Issuu on Google+

SIDOROVA,

A MUSA DO CURLING ATLETA RUSSA ARRANCA SUSPIROS NO ESPORTE MAIS LEGAL DA OLÍMPIADA PÁG. 16 CAMPINAS Quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014 sunny snow rain Edição nº 937, ano 4

partly sunny

cloudy

sleet

thunder

part sunny/ showers

MÍN: 21°C MÁX: 35°C hazy

showers

www.readmetro.com | leitor.camp@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrocps

Desconto na água fica para o futuro

Caio Silva de Souza em foto divulgada pela polícia do Rio

Desnecessária, por enquanto. Prefeito descarta redução no valor da tarifa para enfrentar falta d’água por causa de estiagem. Medida foi adotada pela Sabesp e beneficia quem economiza PÁG. 02

Suspeito de lançar rojão está foragido Caio Silva de Souza trabalha em hospital e tem duas passagens pela polícia. Corpo de Santiago Andrade será cremado hoje PÁG. 06

Homem se acorrenta por causa de atraso em entrega de obra

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Eduardo Bitencourt passou 12 horas preso por correntes em poste em frente à construtora HM PÁG. 03

ATIBAIA AGONIZA A cada dia, lâmina d’água fica mais fina: ontem, vazão era de 5 m3, enquanto que média para o mês é de 35 m3, segundo Sanasa Peixes mortos são hoje parte do cenário do rio Atibaia, que pode ser atravessado a pé | ROGÉRIO CAPELA/METRO CAMPINAS

Macaca pega Ituano no Majestoso e Bugre tenta a reabilitação PÁG. 02

Guarani enfrenta o Monte Azul de olho nas primeiras posições da A-2. Ponte quer manter boa fase PÁG. 15

thunder showers

wind


1 FOCO

Rejeição

Bolsonaro na CDH

O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) foi alvo ontem de um protesto contra sua indicação para a presidência da CDH (Comissão de Direitos Humanos) na Câmara. Um grupo de manifestantes promoveu um beijo gay e distribuiu panfletos contrários à decisão, que tem aval do PP.

Cotações Dólar - 0,16% (R$ 2,40) Bovespa + 1,58% (48.463 pts) Euro + 0,70% (R$ 3,28) Salário Selic (10,5% a.a.) mínimo (R$ 724)

|02|

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

Jonas adia decisão sobre desconto em tarifa de água

Risco de racionamento. Prefeito diz que estudo da Sanasa aponta redução no consumo per capita por domícilio na cidade. Baixa vazão aumentou em 40% custo de tratamento O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), adiou a decisão sobre conceder descontos na tarifa para estimular a população a economizar água. Segundo ele, a Sanasa – empresa de abastecimento de água e saneamento da cidade – mostrou que a população de Campinas nos últimos 16 anos vem economizando água. Em 1997, por exemplo, o consumo médio por domicílio era de 252,72 m3 por ano. No ano passado, o volume caiu para 188,12 m3 ao ano. Jonas havia determinado à empresa que fizesse um estudo para avaliar se a adoção do benefício ajudaria na redução do consumo diante da crise de abastecimento provocada pela estiagem. “Como há um queda histórica, vou esperar”, disse Jonas. Ele acrescentou ainda que a medida não iria atingir justamente o morador que já economiza água. Por outro lado, há 10 dias o pre-

308.277

é o número de ligações de água existente em Campinas. 277,7 mil são residenciais; 30 mil de comércios e 456 industriais feito autorizou a Sanasa a multar o morador que for flagrado lavando a calçada ou o carro neste período de estiagem. Aumento do custo A baixa vazão provocou um aumento de 40% no custo da compra de produtos químicos. A previsão é de que a Sanasa gaste R$ 700 mil neste mês com cloro ante R$ 500 mil em janeiro. Com a baixa vazão do rio Atibaia, há um grande aumento de poluentes na água captada. ROSE GUGLIELMINETTI

A Sanasa ampliou o canal de atendimento à população para receber denúncias de desperdício da água neste período de baixa dos rios que abastecem o Sistema Cantareira e de estiagem. Agora, as denúncias do mau uso do produto podem ser feitas, além do 0800-7721-195 e dos números 3735-5770/ 5771/ 5772 e 5773, pelo e-mail denunciadesperdicio@sanasa.com.br Para reforçar a campanha pela economia, a Sanasa colocou seis veículos personalizados que estão atuando exclusivamente na fiscalização do mau uso da água. Técnicos da empresa municipal de saneamento também estão nas ruas para fiscalizar e orientar os consumidores. A empresa já recebeu 463 denúncias. Anteontem, foram fiscalizados 36 imóveis, dos quais 24 consumidores foram orientados sobre o decreto que veda a lavagem de calçadas e de carros. Outros nove moradores estavam ausentes e três imóveis não foram localizados. METRO CAMPINAS

5 m3 No lugar de água, pedras. Rio Atibaia, no Carlos Gomes | ROGÉRIO CAPELA/METRO

METRO CAMPINAS

Fiscalização. Sanasa cria novo canal de denúncias

por segundo era a vazão registrada ontem no Rio Atibaia. Sem estiagem, seria de 35 m3 por segundo

Sabesp gastará R$ 4,5 mi para ‘fazer chover’ A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) vai pagar R$ 4,5 milhões para uma empresa bombardear nuvens na tentativa de conseguir chuva no sistema Cantareira. O valor do contrato foi publicado ontem no “Diário Oficial”. A ModClima, empresa contratada, já fez cinco tentativas, mas não conseguiu chuva em volume suficiente. Ontem, o sistema Cantareira tinha apenas 19,4% da capacidade, o menor nível da

história. O contrato com a empresa vale até dezembro de 2015. O negócio foi fechado sem licitação porque a ModClima é a única empresa que faz o bombardeamento de gotículas de água em nuvens sem utilizar produtos químicos no Brasil. Ao completar uma semana da campanha que oferece desconto para os consumidores que reduzirem o consumo, a Sabesp informou que foram economizados 500 litros de água por

segundo, o suficiente para abastecer cerca de 268 mil pessoas por dia.

Apesar de não haver previsão de chuva forte até março, o governo estadual segue

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 019/3779-7421

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

leitor.camp@metrojornal.com.br 019/3779-7518

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Metro Campinas. Editora-Executiva: Zezé de Lima (MTB: 16.231) Editor de Arte: Gustavo Moura. Gerente Comercial: Simone Monfardini Grupo Bandeirantes de Comunicação Campinas - Diretor Geral: Rodrigo V. P. O. Neves

afirmando que não há risco de racionamento de água. METRO

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Engenheiro Antonio Francisco de Paula Souza, 2799, Jardim São Gabriel, CEP 13045-541, Campinas, SP. Tel.: 019/3779-7421. O jornal Metro é impresso na Log&Print Gráfica e Logística S.A.

A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 30.000 exemplares


CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{FOCO}

|03|◊◊

Mutuário protesta para ter reposta sobre moradia

Até quando? Comprador se acorrenta em poste. Outros 10 fazem ato por liberação de imóvel. Prefeitura não tem a soma de embargos Sem informações seguras da Prefeitura de Campinas e nem das construtoras responsáveis, os mutuários de empreendimentos que ainda não foram entregues depois de embargados por irregularidades na cidade encontram uma única saída para buscar a casa própria: o protesto. Eduardo Bitencourt, de 30 anos, é um desses casos. Ontem, ele se acorrentou a poste em frente ao prédio da construtora HM Engenharia, na Vila Itapura, às 6h, em protesto pelo atraso da entrega das chaves do seu apartamento e prometia só sair de lá quando o imóvel fosse liberado. Um representante da construtora tentou negociar com Bitencourt, que não aceitou a proposta. Porém ele passou

6h

foi quando o mutuário chegou ao local do protesto. Ele se acorrentou a um poste mal após 12 horas acorrentado e teve de ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros. Ele adquiriu o imóvel no Residencial dos Parques que seria entregue em julho de 2012. E até agora nada. A mesma situação vive outros 10 mutuários que aproveitaram o embalo e também protestaram na avenida Barão de Itapura. O trânsito no local ficou complicado. Segundo a HM Engenharia, a demora se dá porque foi feito um pedido posterior ao término das obras

Bitencourt diz que só sai quando receber imóvel | ROGÉRIO CAPELA/METRO CAMPINAS

para que obras viárias fossem realizadas. Elas terminaram no dia 28 de dezembro e a documentação enviada para o Urbanismo. No final da tarde de ontem, o Habite-se foi liberado. O caso do Residencial dos Parques não é o único. Jef-

ferson Costa, de 51 anos, também espera seu lar, no Residencial Spazio Castellon, da MRV Engenharia, na Vila Samambaia. “A previsão era para outubro de 2012 e até agora nada”, disse. “Quando tentamos contato, ninguém sabe infor-

mar”, completa o motorista. A MRV informou que aguarda um posicionamento da prefeitura, já que também foi constatada a necessidade de obras viárias em razão de questões advindas do governo Hélio de Oliveira Santos (PDT), em 2011, que levou ao embargo de centenas de obras na cidade. O posicionamento oficial da construtora foi que aguarda a posição do município “para recebimento viário executado, para ratificação em cartório”. Questionada sobre as obras que ainda estão paradas em Campinas, ou com atraso por causa de exigência posteriores aos embargos, a Secretaria de Urbanismo disse não ter levantamento somado sobre o assunto e que teria de le-

vantar os dados. Sobre o imóvel da MRV e a espera pela prefeitura, citada pela construtora, não houve retorno até o fechamento desta edição. À espera de solução No mês passado, mutuários do Spazio Castellon também protestaram em frente ao prédio. Cerca de 12 pessoas estiveram presentes. Em 2013, outras manifestações pediam a liberação das chaves de imóveis da construtora PDG.. Os embargos de obras em Campinas viraram polêmica em 2011, durante o governo Hélio de Oliveira Santos. Na ocasião, empreendimentos foram aprovados com irregularidades e embargadas posteriormente. METRO CAMPINAS

Prefeitura vai criar ‘banco de projetos’

Autores de propostas terão incentivos financeiros, caso o projeto seja aprovado | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), vai enviar até sexta-feira à Câmara de Vereadores um projeto de lei que autoriza a prefeitura a criar um banco de projetos para o Executivo. A proposta, segundo o prefeito, tem o objetivo de estimular pessoas físicas e jurídicas a apresentarem propostas dos mais diversos projetos – escolas, centros de saúde, parques, pavimentação de ruas – para a cidade.

30

é o número de engenheiros que atuam na Secretaria de Urbanismo. A pasta tem ainda 11 arquitetos e 4 técnicos Em contrapartida, a pessoa ou empresa poderá participar da licitação para executar a obra, caso seja separada pela coordenação de gerên-

cia do programa de PPP (Parceria Público Privada), ou, se não ganhar a licitação, poderá receber 1,5% do valor da obra como prêmio. O banco poderá amenizar um gargalo na prefeitura que é a falta de engenheiros para a elaboração de projetos. “Isso vai amenizar esse problema”, justificou o prefeito. A Secretaria de Infraestrutura, responsável pelos projetos, tem 34 engenheiros. METRO CAMPINAS

Vigilantes protestam e PF em Campinas adere agências do INSS fecham a movimento nacional Os quatro postos do INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social) em Campinas – no Centro e nos bairros Jardim Campos Elíseos e Satélite Íris – fecharam as portas ontem, por volta das 10h, por causa de um protesto dos 22 vigilantes terceirizados que fazem a segurança das agências, que alegavam que os seus salários estavam atrasado.

Segundo informação do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência, os pagamentos deveriam ter sido feitos na última sexta-feira pela empresa contratante. A empresa, no entanto, em nota ao Grupo Bandeirantes, disse que o pagamento foi feito e negou o atraso. A assessoria de imprensa do INSS recomendou

àqueles que tinham horários ontem remarcar o atendimento. Dos cerca de 970 atendimentos diários nas quatro agências, foram feitos 348, já que os postos abriram às 7h e o expediente foi interrompido por volta das 10h. A expectativa é de que os trabalhos sejam retomados hoje. METRO CAMPINAS

Agentes da PF (Polícia Federal) em Campinas aderiram ontem ao movimento da categoria e paralisaram parcialmente, por 24 horas, as atividades, sem, no entanto, segundo o sindicato, prejudicar os serviços básicos oferecidos à população. O protesto foi contra o “sucateamento” da PF. Os policiais da cidade aderiram à paralisação nacional da ca-

tegoria. Para mostrar o descontentamento, 20 agentes da PF em Campinas se concentraram em frente à sede do sindicato ontem de manhã. Eles vestiam camisetas pretas que traziam os dizeres “S.O.S Polícia Federal”. Também usavam máscaras brancas, iguais às dos médicos, para simbolizar que a PF está na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo).

Os serviços prestados no aeroporto de Viracopos e Poupatempo foram mantidos, mas, segundo o sindicato, há outras paralisações programadas, duas delas ainda para este mês, nos dias 25 e 26, com duração de 48 horas. A principal exigência dos policiais, escrivães e papiloscopistas é a reestruturação da carreira e dos salários. METRO


|04|

Ampliação. Passe Lazer terá duas edições no mês A partir desse mês, o Passe Lazer – benefício que cobra R$ 1,50 pela passagem de ônibus no último domingo do mês – foi ampliado e já em fevereiro será realizado em dois domingos: dias 16 e 23. Tem direito ao benefício quem paga o valor da passagem em dinheiro ou com o cartão Bilhete Único. “Temos duas tarefas agora: escolher as datas adequadas e realizar uma ampla divulgação dos dias de Passe Lazer para a população. Vamos colocar adesivos nos ônibus e cartazes informativos”, relata o secretário de Transportes e presidente da Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), Carlos José Barreiro. Durante a coletiva de imprensa, o prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), fez o anúncio de que até o final do primeiro semestre deste ano 140 novos ônibus acessíveis serão incorporados à frota. METRO CAMPINAS

Em dias normais, valor da passagem é de R$ 3 | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO

FOCO

Hora do planeta

Campinas confirma participação No dia 29 de março, entre 20h30 e 21h30, horário da Hora do Planeta, Campinas participa apagando as luzes do Paço Municipal e da Torre do Castelo. A cidade foi a primeira do interior à confirmar a participação no evento promovido pelo WWF-Brasil. METRO CAMPINAS

RMC

Hortolândia abre solicitação de cartão para passagem a R$ 2 Os usuários do transporte público de Hortolândia já podem solicitar o cartão do “Transporte Social”, que garantirá o desconto de R$ 1 na passagem. O pedido de aquisição do cartão pode ser feito, das 8h às 17h, em pontos de cadastramento implantados pela Viação Lira, concessionária do transporte urbano da cidade. Para fazer o cadastro é preciso levar cópia do RG e CPF, além de comprovante de residência no nome do titular. O cartão fica pronto em cinco dias, e deve ser retirado na avenida Santana, nº 1.000, no Jardim Amanda, Hortolândia. METRO CAMPINAS

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

Cartão Recomeço traça itinerário de ação antidroga Prevenção. Cinco regiões da cidade – Ouro Verde, Jardim Sírius, Campo Grande, Vida Nova e Jardim Bassoli – serão atendidas, de março a agosto, por ações da Coordenadoria O Cartão Recomeço está norteando a Prefeitura de Campinas nas ações antidrogas no município. Tanto é que, a partir de um levantamento das áreas mais demandadas na Coordenadoria de Prevenção às Drogas, o Executivo traçou o itinerário de um trabalho de orientação e aconselhamento que começa em março e segue até agosto na cidade. As cinco regiões selecionadas, consideradas as mais vulneráveis, receberão a visita de um psicólogo e de uma assistente social, que estarão estrategicamente posicionados no ponto de maior fluxo dos bairros. “Não são todos que têm acesso ao site da prefeitura ou a jornal e televisão. Muita gente escuta o nome ‘Cartão Recomeço’, mas não tem nem ideia do que se trata. Por isso, esse trabalho é tão importante”, afirma Nelson Hossri, da Coordenadoria de Prevenção às Drogas. Os profissionais vão ofe-

Piloto. Obra. Túnel Joá Penteado ‘Guarda fecha no fim de semana Amigo’ chega A Emdec (Empresa Municide Desenvolvimento de ao Chapadão pal Campinas) vai interditar toO Jardim Chapadão foi escolhido pela Prefeitura de Campinas para receber o projeto-piloto “Guarda Amigo”, que pretende aproximar a população da GM (Guarda Municipal) e, assim, aumentar a segurança dos bairros da cidade e criar um canal para a discussão de problemas e sugestões de melhorias na área da segurança. As ações do projeto tiveram início ontem, com moradores da rua José Manoel Veiga recebendo de manhã a visita de GMs (guardas municipais) que se apresentaram e distribuíram folhetos com orientações de segurança. METRO CAMPINAS

talmente o tráfego de veículos no sentido bairro – Centro do túnel Joá Penteado durante o próximo fim de semana. O bloqueio será no sábado, dia 15 de fevereiro, e também no domingo, 16, sempre no período das 8h30 até as 16h30. Segundo a assessoria de imprensa da Emdec, a interdição será feita para que a Secretaria de Serviços Públicos execute serviços de manutenção no túnel. Como opção de desvio, a Emdec indica as avenidas Faria Lima, João Jorge e o Viaduto Miguel Vicente Cury. Agentes da Emdec estarão no local para sinalizar o bloqueio, monitorar o trân-

Obra será no sentido bairro-Centro | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

sito e orientar os motoristas sobre a opção de desvio. O túnel Joá Penteado recebe um fluxo médio de 35,5 mil veículos por dia. A pista Centro – bairro não será bloqueada. METRO CAMPINAS

Cronograma Dia 26 de março: Ouro Verde; Dia 12 de abril: Jardim Sírius; Dia 10 de maio: Campo Grande; Dia 19 de julho: Vida Nova; Dia 9 de agosto Jardim Bassoli; Ações serão das 9h às 16h.

recer agendamento de palestras na rede de ensino, aconselhamento, encaminhamento para grupos de família ou de dependentes de álcool, tratamento em comunidade terapêutica e orientações gerais. “É preciso fazer o convencimento do tratamento. Infelizmente, ainda há quem pense que uma comu-

São 199 vagas do Cartão Recomeço na cidade | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

nidade terapêutica é como um presídio”, conta Hossri. Em Campinas, são oferecidas 199 vagas de tratamento de dependentes químicos por meio do Cartão Recomeço. Deste total, 104 já foram preenchidas. JULIANA EWERS METRO CAMPINAS

R$ 1.350 é o valor mensal gasto pelo Estado para custear cada um dos dependentes químicos internados em comunidades terapêuticas por meio do Cartão Recomeço.

Ambulantes já podem se cadastrar para Carnaval Ambulantes interessados em comercializar alimentos e bebidas no Carnaval Oficial 2014, organizado pela Secretaria de Cultura de Campinas, podem se inscrever para o credenciamento junto à Setec (Serviços Técnicos Gerais) até sexta-feira, 14 de fevereiro. Serão disponibilizados 30 pontos de venda para as categorias de lanches quentes, frios e sanduíches naturais; cachorro-quente; pastéis, salgados fritos e assados; churrasquinhos; e sorvetes. Os mesmos ambulantes poderão comercializar bebidas como refrigerante, cerveja e água. A venda de bebida destilada será proibida. As inscrições podem ser feitas das 9h às 12h e das 13h

Estrada dos Amarais receberá folia este ano | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

às 16h30, na sede da Setec – Praça Voluntários de 32, s/n, Swift. Cada inscrito poderá apresentar apenas uma categoria e não pode ter pendência com a autarquia. Os selecionados poderão

trabalhar na área oficial do Carnaval, que terá desfiles das escolas de samba e dos trios elétricos nos dias 1, 2, 3 e 4 de março, das 17h às 5h. METRO CAMPINAS


|06|

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{BRASIL}

Suspeito de disparar rojão em Santiago foge de casa Fuga. Com prisão temporária decretada, Caio Silva de Souza não é visto desde segunda-feira. ONU condena ataque ao cinegrafista da Band A Polícia Civil está à procura de Caio Silva de Souza, de 23 anos, principal suspeito de ter acendido e disparado o rojão que atingiu o cinegrafista da Band Santiago Ilídio Andrade, de 49 anos, durante uma manifestação contra o aumento da tarifa de ônibus no centro do Rio de Janeiro, na quinta-feira. O profissional não resistiu aos ferimentos na cabeça e morreu anteontem. Na mesma noite, o Tribunal de Justiça do Rio decretou a prisão temporária de Caio. Ele e Fábio Raposo, outro suspeito do crime, serão indiciados por tentativa de homicídio e crime de explosão – podendo pegar até 35 anos de prisão. Os investigadores fizeram buscas em Nilópolis, na Baixada Fluminense, onde Caio mora, e encontraram o imóvel vazio – o que indicaria que ele fugiu. Vizinhos afirmaram à reportagem da Band que ele não é visto na rua onde mora desde segunda-feira. Caio tem duas passagens pela polícia por tráfico de drogas, ambas em 2010. “Ele pouco falava. É difícil acreditar numa coisa dessas”, disse o vi-

Confusão

“A violência nunca foi solução para os povos.”

Ativista é hostilizada

MINISTRA MARIA DO ROSÁRIO, DA SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS

zinho Emerson Souza. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, ele era prestador de serviços no Hospital Estadual Rocha Faria, em Campo Grande. Policiais também estiveram no local ontem para ouvir antigos companheiros de trabalho de Caio. Doação de órgãos Cinco famílias vão se beneficiar com os órgãos doados pela família de Santiago Ilídio Andrade (os rins, fígado e córneas). O corpo será velado no Memorial do Carmo, no Caju, amanhã, de 7h às 11h. Em seguida, a cerimônia de cremação será fechada para a família. A ONU (Organização das Nações Unidas) condenou o ataque ao cinegrafista. Segundo o representante do escritório regional de direitos humanos, Amerigo Incalcaterra, “os protestos pacíficos e a liberdade pa-

Suspeito trabalhava em hospital | REPRODUÇÃ0

ra informar sobre o desenvolvimento deles são um aspecto fundamental de uma democracia dinâmi-

Em Brasília, Ministério da Justiça cria grupo de proteção à imprensa O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, se reuniu ontem com integrantes da Abert (associação das emissoras de rádio e TV), da ANJ (associação de jornais) e da Aner (associação de editores de revistas) para tratar de ataques a profissionais da imprensa durante as manifestações.

As entidades entregaram um relatório de casos ocorridos neste ano e em 2013. O ministro se mostrou impressionado. No ano passado, ocorreram 175 casos de violência contra profissionais da imprensa. Neste ano, foram sete, sendo um assassinato, quatro agressões e duas ameaças.

O ministro decidiu criar um grupo de trabalho para elaborar políticas públicas de proteção aos profissionais da imprensa. O assunto retornará à pauta amanhã, quando Cardozo se encontrará com todos os secretários estaduais de segurança pública, em Sergipe. METRO RIO

A ativista Elisa Sanzi, conhecida como Sininho, prestou depoimento na tarde de ontem e afirmou não conhecer Caio Silva de Souza, autor do disparo de rojão que atingiu Santiago. Na saída da delegacia, a ativista saiu sem falar com a imprensa e correu pelas ruas do bairro. Ao fazer sinal para um ônibus no ponto mais próximo, os passageiros do coletivo pediram para o motorista não parar. Alguns ainda ironizaram a estampa da blusa de Sininho, chamando-a de “hipócrita”. O condutor do coletivo não parou no ponto. Ela foi à delegacia prestar depoimento a respeito de uma oferta supostamente feita por ela em

nome do deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) ao advogado de Fábio Raposo, preso sob a acusação de ter repassado o rojão que atingiu a cabeça de Andrade. O parlamentar já negou a relação. METRO RIO

Sininho disse não conhecer o suspeito | ARMANDO PAIVA / FOTOARENA/FOLHAPRESS

ca e uma ferramenta indispensável para fortalecer os direitos humanos”. Santiago Andrade foi ho-

menageado no Maracanã, ontem, com seu nome no telão durante o minuto de silêncio que antecedeu o jo-

go entre Botafogo e San Lorenzo, da Argentina, pela Taça Libertadores da América. METRO RIO

Além do cinegrafista Santiago Andrade, o protesto contra o aumento da tarifa de ônibus deixou outra vítima. Um idoso morreu depois de ter sido atropelado na região da manifestação, na quinta-feira. Conforme publicou o jornal “Extra” ontem, Tasman Amaral Accioly, de 72 anos, estava dentro de um ônibus na avenida Pre-

sidente Vargas quando se assustou com a confusão e forçou a porta do veículo para sair. Após descer, ele escorregou e acabou sendo atropelado pelo próprio ônibus onde estava. O caso foi registrado na 4ª DP (Praça da República). O motorista do ônibus deve responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Segundo a Secretaria

Municipal de Saúde, sete pessoas precisaram de atendimento médico após o protesto de quinta-feira na Central do Brasil – entre elas, o cinegrafista Santiago Andrade. Accioly, entretanto, não está na lista de atendidos, já que a secretaria não conseguiu comprovar a relação da morte dele com o confronto entre policiais e manifestantes. METRO RIO

Idoso morreu atropelado


CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

PP PRESSIONA PARA AUMENTAR ESPAÇO NO GOVERNO. Em troca de

“ARRANJEI MINHA SEGUNDA PROFISSÃO.”

apoiar reeleição da presidenta Dilma, o presidente do PP, Ciro Nogueira (PI), negocia com Aloizio Mercadante (Casa Civil) para aumentar espaço no governo. O alvo é a poderosa Chesf (Companhia Hidro Elétrica do São Francisco), uma das maiores do setor elétrico. Dirigentes alegam que o PP era menor no governo Lula, mas tinha mais cargos, enquanto com Dilma “só levou o Ministério das Cidades”.

PRESIDENTA DILMA, APÓS DIRIGIR UMA COLHEITADEIRA DURANTE ABERTURA DA COLHEITA EM MATO GROSSO

substituir o deputado Aguinaldo Ribeiro (PB) no Ministério das Cidades. PRAZO DE VALIDADE. A presidenta Dilma avisou a Aguinaldo Ribeiro que ele pode até ficar no comando de Cidades, mas sem compromisso de permanecer em 2015.

| DIVULGAÇÃO

MESMA TECLA. O PP briga para presidir a Chesf desde outubro, com a saída de João Bosco Almeida (PSB), indicado do presidenciável Eduardo Campos. LOTEAMENTO . Após o PSB entregar os cargos, a diretoria da subsidiária da Eletrobrás foi loteada pelo PT e PMDB, com o engenheiro Marcos Aurélio à frente. COTADO. O senador Ciro

Nogueira ainda é o principal cotado no PP para

FARRA DE DIÁRIAS NÃO EVITA NOSSO FIASCO ESPACIAL. O Ministério da

Ciência e Tecnologia (MCT) pagou 1.213 diárias no exterior a cinco servidores do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) para participar do desenvolvimento do primeiro satélite brasileiro em conjunto com o governo chinês. Os mais de R$ 660 mil gastos, sem contar os salários, não foram suficientes para evitar o fiasco e o foguete que levava o satélite caiu no mar antes mesmo de atingir a estratosfera.

PODER SEM PUDOR

Jânio ruim da bola Governador de São Paulo, certa vez Jânio Quadros foi a Santos, onde obteve péssima votação, e visitou um aliado, o deputado Athiê Jorge Coury. Resolveu elogiar o bom gosto da casa do anfitrião, um ex-goleiro do Santos: - Athiê, meu bem, que casa linda! Diga-me, sinceramente: você a ganhou pe-

|07|◊◊

Barbosa revê decisões de Lewandowski

Política

Aloizio Mercadante

{BRASIL}

las bolas que defendeu ou pelas que deixou entrar? - Que brincadeira infeliz! – censurou depois o amigo Saulo Ramos. - Você tem razão – respondeu Jânio, ainda bem humorado – Pobre Athiê, um bom homem e honesto. Foi bola fora. Ainda bem que ele não deu bola...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

Mau estar. Presidente do STF revoga entendimento de ministro que, durante o recesso, pediu prioridade ao pedido de trabalho de José Dirceu e derrubou liminares sobre o reajuste de IPTU Num gesto pouco comum, o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, derrubou três decisões tomadas por Ricardo Lewandowski durante o recesso do Judiciário. O caso aumentou o desgaste na relação entre os dois -- iniciado já durante o julgamento do mensalão. As ações tratam sobre o pedido de trabalho externo feito pela defesa do ex-ministro José Dirceu e sobre reajustes do IPTU. Barbosa argumentou que a Procuradoria Geral da República não foi consultada na decisão tomada por Lewandowski. Em 29 de janeiro, o vice-presidente do STF pediu que a VEP (Vara de Execuções Penais) retomasse a análise do pedido para Dirceu trabalhar na biblioteca de um escritório de advocacia. O processo estava parado depois da denúncia de que o ex-ministro usou um telefone celular na penitenciária da Papuda. Lewandowski afirmou na

nistro Ricardo Lewandowski acatou o argumento e permitiu o reajuste, alegando que a falta de recursos poderia afetar a coletividade. Associações de direitos dos consumidores então pediram que Joaquim Barbosa reconsiderasse a decisão ou o caso fosse levado ao plenário. O presidente do STF repetiu a decisão aplicada contra o reajuste do IPTU de São Paulo.

Barbosa e Lewandowski: embates desde o processo do mensalão | NELSON JR./STF

decisão que a investigação interna concluiu que a conversa não existiu. IPTU Alegando risco para as finanças municipais, as prefeituras de Caçador (SC) e São José do Rio Preto (SP) entraram com

pedido de liminar no STF para manter reajustes no IPTU. O prejuízo, segundo cálculos das prefeituras, poderia chegar a R$ 35 milhões na cidade catarinense e R$ 4 milhões, na cidade do interior paulista. Em 31 de janeiro, o mi-

Balanço. Motos geram 71% Fugitivo. PF das indenizações do DPVAT buscará na Os acidentes de trânsito em todo o país resultaram no pagamento de 633.845 indenizações pelo seguro DPVAT no ano passado. O número representa um crescimento de 25% na comparação com 2012. No total, os pagamentos somaram R$ 3,2 bilhões. Divulgado ontem, o balanço revela que 71% das indenizações pagas têm origem em acidentes envolvendo motocicletas, que representam 27% da frota nacional. Os carros, que respondem por 60% do total, ficaram com 24% dos valores liberados pela Seguradora Líder, responsável pelo pagamento do DPVAT. Na avaliação do presidente da seguradora, Ricardo Xavier, o acesso mais fácil às motocicletas nos últimos anos contribuiu com o aumento no número de acidentes. “O acidente não acontece necessariamente com o motoboy, mas com quem utiliza a moto

no trajeto entre a casa e o trabalho.” O levantamento ainda revela um crescimento de 26% na liberação de indenizações para os casos de invalidez permanente, ante 2012. Entre janeiro e dezembro do ano passado foram 444.206 pagamentos. De acordo com a seguradora, houve uma queda de 10% no total de pagamentos por morte em acidentes: 54.767 casos, ante 60.752 no período anterior. Os dados apresentados mostram que 76% das vítimas indenizadas são homens. A maioria com idade entre 18 e 34 anos. Pedidos A liberação da indenização é feita em até 30 dias. Os pedidos podem ser feitos nos postos oficiais de atendimento. Os endereços estão disponíveis no endereço: www.dpvatsegurodotransito.com.br. METRO BRASÍLIA

Itália micros de Pizzolato Dois computadores e um tablet apreendidos durante a prisão de Henrique Pizzolato, em Maranello, na semana passada, devem ser trazidos para o Brasil. Nos próximos dias, dois procuradores irão à Itália formalizar o pedido junto à Corte de Apelação de Bolonha. Os equipamentos são considerados pela Polícia Federal como peças-chave para descobrir movimentações financeiras feitas pelo ex-diretor do Banco do Brasil e também os contatos que manteve durante o período no qual ficou foragido. Embora diga que desconhece o conteúdo, a defesa de Pizzolato irá tentar impedir que os computadores sejam retirados da Itália, enquanto não houver pedido formal de extradição pelo Brasil. METRO BRASÍLIA

Toma lá da cá Esta não foi a primeira divergência recente entre os dois ministros. Nas férias, Lewandowski também havia reformulado uma decisão do presidente da Corte. O vice-presidente do STF concedeu liminar permitindo a uma advogada cega enviar petições no sistema convencional, em papel, porque não poderia acessar o sistema eletrônico. Barbosa havia negado o direito, alegando que a advogada poderia ser auxiliada por outras pessoas para encaminhar os processos. METRO BRASÍLIA

Mensalão. João Paulo Cunha é proibido de estudar fora O ex-deputado João Paulo Cunha (PT-SP) teve negado ontem o pedido para deixar o Complexo Penitenciário da Papuda e frequentar durante o dia o curso de direito na Unip (Universidade Paulista), em Brasília. O petista estava no quarto semestre. A VEP (Vara de Execuções Penais) salientou que o pedido para estudar fora só é garantido ao preso que tenha cumprido pelo menos um sexto da pena. Na semana passada, após ser preso e antes de renunciar ao cargo na Câmara, João Paulo pediu autorização à Vara para continuar exercendo a função de deputado e também solicitou um aval de saída para estudar. Cunha cumpre pena de 6 anos e 4 meses pelos crimes de corrupção passiva e peculato. METRO BRASÍLIA


|08|

ECONOMIA

Validade vencida de produtos é alta nas mercearias 71 autos. Procon Campinas autuou todos os 22 mercados de pequeno porte localizados no Centro e bairros que vistoriou entre os dias 21 e 30 de janeiro Durante uma ação de fiscalização entre os dias 20 e 30 de janeiro passado, o Procon de Campinas autuou 100% dos 22 mercados de pequeno porte e mercearias vistoriados na área central e em bairros. Ao todo, foram lavrados 71 autos em que foram apontadas 85 irregularidades, sendo que a validade vencida ficou em primeiro lugar entre as infrações. Diante do quadro verificado, a diretora do Procon, Lúcia Helena Magalhães, ressalta a importância de o fornecedor verificar o estado das mercadorias que comercializa. Os consumidores também devem ficar atentos. “O fornecedor deve manter seu estoque em dia, observando a data de validade do produto exposto para não colocar no mercado de consumo nenhum produto vencido que possa ocasionar dano à saúde do consumidor. A venda de mercadoria vencida é crime contra a saúde pública. O consumidor que adquirir qualquer produto com essa característica deve denunciar o estabelecimento.” Mas os mercados tam-

85

irregularidades foram encontradas nas vistorias do Procon Campinas. Ao todo foram lavrados 71 autos. bém foram autuados por descumprirem as leis municipais que garantem o atendimento preferencial aos doadores de sangue e de medula óssea, aos idosos, gestantes, mães com crianças de colo e pessoas com deficiência. Relacionados a esses itens, foram apontadas 38 irregularidades. A falta ou desatualização do cartaz divulgando os canais de atendimento do Procon é outra infração que teve 11 situações irregulares. A lista com os estabelecimentos vistoriados, com o respectivo endereço, pode ser consultada no endereço www.procon.campinas.sp.gov.br assim como as notícias e canais de atendimento na cidade. Denúncias podem ser feitas pelo telefone 151. METRO CAMPINAS

Amanhã. MRV faz feirão para ‘queimar’ estoque de 60 imóveis prontos Entre amanhã e 23 de fevereiro, a MRV Engenharia, em Campinas, coloca 60 imóveis à venda com condições facilitadas de pagamento e prontas para morar, em um feirão que realiza no estacionamento do Campinas Shopping, das 10h às 22h. Segundo o diretor comercial da empresa, Sérgio Paulo Amaral dos Anjos, estarão em oferta unidades de dois e três quartos, com op-

ção de suíte e cobertura. Com média de preços de R$ 180 mil, a maior parte é elegível no programa do governo federal Minha Casa, Minha Vida, e tem subsídio de até R$ 25 mil. Além disso, a entrada pode ser parcelada em até 24 vezes, diretamente com a construtora. Mais informações no site www. mrv.com.br ou no telefone 4004-9000. METRO CAMPINAS

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

Região central e bairros foram visitados | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS


CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

Deficit em fundo pode elevar conta de luz em 4,6%

|09|◊◊ |08|◊◊

{ECONOMIA} {EDITORIA}

Energia. Conta de Desenvolvimento Energético tem rombo estimado de R$ 5,6 bilhões. Gastos incluem custo para bancar desconto de 20% das tarifas decretado no ano passado A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) propõe que os consumidores paguem, em 2014, um total de R$ 5,6 bilhões para cobrir o déficit estimado para a CDE (Conta de Desenvolvimento Energético), com impacto médio de 4,6% nas tarifas deste ano. A CDE serve para cobrir gastos com programas do governo, como com o Luz para Todos, voltado para a população de baixa renda. A conta também inclui recursos para bancar o custo da redução em 20% da tarifa de energia determinado no ano passado pelo governo federal. A proposta da Aneel ficará em audiência pública entre 13 de fevereiro e 16 de março. Segundo técnicos da agência, os valores serão repassados às tarifas dos consumidores nas respectivas datas de reajustes das distribuidoras que os atendem. O deficit de R$ 5,6 bilhões refere-se à diferença entre as receitas e as despesas previstas para 2014. Entre as receitas da CDE, que somam R$ 12,4 bilhões, está o aporte de R$ 9 bilhões do Tesouro Nacional já previsto no Orçamento. Já as despesas totalizam cerca de R$ 18 bilhões.

Esses valores não levam em conta um eventual auxílio das despesas das distribuidoras com a compra de energia no mercado de curto prazo (mais cara) em 2014, que chegou ao teto de R$ 822 por megawatt. Apesar de ser uma demanda das empresas, o governo ainda não tomou uma decisão sobre o assunto. O relator do processo na Aneel, diretor André Pepitone, disse que não foi incluída ainda a devolução pelos consumidores do aporte realizado ano passado para cobrir o custo maior da energia das termelétricas, que foram acionadas devido à queda no nível de reservatórios. A previsão é de que essa devolução ocorra em até 5 anos. “Como não houve determinação do governo para devolver no primeiro ano, não incluímos nada dessa devolução”, afirmou. METRO COM AGÊNCIAS

“É uma conta que tem receitas e despesas. Não tem mágica. Não tem política de manobra de números” ANDRÉ PEPITONE, DIRETOR DA ANEEL

de Desenvolvimento Energético (Valores, em R$) NO VERMELHO Conta Receitas

About 5% of adults used an illicit drug in 2010. You think it isn't much? It includes your grandparents and people in rural Africa! What drugs are they using? Do strict laws help prevent people from using them? How much will governments save after legalizing drugs and what would be the effect on society?

TOTAL

12,4 bilhões

9 bilhões

Tesouro Nacional*

557,6 milhões Uso do Bem Público (UBP) 218,2 milhões Multas 1,024 bilhão

Cotas da Reserva Global de Reversão (RGR)

1,270 bilhão

Pagamento de financiamentos feitos às concessionárias

323 milhões

Parcelamentos recebidos, relativos a cotas renegociadas da própria CDE, da RGR e da Conta de Consumo de Combustíveis (CCC)

Despesas

875 milhões

Programa Luz Para Todos

TOTAL

2,09 bilhões

Subvenção da tarifa social

4,6 bilhões

Subsídio à geração de energia nos sistemas isolados da região Norte

De onde vem parte dos recursos

18

bilhões Deficit

3,178 bilhões Pagamento de indenizações

5,6

bilhões

isso representaria uma alta de 4,6% na conta de luz

Carros. Venda de importado recua 3,2% O volume de veículos importados, considerando somente aqueles das marcas associadas à Abeiva (associação do setor), registrou queda de 3,2% em janeiro na comparação ao mês anterior; em relação a janeiro de 2013, no entanto, houve alta de 8,7%, mantendo a

$

$

$

participação de mercado estável em 3,18% do total de emplacamentos. A entidade ressalta que 2013 foi o primeiro ano completo de vendas das importadoras com o aumento dos 30 pontos do IPI. “A comparação de 2013 com 2012 ficou distorcida, pois nos primeiros meses de 2012 muitas importadoras ainda possuíam estoque de veículos embarcados antes do aumento”, explica Flavio Padovan, presidente da Abeiva. METRO


|10|

1

Ucrânia

1 .2. 3 . KONSTANTIN CHERNICHKIN/REUTERS

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{MUNDO}

Itália e EUA prendem mafiosos nos dois países New Bridge. Operação conjunta desmantela plano de tráfico intercontinental de drogas e armas com a América Latina

2 3

1

Tatuagem. Ativismo marcado na pele Um manifestante exibe sua tatuagem em Kiev, enquanto o presidente ucraniano Viktor Yanukovich tenta encontrar uma saída para o impasse sobre aproximação do país com a UE ou Rússia.

2

Tatuadores. Agulhas de prontidão Artistas ucranianos tatuaram cerca de cem manifestantes com imagens de símbolos nacionais e anti-governo em apoio ao movimento.

3

Em armas. Pelo menos, nos desenhos

Os manifestantes ucranianos tatuados mostram símbolos de combate, como as metralhadoras cruzadas sob uma máscara antigás e até brasões nacionais. METRO

As polícias da Itália e dos Estados Unidos desmantelaram ontem uma operação intercontinental da máfia. Foram presas 26 pessoas, acusadas de conspirar para movimentar milhões de dólares em drogas e armamentos entre a América do Sul, Itália e Estados Unidos. O FBI e agentes italianos realizaram em conjunto a operação “New Bridge” (Ponte Nova) simultaneamente logo após a meia-noite em Nova York e pouco antes do

amanhecer, na Itália, disseram as autoridades americanas e italianas em Roma. Os detidos foram acusados de tráfico internacional de drogas, lavagem de dinheiro e associação com o crime organizado. Os clãs da ‘Ndrangheta’ calabresa, uma versão da máfia siciliana no sul do país, e membros da família Gambino de Nova York, estavam em fase avançada de planos para contrabandear cerca de 500 kg de cocaína

pura da Guiana, na América do Sul, até o porto de Gioia Tauro, na Calábria. Investigadores italianos estimaram o valor de rua da cocaína após o corte em cerca de 750 milhões de euros (US$ 1 bilhão). As drogas, fornecidas por cartéis da América Latina, deveriam ser enviadas à Itália escondidas em carregamentos de frutas em conserva. Parte delas seriam, então, contrabandeadas para os EUA. METRO

Suspeito é levado sob custódia por agentes do FBI | BRENDAN MCDERMID/REUTERS

Rouhani diz que Irã vai Argélia. Queda de manter ‘pesquisa atômica’ avião mata 77 pessoas O presidente iraniano, Hassan Rouhani, criticou ontem as avaliações ocidentais de que uma solução militar para a disputa nuclear com Teerã seria uma opção e prometeu que o país seguirá “para sempre” com o que chamou de “pesquisa atômica pacífica”. Em discurso para comemorar o 35º aniversário da Revolução Islâmica de 1979, Rouhani também atacou as sanções econômicas impostas pelo ocidente, classificando-as como “brutais, ilegais e erradas”. E disse também que os países da região não têm nada a temer do Irã. As Forças Armadas iranianas fizeram um dispaSíria

O presidente iraniano em recente passagem por Davos | DENIS BALIBOUSE/REUTERS

ro-teste de dois novos mísseis fabricados no país na segunda-feira, o que mostra a determinação em seguir adiante com planos militares. As negociações com o Tailândia

grupo 5+1 - China, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Rússia e Alemanha - serão retomadas no dia 18 de fevereiro, em Viena, na Áustria. METRO Coreias

Um avião militar de carga que transportava parentes de membros das Forças Armadas caiu no leste da Argélia ontem, matando 77 pessoas, informou o Ministério da Defesa, menos do que os 103 citados pela mídia local. O ministério afirmou em comunicado que o mau tempo teria sido a causa do acidente, um do piores desastres aéreos no país do norte da África em uma década. “O avião colidiu contra uma montanha e explodiu. Vários corpos foram carbonizados e não poderão ser identificados”, disse uma autoridade da província de Oum El Bouaghi, a cerca de 500 quilômetros de Argel. A TV privada Ennahar afirEspanha

ONDE FICA Queda de avião na Argélia ESPANHA Mar Mediterrâneo

Argel M ARROCOS

T UNÍSIA

ARGÉLIA

O avião caiu próximo da cidade de Ain Kecha M AL I

mou que 103 pessoas teriam morrido. Outra autoridade disse mais cedo à Reuters que uma pessoa sobreviveu à queda e 53 corpos haviam sido recuperados até agora. METRO Maconha

Negociações não progridem

Novas eleições previstas em abril

Norte e sul se reúnem hoje

Juiz pede prisão de chineses

Flórida quer legalizar droga

O mediador internacional Lakhdar Brahimi disse ontem que as negociações entre o governo sírio e a oposição não estão progredindo muito. “O início dessa semana é tão trabalhosa como foi a primeira semana. Nós não estamos progredindo muito”, disse ele em uma entrevista em Genebra, após uma reunião entre os dois lados.

A comissão eleitoral da Tailândia disse ontem que tentará realizar eleições no dia 27 de abril em zonas eleitorais em que as votações de fevereiro foram interrompidas por manifestantes contrários ao governo. Manifestantes que querem derrubar a primeira-ministra Yingluck Shinawatra tentaram impedir a eleição na qual ela era favorita. METRO

As Coreias do Sul e do Norte terão uma reunião hoje e devem discutir uma série de questões, incluindo o encontro de famílias separadas, disse ontem o Ministério da Unificação da Coreia do Sul. Um grupo de autoridades de defesa e de segurança se reunirão em uma vila neutra na fronteira entre os dois países, disse o porta-voz do ministério. METRO

Um juiz espanhol determinou na segunda a prisão de um ex-presidente e de um ex-premiê da China por suspeitas de causarem genocídio no Tibet, num processo que dura oito anos. O juiz Ismael Moreno pediu à Interpol que emita uma ordem de prisão contra o ex-presidente Jiang Zemin, o ex-premiê Li Peng e três outros ex-funcionários. METRO

Os senadores estaduais Jeff Clemens e Joe Saunders, ambos democratas, apresentaram na segunda-feira projetos idênticos destinados a legalizar o uso médico da maconha no Estado norte-americano, na expectativa de aprovar a medida antes que uma emenda constitucional sobre o assunto seja levada a votação popular, em novembro. METRO

METRO


CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

|11|◊◊

Cenas quentes de sexo gay marcam ‘Praia do Futuro’ Polêmica. Para Wagner Moura, já passou da hora do tema ‘virar assunto’. Ator encarna salva-vidas que se envolve com um alemão no novo longa do cearense Karim Aïnouz, único brasileiro na competição oficial da 64ª Berlinale

Moura e Aïnouz na première do filme, ontem, em Berlim | ANDREAS RENTZ/GETTY IMAGES

Talvez “Praia do Futuro” seja o ápice dos temas recorrentes no cinema de Karim Aïnouz, 47, único brasileiro na competição oficial do 64º Festival de Berlim. Um deles é a ambiguidade do desfecho de seus personagens, que tomam o risco de se aventurar. “Adoro imaginar onde os personagens vão mergulhar, se perder, mas não dizer isso diretamente”, disse Aïnouz ontem a jornalistas após a estreia de seu novo filme. Nele, o salva-vidas Donato (Wagner Moura) e o motociclista alemão Konrad (Clemens Schick) se conhecem após uma tragédia no mar da praia de Fortaleza que dá nome ao filme – e se apaixonam. Os dois primeiros terços do longa são dedicados ao desenrolar desse amor, em um tipo de narrativa própria do cinema de Karim e de seus parceiros (como os diretores

Televisão. Band terá 15 horas diárias voltadas à Copa do Mundo durante competição

Dani Calabresa estará na bancada do CQC | DIVULGAÇÃO/BAND

A Band vai chegar com tudo para a cobertura da Copa do Mundo de Futebol no Brasil, que acontece de 12 de junho a 13 de julho. Em evento voltado para o mercado publicitário, realizado ontem no restaurante Fasano, a emissora destacou a intensa programa-

ção que vai dedicar ao futebol durante a competição, com 15 horas diárias nos 32 dias de Copa e mais de mil profissionais do Grupo Bandeirantes dedicados ao evento. Entre as novidades apresentadas está ainda a chegada de Dani Calabresa à bancada

do “CQC”. “Ótimo que o programa é ao vivo, aí posso improvisar e ninguém vai reclamar”, brinca Dani. Já Rafinha Bastos assume o comando do “Agora É Tarde”, enquanto Aline Midlej e Luis Megale vão apresentar o telejornal matinal “Café com Jornal”. METRO

Próximos projetos de Wagner Moura envolvem uma cinebiografia do palhaço Bozo, um longa com José Padilha e a estreia dele na direção com ‘Marighella’ Marcelo Gomes e Sérgio Machado). Nela, as experiências são exploradas em suas texturas: corpo, pele, movimento, olhar e toque provocam sensações tanto nos personagens como em nós, expectadores. No outro terço, o irmão caçula de Donato, Ayrton (Jesuíta Barbosa), vai a Berlim em seu encalço. E aí então o “mistério redentor” – como o diretor chama o destino de seus personagens – é explicitado. Aïnouz é veterano em festivais: “Madame Satã” (2002), “O Céu de Suely” (2006),

“Viajo porque Preciso, Volto porque te Amo” (2010) e “O Abismo Prateado” (2011) correram os três principais eventos de cinema do mundo (Cannes, Veneza e Berlim). Mas “Praia do Futuro” marca sua saída das mostras paralelas e entrada no time que disputa os grandes prêmios. Como “Praia do Futuro” gira ao redor do amor de dois homens – e as cenas de sexo são quentes –, o tema foi inevitável na conferência com jornalistas. Moura foi direto: já passou da hora de isso “virar um assunto”. “Não quero dizer que não é um tema importante, mas [o romance entre dois homens] já deveria ser encarado com naturalidade, não ainda com estranhamento”, disse o ator. NATÁLIA PAIVA DIRETO DE BERLIM

Cinema. Estrela de ‘Heidi’, Shirley Temple morre aos 85 anos Uma das primeiras atrizes de Hollywood a se tornarem celebridade na infância, Shirley Temple morreu anteontem de causas naturais, aos 85 anos, em sua casa na Califórnia. Apesar de ter se aposentado do show business com apenas 21 anos, em 1949, e ter embarcado em uma

carreira na diplomacia, ela imortalizou a imagem de garota-prodígio e boa menina com seus cachinhos dourados, sorriso cativante e rosto angelical. Temple cantava, atuava e dançava desde os três anos, idade com a qual estrelou seu primeiro filme. METRO

2 CULTURA

Gilberto Gil

Novo álbum em março

Assim como Chico Buarque fez em seu último álbum, “Chico”, Gilberto Gil começa a divulgar o mais novo trabalho, “Gilbertos Samba”, em pequenas partes. A primeira delas acaba de vir a público com o vídeo de Gil no estúdio cantando uma versão de “Você e Eu”, gravada em 1961 por João Gilberto, o homenageado do disco, que chega às lojas em março. Assista ao vídeo em metrojornal.com.br.


|12|

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{VARIEDADES}

Cantando no chuveiro com tecnologia

Os invasores

Protestos

Cruzadas

Gostaria de ouvir ou ler uma entrevista com os pais destes moleques que nem sabem os motivos pelos quais protestam. Queria saber o porquê destes pais não educarem seus filhos. Acho que os pais devem ter responsabilidade nas atitudes dos filhos menores, uma vez que estes não podem responder por nada de errado. JOSÉ RICARDO LUCARELLI – CAMPINAS, SP

Música. Ducha que se conecta à caixa de som deixa o banho com mais estilo Para os cantores de chuveiro de plantão, uma novidade lançada no mercado pode transformar o karaokê da hora do banho em show de calouros! O Kohler Moxie 2.5 GPM é uma ducha com uma caixa de som wireless acoplada e que se conecta, via bluetooth, com dispositivos de música e smartphones, que estejam até 10 metros de distância dele. Por meio de uma bateria

Leitor fala

Protestos II Os únicos heróis de máscara que conheço estão no cinema e nos livros.

recarregável de lítio que dura até sete horas, o aparelho pode ser adaptado para o chuveiro do banheiro, sem necessidade de reformas.

LUCAS MONTEIRO CUNHA – CAMPINAS, SP

Estiagem Fiquei completamente estarrecida com as colocações do vereador André Von Zuben na segunda-feira. Ele se referiu em relatório sobre reunião que participou representando a Câmara sobre o assunto estiagem. O problema é grave e não se limita à tão esperada chuva. O buraco é mais embaixo, passa por políticas públicas para o abastecimento dos reservatórios para a captação de água na região de Campinas.

Dois em um A cantoria vai até o infinito! Como a caixa de som e a ducha são peças independentes, o usuário pode desconectar a caixinha e carregá-la para onde quiser, basta desembolsar US$ 199 (cerca de R$ 480). METRO

CIDA FULFULE – CAMPINAS, SP

Metro Pergunta

Qual é a sua opinião sobre os black blocs? Sudoku

Siga o Metro no Twitter: @Jornal_MetroCPS

@MaranhaoAntonio

Não faltam indícios que comprovam que os black blocs, muitas vezes, têm motivações nebulosas. Condeno as atitudes dos meliantes. @vipurgato

A partir do momento em que os vândalos já vão aos protestos com máscaras, é porque não estão bem intencionados. @ma_libu

Acho que alguns protestos são válidos, mas não me agrada a postura dos black blocs.

Metro web Para falar com a redação:

leitor.camp@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Cantar no banho ganha nova roupagem | DIVULGAÇÃO/KOHLER

Horóscopo

Está escrito nas estrelas

www.estrelaguia.com.br

Às vezes recuar um passo sempre ajuda a ter mais passos futuramente. Não se sinta constrangido se precisar estagnar para resolver algo.

Período para não sobrecarregar energias físicas e emocionais. Dose o tempo para solucionar os assuntos com ponderação e sem alardes.

Ser atento as informações será essencial para não cometer equívocos ou precipitar decisões que envolvam negócios ou parcerias.

Momento mais propício para falar sobre costumes e desvendar pensamentos com quem se relaciona. Atente-se ao jeito de se expor.

Momento importante para conversas sobre objetivos em comum na relação e para descobrir afinidades se estiver em alguma paquera.

Com a Lua em seu signo oposto, Câncer, a compreensão dos pensamentos divergentes dos seus será um exercício diante das convivências.

Tenha atenção dobrada com assuntos financeiros e despesas que possui, principalmente para evitar as desnecessárias.

Procure ponderar o quanto compensa envolver-se com responsabilidades ou mudar planos, seja sozinho ou junto às relações.

Há propensões para mudar procedimentos com algum projeto que não apresenta o resultado desejado. Pondere antes de decisões.

Com a Lua em seu signo, estará mais sentimental do que de costume. Sua vontade de esclarecer assuntos do passado será mais intensa.

Mais envolvimento com atividades culturais, estudos e viagens são tendências a marcar seu dia. Poderá repensar planos nestes temas.

O contato com vivências sociais diferentes está favorecido e tende a marcar bons momentos que amenizem desgastes.


CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{CULTURA}

|13|◊◊

Feverestival retorna com orçamento apertado Maratona teatral. Com custos avaliados em R$ 250 mil, evento luta contra os baixos investimentos e busca popularização da arte

‘Antígona Recortada’ terá o Castro Mendes como palco no sábado | DIVULGAÇÃO

Grupo The Paper Cinema sai da Inglaterra para vir ao festival | DIVULGAÇÃO

Uma maratona teatral volta a tomar conta de Campinas a partir de sexta-feira. Ausente do calendário artístico da cidade nos últimos dois anos por falta de investimento, o Feverestival alcança sua décima edição com um número expressivo de eventos: 54. Uma série de peças, oficinas e performances invade pontos distintos da cidade – do Castro Mendes aos auditórios da Unicamp – durante 15 dias. A expectativa da organização é que o festival seja prestigiado por 30 mil pessoas. Embora o número de espetáculos demande uma grande equipe – às vésperas da abertura, 30 profissionais de comunicação e produção trabalham no evento –, o orçamento apertado do Feverestival segue como um grande entrave. Mesmo com cinco parceiros e diversos apoiadores, os R$ 250 mil de orçamento, segundo a coordenadora Cynthia Margareth, estão “aquém do esperado”. Diante do baixo aporte, o segredo para a realização da décima edição é o envolvimento de profissionais ligados ao teatro e colaboradores. Buscando a popularização do teatro – um dos objetivos traçados pela organização –, uma “invasão cênica”, como foi intitula-

do o primeiro dia de atividades, leva, na sexta-feira, das 10h às 18h, companhias a terminais de ônibus de Campinas e ao aeroporto de Viracopos. Apesar de contar com apresentações gratuitas, a qualidade dos roteiros não foi deixada de lado no Feverestival. A oportunidade de se apresentar fora do Reino Unido motivou os ingleses do grupo The Paper Cinema a voarem até Campinas. Promovendo a junção de plataformas e com uma banda tocando ao vivo, os britânicos interpretam “Cinema’s Odissey”, uma das montagens que se destacam na programação. Na lista das atrações, figuram também “Clownferência”, “Antígona Recortada”, “Recusa” e “Coelho Branco, Coelho Vermelho”. Este último, encenado sempre por atores diferentes, chega com uma proposta inovadora – e consideravelmente estranha. Idealizado pelo iraniano Nassim Soleimanpour, “Coelho Branco, Coelho Vermelho” só pode ser interpretado por quem não teve contato prévio com a obra. Uma prova de fogo para quem vai ao palco. A programação completa está em www.feverestival.com.br

‘Circo de Pulgas’, voltado para crianças, vai ao Sesc no dia 22 | DIVULGAÇÃO

METRO CAMPINAS

De volta aos palcos

Malabarismo está presente em ‘La Scarpetta’ | DIVULGAÇÃO

Festival é ‘celeiro’ de novos atores

Atrizes de ‘Antígona’ se apresentam ao ar livre, na Praça da Paz | DIVULGAÇÃO

pela jovem de 26 anos, a experiência ao trabalhar na organização da maratona cênica serviu para que se envolvesse com o Lume O hiato de dois anos do Fe- Teatro e adquirisse know-how no mundo artístico. verestival provocou queiApós o debute em “O xas por parte de atores e produtores culturais da re- Sonho de Ícaro”, há quatro gião. Importante para que anos, Cristiane notou a dio teatro local se mantenha ficuldade para captar novos patrocinadores para o em evidência, o evento funciona como uma porta teatro local. “Mas alguns parceiros sempre arrande entrada na profissão. jam um jeito de apoiar”, Cristiane Taguchi, reressalta. cém-formada em Artes Mais experiente, ela Cênicas pela Unicamp, é uma das “crias” do Fevers- agora é integrante da Honesta Companhia de Teatival. Sua chegada a Camtro, que estará na Praça da pinas coincidiu com uma das edições mais elogiadas Paz, no dia 21 deste mês, do evento, a de 2010. Clas- com a montagem “Antígona”. sificada como “enorme” METRO CAMPINAS

Peça ‘O Casamento do Pequeno Burguês’ será encenada no dia 24 | DIVULGAÇÃO


3 ESPORTE

|14|

CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

{ESPORTE}

A LISTA DO FELIPÃO GOLEIRO

Palmeiras

ZAGUEIROS

Julio Cesar

Thiago Silva

Queens Park Rangers (ING)

Paris Saint-Germain (FRA)

David Luiz

LATERAIS

Daniel Alves Barcelona (ESP)

Treinos da semana definirão se Bruno César joga clássico

VOLANTES

Chelsea (ING)

Dante

Bayern de Munique (ALE)

Luiz Gustavo Wolfsburg (ALE)

Paulinho Tottenham (ING)

Rafinha

Marcelo

Real Madrid (ESP)

Oscar

Chelsea (ING)

Manchester City (ING)

Ramires Chelsea (ING)

ATACANTES

MEIAS

Bayern de Munique (ALE)

Fernandinho

Willian Chelsea (ING)

Hulk Zenit (RUS)

Bernard

Shakhtar Donetsk (UCR)

Neymar Barcelona (ESP)

Falta muito pouco Seleção. Scolari convoca lista de ‘estrangeiros’ para amistoso contra a África do Sul. Técnico promete surpresas na relação de jogadores que atuam no futebol brasileiro Fernandinho, do Manchester City, e Rafinha, do Bayern de Munique, são as principais novidades da Seleção Brasileira para enfrentar a África do Sul em amistoso que será realizado no próximo dia 5 de março.

O anúncio da lista de 16 jogadores que atuam fora do Brasil foi feito pelo técnico Luiz Felipe Scolari no início da tarde de ontem. A divulgação dos nomes restantes será feita mais próximo da data de apresentação do grupo, marcada para 3 de março. E a expectativa é que Fred, do Fluminense,

que se recupera de lesão, esteja presente. Mais três jogadores que atuam no Brasil: “Levarei 19 ou 20 [atletas]. São dois atacantes e um goleiro. Pode ser que tenha uma novidade”, disse Scolari. Mesmo com apenas uma partida disputada neste ano, o goleiro Julio Cesar foi man-

De acordo com o técnico Gilson Kleina, o desempenho do meia Bruno César nos treinamentos desta semana definirá se ele será ou não aproveitado no clássico deste domingo contra o Corinthians. “Entrar em campo contra o Corinthians é um dos objetivos. Não importa se por 45 minutos ou os dois tempos. É um clássico com mando deles. Quero é estar bem”, disse o jogador. De acordo com Kleina, ele definirá ainda hoje a participação do meia de 25 anos. METRO

tido. As principais ausências ficaram por conta de Robinho, machucado, e Kaká, ambos do Milan, e Hernanes, da Inter de Milão. Esta é a última convocação antes da relação definitiva com os 23 jogadores que disputarão a Copa do Mundo. A lista final será divulgada no dia 7 de maio. METRO

Bruno César quer estrear contra o Corinthians

INTS KALNINS/REUTERS

Anna Sidorova comanda a equipe da Rússia no curling | INTS KALNINS/REUTERS

A musa do gelo

Tênis

Nadal

O espanhol Rafael Nadal confirmou presença no Aberto do Rio, que será disputado entre 15 e 23 de fevereiro. “A passagem já foi comprada”, disse o número 1 do ranking.

Os Jogos Olímpicos de Inverno não completaram nem uma semana em Sochi, na Rússia. Mas já é possível afirmar que a cidade já elegeu sua “namoradinha”. Anna Sidorova, capitã da equipe russa de curling, é a queridinha da Olimpíada Aos 23 anos, cabe a ela a responsabilidade de jogar os rivais para fora da competição. De quebra, ela varreu o coração dos marmanjos. Tanto que já recebeu diversas cantadas de jornalistas, a ponto de o assunto ser considerado “inapropriado” em coletivas de imprensa. Além disso, também graças à ela – que, aliás, é solteira – os ginásios de Sochi estão cheios para apoiar Sidorova e suas companheiras. Também pela partida de curling, mas não só por ela.

Sidorova, ao centro, arremessa a pedra

“Primeiro somos atletas profissionais, depois, moças bonitas”

O curling inicia hoje o terceiro dia de competição em Sochi. Confira os principais resultados do feminino: • 1ª rodada (2ª feira). China 2 x 9 Canadá, Suíça 7 x 4 EUA, Rússia 7 x 4 Dinamarca, Suécia 6 x 4 Grã-Bretanha.

ANNA SIDOROVA

“É ótimo ouvir que as pessoas nos conhecem e gostam de nós. Mas é muito melhor quando elas gostam do nosso jogo e entendem o que estamos fazendo”, disse a musa. Passado de patins Antes de se tornar a principal atleta da Rússia no curling, Sidorova praticava patinação artística. A carreira foi interrompida por uma lesão. Por isso, aos 14 anos, ela migrou para o esporte das pedras e vassouras. Em 2010, aos 19, ela participou dos Jogos de Vancouver, no Canadá. METRO

Resultados

• 2ª rodada (ontem). Coreia do Sul 12 x 7 Japão, Rússia 9 x 7 EUA, Suíça 7 x 6 Dinamarca, Suécia 3 x 9 Canadá. ��� 3ª rodada (ontem). Coreia do Sul 6 x 8 Suíça, Grã-Bretanha 12 x 13 EUA, China 7 x 5 Rússia, Dinamarca 3 x 8 Japão.

Atleta já fez ensaios para revistas masculinas | REPRODUÇÃO/FACEBOOK

• 4ª rodada (hoje). EUA x China, Coreia do Sul x Suécia, Japão x Rússia, Canadá x Grã-Bretanha


CAMPINAS, QUARTA-FEIRA, 12 DE FEVEREIRO DE 2014 www.readmetro.com

Enfim, o Ituano

{ESPORTE}

|15|◊◊

Peixe. Amarelo ouro

De volta para o passado. Ponte enfrenta hoje o Ituano, partida adiada da 1ª rodada do Campeonato Paulista, para igualar jogos dos demais times e engatar a 4ª vitória seguida O Majestoso desta vez está pronto para receber a partida entre Ponte Preta e Ituano, hoje, às 19h30, que deveria ter sido realizada na 1ª rodada do Campeonato Paulista, mas foi adiada a pedido da Ponte. A razão foi a polêmica relacionada ao laudo do Corpo de Bombeiros, que não liberou a casa da Macaca para a estreia. Se vencer, a Ponte Preta consolida a segunda colocação do Grupo C, que tem o Santos como líder. A Ponte Preta entra em campo em um momento totalmente diferente do que tinha no início do campeonato. Nas mãos do técnico Vadão, o time cresceu e continua com 100% de aproveitamento em três jogos – resultados que colocaram o clube na cola do líder Santos. Para a partida, o treinador vai manter a equipe que iniciou o jogo contra o São Paulo. O meia Adrianinho e o volante Bruno Silva seguem fora. Tchô e Alef entram. As novidades ficam no banco de reservas. O lateral-esquerdo Carleto e o volante Bida estarão à disposição do treinador.

PONTE PRETA • •

ITUANO

Estádio. Moisés Lucarelli, em Campinas, 19h30. Transmissão. Sportv, Rádio Bandeirantes, AM 1.170.

O adversário também tem uma boa campanha. É o segundo colocado no Grupo B, com nove pontos. O líder é o Botafogo, com 13. Na última rodada, o triunfo foi sobre o Oeste de Itápolis. Boa fase O atacante Alemão comemora o bom momento com o técnico Vadão. Depois das críticas nos primeiros jogos, a chegada do treinador fez o jogador voltar a balançar as redes. A solução foi mudar o posicionamento do jogador, que ficava fixo na área e agora fica mais solto para buscar a bola um pouco mais atrás e pelos cantos.

Alemão está mais leve após gols | PEDRO AMATUZZI/SIGMAPRESS/FOLHAPRESS

CARLOS GIACOMELI

METRO CAMPINAS

Guarani procura equilíbrio e reação contra o Monte Azul bado, contra o Barueri. O clube tenta novamente liberar o estádio de Paulínia para enfrentar a Ferroviária, na próxima quarta-feira.

O Monte Azul é o obstáculo do Guarani pelo Campeonato Paulista da Série A-2 hoje, às 16h. Com altos e baixos até aqui no Estadual, a equipe tenta se recuperar da derrota para o Marília na última rodada com apenas uma mudança do time. O técnico Márcio Fernandes vai colocar o atacante Roninho no lugar de Tiago Cavalcanti. Os outros titulares são os mesmos que estiveram em campo no último sábado. O Monte Azul promete ser pedra no sapato dos bugrinos. A equipe soma até aqui nove pontos, na 4ª colocação, dois a mais do que os campineiros, que estão na 12ª posição. Até aqui, o Bugre não conseguiu embalar. Foram cinco jogos com apenas duas vitórias. Indaiatuba e Paulínia O Guarani confirmou que jogará em Indaiatuba no sá-

METRO CAMPINAS

Equipe quer as primeiras colocações do Estadual | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO

Geuvânio foi o artilheiro da noite na Vila | GUILHERME DIONIZIO /FOLHAPRESS

20 SANTOS

COMERCIAL

O Peixe segue irresistível no Campeonato Paulista. Ontem, no complemento da 7a rodada, a vítima foi o Comercial. O alvinegro estreou seu uniforme amarelo, que parece ter dado sorte ao atacante Geuvânio, destaque do duelo. Na Vila Belmiro, os comandados do técnico Oswaldo de Oliveira venceram por 2 a 0 e, além da vitória, superaram o Palmeiras. Agora o clube ostenta a melhor campanha da competição até aqui, com 90,5% de aproveitamento. O gol que inaugurou o placar foi anotado logo aos 12 minutos. Depois de belo passe do lateral Cicinho,

Geuvânio passou pela marcação e, já na pequena área, fuzilou o goleiro Marcelo Henrique. E foi o mesmo Geuvânio que ampliou, aos 39, em contra-ataque puxado por Leandro Damião, o atacante só teve o trabalho de empurrar para as redes. Na volta do intervalo, o Peixe manteve o ritmo e a postura ofensiva, que aumentou ainda mais aos 22, com a expulsão do lateral Wilian Simões, do Comercial. Oswaldo aproveitou para promover a entrada do artilheiro Gabriel. Quatro minutos depois, foi a vez de Geuvânio deixar o campo bastante aplaudido para entrada de Rildo. O Santos volta a campo pelo estadual no domingo, às 18h30, para encarar o Ituano no estádio Novelli Júnior, em Itu. METRO



20140212_br_metro campinas