Page 1

DIVULGAÇÃO

TARZAN CLÁSSICO O segundo disco de Silva Músico apresentou obra no festival Lollapaloza

LIVRO TRAZ PRIMEIRA AVENTURA, COM 40 ILUSTRAÇÕES PÁG. 12

PÁG 12

GRANDE VITÓRIA Quarta-feira, 16 de abril de 2014 Edição nº 14, ano 1 MÍN: 22°C MÁX: 29°C

www.readmetro.com | leitor.gv@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrogv

R$ 1,5 milhão vão parar no buraco Trabalho constante. A Prefeitura de Vitória gastou R$ 1,5 milhão desde o ano passado para tentar tapar os buracos nas ruas da cidade. O gasto é contínuo porque o problema não acaba PÁG. 03

Graça Foster depõe no Senado | ANTONIO CRUZ/ABR

Pasadena não foi ‘bom negócio’, diz Graça Foster Presidente da Petrobras depôs em comissões do Senado e reafirmou que ‘várias cláusulas’ não estavam no resumo executivo apresentado PÁG. 06

Polêmica na Prainha: evangélicos afirmam sofrer discriminação Para bispo, moradores são contrários a evento em Vila Velha porque ele é organizado pela Igreja Mundial PÁG. 02

Jardim da Penha terá nova creche RECICLE A INFORMAÇÃO: NÃO JOGUE ESTA PUBLICAÇÃO NAS VIAS PÚBLICAS. PASSE ESSE JORNAL PARA OUTRO LEITOR.

Unidade da Prefeitura terá capacidade de atender a 300 crianças PÁG. 04

Os 32 times do Mundial

AULA DE PROTESTO Alunos e professores saíram às ruas para pedir valorização do ensino PÁG. 04 Estudante mostra cartaz pedindo melhoria da educação: protesto, que também teve participação de professores, foi da Praia do Suá ao Centro de Vitória

| CHICO GUEDES / METRO GV

Grupo do Brasil abre a série do Metro sobre as chaves da primeira fase da Copa PÁGS. 14 E 15


|02|

1

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Parque da Prainha: ponto da divergência

FOCO

Igreja diz: É discriminação Esperança de extradição Caso seja extraditado para o Brasil, Henrique Pizzolato deverá cumprir pena num presídio de Santa Catarina, Rio de Janeiro ou Brasília. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, encaminhou ontem ao STF (Supremo Tribunal Federal) uma indicação sobre as condições da penitenciária. O ex-diretor do Banco do Brasil foi condenado a 12 anos e 7 meses de prisão, mas fugiu e está preso em Bolonha aguardando uma decisão da Justiça da Itália. Cotações Dólar + 1,03% (R$ 2,23) Bovespa - 2,21% (50.454 pts)

A Igreja Mundial do Poder de Deus confirmou ontem que fará uma “Concentração de Fé”, no Parque da Prainha, em Vila Velha, e afirmou: o protesto de moradores da região, que não querem o evento, é discriminação. Hoje, por volta das 10h, cerca de 150 pastores das 110 igrejas da congregação no Espírito Santo se reúnem no parque para conhecer o local e fazer uma oração. Segundo a prefeitura, ainda não houve autorização para o evento, que, segundo a igreja, será no dia 1º de maio. O caso foi divulgado ontem com exclusividade pelo Metro. Moradores da Prainha afirmam não ter sido consultados pelo município para realização de qualquer encontro religioso e querem fazer parte dessa decisão. Eles prometem até fechar ruas em forma de protesto. Para o bispo Rodrigo Lopez, representante da igreja no Espírito Santo, a polêmica é uma discriminação religiosa. “O que incomoda os moradores é que se trata de um evento evangélico dias depois de um evento católico”, explica o bispo, referindo-se à Festa da Penha, a ser realizada no Convento da Penha e naquela região entre os dias 18 e 28 deste mês.

O bispo ressalta que a Concentração de Milagres é aberta para todos, inclusive pessoas de outras religiões. O economista Renato Ximenes Bolsanello, 30, que foi líder comunitário do bairro por mais de 10 anos, conta que a questão não é religiosa. “Quem errou foi a prefeitura ao autorizar um evento superpopuloso na Prainha, que não tem infraestrutura para isso.” E diz que som alto incomoda. “Temos idosos aqui.” Avaliação Em nota, a prefeitura confirmou o contato com a Igreja Mundial, mas afirma que ainda avalia o caso. O bispo Rodrigo confirmou a autorização e disse que está tudo definido. “Desde sexta fomos autorizados a realizar o encontro, mas oficializamos o acordo apenas hoje (ontem).” O bispo não quis comentar sobre a expectativa de público para o evento. Por onde passa, milhares de pessoas acompanham o fundador da Igreja Mundial, apóstolo Valdemiro Santiago, que está confirmado na concentração na Prainha. VINICIUS ARRUDA METRO GRANDE VITÓRIA

FALE COM A REDAÇÃO

Euro - 0,59% (R$ 3,07) Selic (11% a.a.)

Salário mínimo (R$ 724)

leitor.gv@metrojornal.com.br 027/2124-3426 COMERCIAL: 027/3334-1749

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos, Campinas e Grande Vitória, somando 510 mil exemplares diários.

“O que incomoda os moradores é que se trata de um evento evangélico dias depoisde um católico. Isso é discriminação”

Cartaz do evento: convite

RODRIGO LOPEZ, BISPO DA IGREJA MUNDIAL

DIVULGAÇÃO

Mensalão

CHICO GUEDES/METRO GV

Polêmica na Prainha. Bispo evangélico garante que evento, no dia 1º de maio, está autorizado. Moradores da região já protestam

Ideia é transmitir evento para o mundo “O problema é a prefeitura autorizar um evento em um local que não tem a infraestrutura necessária para receber um encontro como esse” RENATO XIMENEZ, ECONOMISTA

Marcada para o feriado do dia 1º de maio, a Concentração de Milagres da Igreja Mundial do Reino de Deus, que reúne dezenas de milhares de fiéis, pode acontecer em Vila Velha, mas deve ser transmitida para todo o mundo. “Nossos caminhões link vão retransmitir o encontro ao vivo para todo o mun-

 

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso Metro Grande Vitória. Diretor de Jornalismo: Antonio Carlos Leite (MTB: 20074-82). Editora-Executiva: Zainer Silva. Editora: Luciana Raymundo. Coordenadora Comercial: Scheila Ramos. Diagramação: Nathália Halcsik. Sá Comunicação. Presidente: Waltinho Cavalcante. Diretor-geral: Antonio Carlos Lima.

do. Nosso objetivo é pregar o Evangelho, sem discriminar ninguém”, explica o bispo Rodrigo Lopez, representante da igreja no estado. Se aprovada pela prefeitura, a Concentração de Milagres será realizada no Parque da Prainha, em Vila Velha, a partir das 15h. A entrada é franca e aberta ao público. METRO

Endereço da Redação: Avenida Presidente Costa e Silva, 60, Bairro República, CEP 29070-150, Vitória (ES) O jornal Metro é impresso na Gráfica Metro A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 30.000 exemplares


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

|03|◊◊

R$ 125 mil por mês para tapar buracos em Vitória Problema sem fundo. Por dia, prefeitura recebe seis pedidos para cobrir crateras pela cidade; em dois anos, foram gastos R$ 2,5 milhões Todos os dias, a prefeitura de Vitória recebe uma média de seis pedidos de reparos de buracos nas vias da cidade. Só no ano passado, R$ 1,2 milhões foram investidos nas operações tapa-buracos. Neste ano, outros R$ 377 mil já foram gastos, até 31 de março. O valor é alto, e já foi maior em 2012, quando 52 mil m² de buracos foram cobertos, a um custo de R$ 1,3 milhões. O secretário municipal de Obras, Zacarias Carraretto, explica que a necessidade de reparos se dá por três motivos principais: a idade do asfalto da cidade, a intensidade do trânsito e as constantes intervenções nas vias. “Parte do asfalto foi feita há 15 anos ou mais, como na Cidade Alta, sendo que a durabilidade é de seis a oito anos”, diz. Segundo ele, a prefeitura tem dado mais agilidade ao atendimento dos chamados e buscado resolver, primeiramente, problemas em vias de principal movimento. A quantidade de reclamações e pedidos dos moradores caiu de 2.295, em 2012; para 1.994, em 2013. Até 31 de março deste ano, foram feitos 588 pedidos para tapar buracos. Prevenção Carraretto ressalta que, para evitar a formação de buracos, a prefeitura investe no recapeamento das ruas. Nos últimos dois anos, R$ 20,5 milhões foram aplicados pelo governo do estado na cidade, a partir de um convênio. As obras consistem, basicamente, na colocação de uma nova capa de asfalto em cima da existente, e o serviço é executado por uma empresa contratada pelo município. Segundo o secretário, o asfalto segue as recomendaçõs de qualidade das normas do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), e a execução é fiscalizada pela prefeitura. “As ruas recapeadas e os buracos cobertos normalmente não voltam a abrir rapidamente. Mas outras demandas surgem. É natural”, destaca. PRISCILLA THOMPSON METRO GRANDE VITÓRIA

Análise

INVESTIMENTO EM RECAPEAMENTO

‘O asfalto esfarela com facilidade’

12,7

R$ MILHÕES

7,8

em 3 1 6 mil m2 de vias

R$ MILHÕES em 2 0 2 mil m2 de vias

2012

2013

INVESTIMENTO EM TAPA-BURACOS 1.5

PEDIDOS DE REPAROS DE BURACOS EM VITÓRIA R$ 1,3

MILHÃO

1.2

em 5 2 mil m2 de vias

R$ 1,2

MILHÃO

em 49 mil m2 de vias

0.9 0.6

2012

EM 2014 FORAM

2.295

1.994

EM 2014 FORAM

R$ 377 MIL

588

ATÉ MARÇO

ATÉ MARÇO

2013

2012

O asfalto utilizado nas nossas vias, aqui e em quase todo o Brasil, é feito com uma tecnologia desenvolvida há mais de 50 anos, e possui durabilidade muito pequena. É o chamado asfalto impermeável, que esfarela com facilidade e não permite o escoamento das águas, por exemplo. Na Europa, há mais de 20 anos utiliza-se o asfalto poroso, que é um pouco mais caro, mas chega a ter durabilidade de cerca de 10 anos. Ele também é utilizado em alguns aeroportos do Brasil e vias de São Paulo. Mas há também o problema na execução dos serviços de tapa-buracos, que normalmente são feitos sem a devida compactação e limpeza do solo, ações fundamentais para garantir a durabilidade do asfalto colocado. Sem isso, não há como fazer as vias durarem muito tempo com qualidade.” MARCEL OLIVIER

2013

Engenheiro especialista em tecnologia de construção e professor da Ufes INFOGRÁFICO: ANDERSON CATTAI E CAIO GRAÇA/METRO | FOTO: ANDRÉ PORTO/METRO

FONTE: PREFEITURA DE VITÓRIA

Fim de convênio para recapear vias O convênio firmado pela prefeitura de Vitória com o governo do estado para a realização de obras de recapeamento nas vias da cidade terminou neste ano. Agora, a administração municipal tem em caixa apenas R$ 400 mil para continuar garantindo a realização dos serviços, enquanto espera a liberação de cerca de R$ 50 milhões solicitados ao governo federal no ano passado. Segundo o secretário municipal de Obras, Zaca-

rias Carraretto, mais de 100 ruas e avenidas dependem dessa verba para serem recapeadas, de acordo com um levantamento feito pelo município. Carraretto espera que a verba saia já no próximo mês. As regiões prioritárias são Centro, Cidade Alta, Jardim Camburi e bairros da região da Grande São Pedro. “Também há necessidade de recapeamento no Bairro da Penha, Consolação e bairros próximos, Jucutuquara e Ilha de Santa

400 mil É o que a capital tem em caixa hoje. Valor é o que resta do contrato de R$ 20 milhões com o governo do Estado Maria. Temos muitas demandas, mas precisamos de recursos para investir.” O secretário também diz que espera firmar mais um convênio com o governo do estado para aumentar a

verba, principalmente para garantir a recuperação de vias atingidas pelas obras do projeto Águas Limpas, da Cesan (Companhia Espírito-Santense de Saneamento), em anos anteriores. “Precisamos de pelo menos mais R$ 10 milhões para garantir a continuidade dos serviços mais urgentes”, alega. Já o recurso para tapa-buracos nas vias está garantido, e esses serviços continuarão sendo executado normalmente pela prefeitura. METRO

Entenda Mais de 100 ruas esperam ser recapeadas na cidade: Bai Centro, Cidade Alta, Jardim Camburi, Grande São Pedro, Ilha de Santa Maria, Jucutuquara, Consolação, Bento Ferreira, entre outros I e i e A prefeitura aguarda liberação de R$ 50 milhões, do governo federal, para realizar as obras. Também quer garantir convênio com o governo do Estado


|04|

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Jardim da Penha ganha creche com 300 vagas Ensino. Prefeitura de Vitória diz que busca local para centro de educação infantil; já comunidade diz que o lugar já está definido Os moradores de Jardim da Penha, em Vitória, vão ganhar um novo CMEI (Centro Municipal de Educação Infantil) para atender a 300 crianças com idades entre 1 e 5 anos. A inauguração deve ocorrer até o início de maio. O contrato de aluguel do espaço não foi assinado, e, por isso, a prefeitura afirma não poder dizer onde vai funcionar a creche. Mas moradores adiantam que o centro ocupará o espaço do antigo Colégio Americano Batista, na rua Saturnino Rangel Mauro, conhecida como rua do canal. A criação de mais vagas na educação infantil é uma demanda antiga das famílias da região, afirma o presidente da AMJAP (Associação de Moradores de Jardim da Penha), Felipe Ribeiro. Segundo ele, cerca de 150 famílias aguar-

Números

150 famílias de Jardim da Penha aguardam uma vaga no novo CMEI, além de outras 179 famílias de outros bairros

20 professores, além de outros profissionais, serão contratados para atender às crianças no novo espaço dam uma vaga, hoje, para matricular as crianças na própria comunidade. “Essa é uma conquista importante para nós. Só temos um CMEI, que há muitos

anos não é suficiente para a demanda”, explica Ribeiro. Busca A secretária municipal de Educação, Adriana Sperandio, explica que desde fevereiro a prefeitura busca um espaço para alugar e montar o CMEI. “O objetivo é atender a famílias de Jardim da Penha, Mata da Praia, Jardim Camburi e Morada de Camburi. Nesses bairros, há 291 famílias já cadastradas para ocupar as vagas”, adianta. A prefeitura deverá contratar 20 novos professores, além de quatro pedagogos, 14 assistentes de educação infantil, um assistente administrativo e um diretor. PRISCILLA THOMPSON

A menina Ana Júlia Batista Helme, de 3 anos, foi atacada por cachorros quando brincava no sítio da família, no bairro Glória, em Viana. A criança foi submetida a cirurgia para reconstrução de parte do rosto ainda ontem. A bisavó de Ana Júlia, Mirta Lube, ouviu os gritos da menina e, com uma panela, conseguiu bater nos animais. Um deles havia atacado primeiramente a vítima; e outros dois, também vira-latas, fizeram o mesmo em seguida. “Foi um milagre conseguirmos salvá-la”, desabafou Mirta em entrevista à equipe da TV Capixaba. Parentes acionaram o Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência), que levou Ana Júlia para o PA (Pronto-Atendimento) da ci-

Ana Júlia fez ontem cirurgia; parte do rosto será reconstruída | REPRODUÇÃO

dade. De lá, devido à gravidade dos ferimentos, a menina foi transferida para o Hospital Infantil de Vitória. O cão foi levado para outro local, e exames constatarão se ele tem alguma doença. METRO

Professores estaduais decidem hoje se continuam a greve, iniciada na segunda-feira. Uma assembleia será realizada no Centro Sindical dos Bancários, no centro de Vitória, às 9h. Ontem, estudantes mostraram apoio ao movimento, saindo em passeata da Praça do Cauê, às 7 horas, até o edifício Fábio Ruschi, no centro. Lá, professores reuniram-se com membros do governo. Durante a caminhada, o trânsito ficou complicado em várias vias da cidade. | CHICO GUEDES/METRO GV

METRO GRANDE VITÓRIA

Serra

Viana. Menina de 3 anos é atacada por cachorro

Alunos apoiam professores e fazem passeata

Vitória DIVULGAÇÃO

Projeto João de Barro recolhe móveis Moradores do bairro Novo Porto Canoa podem agendar recolhimento de móveis pelo projeto João de Barro – Ecoentulho. O projeto também compreende destinação temporária para poda e resíduos da construção civil de carroceiros e pequenos geradores da região. O material reciclável será destinado às associações de catadores do município. Já os móveis que estiverem em boas condições de uso serão doados. No mesmo bairro, 20 carroceiros participaram de uma oficina de padronização de carroças e aprenderam noções de saneamento ambiental, entre outras questões. METRO

Espaço atenderá a 9 mil pessoas

Itararé ganha unidade de saúde hoje A comunidade de Itararé, Vitória, ganha hoje uma unidade de saúde. O espaço, de mais de 2 mil metros quadrados, conta com sete consultórios médicos e de enfermagem, quatro ginecológicos e cinco odontológicos, escovário, sala de vacina, auditório e sala de nebulização, entre outros cômodos. A unidade fica na rua Doutor Arlindo Sodré, 260, e será inaugurada às 19 horas. METRO

Vitória. Advogado é preso por falsificação

Capital. MPF visita igreja e verifica área de mangue

Um advogado foi preso ontem acusado de ter falsificado documentos judiciais num processo de partilha de bens. O escritório dele fica na Enseada do Suá, e foram encontrados carimbos e recibos falsos, segundo o delegado Danilo Bahiense. A descoberta das falsificações aconteceu depois que uma mulher procurou a Vara de Órfãos e Sucessões de Vitória. O juiz, então, desconfiou de documentos. Pelo fato de o acusado ser advogado, um representante da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) acompanhou o cumprimento do mandado. Segundo Bahiense, a prisão do advogado é preventiva. METRO

Uma equipe do Ministério Público Federal e técnicos da Secretaria de Meio Ambiente da capital estiveram ontem na Igreja Evangélica Batista de Vitória (IEBV), em Jardim da Penha. Segundo o MPF, o objetivo era verificar, no manguezal próximo à igreja, a extensão do dano causado por um muro erguido no local e a possibilidade de recuperação ambiental. A igreja fica na Rua do Canal, em Pontal de Camburi. A Justiça já ordenou a retirada do muro. O pastor-presidente da IEBV, João Brito, afirma que ele próprio pediu a visita de ontem e lembrou que um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) está sendo elaborado. METRO


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

|05|◊◊

Dez presos André Vargas recua e Violência. foram mortos este ano em presídios do MA desiste de renunciar 60 I n v e s t i g a ç ã o. Processo que liga parlamentar a doleiro acontecerá independentemente da renúncia ao cargo. Em nota, deputado classifica espera por decisão como ‘impasse’ Depois de anunciar na segunda-feira que renunciaria ao mandato, o deputado licenciado André Vargas (PT-PR) voltou atrás e afirmou ontem que “decidiu reestudar possibilidade”. Vargas é acusado de ligação com o doleiro Alberto Youssef, preso na operação Lava-Jato da PF (Polícia Federal), que desvendou um esquema de corrupção que teria desviado mais de R$ 10 bilhões. Vargas usou um jato fretado por Youssef e, segundo gravações interceptadas pela PF, ajudou um laboratório controlado por Youssef em negociações com o Ministério da Saúde. Vargas desistiu de renunciar porque se deu conta de que o processo de cas-

sação aberto contra ele na Câmara continuaria, independente da renúncia. A Constituição diz que a renúncia do parlamentar que estiver submetido a processo que possa levar à perda de mandato terá seus efeitos suspensos até as conclusões finais do Conselho de Ética ou da Mesa Diretora. Em nota, Vargas afirmou que “a sua renúncia seria inócua e não surtira efeito” e classificou como impasse a espera de uma decisão do conselho. O presidente do Conselho de Ética, deputado Ricardo Izar (PSD-SP), afirmou que, mesmo que Vargas renuncie, as investigações vão prosseguir. METRO

Deputado ficará fora de Brasília | GUSTAVO LIMA/AGÊNCIA CÂMARA

A situação nos presídios do Maranhão continua fora de controle. Desde o início do ano, 10 detentos já foram assassinados em prisões do Estado, sete deles no Pavilhão Delta do CDP (Centro de Detenção Provisória) do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís. Na noite de anteontem, o preso André Valber Mendes, 26 anos, foi encontrado enforcado em Pedrinhas, Essa foi a terceira morte registrada desde sábado no complexo. O Maranhão foi alvo de críticas de órgãos de defesa dos direitos humanos no ano passado, quando 60 presos morreram na penitenciária de Pedrinhas. Uma comissão de juízes e promotores visitou o local e elaborou um relatório com o objetivo de auxiliar o procurador-geral da República, Rodrigo Janot a decidir sobre eventual intervenção federal no Estado. Em nota, a PGR (Procu-

é o número de detentos que foram assassinados no ano passado no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. radoria-Geral da República) diz que tem acompanhado as medidas adotadas no sistema penitenciário, implementadas a partir das decisões do Comitê de Gestão da Crise do Sistema Penitenciário do Maranhão. O comitê é presidido pela governadora Roseana Sarney (PMDB). A PGR afirma que não descarta a possibilidade de intervenção e que observa atentamente a evolução do quadro do sistema prisional do Maranhão. O complexo de Pedrinhas continua superlotado. As oito unidades prisionais do conjunto abrigam 2.236 presos, bem acima da capacidade (1.770 vagas). METRO


|06|

Eleições. Band discute últimos detalhes dos debates A Direção de Jornalismo da Band e os representantes dos candidatos à Presidência da República e ao governo de São Paulo têm reuniões marcadas nos dias 5 e 23 de maio para discutir os últimos detalhes da produção dos debates. Entre as inovações nas regras está a proposta de maior tempo de participação dos candidatos. Nas reuniões anteriores, ficou acertado que o primeiro debate entre os candidatos à Presidência da República será na Band, no dia 21 de agosto. E, se houver segundo turno, no dia 14 de outubro. Nos Estados, as datas acertadas são 14 de agosto e 9 de outubro. Representantes de todos os candidatos convidados confirmaram a tradição da Band de sempre produzir os primeiros debates da TV. Resta apenas a confirmação formal da presença da presidente Dilma Rousseff, que a direção da Band aguarda para os próximos dias. A exibição da série de entrevistas no Canal Livre com os candidatos à Presidência começa no dia 27 de abril. O primeiro entrevistado será o senador Aécio Neves (PSDB-MG). METRO

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

Petrobras assume que compra de refinaria foi um ‘mau negócio’ Audiência. Em depoimento no Senado, presidente da empresa, Graça Foster, admitiu que a compra da refinaria nos Estados Unidos teve falhas no resumo executivo, que omitiu cláusulas importantes da negociação A presidente da Petrobras, Graça Foster, admitiu ontem, pela primeira vez, que a aquisição da refinaria de Pasadena, no Texas, não foi um bom negócio. A compra gerou, segundo ela, um prejuízo de US$ 530 milhões aos cofres da estatal, que dificilmente será recuperado. “O nosso parque de refino hoje é capaz, com todo o investimento feito, de refinar de uma forma econômica, muito mais rentável, do que naquela época”, reconheceu a presidente da Petrobras, em audiência em comissões do Senado. Graça Foster argumentou que não constava no resumo executivo as cláusulas Marlin, prevendo lucro

de 6,9% ao ano para a sócia Astra Oil, nem a Put Option, que obrigou a aquisição de 100% do negócio em caso de discordância sobre os investimentos. O documento falho foi o argumento usado pela presidente Dilma Rousseff -- na época presidente do Conselho de Administração da estatal responsável por autorizar a compra. “É obrigação de quem leva para a diretoria apontar pontos fortes e frágeis para a operação. Não existe atividade segura 100%”, afirmou a presidente da estatal. O responsável pela elaboração do documento era o então diretor interncional da Petrobras, Nestor

“Não há como reconhecer hoje ter sido um bom negócio. Um bom projeto no inicio e que se transformou num projeto de baixa probabilidade de retorno.” GRAÇA FOSTER, PRESIDENTE DA PETROBRAS

Ceveró, que deverá ser ouvido hoje na Câmara. Denúncias Graça Foster evitou se manifestar sobre a criação da CPI, mas reconheceu constrangimento com a prisão do ex-

Renegociação A executiva assegurou que a petrolífera belga pagou à empresa americana Crown Central Petroleum por Pasadena mais que os US$ 42,5 milhões divulgados inicialmente. “No mínimo,

US$ 360 milhões”, estimou. Apesar de só conseguir gerar lucro entre janeiro e março deste ano, a refinaria tem propostas para ser vendida, mas num valor abaixo do pago do Brasil. A venda, porém, foi descartada, já que Pasadena é investigada pelo TCU (Tribunal de Contas da União). Desempenho Graça Foster afirmou que a Petrobras tem desempenho semelhante ao das gigantes mundiais do petróleo, apesar de uma dívida de R$ 268 bilhões, assumida para fazer investimentos, e que as contas sairão do vermelho já a partir de 2015. METRO BRASÍLIA

Investigação

CPI ficará para depois da Páscoa

Projeto de lei. ‘Racha’ poderá levar a 10 anos de cadeia O motorista flagrado fazendo “racha”, manobras perigosas, arrancadas e competições não autorizadas poderá ficar preso por até 10 anos e terá um multa em torno de R$ 1 mil. A Câmara aprovou ontem um projeto de lei que altera o Código Brasileiro de Trânsito estabelecendo punição mais rigorosa para a prática. A matéria vai à sanção da presidente Dilma Rousseff. A simples competição em vias públicas deverá ser punida com penas de até 2 anos de reclusão. Estará sujeito a uma punição de até 6 anos de prisão o condutor que provocar lesões corporais graves em decorrência do racha. Em caso da morte da vítima, a pena pode chegar a 10 anos de detenção. Hoje, o crime tem penas brandas, que variam de seis meses a dois anos de prisão. METRO BRASÍLIA

-diretor de refino e abastecimento da empresa Paulo Roberto Costa, acusado na operação Lava Jato, que desvendou um esquema de lavagem de dinheiro. Ela negou, porém, que haja uma crise financeira ou ética na empresa. “A Petrobras não é um abismo da ética”, defendeu. A presidente afirmou que a comissão interna para apurar as denúncias deve apresentar conclusões até maio.

Petrobras tem 100% da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, desde 2008 | DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA PETROBRAS

“O Brasil exige que todo malfeito seja investigado, não só na Petrobras. Não acredito que a oposição tenha algo a temer.” GLEISI HOFFMANN, SENADORA (PT-PR)

US$ 1,25 bilhão foi pago pela Petrobras pela refinaria de Pasadena. O valor se refere a estrutura, estoques e parceria com a Astra Oil.

“É preciso uma apuração pública, para que as línguas de funcionários se desatem e as responsabilidades sejam apuradas.” ALOYSIO NUNES, SENADOR (PSDB-SP)

O impasse em torno da criação da CPI da Petrobras deve ser solucionado apenas com a decisão da ministra do STF (Supremo Tribunal Federal) Rosa Weber, prevista apenas para depois da Páscoa. O Congresso fez ontem a leitura dos dois pedidos de CPI mista: um com investigação exclusiva da Petrobras, proposta pela oposição; e outro incluindo a apuração do cartel do metrô de SP e DF e do porto de Suape, defendido pelos partidos da base aliada. O presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), recebeu questões de ordem questionando qual abrangência teria a comissão. A sessão foi encerrada sem nenhuma

resposta. A tendência é de aguardar a decisão do STF, uma vez que nenhuma regra do Congresso trata sobre a criação de CPIs com objetos de investigação semelhantes, mas uma delas com foco mais amplo. No Senado A decisão de adiar a criação da CPI foi adotada pelo Senado, onde governo e oposição mantêm a mesma divergência. A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado aprovou a CPI com investigação mais ampla, mas, submetida ao plenário, a decisão só irá a voto na próxima semana. Vetos Contaminado pelo debate da CPI, o Congresso adiou, pela terceira vez, a análise de 12 vetos da presidente Dilma Rousseff a projetos do Congresso, como o que trata das regras de criação de municípios. METRO BRASÍLIA


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

|07|◊◊

Boston lembra ataque em maratona Um ano após um atentado duplo que matou três pessoas e deixou 264 feridas na maratona de Boston, a cidade deu início ontem a uma série de cerimônias para relembrar o ataque. No local das explosões, o vice-presidente, Joe Biden, disse: “Nos recusamos a nos dobrar, a mudar, a ceder ao medo.” Parentes de vítimas tam-

Soldado ucraniano em cidade no leste do país | DMITRY MADORSKY/REUTERS

Para ONU, ataque na Ucrânia foi ‘mentira’ Crise. Moscou diz que Ucrânia está ‘à beira de uma guerra civil’ enquanto Kiev anuncia início de ofensiva contra separatistas. Ban Ki-moon, da ONU, se disse preocupado O presidente interino da Ucrânia, Oleksander Turchinov, disse ontem que tropas do país tinham dado início a uma ofensiva, na região de Donetsk, que chamou de “operação antiterrorista” contra separatistas pró-Moscou que ocupam edifícios públicos no leste do país. Apesar do anúncio, não havia informações sobre movimentações militares na região. No fim de semana, Kiev havia anunciado um prazo para o fim da crise “pela força ou pela negociação”, mas o discurso foi amenizado na segunda. No Facebook, o premiê russo, Dimitri Medvedev, comentou incidentes em que duas pessoas morreram no domingo, quando Kiev tentou, sem sucesso, recuperar o controle da cidade de Slaviansk. “Sangue foi derramado mais uma vez na Ucrânia. O país está à beira de uma guerra civil”. Relatório Segundo um levantamento realizado pelas Nações Uni-

das e divulgado ontem, moradores russófonos do leste da Ucrânia mentiram ao dizer que estavam sob ataque de nacionalistas, na tentativa de justificar um envolvimento de Moscou na crise. Preparado com base em duas visitas do secretário-geral adjunto da ONU para Direitos Humanos, Ivan Simonovic, o relatório destaca que houve “alguns incidentes” contra a comunidade étnica russa mas que “eles não foram nem sistemáticos, nem disseminados”. “Fotos, histórias exageradas de assédio e relatos mal-informados” teriam servido “para criar um clima de medo e insegurança”, segundo o relatório. Ontem, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, falou com o presidente russo, Vladimir Putin, por telefone. Ban expressou preocupação com a “situação altamente volátil” e “ressaltou que qualquer aprofundamento da crise seria muito prejudicial para todos os envolvidos”. METRO E AGÊNCIAS

bém participaram do ato. No dia 15 de abril de 2013, duas bombas foram detonadas na linha de chegada da corrida, atingindo espectadores, voluntários e atletas, no que foi o pior atentado em solo norte-americano desde o 11 de Setembro. Este ano, a maratona terá um esquema de segurança mais rígido e novas res-

trições, como a proibição de levar mochilas ao local do evento. Cerca de 36 mil corredores são esperados. Um dos suspeitos, o checheno Dzhokhar Tsarnaev, aguarda julgamento. O irmão dele, Tamerlan, foi morto pela polícia na fuga. Kansas Ontem, a Justiça dos EUA in-

diciou Frazier Glenn Cruz, supremacista branco que matou três pessoas a tiros em dois centros judaicos no Kansas no domingo. O homem, de 73 anos, também atende pelo nome de Glenn Miller. Ele deverá enfrentar acusações federais na próxima semana e pode ser condenado à pena de morte. METRO E AGÊNCIAS


|08|

CHOCOLATE SALGADO Variação de preços em um ano, em % MAIOR ALTA

MÉDIA

BELO HORIZONTE BRASĂ?LIA

7,57 10,91

PREÇO MÉDIO

21 (500G) R$ 51,63 21 (500G) R$ 48,74

9,14

21 (500G) R$ 48,35

6,99 9,68

21 (500G) R$ 50,77

PORTO ALEGRE RECIFE

TAMANHO

9,26

6,31 7,7

RIO DE JANEIRO

6,35

9,27

9 (50G)

SALVADOR

6,25

9,56

21 (500G) R$ 47,44

SĂƒO PAULO

6,51

10,14

9 (50G)

NACIONAL

6,78

8,92

21 (500G) R$ 49,24

R$ 6,01

R$ 5,65

FONTE: FGV

Ovo de Påscoa. Preços sobem acima da inflação Os preços dos ovos de Påscoa subiram mais que a inflação este ano, segundo levantamento da FGV (Fundação Getulio Vargas). Em mÊdia, os chocolates estão 6,78% mais caros em relação à Påscoa do ano passado. Jå a inflação, medida pelo IPC (�ndice de Preços ao Consumidor), ficou em 6,09% no mesmo período. Entre as sete capitais pesquisadas, o ovo de Påscoa subiu mais em Porto Alegre (7,7%), seguido por Belo Horizonte, com alta de 7,57%. Jå o menor reajuste foi registrado em Brasília (6,31%). A maior variação entre os itens foi verificada no ovo número 21 (500 g), que subiu 10,91% em Belo Horizonte. A segunda maior alta foi vista no ovo 9 (50 g), cuja alta foi de 10,14% em São Paulo.

“No auge do feriado, os ovos mais procurados jĂĄ foram vendidos, os que restaram estĂŁo quebrados ou sĂŁo mais caros, por isso, antecipar as compras pode ser uma boa estratĂŠgiaâ€?, diz o economista da FGV AndrĂŠ Braz. O economista relembra que, para os adultos, comprar chocolates em barra ou caixas de bombons pode ser uma alternativa mais econĂ´mica. Segundo uma pesquisa da Proteste, dependendo da marca, pelo preço de um ovo de 350 g ĂŠ possĂ­vel adquirir cinco caixas de bombom, totalizando 2 Kg de chocolate. É o caso do ovo de PĂĄscoa clĂĄssico Cacau Show, que custa R$ 30,00. Pelo mesmo valor, ĂŠ possĂ­vel comprar cinco caixas de bombom Garoto de 400 g cada. METRO

Mercados. Vale e Petrobras puxam queda da Bolsa A Bovespa fechou ontem em queda, com investidores vendendo açþes da mineradora Vale e da Petrobras depois que novos sinais de desaquecimento da economia chinesa. O Ibovespa perdeu 2,21%, para 50.454 pontos. As preferenciais da Vale, que tem a China como principal destino de suas exportaçþes, caíram mais de 4,62%. Jå as preferenciais da Petrobras perderam 3,83%. Dados divulgados ontem mostraram que o volume de dinheiro pelo BC da China cresceu 12,1% no mês passado sobre o ano anterior. A taxa foi a mais fraca desde maio de 2001. A contínua tensão política na Ucrânia tambÊm pressionou as bolsas globais. Sobre as açþes da Petrobras tambÊm pesaram os desdobramentos do escân-

GRANDE VITĂ“RIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

2,21% foi a perda do Ibovespa ontem. Sinais de desaquecimento da economia da China pesaram no desempenho da Bolsa dalo envolvendo a refinaria de Pasadena, nos EUA. Em audiĂŞncia no Senado, a presidente da estatal, Graça Foster, admitiu que a aquisição da planta americana “nĂŁo foi um bom negĂłcioâ€?. Os bancos colaboraram para o desempenho negativo da Bolsa brasileira. A Standard & Poor’s rebaixou a nota de nove bancos mĂŠdios brasileiros. No mĂŞs passado, a S&P jĂĄ havia cortado os ratings de outras 13 instituiçþes. METRO

Governo propþe salårio mínimo de R$ 780 em 2015 LDO. Previsão estå no projeto de Lei de Diretrizes Orçamentårias enviado ao Congresso. Valor representa um reajuste de 7,7%. Governo promete poupar mais no ano que vem O governo prevê um aumento do salårio mínimo para R$ 779,79 em janeiro de15 2015. A estimativa estå no projeto de LDO (Lei de Diretrizes Orçamentårias) envia-12 do ontem ao Congresso. O valor Ê 7,71% superior 9 ao piso atual, de R$ 724. O aumento apontado para o ano que vem supera o reajuste 6 ocorrido neste ano, de 6,78%. O cålculo do governo considera inflação de 5,3%, pe- 3 lo INPC estimado para este ano, mais a expansão modesta de 2,28% do PIB em 2013. No entanto, os analistas do mercado financeiro projetam um INPC maior, em 6,36% – índice que elevaria o mínimo para R$ 787,60. Serå o último reajuste fixado pela lei atual de valorização do mínimo. Pela regra, que começou a vigorar em 2011, a correção anual Ê feita pela inflação mais um ganho equivalente ao crescimento do PIB de dois anos antes.

EVOLUĂ‡ĂƒO

Reajuste nominal, em % INPC do ano anterior, em %

14,13 12,05 9,68

9,21

9 6,86 6,47

6,48 5,16

6,78 6,08

6,2

4,11

7,71

5,56

5,3 2015*

2008

2009

2010

2011

2012

2013

2014

415

465

510

545

622

678

724 779,79

S     FONTE: DIEESE, IBGE E LDO

*PROJEÇÕES

Para manter esse formato de correção, o governo que toma posse no prĂłximo ano terĂĄ de submeter novamente uma proposta para apreciação do Congresso. “CaberĂĄ, em 2015, discutir qual serĂĄ a nova regra. A cada ano, a sua agonia. Vamos deixar a discussĂŁo para o momento adequadoâ€?, afir-

mou o ministro da Fazenda, Guido Mantega. A LDO, que traz os parâmetros macroeconômicos para a elaboração do próximo Orçamento da União, estima que o crescimento da economia serå de 3% em 2015. O número estå mais otimista que o projetado pelo mercado, que traba-

lha com uma taxa de 2%. A inflação oficial, medida pelo IPCA, foi estimada em 5%. Na LDO, o governo promete esforço fiscal maior em 2015 do que em 2014, com superåvit primårio mínimo de 2% para o próximo ano. Jå a meta de superåvit primårio do setor público consolidado (governo central, Estados, municípios e estatais) serå de R$ 143,3 bilhþes, ou 2,50% do PIB. Para este ano, a meta de superåvit primårio – poupança para pagar os juros da dívida que o governo tem com outros países e outros credores – Ê de 1,9% do PIB. Segundo o ministro da Fazenda, o governo buscarå uma meta maior caso a economia cresça alÊm do previsto. Nos últimos anos, o governo foi bombardeado por críticas de agentes econômicos pela condução da política fiscal, que contou com manobras criativas, abalando a confiança. METRO

Nissan investe R$ 2,6 bilhĂľes em fĂĄbrica no Rio de Janeiro

Energia. Aneel aprova reajustes de atĂŠ 17%

O mercado automotivo nĂŁo entrou em 2014 com o mesmo fĂ´lego de antes. No perĂ­odo de janeiro a março, houve um recuo de 8,4% nas vendas comparado ao mesmo perĂ­odo de 2013, que somaram 790 mil unidades. Apesar do cenĂĄrio, a japonesa Nissan começou a operar uma linha de montagem para produzir 200 mil automĂłveis e outro tanto de motores flex 1.6 com 16 vĂĄlvulas, em Resende, no Rio de Janeiro. É um investimento de R$ 2,6 bilhĂľes, que gerarĂĄ 1.500 empregos diretos. “As previsĂľes indicam que o mercado brasileiro poderĂĄ passar por uma fase de crescimento baixo, decepcionante atĂŠ, nos prĂłximos dois anos. Mas estou otimista com o desempenho do paĂ­s

O diretor da Aneel (Agência Nacional de Energia ElÊtrica), Romeu Rufino, disse que o custo da energia comprada pelas distribuidoras teve impacto de sete ou oito pontos percentuais nos reajustes tarifårios aprovados pelo órgão regulador neste mês. Os reajustes chegam a 17% para consumidores residenciais. Segundo Rufino, alÊm do custo maior com o uso de termelÊtricas, as distribuidoras tiveram mais gastos com a contratação de energia no mercado livre, que Ê mais cara. A Aneel aprovou ontem reajustes acima de 10% para Energisa, Coelce, Cosern e Coelba. Em 7 de abril, foram aprovados aumentos para Cemat, CPFL Paulista e Cemig. Para hoje, estå previsto o reajuste da AES Sul. METRO

“Nossa meta ĂŠ alcançar 5% do mercadoâ€? CARLOS GHOSN, DA RENAULT-NISSAN

no longo prazo�, disse ao Metro Jornal o presidente mundial da Renault-Nissan, o brasileiro Carlos Ghosn. No Brasil, hå apenas 175 carros a cada mil habitantes. Segundo ele, Portugal tem três vezes mais veículos em relação à sua população.

Inicialmente, a nova fĂĄbrica produzirĂĄ dois modelos: o hatchback compacto New March, que estrearĂĄ por aqui. Meses mais tarde, serĂĄ lançada a versĂŁo nacional e renovada do sedĂŁ Versa, hoje importado do MĂŠxico. A picape Frontier e o utilitĂĄrio esportivo Livina continuarĂŁo a ser montadas no ParanĂĄ, nas instalaçþes da Renault, de quem a Nissan ĂŠ parceira. O sedĂŁ Sentra, seguirĂĄ sendo importado. “Com esta nova produção e a chegada de mais novidades, a nossa meta serĂĄ alcançar uma fatia de 5% do mercadoâ€?, diz Ghosn. Em 2013, a marca mal passou dos 2%. FERNANDO VALEIKA DE BARROS ESPECIAL PARA O METRO


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

|09|◊◊

{SAÚDE }

M ais do que velocidade

Oa

A MARA D IA

NA TO

O GU

Passo a passo. Enfrentar uma maratona não é tarefa fácil. Pensando nisso, o Metro Jornal resgata a história da atividade e disponibiliza um guia para que o maratonista obtenha um resultado favorável por meio de dicas

490 AC

a e aa a e a e da c a a D a ea Ba a ha da Ma a a e e e a di a a iga e da g ega Pheidi ide e ia c id de de ca de ba a ha a é A e a a a c a a a i ia da G écia be e a Na a chegada g i Reg ige e i i a e de e c á e e

MAIS JOVEM MARATONISTA O i dia B dhia Si gh á ha ia c id aa a aé e a

2h03’23”

MAIS VELHO MARATONISTA

Rec de c ed Ki a g Be i

O b i â ic Fa a Si gh e i ei h e ce e á i a c e a a a a a de T e c e h

PLUS

ac i d e ia Wi a a a a de e

2h15’25”

AMARRE O SEU CADARÇO

PROBLEMAS NOS DEDOS? Le a e a a e dia ei a d ê i a a a i ia a c a a d ded e be a a ha

+

CALCANHAR INCOMODANDO? Acabe c a achad a ca ca ha

O ec de fe i i fic c a b i â ica Pa a Radc iffe a a a a de L de e

CALCANHAR DE AQUILES? Re a de e ã ge ad e cada ç

42,19 km A di â cia e c ida e a a a é de O ec e a de aé a d dad a O i de L d e de g ica

365 O e de a a a e be ga S efaa E ge c e c ec i a e e e a a dia O H e Ma a a c e i e a

a a

f i ada i

de 33,7 a 42,195 km

de 17,7 a 32 km

primeiros 16 km

DIETA

1

PENSE NA FÁBULA DA TARTARUGA E DA LEBRE: aa i a ã e a a a ida e e a e b e e de c e a a ia c ida C e a i ei a e ade ai de aga e a eg da a e ai a ida e e é a cha e a a a a a a be cedida PRAZER VISUAL: Re a e e a ei e a da ça a ai age e d a bie e NÃO DESPERDICE SUA ENERGIA: aca e a a i idade dia da a a a cê ai eci a de d e f eg

ANTES DA MARATONA Ú i a g a de efeiçã 3-4 horas Ú i a e e a efeiçã 1-3 horas La che de meia hora a 1 hora

DURANTE A MARATONA Bebida e ia e e gé ic e ge cerca de 1/4 de copo a cada 15 ou 20 minutos

DEPOIS DA MARATONA E e e de a i e e ã faça a che efeiçã c a e de ca b id a D a h a de i faça a efeiçã c ea c ca b id a e a eg d a

A BARREIRA DOS 32 KM A ba ei a é de g ic gê i d c ed e e e gia e cada é ibe ada c f ça d c ed a di i i a c ide a e e e E i e c i ca b id a e e e

2 PENSE EM VOLTAS, NÃO EM QUILOMETROS: C ece e a a d a a a a e e e eg e a a fa e c e a di â cia a eça e C ide e a a a cada CANTE UM MÚSICA, OU DUAS, OU TRÊS: a a e a a édi ca e a ica fa i a e i a e de i ca e a ACREDITE EM VOCÊ: e a e a e e e i ie e Ac edi e a f ça d e c e e e

3

PENSE PARA ALÉM DO SEU CORPO: e e a d f ica e di ai d c b ic e a ai age CADA PEQUENA AJUDA: c ide e cada i e c ac i a e a a a i ha de chegada COMECE A CONVERSAR COM VOCÊ MESMO: Te ha b di c i aci a a a cabeça a a e a da a e a ece i

No ritmo

Pulo do gato! INGESTÃO DE LÍQUIDOS h a a e da c

= 200 ml A cada GRÁFICO ORIGINAL: MIA KORAB TEXTO: ANTHONY JOHNSTON

ida

De

i a h a a e da c ida

A cada

i d a e a c ida

g e dida beba ce ca de ei i

de

id hid a a e

FONTES: CLEVELAND CLINIC, DISCOVERY CHANNEL, MARATHINTRAININGSCHEDULE.NET, BBC, RUNNING USA, ABOUT.COM. RUNNER'S WORLD

Correr uma maratona não precisa ser uma experiência traumática, se algumas dicas forem levadas a sério


|10|

2

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

Muito além do iê-iê-iê Show. O Grupo Big Beatles abre o projeto Sócio de Carteirinha 2014 com Wanderléa, amanhã, no Teatro do Sesi

CULTURA

Mark Fernandez

Canções dos Beatles na voz de artistas conhecidos por cantarem Bossa Nova, MPB, pop, forró... Assim é o Projeto Sócio de Carteirinha, realizado uma vez por mês pela banda Clube Big Beatles, no Teatro do Sesi, em Jardim da Penha, Vitória. A edição deste ano será aberta amanhã, com Wanderléa, mineira que se tornou um dos principais nomes da Jovem Guarda. A “Ternurinha”, como a

Brad Pitt

Guerra no Afeganistão O ator vai protagonizar e produzir a adaptação do livro do jornalista Michael Hastings, “The Operators: The Wild and Terrifying Inside Story of America’s War in Afghanistan” (2012).

Estrelas Outros tantos nomes da

Fernanda Takai

Zé Renato

Vocalista da banda mineira Pato Fu. Tem também carreira solo. Dia o8 de maio.

Cantor e compositor, já integrou o grupo Boca Livre. Dia 12 de junho.

Junior Lima

Ivan Lins

Musico de carreira solo, cantou na infância e adolescência com a irmã, Sandy. Dia 10 de julho.

Cantor, é autor de grandes sucessos da MPB e faz sucesso pelo mundo. Dia 14 de agosto.

Leo Teixeira música brasileira (e até internacional) já passaram pelo palco do Sócio de Carteirinha. Edu Henning, responsável pela percussão e pela gaita no som da banda, diz que o principal objetivo do projeto é mostrar ao público como diversas músicas dos Beatles impactaram a vida e a carreira de muitos artistas. “Não importa o gênero musical, a idade ou a formação pessoal de cada ar-

Wanderléa A “Ternurinha” foi parceira de Roberto Carlos e Erasmo Carlos na Jovem Guarda. Faz show amanhã.

tista convidado. Grandes nomes da nossa música popular começaram a cantar, pensaram em se transformar em artistas depois de ter ouvido uma canção dos Beatles. Acho que com o Projeto Sócio de Carteirinha do Clube Big Beatles temos resgatado a história pessoal de grandes intérpretes brasileiros”, afirma. Apesar da trajetória de anos, os integrantes do Big Beatles ainda ficam ansiosos com cada evento. “Em cada etapa, temos a honra e o prazer de trocar informações artísticas com grandes nomes

Grupo Big Beatles e Wanderléa. Quando: amanhã, às 21h. No Teatro Sesi (Rua Tupinambás, 240, Jardim da Penha, Vitória). Ingressos: R$ 15 (meia-entrada). Mais informações: 99948-4258

Bruno Gouveia e Carlos Coelho

Dado Villa-Lobos

Vocalista e guitarrista da banda Biquíni Cavadão. Dia 18 de setembro.

Guitarrista, integrou a Legião Urbana. Dia 09 de outubro.

Tato

Roberto Menescal

Vocalista conhecido pela banda de forró Falamansa. Dia 13 de novembro.

Natural do Espírito Santo, é uma das estrelas do movimento Bossa Nova. Dia 11 de dezembro.

Edu Henning da nossa música. São experiências inesquecíveis, novas relações pessoais e profissionais que nos fazem crescer. É um aprendizado, um curso intensivo”, frisou Edu. METRO

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Guto Ferrari

cantora é conhecida, despontou na música brasileira na década de 60, quando o sucesso dos Beatles explodiu. No evento, ela deve cantar algumas de suas músicas preferidas no repertório dos “reis do iê-iê-iê” e ainda relembrar sucessos próprios. Além de Wanderléa, o projeto contará, ao longo do ano, com Ivan Lins, Fernanda Takai, Dado Villa-Lobos e Roberto Menescal (veja abaixo a lista de todos os convidados deste ano).

Junior Curcio


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

|11|◊◊

Festival. O balneário de Manguinhos entra em clima de jazz e blues neste fim de semana. Evento terá atrações internacionais

O som que toca a alma O músico Naná Vasconcelos, famoso internacionalmente, é uma das atrações mais esperadas na sexta-feira |DIVULGAÇÃO

O clima descontraído de Manguinhos vai receber pela terceira vez os apaixonados pelo jazz. Durante os três dias do Festival de Manguinhos Jazz e Blues, de sexta a domingo, o balneário fica lotado de visitantes ávidos pela boa música. Eles terão um bom motivo para não perder esta edição: a apresentação de Naná Vasconcelos. O músico foi eleito oito vezes o melhor percussionista do mundo pela revista americana Down Beat e ganhador de oito prêmios Grammy. Ao lado dele, Badi Assad e Jefferson Gonçalves também prometem tornar inesquecíveis as noites do festival. “Nosso objetivo é difundir a música instrumental com ênfase no jazz e no blues. E o balneário de Manguinhos é o cenário ideal para o evento”, conta Erlon Paschoal, diretor-geral da Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames) e organizador do evento. Além dos nomes nacionais, talentos do Estado vão se apresentar no even-

Serviço Manguinhos Jazz e Blues Festival. Quando: de sexta a domingo, das 17h30 às 22h30, Praça Central de Manguinhos, Serra. Entrada franca. Sexta (dia 18): Lucas Arruda, Fames Coletivo Sonorum, Naná Vasconcelos e Lui Coimbra e Big Bat Blues Band Sábado (dia 19): Kátia Rocha, Fames Jazz Band, Badi Assad, Jefferson Gonçalves & Banda com Laudir de Oliveira Domingo (dia 20): Cortejo da banda de Congo de Manguinhos, Yumi Hirose, Fames Jazz Trio, Urublues e Junior Watson Band

to, como Lucas Arruda, Big Bat Blues Band, Urublues e os grupos da Fames (Fames Jazz Band, Fames Jazz Trio e Fames Coletivo Sonorum). “Com certeza será um ótimo festival. A Fames se orgulha de realizar um evento importante para o desenvolvimento cultural do Estado”, diz Paschoal METRO EDISON VARA/FOLHA PRESS

LYA LUFT A escritora gaúcha volta aos ensaios em “O Tempo é um Rio que Corre”, seu novo livro. Com a intimidade que é sua marca registrada, ela relete sobre o valor da vida e relaciona suas memórias com o passar do tempo

‘HÁ BELEZA EM TODAS AS IDADES’ “O TEMPO É UM RIO QUE CORRE” LYA LUFT ED. RECORD R$ 28

A senhora publicou ensaios, em 2011, lançou o romance “O Tigre na Sombra”, em 2012, e agora volta às reflexões. Estas variações de gênero são planejadas? É completamente natural. Publiquei romances por vários anos, depois fiz poesia e comecei com os ensaios em “O Rio do Meio” (1996). As coisas vão se alternando conforme a minha vontade, escrevo sobre aquilo que me

apaixona. Se eu tiver ideia para um romance, virá um romance, mas também podem ser poemas ou ensaios. E por que esta opção em escrever sobre o tempo? Eu já escrevi várias vezes sobre o tempo. Na verdade este assunto me interessa desde criança, desde quando alguém me falou que o agora não existe. Ficava impressionada com a ideia que o tempo passa e a gente nunca é a mesma pessoa. E muitas vezes não sabemos o que fazer com o tempo... Exatamente. Hoje vivemos numa cultura muito engraçada, esta da futilidade. Po-

demos viver mais tempo mas, ironicamente, temos horror a ele por causa deste endeusamento da juventude. As pessoas começam a ficar neuróticas aos 40 anos, preocupadas com as rugas e tratamentos estéticos. A senhora fala sobre isso com muita serenidade. Acho legal a gente se cuidar para não ficar um farrapo, levar uma vida saudável e até fazer uns retoques no rosto (risos). Mas as pessoas se mutilam e ficam infelizes por causa disso. Como o tempo passa mesmo e não há o que fazer para evitar isso, é melhor enfrentar tudo com elegância e bom humor.

Em síntese, qual é a sua receita pessoal? Estudei um tempo em colégio de freiras e lá aprendi sobre a vida interior. Todo mundo, seja um gari ou um médico, precisa ter uma certa filosofia de vida, traçar metas e pensar se é feliz ou não. A beleza não está só na juventude, cada fase tem seus dramas e suas doenças. A maturidade e a velhice tem um outro tipo de beleza e de curtição, ninguém precisa ficar rabugento ou mal-humorado porque está com 70 ou 80 anos. Tudo é uma questão de perspectiva, é preciso olhar os valores da vida de outra maneira. METRO POA COM BANDNEWS


|12|

Lançamento. Músico em ascensão que tocou no Lollapalooza se inspira nas sutilezas da música brasileira em seu segundo disco A carreira de Silva aconteceu rápida demais. No final de 2011, ele lançava seu primeiro trabalho, um EP sem nome com cinco músicas. Sem experiência de palco, no começo do ano seguinte ele já se apresentava no festival Sónar. Foi o suficiente para Lúcio da Silva Souza, músico de Vitória, então com apenas 23 anos, conquistar público e crítica. Dois anos depois, Silva surge em situação parecida. Ele acaba de apresentar no Lollapalooza Brasil as músicas de seu segundo álbum, “Vista pro Mar”, e se prepara para nova incursão do mesmo porte no Rock in Rio Lisboa, no fim de maio. “Pra quem não tem muita experiência como eu, chegar em um festival grande é sempre assustador. Ainda mais com várias bandas de que sou fã”, diz ele.

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

Silva encontra o sol em ‘Vista pro Mar’

“VISTA PRO MAR” SILVA SLAP R$ 26

Silva em show no Lollapalooza no último dia 5. Próxima parada será o Rock in Rio Lisboa | ADRIANO VIZONI/FOLHAPRESS

O evento foi um dos primeiros a receber a turnê do novo disco, que, segundo Silva, é mais ensolarado do que “Claridão” (2012). “Meu primeiro trabalho foi superdifícil por conta de as coisas terem acontecido muito rápido. Havia uma pressão e pouco tempo para fazer tu-

do. Agora foi mais prazeroso, tive um ano para fazer ‘Vista pro Mar’”, explica ele. Se no disco antecessor a referência era a música eletrônica mais densa, nesse de agora o cantor volta seus olhos para sutilezas da música brasileira. “Umas das minhas referências atuais é João

Donato, principalmente o disco ‘Quem É Quem’, que é de uma leveza... Isso foi me mudando com o tempo”, afirma. Incentivado pelo irmão Lucas, também compositor, o capixaba buscou caminhos mais melódicos. “Deixei um pouco de lado os timbres e as batidas”,

diz. Nesse novo conceito, entra Fernanda Takai, que empresta sua voz em “Okinawa”. E a melancolia e a esperança vão se alternando entre as músicas, como se uma sustentasse a outra. “É um disco melancólico, mas quando o gravei meu momento era

ensolarado.” “Vista pro Mar” tem canções que atingem um novo grupo de fãs, mas sem deixar de lado quem segue Silva desde o início da carreira. PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

Lançamentos

“O CINEMA DE MIZOGUCHI” DIR.: KENJI MIZOGUCHI VERSÁTIL R$ 70

Com três discos, esta caixa reúne cinco pérolas do cineasta japonês: “Contos da Lua Vaga” (1953), “Oharu: Vida de uma Cortesã” (1952), “As Irmãs de Gion” (1936), “Os Amantes Crucificados” (1954) e “Senhorita Oyu” (1951). Além disso, a edição traz uma hora de extras, como trailers e entrevistas com os diretores Masahiro Shinoda e Tokuzo Tanaka e o fotógrafo Kazuo Miyagawa.

‘Tarzan’ ganha edição com ilustrações de tira clássica “TARZAN” EDGAR RICE BURROUGHS ED. ZAHAR 336 PÁGS. R$ 55

“A VIDA SECRETA DE WALTER MITTY” DIR.: BEN STILLER FOX R$ 40 (DVD) R$ 70 (BD)

Livre adaptação de um conto de James Thurber publicado em 1939, o longa traz Stiller como diretor e protagonista e encanta ao fazer o público embarcar na fértil imaginação do frágil Walter Mitty, que descobre sua força apenas quando se vê obrigado a transformar seus sonhos em realidade. No elenco, figuram ainda Kristen Wiig e Sean Penn. Extras como cenas excluídas e de bastidores são exclusivos do Blu-ray.

Quarenta desenhos de Hal Foster foram incluídos na reedição | REPRODUÇÃO

Em 1914, o americano Edgar Rice Burroughs (1875-1950) publicava em livro a primeira aventura de seu fictício personagem Tarzan. Mesmo sem nunca ter pisado na África, onde se passa a história do bebê criado por macacos, ele criou um personagem forte e carismático o suficiente para se transformar num enorme sucesso comercial. Cem anos depois, essa história – a primeira das 24 da série escrita por Burroughs e publicadas em forma de romance – ganha uma caprichada reedição da Zahar. E com direito a um detalhado prefácio do tradutor Thiago Lins sobre a vida do autor e a época da criação do personagem. O charme da publicação está nas 40 ilustrações feitas por Hal Foster (1892-1982) a partir de 1929 para ilustrar as primeiras adaptações do rei da selva para tiras de jornais. Mistura de Mogli (de “O Livro da Selva”, de Rudyard Kipling) com a lenda de Rômulo e Remo (criados por uma loba), o personagem vendeu mais de 60 milhões de exemplares pelo mundo, inclusive no Brasil, onde histórias tiveram tradução de Monteiro Lobato e Manuel Bandeira. Na reedição, a narrativa ágil e aventureira dispersa qualquer crítica sobre a suposta “superioridade” do personagem, que é branco, diante do reino animal. METRO


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

Suando a camisa sem muito esforço

{VARIEDADES} Os invasores

|13|◊◊

Leitor fala

Esporte local Parabéns pelo jornal. Porém não vejo notícias a respeito dos esportes no ambiente regional. Segue meu protesto. JORGE RODRIGUES

Cruzadas

Mais opção

Fitness. Aplicativo promete transformar 30 minutos em três horas de malhação

Antes de mais nada quero parabenizar a todos pelo jornal. É bom saber que temos uma ótima opção para ficar informado todos os dias.

Parece que quanto mais aumentam as exigências por um padrão de beleza, menos as pessoas querem se dedicar a horas infinitas de malhação para conseguir o corpo perfeito. Ainda mais em tempos de facilidades tecnológicas. Desenvolvedores, atentos a isso, lançam constantemente no mercado aplicativos que ajudam a diminuir o esforço ou incentivar os desanimados. Não foi diferente com os inventores do Guitar Hero, que, agora, apresentam o Blue Goji, app que transforma os exercícios de aca-

PATRICK THOMPSON

demia em momento lúdico. Tablets, bicicletas, esteiras e controles wireless completam o kit do personal trainer virtual, que pretende fazer 30 minutos valerem por três horas de malhação. Enquanto a pessoa se diverte com 12 tipos de games – de corrida com obstáculo a boxe -, nem percebe que está suando a camisa nos aparelhos da academia. Para interessados, o kit custa US$ 99 (cerca de R$ 237, mais possíveis impostos e frete) e pode ser adquirido no site www.bluegoji.com METRO

Parabéns Parabéns pelo jornal Metro. A publicação tem um conteúdo amplo sobre o Estado e também sobre o Brasil, mas com uma apresentação curta e clara. Além disso, gosto muito dos infográficos das páginas. São bem trabalhados e claros. RENATO AGUIAR

Correção Diferente do publicado na reportagem “Chefe da equipe Ferrari se demite devido à crise”, na página 16, na edição do dia 15/4, os motores da Ferrari são produzidos pela marca.

Metro Pergunta

Sudoku

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metrogv Qual é sua principal reivindicação para a Grande Vitória? Conte para a gente!

Metro web Para falar com a redação:

leitor.gv@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal Aplicativo anima as pessoas na hora da malhação | DIVULGAÇÃO/BLUE GOJI

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

O momento é indicado para pesquisas e cautela ante decisões financeiras. Dia propício para se dedicar a crenças e temas espirituais.

O empenho a assuntos domésticos será mais frequente, tanto para ajustes do lar ou de questões junto a familiares.

Tenha mais atenção com seu ritmo para não sobrecarregar a mente, o corpo e a saúde. Terapia, temas espirituais e exercícios farão bem.

Cuide para que a atenção aos problemas de quem gosta não atrapalhe a atenção com os seus. Solidariedade é importante, mas com bom senso.

O envolvimento com estudos, leitura, atividades culturais e temas diferentes que façam bem ao intelecto fará muito bem ao seu dia.

A dedicação a novos círculos sociais tende a ser mais intensa. Ocasiões que envolvam amizades e grupos farão bem ao dia.

Período de atenção dobrada para evitar críticas e esclarecer equívocos nas relações. Gestos prestativos são sempre bem-vindos.

Momento para valorizar o que tem e evitar consumismo com interesses apenas pela aparência ou por falsa impressão de eficiência.

Atente-se para que a dedicação com suas obrigações cotidianas não impeçam os momentos especiais da vida afetiva.

Às vezes expressar sentimentos é necessário para que a pessoa amada não tenha que adivinhar tudo o que você gosta.

Tendências a resgatar lembranças especiais e a retomar assuntos afetivos, esteja solteiro ou mesmo se for comprometido.

Momento propício para esclarecer pendências jurídicas, assim como burocracias que envolvam temas materiais e negociações.


|14|

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

3 Brasil Sob pressão. Em casa, Seleção Brasileira luta contra a euforia do torcedor e o fantasma de 1950. Time é considerado favorito pelos rivais

ESPORTE

Seleções Grupo A No Brasil, Neymar quer fazer história

desafia a história Brasil

Todo so

x Croácia

(12/6 - 17h, São Paulo)

México

x Camarões

(13/6 - 13h, Natal)

Brasil

x México

(17/6 - 16h, Fortaleza)

Camarões

s ogo sj

Maracanã lotado. Adversário de peso do outro lado. Uma nação inteira na torcida. Apito inicial. Gol de Friaça. Festa nas arquibancadas. Schiaffino empata. Clima tenso. Virada do Uruguai. Ghiggia cala uma nação. Entra para história. Um país inteiro que chora. O nascimento de um fantasma e a chance, 64 anos depois, de exorcizar o dia 16 de julho de 1950 da memória. Assim, em poucas linhas, é possível definir a responsabilidade do técnico Luiz Felipe Scolari e dos 23 jogadores que vão representar a Seleção Brasileira na Copa do Mundo deste ano. “A expectativa se torna maior porque é a segunda Copa no Brasil, e temos uma oportunidade que tivemos na primeira e não conseguimos. Mas temos também outros grandes oponentes que têm os mesmos objetivos”, disse o treinador. Vale lembrar que, com Felipão no banco de reservas, a Seleção conquistou o penta no Mundial do Japão e da Coreia do Sul, em 2002. A primeira barreira no caminho para o hexa do Brasil, cabeça de chave do Grupo A, será a Croácia, dia 12 de junho, em São Paulo. No dia 17, a equipe encara o México, em Fortaleza. O último compromisso da primeira fase está marcado para o dia 23, em Brasília, contra Camarões. METRO

x Croácia

(18/6 - 18h, Manaus)

Camarões

x Brasil

(23/6 - 17h, Brasília)

Croácia

x México

(23/6 - 17h, Recife)

Uniformes Neymar só tem 22 anos, mas já assumiu a missão de comandar o Brasil dentro de campo no Mundial

Esperança, de novo, nos pés do camisa 10

Anelka

Não vem mais O Atlético-MG desistiu de contratar o atacante Anelka. Anunciado como contratado no dia 6, o francês tinha até segunda-feira para se apresentar em Belo Horizonte. O jogador está participando de um evento no Oriente Médio.”Em nenhum momento conseguimos falar com o jogador. Falamos com o procurador e com o agente. A grandeza do Atlético-MG é muito maior do que o Anelka. Portanto, o Anelka é carta fora do baralho”, disparou o diretor de futebol do Galo, Eduardo Maluf.

Durante grande parte da carreira, Neymar envergou a camisa 11. O número é o mesmo que o consagrou no Santos e o que o atacante veste no Barcelona. Mas na Seleção Brasileira a história é diferente desde o ano passado, antes da Copa das Confederações. A amarelinha de Neymar é a 10. E, assim como Pelé, Rivellino, Zico e Rivaldo, entre outros, o atacante leva junto do numeral a responsabilidade de carregar nas costas a esperança de todo o país por mais um título. Com 22 anos, Neymar é o segundo jogador mais novo na história da Seleção Brasileira a usar a camisa 10 em Copas do Mundo. O caçula é Pelé. O Rei do Futebol tinha apenas 17 anos quando assumiu o número místico no Mundial da Suécia, em 1958. Em 1962, 1966 e 1970, nenhum outro jogador além dele envergou o 10 em Copas do Mundo. Há quatro anos, na África do Sul, a honra foi de Kaká, então com 28 anos. No último título, em 2002, na edição disputada no Japão e na Coreia do Sul, Rivaldo, aos 30 anos, representou a tradição. METRO

Daniel Alves

Thiago Silva

Julio Cesar

Técnico:

Luiz Felipe Scolari

19

Participações em Copa:

David Luiz

14º

1930

1934

1938

1950

Uruguai

Itália

França

Brasil

11º

1954

1958

1962

1966

Suíça

Suécia

Chile

Inglaterra

1970

1974

1978

1982

México

Alemanha

Argentina

Espanha

Confederação Brasileira de Futebol Apelidos:

Canarinho Verde-amarela

Confederação:

1986

1990

1994

1998

México

Itália

EUA

França

Luiz Gustavo Marcelo Paulinho Oscar

Hulk Fred Neymar

Esquema tático:

4-3-3

2002

2006

2010

Japão/ Coreia

Alemanha

África do Sul

Participou

Campeão

Posição Ano País

Conmebol

Material desportivo: Treinador:

Luiz Felipe Scolari

Capitão: Jogador com mais participações: Artilheiro: Ranking da Fifa:

Nike

Thiago Silva Cafu (148) Pelé (95) 6º


GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

|14|◊◊ |15|◊◊

{ESPORTE}

Croácia

Meia Modric comanda o time croata em campo

Hora de crescer. Jovens como nação e na bola, croatas buscam retomar bom momento de 1998

busca a maturidade Pletikosa

Frente a europeus como França, Alemanha e Itália, a Croácia é uma criança. Afinal, o país é independente, de fato, desde 1991, quando se separou da antiga Iugoslávia. Futebolisticamente, a nação busca maturidade. O Mundial de 2014 será apenas o quarto que os croatas participarão. Logo de cara, enfrentarão o Brasil, dia 12 de junho, no Itaquerão – em 2006, também encararam os brasileiros na estreia e perderam por 1 a 0. Em sua primeira Copa, os croatas surpreenderam o mundo. Na França, em 1998, a equipe que tinha como destaques o atacante Davor Suker e o meia Zvonimir Boban terminou em 3º lugar. Só foram derrotados pelos franceses, futuros campeões, na semifinal.

Participações em Copa:

Apelidos:

Apelidos:

3

Pranjic

Perisic

Niko Kovac Esquema tático:

Mandzukic

Volker Finke

Capitão:

Samuel Eto’o

Participações em Copa:

Jogador com mais participações: Rigobert Song (137) Artilheiro:

Samuel Eto’o (55)

Ranking da Fifa:

6

Itandje

N’Koulou

50º

Enoh Chedjou Nyom

Assou-Ekotto

Song

Eto’o é o nome mais badalado de Camarões

Aboubakar

Técnico:

Makoun

Eto’o

Volker Finke Esquema tático:

Choupo-Moting

4-3-3

México

Capitão:

Darijo Srna

Jogador com mais participações: Darijo Srna (104) Artilheiro:

Davor Suker (45)

Ranking da Fifa:

20º

desejam o passado

Puma

Treinador:

Niko Kovac

Leões

Nostalgia. Depois da campanha de 1990, africanos não passaram mais da 1ª fase em uma Copa CAF

Material desportivo:

Nike

Treinador:

4-3-3

Leões Indomáveis

Confederação:

Técnico:

Rakitic

Modric

Uefa

Material desportivo:

Lovren

Olic

Os Fogosos

Confederação:

Srna Males

A primeira fase foi o fim da linha em 2002 e 2006. Depois de ficar de fora em 2010, o país volta à Copa após se classificar na repescagem despachando a Islândia. No Brasil, esperam surpreender novamente. METRO

Federação Camaronesa de Futebol

Federação Croata de Futebol

Corluka

Dos africanos, Camarões é o que mais conhece de Copa. Os Leões Indomáveis vão para seu sétimo Mundial. E querem retomar os melhores dias no mundo da bola. De 1982, ano de sua primeira participação, a 2010, a equipe só ficou de fora dos torneios de 1986 e 2006. Até hoje, o país é lembrado pelo futebol que jogou em 1990, na Itália, quando chegou às quartas de final. Naquele time, estava o veterano Roger Milla. O atacante ainda disputaria o Mundial de 1994, nos EUA, em que tornou-se, aos 42 anos, o jogador mais velho a disputar o torneio e a fazer um gol. Mesmo assim, a equipe foi eliminada na primeira fase, retrospecto que se repetiu em 1998, 2006 e 2010. Diante do Brasil, a equipe já aprontou. Nos Jogos Olímpicos de Sidney, – onde ganhou o ouro –, bateu a Seleção de Vanderlei Luxemburgo por 2 a 1 nas quartas de final. Mas isso foi há 14 anos. METRO

Pedra no sapato. Time tricolor é craque em vencer a Seleção Brasileira em jogos decisivos

Chicharito é a esperança de gols dos mexicanos

quer ser o carrasco O paladar brasileiro, definitivamente, não se adapta muito bem ao que vem do México... ao menos, quando o assunto é futebol. A mais recente – e maior – glória do futebol mexicano, e indigesta ao time canarinho, foi o ouro olímpico conquistado em 2012 sobre os comandados de Mano Menezes nos Jogos de Londres. O título soma-se aos triunfos obtidos na Copa das Confederações de 1999 e às edições de 1996 e 2003 da Copa Ouro da Concacaf – a Seleção Brasileira foi como convidada, já que pertence Conmebol. Para a disputa Mundial, o México chega após se classificar na bacia das almas, graças a uma vitória dos Estados Unidos nos acréscimos sobre o Panamá. Mesmo assim, convém não duvidar da capacidade dos mexicanos. METRO

Ochoa

Participações em Copa:

Apelidos:

14

Tricolor

Confederação:

Aguilar

Guardado Herrera

Montes

Treinador:

Adidas

Miguel Herrera

Moreno

Capitão:

Técnico:

Jogador com mais participações: Claudio Suárez (178)

Miguel Herrera Chicharito

Concacaf

Material desportivo:

Rodríguez Medina

Peralta

Federação Mexicana de Futebol

Reyes

Esquema tático:

4-4-2

Francisco Rodríguez

Artilheiro: Ranking da Fifa:

Jared Borgetti (46) 19º


|16|

Coluna do Garotinho

JOSÉ CARLOS ARAÚJO JOSE.ARAUJO@METROJORNAL.COM.BR

INCOERÊNCIA TECNOLÓGICA Se a Fifa proíbe o recurso tecnológico para tirar as dúvidas dos lances dos jogos, por que a Federação de Futebol do Rio de Janeiro vem a público afirmar que analisou as imagens após a decisão? Mais uma lambança do campeonato mais fuleiro que eu vi. Tudo por conta do gol do empate do Flamengo, marcado pelo Márcio Araújo, e quem foi para a súmula foi o Nixon como autor. Não entro na discussão se o gol foi legal. Havia impedimento, mas esta conclusão só foi definida depois de se recorrer às imagens repetidas diversas vezes e transmitidas pela televisão. Se ao transmitir futebol, nós, locutores, temos a visão focada na bola, por que o assistente, que acompanha a linha desta bola falha tanto? Sou favorável a se recorrer às imagens, mas, enquanto a entidade maior não aprova este recurso, acho que foi mais uma furada desta confusa Federação de Futebol. Coincidências do futebol rubro-negro. Foi o Elias, camisa 8, quem fez o gol da conquista da Copa do Brasil. E, no domingo, outro camisa 8 deu alegria a esta imensa nação. Desta vez, o discreto Márcio Araújo, que ainda não chegou a empolgar o time comandado pelo Jayme de Almeida. Não vi tanta gente vestindo a camisa do Flamengo segunda-feira. Talvez pelo trauma da eliminação da Libertadores, diante do León (MEX). Única motivação foi o fato de ser uma conquista de novo em cima do Vasco. Gilson Ricardo chega na Redação e me garante que o Adriano mudou... mas para o Rio de Janeiro. Deixou Curitiba. Acho que ninguém mais acredita no Imperador. O aniversário era do Roberto, mas a festa foi do Flamengo. O Dinamite parece ter enterrado as chances de se reeleger no Vasco. Também não acredito na ameaça que ele fez, de não participar do campeonato carioca de 2015. No Dia da Voz, hoje, a nossa homenagem àqueles que vivem dela ou no cuidado da mesma. Locutores, professores, advogados, além dos sempre vigilantes otorrinos e fonoaudiólogos. José Carlos Araújo escreve às quartas-feiras. É também apresentador do “Donos da Bola “, na tela da Band, e locutor da Transamérica FM.

Flu. Tricolor suspende auxílio às organizadas Depois do desabafo do atacante Fred, semana passada, criticando as torcidas organizadas, o Fluminense anunciou, ontem, que o Conselho Deliberativo do clube decidiu, após uma reunião na segunda-feira à noite, nas Laranjeiras, que não vai mais dar ingressos e nem ajuda em viagens para organizadas. Fred disse ter sido ameaçado por integrantes dessas torcidas após um treino, semana passada.

GRANDE VITÓRIA, QUARTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Europa Em entrevista publicada ontem pelo jornal italiano Gazzetta dello Sport, Fred admite que pode deixar o Fluminense antes do fim do seu contrato, que tem validade até 2015. “Estou feliz aqui, mas vejo um retorno à Europa com bons olhos”, revelou o camisa 9. O tricolor estreia no Brasileiro sábado, contra o Figueirense, às 18h30, no Maracanã. METRO RIO

Pela honra e para salvar o semestre C opa do Brasil. Vasco recebe o Resende, hoje, às 22h, em São Januário, por vaga na segunda fase do torneio. Time estreia sábado, na Série B, contra o América-MG, com portões fechados

Adilson tem quatro desfalques no time titular | ROBERTO FILHO / FOTOARENA

Vandalismo

Sede da Ferj é apedrejada de madrugada A sede da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) amanheceu com os vidros da recepção quebrados e com cinco pedras dentro do local, ontem. O presidente da entidade, Rubens Lopes,

acredita que o vandalismo foi praticado por torcedores do Vasco, declaração que foi criticada pelo presidente do clube, Roberto Dinamite: “Jamais vou incitar alguém a fazer uma coisa dessas. Mas, fazer o quê? A torcida está chateada. Proibir externar chateação? Quem sou eu para isso?”, disse o dirigente, lavando as mãos. METRO RIO

Ainda abalado com a perda do título do Campeonato Carioca para o Flamengo, seu maior rival, domingo – depois de o juiz ter validado o gol irregular de Márcio Araújo, aos 45 minutos do segundo tempo –, o Vasco faz hoje um jogo decisivo pela Copa do Brasil. Após empate em 0 a 0 no jogo de ida, há duas semanas em Manaus, o time tem de vencer o Resende, a partir das 22h, em São Januário, pelo confronto de volta da primeira fase do torneio. Quem vencer, avança na competição. Novo 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis. A Copa do Brasil é a única chance de o Vasco conseguir uma vaga na Libertadores do ano que vem, já que o time vai disputar a Série B este ano – as outras vagas no torneio sul-americano saem do Brasileiro da Série A. A estreia na Segunda Divisão é sábado, contra o América-MG, às 16h20, em São Januário, com portões fechados, por conta das confusões protagonizadas pela torcida cruzmaltina e do Atlético-PR, na última rodada do

x VASCO

RESENDE

E ádi São Januário, às 22h Ta i ã Rádio Bradesco Esportes FM (91,1) e BandNews FM (94,9)

Brasileiro do ano passado. O técnico Adilson Batista não terá o volante Guiñazu, que sofreu uma fratura no pé direito e vai ficar pelo menos um mês afastado. O zagueiro Rodrigo, com um estiramento muscular na coxa esquerda, também está fora e só voltará em maio. André Rocha, com uma lesão na coxa, e William Barbio, com dores musculares, são dúvida. O treinador escalou os reservas Marlon, Rafael Vaz, Aranda e Éverton Costa. Edmilson, artilheiro do Carioca com 11 gols, que não disputou a final do Estadual, domingo, por conta de uma lesão na coxa esquerda, segue fora do time. METRO RIO

Pacotão do Botafogo: Sheik e Vagner Mancini

Fla. Welinton vai para o Coxa e Léo será operado

O Botafogo anunciou ontem a contratação de dois reforços para o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil, competições que o time vai disputar até o final do ano: o atacante Emerson Sheik, ex-Corinthians e o técnico Vagner Mancini, que substitui Eduardo Hungaro. O ex-treinador, que comandou o alvinegro nas eliminações do Campeonato Carioca e da Libertadores (ambas na primeira fase), voltou a exercer sua função de auxiliar-técnico. Mancini estava sem clube desde que comandou o Atlético-PR no Brasileiro do ano passado e conquistou uma vaga na Libertadores deste ano. Ele deve ser apresentado até amanhã. Já Sheik foi aprovado

Sem chances no time titular, o Flamengo acertou o empréstimo do zagueiro Welinton ao Coritiba. O jogador tem contrato com o clube até março de 2016. José Luiz Runco, chefe do departamento médico do Flamengo, revelou que o lateral-direito Léo terá de passar por uma cirurgia, amanhã, e ficará fora dos gramados por 45 dias. O jogador sofreu um estiramento no tendal peroneal do tornozelo direito na primeira partida da final do Campeonato Carioca, e nem disputou a decisão domingo. Os jogadores se reapresentaram ontem ao técnico Jayme de Almeida, no Ninho do Urubu, já pensando na estreia no Campeonato Brasileiro, domingo, às 18h30, contra o Goiás, no Mané Garrincha. METRO RIO

Sheik é o único reforço do Botafogo para o Brasileirão | DIVULGAÇÃO

ontem nos exames médicos e fará hoje seu primeiro treino com a camisa do Botafogo. O alvinegro estreia no Campeonato Brasileiro domingo, contra o São Paulo, às 16h, no Morumbi. Man-

cini estará no comando da equipe, mas Sheik, que estava fora dos planos do Corinthians desde a eliminação do time paulista no estadual, há quase um mês, deve demorar um pouco mais para estrear. METRO RIO

20140416_br_vitoria