Page 1

DIVULGAÇÃO

Luiz Megale e Aline Midlej

‘Café com Jornal’ estreia na Band Informação e interação com o telespectador

UNION JACK

JACK BAUER VAI A LONDRES EM NOVA TEMPORADA DE “24 HORAS” PÁG. 14 Kiefer Sutherland é Jack Bauer

PÁG. 15

SÃO PAULO Segunda-feira, 5 de maio de 2014 Edição nº 1.784, ano 7 MÍN: 17°C MÁX: 28°C

www.metrojornal.com.br | leitor.sp@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro

sunny

snow

rain

partly sunny

cloudy

sleet

thunder

Motoristas sofrem com ‘corcovas’ no asfalto hazy

showers

Infraestrutura. Vias importantes da cidade como as avenida dos Bandeirantes, Eliseu de Almeida e Celso Garcia têm ondulações nas pistas. Problema danifica veículos e aumenta o risco de acidentes. Prefeitura promete recapear 68 km até o final do mês PÁG. 04

FESTA DA DIVERSIDADE 18a Parada Gay transforma Paulista em uma grande balada PÁG. 02

Tensão na Ucrânia cresce ainda mais Primeiro-ministro diz que Rússia planeja destruir o país. Separatistas são cercados no leste PÁG. 10

Alecsandro comemora virada | CELSO PUPO / FOTOARENA

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Verdão leva 4 a 2 do Flamengo e Timão vence Chapecoense Multidão dançou ao som de 14 trios elétricos | DANILO VERPA/FOLHAPRESS

BRASP_2014-05-05_1.indd 1

Palmeiras começou vencendo no Maracanã, mas não resistiu à pressão rubro-negra PÁGS. 17 E 18

5/4/14 10:07 PM

pa s


1 FOCO

Digão

Sem preconceito Digão, vocalista dos Raimundos, parou um show da banda brasiliense em Jaraguá do Sul (SC), na última sexta, para se manifestar sobre atitudes homofóbicas de parte do público contra um casal de homens que havia se beijado no local.

Cotações Dólar - 0,49% (R$ 2,22) Bovespa + 2,62% (52.980 pts) Euro - 0,65% (R$ 3,08) Selic (11% a.a.)

Salário mínimo (R$ 724)

BRASP_2014-05-05_2.indd 2

|02|

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Trios transformam parada em ‘festa rave’ LGBT. Museu da Diversidade terá nova sede na avenida Paulista. Evento reuniu 100 mil Embalada pelo som de 14 trios elétricos, a 18ª Parada do Orgulho LGBT levou uma multidão às ruas ontem. O evento começou por volta das 10h, quando milhares de pessoas já lotavam a avenida Paulista com centenas de bandeiras e fantasias coloridas. Na abertura, militantes cobraram das autoridades a aprovação de leis contra a homofobia e a favor dos direitos dos transexuais. Por volta das 12h, a Paulista se transformou em uma verdadeira festa ao ar livre, ao som de ritmos que iam do eletrônico ao axé. Segundo balanço divulgado na noite de ontem pela PM (Polícia Militar, 100 mil pessoas participaram do evento. Participaram do evento famílias, baladeiros e políticos. Durante a abertura, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou o novo endereço do museu da

Olhar cidadão

JOSÉ LUIZ DATENA JOSE.DATENA @METROJORNAL.COM.BR

14

é o número de trios elétricos que participaram da 18ª Parada do Orgulho LGBT. Diversidade. O espaço, que hoje funciona na estação República do metrô, vai passar para o casarão Franco de Mello, um dos últimos exemplares de arquitetura residencial da Paulista. “O casarãoserá completamente reformado”, prometeu. A nova sede, no entanto, não tem data para ser inaugurada. A parada continuou com os trios seguindo da Paulista até a praça Roosevelt. O encerramento aconteceu na praça da República, por volta das 21h, com shows da cantora Wanessa e do finalista do programa The Voice, Pedro Lima. METRO

Multidão lota avenida Paulista | ANDRE HANNI /BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

Festa teve presença de drag queens | ANDRE HANNI /FOLHAPRESS

CHUPA-SANGUE Natural, mais que evidente, uma prática clara no Brasil que, em época de eleição, se esconde tudo o que é ruim e joga para debaixo do tapete. Na verdade o que é bom e que sobra é tão pouco que nem vale a pena falar sobre. Vivemos num país onde se destaca a sétima economia do mundo e se joga para baixo do tapete que em matéria de divisão de renda nós estamos na posição de 84, quer dizer, quase um dos piores Top 100 do mundo. Isso mesmo que você entendeu: país rico com povo pobre. Isso tem reflexo no macro e no mínino universos. Para você entender: como é que pode um simples pernilongo, com aquele zumbido azucrinante, colocar em risco, por exemplo, uma Copa do Mundo no Brasil, ou em alguns lugares do Brasil? Campinas, por exemplo, onde estará hospedada a seleção portuguesa do jogador mais caro do mundo (Cristiano Ronaldo) tem quase 20 mil casos de dengue. Claro que a dengue tem um fator social muito importante, tipo não deixar garrafa vazia no fundo do quintal, vasinhos com flores coloridas na varanda e etc. Mas e os terrenos abandonados com obras inacabadas que deveriam ser obra de fiscalização municipal? Moral da história: em ano eleitoral e em época de Copa do Mun-

FALE COM A REDAÇÃO

leitor.sp@metrojornal.com.br 011/3528-8522 COMERCIAL: 011/3528-8549

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos, Campinas e Grande Vitória, somando 510 mil exemplares diários.

Parada contou com 14 trios | CARLA CARNIEL/FRAME/FOLHAPRESS

do esconderam o pernilongo! Principalmente aqui em São Paulo, abafaram o zumbido da vuvuzela do Aedes Aegypti. Não fizeram campanhas adequadas e nem muito menos agora conseguem diagnosticar ou medicar os casos da doença. Para você ter uma ideia, mandamos um repórter cobrir a dengue numa zona infectada da Grande São Paulo. Resultado? Nosso Marcelo Moreira, do Brasil Urgente, ficou “dengoso”. E o outro repórter que pedimos para cobrir o doente, também provavelmente que esteja “dengoso”. Isso em se falando de uma doença da época da colonização que, em pleno século 21, atinge o Estado mais rico do país que é a sétima economia do mundo, que vai ser palco da abertura da Copa do Mundo e que vai sediar os próximos Jogos Olímpicos. Como diria o poeta: “Que país é esse?”. Afinal do mesmo jeito que se esconde um micro-pernilongo, tenta se fazer o mesmo com a corrupção e a roubalheira do dinheiro público em todos os níveis: federal, estadual e municipal. Corrupção que aqui chegou com as caravelas e que, como a dengue, nos atormenta até hoje. Aliás, a semelhança com a doença é muito grande, já que as duas possuem o mesmo personagem de formas diferentes. No fundo, no fundo, ou é o pernilongo ou é o corrupto chupando o sangue do povo brasileiro.

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB: 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

Filiado ao

Metro São Paulo. Editores-Executivos: Ariel Kostman e Lara De Novelli (MTB: 31.369) Editor de Arte: Tiago Galvão. Gerentes Comerciais: Tânia Biagio e Elizabeth Silva

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: Avenida Rebouças, 1585, Pinheiros, CEP 05401-909, São Paulo, SP, Brasil. Tel.: 3528-8500. O jornal Metro é impresso na Plural Editora e Gráfica Ltda.

5/4/14 9:50 PM


SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Alckmin garante água em SP até o final do ano Abastecimento. Mesmo com a queda no nível do sistema Cantareira, que agora opera com 10,1% da capacidade, governador volta a dizer que não haverá racionamento no Estado O governador Geraldo Alckmin voltou a dizer ontem que não há possibilidade de decretar o racionamento de água no Estado ainda neste ano. A informação foi dada durante a abertura da 18ª edição da Parada do Orgulho LGBT. Mauro Arce, secretário de Saneamento e Recursos Hídricos do Estado, também afirmou anteontem, em entrevista ao jornal “Folha de S. Paulo”, que não há risco de acontecer o rodízio de água. O secretário informou que a utilização do “volume morto” (reserva de água profunda nas represas), prevista para começar no dia 15, e a contínua contribuição da população para a economia de água, serão suficientes para garantir o

BRASP_2014-05-05_3.indd 3

|03|◊◊

Zona leste. Terreno invadido é batizado de ‘Copa do Povo’ A ocupação com mais de 1.000 barracos, que começou a ser montada anteontem pelo MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) no Parque do Carmo, na zona leste, foi batizada de “Copa do Povo” e ganhou mais barracos. O grupo ocupou um terreno particular de 150 mil m² que estava desocupado havia 29 anos, a 4 quilômetros da Arena Corinthians,

conhecida como Itaquerão. O MTST quer pressionar a Câmara Municipal de São Paulo para incluir o terreno invadido em Itaquera como uma Zona Especial de Interesse Social no Plano Diretor, que está em discussão no Legislativo. Isso reservaria a área para a construção de conjuntos habitacionais destinados às famílias da ocupação. METRO

Crime. Homem é morto em casa noturna no centro Reserva Jaguari-Jacareí, em Bragança Paulista |

abastecimento até 2015. O “volume morto” poderá abastecer a Grande São Paulo por quatro meses e vai tornar útil uma reserva de 300 bilhões de litros de água.

LUIS MOURA/FOLHAPRESS

Cantareira O nível do sistema Cantareira caiu ainda mais e operou ontem com 10,1% de sua capacidade. Desde a semana passada, o manancial opera abaixo de 11%, marca atingida pela

primeira vez na história. De acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia do Brasil) não há previsão de chuva na cidade de São Paulo até o dia 12. METRO

Um homem morreu na madrugada de anteontem após ser ferido em um bar em Santa Cecília, no centro. Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública), Gilberto Rodrigues da Silva, de 42 anos, estava com sua prima em um bar da rua Dr. Cesário Mota Junior quando os dois deixaram o local.

Enquanto a sua prima buscava o carro no estacionamento, um segurança pediu para que Silva voltasse ao bar. Ela afirma que, quando retornou, viu quatro seguranças levando o corpo de Silva ensanguentado para fora do bar. O caso foi registrado como morte suspeita. METRO

5/4/14 8:45 PM


|04|

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Ondulações na pista castigam os motoristas Infraestrutura. Ruas e avenidas importantes da cidade tem verdadeiras ‘corcovas’no asfalto, aumentando o risco de acidentes Além do trânsito, o motorista que trafega em São Paulo tem que enfrentar um verdadeiro rali. O Metro Jornal percorreu a cidade e encontrou irregularidades graves no asfalto em pelo menos 20 vias importantes. Um exemplo é a rua Maranhão, na altura da avenida Angélica. O taxista Luciano de Goes, de 34 anos, que trabalha há quatro anos na região, diz que teve um prejuízo de R$ 1,5 mil por conta das “corcovas” no asfalto. “Tive que trocar a suspensão e fazer alinhamento dos pneus várias vezes. E ninguém vai ressarcir esse custo”. Segundo o taxista, o serviço de recapeamento é muito mal feito. “Quando arrumam, o asfalto novo não fica nivelado com o antigo e logo as ondulações surgem de novo.” Na avenida Eliseu de Almeida, no Butantã, as ondulações se espalham em praticamente toda a extensão. Comerciantes contam que é comum ver carros derrapando por causa do asfalto irregular. Além disso, as irregularidades na faixa de ônibus fazem com que os coletivos desviem para as pistas centrais, aumentando o risco de acidentes e congestionando o tráfego. Na rua Teodoro Sampaio, em Pinheiros, na altura da Fradique Coutinho, os comerciantes afirmam que a prefeitura arruma regularmente o asfalto, mas não adianta. ‘Um mês depois as ondulações estão de volta”, afirma o atendente da padaria Sensação João Leudo, de 47 anos. O mecânico Givanildo Souza Maciel, de 38 anos, explica que o motorista demora a perceber os danos que as “corcovas” causam ao veículo. “Leva de três a seis meses para que os problemas apareçam e ele possa ter complicações no veículo”, afirma. De acordo com ele, trafegar em asfalto com muitas ondulações prejudica os amortecedores, estraga as peças da suspensão e destrói o alinhamento do carro. No ano passado, o valor gasto pela prefeitura com recapeamento das vias da

BRASP_2014-05-05_4.indd 4

ZONA OESTE

ZONA NORTE

1 AV. ELISEU DE ALMEIDA 2 R. TEODORO SAMPAIO 3 R. CARDEAL ARCOVERDE COM

1 AV. ULTRAMARINO 2 AV. PARADA PINTO 3 AV. CEL. SEZEFREDO FAGUNDES

AV. EUSÉBIO MATOSO

MAPA DAS CORCOVAS EM SP

4 AV. DIÓGENES RIBEIRO DE LIMA 5 AV. CORIFEU DE AZEVEDO

O Metro Jornal mapeou locais a partir de sugestão de leitores

MARQUES AV. VITAL BRASIL R. BUTANTÃ R. DOS CARIRIS R. MARANHÃO COM AV. ANGÉLICA 10 AV. PACAEMBÚ COM MARQUÊS DE S.VICENTE 11 R. GAVIÃO PEIXOTO

6 7 8 9

2

3 11 4 5

10 9 7 8 10 1 2 6 3 5

ZONA SUL

1 2 3 4 5 6

AV. BANDEIRANTES COM VEREADOR JOSÉ DINIZ R. ACARI COM RUA CENTRO AFRICANO AV. DO ESTADO AV. GUARAPIRANGA AV. BRIGADEIRO LUIZ ANTONIO R. LACERDA FRANCO

3

1

2

1

1 2 6

2

3

1

4

Ondulação na Teodoro Sampaio com a Fradique Coutinho | ANDRÉ PORTO/METRO

ZONA LESTE

1 2 3

AV. CELSO GARCIA AV. AMADOR BUENO DA VEIGA AV. DR. ASSIS RIBEIRO

CENTRO

1 2

R. MARTINS FRANCISCO R. ROCHA COM PRAÇA 14 BIS

Aposentada Cecília Gaeta Michelini foi vítima de “corcovas” | ANDRÉ PORTO/METRO

Ondulações na Av. Eliseu de Almeida

Irregularidade na pista aumenta risco de queda FOTO: ANDRÉ PORTO/METRO

cidade foi o menor dos últimos cinco anos. Segundo relatório da Secretaria de Finanças, foram gastos R$ 56,7 milhões em 2013. O valor é 71% menor do que os R$ 197 milhões gastos em 2012. Já o número de reclamações sobre falhas no asfalto subiu 74% no mesmo período. As queixas passaram de 432, em 2012, para 752, no ano passado. As reclamações podem ser feitas na Ouvidoria pelo telefone 0800-17-5717.

Em nota, a Secretaria das Subprefeituras afirma que iniciou, neste mês, o recapeamento de 45 vias na cidade, que somam 68 km, ao custo de R$ 72 milhões. O trabalho já começou a ser realizado na marginal Tietê. Depois virão as avenidas Eliseu de Almeida, Professor Francisco Morato, Morumbi, Aricanduva, Rebouças, Jacu Pêssego e Marechal Tito. Também serão recapeadas as faixas de ônibus da avenida Paulista. A previsão é de concluir

o serviço ainda no primeiro semestre deste ano De acordo com a prefeitura, as vias com tráfego mais intenso e com corredores de ônibus, estão recebendo o asfalto borracha. O processo de recapeamento consiste na remoção de camadas do pavimento e no revestimento do asfalto, além da reforma de guias e sarjetas nos locais. FLÁVIA D’ANGELO METRO SÃO PAULO

O aposentado Carlos Alberto Pacífico, de 69 anos, mora na esquina das ruas Teodoro Sampaio e Fradique Coutinho e já perdeu a conta de quantas pessoas já viu tropeçando ao atravessar a rua. “E não são só os pedestres. Os carros raspam toda a parte de baixo no asfalto”, conta o aposentado. O aposentado critica a maneira como o recapeamento é feito no local. “Eles só cobrem e colocam asfalto muito sem vergonha. Com o calor, a passagem constante de ônibus pesados, o asfalto vai cedendo, afundando tudo de novo.” A cuidadora Maria D’Ajuda, 54 anos, também reclama dos riscos que o lo-

cal traz para os pedestres. Ela trabalha para a aposentada Cecília Gaeta Michelini, de 88 anos, que quase caiu algumas vezes ali. “Contribuímos tanto com impostos, acho que merecemos uma coisa melhor para andar”, afirma Cecília. Localizada bem na esquina, a padaria é o primeiro lugar que as vítimas do asfalto procuram. Segundo os funcionários, são frequentes os casos de idosos que tropeçam ao atravessar a rua e se machucam. “Jovens também caem. E também vemos muitos acidentes com motos. “Hoje temos até uma caixinha de primeiros socorros”, afirma um deles. METRO

5/4/14 7:08 PM


BRASP_2014-05-05_5.indd 5

5/4/14 5:10 PM


|06|

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

‘LAVA JATO’ ATINGE O ‘BANCO CENTRAL’ DA CORRUPÇÃO. Importantes

Condições precárias de superlotação em internações no SUS poderão ficar restritas aos pacientes de menor poder aquisitivo | ANDRESSA ANHOLETE/METRO BRASÍLIA

STF debate legalidade de pagamento no SUS Saúde. Supremo vai promover audiência pública para decidir divergência sobre a diferença de classe em internações no sistema Na teoria, o brasileiro tem acesso à saúde gratuitamente. E se o paciente quiser, com o próprio dinheiro, pagar para escolher um médico ou ficar numa acomodação melhor num hospital conveniado do SUS (Sistema Único de Saúde)? O STF (Supremo Tribunal Federal) se debruçará sobre a legalidade ou não da chamada ‘diferença de classe’ nas internações -- proibida há 23 anos. A ação foi apresentada pelo Cremers (Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul). A entidade pede que a Corte permita que a modalidade seja autorizada. O STF já reconheceu a repercussão geral do caso, ou seja, a decisão favorável deverá ser seguida em todo o país. Relator do Recurso Extraordinário 581488, o ministro Dias Toffoli convocou pa-

“O debate reclama análise que ultrapassa os limites do estritamente jurídico.” DIAS TOFFOLI, MINISTRO DO STF E RELATOR DO PROCESSO

ra 26 de maio uma audiência pública com especialistas para debater o tema. O relatório deverá ser levado ao plenário do STF ainda este ano. Impasse A Justiça Federal tem concedido o direito à ‘diferença de classe’, mas somente para casos de doenças graves, que requer isolamento do paciente. A decisão deverá por fim à diferença de interpretações da leis.

De um lado, uma categoria defende o direito do paciente à escolha de acomodação, uma vez que a proibição foi feita por uma resolução e o inciso II do Artigo 5º da Constituição afirma que ‘ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude da lei”. A outra ala, porém, pede que a prática siga proibida, temendo que o acesso aos hospitais com condições precárias fique restrito às classes mais baixas, uma vez que os pacientes com melhor renda terão a opção de pagar para ficar numa clínica da rede conveniada. O Congresso já tentou pôr fim ao impasse, mas o projeto que autorizava a ‘diferença de classe’ foi arquivado. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Prática foi proibida em 1991

Uma resolução do extinto Inamps (Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social), editada em 30 de agosto de 1991, proibiu o pagamento para ter acesso às acomodações superiores no sistema público de saúde. A medida foi tomada após serem descobertos, casos de médicos que cobravam um valor extra para fazer atendimento de emergência, operações e internações. O valor cobrado chegava a ser 10 vezes o preço da tabela. A prática foi registrada entre 1974 e 1991. O Inamps possuía hospitais públicos, mas atuava preferencialmente com contratos terceirizados e o atendimento só era feito para trabalhadores com carteira assinada. METRO BRASÍLIA

O que diz a lei A Constituição trata do funcionamento do SUS (Sistema Único de Saúde). Veja os principais pontos: • Artigo 196. A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação. • Artigo 198. As ações e serviços públicos de saúde integram uma

BRASP_2014-05-05_6.indd 6

rede regionalizada e hierarquizada e constituem um sistema único. § 1º O SUS será financiado com recursos do orçamento da seguridade social, da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios. • Artigo 199. A assistência à saúde é livre à iniciativa privada. § 1º As instituições privadas poderão participar de forma complementar do SUS, mediante contrato de direito público ou convênio, tendo preferência as entidades filantrópicas e as sem fins lucrativos.

“A PRESIDENTA, APRESENTADA COMO GESTORA, NÃO GERIU.”

criminalistas estão de sobreaviso com a instalação da CPI da Petrobras. As investigações da Operação Lava Jato revelaram mais do que pretendia e a Polícia Federal pode ter chegado ao coração de um “banco central” da corrupção no País, com o desmantelamento do esquema do doleiro Alberto Youssef e comparsas. E será a estreia da Lei Anticorrupção, em vigor desde janeiro, que provoca calafrios. SEM BLINDAGEM. Lei Anticorrupção prevê prisão até mesmo para poderosos presidentes de empresas corruptoras, sempre “blindados” nos escândalos.

QUEM PAGA. Grandes empresários, donos de empreiteiras parceiras ou fornecedoras da Petrobras deixaram seus criminalistas de plantão. DOMÍNIO DO FATO. A “teoria do domínio do fato”, prevista na nova Lei Anticorrupção, pune empresários cujas companhias se envolverem em casos de corrupção.

EDUARDO CAMPOS, PRESIDENCIÁVEL DO PSB, SOBRE SUA RIVAL DILMA ROUSSEFF (PT)

terá dificuldades de subir em palanques, por isso a campanha avalia sua presença por meio de projeção holográfica, em três dimensões, como ocorre em shows com a “participação” de artistas ausentes ou até mesmo falecidos.

REVOLUÇÃO. Com a nova

lei, figurões como Marcelo Odebrecht, em tese, estão sujeitos a prisão por malfeitorias envolvendo empresas que presidem.

José Roberto Arruda (PR)

RORIZ PODE SUBIR NO PALANQUE SÓ POR HOLOGRAMA. A campanha José

Roberto Arruda (PR) ao governo do Distrito Federal pode contar ao menos com a presença “virtual” do ex-senador Joaquim Roriz nos comícios. Com saúde debilitada, Roriz

| ELZA FIÚZA/ABR

FILHA NA CHAPA. A deputada distrital Liliane Roriz, filha do ex-governador – que está na fila de transplante de rins – será candidata a vice, na chapa de Arruda.

PODER SEM PUDOR

A perdição da vaidade Candidato ao governo de Minas, em 1982, Tancredo Neves aparecia muito na TV, mas não havia quem o fizesse olhar para a luz vermelha da câmera – ou seja, para o telespectador. Pressionado, Tancredo ensinou:

- Olha, eu vi a televisão nascer e, com ela, a vaidade crescer. Conheci muita gente que se perdeu por aí. Então, decidi: nunca olho para aquele olho seco e vermelho. Pode ser a perdição...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

5/4/14 6:25 PM


SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Sucessor de chefe do tráfico é preso no Rio Complexo da Maré. Fabiano Santos de Jesus, irmão do traficante Menor P, foi encontrado ontem após operação da Polícia Federal com as Forças Armadas em conjunto de favelas O traficante Fabiano Santos de Jesus. irmão do Menor P um dos comandantes do tráfico no Conjunto de Favelas da Maré no Rio de Janeiro, foi preso ontem em uma ação realizada pela Polícia Federal e pelas Forças Armadas. Segundo nota divulgada pela Força de Pacificação, Fabiano seria o “natural sucessor de seu irmão e vinha sendo procurado por diversos órgãos de seguranças e ordem pública”. Mais conhecido como Zangado, o criminoso já havia sido preso em 2006. Três anos depois foi mandado para o regime semi-aberto. No dia 2 de janeiro de 2009, saiu do Instituto Penal Plácido Sá de Carvalho, onde cumpria pena, e

BRASP_2014-05-05_7.indd 7

não voltou mais. Zangado foi encontrado em um apartamento no Conjunto Nova Esperança com outros dois suspeitos, que foram detidos para averiguação. A polícia apreendeu também duas pistolas, cartuchos de munição, mais de R$ 2 mil em dinheiro e uma motocicleta sem placa de identificação. Menor P, foi preso em março. Ele é acusado de chefiar o tráfico de drogas na Maré e de ter agredido o jogador Bernardo, do Vasco, por um envolvimento do atleta com Daiane Rodrigues, que seria a “namorada número 1” do criminoso. Na mesma época as polícias do Rio e as Forças Armadas ocuparam o complexo. METRO

Rawell. Leão furtado em SP é achado em Maringá O leão Rawell, furtado em Monte Azul Paulista, no interior paulista, foi localizado em Maringá, no norte do Paraná, anteontem. A Polícia Civil cumpriu o mandado de busca e apreensão do animal no criadouro do ex-dono do leão, Ary Marcos, que abriga mais de dez tigres. O leão, de 9 anos e 300 kg, foi furtado na madrugada de quinta-feira. Política

Fabiano Santos era procurado da Polícia | DIVULGAÇÃO/DISQUE-DENÚNCIA

|07|◊◊

O médico Oswaldo Garcia Junior, dono do criadouro onde o animal estava, diz que homens arrombaram o portão do centro de reabilitação, abriram a jaula e sequestraram o felino. Anteontem, um funcionário do criadouro de Maringá foi preso por desobediência porque não permitiu que os policiais entrassem no local. METRO Política

Novo governador do Tocantins é eleito com 15 votos

Eduardo Campos diz ter projetos distintos de Aécio

O presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, Sandoval Cardoso (Solidariedade), foi eleito ontem, governador do Estado. A eleição indireta, com 15 votos de deputados, foi realizada devido à renúncia de Siqueira Campos (PSDB) e do vice João Oliveira. METRO

O pré-candidato à presidência pelo PSB, Eduardo Campos, disse ontem que o projeto de governo dele é distinto ao de Aécio Neves (PSDB). A declaração foi feita dois dias depois de o tucano afirmar que os dois poderiam estar juntos no mesmo governo em 2015. METRO

5/4/14 8:38 PM


|08|

Empreendedorismo

BRUNO CAETANO BRUNO.CAETANO@METROJORNAL.COM.BR

ESTOQUE SOB CONTROLE É DINHEIRO EM CAIXA Você já ouviu a máxima de que estoque é dinheiro, certo? Em excesso, representa recursos parados. Se for insuficiente, significa perda de vendas ou problemas na produção por falta de matéria-prima. Sendo assim, a calibragem desse quesito refletirá nas finanças do negócio. Infelizmente, entretanto, tal controle é falho em muitas micro e pequenas empresas. O gerenciamento eficiente começa com a previsão de demanda. Calcular bem as quantidades é muito importante, principalmente quando se trata de produtos perecíveis ou dependentes de moda. Para fazer o cálculo, você pode partir do seguinte raciocínio: suponha que sua loja venda, em média, cinco unidades de um produto por dia e o tempo de reposição do fornecedor é de dois dias. O pedido para recompor o estoque deverá ser feito quando houver dez unidades no estabelecimento. Você pode trabalhar com mais mercadoria como margem de segurança para casos de atraso ou procura extra pelo consumidor. Lembre-se de que o espaço físico é determinante, já que interfere no volume e nas condições de armazenamento. Deve estar organizado por tipo de artigo, com seus lugares definidos e uma lógica para facilitar a visualização, acesso e monitoramento. Com tudo em ordem, os espaços podem ser mais bem aproveitados, inclusive para outras finalidades. Além do controle visual, o estoque deve ser acompanhado com a utilização de fichas ou de um sistema informatizado. É fundamental que os registros espelhem o que existe fisicamente. Não pode haver saída ou entrada sem contabilização. A precisão dessas informações evita que se enfraqueça a noção da necessidade de capital de giro e da demanda por algum item. Outro ponto crucial é fazer inventários periódicos para identificar perdas ou furtos; quando aparecerem diferenças, deve-se investigar a causa. Além disso, é muito útil para as finanças e planejamento de gastos constar o custo de aquisição das mercadorias. Outro princípio que você pode adotar: quando o dinheiro disponível estiver baixo, o estoque não deve estar alto. Gerenciar bem esta área só trará benefícios para o caixa da empresa. Cuide disso. Você tem uma história de empreendedorismo para contar? Escreva para mim (bcaetano@sebraesp.com.br). Este espaço também é seu. Bruno Caetano é diretor superintendente do Sebrae-SP e mestre e doutorando em Ciência Política pela Universidade de São Paulo. O Sebrae-SP é uma instituição dedicada a ajudar micro e pequenas empresas a se desenvolverem e se tornarem fortes. Saiba mais em www.sebraesp.com.br

Estudo. Copa deve gerar 700 mil novos empregos A expectativa de novos empregos no período da Copa do Mundo, que começa em 12 de junho, é otimista. Segundo dados de uma pesquisa realizada pela consultoria Man Power, 24% dos empregadores brasileiros pretendem aumentar as contratações até junho. Os números colocam o Brasil entre as vinte maiores expectativas de emprego no mundo. Os setores com maior previsão de con-

BRASP_2014-05-05_8.indd 8

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

tratações são finanças, seguros e imobiliário, transportes e serviços públicos e comércio, todos com crescimento previsto de 16%. Segundo o Ministério do Esporte, ao menos 700 mil empregos diretos e indiretos estão sendo gerados no país desde 2010. A vinda de turistas e a alta na demanda por serviços favorecem setores como comércio, restaurantes, hotelaria e agências de turismo. METRO

Devedores já podem obter juros menores Portabilidade. Novas regras para transferência de créditos entre instituições financeiras passam a valer hoje; para professor de finanças, bom relacionamento pode ajudar cliente Começam a valer hoje as novas regras para a portabilidade de crédito, recurso que permite transferir dívidas de uma instituição financeira a outra, renegociando débitos com juros mais baixos. As regras valem para vários tipos de débitos, como empréstimo pessoal, financiamento para a compra da casa própria ou de veículos, e dívidas de cartão de crédito ou de cheque especial. Aprovada em 2006, a portabilidade ganhou regulamentação do Conselho Monetário Nacional no ano passado. Em março, o Conselho Curador do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) também aprovou a portabilidade de financiamentos imobiliários concedidos com recursos do fundo. Faltava só a Caixa Econômica Federal definir as regras para esses casos. Segundo a nova regulamentação, apenas a taxa de juros poderá ser alterada em contratos novos. As garantias da dívida original e o número de parcelas devem ser mantidos. Os bancos passam a ter prazo de cinco dias para fazer uma contraproposta na tentativa de manter o cliente. O prazo é o mesmo para a realização da transferência. Custos Se o consumidor decidir pela troca, a instituição que compra o débito fica responsável pelos custos envolvidos na operação, que não podem ser repassados. “Em

A VANTAGEM DA PORTABILIDADE Simulação mostra diferença entre contratos de crédito imobiliário

PREMISSAS: DÍVIDA R$ 300 ESTIMADA: mil

PRAZO RESTANTE:

240 meses (20 anos)

CÁLCULOS: ORIGINAL AO ANO

PORTABILIDADE

AO MÊS

10% 0,797%

TAXA DE JUROS

AO ANO

AO MÊS

9%

0,72%

AMORTIZAÇÃO MENSAL (R$)

2.808,97

2.630,11

SEGURO (R$)

150

150

TAXA DO CONTRATO (R$)

25

25

TOTAL DA PRESTAÇÃO

2.983,97

2,805,11

Diferença total no contrato (240 meses) >>

DIFERENÇA 1% ao ano 178,86 – – 178,86

42.926,40

OBS: OS VALORES DO SEGURO E TAXA DO CONTRATO FORAM ESTIMADOS COM BASE EM CONSULTA AOS BANCOS E FORAM MANTIDOS FIXOS FONTE: GILBERTO BRAGA (IBMEC)

alguns casos, as taxas altas envolvidas na transferência podem inviabilizar a portabilidade”, ressalta Gilberto Braga, professor de finanças do Ibmec, no Rio de Janeiro. Segundo ele, “os custos que o cliente terá ou não de arcar ao barganhar podem fazer a diferença na decisão”. A pedido do Metro Jornal, Braga fez uma simulação de portabilidade de crédito imobiliário com recursos do FGTS. Segundo os cálculos do professor, a diferença total em um contrato de 20 anos por uma dívida imobiliária de R$ 300 mil renegociada a juros de 9% ao ano (contra originais de 10%) pode chegar perto de R$ 43 mil. Burocracia O mecanismo da portabilidade, que não é novo, re-

“Não acho que mude muito rápido, mas acredito que o brasileiro se renderá no futuro” GILBERTO BRAGA, PROFESSOR DE FINANÇAS

presenta menos de 5% das operações de empréstimos e financiamentos em instituições bancárias no país. Na opinião de Braga, isso pode mudar com as novas regras. “Não acredito que mude de maneira muito rápida, mas acho que o brasileiro se renderá no futuro”, diz o professor. “Para não ter aborrecimentos, o brasileiro prefere até pagar mais caro, porque a burocracia hoje é muito grande”, diz o professor. Para ele, será preciso en-

contrar uma maneira de reduzir essa burocracia no futuro para estimular o uso do benefício. Como fazer Para encontrar taxas de juros menores, o correntista precisa se dirigir aos bancos e renegociar a dívida. “O devedor deverá fazer uma pesquisa nos bancos”, explica. Na opinião do professor, a obtenção de melhores condições para o pagamento da dívida dependerá dos relacionamentos bancários que o cliente tem com outras instituições. “Para quem não é correntista ou não tem um relacionamento anterior com outro banco, vai ser difícil conseguir diminuir o custo, alerta. Entretanto, com eventuais mudanças na situação financeira e no relacionamento com os bancos desde o tempo da aquisição da dívida, o cliente pode ter chances melhores de conseguir condições vantajosas. “Minha sugestão para o consumidor é que ele faça uma pesquisa inicial em bancos nos quais já tem um relacionamento, em que as chances de conseguir taxas melhores serão maiores”, diz. Embora não se arrisque a dizer se as instituições estão preparadas para lidar com as novas regras, Braga diz que o mecanismo será uma boa alternativa de negócios. “As empresas bancárias gostam desse tipo de operação. Acho que vamos entrar numa era interessante”. METRO

Caixa quer financiar R$ 155 bi em 2014

Caixa quer financiar R$ 20 bi com evento | FERNANDO NEVES/FUTURA PRESS

Com 83 construtoras e 57 imobiliárias participantes, a 10a edição do Feirão Caixa da Casa Própria terminou ontem em São Paulo. O banco espera chegar a R$ 155 bilhões em concessão de crédito imobiliário em 2014, ante quase R$ 135 bilhões no ano passado. Só no evento, a Caixa espera financiar R$ 20 bilhões, valor menor que os R$ 28 bilhões de 2013. O Feirão da Caixa acontece entre os dias 16 e 18 de maio em Fortaleza (CE),

Salvador (BA), Brasília (DF), Recife (PE), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ) e Belém (PA). Nos dias 23 a 25 de maio o evento será realizado em Campinas (SP), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS) e Uberlândia (MG). Segundo a Caixa, o número de imóveis ofertados nos três finais de semana e nas 13 cidades que recebem o evento deve superar 300 mil, com cerca de 560 construtoras e 340 imobiliárias e mais de mil novos empreendimentos.

Os interessados em adquirir crédito para a casa própria devem levar ao evento documento de identidade, CPF e comprovante de renda. O prazo para o financiamento é de até 35 anos, com taxas de juros a partir de 4,5% a.a, de acordo com a renda do tomador e o valor financiado. Quem contratar o financiamento imobiliário nos Feirões da Caixa poderá optar por começar a pagar as parcelas apenas em janeiro de 2015. METRO

5/4/14 5:56 PM


SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

Brasil não tem data para sair do Haiti

{MUNDO}

|09|◊◊

Soldado brinca com crianças e lixo acumulado em Porto Príncipe | MICHELLE TROMBELLI/BANDNEWS FM

Dez anos de Minustah. Missão de Paz da ONU reduziu violência no país, mas fome ainda afeta um terço da população Em meio a uma crise nacional com a chegada em massa de haitianos ao Brasil, a Missão de Paz da ONU para a estabilização do país caribenho completa 10 anos sem data para ser encerrada. Em abril de 2004, o Conselho de Segurança aprovou a criação da Minustah para tentar conter uma guerra civil promovida por gangues políticas no Haiti. O Brasil assumiu o comando militar da missão e já investiu mais de R$ 2 bilhões, dos quais a ONU reembolsou apenas 30%. Hoje, 1.450 membros das Forças Armadas trabalham no Haiti. Os contingentes se revezam a cada seis meses. Em 10 anos, 31.832 brasileiros já atuaram na Missão. Violência Os dados indicam que o Haiti tem números melhores que o de algumas cidades brasileiras. As mortes violentas, por exemplo, não chegam a 30 por mês em todo o país. “Os números são frágeis e podem se deteriorar rapidamente por uma falha institucional”, avalia o general brasileiro José Luiz Jaborandy Junior. “Para sair daqui, precisamos ter certeza de que o governo do Haiti saberá conduzir os destinos do país”. Um dos principais objetivos da Minustah é fortalecer a polícia haitiana, que hoje tem 11 mil homens, o dobro de 2004. “Temos visto progresso na atuação da polícia e nossa meta é chegar a ter 15 mil homens”, diz Sandra Honoré, representante da ONU em Porto Príncipe. Se a segurança é considerada estável, pobreza e falta de emprego ainda são problemas latentes na capital. É no distrito de Cité Soleil que o Haiti faz jus ao título de país mais pobre das Américas. A carência salta aos olhos e contrasta com o azul do Mar do Caribe. Nesse cenário, tomado de favelas e um forte odor devido ao lixo e à falta de saneamento, o pequeno Mansler, de oito

BRASP_2014-05-05_9.indd 9

anos, segura nos braços a irmãzinha, de apenas dois. “Eu cuido dela para minha mãe buscar a vida”, diz. A expectativa de vida é de 56 anos e praticamente não há idosos nas ruas. A ausência do poder público faz com que 80% da população viva abaixo da linha da pobreza, com apenas um dólar por dia. Em construção Mais de quatro anos após o terremoto que matou 220 mil pessoas, Porto Príncipe é uma cidade em construção. Um dos símbolos disso são os milhares de caminhões que tomam as ruas da capital e tornam o trânsito ainda mais caótico. Dos mais de 1,5 milhão de desabrigados, 90% já deixaram os campos de deslocados, mas ainda há cerca de 300 desses acampamentos pelo país. A fome ainda é uma realidade para um terço da população. Segundo o Programa Mundial de Alimentos da ONU, uma em cada cinco crianças sofre de desnutrição crônica. Para tentar driblar o problema, a família da jovem Délange Nicolas criou há mais de 20 anos o biscoito de barro: “Usamos manteiga, água, terra e sal e vendemos nos mercados. Quando a gente come com água, diminui a fome”. Mesmo com tantas dificuldades, a maioria dos haitianos vive com sorriso no rosto. Chamam a atenção as roupas sempre impecáveis, não importa a classe social, principalmente o uniforme escolar. Para o tradutor Chamin Ajan, isso tem a ver com a colonização. “É a presença da França na cultura, gostamos de estar sempre bem vestidos”. MICHELLE TROMBELLI BANDNEWS FM Ouça a série de reportagens sobre o Haiti no Metro www.metrojornal.com.br

5/4/14 10:17 PM


|10| EUA

Em jantar anual, Obama zomba de si mesmo O presidente dos EUA, Barack Obama, zombou de si mesmo no jantar anual de correspondentes da Casa Branca, no sábado, em meio às comemorações do centenário da Associação de Correspondentes dos EUA. “Em 2008, meu slogan era ‘Yes, We Can’. Em 2013, era ‘Control + Alt + Del’”, brincou, em referência a problemas técnicos do site de seu programa de saúde, o Obamacare. Criticando o canal conservador Fox News, Obama brincou: “Sejamos francos, terão saudade de mim. Será muito mais difícil convencer as pessoas de que a Hillary nasceu no Quênia”. Obama ironizou a indicação do presidente russo, Vladimir Putin, ao Nobel da Paz. “Pode parecer louco, mas hoje o prêmio é dado a qualquer um”, disse. METRO

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

Kiev acusa Rússia de ter um plano para ‘destruir Ucrânia’ O premiê interino da Ucrânia, Arseny Yatseniuk, acusou a Rússia ontem de estar por trás do incêndio que matou mais de 40 pessoas em Odessa na sexta-feira, colocando o país mais perto de uma guerra civil. Segundo Yatseniuk, o incidente, o que mais causou mortes desde a deposição do premiê Viktor Yanukovich, faz parte de “um plano russo para destruir a Ucrânia”. “O que ocorreu em Odessa faz parte do plano da Federação Russa para destruir a Ucrânia e seu Estado”, disse o premiê em uma entrevista coletiva que concedeu em Odessa, depois de se reunir com autoridades locais e representantes da sociedade civil na cidade, a terceira maior do país. Yatseniuk também atacou as forças policiais de Odessa, sugerindo que os agentes estavam mais interessados nos frutos da cor-

Violência. Incêndio em Odessa, terceira maior cidade do país, matou mais de 40 pessoas, no incidente mais violento da crise

Incêndio em Odessa matou mais de 40 pessoas | YEVGENY VOLOKIN/REUTERS

rupção do que em manter a ordem. “Se houvessem feito seu trabalho, essas organizações terroristas teriam sido frustradas”, acusou. Slaviansk Um porta-voz dos separatistas pró--Moscou disse ontem que o exército da Ucrânia

bloqueou a principal estrada de acesso a Slaviansk, cidade no leste do país que se tornou reduto de ativistas. A ofensiva, parte da chamada operação “antiterrorista” de Kiev, ocorre uma semana antes do referendo previsto para 11 de maio para a criação de uma re-

pública autônoma. Segundo analistas, a incursão do Exército seria uma forma de impedir a votação. Diplomacia e gás Ontem, o ministro alemão de Exterior, Frank-Walter Steinmeier, pediu a realização de uma segunda confe-

rência internacional em Genebra para pôr fim à crise na Ucrânia. Steinmeier disse que o objetivo da reunião seria “fazer acordos claros sobre como nós podemos colocar um fim a esse conflito e mover-nos gradualmente em direção a uma solução política”. “Qualquer outra coisa seria irresponsável porque isso só significa que há mais vítimas”, acrescentou. Por telefone, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente russo, Vladimir Putin, discutiram ontem a crise e destacaram a importância de uma “ação efetiva internacional” para reduzir a tensão, segundo o Kremlin. Eles também discutiram o fornecimento de gás natural russo para a Ucrânia. Na sexta-feira, Moscou ameaçou cortar o fornecimento em julho, se não receber adiantamento de pagamento de Kiev. METRO

ONU acusa Damasco de barrar ajuda humanitária O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse ontem que “a resistência burocrática” do governo de Bashar al-Assad impede a chegada de ajuda a milhões de sírios necessitados, em meio ao conflito que já dura três anos. Em entrevista a um canal de TV saudita, Ban disse que deixou de manter contato direto com Assad depois de meses em que o ditador sírio “não manteve suas proAcidente 1

Acidente 2

soas em áreas em que a ONU não consegue acesso para entregar a ajuda humanitária. “Não falta material para entregar, trata-se apenas de resistência burocrática do governo sírio”, disse. O regime e os rebeldes são acusados de impedir a entrega de alimentos e medicamentos a 250 mil pessoas, em áreas sitiadas, fazendo com que a fome force os adversários a se entregar. METRO Acidente 3

Descarrilamento na Índia mata 19

Choque no metrô fere 170 em Seul

Acidente fere 19 no metrô de NY

Ao menos 19 pessoas morreram ontem quando um trem de passageiros descarrilou no oeste da Índia. Segundo a polícia, mais de 130 pessoas ficaram feridas. O acidente aconteceu a cerca de 100 quilômetros ao sul de Mumbai, capital financeira do país. O motor e alguns dos vagões do trem saíram dos trilhos. A causa do acidente não foi revelada.

Uma batida entre dois trens no metrô de Seul, capital da Coreia do Sul, deixou ao menos 170 feridos na sexta-feira. O choque foi provocado por falha na sinalização, segundo autoridades. O acidente aconteceu pouco mais de duas semanas depois do naufrágio de uma balsa em que cerca de 300 pessoas morreram ou desapareceram na costa sudoeste do país. METRO E AGÊNCIAS

Um trem do metrô de Nova York com cerca de mil passageiros descarrilou na sexta-feira deixando 19 feridos, quatro deles em estado grave. Seis dos oito vagões descarrilaram, segundo a polícia. No último incidente do tipo na cidade, em 1991, na Union Square, seis pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas. O maquinista estava alcoolizado e foi condenado. METRO

METRO E AGÊNCIAS

BRASP_2014-05-05_10.indd 10

messas”. Em abril, Ban disse que nenhuma das partes envolvidas no conflito estava cumprindo as exigências da ONU sobre acesso de ajuda humanitária. Ontem, ele retomou o tema e disse que uma resolução do Conselho de Segurança aprovada em fevereiro exigindo acesso rápido, seguro e sem impedimentos “não ajudou muito”. Segundo Ban, há 3 milhões de pes-

5/4/14 9:41 PM


BRASP_2014-05-05_11.indd 11

5/4/14 5:10 PM


BRASP_2014-05-05_12.indd 12

5/4/14 5:11 PM


SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{SAÚDE E BEM-ESTAR}

|13|◊◊

Ajude seu filho a combater a depressão Saúde. Mais de 20% dos jovens têm sintomas da doença no Brasil. Alteração de sono e de apetite são alguns dos sintomas Os jovens são tão suscetíveis à depressão quanto os adultos. Passar pela adolescência e chegar à fase adulta é muitas vezes difícil psicologicamente e, por isso, ter o apoio dos pais é fundamental. Um estudo da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) mostra que 21,2% dos jovens brasileiros têm sintomas de depressão. A pesquisa foi realizada com 1.742 jovens de 14 a 25 anos de 149 cidades do país. De acordo com o levantamento, o índice é maior entre as mulheres, 28,3%. Já entre os homens o índice de depressivos é de 14,1%. Segundo a psiquiatra Dinah Akerman, a depressão pode surgir em razão

BRASP_2014-05-05_13.indd 13

Tratamento Dicas para ajudar a combater a depressão de seu filho: • Ouça seu filho • Procure reduzir as brigas em casa • Ajude seu filho a se sentir importante

de mudanças, como a separação dos pais, ou por causa de bullying. Por isso, é preciso atenção. Ao perceber que seu filho está diferente, mais triste ou irritadiço, tem alteração de sono (insônia ou sono excessivo),

alteração de apetite e se isola socialmente, procure ajuda médica. Mas, além de buscar a ajuda profissional, como terapia e antidepressivos, os pais devem lutar contra a depressão junto com seu filho. Conversar, incentivá-lo a novas atividades, a participar da aula e a um maior convívio social ajuda o jovem a não se sentir sozinho e triste. “O pai não pode encarar a depressão como uma gripe, que passa em três dias, mas sim como uma doença que demora muito para ser curada e em que a ajuda no dia a dia é muito importante”, afirma a psiquiatra. METRO

+ ESPECIAL

Alimentação

Ômega 3

Insônia e desânimo podem ser sintomas da doença | IMAGE SOURCE/DIRK LINDNER

Os alimentos ricos em ômega 3, como salmão, atum, brócolis, espinafre, azeite de oliva, mel, chá verde, banana e ovo, ajudam a tratar a depressão.

5/4/14 5:22 PM


2 CULTURA

Roberto Carlos

Quase esgotado

Restam poucas entradas para a série de shows que o Rei começa nesta sexta no Espaço das Américas, o que motivou a abertura de duas apresentações extras nos dias 24 e 25, com ingressos entre R$ 150 e R$ 540, à venda no site ingressorapido.com.br

|14|

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

De volta ao batente

Estreia amanhã. Kiefer Sutherland encarna novamente o papel do agente durão Jack Bauer em ‘24 Horas: Viva um Novo Dia’, minissérie com metade dos episódios de cada uma das oito temporadas regulares da produção, encerrada em 2010 Após quatro anos fora do ar, a série de ação “24 Horas” retorna como uma minissérie de 12 episódios. “24 Horas: Viva um Novo Dia” estreia amanhã, às 22h30, na Fox, apenas um dia após sua exibição nos Estados Unidos, com dois episódios em sequência. Agora, o público vai encontrar Jack Bauer (Kiefer Sutherland) em um novo cenário. É em Londres que ele vai ter a oportunidade de se redimir da condição de foragido da justiça americana em que se encontrava desde o último episódio da série, em 2010. Perseguido pela CIA, o ex-agente vai por em risco a própria liberdade para evitar um atentado terrorista de proporções catastróficas, em um retorno que também traz de volta outros personagens, como Chloe (Mary Lynn Rajskub) e James Heller (William Devane), antes secretário de Defesa que agora surge como o presidente dos EUA.

“[Fazer 12 episódios] é desafiador no sentido de que as histórias estão mais concentradas. Há menos espaço para rodeios.” MANNY COTO, PRODUTOR-EXECUTIVO

“[Filmar em Londres] foi um jeito de trazer a série de volta de um jeito impactante e diferente e que tem a ver com o exílio do personagem ao fim da oitava temporada. E há algo de excitante em ver Jack Bauer correndo pelas ruas de Londres. É um ambiente completamente diferente para um herói verdadeiramente americano”, justifica o produtor-executivo Evan Katz. Uma das grandes curiosidades em relação a “24 Horas: Viva um Novo Dia” tem a ver com seu formato. Afinal, um dos grandes diferenciais da série, lançada em 2001, foi o fa-

to de ela simular uma exibição em tempo real, com cada episódio referente a uma hora do dia, com um relógio na tela cronometrando a ação. A promessa é que essa característica vai ser mantida, mas com saltos temporais entre os episódios a fim de fechar um dia inteiro de ação. Segundo o também produtor-executivo Manny Coto, a decisão pelo corte de episódios foi da própria Fox. “É mais fácil no sentido de que é metade do trabalho, mas também é desafiador no sentido de que as histórias estão mais concentradas. Há menos espaço para rodeios. Em uma temporada de 24 episódios, há episódios de transição em que acontece menos coisa do que em outros. Mas, agora, todos os episódios precisam ter cara de estreia”, diz ele. NED EHRBAR METRO INTERNACIONAL

Jack Bauer conduz a ação da nova série em Londres | DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO

DJAVAN Cantor fala sobre a emoção da turnê do álbum ‘Rua dos Amores – Ao Vivo’, ao lado de músicos que o acompanham há 15 anos

Djavan comenta sua obra com a mesma simplicidade com que a interpreta. Em entrevista ao Metro Jornal, ele fala sobre a turnê do CD e DVD ao vivo “Rua dos Amores”, que chega a São Paulo nos dias 6 e 7 de junho, no Citibank Hall, com ingressos entre R$ 70 e R$ 240 (à venda em ticketsforfun.com.br). Por que gravar um ao vivo de ‘Rua dos Amores’ (2012)? Eu queria registrar os momentos. Detalhes da minha relação com os músicos que me acompanham há 15 anos e minha performance musical do ponto de vista da convivência com eles. É uma coisa muito legal, que me deixa muito feliz. Até hoje estamos em turnê e continuamos com uma atmosfera de amizade. A energia do ao vivo é diferente. Qual é o seu sentimento em relação a isso? O ao vivo e o estúdio são duas coisas completamente distin-

BRASP_2014-05-05_14.indd 14

“RUA DOS AMORES – AO VIVO” DJAVAN SONY/BMG R$ 30 (DVD) R$ 20 (CD)

tas. Eu adoro o estúdio, mas gosto de cantar ao vivo, fazer show, sentir o tête-à-tête com o público. É algo que me deixa muito feliz, renova minhas energias. O ao vivo é muito complexo. Envolve muita gente trabalhando, muitas câmeras, e o cenário muda completamente. A grande arte é você fazer de conta que nada disso existe, que nada mudou, que o show transcorre normalmente. O show tem que continuar como se nada estivesse acontecendo. Vamos falar de novos projetos. Quais são os planos para a celebração de seus 40 anos de carreira? Isso é só ano que vem. Este ano vou com a turnê até dia

11 de junho, no Circo Voador, no Rio de Janeiro, onde não canto há 21 anos. Em setembro, lanço uma caixa com toda minha obra remasterizada e algumas músicas remixadas. Além disso, tem também dois discos extras, um de raridades – com gravações e projetos com outros artistas, com músicas que eu não ouço há anos – e outro com canções em inglês e espanhol. O que os fãs podem pensar desses novos projetos? Espero que não pensem nada (risos). As pessoas, no geral, não sabem o que esperar. Isso me agrada muito. Quero realmente fazer um trabalho que tenha frescor, novidade. A previsibilidade é algo que me mataria, mas, graças a Deus, ninguém sabe o que pode esperar deste trabalho, nem mesmo eu. VINICIUS ARRUDA METRO GRANDE VITÓRIA

5/4/14 7:12 PM


SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

Band lança hoje novo formato de noticiário Estreia. Aline Midlej e Luiz Megale buscam se aproximar do espectador no ‘Café com Jornal’, que vai ao ar de segunda a sexta-feira das 6h às 9h Um telejornal dinâmico, informal e interativo. Assim é o “Café com Jornal”, que estreia hoje na Band e vai ao ar sempre de segunda a sexta-feira das 6h às 9h. A proposta é aproximar o conteúdo noticioso do telespectador e deixá-lo bem informado já no início da manhã de forma despretensiosa e espontânea. A apresentação está a cargo de Aline Midlej e Luiz Megale. Ambos carregam extensas trajetórias como repórter e prometem levar para a tela a vivência da rua e do contato com as pessoas. “Eu me sinto honrada de ser uma das caras desse novo projeto, porque o ‘Café com Jornal’ é mais que um novo telejornal, ele é realmente

BRASP_2014-05-05_15.indd 15

“Quem assistir ao ‘Café com Jornal’ vai se identificar bastante com esse lado mais impessoal do noticiário e, é claro, com uma reportagem de qualidade, com bons repórteres e boas pautas.” LUIZ MEGALE, APRESENTADOR

uma nova proposta, um novo jeito de se comunicar com o telespectador, de trazer uma conversa mais honesta, de igual para igual”, diz Midlej. Essa aproximação promete se dar com uma forte interação dos apresentadores com o público por meio das redes

sociais Twitter, Instagram e WhastApp. “A gente vai ter não só uma conversa franca e de igual para igual com o espectador, mas também a participação dele na forma de fotos, vídeos… Ele vai ajudar a construir nossa programação”, explica Megale. O jornalismo ganha ainda o reforço dos repórteres das emissoras de rádio do Grupo Bandeirantes, que entrarão ao vivo, da rua, trazendo as notícias mais quentes para o telespectador. Outro diferencial são quadros semanais relacionados ao serviço público e uma equipe de dez colunistas que vão se revezar para tratar de assuntos como artes, bem-estar, esporte, carreira e tecnologia. METRO

Informalidade com responsabilidade pauta a dupla apresentadora do programa

{CULTURA}

|15|◊◊

Mostra. Teatro e cinema do México entram em foco na USP Em parceria com a Universidad Nacional Autónoma do México, a USP realiza de hoje ao dia 18 uma mostra para debater a produção audiovisual e dramatúrgica desse país. O Cinusp recebe sessões desde clássicos, como “Os Esquecidos” (1950), de Luis Buñuel, a produções recentes, como “Güeros” (2014), de Alonso Ruiz Palacios, sempre de segunda a sexta, às 16h e 19h, enquanto o Centro Universitário Maria Antônia exibe os longas às 20h (sextas) e às 18h e 20h (sábados e domingos). Já a SP Escola de Teatro hospeda leituras dramáticas de amanhã ao dia 10, sempre às 19h30. A mesa de abertura do evento acontece hoje, às 19h, na Tenda Cultural Ortega Y Gasset, na USP, seguida da apresentação da peça “La Banda Del Automóvil Gris”. Toda a programação é gratuita e pode ser conferida no site prceu.usp.br/tendacultural ortegaygasset. METRO

5/4/14 5:26 PM


|16|

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{VARIEDADES} Os invasores

Leitor fala

Plano Diretor

CIRO & BERNARDO

VOLTA, LULA? RESSUSCITA, JUSCELINO!

Cruzadas

Caros e baratos leitores, bom dia! Está no ar o PÂNICO NO JORNAL, o seu Prozac Impresso! A Dilma disse que não vai fazer discurso na abertura da Copa, pois tem medo que joguem banana nela. BANANA DE DINAMITE! Kkkk! Volta, Lula! Volta pra escola! Aliás, não volta não! Ressuscita, Juscelino! Muito melhor! Que saudades do Juscelino, do Senna, da Elis e da Garota de Ipanema! Hoje é Dilma, Massa, Valesca e Lepo Lepo! Ninguém mereceee!

CÉLIA ANDRADE - SÃO PAULO, SP

Festa 1o de Maio Ao ler a matéria “Festa do 1o de Maio vira palanque eleitoral em SP” publicada no Metro Jornal do dia 2, fiquei muito incomodada com essa atitude dos pré-candidatos em fazer campanha eleitoral antecipada.

ONTEM TEVE PARADA GAY EM SÃO PAULO! Teve até casamento na Paulista! Vocês viram duas fãs da Daniela Mercury casando de velcro e grinalda? Aliás, sabe qual é a posição sexual preferida da Daniela Mercury? Mamãe e mamãe. E uma gordinha sexy me perguntou: “Você sabe ONDE FICA O PONTO G da mulher gorda?” Sei, fica na ETIQUETA! Hehehehe! FALTAM 48 DIAS PARA A COPA DO MUNDO! E veja as previsões deprecívicas do Polvo Vidente! Primeira Previsão: o Brasil vai ganhar a Copa com um gol de bunda do Hulk. Brasil sil sil. Segunda Previsão: o Cristiano Ronaldo vai machucar a cutícula na manicure e vai ser cortado no primeiro jogo. Terceira Previsão: o Ronaldo vai sentar na arquibancada e o Itaquerão vai desmoronar! Kkkk! Não vai ter Copa! Volta, Lula! Volta pra escola! Volta pro boteco e pede a saideira! Aliás, não volta não! Ressuscita, Juscelino! Por falar em futebol, um amigo meu estava trocando de canal na TV. Ele botava no futebol, depois mudava pro filme pornô. Futebol, filme pornô, futebol, filme pornô, até que a mulher gritou: “Deixa no filme! Jogar futebol você já sabe!” hehehehe!

LUCIANO BORGES - SÃO PAULO, SP

Metro Pergunta

Começa a valer hoje a portabilidade de crédito, que permite transferir a dívida para outro banco. Você está endividado?

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metro

@ester.vieira

Sim. Não consegui me programar no começo do ano e fiz um empréstimo.

Sudoku

E pra terminar! Três Piadas bombásticas e sensacionais do Jornal dos Dois Echás! 1) Sabe qual é a ferramenta que não está mais aqui? Foice!

www.metrojornal.com.br

VOCÊ JÁ VISITOU O SITE DO METRO HOJE?

2) Sabe qual é o lanche preferido do Edir Macedo? Cachorro-crente.

Acesse metrojornal.com.br e confira as reportagens em andamento que estão na área “Faça o Metro de Amanhã” na nossa página inicial. 

3) Sabe por que o Chile é um saco? Porque fica embaixo do Peru! Kkkkkkk! Pânico no Jornal também é cultura! E agora, com licença, que vou assistir Bananas do Woody Allen! Yes, we have bananas!

Aqui, você irá além dos comentários. Sua participação vai nos ajudar no desenvolvimento de reportagens que também serão publicadas – com a sua assinatura – na versão impressa do Metro.

Por hoje é só! Ciro Botelho e Bernardo Penteado! Os Colunáticos! Direto da redação do Pânico na Band! Twitter: @ciraobotelho / @bernardpenteado

Para falar com a redação:

Ciro Botelho e Bernardo Penteado são redatores de humor no programa ‘Pânico na Band’, autores de sátiras como ‘Video Soul’, ‘Jornal dos Dois Echás’, ‘Jô Suado’, entre outros. Juntos há dez anos na TV, lançaram os livros ‘Piadas Fantárdigas de Tiririca’ e As Melhores Piadas de Bêbado’ (ed. Matrix). Também escrevem o blog ‘Colunáticos’ no site do ‘Pânico na Band’ (paniconaband.band.uol.com.br)

Horóscopo

Concordo que deva ser tomada alguma medida para solucionar o problema de moradia na cidade, mas não concordo com projeto aprovado anteontem, como informou o Metro Jornal do dia 2 na reportagem “Plano libera moradias em áreas de preservação”. Existem vários prédios abandonados no centro que poderiam servir de moradia para as pessoas. A região tem acesso à transporte público, hospitais, comércio, uma condição de vida diferente da que é encontrada na região das represas Billings e Guarapiranga.

leitor.sp@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Momento propício para abandonar alguns métodos convencionais e lidar com mais criatividade na área profissional.

Possibilidades maiores para se voltar a assuntos de outras pessoas. Cuide para que tal postura não sobrecarregue demais suas energias.

Questões que envolvam burocracias estão mais propensas no trabalho e em temas materiais, áreas para agir com estratégia e menos risco.

O empenho em estudos e atividades culturais que façam bem a sua mente será uma ótima alternativa para iniciar a semana revitalizado.

Há uma tendência para empenho a novos projetos. Evite que os desgastes que percebeu em outras situações afete e atrapalhe sua motivação.

Perceberá pontos de vista diferentes ou que não percebia com tanta intensidade nas relações, algo benéfico para lidar melhor com elas.

Assuntos financeiros ocuparão a atenção para ajustar pendências. Estará mais suscetível a demonstrações de afeto na vida a dois.  

O dia é indicado para situações em grupos e mesmo um fim de tarde de lazer com amigos para amenizar desgastes.

Sacrifícios ou desgastes maiores tendem a marcar o trabalho para agilizar projetos no futuro. Vida afetiva propensa a esclarecimentos.

A Lua em seu signo pela manhã tende a deixar suas emoções acentuadas. Pondere antes de decisões que envolvam relacionamentos.

Tendências a dedicar o foco em projetos a longo prazo. Procure vivenciar com mais otimismo situações que os envolvam.

Sua solidariedade estará acentuada a quem mais gosta. Atente-se para que tal postura não faça esquecer de você mesmo.

BRASP_2014-05-05_16.indd 16

5/4/14 5:45 PM


SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

Santos LUIZ FERNANDO MENEZES / FOTOARENA

Último gol de Damião foi no dia 30 de março

Damião corre risco de ir para o banco, diz Oswaldo Após mais uma partida apagada de Leandro Damião, no empate por 0 a 0 contra o Grêmio, sábado, o técnico Oswaldo de Oliveira admitiu que o centroavante pode ir para o banco do Santos. O treinador mostrou que ainda deposita confiança no camisa 9, mas cobrou uma melhora do jogador. “A função de treinador exige paciência. Então, sempre vou ser paciente. Agora, isso não significa que ele não vá sair da equipe. Tudo tem um limite. É um artilheiro, mas se não produzir gradativamente, ele poderá ser substituído”, disse. METRO

BRASP_2014-05-05_17.indd 17

{ESPORTE}

|17|◊◊

Sinal amarelo está ligado no Verdão De virada. Verdão leva 4 a 2 do Flamengo e soma duas derrotas em três partidas

42 FLAMENGO

PALMEIRAS

O Palmeiras amargou ontem sua segunda derrota consecutiva no Campeonato Brasileiro. Depois de acabar a etapa inicial vencendo por 2 a 1, o Verdão foi atropelado pelo Flamengo no segundo tempo e saiu do Maracanã com uma derrota por 4 a 2, em jogo válido pela terceira rodada. O alviverde não se intimidou na casa do rival. Aproveitando os espaços defensivos deixados pelos anfitriões, o alviverde tratou de abrir o placar logo aos 10 minutos. Após boa troca de passes, a bola é

rolada para Wesley, que, de fora da área, soltou a bomba no canto direito de Felipe. Mas nem deu tempo de comemorar. Três minutos depois, Paulinho aproveitou a sobra para igualar. Aos 30, após belo passe de Valdivia, o estreante Henrique empurrou para as redes para colocar o Verdão de novo em vantagem. Na volta do intervalo, porém, o Flamengo empatou logo aos 4 minutos, com o ex-palmeirense Márcio Araújo. O rubro-negro cresceu. E não demorou para virar o jogo. Aos 24, Alecsandro aproveitou rebote para anotar o terceiro. O camisa 19 ainda fez o quarto, aos 27, após contra-ataque preciso, e selou a vitória flamenguista. METRO

3 ESPORTE

Surpresa?

Alan Kardec

Márcio Araújo anotou o segundo do Flamengo | CESAR GRECO / FOTOARENA

O atacante, que deve assinar hoje seu vínculo com o São Paulo, será a surpresa da convocação brasileira para a disputa da Copa do Mundo, quarta-feira. A informação é do apresentador da Bandeirantes, Milton Neves.

5/4/14 6:59 PM


|18|

SÃO PAULO, SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Brasileirão

O QUE ROLOU NAS COPAS w

3ª rodada

SERGIO PATRICK

SÁBADO

2

X

0

X

2

X

1

X

SÃO PAULO

SANTOS

ATLÉTICO-PR

FLUMINENSE

2 0 3 2

DA RÁDIO BANDEIRANTES

AM 840 / FM 90,9 CORITIBA

REI DE NÁPOLES GRÊMIO

CRUZEIRO

VITÓRIA

ONTEM

4

X

FLAMENGO

BAHIA

1

X

2

X

1

X

0

X

0

X

INTERNACIONAL

CRICIÚMA

Guerrero anotou o gol que deu a vitória ao Corinthians | JARDEL DA COSTA/FUTURA PRESS

2 0

PALMEIRAS

BOTAFOGO

1

SPORT

0

FIGUEIRENSE

ATLÉTICO-MG

CHAPECOENSE

1

GOIÁS

1

CORINTHIANS

CLASSIFICAÇÃO SÉRIE A 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

CORINTHIANS CRUZEIRO INTERNACIONAL GOIÁS FLUMINENSE BAHIA SÃO PAULO ATLÉTICO-PR FLAMENGO SPORT VITÓRIA GRÊMIO CRICIÚMA PALMEIRAS CORITIBA SANTOS ATLÉTICO-MG CHAPECOENSE BOTAFOGO FIGUEIRENSE

P 7 7 7 7 6 6 5 4 4 4 4 4 3 3 3 3 1 1 1 0

V 2 2 2 2 2 2 1 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0 0 0 0

GP SG 3 3 6 2 5 2 2 2 5 3 4 2 6 3 5 0 4 0 4 0 4 0 2 0 2 -1 4 -2 2 0 1 0 1 -2 1 -2 2 -4 0 -6

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B

25 gols

foram anotados na rodada

BRASP_2014-05-05_18.indd 18

Timão sofre, mas passa por blitz da Chapecoense Brasileirão. Em jogo de muita marcação, Corinthians arranca vitória por 1 a 0 sobre time de Santa Catarina com gol de Guerrero O Corinthians sofreu com a forte marcação da Chapecoense, mas conseguiu a vitória por 1 a 0 em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Guerrero anotou o gol do triunfo alvinegro, que agora soma 7 pontos na competição. A vida do Corinthians contra o time de Chapecó não foi das mais tranquilas. Apoiado pela torcida, o time da casa armou um verdadeiro ferrolho para segurar o alvinegro. E conseguiu.

01 CHAPECOENSE CORINTHIANS

Apesar de não sofrer grandes sustos, o Timão também não conseguiu furar a barreira imposta pelo time de Santa Catarina. E o jogo ficou muito truncado. Na etapa complementar, o jogo ficou um pouco mais aberto. Apesar disso, as oportunidades de gol ain-

da eram raras. A melhor delas veio dos pés de Jadson, em cobrança de falta frontal, que passou raspando o ângulo esquerdo do goleiro Danilo. Isso até os 32 minutos, quando o Timão conseguiu anotar o seu tento. Após bagunça na área da Chapecoense, a bola sobrou limpa para Paolo Guerrero, livre, na pequena área. O peruano ainda teve tempo de dominar antes de encher o pé para estufar as redes e garantir a vitória alvinegra. METRO

O napolitano pode até ser cidadão italiano, mas vive sua cultura e sua história próprias intensamente. Fala o dialeto, acha a sua pizza a melhor do mundo e enlouquece quando vê Diego Armando Maradona. O craque argentino chegou à Itália em 84 para fazer o Napoli duas vezes campeão nacional com jogadas geniais e muito carisma. Ele mal podia passear pelas ruas da cidade. Uma das mais bonitas histórias de paixão entre time, cidade e jogador que já se viu. Na semifinal da Copa do Mundo de 1990, contra a Itália, a torcida se dividiu no estádio San Paolo entre o ídolo do time local e a seleção do país. Mesmo com o tornozelo direito machucado, Maradona levou a Argentina à final, perdida para a Alemanha por 1x0.

BRASIL COM TRÊS ZAGUEIROS

E foi justamente Maradona quem acabou com o Brasil naquela Copa. Com uma arrancada no segundo tempo, abriu espaço na defesa e lançou para Canniggia eliminar a seleção brasileira nas oitavas de final, o pior desempenho desde 1966. Quase ninguém foi poupado, mas poucos sofreram tanto quanto o técnico Sebastião Lazaroni, mesmo com o título da Copa América de 1989, e o volante Dunga, tido como exemplo do futebol feio que a equipe jogava. Quatro anos depois, no entanto, com a mesma base, Dunga levantaria a taça como capitão nos EUA.

HORA CERTA E LUGAR CERTO

Não dá pra imaginar que alguém apostasse em Toto Schillaci como artilheiro da Copa de 1990. Baixinho e careca, ele começou o torneio no banco, mas logo no primeiro jogo, contra a Áustria, substitui Carnevale para marcar o gol da vitória italiana. Só virou titular na terceira partida e, com a força da torcida da casa, balançou as redes seis vezes para ser o maior goleador do Mundial. Outro que aproveitou a Copa para brilhar foi Roger Milla. Com 38 anos na Copa, ele será lembrado não só pelos quatro gols marcados, um deles roubando bola do folclórico goleiro colombiano Higuita, que adorava driblar atacantes, mas também pela alegria das suas comemorações com danças típicas de Camarões. Colaboraram Leandro Quesada, da Rádio Bandeirantes, e Arthur Covre e Fábio França, da Bandnews FM. Sergio Patrick é apresentador da Rádio Bandeirantes, que comanda a Cadeia Verde e Amarela das rádios do Grupo Bandeirantes nas transmissões da Copa do Mundo. A coluna O QUE ROLOU NAS COPAS traz histórias e personagens de todos os mundiais. Envie sua sugestão para spatrick@band.com.br .

Federação oferece R$ 5 mil para denunciarem quem atirou privada A Federação Pernambucana de Futebol, em parceria com o Disque-Denúncia do Estado, decidiu oferecer uma recompensa de até R$ 5 mil para quem der alguma informação que possa ajudar a identificar o suspeito de ter arremessado um vaso sanitário no estádio do Arruda na sexta-feira, causando a morte de um torcedor do Sport. O objeto foi atirado das arquibancadas, onde aconteceu a partida entre Santa

Cruz e Paraná, válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. “Temos inúmeros casos que foram resolvidos após o oferecimento da recompensa. Apesar de muitos denunciarem crimes, mesmo sem esse estímulo, é inegável que a recompensa acaba gerando ainda mais informações”, disse Carmela Galindo, superintendente do Disque-Denúncia de Pernambuco.

Dilma pede delegacia A presidente Dilma Rousseff usou o Twitter para defender a abertura de delegacias especializadas nos estádios após o incidente. “A morte do torcedor Paulo Ricardo Silva depois de uma partida de futebol no Recife é mais um triste exemplo da urgência de se instalar delegacias especializadas nos estádios. A violência precisa ser coibida com rigor pelas polícias locais.” METRO

Abriu o bico. Reserva, Ganso critica esquema tático de Muricy No banco de reservas do São Paulo durante a maior parte do duelo que acabou empatado por 2 a 2 contra o Coritiba, sábado, no Pacaembu, Ganso criticou o esquema tático de Muricy Ramalho ao ser questionado sobre como adminis-

trou a reserva. “É difícil. Quatro atacantes sem ninguém para criar e todos recebendo bola de costas. Entrei bem, o time teve chances e poderíamos ter saído de campo com a vitória”, falou o meia à Rádio Globo. METRO

5/4/14 9:47 PM


Sテグ PAULO - SEGUNDA-FEIRA, 5 DE MAIO DE 2014

5/4/14 5:01 PM

BRASP_2014-05-05_1capa.indd 1


BRASP_2014-05-05_2capa.indd 2

5/4/14 5:02 PM

20140505_br_metro sao paulo  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you