Issuu on Google+

DIVULGAÇÃO

A VOLTA DE WILLMUTT

Criado em 2013, grupo se apresenta hoje e amanhã no Teatro Paiol

O retorno das gafieiras Sapato Furado homenageia Cartola em show

PÁG. 11

PERSONAGEM COM SOTAQUE ALEMÃO FAZ SHOW AMANHÃ NO GUAIRINHA PÁG. 09 CURITIBA Terça-feira, 29 de abril de 2014 Edição nº 750, ano 4 MÍN: 12°C MÁX: 22°C sunny

snow

rain

partly sunny

cloudy

sleet

www.readmetro.com | leitor.ctb@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metroctb

BANANA PARA O RACISMO

hazy

thunder

part sunny/ showers

thunder showers

windy

showers

Manifestações de apoio ao lateral Daniel Alves tomam as redes sociais e expõem uma situação que, infelizmente, vem se tornando cada vez mais frequente no futebol PÁG. 14 Para Aécio, CPI do Metrô é ‘vingança’

Acidentes afastam 4 mil PR mantém apoio ao do trabalho todo ano PT, mas pede Lula Mais de 1.300 pessoas pediram licença na RMC e no Litoral do Estado desde o início do ano PÁG. 03

Partido segue com governo, mas defende a volta do ex-presidente como candidato PÁG. 05

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) | ANDRÉ PORTO / METRO

Pré-candidato do PSDB à presidência, senador abre série de entrevistas do programa Canal Livre, da Band PÁG. 06


1 FOCO

Vereadores

Terno e gravata

Por iniciativa do vereador professor Galdino (PSDB) (foto), os parlamentares debateram ontem se seriam obrigados a continuar usando terno e gravata nas sessões. Galdino, que costuma vestir jaleco, fez a proposta contra os trajes, que foi recusada por 25 votos contra e 10 a favor. Alguns parlamentares protestaram contra a pauta. “Discutir isso é ridículo, uma vergonha para esta Câmara”, protestou Felipe Braga Cortes (PSDB). Galdino teve que recorrer à justiça para que a proposta fosse debatida e obteve a decisão favorável na semana passada. A proposta foi recusada.

Cotações Dólar - 0,80% (R$ 2,22) Bovespa - 0,03% (51.384 pts) Euro + 0,23% (R$ 3,09) Selic (11% a.a.)

Salário mínimo (R$ 724)

|02|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Massa de ar frio já prepara a cidade para o inverno Clima. Temperatura mínima em torno de 120C fez curitibanos tirarem casacos e cachecóis do guarda-roupa. Ventos fortes reduziram sensação térmica, que ficou em 90C ontem até o meio-dia. Frio deve continuar hoje, sem chuva Os últimos dias têm sido uma mostra do que deve ser o inverno em Curitiba, que começa em 21 de junho. As manhãs frias e sem sol deixaram as temperaturas mais baixas, com mínimas em torno dos 12ºC e as máximas nos 19ºC. Mas os ventos fortes fizeram cair a sensação térmica. Ontem, mesmo com sol aparecendo, a sensação era de 9ºC até o meio-dia, segundo o Instituto Meteorológico Simepar. Os curitibanos saíram de casa vestidos em casacos, cachecóis e gorros. A mínima foi 12ºC e a máxima, 19ºC, pouco acima dos 11,6ºC e 18,2ºC registrados anteontem, respectivamente. “As temperaturas têm mantido um padrão semelhante, mas, daqui para frente, com a chegada de maio, fica mais frio mesmo, com características de in-

verno”, comenta o meteorologista Samuel Braun. O motivo dessa mudança no clima em relação à semana passada é uma massa de ar frio que está no oceano, explica Braun. “O vento sopra para o continente e, com ele, vem a umidade que traz um ar mais frio”, diz. O efeito é visto em todo o Estado. O litoral registrou ontem 22ºC; o Noroeste, 27ºC. Apesar de parecer altas para os curitibanos, são temperaturas amenas para essas regiões. Para hoje, a previsão do Simepar é que o frio permaneça pela manhã e o sol apareça à tarde, sem chuvas. Em Curitiba, a mínima deve ser 12ºC e a máxima, 22ºC. CAMILA CASTRO

Manhã sem sol e com ventos fortes deixaram a capital mais fria | RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

METRO CURITIBA

Prefeitura paga R$ 6 mi a Copel, Sanepar e Correios Começou a tramitar ontem na Câmara Municipal o projeto de lei que abre um crédito especial de cerca de R$ 6 milhões para que a prefeitura pague dívidas com a Copel, Sanepar e Correios. Os débitos são da gestão anterior, de Luciano Ducci (PSB), e desde o ano passado o prefeitura vem negociando com os fornecedores. “Essas três empresas ficaram só para este momento pois seus estatutos impediam o procedimento. Os valores foram renegociados e agora serão pagos”, afirmou o líder do prefeito no Legislativo, vereador Pedro Paulo (PT). O projeto ainda terá que ser aprovado pela comissão de economia da

Executivo negocia desde o ano passado com empresas

Câmara, para que depois seja levado à votação em plenário. “O Executivo tem certa urgência, pois há recursos também para obras na saúde, então esperamos aprovar a matéria até o

| ANDERSON TOZZATO/CMC

dia 20 de maio”, afirmou o parlamentar. Além dos R$ 6 milhões, outros R$ 2,79 milhões vão para obras do laboratório municipal e unidades de saúde. METRO CURITIBA

Multas. Recursos serão online a partir de junho O Detran-PR informou ontem que está 80% pronto o sistema que vai permitir aos motoristas entrarem via online com recursos contra as multas emitidas pelo órgão. De acordo com o diretor-geral do departamento, Marcos Traad, o sistema deve começar a funcionar em junho. “Vai facilitar muito a vida do usuário, que poderá consultar a qualquer hora do dia ou da noite o andamento do processo administrativo”, explica ele. Ainda será possível verificar a tramitação do recurso na defesa prévia, na (Jari (Junta Administrativa de Recursos de Infrações) e no Cetran (Conselho Estadual de Trânsito). “O formato digital pode ser considerado uma revo-

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 041/3069-9191

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB: 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

leitor.ctb@metrojornal.com.br 041/3069-9189

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos, Campinas e Grande Vitória, somando 510 mil exemplares diários.

Metro Curitiba. Gerente Executivo: Rodrigo Afonso. Editora-Executiva: Martha Feldens (MTB: 071) Diagramação: Luana Santana. Grupo Bandeirantes de Comunicação Curitiba - Diretor Geral: André Aguera. Grupo J. Malucelli - Presidente: Joel Malucelli

Defesas poderão ser feitas pela internet | DIVULGAÇÃO/ DETRAN

lução no processo de defesa, pois agiliza o atendimento e evita o retrabalho”, diz. “O requerente pode dar entrada ao processo de defesa do auto de infração pela internet e ir até um posto de atendimento do Detran apenas para conferência de documentos”. METRO CURITIBA

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Santa Cecília, 802, Pilarzinho, CEP 80820-070, Curitiba, PR. Tel.: 041/3069-9191 O jornal Metro é impresso na Gráfica RBS – Zero Hora Editora Jornalística S/A. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 30.000 exemplares


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

Mais de 4 mil são afastados por ano Acidentes de trabalho. Em 2014, mais de 1.300 pessoas pediram licença em Curitiba e região Nos primeiros quatro meses de 2014, foram concedidos 1.330 auxílios-doença por acidente de trabalho pelo INSS em Curitiba, RMC e Litoral. No Paraná, são 5.911 licenças concedidas. No ano passado todo, foram 4.041 em Curitiba e região e 20657 no Paraná. Ontem foi o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trabalho. Desde 2003, o Brasil celebra a data que marca um acidente ocorrido em 28 de abril de 1969, em que 78 mineiros morreram em explosão na mina de Farmington, em Virgínia, Estados Unidos. A Justiça do Paraná recebeu quase uma denúncia de acidente de trabalho por dia nos últimos quatro anos. Entre 2010 e 2014, foram feitas 1.377 denúncias sobre irregularidades no ambiente de trabalho no Estado. O Ministério Público do Trabaho tem 2.546 procedimentos ativos

423

pessoas morreram em acidentes de trabalho em 2013 no Paraná, segundo a Secretaria de Saúde. O maior número de vítimas está nos setores de transporte, madeireiras e construção civil sobre o tema, entre eles 525 tratam especificamente de acidentes de trabalho. De acordo com a procuradora do Trabalho, Renée Machado, a Justiça é relativamente ágil na resolução de ações trabalhistas, mas falta sensibilidade dos magistrados em alguns casos de prevenção. “Já pedi a interdição de uma marmoraria que não tinha condições básicas de segurança e o juiz não concedeu; poucos dias depois, um trabalhador morreu vítima de uma mutilação”, reclama. Dados da Fundacentro, ór-

Trânsito é o principal responsável por acidentes de trabalho

gão ligado ao Ministério do Trabalho, mostram que 397 trabalhadores morreram em acidentes no ano passado. Os setores com mais casos são indústrias madeireiras, de transporte e construção civil. O chefe da Fundacentro no Paraná, Adir Souza, afirma que todos os agentes envolvidos são responsáveis.

Santo Inácio tem redução de 50% no número de roubos Depois da criação de um grupo com mais de 1.300 membro no Facebook com denúncias de furtos e roubos no bairro Santo Inácio em Curitiba, a Polícia Militar divulgou a redução de mais de 50% no número de furtos e roubos na região. De janeiro a abril de 2013 foram 41 casos de roubo à residência e em 2014 o número caiu para 20, uma redução de 51,22%. Já os furtos qualificados (arrombamento) tiveram uma diminuição de 51,11%. No ano passado foram 45 ocorrências e neste ano, foram 22 casos nos primeiros quatro meses do ano.

Oito pessoas foram feitas reféns ou sequestradas neste ano no bairro. No ano passado, foram 18 casos do chamado roubo agravado. A redução é de 55,56%. Segundo a PM, depois da mobilização dos moradores, o policiamento foi intensificado no bairro. Neste ano, 115 pessoas foram abordadas e três quadrilhas presas. No início do ano, moradores do Bairro Santo Inácio criaram o grupo no Facebook chamado “SOS Santo Inácio”. Em 10 dias, os cerca de 1.300 membros, relataram 500 ocorrências no bairro. METRO CURITIBA

Queda

08

casos de roubos seguidos de sequestros foram registrados nos primeiros quatro meses de 2014 no bairro.

18

ocorrências de sequestro entre janeiro e abril de 2013 foram contabilizadas pela Polícia Militar.

| RODRIGO F. LEAL

“Hoje, se alguém vê outro maltratando um animal, o infrator é denunciado imediatamente. O mesmo deveria ocorrer quando um trabalhador é visto sem cinto em um andaime”, analisa. NARLEY RESENDE METRO CURITIBA

Zoo. Homem que encontrou morcego é procurado Um homem que encontrou um morcego no Zoológico de Curitiba no último dia 21 é procurado pela Secretaria Municipal da Saúde. Exames feitos no morcego indicaram que ele estava infectado pelo vírus da raiva. O homem deve procurar imediatamente uma unidade de saúde ou ligar para o telefone 156. Curitiba não registra casos de raiva humana ou canina há mais de 30 anos. Em 2010 um gato pegou a doença depois de ter contato com um morcego. METRO CURITIBA

{FOCO}

|03|◊◊

Greve. Professores marcham pelo Centro de Curitiba nesta terça-feira Os professores da rede estadual de todo o Paraná devem fazer uma passeata hoje, a partir das 8h. A APP-Sindicato convocou caravanas das principais regionais do Estado, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul para protestar em Curitiba. O objetivo da marcha é chamar a atenção para as reivindicações da categoria. Os professores e funcionários da educação pública estadual estão em greve desde terça-feira passada. Duas reuniões debateram as reivindicações dos servidores no Palácio Iguaçú, mas não houve acordo integral. Segundo a presidente da APP-Sindicato, Marlei Fernandes de Carvalho, O comando de greve, formado pela direção estadual, direções dos núcleos sindicais da APP e pelos representantes de base, avaliou as propostas do governo do Estado e apresentou ontem uma contra-proposta. Uma Assembleia Estadual de Avaliação da Greve está marcada para depois da passeata pelo centro da ciTST

Professora ganha hora-extra por trabalho no recreio Uma professora de Curitiba deve receber horas-extras por ter trabalhado durante o recreio no Colégio Expoente. O TST (Tribunal Superior do Trabalho) divulgou nesta semana a decisão de que o tempo deve ser remunerado. Na ação, a professora alegou que ficava à disposição de alunos e superiores durante o intervalo entre as aulas. Em nota, o Grupo Expoente ressalta que a decisão, em última instância, ainda não transitou em julgado e pode ser reformada. METRO CURITIBA

Passeata mobiliza servidores de todo o Estado | DIVULGAÇÃO/APP-SINDICATO

dade. Os professores vão decidir se continuam com os braços cruzados. Escolas A greve dos professores e funcionários afeta cerca de 70% das escolas estaduais do Paraná. Segundo a Secretaria de Estado da Educação, a maioria das escolas abriu parcialmente; 11,31% fecharam totalmente e 20% abriram com todo o quadro de funcionários. O Paraná tem 2100 escolas e mais de um milhão de alunos. METRO CURITIBA

Gorjeta. MPT orienta empresas e empregados O repasse de gorjetas aos garçons e empregados do ramo dos hotéis e restaurantes de Curitiba será debatido pelo Ministério Público do Trabalho amanhã em uma audiência pública para orientar trabalhadores e empresários do setor. O encontro vem depois que o MPT-PR verificou que alguns restaurantes de Curitiba cobravam dos clientes a taxa de serviço (10%) e não repassavam aos empregados. Segundo o MPT, o repasse aos funcionários é obrigatório. METRO CURITIBA


|04|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

Comida cara nos aeroportos é campeã de reclamações Pesquisa SAC. Passageiros elegem terminal de Natal (RN) como melhor do país e de Cuiabá MT), como pior. Numa escala de 0 a 5, nota média foi 3,81. Aeroporto Afonso Pena ficou em segundo lugar, com 4,06 O passageiro que precisa fazer uma refeição nas praças de alimentação dos aeroportos brasileiros é o mais insatisfeito. O preço da comida é a principal queixa feita pelos clientes, segundo pesquisa da SAC (Secretaria de Aviação Civil) feita com 18.062 pessoas entre janeiro e março. Numa escala de 0 a 5, a nota foi 2,16 - a pior entre os 41 itens avaliados. O brasileiro reclama também do valor dos produtos vendidos em lojas, a qualidade do serviço de internet e, ainda, do preço cobrado nos estacionamentos. Em contrapartida, o passageiro se mostra satisfeito com a forma como são atendidos nos balcões de check-in, na área de inspeção de bagagens e funcionários do aeroporto, além do tempo nos check-in eletrônico, facilidade de se localizar e disponibilidade dos carrinhos para as malas. Raio-x A pesquisa avaliou também os 15 principais aeroportos do Brasil - os 14 que serão utilizados na Copa do Mundo, além de Viracopos, em Campinas (SP).

“Passamos a exigir de cada aeroporto um plano de gestão para melhorar o desempenho exatamente naquilo que o cliente está reclamando.”

RANKING Numa escala de 0 a 5, veja a nota atribuída aos 15 aeroportos que servirão às cidades-sede da Copa do Mundo e ao terminal de Campinas (SP):

MOREIRA FRANCO, MINISTRO DA SAC

A nota média foi de 3,81. O aeroporto internacional Augusto Severo, em Natal (RN) teve a melhor avaliação: 4,16. Os cinco terminais pesquisados e que já passaram ao controle da iniciativa privada têm situação distinta no ranking. Confins, em Belo Horizonte (MG), tem a melhor avaliação: 3,88 - oitava colocação. Um posição abaixo está Viracopos, que chegou a liderar na pesquisa anterior. O aeroporto Tom Jobim/Galeão, no Rio de Janeiro está em 10º. O aeroporto Juscelino Kubitschek é o 12º colocado e a pior nota é para o terminal de Guarulhos, na penúltima colocação - só na frente do aeroporto de Cuiabá (MT). MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

RR

AM

3,86

CE

MA

RN

8º CONFINS 3,88

PB

PI PE TO

RO

SE

AL

9º GALEÃO 3,86

BA

MT

15º CUIABÁ

3,26

GO

SP

DUMONT

ES

MS

3,56

3,91

RJ

9º CAMPINAS 3,86

PR

2º CURITIBA 4,06

5º SANTOS

MG

12º BRASÍLIA

‘História foi reescrita’, diz Collor Absolvido pelo STF (Supremo Tribunal Federal), o senador Fernando Collor (PTB-AL) afirmou ontem que a história do Brasil foi reescrita. O último processo contra ele ainda da época em que foi presidente, há 23 anos, foi arquivado na semana passada por falta de provas. “São anos, anos e anos de angústia e padecimento”, desabafou. “Quem vai me devolver o que me foi tomado?” METRO BRASÍLIA Petrobras

Ex-diretor é transferido para Piraquara

SC

2º PORTO

RS

ALEGRE

4,06

AS 10 PRINCIPAIS QUEIXAS Custo da alimentação Valor do produto Acesso à internet/wi-fi Custo do estacionamento Negócios/Sala Vip Estabelecimentos comerciais Instalações para a alimentação Disponibilidade de bancos e casas de câmbio Instalações do estacionamento Transporte terrestre para o aeroporto

4º CONGONHAS 4

14º GUARULHOS

3,51

AS 10 MELHORES AVALIAÇÕES 2,16 2,41 2,88 3,01 3,25 3,33 3,34 3,37 3,42 3,52

Atendimento e cordialidade dos funcionários do check-in Tempo de espera na fila de inspeção de segurança Atendimento e cordialidade dos funcionários da inspeção Atendimento e cordialidade dos funcionários do aeroporto Tempo de espera na fila de check-in eletrônicos Rigor na inspeção de segurança Atendimento e cordialidade dos funcionários da emigração Eficiência dos funcionários do check-in Facilidade de encontrar o destino no aeroporto Disponibilidade de carrinhos de bagagem

4,29 4,28 4,28 4,26 4,26 4,25 4,25 4,25 4,22 4,22

FONTE: RELATÓRIO GERAL DOS INDICADORES DE DESEMPENHO OPERACIONAL DOS AEROPORTOS/SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL

Famílias com renda de até R$ 5 mil podem aderir ao programa | DÊNIO SIMÕES/GDF

sas e apartamentos até o fim do ano. “Faltam entregar ou contratar cerca de 400 mil”, afirmou o ministro das Cidades, Gilberto Occhi.

PA

3,55

AC

5º RECIFE 3,91 11º SALVADOR

13º MANAUS

Minha Casa Minha Vida 3 deve ser lançado em junho O principal programa habitacional do governo federal terá a terceira edição lançada em junho. O Minha Casa Minha Vida 3 ainda não tem metas definidas, mas os empresários esperam pelo menos mais três milhões de unidades, com um investimento de R$ 135 milhões em subsídios. “Seria, na minha visão, uma grande irresponsabilidade não dar continuidade a um projeto desse. Não tem nada de eleitoreiro, é um programa de Estado”, defendeu o presidente da CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), Paulo Simão. O programa foi lançado no segundo mandato do governo Lula. A segunda fase prevê a construção de 2,75 milhões de ca-

AP

1º NATAL 4,16

7º FORTALEZA 3,91

Desabafo

Na nova etapa do programa, devem ser criadas novas faixas salariais a serem beneficiadas e o prazo de pagamento deverá ser ampliado. METRO BRASÍLIA

Rio. Alemão tem dia de tensão após morte de idosa Policiais da Divisão de Homicídio estiveram na favela Nova Brasília, no complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, para uma perícia onde Arlinda Bezerra de Assis, 72, morreu na noite de domingo. Ela estava retornando de um almoço de comemoração de seu aniversário na casa de familiares, ao lado do sobrinho-neto, de 10 anos, quando foi baleada. Segundo a PM, agentes da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) faziam patrulhamento da Rua 2 quando criminosos atiraram contra eles e o contêiner que serve de base para a UPP. Os PMs envolvidos no tiroteio prestaram depoimento ontem e tiveram suas armas apreendidas para exame de confronto balístico. Peritos já encontraram um projétil no corpo de Arlinda, conhecida como Dona Dalva. A morte da idosa desencadeou uma série de protestos.

Preso na operação Lava Jato, deflagrada em março para combater crimes de lavagem de dinheiro e contratos fraudulentos de importação, o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa cumprirá a pena no presídio estadual de Piraquara, em Curitiba. Ele foi transferido na tarde de ontem. Costa é acusado de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha e estava detido preventivamente na superintendência da PF (Polícia Federal). O ex-diretor acusa agentes da PF de ameaça de morte dentro do presídio. O caso será investigado. METRO Labogem

Oposição quer ouvir Padilha

Polícia investiga responsáveis por queimar três carros | REPRODUÇÃO / BAND

Na madrugada de ontem, moradores fecharam as duas vias de um dos principais acessos ao Alemão. A PM enviou reforço do Batalhão de Choque. Segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora, dois menores foram apreendidos. Pela manhã, três veículos foram incendiados em Bonsucesso. A Polícia Civil investiga a relação entre a manifestação e o incêndio. O enterro de Arlinda será hoje. METRO RIO

PPS, PSDB e DEM devem apresentar hoje pedido de convite para o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha se explicar em comissões da Câmara. Ele é acusado de indicar o ex-assessor Marcus Cezar Ferreira de Moura, para presidir o laboratório Labogen, que pertence ao doleiro Alberto Yousseff. Pré-candidato do PT ao governo de São Paulo, Padilha nega a indicação. A denúncia surgiu a partir de uma troca de mensagem de celular entre o doleiro e o deputado licenciado André Vargas (sem partido-PR), interceptada pela Polícia Federal. METRO BRASÍLIA


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

PR descarta rebelião, mas apoia ‘Volta, Lula’ Aliança. Partido desiste de migrar para a oposição, mas bancada na Câmara defenderá que o PT lance o ex-presidente como candidato Representado por 32 deputados e quatro senadores, o PR desistiu -- pelo menos por enquanto -- de romper com o governo e migrar para a oposição. Em manifesto assinado por 20 deputados, o partido, porém, supreendeu: anunciou que vai apoiar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. É a primeira adesão pública ao movimento ‘Volta, Lula”, que tem apoiadores em várias alas do PT. ‘Varrido’ na faxina promovida pela presidente Dilma Rousseff no primeiro ano de mandato, o PR guarda ressentimentos, muito embora tenha recuperado o Ministério dos Transportes, comandado por César Borges (BA).

“Ninguém disse que não queremos a Dilma; nós queremos o Lula.” BERNARDO SANTANA, LÍDER DO PR NA CÂMARA

“Entendemos que o país precisa do reencontro com os princípios daquela aliança de 2002”, afirmou o líder do PR na Câmara, deputado Bernardo Santana (MG), citando o então vice-presidente José Alencar, que foi filiado ao partido. “Estamos com uma crise mundial terrível que exige, na nossa opinião, uma pessoa com a experiência do presidente Lula. Ninguém é tão capaz quanto ele. Foi ele quem

enfrentou o tsunami como marolinha”, afirmou. O apelo foi encaminhado ao presidente do PR, senador Alfredo Nascimento (AM), que tende apoiar a reeleição de Dilma Rousseff. O líder do partido afirmou ainda que pretende sensibilizar o ex-presidente, que já negou nova candidatura. Candidatura própria A decisão sobre a permanência no governo será discutida ainda na Convenção Nacional do partido, em junho. O PR não afasta lançar um candidato próprio à presidência da República. O senador Magno Malta (ES), inclusive, já se colocou à disposição. METRO BRASÍLIA

Parede da liderança do PR ganha a foto de Lula | ALAN MARQUES/FOLHAPRESS

|05|◊◊

Mensalão. Aécio e Campos criticam declarações de Lula A declaração do ex-presidente Lula, que, em entrevista a uma TV de Portugal, considerou que 80% do julgamento do mensalão foi ‘político’, foi criticada pelos dois principais pré-candidatos à presidência da República de oposição. “É lamentável. Não podemos respeitar o Poder Judiciário quando ele toma decisões que nos são favoráveis e desrespeitá-lo quando ele toma decisões que não nos são favoráveis”, avaliou o senador Aécio Neves (PSDB-MG). Eduardo Campos, do PSB, disse que o assunto já foi 100% debatido. “Faz parte de uma agenda do passado que não queremos ver se repetindo”, disse. METRO BRASÍLIA

Ex-presidente afirmou em entrevista que 80% do mensalão foi ‘político’.


|06|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

ANDRÉ PORTO/METRO

AÉCIO NEVES Em entrevista ao Canal Livre, da Band, pré-candidato à presidência pelo PSDB propõe reduzir o número de ministérios e simplificar o regime tributário Os jornalistas Ricardo Boechat, Fernando Mitre, Fábio Pannunzio e Boris Casoy entrevistam Aécio Neves

Na primeira entrevista da série com os pré-candidatos à presidência, o Canal Livre, da Band, recebeu o senador Aécio Neves (PSDB). Ele afirmou aos jornalistas Ricardo Boechat, Fernando Mitre, Fábio Pannunzio e Boris Casoy que o país passa por um ciclo perverso e criticou a política externa do governo Dilma Rousseff. Por que senhor quer ser presidente da República? Para encerrar esse ciclo perverso. O atual governo vem fazendo muito mal ao Brasil. Precisamos iniciar um ciclo no qual a ética e a eficiência caminhem juntas. Há 11 anos, o país buscava um lugar ao lado dos países desenvolvidos. Hoje estamos desorganizados economicamente. Somos o

país que menos cresce em nossa região. Precisamos adotar uma visão moderna de gestão pública e superar o absurdo do aparelhamento da máquina pública, marca dessa gestão petista. O PSDB foi rejeitado nas últimas três eleições presidenciais. O que o senhor oferece de diferente? Ofereço a esperança que nos deu a vitória em duas oportunidades. O PSDB foi o partido das grandes reformas. O Brasil não foi criado em 2003. O país vem sendo construído nas últimas décadas. As bases para isso foram construídas durante nosso governo. A estabilidade da moeda, a modernização da economia, a Lei de Responsabilidade Fiscal e as privatizações. Deixamos

uma herança bendita para o PT. Mas ela foi dilapidada. As pesquisas mostram um elevado índice de rejeição em relação aos políticos. Qual sua avaliação? Há uma rejeição a essa política que aparece na televisão, marcada pelo desvio de recursos e pelo pouco respeito ao dinheiro público. Não representamos isso. A boa política existe. Não há nada mais perigoso para uma democracia do que a negação absoluta da política. Como reduzir a carga tributária? O primeiro passo é reduzir os ministérios. São cerca de 40 e 25 mil cargos comissionados. Em seguida, vamos criar uma secretaria extraor-

‘PRECISAMOS DE UMA VISÃO

MODERNA DE GESTÃO PÚBLICA’ dinária que, em seis meses, apresentará um modelo de simplificação tributária. Qual sua avaliação sobre as denúncias envolvendo políticos do PSDB em um esquema de cartel no Metrô de São Paulo? As investigações estão em andamento. E elas precisam ocorrer com profundidade. Eu não temo qualquer investigação. E se tiver alguém do PSDB envolvido, se for comprovado, tem que ser punido. No Congresso, governistas querem a CPI do Metrô e do porto de Suape. É uma resposta à da Petrobras? É a CPI da vingança. Que se instalem essas comissões. Só não seria viável incluir tudo em uma única. O STF repro-

vou essa tática.

de menores por quadrilhas.

É possível reverter a sensação de insegurança? Há um descaso do governo federal com a segurança. Não há uma política nacional. Dos gastos com a área, apenas 13% são da União, os outros 87% têm origem nos Estados e municípios. O governo congela recursos para controle de fronteiras e combate ao tráfico para garantir o superávit.

Qual sua posição em relação ao aborto e ao casamento entre pessoas do mesmo sexo? No caso do aborto, a legislação atual é adequada. Caso de pessoas do mesmo sexo é uma realidade. Faz parte da vida nacional.

O senhor é favorável à redução da maioridade penal? Vou defender um projeto que, em caso de reincidência em crimes graves, e consultado o Ministério Público, o juiz pode decretar o fim da menoridade. Isso levará a uma redução do uso

Fará mudanças na política externa? Radicalmente. O Brasil optou por um alinhamento ideológico. Somos caudatários de países que têm pouco apreço pela democracia. Propõe a saída do Mercosul? Não. Vamos substituí-lo por uma área de livre comércio, que nos permitirá fechar novas parcerias. METRO


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

|07|◊◊

Homem ferido em protesto em Donetsk. No detalhe, Kernes | REUTERS

Sanções dos EUA enfurecem Moscou

Crise. Rússia acusa Washington de usar ‘táticas da Guerra Fria’. Prefeito da segunda maior cidade da Ucrânia é atingido a tiros Washington impôs novas sanções ontem contra pessoas próximas ao presidente russo Vladimir Putin em meio à crescente tensão entre Moscou e a Ucrânia. Em resposta, a Rússia acusou os EUA de usarem “táticas da Guerra Fria”. Entre as sanções anunciadas ontem estão o veto de vistos e o congelamento de bens de 17 empresas russas. A UE e o Canadá também anunciaram sanções. “Condenamos a série de medidas anunciada na tentativa de colocar pressão sobre Moscou”, disse o vice-chanceler Sergei Ryabkov. “Sanções unilaterais são ilegítimas e (...) contradizem as exigências do direi-

to internacional”. Prefeito Ontem, Gennady Kernes, prefeito de Kharkiv, segunda maior cidade da Ucrânia, no leste do país, ficou em estado grave após ser atingido pelas costas em um ataque. Ele havia sido submetido a uma cirurgia de duas horas. Kernes chegou a apoiar a secessão da cidade após a onda de protestos que derrubou o presidente Viktor Yanukovich, mas mudou o discurso ao ser acusado de fomentar o separatismo. Em Donetsk, no leste do país, várias pessoas ficaram feridas ontem quando uma granada explodiu durante

uma manifestação em favor da unidade ucraniana. O protesto foi interrompido por militantes pró-Rússia. Defesa O ministro russo da Defesa, Sergei Shoigu, disse ontem estar preocupado com o que chamou de “aumento sem precedentes da atividade militar” dos EUA e da Otan perto da fronteira da Rússia. Em uma conversa pelo telefone com o secretário de Defesa norte-americano, Chuck Hagel, Shoigu garantiu que tropas mobilizadas na semana passada teriam recuado para suas posições originais. Ele acusou a mídia ocidental de “histeria anti-Rússia”. METRO

Série de tornados mata 16 em três Estados dos EUA Uma série de tornados que atingiram a região centro-sul dos EUA no domingo matou pelo menos 16 pessoas e feriu mais de 100 nos Estados de Arkansas, Iowa e Oklahoma. Segundo a imprensa local, bairros inteiros foram destruídos em algumas cidades. Ontem, equipes de resgate buscavam sobreviventes em meio aos escombros, a carros revirados e retorcidos e a postes e árvores derrubados pelos fortes ventos. Segundo autoridades do Arkansas, Estado que registrou a maior parte das vítimas fatais, ao menos 10 pessoas morreram em Faulkner e outras quatro no resto do Estado. Outra pessoa mor-

Carro revirado diante de destroços no Arkansas | ANGIE DAVIS/REUTERS

reu em Quapaw, no vizinho Okalhoma, segundo o gabinete do xerife local. Uma pessoa morreu em Iowa. “Um bairro inteiro, com cerca de 50 casas, foi des-

truído. Muitos lares sumiram completamente, exceto as fundações. Há mais devastação assim em outras partes do Arkansas”, disse o deputado Tim Griffin. Diversas partes do Arkansas, Tennessee, Alabama, Mississippi e Georgia foram colocadas em estado de alerta ontem devido ao risco de novos tornados. “Trata-se de um evento de vários dias e hoje (ontem) é o segundo dia com risco significativo de tornados”, disse Bill Bunting, chefe de operações do Centro de Previsão de Temporais de Norman, Oklahoma. “Infelizmente, não deverá ser o último”, completou. METRO


|08|

IR. 7,9 milhões não entregaram a declaração A Receita Federal recebeu, até as 17h de ontem, 19,1 milhões de declarações do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). O prazo para o envio termina amanhã, às 23h59min59s. A Fisco espera receber 27 milhões de declarações. Quem não entregar o documento no prazo será multado em R$ 165,74 ou em até 20% sobre o imposto devido, prevalecendo o maior valor. Contribuintes com certificação digital ou representantes com procuração eletrônica receberão, pela primeira vez, a declaração pré-preenchida. Por meio do Centro Virtual de Atendimento da Receita (e-CAC), eles têm acesso ao documento preenchido com antecedência pelo Fisco e só precisam confirmar as informações. Como nos outros anos, o contribuinte que enviar a declaração mais cedo deverá receber a restituição nos primeiros lotes, a menos que haja inconsistências, erros ou omissões no preenchimento. METRO

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

Governo estuda forma de apoiar montadoras Pacote. Mantega diz que governo negocia estímulos a financiamento de carros. Ministro prevê crescimento de 2,3% a 2,5% da economia O ministro da Fazenda, Guido Mantega, confirmou ontem que o governo estuda um pacote de ajuda ao setor automotivo. O ministro sinalizou que o socorro pode incluir medidas para estimular o crédito para a aquisição de veículos. Com a queda das vendas internas e nas exportações, as montadoras de veículos estão com excesso de estoques. Diante desse cenário, três grandes empresas do setor já afastaram 8,2 mil funcionários entre dispensas já concretizadas e programadas, além de trabalhadores em férias coletivas. “Estamos negociando com a Argentina a liberação de entraves para a exportação de automóveis

e viabilizando o financiamento, que será privado, com algumas condições”, afirmou Mantega, sem dar mais detalhes. Entre as medidas em negociação entre o setor e o governo está a criação de um fundo garantidor, que cobriria eventuais calotes de clientes. O objetivo é destravar a liberação de crédito. Em evento organizado ontem pela revista “Brasileiros”, em São Paulo, o ministro destacou que, apesar da taxa de inadimplência ter recuado para níveis em torno de 4,5%, as condições para liberação de crédito estão “mais rigorosas”. “De cada 10 cadastros que entram, apenas 5 são

aprovados. Então há mesmo uma restrição de crédito. Se não houvesse essa restrição, estaríamos com o PIB crescendo mais de 3%”, afirmou. PIB menor O governo admitiu que o PIB pode crescer abaixo da projeção oficial, de 2,5% neste ano. Mantega também sugeriu ontem uma alta entre 2,3% e 2,5%. “Uma previsão não é precisa. Algo como 2,3% e 2,5%. A gente vai revendo esse número à medida que tivermos números concretos”, disse. A projeção segue acima do 1,8% previsto pelo FMI e do 1,65% esperado pelo mercado interno. METRO

Incentivo. Governo e Volvo assinam protocolo O governo do Estado e a Volvo do Brasil assinaram ontem protocolo de intenções em que a empresa anuncia o investimento de R$ 1,2 bilhão, até 2015, na ampliação de sua planta industrial na Cidade Industrial de Curitiba. A Volvo irá produzir novos veículos, entre eles a nova linha de caminhões VM, lançada no ano passado. Além disso, irá instalar um centro de armazenagem e distribuição em São José dos Pinhais, construir prédios administrativos, centro de treinamento e de produção na unidade de Curitiba e projetos de melhoria de eficiência e de capacidade produtiva da planta. O investimento é realizado desde 2010 e passa agora a ser apoiado pelo governo estadual, por meio do programa Paraná Competitivo. Desde o início da ampliação, a montadora já gerou 1.100 empregos diretos. Primeira empresa automobilística a se instalar no Paraná, a fábrica da Volvo emprega hoje mais de 4,1 mil pessoas diretamente. METRO CURITIBA

Ministro Mantega falou sobre possíveis medidas | EDUARDO ALVES/FOLHAPRESS

Energia. Simpósio de Pequenas Centrais será realizado hoje e amanhã Será realizado hoje e amanhã no Centro de Eventos da Fiep, em Curitiba, o IX Simpósio Sobre Pequenas e Médias Centrais Hidrelétricas. O evento é organizado pelo Comitê Brasileiro de Barragens em parceria com a Copel. Representantes do setor elétrico vão discutir aspectos técnicos, políticos, ambientais e econômicos da implantação de PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas) no país. “No Paraná, estimamos que existe entre 1.200 e 2.000 megawatts de potencial energético a ser produzido por PCHs. No Brasil, esse número chega a 12 mil megawatts, o que justifica um evento como este para discutir a importância e a urgência de reforçar esse modelo de geração na matriz energética brasileira”, comenta o diretor-presidente da Copel, Lindolfo Zimmer. As pequenas centrais hidrelétricas têm até 30 megawatts de potência instalada e são conhecidas pelo baixo impacto ambiental decorrente de sua implantação. “Faz parte do planejamento

PCH de Cavernoso II, da Copel | DIVULGAÇÃO

estratégico da Copel investir também em PCHs porque são fontes renováveis que geram energia de forma rentável e sustentável”, disse o presidente da Copel, Leopoldo Zimmer. A empresa inaugurou no ano passado a PCH Cavernoso II, entre Virmond e Candói (centro-sul do Paraná), com 19 megawatts de potência instalada – o que daria para atender ao consumo de 50 mil habitantes. Foram investidos R$ 120 milhões no empreendimento. METRO CURITIBA


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

29 anos

MC Marcelly comanda festa da Sistema X Celebrando 29 anos de existência, o club Sistema X (BR-277, 5.120) convidou a MC Marcelly para comandar a festa amanhã, a partir das 23h. A funkeira agita a pista com o sucesso “Bigode Grosso”. A noite tem abertura do Bonde das Felinas e ainda conta com discotecagem dos DJs Vaga Electro, Robertto e Alexandre. Ingressos a R$ 25. METRO CURITIBA

|09|◊◊

Alemão dos trotes de telefone está de volta Humor. Depois do sucesso no ano passado, ‘Show do Willmutt’, personagem criado pelo paranaense Cleiton Kurtz, retorna amanhã ao Guairinha em apresentação única

Patrimônio cultural

FCC orienta sobre uso dos espaços para exposições A Fundação Cultural está orientando quem solicita uso de espaços expositivos para mostras históricas e de artes visuais. Interessados devem enviar propostas para coordenacaodeartesvisuais@fcc.curitiba. pr.gov.br. METRO CURITIBA

{CULTURA}

Diálogos telefônicos gravados são sucesso na internet há 9 anos | DIVULGAÇÃO

Sucesso de público em 2013, quando lotou o Guaíra, o ‘Show do Willmutt’ está de volta a Curitiba para apresentação única amanhã, às 20h, no Guairinha. Os ingressos vão de R$ 25 a R$ 50. Criado em 2005 por Cleiton Geovani Kurtz, natural de Cândido Rondon, o personagem Willmutt é sucesso na internet desde então, com seus trotes telefônicos com forte sotaque alemão. Para a apresentação no Guairinha, Willmutt vem acompanhado de ‘Terezinha, a polaca de Contenda’, interpretada por Pamela Haiduk, que faz a abertura do show. Há nove anos, o personagem Willmutt soma mais de 200 brincadeiras gravadas, no formato de “pegadinhas” feitas aleatoriamente. Não existem roteiros, já que o sucesso

“Faço improviso e interajo com o público no show, mas sem trotes. O Guaíra em 2013 marcou minha carreira, foi um dos melhores até hoje”.

2 CULTURA

CLEITON KURTZ, O WILLMUTT

também depende da resposta de quem está do outro lado da linha. “Em maio estarei de volta com mais vídeos. Os atendentes de call center que se cuidem!”, contou Kurtz ao Metro Jornal, ressaltando a importância de não se fazer trote com serviços de emergência, como polícia e bombeiros. METRO CURITIBA No Guairinha Amanhã, às 20h. Tel.: 3315-0808 R$ 25 e R$ 50 – Livre

Rainha das Trevas

Elvira vem à Comic Con Cassandra Peterson, atriz que ficou imortalizada no papel da sedutora Elvira em alguns filmes, está confirmada para participar o evento, que vai acontecer em novembro.


|10|

Como manter o Android seguro em sete passos Cuidado. Empresa de segurança lista ações para proteger dispositivos de ataques virtuais A empresa FGX acaba de lançar um chip, o TrustChip, que protege as informações dos dispositivos móveis contra ataques. O produto tem um preço mensal de R$ 150. Mas, para quem não pode ou não quer desembolsar esse valor, a Kaspersky Lab, especializada em segurança, elencou sete maneiras de evitar o ataque de vírus. Segundo a empresa, 98,05% dos programas maliciosos atacam principalmente Android. Prevenção  1. Não praticar o ‘jailbreak’ - burlar restrições no dispositivo. 2. Configurar um PIN ou uma senha para desblo-

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Leitor fala

Pornografia em orelhões

Cruzadas

quear a tela. 3. Baixar aplicativos de fontes confiáveis – loja Oficial 4. Não utilizar redes Wi-Fi públicas na hora de realizar qualquer tipo de transação. 5. Revisar as permissões que solicitam os aplicativos. 6.  Armazenar no dispositivo apenas dados confidenciais que sejam necessários 7. Instalar uma função de controle parental para evitar que as crianças comprem aplicativos ou conteúdo multimídia sem a permissão de adultos

Com a chegada da Copa do Mundo, um ponto preocupante que chama a atenção em praticamente todos aparelhos de telefone público de Curitiba são os constantes e permanentes panfletos de publicidade pornográfica que são afixados a toda hora. Transformando os velhos orelhões em painéis de divulgação deste gênero, eles poluem visualmente o equipamento, levam lixo à via pública e ainda ficam expostos em locais de fácil acesso a crianças. Nem o poder público, nem as operadoras de telefonia conseguem acabar com este problema, que já ocorre há anos. Logo mais, teremos grande movimentação de turistas em nossa cidade. Será que essa vergonha irá se manter até nos dias do evento mundial? Com certeza os turistas vão lembrar de Curitiba como a cidade dos orelhões pornográficos! CÉLIO BORBA - CURITIBA

Santidade dos papas O princípio da infalibilidade papal e o fato de apenas alguns pontífices – como João Paulo 2º e João 23 – serem considerados santos são uma contradição. Se todo papa passa a ser abençoado pelo espírito santo e “não erra”, segundo a tradição, todos deveriam se tornar santos após a morte, teoricamente. Em todo caso, os papas canonizados são exemplos para os fiéis.

A melhor maneira de evitar ataques ainda é instalar um anti-malware, explicam especialistas da empresa de segurança. METRO

JOAQUIM TORRES - CURITIBA

Metro pergunta

Sudoku

Você acha que as Siga o Metro eleições deste ano no Twitter: podem influenciar a CPI @jornal_metroCTB da Petrobras? Por que? @sales_tiago

Sim. Os debates eleitorais dessas eleições implicarão mudanças significativas na estrutura das formas administrativas atuais. @breno_cap

Sim, pois a próxima gestão pode ir contra os princípios da gestão atual.

Metro web Para falar com a redação:

leitor.ctb@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Acessar dados com wifi de lugares públicos não é seguro | ZAVE SMITH/FOLHAPRESS

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Mudanças significativas estão mais propensas na maneira de lidar com alguns ideais financeiros e objetivos materiais.

Projetos que teriam condições para êxito a longo prazo terão oportunidades para antecipação. Atente-se para evitar a ansiedade.

Uma atenção especial com o corpo e a saúde será vital. Cuide para que seu ritmo não sobrecarregue a parte física e mental.   

Com o eclipse solar em seu signo, um novo momento é propenso diante de projetos. Procure priorizar o que mais tem a ver com você.

Viagens, atividades culturais e situações que envolvam contatos a distância são propensos a preencher sua rotina com mais intensidade.

Propensões a mudar a maneira de tratar divulgações e expor sua criatividade no trabalho. Vida afetiva em momento de expor sentimentos.

Há uma tendência para perceber o que mais tem desgastado ou feito perder tempo. Possibilidades de mudar posturas por isso.

Contratempos materiais são propensos nesta semana. Procure ser mais moderado com gastos. Tendências à nova postura na vida afetiva.     

Possibilidades para conclusão e novas decisões em temas ligados ao lar e questões familiares. Tendências a retomar assuntos afetivos.

Possibilidades de mudar sua postura diante de algumas amizades ou círculos que convive de maneira frequente.

São grandes as possibilidades para uma definição de parceria ou no modo de vivenciar alguma. Esclarecimentos marcarão a vida afetiva.

Uma mudança de concepção sobre pessoas trará variações em seus relacionamentos. Período para novos estudos e atividades na rotina.       


CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

Sapato Furado faz tributo a Cartola

Homenagem. Orquestra de Gafieira se apresenta hoje e amanhã no Teatro Paiol Um dos maiores compositores brasileiros de todos os tempos, Cartola (19081980) é homenageado hoje e amanhã nas apresentações que a Sapato Furado Orquestra de Gafieira realiza no Teatro Paiol, às 20h30. Os ingressos vão de R$ 10 a R$ 20 No repertório, elaborado apenas com arranjos originais, serão relembrados grandes sucessos de Angenor de Oliveira, o Cartola – como “As rosas não falam”, “Alvorada” e “O mundo é um moinho” – e também obras menos aclamadas pelo grande público. A Sapato Furado surgiu em setembro de 2013, chamando atenção desde seu primeiro baile, na Sociedade 13 de Maio. Há algum tempo, Curitiba não recebia um grupo atento à tradição do esti-

Toda a malícia, ginga e malandragem do samba estão presentes no show da orquestra | DIVULGAÇÃO

lo da gafieira,  com cuidado ao figurino, à climatização do salão e à magia das grandes orquestras dançantes. Com uma formação clássica composta por base, trombone, sax e trompe-

te, o grupo realça a importância do gênero na cultura brasileira. Integram o grupo Bruno Brandalise, Clayton Rodrigues, Marco Aurélio, Fábio Abu, Thiago Duarte, Ricardo Salmazo e Luís Rolim. METRO CURITIBA

Grupo surgiu em setembro do ano passado com o objetivo de resgatar a tradição do samba de gafieira em Curitiba

|11|◊◊

Fotografia. Arqueria moderna é tema de mostra O encanto da arte da arqueria sempre esteve presente no imaginário popular. Essa é a base da exposição fotográfica ‘Robin Hoods Modernos’, que começa amanhã, às 20h30, no Jokers Pub (R. São Francisco, 164). A mostra apresenta o universo dos arqueiros através das lentes dos fotógrafos Bruno Freitas e Marcelo da Costa. Composta por 18 imagens, a exposição é resultado de um trabalho acadêmico, sob curadoria da professora Isabelle Neri. METRO CURITIBA

‘Robin Hoods Modernos’ fica exposta até 29 de maio no Jokers | BRUNO FREITAS

Artes plásticas. Hoje. Jorge T. ‘Nosso mundo, Galvão abre a Nosso futuro’ mostra ‘2904’ Começa hoje, às 17h, a exposição ‘Nosso mundo, Nosso futuro’, (R. Mateus Leme, 56) com obras produzida pelos alunos do Centro Juvenil de Artes Plásticas. Exposição vai até 6 de junho, com entrada franca. METRO CURITIBA

O artista plástico Jorge Torres Galvão abre hoje, às 18h, a mostra ‘2904’ na galeria do bar +55 (R. Vicente Machado, 866). Em cartaz até 31 de maio, a exposição tem presença marcante da grafitti art. METRO CURITIBA


3 ESPORTE

|12|

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Jajá ganha a vaga no Coxa Copa do Brasil. Sem contar Júlio Cesar, lesionado, Celso Roth escalou Jajá no treino de ontem. Alex só volta no fim de semana

Meia atacante teve boa atuação no jogo contra o Santos e vem sendo titular nos treinos | DIVULGAÇÃO/CORITIBA

O meia-atacante Jajá deve ser titular no Coritiba para o jogo de amanhã, contra o Caldense-MG, fora de casa pela segunda fase da Copa do Brasil. Ele fica com a vaga deixada em aberto por Júlio Cesar, que sofreu uma entorse no joelho e nem viajará com o resto do grupo hoje. Já o meia Alex voltou a fazer trabalhos em campo no final de semana, mas também está vetado para a partida de amanhã. A expectativa é de que o jogador, que ainda não estreou no Brasileiro, possa enfrentar o São Paulo fora de casa, no sábado. À exceção de Jajá, no treino de ontem Celso Roth escalou o mesmo time que empatou em 0x0 com o Santos nos último jogo do

“Eu não estou satisfeito. Estamos mais perto de conquistar as vitórias, mas não no ponto ideal ainda.” CELSO ROTH, TÉCNICO DO CORITIBA

Alviverde. Assim, contra o Caldense, o Coritiba deve manter o esquema com três volantes. Na frente, Zé Love será o centroavante. Outro desfalque no Coritiba é o lateral-esquerdo Diogo, que teve uma lesão confirmada na coxa. Construção O Coritiba fará o quarto jogo sob o comando do novo treinador. Apesar do técnico elogiar a postura dos jogadores, ele disse

ainda não estar satisfeito com os resultados. “Eu logicamente exalto a maneira que os jogadores estão se comportando. As mudanças de comportamento são evidentes. Isso todos viram”, avaliou. Apesar disse, ele admite que o rendimento não é o ideal. “O time está se mostrando consistente, com qualidade e que marca na frente. Mas ainda não é o que a gente quer”, completou. “Estamos ainda construindo a equipe e para fazer um time forte temos que ter aquela situação da pirâmide – fazer uma base forte e gradativamente melhorar”. THIAGO MACHADO METRO CURITIBA

Opinião

HELIO CASTRONEVES HELIO.CASTRONEVES @METROJORNAL.COM.BR

AÍ VOU EU, INDIANÁPOLIS Oi amigos, vou tentar explicar o que aconteceu anteontem no Alabama. Vocês devem estar se perguntado: “Como é que um cara que está tão acostumado consegue errar um pit como o de domingo?” Essa é uma boa pergunta e eu fico envergonhado com isso, mas são coisas que acontecem e vou contar como. A parada para troca de pneus e abastecimento é um momento vital. Quanto mais paradas você dá, mais chances existem de dar tudo errado. É por isso que os treinos de pit stop acontecem sempre. Da mesma forma que o ganho de desempenho é brutal numa parada perfeita, um vazamento de combustível ou uma roda instalada defeituosamente pode provocar vários acidentes. Não há pit stop fácil. Cada um exige atenção redobrada. A diferença é que alguns são mais tensos que outros, como foi o caso deste da 22ª volta. Vocês viram que caiu um temporal no Barber Motorsports Park e a corrida atrasou mais de duas horas. Quando a gente largou, mais ou menos 18h30 no Brasil, a chuva já tinha quase parado, mas ainda estava muito molhado. Foi por isso que todo mundo largou com pneu de chuva. Se uma largada no seco já exige atenção, imaginem no molhado! Como o equilíbrio do carro fica prejudicado e você fica sujeito a aquaplanar ou travar as rodas, larguei com todo o cuidado, mas mesmo assim pulei de 6º para 5º. Como teve bandeira amarela na volta 21, provocada por acidente envolvendo o Mikhail Aleshin e o Sebastien Bourdais, todo mundo entrou na volta seguinte para colocar os pneus slick macios, pois a pista estava secando no trilho. Parecia um trenzinho na entrada do pit, pois muita gente aproveitou o momento para parar. Foi quando eu joguei o carro para a esquerda e parei junto aos caras de macacão azul e branco. Só que o Castroneves aqui errou de pit porque, assim como nós, os vizinhos da equipe Dale Coyne também estavam de azul e branco. É importante destacar que os mecânicos só usam o macacão na hora da corrida. Vou falar uma coisa. Pareceu uma eternidade do momento em que percebi que estava no pit errado até chegar no meu. No cronômetro é coisa de dois segundos, mas lá dentro parecia a mais lenta das câmeras lentas. Para completar, eu ainda levei uma punição por conta desse erro. Resultado, o que estava ruim, ficou pior ainda. Claro que fiquei “P” da vida comigo mesmo, mas isso é coisa que acontece em corrida e o importante é não esquecer para que não se repita. Cheguei ontem aqui em Ford Lauderdale, mas hoje já estou viajando para Indianápolis, onde amanhã acontece um teste no circuito misto do Indianapolis Motor Speedway, local da corrida do dia 10 de maio. Depois disso, começa a preparação para a Indy 500, no dia 25. Ou seja, é praticamente um mês em Indianápolis e não vejo a hora de entrar na pista e recuperar tudo o que foi perdido em Barber. É isso aí pessoal, vamos que vamos e até semana que vem! Helio Castroneves, 38, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro com mais vitórias na Indy, com 28 conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e 2009). Disputará em 2014 sua 17ª temporada na categoria e 15ª pelo Team Penske.

Estado delicado

Maguila

O ex-pugilista Maguila está internado desde a sexta-feira com um quadro de desidratação, conforme confirmou sua esposa, Irani Pinheiro. Pelo Facebook, Irani pediu orações e declarou que o estado de saúde do ex-atleta é muito delicado. Maguila foi diagnosticado com Mal de Azheimer em 2010.

Furacão mandará cinco atletas para jogar na Índia O Atlético anunciou ontem uma parceria em que pretende enviar cinco jovens jogadores para jogar a Indian Super League, torneio nos mesmos formatos da Major League dos Estados Unidos e que será disputado a partir de setembro, na Índia. O acordo foi firmado em visita ao país asiático, realizada pelo diretor de Relações Internacionais, Luiz Greco, no início deste mês.

“O objetivo é de entrar em um mercado emergente, que está crescendo muito e vai crescer ainda mais a partir desta nova liga. Será um grande evento, que será transmitido ao vivo para vários países através da Star Índia, uma das maiores redes de TV da Ásia”, destacou. O torneio vai durar três meses e contará com oito times. METRO CURITIBA

Parceria com asiáticos | DIVULGAÇÃO/ ATLÉTICO

Paraná

Segunda fase

Paulinho está de saída para o futebol árabe

JMalucelli viaja hoje para Novo Hamburgo

Destaque do Tricolor nesta temporada, o meia atacante Paulinho deve deixar o clube. Ele recebeu uma proposta do Al-Dhafra e tem interesse em sair. Ontem, o vice-presidente administrativo do Paraná, Giovani Linke, disse em entrevista à rádio Transamérica que o clube ainda tenta manter o atleta.

A delegação Jotinha viaja hoje para o Rio Grande do Sul, onde vai enfrentar o Novo Hamburgo na quinta-feira pela segunda fase da Copa do Brasil. O JMalucelli chega embalado depois de eliminar o Vitória fora de casa. O time gaúcho, por sua vez, passou pelo Joinville na primeira fase. METRO CURITIBA

METRO CURITIBA


|14| A imagem do lateral da Seleção Brasileira, Daniel Alves, comendo a banana atirada por um “torcedor” racista – racista, aí sim, sem aspas – correu o mundo, causando indignação geral. Já tivemos outras ondas de revolta em relação ao mesmo tema, afinal, esta não é a primeira vez – e infelizmente, na minha opinião, não será a última, – que um sociopata entra num estádio de futebol para demonstrar pra quem estiver por perto toda sua ignorância, seja ela racial, religiosa (pois já tivemos muitas manifestações antissemitas, inclusive do tal Anelka, que quase veio jogar no Galo), ou mesmo sendo violento com quem passa ao seu lado vestindo a camiseta de outro time. Dani Alves confessou que a ideia de comer a banana foi dada por Neymar, que há poucas semanas ouviu torcedores do próprio Barça imitando macaco para ele, após uma derrota do time catalão. Ou seja, Neymar e Dani também estavam preparados para que isso acontecesse de novo – uma campanha criada pela agência Loducca também estava “engatilhada”, esperando uma oportunidade, que surgiu. Eles reagiram com hu-

CURITIBA, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Aqui pra você, racismo! Movimento contra racismo ganha força um dia após brasileiro Daniel Alves, do Barcelona, ser alvo da torcida do Villarreal, que atirou uma banana durante o jogo. Iniciado por Neymar, em parceria com a agência de publicidade Loducca – com a frase #somostodosmacacos –, atletas e famosos postam fotos mostrando uma ‘banana para o preconceito racial’ METRO 1

2

3

7 4

5

Daniel Alves come banana atirada no campo

13

12

6 11

10

9 8

mor, sarcasmo e ironia. Talvez, o “macaco” que jogou a banana, nem tenha entendido a resposta. O presidente da Fifa, Joseph Blatter, já disse que não vai tolerar racismo na Copa. Mas o que a entidade já fez, de fato, para que isso não se repita? A faixa meia boca com a inscrição “Say no to racism” (“Diga não ao racismo”) não vale, Blatter. O Villareal, adversário do Barça que jogava em casa, diz ter identificado o torcedor, e que ele está banido pra sempre de seu estádio. Se o clube realmente descobriu o agressor, que tal denunciá-lo à policia? Aí sim ele terá uma punição justa, e quem sabe começaremos a acreditar que as coisas podem mudar. Acabar, sem hipocrisia, não vai. Mas, ao menos pode diminuir. E os que forem pegos, devem ser punidos. Não sendo banidos dos campos, e sim, das ruas. FELIPE ANDREOLI

ESPECIAL PARA O METRO

1 - Neymar e o filho Davi Lucca; 2 - Falcão (futsal); 3 - Michel Teló ; 4 - Ivete Sangalo; 5 - Mario Balotelli; 6 - Inri Cristo; 7 - Agüero e Marta; 8 - Sérgio Mallandro; 9 - Fred; 10 - Denilson (Band); 11 - Roberto Carlos; 12 - Jogadores do Corinthians; 13 - Hulk. Confira mais manifestações no site do Metro Jornal (metrojornal.com.br).


CURITIBA - TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014



20140429_br_metro curitiba