Page 2

|02|

PORTO ALEGRE, SEGUNDA-FEIRA, 28 DE OUTUBRO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

1

Revitalização terá R$ 10 milhões do PAC Cidades Históricas

FOCO

Viaduto sofre com problemas estruturais e solução parece cada vez mais distante | FOTOS: GABRIELA DI BELLA/METRO

Reforma do viaduto sabe-se lá quando... Longa espera. Projeto de revitalização deveria ter sido concluído em junho, mas agora é previsto para fevereiro. Obra dificilmente começará no ano de 2014, admite a prefeitura

Queixa

“Não temos tido respaldo de nenhuma forma da prefeitura. O viaduto Otávio Rocha é uma obra ímpar no mundo e que não recebe o seu valor.” ADACIR FLORES, PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DOS PERMISSIONÁRIOS DO VIADUTO OTÁVIO ROCHA

Cotações Dólar - 0,76% (R$ 2,18) Bovespa - 1,32% (54.154 pts) Euro - 0,76% (R$ 3,01) Selic (9,5% a.a.)

Salário mínimo (R$ 678)

Nem para a Copa, nem para 2014 como um todo. A expectativa de se ver o viaduto Otávio Rocha, monumento tombado pelo patrimônio histórico na capital, revitalizado no ano que vem começa a ser vista pelo ângulo da realidade. O projeto da reforma e da restauração que deveria ter sido entregue pela Engeplus Engenharia e Consultoria em junho e acabou adiado para setembro e agora está sendo remarcado somente para fevereiro. A empresa que venceu a licitação para apresentar o estudo ao custo de R$ 398,1 mil alegou que o grau de complexidade da estrutura vai atrasar o trabalho, novamente. A empresa pediu mais prazo e a prefeitura concedeu. Internamente, sabe-se que a força-tarefa dedicada à recuperação do Mercado Público acabou tirando o foco da equipe de engenharia do viaduto que fiscaliza a equipe contratada. “Tem uma

série de implicações não só arquitetônicas, mas estruturais que envolve infiltração, encanamento, fiação, complexo de engenharia que necessita de mais estudos. É uma obra que não deve acontecer, como chegou a se cogitar inicialmente, para a Copa. Não vai haver tempo hábil”, informou a assessoria de imprensa da Smov (Secretaria Municipal de Obras e Viação). Caso está na Justiça Em novembro de 2011, o Ministério Público exigiu da prefeitura uma solução. A juíza Rosana Garbin deu prazo de nove meses para a apresentação do projeto, pedido que só começou a ser cumprido em outubro de 2012, quando a prefeitura contratou a Engeplus Engenharia e Consultoria para elaborar o estudo. LETÍCIA BARBIERI METRO PORTO ALEGRE

FALE COM A REDAÇÃO leitor.poa@metrojornal.com.br 051/2101.0471 O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Pavimento apresenta buracos e risco de quedas para pedestres

Muretas de concreto estão lascadas e fiação exposta

Em julho, o governo federal confirmou a inclusão da reforma do viaduto Otávio Rocha no PAC Cidades Históricas. O monumento tombado pelo patrimônio histórico receberá R$ 10 milhões. Com o estudo técnico em mãos, a prefeitura receberá o investimento destinado do programa da União para contratar, mediante um processo licitatório, a empresa responsável pelas obras de revitalização. Entre os principais problemas da estrutura estão as inúmeras pichações, mas elas estão longe de ser o principal problema do viaduto Otávio Rocha, reformado pela última vez em 2002. As infiltrações generalizadas puxam a fila dos problemas que atualmente maculam a imagem do monumento. Tanto das edificações laterais, como das lajes da escadaria. A necessidade de impermeabilização é urgente. METRO POA

Presidente da associação de comerciantes reclama do descaso O presidente da Associação Representativa e Cultural dos Comerciantes do Viaduto Otávio Rocha, Adacir Flores, diz que ele e as pessoas que dependem do viaduto estão se “sentindo enrolados com tanta demora”. Segundo Adacir, a situação é vergonhosa. “Os esgotos dos prédios estão transbordando de todos os lados no viaduto. E é esgoto cloacal. Eles podiam ao menos arrumar isso, então, fazer também um projeto de grafite onde há pichações. Mas não, parece que querem a derrocada do viaduto.” reclama o presidente da Arccov. Para o aniversário de 81 anos do viaduto, em dezembro, Adacir questiona as autoridades: “o que temos para comemorar?”. METRO POA

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. (MTB: 70.145). Editor Chefe: Luiz Rivoiro. (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Metro Porto Alegre. Gerente Executivo: Luís Grisólio. Editor Executivo: Maicon Bock (11.813 DRT/RS). Diagramação: Nathália Halcsik. Grupo Bandeirantes de Comunicação RS. Diretor-Geral: Leonardo Meneghetti.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Delfino Riet, 183, Santo Antônio, 90660-120, Porto Alegre, RS. Tel.: (051) 2101-0471 O jornal Metro é impresso no Grupo Sinos S/A. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 40.000 exemplares

20131028_br_portoalegre  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you