Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica Belo Horizonte Gráfica e Editora.

MAIOR E AINDA MAIS FEROZ, ‘GODZILLA’, O ‘REI DOS MONSTROS’ ESTÁ DE VOLTA PÁG. 14 O B E LO H ,

TE R I ZO N

-feira Quinta io de 2014 rain a snow o 3 n 15 dsuennm y º 646, a n o Ediçã

www.readmetro .com | leitor.bh@ metrojornal.com .br |

partly sunny

cloudy

sleet

thunder

ny/ part sun showers

thunder showers

°C MÍN: 13 °C MÁX: 27

www.facebook.co

m/metrojornal |

hazy

showers

@jornal_metrobh

Possibilidade de protesto causa apreensão em BH Manifestação. Hoje é o Dia Internacional de Protestos contra a Fifa e expectativa é que milhares de pessoas ocupem ruas da capital. Mensagem alertando para possíveis embates entre PM e Black Blocs causa onda de tensão nas redes sociais PÁG. 02

Oposição boicota CPI da Petrobras Base do governo Dilma irá assumir os trabalhos, enquanto oposição terá só um integrante na comissão PÁG. 06

Mais de 44 mil pagantes lotaram o Gigante da Pampulha e fizeram uma linda festa, mas deixaram o estádio frustrados, assim como o atacante Marcelo Moreno

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Cruzeiro se despede da Copa Libertadores

| DUDU MACEDO/FOTOARENA

Decepção no Mineirão. Raposa sofre gol logo no início, pressiona até o fim, mas só empata com o San Lorenzo, que havia vencido o primeiro jogo na Argentina PÁG. 16

w


1 FOCO

|02|

Tensão compartilhada Militares afirmam estar mais equipados e preparados do que em 2013 e pregam tolerância zero contra vândalos | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

GILMAR LUCIANO Porta-voz da Polícia Militar. Como a PM atuará hoje? Realizamos intenso treinamento e estamos preparados para agir dependendo do que acontecer. Há um discurso para esvaziar as manifestações? A PM pensa que o brasileiro respira e transpira liberdade. Cabe a cada um tomar a decisão e optar pelo o que vai fazer, onde e como vai fazer. Se entender que deva participar, a PM vai protegê-la. Se preferir não se misturar com black blocs e bardeneiros, também respeitaremos. André Vargas

Retorno à Câmara

O deputado André Vargas (SP) reassumiu ontem o mandato na Câmara. Ele havia se afastado em 7 de abril após denuncias de ligação com o doleiro Alberto Youssef, preso pela Polícia Federal. O político responde a processo no Conselho de Ética por quebra de decoro parlamentar.

O clima de tensão é bom? Indiferente, cada um vai tomar a sua decisão. TR

Análise política CARLOS LINDENBERG LINDENBERG@BAND.COM.BR

Cotações Dólar - 0,31% (R$ 2,20) Bovespa + 0,94% (54.413 pts) Euro - 0,17% (R$ 3,03) Selic (11% a.a.)

Salário mínimo (R$ 724)

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Carlos Lindenberg é colunista do jornal Metro e comentarista da TV Band Minas. Escreve neste espaço às quintas-feiras.

Expectativa. Protesto nacional contra Copa deixa cidade apreensiva A promessa da primeira mobilização internacional contra a Copa do Mundo neste ano, somada ao discurso da Polícia Militar de tolerância zero contra o vandalismo, tornou o dia tenso e cercado de expectativa. O ato na capital mineira está programado para começar hoje, a partir das 17h, na Praça Raul Soares, e se estender por toda a noite na avenida Afonso Pena, no Centro de BH. Uma mensagem compartilhada à exaustão por rede social deu o tom de como será o clima. Sugerindo “al-

ta probabilidade de confronto entre black blocs e PM”, o aviso viral pede que todos os belo-horizontinos evitem a região Central da cidade. Os militares garantem que estão mais equipados e treinados do que no ano passado para enfrentar qualquer tipo de protesto. A corporação anunciou aquisição de um verdadeiro arsenal de armamentos chamados não letais – granadas (luz e som, efeito moral) e armas de impulso elétrico, entre outros. “O Estado, através da segurança pública, trabalha

na perspectiva da repressão e do medo, nunca na prevenção e mediação de conflitos. É ilusão achar que manifestação popular não terá algum tipo de violência, que deve ser punida, assim como algum excesso do policial. A lei deve ser aplicada de forma isonômica”, diz o especialista em segurança pública e coordenador do Núcleo de Estudos Sociopolíticos da PUC, Robson Sávio Reis.

Repercussão

“será que amanha (hoje) vai ter protesto em bh? queria poder ir se tiver.”

“pura hipocrisia, as pessoas buscam ordem e progresso pra si próprias, não em conjunto, a não ser pra aparecer na TV.”

@jornal_metroBH

“Sério que amanhã vai ter protesto contra a fifa no brasil todo? E aqui em bh ta previsto pras 17:00??.” Babi (@luallforyou)

Christian (@_fromchr1s)

“Amanha (hoje) vai ter protesto em bh, eu apoio nao quero copa.” Bruna Maia (@Brumaaia)

JÁ SE ESTRANHARAM A retirada da propaganda do pré-candidato do PSDB ao governo do Estado, Pimenta da Veiga, do facebook, a pedido do PT, é o primeiro dos provavelmente muitos incidentes que ocorrerão no transcorrer dessa campanha que nem ainda começou. E mostra que os dois partidos, o PT e certamente o PSDB, estarão mais do que vigilantes numa eleição que será polarizada pelos ainda pré-candidatos Pimenta da Veiga e Fernando Pimentel, ambos ex-prefeitos de BH e ex-ministros de Estado, em governos de seus respectivos partidos – Pìmenta, no de FHC e Pimentel, no de Dilma. Na terça-feira, por sinal, os dois pré-candidatos já começaram a se estranhar. Solidário com a presidente Dilma, que veio a Minas para dar ordem de início às obras de duplicação da BR-381, Pimentel ocupou os microfones da BandNews para a defesa de sua ex-chefe e atacou o governo do Estado, que no dia anterior respondera com firmeza à provocação feita por Dilma, em Ipatinga, ao rebater críticas de que

THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

Leandro (@buddhazilla)

“para chegar em casa terei que fazer uma bela manobra.” Guilherme Rodrigues (@BM2913)

PAULO ROCHA Participante da Assembleia Popular Horizontal. O que está programado? Dia 15 de maio é uma data especial porque foi o início do movimento conhecido como Indignados, responsável por uma série de protestos na Espanha, em 2011. Nós e outros movimentos resolvemos fazer um ato para manter nossa sinergia e ainda houve a convocação do Dia Internacional de Lutas contra a Copa. Terá participação de black blocs no protesto? Isso é boato, apesar de não sermos contra os adeptos de black bloc. Há um movimento para criminalizar todos os manifestantes. TR

a obra estava com atraso. Como de outra feita, Pimentel responsabilizou o governo do Estado pelo baixo investimento da União em Minas, dizendo que, ao contrário de outras regiões, Minas não apresentou projetos para serem financiados pelo governo federal, direta ou indiretamente. Pimenta saiu em defesa do governo mineiro e atacou a presidente pelo “descaso” com Minas Gerais, cutucou seu adversário Fernando Pimentel e não poupou o PT naquilo que os tucanos mais gostam, o mensalão. A retirada do que a justiça eleitoral considerou propaganda fora de hora de Pimenta pelo facebook e a resposta de Pimentel às críticas à presidente pela demora no início da duplicação da 381 deram, assim, o tom do que poderá ser a campanha eleitoral. A rigor os dois pré-candidatos estão mais preocupados é com a formação de coligações, composição de chapas, contatos com lideranças do interior do Estado e menos com o corpo a corpo que será inevitável após as convenções, em junho, e passados os jogos da Copa. A partir daí deve começar o tiroteio, que atingirá seu clímax com a entrada no ar do horário eleitoral e com os debates na televisão – sobretudo os da Band.

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 031/3508.5720

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

leitor.bh@metrojornal.com.br 031/3508.5719

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos, Campinas e Grande Vitória, somando 510 mil exemplares diários.

Metro Belo Horizonte. Gerente executivo: Cássio Mota. Editor-Executivo: Juvercy Júnior (MTB: 12.331) Editor de Arte: Cláudio Machado Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas Diretor Geral: José Saad Duailibi. Diretor de Jornalismo: Júlio Prado

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, CEP 30350-453, Belo Horizonte, MG. Tel.: 031/3508.5720. O jornal Metro é impresso na Belo Horizonte Gráfica e Editora. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 40.000 exemplares


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Greve continua e 50% dos alunos ficam sem aulas Servidores municipais. Em assembleia realizada ontem, categoria rejeitou outra proposta. Nova reunião está marcada para o dia 20 Quase 70% das escolas públicas já estão afetadas total ou parcialmente pela greve dos servidores municipais, iniciada no dia 6 de maio. Ontem, em assembleia que reuniu também os trabalhadores das áreas da saúde, assistência social e limpeza urbana, entre outras, a categoria decidiu manter os braços cruzados após rejeitar outra proposta apresentada pela prefeitura. A administração manteve a proposta de 5,6%, mas adiantou a previsão do novo pagamento de outubro para setembro e prometeu mais R$ 1 no vale alimentação. A oferta, porém, não satisfez os gre-

2 mil

servidores protestaram na PBH, interditando uma faixa da av. Afonso Pena por uma hora vistas, que pedem 15% de reajuste e aumento de R$ 17 para R$ 28 no benefício. A PBH informou que vai manter a proposta, mas segue aberta à negociação. Uma nova reunião está marcada para o dia 20. A área mais afetada é a educação. Das 6.642 turmas do ensino fundamental e da educação básica, 3.375 estão sem aula (50,8%). Além dos es-

tudantes, os pais também lamentam prejuízos. “Recusei um emprego, pois não ia ter com quem deixar os meninos”, contou Cristiane Pereira, mãe de dois alunos, de 4 e 10 anos. “Nós sempre repusemos as aulas, nossa categoria tem essa tradição”, ressaltou a professora e sindicalista Maria da Consolação Rocha. Também ontem, os servidores estaduais da saúde realizaram assembleia e anunciaram greve a partir do dia 27. Eles cobram reajuste de 20%, revisão do plano de carreira e redução da jornada de 40 para 30 horas semanais. TV BAND MINAS

|03|◊◊

Passagem de ônibus. Justiça mantém novo preço da tarifa

Grevistas fizeram assembleia e passeata no Centro

| FREDERICO HAIKAL/FUTURA PRESS

Em decisão anunciada ontem, o desembargador Judimar Biber, do TJMG (Tribunal de Justiça de Minas Gerais) negou o recurso do Ministério Público, que questiona os critérios e dados analisados na auditoria realizada pela BHTrans nas contas das empresas concessionárias do transporte público – o estudo fundamentou o reajuste das passagens de ônibus na capital. Com isso, fica mantido até segunda ordem o novo valor da passagem, em vigor desde o último sábado. As tarifas tiveram aumento médio de 7,5%. METRO BH

R$ 2,85 Servidores estaduais da saúde também protestaram | SAMUEL COSTA/FUTURA PRESS

é o novo preço da passagem paga pelos belo-horizontinos nas linhas mais utilizadas, que custavam R$ 2,65.


|04|

{FOCO}

Escravidão

Minas tem 446 trabalhadores resgatados Minas é o Estado com mais trabalhadores em condição análoga à escravidão resgatados pelo Ministério do Trabalho. Em 20 ações, 446 pessoas foram resgatadas no ano passado. METRO BH

Comunicado recomenda utilização de “caixas box, caixas duras e galões”

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Sem material, prefeitura pede ‘criatividade’ Saúde. Postos da capital sofrem com a falta de recipientes para coleta de resíduos. Secretaria promete acelerar fornecimento. Funcionários dos postos de saúde da capital estão precisando “improvisar” na hora de coletar itens perfurocortantes com potencial de contaminação, como agulhas, seringas e ampolas. O motivo é a falta de contrato para a aquisição do Descarpack, recipiente específico para o descarte de materiais hospitalares. Em nota, a prefeitura admitiu a situação, mas prometeu esforços para regularizar o fornecimento. A situação foi denunciada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais. Em comunicado revelado pela entidade, a Gerência de Atenção à Saúde da Regional Centro-Sul recomenda que funcionários “usem a criatividade” e diz que “não há previsão de compra para a campanha [de vacinação da gripe]”. Ontem, a Secretaria de Saúde alegou que há erros no comunicado e garantiu que

15 mil

unidades do recipiente serão fornecidos pela empresa Efetive Produtos Médicos, garantiu a prefeitura em nota oficial. a situação será resolvida, no máximo, até o dia 28 de maio. Segundo a pasta, uma licitação foi realizada, mas a empresa vencedora (Tríade Farmacêutica Ltda.) apresentou irregularidades na documentação fiscal e se mostrou incapaz da de atender à demanda em função da quantidade insuficiente do material. A pasta informou que a segunda colocada na licitação (Efetive Produtos Médicos e Hospitalares) já foi contratada e retirou nota de empenho. “A secretaria está negociando para antecipar a entrega”, ressaltou. METRO BH

Acidente na pista do Move Sem controle, um carro invadiu a busway da av. Antônio Carlos, deixando quatro pessoas feridas e destruindo um ponto de ônibus. A batida ocorreu próximo à UFMG. Segundo a polícia, o motorista precisou desviar para não atropelar uma mulher que atravessava fora da faixa de pedestre. | MARCELO PRATES/FUTURA PRESS


|06|

Com boicote, CPI da Petrobras é criada

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

‘CONTRABANDOS’ INFESTAM MP QUE DILMA TORNOU LEI. Além de

transformar em lei o “contrabando” que livrou a montadora coreana Caoa Hyundai de pagar R$ 1 bilhão em impostos por ano até 2020, a presidenta Dilma fechou os olhos para outros dispositivos, sem qualquer pertinência com a temática original, enxertados na medida provisória nº 627. A farra livrou ricaços de pagar impostos sobre aplicações financeiras, isentou de tributos fabricante e importador de máquinas e implementos e até parcelou débitos de criadores de cavalo.

“É CONVERSA, É TERRORISMO DELES.” EDUARDO CAMPOS (PSB) AO COMENTAR A INSINUAÇÃO DO PT SOBRE O FIM DO BOLSA-FAMÍLIA

tornou lei um enxerto com endereço certo: prevê apuração de “ganho de capital” por empresas inativas desde 2009. REINO DO LOBBY. O mes-

Dilma Roussef | VANESSA CARVALHO / BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

MP COMPLACENTE. Além da Hyundai, a japonesa Mitsubishi também foi beneficiada por artigos malandros enxertados na MP 627, e sancionados por Dilma. JABUTI NA ÁRVORE. Contrabando curioso, transformado em lei na MP 627, anistia débitos de PIS/Cofins de “cooperativas de serviços culturais”. Humm... FECHADA, MAS LUCRANDO. A MP 627 também

mo governo, tão generoso com grandes grupos empresariais, continua implacável ao aumentar impostos dos cidadãos comuns.

EMPRESA DÁ CALOTE EM 7,4 MIL TERCEIRIZADOS. A

empresa PH Service fechou as portas e seus responsáveis sumiram sem dar explicações aos 7.437 funcionários terceirizados de 17 órgãos públicos de Brasília, como Itamaraty e Palácio do Planalto. O Ministério da Fazenda prometeu aos seus 400 contratados da PH que receberão salários atrasados, vale-transporte e vale-refeição, recorrendo, claro, ao bolso do contribuinte. Procurada, a PH não respondeu às ligações.

PODER SEM PUDOR

De frente com Viana O marechal Eurico Gaspar Dutra fazia campanha presidencial de 1945, em Belo Horizonte, acompanhado do senador Mello Viana. No palanque, a certa altura, Viana elevou as mãos e pediu a Deus que Dutra fosse eleito. Padre Dutra, xará do marechal, mas eleitor do brigadeiro Eduardo

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

Gomes, comentou a cena com Milton Campos: - Nossa, dr. Milton... que coisa horrorosa! O senhor precisava ver a cara do Mello Viana, dirigindo-se a Deus. Milton Campos foi além: - Eu queria mesmo era ter visto a cara de Deus. Deve ter levado um susto...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

Fim da novela. Oposição tem só um integrante. Graça Foster será a primeira depoente Concebida em 27 de março, a CPI da Petrobras no Senado fez ontem, finalmente, a primeira reunião. Como previsto, a base governista assumiu o controle dos trabalhos. O senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) foi eleito presidente e o senador José Pimentel (PT-CE), líder do governo no Congresso, o relator. Autora do pedido de investigação, a oposição -- que tem direito a 3 titulares e 2 suplentes -- indicou apenas o senador Cyro Miranda (PSDB-GO). A decisão foi tomada prevendo apostar na comissão formada por deputados e senadores. Ontem, PTB, PR e Pros fizeram indicações para a CPI mista. Com isso, já são 19 integrantes, dois a mais do que o número mínimo de para o início dos trabalhos. A primeira reunião hoje depende de convocação pelo senador Rubens Figueiró (PSDB-MS), 83, participante mais velho. Nem PT nem PMDB fizeram as indicações. O prazo termina somente na próxima quinta-feira. Os partidos aliados tentam adiar o ínicio dos trabalho para o início de junho, as vésperas da abertura da Copa do Mundo.

Cronograma A CPI do Senado aprovou ontem 74 requerimentos, que incluem compartilhamento de investigações em curso na Petrobras, Controladoria Geral da União e Polícia Federal e convocação de autoridades. A presidente da Petrobras, Graça Foster, será a primeira a ser ouvida, na próxima terça-feira. O ex-presidente da estatal José Sérgio Gabrielli depõe na quinta-feira. A CPI terá 180 dias para apresentar as conclusões sobre a denúncia de superfaturamento na compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, irregularidades em contratos de refinarias e a falta de equipamentos de segurança em 120 plataformas da Petrobras. O relatório final só deverá ficar pronto após o segundo turno das eleições. Primeira derrota A oposição apresentou um requerimento para ouvir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre as denúncias contra a Petrobras. Apenas Ciro Miranda votou a favor. “Em nenhum momento o nome do ex-presidente Lula foi citado”, justificou o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE). METRO BRASÍLIA

Refinaria estará no centro das investigações | DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA PETROBRAS

‘Cenário era promissor’, afirma Guido Mantega O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou ontem que a entrada no mercado norte-americano era justificativa suficiente para a compra da refinaria de Pasadena. “Em 2006, o mercado era promissor, com a demanda por petróleo em expansão” disse, em audiência na Câmara. Atual presidente do Conselho de Administração da Petrobras, o ministro afirmou ter certeza que houve debate antes de viabilizar o negócio. “Não era conse-

lheiro na época, mas tenho certeza de que houve um resumo executivo, como é costume fazer, e um debate a respeito, como é normal nas aquisições”, frisou. Mantega revelou que, logo que entrou no conselho, foi contra a compra da segunda metade da refinaria. O ministro informou que Pasadena deu US$ 50 milhões de lucro no ano passado, mas a avaliação de que foi um bom negócio depende de tempo e da mudança de cenários econômicos. METRO BRASÍLIA

Pedidos de refúgio no país crescem mais de 9 vezes O número de pedidos de refúgio no Brasil cresceu 9,2 vezes. Em 2010, o país recebeu 566 solicitações. No ano passado, foram 5,2 mil. Os números foram divulgados ontem pelo Conare (Comitê Nacional para os Refugiados), Segundo o estudo, o Brasil abriga atualmente 5.208 pessoas, de 80 nacionalidades. Os números, no entanto, não incluem os 21 mil haitianos que estão em território brasileiro, embora eles tenham solicitado refúgio oficialmente. Os homens respondem pela maioria das solicitações. Só 34% dos pedidos são de mulheres. METRO

QUANTIDADE DE PEDIDOS 6 QUANTOS PEDIRAM

5.256

DE ONDE ELES VÊM (EM 2013)

BANGLADESH

SENEGAL

LÍBANO

SÍRIA

1.837 4.000

961 2.008

2.000

320

1.138 566

256

0

2010

2011

2012

2013

FONTE: CONARE (COMITÊ NACIONAL PARA OS REFUGIADOS)


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Governo suspende 161 planos de saúde ANS. Proibição de vendas em todo o país vale a partir da próxima sexta. Punição é por descumprimento de prazos e por negação de atendimento, de acordo com a agência A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) anunciou ontem a suspensão da venda, por três meses, de 161 planos de saúde de 36 operadoras. A medida vale a partir da próxima sexta-feira e foi tomada por descumprimento de prazos de atendimento, além de negativas indevidas de cobertura. Do total, 132 planos foram suspensos a partir do

novo ciclo de monitoramento da garantia de atendimento ao consumidor. Outros 29 já estavam com vendas proibidas e permaneceram na lista por não terem alcançado a melhoria necessária para serem liberados para venda. A lista completa pode ser acessada no site www.ans.gov.br. Esse é o 9° ciclo de monitoramento anunciado pela agência, feito a cada

|09|◊◊

{ECONOMIA}

três meses, há mais de dois anos. No ciclo atual, também foram reativados 82 planos de 35 operadoras. Os 161 planos suspensos atendem 1,7 milhão de be-

1,7 mi

de pessoas são atendidas pelos planos de saúde suspensos pela ANS em todo o país.

neficiários. A medida, porém, não afeta o atendimento às pessoas que já usam os planos de saúde atingidos, apenas impede a inclusão de novos clientes. As suspensões de planos são resultado de 13.079 reclamações recebidas entre 19 de dezembro de 2013 e 18 de março de 2014, a respeito de 513 operadoras. Desse total, a agência obteve 86,3% de resolução

NOVA SUSPENSÃO DE VENDAS 1,7 161 36

TOTAL DE OPERADORAS

TOTAL DE PLANOS

BENEFICIÁRIOS ATENDIDOS MILHÃO

OPERADORAS COM MAIOR NÚMERO DE PLANOS SUSPENSOS Quantidade de beneficiários UNIMED PAULISTANA ALLIANZ SAÚDE GREEN LINE SIST. DE SAÚDE UNIMED GRANDE FLORIANÓPOLIS VIVA PLANOS DE SAÚDE

Número de produtos suspensos

35

475.909 170.878 198.366 42.245 63.375

11 10 10 9

O QUE DETERMINA A REGRA SOBRE AGENDAMENTO

na mediação de conflitos, deu critérios transparentes as (em incertezas sem necessidade de aber- que reduzam Tipoa de serviço Prazo máximo dias úteis) tura de processos adminis- das operadoras no procesConsulta básica (pediatria, clínica médica, so de apuração 7 das reclatrativos. “Com o monitoracirurgia geral, ginecologia e obstetrícia) mações dos usuários. O temento, estamos induzindo Consultaqualificação nas demais especialidades uma impor- ma está14sendo discutido em um grupo técnico criado tante do mercado e donutricionista, Consulta/sessão com fonoaudiólogo, 10 psicólogo,que terapeuta fisioterapeuta pela ANS.  papel as ocupacional, operadoras A entidade diz ainda desempenham”, Consulta e procedimentosdisse realizadosoem 7 consultório/clínica com cirurgião-dentista ministro da Saúde, Arthur que, no Brasil, o prazo paao benefiChioro. Serviços de diagnóstico por laboratório ra atendimento 3 deEm análisesnota, clínicas em ambulatorial ciário na saúde privada é a regime FenaSaú(como exames de sangue) de (Federação Nacional de um dos mais restritivos do Demais serviços de diagnóstico e terapia mundo.10 METRO Saúde Suplementar) defenem regime ambulatorial Procedimentos de alta complexidade, como tomografia computadorizada e hemodiálise Atendimento em regime de hospital (dia de internação em hospital psiquiátrico) Atendimento em regime de internação eletiva (programada com antecedência) Urgência e emergência Consulta de retorno

21 10 21 Imediato A critério do médico

FONTE: ANS

“Não falo em aumento de preço, não se deve anunciar aumento, deve-se fazer” “Há uma melhoria gradual na nossa economia” “No próximo ano, a energia será mais barata ”

Ministro participou ontem de audiência na Câmara |ANTONIO CRUZ/ABR

Mantega diz que governo não segura preços O ministro da Fazenda, Guido Mantega participou ontem audiência pública na Câmara. Por mais de cinco horas, ele falou aos deputados sobre o atual cenário econômico, além da compra da refinaria de Pasadena pela Petrobras. Represamento de preços Mantega negou que o governo segure preço de energia, gasolina e outros preços administrados. Segundo ele, todos os anos a gasolina subiu mais que a inflação, numa média de dois reajustes por ano. Sobre os preços administrados, Mantega disse que o governo vem reajustando remédios, loterias e energia, onde o aumento tem chegado a 20%. “Onde é que está o represamento de preços?”, respondeu, ao ser questionado sobre

a entrevista do ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, ao jornal “Folha de S. Paulo”, na qual diz que o governo tem segurado preços para evitar pressões inflacionárias. Reajuste da gasolina Segundo Mantega, não é recomendado que se façam reajustes no preço da gasolina “correndo atrás do câmbio”, que influencia que a paridade com o mercado internacional do petróleo seja atingida. “Não falo em aumento de preço, não se deve anunciar aumento, deve-se fazer”, afirmou o ministro, um dia após a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, defender o aumento de combustíveis. Tarifa de energia Ele disse que, em 2015, os

preços das tarifas vão recuar devido à maior oferta de energia mais barata das concessões de geração que vão vencer. Neste ano, o acionamento das termelétricas elevou os custos do setor e impactou nas tarifas. “Não há falta de energia. Falta água em alguns lugares, mas não energia.” Petrobras Mantega disse ainda que foi contra a compra pela Petrobras da segunda metade da refinaria de Pasadena, no Texas (EUA), mas, segundo ele, a aquisição inicial, em 2006, foi acertada. Ele também afirmou que não pôde fazer nada quanto à segunda parte da compra porque houve uma decisão de cortes internacionais. Segundo o ministro, os

investidores da estatal não devem se deixar influenciar pela volatilidade do mercado. “Aqueles cidadãos que compraram ações da Petrobras compraram um ativo da mais alta valorização. É um ativo que está lastreado em reservas que só aumentaram.” Melhora gradual do PIB Mantega disse que perspectivas para a economia brasileira são de uma melhora gradual nos próximos anos. Segundo ele, a recuperação da economia internacional está sendo mais lenta do que o previsto. “A boa notícia é que podemos dizer que a crise já está sendo superada. Mas é uma transição dolorosa para todos os países envolvidos nisso”, reconheceu. METRO


|10|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

Morte de 274 gera protestos na Turquia Tragédia. Premiê foi hostilizado ao visitar mina que explodiu na terça-feira. Segundo ele, ‘explosões assim acontecem sempre’, comentário que revoltou multidão na cidade

Polícia dispersa protesto em Istambul (acima); abaixo, vítima é resgatada | REUTERS

Crise. Rebeldes ficam fora de conversas na Ucrânia Políticos ucranianos e grupos de direitos civis se reuniram ontem para conversações sobre como pôr fim à rebelião pró-Rússia no leste do país. Os debates, entretanto, deixaram de fora os separatistas, levantando dúvidas sobre os resultados potenciais do encontro. As negociações reúnem ministros, líderes de partidos políticos, candidatos da eleição presidencial prevista para 25 de maio, representantes de empresas e funcionários de governos regionais, que buscam métodos para compartilhar o poder e permitir mais autonomia local. Em um comunicado conjunto, o premiê Arseny Yatseniuk e o presidente interino, Oleksander Turchinov, disseram que estão “prontos para conversar com todos que tenham objetivos políticos legítimos e estejam prontos para persegui-los por meios legais, com aqueles que

O pior acidente industrial na história da Turquia, que matou ao menos 274 pessoas após a explosão de uma mina de carvão em Soma, a cerca de 480 km de Istambul, gerou protestos violentos ontem em várias cidades. Em Istambul, a polícia disparou gás lacrimogêneo e jatos de água para dispersar manifestantes que pediam a renúncia do governo. Alguns usavam acessórios de mineiros. Ao visitar o local do acidente, ontem, o premiê Recep Tayyip Erdogan foi vaiado e hostilizado. Ontem no

EUA

EUA condenam homem à morte Um homem que planejou matar o presidente dos EUA, Barack Obama, foi condenado ontem à pena de morte. METRO Síria

850 morreram em prisões Turchinov e Yatseniuk durante conversas | ANDREW KRAVCHENKO/REUTERS

não tenham sangue em suas mãos”. Momento crítico A rodada acontece em um momento crítico para Kiev. Na terça-feira, sete soldados foram mortos em um ataque perto da cidade de Kramatorsk, no leste da Ucrânia, o mais grave contra as forças de segurança enviadas em abril para combater o levante favorável a Moscou. METRO

A Síria disse ontem que ao menos 847 pessoas morreram em prisões do regime de Damasco este ano. Quinze eram menores. METRO 11 de Setembro

NYC inaugura memorial Um museu com peças de vítimas do ataque será aberto hoje, com a presença do casal Obama. METRO

começo da tarde (horário de Brasília) ele disse que cerca de 120 homens ainda estavam presos na mina. “De acordo com os primeiros indicadores, 238 de nossos trabalhadores perderam a vida e 80 ficaram feridos”, acrescentou. O número foi revisto mais tarde. “Nós, como nação de 77 milhões de pessoas, estamos sentindo uma dor muito grande”, disse o premiê. Erdogan pareceu na defensiva ao ser questionado se foram tomadas precaucões suficientes na mina. “Explosões como esta acon-

tecem o tempo todo nestas minas. Não é algo que não acontece em outros lugares do mundo”, disse ele, citando uma lista de acidentes em minas desde 1862. Resgate A esperança de encontrar mais sobreviventes diminuiu ontem. A empresa que opera a mina, Soma Komur Isletmeleri, afirmou ontem que quase 450 mineiros foram resgatados do local e que as mortes foram causadas pela inalação de monóxido de carbono, mas que a causa do aci-

dente ainda não está clara. Relatos iniciais indicaram que uma falha elétrica causou o incêndio. Apesar do rápido crescimento econômico ao longo da última década, a Turquia ainda tem um dos piores históricos de acidentes de trabalho do mundo. Em 2012, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) avaliou o país, que pleiteia uma vaga na UE, como o terceiro pior do mundo no quesito mortes no ambiente de trabalho em 2012. METRO E AGÊNCIAS

Nigéria recusa libertar militantes por meninas O governo da Nigéria rejeitou ontem a ideia de libertar militantes islâmicos detidos em troca das mais de 200 meninas raptadas pelo grupo extremista islâmico Boko Haram em abril. A declaração foi feita pelo ministro britânico Mark Simmonds. Segundo ele, o presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan, “deixou bem claro que não haverá negociações com o Boko Haram que envolvam uma troca de estudantes sequestradas por presos”. Simmonds, que atua como representante da chancelaria britânica no continente africano, se reuniu com Jonathan em Abuja. Na segunda-feira, o líder do Boko Haram, Abubakar Shekau, exigiu em um vídeo a soltura de militantes como condição para libertar as garotas. Na terça-feira, o governo nigeriano chegou a dizer que está disposto a dialogar

Manifestantes pressionam governo a libertar crianças | AKINTUNDE AKINLEYE/REUTERS

com o grupo para obter a libertação das adolescentes. Ontem à noite, militantes do Boko Haram mataram quatro soldados nigerianos em uma emboscada em Maiduguri, capital e maior cidade do Estado de Borno, no nordeste do país, o mesmo em que as estudantes foram sequestradas em abril. De acordo com um comunicado do Ministério da Defesa, “vários insurgentes” também

morreram em uma troca de tiros durante o ataque. O número não foi precisado pelo ministério. Ontem, o Pentágono anunciou que os EUA estão usando drones na busca pelas meninas. Os aviões não estão armados e estão reunindo informação de inteligência que, por enquanto, não está sendo compartilhada com o governo nigeriano. METRO E AGÊNCIAS


+

|12|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{LANÇAMENTO}

FOTOS: DIVULGAÇÃO

MOTOR

Linha ganhou versão I-Motion, com transmissão automatizada

Melhorou

Atualizado A carroceria do veículo também foi reformulada e o vidro traseiro ampliado.

Volks lança Up! duas portas Econômico. R$ 2 mil mais barato do que modelo com 4 portas, compacto é o primeiro 1.0 com câmbio automatizado

Quatro meses após o lançamento do modelo de quatro portas, a Volkswagen iniciou as vendas do Up! duas portas. O modelo de entrada da montadora no Brasil agora possui uma versão mais barata, à venda a partir de R$ 26.900. As novidades para o compacto econômico vão além do preço. A linha ganha também a versão I-Motion, com transmissão automatizada. Esse é o primeiro modelo do país com motor 1.0 a receber a tecnologia de câmbio automatizado. O opcional de direção está disponível a partir da versão move up! com preços acima de R$ 30.900, na versão

duas portas. Segundo a Volkswagen, o equipamento foi produzido em parceria com a Porsche e desenvolve torque de 12 Nm. Nesta versão, o Up! vai de 0 a 100 km em 13 segundos quando abastecido com gasolina. Com álcool, o motor leva cerca de 12,8 segundos.

13

Novo Design As mudanças para o veículo de duas portas deram uma impressão de aumento do comprimento do modelo, que para esta versão teve a carroceria reformulada, com o vidro lateral traseiro ampliado para melhorar a visibilidade mesmo

com os passageiros no banco de trás. O modelo com duas portas já está à venda na rede de concessionárias da Volkswagen nas versões take up! por R$ 26.900 e move up! por R$ 28.300. Com o sistema automatizado o valor sobe para R$ 30.900. METRO

segundos é o tempo em que a nova versão do Up! de duas portas vai de 0 a 100 km quando abastecido com gasolina

Interior não sofreu grandes modificações

Modelo está à venda a partir de R$ 26.900

Versão é primeira com motor 1.0 com câmbio automático


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Novidade. Dafra lança maxi scooter Maxsym 400i com preço inferior ao concorrente e almeja vender mil unidades nos próximos oito meses Com o intuito de ampliar sua fatia de mercado, a Dafra lançou a Maxsym 400i no fim de abril. O maxi scooter, que será o mais caro e de maior cilindrada do portfólio da companhia, foi desenvolvido em parceria com a Sym Motors, montadora taiwanesa, e chega ao mercado por R$ 20.990 – seu maior concorrente é a Burgman 400, que custa R$ 32.900. A intenção da Dafra é que mil unidades da motocicleta sejam vendidas até dezembro. Projetado para rodar em estradas e vias urbanas, o Maxsym 400i tem como cartão de visitas o conforto, já que conta com amplo espaço sob o banco, apoio lombar para piloto e garupa – são três níveis de ajustes –, além da ergonomia criada para prezar pelo bem-estar nas viagens longas, inclusive, tendo um apoio adicional para os pés do condutor, que pode variar a posição ao esticar as pernas.

“Fizemos questão de trabalhar para trazer ao mercado um produto que entrega tudo o que um consumidor desta categoria almeja, mas visando uma relação custo-benefício realmente positiva”, ressalta Sérgio Dias, diretor comercial da Dafra. Dotado de um motor monocilíndrico de 399,3 cc, que é capaz de render 33,3 cv de potência e 3,2 kgfm de torque, o maxi scooter também chama a atenção pela eficiência. Afinal, tem um consumo médio de 25km/l, algo que lhe dá uma autonomia de 370 km, se considerado o tanque de 14,7 litros. Fabricado em Manaus, o Maxsym 400i também teve sua segurança pensada efetivamente, já que conta com freio ABS como item de série, distribuído em dois discos na dianteira e um na traseira, impedindo assim o travamento das rodas em frenagens bruscas. De quebra, ainda dispõe de um sistema que reparte a for-

{MOTOS}

|13|◊◊ FOTOS: DIVULGAÇÃO

Confor

to e ef ic

iência

Maxi scooter chega ao mercado por R$ 20.990

ça da frenagem entre os eixos da moto. Disponível nas cores branca e preta brilhante, o maxi scooter tem câmbio automático do tipo CVT, com trocas de marchas contínuas, e uma lista de itens acoplados. Dentre eles, vale

ressaltar o acendimento automático dos faróis, manete de freio com regulagem de posição, contato da ignição com trava, porta-objeto com travamento na chave, entrada USB e tomada de 12 v, e ar quente direcional para as pernas. METRO

Modelo está disponível nas cores branca e preta brilhante

Versão tem autonomia de 370 km/h


2 CULTURA

Malik Bendjelloul

Despedida

O cineasta, vencedor do Oscar de melhor documentário em 2013 pelo filme “Searching for Sugar Man”, foi encontrado morto em sua casa, em Estocolmo, na Suécia. De acordo com a polícia, ele teria se suicidado.

|14|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

Estreia hoje. Com 139 metros de altura e muito assustador, o maior monstrengo da história do cinema ganha vida nova com a chegada às telonas de ‘Godzilla’ Ele voltou, e dessa vez veio bastante acompanhado. Dezesseis anos depois de ver sua franquia naufragar ao se protagonizada por Matthew Broderick, “Godzilla” retorna em 2014 com uma versão atualizada pelas mãos do desconhecido diretor Gareth Edwards. Ele, que já havia lidado com criaturas bizarras no independente “Monstros” (2010), confere seu toque à ressurreição do personagem. Agora, bichos estranhos dão seus primeiros sinais de vida – adivinha onde? – no Japão, a terra onde foi desenvolvido o conceito de kaiju (como foram batizados os monstrengos gigantes que adoram destruir metrópoles). Dessa vez, a história começa em 1999, quando uma atividade inusitada é percebida na usina nuclear de Janjira e provoca uma catástrofe que marca a vida do engenheiro Joe Brody (Bryan Craston) e seu filho, Ford. A ação corta então para os dias atuais, quando um novo abalo é percebido e Ford, agora tenente do esquadrão anti-bombas do exército americano (vivido por Aaron Taylor-Johnson), precisa se envolver na questão para livrar a pele de seu aparentemente enlouquecido pai. As novas aberrações da vez se alimentam de energia nuclear, como explica o cientista Ichiro Serizawa (Ken Watanabe), e vão causar muita destruição no Havaí, no estado americano de Nevada e no epicentro do combate, a cidade de São Francisco. A falta de carisma de Taylor-Johnson faz com que o protagonista sofra para conduzir a narrativa, que fica mesmo a reboque dos efeitos especiais e do design dos monstros. Há gancho para que a franquia realmente volte à ativa, mas só o resultado das bilheterias vai poder confirmar isso. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Ele é grande, muito GRANDE! FOTOS: DIVULGAÇÃO

Na pele do dr. Serizawa, Ken Watanabe sabe tudo sobre o monstro

Bryan Cranston vive o pai do mocinho da vez, Ford (Aaron Taylor-Johnson, à dir.)

Elizabeth Olsen se assusta quando Godzilla chega a San Francisco

139 M

COMPARAÇÕES Ainda bem que não temos um Godzilla de verdade para nos assombrar. Já imaginou o estrago que seria ver um monstro com essa altura toda no meio da sua cidade?

100 M

38 M

20 M

1,70 M HOMEM

MASP

CRISTO

CONGRESSO BRASILIA

GODZILA


|16|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Zeca comanda o Largo da Saideira Samba. Festa de encerramento do Comida di Buteco terá shows do Monobloco, Gustavo Maguá e Copo Lagoinha. Dez mil são esperados O Comida di Buteco não desperta apenas a gula dos mineiros. Os botequeiros contam os dias para a festa de encerramento, a famosa Saideira, que promove shows, degustação de petiscos e a escolha do melhor prato da temporada. Neste ano, o samba de Zeca Pagodinho comanda a despedida do festival gastronômico ao lado do Monobloco, Copo Lagoinha, Oi de Gato, Gustavo Maguá e DJs. Dez mil pessoas são esperadas. Durante trinta dias, os frequentadores dos botecos votaram nos melhores petiscos. É chegada a hora de abrir a urna e congratular os vencedores. Quem não teve tempo de passar em todos os 45 estabelecimentos participantes poderá degustar os tira-gostos em porções reduzi-

Cantor mostra seus sucessos aos mineiros | DIVULGAÇÃO

das, vendidos a R$ 10. Um espaço diferenciado terá rótulos de cervejas artesanais. Em parceria com a BHTrans, serão criadas linhas de táxi-lotação para facilitar o deslocamento do Centro e Savassi ao Largo da Saideira. METRO BH

Pesquisa. Preferências culturais do brasileiro levantam polêmicas Produtores culturais da capital conheceram ontem os detalhes de uma polêmica pesquisa nacional que mostra as preferências de consumo dos brasileiros quando o assunto é arte. Pelo levantamento, o brasileiro tem maior predileção pela música sertaneja, vai pouco ao teatro e não se sente muito atraído pelos livros. O estudo foi divulgado no mês passado e agora os dados estão sendo destrinchados em rodas de conversa pelo país a fim de suscitar debates e colher opiniões sobre os resultados. Uma das constatações é sobre a preferência musical dos entrevistados: dois em cada cinco afirmaram apreciar o sertanejo, percentual bem à frente da MPB, forró e gospel. Um em cada quatro não gosta muito de dança. Quando o assunto é cinema, quase metade prefere os títulos norte-americanos. O livros não

atraem muito os brasileiros: 34% admitiram não gostar de ler. Enquanto 78% já foram ao cinema uma vez na vida, só 11% conferiram algum show de ópera em salas de teatro. “Mais do que a falta de oferta, como não ter atrações em determinada cidade ou do acesso a elas ser caro, chama a atenção o desinteresse e a falta de costume”, disse o pesquisador Gustavo Venturi. Para o professor José Márcio Barros, do Observatório da Diversidade Cultural, “está na hora de pensar certas oposições fáceis produzidas de forma preconceituosa. Não é só a falta de oferta, mas de demanda, interesse. Não é indo uma vez na vida a espaços culturais que formaremos hábitos”. O estudo foi feito em setembro pelo Sesc e Fundação Perseu Abramo com 2,4 mil pessoas de 139 municípios em 25 Estados. GUSTAVO CUNHA

58%

28%

dos brasileiros não leram livros nos últimos seis meses. Do total, 34% afirmaram não gostar de ler.

dos brasileiros nunca foram ao teatro. Dos gêneros apreciados, 33% gostam das comédias.

Programe-se No Largo da Saideira (av. Cristiano Machado, 3.450 – União). Neste sábado, das 12h à 0h. Ingressos no 3º lote de R$ 70 (meia) a R$ 140 (inteira).

Música sertaneja

Lourdes ganha casa noturna especializada Situado no imóvel que abrigou o extinto Cafe de la Musique, na rua Bárbara Heliodora, o West Pub será aberto aos fãs da música sertaneja hoje à noite com uma proposta diferenciada. A casa é menor do que as concorrentes do gênero, privilegiando o contato dos frequentadores com os artistas convidados. A capacidade é de 350 pessoas, divididas em dois espaços, além dos camarotes. Destaque para uma grande árvore instalada no teto central da casa de shows. A noite de inauguração contará com shows de Jadir & Jadilson, Kleber & Gustavo e Alex & Thiago. METRO BH Encontro

O papel da crítica teatral hoje em dia Um seminário gratuito discute a partir de hoje o papel da crítica teatral na contemporaneidade. Será na Funarte (Centro). Informações pelo ocupacaodelapraca.com.br. METRO BH


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Taça em ritmo de bossa Comédia. Em campo, uma lavada contra a Suécia selou a primeira conquista brasileira num Mundial. Fora, dias efervescentes na economia, música e política. Espetáculo repassa os acontecimentos que marcaram o ano de 1958 Um ano efervescente que ficou injustamente resumido à conquista da primeira taça brasileira numa Copa do Mundo. Fora dos gramados, 1958 foi mais do que apenas a consagração do rei Pelé ou a lavada de 5 a 2 contra os anfitriões suecos. Um novo Papa, o surgimento da bossa nova, uma nova Capital Federal e uma brasileira bem perto de ser eleita a mais bela do Universo marcaram 365 dias fantásticos que são relembrados na comédia musical “1958 – A Bossa do Mundo é Nossa!”, que entra em cartaz no fim de semana. O espetáculo acompanha três histórias intercaladas pela final do Mundial histórico. Há uma dona de casa que em busca de uma maior libertação está decidida a se “desquitar” – ou se divorciar, para utilizar uma expressão mais usada hoje em dia. Já uma fã de auditório

Programe-se No Teatro Sesiminas (r. Padre Marinho, 60 – Santa Efigênia). Neste sábado, às 20h. E, no domingo, às 19h. Ingressos de R$ 25 a R$ 60.

apaixonada por seus ídolos acaba tendo de mostrar seus dotes artísticos em plena Rádio Nacional, culminando numa homenagem a Dorival Caymmi. Por fim, uma cantora de uma famosa boate carioca, envolvida amorosamente com um político, é convidada por ele a se mudar para Brasília, que seria inaugurada em dois anos. “Foi um ano importante com transformações econômicas, a construção de Brasília ia de vento em popa, a juventude estava começando a ter uma certa liberdade e foram lançados livros marcantes como ‘Gabriela, Cravo e

Bianca Byington (ao centro) é um dos destaques do elenco | SILVANA MARQUES/DIVULGAÇÃO

Canela’”, destaca o diretor André Paes Leme. A trilha sonora é um capítulo à parte. Não faltam sucessos como “Cabecinha no Ombro”, “Darling”, “Meu Mundo Caiu”, “Diblue di

Pinto Diblue” e a nacionalíssima “A Taça do Mundo é Nossa”. Jingles publicitários recordam marcas famosas da época, de refrigerantes a lojas de departamentos. “Não podíamos esquecer

jamais do ‘Chega de Saudade’, a bossa de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. De uma forma bem humorada, mostramos que a bossa não foi criada tal como imaginamos. O público vai matar a saudade”, avisa o diretor. A peça é baseada no livro “Feliz 1958 – O ano que não devia terminar”, lançado nos anos 1990 por Joaquim Ferreira dos Santos. O elenco traz Bianca Byington, Andrea Veiga, Daniela Fontan, Diego de Abreu, Leandro Castilho e Matheus Lima. O espetáculo estreou nos palcos cariocas no fim do ano passado. A partir deste mês, percorrerá o restante do Brasil embalado pelo clima de Mundial. “E se a nossa Seleção ganhar, será melhor ainda!”, torce Paes Leme. GUSTAVO CUNHA METRO BELO HORIZONTE

{CULTURA}

|17|◊◊

Savassi

Maglore no CCCP A banda baiana marca hoje presença na abertura de um festival semanal que privilegiará bandas da cena musical independente. Às 21h30, com entradas a R$ 25. METRO BH São Pedro

Kiko Zambianchi no Lord Pub O músico toca hoje ao lado do Hells Kitchen Project pelo Claro Rock. Às 21h, com ingressos à venda por R$ 20. METRO BH Ouro Preto

9ª CineOP divulga programação De 28/5 e 2/6, a mostra de cinema exibirá 59 filmes de graça. Homenagens aos cineastas Luiz Rosemberg Filho e Ricardo Miranda (1950-2014) e ao especialista Cosme Alves Netto (1937-1996). METRO BH


|18|

{VARIEDADES}

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Leitor fala

Os invasores

Na ponta do lápis

Promessas sempre repetidas Depois de quase quatro anos no governo, faltando cinco meses para as eleições, a presidenta Dilma libera a duplicação da BR-381. Pelo momento, sabemos que tem intenção eleitoreira, principalmente falando que vai pessoalmente fiscalizar junto ao DNIT, quer ser reeleita. Falou-se que vai ser obra executada com recurso público, desistindo de concessão, pois o pedágio seria muito caro. Será que esta obra vai começar e terminar? E quando for executada com dinheiro público, quanto tempo levará para entregar o gerenciamento para empresa privada e nos cobrar pedágio caro?

MARCOS SILVESTRE MARCOS.SILVESTRE@METROJORNAL.COM.BR

VAMOS NOS ESBALDAR NA ECONOMIA DE ÁGUA?

Cruzadas

Economizandooo! O consumo de água é medido em metros cúbicos (m3). Cada m3 equivale a 1.000 litros. Para se ter uma ideia, um balde de tamanho médio acomoda 10 litros. Então, há 100 baldes de água em 1 m3. Veja estas 10 dicas práticas para economizar água com inteligência e responsabilidade!

ELIMAR MACHADO – BELO HORIZONTE/MG

Desestímulo ao uso dos carros

1. Agilizando o banho. Se você demora 15 minutos no banho, gasta 200 litros (20 baldes) de água limpa e tratada. Banhos rápidos (máx. 5 minutos) salvam água e energia. Feche a torneira enquanto se ensaboa. 2. Escovando os dentes. Se a torneira ficar aberta enquanto você escova os dentes (ou faz a barba), você gasta 25 litros de água (2,5 baldes). Melhor é primeiro escovar e só abrir a torneira para enxaguar. 3. Fechando a torneira. Com uma torneira aberta, você gasta de 10 a 20 litros de água por minuto, conforme a torneira (1 a 2 baldes). Se deixar pingando, serão desperdiçados 50 litros por dia (5 baldes)! 4. Regulando a descarga. Uma descarga sanitária usa 20 litros de água num único aperto (2 baldes)! Se for descarga de caixa, faça como na Europa: deixe acumular dois ou três xixis, e então dê a descarga. 5. Lavando louça. Ao lavar louças, não deixe a torneira aberta o tempo todo: isso desperdiçará até 100 litros ou 10 baldes por lavada! Primeiro passe a esponja e ensaboe, depois enxágue tudo de uma só vez. Se usar máquina de lavar, espere encher antes de ligar. Limpe a louça antes e escolha o ciclo curto. 6. Lavando a roupa. Uma máquina de lavar das grandes, de 10kg, pode gastar até 200 litros (20 baldes) por ciclo. Deixe a máquina encher bem antes da lavagem. Tente ligá-la uma só vez por semana! 7. Lavando o carro. Lavar o carro com uma mangueira gasta até 600 litros de água em 30 minutos (60 baldes). Quando precisar lavar o carro, use 2 baldes para molhar, e 4 baldes para enxaguar depois. 8. Lavando a calçada. Não utilize a mangueira como vassoura. Use antes uma vassoura de verdade e depois jogue um balde d’água. Assim você economiza até 250 litros de água ou 25 baldes por calçada! 9. Hidratando o jardim. Regando plantas com uma mangueira, você gasta 200 litros de água limpa em 10 minutos. Para economizar, regue bem rápido depois do pôr do sol, quando é mais fresquinho. 10. Consertando vazamentos. Uma trinca em um cano, ou uma conexão mal feita nas tubulações, pode desperdiçar até 50 litros (ou 5 baldes) por dia! Contrate o conserto… porque ele se paga fácil!

Meu total apoio às colocações da Ana Luíza [Leitor Fala, 13/5]. Já que a PBH não consegue resolver o problema do transporte coletivo, resolve criar problema também para o transporte particular. DANIEL MEINBERG SCHMIDT – BELO HORIZONTE/MG

Metro Pergunta

Você vai usar o BRT/Move da Antônio Carlos? Já sabe se sua Siga o Metro no Twitter: linha de ônibus vai mudar? @jornal_metrobh @SabrisHoffmann

Não sei se o ônibus que uso vai mudar, pois não tem nenhuma informação nos ônibus e nem no site da BHTrans! @lanternaverdebh

A pergunta deveria ser feita ao presidente da BHTrans e ao Prefeito de BH que só andaram de BRT em feriado.

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Sudoku

Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www.oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Uma conjunção entre Vênus e Urano em seu signo é propensa a ampliar o desejo de liberdade e desprendimento de algumas relações.

A expansão de conhecimentos e de contatos é uma tendência a marcar a área profissional. Bom momento para estudos e planos para viagens.

Tendências para se envolver mais com eventos, diversões ou algo que altere sua rotina. Priorize mais o romantismo na vida afetiva.

Este é um momento propenso a se comportar de forma mais solidária com assuntos de outras pessoas mas sem esquecer dos seus assuntos.

Momento especial para confidências e descobertas de assuntos diante de seus relacionamentos. Recomenda-se ponderação com finanças.

Projetos ligados ao lar são propensos a tomar empenho. Momento para romper de vez com antiga situação que não trazia bons sentimentos.

Mudanças importantes são propensas diante de grupos que convive, especialmente com amigos. Tendências a repensar parcerias e projetos.

não se definiam.

Momento propenso para lidar com inovações profissionais e mesmo com uma transição no trabalho. Chances também de inovar na rotina.

Mudanças ou situações especiais marcarão novos costumes, especialmente pela adaptação a algum. Propensões a boas novidades no trabalho.

Há tendências para que decisões façam se desprender de costumes e até ter um alívio com assuntos que

Regente de seu signo, Urano faz conjunção com Vênus, acentuando seu poder de mediação e mais oportunidades para convívios sociais. Conversas sobre interesses pessoais e valores da sua vida tendem a ser mais frequentes com pessoas as quais possui vínculo especial.

Soluções


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

Flamengo. Ney Franco é apresentado à torcida Depois de assinar contrato com o Flamengo até o final de 2015, ontem, pela manhã, na sede da Gávea, Ney Franco comandou à tarde seu primeiro treino como técnico do rubro-negro, no Ninho do Urubu, e depois conversou com a imprensa. O novo treinador, que deixou o Vitória no último domingo, assume o time na 16ª colocação do Campeonato Brasileiro, com 4 pontos, e estreia no banco de reservas domingo, contra o São Paulo, no Maracanã, pela quinta rodada. Seu antecessor, Jayme de Almeida, deixou o clube após a derrota para o Fluminense, por 2 a 0, domingo uma saída conturbada, já que ele ficou sabendo da demissão pela imprensa, na segunda-feira. Ney Franco foi apresentado pelo vice-presidente de futebol, Wallim Vasconcellos e disse que volta ao clube mais experiente. Ele dirigiu o Flamengo em 2006, quando conquistou a Copa do Brasil (as-

{ESPORTE}

|19|◊◊

Faltam 30 dias para BH estrear Ansiedade. Capital entra em contagem regressiva para a Copa

Técnico tem contrato até 2015 | FLAMENGO/DIVULGAÇÃO

sumiu o time apenas no jogo decisivo) e o Campeonato Carioca de 2007. “É uma felicidade poder voltar. Para mim, foi uma passagem significativa, pois abriu as portas do futebol. Estou mais experiente. Antes de vir para o Flamengo só tinha dirigido o Ipatinga. Agora volto com títulos de Brasileiro, Paranaense, Sul-Americana. Além dos cabelos brancos... [risos]. Volto mais amadurecido”, afirma o treinador. METRO

A bola vai rolar pela primeira vez na Copa do Mundo no dia 12 de junho, em São Paulo. A estreia da Seleção Brasileira é aguardada com ansiedade, mas para os belo-horizontinos, a ‘abertura’ do Mundial só ocorrerá no dia 14 de junho, ou seja, daqui a exatos 30 dias. Todo mundo sabe que será a primeira vez que o Gigante da Pampulha, inaugurado em 1965, receberá uma partida de Copa do Mundo. Entretanto, poucos têm conhecimento que o Mineirão foi o estádio com maior número de testes para os confrontos do Mundial. Após quase um ano e meio de operação, 44 partidas foram realizadas no principal palco do futebol mineiro, in-

3 ESPORTE

Mineirão está bonito e pronto para os jogos | LÚCIA SEBE/IMPRENSA MG

cluindo os três confrontos da Copa das Confederações. Depois de uma reinauguração com falhas, o Mineirão se acertou e agora entra em contagem regressiva para fazer uma estreia em grande estilo na histórica Copa do Mundo. METRO BH

6

jogos receberá o estádio durante o Mundial, sendo um duelo das oitavas de final e outro da semifinal.

Ibrahimovic

Ele virá

O sueco Zlatan Ibrahimovic deve vir para o Brasil acompanhar os jogos. “Brasil! Acho que vou ter que mudar meus planos para as férias”, postou o craque em rede social.


|20|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Azarões. França tenta seu primeiro bom resultado em Copas sem Zidane. Já a Suíça, com geração promissora, quer surpreender no Grupo E

Cotação

FRANÇA

Seleções

Quando Zidane acertou uma cabeçada em Materazzi, no último ato de sua gloriosa carreira, o camisa 10 encerrava o ciclo mais vitorioso da Seleção Francesa. Sem o craque, os franceses perderam a final da Copa de 2006 para a Itália nos pênaltis e caíram no Mundial seguinte ainda na primeira fase. Responsável por erguer a taça de campeão em 1998, Didier Deschamps comanda agora um time que ainda busca o seu ápice e ganha confiança para jogar no Brasil. O fato de não ter sido cabeça de chave comprova o momento claudicante dos franceses. A alma do time e a esperanças de bons resultados recaem no meio-campo, com Ribéry, tercei-

ro melhor jogador do mundo no ano passado, e Paul Pogba, melhor atleta do último Mundial Sub-20. Em seu terceiro Mundial seguido, a Suíça tenta fugir do estigma de equipe retranqueira, que carrega desde os anos 1930 e atingiu o topo em 2006, quando o país foi eliminado da Copa sem sofrer gol. O time de Ottmar Hitzfeld se mostra diferente, mais equilibrado e com a capacidade de atacar e defender, podendo surpreender. Apostando na velocidade pelos lados, o Equador tenta a façanha de avançar às oitavas de final, como em 2006. Já Honduras chega ao seu terceiro Mundial para não dar vexame. METRO

Grupo E Honduras

Sakho

x

Suíça

Matuidi

França

(20/6 - 16h, Salvador)

Honduras

x

Equador

Equador

x

França

x

Suíça

Pogba

Lichtsteiner

Senderos

Esquema tático:

4-2-3-1

Reinaldo Rueda

Behrami

Paredes

Achilier

García E. Valencia

Figueroa

Espinosa

Castillo

Izaguirre Palácios Garrido

J. Palácios Costly

Caicedo

4-2-3-1

Bernárdez

Beckeles

Montero

Esquema tático:

J. Palácios comanda o time hondurenho

Valladares

Luis Fernando Suárez Ayovi

Noboa

Seferovic

2

Erazo

Shaqiri Dzemaili

Participações em Copas:

Domínguez

A. Valencia

Xhaka

HONDURAS

Técnico:

Rodriguez Inler

Ribéry

Benzema

(25/6 - 17h, Manaus)

2

Schar

Técnico:

Cabaye

(25/6 - 17h, Rio de Janeiro)

Honduras

Evra

Valbuena

(20/6 - 19h, Curitiba)

Participações Valencia carrega em Copas: os equatorianos nas costas

Benaglio

Varane

(15/6 - 16h, Porto Alegre)

Técnico:

Shaqiri é um dos jovens talentos suíços

Lloris

Debuchy

EQUADOR

8

Ottmar Hitzfeld

x

França

Ribéry foi eleito o terceiro melhor jogador do mundo em 2013

Didier Deschamps

(15/6 - 13h, Brasília)

SUÍÇA Participações em Copas:

12

Técnico:

os ogSuíça j x Equador s

Todo so

em baixa

Participações em Copas:

Esquema tático:

4-4-2

Esquema tático:

4-4-2


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|21|◊◊

Mutirão para ‘limpar’ DM Departamento médico ignora folga e trabalha dobrado para tentar recuperar importantes atletas do Atlético o mais rápido possível. E a lista de grandes jogadores afastados não é nada pequena. Veja:

2 4 6 JUVERCY JUNIOR

Ronaldinho

Diego Tardelli

Réver

O maestro atleticano, na partida contra o Nacional de Medellín, sofreu um estiramento leve no músculo posterior da coxa esquerda e seu desfalque para a partida de domingo contra o Santos é praticamente certo.

O atacante jogou o primeiro tempo do clássico contra o Cruzeiro e só deve voltar aos trabalhos em 15 dias. Ele sofreu lesão muscular no posterior da coxa esquerda.

O zagueiro é o único que deve jogar contra o Santos. Fora do clássico no fim de semana após sentir dores no tornozelo, ele voltou a treinar e, se não sentir o incômodo novamente, estará liberado para o confronto.

1 3 5 Atacante Jô

O centroavante, convocado para a Copa do Mundo, sofreu estiramento do ligamento colateral medial do joelho direito. Os médicos correm para que ele volte a jogar g ar na próxima quintta-feira, a-feira, no confronto ccontra ontra o Vitória, em FFeira eira de Santana.

Guilherme

O meia vinha em alta no Atlético, mas sua ascensão foi prejudicada por uma contusão no tornozelo esquerdo na derrota para o Goiás. Nesta semana, a fisioterapia será iintensificada ntensificada para que eele le possa retornar na próxima p róxima semana.

Marcos Rocha

Sem jogar desde 10 de abril, o lateral foi vítima de um estiramento médio na coxa direita. O jogador tem poucas chances de jogar no fim de semana, já que mesmo com fisioterapia intensa, ele ainda sente dores.


|22|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Na conta do Papa

Copa do Brasil

América leva a virada na Bahia e é eliminado Com um gol sofrido aos 43 minutos da etapa final, o América se despediu ontem da Copa do Brasil. Após ter empatado em 0 a 0 com o Bahia no Independência, o Coelho precisava da vitória e saiu na frente, com Obina, aos 25 minutos do primeiro tempo, em cobrança de pênalti. O time mandante empatou pouco depois, com Branquinho. Já no fim do jogo, Rafinha pegou uma sobra na área e garantiu a vaga para os baianos. METRO BH

11 CRUZEIRO Fábio; Ceará, B. Rodrigo, Dedé e Samudio (Egídio ); Henrique, Nilton (Dagoberto ), E. Ribeiro e J. Baptista (R. Goulart ); Willian e M. Moreno. Téc.: Marcelo Oliveira •

Piatti comemora o gol que complicou a partida para o Cruzeiro logo nos minutos iniciais

| CRISTIANE MATTOS/FUTURA PRESS

SAN LORENZO Torrico ; Buffarini, Gentiletti, Valdés e Más; Mercier , Ortigoza, Villalba (Kalinski ) e Piatti (Kannemann ); Correa (Romagnoli ) e Matos . Téc.: Edgardo Bauza

Gols. Piatti, aos 9 minutos do primeiro tempo; Bruno Rodrigo, aos 25 minutos da etapa complementar.

Copa Libertadores. Time de Francisco segura empate milagroso no Mineirão e decreta a eliminação do Cruzeiro

EDUARDO MARTINS/A TARDE/FUTURA PRESS

Obina (dir) marcou, mas não adiantou

O Cruzeiro está eliminado da Libertadores. Diante de 44 mil torcedores que acreditaram e apoiaram a equipe até o último minuto no Mineirão, a Raposa se despediu ontem do sonho do tricampeonato continental ao empatar em 1 a 1 com o San Lorenzo, da Argentina. No duelo de ida, o time do Papa Francisco havia vencido por 1 a 0. Com o resultado, o Bra-

sil fica sem nenhum representante nas semifinais, algo que não acontecia há longos 23 anos. Nesta mesma edição da Libertadores, a própria equipe de Buenos Aires já havia superado, também no sufoco, o Botafogo e o Grêmio. O time visitante mostrou que estava em uma noite abençoada logo no início do jogo, quando aproveitou de um erro da defesa celes-

Nos pênaltis, Sevilla fica com a taça da Liga Europa

Espanhóis comemoram título em Turim, na Itália | JUAN MEDINA /REUTERS

Mais uma vez, o Benfica ficou próximo de um título europeu e não conseguiu levantar a taça, mantendo um incômodo tabu. Ontem, a Liga Europa foi decidida nos pênaltis. Com duas defesas do goleiro Beto, o Sevilla venceu por 4 a 2 e conquistou o tricampeonato do torneio – após um 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação –, na final disputada em Turim, na Itália.

8 finais

europeias disputou o Benfica desde os anos 1970, amargando oito vice-campeonatos. Já se vão 52 anos desde que o time levantou sua última taça da Liga Europa. Desde os anos 1970, os portugueses disputaram oito finais de torneios continentais e não consegui-

ram ser campeões em nenhuma das decisões. Além da tensão dos pênaltis, o Sevilla tinha sofrido para chegar à decisão. O gol que colocou os espanhóis na final foi marcado nos acréscimos, na derrota por 3 a 1 para o Valencia. No dia 24, Real Madrid e Atlético de Madrid disputam o jogo decisivo da Liga dos Campeões da Europa. METRO

te. A bola sobrou para o craque Ignacio Piatti abrir o placar, com frieza, sem chances para Fábio, que ainda evitou o segundo gol dos hermanos com linda defesa após mais um chute do armador. Depois do baque, o Cruzeiro recuperou a postura ofensiva e só não empatou graças à trave “benzida” do goleiro Torrico, que evitou duas vezes a entrada da bola em fina-

lização de Moreno no último lance da etapa inicial. No segundo tempo, só deu Cruzeiro. Ou melhor, só deu Torrico. Com pelo menos quatro defesas milagrosas, o arqueiro adiou o grito da torcida celeste até que Bruno Rodrigo empatou, de cabeça. A pressão continou e só aumentou depois da expulsão de Romagnoli, por agressão, mas o empate persistiu. METRO BH

“Agora é levantar a cabeça. O Cruzeiro tem condições de disputar os títulos dos outros campeonatos e vamos em busca disso para voltar à Libertadores no ano que vem”. BRUNO RODRIGO, ZAGUEIRO DA RAPOSA


BELO HORIZONTE - QUINTA-FEIRA, 15 DE MAIO DE 2014



20140515_br_metrobh