Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela Gráfica Moura Ltda.

HUGO CORREIA/REUTERS

FÚRIA DE TITÃS

Cristiano Ronaldo: jogo contra Gana será em 26 de junho

Os craques do Mané

GAME ‘TITANFALL’ COLOCA ROBÔS GIGANTES PARA BRIGAR PÁG. 10

Conheça alguns astros do futebol que jogarão em Brasília na Copa PÁG. 16

BRASÍLIA Segunda-feira, 17 de março de 2014 Edição nº 462, ano 2 MÍN: 17°C MÁX: 29°C

www.readmetro.com | leitor.bsb@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobsb

GTA 5 GANHA

ATUALIZAÇÃO COM NOVOS CARROS, ROUPAS E ARMAS PÁG. 10

BIOGRAFIA CONTA A

VIDA DE LUIZ CRULS, QUE DEMARCOU ÁREA DE BRASÍLIA PÁG. 11

Agora, Justiça Federal barra licitação dos ônibus Troca da frota. GDF rebate decisão e afirma que não compete à 8ª Vara Federal decidir sobre o assunto. A medida, em caráter liminar, determinou a suspensão de repasses federais. Governo local afirma que dinheiro já foi utilizado para a compra de novos veículos PÁG.05

QUALÉ, KOBA?!? Estreia de Felipe Massa na Williams foi estragada na 1ª curva do circuito de Melbourne, quando o japonês Kamui Kobaiashi ‘atropelou’ o brasileiro PÁG. 13

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Felipe Massa logo depois de sair do carro jogado para fora da pista pelo piloto japonês: o brasileiro ficou furioso e pediu punição severa para o colega, mas a FIA optou por não responsabilizar Kobaiashi | JASON REED/REUTERS

Referendo aprova uma Criador do Twitter Crimeia unida à Rússia aposta no Jelly Boca de urna revela que aproximadamente 95% dos eleitores da região aprovaram a anexação PÁG. 06

Novo aplicativo une as redes sociais para que as pessoas possam se ajudar, diz Biz Stone ao Metro Jornal PÁG. 08

Corinthians empata e está fora do Paulista Timão não passa do 0 a 0 com o Penapolense e vê o Ituano ganhar do São Paulo por 1 a 0 no Morumbi PÁG. 14

Com 3º uniforme, Timão perdeu muitas chances | JOSÉ LUIS SILVA/FOTOARENA


|02|

1 FOCO

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

Chuva não melhora nível da Cantareira Abastecimento em SP. Ontem, a capacidade do sistema caiu de 15,3% para 15,2%. Índices das represas do Alto Tietê também caíram. Governo nega que haja racionamento na capital Uma forte chuva atingiu a capital paulista ontem e deixou a cidade em estado de atenção, chegando até a fechar o aeroporto de Congonhas, mas não foi suficiente para fazer subir o nível do sistema Cantareira, que abastece a região metropolitana. Ontem, o nível das represas que compõem o sistema voltou a cair e passou de 15,3% para 15,2% da capacidade – o menor de toda a história do sistema. O Cantareira, que abastece 8,4 milhões de pessoas, vem acumulando sequência de recordes negativos desde 3 de fevereiro, quando atingiu 21,7%. Discurso mantido Embora a situação seja crítica, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) nega que haja racionamento na cidade. Ele também afirma que a Sabesp, empresa de saneamento do Estado, não está reduzindo o fornecimento por causa dos baixos níveis do Cantareira. Mas moradores de bairros das zonas norte e sul têm reclamado de falta de água nas regiões.

Situação da represa de Joanópolis, que compõe o sistema Cantareira | LUIS MOURA/FOLHAPRESS

Para tentar afastar o risco de racionamento na Grande São Paulo, o Estado reduziu na semana passada a vazão do Cantareira em 10%. Com isso, o governo estima que a vazão vá diminuir de 31 metros cúbicos por segundo para 27,9. Para compensar a redução no abastecimento da região metropolitana, o governo vai utilizar a água dos reser-

vatórios do Alto Tietê e Guarapiranga. Ontem, as represas do Alto Tietê também registraram queda. Passaram de 38,5% na sexta-feira, para 38,2%. Já o Guarapiranga subiu de 74,4% para 75,6% no mesmo período. Além do “empréstimo” de água, o Estado decidiu estender o bônus por economia de água até o fim de dezembro. O plano, que

prevê desconto de 30% na conta para quem diminuir o consumo médio em 20% (em relação aos últimos 12 meses), estava previsto até setembro. O pacote de ações do governo para evitar torneiras secas em um ano eleitoral ainda prevê o uso do “volume morto” de água (subsolo) do sistema Cantareira. METRO

Rio. Operação da polícia termina com dois mortos Uma troca de tiros entre policiais e criminosos na comunidade do Morro de Congonha, em Madureira, zona norte do Rio, terminou com duas pessoas mortas na manhã de ontem. Claudia da Silva Ferreira, 38, que passava pelo local no momento da ação, acabou atingida por uma bala perdida. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao ferimento. Revoltados, moradores da região interditaram os dois sentidos da Avenida Ministro Edgar Romero, uma das mais importantes da região, por mais de uma hora na manhã de ontem. Segundo o comando da Polícia Militar, os policiais foram recebidos a tiros quando chegaram à comunidade. Um dos suspeitos foi alvejado e também morreu. Segundo a polícia, o homem portava quatro pistolas. Ontem, o secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, afirmou que as UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora) vivem um “momento crucial” e que podem ocorrer mais trocas de tiros em favelas ocupadas. À Rede Globo, Beltrame disse que a escalada da violência pode prejudicar a imagem do governo. METRO

Pesquisa acha urina em chuveiros na orla do RJ Boeing desaparecido

Papa pede orações O papa Francisco pediu aos fiéis, na tradicional bênção dominical na Praça de São Pedro, no Vaticano, que rezem pela tripulação e pelas famílias dos 239 passageiros do Boeing 777 da Malaysia Airlines que desapareceu há nove dias na Ásia. “”Estamos perto deles neste momento difícil”, disse. Leia mais na pág. 07

Pesquisa flagrou urina em água dos chuveiros | ARIEL SUBIRÁ/FUTURA PRESS/12-03-2014

FALE COM A REDAÇÃO leitor.bsb@metrojornal.com.br 061/3966-4607 COMERCIAL: 061/3966-4615

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Um estudo realizado pelo Departamento de Química do Centro Técnico Científico da PUC/Rio flagrou a presença de urina na água que sai de chuveiros em Ipanema, Leblon, Copacabana e Leme. O professor José Marcus Godoy, coordenador do estudo, informa que a captação funciona através de poços perfurados na faixa de praia, que possuem uma profundidade média

“O risco de doenças é reduzido. Mas não é muito civilizado urinar na água que outros irão usar.” JOSÉ MARCUS GODOY, PROFESSOR

de oito metros. Quando os usuários urinam na areia, de acordo com ele, as substâncias presentes na excreção contaminam a água que

 

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso Metro Brasília. Diretor-editor: Cláudio Humberto. Editor-Executivo: Lourenço Flores (MTB: 8075) Diagramação: Natalia Xavier. Gerente Executivo: Vandler Paiva Grupo Bandeirantes de Comunicação Brasília. Diretor Geral: Flávio Lara Resende

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: SBS Quadra.02 - Bloco "Q" - Ed. João Carlos Saad - 15º andar, CEP 70070-120, Brasília, DF, Tel.: 061/3966-4615. O jornal Metro é impresso na Gráfica Moura.

será usada. Segundo o professor, o equipamento que borrifa água, para refrescar quem passa pelo calçadão, não sofre com a contaminação. Esses aparelhos utilizam a água distribuída pela Companhia Estadual de Águas e Esgoto (Cedae). Para Godoy, a solução para o problema da urina é a presença de mais banheiros ao longo da orla. METRO RIO

Filiado ao


BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

|03|◊◊

OAB discute registro de Dirceu Mensalão. Entidade analisa onde será julgada a ação de advogado que entende que o ex-ministro deve perder o direito de exercer a profissão LUIZ ALVES/AGÊNCIA CÂMARA

Preso há quatro meses, só agora o ex-ministro José Dirceu começará a responder o processo disciplinar que poderá lhe custar a suspensão do registro profissional de advogado. Depois de um jogo de empurra entre seccionais, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) decidirá em sessão hoje de quem será a competência para analisar o caso: da OAB/DF, já que a condenação por corrupção passiva foi feita pelo STF (Supremo Tribunal Federal), ou da OAB/SP, onde Dirceu aparece com ‘situação regular’ e está inscrito sob o número 90.792. O pedido de suspensão do registro foi feito pelo advogado Paulo Fernando Melo da Costa, em 19 de novembro do ano passado -- quatro dias após a sentença transitar em julgado no STF e Dirceu ser preso para cumprir a pena de sete anos e 11 meses. Na representação, Paulo Fernando afirma que a condenação afeta a idoneidade moral, fere o código de ética e é uma situação incompatível com a carreira. Em 118 dias de tramitação, o processo causa constrangimento e não avança. Durante o período, já passou pela seccional de Brasília, foi encaminhado em janeiro para a seccional de São Paulo e somente agora foi levado para arbitragem da OAB nacional. Segunda tentativa Esta é a segunda vez que a OAB é acionada para debater a manutenção ou não do registro profissional de José Dirceu. Em 2005, quando o petista foi cassado pelo plenário da Câmara, o Tribunal de Ética da entidade arquivou o pedido feito pelo advogado Claudio Castello de Campos Perei-

PAULO FERNANDO MELO DA COSTA ‘A entidade precursora da lei da Ficha Limpa não pode acobertar um icha-suja’

Registro profissional segue ativo no Cadastro Nacional de Advogados | REPRODUÇÃO

Estatuto da advocacia A lei 8.906 de 1994 trata sobre postura ética exigidas aos advogados:

O advogado, autor da ação contra o ex-ministro José Dirceu acusa a OAB de ter postura corporativista na análise do caso e descarta motivação política para pedir a cassação do registro.

A ig Para inscrição como advogado é necessário: Inciso VI. idoneidade moral;

ra. O argumento foi o de que a condenação política poderia ser revertida por decisão do Poder Judiciário. Não existe uma previsão para a conclusão do processo. A seccional escolhida vai instaurar o processo disciplinar, nomeará um relator e dará prazo para que Dirceu apresente defesa. “É todo um procedimento disciplinado através de códigos, são artigos, várias hipóteses. Do início ao fim o processo é sigiloso”, salientou o presidente do Tribunal de Ética e Disciplina da OAB/SP, José Maria Dias Neto A suspensão do regis-

Dirceu é formado em direito pela PUC de São Paulo | ZANONE FRAISSAT/FOLHAPRESS

tro profissional pode valer durante todo o período da condenação. Jefferson Preso desde 24 de fevereiro, ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) também enfrentará processo semelhante. Advogado, inscri-

to na OAB do Rio de Janeiro com o número 36.165, o delator do mensalão também será alvo de processo de cassação do registro profissional. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Por que José Dirceu deve ter o registro cassado? O Estatuto da OAB diz que para ter inscrição profissional, além dos requisitos de formação e ser aprovado pelo Exame da Ordem, precisa ter idoneidade moral. Dirceu não é uma pessoa idônea, porque foi condenado por corrupção. Isso, por si só, bastaria para que a própria OAB, de ofício, já tivesse cassado o registro dele. Nem precisaria alguém ter pedido. A OAB deveria ter a obrigação de fazer. O que estimula a demora no caso? O presidente da OAB nacional, doutor Marcus (Vinícius Coelho) é filiado ao PT, então há uma ingerência política

em relação a esse caso. Num assunto que deveria ser tratado como um mero ato administrativo, a OAB se esconde e não faz sua obrigação. Qual é a consequência de manter o registro de Dirceu ativo? A OAB vive fazendo discurso sobre moralidade. Como precursosa da lei da Ficha Limpa, é inadmissível que possa acobertar um ficha-suja. É uma contradição de discurso. A defesa de Dirceu o acusa de uso político da causa por ser um filiado do PSDB. Não é crime ser filiado a um partido político. A argumentação do PT é essa, que sou filiado. Qual é o problema? Já fui do Prona, mas isso não tem nada a ver uma coisa com outra. O Dirceu pode torcer para o Corinthians e outro advogado ser palmeirense. Não é porque eu torço para um time diferente dele que o estou perseguindo. METRO BRASÍLIA

Delúbio depõe e espera voltar ao trabalho

Delúbio deixou o CPP em 28 de fevereiro | SÉRGIO LIMA/FOLHAPRESS

Delúbio Soares tentará voltar ao trabalho como assessor da CUT (Central Única dos Trabalhadores). O ex-tesoureiro do PT tem depoimento marcado para amanhã, por videoconferência, ao juiz Bruno Ribeiro da VEP (Vara de Execuções Penais) do Distrito Federal para esclarecer as denúncias de supostas regalias no CPP (Centro de Progressão Penitenciária), onde cumpria pena em regime semiaberto. Por causa da denúncia, De-

“Os presos comparam uma costela de porco em lata e misturaram na xepa. Foi isso o que aconteceu. Alguns chamaram isso de feijoada. Criaram uma ilusão.” ARNALDO MALHEIROS, ADVOGADO DE DEFESA DE DELÚBIO SOARES

lúbio voltou a cumprir pena no complexo penitenciário da Papuda, há 17 dias. O petista trabalhou por oito dias. Regalias Na lista de benefícios estão visitas fora do horário, di-

reito do carro da CUT entrar no pátio das dependências do CPP e até alimentação diferente dos demais presos. O caso mais emblemático foi a denúncia de que o petista teve direito a uma feijoada num sábado.

A defesa nega que tenha havido regalias e pedirá o arquivamento do processo. Após concluir a investigação, a VEP encaminhará o caso para decisão do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Joaquim Barbosa, que decidirá o futuro do preso. Condenado a 6 anos e 8 meses de prisão por corrupção ativa, Delúbio poderá retornar ao trabalho ou ter o benefício definitivamente suspenso. METRO BRASÍLIA


|04|

Política

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

CLÁUDIO HUMBERTO WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

PEZÃO AUTORIZA PMDB DO RIO A NEGOCIAR COM AÉCIO Apesar de reiterar que apoiam a reeleição da presidenta Dilma, o governador Sérgio Cabral e seu candidato à sucessão, Luiz Fernando Pezão, autorizaram dirigentes do PMDB do Rio a negociar o palanque com o tucano Aécio Neves (MG), segundo segredou um deles a esta coluna. Cabral não engole o que chama de “jogo duplo” de Lula, a quem atribui a traição do PT, lançando Lindbergh Farias ao governo.

INTERLOCUÇÃO Fiel escudeiro de Aécio, o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP) já conversou com o prefeito Eduardo Paes (RJ) e com o próprio Pezão.

ELO COMUM O presidente do Solidariedade, Paulinho da Força (SP), foi incumbido de incentivar conversas com governo do Rio, do qual seu partido faz parte.

GATO ESCALDADO

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS

PINDAÍBA Antes do pacote bilionário anunciado por Guido Mantena (Fazenda), a direção da estatal Eletrosul considerava a venda de sua sede, em Florianópolis, avaliada em R$ 15 milhões, para pagar salários.

CORPORATIVO CARO Só em janeiro, o governo gastou R$ 5,42 milhões usando os cartões corporativos. Sob sigilo (“segurança da sociedade e do Estado”), a Presidência da República gastou R$ 700 mil usando cartão corporativo. Primo pobre, o vice-presidente Michel Temer consumiu R$ 48,5 mil.

“Não devemos dizer ‘nunca’.” EX-PRESIDENTE LULA INSINUANDO OUTRA VEZ SUA EVENTUAL CANDIDATURA A PRESIDENTE

DEFESA APRESENTADA Ribamar Guimarães, araponga acusado de fazer compras na loja da sua mulher com recursos da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), já apresentou sua defesa. Só falta o processo andar. Ou a CGU cobrar.

FESTA DO PMDB

Aécio pisa em ovos quando o assunto é um eventual apoio de Cabral e Pezão, de quem teme rasteira no meio do processo, em favor de Dilma.

TEM ATRITOS Embora incentive negociações com o PSDB, o próprio PMDB admite dificuldades devido à ampla aliança, que inclui siglas da base de Dilma.

GABAS NÃO ABRE MÃO DE BOQUINHA PARA MORADIA Lindbergh Farias (PT-RJ) | JOSÉ CRUZ/ABR

Pré-candidato ao governo, Lindbergh Faria (PT) tentou penetrar na inauguração de indústria de laminação de cobre no Rio, mas seu nome foi cortado da lista de convidados de Sérgio Cabral e Eduardo Paes.

PIADA ESPACIAL Carlos Gabas | ANTONIO CRUZ/ABR

O secretário-executivo do Ministério da Previdência Social, Carlos Gabas, que cultiva a fama de “bom gestor público”, é feliz proprietário de imóveis em Brasília e administra um fabuloso patrimônio de 500 imóveis funcionais, e, segundo o Portal da Transparência, pelo menos 100 deles estão vagos, mas não abre mão da boquinha que acrescenta R$ 3 mil aos seus vencimentos mensais, a título de “auxílio moradia”.

 A REGRA É CLARA A lei só permite o pagamento de “auxílio-moradia” quando não há imóvel funcional disponível. Na Previdência, há uma centena deles.

SÓ COMERCIAIS A alegação de Gabas para não ocupar casa de sua propriedade é que ele não teria imóveis residenciais disponíveis.

BLACK BLOCS O Tribunal de Contas do DF divulga hoje sua auditoria no Estádio Mané Garrincha, jogando gasolina na fogueira dos protestos contra Copa.

A Agência Espacial Brasileira lançará outro satélite em dezembro, em parceria com a China, um ano após o Cbers-3 cair sem deixar traço em fotos ou mesmo de parafuso dos R$ 300 milhões que o Brasil gastou.

PTB DE FORA

P ODER SEM P UDOR OPOSI TORES COM RAZÃO

O presidente do PTB, Benito Gama, disse que o partido já não queria ministério porque percebeu que não haveria chance de obtê-lo. Dilma não queria em seu ministério alguém que os petistas chamam de “Benito Grana”. Ele voltou a batalhar cargo no governo. Qualquer um.

TUDO DE NOVO O caso do promotor boliviano Marcelo Soza, outro perseguido pelo cocaleiro Evo Morales a pedir refúgio no Brasil, deverá ser tema do encontro em La Paz dos chanceleres do Brasil e da Bolívia, hoje.

NÚCLEO DURO Aspirante ao Planalto, o senador Aécio Neves (MG) escolheu para sua tropa de choque no Congresso os tucanos Cássio Cunha (PB), Imbassahy (BA), Duarte Nogueira (SP), Bruno Araújo (PE) e Carlos Sampaio (SP).

PENSANDO BEM... ...pelo tamanho do sumiço e do silêncio do amigo Lula, Rosemary Noronha, a “Rose”, deve ter embarcado naquele Boeing da Malásia.

O ex-prefeito do Rio César Maia sempre manteve a autocrítica em dia, característica incomum entre os políticos. Em visita a Brasília, certa vez, ele mesmo listou os defeitos que os adversários veem nele: “frio, anti-

pático, sem carisma, só um síndico”. - E o senhor acha que é isso tudo? – perguntou um repórter. - Sinceramente? Acho que sim. Sou um grande síndico...


BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASÍLIA}

|05|◊◊

GDF contesta Justiça Federal Transporte 1. Governo local diz que decisão judicial que suspende licitação para troca dos ônibus não tem validade nem teria efeito prático, pois ônibus já estão nas ruas

GDF informou que ônibus vão rodar normalmente | ANDRESSA ANHOLETE/METRO BRASÍLIA

A Justiça Federal encontrou indícios de irregularidades na licitação para a substituição das concessionárias do transporte público no DF e suspendeu, liminarmente, a concorrência. De acordo com o GDF, porém, a decisão do juiz Antônio Cláudio Macedo da Silva, da 8ª Vara Federal, publicada na última sexta-feira, não tem nenhum efeito prático sobre a troca da frota -- que está 80% concluída. A decisão judicial considera irregular a atuação de um escritório de advocacia, que prestou consultoria para a comissão de licitação e era contratado de empresas que participaram da concorrência -- denúncia publicada pelo ‘Jornal de Brasília’. Segundo o juiz, o processo foi desenhado para beneficiar as empresas, não a população do DF. A liminar suspende ainda repasses de recursos federais feitos pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para as empresas Marechal e Piracicabana comprarem seus ônibus.

“A Justiça Federal não tem competência para decidir ou interferir em uma licitação realizada e concluída no âmbito do DF, sem utilizar verbas federais.” TRECHO DE NOTA OFICIAL DO GDF

Sem efeito Em nota, o governo local alegou que a Justiça Federal não pode interferir em uma licitação distrital e que a suspensão dos financiamentos federais não tem efeito prático porque os ônibus já foram comprados e estão rodando. As empresas não se manifestaram. Apesar de reconhecer o financiamento do BNDES, o GDF diz, na nota, que não foram utilizadas verbas federais na troca dos ônibus. O governo não explicou a incongruência e informou que vai se posicionar “no momento oportuno”. METRO BRASÍLIA

Transporte 2. DF terá serviço de táxi pré-pago Após vários adiamentos, o GDF remarcou o lançamento da concorrência para a entrada de mais 600 táxis na capital para abril deste ano. Desses, pelo menos seis terão que ser adaptados para o transporte de cadeirantes. A legislação que rege o serviço de transporte individual no DF será modificada hoje, com a sanção de um projeto que foi discutida por mais de dois anos na

Câmara Legislativa. O texto prevê a criação de tarifas pré-pagas para as corridas e incentiva a utilização de combustível limpo pelos veículos. Taxistas que tiverem carros híbridos ou elétricos poderão permanecer no sistema por até oito anos, contra cinco de quem tem carros a álcool ou gasolina. Os prazos para as mudanças serão divulgados hoje pelo GDF. METRO BRASÍLIA

PUBLICIDADE


|06|

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

Povo da Crimeia aprova anexação Moradores da Crimeia com bandeiras russas comemoram os primeiros resultados, mostrando a vitória da anexação à Rússia no referendo | THOMAS PETER/REUTERS

Referendo. Com 50% dos votos apurados, mais de 95,5% dos eleitores aprovam cisão da Ucrânia e reunião com a vizinha Rússia O referendo na Crimeia, ao Sul da Ucrânia, ainda estava em processo de apuração ontem quando o chefe do comitê eleitoral, Mikhail Malishev, anunciou que, com 50% dos votos contados, mais de 95,5% dos eleitores aprovaram a cisão e a reunião com a Federação Russa. Os opositores da secessão escolheram não se manifestar, denunciando a manobra como um jogo de poder político. O parlamento da Crimeia se reunirá hoje para pedir formalmente a anexação a Moscou. O primeiro-ministro da região, pró-Rússia, disse no Twitter que vai para a capital russa no fim do dia para conversar. De acordo com o governo da região, o comparecimento às urnas superou os 70% previstos antes do início das votações. Cerca de 1,5 milhão de eleitores puderam participar da consulta, que se iniciou às 8h (3h em Brasília) e se encerrou às 20h (15h em Brasília) em 1,2 mil locais. De acordo com resultados de uma pesquisa de boca de urna anunciados primeiro pelos meios de comunicação russos, 93% dos eleitores apoiaram a união com Moscou, 60 anos de-

Funcionários começam contagem de votos | VASILY FEDOSENKO/REUTERS

pois de o líder soviético Nikita Khrushchev, de origem ucraniana, ter presenteado a Crimeia à República Socialista Soviética da Ucrânia. A crise diplomática envolvendo a península com 2 milhões de habitantes é considerada a mais grave da região desde o fim da Guerra Fria, no início da década de 1990. Entre os habitantes da Crimeia, 58,32% são russos, 24,32% são ucranianos e 12,1% tártaros da própria península, o que indicava um favoritismo à vitória da anexação à Rússia. METRO

Soldafdos das forças de segurança ucranianas se postam em frente a manifestantes pró-Rússia em Kharkiv, a segunda maior cidade do país | STRINGER/REUTERS

Ocidente

EUA e UE condenam consulta Estados Unidos e Europa condenaram o referendo

na Crimeia, chamando-o de ‘ilegal’. O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, e o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, disseram em declaração con-

junta que o referendo de secessão da Crimeia é ‘ilegal e ilegítimo’ e que seu resultado ‘não será reconhecido’. Eles também pediram à Rússia que diminua suas forças armadas para os números pré-crise e para áreas

usuais de colocação. A Casa Branca também rejeitou o referendo na região ucraniana e disse que a Rússia pagaria um preço por sua intervenção militar na região por meio de sanções. METRO


BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

|07|◊◊

Malásia investiga pilotos do avião Voo MH370. Autoridades vasculham o perfil de pilotos, comissários e funcionários em terra. Teorias agora incluem possível sequestro Investigadores da Malásia estão vasculhando o perfil de pilotos, tripulação e funcionários em terra que trabalharam no avião desaparecido, atrás de pistas sobre por que alguém a bordo pilotou a aeronave, talvez por milhares de quilômetros, para fora da rota original, disse o chefe de polícia do país. As investigações sobre o passado de passageiros do voo MH370 da Malaysian Airlines não atingiram qualquer resultado, mas nem todos os países com

cidadãos a bordo responderam aos pedidos de informação, disse o chefe de polícia, Khalid Abu Bakar, em uma conferência de imprensa neste domingo. Nenhum vestígio do Boeing 777-200ER foi encontrado desde que ele desapareceu, em 8 de março, com 239 pessoas a bordo, mas os investigadores acreditam que ele foi desviado por alguém que sabia como desligar os sistemas de comunicação e rastreamento. O desaparecimento do

avião tem confundido pesquisadores e especialistas em aviação. Ele desapareceu das telas de controle de tráfego aéreo civis na costa leste da Malásia menos de uma hora depois de decolar de Kuala Lumpur a caminho de Pequim. Autoridades malaias acreditam que, quando o avião atravessou a costa nordeste do país e voou através do Golfo da Tailândia, alguém a bordo desligou seus sistemas de comunicação e virou-o bruscamente para o oeste. METRO

Mulher deixa mensagem de apoio aos desparecidos | DAMIR SAGOLJ/REUTERS

Área de busca aumenta A Malásia pediu ajuda internacional para realizar a busca pelo avião em duas rotas regulares entre a costa do Mar Cáspio e o sul do Oceano Índico. “A área de busca aumentou significativamente”, disse o ministro em exercício dos Transportes, Hishammuddin Hussein. “Depois de nos concentrarmos em águas rasas, estamos agora observando grandes áreas de terra, cruzando 11 países, além de oceanos profundos e remotos”, disse ele. Autoridades malaias instruíram enviados de 25 países sobre o progresso da

investigação depois de interromperem uma busca no Mar do Sul da China pelo jato que desapareceu das telas de radar mais de uma semana atrás, com 239 pessoas a bordo. Embora os países tenham se coordenado individualmente, o amplo pedido formal em um encontro de embaixadores marcou uma nova fase diplomática e uma operação de busca pensada cada vez mais a se basear no compartilhamento de material sensível como dados de radares militares. METRO

Hishammuddin Hussein fala em entrevista | EDGAR SU/REUTERS


|08|

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

AGATA NOWICKA/METRO INTERNACIONAL

Empreendedorismo

BRUNO CAETANO BRUNO.CAETANO@METROJORNAL.COM.BR

UM DESAFIO PERMANENTE O engenheiro agrônomo Luís faz uma descrição bem apropriada para sua atividade como empreendedor. No e-mail que enviou, ele explica que tem de cuidar de tudo. “Sou um time inteiro; o goleiro e a defesa protegendo de qualquer ameaça, o meio-campista traçando a jogada para o atacante fazer o gol”, diz. Luís é dono de uma empresa de alimentos em conserva, criada após algumas decepções profissionais. Atua sozinho e está na luta para consolidar sua marca no mercado. Mesmo com as dificuldades, ressalta que tem sido uma experiência muito boa. “É pura liberdade e garra de vencer”, afirma. Luís conta que seu sonho sempre foi trabalhar com vinhos e “criar novos sabores e aromas”. Com esse objetivo, foi para a Califórnia, principal região produtora dos Estados Unidos, fazer estágio em uma vinícola. Na volta ao Brasil, encontrou as portas do setor fechadas para ele. Passou então por experiências de trabalho que tampouco supriram seus anseios. Foi quando surgiu a ideia de criar a própria marca de produtos. Ao estagiar nos EUA, ele literalmente tomou o rumo certo. Partiu em busca de capacitação, base para o empreender de qualidade. Estar preparado é a chave para gerir uma empresa com segurança e encurtar o caminho para o sucesso. É a diferença entre o dono do negócio que age na base da euforia, do “achismo” e o que age conscientemente. Por isso, o Sebrae-SP enfatiza tanto a importância da educação nesse sentido, oferece orientação de todo tipo e criou a Escola de Negócios, especializada no ensino formal do empreendedorismo. Apesar das desilusões, Luís não esmoreceu e manteve-se firme no propósito de montar um negócio próprio, ainda que fora do ramo originalmente desejado. Esse é o espírito do empreendedor. Acreditar, se preparar, visualizar uma oportunidade, planejar e realizar. E não se intimidar com o fato de ter de trabalhar duro, muitas vezes sozinho, para cavar seu espaço. Afinal, empreender é um desafio permanente. Escreva para mim e conte sua história. Seu exemplo ou dúvida pode representar um ótimo ponto de partida para falarmos de assuntos de interesse geral. Bruno Caetano é diretor superintendente do Sebrae-SP e mestre e doutorando em Ciência Política pela Universidade de São Paulo. O Sebrae-SP é uma instituição dedicada a ajudar micro e pequenas empresas a se desenvolverem e se tornarem fortes. Saiba mais em www.sebraesp.com.br

Análise

Questões para tudo Todos temos perguntas candentes que precisam de respostas. Mas a maior parte das pessoas hoje tem à mão mais facilmente um smartphone do que um amigo disposto a falar. Jelly é um aplicativo de perguntas e respostas que permite subir fotos, digitar uma pergunta e postá-la. A interface fácil de usar é um ganho: os sabe-tudo podem classificar uma pergunta como boa, respondê-la ou encaminhá-la para outra pessoa. Se você não sabe a resposta, deslize para baixo. Se você quer ver a resposta a uma pergunta, deslize para cima e navegue pelas respostas. Jelly poderia ser ótimo, dado que a maior parte de

nós é visual. Mas há uma incômoda quantidade de questões querendo identificar coisas estranhas e assustadoras. Até agora, todas as fotos que eu vi parecem ser seguras para o trabalho, e com sorte, há meios de reportar algo como inapropriado ou silenciar algum usuário. Mas, em mãos erradas, esse aplicativo pode se tornar uma lição de anatomia em vez de uma ferramenta útil. Outra coisa: não há meio de fazer perguntas sem associá-las a contas no Facebook ou Twitter. Então, se você queria anonimato quando perguntou se aquele vermelhão na pele valeria uma ida ao médico, pode esquecer. MICHELLE CASTILLO METRO INTERNACIONAL

BIZ STONE Cofundador do Twitter, ele lança agora o Jelly, um aplicativo que vai fazer as pessoas usarem as redes sociais para ajudar umas às outras

EM BUSCA DE RESPOSTAS Quando uma mensagem precisa ser divulgada, todo mundo, do presidente iraniano a um desempregado, usa o Twitter. Mas Biz Stone, seu cofundador, tem uma ideia talvez ainda melhor. O Jelly permite que as pessoas usem as redes sociais para ajudar uns aos outros. “A premissa de uma sociedade conectada é que pessoas ajudem pessoas”, Stone disse ao Metro Jornal. O mundo precisa de outra rede social? Não -- mas não acho que o Jelly seja uma rede social. Pegamos as redes já existentes e as juntamos em uma só. Não achamos que o mundo precisa de outra rede, mas estamos conectados como nunca. Lembra a expressão “Seis graus de separação”, da qual todos falam? Estudos recentes apontam que eles já são quatro. É justamente em função dessa hiperconectividade supersaturada que algo como o Jelly pode existir. O Jelly permite que as pessoas se ajudem mutuamente. Segundo o site, “não se trata do que você sabe, mas de quem conhece”. O conhecimento não é a moeda da nossa sociedade? É claro que precisamos saber coisas, mas você e seu círculo de amigos sabem sobre mais ou menos as mes-

Currículo N e Ch i Bi S e

he I aac

Vi e F a de Sa F a ci c c a he Li e fi h Jac b Bagage E G g e c f dad da ede ciai Xa ga Ode e T i e

mas coisas. E tem aquele amigo cujo conhecido é advogado, que está conectado a toda uma rede de amigos, que sabem coisas completamente diferentes e informativas para o seu grupo. O Jelly permite que seus amigos passem perguntas adiante, de forma que alcancem grupos inteiramente novos de pessoas. É assim que se consegue a resposta perfeita. Então vocês estão tentando tornar as redes sociais úteis em vez de apenas repositórios de status? Ao longo dos últimos dez anos temos adicionado amigos e colecionado seguidores. Isso é legal, mas as pessoas não têm uma estratégia de longo prazo quando seguem alguém no Instagram. Tenho a sensação de que quando muita gente começa a fazer uma coisa, não é coincidência. Parece que caminhamos de forma inconsciente para um pon-

Fa e g açad Ba i ad Ch i he I aac Bi é a f a ab e iada de cia a i fâ cia de Ch i he S e E che e de aga e e d c e ficiai S e a e de ba i I aac

to em que algo mais pode acontecer, ao nos tornarmos a sociedade mais conectada que já fomos. Qual é o papel da sociedade, então? Quando deixei o Twitter, continuei pensando nisso. E quando finalmente criamos o Jelly, não pude deixar de pensar que a premissa verdadeira de uma sociedade conectada é ter pessoas ajudando pessoas. O Jelly é um brinquedo ou uma ferramenta? Os dois. Se for só uma ferramenta, você não vai se lembrar de usar quando tiver uma questão. Então há algo lúdico envolvido. Você pode fazer coisas que não necessariamente ajudarão a conseguir sua resposta, mas que vão te envolver. Como é seu processo de ter grandes ideias? Converso com outras pes-

soas inteligentes. Transformei em hábito algo que chamo de “walk-and-talks” (caminhar e conversar) com pessoas fantásticas como [os cofundadores do Twitter]Jack Dorsey e Evan Williams. Semanalmente almoçamos ou caminhamos pela cidade. Às vezes falamos sobre coisas realmente importantes. Uma das pessoas com quem eu mais gosto de fazer isso é Ben Frinkel, que hoje é meu cofundador no Jelly. Um dia, nem sei por que, eu estava pensando sobre Larry Page e Sergey Brin (do Google) desenvolvendo o primeiro mecanismo de busca realmente relevante. Eu disse para o Ben: “Já pensou se tivéssemos que fazer isso? Não sei nada de ciência da computação!” Eu levei o assunto a sério. Pensei comigo mesmo: “E se fôssemos obrigados a encontrar uma maneira de conseguir que as pessoas dessem respostas?” Como o sr. pretende que isso funcione? Não se trata apenas de um pressentimento. Sei disso porque depois de 15 anos criando redes colaborativas, notei que as pessoas querem ajudar mais do que querem ajuda. ELISABETH BRAW METRO INTERNACIONAL


|10|

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

2 robô

Invasão

CULTURA

DIVULGAÇÃO

Robôs gigantes e humanos no campo de batalha

Lançamento. Titãs robóticos entram em batalhas sangrentas contra humanos em ‘Titanfall’, um dos games de tiro mais aguardados do ano Responsável pela bem-sucedida série “Call of Duty”, a dupla Jason West e Vince Zampella volta com nova cria. Chegou às lojas on-line do Xbox One o jogo “Titanfall”, um dos games mais aguardados do ano e considerado por muitos um divisor de águas no modo jogos de tiro. Originalmente multiplayer, a ação ganha novos requintes no modo campanha, sendo mais elaborada, com animações complexas e detalhes sobre a batalha entre a corporação IMC e a facção rebelde Milícia. A ação vai acon-

Renato Aragão

Internado O humorista, de 78 anos, sofreu um infarto agudo no miocárdio e foi internado sábado, no Hospital Barra D’Or, no Rio. De acordo com boletim médico divulgado na tarde de ontem, ele foi submetido a uma angioplastia e seu quadro é estável.

“TITANFALL” RESPAWN ENTERTAINMENT R$ 100 (PC), R$ 250 (XBOX ONE)

tecer em, no máximo, 12 jogadores, em partidas de seis contra seis, mas a diversão mesmo se passa no controle de um robô Titan. Imponentes e poderosos, eles podem ser usados em três classes, a Atlas (básico), Ogre (resistente) e eStryder (leve e ágil), que poderão ser customizados. Além das armas tradicionais,

TV. ‘Vampire Diaries’ chega ao seu quinto ano A popular série “The Vampire Diaries” chega à quinta temporada, que estreia hoje, às 21h, na MTV. Considerada um dos carro-chefes da nova programação do canal, a atração vai mostrar possíveis mudanças na vida do vampiro Damon Salvatore, vivido pelo ator Ian Somerhalder, que tenta ter atitudes mais reais e sinceras com as pessoas próximas a ele. O episódio inicial vai revelar o que aconteceu com

Stefan Salvatore (Paul Wesley) e Elena Gilbert (Nina Dobrev), após serem encurralados por vários “travelers”, ou viajantes, tendo parte de seu sangue drenado. Na sequência, às 21h45, estreia o spin-off de “The Vampire Diaries”, a série “The Originals”, com viés mais adulto, que traz personagens do programa de origem, como os irmãos e protagonistas da nova aposta Klaus (Joseph Morgan), Elijah (Daniel Gillies) e Rebekah (Claire Holt). METRO

é possível usar em “Titanfall” canhões anti-Titans (caso você seja um humano ou Piloto) e um item eletrônico que hackeia os robôs. Esses soldados possuem habilidades de parkour e podem correr pelas paredes e escalar muros mais altos, sendo a agilidade o grande diferencial entre eles, reles mortais, e os monstrengos. A notícia ruim para os ansiosos por “Titanfall” é que o jogo de tiro terá seu lançamento para Xbox 360 apenas no dia 25 deste mês. A versão física para Xbox One e PC chega dois dias depois. METRO

‘GTA 5’ ganha novidades Os fãs de “Grand Theft Auto” têm novos motivos para vibrar com a chegada de uma atualização para o “GTA 5”. Chamado de “The Business Update”, o adicional apresenta três novos carros, um jato, duas novas armas e roupas exclusivas para homens e mulheres de negócios. Disponível para Xbox 360 e PlayStation 3, o material produzido pela Rockstar destaca os veículos: um Albany Alpha, o Dinka Jester e o Grotti Turismo R. Todos muito velozes, porém não tanto quanto o jato, chamado de Vestra.

O poderoso Dinka Jester está na atualização do ‘GTA 5’ | DIVULGAÇÃO

As armas que chegam no modo offline são a Heavy Pistol e a Special Carbine, também disponíveis para venda no modo on-line, na Ammu-

-Nation. Já as roupas são desenhadas para deixar os CEOs da Trevor Philips Enterprises com a aparência de empresários de sucesso. METRO


BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

|11|◊◊ DIVULGAÇÃO

JAIME SAUTCHUK Escritor faz bela biograia de Luiz Cruls, o engenheiro que motivou Juscelino Kubitschek a construir Brasília no Planalto Central. Livro será lançado oicialmente na Bienal Brasil do Livro e da Leitura

“JK SE INSPIROU EM CRULS” Um dos livros escolhidos para ganhar lançamento oficial na 2ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura, que ocorre de 11 a 21 de abril, “Cruls - Histórias e Andanças do Cientista que Inspirou JK a Fazer Brasília” é uma biografia que faltava à história da capital. Nela, o jornalista Jaime Sautchuk conta as aventuras do belga Luiz Cruls, um engenheiro essencial para a cidade existir. Por que Cruls, um belga, é importante para o Brasil? Louis Ferdinand Cruls nasceu na Bélgica. Ainda na universidade, ele conheceu muitos brasileiros e, mesmo de longe, se encantou pelo Brasil. Largou tudo e veio pra cá. A primeira Constituição elaborada na República determinou a construção de uma nova capital no Brasil Cen-

“CRULS” JAIME SAUTCHUK GERAÇÃO R$ 34,90 LANÇAMENTO: 17/04, ÀS 15H

tral. Cruls foi chamado para coordenar a comissão que faria o trabalho de demarcação. E o fez, com brilhantismo. Essa é sua importância maior para o Brasil. O que havia no Planalto Central antes da chegada de Cruls? O próprio Cruls constatou que no Planalto Central já havia uma população de um milhão de habitantes, em 1892. Mesmo depois do ciclo do ouro na região, que terminou por volta de 1820, muita gente ficou por ali, inclusive os escravos negros, que foram soltos ao Deus-dará e formaram comunidades ou se espalharam.

Como JK entrou em contato com o relatório produzido por Cruls em 1894? Kubitschek era pessoa muito antenada. Não era um político que pensava só nele, o Brasil era seu mote. Ele sabia da existência das expedições ao Planalto Central e conhecia o Relatório Cruls, pois já tinha pesquisado o assunto a fundo. Segundo biógrafos dele, a escolha do comício de Jataí, em Goiás, onde ele anunciou a construção da nova capital, não foi por mero acaso, como muitos dizem. Ele já planejava o anúncio e escolheu aquela data e local porque seria um evento de grande importância na sua campanha à presidência da República. E, segundo muitos de seus assessores, ele se inspirou em Cruls para tomar aquela atitude. NANA QUEIROZ METRO BRASÍLIA


|12|

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Leitor fala

O QUE ROLOU NAS COPAS

Embarques para o Entorno

SERGIO PATRICK DA RÁDIO BANDEIRANTES

AM 840 / FM 90,9

DEPOIS DA GUERRA

Cruzadas

A taça Jules Rimet, levantada por uruguaios em 1930 e italianos em 1934 e 1938, ficou escondida dentro de uma caixa de sapatos debaixo da cama do vice-presidente da Fifa, o italiano Ottorino Barassi, durante a Segunda Guerra Mundial. O conflito fez que com o torneio não fosse disputado em 1942 e 1946. Para receber a Copa de 1950, o Brasil construiu um monumento ao futebol, o gigantesco estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Outras cinco cidades foram palcos de partidas do torneio: São Paulo (Pacaembu), Porto Alegre (Eucaliptos), Belo Horizonte (Independência), Curitiba (Durival de Brito) e Recife (Ilha do Retiro).

MAXIMILIANO ANDRADE - NOVO GAMA (GO)

Copa em Brasília Estou cansada do pessimismo das pessoas em relação à Copa. Eu acho que vai ser uma festa e que tem sim um legado para Brasília. As obras podem não ter a velocidade que muitos querem, mas, se não tivesse Copa, não teria investimento nenhum. O dinheiro não iria para saúde e educação como pedem. Será que é tão difícil ver as coisas positivas, como o turismo?

SÓ DE CHUTEIRAS Apenas 13 seleções participaram do torneio, já que a viagem era inviável para muitos países em meio ao processo de reconstrução depois da Segunda Guerra. Com isso, a Copa teve um formato estranho. Dois grupos de quatro times, um de três e um de apenas duas equipes. Na fase final, um quadrangular definiu o campeão, fato único na história dos Mundiais. Argentina, França, Escócia e Turquia desistiram de participar. A Índia não mandou sua seleção para o Brasil porque a Fifa não permitia que seus jogadores atuassem descalços. Inventora das regras do futebol moderno e com atletas profissionais desde o século XIX, a Inglaterra esteve pela primeira vez em um Mundial e protagonizou a maior zebra da competição, uma das maiores da história, na derrota para os EUA, em Belo Horizonte, por 1x0.

FERNANDA BERNARDES - SANTA MARIA (DF)

Metro Pergunta

Sudoku

Você acha que o julgamento do mensalão teve algum impacto no comportamento dos governantes?

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metrobsb

@supergrasi

O FURACÃO E O CARRASCO

Acho que sim, principalmente por desconstruir a imagem de que político não vai preso.

Na coluna da semana passada, me esqueci de citar Alcides Gigghia como autor de gols em todos os jogos de sua seleção em um Mundial, o de 50. Antes de se tornar o carrasco brasileiro com o gol do título uruguaio na decisão, o atacante que atuou por Peñarol e Roma, da Itália, já tinha balançado as redes na goleada sobre a Bolívia por 8x0, no empate diante da Espanha por 2x2 e na vitória apertada sobre a Suécia por 3x2. Portanto, não foi só o ‘furacão’ Jairzinho. Agradeço a lembrança do jornalista Deni Menezes, que esteve em oito copas acompanhando a Seleção Brasileira.

@LBMENEZES

Aumentou o medo de serem pegos em, eu diria, 1%! @maurolang

Sim, aumentou a confiança de que praticar crimes, no Brasil, compensa.

Metro web

Colaboraram Alexandre Praetzel e Leandro Quesada, da Rádio Bandeirantes.

Para falar com a redação:

Sergio Patrick é apresentador e coordenador de esporte da Rádio Bandeirantes, que comanda a Cadeia Verde e Amarela das rádios do Grupo Bandeirantes nas transmissões da Copa do Mundo. A coluna O QUE ROLOU NAS COPAS traz histórias e personagens de todos os mundiais. Envie sua sugestão para spatrick@band.com.br .

Horóscopo

O morador do Entorno está sendo tratado como gado nesse curral que o GDF construiu para os ônibus de Goiás. É pequeno demais para o contingente de pessoas, não tem nenhuma estrutura, nem uma lanchonete, nem banheiro e, por sorte, não choveu nenhum dia no fim da tarde esta semana. Se chover, vai molhar o povo todo. É um desrespeito muito grande. Estão dizendo que vão passar os embarques para o prédio do Touring. Ali, pelo menos, não chove na nossa cabeça. Acho que pode ser melhor.

leitor.bsb@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Com a influência da Lua em Libra, seu signo oposto, há tendências para mais envolvimento com assuntos de quem tem vínculo afetivo.

O empenho a assuntos culturais, estudos e o que traga novos conhecimentos tomará dedicação. Tende a resolver burocracias materiais.

Hoje é um dia especial para refletir sobre o quanto precisamos nos afastar de caprichos e coisas supérfluas que os outros cultivam.  

Regente de seu signo, Vênus faz aspecto tenso com Júpiter, influência importante para ajustes em projetos materiais e nas finanças.

Cuide para que assuntos materiais e financeiros não façam se desligar de temas especiais do seu cotidiano e de relacionamentos.

Às vezes, disciplina demais com seus objetivos pode afastá-lo de pessoas especiais, ainda que por pequenos minutos.

Este é um bom momento para a sua criatividade ser expressada, seja no trabalho, nos estudos ou com hobbys, principalmente artísticos.

Com a Lua em seu signo é indicado mais atenção para não se exceder demais aos problemas de outras pessoas. 

Cuide para não tirar conclusões precipitadas sobre pessoas e situações. No calor de algumas situações a ponderação fará diferença.

É essencial abandonar algumas manias para evitar que elas atrapalhem momentos da vida afetiva ou mesmo de paqueras.

Momento importante para recompor energias, valorizar crenças, espiritualidade e dedicar mais cuidados ao corpo e à mente.

Pesquisas e posturas sigilosas são mais recomendas no trabalho e com negócios. Momento para investigar informações.       


BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|13|◊◊

Decepção na estreia Fórmula 1. Massa deixa prova do GP da Austrália na primeira curva após ser atingido por Kobayashi na traseira. Nico Rosberg vence etapa A expectativa em torno da estreia de Felipe Massa na Williams, pela temporada 2014 da Fórmula 1, era grande. Depois de deixar a Ferrari, no ano passado, ele tinha feito bons testes na pré-temporada. A torcida verde-amarela pelo brasileiro, no entanto, durou pouco: apenas uma curva. Segundos após a largada, ontem, o japonês Kamui Kobayashi atingiu Massa na traseira com sua Caterham e os dois precisaram deixar a prova no Circuito de Albert Park. O GP da Austrália, primeiro do ano, foi vencido por Nico Rosberg (Mercedes). O australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, havia ficado em segundo, mas foi desclassificado por superar o limite de 100 kg de combustível por hora. O pódio ficou completo, então, com o dinamarquês Kevin

14 dos 22 carros que participaram da largada conseguiram completaram a prova, a primeira da história com motores V6 1.6 turbo híbridos Magnussen, da McLaren, e o colega de escuderia britânico Jenson Button. Furioso Massa ficou furioso com o acidente. Ele cobrou uma punição ao japonês, que conseguiu bancar sua volta à F-1 por uma arrecadação dos fãs pela internet. “Eu não tenho a menor ideia do que ele foi tentar fazer. Uma porrada na traseira é perigoso. Uma pena, porque o meu carro estava bom. Tudo acabou na primeira curva. Difícil achar palavra. Não tem o que fa-

lar”, disparou o brasileiro. O tetracampeão Sebastian Vettel, da Red Bull, também teve uma péssima estreia, abandonando a prova logo na quarta volta por causa de problemas com seu carro. Outro piloto que começou o ano mal foi o inglês Lewis Hamilton, companheiro de equipe de Rosberg. Ele largou na pole position, mas deixou a corrida na segunda volta devido a um problema de motor. O espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, ficou em quinto lugar, na frente do finlandês Valterri Bottas, companheiro de equipe de Massa na Williams, que terminou na sexta posição e mostrou que o carro da escuderia inglesa tem mesmo potencial. A próxima etapa da Fórmula 1 será o GP da Malásia, dia 30. METRO RIO Saltos ornamentais

Hugo Parisi e César Castro levam ouro

GDF questionou auditoria e negou irregularidades | DIVULGAÇÃO/PORTAL DA COPA

Mané. TCDF aponta indício de superfaturamento A reconstrução do estádio Mané Garrincha pode custar, ao todo, R$ 1,9 bilhão e as obras têm indícios de superfaturamento de até R$ 431 mil, segundo uma auditoria divulgada ontem pelo Tribunal de Contas do DF, logo após a publicação de uma reportagem sobre o tema no jornal “Folha de S. Paulo”. A auditoria é preliminar e ainda está em discussão, segundo o TCDF. Entre as possíveis irregularidades apontadas pelo tribunal responsável por fiscalizar os gastos públicos, estão cálculos errados em custos de transporte de material e compra de equipamentos acima do preço de mercado.

GDF nega tudo A Coordenadoria de Comunicação para a Copa no DF garantiu que não há irregularidades ou superfaturamento na obra do estádio. Segundo o órgão, o custo total do Mané Garrincha é de R$ 1,4 bilhão; valor que ainda poderá ser reduzido em R$ 200 milhões após a aplicação de abatimentos previstos no regime especial de tributação para obras da Copa do Mundo. O valor calculado pelo TCDF, segundo o governo, leva em consideração “equivocadamente” obras de paisagismo e urbanização que fazem parte do projeto de revitalização da área central de Brasília. METRO BRASÍLIA

Os atletas brasilienses dos saltos ornamentais César Castro e Hugo Parisi venceram nos Jogos Sul-Americanos, que ocorre em Santiago, no Chile. Castro levou o ouro no trampolim de três metros, no sábado, e Parisi no de dez. O Brasil lidera o quadro de medalhas da competição. METRO

Histórico

Messi se torna o maior artilheiro do Barcelona Lionel Messi escreveu mais um capítulo em sua vitoriosa carreira e na história do Barcelona. O argentino marcou três vezes na goleada por 7 a 0 sobre o Osasuña, chegou aos 370 gols e se tornou o maior artilheiro de todos os tempos do clube. A marca anterior pertencia a Paulino (369 gols), que defendeu o Barça entre 1912 e 1927. METRO

3 ESPORTE

Tênis

Novak Djokovic

Rosberg conquistou sua quarta vitória na Fórmula 1 | ROBERTSON/GETTY IMAGES

De virada, o sérvio Novak Djokovic venceu o suíço Roger Federer por 2 sets a 1 (3/6, 6/3 e 7/6) e levou o título do Masters 1000 de Indian Wells, na Califórnia.


|14|

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Corinthians é eliminado Campeonato Paulista. Timão fica no empate sem gols contra o Penapolense, e vitória do São Paulo derruba a equipe no torneio

00 PENAPOLENSE CORINTHIANS

Tudo bem que a derrota do São Paulo para o Ituano prejudicou as pretensões corintianas no Campeonato Paulista. O Timão, no entanto, não se ajudou. Diante de um Penapolense já classificado, o alvinegro não conseguiu chegar às redes do dono da casa e, além do placar de 0 a 0, amargou a eliminação antecipada do torneio. Com a combinação matemática dos resultados, o Timão ficou a quatro pontos do Ituano -- segundo colocado do Grupo B -- faltando apenas uma rodada. Depois de um primeiro tempo travado, o Corinthians voltou do intervalo determinado a fazer o gol e assegurar vida extra no estadual. O time se lançou ao ata-

“Não dá para jogar nossa desclassificação nas costas do São Paulo. Nosso time não teve competência de merecer uma vaga na próxima fase. Agora é levantar a cabeça.” FÁBIO SANTOS, LATERAL DO CORINTHIANS

que, conquistou volume de jogo e grandes oportunidades de gol. Mas desperdiçou. A cada bola que não entrava, a agonia crescia. Além das ótimas defesas do goleiro Samuel Pires, o Corinthians tropeçou também na falta de pontaria e na arbitragem, que não marcou pênalti cometido por Jaílton sobre Uendel. Pelo lado do Penapolense, também houve pênalti não marcado. Não há desculpas, porém, para um time que venceu apenas seis dos 14 jogos que disputou no Paulitão até aqui, com três empates e cinco derrotas. METRO

Cássio quase não teve trabalho contra o Penapolense |

JOSÉ LUIS SILVA/FOTOARENA

Tricolor perde e prejudica rival

Tricolor estreou 2 novos uniformes: um em cada tempo | MIGUEL SCHINCARIOL/FOLHAPRESS

O São Paulo saiu derrotado pelo Ituano por 1 a 0, ontem, mas o clima nas arquibancadas do Morumbi era de vitória. Comemorado pelos torcedores, o jogo desclassificou o Corinthians e, de quebra, ainda rendeu cartões amarelos para Antônio Carlos e Luis Fabiano -- eles cumprirão suspensão no próximo jogo da primeira fase e chegarão zerados às quartas de final. O técnico Muricy Ramalho avisou que não have-

ria corpo mole e mandou a campo todos os titulares. O Ituano abriu o placar, no entanto, logo aos 13 minutos do primeiro tempo. Depois do gol, uma forte chuva de granizo paralisou a partida. No retorno, o campo encharcado dificultou a vida dos jogadores. A chuva, inclusive, foi a “desculpa” do tricolor para não conseguir um bom desempenho, em vez de uma possível armação contra o rival. METRO

Em jogo movimentado, Santos empata com Rio Claro Santos e Rio Claro fizeram um duelo bem agitado na penúltima rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. Já classificado, o Peixe começou vencendo, deixou o Rio Claro virar, mas buscou e conseguiu o empate em 3 a 3. Geuvânio, Cícero e Gabriel marcaram para o alvinegro. Léo Costa e Renan Diniz (dois) fizeram para o Rio Claro. O empate privilegiou muito mais o Rio Claro, que, em terceiro lugar, vai para a

última rodada com chances de se classificar. Com o resultado, por outro lado, o Santos perdeu a chance de se igualar em número de pontos ao Palmeiras. Enquanto o Verdão tem 35, ainda com a melhor campanha do campeonato, o Peixe ficou nos 33. No domingo, os dois times se enfrentam na Vila Belmiro, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. METRO

Com reservas, Cruzeiro passa pelo Tombense

Galo termina 1ª fase com goleada sobre Boa Esporte

Sem se esforçar muito, os reservas do Cruzeiro, comandados pelo experiente Júlio Baptista, venceram o Tombense por 3 a 0 e garantiram mais três pontos ao time estrelado, ontem, pelo Campeonato Mineiro. O resultado não mudou a situação da Raposa na tabela, já classificada, mas valeu a eliminação da equipe de Tombos. Os gols foram anotados por Baptista, de cabeça, Mayke, em uma linda jogada de

O Atlético-MG mostrou mais uma vez a força dos jogadores da base. Com time repleto de reservas, coube ao meia Marion, que anotou dois, e ao atacante Carlos garantirem a vitória do Galo por 3 a 0 em cima do Boa Esporte, no Independência. O time alvinegro jogou bem, mas quem saiu de campo sorrindo foram os jogadores da equipe de Varginha. Mesmo sendo goleado, o Boa Esporte foi benefi-

habilidade dentro da área, e Alisson após receber passe em profundidade. Para Alisson, o gol foi o primeiro como profissional, após 17 partidas disputadas com a camisa do Cruzeiro. “Estou muito feliz pelo gol. É uma emoção muito forte”, disse o meia. Agora, com o fim da primeira fase, o time azul volta aos trabalhos de olho no Boa Esporte, adversário das semifinais. METRO

Mayke fez o 2ª gol da partida | WASHINGTON ALVES/LIGHT PRESS

ciado pelos resultados dos outros jogos e garantiu a presença nas semifinais do Mineiro. O adversário do Galo será o América. No Atlético-MG, as comemorações ficaram por conta dos jovens que subiram este ano da base. “Estou muito feliz. É bom fazer gol”, disse o tímido Carlos. Hoje, o Galo se reapresenta já focado no confronto contra o Nacional, na quarta. METRO BH

Time comemora vitória | BRUNO CANTINI/ATLÉTICO-MG


BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Flu empata e se mantém em 2º Campeonato Carioca. Placar de 1 a 1 com o Vasco leva o time aos 26 pontos, ficando próximo da vice-liderança definitiva. Em terceiro, cruzmaltino comemora a classificação à próxima fase O campeão da Taça Guanabara de 2014 está decidido: o Flamengo. A briga pelo segundo e terceiro lugares, no entanto, permanece acirrada. Os dois principais concorrentes, Fluminense e Vasco, se enfrentaram ontem e deixaram o campo empatados em 1 a 1. O Vasco saiu na frente com Edmilson, no primeiro tempo, mas Fred, em condição de impedimento, igualou o placar no segundo. O empate acabou sendo

1 1

melhor para o tricolor, que manteve-se na segunda posição e só depende de si para ter a vantagem de jogar por dois empates na semifinal. O cruzmaltino, no entanto, também comemorou -- com o placar, garantiu-se matematicamente nas semifinais. Para ficar com a segunda colocação, no entanto, terá de vencer o Duque de Caxias, domingo, em São Januário, e torcer para que o Flu perca para o Volta Redonda, no Maracanã. METRO

|15|◊◊

Time júnior do Fla leva 2 a 0, mas reage e empata O Flamengo levou a campo ontem, em Volta Redonda, seu time de juniores e arrancou um empate com o Bangu em 2 a 2, pela penúltima rodada do Campeonato Carioca. O rubro-negro chegou a estar perdendo por 2 a 0, mas empatou com dois gols de Nixon no segundo tempo. A equipe da Gávea garantiu o primeiro lugar das semifinais e o título antecipado da Taça Guanabara semana passada. Libertadores Os reservas e os titulares do Flamengo viajaram ontem

para a Bolívia, onde enfrentam o Bolívar, quarta-feira, às 22h, na altitude de La Paz (a cidade fica 3.600 metros acima do nível do mar), em jogo válido pela quarta rodada do Grupo 7 da Libertadores. Não viajaram com a delegação o zagueiro Caceres e o meia Elano, que se machucaram na partida da última quarta, que acabou em empate por 2 a 2 com o Bolívar, no Maracanã. Wallace e Amaral entram no time. Léo Moura e André Santos que não atuaram contra o time boliviano, estão confirmados. METRO RIO

Cavalieri; Bruno, Gum, Leandro Euzébio e Chiquinho; Valencia, Jean, Diguinho (Biro Biro) e Conca (Wagner); Fred e Sobis (Walter). Técnico: Renato Gaúcho

FLUMINENSE

Martín Silva; André Rocha , Luan, Rodrigo e Marlon; Aranda, Guiñazu , Pedro Ken e Douglas; Everton Costa (Thalles) e Edmilson (Montoya). Técnico: Adilson Batista

VASCO

G Edmilson, aos 41’ do 1º tempo e Fred aos 22’ do 2º A bi age Rodrigo Nunes de Sá, auxiliado por Rodrigo Pereira Joia e Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa

O goleiro Martín Silva, do Vasco, fez boas defesas

| RICARDO AYRES/PHOTOCAMERA

Nixon marcou os dois gols do Flamengo | FABIO CASTRO/AGIF/FOLHAPRESS

Deretti comanda vitória gremista Furacão perde para o Paraná A solução do Grêmio para vencer o rebaixado Pelotas pelo Campeonato Gaúcho, ontem, veio do banco de reservas. Jean Deretti entrou no segundo tempo no lugar do apagado Maxi Rodríguez para dar vitalidade ao ataque. Com dois gols do meia, o time gremista venceu por 3 a 0. Everton fechou o placar.

Quando Deretti entrou, o volume de oportunidades cresceu. Aos 16 minutos, Everaldo recebeu livre, o goleiro salvou e o meia abriu o placar. Depois, aos 33, tocou por cobertura sobre Diego para ampliar. Após bola na trave, dois minutos depois, Everton pegou o rebote e completou. METRO

Deretti foi o nome do jogo | CARLOS EDUARDO DE QUADROS/FOTOARENA

Formosa vence o Gama e fica perto da classificação Começar vencendo e manter o resultado até o fim. O Formosa protagonizou, ontem, uma partida que há muito a equipe não tinha no Campeonato Candango. O time goiano enfrentou o Gama, em jogo atrasado pela 10ª rodada, e saiu com vitória por 2 a 1 O resultado deixa o Formosa na briga para se classificar às quartas de final. Os oito primeiros se classificam e o time goiano atingiu a oi-

“Pagamos por, mais uma vez, entrar em campo desligados e lentos.” EDUARDO ALLAX, TÉCNICO DO GAMA

tava posição, com 13 pontos. O próximo desafio é contra o Luziânia, pela 11ª rodada, na quinta-feira. O Unaí/Paracatu e o Atlético Ceilandense, com 11 pontos, vêm em nono e 10º lugar, respectivamente, e precisam, além de

secar o Formosa, vencer os seus jogos. Preto Marabá e Eder marcaram para os goianos. Maicon Carioca descontou para o Gama, que está na sexta posição da tabela. A 10ª rodada continua hoje, com mais dois jogos que estavam atrasados. O Brasília enfrenta o líder Luziânia, às 16h, no Serejão, e o Capital enfrenta o Brasiliense, também na Boca do Jacaré, às 20h. METRO

No primeiro clássico valendo uma vaga nas semifinais do Campeonato Paranaense, o time sub-23 do Atlético-PR perdeu para o Paraná, no Ecoestádio (com as arquibancadas lotadas de torcedores rubro-negros), por 2 a 1. Agora, o Paraná precisa apenas de um empate na partida de volta, na semana que vem, na Vila Ca-

“Sempre respeitamos o Atlético-PR, mas o nosso primeiro objetivo é chegar na semifinal.” GIANCARLO, ATACANTE DO PARANÁ

panema, para avançar às semifinais. Melhor no início da par-

tida, o Paraná abriu o placar aos oito minutos do primeiro com Lúcio Flávio. Aos 21 do segundo tempo, Hernani conseguiu empatar o jogo. Um pênalti cometido pelo goleiro Rodolfo, no entanto, acabou privilegiando o Paraná. Giancarlo fez a cobrança e marcou o gol da vitória. METRO


16

BRASÍLIA, SEGUNDA-FEIRA, 17 DE MARÇO DE 2014 www.readmetro.com

ESPORTE

Na Copa do Mundo, o Estádio Mané Garrincha será o campeão de jogos: serão sete partidas, três delas nas fases decisivas. Entre as oito seleções que já foram conirmadas nos primeiros confrontos, estão astros do futebol. Conheça alguns craques que jogarão em Brasília. FABIANE GUIMARÃES/METRO BRASÍLIA MIKE HEWITT/GETTY IMAGES

8

Com passagens por clubes como Barcelona, Internazionale e Real Madrid, o experiente atacante camaronês, atualmente no Chelsea, é um dos destaques da seleção africana no torneio do Brasil. Ele terá a difícil missão de liderar o ataque de Camarões contra a Seleção Brasileira e certamente será um atrativo a mais para a partida. METRO

4

3 Didier Drogba

O atacante do Galatasaray, da Turquia, vai para sua terceira Copa do Mundo defendendo a Costa do Marfim. Talentoso, Drogba chamou a atenção do mundo quando foi vendido ao Chelsea por 36 milhões de euros, em 2004. No clube, o atacante se tornou ídolo e ficou até 2012, quando fez uma passagem apagada pelo futebol chinês. O país de Drogba enfrentará a Colômbia em 19 de junho. METRO

Kevin Prince- Boateng O jogo entre Portugal e Gana não terá apenas Cristiano Ronaldo como galã da vez. O meio-campista ganense Kevin Prince-Boateng promete arrancar suspiros das torcedoras e aplausos de respeito dos torcedores. Boateng é um dos destaques do time africano e atua no futebol alemão, defendendo a camisa do Schalke 04.

5 78

astros que pisarão no Mané Garrincha na Copa do Mundo

METRO

CHRISTOF KOEPSEL/GETTY IMAGES

IAN WALTON/GETTY IMAGES ALEXANDRA BELER/GETTY IMAGES

MIKE HEWITT/GETTY IMAGES

Samuel Eto’o

IMAGES

METRO

2

Ele já passou pelo Mané Garrincha em duas ocasiões: na abertura da Copa das Confederações, em 2012, e em amistoso contra a Austrália em setembro do ano passado. Embora o técnico Luiz Felipe Scolari ainda não tenha divulgado a convocação dos jogadores para a Copa, ninguém duvida da presença de Neymar. O atacante do Barcelona é uma das maiores armas na busca pelo hexa. O Brasil jogará no Mané, contra Camarões, em 23 de junho. METRO

/GETTY

Na partida entre Portugal e Gana, em 26 de junho, todos os olhos, lentes e câmeras do mundo estão virados para ele, eleito o melhor jogador do mundo em 2013. O atacante Cristiano Ronaldo será uma das grandes estrelas da Copa do Mundo e arrastará, com certeza, uma multidão de fãs por onde passar. Por sorte, Brasília está no roteiro.

Neymar

FENG LI

1

Cristiano Ronaldo

6 Xherdan Shaqiri Quem ainda não o conhece terá, durante o mundial, a oportunidade perfeita para apreciar o bom futebol deste meia suíço. Shaqiri joga no Bayern de Munique e, com a Suíça, enfrentará o Equador em 15 de junho -- primeiro jogo do Mané na Copa. METRO

Antonio Valencia

Cristian Zapata

Irmão do atacante Christian Benítez, que faleceu no ano passado, Antonio Valencia é um dos grandes nomes da Seleção do Equador. O meia, que joga no Manchester United, liderou o país nas eliminatórias, superando a tragédia familiar. Ele fará sua terceira Copa em terras brasileiras, na partida de 15 de junho, contra a Suíça.

A Colômbia chega ao Brasil provavelmente desfalcada de seu principal jogador, o atacante Falcão García. García passou por uma cirurgia no joelho e tem pouquíssimas chances de se recuperar a tempo para a Copa. Se está com problemas no ataque, a Colômbia está bem servida no sistema defensivo, com o zagueiro Cristian Zapata, experiente jogador do Milan.

METRO

METRO

DENNIS GROMBKOWSKI/GETTY IMAGES

CHRISTOPHER LEE/GETTY IMAGES


20140317_br_brasilia  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you