligente, profunda e original”.

Foi lendo uma reportagem na extinta revista “Manchete”, há mais de uma década, que Fernando Coimbra descobriu o tema que daria origem a seu primeiro longa-metragem de ficção. “O Lobo Atrás da Porta”, que estreia hoje, é baseado em um episódio real ocorrido nos anos 1960 no subúrbio do Rio, quando uma mulher sequestrou a filha do amante. “Eu estava na faculdade quando li essa história e fui trabalhando um pouco nela enquanto ia fazendo meus curtas, que me abriram as portas para eu conseguir contá-la”, relata Coimbra, autor de filmes como “Trópico das Cabras” e “O Retrato de Deus Quando Jovem”. Um dos principais atrativos do longa está no investimento do diretor no suspense, ainda pouco explorado na cinematografia nacional. “Quando comecei a escrever não estava pensando necessariamente em nenhum gênero, mas percebi que era inevitável não contar com elementos do thriller porque a história levava muito a isso”, afirma ele, que vê uma leva de novos cineastas brasileiros seguirem os mesmos passos. “É uma geração que flerta com o terror e ou-

Leandra Leal e Milhem Cortaz em cena de ‘O Lobo Atrás da Porta’ | DIVULGAÇÃO

tros gêneros porque cresceu vendo muito filme americano”, explica ele, que aponta Kleber Mendonça Filho (“O Som ao Redor”) e Marco Dutra (“Quando Eu Era Vivo”) como expoentes dessa safra. Além de ter uma história bem amarrada, o maior trunfo da produção está nas atuações, com Leandra Leal, Milhem Cortaz e Fabiúla Nascimento na base do triângulo amoroso que conduz a trama. Para Coimbra, escolher bem o elenco era fundamental. “A Leandra não fala nada e você já sabe o que está se passando dentro dela. O Milhem trouxe qualidades para o personagem que eu não consegui dar no roteiro.

E tem a Fabiúla, espirituosa e com senso de humor”, explica o diretor. “O Lobo Atrás da Porta” foi a revelação do último Festival do Rio, com Leandra levando o título de melhor atriz e o longa dividindo o Troféu Redentor com “De Menor”, de Caru Alvez de Souza. Antes disso, o longa já havia iniciado uma bem sucedida carreira internacional ao ser exibido nos festivais de Toronto, Zurique e San Sebastián, do qual saiu com o prêmio Horizontes Latinos. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Drama. Best-seller ‘A Culpa é das Estrelas’ chega às telonas Com mais de dois milhões de livros vendidos em todo o mundo, era claro que “A Culpa é das Estrelas”, de John Green, chegaria aos cinemas. E a estreia do longa no Brasil acontece hoje. Dirigido por Josh Boone, a produção conta a história do casal Hazel Grace e Augustus Waters, vividos por uma das novas queridinhas de Hollywood, a atriz Shailene Woodley, e o ator Ansel Elgort (“Carrie – A Estranha”). A obra de Green é narrada em primeira pessoa por Grace desde a descoberta da doença,

ainda adolescente, quando é forçada pelos pais a participar de um grupo de apoio cristão. Lá ela conhece Augustus, um rapaz que possui visões muito diferentes de suas doenças, mas que se torna sua paixão. Juntos, eles atravessam os principais conflitos da adolescência e do primeiro amor, enquanto lutam para se manterem fortes. Segundo o site da revista “The Hollywood Reporter”, o filme é campeão de vendas de ingressos antecipados na categoria drama romântico nos Estados Unidos. METRO

Ansel Elgort e Shailene Woodley em cena: lágrimas à vista | DIVULGAÇÃO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

|21|◊◊

Gastronomia mineira ganha a passarela da Sapucaí em 2015 Tradição. Ingredientes, pratos típicos do Estado e a história da famosa cozinheira Dona Lucinha inspiram desfile do Salgueiro no Carnaval carioca Das mesas de Minas Gerais para a passarela de samba mais famosa do mundo. O Salgueiro elegeu a culinária mineira como o tema de seu desfile no Carnaval carioca em 2015. Pela Sapucaí, as alas e integrantes encantarão os espectadores com os principais ingredientes e tradições típicas do Estado. Uma das personalidades mais famosas da gastronomia local, Dona Lucinha, cozinheira de mão cheia, também será homenageada pela agremiação. A escolha do enredo surgiu após os carnavalescos terem tido contato com o livro “História da Arte da Cozinha Mineira por Dona Lucinha”, lançado em 2010 por Márcia Nunes, filha da cozinheira. A publicação relata as passagens de uma mãe de 11 fi-

A famosa cozinheira, de 82 anos, símbolo de tradição e boa comida | DIVULGAÇÃO

lhos apaixonada pela arte de cozinhar. É Dona Lucinha, nascida em 1932 numa família de quituteiras da cidade do Serro – famosa nacionalmente pelo seu queijo artesanal. Professora por três décadas, ela não largou o amor pela gastronomia. Com o ofício, Lucinha abriu quatro res-

taurantes em Belo Horizonte e um em São Paulo focados no que há de mais saboroso nas tradições do Estado. “Esse livro é muito rico e nem se acha para comprar. A família dela [Dona Lucinha] é maravilhosa. Será gratificante passar isso na avenida”, afirmou Regina

A bateria do Salgueiro no desfile das campeãs deste ano | DHAVID NORMANDO/FUTURA PRESS

“Vamos falar da origem da comida mineira, das receitas, todo esse lado muito popular. Se for como estou pensando, será muito bom” RENATO LAGE, CARNAVALESCO

Celi, presidente do Grêmio Recreativo Escola de Samba Acadêmicos do Salgueiro, ontem, na divulgação da homenagem em um dos restaurantes de Dona Lucinha, no bairro São Pedro. O samba-enredo já está “no forno”, a cargo do carnavalesco Renato Lage. “Va-

mos falar da origem da comida mineira, das receitas, todo esse lado muito popular, da personagem Dona Lucinha. Se for como estou pensando, será muito bom”, declarou. Márcia Clementino Nunes, autora da publicação que inspirou os cariocas, frisa que sua mãe, Dona Lucinha, “dedicou a vida inteira à apresentação e à divulgação da cozinha típica mineira”. O anúncio oficial para os integrantes do Salgueiro será feito neste fim de semana com uma grande feijoada no Andaraí, bairro da Zona Norte do Rio de Janeiro onde a escola de samba está sediada. A agremiação acumula participação em 61 Carnavais com nove títulos conquistados – o último deles foi em 2009. METRO BH COM BANDNEWS FM BH


|22|

Multimídia. MAO oferecerá audioguia com fotos e vídeos O Museu de Artes e Ofícios (Praça da Estação) oferece a partir de hoje uma nova experiência aos visitantes. Eles terão à sua disposição 30 audioguias em quatro idiomas – português, inglês, francês e espanhol. Os equipamentos multimídia apresentam o acervo de forma interativa, com áudios, vídeos, fotos e curiosidades, complementando a visita presencial. Com recursos específicos de acessibilidade, os aparelhos também poderão ser usados por cegos, surdos e pessoas com baixa visão e audição. Eles estão configurados, por exemplo, com a Língua Brasileira de Sinais. “Em Belo Horizonte, somos o primeiro museu a disponibilizar esse importante suporte para os visitantes”, afirma Angela Gutierrez, presidente do instituto mantenedor do Museu. A expectativa é atrair mais visitantes com a novidade. METRO BH

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

Herança indígena Registros. Fotografias e objetos que revelam o modo de vida de etnias espalhadas pelo país integram uma mostra no Centro de Arte Popular Uma oportunidade para ver de perto adornos, utensílios e registros fotográficos que relatam o cotidiano de integrantes de 22 etnias indígenas espalhadas pelo território brasileiro. A exposição “Brasil Indígena – Herança e Arte” traz cerca de 70 pe-

ças divididas em duas classes etnográficas. A primeira evidencia objetos e práticas coletivas para a subsistência dos indígenas – como artefatos ligados ao plantio, caça e pesca, além da atividade guerreira e o transporte. Utensílios indispen-

sáveis para o conforto no ambiente doméstico e o preparo de alimentos estão incluídos. São cerâmicas, trançados, cordões, tecidos, bancos, armas e objetos feitos de madeira. Na segunda seção, estão artigos de uso pessoal, como armas, instrumentos musicais e máscaras bem coloridas. Algumas das peças são usadas em rituais mágicos e espirituais. A exposição pode ser visitada gratuitamente até o dia 5 de outubro no Centro de Arte Popular Cemig (r. Gonçalves Dias, 1.608 – Funcionários). METRO BH

22 Cocares, colares e adornos pessoais | FOTOS: DIVULGAÇÃO

etnias indígenas espalhadas pelo território brasileiro estão representadas na mostra, que traz cerca de 70 objetos

Mostra dedica espaço também para utensílios de uso doméstico

Cinefoot BH. Profissionais do futebol batem bola com o público Além de exibir dezenas de filmes relacionados ao mundo da bola, o Cinefoot, Festival de Cinema de Futebol, promove encontros com os profissionais dos gramados. Hoje, 19h, o bate-bola será com a jornalista Sônia Mineiro e o assessor de comunicação do Atlético, Domênico Bhering. O tema será a vinda de Ronaldinho Gaúcho ao Galo. O astro é um dos homenageados e inspiração de uma das produções em cartaz no festival. No domingo, às 16h, todos se voltam para o Mineirão. Os convidados são Thiago Costa, coordenador do Museu Brasileiro do Futebol, e Tião Martins, autor de um livro sobre o estádio lançado recentemente. Os encontros serão no MM Gerdau (Praça da Liberdade), com entrada gratuita. Informações pelo site cinefoot.org. METRO BH


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

|23|◊◊

Fernanda Takai

em boa companhia Em dose dupla. Hoje, ela canta as faixas do novo CD solo ao lado de Pedro Morais. No sábado, o encontro é com a Orquestra Ouro Preto

FOTOS: REPRODUÇÃO

Quem estava com saudades das canções inéditas da vocalista do Pato Fu pode se preparar. Hoje à noite, Fernanda Takai canta as novidades de seu disco solo mais recente, “Na Medida do Impossível”, composto por treze faixas e lançado em março. Músicas consagradas e composições autorais também estarão no repertório do show que terá participação do cantor Pedro Morais. A apresentação começa a partir das 18h no CCCP (r. Levindo Lopes, 358 – Savassi), com entradas a R$ 20. Quem não puder conferir o dueto terá outra chance de cantarolar as inéditas de Fernanda. Pela primeira vez, a cantora realiza uma parceria musical com a Orquestra Ouro Preto, aliando MPB, pop e música erudita. Na primeira parte do show, a Orquestra mostra-

A vocalista do Pato Fu com os músicos da Orquestra | DIVULGAÇÃO

rá seu talento executando composições brasileiras assinadas por nomes como Chiquinha Gonzaga, Matias da Rocha, Edu Lobo, Ary Barroso, Benito de Paula, Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Zé Keti e Hermeto Pascoal. Em seguida, Fernanda se junta ao time para apre-

sentar as músicas do trabalho solo com arranjos inéditos. A parceria relembrará ainda canções do álbum “Luz Negra” (2007) e sucessos dos Beatles. A regência é do maestro Rodrigo Toffolo. Será neste sábado, às 16h, na Praça da Liberdade, com entrada gratuita. METRO BH

Programas da Band ganham interatividade via smartphones

Band lança aplicativo de interação com a TV A Band apresenta uma ferramenta que vai aproximar ainda mais o telespectador da programação da emissora. Disponibilizado com a estreia da nova temporada do “CQC”, o aplicativo chega a sua nova versão ainda mais completo, com transmissões ao vivo de programas da Band, além da visualiza-

ção de vídeos de esporte, notícia e entretenimento. Outro destaque é a interação com as atrações. Com o aplicativo, o telespectador poderá participar de enquetes, ter informações complementares sobre o que está passando e acompanhar vídeos e fotos dos bastidores, tudo integrado às redes sociais, inclusive durante os jogos do

Mundial. “É a Band na palma da mão. Queremos facilitar o acesso do telespectador ao conteúdo da emissora”, diz Eliane Leme, diretora executiva do portal da Band e uma das responsáveis pelo projeto. O aplicativo está disponível para download no site band.com.br/segundatela para Android, iOS, WindowsPhone e Windows 8. METRO


|24|

{PUBLIMETRO}

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

Os invasores

Na ponta do lápis

Leitor fala

Falhas no Move Metropolitano A ideia do Move é válida, porém não trouxe nenhum benefício, pois: 1 – A maioria das linhas não tem o horário de ônibus facilmente divulgado; 2 – Houve aumento das passagens; 3 – Na saída da estação São Gabriel, perde-se tempo em congestionamentos até o retorno para a Cristiano Machado; 4 – Sem agentes organizando o trânsito; 5 – As TV’s disponíveis nas estações não passam informações corretas; 6 – Ônibus lotados. Idosos e grávidas acabam ficando sem prioridade; 7 – Os horários das linhas Move não são compatíveis com os das alimentadoras; 8 – Estação São Gabriel: acúmulo de gente, filas intermináveis, poucos ônibus; 9 – Há casos de cobranças integrais das duas passagens com uso do cartão Ótimo; 10 – Não há retorno eficiente das reclamações de cobranças indevidas e solicitações de reembolso junto ao cartão Ótimo; 11 – Houve aumento considerável no tempo gasto com deslocamento; 12 – A insatisfação é geral, tendo em vista que o Move metropolitano não funciona. 13 – Houve extinção de linhas; 14 – Fiscalização do DER não é eficiente. Há atrasos e frota sucateada.

MARCOS SILVESTRE MARCOS.SILVESTRE@METROJORNAL.COM.BR

VOCÊ É MESMO POBRE, OU ANDA ‘PENSANDO POBRE’?

Cruzadas

Herdeiro. Quando você era um bebê recém nascido, ainda lá na maternidade, seus pais chegaram ao pé de seu ouvido e disseram: “filho/a, nós te amos e queremos lhe dar tudo do melhor. Sabemos que um dia precisará de uma casa para morar: já compramos, passamos a escritura no seu nome. Ficará alugada enquanto não precisar usar, mas já está reserva para você. Sim, e tem também um carro na garagem. Quer dizer, não compramos o carro porque ficaria velho até lá, mas já reservamos o dinheiro certo no banco. Aliás, lhe deixamos uma boa quantia aplicada, para rentabilizar e pagar suas contas!” Pooobre! Muito provavelmente não foi assim. Seus pais lhe deram todo o amor e carinho que podiam dar, mas, não sendo ricos, não lhe deixaram patrimônio imobiliário ou financeiro expressivo. Em outras palavras: você não nasceu rico. E muita gente toma precisamente este ponto de sua história pessoal, nada menos que sua gênese neste mundo, para embasar um raciocínio tristemente fatalista: “Nasci pobre. Portanto, pobre sou. Tenho sonhos importantes (casa, carro, uma grande viagem...). Mas, pobre que sou, jamais terei o dinheiro para eles. Ou frustro estes sonhos (nããão!), ou tenho de fazer dívidas!”

GLAUCILENE SANTOS – SANTA LUZIA/MG

Metro Pergunta

Seis estádios ficarão sem wi-fi Siga o Metro grátis para os torcedores da no Twitter: Copa, incluindo o Mineirão. O @jornal_metrobh que você acha disso?

Pobre de marré. Há também outro jeito muito eficaz de pensar pobre: “Veja só meu salário! Ganho pouco demais! Com esta ‘miséria’ não dá para viver a vida que eu quero (e que tenho direito!). Então... bem... não há outro jeito: sou obrigado a fazer dívidas para complementar o salário.” Afinal, sou pobre.

@Alex22s

Enquanto isso, o Google está gastando bilhões com wi-fi grátis pro mundo inteiro.

“Solução”. Daí a pessoa ganha R$ 2 mil livres e diz que isso é muito pouco, que não dá (renda de pobre!). Justamente porque “não dá”, decide contrair dívidas cujas parcelas somadas dão R$ 1,5 mil. Destes R$ 1,5 mil, cerca de R$ 1 mil são repagamento do valor tomado emprestado, e nada menos que R$ 500 são juros puros, um dinheiro que a pessoa terá de entregar ao banco, mas cujo benefício concreto ela jamais experimentou. São R$ 500 de poder de compra que viraram pó com as dívidas!

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Sudoku

Resultado. Dos R$ 2 mil que a pessoa tinha de renda livre sobraram R$ 500. Daí ela chora ao lembrar de quando ainda tinha R$ 2 mil soltos no bolso. Pensou pobre? Empobreceu ainda mais! Quer algo de maior valor? Trate seu “salário de pobre” com respeito: economize, aplique, junte, ganhe juros e, quando tiver a grana pronta, compre à vista e com desconto. Pense rico e fuja das dívidas! Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www.oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Horóscopo

Está escrito nas estrelas

www.estrelaguia.com.br

A ansiedade em esclarecer assuntos no trabalho tende a ser maior e por isso deve aumentar o cuidado para não se exceder em impulsos.

Fique atento com as finanças e priorize despesas mais essenciais. Bom momento para refletir sobre gastos efetivamente úteis.

Atente-se para não se preocupar demais com objetivos distantes de resolver, e dê atenção ao que precisa ser resolvido com mais urgência.

Procure expressar mais as emoções, mesmo através de hobbies ou diversões. Exercitar ou aprender alguma habilidade artística fará bem.

A característica observadora – frequente em virginianos – estará acentuada, contribuindo para auxiliar pessoas e solucionar problemas.

O envolvimento com atividades culturais, religiosas, espirituais e que enriqueçam seus conhecimentos revitalizará suas energias.

Está propenso a resgatar lembranças e antigos sentimentos que servirão de inspiração e referência em decisões.

Possibilidades maiores para lidar com assuntos que envolvam algum tipo de cooperação e integração com outros grupos.

Período intenso para os assuntos íntimos e para a sexualidade na vida amorosa. Tenha mais cuidado e jeito para expor confidências.

Aproveite o dia para conversas com parentes e pessoas que há tempos não convive. Dia positivo para o entretenimento cultural.

Uma dedicação extra a amigos que mantinha distância será proveitosa. Também fará bem se dedicar a círculos sociais diferentes.

Tenha paciência com as diferenças nas relações. Muitas vezes divergências são capazes de aproximar mais até do que afastar.

Soluções


3 ESPORTE

|26|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Nadal bate Ferrer e avança na França Favorito. No saibro de Roland Garros, octacampeão despacha compatriota O bicho-papão do saibro Rafael Nadal sofreu no início para superar o também espanhol David Ferrer pelas quartas de final do torneio de Roland Garros. No final, 3 sets a 1 para o octacampeão, com parciais de 4/6, 6/4, 6/0 e 6/1. Ferrer equilibrou as ações no início, e fez frente ao rival e amigo Nadal, mas não conseguiu segurar o ritmo durante a partida. A partida parecia caminhar de maneira atípica quando o número 1 do mundo, jogando mal, perdeu o primeiro set. Ferrer, um dos principais especialistas em saibro no circuito, tentava chegar a sua segunda decisão de Roland Garros na carreira – em 2013, perdeu a decisão pa-

ra Nadal. Mas o melhor do mundo engrenou mesmo foi no quinto game do segundo set, quando, enfim, abriu uma quebra de vantagem, e venceu. No terceiro, o domínio de Nadal foi mais evidente, com seis games a zero em apenas 26 minutos. No quarto e decisivo set, mais inteiro no duelo, o atual campeão sacramentou a vaga para a semifinal. O adversário na próxima fase será o britânico Andy Murray, que venceu o francês Gael Monfils por 3 sets a dois (6/4, 6/1, 4/6, 1/6 e 6/0). A outra semifinal, definida na última terça-feira, será entre o sérvio Novak Djokovic e o letão Ernest Gulbis. METRO

Procura por entradas foi grande no Ibirapuera | NELSON ANTOINE/FOTOARENA

QUEM CHEGA HOJE

CHILE Quando chega? A seleção do Grupo B (junto de Espanha, Holanda e Austrália) chega hoje no Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte

Onde ficará? A equipe do meia Valdivia (foto) ficará hospedada no Hotel San Diego Pampulha, em Belo Horizonte (MG) e treinará na Toca da Raposa 2, CT do Cruzeiro

folga, Manoel será apresentado ao torcedor e companheiros de clube somente no retorno após a intertemporada nos Estados Unidos. De acordo com o diretor de futebol do clube, Alexandre Mattos, dois ou três jogadores devem ser negociados durante a pausa para a Copa do Mundo. Especula-se que Manoel chega para ocupar a vaga de Dedé ou Bruno Rodrigo, ambos na mira de muitos clubes. METRO BH

O Corinthians fez uma proposta de 3 milhões de dólares (cerca de R$ 6,3 milhões) pelo atacante paraguaio Angel Romero, do Cerro Porteño. E a oferta foi aceita. Ele já acertou as bases salariais com o time do Parque São Jorge. METRO

Tobio diz que já vê jogos do Palmeiras O zagueiro argentino Fernando Tobio, do Vélez Sarsfield, está perto de reforçar o Verdão, algo que ele mesmo confirma. O jogador até já tem acompanhado as partidas do Verdão mesmo sem ainda ter assinado contrato: “Estive acompanhando as últimas partidas. Há jogadores importantes no Palmeiras.” METRO Nadal tenta a sua nova vitória no saibro francês |GONZALO FUENTES/REUTERS

pais, torcedores passaram a madrugada nas filas. Mas quando os guichês abriram, só ingressos para jogos menores estavam disponíveis. Quem optou pela compra por via virtual garantiu as últimas vagas. As confusões foram bate-bocas, espertinhos furando fila e demonstrações de impaciência nas longas filas, logo contidas pela polícia. Nada mais grave foi registrado. Mesmo por computa-

dor, comprar as entradas não foi fácil. Quem resolveu dormir mais tarde para tentar adquirir um passe, deparou-se logo na abertura do período de vendas com uma “fila virtual”. Essa fila foi formada pelo excesso de internautas tentando acessar o site da Fifa. Com isso, não há mais bilhetes para jogos da Seleção Brasileira nem para a final, dia 13 de julho, no Maracanã. METRO

Manoel é oficialmente do Cruzeiro O zagueiro Manoel, ex-Atlético-PR, é o mais novo jogador do Cruzeiro. Ontem, a diretoria do clube estrelado confirmou a assinatura do contrato, mas não revelou o tempo de vínculo, bem como o valor investido nos 50% dos direitos econômicos do atleta. Especula-se que o Cruzeiro desembolsou cerca de 3,3 milhões de euros para contar com o defensor, um dos destaques do Brasileirão do ano passado. Como o time já está de

Cerro aceita proposta do Timão por Romero

Reforço?

Poucos ingressos e confusão A Fifa colocou 180 mil ingressos para todas as partidas do Mundial à venda desde às 0h de ontem. A procura foi grande e houve confusão em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília e Manaus. Em Porto Alegre não foram registrados tumultos. O motivo é que os torcedores podiam comprar os bilhetes nos postos credenciados ou pela internet. Na esperança de conseguir entradas para os jogos princi-

Ao ataque

Ops...

Com direito a gafe, São Paulo anuncia parceria O São Paulo anunciou ontem uma parceria com a Busca Serviços Digitais e oferecerá uma ferramenta no seu site para os torcedores buscarem produtos. O clube terá a porcentagem de 10% nas compras, que serão investidos no futebol. Durante o anúncio, porém, uma gafe: Renan Vilela, sócio da empresa, chamou o Tricolor de Esporte Clube São Paulo. O correto é São Paulo Futebol Clube. METRO

Toca II. Chile desembarca hoje em BH A seleção do Chile chega hoje à Toca da Raposa. A casa do Cruzeiro já está pronta para receber a equipe de Jorge Sampaoli. METRO BH

Zagueiro vestiu ontem a camisa estrelada | CRUZEIRO/DIVULGAÇÃO

Toca da Raposa está pronta para chilenos | CRUZEIRO/DIVULGAÇÃO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|27|◊◊

R10 completa dois anos de Galo e declara amor ao clube Atlético. Craque driblou olhares desconfiados e voltou a ser ídolo

A principal estrela do Atlético soprou velinhas ontem. No dia 4 de junho de 2012, o ídolo mundial chegou de forma silenciosa ao clube alvinegro após uma passagem turbulenta pelo Flamengo. Sob olhares desconfiados, mas muitos outros empolgados, o craque deu a volta por cima em Belo Horizonte e, como prêmio, conquistou a Libertadores, o maior título da história do Galo.

27

gols tem Ronaldinho Gaúcho com a camisa do Atlético em 83 partidas disputadas. O resultado do triunfo pode ser visto no dia a dia. Estrela do clube, por onde passa ele arrasta multidão e, craque que é craque, não poderia ser ingrato. Ontem, ao comemorar os dois anos de clube, Ronaldinho Gaúcho usou as redes sociais para expressar seu sentimento pelo Atlético. “Parece que foi ontem!! Já se passaram 2 anos dessa paixão. Muitos momentos bons e conquistas incríveis. O carinho dessa massa nesse tempo está sendo inacreditável. Valeu Galo!! Te Amo!!”. R10 treina diariamente e irá, juntamente com o grupo, para a China durante a Copa do Mundo. JUVERCY JUNIOR METRO BELO HORIZONTE

Craque no dia da apresentação oficial | BRUNO CANTINI/ATLÉTICO/ARQUIVO

Jogador é cercado pela torcida todos os dias | ANDRÉ BRANT/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

Moacir: ‘Meta foi alcançada’ A derrota no último minuto na partida de terça-feira contra a Portuguesa foi dolorosa. Entretanto, para o técnico Moacir Júnior, a meta foi alcançada, mesmo com a sequência de quatro

jogos sem vencer. Na vice-liderança da Série B, o Coelho só pode ser ultrapassado por Joinville e Luverdense. No pior cenário, o clube permanecerá no G-4 durante a pausa para a

Copa do Mundo. “Ficar no G-4 sempre foi o nosso objetivo. É nele que você terá o acesso para a Série A”, afirma o treinador americano, que deixou claro que pedirá reforços. METRO BH


|28|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Tem certeza? Alemanha e Portugal despontam como favoritas no grupo, mas Estados Unidos e Gana já mostraram que podem surpreender

Quem Seleções arrisca?

ALEMANHA Participações em Copas:

17

Grupo G Alemanha

x Portugal

(16/6 - 13h, Salvador)

Gana

Joachim Löw Neuer

x Estados Unidos

(16/6 - 19h, Natal)

Alemanha x Gana

(21/6 - 16h, Fortaleza)

Estados Unidos

Lahm

x Portugal

Mertesacker

(22/6 - 19h, Manaus)

Portugal

Khedira

x Gana

Boateng

(26/6 - 13h, Brasília)

Estados Unidos x Alemanha

Jansen

Schweinsteiger

(26/6 - 13h, Recife)

Götze Kroos

Esquema tático:

Özil

Müller

PORTUGAL

GANA

Participações em Copas:

Participações em Copas:

5

Técnico:

Todo so

s ogo sj

O Grupo G pode trazer surpresas ao final da primeira fase. Com uma seleção superior às outras e três de bom nível, a briga promete ser ponto a ponto. Tida como uma das favoritas ao título, a Alemanha traz um time forte e competitivo e terá a chance de vingar a derrota na final para o Brasil em 2002. Comandada por Schweinsteger, Lahm, Özil e Müller, os pupilos de Joachim Löw são favoritos à primeira colocação do Grupo G. Portugal aposta no número 1, Cristiano Ronaldo, para buscar a segunda vaga do grupo. A ótima fase do gajo pode ser o fator de desequilíbrio em favor dos lusos, mas não será nada tranquilo. Pela frente, terá concorrentes que costumam surpreender. Os Estados Unidos chegam com o pragmatismo do técnico alemão Jürgen Klinsmann, sempre bem postados e mostrando evolução a cada Copa. Historicamente são adversário difícil de ser batido. A Inglaterra é prova disso. Apenas empatou com os norte-americanos no Mundial passado. Em 2010 foram eliminados por Gana, nas oitavas. Equipe que estará novamente no caminho dos Estados Unidos. Os africanos trazem objetivos grandes para o Brasil. Isso porque, há quatro anos, pararam apenas nos pênaltis contra o Uruguai, nas quartas-de-final. Promessa de briga acirrada por uma vaga do grupo. METRO

Müller é uma das principais peças da poderosa Alemanha

AN GH

A

ESTADOS UNIDOS Participações em Copas:

9

IA TIO N

2

4-5-1

FO C OTBA ASSO LL

Asamoah quer pelo menos repetir desempenho de 2010

Dempsey é a referência no time norte-amerifcano

Técnico:

James Appiah Cristiano Ronaldo chega em sua melhor fase da carreira

Técnico:

Paulo Bento

Esquema tático:

4-4-2

Esquema tático:

Esquema tático:

Técnico:

Jürgen Klinsmann

4-5-1

Patricio

4-3-3

Howard

Dauda Opare

J. Pereira

B. Alves

Pepe Akaminko

Cameron

J. Boye

Gonzalez

K. Asamoah

Moutinho

Brooks

Coentrão

Meireles

Essien

Nani

Jones

Schlupp

Veloso

Dempsey

Muntari Boateng

Almeida C. Ronaldo

Beasley

Johnson

Altidore

Gyan Ayew

Bedoya Zusi


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|29|◊◊

África do Sul quatro anos após a Copa

Legado. País investiu muito dinheiro e teve vários resultados após sediar o campeonato mundial de futebol: uns agradáveis, outros não Para sediar a Copa do M u n d o de 2010, a África do Sul gastou mais de US$ 3 bilhões (segundo dados do jornal Whashington Times), incluindo US$ 1.3 bilhão em infraestrutura para transporte e US$ 400 milhões em melhorias de portos e aeroportos. “Conseguimos algumas estradas e estádios novos”, diz Aneil Manmohan, diretor nacional dos Embaixadores da Juventude e Desenvolvimento Comunitário. “Houve muita conversa sobre desenvolvimento do futebol, mas não vimos nenhum resultado.” A Copa do Mundo trouxe benefícios para a África do Sul além da infraestrutura. “Aproximou as pessoas, o que dá muita esperança para o país que ainda está dividido”, explica Peter Alegi, professor de His-

Estádios usados na Copa da África do Sul: antes e agora

Estádio da Cidade do Cabo é pouco utilizado hoje | WARREN LITTLE/GETTY IMAGES

tória na Universidade de Michigan, autor de livros sobre a África do Sul e o futebol. “Ao sediar um evento que aconteceu de forma eficiente e contou com construções de última geração, a África do Sul mostrou que pode competir em nível internacional”. Desde a Copa do Mundo, vários pequenos estádios foram reformados, indica o professor Alegi: outro ponto positivo. Contras Mas, a África do Sul gastou US$ 1.1 bilhão em estádios, incluindo US$ 440 milhões

em reformas do gigantesco estádio Soccer City, em Johannesburgo, que conta com 84.490 assentos e recebeu a final da Copa (assim como o funerário de Nelson Mandela). Agora o estádio fica a maior parte do tempo vazio, usado em concertos e ocasionais jogos de futebol. Times de futebol – que podem escolher onde vão jogar – não escolhem o Soccer City por ser difícil lotá-lo. O time mais popular da África do Sul só consegue preencher 15 mil assentos por jogo. METRO

FREE STATE STADIUM, BLOEMFONTEIN Antes: Usado na Copa do Mundo de Rugby (1995), sediou seis jogos da Copa. Agora: Hospeda o time de futebol Bloemfontein Celtic e a equipe de rugby Free State Cheetahs.

ELLIS PARK STADIUM, JOHANNESBURG Antes: Sediou sete jogos e a final da Copa de rugby entre África do Sul e Nova Zelândia, em 1995. Um acidente matou 43, em 2011. Agora: É casa do Orlando Pirates e jogos locais de rugby do Golden Lions.

NELSON MANDELA BAY STADIUM, PORT ELIZABETH Antes: Recebeu oito jogos da Copa, em 2010. Agora: Sede do time de rugby Eastern Province Kings e de exposições, em 2012.

MOSES MABHIDA STADIUM, DURBAN Antes: Em homenagem ao general Moses Mabhida, sediou a semifinal da Copa. Agora: Diminuiu de 62.760 para 54 mil o número de assentos e recebeu campeonato de golfe de 2012.

ROYAL BAFOKENG STADIUM, RUSTENBURG Antes: Sediou seis jogos da Copa. Agora: Recebeu sete jogos da última Copa das Nações Africana.

MBOMBELA STADIUM, NELSPRUIT Antes: Construído para a Copa do Mundo com assentos zebrados e suportes do teto com aparência de girafa. Agora: Sediou a semifinal da Copa das Nações de 2013 e jogos regulares de rugby.

PETER MOKABA STADIUM, POLOKWANE Antes: Nomeado em homenagem ao líder da Liga Jovem, sediou quatro jogos durante o Mundial. Agora: Recebe jogos intermitentes de futebol.

LOFTUS VERSFELD STADIUM, PRETORIA Antes: Em homenagem ao organizadorchave dos esportes da região. Sediou os primeiros jogos na Copa do Mundo, de 2010. Agora: Construído em 1906, é o coração do rugby, agora pertence ao Blue Bulls.

SOCCER CITY, JOHANNESBURGO Antes: Maior arena da Copa, com formato de vaso africano, recebeu a final do mundial e a última aparição de Nelson Mandela. Agora: Sede do Kaizer Chiefs e do time da África do Sul. Recebeu o funeral de Mandela.

CAPE TOWN STADIUM, CAPE TOWN Antes: Recebeu oito jogos da Copa. Agora: Teve a capacidade reduzida de 64.100 para 55 mil lugares. O parque construído nos arredores transformou a região em área verde.


|30|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

‘Presença de torcedor atrapalha’ Corneta. Zagueiro Thiago Silva critica presença ‘extra’ na Granja Comary e afirma que isso atrapalhou primeira semana de treinos Capitão da Seleção Brasileira, o zagueiro Thiago Silva afirmou ontem, na Granja Comary, que não gostou da presença de torcedores no quartel-general do Brasil durante os treinamentos para a Copa do Mundo. “No último coletivo, o Neymar passou por mim, eu fiz a falta e ele gritou. Aí um torcedor gritou: ‘Calma, Thiago!’. Eu ia pedir para ele ficar quieto porque na Europa não temos o costume de treinar com torcida, isso atrapalha. Mas fiquei quieto”, contou o camisa 3. Na semana passada, al-

guns treinos foram acompanhados por pessoas trazidas por patrocinadores da Seleção e até por torcedores comuns, moradores de Teresópolis – cidade onde fica a Granja Comary. Poupado do amistoso contra o Panamá, quarta-feira, em Goiânia – o Brasil venceu por 4 a 0 –, o capitão afirmou estar preparado para atuar contra a Sérvia, amanhã, no Morumbi. Será o último jogo da Seleção antes da estreia no Mundial, dia 12, contra a Croácia, no Itaquerão. “Estou me sentindo bem,

foram três dias de treinamento que fizeram bem não só para mim, mas para o Fernandinho e para o Paulinho [outros que foram poupados] também. Ontem, no treinamento, eu estava me sentindo bem, fiz coisas que não estava acostumado a fazer, que me faziam sentir cansaço.” Questionado se já se imagina levantando a taça de campeão da Copa no dia 13 de julho, data da final, Thiago Silva não deixou dúvidas: “Se eu falar que não pensei, estarei mentindo”. METRO

Inglaterra e Itália empatam; Holanda e Argentina vencem Possível rival do Brasil nas oitavas de final, a Holanda venceu ontem a Seleção de País de Gales por 2 a 0, em amistoso disputado em Amsterdã. Robben e Lens anotaram os gols da equipe laranja, que fez seu último jogo antes do Mundial. Também ontem, a Argentina passou por Trinidad e Tobago por 3 a 0 em Buenos Aires. Tropeços Italianos e britânicos não conseguiram nada além de empates em seus testes antes da Copa. Em Perugia, os tetracampeões ficaram no 1 a 1 com Luxemburgo. O goleiro Buffon, o volante Pirlo e o atacante Balotelli, principais nomes do time, foram escalados. Mas quem fez o gol da Azzurra foi o meia Marchisio. Já a Inglaterra empatou por 2 a 2 com o Equador em Miami, nos EUA. Rooney e Lambert anotaram os gols da equipe europeia. Uma confusão envolvendo o atacante Sterling e o volante Valencia marcou o jogo. O inglês deu um carrinho no equatoriano, que agarrou o rival pelo pescoço. Ambos foram expulsos. METRO

Robben comemora gol com Lens | TOUSSAINT KLUITERS/UNITED PHOTOS/REUTERS

Marchisio fez o gol italiano

Mascherano anotou para a Argentina

| PAOLO BRUNO/GETTY IMAGES

| MARTIN ACOSTA/REUTERS

Thiago Silva ‘cornetou’ presença da torcida | ALEXANDRE LOUREIRO/VIPCOMM


20140605_br_metrobh  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you