Page 1

DIVULGAÇÃO

INVASÃO Diego Luna, Matt Damon e Wagner Moura em ‘Elysium’

METAL

Wagner Moura vai a Hollywood SHOW DO IRON MAIDEN TERÁ NOVA OPÇÃO DE TRANSPORTE PÁG. 32 Brasileiro está na ficção científica ‘Elysium’ PÁG. 18 ABC Sexta-feira, 20 de setembro de 2013 Edição nº 950, ano 4 MÍN: 14° MÁX: 27°

www.metrojornal.com.br | leitor.abc@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro

R$ 6,5 mi para a Saúde se perdem na burocracia Descaso. Verba do Banco Mundial para o programa QualiSUS está à disposição das cidades da região desde maio de 2012 e deveria ser empregada no Hospital Mário Covas. Questões protocolares entre Estado e União impedem a liberação do dinheiro PÁG. 02

STF apressa mensalão para limpar sua imagem Meta é adiantar publicação de acórdão e analisar embargos ainda no 1º semestre de 2014 PÁG. 06

Papa diz que Igreja deve ter nova postura com os gays

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

AGORA VAI? Retirada de carros de área tombada do Paço de Santo André é discutida desde 2007. Promessa é resolver o impasse em 30 dias PÁG. 04 Veículos danificam o piso de pedras portuguesas projetado por Rino Levi: solução seria construção de estacionamento subterrâneo | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

Francisco afirma informalmente que é preciso novo equilíbrio para questões como o homossexualismo PÁG. 16

Kleina completa um ano de Verdão sem ser unanimidade Técnico do Palmeiras somou desclassificações, mas time faz boa campanha na Série B PÁG. 40


|02|

1 FOCO

Julian Assange

‘O Brasil foi invadido’ O fundador do Wikileaks, Julian Assange, afirmou que a espionagem feita pelos EUA foi como uma invasão ao território brasileiro. Ele disse também que as comunicações da América Latina podem ser interceptadas a qualquer momento por Washington.

Cotações Dólar + 0,33% (R$ 2,20) Bovespa - 1,09% (55.095 pts) Euro - 0,74% (R$ 2,98) Selic (9%)

Salário mínimo (R$ 678)

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Saúde tem R$ 6,5 milhões parados desde maio de 2012 Promessas. Investimento para tornar Hospital Mário Covas, em Santo André, referência para traumas não saiu do papel. Mudança reforçaria o atendimento à demanda crescente de vítimas de acidentes de trânsito O ABC tem a sua disposição R$ 6,5 milhões que poderiam ser investidos em melhorias na saúde pública, mas que estão parados nos cofres do governo federal. A verba foi anunciada em maio do ano passado depois de acordo entre Ministério da Saúde, Secretaria de Estado da Saúde e os sete municípios da região. Ela faz parte do programa QualiSUS, da União, com recursos do Banco Mundial. O objetivo na região era tornar o Hospital Estadual Mário Covas, em Santo André, referência para atendimento de traumas. A reformulação permitiria à unidade atender com mais agilidade a casos graves de politrauma e neurocirurgia, demanda principalmente de vítimas de acidentes de trânsito. O órgão executor do projeto é a Secretaria de Estado da Saúde. A verba é repassada de acordo com o andamento dos projetos. Um ano e quatro meses depois, porém, o assunto não saiu do papel. O governo estadual afirma que

3,4 mil pessoas ficaram feridas por conta de acidentes de trânsito no ABC entre janeiro e julho. Dado é da Secretaria de Segurança Pública enviou o projeto para o Ministério e aguarda liberação de verba. O órgão não soube informar, porém, quando isso foi realizado. A União diz que não consegue localizar o processo sem a data de envio. O Grupo de Trabalho Saúde do Consórcio Intermunicipal, coordenado por São Bernardo, afirma que encontros mensais entre União, Estado e municípios são realizados para que o projeto seja acelerado. O órgão disse ter solicitado que a verba fosse transferida diretamente para as cidades, mas as regras do programa federal não permitiram. VANESSA SELICANI

Vítimas graves de acidentes seriam transferidas direto para o hospital | ALESSANDRO VALLE/ABCDIGIPRESS

METRO ABC

Balanço. Trecho Sul chega a 10 milhões de caminhões O Trecho Sul do Rodoanel chegou a marca de 10 milhões de veículos pesados em um ano. O balanço é da concessionária da rodovia, a SPMar, divulgado ontem. De acordo com a empresa, os 10 milhões representam crescimento de 6,4% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 9,4 milhões. O Trecho Sul foi inaugurado em 2010 com a missão de retirar parte dos caminhões que circulavam na região central de São Paulo. Atual-

924 acidentes foram registrados entre setembro de 2012 a agosto deste ano no trecho. Oito pessoas morreram mente, os veículos pesados representam 32% do total de fluxo da via. De setembro de 2012 a agosto deste ano, passaram pelo Trecho Sul do Rodoanel cerca de 31 milhões de veículos, média diária de 85,3 mil. METRO ABC

FALE COM A REDAÇÃO leitor.abc@metrojornal.com.br 011/3528-8520 COMERCIAL: 011/4122-0501

O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. Épublicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

SCS irá replantar 260 mudas do Rodoanel São Caetano receberá parte da vegetação retirada para construção do Trecho Norte do Rodoanel. A prefeitura ganhou em doação 260 mudas de 21 espécies diferentes do viveiro da construção. Elas serão replantadas no Parque Botânico e na Escola de Ecologia, no bairro Mauá. | DIVULGAÇÃO

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145). Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB: 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Metro ABC. Editor-Executivo: Marcelo Camargo (MTB: 33.618). Editor de Arte: Eli de Souza Filho. Gerentes Comerciais: Tânia Biagio e Elizabeth Silva.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Tabapuã, 81, 14º andar, Itaim, CEP 04533-010, São Paulo, SP. Tel.: 011/3528-8500. O jornal Metro é impresso na Log&Print Gráfica e Logística S.A. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 30.000 exemplares


|04|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Estacionamento no paço será definido em 30 dias Santo André. Ministério Público cobra fim de veículos no piso português do local. Solução apresentada pela prefeitura é de vagas subterrâneas. Vereadores querem mais prazo para discussão O projeto para um novo estacionamento no Paço de Santo André deve ser definido em 30 dias. Desde 2007, o Ministério Público cobra da prefeitura a retirada de carros parados no piso de pedra portuguesa. Atualmente, cerca de 50 veículos utilizam o espaço diariamente, reservado para vereadores e juízes. O órgão afirma que o peso compromete a estrutura. O paço é tombado como patrimônio histórico pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico do Estado de São Paulo). A obra arquitetônica da década de 1960 é de Rino Levi, um dos maiores nomes do modernismo no Brasil.

A prefeitura apresentou projeto ao Ministério Público para construção de um estacionamento subterrâneo com cerca de 500 vagas. A proposta custaria cerca de R$ 30 milhões, investidos pela iniciativa privada. Em troca, a empresa teria o direito de explorar as vagas comercialmente. Discussão O secretário de Gabinete, Tiago Nogueira, afirma que o prazo final para definição do projeto junto ao Ministério Público termina na segunda-feira. Os vereadores, porém, querem mais prazo para discutir a proposta. “Por conta disto, vamos solicitar mais 30 dias à promo-

toria”, disse. Nogueira afirma que as 500 vagas seriam necessárias para suprir déficit da região central. “Fizemos um levantamento de que há poucos estacionamentos no entorno no paço, que podem ser futuramente transformados em conjuntos residenciais.” A assessoria de imprensa do Ministério Público confirmou que os prazos para se firmar o acordo podem ser revistos. De acordo com o órgão, não há previsão de multas pelo descumprimento das datas. VANESSA SELICANI

Cerca de 50 veículos usam atualmente o espaço histórico | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

METRO ABC

É greve. Bancários fecham Bike. SBC terá ciclofaixa 108 agências e prometem no Dia Mundial sem Carro mais paralisações hoje O entorno do paço de São Bernardo, congestionado No primeiro dia de greve nacional dos bancários, 108 agências foram fechadas no ABC e cerca de 1.300 funcionários cruzaram os braços. Presidente do sindicato na região, Eric Nilson afirmou que o dia de hoje deverá ser de mais paralisações. “Temos agências paradas nas sete cidades. O movimento deverá se intensificar e a previsão é de que

Parte da categoria aderiu à greve no ABC | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

COMO PAGAR AS CONTAS Confira os canais disponíveis para cada serviço agamentos a vencer* Saques Conta Corrente/Poupança Consulta a Saldo/Extrato Depósitos Transferência Contratações** Recebimento de benefícios Talões de cheque Bloqueio/Desbloqueio de Cartões Investimentos Recarga de Celular

CAIXA ELETRÔNICO

BANCO 24 HORAS

SIM SIM SIM SIM SIM SIM SIM SIM SIM SIM SIM

SIM SIM SIM NÃO SIM SIM NÃO NÃO NÃO NÃO SIM

INTERNET

APP CELULAR

TELEFONE

CORRESPONDENTE

SIM NÃO SIM NÃO SIM SIM NÃO SIM SIM SIM SIM

SIM NÃO SIM NÃO SIM SIM NÃO NÃO NÃO SIM SIM

SIM NÃO SIM NÃO SIM SIM NÃO SIM SIM SIM NÃO

SIM NÃO NÃO SIM NÃO NÃO SIM NÃO SIM NÃO SIM

FONTE: FEBRABAN * PAGAMENTOS EM ATRASO DEVERÃO SER EFETUADOS NO BANCO EMISSOR DO TÍTULO, OU CONFORME ORIENTAÇÃO DE COBRANÇA. ** CONTRATAÇÃO DE PRODUTOS, SERVIÇOS E LINHAS DE CRÉDITO, DISPONÍVEL CONFORME CADA BANCO.

mais agências e mais bancários irão aderir à greve”, afirmou. Em todo o ABC, funcionam cerca de 450 agências, que empregam 7.300 funcionários. Pauta Enquanto os bancários pedem 11,93% de reajuste nos salários – reposição da inflação mais 5% de aumento real –, a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), que representa as instituições, oferece 6,1%. A categoria também reivindica o fim das demissões, mais contratações e melhores condições de trabalho. “Vamos decidir tudo na mesa. Ainda não há uma nova rodada de negociações agendada e a greve seguirá por tempo indeterminado”, afirmou Nilson. A Fenaban informou que apesar da mobilização nacional a maioria das agências continua funcionando normalmente e que outros serviços, como caixas eletrônicos e o internet banking, também estão disponíveis. METRO ABC

pelo intenso movimento de automóveis durante toda a semana, será neste domingo ocupado por outros veículos. Em comemoração ao Dia Mundial sem Carro, a prefeitura irá implantar ciclofaixa de lazer no local, que será aberta ao público das 9h às 13h. As crianças terão um circuito ciclístico especial. METRO ABC

Ciclovia da av. Pery Ronchetti | DIVULGAÇÃO

R$ 415. Custo da cesta básica fica estável no ABC

Frango teve alta de 5,31% | DIVULGAÇÃO

A cesta básica no ABC fechou nesta semana em R$ 415,16. A diferença em relação à semana anterior é de apenas 0,21%, ou R$ 0,87 a menos. Segundo a pesquisa, realizada pela Craisa (Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André), o preço frango continua em alta na região e subiu pela quinta semana consecutiva. O quilo custa hoje R$5,16. METRO ABC


|06|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

STF tenta acelerar prazos do mensalão Embargos. Ministro Marco Aurélio afirma que julgamento fica para início do ano que vem. Integrantes do Supremo querem evitar impressão de caso acabou em ‘pizza’ O Supremo Tribunal Federal tem até 60 dias para publicar o acórdão que vai oficializar as decisões sobre a admissão de recursos para réus condenados no julgamento do mensalão. Só a partir daí vai começar a contar o prazo de um mês para que as defesas apresentem os embargos infringentes pedindo a revisão das condenações nos casos de placares apertados. Preocupados com a imagem do tribunal perante a sociedade, porém, os ministros estão se esforçando para apressar o processo. Ontem o ministro Roberto Barroso, que votou pela admissão dos recursos, informou que já entregou partes de seus votos para inclusão no documento. “Meados do semestre” Para o ministro Marco Aurélio, será possível publicar o acórdão já no próximo mês. Com isso, acredita ele, o plenário terá condições de começar a julgar o mérito da questão no início de 2014. “Teremos um prazo de 30 dias para interposição de recurso, posteriormente, será ouvida a parte contrária, o Ministério Público, e a Procurado-

“Tão logo todas as partes se manifestem nos autos, obedecido o devido processo legal, (o ministro Luiz Fux) colocará o feito em pauta para julgamento.” NOTA OFICIAL DIVULGADA ONTEM PELO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

Para Marco Aurélio, este ano não dá mais tempo | CARLOS HUMBERTO/STF

ria, como fiscal da lei, e o relator precisará lançar visto no processo declarando-se habilitado a relatar e votar. Eu imagino que talvez, em meados do semestre seguinte nós estejamos apregoando esses embargos”, disse ontem. Sem comentários Já o ministro Luiz Fux, sor-

teado como o relator do processo nessa nova fase divulgou nota oficial informando que não irá se manifestar sobre o processo, mas garantiu que terá pressa em levá-lo a plenário depois que receber as argumentações dos advogados dos réus. Os beneficiados

Em princípio, 12 condenados têm direito a entrar com os embargos infringentes por terem sido condenados com pelo menos quatro votos pela absolvição no colegiado de 11 magistrados. Entre eles estão o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu e o ex-presidente do PT José Genoíno. Na prática, porém, o recurso também deverá ser tentado por réus que tiveram ao menos quatro votos favoráveis -- mas vencidos -- por uma pena menor durante a fase de dosimetria. O advogado de Simone Vasconcelos, ex-sócia de Marcos Valério, por exemplo, já disse que vai tentar reduzir a pena de 12 anos, sete meses e 20 dias a ela foi condenada.

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

‘FAXINEIRA’ DILMA MANTÉM MINISTRO SOB SUSPEITA. A presidenta Dil-

FRANCO ATIRADOR. Dilma ignorou o contribuinte afanado e foi “solidária” ao ministro Manoel Dias no mesmo dia em que ele ameaçou: demitido, sairia “atirando”. DILMA COM MEDO? Para o secretário-geral do PSDB, Mendes Thame (SP), Dilma precisa demitir Manoel Dias até para provar que não teme suas ameaças. PARTIDO PISTOLEIRO. Carlos Lupi fez do PDT uma quadrilha, acusou Brizola Neto, que o substituiu no Trabalho. Manoel Dias sempre foi o braço direito de Lupi.

METRO BRASÍLIA

Brasileira operada no Peru retorna ao Brasil A arquiteta brasileira Natália Duffles, de 32 anos, operada às pressas em uma cidade no Peru, após descobrir um tumor no cérebro, chegou ao Rio de Janeiro na noite de ontem. Natália viajava de férias pelo país. No último dia 8, os parentes foram contatados por um representante do consulado brasileiro em Cuzco e, na quinta-feira passada, ela foi submetida a uma cirurgia. O seguro-viagem se negou a pagar o traslado alegando que a doença era pré-existente, segundo a família. “Não queremos nem pensar sobre o trâmite legal. Nossa prioridade é a saúde dela. O pior já passou”, afirma Bárbara Duffles, irmã de Natália. METRO RIO

“ALIANÇA É QUE NEM NAMORO E CASAMENTO, OS DOIS PRECISAM QUERER”

ma jogou no lixo a imagem de “faxineira”, forjada no primeiro ano de mandato, e promete ir “às últimas consequências” para manter no Ministério Trabalho Manoel Dias, alvo de investigações da Polícia Federal. Ela telefonou ao ministro, que ameaçava abrir o bico em caso de demissão, para dizer que “não vê motivo” para sua saída. A ligação ocorreu durante reunião do ministro com deputados do PDT.

MINISTRA IDELI SALVATTI (ARTICULAÇÃO POLITICA) SOBRE O ROMPIMENTO DO PSB COM O GOVERNO

PERGUNTA CRIPTOGRAFADA. Maior parceiro co-

mercial do Brasil, com investimentos no pré-sal, os chineses não nos espionam porque tem olhinhos fechados? IRRELEVÂNCIA. A cada ano, as greves de bancários impactam menos na rotina das pessoas e dos próprios bancos. Age como uma categoria em extinção. VIVA O AMOR. Casado pela segunda vez, o novo chanceler Luiz Alberto Figueiredo não enfrentará solidão em Brasília: sua mulher, a conselheira Maria Angélica Ikeda, foi chamada por ele “a serviço” até dezembro, e será removida da ONU, em Nova York, para Brasília em 1º de janeiro. NÓS PODEMOS. Horas antes de o ministro Celso de Mello anunciar a decisão de novo julgamento para a quadrilha do mensalão, o reu Delúbio Soares festejava o show de Bon Jovi “Because We can”, no Rock in Rio.

Carlos Lupi Wilson Dias/ABr

PODER SEM PUDOR

Cruz credo Conta o catarinense Esperidião Amin que certa vez encontrou no centro de Florianópolis uma amiga e eleitora do interior, de uma família de agricultores. Enquanto caminha-

vam, ela fez o sinal da cruz três vezes, ao passar diante de uma agência do Banco do Brasil. E esclareceu: - É que eu tenho dois filhos e um genro enterrados aí dentro...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR


ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

|08|

Vício em crack está ligado à exclusão social Pesquisa. Maioria dos usuários são homens, negros, estão desempregados e se drogam nas ruas. Especialista aponta erro de foco do governo Apesar do avanço nas classes sociais mais altas, o consumo de crack e de outras formas fumáveis da cocaína, como merla e oxi, continua intimamente ligado às situações de vulnerabilidade social. Uma pesquisa da Fundação Oswaldo Cruz encomendada pelo governo federal, feita com 25 mil pessoas nas 27 capitais do país e divulgada ontem, mostra que o usuário padrão da droga vive à mar-

crack é muito mais social do que médico. É um erro focar tanto esforço e dinheiro, por exemplo, na internação -- voluntária ou não -- dos viciados. O que eles mais precisam é de acesso a moradia, educação, diversão… Integração social é mais importante do que tratamento.”

gem das políticas públicas, não consegue emprego fixo e vive ou consome o crack nas ruas. Ainda segundo o estudo, quase 40% dos 370 mil viciados que vivem nas capitais estão no Nordeste do país. O número, apesar de elevado, mostra um cenário mais positivo do que o estimado pelo governo em 2011, quando foi lançado o programa Crack, É Possível Vencer, prevendo investimento de R$ 2 bilhões. Na época, acreditava-se que mais de um milhão de brasileiros fumava a pedra. “Claro que essa pesquisa é um recorte apenas das capitais e de quem usa o crack na rua, mas ela mostra um número mais realista”, aponta o psiquiatra Dartiu Xavier, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), um dos principais pesquisadores do uso de drogas no país. “O que esses dados mostram de mais relevante é que o combate ao

Políticas públicas O combate ao crack no Brasil é tocado pelo governo federal em conjunto com estados e prefeituras. Dados oficiais dão conta de que hoje funcionam no país 370 leitos em centros de atenção psicossocial; 900 leitos em 60 unidades de atendimento e 85 consultórios de rua. Em 2012, foram feitos 7 milhões de atendimentos a dependentes químicos, 25% a mais do que em 2011. RAPHAEL VELEDA METRO BRASÍLIA

NORTE NORDESTE

8,6%

38,7%

33 MIL

148 MIL

51 CENTRO-OESTE

MIL

13,3%

113 MIL

PERFIL DO USUÁRIO SUL

9,6%

78,7%

37 MIL SUDESTE

29,6% São homens

58,7%

80%

14%

São negros, pardos ou indígenas

São menores de idade (50 mil)

Usaram pela primeira vez por curiosidade

30

ANOS É a idade média

65%

30%

Sobrevivem de ‘bicos’

Das usuárias já fizeram sexo para obter a droga

16

PEDRAS por dia é a média de uso FONTE: FIOCRUZ


|10|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Rodovias só poderão ter obras à noite Fim dos transtornos? Projeto aprovado na Assembleia precisa ser sancionado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) para virar lei A Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo) aprovou por unanimidade ontem um projeto de lei do deputado estadual Gerson Bittencourt (PT) que organiza a execução de obras nas rodovias que cortam as regiões metropolitanas e aglomerados urbanos do Estado. O projeto estabelece que as obras de conservação, recapeamento, manutenção, reparos e sinalização sejam executadas entre 20h e 6h, de segunda a sexta-feira, e aos sábados, das 14h até as 14h de domingo. O projeto

R$ 11 mi é o valor perdido por dia em tempo e combustível nos congestionamentos em SP, segundo Instituto de Estudos Avançados da USP segue para análise do governador Geraldo Alckmin. Segundo o deputado, que é membro da Comissão de Transportes da Alesp, o aumento dos custos (pagamento de adicional noturno, co-

locação de geradores etc.) é o principal motivo para que as concessionárias optem pelas obras diurnas. “As obras, em sua maioria, são realizadas em horário diurno, sem que a população seja comunicada com antecedência e sem um planejamento conjunto com os gestores municipais”. O Metro entrou em contato com a Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias para questionar sobre o projeto, mas o atendimento à imprensa não estava disponível. METRO CAMPINAS

Aparelho foi instalado na esquina da avenida Adolfo Pinheiro com rua Isabel Schmidt | MARCO AMBROSIO/FRAME/FOLHAPRESS

Relógio de ONG mostra atraso em obra do metrô Ativistas da ONG Greenpeace instalaram na manhã de ontem um relógio digital que conta os dias de atraso na inauguração da estação Adolfo Pinheiro da linha 5-lilás do Metrô. Batizado de “atrasômetro”, o aparelho tem dois metros e meio de altura e foi instalado em uma calçada ao lado da obra, na esqui-

na da avenida Adolfo Pinheiro e da rua Isabel Schmidt, na zona sul. O relógio marcava, ontem, 992 dias de atraso e cerca de 21,7 milhões de viagens que não foram feitas por passageiros. Segundo Barbara Rubim, coordenadora da campanha Clima e Energia do Greenpeace, o cálculo dos dias de

atraso foi feito a partir da primeira previsão de entrega da estação, que era em 2010. “Então, consideramos o atraso desde 1º de janeiro de 2011”, disse. O governador Geraldo Alckmin (PSDB) promete entregar a estação em janeiro de 2014. A licitação da linha 5 é alvo de denúncias por formação de cartel. METRO


|14|

Rodovias. Dilma diz que 851 km serão licitados em novembro A presidente Dilma Rousseff anunciou ontem a licitação em novembro de 851 quilômetros da BR-163, rodovia de grande importância logística no escoamento da produção do agrícola na região de Mato Grosso. “Será uma licitação feita para duplicar esta rodovia em cinco anos, dando uma taxa de retorno para os acionistas, mas também um pedágio baixo”, disse a rádios de Mato Grosso, durante visita a Rondonópolis para inaugurar trecho de 147 km da ferrovia Ferronorte, no trecho Alto Araguaia-Rondonópolis. Onze disputam pré-sal Onze empresas petroleiras, asiáticas em sua maioria, pagaram a taxa para participar do leilão de Libra, maior reserva já descoberta no pré-sal. Três gigantes do petróleo, a americana Exxon Mobil e as britânicas BP e BG, estão fora do leilão. METRO

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

Brasil tem oportunidade de investimentos em logística Infraestrutura. Portos, ferrovias e rodovias estão entre os setores. Para AEB, aportes vão aumentar a competitividade de produtos

País deve se preparar para atender demanda mundial por produtos agrícolas | ABR

Portos, ferrovias e rodovias estão entre os setores da infraestrutura no Brasil que ainda oferecem grandes oportunidades de investimento. Para o presidente da AEB (Associação de Comércio Exterior do Brasil), José Augusto de Castro, melhorá-los significa preparar o país para ganhar mais no futuro. “A infraestrutura é questão de sobrevivência para o Brasil no comércio exterior. Além disso, ao investir em infraestrutura, nós estaremos reduzindo custos, assim

nós estamos aumentando a competitividade de produtos manufaturados que nós queremos aumentar”, disse à “Rádio Bandeirantes”. Castro ressalta que a demanda por produtos agrícolas tende a crescer em todo o mundo e o Brasil precisa estar pronto para isso. Por esta razão, ele afirma que são tão importantes iniciativas como o seminário “The Brazil Infrastructure Opportunity”, que será realizado no próximo dia 25, em Nova York. Segundo Castro, a divulgação é uma forma de atrair investidores para o Brasil. “Para nós o presente hoje é importante, mas o futuro é mais porque é no futuro que nós vamos consolidar nossa participação no mercado internacional”, afirmou.

Na plateia do evento organizado pelo Grupo Bandeirantes de Comunicação e o Metro Jornal, em parceria com o Goldman Sachs, estarão investidores internacionais e formadores de opinião. A presidente Dilma Rousseff está com presença confirmada no evento, assim como os ministros da Fazenda, Guido Mantega, e do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, além dos presidentes do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Luciano Coutinho, e do Banco Central, Alexandre Tombini. Entre os palestrantes estarão os presidentes do Grupo Bandeirantes, João Carlos Saad, do Metro Internacional, Per Mikael Jensen, e do Goldman Sachs, Gary Cohn. METRO


|16|

Oklahoma. Achado pode resolver crimes dos anos 70 CORTESIA DE LAURA EASTES/REUTERS

Duas carcaças de carros antigos retiradas de um lago em Oklahoma, nos EUA, podem ajudar a resolver dois crimes que assombraram uma pequena cidade no final dos anos 60 e início da década de 70. Os veículos foram encontrados durante um teste com um novo equipamento de sonar. Dentro dos automóveis, a polícia identificou restos mortais de seis pessoas. Três delas podem ser os adolescentes que desapareceram em 1970, quando iam a um jogo de futebol. “Houve teorias, as pessoas suspei-

Restos mortais de seis pessoas foram encontrados em carros submersos

tavam de um jogo sujo, mas as pistas não levaram a nada”, lembrou a jornalista Dayva Spitzer, em entrevista ao “Washington Post”. Os outros três corpos podem ser de moradores que sumiram em 1969. METRO

Após tormenta. Brasileiros serão retirados de Acapulco Um grupo de ao menos 42 pessoas pediu ajuda ao consulado brasileiro no México para deixar o balneário de Acapulco. A região foi devastada por fortes chuvas. Entre os turistas, estão 39

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

idosos. De acordo com o Itamaraty, um funcionário da embaixada acompanha a retirada dos brasileiros, que não correm qualquer perigo. A expectativa é que eles saiam do local ainda hoje. METRO

Papa: Igreja não deve interferir na vida de gays Polêmica. Declarações feitas por Francisco de maneira informal revelam a busca por um novo tom para a instituição mais antiga do mundo. Católicos se surpreenderam com o conteúdo Em uma franca e extensa entrevista publicada por uma revista católica, o papa Francisco disse que a Igreja se tornou “obcecada” pela pregação contra o aborto, o casamento gay e a contracepção. O pontífice afirmou ter optado por não falar dessas questões e disse, ainda, que “não é possível interferir espiritualmente” nas decisões dos homossexuais. As declarações, divulgadas pela “La Civiltà Cattolica” em 16 países, revelam a busca de um novo tom para a Igreja. Para Francisco, a instituição deve ser uma “casa de todos” e não uma “capela”. “Temos que encontrar um novo equilíbrio, caso contrário, mesmo o edifício moral da Igreja pode cair como um castelo de cartas”, defendeu o papa. A entrevista foi feita em três encontros com o pa-

Pontos da entrevista M he e A ordenação está fora de cogitação. Mas “a Igreja não pode ser ela mesma sem o papel da mulher”.

Pontífice saúda fiéis na Praça São Pedro | TONY GENTILE/REUTERS

dre Antonio Spadaro, companheiro jesuíta de Francisco e editor da revista. Em um clima informal, o papa também falou de seu escritor favorito, Fiódor Dostoiévski, e de sua preferência pelas composições de Mozart e pelas pinturas de Caravaggio.

O conteúdo surpreendeu os católicos. “É uma mudança notável e refrescante”, resumiu John Gehring, da organização americana Faith in Public Life. “O papa é um contator de histórias, como Jesus”, completou Tom Reese, autor de vários livros sobre o Vaticano. METRO

H e a idade “A doutrina oficial condena atos homossexuais, mas afirma que gays e lésbicas devem ser aceitos com respeito, compaixão e sensibilidade.” Ab e c ace çã A Igreja está obcecada por esses assuntos. “Não é necessário falar sobre isso o tempo todo.” Ig e a a a d A Igreja não deve ser “uma pequena capela” focada na doutrina.

Irã sinaliza uma mudança diplomática

Fumaça é vista entre edifícios em um subúrbio de Damasco | STRINGER/REUTERS

Síria. Regime vai pedir um cessar-fogo e o fim da intervenção estrangeira O governo de Bashar Al Assad vai pedir o fim da intervenção estrangeira na guerra síria e o lançamento de um processo político de paz, caso haja uma conferência internacional sobre a crise no país árabe (chamada de Genebra 2). As afirmações foram feitas pelo vice-primeiro-ministro sírio de Relações Econômicas, Qadri Jamil, em entrevista ao “The Guardian”. Para Jamil, o conflito entre o regime e os rebeldes chegou a um impasse. Mais cedo, os Estados Uni-

dos voltaram a pressionar pela aprovação de uma resolução sobre a Síria no Conselho de Segurança das Nações Unidas. O secretário de Estado americano, John Kerry, alfinetou a Rússia, que prometeu entregar à ONU provas de que os rebeldes realizaram ataques químicos. “O conselho deve estar preparado para agir na próxima semana. O tempo é curto. Não vamos gastá-lo debatendo o que já sabemos”, pediu Kerry. METRO COM AGÊNCIAS

A poucos dias de uma viagem aos Estados Unidos, o presidente iraniano, Hassan Rouhani, lançou uma ofensiva diplomática para se aproximar do ocidente. Ontem, na segunda parte de uma entrevista para a emissora NBC, o mandatário disse que o Irã “não busca a guerra com nenhum país”. A declaração indica uma mudança no tom em relação a Israel -- o antecessor de Rouhani, Mahmoud Ahmadinejad, disse que queria ver os israelenses varridos do mapa. Ainda assim, o governo de Israel demonstrou ceticismo. “Não podemos nos deixar enganar pelas palavras fraudulentas do presidente iraniano”, afirmou o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu. O premiê disse não acreditar que o Irã tenha desistido de desenvolver armas nucleares, como destacou Hassan Rouhani na primeira parte da entrevista com a NBC. Reuniões Os esforços do presidente iraniano ultrapassam a via midiática. Recentemente, ele trocou mensagem com o americano Barack Oba-

Presidente iraniano (à esq.), em entrevista com repórter da NBC | DIVULGAÇÃO/REUTERS

ma e, segundo a Casa Branca, os dois podem ter um encontro bilateral durante a assembleia-geral da ONU (Organização das Nações Unidas), na semana que vem, em Nova York. A França, um dos países que mantém sanções eco-

nômicas contra o Irã (devido ao desenvolvimento do programa nuclear) já confirmou que o presidente François Hollande vai se reunir com Rouhani nos EUA. Representantes dos dois países não se encontram desde 2005.

Em outra frente, o governo iraniano libertou, há dois dias, 11 presos políticos. Um deles é a advogada defensora dos direitos humanos Nasrin Sotoudeh, presa por fazer suposta propaganda contra o regime. METRO


|18|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

2 CULTURA Wagner Moura tem papel crucial em ‘Elysium’ | DIVULGAÇÃO

Com toque brasileiro Ficção científica. Wagner Moura estreia em grandes produções internacionais em ‘Elysium’, no qual divide a cena com Alice Braga e Matt Damon. Longa tem mesmo diretor de ‘Distrito 9’ e discute desigualdades sociais

Jean Claude Brisseau

Indie 2013 O diretor francês é o grande homenageado do festival, uma das principais vitrines no Brasil do cinema independente, que vai de hoje a 3/10, no Cinesesc (indiefestival.com.br/2013).

Até onde vai a desigualdade entre os seres humanos? Para o diretor Neill Blomkamp (“Distrito 9”), o abismo social atinge o espaço sideral. Em “Elysium”, que estreia hoje, a elite política e econômica dominante do ano 2154 vive em um satélite impenetrável para o resto da população, relegado a um planeta Terra favelizado, com recursos naturais esgotados. Quem tem a chance de mudar isso é o pobretão Max (Matt Damon), que precisa furar o escudo para usar o sistema de saúde dos ricos e não faz ideia que seu gesto pode por fim à distinção de classes. Quem o ajuda na empreitada é o hacker Spider, vivido por Wagner Moura em seu primeiro trabalho de grande porte em Hollywood. Ao lado do baiano de 37 anos está a também brasileira Alice Braga, 30. Com trânsito em outras produções hollywoodianas (“Eu Sou a Lenda”, “Predadores”), ela vive o par romântico de Max. “Não sinto que o filme seja uma previsão, mas acho que Neill cria uma história para cutucar e mostrar que a mudança tem que estar na gente”, afirma ela, sobrinha da atriz Sonia Braga. O elenco traz ainda outros atores de diferentes países, como o mexicano Diego Luna e o sul-africano Sharlto Copley. “Neill não escolheu esse elenco à toa, evidentemente

“Neill é um fã de ‘Tropa de Elite’ e queria conhecer meu trabalho. Ele viu o ‘Tropa 2’, ficou louco e me chamou para ‘Elysium’.” WAGNER MOURA, ATOR

era vontade dele trazer atores para quem a exclusão faz algum sentido”, diz Moura. Para ele, a maior pedra no sapato para a construção de Spider foi a mudança de idioma. “Achei muito difícil [falar em inglês]. Tinha que preencher aquelas palavras com uma humanidade artificial.” Outra grande dificuldade vivida por ele se deu durante os cinco meses de gravação, em Vancouver, no Canadá, quando teve uma grave pneumonia. “Foi muito difícil ficar tanto tempo longe de casa, em um lugar onde eu não conhecia ninguém.” Ainda assim, a experiência valeu a pena. “Adoro projetos de entretenimento que têm algo a dizer. Acho que essa é a coisa mais difícil”, conclui ele, que se prepara agora para estrear na direção com um longa sobre o guerrilheiro Carlos Marighella (1911-1969). AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO COM METRO RIO


|22|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

O fim de semana chegou, e o Metro ABC indica algumas opções de lazer para passar o tempo livre. Os fãs de teatro têm três opções de peças: ‘O Amante do Meu Marido’ e ‘Antes que Tudo Se Acabe’, em São Caetano, e ‘O Quarto do Barba Azul’, em São Bernardo. Releituras instrumentais das canções de Noel Rosa fazem parte de show no Sesc Santo André, que tem também um espetáculo de circo. Canto lírico é atração em Ribeirão Pires, com Jorge Durian.

2 1 ‘O Amante do Meu Marido’

A peça conta a história de Esperidião, um aposentado que sonha virar ator. Ao ouvir parte de uma conversa entre ele e seu agente, a esposa Telma começa a crer que tenha virado homossexual. Elenco conta com Milton Levy, Mateus Carrieri, Miriam Lins e Adelita Del Sent. A encenação será amanhã, às 21h, no teatro Paulo Machado de Carvalho (alm. Conde de Porto Alegre, 840, Sta. Maria, SCS). Ingressos: R$ 40 (antecipado até hoje), R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia-entrada), à venda no local. Classificação: 12 anos. METRO ABC

‘Antes Que Tudo Se Acabe’ em São Caetano

3

Peça ‘O Quarto do Barba Azul’ em SBC

Inspirada no conto de fadas “Barba Azul”, a peça conta a história de uma moça que vive os primeiros momentos de seu casamento em uma casa cercada pelo mar. Ela é a quarta mulher de um homem muito misterioso, que a ajuda a fazer várias descobertas sobre si mesma. As encenações serão amanhã, às 21h, e domingo, às 19h, no teatro Abílio Pereira de Almeida (praça São José, 240, Baeta Neves, São Bernardo). A entrada é gratuita, com retirada de ingressos uma hora antes do espetáculo. A classificação é 12 anos. METRO ABC

A trajetória de cinco atrizes de diferentes épocas que gravam um documentário em homenagem a um importante artista do teatro brasileiro é retratada na montagem, que está em cartaz no teatro da Fundação (rua Visconde de Inhaúma, 730, Nova Gerty) até 13 de outubro aos sábados, às 20h, e domingos, às 19h. Ingressos por R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada), à venda na bilheteria do local uma hora antes da encenação. O espetáculo forma a turma 49 da Escola de Teatro. METRO ABC

4 6

‘Noel Rosa ao Entardecer’

5

‘Gran Circo Internazionale’

O grupo Zibaldoni se apresenta com o Gran Circo Internacionale, que pode ser visto por um público de todas as idades no Sesc Santo André. Os personagens Napolino e Bisgoio vivem uma vida sem rumo, e transformam a vida em um grande espetáculo circense. A encenação é gratuita, e será no domingo, às 16h. O Sesc fica na rua Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. METRO ABC

atrações culturais para curtir o fim de semana no ABC

Jorge Durian em Ribeirão Pires

6

A voz tenor Jorge Durian é atração gratuita amanhã, às 20h30, em Ribeirão Pires. O repertório tem clássicos do canto lírico. Junto a ele, a orquestra e coral Monte Carlo também se apresenta. O título de tenor é dado a músicos que tenham o tipo de voz mais aguda. O show será na Tenda Multicultural do Complexo Ayrton Senna (av. Brasil, 193, Centro, Ribeirão Pires). METRO ABC

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Título do álbum feito em homenagem ao cantor, ‘Noel Rosa ao Entardecer’ é um CD produzido pelo saxofonista Flavio Bala. Ao lado dos músicos Renato Neto (piano) Rubem Faria (contrabaixo) Marco da Costa (bateria) Luiz Brasil (violão e bandolim) e Chrystian Galante (percussão), ele faz um show instrumental com canções como “Com que Roupa” e “Fita Amarela” amanhã, às 20h, no Sesc Santo André (rua Tamarutaca, 302, Vila Guiomar). Ingressos de R$ 4 a R$ 20, à venda na bilheteria do local. METRO ABC


|28|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

Exposição que abre amanhã faz retrospectiva da história da arte no país a partir dos artistas nacionais que participaram das 30 Bienais de São Paulo METRO SÃO PAULO

1 FOTOS: ANDRÉ PORTO /METRO

Viagem por dentro da arte brasileira Quando foi convidado para organizar a exposição “30xBienal”, o curador Paulo Venancio Filho assumiu a complicada missão de selecionar apenas um pequeno time de artistas para representar o impacto da Bienal de São Paulo na arte brasileira desde a sua criação, em 1951. “Não procurei fazer uma exposição que reconstituisse as bienais, mas quis mostrar o efeito que elas tiveram a partir de suas 30 edições”, diz. A retrospectiva, que abre amanhã, tem 250 obras de 111 artistas pinçados das 5.780 participações de brasileiros nas bienais. Por dificuldades de identificação ou de negociação de seguro, nem todos os trabalhos expostos estiveram realmente presentes na mostra, mas representam momentos em que seus autores estouraram no mundo das artes. Na lista estão os nomes de Nuno Ramos, José Leonilson e Beatriz Milhazes. Obras clássicas, de artistas como Lygia Clark e Helio Oiticica, ganharam um espaço totalmente climatizado na mostra, que custou R$ 9 milhões. “Não fiz essa exposição com caráter celebratório, nem ela é definitiva, mas espero que nela apareça a nossa tradição moderna e contemporânea, algo que está sendo visto e revisto lá fora”, afirma. METRO

‘Ondas Paradas da Probabilidade’ (1969). Mira Schendel (19191988).

1

A artista suíça radicada no país brinca com o efeito ótico nesta instalação.

‘Bicho’ (1960/1984). Lygia Clark (1920-1988).

2

Concebida dentro de uma série, a obra é um dos ícones do concretismo no Brasil.

2

Serviço Na Bienal (parque Ibirapuera). Ter., qui., sáb., dom. e feriados, das 9h às 19h. Qua. e sex., das 9h, às 22h. Grátis.

4

’Repressão Outra Vez – Eis o Saldo’ (1968). Antonio Manuel (1947-).

3

Para ver a obra, que apresenta páginas de jornais relatando a luta contra a ditadura, o visitante tem que se afastar dela. É um exemplar da arte engajada no país.

‘Núcleo em Expansão’ (1965). Iberê Camargo (19141994).

4

O artista antecipa a retomada do uso da pintura que acontece com a chegada da Geração 80.

3


|30|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{VARIEDADES} Os invasores

Receita Minuto

Leitor fala

Mensalão Li no Metro de ontem que os “Condenados no mensalão terão novo julgamento”. Políticos envolvidos em corrupção e com provas claras para uma condenação terão o privilégio de recorrer graças às leis e aos homens que mais uma vez buscaram o caminho da impunidade. Isso só desmoraliza cada vez mais a imagem de nosso país. Que vergonha!

DANIEL BORK DANIEL.BORK@METROJORNAL.COM.BR

BOLO DE LARANJA BAHIA COM CASCA

Cruzadas

LUÍS ANTONIO MIRANDA - SÃO PAULO - SP

Esclarecimento

“A laranja tem origem asiática, de acordo com algumas literaturas, porém a primeira receita de “Bolo de Laranja” que se tem noticia é de origem da famosa e antiga doçaria portuguesa. A receita que trago aos amigos hoje é ótima para ser servida com um delicioso café da manhã porque tem um sabor bem marcante de laranja e pelo seu valor nutricional, afinal de contas que não quer bastante energia para iniciar o dia na companhia doa amigos e família? Ótimo fim de semana a todos!

Resposta da prefeitura de Santo André à carta da leitora Clara Stulmach, publicada nesta coluna: “A Prefeitura de Santo André, por meio do DST (Departamento de Segurança e Trânsito), informa que todos os anos, no início do período letivo, realizamos a Operação Volta às Aulas, onde durante 15 dias os agentes ficam em frente a escola orientando os pais de alunos a não pararem e nem estacionarem em fila dupla. Os que não respeitam são autuados. Estaremos reforçando a fiscalização nesta escola e autuando os infractores.” PREFEITURA DE SANTO ANDRÉ

Metro Pergunta

O São Paulo pode passar Siga o Metro o Corinthians no no Twitter: Brasileirão. Acredita na @jornal_metro reação do tricolor? @Faboso_Lopes

Sudoku INGREDIENTES Massa: 2 xicara (chá) de farinha de trigo 1 e ¾ xicara (chá) de açúcar 4 ovos orgânicos ½ copo americano de óleo de girassol ou canola 1 laranja inteira tipo Bahia

(sem sementes) 2 colheres (chá) de fermento químico em pó

Claro que acredito. Se o Juvenal Juvêncio tivesse trazido o Muricy antes, o SPFC estaria brigando pelo titulo do campeonato.

www.metrojornal.com.br

VOCÊ JÁ VISITOU O SITE DO METRO HOJE?

Cobertura: 2 xicara de açúcar impalpável (confeiteiro) 5 colheres (sopa) de suco de laranja

Acesse metrojornal.com.br e confira as reportagens em andamento que estão na área “Faça o Metro de Amanhã” na nossa página inicial.  Aqui, você irá além dos comentários. Sua participação vai nos ajudar no desenvolvimento de reportagens que também serão publicadas – com a sua assinatura – na versão impressa do Metro.

Modo de Preparo: Corte a laranja em 4 partes e bata no liquidificador junto com o óleo, os ovos e o açúcar. Passe para uma tigela e acrescente a farinha, o fermento e incorpore bem. Leve ao forno quente pré-aquecido por aproximadamente 40 minutos ou até que enfiando um palito de madeira este saia limpo.

Para falar com a redação:

leitor.abc@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Daniel Bork apresenta o programa Dia Dia de segunda a sexta às 8h, na Band

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

A Lua está no seu signo, um período em que seus sentimentos estarão transparentes e a vontade de resolver assuntos, ainda maior.

Estudos e novos conhecimentos tendem a ser vivenciados com mais intensidade. Contatos com pessoas distantes serão mais frequentes.

Período positivo para eventos e ambientes sociais. Momento especial para mais romantismo diante da relação amorosa.  

Bom momento para uma reflexão sobre seus planos e para se portar de maneira mais distante de algumas convivências.

Período mais indicado para pesquisas no trabalho que venham identificar erros. Sigilo com informações será essencial.

Tenha cuidado para não agir de forma metódica ou com certa indiferença nas relações familiares. Despesas para o lar tendem a serem revistas.

Momento importante para valorizar o contato com amizades e esclarecer mal entendidos que tenha vivenciado diante de algumas situações.

Momento indicado para esclarecer diferenças de opiniões e fazer ajustes em algum tipo de vínculo ou sociedade.

A comunicação será essencial para esclarecer mal entendidos ou evitar equívocos nas relações de maior vínculo afetivo.

Cuide para não agir de maneira inconsequente ao querer resolver problemas no trabalho. Atente-se para que a rotina não afaste relações.

Bom período para se dedicar a cuidados consigo mesmo, especialmente para equilibrar as energias e evitar o estresse.

Há tendências para posturas mais consumistas do que o habitual. Repensar algumas será essencial para o equilíbrio do orçamento.


|32|

Emmys. Telefilme sai na frente na briga por prêmio Michael Douglas e Matt Damon têm um embate marcado para domingo. Colegas de cena em “Behind the Candelabra”, eles disputam o Emmy de melhor ator em telefilme ou minissérie. As duas indicações fazem parte do bolo de 15 menções recebidas pelo longa no Oscar da TV, oito das quais já foram conquistadas domingo passado na entrega do Emmy voltado às questões técnicas, como direção de arte e maquiagem. O serviço de vídeo sob demanda Netflix, que havia feito história ao receber as primeiras indicações para produções feitas exclusivamente para a internet, também já arrecadou dois troféus por “House of Cards”, que concorre ainda a melhor atriz, ator e drama. Já uma das séries mais populares do momento, “Game of Thrones”, chega domingo com apenas dois prêmios na bagagem. O número é baixo se for levado em conta que o show foi o segundo com mais indica-

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

Tem show no fim de semana? Vá de van! Novidade. Entre na onda do Dia Mundial Sem Carro, no próximo domingo, e se desloque até as apresentações de Bon Jovi, Nickelback, Iron Maiden e Slayer com transporte compartilhado O serviço não é exatamente novo. O que o Vancomigo. com.br faz é facilitar a vida de quem não tem uma turma grande o suficiente para fretar traslados para shows. Funciona assim: cada grande evento de São Paulo tem uma página no site, que oferta vans com horário marcado partindo de pontos de fácil acesso de transporte público. Escolhido o carro, o cliente já efetua o pagamento diretamente com cartão de crédito. Por R$ 30, é possível fazer

Neil Patrick Harris repete papel de anfitrião dos Emmys | DIVULGAÇÃO

ções, 16, atrás apenas de “American Horror Story: Asylum”, com 17. A festa do próximo domingo será transmitida a partir das 21h pelo Warner Channel. O anfitrião é o ator Neil Patrick Harris, o Barney do seriado de comédia “How I Met Your Mother”, que retorna ao papel de showman após já ter apresentado o Emmy em 2009. METRO

Serviço Bon Jovi

Jon Bon Jovi em show em julho deste ano | SIMONE JOYNER/GETTY IMAGES

No Estádio do Morumbi, domingo, às 20h. Abertura às 18h30 com Nickelback. De R$ 180 a R$ 680.

o trajeto de ida e volta do Tatuapé ao Estádio do Morumbi, no domingo, onde acontece o show do Bon Jovi e do Nickelback. Pelo mesmo preço, dá pra sair e retornar hoje do Shopping Metrô Santa Cruz até a Arena Anhembi para o show do Iron Maiden. A parte chata é que os horários de ida são por volta das 16h, o que impede muita gente que usufruir o serviço em dia de semana. Mas a volta garantida pode compensar o tempo a mais. METRO Serviço Iron Maiden Na Arena Anhembi, hoje, a partir das 18h. Abertura com Ghost e Slayer. Ingressos esgotados.

O baixista Steve Harris é destaque do Iron Maiden | DIVULGAÇÃO


|36|

3 ESPORTE

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Tricolor ainda não pode comemorar, diz Muricy Calma. Técnico afirma que clube ainda tem de lidar com o sufoco do Z-4 no Brasileirão Desde que voltou ao São Paulo, o técnico Muricy Ramalho não só tirou a equipe da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro com três vitórias em três partidas – o time está invicto no segundo turno –, como inflou a confiança dos jogadores e torcida. Mesmo assim, o técnico afirmou que o Tricolor ainda está em apuros. “Não dá para comemorar. Vamos comemorar quando sairmos desse sufoco”, disse. “Nossa realidade é ali. Estávamos lá embaixo, ganhamos três e fomos para cima. Mas não podemos nos entusiasmar. A vitória nos dá confiança, mas sem nenhum tipo de empolgação”, completou. A chave para manter o momento tem sido a confian-

“Expliquei que o que estávamos jogando não estava dando, que a gente tinha que transpirar um pouco mais” MURICY RAMALHO, TÉCNICO

ça da equipe. O técnico afirmou que, aos poucos, está conquistando os atletas: “Vou trabalhando e conseguindo que todos confiem em mim. Conheço todo mundo no CT, mas jogador não. Acho que a gente está no caminho certo.” Domingo, o São Paulo pode emendar a quarta vitória seguida. O adversário será o Goiás, que também vem em boa fase no Brasileiro, no Serra Dourada. METRO

Muricy Ramalho acertou os ponteiros do São Paulo no Campeonato Brasileiro | MARCELO MACHADO DE MELO/FOTOARENA/FOLHAPRESS

Ceni: ‘Decisão já está tomada’

Ceni já marcou 112 gols na carreira

UFC 165

Jon Jones O campeão dos meiopesados (até 93kg) do UFC defende o título amanhã à noite contra o sueco Alexander Gustafsson, em Toronto, no Canadá.

| DAVI RIBEIRO/FOTOARENA

Seleção Brasileira

Ao que tudo indica, o goleiro e capitão são-paulino Rogério Ceni vai pendurar as chuteiras e as luvas ao fim deste ano. Questionado se o bom momento tricolor poderia fazer com que o jogador adiasse os planos, o camisa 01 foi firme: “Não é o resultado que vai mudar meu destino. Não tem resultado nenhum que mudará meu destino. Falo em dezembro. Não preciso parar hoje. A decisão é minha e está tomada.” Aos 40 anos, Rogério está próximo de se tornar o jogador com mais partidas por Bahia

1.100 jogos tem Ceni pelo Tricolor. A marca foi alcançada na quarta, na vitória contra o Atlético-MG um mesmo time na história do futebol brasileiro. Ele só perde para Roberto Dinamite (1.110 jogos com a camisa do Vasco) e Pelé (1.116 pelo Santos). Em 2013, ele ainda jogará pelo Campeonato Brasileiro e pela Copa Sul-Americana. METRO

Santos. Peixe quer seis pontos na Vila Belmiro De volta à Baixada Santista após empatar por 1 a 1 com o Grêmio em Porto Alegre, o Santos terá dois jogos em casa. No domingo pega o Criciúma e na quarta-feira é a vez do Náutico. Motivos de sobra para o Peixe acreditar em uma reabilitação no Campeonato Brasileiro. “Se ganharmos os dois, ficamos mais perto do G-4. São dois jogos importantíssimos. Não tem como não projetar essas partidas desde já”, disse o atacante Thiago Ribeiro.

Para o jogo contra os catarinenses, porém, o técnico Claudinei Oliveira não poderá contar com os volantes Cícero e Alison, que cumprem suspensão automática. Leandrinho, Renê Júnior, Pedro Castro, Léo Cittadini e Renato Abreu disputam as vagas. O treinador ainda pode mudar a formação e escalar mais um atacante ao lado de Thiago Ribeiro e Gabriel. Nesse caso, Willian José é o favorito. METRO

Cruzeiro

Julio Cesar: pronto após cirurgia

Taças do Brasileiro foram para o lixo

Raposa evita clima de ‘já ganhou’

Único jogador confirmado na Copa de 2014 pelo técnico Luiz Felipe Scolari, o goleiro Julio Cesar afirmou estar motivado mesmo após a cirurgia a que foi submetido na quarta-feira. O atleta do Queens Park Rangers (ING) quebrou um dedo da mão esquerda e precisou ser operado. “Estou confiante pelo retorno, vou voltar mais forte que antes”, disse à SporTV. METRO

Dois dos troféus mais importantes da história do Bahia – das conquistas da Taça Brasil de 1959 e do Campeonato Brasileiro de 1988 – foram encontradas em um saco de lixo de um escritório do clube, em Salvador. A informação foi divulgada pelo jornal “Correio da Bahia”. A direção do Tricolor colocará as taças em um memorial que será criado na Arena Fonte Nova. METRO

Embora tenha vencido o vice-líder Botafogo por 3 a 0, quarta-feira, no Mineirão, e se isolado na liderança do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro quer evitar o “oba-oba”. “Ainda tem muito campeonato e temos que continuar nessa dedicação. Temos dois jogos fora e é importantíssimo buscar o resultado”, afirmou o zagueiro Bruno Rodrigo. METRO

Thiago Ribeiro comanda o ataque | LUIZ FERNANDO MENEZES/FOTOARENA


|38| Brasileirão 23ª rodada

AMANHÃ 18h30 FLUMINENSE X CORITIBA

VITÓRIA

21h X GRÊMIO

DOMINGO 16h BOTAFOGO CORINTHIANS INTER GOIÁS NÁUTICO

X X X X X

BAHIA CRUZEIRO PORTUGUESA SÃO PAULO FLAMENGO

18h30 ATLÉTICO-MG ATLÉTICO-PR SANTOS

X VASCO X PONTE PRETA X CRICIÚMA

Série B 24ª rodada SÁBADO 16h20 PALMEIRAS

X SPORT

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Tite projeta mudanças, mas sem invenções Crise. Sem vencer há cinco jogos, comandante alvinegro deve fazer alterações na equipe O mau momento corintiano no Campeonato Brasileiro foi instalado de vez na quarta-feira, após a derrota por 2 a 0 para a Ponte Preta – o 5º jogo consecutivo sem vitórias da equipe. Cobrado pelos recentes resultados, o técnico Tite prometeu criar novas opções para o time, mas descartou fazer invenções. “Eu preciso trabalhar e pensar em outras alternativas, variações, até mesmo para podermos mudar o estilo de jogo. Projetar uma outra forma de atuar, um sistema reformulado e buscar uma alternativa criativa para sair dessa situação, mas sem ser professor Pardal”, disse o trei-

nador, indicando que o alvinegro terá mudanças para o duelo deste domingo contra o líder Cruzeiro, no Pacaembu. Algumas mudanças, inclusive, serão necessárias. Além de Alessandro e Fábio Santos, machucados, Tite também não poderá contar com Guerrero, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Sem o peruano, a opção natural seria o deslocamento de Alexandre Pato para a função de centroavante. A dúvida ficaria entre Danilo e Emerson, já que Douglas e Romarinho devem ser mantidos na equipe. “Tem de procurar nomes e retornar com alguns outros”, definiu. METRO

“Eu respeito o sentimento do torcedor, meu sentimento é tal qual. Tenho dignidade para entender esse sentimento e trabalhar” TITE, TÉCNICO DO CORINTHIANS

Tite tem sido cobrado pelos maus resultados |

RAFAEL NEDDERMEYER/FOTOARENA

Mudança na pena

Justiça reabre os portões O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) mudou ontem a punição aplicada a Corinthians e Vasco por causa da briga entre as torcidas no confronto do dia 25 de agosto, em Brasí-

lia, pelo nacional. O tribunal manteve a perda de quatro mandos de campo para os dois clubes – punição anunciada no último dia 4 –, mas retirou os portões fechados. As multas de R$ 80 mil para o time paulista e R$ 50 mil para o carioca continuam valendo. Assim, o Corinthians

não terá o Pacaembu nos jogos contra Bahia, Atlético-PR, Criciúma e Santos – a CBF definirá os locais dessas partidas. Também ontem, alguns dirigentes e jogadores do Timão receberam integrantes de torcidas organizadas no CT, que cobraram explicações sobre o mau momento da equipe alvinegra. METRO

Barcelona: ídolo novo, camisa nova O Barcelona apostou no preto para a cor de sua terceira camisa, apresentada ontem no site oficial do clube. E o garoto-propaganda foi Neymar, que vem conquistando a torcida catalã. | DIVULGAÇÃO/BARCELONA


|40|

ABC, SEXTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Um ano de Gilson Kleina Após a saída de Luiz Felipe Scolari, o Palmeiras apostou no então técnico da Ponte Preta para tentar salvá-lo do rebaixamento para Série B. Não deu certo. Um ano depois de chegar ao Palmeiras, porém, Gilson Kleina coleciona críticas e momentos marcantes no clube. Veja os principais: METRO

1 34 6 5 2 CESAR GRECO/FOTOARENA

Queda

JARED WICKERHAM/GETTYIMAGES

Morre-morre

Em setembro do ano passado, o Verdão agonizava na Série A, com o rebaixamento iminente. Felipão deixou o clube, que decidiu apostar em Kleina, que se destacava no comando da Ponte Preta. O técnico conseguiu uma reação imediata, mas sobreu com baixas na equipe e acabou amargando a queda. METRO

Kleina foi a aposta para salvar time em 2012

Continuação

O descenso, porém, não foi motivo para a troca de treinador. Paulo Nobre foi eleito presidente do Palmeiras em janeiro, mas manteve Kleina – que havia assinado contrato até o final de 2013. O treinador, no entanto, viu seu elenco ser muito modificado, especialmente pela saída de Barcos. Outros nomes chegaram, já com o Paulistão em andamento. METRO

Uma das maiores críticas que o treinador sofre da torcida é a ineficiência em duelos mata-mata. Ainda em 2012, o Verdão de Kleina foi derrotado na Sul-Americana para o Millonarios (COL). Este ano, foram mais três fracassos em confrontos eliminatórios: para o Santos no estadual, Tijuana (MEX) na Libertadores e Atlético-PR na Copa do Brasil. Além disso, o torcedor não se esquece da goleada vexatória sofrida para o Mirassol por 6 a 2, ainda no Paulista. A derrota histórica, porém, é citada pelo técnico como um divisor de águas. METRO

Nova vida

Incerteza

O ressurgimento do alviverde foi realmente consolidado após a parada dos campeonatos para a Copa das Confederações. Neste intervalo, muitos atletas melhoraram suas condições físicas. O time cresceu e passou a dominar a Série B – hoje é líder isolado com 52 pontos. Assim, Kleina consolida sua produtividade. Em 2013, o Verdão somou 100 dos 159 pontos que disputou (ou 62,89%).

Apesar de já ter praticamente assegurado o acesso em 2014 – ano em que o Palmeiras completa 100 anos e inaugura seu novo estádio – Kleina não sabe se permanecerá. Com contrato até o final do ano, o técnico convive com sombras como a de Vanderlei Luxemburgo, que teve seu nome ventilado para substituí-lo. METRO

METRO

Alan Kardec é o artilheiro do Palmeiras na Série B

Seleção do Verdão

O sucesso fez palmeirenses serem lembrados para suas seleções. Reflexo do trabalho de Kleina e motivo de orgulho para torcida e diretoria. Dois foram para a principal, Leandro e Henrique, e um na olímpica, Vinicius. Eguren está na uruguaia e Valdivia retornou para a do Chile. “Muitos diziam que não teríamos visibilidade por estar na Série B”, orgulhou-se Kleina. METRO

Luxemburgo foi especulado no Verdão

Basquete

‘Não vou rastejar para correr’, afirma Massa Meninas do Brasil comemoram triunfo | DIVULGAÇÃO/CBV

Vôlei. Seleção feminina emplaca a 2ª A Seleção feminina ganhou ontem a segunda partida no Sul-Americano de vôlei, disputado em Ica, no Peru. Depois de despachar o Chile na estreia, quarta-feira, por 3 sets a 0, o Brasil derrotou a Colômbia pelo mesmo placar – parciais de 25/13, 25/14 e 25/18. Hoje, a equipe brasileira volta à quadra contra a Argentina, às 19h (de Brasília). Amanhã, o adversário é a Venezuela, às 18h. O último jogo acontece no domingo, contra o Peru, às 19h. METRO

De concreto, Felipe Massa só tem confirmado o fato de que não correrá pela Ferrari em 2014. Enquanto isso, o brasileiro revelou contatos de McLaren e Lotus – com esta, a negociação está avançada. E ontem, em Cingapura, voltou a dizer que pretende ter um carro competitivo para seguir na categoria no ano que vem. “Estar no grid para fazer parte da foto não me interessa. Se tiver chance de correr só em equipe pequena, não vou. Vou fazer outra coisa. Há equipes com lugar disponível com possibilidade de fazer um carro competitivo e é nisso que estamos trabalhando”, falou. “Há outras equipes cujas fábricas têm potencial para fazer um carro competitivo também. Williams, Force India, Sau-

ber... Não sei. Estamos trabalhando para achar o melhor caminho possível”, acrescentou Massa. O Grande Prêmio de Cingapura, que acontece neste domingo a partir das 9h (horário de Brasília), será a primeira das últimas sete corridas que o piloto fará com as cores da Ferrari. A escuderia já anunciou o finlandês Kimi Raikkonen, da Lotus, para a vaga do brasileiro. ‘Kimi era o melhor’ Além de voltar à Ferrari com o status de último campeão pelo time, em 2007, Raikkonen chegará com a “bênção” do companheiro de time: “Eles [Ferrari] pediram minha opinião sobre o substituto. Disse que Kimi era a melhor opção do mercado”, disse o espanhol Fernando Alonso. METRO

Copa América começa amanhã Depois do fiasco da campanha masculina, as meninas do basquete brasileiro esperam alcançar um resultado melhor na edição feminina da Copa América que começa hoje, no México, e vai até 28 de setembro. A competição distribuirá três vagas para o Mundial de 2014, na Turquia. METRO

Tênis

Murray passará por cirurgia

Felipe Massa não ficará na Ferrari em 2014 | MARK THOMPSON/GETTY IMAGES

O britânico Andy Murray, número 3 do ranking, passará por uma cirurgia para corrigir dores nas costas na segunda-feira. A tendência é que o tenista fique de fora das quadras até o fim deste ano. Em 2013, o atleta conquistou quatro campeonatos, incluindo o torneio de Wimbledon, um dos quatro Grand Slams. METRO

20130920_br_metro abc  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you