Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela Gráfica Moura Ltda.

UMA ANIMAÇÃ0 100% BRASILEIRA ‘MINHOCAS’ É O PRIMEIRO LONGA-METRAGEM EM STOP MOTION PRODUZIDO NO PAÍS PÁG. 12 BRASÍLIA Sexta-feira, 20 de dezembro de 2013 Edição nº 408, ano 2 MÍN: 18°C MÁX: 25°C sunny

snow

rain

partly sunny

cloudy

sleet

thunder

part sunny/ showers

www.readmetro.com | leitor.bsb@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobsb

hazy

thunder showers

windy

Desemprego volta a cair e renda cresce

showers

Melhor que o esperado. Mercado previa que a taxa de desocupação em novembro alcançasse até 5,2%, mas índice ficou em 4,6%, o menor da série do IBGE, iniciada em 2002 PÁG. 08

Barreira entre o Sudoeste e a Octogonal é uma das 22 instaladas depois de um aditivo feito pelo Detran a um contrato sob investigação L.F. BARCELOS/METRO BRASÍLIA

Investigação ignorada

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Detran faz aditivo de 24% a contrato sob suspeita e instala 22 novas barreiras PÁG. 06

Polícia prende 19 envolvidos em confronto entre torcidas

Joaquim Barbosa festeja prisões, mas é cético sobre impacto

Prisões foram feitas no Paraná, em Santa Catarina e no Rio de Janeiro. Todos participaram da briga entre torcedores do Atlético-PR e do Vasco na última rodada do Campeonato Brasileiro PÁG. 20

TJ absolve Arruda, que pode concorrer

Presidente do STF avalia que julgamento do mensalão não sinaliza fim da corrupção PÁG. 03

Ex-governador era acusado por problema em reforma de ginásio

PÁG. 06


1 FOCO

|02|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Aeroportos devem ter movimento recorde Fim de ano. Previsão das companhias aéreas é a de que 400 mil pessoas passem pelos principais terminais do país hoje. Aeroviários e aeronautas aceitam a proposta de 5,6% de aumento salarial e desistem de greve Os aeroportos brasileiros irão registrar hoje movimento recorde de passageiros. Segundo previsão da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), 400 mil pessoas devem embarcar em voos domésticos e internacionais nos principais terminais do país. As confirmações de reservas pelas empresas do setor aéreo chegam a 95% para hoje. “Vai ser o pico do ano. Nem nas vésperas de Natal nem de Ano Novo o movimento esperado é tão grande”, afirmou o presidente da Abear, Eduardo Sanovicz. O dia de movimento recorde nos aeroportos ocorre após uma negociação entre o sindicato dos aeronautas e os empresários pôr fim a uma ameaça de greve. Após uma reunião na tarde de ontem, o sindicato que representa 18

pilotos”, disse o presidente do sindicato, Marcelo Ceriotti.

“Teremos movimento intenso, mas a família brasileira pode ter certeza de que terá um Natal com tranquilidade.” MOREIRA FRANCO, SECRETÁRIO DA AVIAÇÃO CIVIL

mil pilotos, copilotos e comissários de bordo aceitou a proposta de um reajuste salarial de 5,6%, o que equivale a inflação deste ano. Inicialmente, a categoria pedia 12%. “O percentual não é o esperado, mas houve avanço em cláusulas sociais, como a criação do piso salarial para pilotos e co-

Operação especial Um acordo entre as empresas, a Infraero e as concessionárias que administram os aeroportos colocará em operação hoje um esquema especial de funcionamento. As companhias colocarão 15 aeronaves reservas distribuídas em pontos estratégicos de hubs (terminais com grande movimento e conexões). Para evitar filas nos balcões de check-in, as empresas suspenderam folgas e férias e refizeram as escalas para reforçar o contingente de pessoal no atendimento. A Infraero colocará mais 305 funcionários nos terminais para auxiliar as operações neste fim ano. METRO

Aeroportos terão esquema especial para atender demanda | LUIS MOURA/FOLHAPRESS

Brasil negocia com Suécia empréstimo de ‘caças tampão’ Documento inédito

Lista de subversivos O ex-presidente João Goulart pode ter sido espionado pelo governo argentino a pedido do Exército brasileiro durante o exílio. A família de Jango entregou ontem à Comissão Nacional da Verdade uma lista, classificada como documento confidencial, que relaciona 90 nomes de ‘subversivos brasileiros’, que deveriam ser monitorados. Os papéis são de 1974, quando foi iniciada a ditadura militar na Argentina. A denúncia será usada para reforçar que o ex-presidente pode ter sido assassinado.

O governo brasileiro negocia o “empréstimo” de caças da Força Aérea sueca até que os primeiros Gripen NG, modelo escolhido para o programa de modernização da FAB (Força Aérea Brasileira), cheguem ao país. A previsão é de que os primeiros aviões de combate sejam entregues em 2018. No total, o governo federal desembolsará US$ 4,5 bilhões por 36 caças. Até lá, a FAB quer utilizar entre seis e 12 Gripen C/D. À frente das negociações com a Saab, empresa sueca fabricante dos caças, o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, informou que pretende “pechinchar ao máximo” para reduzir o custo das aerona-

Obsoletos, F5-M farão a defesa aérea | TC SÉRGIO/FAB

ves reservas. Segundo Saito, o governo sueco já havia feito a oferta do empréstimo e deixou em aberto o valor da operação até o resultado da licitação pelo Ministério da Defesa.

Enquanto os reservas não chegam, o Brasil contará apenas com 46 F-5 modernizados pela Embraer em 2005. Isto ocorre porque, no dia 31, a FAB aposentará 12 Mirage-2000. METRO

Chuva deixa três mortos no ES Cerca de 18 mil pessoas tiveram que deixar suas casas após os temporais que atingem o Estado. Em Vitória, já choveu 42% mais do que o esperado para o mês. Em todo o país, 35 pessoas morreram em decorrência das chuvas | YURI BARICHIVICH/FOLHAPRESS

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 061/3966-4615

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145) Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso

leitor.bsb@metrojornal.com.br 061/3966-4607

O jornal Metro circula em 24 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Metro Brasília. Diretor-editor: Cláudio Humberto. Editor-Executivo: Lourenço Flores (MTB: 8075) Diagramação: Natalia Xavier. Gerente Executivo: Vandler Paiva Grupo Bandeirantes de Comunicação Brasília. Diretor Geral: Flávio Lara Resende

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: SBS Quadra.02 - Bloco "Q" - Ed. João Carlos Saad - 15º andar, CEP 70070-120, Brasília, DF, Tel.: 061/3966-4615. O jornal Metro é impresso na Gráfica Moura.

Filiado ao


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

|03|◊◊

‘Prisões do mensalão rompem com tradição de impunidade’ Balanço. Presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, avalia, contudo, que corrupção não diminuirá. Últimas prisões sairão ainda este ano As primeiras prisões de políticos no exercício do mandato depois da redemocratização foram consideradas ‘a grande novidade do ano’, segundo avaliação do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa. Ao fazer o balanço de fim de ano, o ministro afirmou que a punição dos parlamentares rompeu com uma tradição de impunidade no país. “Essa é a novidade deste ano, rompimento com uma tradição longa”, afirmou. Ao todo, o STF mandou quatro deputados para a prisão. Natan Donadon (sem partido-RO), que cumpre pena de 13 anos de prisão por desvio de recursos públicos, e José Genoino (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT), condenados no julgamento do mensalão.

“Em democracia, não diria que é um fato banal. Não há por que se criar exceções para A, B ou C em função dos cargos que exercem.” JOAQUIM BARBOSA, PRESIDENTE DO STF

Todos cumprem pena no presídio da Papuda. Joaquim Barbosa, porém, manifestou pessimismo com o caráter pedagógico da prisão para evitar novos casos de corrupção no meio político. “Não tenho ilusão quanto a isso, não”, afirmou o ministro. Últimas prisões Apenas quatro dos 25 condenados no julgamento do mensalão ainda estão com a situação pendente. O ministro

assegurou ontem que ordenará as prisões ainda este ano. “Nestes próximos dias, devo soltar algumas decisões que estavam pendentes por absoluta falta de tempo”, declarou, sem dar detalhes. O deputado João Paulo Cunha (PT-SP) deverá ser o próximo a ser preso. Joaquim Barbosa também deverá decidir sobre o ínicio do cumprimento da pena do ex-dono da corretora Bônus Banval Breno Fischberg e sobre os pedidos de prisão domiciliar de Genoino e de Roberto Jefferson. O ministro aproveitou para fazer críticas ao sistema penitenciário. “A grande dificuldade é que o Judiciário não tem poder de construir e melhorar prisões. É tarefa do Executivo, que, pelo visto, não tem interesse em nada disso”, apontou. METRO BRASÍLIA

Joaquim Barbosa também fez críticas ao sistema penitenciário | FELLIPE SAMPAIO/STF

Ministro defende debate sobre a descriminalização da maconha O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Roberto Barroso defendeu ontem um debate público sobre a lei deixar de considerar crime porte e consumo de pequenas quantidades de maconha. Barroso analisava pedido de habeas corpus feito pela Defensoria Pública para redução de pena de dois homens condenados por tráfico de drogas.

Para o ministro, a atual legislação causa um grande problema social. “Minha constatação pior é que jovens, negros e pobres entram nos presídios por possuírem quantidades não tão significativas de maconha e saem de presídios escolados no crime”, afirmou. O ministro ressaltou, no entanto, que a avaliação

não trata da defesa de um descriminalização de todas as drogas. “Não vou entrar na discussão sobre os malefícios maiores ou menores que a maconha efetivamente causa. Mas é fora de dúvida que esta é uma droga que não torna as pessoas antissociais”, declarou. Barroso salientou ainda que o debate permitirá

que seja atacado o problema não apenas visando atingir o usuário, mas também o poder do tráfico. “A criminalização fomenta o submundo, dá poder politico e econômico aos barões do tráfico, que oprimem as comunidades porque oferecem remunerações maiores que o Estado e o setor privado em geral”, avaliou. METRO BRASÍLIA

Dilma cobra rigor contra violência policial

Dilma participou do Natal dos catadores | MARCELO CAMARGO/ABR

A presidente Dilma Rousseff manifestou ontem apoio à proposta parada no Congresso que pune com mais rigor a violência cometida por policiais. Atualmente, ocorrências de agressão e até mortes são classificados como ‘autos de resistência’ ou ‘resistência seguida de morte’ e, em muitos casos, nem sequer são registradas em boletins de ocorrência. O projeto de lei 4.471 de 2012 altera o Código de Processo Penal para impedir prá-

ticas como a alteração do local do corpo e exigir que seja cumprida a regra que permite apenas peritos e pessoas indicadas pelas famílias das vítimas a fazer o acompanhamento de autópsias. “O governo federal repudia toda forma de violência contra o ser humano. Violência que é mais grave ainda sobre alguém que vive nas ruas e já se encontra numa situação de vulnerabilidade. Não podemos permitir que estas pessoas sofram a violência,

nem muito menos que esta violência fique impune”, discursou Dilma durante cerimônia de Natal dos catadores de lixo, em São Paulo. O tema foi levantado pela categoria, que pediu um minuto de silêncio pelas vítimas da violência. A proposta está pronta para votação no plenário da Câmara desde setembro do ano passado. Chegou a ser incluída na pauta prioritária, mas não chegou a ser votada. METRO BRASÍLIA

Minas Gerais. Quadrilha fraudou Enem O grupo preso no começo de dezembro por suspeita de venda de vagas em cursos de medicina em Minas Gerais e no Rio de Janeiro também é investigada por fraude no Enem (Exame Nacional de Ensino Médio). Segundo a polícia, a fraude ocorreu no exame deste ano, em Barbacena (MG). A quadrilha teria pagado R$ 10 mil a um fiscal da prova, que vazou os cadernos de cor amarela para um dos criminosos. A polícia informou que o fiscal ainda não foi identificado. Segundo as investigações, o preço cobrado dos candidatos variava de R$ 70 mil a R$ 100 mil. O pagamento só era feito depois que os candidatos conseguissem a vaga nas universidades federais. Ainda não há um levantamento do número de pessoas que podem ter sido beneficiadas no exame. A Operação Hemostase prendeu 21 pessoas, que atuavam em 11 universidades -cinco continuam presas. A partir de agora, a investigação será assumida pela Polícia Federal. METRO

Cartel em SP

Supremo escolhe relator da ação O ministro Marco Aurélio Mello será o relator da investigação no STF da denúncia de fraudes em licitações no sistema de trens e metrô de São Paulo. O processo chegou à Corte porque envolve o deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP) no rol de 10 investigados. METRO BRASÍLIA Caso Joaquim

Polícia indicia padrasto A Polícia Civil de São Paulo indiciou ontem Guilherme Longo por homicídio doloso triplamente qualificado pela morte do garoto Joaquim Marques, 3. O menino desapareceu de casa, em Ribeirão Preto, interior paulista, em 5 de novembro, e só teve o corpo encontrado dias depois em um rio. A psicóloga Natália Ponte, mãe do garoto, era suspeita de coautoria e chegou a ficar presa por 31 dias, mas não será responsabilizada pela morte do filho no inquérito policial. METRO


|04|

Política

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

CLÁUDIO HUMBERTO WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

NEM A PEDIDO DA PF DILMA AFASTA DIRETOR SUSPEITO Responsável pela Operação Agro-Fantasma, que investiga desvio de recursos públicos na Cia. Nacional de Abastecimento (Conab), do Ministério da Agricultura, o delegado Maurício Todeschini, da Polícia Federal, pediu o afastamento do cargo de Silvio Porto, diretor de Política Agrícola, um dos principais investigados. O governo ignorou a solicitação. Nestes casos, a PF teme a eventual destruição de provas.

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS

FORA DA COTA No PMDB, é consenso que o comando do Ministério do Turismo deverá sair da cota do senador José Sarney, a quem é atribuída a indicação de Edison Lobão para o importante Ministério de Minas e Energia.

DE OLHO NAS RUAS

“Não tenho ilusão quanto a isso, não.” MINISTRO JOAQUIM BARBOSA CÉTICO QUANTO À MUDANÇA DOS POLÍTICOS APÓS O MENSALÃO

SERVIÇOS PRESTADOS Com fama de ativo “captador” de doações para as campanhas do PT, Silvio Porto é tido como uma das eminências pardas do governo Dilma.

‘RAINHA’ COM MEDO

Gilberto Gil | BENOIT TESSIER/REUTERS

Silvio Porto, diretor de Política Agrícola da Conab | WILSON DIAS/ABR

Silvio Porto manda mais que Rubens Rodrigues Santos, presidente que tem medo do subordinado e virou uma “rainha da Inglaterra” da Conab.

COSTAS LARGAS Outro fator de estabilidade de Silvio Porto no cargo é sua ligação ao ministro Gilberto Carvalho, chefe da Secretaria-Geral da Presidência.

BLINDAGEM Levado para depor, Silvio Porto foi liberado no mesmo dia. A PF pediu também, sem êxito, mandado de busca e apreensão na casa dele.

AÉCIO QUER CÁSSIO DISPUTANDO GOVERNO PARAIBANO Em busca de palanques fortes nas eleições à Presidência, Aécio Neves (PSDB-MG) pressiona o senador correligionário Cássio Cunha Lima a disputar o governo da Paraíba, em 2014. Levantamento encomendado ao Consult Pesquisa mostra Cássio com 41,35% das intenções de votos, o dobro do governador Ricardo Coutinho (PSB), que tem apenas 20,35%. Já Veneziano (PMDB) aparece em terceiro lugar, com 13%.

MAL NA FITA O governador Ricardo Coutinho tem alta rejeição (21% não votariam nele de jeito nenhum) contra 13% de Veneziano e 7,5% de Cássio.

LADEIRA ABAIXO Os protestos de rua detonaram o apoio ao governo Ricardo Coutinho: caiu de 29,6% em abril para 20,5% em agosto e 16,95% em dezembro.

SOB NOVA DIREÇÃO Ex-presidente da Frente Parlamentar do Agronegócio, o deputado Moreira Mendes (RO) será o líder do PSD na Câmara, em 2014.

O cantor e ex-ministro Gilberto Gil gravou o jingle do programa nacional de TV do PV, o primeiro a ir ao ar em 2014, que terá como mote: “Você pode até não saber, mas tem um pouco de Partido Verde em você”.

COMPETÊNCIA Parte do êxito da venda dos aviões de combate Gripen se deve a um discretíssimo e respeitado personagem: o ex-senador Marco Maciel. Foi ele quem primeiro defendeu a opção do Brasil pelos caças suecos.

ASCENÇÃO Com o deputado Anthony Garotinho (PR) inteiramente voltado para a campanha ao governo do Rio, o deputado e vice-líder Bernardo Santana (MG) assumirá a liderança do PR na Câmara em 2014.

SEM EXCEÇÃO Primeiro-secretário da Força Sindical, Sérgio Leite não vê nada de extraordinário nas reclamações sobre a falta de interlocução com o governo Dilma: “Todos reclamam, nós e a torcida da Portuguesa”.

PODER SEM PUDOR GRATIDÃO PRESCRITA

PEDE PRA SAIR Para Sérgio Zveiter (PSD-RJ), relator do recurso do deputado Natan Donadon, o presidiário deveria renunciar logo ao mandato: “O processo ficou para fevereiro, e ele não tem direito a mais nada”.

SEM NOÇÃO Deputados do PSDB reclamaram de Eduardo Azeredo (MG) no evento de lançamento das diretrizes do programa de Aécio Neves para 2014. Acham que a presença dele lembra o mensalão mineiro.

ESTRATÉGIA Na tentativa de frear grupo que ameaça antecipar convenção nacional do PMDB, o vice Michel Temer parte para o radicalismo: ameaça tirar do encontro uma decisão definitiva. Não vai dar para voltar atrás.

PENSANDO BEM... ...agora falta arranjar o inimigo para enfrentar com os novos caças de combate mezzo suecos, mezzo americanos.

Otávio Mangabeira chegou à casa do senador João Cândido Ferraz e encontrou na sala um grande retrato do brigadeiro Eduardo Gomes: - Você ainda conserva este santo na redoma? - Claro, doutor Otávio. É uma homenagem a um

grande brasileiro e um gesto de gratidão pessoal. - Ora, Zé Cândido, a homenagem eu compreendo. Mas gratidão política a gente guarda seis meses. E faz mais de quatro anos que ele perdeu pela segunda vez. Essa sua gratidão já está prescrita...


|06|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASÍLIA}

Justiça. Arruda é absolvido e pode ser candidato em 2014

Detran faz aditivo em contrato suspeito Fiscalização eletrônica. Apesar de estar sob investigação do TCDF e da Secretaria de Transparência, acordo com consórcio ganhou novos serviços e foi reajustado em 24,3%

Ex-governador não é ficha suja | ALAN MARQUES/FOLHAPRESS

O ex-governador José Roberto Arruda e o ex-secretário de Obras Márcio Machado foram absolvidos ontem da acusação de dispensa irregular de licitação na reforma do Ginásio Nilson Nelson, em 2008, que custou R$ 10 milhões. Os dois haviam sido condenados em primeira intância e a confirmação da sentença por um colegiado de juízes tiraria de Arruda a possibilidade de concorrer a um cargo público nas eleições do ano que vem, pois ele se tornaria ficha suja.

O julgamento havia começado no último dia 12, mas foi interrompido por um pedido de vista quando o placar estava em 1 a 1. Ontem, o desembargador João Batista Teixeira, da 3ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do DF, desempatou o julgamento ao votar pela absolvição da dupla. O relator do processo, Jesuíno Rissato, também havia votado pela inocência dos réus, enquanto o desembargador revisor, Humberto Ulhôa, votou pela condenação. METRO BRASÍLIA

O Detran (Departamento de Trânsito) do DF está aumentando a fiscalização da velocidade nas vias da cidade por meio de aditivo feito a um contrato que está sob investigação do Tribunal de Contas do DF e da Secretaria de Transparência. No último dia 26 de novembro foi publicado no Diário Oficial do DF um acréscimo de 24,3% ao contrato de R$ 979.417,32 mantido mensalmente com o consórcio Brasília Segura, formado pelas empresas Perkons e Panavídeo. Pelo acordo, a cidade ganhou 22 novas barreiras eletrônicas -- que estão sendo instaladas agora, e o valor mensal a ser pago pelos serviços do consórcio passou a ser R$ 1.217.532,54. O problema é que, ainda

Uma das novas barreiras é instalada no Sudoeste | L. F. BARCELOS/METRO BRASÍLIA

antes do aditivo, o contrato em questão já foi declarado suspeito pelo plenário do TCDF e uma investigação foi iniciada na Secretaria de Transparência e Controle. Em 20 de junho de 2013,

a casa acatou uma representação feita pelo Ministério Público de Contas que denunciou vários indícios de irregularidades no contrato. A prorrogação de urgência feita em 2012 não foi precedi-

da da necessária tomada de preços no mercado. O Detran também desrespeitou uma orientação interna do GDF para que 25% do contrato fosse suprimido por economicidade sem prejuízo à segurança. Outro problema apontado pelo órgão de controle foi o fato do atual diretor de engenharia do Detran, José Lima Simões, ter acumulado as funções de responsável pelo projeto básico, presidente da comissão de licitação e gestor do contrato. Em resposta ao Metro, o Detran afirmou que as novas barreiras atendem a critérios técnicos e garantiu que esclarecimentos sobre o assunto já foram prestados ao TCDF. ÉRICA MONTENEGRO METRO BRASÍLIA

Caje perde mais módulos Foram desativados na manhã de ontem mais dois módulos dos 10 que compõem a Unidade de Internação do Plano Piloto (UIPP), antigo Caje. No mês passado já havia sido desativado e demolido um dos módulos do prédio, o 8. Ontem foi a vez do 6 e do 9 se-

rem esvaziados. Não foram agendadas, no entanto, as demolições destes prédios. Os 29 adolescentes que ocupavam os blocos evacuados foram transferidos para a Unidade de Saída Sistemática (Uniss), no Recanto das Emas. A Secretaria da Criança quer

desativar por completo o Caje ano que vem. Atualmente, cerca de 200 adolescentes permanecem reclusos na unidade. Serão construídos novos centros de ressocialização para esses jovens em Brazlândia, São Sebastião e Santa Maria. METRO BRASÍLIA

Caminho improvisado para as estrelas Desde que o Planetário de Brasília foi reinaugurado, na semana passada, muita gente está voltando a frequentar o prédio. A trilha que leva até a ultratecnológica sala de projeções, porém, é precária. A lama domina o caminho até o estacionamento. A Secretaria de Ciência chegou a improvisar uma lona para receber os visitantes, mas não deu certo | L. F. BARCELOS/METRO BRASÍLIA


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

Argentina vive dias de sombra e revolta Apagões e saques. Depois das recentes greves de policiais, as ondas de calor podem levar o país a adotar sistema de cortes de energia programados Os recentes episódios envolvendo greve de policiais e problemas na rede de energia vêm transformando a Argentina em um foco de caos e instabilidade. As temperaturas de até 37ºC esta semana levaram a apagões que, em alguns casos, duraram vários dias. A presidente Cristina Kirchner admitiu a possibilidade de que empresas do setor elétrico implementem um sistema de cortes “programados, rotativos e por menor tempo”, a exemplo de outras épocas, como nos últimos anos do governo de Raúl Alfonsín (19831989). “Estamos vivendo uma onda de calor que provocou um recorde no consumo de energia”, disse o chefe de gabinete, Jorge Capitanich.

De acordo com o jornal “O Globo”, Capitanich disse que se reuniu com representantes de empresas do setor elétrico e foi realizada uma projeção do consumo de energia, levando em consideração as temperaturas esperadas para as próximas semanas e os picos de consumo. “Uma estratégia de consumo programado seria viável e com isso os cortes durariam menos tempo”, disse. Nos últimos dias, bairros portenhos e municípios da província de Buenos Aires sofreram apagões -- em alguns casos, de mais de 24 horas. Os cortes estão afetando residências e também comércios. Em algumas regiões, os moradores saíram às ruas e protestaram contra o governo. METRO

Snowden recebe apoio no Brasil Pessoas levantam máscaras representando Edward Snowden enquanto assistem à presidente Dilma Rousseff discursar em uma cerimônia de Natal com catadores de materiais recicláveis e moradores de rua, em São Paulo | P. WHITAKER/REUTERS

{MUNDO}

|07|◊◊

Inglaterra. Balcão de teatro desaba em Londres

Manifestantes protestam na sede do governo, em Buenos Aires | S. A./REUTERS

A queda de uma laje no Teatro Apollo, de Londres, na Inglaterra, ontem à noite, deixou pelo menos 80 feridos, cinco gravemente. Um repórter da Reuters no local disse que os veículos de emergência haviam bloqueado a rua onde o teatro está localizado. Uma testemunha relatou à Sky Television que

uma parte do balcão parecia ter desmoronado. “Acho que a parte da frente do balcão caiu”, disse à Sky Martin Bostock, que estava na platéia. “Era difícil ver através da poeira.” O Apollo estava lotado, durante a exibicão de “The Curious Incident of the Dog in the Night-Time”. METRO


|08|

Foram produzidas 1,2 mil unidades da última edição da Kombi | DIVULGAÇÃO

Fim de produção. Vovó Kombi pode dar adeus Carismática, espaçosa e, agora, aposentada. A última Kombi produzida pela Volkswagen pode deixar a fábrica de São Bernardo (SP) hoje, após 56 anos de montagem nacional. A van chegou ao país em 1953 e quatro anos mais tarde começou a ser produzido no Brasil -- foi o primeiro veículo a ser fabricado no país pela empresa alemã e era considerado o mais antigo ainda em fabricação. A Kombi deixa o mercado como consequência da exigência de que a partir do próximo ano todos os veículos produzidos no país tenham air bag e freio ABS. A Volkswagen afirma que o modelo não comporta os dois itens de segurança. A montadora, porém, não confirma o fim da produção. Hoje, os funcionários das fábricas entram em férias coletivas. O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC ainda dialoga com o governo para que a Kombi entre como exceção à

regra, mesmo com o pedido negado pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito). A entidade afirma que cerca de mil funcionários trabalham no modelo e outros 3 mil empregos indiretos dependem da produção. O fim da Kombi já é anunciado desde outubro. O “Last Edition”, último modelo que deve sair hoje da fábrica, reúne características marcantes de edições lançadas desde a década de 1950, como a pintura tipo “saia e blusa” na cores branco e azul. Foram produzidas 1.200 delas, todas com placa de identificação da última edição. O preço sugerido é de R$ 85 mil. A notícia mobilizou colecionadores. A página no Facebook do Sampa Kombi Clube Volkswagen apresentava ontem uma faixa preta de luto, com a frase “Apaixonados pelo ‘pão de forma’ da VW que há mais de 50 anos, presta serviços de transportes no Brasil”. METRO ABC

R$ 85 mil 1,6 mi é o preço da edição comemorativa da Kombi. O Furgão 1.4 custa a partir de R$ 47.580, enquanto o Standard 1.4 sai por R$ 50.930

de unidades foram produzidas no Brasil. Cem países já importaram a Kombi da fábrica de São Bernardo

Importados. UE entra com ação contra o Brasil na OMC A UE (União Europeia) entrou com processo na OMC (Organização Mundial do Comércio) questionando os impostos brasileiros sobre importações de produtos, que vão de carros a computadores e smartphones. A OMC, no entanto, declara que a disputa não deve ter qualquer influência sobre delicadas negociações de livre comércio. O ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo, disse que o Brasil demonstrará que os progra-

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

mas de incentivo à indústria nacional estão em “conformidade” com as regras internacionais. Para a UE, as medidas fiscais brasileiras favorecem os exportadores locais de forma ilegal e o país adotou posturas internas incompatíveis com as obrigações da OMC. Entre os exemplos citados estão o aumento do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para carros importados e o programa Inovar-Auto. METRO

Desemprego recua para 4,6% e volta à mínima histórica Mercado de trabalho. Queda da taxa em novembro foi maior que a esperada por analistas do mercado. Rendimento médio dos trabalhadores cresce 2% e atinge R$ 1.965,20 O desemprego recuou mais do que o esperado em novembro, voltando à mínima histórica de 4,6%. As estimativas do mercado variavam entre 4,8% e 5,2%. Em outubro, a taxa havia sido de 5,2%. O resultado aponta para a menor taxa da série histórica do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), iniciada em 2002. O mesmo porcentual só foi verificado em dezembro de 2012. Ao mesmo tempo, a renda voltou a avançar. O rendimento médio da população cresceu 2% no mês passado, a R$ 1.965,20. Sobre novembro de 2012, a alta foi de 3%. A repetição do recorde em novembro, no entanto, não demonstra claramente melhora no mercado de trabalho. Isso porque ela se deveu ao grande número de pessoas que deixou de procurar trabalho. O número de pessoas que partiu para a inatividade cresceu 0,8% em novembro ante o mês anterior (148 mil trabalhadores). Em relação

EVOLUÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO TAXA DE DESOCUPAÇÃO, EM % 6.5

RENDA MÉDIA RENDA EM VARIAÇÃO NOV/13 (R$) ANTE OUT/12

5,2

6

POPULAÇÃO OCUPADA

5.5 5

INDÚSTRIA

4,9

CONSTRUÇÃO COMÉRCIO E REPARAÇÃO

4.5

4,6

4,6

4 3.5

SERVIÇOS (IMOBILIÁRIAS E FINANCEIRA) EDUCAÇÃO, SAÚDE E ADM. PÚBLICA SERVIÇOS DOMÉSTICOS

NOV DEZ JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV

2012

2013

OUTROS SERVIÇOS

1.965,20 2.116,90 1.690,50 1.514,40 2.420,10 2.667,20 830,70 1.728,60

2% 5,7% -1,4% -1,3% 2,5% 2,4% 1,4% 1,5%

FONTE: IBGE

a novembro de 2012, o aumento foi de 4,5%, o maior da série histórica. “A taxa (recorde) não mostra exuberância do mercado de trabalho ou que a fila de desemprego foi reduzida”, disse o pesquisador do IBGE Cimar Azeredo. Os inativos somaram em novembro cerca de 18,5 milhões de pessoas nas seis regiões metropolitanas, sendo que a minoria (1,7 milhão)

estava disposta a trabalhar. “Em sua maioria são mulheres, jovens em idade escolar ou universitários de famílias de maior renda e idosos que podem se dar ao direito de não trabalhar”, destacou Pereira. Pela metodologia do IBGE, a taxa de desemprego é uma combinação entre pessoas que trabalham e que procuram emprego. Se há menos gente procurando tra-

balho, a pressão sobre o mercado diminui, mesmo se não houver abertura de vagas. A população desocupada totalizou 1,1 milhão de pessoas em novembro, uma queda de 10,9% em relação a outubro. O resultado equivale a 139 mil pessoas a menos à procura de emprego. Na comparação com novembro de 2012, houve redução de 77 mil desocupados, queda de 6,4%. METRO COM AGÊNCIAS Dólar e juros em alta

Passagem aérea sobe 20% R$ 2,35 e puxa prévia da inflação Com passagens aéreas e gasolina mais caras, a prévia da inflação oficial acelerou neste mês. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o IPCA-15 (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15), subiu 0,75% em dezembro. No mês passado, o índice tinha subido 0,57%. Em dezembro de 2012 o IPCA-15 havia ficado em 0,69%. O resultado veio acima das projeções do mercado, que esperava uma taxa em torno de 0,65% em novembro. Os maiores impactos individuais no indicador foram dos preços das passagens aéreas, que subiram 20,15%, e da gasolina, com preços 2,15% mais altos. Os dois itens foram responsáveis por um quarto do IPCA-15.

Pressão 1.0

VARIAÇÃO MENSAL, EM %

0,69

0,75 0,57

0.5

0.0

DEZ/12 NOV/13 DEZ/13

Um aumento nos preços do etanol (2,42%) e do conserto de automóveis (1,06%) também ajudaram a puxar para cima a categoria dos Transportes, que registrou alta de 1,17%. Com o resultado de novembro, o IPCA-15 fechou o

ano com alta de 5,85%. Apesar de o índice estar abaixo do abaixo do teto da meta do governo, de 6,5% neste ano, economistas já apostam em um IPCA mais alta em 2013 e novas altas de juros. Segundo a Rosenberg & Associados, o dado aponta para uma variação do IPCA de dezembro mais elevada, ainda sob impacto do reajuste de combustíveis e das passagens aéreas. Há ainda, diz a consultoria, “sinais” de que o grupo alimentação e bebidas voltará a acelerar. Diante desse cenário, existe um risco de que o IPCA em 2013 apresente taxa superior aos 5,84% de 2012. Tal cenário, afirma a Rosenberg, “reforça” a previsão de mais duas altas de 0,25 pp da taxa Selic. METRO

é o valor do dólar comercial. A moeda norte-americana fechou ontem em alta de 0,33%, com os investidores digerindo o início da redução do programa de estímulos nos EUA e o anúncio do Banco Central brasileiro de que seu programa de intervenções diárias vai ser menos intenso em 2014. É o maior valor desde 5 de dezembro, quando a divisa fechou a R$ 2,359.

38,5%

foi a taxa média anual de juros bancários cobrada de empréstimos para pessoas físicas, que avançou 0,1 ponto percentual em novembro. É o maior patamar em 19 meses, segundo o Banco Central.


2 CULTURA

|12|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

Yes,

nós temos stop motion Personagens de ‘Minhocas’ foram desenvolvidos com animação 100% nacional

Estreia hoje. ‘Minhocas’ é primeiro longa brasileiro a utilizar a técnica de animação Quando os paulistas Paolo Conti e Arthur Nunes abriram a produtora Animaking, em 2000, eles tinham um objetivo: chegar às telas com um filme de animação. Quase 14 anos depois, o sonho se concretiza com “Minhocas”, primeiro longa nacional a usar a técnica stop motion, em que bonecos são filmados quadro a quadro para conferir sensação de movimento. “Grandes estúdios de animação são ligados a empresas de tecnologia. Um longa desses demora uns cinco anos para ficar pronto. Se

R$ 10 mi foi o valor investido na produção de ‘Minhocas’

usássemos o que tínhamos no mercado, teríamos algo obsoleto. Com o stop motion isso não aconteceria”, explica Conti. Após experimentarem a técnica em filmes publicitários, os sócios lançaram em 2006 o curta “Minhocas”, que serviu de embrião para o filme que estreia hoje. A boa resposta em fes-

tivais nacionais e internacionais deu a deixa para o início do longa. Abraçado desde o início por gigantes, como Globo Filmes e Fox Filmes, o projeto foi feito dentro de um parque de inovação mantido pela Universidade Federal de Santa Catarina, o que garantiu o uso de tecnologia de ponta. Focando o mercado internacional, o filme foi rodado com diálogos em inglês e, só depois, teve dublagem em português, com Daniel Boaventura, Anderson Silva e Rita Lee. “Todos acredi-

taram no projeto e fizeram as vozes sem cobrar cachê”, diz o diretor, que criou o roteiro de “Minhocas” a partir de dilemas da infância, como bullying e superproteção dos pais. “Queríamos uma história que fosse universal e parecesse sempre nova, com personagens verdadeiros.” Assim, o longa segue Junior, uma minhoca pré-adolescente que vai parar na superfície, onde conhece novos amigos e tem que ajudar a derrotar um terrível vilão para voltar para casa. METRO SÃO PAULO

“Estúdios de animação são ligados a empresas de tecnologia. Se usássemos o que havia no mercado, teríamos algo obsoleto. Com o stop motion isso não aconteceria.” PAOLO CONTI, DIRETOR

Stiller estrela remake de clássico de 1947

The Rock

O maioral

Dwayne Johnson foi eleito pela revista “Forbes” o ator mais lucrativo de Hollywood em 2013, arrecadando US$ 1,3 bilhão ao longo do ano com os filmes nos quais participou. Em segundo lugar ficou Robert Downey Jr., seguido por Steve Carell.

Em busca de fazer aflorar emoções no público, o ator Ben Stiller se envolveu na produção de “A Vida Secreta de Walter Mitty”. Remake de “O Homem de Oito Vidas” (1947), clássico de Norman Z. McLeod baseado em um conto de James Thurber (1894-1961), o longa traz o ator como protagonista e diretor. “Para mim, [o filme] foi uma forma de explorar um novo território, apesar de eu ter tido um pouco de medo. Tive que lidar com muitos aspectos novos, desde trabalhar com efeitos especiais, ir para a Islândia, mexer com o elenco…”, disse ao Metro Internacional. No longa, Stiller vive o funcionário de uma editora que, para escapar de sua pálida existência, vive no mundo da lua, imaginando-se dentro das grandes aventuras da revista “Life”. Com

Ben Stiller é o astro de ‘A Vida Secreta de Walter Mitty’, que tem na trilha sonora um dos pontos de destaque | DIVULGAÇÃO

o emprego ameaçado, ele parte pelo mundo em uma jornada para transformar os sonhos em realidade. “Lembro de ter lido essa história na escola, quando era um garoto, mas não entendia muito bem. Agora quis explorar esse lado de

Walter como alguém que está sempre pensando no que quer ser ou fazer, mas que nunca está vivendo a vida real”, afirma o diretor. Com o longa, ele se vê na contramão das produções costumeiras de Hollywood. A ideia de reinterpretar a

história veio do roteirista Steve Conrad, que buscou não apenas refazer o original, mas elaborar algo diferente e contemporâneo. “Qualquer um que faz filmes entende que é muito difícil fazer todos os elementos se encaixarem”,

afirma o diretor. “Cada passo que eu dei foi um salto de fé. Eu e Steve falamos muito sobre o tom que o filme deveria ter. Não é muito tradicional, não tem um monte de robôs gigantes.” Um dos pontos altos do longa é a trilha sonora, com faixas de Of Monsters and Men, Jack Johnson e José Gonzalez, além de uma versão especial de “Space Oddity”, de David Bowie, interpretada por Kristen Wiig, com quem o ator divide a cena. “Essa é uma canção incrível que caiu como uma luva nesse contexto”, diz. Para o diretor, “A Vida Secreta de Walter Mitty” é uma resposta ao corre-corre contemporâneo. “Gosto da parte em que Walter deixa de ser apenas um sonhador e acaba sendo apresentado como um herói em constante luta por um mundo melhor.” METRO INTERNATIONAL


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

|13|◊◊

Muita gente diz que a telinha vem produzindo coisa mais interessante do que o cinema. Confira cinco novidades do ano que confirmam a tese METRO SÁO PAULO

Destaques da TV paga de 2013 FOTOS: DIVULGAÇÃO

1

Michael Sheen e Lizzy Caplan são os protagonistas

‘Masters of Sex’ O apelo retrô da série, ambientada nos anos 1960, a fez estrear sob a alcunha de “’Mad Men’ do sexo”, o que é uma pena, já que a produção, exibida às segundas, às 21h, pela HBO, se sustenta por si só. Protagonistas bem desenhados e com química, além de um roteiro bem escrito, são as chaves da trama, que aborda pesquisas sobre sexualidade numa época em que o assunto era tabu.

2 ‘The Blacklist’

Fãs da novela “Avenida Brasil” encontraram um substituto à altura. Na série, exibida às terças, às 21h, no Sony, não basta ter uma reviravolta ao fim do episódio – é preciso causar uma revolução na trama a cada fim de bloco. Esse clima alucinante, aliado à interpretação magistral de James Spader, como um criminoso que se entrega à polícia para delatar inimigos, garantem o sucesso do programa. Spader capricha na atuação

Kevin Bacon vive um agente federal

3 ‘The Following’

Na série exibida pela Warner, Joe Carroll (James Purefoy, excelente) é um professor de literatura especializado em Edgar Allan Poe que seduz, tortura e mata suas alunas. Preso pelo agente Ryan Hardy (Kevin Bacon, sim ele voltou!), Carroll quer vingança. Para isso, vai aos poucos montando, de dentro da prisão (essa é uma das grande sacadas da série), uma rede de jovens serial killers dispostos a ajudá-lo. Tenso e perturbador.

4 ‘House of Cards’

O drama político foi sensação não apenas por sua qualidade – com Kevin Spacey como protagonista e David Fincher na direção, premiada com um Emmy – mas também por ter sido a primeira série original da empresa de vídeo on-line Netflix. Com uma segunda temporada garantida, a produção prova que não é só Aaron Sorkin (de “The West Wing”) que sabe construir diálogos dignos da Casa Branca.

Kevin Spacey brilha na série

5 Logo do novo canal

Arte 1

O canal do Grupo Bandeirantes surgiu como um oásis numa TV paga que, até então, carecia de espaço dedicado unicamente às artes. Muitos concertos, filmes essenciais e documentários sobre artistas permearam a grade de programação do ano de estreia. O melhor mesmo é que a emissora está na maioria dos pacotes básicos das operadoras. Não tem como perder cultura de qualidade por um preço camarada desses. METRO


|14|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

Melhores do Mundo em versão natalina

Música. Casuarina celebra Cyro Monteiro

“Dingou Béus”. O grupo mais divertido de Brasília completa 18 anos de carreira e junta celebração com a festa de Natal Em 2013, Os Melhores do Mundo celebraram bem a maioridade. Depois de conquistar plateias de Portugal, concretizaram, neste ano, sua primeira turnê nos Estados Unidos, em Nova Iorque. O grupo de comédia de mais sucesso do Brasil, agora, é definitivamente internacional. Ainda no clima de celebrações pelos 18 anos de trabalho, eles juntam o aniversário com as festas de final de ano e relançam “Dingou Béus”. O espetáculo brinca com a história cristã do nascimento de Jesus e com as tradições natalinas atuais. “O engraçado é que a peça

O grupo carioca Casuarina

surgiu com o objetivo de ser uma sátira às tradições, mas, depois de 15 anos sendo apresentada em Brasília, acabou se tornando, ela mesma, uma tradição natalina”, brinca o ator Adriano Siri. Ele conta que, para 2014, o grupo está planejando lançar-se no cinema e no mercado das séries de TV. Talvez até arrisque um projeto na internet e uma turnê por França e Espanha. “O melhor do grupo é que, mesmo aos 18 anos, estamos dispostos a nos reinventar.” NANA QUEIROZ /METRO Sábado, às 21h, e domingo, às 20h. No Teatro Nacional. R$ 70.

| DIVULGAÇÃO

O grupo carioca Casuarina celebra hoje e amanhã, às 20h, o centenário de Cyro Monteiro, considerado por Vinicius de Moraes como “o maior cantor popular de todos os tempos”. O show ocorre na Caixa Cultural (SBS, quadra 4) e a entrada custa R$ 20. Daniel Montes (violão de 7 cordas), Gabriel Azevedo (pandeiro e voz), João Cavalcanti (percussão e voz), João Fernando (bandolim e vocais) e Rafael Freire (cavaquinho e vocais) colecionam prêmios e turnês internacionais. METRO

Espetáculo já celebrou 15 festas de final de ano em Brasília | DIVULGAÇÃO

Gravadora dribla lei e lança registros raros dos Beatles “The Beatles Bootleg Recordings 1963” é o nome do álbum lançado nesta semana no iTunes (US$ 40, cerca de R$ 90), com 44 canções do Fab Four gravadas nos estú-

dios da BBC e 15 registros nunca divulgados. A novidade chega para fugir à nova lei europeia de direitos autorais, modificada no mês passado, que protege gra-

vações não publicadas só por 50 anos após o lançamento. Com o lançamento, porém, as 59 obras de John, Paul e companhia seguem protegidas até 2084. METRO

O Metro indica

Intervenção Urbana

Exposição

“Lia - A Ilha e a Ciranda”. A exposição multimídia reconta a história de Lia de Itamaracá e sua ciranda, misturando música, história e arte contemporânea. Até 2 de fevereiro de 2014. No Museu Nacional dos Correios (Setor Comercial Sul, Quadra 4, Bloco A, n. 256). Visitação gratuita de terça a sexta, das 10h às 19h; sábados e domingos, das 12h às 18h. “O Universo Macanudo de Liniers”. A mostra, com curadoria de Bebel Abreu, exibe cerca de 650 obras do cartunista argentino, entre tiras originais de quadrinhos, pinturas, ilustrações e livros. Até 2 de março de 2014. No Museu Nacional dos Correios. Grátis.

“Carnaval Silencioso”. A Andaime Cia de Teatro intervém na cidade pela terceira vez com uma ação que vai às ruas e convida toda a população para se fantasiar, levar rádios FM, fones de ouvido e sintonizar em uma frequência especial para brincar um carnaval fora de época. Concentração hoje, às 20h, na comercial da 107 Norte - em seguida, o grupo segue pelas ruas em direção ao Bar Pinella (CLN 408). Levar fantasia, rádio FM e fone de ouvido.

Dança

“FloreScER”. O Projeto Garatuja atua junto à comunidade de São Sebastião, desenvolvendo a arte da dança com meninas entre 9 e 17 anos, e oferecendo reforço escolar, encontros temáticos para discussão de temas do universo feminino e atendimento familiar. No espetáculo, o grupo mostra um pouco do que aprendeu, tratando das fases da vida. Hoje, às 16h (só para comunidade de São Sebastião) e às 20h (aberto ao público). Na Funarte (em frente à Torre de TV). Grátis.


|16|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Leitor fala

Receita Minuto Pedestres distraídos

DANIEL BORK DANIEL.BORK@METROJORNAL.COM.BR

PAVÊ DE TORTA HOLANDESA

Cruzadas

Essa torta é uma ótima opção para a sobremesa de Natal. Fácil de fazer, fica bonita na mesa e é muito saborosa. O pavê é uma mistura gelada de creme branco, creme de chocolate e bolachas

Fico impressionada com a desatenção que as pessoas têm ao transitarem nas ruas. Quase atropelei uma moça no Setor Bancário Sul ontem. No meio daquela verdadeira confusão de carros e calçadas a menina atravessou a rua escrevendo uma mensagem no celular. Aquela regra de sempre olhar para os dois lados antes de atravessar a pista foi esquecida. JORGE TELLES - GUARÁ (DF)

Correção

DIVULGAÇÃO

Na edição de ontem, na matéria “Brasil está na semifinal do Mundial de Handebol” foi informado que o jogo da semifinal da Seleção Brasileira seria ontem, quando, na verdade, a partida será hoje, às 17h45 (horário de Brasília).

Metro Pergunta

INGREDIENTES Para a Massa: 200 gramas de manteiga gelada 1 lata de leite condensado 2 latas de creme de leite gelado sem soro 1 colher (chá) de aroma de baunilha 1 sachê de gelatina sem sabor 3 colheres (sopa) de água 1 pacote de biscoito tipo maria

O que você achou da derrota do Atlético-MG no Mundial de Clubes? O que houve, o que faltou?

Para a Base e Decoração: 1 pacote de bolacha com cobertura de chocolate

@Alefarias34

Vontade e vergonha na cara.

Para a Cobertura: 300 gramas de chocolate meio amargo 150 gramas de creme de leite com soro ou fresco

Modo de Preparo: Bata a manteiga com o leite condensado até virar um creme fofo. Adicione o creme de leite gelado, a essência de baunilha e a gelatina previamente hidratada e dissolvida. Para a montagem, em uma assadeira de fundo removível e com as laterais forradas com acetato de uso culinário, distribua as bolachas maisena por todo o fundo sem deixar espaços. Coloque uma parte do creme sobre as bolachas e intercale com mais duas camadas de bolacha. Finalize com o creme e leve para gelar por aproximadamente 2 horas.   Para a cobertura, derreta o chocolate e adicione o creme de leite em temperatura ambiente. Misture bem até virar um creme liso e brilhante e despeje por cima da torta. Espalhe a cobertura por toda a superfície do pavê. Leve para gelar até a cobertura endurecer. Retire o acetato e bordeie a torta com as bolachas com cobertura de chocolate. Sirva gelada.

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metrobsb

@EdnaOppezzo

Sudoku

Excesso de “já ganhou!”. Esqueceram que, para jogar contra o Bayern, precisariam primeiro passar por um outro adversário. @Marcilio_CEC

Arrogância e acomodação. O Raja vinha embalado de duas vitórias difíceis

Agradecimento O Metro Jornal agradece e retribui os votos de Feliz Natal e próspero Ano Novo enviados pelos nossos leitores, amigos e assessores de comunicação. Que estejamos juntos em 2014! Obrigado a todos!

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bsb@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Daniel Bork apresenta o programa Dia Dia de segunda a sexta às 8h, na Band

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Mesmo que se sinta estranho diante das convivências, não deixe de lado sua autenticidade. Compense o estresse da rotina com mais lazer.

A Lua em seu signo amplia sua popularidade, bem como a integração com novos amigos e velhos conhecidos. Emoções estarão mais expostas.

Atente-se para não querer impor ideias de forma precipitada a outras pessoas, por mais coerentes e certas que sejam as suas.  

Nos relacionamentos, procure ser paciente com algumas manias e posturas convencionais das pessoas que tem mais convivência.

Não se culpe se seus esforços para ajudar pessoas não tenham surtido efeito imediato. Há coisas que só  as ações das pessoas resolvem.

Agir de maneira estratégica e com sigilo diante de projetos profissionais e nos negócios será essencial para bons resultados.

Tendências para empenho a novos estudos e para dobrar a atenção aos que já se dedica. Dia importante para boas conversas em família.

Momento especial para empenho a novos projetos. Uma integração maior com os amigos tende a ser mais intensa e tomar sua atenção.     

Com a Lua em seu signo oposto, Leão, há mais tendências para ampliar convívios sociais. Período para mais demonstrações afetivas.

O momento é oportuno para refletir sobre as coisas que são realmente úteis e aquelas que não têm a necessidade de manter-se apegado.

O envolvimento com assuntos do trabalho será marcado por mais responsabilidade, intensidade emocional e reconhecimento.

Momento propício para uma atenção extra com o corpo e a saúde. Nas relações, é uma boa hora para surpreender com gestos simples.


3 ESPORTE

Antes da Copa

CBF divulga amistoso

A CBF confirmou ontem um amistoso contra a África do Sul, em 5 de março, no First National Bank Stadium, palco da final da Copa de 2010. Será o último jogo antes de Felipão anunciar os convocados para o Mundial.

|18|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

A um empate do tetra

Futebol feminino. Seleção Brasileira entra em campo no domingo, pela final do Torneio Internacional, contra o Chile. Placar igual dá o título às brasileiras. Canadá e Escócia jogarão para definir o terceiro lugar Neste domingo, a Seleção Brasileira pode ser tetracampeã do Torneio Internacional de Futebol Feminino no Estádio Mané Garrincha. As meninas vão reencontrar, às 16h, o Chile, primeiro adversário encarado na competição. Na estreia, as chilenas perderam para as brasileiras por 2 a 0. Canadenses e escocesas decidirão o terceiro lugar mais cedo no mesmo dia, às 13h45. A Band transmite os dois jogos ao vivo. Líder do campeonato, com sete pontos (duas vitórias e um empate), o Brasil só precisa de um placar igual para levar o tetra. O Chile tem seis pontos, com duas vitórias e uma derrota. Apesar do retrospecto, no entanto, é bom não descuidar. As chilenas perderam o primeiro jogo, mas conseguiram dominar o Canadá -- que era, até então, o outro país favorito ao título -- e venceram a Escócia por 4 a 3.

7

pontos tem o Brasil no Torneio Internacional. O Chile tem seis “Não tem jogo fácil. Final é final. Vamos entrar em campo contra o Chile buscando a vitória de qualquer jeito”, disse Debinha, um dos destaques do ataque brasileiro ao lado de Marta. Ingressos Para ajudar na luta pelo caneco, a seleção espera encontrar as arquibancadas inferiores do Mané Garrincha mais cheias do que nos três últimos jogos, quando a média de público foi de seis mil pagantes. Os ingressos, que custam R$ 20 e R$ 40, estão disponíveis para venda na bilheteria do estádio e no pela internet, no site www.ingressofacil. com.br. METRO BRASÍLIA

Atacante Debinha acredita em final complicada | ANDRÉ BORGES/COMCOPA


BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|19|◊◊

Para ficar de vez na história Central Ana Paula é um dos destaques da Seleção Brasileira | CINARA PICCOLO/PHOTO&GRAFIA

Handebol. Depois de conseguir uma vaga na semi do Mundial pela primeira vez, Seleção feminina encara a Dinamarca para ir à final A Seleção Feminina de handebol conquistou um marco muito importante em Belgrado, na Sérvia. Depois de fazer a partida mais dura do Campeonato Mundial, a equipe derrotou a forte Hungria na segunda prorrogação e se classificou para as semifinais da competição pela primeira vez na história. Isso significa que o país já garantiu a melhor colocação em Mundiais de todos os tempos, já que terá a chance de, no mínimo, terminar com o quarto lugar. “Não estamos somente felizes. Posso dizer que

este é um resultado histórico para o Brasil, e claro que significa muito para o handebol brasileiro. Espero que mostre que estamos no caminho certo para os Jogos Olímpicos. É um dia especial e um marco para o país. Certamente, este grupo está colocando a bandeira do país no topo do handebol internacional”, disse o técnico da seleção, Morten Soubak. Mais alto A pivô Daniela Piedade, uma das mais experientes da seleção, destacou o feito alcançado pelo time.

“Fico feliz em fazer parte desta história. Ter a chance de estar na equipe outra vez é muito importante para mim. Há anos que tentamos um resultado melhor. Mostramos que estamos subindo um degrau e que temos chance de subir ainda mais.” Para chegar lá, o Brasil precisa superar a experiente Dinamarca, em duelo marcado para hoje, às 15h (horário de Brasília). O outro finalista sairá da partida entre Sérvia e Polônia, que entram em quadra pouco depois, às 17h45. METRO

Brasília Vôlei faz último jogo da temporada contra o Molico O Brasília Vôlei faz hoje à noite, às 21h30, o último jogo do ano na Superliga Feminina. Fora de casa, a equipe comandada por Sérgio Negrão não terá um desafio fácil antes do recesso: o adversário é o Molico/Nestlé, único time invicto até agora na temporada e que, por enquanto, lidera o campeonato. Apresentado em julho deste ano, o Brasília é o sétimo colocado da Superliga, com seis derrotas e cinco vitórias -- a última em casa, contra o Sesi/SP.

“O Brasília não começou bem no campeonato, mas cresceu muito nos últimos jogos.” SHEILLA, OPOSTO DO MOLICO

O jogo de hoje será o encontro entre duas opostos que são medalhistas olímpicas: Sheilla, pelo lado do Molico, e Elisângela, do Brasília. No duelo particular na Superliga, Sheilla é a quinta pontuadora. Queridinha da

torcida brasiliense, Elisângela vem pouco atrás, como sétimo ataque mais eficiente. “Temos que continuar evoluindo e espero que façamos um bom jogo. Precisamos dar o máximo já que. na minha opinião, o Molico é o melhor time da Superliga. No entanto, vamos jogar sem responsabilidade e com alegria, e não podemos permitir erros”, opinou Elisângela. Após a partida, as meninas do Brasília vão ter folga e só retornam aos treinos no dia 26. METRO BRASÍLIA


|20|

BRASÍLIA, SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Na cadeia

No total, 43 policiais participaram da ação em Curitiba, 26 deles vindos de Santa Catarina. Mais pessoas ainda podem ser presas durante as investigações | RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Operação Cartão Vermelho. Ação conjunta das polícias civis do Paraná, do Rio de Janeiro e de Santa Catarina prendeu 19 pessoas envolvidas na briga entre torcedores do Atlético-PR e do Vasco, nas arquibancadas da Arena Joinville, pela última rodada do Campeonato Brasileiro Em ação conjunta, policiais civis de Santa Catarina, Paraná e Rio de Janeiro deflagraram ontem a operação “Cartão Vermelho”, com o objetivo de prender torcedores acusados de envolvimento na briga ocorrida na Arena Joinville em 8 de dezembro, durante partida entre Atlético-PR e Vasco, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Ao todo, deveriam ser cumpridos 20 mandados de prisão nos três Estados, todos envolvendo torcedores identificados pelas imagens captadas durante a briga. Entre eles está o torcedor atleticano que até a semana passada esta-

“Para identificar os envolvidos na briga, a Demafe usou cadastro próprio e teve ajuda da Fanáticos e do AtléticoPR, que disponibilizou imagens das câmeras de segurança.”

28

torcedores do Atlético-PR foram identificados pela polícia do Paraná em fotos e imagens. Com base nessa lista, a Justiça acatou os pedidos de prisão feitos pelo delegado de Joinville, Paulo Reis.

CLÓVIS GALVÃO, DELEGADO DA DEMAFE

va internado com um trauma no crânio. Antes da operação, apenas três torcedores tinham sido presos. Ontem, foram 19. Entre eles o ex-vereador de Curitiba Juliano Borghetti (PR), que estava na con-

fusão e se entregou à Demafe (Delegacia Móvel de Atendimento ao Futebol e Eventos). Durante a ação, também foram apreendidos objetos pessoais dos suspeitos e as roupas que eles usavam no

“Não dá para admitir que o Poder Judiciário, única e exclusivamente em razão do clamor público, decrete medidas incompatíveis com o regime democrático de direito.” HAROLDO NÁTER, ADVOGADO DE 11 TORCEDORES PRESOS

dia do jogo, para que sejam confrontadas com as imagens obtidas e usadas como provas do processo. A polícia prendeu 16 torcedores no Paraná, um no Rio de Janeiro e dois em Santa Catarina.

Hora de voltar à estaca zero

Alecsandro era do Inter e perdeu para o Mazembe | CRISTIANE MATTOS/FUTURA PRESS

A apatia do Atlético-MG na derrota para o Raja Casablanca não passou impune às críticas do presidente do Galo, Alexandre Kalil. Em entrevista coletiva, o dirigente sugeriu que faltou humildade ao time mineiro, mas mesmo assim colocou a equipe como favorita ao título da Libertadores de 2014. O mandatário disse que a tragédia serve para o Atlético-MG recomeçar sua trajetória com os pés no chão. Sem dar nomes, Kalil também fez uma crítica aos “Pelés e gênios” do elenco. “Agora é todo mundo mais humilde do que nunca. Em fevereiro, começa a Libertadores. Se tinha Pelé e gênio aqui,

“Estamos com vergonha. Pedimos desculpas aos torcedores. Frustramos o sonho deles. Mas temos que levantar a cabeça, conquistamos muito.”

“Serei neutro, mas meu coração bateu muito forte com a vitória do Raja Casablanca. Eu me senti tocado com essa classificação.”

CUCA, TÉCNICO DO ATLÉTICO-MG

JOSEPH BLATTER, PRESIDENTE DA FIFA

não tem mais. Todo mundo vai voltar à estaca zero. Desse Mundial, sai o favorito para o bicampeonato da Libertadores. Essa é minha humilde opinião”, disparou. O presidente também lamentou o fato de ter encarado o Raja, que jogou em casa e veio empolgado pelas duas vitórias anteriores que lhe de-

ram o direito de pegar o Galo. Para evitar um final de ano mais melancólico, o Galo tenta bater o Guangzhou, da China, amanhã às 14h30, na disputa do 3o lugar. O Raja, por sua vez, segue em busca de mais uma zebra. Desta vez, contra o Bayern de Munique, às 17h30. A Band transmite o duelo. METRO

Sem resistência Segundo o delegado da Demafe, Clóvis Galvão, não houve resistência nas prisões. “Esse tipo de crime não é feito por aquele marginal comum, é diferente. Não houve nenhum tipo de reação para cumprir os mandados. Alguns até já tinham passagens pela polícia por uso e tráfico de drogas e por tentativa de homicídio, mas não resistiram.” Todos os detidos serão transferidos para Joinville, local em que a investigação terá sequência. O advogado de 11 dos torcedores presos no Paraná, Haroldo Náter, disse que vai até Florianópolis para solici-

tar o pedido de habeas corpus na segunda-feira. Ele afirmou que os torcedores foram tipificados no crime de rixa, que prevê prisão de dois a seis meses no caso de condenação, e classificou a prisão como “desproporcional”. “É um delito de pequeno potencial ofensivo. Sabemos que eles desejam dar uma resposta à sociedade, mas essa resposta é mais agressiva do que o próprio ato que eles praticaram. Porque quando se viola o direito de indivíduos, inclusive dos que praticam crimes, se violam todos os direitos da sociedade”, argumentou. METRO

Não acabou. CBF assume falha em sistema que constitui plano B da Lusa Para convencer o Pleno do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) a rever a punição que a coloca na Série B do ano que vem, a Portuguesa planeja se apegar a uma falha da CBF no chamado “BID da Suspensão” – sistema que avisa se um atleta tem ou não condições de jogo. E a própria entidade admite uma defasagem de atualização e informação no programa. Segundo o “Lance!”, o sistema informou a punição de dois jogos do meia Héverton apenas em 10 de dezembro – quatro dias depois do julgamento do atleta no STJD. No

dia 8, ele foi relacionado e entrou em campo contra o Grêmio, o que causou a perda de quatro pontos à Lusa e a consequente queda à segunda divisão – pelo menos até o julgamento do recurso do clube no Pleno do Tribunal, no próximo dia 27. O chamado “BID da Suspensão” é acessado apenas pelos clubes, por meio de login e senha, e foi implementado pela CBF em setembro deste ano. A entidade, inclusive, enviou recentemente uma orientação aos clubes para que eles adotassem este novo sistema. BAND


BRASÍLIA - SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013


OS CAMINHOS QUE LEVA A

B

GRUPO

12/6 13/6 17/6 18/6 23/6 23/6

17h 13h 16h 19h 17h 17h

GRUPO

Brasil Brasil

Croácia Croácia

México México Brasil México Brasil Croácia Camarões Croácia

São Paulo (Arena de São Paulo) Natal (Dunas) Fortaleza (Castelão) Manaus (Arena Amazônia) Brasília (Estádio Nacional) Recife (Arena Pernambuco)

Camarões Camarões Croácia Camarões México Camarões Brasil México

13/6 13/6 18/6 18/6 23/6 23/6

17h 19h 16h 13h 13h 13h

Espanha Espanha

Holanda Holanda

Chile Chile Espanha Chile Espanha Austrália Austrália Holanda

Salvador (Fonte Nova) Cuiabá (Arena Pantanal) Rio de Janeiro (Maracanã) Porto Alegre (Beira-Rio) Curitiba (Arena da Baixada) São Paulo (Arena de São Paulo )

Austrália Austrália Holanda Austrália Chile Holanda Espanha Chile

Oitavas de final

Fin

2º do Grupo B

28/6 - 13h - Belo Horizonte (Mineirão)

Quartas de final

Jogo 50

1º do Grupo C

Vencedor do jogo 61

1º do A ou 2º do B

Jogo 57

Jogo 49

1º do Grupo A

Vencedor do jogo 62

1º do C ou 2º do D

13/7 - 16h - Rio de Janeiro (Marac 4/7 - 17h - Fortaleza (Castelão)

2º do Grupo D Vencedor do jogo 57

Semifinal

2º do Grupo F

30/6 - 13h - Brasilia (Estádio Nacional)

Quartas de final

1º do Grupo G

Jogo 54

Vencedor do jogo 58

8/7 - 17h - Belo Horizonte (Mineirão)

Decisão do

1º do E ou 2º do F

Jogo 58

Jogo 53

1º do Grupo E

Jogo 61

28/6 - 17h - Rio de Janeiro (Maracanã)

Perdedor do jogo 61 1º do G ou 2º do H Perdedor do jogo 62 4/7 - 13h - Rio de Janeiro (Maracanã)

2º do Grupo H

12/7 - 17h - Brasília (Estádio Naci

30/6 - 17h - Porto Alegre (Beira-Rio)

E

F

GRUPO

15/6 15/6 20/6 20/6 25/6 25/6

13h 16h 17h 19h 17h 17h

GRUPO

Suíça Suíça Brasília (Estádio Nacional) Porto Alegre (Beira-Rio) Salvador (Fonte Nova) Curitiba (Arena da Baixada) Manaus (Arena Amazônia) Rio de Janeiro (Maracanã)

Equador Equador

França França Suíça França Suíça Honduras Honduras Equador

Honduras Honduras Equador Honduras França Equador Suíça França

15/6 16/6 21/6 21/6 25/6 25/6

19h 16h 13h 19h 13h 14h

Argentina Argentina Rio de Janeiro (Maracanã) Curitiba (Arena da Baixada) Belo Horizonte (Mineirão) Cuiabá (Arena Pantanal) Porto Alegre (Beira-Rio) Salvador (Fonte Nova)

Bósnia Bósnia

Irã Irã Argentina Irã Argentina Nigéria Nigéria Bósnia

Nigéria Nigéria Bósnia Nigéria Irã Bósnia Argentina Irã


AM À TAÇA C

Copa do Mundo 2014. Confira todos os locais e horários dos confrontos já definidos da primeira fase e aproveite a tabela preparada pelo Metro Jornal para marcar seus palpites no bolão e traçar a rota da Seleção Brasileira até a grande final no Maracanã

D

GRUPO

14/6 14/6 19/6 19/6 24/6 24/6

13h 22h 13h 19h 17h 17h

GRUPO

Colômbia Colômbia

Grécia Grécia

CostaCosta do Marfim do

Japão Japão

Marfim Colômbia Costa do Marfim Colômbia Japão Japão Grécia

Belo Horizonte (Mineirão) Recife (Arena Pernambuco) Brasília (Estádio Nacional) Natal (Dunas) Cuiabá (Arena Pantanal) Fortaleza (Castelão )

Grécia Japão Costa do Marfim Grécia Colômbia Costa do Marfim

14/6 14/6 19/6 20/6 24/6 24/6

16h 19h 16h 13h 13h 13h

Uruguai Uruguai

Costa Costa Rica Rica

Inglaterra Inglaterra Uruguai Inglaterra Uruguai Itália Itália Costa Rica

Fortaleza (Castelão) Manaus (Arena Amazônia) São Paulo (Arena de São Paulo) Recife (Arena Pernambuco) Natal (Dunas) Belo Horizonte (Mineirão)

Itália Itália Costa Rica Itália Inglaterra Costa Rica Uruguai Inglaterra

1º do Grupo B

Jogo 51

nal

2º do Grupo A

Jogo 59

Jogo 64

1º do B ou 2º do A 1º do D ou 2º do C

acanã)

29/6 - 13h - Fortaleza (Castelão)

Quartas de final

1º do Grupo D

Jogo 52

5/7 - 17h - Salvador (Fonte Nova)

2º do Grupo C Vencedor do jogo 59

29/6 - 17h - Recife (Arena Pernambuco)

Jogo 62

Vencedor do jogo 55

Semifinal

1º do Grupo F

Jogo 55

9/7 - 17h - São Paulo (Arena de São Paulo)

2º do Grupo E

o 3º lugar

1º do F ou 2º do E

Jogo 60

Jogo 63

1º do H ou 2º do G

1/7 - 13h - São Paulo (Arena de São Paulo)

Quartas de final

1º do Grupo H

Jogo 56

5/7 - 13h - Brasília (Estádio Nacional)

2º do Grupo G

ional)

1/7 - 17h - Salvador (Fonte Nova)

G

H

GRUPO

16/6 16/6 21/6 22/6 26/6 26/6

14h 19h 16h 19h 13h 13h

GRUPO

Alemanha Alemanha Salvador (Fonte Nova) Natal (Dunas ) Fortaleza (Castelão) Manaus (Arena Amazônia) Recife (Arena Pernambuco) Brasília (Estádio Nacional )

Portugal Portugal

Gana Gana Alemanha Gana Alemanha Estados Unidos Estados Unidos Portugal

Estados Unidos EUA Portugal Estados Unidos Gana Portugal Alemanha Gana

17/6 17/6 22/6 22/6 26/6 26/6

13h 19h 13h 16h 17h 17h

Bélgica Bélgica Belo Horizonte (Mineirão) Cuiabá (Arena Pantanal) Rio de Janeiro (Maracanã) Porto Alegre (Beira-Rio) São Paulo (Arena de São Paulo) Curitiba (Arena da Baixada)

Argélia Argélia

Rússia Rússia Bélgica Rússia Bélgica Coreia do Sul Coreia do Sul Argélia

Coreia Sul Coreia do do Sul Argélia Coreia do Sul Rússia Argélia Bélgica Rússia


20131220_br_brasilia  
Advertisement