Issuu on Google+

PASCAL RONDEAU/ALLSPORT

KAI PFAFFENBACH/REUTERS

20 ANOS SEM

Pepe, do Real, confere o primeiro gol de Sergio Ramos

SENNA

EM 1º DE MAIO DE 1994 A F-1 PERDIA UM DE SEUS MAIORES PILOTOS. O BRASIL, UM ÍDOLO DENTRO E FORA DAS PISTAS ESPECIAL PÁGS. 13 A 18

SÃO PAULO Quarta-feira, 30 de abril de 2014 Edição nº 1.782, ano 7

MASSACRE EM MUNIQUE

MÍN: 13°C MÁX: 25°C sunny

snow

partly

rain

www.metrojornal.com.br | leitor.sp@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro sunny

hazy

showers

cloudy

sleet

REAL FAZ 4 A 0 NO BAYERN E VAI À FINAL DA LIGA DOS CAMPEÕES thunder

part sunny/ showers

thunder showers

windy

PÁG. 28

M E A H N ARA !

! ! E U CHOQ

O EM IN H R E O R T ENTA ELEC R F N E HÃ PÁG. 22 I N Ó A R E M H A IA E QUE ESTR A R U T N E V A

CLIMA QUENTE NA CÂMARA

Dilma cai; Aécio, Campos e Bolsa sobem Presidente cai 6,7 pontos em pesquisa CNT e vai a 37% das intenções de voto. Oposicionistas melhoram seus índices elevando a chance de 2º turno; Ibovespa fecha em alta de 0,89% PÁGS. 06 E 10

Adiamento da votação do Plano Diretor gera reação violenta de grupos de sem-teto; protesto se espalhou pelo centro PÁG. 03

Haitianos não conseguem obter carteira de trabalho Sem documento, que não pode ser emitido em posto móvel, imigrantes não podem ser contratados PÁG. 04

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Preso, caseiro do coronel Malhães entrega os irmãos Manifestantes sem-teto, que atearam fogo em carrinho em frente à Câmara Municipal, tentam se esquivar de jatos de água

| RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS

Rogério Pires disse ter passado informações sobre a rotina do militar que admitiu tortura na ditadura PÁG. 08


1 FOCO

Pasadena

Explicações

O ex-diretor da área internacional da Petrobras Nestor Cerveró tem 10 dias para apresentar justificativas à Comissão de Ética Pública da Presidência da República. Os conselheiros querem saber se houve omissão de dados importantes sobre a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos. O laudo técnico elaborado por Cerveró foi considerado ‘técnica e juridicamente falho’ pela presidente Dilma Rouseff.

|02|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

SP multa 182 taxistas por dia em corredores Transporte. Veto em espaço de ônibus, à esquerda, vale das 6h às 9h e entre 16h e 20h. Maior desrespeito acontece durante o período da tarde. Medida divide opiniões Desde o dia 14, quando começaram as multas para os táxis que invadem os corredores de ônibus durante o horário de pico, a prefeitura autuou 1.827 taxistas, segundo balanço da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). Como o veto vale de segunda a sexta-feira, das 6h às 9h e entre 16h e 20h, isso significa que foram aplicadas, em média, 182 multas por dia. O valor da autuação para quem invade o corredor, à esquerda, é de R$ 127,69, com acréscimo de cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação). A fiscalização é feita pelos marronzinhos da CET, por agentes da SPTrans (empresa que administra do transporte público) e por radares. O período em que acontecem mais infrações é o pico da tarde, quando 932 taxistas foram flagrados. Durante a manhã, foram 895 multas. O veto à circulação dos táxis nos horários de pico foi adotado após o MP (Ministério Público) de São Paulo exigir da prefeitura a elaboração de um estudo avaliando o impacto desses veículos na circulação dos

A CET estima que cerca de 1,7 milhão de veículos vão deixar a cidade a partir de hoje, por conta do feriado do Dia do Trabalho, comemorado amanhã. Os motoristas devem programar a viagem para madrugada, evitando congestionamentos. A companhia vai ativar amanhã as ciclofaixas de lazer, das 7h às 16h. Mas a faixa da zona norte terá bloqueios e a Centro-Luz AQUÁRIOS não será ativada devido a eventos em comemoração ao Dia do Trabalho. METRO

COLETA

CEMITERIOS

COLETA BANCOS

CEMITERIOS CICLOFAIXA

AQUÁRIOS PARQUES

BANCOS CORREIOS

CICLOFAIXA COMÉRCIO

PARQUES

ABRE E POUPATEMPO FECHA RODÍZIO

COMÉRCIO CORREIOS Já o corretor de imó- RODÍZIO grado circulando tem de paSAÚDE BANCOS gar multa de R$ 53,20, além veis Douglas NascimenTREM ESPORTES EDUCAÇÃO SUPERMERCADOS do acréscimo de três pontos to, de 40 anos, que trabalha com o próprio BANCOS na CNH. Os bancos não abrem amanhã. CICLOFAIXA A proibição dos táxis nos carro, critica a medida. Contas de consumo, como a de “Desde o início das faixas água, poderão ser pagas sem corredores divide opiniões. em São Paulo, SUPERMERCADOS o multa na sexta-feira. TREM “Com o corredor livre, é de ônibus ESPORTES EDUCAÇÃO Acredito muito melhor. Mas aMERCADOS gen- trânsito piorou. SHOPPINGS TRANSPORTE ÔNIBUS vai piorar ainda te, queCOLETA pega ônibus CEMITERIOS todos que agora AQUÁRIOS os dias, sabe que os taxis- mais, porque, além dos car- CORREIOSSHOPPINGS COMÉRCIO AQUÁRIOS os táxis vão autas nãoCOLETA respeitam. SeCEMITERIOS hou- ros comuns, ver fiscalização, vai ser óti- mentar o fluxo de veículos Os shoppings funcionam em SHOPPINGS TRANSPORTE MERCADOS ÔNIBUS mo porque todo mundo vai fora dos corredores”. COLETA horário reduzido CEMITERIOS amanhã. preferir usar ônibus e vai Lojas das 14h às 20h e praça BANCOS CICLOFAIXA PARQUES POUPATEMPO desafogar o trânsito”, afirMÁRCIO de alimentação das 11h às 23h. ma a estudante FerALVES BANCOS BeatrizCICLOFAIXA PARQUES ESPORTES EDUCAÇÃO POUPATEMPO nandes, de 23 anos. METRO SÃO PAULO BANCOS

VOX POP

CORREIOS Você é a favor do veto aos táxis nos corredores?

COMÉRCIO

RODÍZIO

CORREIOS

COMÉRCIO

RODÍZIO

Em razão do feriado do Dia do Trabalho, o Metro Jornal não será publicado amanhã, voltando a circular normalmente na sexta-feira, dia 2.

Cotações Dólar + 0,35% (R$ 2,23) Bovespa + 0,89% (51.839 pts) Euro - 1,01% (R$ 3,06) Selic (11% a.a.)

Salário mínimo (R$ 724)

EDUCAÇÃO

ESPORTES

SUPERMERCADOS

EDUCAÇÃO

ESPORTES

SUPERMERCADOS

“Eu sou a favor, porque o fluxo dos ônibus melhora. Só com os coletivos no corredor não fica aquela fila de táxis entre os ônibus e a minha viagem fica mais rápida”

“Totalmente contra. Estou usando táxis nos últimos dias porque estou sem carro e o corredor ajuda muito. Agora, não sei se vale mais a pena pagar para ficar no trânsito”

“Eu não sou a favor. Se com os “Mesmo usando carro como SHOPPINGS ÔNIBUS táxis MERCADOS nos corredores o trânsito já principal meio de transporte, é caótico, imagina com eles nas eu sou a favor. Acho justo SHOPPINGS ÔNIBUS faixasMERCADOS dos outros veículos? Com que a mobilidade dos ônibus certeza, vai ser muito pior para seja beneficiada porque eles quem usa carro” transportam mais pessoas”

JÚLIA LIMA, 21 ANOS, PROFESSORA, USUÁRIA DE ÔNIBUS

FERNANDA KIRAH, 22 ANOS, MODELO, USUÁRIA DE TÁXI

SHEILA UNTI, 34 ANOS, ASSISTENTE ADMINISTRATIVA, USA CARRO

FALE COM A REDAÇÃO

leitor.sp@metrojornal.com.br 011/3528-8522 COMERCIAL: 011/3528-8549

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos, Campinas e Grande Vitória, somando 510 mil exemplares diários.

POUPATEMPO

O rodízio para carros com RODÍZIO placa final 7 e 8 estáSAÚDE suspenso amanhã, feriado do Dia COLETA CEMITERIOS do Trabalho.

Táxis ignoram restrição no corredor Rebouças durante o horário de pico da tarde | ANDRÉ PORTO/METRO

ônibus nos corredores. O levantamento apontou que, sem eles, a velocidade média dos coletivos registraria um aumento de 20%. Como compensação à restrição, a administração municipal liberou o tráfego dos táxis nas faixas exclusivas de ônibus, à direita, nas marginais Pinheiros e Tietê e nas avenidas Corifeu de Azevedo Marques, Indianópolis, Sumaré e 23 de maio (corredor Norte-Sul). Nas demais faixas, segue a proibição. O motorista fla-

Folga. 1,7 mi de veículos devem deixar a cidade

COMÉRCIO CORREIOS METRÔ TREM OTREM trecho entre as estações Paulista e Faria Lima do metrô estará interditado amanhã, ESPORTES EDUCAÇÃO das 2h às 12h.

TRANSPORTE

PARQ

ROD

AQUÁ

SUPERM

PARQ

SHOP

ROD

SUPERM

TRANSPORTEMERCADOS

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB: 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: Avenida Rebouças, 1585, Pinheiros, CEP 05401-909, São Paulo, SP, Brasil. Tel.: 3528-8500. O jornal Metro é impresso na Plural Editora e Gráfica Ltda.

CICLOFAIXA

Hospitais e prontos-socorros SAÚDE funcionam municipais normalmente no feriado MERCADOS ÔNIBUS SAÚDE do Dia do Trabalho.

BRUNO DOS SANTOS, 25 ANOS, ENCARREGADO, USA CARRO

Metro São Paulo. Editores-Executivos: Ariel Kostman e Lara De Novelli (MTB: 31.369) Editor de Arte: Tiago Galvão. Gerentes Comerciais: Tânia Biagio e Elizabeth Silva

SAÚDE

AQUÁ

O Mercadão não vai abrir MERCADOS ÔNIBUS amanhã. Na sexta e sábado abre normalmente, das 6h às 18h, e domingo, das 6h às 16h.

Filiado ao

SHOP


SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Após confronto com a PM, pneus e caçambas foram queimadas na frente da Câmara Municipal

|03|◊◊

Manifestantes fizeram barricadas | LUIZ GUARNIERI/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

| ALICE VERGUEIRO/FUTURA PRESS

Sem-teto invadem Câmara e votação do PDE é adiada Destruição. Manifestantes invadiram térreo do Legislativo e destruíram salas. Confronto se alastrou por ruas vizinhas e terminou na Sé A previsão da base governista de que a primeira votação do PDE (Plano Diretor Estratégico) seria tranquila não se concretizou ontem. A frente da Câmara Municipal se transformou em uma praça de guerra após a decisão da Mesa Diretora de adiar para hoje a análise do texto. A medida foi anunciada depois de a oposição apresentar um voto em separado de 543 páginas. Como o texto precisa ser publicado no “Diário Oficial”, a solução foi aditar a votação, disse o presidente da Casa, José Américo (PT). Cerca de 3 mil integrantes

de movimentos pela moradia popular, entre eles o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) e a FLM (Frente da Luta pela Moradia), se revoltaram com a decisão e entraram em confronto com policiais militares e guardas civis metropolitanos. Para invadir o térreo da Câmara, os sem-teto usaram mastros de bandeiras e pedras contra os policiais, que responderam com bombas de efeito moral e de gás lacrimogêneo. As salas das lideranças do PSDB e do PSB tiveram portas e vidros destruídas pelos invasores. O capitão responsável pe-

“Quebrem tudo, queimem, mas isso não vai ajudar em nada a votação do Plano Diretor pela Câmara” VEREADOR JOSÉ AMÉRICO (PT)

la segurança do prédio levou uma pedrada no rosto e teve que ser atendido no pronto-socorro da Casa. Com a chegada de um reforço da Rocam (Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas), os manifestantes deixaram o térreo e passaram a queimar pneus e caçambas de lixo em frente à Câmara e nas ruas do entorno. Um restaurante vizinho ao prédio da sede do Legisla-

tivo foi incendiado. Um homem que tentava passar pelo cordão formado pelos policiais foi detido. PMs revistaram a mochila que ele carregava e decidiram levá-lo para uma delegacia. O confronto se alastrou. Os manifestantes fizeram barricadas com lixeiras e banheiros químicos incendiados até a praça da Sé. No plenário, o clima também era quente. Ao ser infor-

Protesto contra Copa interdita a radial Leste Manifestantes do 6o ato contra a Copa do Mundo no Brasil fecharam ontem, por volta das 21h, a radial Leste, na altura da estação Belém do metrô. A via foi totalmente bloqueada no sentido centro. Apenas a faixa de ônibus permaneceu livre. A manifestação, que contou com cerca de 500 pessoas, começou às 19h, ao lado da estação Tatuapé do metrô. Durante o ato, a PM apreendeu três manifestantes menores de idade que estavam com estilingues, facas e pedras em suas mochilas. Durante o percurso, alguns Black Blocs queimaram álbuns de figurinhas da

Copa, na rua Tuiuti, no Tatuapé. O grupo, que cogitou seguir em direção ao Itaquerão, na zona leste, decidiu ir para o centro da cidade. Por volta das 22h, seguiu em direção ao centro. Durante ato, o grupo abriu uma grande faixa na passarela da estação Belém contra a polícia, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) e a presidente Dilma Rousseff (PT). Com medo de que os manifestantes fossem para o Itaquerão, a Gaviões da Fiel chegou a organizar uma caravana com torcedores, que sairia da quadra da torcida para proteger o estádio de vandalismo. METRO

Manifestantes na rua Tuiuti, no Tatuapé | ALE VIANNA/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

mado do cenário de guerra, José Américo decidiu suspender a sessão. Na galeria, sem-teto que assistiam a votação passaram a atirar pedaços de madeira arrancados dos bancos e a ofender os parlamentares. O bate-boca entre manifestantes e vereadores durou cerca de 30 minutos. “Vocês querem invadir, derrubar as grades, façam isso. Quebrem tudo, mas isso não ajudará em nada a votação do projeto”, gritou o presidente da Câmara. Parlamentares de oposição e da situação também trocaram acusações. De um

lado, vereadores do PSDB afirmavam que o confronto foi fomentado pelo prefeito Fernando Haddad (PT), que, na semana passada, disse aos movimentos de moradia que era preciso pressionar a Câmara para votar o PDE. Do outro, os governistas creditavam o cenário de guerra às manobras dos oposicionistas para obstruir a sessão. Por volta das 20h, a Mesa Diretora decidiu convocar uma sessão para 0h05 de hoje e, após sua abertura, pedir uma suspensão por dez horas. A previsão é de que o PDE seja votado a partir das 10h30. METRO

Acesso. Túnel ao lado do Itaquerão fica pronto Previsto inicialmente para fevereiro, o túnel do Complexo Viário Itaquera foi entregue ontem pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) e pelo prefeito Fernando Haddad (PT). A obra é parte do pacote de intervenções para facilitar o acesso ao estádio do Corinthians, que receberá seis jogos da Copa do Mundo. De acordo com os técnicos da Dersa, empresa responsável pela obra, o acesso custou R$ 120 milhões. No total, o complexo viário custará R$ 548,5 milhões. O governo promete ainda para maio a entrega de outras três obras que com-

põem o projeto: uma nova avenida interligando as avenidas José Pinheiro Borges e radial Leste à avenida Itaquera; um conjunto de viadutos sobre a radial e os trilhos do metrô e da CPTM; e a ligação entre as avenidas Itaquera e Miguel Inácio Curi. Na lista de obras viárias no entorno do estádio, as duas alças de acesso ligando a avenida Jacu-Pêssego à radial Leste, que facilitarão o acesso de quem vem do aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, para Itaquera, só ficarão prontas em setembro, após a Copa. METRO


|04|

PCC. Estado quer que Marcola volte ao RDD O secretário de Administração Penitenciária, Lourival Gomes, afirmou que pedirá a internação do líder do PCC, Marcos Camacho, o Marcola, no RDD (Regime Disciplinar Diferenciado) pelo período de um ano. Em 9 de abril, o criminoso obteve uma liminar judicial para deixar o isolamento em que estava desde 11 de março e retornar ao presídio de segurança máxima de Presidente Venceslau, a 610 km da capital. “Para a nossa surpresa, ele saiu antes do período que havíamos pedido”, afirmou o secretário. Segundo ele, a solicitação para que Marcola retorne ao RDD também será articulada pela SSP (Secretaria de Segurança Pública). O líder do PCC havia sido isolado a pedido do governador Geraldo Alckmin (PSDB), após a descoberta de um plano para resgatá-lo em Presidente Venceslau. METRO

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Haitianos não conseguem obter carteiras de trabalho Imigração. Documentos não foram emitidos por problemas técnicos. Ministério do Trabalho anunciou que empresas do PAC serão convocadas para contratar refugiados. Desde o início do mês, 800 imigrantes chegaram a São Paulo

Refugiados aguardam documentos

| MARIANA TOPFSTEDT/SIGMAPRESS/FOLHAPRESS

Os refugiados haitianos continuam aguardando que o governo forneça carteiras de trabalho. Ontem, uma unidade móvel do CAT (Centro de Apoio ao Trabalhador) esteve na paróquia Nossa Senhora da Paz, no Glicério, para atender 200 haitianos que desejavam emitir os documentos, mas o posto não possuía condições técnicas para emitir as carteiras. Somente os que já tinham a carteira de trabalho (cerca de metade dos refugiados), puderam ser atendidos. Houve um princípio de tumulto e duas equipes da Polícia Militar foram chamadas para reforçar a segurança do local.

Na tarde de anteontem, o ministro do trabalho, Manoel Dias, visitou o local e prometeu que as carteiras seriam emitidas na hora. Mas ontem o superintendente do Ministério do Trabalho, Luiz Antônio Medeiros, desmentiu as informações e afirmou que não há condições técnicas de emitir o documento na pastoral. Ele voltou a prometer um mutirão, com vans para buscar os haitianos para emitir os documentos na superintendência do ministério, no centro. A falta do documento é a principal reclamação dos refugiados que estão vindo do Acre para São Paulo.

O Ministério do Trabalho anunciou ontem que vai convocar empresas que atuam em obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) para contratar os refugiados haitianos. Para atender a demanda, será criado um posto do sistema nacional de emprego para cadastrar os imigrantes. Na madrugada de ontem, mais 44 haitianos chegaram em São Paulo. O envio dos refugiados do Acre para São Paulo provocou mal estar entre os governos dos dois Estados. Segundo a prefeitura, desde o início de abril, pelo menos 800 haitianos chegaram do Acre. METRO


|06|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Dilma cai e cresce o chance de 2 turno

Eleições. Levantamento mostra que presidente perdeu 6,7 pontos percentuais, na comparação com fevereiro. Tucano Aécio Neves sobe e agora tem 21,6% das intenções de voto. Eduardo Campos (PSB) fica com 11,8% As chances de a presidente Dilma Rousseff (PT) vencer a eleição presidencial no primeiro turno estão diminuindo. Pesquisa encomendada pela CNT (Confederação Nacional dos Transportes), divulgada ontem, mostra que Dilma teve uma queda de 6,7 pontos percentuais e conta agora com 37% de intenções de votos, ante 43,7% em fevereiro. Os dois principais adversários - Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB) conquistaram eleitores no mesmo período. O tucano subiu 4,6 pontos percentuais (de 17% para 21,6%). Eduardo Campos passou de 9,9% para 11,8%. A margem de erro da pesquisa, que ouviu 2.002 pessoas, é de 2,2 pontos percentuais, para menos ou para mais. Nas simulações de segundo turno, também houve queda no desempenho da presidente, mas ela ainda venceria com boa distância. Na disputa com Aécio Neves, ela passou de 46,6% para 39,2%. O tucano subiu de 23,4% para 29,3%. Se o adversário for Eduardo Campos, Dilma caiu de 48,6% para 41,3% e o adversário sobe de 18% para 24%. A avaliação positiva do governo também caiu, de 36,4% para 32,9%. Chama a atenção, ainda, o fato de que 39,5% dos eleitores ouvidos querem uma mudança radical na forma de

PESQUISA CNT Intenção de votos em %

43,5

43,7

37

PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF

20 19,3

20,4

21,6 20

17 9,5 7,8

9,9

11,8 9,6

AÉCIO NEVES (PSDB) BRANCOS E NULOS

EDUARDO CAMPOS (PSB)

9 NÃO SABE OU NÃO RESPONDEU

NOV/13

FEV/14

ABR/14

FONTE: PESQUISA REALIZADA PELO INSTITUTO MDA ENCOMENDADA PELA CNT (CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRANSPORTES) ENTRE OS DIAS 20 E 25 DE ABRIL. FORAM OUVIDAS 2.002 PESSOAS EM 24 ESTADOS. A MARGEM DE ERRO É DE 2,2 PONTOS PERCENTUAIS

governar. O desempenho pessoal da presidente registrou queda de 55% para 47,9%. Ao tomar conhecimento do resultado da pesquisa, a presidente reagiu, citando as conquistas de seu mandato. “Tenho certeza de que o povo brasileiro não irá retroagir, voltar atrás”, afirmou Dilma, durante visita a Feira de Santana (BA). O cenário apresentado

pela CNT mostra que as denúncias do caso Petrobras prejudicaram a popularidade da presidente. Além disso, o fraco desenvolvimento econômico, combinado com o crescimento da inflação, também respingou na sua imagem. De acordo com a pesquisa, 30% dos entrevistados afirmam estar acompanhando as denúncias envolvendo a Petrobras e

CPI da Petrobras começa na próxima terça-feira Na tentativa de emplacar uma CPI mista para investigar a Petrobras, a oposição reagiu com ameaças ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). O senador quer decidir apenas na terça-feira com os líderes partidários sobre a instalação imediata ou não da comissão com deputados e senadores. A oposição, porém, deu prazo até hoje. “Se ele não instalar é quebra de decoro

DILMA ROUSSEFF (PT)

“Tenho certeza de que o povo brasileiro não vai retroagir, desistir disso que conquistamos: a redução da desigualdade social, da maior criação de empregos que o Brasil teve.”

parlamentar, é descumprimento de ordem judicial, é crime”, protestou o líder da minoria, deputado Domingos Sávio (PSDB-MG). Exclusiva do Senado No Senado, a CPI para investigar as denúncias contra a Petrobras será criada na próxima terça-feira. Renan Calheiros ainda não recorreu da liminar da ministra do STF Rosa Weber que garantiu

uma comissão exclusiva, mas pediu para que os líderes dos partidos aliados indiquem os integrantes. O governo tentava uma CPI mais abrangente, com a inclusão do cartel do Metrô de São Paulo e das irregularidades em contratos do Porto de Suape, em Pernambuco, mas foi derrotado. A base governista trabalha por uma CPI mista exclusiva do Metrô. METRO BRASÍLIA

45,9% apoiam a criação de uma CPI. A reação do mercado financeiro foi imediata. Logo após a divulgação da pesquisa, o Ibovespa subiu 1,98% e fechou o dia com alta de 0,89% (leia mais na página 10). A pesquisa também animou os adeptos do movimento articulado por partidos aliados para a volta do ex-presidente Lula ao

“É a radiografia de um momento. Mas a percepção mais clara e mais relevante é de que há um cansaço com tudo isso que está aí e um sentimento crescente de mudança.” AÉCIO NEVES, SENADOR PSDB-MG

cenário eleitoral, mas Dilma minimizou o impacto do movimento na campanha. “Ninguém vai me separar do Lula nem ele vai se separar de mim. Sei da lealdade dele a mim e ele da minha lealdade a ele.” Dilma afirmou que conviveu ‘todos os dias’ com o ex-presidente entre abril de 2005 e dezembro de 2010, quando foi ministra da Casa Civil, e que acredita na lealdade do padrinho político. “Conheço o Lula desde 2000 e tenho uma convivência direta com ele desde 27 de abril de 2005”, afirmou. METRO

Análise

‘Volta Lula’ enfraquece presidente Há um mau estar e muito pessimismo na sociedade. O governo não consegue sair das ciladas em que se meteu. Desenvolvimento econômico pífio, insegurança, descrença nas polícias em vários Estados e contrariedade em relação aos gastos públicos. A Copa do Mundo, que era para ser um momento de festa, se transformou em fonte de críticas ao governo. Para reverter a situação, Dilma precisa dar respostas rápidas e apresentar resultados econômicos mais animadores. A principal questão a se levar em conta na pesquisa CNT é o fortalecimento que ela provoca no movimento ‘Volta Lula’, que já havia ganhado força nos últimos dias. Há uma expectativa de que o ex-presidente Lula volte e isso não é novidade. Porém, a queda de Dilma nas pesquisas reforça mais ainda um movimento que ainda ensaia os primeiros passos. Nesse contexto, o fato do Lula querer ou não ser candidato não é o mais fundamental. Às vezes, mesmo sem vontade, as circunstâncias podem obrigar o ex-presidente a voltar a atuar no cenário político em nome da continuidade do projeto que a própria Dilma falou que não pode ‘retroagir ou voltar atrás’. CARLOS MELO

Professor de Ciência Política do Insper

Oposição diz que Dirceu tem privilégios na prisão Deputados da oposição que visitaram ontem o Complexo da Papuda, em Brasília, afirmaram que a cela do ex-ministro José Dirceu é melhor do que as celas em que estão os demais presos. Além de estar acomodado em um espaço maior, Dirceu teria chuveiro quente, microondas e televisão. Organizada a partir de um requerimento do deputado Nilmário Miranda (PT-

-MG), a visita foi realizada por integrantes da Comissão de Direitos Humanos da Câmara. Entre eles, Arnaldo Jordy (PPS-PA) e Mara Gabrilli (PSDB-SP). Segundo Jordy, todos os condenados no processo do mensalão foram alojados em um local onde, antes, funcionava uma cantina. Assim, as celas têm, em média, 23 m2, enquanto as demais, 15 m2. Os deputados

afirmaram ter visto Dirceu assistindo ao jogo de futebol entre o Real Madrid e o Bayern de Munique de short e camisa brancos. Os deputados Jean Wyllys (PSOL-RJ) e Luiza Erundina (PSB-SP), que também participaram da visita, negaram as regalias denunciadas. O advogado de Dirceu, José Luis Oliveira Lima, negou que seu cliente tenha regalias. METRO


|08|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Caseiro de coronel é preso e entrega irmãos Roubo. Segundo a Polícia Civil, funcionário confessou ter participado de assalto que culminou na morte do militar Paulo Malhães, que confessou ter sido torturador durante a ditadura militar Policiais da DHBF (Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense) prenderam ontem Rogério Pires, caseiro do sítio onde morreu o coronel reformado do Exército, Paulo Malhães, 76 anos, na semana passada, em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Civil, Rogério foi preso logo após prestar depoimento na delegacia especializada. Contra ele foi cumprido mandado de prisão temporária, expedido pela Justiça, pelo crime de latrocínio, que significa roubo seguido de morte. Segundo o delegado titular da DHBF, Pedro Medina, Rogério confessou ter passado informações sobre a rotina do militar para outras três pessoas que participaram do crime: dois irmãos dele, identificados como Rodrigo e Anderson Pires e que estão foragidos, e um quarto suspeito, ainda não identificado.

Em interrogatório prestado à Comissão Nacional da Verdade no dia 25 do mês passado, Malhães confessou crimes cometidos na chamada Casa da Morte de Petrópolis - um dos centros de tortura da ditadura militar. Apuração Segundo divulgou o Senado ontem, a presidente da CDH (Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa), Ana Rita (PT-ES), e os senadores Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) e João Capiberibe (PSB-AP) vão ao Rio de Janeiro para acompanhar a investigação do assassinato do coronel. O grupo pretende ainda se reunir com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. Capiberibe avalia que a morte de Malhães atrapalha o trabalho de comissões que apuram os crimes cometidos durante a ditadura militar. METRO RIO

PUBLICIDADE

Dia do Trabalho, em 1981. Testemunha, o corretor de imóveis Mauro César Pimentel, de 52 anos, contou que sofreu ameaças depois que revelou sua versão dos fatos. Pimentel, que também foi militar e poli-

CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

POR CPMI, OPOSIÇÃO AMEAÇA ‘COMBO’ CONTRA RENAN. Os líderes dos

partidos de oposição avisaram o presidente da Câmara, Henrique Alves (PMDB-RN), que tomarão uma série de medidas contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), caso ele continue enrolando a criação da CPI mista da Petrobras, que inclui participação de deputados. Dentre as medidas está representação na Procuradoria Geral da República por crime de desobediência a ordem judicial.

bém ameaça representar contra Renan Calheiros no Conselho de Ética do Senado, por quebra de decoro parlamentar. Líder do Solidariedade, Fernando Francischini (PR) quer Sérgio Machado (Transpetro), afilhado de Renan, depondo na Câmara. CONVOCAÇÃO.

Malhães admitiu torturas | DIVULGAÇÃO/COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE

cial, narra que viu o sargento Guilherme Pereira Rosário e o capitão Wilson Luiz Machado armando a bomba que explodiu com eles dentro do carro. O relatório também diz que o Inquérito Policial Mi-

injeção letal, apontada pela polícia como a causa da morte até o momento. A assistente social Edelvania Wirganovicz, de 40 anos, confessou a participação no assassinato e teria sido a responsável por ocultar o corpo de Bernardo. A defesa nega a informação e diz que ela ajudou a enterrar o corpo por pressão psicológica da madrasta do menino, Graciele Ugolini. O pai, Leandro Boldrini, é acusado

LIDERANÇA. Dilma caiu na pesquisa CNT/MDA e os adversários subiram, mas nos votos válidos soma 53%, contra 30% de Aécio e 17% de Eduardo.

litar de 1981, para apurar as supostas responsabilidades na explosão das bombas, foi manipulado para que o capitão Wilson Machado e o sargento Rosário fossem apontados como vítimas. METRO RIO

Laudo indica sedativo no corpo de Bernardo O laudo da perícia sobre a morte de Bernardo Boldrini, de 11 anos, entregue à polícia ontem, indica a presença do sedativo Midazolam. O menino foi encontrado morto no dia 14 deste mês no Rio Grande do Sul. Segundo a bula do medicamento, o Midazolam é usado para pré-medicação, indução e manutenção de anestesia. A investigação, no entanto, não confirma se a substância foi usada na

CLÁUDIO HUMBERTO

DECORO. A oposição tam-

Militares sabiam do atentado Riocentro A Comissão Nacional da Verdade realizou uma audiência pública para apresentar o relatório preliminar das investigações do atentado frustado ocorrido no Riocentro, durante um espetáculo para celebrar o

Política

de acobertar o crime. O advogado Demetrys Grapiglia questiona a legalidade do depoimento porque, no dia em que o relato foi colhido, ela não estava com um advogado. A delegada responsável pelo caso, Caroline Machado, no entanto, rechaçou a hipótese de anular o depoimento de Edelvania. Segundo ela, os trâmites do depoimento foram feitos dentro da lei. METRO

Eduardo Campos | RENATO ARAUJO/AGENCIA BRASIL

“ELE SURTOU.” SENADOR JOSÉ AGRIPINO (DEM-RN) SOBRE AS LOROTAS CONTADAS POR LULA EM PORTUGAL

A MAIORIA. Líderes do PSD na Câmara avisaram a Gilberto Kassab que mais de 70% da bancada já defende desembarcar da reeleição de Dilma. BRIGA

CONTRA

TODOS.

Para o líder da minoria, Domingos Sávio (PSDB-MG), o presidente Renan Calheiros “só pode ter enlouquecido” ao preterir a participação de deputados na CPI da Petrobras: “dez partidos assinaram a CPMI”. TOURADA. O Ministério

da Agricultura investiga mal da vaca louca “atípico” no Mato Grosso. Seria um consolo se só a vaca no Brasil estivesse louca.

GOVERNO OMISSO. O senador Sérgio Petecão (PSD-AC) acusa o Ministério da Justiça de omissão sobre imigração de haitianos para Brasiléia: “O município virou depósito de gente já faz três anos, e o governo federal nada fez”.

PODER SEM PUDOR

Gafe geográfica Loureiro Júnior, genro de Plínio Salgado, célebre “galinha verde” integralista, estava em campanha política pelo Nordeste. Em Penedo (AL), às margens do rio São Francisco, iniciou seu discurso: - Alagoanos de Propriá... - Não é Propriá, é Penedo – alguém cochichou ao seu lado.

Propriá fica em Sergipe, no outro lado do rio. Loureiro se recompôs: - Sergipanos de Penedo... O assessor perdeu a paciência com a ignorância do orador: - Ô, Loureiro, prestenção: não é Sergipe, é Alagoas, caramba! O orador resolveu não criar mais confusão: - Brasileiros!...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR


|10|

Mercados. Bolsa fecha em alta com pesquisa eleitoral A queda na popularidade e nas intenções de voto na presidente Dilma Rousseff levou a Bolsa a uma nova alta. O Ibovespa avançou ontem 0,89%, para 51.838 pontos. Pela manhã, após a divulgação da pesquisa eleitoral, o Ibovespa chegou a subir perto de 2% (leia mais na página 6). As ações de estatais refletiam a queda de 6,7 pontos percentuais nas intenções de voto na presidente Dilma Rousseff nas eleições deste ano Segundo analistas, o mercado não está satisfeito com a gestão das estatais. Os papéis ordinários da Eletrobras avançaram 3,63% a R$ 7,99, a quinta maior alta do pregão, enquanto as preferenciais subiram 3,35% a R$ 12,64. Já os papéis preferenciais da Petrobras se valorizaram 0,78% a R$ 16,70, enquanto os ordinários ganharam 0,63% a R$ 15,78. As ordinárias do Banco do Brasil subiram 1,91% a R$ 23,90. Santander sobe 15,77% Mas a maior alta do pregão foi apresentada pelas units do Santander, com ganho de 15,77% a R$ 14,75. O banco espanhol lançou uma oferta para comprar os 25% das ações do Santander Brasil que ainda não detém. A aquisição pode chegar a US$ 6,51 bilhões. METRO

IR. 5 milhões deixam para declarar na última hora Termina hoje, às 23h59min59s, o prazo para a entrega da declaração de Imposto de Renda 2014. Até as 17h de ontem, a Receita Federal havia recebido 21,7 milhões dos 27 milhões de documentos esperados neste ano. Desse modo, cerca de 5,3 milhões de pessoas ainda não haviam declarado o IR. Quem enviar o documento depois do dia 30 de abril paga multa que pode chegar a 20% do IR devido. A multa é de 1% ao mês-calendário ou fração de atraso, calculada sobre o total do imposto devido apurado na declaração, ainda que integralmente pago. O valor mínimo é de R$ 165,74 e o máximo é de 20% do imposto devido, segundo a Receita Federal. METRO

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

ONS pode propor ‘medidas’ se não chover o esperado Energia. Operador diz que não há necessidade de cortes agora, mas pode sugerir medidas caso o cenário se agrave de maio a novembro O ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) negou que sugeriu corte na oferta de energia ao governo brasileiro. Em nota divulgada ontem, o operador admitiu, no entanto, que “poderá propor medidas adicionais às autoridades setoriais, de forma que fique garantido o fornecimento de energia elétrica para a sociedade”, caso ocorra o agravamento das condições hidrológicas no período de maio a novembro. A ONS não detalha que medidas poderiam ser tomadas caso a situação dos reservatórios se agravem. A nota, assinado pelo diretor-geral do ONS, Hermes Chipp, foi divulgada em resposta a uma reportagem do jornal “Valor Econômico” que diz que o operador do sistema tem defendido nos bastidores que a carga de energia disponível para o país se-

Chipp nega corte sugeriu corte de fornecimento | FERNANDO FRAZÃO/ABR

ja reduzida de 4% a 6% com o objetivo de poupar a água dos reservatórios. A medida permitiria elevar de oito a dez pontos percentuais o nível dos reservatórios. Ontem, o operador garantiu que a situação atual não indica a necessidade de se realizar cortes no fornecimento de energia. “Os estudos técnicos realizados de

acordo com os critérios vigentes, com base na atual situação dos reservatórios e nas condições hidrológicas previstas, não indicam a necessidade de adoção de cortes de energia”, diz o comunicado. Os reservatórios das principais hidrelétricas do país vão encerrar abril, fim do período de chuvas, com armazenamento abaixo do limite considerado seguro pelo ONS para garantir, sem problemas, o abastecimento de energia. As represas do Sudeste e Centro-Oeste registravam ontem armazenamento de 38,16% e devem chegar ao dia 2 maio com 39%. Em fevereiro, Chipp disse que, para que não houvesse dificuldades no fornecimento de energia, os reservatórios deveriam estar com, no mínimo, 43% de armazenamento ao final de abril. METRO

ACERTO DE CONTAS COM O LEÃO CONFIRA OS PRAZOS

COMO DECLARAR

Entrega da declaração: 23h59min59s de 30 de abril

Pela internet

Por tablet ou smartphone

>> Copie o programa no site www.receita.fazenda.gov.br

>> Baixe o m-IRPF

Multa mínima por atraso:

R$ 165,74

>> Para transmitir, baixe o Receitanet

QUEM DEVE DECLARAR: Recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 25.661,70 Obteve na atividade rural receita bruta em valor superior a R$ 128.308,50 Recebeu rendimento isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente acima de R$ 40 mil Teve a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil Realizou operações na Bolsa de Valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas Obteve ganho de capital na venda de bens e direitos sujeito ao IR Passou, em qualquer mês, à condição de residente no país e estava nessa situação em 31/12/13 Optou pela isenção do IR do ganho de capital na venda de imóveis residenciais, por ter aplicado o dinheiro na compra de outro imóvel residencial, em até 180 dias a partir venda do imóvel original

>> O programa ainda não possibilita realizar uma declaração retificadora, capturar a pré-preenchida e imprimir a declaração

LIMITES PARA DEDUÇÕES DESCONTO SIMPLIFICADO R$ 15.197,02 DECLARAÇÃO COMPLETA Dedução por dependente >> R$ 2.063,64 Gasto com educação >> R$ 3.230,46 Despesas médicas >> sem limite máximo Contribuição à previdência oficial paga pelo empregador doméstico >> R$ 1.078,08 Despesas com previdência privada >> 12% da renda tributável

CRÉDITO MAIS CARO Taxas de juros ao ano, em %*

FEV/14

MAR/14

MÉDIA

34,1

41,4

41,6

CHEQUE ESPECIAL

137,9

156,6

159,3

CRÉDITO PESSOAL CONSIGNADO

24,6

25,1

25,3

FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS

19,7

23,9

23,5

LEASING DE CARROS FINANCIAMENTO DE OUTROS BENS CRÉDITO PESSOAL FONTE: BANCO CENTRAL

14

14,8

18,1

68,6

75,4

74,6

68

95,3

94,1

*RECURSOS LIVRES

Juros bancários. Taxas voltam a subir em março Os juros bancários médios dos empréstimos para pessoas físicas avançaram 0,2 ponto percentual em março, para 41,6% ao ano. Segundo dados do Banco Central, a taxa é a maior desde fevereiro de 2012, quando ficou em 41,7% ao ano. A alta reflete o ciclo de elevação da taxa básica de juros para conter a inflação. De abril para cá, o BC elevou a Selic nove vezes seguidas, atingindo os atuais 11% ao ano. Em um ano, os juros cobrados de bancos subiram mais que a Selic. Enquanto a taxa básica aumentou 3,75 pontos percentuais, os juros de empréstimos tiveram uma elevação de 7,1 pontos. O BC deu a entender que o aperto monetário já praticado ainda terá repercussão nos juros cobra-

dos dos consumidores. Segundo Tulio Maciel, chefe do Departamento Econômico do BC, há uma “defasagem” entre o movimento das duas taxas. As taxas de juros do cheque especial e do leasing para a compra de carro foram as que mais subiram para as famílias, em março. Só a taxa do cheque especial chegou a 159,3% ao ano, alta de 2,7 pontos percentuais em relação a fevereiro. Em 12 meses, essa taxa já subiu 21,4 pontos. A taxa de inadimplência também permaneceu estável, em 3%, pelo quarto mês consecutivo, considerando as operações de crédito para as famílias e empresas, em todas as modalidades. É o menor nível desde o início da série histórica, iniciada em março de 2011. METRO

Inflação. Mantega diz que pressão está diminuindo O ministro da Fazenda, Guido Mantega, reafirmou ontem que a inflação fechará o ano abaixo do teto da meta do governo, de 6,5%. Segundo ele, o governo tem “empenho total” para que o limite não seja ultrapassado. Mesmo com o IPCA acumulado até março em 6,15% devido, principalmente, o ministro disse que o probleSupermercado caro

2,92%

FONTE: RECEITA FEDERAL

MAR/13

foi o aumento de preços de 35 produtos de largo consumo no supermercado, segundo Abras (associação do setor). A cesta passou de R$ 361,12 para R$ 371,69. Os produtos com maiores altas em março foram: batata (41,15%), tomate (33,86%), ovo (10,50%), feijão (7,70%).

ma é pontual, causado pela falta que chuvas que afetou alguns hortifrutigranjeiros. “A boa notícia é que já estamos na descendente dessa pressão inflacionária. Em maio e junho, a inflação estará num patamar bem mais baixo do que agora”, disse o ministro em seminário na Câmara dos Deputados. METRO Alívio no atacado

0,78%

foi a alta do IGP-M em abril, inferior à taxa de 1,67% em março. Em 12 meses, a inflação do aluguel acumula avanço de 7,98%. A desaceleração em abril ocorreu graças a taxas menores de alta de preços agropecuários e industriais no atacado.


|12|

Ataque. Homem fere 6 a tiros em aeroporto nos arredores de Atlanta Seis pessoas ficaram feridas ontem de manhã quando um homem entrou atirando em uma unidade da transportadora Federal Express (FedEx) em um aeroporto nos arredores de Atlanta, na Geórgia. Ao menos três das vítimas, dois homens de 22 e 28 anos e uma mulher de 52, estavam em estado crítico ontem. Segundo os médicos do Hospital WellStar Kennestone, duas delas corriam risco de morrer. Segundo as autoridades locais, o suspeito cometeu suicídio. “Há um indivíduo morto que descrevemos como suspeito”, declarou Dana Pierce, sargento da polícia do Condado Cobb, que disse que “provavelmente, ele morreu com um tiro auto infligido. De acordo com as primeiras investigações, o atirador, cuja identidade não foi revelada, era entregador na empresa. O motivo do ataque não estava claro, segundo Mike Bowman, porta-voz da polícia de Cobb. O homem, de 19 anos, entrou na instalação da FedEx em Kennesaw, a cerca de 40 quilômetros de Atlanta, por volta de 6h da manhã (horário local), usando aparentemente a própria arma e disparando. Liza Aiken, funcionária da empresa, disse ao diário local “Atlanta Journal-

Putin ameaça rever empresas ocidentais Crise. Presidente russo diz não ver razões para impor sanções contra Ocidente mas promete reavaliar atuação de companhias estrangeiras no país. Rebeldes tomam Luhansk

Centenas de policiais foram deslocados | TAMI CHAPPELLL/REUTERS

-Constitution” que estava trabalhando quando viu o atirador vestido de preto e armado com uma faca, revólver e um cinto de munição amarrado sobre o peito. “Ele tinha balas presas ao corpo como um Rambo”, disse. “Parecia estar indo para a guerra”. Segundo a agência de notícias Reuters, centenas de policiais “de várias agências diferentes” foram deslocados para o local. Professora Na segunda-feira uma professora de espanhol de 61 anos morreu após ser esfaqueada na frente de seus alunos dentro de uma escola em Leeds, na Inglaterra. O autor do crime, segundo a polícia britânica, é um estudante de 15 anos, que foi detido. METRO E AGÊNCIAS

Na Ásia. Obama faz crítica velada à China Na conclusão de um giro por países asiáticos, o presidente dos EUA, Barack Obama, fez ontem uma advertência velada ao governo chinês. Sem mencionar Pequim nominalmente, Obama disse em Manila, capital das Filipinas, que “as disputas devem ser resolvidas pacificamente, e não por meio da força”. “Acreditamos que os países têm o direito de viver em paz e em segurança, com respeito à sua soberania e integridade”, disse Obama, em discurso a militares locais e dos EUA. O presidente disse ainda que “as leis internacionais devem ser respeitadas e a liberdade de navegação e de comércio devem ser mantidas”. Além das Filipinas, Obama visitou Japão, Coreia do Sul e Malásia. Os quatro

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

“As disputas devem ser resolvidas pacificamente, e não por meio da força” BARACK OBAMA, PRESIDENTE DOS EUA

países têm disputas territoriais com a China no Pacífico. A mais tensa, com o Japão, é pela posse das ilhas Senkaku, chamadas de Diaouy pelos chineses. As pequenas ilhas no Pacífico, ricas em recursos naturais, são controladas por Tóquio mas reivindicadas por Pequim. O jornal “China Daily” acusou Washington de tratar Pequim como adversário. “Os EUA já não disfarçam a vontade de conter a influência chinesa na região”, diz. METRO E AGÊNCIAS

Em meio ao anúncio de uma nova rodada de sanções contra Moscou, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse ontem não ver razões para impor medidas contra o Ocidente, mas afirmou que poderia reconsiderar a atuação de empresas ocidentais na economia russa, inclusive no setor de energia. “Gostaríamos muito de não recorrer a qualquer medida retaliatória. Espero que não cheguemos a esse ponto, disse Putin, depois de um encontro com os líderes da Bielorrússia e do Cazaquistão. “Mas se isso (as sanções) continuar, obviamente teremos de avaliar quem está trabalhando nos setores-chave da economia russa, incluindo a energia, e como”. A Rússia é a maior produtora de petróleo do mundo e empresas dos EUA e da Europa atuam no país. A União Europeia anunciou ontem que 15 russos e ucranianos pró-Moscou seriam sancionados, com congelamento de bens e negação de vistos. Na segunda-feira, Washington impôs novas sanções contra aliados de Putin.

Separatistas tomaram edifícios públicos em Luhansk | VASILY FEDOSENKO/REUTERS

Ontem, numa advertência direta a Moscou, o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, disse que o território da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) é “inviolável” e garantiu que a aliança defenderia “cada centímetro dele”. “A Rússia está tentando mudar o panorama da segurança no Leste Europeu e na Europa Central”, acusou. “Precisamos deixar absolutamente claro para o Kremlin que o território da Otan é inviolável e que iremos defender cada centímetro dele”, disse Kerry.

Luhansk Centenas de separatistas pró-Rússia invadiram à força ontem edifícios da administração ucraniana em Luhansk, uma das principais cidades do leste do país. Segundo a Reuters, um grupo de 20 ativistas disparou com metralhadoras e jogou bombas de efeito moral contra policiais em um quartel no começo da noite. A polícia, de acordo com a agência de notícias, não reagiu enquanto eles hasteavam bandeiras separatistas. A Procuradoria regional e o escritório de TV da cidade

Tornados nos EUA já mataram 34 em 6 Estados Ao menos 34 pessoas morreram em seis Estados norte-americanos depois da passagem de tornados que destruíram bairros inteiros e ameaçam seguir provocando danos em áreas densamente povoadas da região centro-sul do país. No Arkansas e no Mississippi, os mais afetados pelos temporais, as autoridades já confirmam 27 mortes e mais de 200 pessoas feridas ao longo dos últimos três dias. Outros casos de mortes foram registrados em Oklahoma e Iowa no domingo e no Alabama e Tennessee na segunda-feira. De acordo com agências de notícias, abrigos temporários foram montados em diversas localidades para famílias que tiveram de deixar casas destruídas.

Vista aérea de área residencial destruída no Arkansas | CARLO ALLEGRI/REUTERS

Ontem, agentes da Guarda Nacional, das polícias locais e moradores buscavam por mais vítimas em meio a escombros. “As pessoas corriam gritando enquanto tentavam encontrar seus filhos. Nada sobrou”, disse Melba Reed, de Louisvil-

le, cidade de cerca de 7 mil habitantes na região central do Mississippi. Meteorologistas disseram que dezenas de milhões de pessoas poderão ser afetadas pelos tornados, que podem atingir a Pensilvânia e Ohio. METRO

também foram invadidos. A ocupação em Luhansk ocorre apesar das sanções impostas pelo Ocidente e promete aumentar ainda mais as tensões na região. Com a operação, os rebeldes tomam o controle de uma segunda grande cidade do leste da Ucrânia, depois da vizinha Donetsk, cuja maior parte já controlam. Ao ocupar a cidade, os separatistas proclamaram a “República Popular de Donetsk” e prometeram a realização, em 11 de maio, de um referendo sobre a secessão do regime em Kiev. Luhansk poderia dar a eles o controle de uma extensa região adjacente à fronteira russa importante economicamente para a Ucrânia. A região, conhecida como Donbass, se encontra no centro de uma área à qual Putin se referiu, no começo de abril, como “Nova Rússia”, termo da época da conquista czarista nos séculos 18 e 19. A maior parte dos habitantes da região se identifica como ucraniana atualmente, mas o russo é o idioma materno. METRO ‘Efeito Snowden’

‘Terror mudou métodos após vazamentos’ Um especialista britânico em contraterrorismo disse ontem que a comunicação de terroristas foi alterada após os vazamentos feitos pelo ex-agente de inteligência dos EUA Edward Snowden, em julho do ano passado. “Os terroristas têm agora visão completa sobre o tipo de ferramentas e as técnicas que estão sendo usadas pelos governos”, disse Stephen Phipson, diretor do Escritório Britânico de Segurança e Contraterrorismo. “O efeito Snowden foi muitíssimo severo”, afirmou ele durante uma conferência sobre o tema em Londres. METRO


SÃO PAULO Quarta-feira, 30 de abril de 2014

20 ANOS SEM

SENNA

Relembre as grandes conquistas e saiba mais sobre o legado do ídolo brasileiro, um dos maiores pilotos da história da Fórmula 1 PÁGS. 14 A 18

O emblemático capacete verde e amarelo usado por Senna


+ ESPECIAL

|14|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPECIAL}

‘S’ DE SEMPRE No dia 1o de maio de 1994, Ayrton Senna morreu após chocar sua Williams no circuito de Ímola, na Itália. Vinte anos depois, o tricampeão mundial segue inspirando gerações de pilotos e é cultuado como um dos maiores de todos os tempos. Relembre alguns dos principais momentos da sua vitoriosa carreira METRO Aos 4 anos, ganha o primeiro kart do pai

21 de março

1960

1964

julho de 1973 Aos 13 anos, começa a correr profissionalmente em provas de kart, no autódromo de Interlagos .

Ayrton Senna da Silva nasce no bairro de Santana, na zona norte de São Paulo

1983

Estreia na F-1 no Grande Prêmio do Brasil pela equipe Toleman-Hart, abandonando a corrida na 8a volta. Durante a primeira temporada, consegue pontuar em cinco corridas, fechando o ano com 13 pontos Vai para a Lotus-Renault, pela qual venceria seis Grands Prix ao longo de três temporadas. Senna termina a temporada em 4º lugar, “Senna era mais com 38 pontos e duas vitórias rápido que você com

1985

é o número de vezes que Senna subiu ao pódio na Fórmula 1

4

é o número de equipes diferentes das quais Senna fez parte (Toleman em 84; Lotus entre 85 e 87; McLaren entre 88 e 93; e Williams em 94)

3

é o número de vezes que Senna foi campeão mundial de F-1 (1988, 1990 e 1991)

Vence o campeonato inglês de Fórmula 3 pela equipe de Dick Bennetts, além do prestigioso Grande Prêmio de Macau

o mesmo carro e tão rápido quanto com um carro inferior. Sua morte era previsível, pois estava sempre mais rápido do que os carros que pilotava”

162 80

JUAN MANUEL FANGIO, EX-PILOTO

1977

1984

é o número de GPs que Senna participou

“A Senna pouco importava se a pista estava molhada. O intuito era voar e em segundos violar todas as leis da física”

1988 Vai para McLaren-Honda, se junta ao francês Alain Prost – que seria considerado seu maior rival na F-1 – e se torna campeão mundial pela primeira vez. Juntos, os pilotos ganham 15 dos 16 GPs da temporada

ALAIN PROST, EX-PILOTO

1990

1991

Após perder o campeonato de 89 para Prost, Senna conquista novamente o campeonato mundial após o Grande Prêmio do Japão

Levanta o terceiro troféu mundial, se tornando o piloto mais jovem a conquistar um tri na Fórmula 1. A façanha seria mantida até o final da temporada de 2012, quando o alemão Sebastian Vettel igualou a marca vencendo por três anos consecutivos

Ganha o Campeonato Brasileiro e o Sul-Americano de kart, feitos que repetiria em 78 e 80. Também na modalidade, foi vice-campeão Mundial em 79 e 80

1982 Campeão europeu e britânico de Fórmula Ford 2000. Adota o sobrenome de solteira da mãe, Senna – até então era chamado de Ayrton Silva

brasileiro antes da ascensão de Senna, assim como Nigel Mansell, eram outros adversários de peso. “Acho que o Senna sempre se destacou em termos de velocidade. Se ele tivesse corrido entre 2000 e 2008, no que ficou conhecido como o período da velocidade pura, teria tido sucesso. Na época outras coisas eram exigidas”, explica Luis Fernando Ramos, jornalista.

1992

Com a equipe Williams-Renault dominando a competição, Senna termina o campeonato em 4º lugar, perdendo o 3º posto para o alemão Michael Schumacher, então iniciante, na última corrida.

1994 Aos 34 anos, se transfere para a Williams. No dia 1 de maio, na terceira corrida da temporada, em Ímola, na Itália, entra numa curva durante a sétima volta da corrida e perde o controle do carro, batendo violentamente contra um muro de concreto. Levado para o hospital, não resiste aos ferimentos e morre algumas horas depois

RIVALIDADE À TODA PROVA Muitos consideram que o grande rival de Senna foi o francês Alain Prost, com quem correu na McLaren durante as temporadas de 88 e 89. “Antes da morte o Senna retomou a amizade [com Prost], e disse que a rivalidade tinha sido importante. Havia um lado bom porque fazia com que ele melhorasse. Também ajudou a construir a carreira deles, já que pudemos ver grandes embates”, conta Adilson Carvalho, presidente da Torcida Ayrton Senna. Nelson Piquet, considerado o grande piloto

1981

Começa a competir na Europa, ganhando o campeonato inglês de Fórmula Ford 1600, com 12 vitórias em 20 corridas, pela equipe de Ralf Firman

Da esq. para dir: Nigel Mansell, Alain Prost e Nelson Piquet


SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPECIAL}

O LEGADO DE SENNA

JASON REED/REUTERS

SEGURANÇA O acidente foi responsável por uma série de mudanças nas regras de segurança da F-1, com carros mais resistentes e um nível maior de proteção. “Começaram a rever as curvas das pistas, o cockpit ficou diferente. O HANS (dispositivo de segurança que protege o pescoço do piloto) foi evoluindo cada vez mais”, contou o narrador Odinei Edson, da Rádio Bandeirantes. “Isso salvou muitas vidas, não

Vivo. Desde o acidente fatal na curva de Ímola, na Itália, durante o GP de San Marino, a Fórmula 1 acumula transformações motivadas pelo ídolo brasileiro. Especialistas apontam as principais

houve outras mortes de pilotos”, disse o jornalista Luis Fernando Ramos. A engenharia dos carros da época, completamente diferente dos modelos atuais, apresentava uma série de dificuldades a serem contornadas pelos pilotos. “Naquele ano [1994] houve uma mudança radical nos carros: diversos itens, como suspensão ativa e freio ABS, foram proibidos. Era um carro deficiente, difícil de ser conduzido”, explicou o jornalista Livio Oricchio.

FÃS

MARK THOMPSON/GETTY IMAGES

Williams modelo 2014, do também brasileiro Felipe Massa Lewis Hamilton

Fernando Alonso

INFLUÊNCIA Além de deixar um legado ao provocar uma reforma nas regras de segurança, Senna também influenciou alguns dos principais pilotos da atualidade. “O Senna tinha uma determinação em ser campeão. Até

MARK THOMPSON/GETTY IMAGES PASCAL RONDEAU/ALLSPORT

então era mais como uma disputa de cavalheiros. O Schumacher também pensava assim, e hoje tem outros, como o Alonso e o Sebastian Vettel”, disse Luis Fernando Ramos, que considera Hamilton seu grande sucessor: “É um piloto menos cerebral, age mais com o coração, co-

mo o Senna.” Edson, que também cita Alonso como um dos sucessores, concorda: “O Hamilton é um exemplo de sequência do que o Senna fazia. Na época do acidente ele andava de kart e tinha o brasileiro como seu grande ídolo”, afirmou.

Torcida Ayrton Senna, durante o GP de Interlagos, em 1994

|15|◊◊

Um dos principais e mais antigos fã-clubes do piloto é o Torcida Ayrton Senna, fundado em maio de 1988. O grupo, que chegou a contar com 18 mil associados, tem atualmente 1.500 membros. “Eu conheci o Senna em 85. Na época ele tinha um escritório na Vila Maria e costumava dar autógrafos na porta”, contou Adilson Carvalho, presidente da organização. Para Carvalho, o momento mais marcante do piloto foi a conquista do tricampeonato, em 91. “Fizemos a maior homenagem que ele já viu em vida, percorrendo as principais ruas de São Paulo, de Congonhas até o Jardim Europa, com ele acenando do teto solar do carro.”


|18|

INSTITUTO AYRTON SENNA Em novembro de 1994, poucos meses após a morte do piloto, o Instituto Ayrton Senna foi criado com o objetivo de ajudar na formação escolar de crianças brasileiras. A ideia de criar um órgão de auxílio para jovens sem condições financeiras já estava nos planos de Senna, mas só se concretizou com o IAS, que tem sua irmã Viviane Senna à frente. A variedade de programas educacionais oferecidos tem a preocupação de fazer com que a criança vá além da mera alfabetização, desenvolvendo seu conhecimento e criando condições para sua futura inserção no mercado de trabalho. “O instituto ajuda o jovem a construir um plano de vida e valores para o futuro. É necessário ir além do protagonismo e criar condições para os empreendedores”, explica Mozart Ramos Neves, diretor de Articulação e Inovação do IAS.

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPECIAL}

À MEMÓRIA DE AYRTON Eterno. Uma série de eventos e homenagens referentes aos 20 anos da morte de um dos maiores pilotos da história acontece desde o início do ano em diversos lugares do planeta. Exposições trazem de fotos a objetos pessoais de Senna MICHAEL KING/GETTY IMAGES

Exposição

Senna: Photographs by Keith Sutton. Está em cartaz em Londres, Inglaterra, uma importante exposição de fotos clicadas por Keith Sutton. O fotógrafo conheceu Senna em 1981, quando o brasileiro ainda corria na Fórmula Ford, e o acompanhou por toda a carreira. Proud Galleries, Londres, Inglaterra. Mais informações em proudonline.co.uk/exhibitions. Até 4 de maio.

Revivendo Ayrton Senna. O evento, organizado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo em parceria com a Torcida Ayrton Senna, principal organizada do piloto, apresenta uma seleção de fotos e diversos objetos pessoais. Palácio da Justiça de São Paulo, Praça da Sé, s/n, até 14 de maio. Das 13h às 18h. Entrada gratuita.

Ayrton Senna em sua Williams na corrida em Ímola, em 1994

Diversos

Vídeo

20 anos do legado de Ayrton Senna / #SennaSempre. Em março foi lançado um vídeo oficial em homenagem aos 20 anos do legado do piloto, produzido em parceria com o Instituto Ayrton Senna, que pode ser conferido no canal Youtube. Basta fazer uma busca pelo nome do vídeo.

Senna foi tema da escola de samba Unidos da Tijuca, do Rio, no carnaval deste ano FERNANDO MAIA/RIOTUR

Homenagem em Ímola, Itália. A cidade onde ocorreu o acidente fatal será palco de uma série de eventos e exposições a partir desta quarta (30). Além de uma missa realizada em homenagem ao piloto, haverá desfiles e exibições de carros. Bolonha, Itália. Até 4 de maio. Mais informações em ayrtonsenna.com.br/ eventosayrton-senna-recebe-serie-dehomenagens-em-imola.


2

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

|22| {CULTURA}

Estreia. Diretor Marc Webb fala sobre sua segunda incursão no mundo do herói em ‘O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro’

CULTURA

Linkin Park

Disco estrelado

Andrew Garfield vive o aracnídeo pela segunda vez

DIVULGAÇÃO

A banda liderada por Chester Bennington (foto) anunciou que terá participações de System of a Down e Rage Against The Machine em seu novo álbum, “The Hunting Party”, a ser lançado em 17 de junho.

Tempo rege novo longa do

Aranha O que deve fazer um diretor quando pedem para ele criar uma sequência de um êxito nas bilheterias internacionais? Esta foi a pergunta que Marc Webb se fez quando começou a dirigir “O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro”, a continuação da nova versão da saga baseada nos quadrinhos da Marvel Comics, que traz Andrew Garfield como o herói aracnídeo e Emma Stone como sua amada Gwen Stacy. O longa estreia amanhã. “Não se tratava apenas de superar o último filme. Quisemos que este fosse fabuloso, mas que também expressasse os aspectos mais brincalhões do personagem do HomemAranha. Além disso, exploramos temas distintos que realmente vão ressoar entre os espectadores”, afirma Webb.

“O elemento essencial era encontrar a alma do filme, essa ideia central com a qual todos pudéssemos nos relacionar.” MARC WEBB, DIRETOR

O filme abre com 20 minutos de ação vertiginosa. Mas, para o diretor, acrobacias audazes e efeitos com tecnologia de ponta não são mais importantes que a história, elaborada por uma equipe de roteiristas que inclui Alex Kurtman e Roberto Orci, responsáveis pela recente revitalização da franquia “Star Trek”. “Pensamos nos vilões, sobre onde estaria Peter Parker e que perguntas desejávamos responder, mas o essencial era encontrar a alma do

filme, essa ideia central com a qual nós e os espectadores pudéssemos nos relacionar. Abordamos a ideia de tempo: deve-se valorizar as oportunidades que você tem de estar com quem ama”, diz ele. Além desse fio condutor, o filme traz um trio de criminosos de alto nível. Paul Giamatti é Rhino. Já Jamie Foxx vive o vilão Electro que batiza o filme. Há ainda Dane DeHaan como Harry Osborn, amigo de infância de Peter e filho do abastado dono da OsCorp. “De certa forma, tanto ele quanto Peter foram abandonados por seus pais, o que os permite ter um vínculo pouco comum um com o outro”, conclui o diretor. GABRIELA ACOSTA SILVA METRO INTERNACIONAL


SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

|23|◊◊ DIVULGAÇÃO

TONY RAMOS Ator revela como se preparou para viver o papel-título de ‘Getúlio’, que reconta os últimos 19 dias do presidente. Dirigido por João Jardim, o longa estreia amanhã

Um ator sabe quando está diante de um papel que será um marco na carreira dele? O ator tem uma intuição de que isso poderá acontecer, mas ele só vai ter certeza depois do produto terminar. Seria muita pretensão. Você teve essa intuição? É, mas estou em uma fase da vida e da carreira em que minha intuição não era se seria um marco. Era sobre a responsabilidade de fazer uma personagem tão iconográfica na história brasileira. Como você explorou o gestual de Getúlio? Há poucos vídeos do Getúlio, a não ser dele como ator político-teatral, isto é, em palanques, nas campanhas políticas… Você não tem o Getúlio do ponto de vista intimista. O que procurei foi a economia de gestos, a ponderação dele. Consequentemente, traba-

Este é um papel que exigiu muita maquiagem. A caracterização foi no rosto, através de látex, para colocar bolsas debaixo dos olhos, fazer rugas na pele, e depois o cabelo, cortado diariamente com navalha para poder entrar fio a fio o cabelo como era do Getúlio. E tinha uma prótese dentária. Tudo isso levava duas horas e quinze minutos todas as manhãs.

do o seu bolo de aniversário quando soube da morte de Getúlio. Mas quando você se deu conta de quem foi a figura dele para o país? Começo a perceber quem é Getúlio lá para os meus 14, 15, 16 anos e principalmente quando entro na universidade, porque começo a sentir a figura contraditória dele, o ditador que foi por oito anos, deposto, que entra no autoexílio, mas – olha que grande contradição – volta eleito democraticamente pelo voto. Essas contradições é que me interessavam, na verdade.

É um desafio para o ator lidar com essas intervenções? Não, é só estimulante. O que um ator tem que achar é a alma de uma personagem. O resto passa a ser acessório.

Se você tivesse a chance de encontrar o Getúlio, o que perguntaria para ele hoje? (Suspiro) Que reformas o senhor faria, com urgência, no seu país? Só isso. (risos)

lhei o silêncio, principalmente por se tratar dessa grande crise que o filme aborda, desses 19 dias finais da vida dele.

Você lembra do dia 24 de agosto de 1954 a partir da imagem da sua avó fazen-

AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Outras estreias

‘Amante a Domicílio’

‘Florbela’

‘Pelo Malo’

[EUA, 2013], de John Turturro. Com Woody Allen, John Turturro e Sharon Stone. Numa rara aparição como ator em um filme de outro diretor, Woody Allen vive um velho que busca resolver seus problemas financeiros ao agir como cafetão de um amigo.

[Portugal, 2012], de Vicente Alves Ó. Com Dalila Carmo, Ivo Canelas e Albano Jerónimo. Ambientado no fim da primeira república portuguesa, o longa flagra a poetisa Florbela Espanca (1894-1930) envolvida em um casamento de poucos amores para ter paz para escrever.

[Venezuela/Peru/Argentina/ Alemanha, 2013], de Mariana Rondón. Com Beto Benites. O título significa “cabelo ruim” e remete ao protagonista, um garoto da periferia de Caracas que tem como maior sonho alisar o cabelo – mesmo a contragosto de sua mãe.

Elenco estelar se reúne para ‘Star Wars 7’ Após muitas especulações, foi anunciado ontem o time de atores da nova saga, que será dirigida por J.J. Abrams. John Boyega, Daisy Ridley, Adam Driver, Oscar Isaac, Andy Serkis, Domhnall Gleeson e Max von Sydow atuarão com Harrison Ford, Carrie Fisher, Mark Hamill, Anthony Daniels, Peter Mayhew e Kenny Baker – astros da franquia original. O filme estreia em 18 de dezembro de 2015. | DAVID JAMES/DIVULGAÇÃO


|24|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

Museu da Imagem e do Som recebe a partir de amanhã individuais de Gregory Crewdson, Josef Koudelka, Robério Braga e Valdir Cruz METRO SÃO PAULO

MIS abre espaço para fotografias FOTOS: DIVULGAÇÃO

1

2

1

Gregory Crewdson.

“Por Baixo das Rosas” apresenta dez fotografias que exploram os dramas do cotidiano.

2

Valdir Cruz.

“Guarapuava” é o nome da cidade natal do paranaense. Foi lá que ele fez as 40 imagens desta mostra homônima.

3 4 e 5

Robério Braga.

4

5

Na exposição “Luz Negra”, o fotógrafo baiano mostra 20 imagens, todas em preto e branco, realizadas no Quênia.

Josef Koudelka.

A mostra “Invasão Praga 68” apresenta a jornada de Koudelka em 75 fotos em preto e branco feitas durante sete dias na antiga Tchecoslováquia.

3 Serviço No MIS (av. Europa, 158, Jardim Europa; tel.: 21174777). Ter. a sáb., das 12h às 21h; dom. e feriados, das 11h às 20h. R$ 6. (grátis amanhã). Até 22/6.


SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

|25|◊◊

DIVULGAÇÃO

Dança

Filme de Frank Scheffer sobre Frank Zappa está na programação

Música na telona Cinema. Jimi Hendrix, o cineasta Frank Scheffer e o vencedor do Oscar de melhor documentário são os destaques do sexto festival In-Edit Brasil, que começa amanhã Festival que já se tornou um dos mais queridos dos paulistanos ao apresentar as novidades do documentário musical, o In-Edit abre sua nova edição amanhã com uma programação marcada pela variedade de temas e sons. A abertura acontece às 19h, no CineSesc (r. Augusta, 2.075, Cerqueira César; tel.: 3087-0500; R$ 10), com a exibição “A Um Passo do Estrelato”. Vencedor do Oscar deste ano de melhor documentário, o longa conta a história de backing vocals que contribuíram com suas vozes em diversas canções famosas. Ao todo serão exibidos 58 filmes (23 nacionais e 37 internacionais), em sessões gratuitas no MIS (Museu da Imagem e do Som), na Cinemateca, no Matilha Cultural, no Cine Olido e no Centro Cultural São Paulo. No CineSesc o ingresso custa R$ 10. A programação internacional traz verdadeiros petardos. Entre eles, destaque para “As Time Goes By In Shanghai”, que conta a história de um

grupo de jazz chinês existente desde a década de 1940. Outra história boa é a de “Good Ol’Freda”, sobre a vida da secretária pessoal dos Beatles. Imperdível ainda é a cinebiografia “Jimi Hendrix: Hear My Train a Comin’” e “Downloaded”, documentário que revê a revolução digital criada pela troca de mp3 via Napster. A edição homenageia o cineasta holandês Frank Scheffer em uma retrospectiva com filmes como “How To Get Out Of The Cage”,  sobre John Cage,  e “A Pioneer Of The Future Of Music”, que mostra o original Frank Zappa. Scheffer também participa de um debate no MIS (av. Europa, 158, Jardim Europa; tel.: 2117-4777), na próxima segunda-feira, às 17h30. Como parte da abertura, o cantor Low Barlow (Sebadoh/ Dinosaur Jr.) sobe ao palco do MIS amanhã, às 18h, em show gratuito. METRO Veja a programação completa do In-Edit no www.metrojornal.com.br

Mostra Competitiva Veja os cinco filmes brasileiros que estão na disputa:

• “Olho Nu”, de Joel Pizzini, aborda Ney Matogrosso

• ‘Cauby – Começaria Tudo Outra Vez’, de Nelson Hoineff, fala sobre o cantor Cauby Peixoto

• “A Linha Fria do Horizonte”, de Luciano Coelho, é embalado pela música do Sul

• “Farra do Circo”, de Roberto Berliner e Pedro Bronz, narra início do Circo Voador

• “Triunfo”, de Caue Angeli e Hernani Ramos, apresenta um dos impulsores do movimento Black no Brasil

Música

Concerto

Teatro

Carmem Miranda é tema de espetáculo

Mestre Solano faz show no CCSP

Piansista Jeremy Denk faz recital

Itaú Cultural recebe ‘Acorda, Amor!’

Marcos Sobrinho explora o mundo da artista em “Um Poema para Carmem”, solo que será apresentado a partir de hoje no Teatro Sérgio Cardoso (r. Rui Barbosa, 153, Bela Vista; tel.: 32880136; qua. e qui., às 20h; R$ 5; Até 15/5). METRO

Um dos ícones da música paraense, Solano faz show gratuito amanhã, às 20h30, no Centro Cultural São Paulo (r. Vergueiro, 1.000, Paraíso; tel.: 3397-4002). Na ocasião, ele mostra as músicas de seu novo álbum, “O Som da Amazônia”. METRO

O norte-americano se apresenta sozinho hoje, às 21h. Amanhã e sex., às 21h, e sáb., às 16h30, ele toca Beethoven com a Osesp. Todas as apresentações são na Sala São Paulo (pça. Júlio Prestes, 16, Luz; tel.: 3223-3966; de R$ 36 a R$ 166). METRO

O Teatro Cego estreia hoje, às 20h, um projeto baseado na música homônima de Chico Buarque. No Itaú Cultural (av. Paulista, 149, Cerqueira César; tel.: 2168-1777; amanhã, às 18h e 20h; sex., às 20h; sáb., às 18h e 20h; dom., às 19h; grátis). METRO


|26|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{VARIEDADES} Os invasores

O fino da cidade

Leitor fala

Daniel Alves

FABIO BRANCATELLI FABIO.BRANCATELLI@METROJORNAL.COM.BR

Daniel Alves comeu a banana atirada por um torcedor racista, virou o jogo no melhor jeito brasileiro e mandou para escanteio o preconceito. Mandou bem! Neymar lançou #somostodosmacacos, hashtag que viralizou nas redes sociais e alcançou o topo do trending topic mundial do Twitter. Mandou mal! Tão mal quanto as personalidades que pegaram carona nesta campanha tão preconceituosa quanto. Banana não deve ser arma ou símbolo dessa luta, pois mantém a relação que não deveria existir. Além disso, está tudo errado. Eu não sou macaco. Ninguém é macaco! Nem nunca foi. Está aí Charles Darwin e sua teoria furada da “evolução” dos seres ao longo dos tempos dando origem a espécies novas (como se os macacos de hoje fossem se transformar em gente no futuro, haha). Sabe de nada, inocente... Homens, racistas ou não, na Europa ou aqui, sempre serão homens, mesmo com essa triste realidade ainda no século XXI, demostrando sua natureza caída e crença em raças superiores, que estimulam outros tantos tipos de perversidade como os genocídios, o nazismo, o apartheid, a escravidão. Yes, nós temos banana pra dar e vender, mas definitivamente não somos macacos. Somos seres humanos, todos iguais, que merecem respeito em vez de comparações esdrúxulas. A SEMANA:

Cruzadas

Nada como dar um tapa na cara com luvas de pelica. Parabéns ao jogador Daniel Alves por saber como superar um ato de racismo de uma forma tão inteligente, como mostrou o Metro Jornal de ontem na reportagem “Aqui pra você, racismo!”. E ainda comeu a banana que foi arremessada em sua direção. Isso sim é passar por cima de ignorantes metidos a país de primeiro mundo. Vai firme, garoto! ASDRUBAL GOBENATI - RIO DE JANEIRO, RJ

Aécio Neves Li a entrevista com o candidato à presidência pelo PSDB, Aécio Neves, publicada no Metro Jornal de ontem. Ele disse que precisamos de uma visão moderna de gestão, mas me pergunto: que visão é esta? Por um acaso, Minas Gerais que ele governou por vários anos é um exemplo de modernidade? MARCOS BARBOSA - CASA BRANCA-SP

Metro Pergunta

Pelo menos 800 haitianos Siga o Metro chegaram em SP. A cidade no Twitter: @jornal_metro tem capacidade para acolher essas pessoas?

FOTOS: ALI KARAKAS

1

@raissacolluci

Com certeza não. Vemos diariamente problemas de habitação e desigualdade social. Com os haitianos será igual.

2 6

FOTOS: RODRIGO TREVISAN

Lara Gerin (1), Pedro Braun Sampaio (2), Maria Rosa Rojo (3) e Tatiana Riccio (4) curtem música ao vivo no JK Sessions.

5

3

Sudoku www.metrojornal.com.br

VOCÊ JÁ VISITOU O SITE DO METRO HOJE?  Acesse metrojornal.com.br e confira as reportagens em andamento que estão na área “Faça o Metro de Amanhã” na nossa página inicial. 

4

Aqui, você irá além dos comentários. Sua participação vai nos ajudar no desenvolvimento de reportagens que também serão publicadas – com a sua assinatura – na versão impressa do Metro.

Ivan Arcuschin (5) e Bruna Barcelar (6) no badalado brunch do Candela.

O FINO DA SEMANA O fotógrafo e diretor de arte Fabio Astolpho abre amanhã a exposição “Solidão Urbana”, no MIS.

Para falar com a redação:

leitor.sp@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

Fabio Brancatelli é empresário, publisher do Bicofino e consultor de marketing com 20 anos de mercado em grandes agências e empresas.

Horóscopo

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Procure evitar assuntos já superados com as pessoas que mais gosta. Momento para se desprender de velhos apegos.

Cuide para que os assuntos do trabalho ou mesmo de seu cotidiano não provoquem afastamento de suas relações ou de momentos prazerosos.

Regente de seu signo, Júpiter faz bom aspecto com Mercúrio, favorecendo conversas com algumas relações mais difíceis. 

Momento importante para retomar gostos culturais, especialmente como forma de se desapegar de algumas manias ou maus pensamentos.

A dedicação maior com fé, espiritualidade e temas que envolvam suas crenças ajudará a revitalizá-lo e a adquirir bons conhecimentos.

Sua maneira de se expressar estará mais espontânea do que o habitual. Bom para superar a timidez, especialmente em assuntos afetivos.

O bom aspecto entre seu regente Mercúrio e Júpiter favorece a expansão de ideias e contatos diferentes que possam auxiliar projetos.

Período importante para pesquisas, tanto em negociações materiais como em assuntos profissionais. Mais cautela com finanças.  

Período especial para lidar com novos métodos e conhecimentos no trabalho. Atente-se para não se exigir demais.  

Período para mais espírito de grupo com temas profissionais, ainda que sinta a possibilidade de resolver assuntos ao seu modo.

Procure se portar de maneira cuidadosa com alguns costumes de pessoas que tem vínculo afetivo e que não mudarão da noite para o dia.    

A busca por diversões que amenizem desgastes cotidianos fará bem. Ambientes sociais e eventos estarão propícios para se aproveitar.


3 ESPORTE

|28|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Após 12 anos. Real Madrid goleia Bayern na Alemanha com show de CR7. Atlético e Chelsea decidem outro finalista hoje

Fora o baile!

Com os dois gols anotados sobre o Bayern de Munique, português Cristiano Ronaldo chega a 16, um recorde em uma mesma edição da Liga dos Campeões | PIXATHLON/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

Será?

Dani Alves

Alvo de ofensas racistas da torcida do Villarreal, no domingo, o lateral do Barcelona está na mira do Paris Saint-Germain. A informação é do jornal “L’Équipe”.

O Real Madrid surpreendeu até o torcedor mais pessimista do Bayern de Munique ontem. Na Alemanha, o clube espanhol goleou o atual vencedor da Liga dos Campeões por 4 a 0 e se garantiu na final depois de 12 anos. Cristiano Ronaldo foi a estrela. Com os dois gols anotados, o atacante português chegou a 16 tentos na competição, um recorde – Messi, em 2011/2012, e Maz-

zola, em 1962/1963, têm 14. Hoje, às 15h45 (de Brasília), Chelsea e Atlético de Madrid definem, em Londres, o outro finalista. No jogo de ida, na Espanha, os times empataram por 0 a 0. A decisão acontece no dia 24 de maio, no Estádio da Luz, em Lisboa. O jogo Derrotado por 1 a 0 na primeira partida, semana pas-

04 BAYERN M.

REAL MADRID

sada, em Madri, o Bayern prometeu fazer “um inferno”. Foram 67.500 torcedores no Allianz Arena apoiando os donos da casa. Mas bastaram 15 minutos para frustrar as expectativas.

Veloz e fatal nos contra-ataques, o Real Madrid sufocou o Bayern também na marcação. No duelo tático, o espanhol Pep Guardiola, treinador do time alemão, não viu a cor da bola, enquanto o italiano Carlo Ancellotti, do Real, deu uma aula. O zagueiro Sergio Ramos marcou os dois primeiros gols de cabeça, aos 15 e aos 19 minutos do 1º tempo. A

missão do Bayern, que já era muito difícil, tornava-se praticamente impossível. Cristiano Ronaldo tornou ainda mais complicada aos 33, arrematando após contra-ataque puxado por Bale. Foi o gol do recorde, o 15º na Liga Ainda cabia mais: aos 44 do 2º tempo, CR7 jogou a pá de cal cobrando falta por baixo da barreira e somou mais um gol à sua marca. METRO


|30|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Aidar: ‘O choro é livre’ Provocação. Presidente do São Paulo rebate palmeirense Paulo Nobre. Alviverde afirmou que tricolor foi antiético no caso Kardec A relação entre as diretorias de São Paulo e Palmeiras tem tudo para ser conturbada a partir de agora. Ontem, o presidente do Tricolor, Carlos Miguel Aidar, revidou os ataques feitos na segunda-feira pelo mandatário alviverde, Paulo Nobre, sobre a transferência do atacante Alan Kardec para o clube do Morumbi. “Como se diz nas arquibancadas, o choro é livre”, provocou Aidar, que levou um cacho de bananas à entrevista – após comer uma, reclamou que a fruta estava verde. Na segunda-feira, Paulo Nobre confirmou a saída de Alan Kardec do Palmeiras e acusou o São Paulo de ser antiético na negociação. De acordo com o presidente alviverde, outras equipes tinham interesse no camisa 14, mas informaram que iriam aguardar o fim das conversas do

“Não é uma imagem boa, essa de que o São Paulo é ‘atravessador, traidor’, mas o que o São Paulo faz é usar a lei que está aí”

“Antiético é subornar alguém. Se oferece propina, você está sendo antiético, mais do que isso, está sendo criminoso”

CARLOS MIGUEL AIDAR, PRESIDENTE DO SÃO PAULO

CARLOS MIGUEL AIDAR, PRESIDENTE DO SÃO PAULO

Verdão com o atleta. O Tricolor atravessou o negócio e tratou diretamente com o Benfica - clube que detém os direitos do atacante - , pai e intermediários. Rapidamente o acordo foi fechado. O São Paulo pagará 4,5 milhões de euros (cerca de R$ 13,8 milhões) aos portugueses. O valor é maior do que o que o Palmeiras pagaria – o Verdão tinha acerto verbal para pagar 4 milhões de euros, R$ 12,2 milhões). “A manifestação do presidente Paulo Nobre chega a ser patética. Demonstra, in-

felizmente, o atual tamanho da Sociedade Esportiva Palmeiras, que, ano após ano, se apequena com manifestações dessa natureza”, afirmou o presidente tricolor. “O São Paulo perdeu vários atletas, como o Dagoberto para o Internacional, o Cafu e o Antônio Carlos por meio do Brunoro [José Carlos, atual diretor-executivo do Palmeiras], nos anos 90, que os tirou fazendo ponte com o Juventude, e nem por isso ficou chorando pelos cantos”, afirmou Aidar. METRO

Carlos Miguel Aidar afirmou que declarações de Paulo Nobre, presidente alviverde, foram ‘juvenis’ | EDNO LUAN/FUTURA PRESS

Paulo Nobre declara guerra ao Tricolor após declarações O presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, informou ontem por meio de nota oficial que o clube romperá relações políticas com o São Paulo enquanto Carlos Miguel Aidar estiver à frente do Tricolor. “Jamais aceitaremos que alguém ouse se dirigir ao Palmeiras de tal forma. O presidente do São Paulo não tem ideia do tamanho do Palmeiras. Ele, como presidente de uma agremiação que também é muito grande, deveria Santos

saber. Infelizmente, a arrogância causa miopia”, informa trecho da nota. Chororô Ao comentar o caso, o meia Valdivia disse que, no próximo confronto com o Tricolor, pode comemorar com o gesto do choro – em 2008, o chileno festejou alguns gols dessa forma. Os dois clubes se enfrentam no dia 17 de agosto, no Pacaembu, pela 15ª rodada do Brasileirão. METRO Homenagem

Valdivia provocou o São Paulo em 2008 | WAGNER CARMO/FOLHAPRESS

Olimpíada 2016

Botafogo libera Renato para acertar com Peixe

Luciano do Valle dará nome a passarela no Rio

Para o COI, Rio já tem o pior atraso da história

Bicampeão brasileiro com o Santos em 2002 e 2004, o volante Renato, do Botafogo, pode voltar à Vila Belmiro. O clube carioca já liberou o atleta de 35 anos a conversar com o Peixe. Na Vila Belmiro, Renato ganharia por produtividade – ele recebe R$ 380 mil no Botafogo, onde está sem espaço. METRO

Luciano do Valle, locutor esportivo da Band que morreu no último dia 19, será homenageado pela Prefeitura do Rio de Janeiro. O jornalista vai batizar uma passarela que liga o Maracanã à Quinta da Boa Vista. A estrutura, de 530 metros de extensão, será inaugurada amanhã, no feriado do Dia do Trabalho. METRO

O vice-presidente do COI) (Comitê Olímpico Internacional), o australiano John Coates, disse que os preparativos para a Olimpíada de 2016, no Rio, são os ‘piores’ que ele já viu. “A situação é crítica, é a pior até hoje. Mas não temos um plano B. Vamos para o Rio”, disse Coates, que tem 40 anos de experiência em organizar Jogos. METRO


SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

|31|◊◊

Com atenção redobrada, Timão encara o Nacional Em Manaus. Corinthians inicia segunda fase da Copa do Brasil querendo evitar jogo de volta O Corinthians inicia hoje a segunda fase da Copa do Brasil. Às 22h, o alvinegro encara o Nacional-AM, em Manaus, na Arena da Amazônia – uma das 12 sedes da Copa. A ideia da equipe é ter foco total na vitória para evitar o segundo jogo. “Precisamos ter atenção durante os 90 minutos”, afirmou o meia Jadson. Se vencer por dois ou mais gols de diferença, atinge o objetivo. Caso precise do outro duelo, o clube estuda antecipar a abertura do Itaquerão em quatro dias – agendada para 18 de maio - , pois a possível volta está prevista para o dia 14 no Pacaembu. Com três mudanças, o Timão de Mano Menezes vai a campo hoje com: Cássio; Fagner, Cleber, Gil e Uendel; Ralf, Bruno Henrique, Petros e Jadson; Luciano e Guerrero.

Dono dos Clippers, Donald Sterling está banido

NACIONAL-AM • •

NBA. Liga bane dono de equipe por atos racistas

CORINTHIANS

Estádio. Arena da Amazônia, às 22h Transmissão. Rádio Bandeirantes, BandNews FM e Bradesco Esportes FM, Globo e SporTV 2

Senna na cabeça Em homenagem aos 20 anos da morte de Ayrton Senna, completados amanhã, os jogadores alvinegros entrarão na Arena da Amazônia com réplicas do capacete usado pelo brasileiro na Fórmula 1. Senna era corintiano declarado. Confira o especial do Metro Jornal sobre o piloto na página 13. METRO

| LUCY NICHOLSON/REUTERS

Jadson pede Timão atento contra rival amazonense | RODRIGO GAZZANEL/FUTURA PRESS

O dono do Los Angeles Clippers, Donald Sterling, está banido para sempre da NBA (Liga de Basquete dos Estados Unidos) após comentários racistas feitos à sua namorada, divulgados no último fim de semana. Ele será multado em US$ 2,5 milhões (R$ 5,5 milhões) e, conforme o comissário da liga, Adam Silver, afirmou, será pressionado a vender a franquia. “Ele não poderá assistir a nenhum jogo ou treino de nenhuma equipe. Ele também não poderá mais parti-

cipar das decisões da equipe dos Los Angeles Clippers nem participar de qualquer reunião associada à Liga”, afirmou Silver. “Vou fazer tudo que estiver ao meu alcance para garantir a venda da equipe. Eu espero ter o apoio de todos os donos de equipes da NBA”, afirmou. No último fim de semana veio à tona no site “TMZ” uma conversa de Sterling com sua namorada, a modelo V. Stiviano, em que Sterling pedia para que ela não levasse negros aos jogos. METRO


|32|

SÃO PAULO, QUARTA-FEIRA, 30 DE ABRIL DE 2014 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Pouca expressão. Com Colômbia, Japão, Grécia e Costa do Marfim, Grupo C carrega a promessa de classificar duas possíveis surpresas

Grupo Seleções

de azarões

x Grécia

Costa do Marfim

x Japão

Colômbia x Costa do Marfim (19/6 - 13h, Brasília)

Mario Yepes

L. Perea

Japão

x Grécia

Japão

x Colômbia

Esquema tático:

D. Ospina

Grécia x Costa do Marfim

Juan Cuadrado

(24/6 - 17h, Fortaleza)

S. Arias

A. Ramírez

Victor Ibarbo

James Rodríguez C. Bacca

Edwin Valencia James Rodríguez é importante no meio-campo da Colômbia

JAPÃO

COSTA DO MARFIM

Participações em Copas:

Participações em Copas:

4

2

Técnico:

Fernando Santos

Alberto Zaccheroni

Esquema tático:

Técnico:

Esquema tático:

5-2-3

Sabri Lamouchi

Honda espera levar o Japão o mais longe possível

4-4-2

P. Glykos

Masato Morishige

Holebas

Toshihiro Ayama

4-3-3

Eiji Kawashima

Vincent Paul

Yuto Nagatomo Hiroki Sakai

Keisuke Honda

Arthur Boka D. Zokora

C. Tiote

S. Aurier Yaya Touré

Shinji Okazaki Salpingidis

Kolo Toure

Maya Yoshida

Maniatis

Karagounis

Drogba pode se aposentar depois desta Copa

Esquema tático:

Samaras

Mitroglou

4-5-1

Pablo Armero

(24/6 - 17h, Cuiabá)

Técnico:

Tziolis

José Néstor Pekerman

(19/6 - 19h, Natal)

2

Torosidis

Técnico:

s ogo sj

Colômbia

(14/6 - 22h, Recife)

Participações em Copas:

Manolas

4

Todo so

(14/6 - 13h, Belo Horizonte)

GRÉCIA

Papadopoulos

Participações em Copas:

Grupo C

A Colômbia passou 16 anos sem jogar uma Copa do Mundo. A Costa do Marfim, em duas participações, não passou da primeira fase -- como a Grécia. O Japão, antigo saco de pancadas, chegou às oitavas em 2002 e 2010 e quer repetir a façanha. O combustível do Grupo C da Copa parece ser apenas um: vontade. A equipe mais forte é justamente aquela que passou mais tempo afastada do torneio. Cabeça de chave, a Colômbia fez uma campanha impressionante nas Eliminatórias e chegou ao 5º lugar do ranking geral da Fifa. No meio do caminho, no entanto, o time ficou órfão de sua maior estrela: o atacante Falcao García lesionou o joelho e tem pouquíssimas chances de disputar o Mundial. Sem ele, o técnico José Néstor Pekerman tem apostado em Carlos Bacca, do Sevilla. Adrian Ramos, do Hertha Berlin, também é opção. No meio do campo, o treinador conta com o talento ofensivo de James Rodríguez. A raça da Costa do Marfim, por outro lado, pode surpreender. Os Elefantes querem fazer uma boa campanha por um motivo particular: o atacante Didier Drogba tem 36 anos e esta pode ser sua última Copa. Na Seleção Japonesa, o estiloso Keisuke Honda é a peça central da equipe. Do lado da Grécia, o ponto forte é a defesa. METRO

O atacante Mitroglou joga na liga inglesa

COLÔMBIA

Shinji Kagawa Yuya Osako

Hotaru Yamaguchi

G. Serey Die Salomon Kalou

Didier Drogba

Gervinho


20140430_br_metro sao paulo