Page 1

:):P :$ PARABÉNS, :]°O° :) =)

CARINHA!! 8) O_O S2 UMA BREVE HISTÓRIA DOS EMOTICONS, :D :( \O/ QUE COMPLETAM 31 ANOS HOJE :X

PÁG. 14

TRAVANDO

ABC Quinta-feira, 19 de setembro de 2013 Edição nº 949, ano 4 MÍN: 13° MÁX: 22°

CORINTHIANS PERDE POR 2 A 0 DA PONTE E CAI PARA 7O PÁG. 18

REAGINDO

SÃO PAULO BATE ATLÉTICO-MG POR 1 A 0 E JÁ É O 13O PÁG. 17

www.metrojornal.com .br| leitor.abc@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro

DEPOIS DE NOVE ANOS NO STF...

JULGAMENTO SEM FIM > Ministro Celso de Mello desempata

votação e resultado beneficia 12 condenados no mensalão

> Novo júri abre possibilidade para que José Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares e João Paulo Cunha tenham suas penas reduzidas > Ministro Luiz Fux, que votou contra os embargos e pela condenação dos réus, será o novo relator; data ainda não está definida PÁG. 06

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

O ministro Celso de Mello, decado do Supremo Tribunal Federal, durante a sessão de ontem, quando admitiu a possibilidade de recurso para réus condenados por placares apertados no julgamento do mensalão | PEDRO LADEIRA/FOLHAPRESS

Sai trólebus, entra calçadão no Centro de Diadema

Fim do voto secreto vai ao plenário do Senado

EUA mantêm estímulos e dólar cai para R$ 2,19

Trecho de 1 km da linha que passa pela avenida Antônio Piranga será remanejada PÁG. 02

Comissão de Constituição e Justiça supera pressões e aprova projeto para adoção do voto aberto PÁG. 04

Banco central do país anuncia que manterá programa de investimentos e cotação da moeda despenca PÁG. 08

Ônibus circular em menor velocidade no trecho por medida de segurança | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC


|02|

R$ 35 MILHÕES

NANI

R. JOS É MAG

R

AV .P

TRAJETO NOVO

R E ST

DE SAL ES

L AV. FÁBIO EDUARDO RAMOS ESQUIVE

E FE GENT R. RE

ÃO

IP E

R. MA

CORREDOR NATUAL

CA M

AR

TRECHO EM QUE A AVENIDA ACOMPANHA O CORREDOR

FE L

A LD

IJÓ

R.

AV. A

. AV

L . DEO DORO

OJ

OSÉ

ÁREA DE COMÉRCIO

.S AV

E ET

BRO TEM SE E D

R. DR. ULISSES GUIMARÃES

bio Eduardo Ramos Esquivel não perderá faixas. Os trólebus circularão por sobre o curso d’água, que terá trecho coberto, onde será construída a pista. Ônibus x pedestres Presidente da EMTU, Joaquim Lopes afirmou que a mudança atende demanda antiga do município, mas

também tem por objetivo melhorar o serviço. “A movimentação gera travessia de pedestres em vários pontos e há também carga e descarga pelas lojas. Essa soma cria complicação operacional e de segurança para o corredor. Neste trecho, os ônibus trafegam em velocidade menor”, afirmou. Secretário de Transpor-

tes de Diadema, José Carlos Gonçalves, disse que a mudança corrigirá erro histórico. “O que se conta é que o traçado era na Fábio Eduardo, mas por pressão dos comerciantes, foi desviado, pois se acreditava que ajudaria nos negócios”. Embora possa ter contribuído para o desenvolvimento da região, a lo-

calização também trouxe prejuízo. “Não faz sentido o trólebus cortar o Centro ao meio. Por causa do corredor, há pontos em que a calçada tem um metro. O povo anda igual gado”, afirmou. ANDRÉ VIEIRA METRO ABC

Estimativa aponta para investimento de R$ 35 mi

Dólar - 2,92% (R$ 2,18) Bovespa + 2,64% (55.702 pts)

Selic (9%)

É a extensão do corredor. O modal liga os bairros do Jabaquara e de São Mateus, ambos na capital, passando por Santo André, São Bernardo, Diadema e Mauá

R

R. SEN . FRAN CISCO

TERMINAL

Cotações

Euro - 0,60% (R$ 3,00)

33 KM

é o custo estimado das obras de transposição do corredor. O levantamento ainda é preliminar

S TE AN GR S MI NTE SI A DO IGR D. IM RO OS .D OD

Vindo de São Bernardo, o corredor Metropolitano ABD, quando se aproxima da região central de Diadema, entra à esquerda e sobe para avenida Antonio Piranga, onde corta a principal e mais movimentada zona comercial da cidade antes de chegar ao terminal. Com a mudança, o corredor seguirá até o cruzamento com a avenida Preste Maia. A partir daí, será desviado para a avenida Fábio Eduardo Ramos Esquível, que terá o córrego coberto para a passagem dos ônibus. O novo trajeto deixará o Centro livre para a criação do calçadão entre o Quarteirão da Saúde e a praça Castelo Branco

E HA NS RUN RE . CO

A presidente da Petrobras, Graça Foster, disse ontem que não há, até o momento, qualquer registro ou evidência de que informações da empresa foram acessadas pela espionagem norteamericana. No entanto, admitiu que a possibilidade de informações sigilosas da estatal terem sido acessadas causa “no mínimo desconforto, porque não sabemos se vazou e o que vazou”.

NOVO TRAÇADO O R.

Espionagem na Petrobras

Mais importante via exclusiva de ônibus da região, o corredor Metropolitano ABD, por onde circulam os trólebus, terá o traçado alterado no Centro de Diadema para a que a pista que hoje recebe os coletivos se transforme em boulevard. O projeto, que tem estimativa inicial de R$ 35 milhões e previsão de início das obras no ano que vem, está sendo desenvolvido entre a prefeitura e o governo do Estado, por meio da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), que administra o sistema. A ideia é afastar os trólebus da região central fazendo a transposição de parte do corredor da avenida Antônio Piranga para a avenida Fábio Eduardo Ramos Esquivel. No trecho que vai do Quarteirão da Saúde até a praça Castelo Branco, os ônibus não mais circularão e passarão para a via paralela. O desvio no trajeto terá cerca de um quilômetro. Nesta região, que reúne a câmara, a igreja Matriz, o shopping popular e o mais movimentado comércio de rua da cidade, será criado um longo calçadão, sem a presença de veículos. Dividida por córrego e sempre congestionada, a Fá-

IÇÃO ONCE AV. C

Graça Foster

Transporte público. Transposição permitirá a criação de calçadão na área mais movimentada do Centro da cidade. Obras devem começar no início do ano que vem. Estimativa inicial aponta custo de R$ 35 milhões

M AI A

FOCO

Trólebus mudará trajeto para Diadema abrir boulevard

ES

1

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www .com.br

{FOCO}

Ônibus cruzam região de intenso movimento de pedestres e com áreas para carga e descarga | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC FALE COM A REDAÇÃO leitor.abc@metrojornal.com.br 011/3528-8520

Salário mínimo (R$ 678)

COMERCIAL: 011/4122-0501

o leitor Metr Paulo,

o,

ri exemplar

ri

Port

Cálculos iniciais apontam que a transposição demandará investimento milionário. A estimativa é de gasto mínimo de R$ 1,2 milhão no projeto e que as obras custem outros R$ 35 milhões. Quem pagará é o Estado. O termo de referência que servirá de base já está em fase de elaboração. A expectativa é de que a licitação seja lançada ainda em 2013 e que os trabalhos se iniciem no primeiro trimes-

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Editor Chefe: T omercial e Marketing: Diretora Financeira: ra elloso Diretor de Tecnologia e Operações: Gerente Executivo: Coordenador de Redação: i Editor de Arte: Metro ABC. Editor-Executivo: Editor de Arte:

Gerentes Comerciais: Tân

Ed

tre do ano que vem. O corredor Metropolitano ABD começou a ser construído nos anos 1980 e entrou em operação no fim da mesma década. O trecho de Diadema funciona desde 1990. Secretário municipal de Transportes, José Carlos Gonçalves, disse que espera ver as obras de transposição e do calçadão prontas em 2015. “Vai transformar o Centro. Será como um novo cartão postal”. METRO ABC E S/ andar, SP

eç -0

aulo Metro

og&Pr L

exemplares


ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{FOCO}

Ciclofaixa no ABC só sairá do papel com verba privada Mobilidade. Lançado pelo Consórcio, projeto de liberar espaço nas ruas para as bicicletas não conseguiu parceiro. Entidade não prevê investir dinheiro público no plano e fará mudanças para tornar edital mais atrativo O plano do Consórcio Intermunicipal de criar 72,2 quilômetros de ciclofaixas de lazer nas ruas do ABC para uso exclusivo das bicicletas aos domingos e feriados corre risco de não sair do papel. Nenhuma empresa respondeu ao edital de convocação para os interessados em bancar o projeto, que custará R$ 15 milhões no primeiro ano. Em troca, os patrocinadores poderiam explorar a publicidade do serviço e exibir suas marcas. Quando o plano foi anunciado, em junho, a pretensão era de custear o serviço com investimento privado e só aplicar dinheiro público em parte da manutenção. Mesmo com o fracasso da primeira tentativa, segundo a coordenadora do GT (Gru-

po de Trabalho) Mobilidade, Andrea Brisida, a forma de financiamento não mudou. “É consenso entre os prefeitos que o projeto é de bom resultado para a população, mas que o custo é elevado para o Consórcio. A forma mais viável de viabilizar a ciclofaixa ainda é continuar na busca por patrocínio”. O plano O edital previa criação de 72,2 quilômetros de ciclofaixas de lazer nas sete cidades – uma pequena parte já está em funcionamento, mas não de maneira integrada. Os custos foram estimados em R$ 4 milhões, para implantação, e R$ 11 milhões anuais, para operação

O edital de chamamento foi aberto em agosto. O prazo de inscrições terminou no começo da semana, sem que qualquer empresa tenha manifestado interesse. “Pensamos em projeto para contemplar as sete cidades, bastante audacioso e com custo elevado. Talvez isso tenha afastado os investidores”, justificou. Segundo Andrea, o GT estuda realizar mudanças para tornar o edital mais atrativo, como fazer a implantação por etapas e agregar mais serviços. A nova proposta deverá ser apresentada aos prefeitos em novembro. ANDRÉ VIEIRA METRO ABC

|03|◊◊

Mauá

Sertanejo é baleado em assalto O cantor sertanejo Antonio Donizete Ferrari, 57 anos, da dupla Julinho e Jannel, foi baleado no rosto em assalto na tarde de segunda-feira em Mauá. Ele segue internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Centro Hospitalar Municipal de Santo André. METRO ABC Santo André

Morre diretor do Sindicato dos Metalúrgicos

De futuro incerto, plano terá de ser reformulado | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

Faleceu na manhã de ontem aos 58 anos o diretor do Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André e Mauá Adonis Bernardes. Ele foi vítima de anemia falciforme. Bernardes era também diretor do CPETR (Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda) de Santo André. METRO ABC


|04|

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

CCJ aprova voto aberto no Congresso Transparência. Mesmo com pressão do presidente do Senado, Renan Calheiros, comissão aprova fim das votações secretas Com apoio da bancada do PT e de senadores “independentes”, a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado aprovou ontem o fim do voto secreto no Congresso Nacional. Durante a votação, parte dos parlamentares defendeu que o voto aberto só deveria ser adotado nos casos de cassações de mandatos. No entanto, a maioria na CCJ entendeu que o Legislativo deve dar mais transparência a suas decisões.

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

SENADO FARÁ DEVASSA EM TELEGRAMAS PARA LA PAZ.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado, Ricardo Ferraço (PMDB-ES), decidiu requerer a troca de mensagens entre o Itamaraty e a embaixada em La Paz, nos 455 dias de asilo do senador Roger Molina. Para Ferraço, o exame da “série telegráfica” esclarecerá o real interesse do Itamaraty em resolver o problema e as razões do diplomata Eduardo Sabóia, que ajudou Molina a fugir para o Brasil.

“ESTE É UM TRIBUNAL DE PRINCÍPIOS” MINISTRO CELSO DE MELLO (STF) AO ACOLHER AS ALEGAÇÕES DOS MENSALEIROS

no do PT, considerado o maior da História. LEI DE MURPHY. Todos são

FAZ DE CONTA. Mensagens

do Itamaraty, recomendando empurrar o caso com a barriga, forçaram Eduardo Sabóia a agir por razões humanitárias.

Voto em aberto pode valer para todas as sessões | FABIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

Agora, a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) segue para o plenário do Senado. Se aprovada, encaminhada para pro-

mulgação. A previsão era de que a votação ocorresse ainda na noite de ontem. A sessão foi marcada por discussões acaloradas.

Inicialmente, o relator da PEC, senador Sérgio Souza (PMDB-PR), havia sugerido fim do voto secreto em todas as votações. No entanto, após encontro com o presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), passou a defender que a medida só fosse válida para os casos de cassação. Pressionado, voltou atrás e optou por apresentar a primeira versão de seu parecer. O Congresso foi colocado contra a parede para acabar com o voto secreto após a sessão que manteve o mandato do deputado Natan Donadon. Condenado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) a 13 anos por formação de quadrilha, Donadon segue preso no presídio da Papuda, em Brasília. METRO

RETALIAÇÕES. Seguem as retaliações do Itamaraty contra diplomatas em La Paz. Ontem, foi removido para Brasília o conselheiro Manoel Montenegro. FUMAÇA E FOGO. Delúbio Soares pretende festejar a decisão de novo julgamento no Supremo com um grande churrasco na fazenda do pai, em Buriti Alegre (GO). Só não decidiu ainda se vai convidar o ex-presidente Lula. LIMONADA. O PSDB ficou indiferente à pizza no STF: avalia que o novo julgamento baterá incansavelmente, em ano eleitoral, na tecla do escândalo de corrupção no gover-

iguais perante a lei, mas uns tem mais embargos infringentes que outros. O FILHO DE ALENCAR... Josué Gomes Silva, filho de José Alencar, hesita entre PMDB e PSB para a eleição de 2014, mas enfrentará percalços, além da situação financeira de suas empresas, que não aconselha aventuras políticas. ...EM SEU LABIRINTO. O em-

presário herdeiro de José Alencar advertiu que o partido que vier a escolher terá de apoiar a reeleição de Dilma. Mas, em Minas, PMDB e PSB se inclinam para apoiar outro mineiro: Aécio Neves (PSDB).

Aécio Neves

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

| JOSE CRUZ/ABR


|06|

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{BRASIL}

Condenados no mensalão terão novo julgamento Justiça. Ministro Celso de Mello votou pela aceitação dos embargos infringentes. Agora, casos de 12 réus voltarão a ser analisados Prevaleceu no STF (Supremo Tribunal Federal) o entendimento de que dar a condenados por placares apertados em ações penais, como a do mensalão, a chance de uma revisão no julgamento é garantir o direito constitucional à ampla defesa. Com o voto decisivo de Celso de Mello ontem, pelo menos 12 réus terão a oportunidade de ter seus argumentos discutidos mais uma vez pelo plenário da Corte. Num esforço para que o processo, que já tramita no STF há seis anos, não se arraste por muito tempo, os ministros decidiram sortear ontem mesmo o novo relator, que será responsável por avaliar os recursos apresentados pelos advogados dos réus. Com a impossibilidade de escolha do relator anterior, o ministro Joaquim Barbosa, e do revisor do processo, Ricardo Lewandowski, a responsabilidade parou nas mãos de Luiz Fux, o primeiro magistrado indicado pela presidente Dilma Rousseff (PT) para o STF. Histórico Na primeira fase do julgamento, entre agosto e dezembro do ano passado, Fux foi duro e votou pela condenação da maioria dos acusados disparando frases de efeito: “a cada desvio de dinheiro público, mais uma criança passa fome, mais uma localidade fica sem saneamento, sem mais um hospital, sem leitos”. Em uma das sessões, o magistrado rebateu uma das principais teses da defe-

“ O STF é um espaço de proteção e defesa das liberdades. Ele não pode expor-se à pressões externas”

NOVOS JULGAMENTOS CONDENADOS

P E N A ATUAL

COMO PODE FICAR

JOSÉ DIRCEU

7 anos e 11 meses por corrupção ativa e 2 anos e 11 meses por formação de quadrilha. Somadas, as penas chegam a 10 anos e 10 meses

Com um novo julgamento, a pena pode ser reduzida a menos de 8 anos, o que lhe daria o direito de cumprir 1/6 em regime semiaberto

DELÚBIO SOARES

8 anos e 11 meses por corrupção ativa e formação de quadrilha. O ex-tesoureiro do PT deve cumprir 1/6 da pena em regime fechado

Em uma eventual redução de pena para menos de 8 anos, Delúbio pode cumprir todo o período em regime semiaberto

MARCOS VALÉRIO

40 anos 4 meses e 6 dias de prisão, o publicitário deve cumprir 1/6 da pena em regime fechado

Mesmo com uma revisão da pena por formação de quadrilha, pela qual foi condenado a 2 anos e 11 meses, a mudança não irá livrá-lo do regime fechado

JOÃO PAULO CUNHA

9 anos e 4 meses de prisão e pagamento de multa (R$ 370 mil). O petista deve cumprir pena inicialmente em regime fechado

No caso de revisão da pena por lavagem de dinheiro, de 3 anos, ele pode se beneficiar com o cumprimento de pena em regime semiaberto

JOSÉ GENOINO

6 anos e 11 meses por corrupção ativa e formação de quadrilha. A pena deve ser cumprida em regime semiaberto

Em um novo julgamento, a pena por formação de quadrilha pode ser revista, o que resultará na substituição do semiaberto por prestação de serviços

MINISTRO CELSO DE MELLO

sa do réus, que alegam que a condenação se deu sem provas: “há décadas de jurisprudência consolidada no sentido de que os indícios, como meio de provas que são, podem levar a uma condenação criminal”, disse. Fux também foi contra a admissibilidade dos embargos infringentes, alegando que, caso fossem aceitos, transformariam as 50 sessões anteriores em um simples “ensaio”. O voto de minerva Celso de Mello usou duas horas da sessão de ontem para justificar a admissão dos embargos. Ele não citou o caso do mensalão nenhuma vez, mas alegou que “qualquer acusado tem o direito a um julgamento justo, independente, isento e imparcial”. Para ele, a Lei 8.038/90, que dispõem sobre os procedimentos dos tribunais superiores não revogou os recursos previstos no regimento interno da Corte, apenas por não tê-los citado. “Não se presume a revogação das leis”. Mello citou que o Congresso já rejeitou um projeto de lei que tentou, explicitamente, acabar com esse tipo de recurso. METRO BRASÍLIA

TAMBÉM TERÃO DIREITO A UM NOVO JULGAMENTO RAMON HOLLERBACH CRISTIANO PAZ KÁTIA RABELLO JOSÉ ROBERTO SALGADO SIMONE VASCONCELOS JOÃO CLÁUDIO GENU

O QUE ACONTECERÁ AGORA Doze condenados pelo Supremo Tribunal Federal terão direito a um novo julgamento

Repercussão facebook.com/metrojornal “Hoje [ontem] seria um dia para entrar para a história, para mostrar que somos uma República e teríamos como combater a corrupção, colocando os envolvidos na cadeia. Mas a impunidade prevaleceu. Isso nos mostra que o crime compensa. Até quando? Vergonha nacional o dia 18/09/2013” Almir Douglas Oliveira Marcellino, 30 anos, consultor de viagens

“A Justiça do Brasil não tem moral alguma” Diego Andrade, 21 anos, estudante

“Só com revolução mesmo” Alessandro Paschoal, 37 anos, cirurgião-dentista

“Vergonhoso! Eles fizeram o que fizeram e correm o risco de ficar impunes. Honestamente... Estou sentindo Vergonha de ser brasileiro” Michael Bockos, 22 anos, bancário e estudante de psicologia

“Novamente os raios da impunidade raiaram nesta terra completa de corrupção. A última casa que o povo respeitava, o STF, acaba de perder a confiança do povo” Igor Rus Antonov, 30 anos, analista de suporte

QUANDO DEVEM COMEÇAR OS NOVOS JULGAMENTOS?

“É vergonhoso e prejudicial à credibilidade do nosso país porque é mais um exemplo de impunidade”

Não há prazo definido, mas os julgamentos devem demorar pelo menos dois meses para começar

Marina Fidelis da Silva, 23 anos, professora

BRENO FISCHBERG

Análise

Decisão deve ser respeitada A decisão do STF de reconhecer a validade dos embargos infringentes, previstos no regimento interno do tribunal, deve ser acatada e encarada como normal. A argumentação

do juiz Celso Mello, como unanimemente vinha sendo observado por todos – aqueles favoráveis e aqueles contrários aos embargos infringentes – foi isenta de contaminação política, de pressão da opinião pública ou da mídia. Celso de Mello votou de acordo com seu conhecimento técnico e pela sua convicção do que é o direito. É o que se espera de um juiz do STF. A tese de que

todo cidadão tem direito a um duplo julgamento foi um elemento forte da sua argumentação. Isto irá suscitar uma discussão sobre o fim do foro privilegiado nos julgamentos que envolvem políticos. Um juiz que cede às pressões políticas ou sociais põe em risco a constitucionalidade do país e abre o caminho para o ingresso do arbítrio na ordem constitucional. Gos-

temos ou não da decisão, devemos respeitá-la como legítima, pois, ao que tudo indica, teve por base aquilo que efetivamente a lei prescreve. Uma Corte Suprema não pode ceder ao espírito de horda, pois isto acabaria com o espírito da lei. A base da decisão de um juiz deve ser a Constituição. O fato de o STF ter admitido a validade dos recursos infringentes não significa que as penas apli-

cadas aos 12 réus sejam modificadas. O outro lado da questão é político. Certamente, a decisão está provocando a decepção e a indignação de muitos brasileiros. Esses sentimentos são compreensíveis, pois, no Brasil, viceja uma longa história de impunidade. A falta de punição é um dos fatores que alimentam a corrupção, pois políticos e empresários percebem que a

sua prática compensa. Neste aspecto, é preciso que a luta contra a corrupção e a impunidade continue, buscando o aperfeiçoamento dos mecanismos de controle e exigindo a aprovação de leis mais duras para quem corrompe e para quem é corrompido. ALDO FORNAZIERI Professor da Escola de Sociologia e Política de São Paulo


|08|

Dólar cai a R$ 2,19 com decisão do Fed Mercados. BC dos EUA decide manter estímulos e surpreende investidores no mundo. No Brasil, moeda norte-americana caiu 2,89% e atingiu o menor valor em quase 3 meses O dólar comercial fechou em forte queda, depois que o banco central dos Estados Unidos (Federal Reserve, Fed) anunciou que vai manter, por enquanto, seu programa de estímulos econômicos sem alterações. A moeda norte-americana desabou ontem 2,89%, cotada a R$ 2,194 na venda. Trata-se da maior queda diária desde 23 de agosto (-3,23%). É também o menor valor desde 28 de junho, quando o dólar valia R$ 2,189. Embalada pelo otimismo nos mercados globais, a Bolsa brasileira fechou com ganhos de 2,64%, aos 55.702,9 pontos. É a maior pontuação final desde 28 de maio, quando atingiu 56.036,26 pontos.

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ECONOMIA}

“Não podemos deixar as expectativas de mercado guiar nossas decisões” BEN BERNANKE, PRESIDENTE DO FED

Após uma reunião de dois dias, o BC dos EUA anunciou ontem que vai manter sua atual política monetária, que injeta todo mês US$ 85 bilhões na economia do país. A decisão surpreendeu investi-

dores no mundo todo, que esperavam uma redução desse pacote. O Fed informou que, nas próximas reuniões, vai avaliar se os dados continuam mostrando a melhora do mercado de trabalho e da inflação. “O comitê decidiu aguardar mais evidências de que o progresso será sustentado antes de ajustar o ritmo de suas compras”, disse o Fed em comunicado. O Fed reiterou ainda que não começará a elevar os juros até que o desemprego caia ao menos para 6,5%, desde que a inflação não ameace ir acima de 2,5%. A taxa de desemprego nos Estados Unidos estava em 7,3% em agosto. METRO

Seminário em NY reunirá 350 investidores

Cerca de 350 investidores devem participar do seminário “The Brazil Infrastructure Opportunity”, promovido pelo Grupo Bandeirantes de Comunicação e o Metro Jornal, em parceria com o Goldman Sachs. O evento, que acontece na próxima quarta-feira, dia 25, em Nova York, apresentará o programa brasileiro de infraestrutura a investidores internacionais e formadores de opinião. “O Grupo Bandeirantes tem uma ligação histórica muito forte com o Brasil”, explica o vice-presidente da Band, Frederico Nogueira. “Nossa visão de estarmos preocupados com o país e acreditar que cresceremos cada vez mais no cenário internacional nos levou à realização desse evento”, disse. O seminário contará com a presença da presi-

dente da República, Dilma Rousseff, que no dia 24 fará o discurso de abertura da Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas); do ministro da Fazenda, Guido Mantega; do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel; do presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Luciano Coutinho; e do presidente do Banco Central, Alexandre Tombini. Os presidentes do Grupo Bandeirantes, João Carlos Saad; do Metro Internacional, Per Mikael Jensen; e do Goldman Sachs, Gary Cohn, também estarão presentes. Privatização “Essa é primeira vez que se reúne tantas autoridades brasileiras em um seminário com o objetivo de atrair investimentos para o país”, disse o vice-presidente da Band. Para Nogueira, a presença dessas autoridades mostrará aos investidores

o quanto é bom e seguro investir no país. “Hoje somos a sétima economia do mundo, mas em nível de investimento e infraestrutura estamos abaixo da centésima posição, temos que suprir essa necessidade”, acrescentou. Nogueira citou a privatização dos portos, aeroportos e rodovias que vêm acontecendo no Brasil, mas acredita que o seminário irá garantir que o país receba os investimentos que estão a altura de sua capacidade. Cobertura O seminário vai reunir investidores americanos, canadenses e europeus. O evento será transmitido na íntegra pelo Portal da Band, pela BandNews TV e pelo site www. metrojornal.com.br. O Metro Jornal trará uma cobertura especial sobre o seminário e flashs ao vivo serão transmitidos ao longo da programação da Band, Rádio Bandeirantes e BandNews FM. METRO


ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{MUNDO}

Destruição de armas custará US$ 1 bilhão Diz Assad. Ditador voltou a negar responsabilidade por ataque químico. Rússia tem questionado as conclusões das Nações Unidas sobre o uso do gás sarin na guerra síria Em mais uma aparição na imprensa americana, o ditador sírio, Bashar Al Assad, disse estar disposto a entregar seu arsenal químico a qualquer país que queira destruí-lo. O processo de desmantelamento levaria até um ano e custaria cerca de US$ 1 bilhão. Em entrevista à Fox News, Assad voltou a negar a responsabilidade pelo ataque químico de 21 de agosto, no qual 1,4 mil pessoas morreram. “A história toda não bate. Nós não usamos essas armas, ninguém conferiu a credibilidade dos vídeos divulgados”, disse. Mais cedo, a Rússia informou que vai entregar ao Conselho de Segurança das Nações Unidas provas de que os rebeldes sírios utilizaram o gás tóxico sarin.

devem ser questionadas. “Os resultados falam por si, e esse foi um trabalho completamente objetivo”, ressaltou Martin Nesirky.

Ditador (à dir.) se reuniu com vice-ministro russo para agradecer apoio | SANA/REUTERS

“Não se pode ser tão unilateral e tão falho, como vimos, depositando toda a culpa sobre o governo sírio”, afirmou o vice-chanceler russo, Sergei Ryabkov, em visita a Damasco. A Rússia tem intensifica-

do as críticas ao relatório da ONU (Organização das Nações Unidas) que comprovou a utilização de arma química em 21 de agosto. Ontem, um porta-voz da entidade disse que as conclusões do documento não

Resolução França, Estados Unidos, Rússia, China e Reino Unido -- os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança -- ainda debatem os termos de uma resolução sobre a entrega das armas químicas sírias. Russos e chineses se opõem a qualquer referência ao uso da força contra o regime de Assad. Não está claro quando uma votação sobre o tema será realizada. Diplomatas ouvidos pela “Reuters” sugerem que a consulta pode ocorrer até a próxima terça, quando está marcada uma assembleia-geral da ONU. METRO

|11|◊◊

Sinal de abertura. Irã liberta 11 presos políticos Às vésperas da viagem do presidente iraniano a Nova York, a República Islâmica libertou ao menos 11 presos políticos. Entre os beneficiados, está a advogada defensora dos direitos humanos Nasrin Sotoudeh, condenada por supostamente fazer propaganda contra o regime. “Não é uma libertação temporária, é a liberdade. A colocaram em um carro e a deixaram na porta de casa”, disse Reza Khandan, marido da advogada, em entrevista à CNN. Nasrin ganhou um prêmio de direitos humanos do parlamento europeu, e sua condenação, em 2010, gerou críticas da comunidade internacional. Também foi libertado o ex-vice-chanceler Mohsen Aminzadeh, que apoiou protestos contra a reeleição do ex-presidente Mahmoud Ahmadinejad, em 2009. A soltura dos prisioneiros não foi anunciada pelo governo, apenas confirmada por parentes. “É um gesto humanitário e também um movimento político inteligente, prin-

Líder islâmico Rouhani tem perfil mais moderado | RIA NOVOSTI/REUTERS

cipalmente por causa do sinal que envia para o Congresso dos EUA”, disse Yasmin Alem, pesquisadora do South Asia Center. O Irã sofre sanções econômicas de americanos e europeus, devido a seu programa nuclear. O presidente Hassan Rouhani falará, na próxima terça, na assembleia-geral da ONU, um dos discursos mais aguardados do encontro. Ontem, a emissora NBC entrevistou o presidente. Segundo a rede, Rouhani disse que seu governo nunca iria desenvolver armas nucleares. METRO


|12|

2 CULTURA CULTURA

Daniel Radcliffe

Ator não vai reviver Harry Potter Radcliffe desanimou os fãs do bruxo ao afirmar ontem, em Londres, que ã e a á e id a nova série de filmes que a c iad a de Ha P e vai desenvolver em torno d i e ágic d personagem.

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

São Paulo das letras Começa hoje. Tony Bellotto, o francês Philippe Claudel e o inglês Richard Skinner também participam do festival literário da capital paulista, que nasce com DNA da badalada Flip O anúncio da criação do festival Pauliceia Literária, em abril, trouxe consigo uma pitada de estranhamento. Afinal o evento, que começa hoje e segue até domingo, nascia sob a tutela de uma instituição até então sem qualquer trânsito na área, a Associação dos Advogados de São Paulo. “A Associação resolveu fazer um festival literário, e não técnico, com intuito de fomentar a leitura. Ela acha que as pessoas estão cada vez mais especializadas e crescendo sem uma formação humanística completa como acontecia com os próprios advogados de três gerações atrás”, diz a curadora Christina Baum. A escolha de Baum para o

“As pessoas estão cada vez mais especializadas e sem uma formação humanística completa.” CHRISTINA BAUM, CURADORA

comando da festa é um indício de que os amantes da literatura terão, sim, espaço. Ela foi um dos nomes que ajudou a consolidar a Flip (Festa Literária Internacional de Paraty) como um dos principais eventos da área no país. O formato da primeira edição segue o do primo fluminense, organizado em mesas – em geral com mais de um participante – que podem ser conferidas de forma presen-

Valter Hugo Mãe, Patrícia Melo e Scott Turow são destaques do evento | FOLHAPRESS/DIVULGAÇÃO/GETTYIMAGES

cial ou via telão. A maior parte das conversas acontece na sede da Associação, no centro de São Paulo, e é guiada por temas variados. Há uma mesa com Ana Maria Machado dedicada à obra de Lygia Fagundes Telles, outra com Tony Bellotto sobre a presença da cidade de São Paulo na literatura e também uma so-

bre a relação entre cinema e letras com o cineasta francês Philippe Claudel e o professor e escritor inglês Richard Skinner. A lista de convidados traz ainda o português Valter Hugo Mãe e o americano Scott Turow. O evento também fará uma homenagem à escritora Patricia Melo.

Isso não quer dizer que o mundo jurídico esteja totalmente de lado. O que Baum fez foi relacionar esse universo à literatura, com mesas sobre a fusão das duas esferas. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Destaques da programação Na Associação dos Advogados de São Paulo (r. Álvares Penteado, 151, tel.: 3101-3649). R$ 32 (auditório) e R$ 16 (telão). Informações no site pauliceialiteraria.com.br H e à h Manuel da Costa Pinto faz uma leitura crítica da obra da escritora Patrícia Melo.

A a hã à h Ignácio de Loyola Brandão faz uma conversa pública com o jurista Eros Grau.

A a hã à h Advogado e escritor, Scott Turow fala sobre como lida com os dois ofícios.

A a hã à h Valter Hugo Mãe e Juan Pablo Villalobos discutem narrativa, linguagem, ritmo e humor em seus livros.

Sábad à h Ana Maria Machado, Beatriz Bracher e Luiza Nagib Eluf discutem a obra de Lygia Fagundes Telles.

Britânicos apontados como revelação da literatura lançam ‘Granta’ na capital Uma das principais plataformas de divulgação de novos fenômenos literários do mundo, a revista “Granta” acaba de lançar no Brasil sua edição mais recente, “Os Melhores Jovens Escritores Britânicos” (Ed. Alfaguara, 440 págs., R$ 50). Dois dos nomes presentes na lista – Steven Hall e Ben Markovits – participam hoje de um debate em São Paulo ao lado de outra dupla de autores brasileiros que integram a edição nacional da revista, Antonio Prata e Daniel Galera. O tema do papo é a nova literatura que vem sendo feita no Brasil e no Reino Unido. Hall assina o premiado romance “Cabeça Tubarão”

Ben Markovits ainda é inédito no Brasil | CHARLES GLOVER/DIVULGAÇÃO

(Companhia das Letras) e é responsável por um dos contos mais inventivos da “Granta”, “O Fim dos Finais”, com duas histórias em uma. Já

Steven Hall publicou o premiado ‘Cabeça Tubarão’ | JERRY BAUER /DIVULGAÇÃO

Markovits ainda é inédito no Brasil. O debate acontece às 20h, no Sesc Consolação (r. Dr. Vila Nova, 245, tel.: 32343000; grátis). METRO


|14|

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{CULTURA}

\o/ Valeu, carinha! =) 10

U$27

Em 2013, o Facebook É a quantidade de ícones enviados, Mulheres usam duas vezes introduziu emoticons nos durante seis meses, pelo Ziango, um mais os emoticons do que comentários. Em breve, aplicativo para chat que associa os homens, segundo um sua avó também vai usá-los palavras a emoticons estudo da Rice University

Foi a arrecadação com a venda dos emoticons pelo aplicativo de mensagens Line

BILHÕES

MILHÕES

GET CREATIVE

100 4

…das pessoas dessa pesquisa

% usaram emoticons enquanto escreviam torpedos

…dos entrevistados usaram % somente emoticons

GATINHO

COELHO

PÁSSARO

EUA Quem usa mais emoticons que os adolescentes? Celebridades. O novo lyric vídeo da Katty Perry, “Roar”, mostra a cantora escrevendo a letra de sua música com emoticons – aparentemente, direto do banheiro. Um outro exemplo: Aziz Ansari digitando a letra inteira da música do Jay-Z, “Niggas in Paris”, com emojis. (Dê um google nisso)

JAPÃO L E S TE EUROPEU E AMÉRICA LATINA Muitos dos moradores do Leste Europeu (e garotas latino-americanas) incluem emoticons nas mensagens de texto ou e-mails

Uma transcrição do discurso de Abe Lincoln parecia

S GRA ON NDE C I T S MO EMO MENTOS NA HISTÓRIA DOS

FELIZ ANIVERSÁRIO, EMOTICON

O símbolo foi utilizado pela primeira vez em 19 de setembro de 1982

Comunicação. Os Emoticons, aqueles sinaizinhos gráficos que todo mundo usa nas mensagens de texto, completam 31 anos

Esqueça os emoticons. A novidade aqui são os “stickers” ou “adesivos” - emoticons grandes com personagens tão populares que têm seus próprios programas de TV. Brown, o urso e Cony, o coelho, por exemplo, ganharam 27% dos lucros do aplicativo de mensagens Line

2 186 conter um “winky”

(piscada) - ou, mais especificamente, um erro de digitação

1881

A revista satírica Puck usa parênteses, traços e pontos para construir carinhas que expressam alegria, melancolia, indiferença e susto

ALEGRIA

1963

MELANCOLIA

INDIFERENÇA

O ícone da carinha feliz ganha o mundo – não como um emoticon, mas na publicidade da Harvey Ball, para a Companhia de Seguros State Mutual Life

Quando perguntaram onde Vladimir Nabokov se colocaria entre outros escritores, o autor 1969 russo declarou ao The New York Times: “Sempre achei que poderia existir um sinal tipográfico para o sorriso – algo como uma marca côncava, um suporte de barra” O “inventor” do emoticon, o profº Scott E. Fahlman, da Carnegie Mello, escreveu: proponho a sequência 198 2 de caracteres a seguir para coisas engraçadas: :-) Leia isso lateralmente. Atualmente, é melhor marcar coisas que não são engraçadas, seguindo a tendência atual. Para isso, use :-(

SUSTO


|16|

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{VARIEDADES} Os invasores

Na ponta do lápis

Leitor fala

Espionagem

MARCOS SILVESTRE MARCOS.SILVESTRE@METROJORNAL.COM.BR

VAI COMPRAR CASA PRÓPRIA? O SFH DÁ UMA FORCINHA!

Cruzadas

Sistema Financeiro de Habitação. O SFH é um conjunto de regras que visam facilitar a aquisição da casa própria no Brasil. Para funcionar corretamente, esse sistema habitacional faz parte de um sistema financeiro ainda mais amplo, o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE). O objetivo do SBPE é estimular os brasileiros a guardarem dinheiro na caderneta de poupança para que os bancos possam usar tais recursos para financiar empréstimos destinados à aquisição da casa própria.

LUANA ARANTES, SANTO ANDRÉ

Uniformes Precisa multar mesmo, nossas crianças não podem ser prejudicadas por uma empresa leviana. Espero que a prefeitura tenha aprendido a lição e elabore o texto da licitação com cuidado para filtrar empresas picaretas ou que não possuem estrutura para atender a demanda. Dar o uniforme é obrigação da prefeitura, apesar de terceirizar, é ela que precisa fiscalizar a entrega e ser cobrada em caso de problemas.

Prós… e algumas limitações. O SFH é a linha de financiamento habitacional mais conhecida do Brasil. Ao mesmo tempo em que faz exigências com relação aos compradores e aos imóveis que serão alvo de financiamento, também oferece facilidades para os tomadores do crédito imobiliário.

JOÃO CALÇADE, SANTO ANDRÉ

Taxas de juros: por lei, não podem ultrapassar 12% ao ano (ou 0,95% ao mês). A maioria das taxas de financiamento pelo SFH fica em torno de 10% ao ano (0,8% ao mês), mas já existem no mercado taxas inferiores a 8% ao ano (menos que 0,64% ao mês). Saiba garimpar bem nos bancos.

Metro Pergunta

O limite de velocidade na avenida Paulista vai cair para 50 km/h. Você concorda com a medida?

Correção monetária: no SFH é feita pela TR (Taxa Referencial), índice que atualmente se mantém estacionado mês após mês (zero ou muito próximo de zero). Na prática, isso significa que as parcelas não sofrerão correção monetária e, por isso, não subirão de valor (em termos reais, até cairão!). IOF (Imposto sobre Operações Financeiras): no SFH, diferentemente de outras modalidades de crédito, há total isenção do IOF, barateando o custo das parcelas do financiamento para os tomadores. FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço): o saldo da conta do FGTS pode ser utilizado para dar entrada, reduzir o valor das prestações, amortizar ou quitar antecipadamente o saldo devedor a qualquer momento do financiamento. (Somente para compradores com registro em carteira pela CLT.)

A presidente Dilma Rousseff está muito certa, não tem que baixar a cabeça para os americanos. Espionagem é inadmissível, o Obama precisa se desculpar. É o mínimo que se espera de um parceiro comercial. A economia dos EUA depende muito da nossa. Eles deveriam nos agradecer por nossos turistas abastecerem seus comércios durante a crise. Merecemos respeito.

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metro

@claudiabender

Não concordo! Não vejo benefícios aos paulistanos com esta medida. Vou ter que sair mais cedo de casa para chegar ao trabalho.

Sudoku www.metrojornal.com.br

VOCÊ JÁ VISITOU O SITE DO METRO HOJE?

Primeiro imóvel: o financiamento pelo SFH contempla somente a aquisição do primeiro imóvel, que os compradores usarão como residência, para priorizar o atendimento aos que ainda não têm moradia.

Acesse metrojornal.com.br e confira as reportagens em andamento que estão na área “Faça o Metro de Amanhã” na nossa página inicial. 

Valor de venda do imóvel: também chamado de “valor de alienação”, para ser financiado pelo SFH, o imóvel pode ter valor de venda máximo de R$ 500 mil, dos quais o banco financia até o limite de 90% ou R$ 450 mil (embora a maior parte, na prática, financie pelo SFH até 80%, ou seja, até R$ 400 mil).

Aqui, você irá além dos comentários. Sua participação vai nos ajudar no desenvolvimento de reportagens que também serão publicadas – com a sua assinatura – na versão impressa do Metro. Para falar com a redação:

leitor.abc@metrojornal.com.br

Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www.oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Horóscopo

Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

As iniciativas estão mais favoráveis para o período da tarde, com a Lua em seu signo. Ainda assim, ponderações serão vitais neste dia.

Descobertas e confidências serão determinantes para mudar a maneira de lidar com relações e para decisões que envolvam seus projetos.

Um aspecto entre Mercúrio e Júpiter – que é regente de Sagitário – despertará a vontade de falar e debater mais. Seja cuidadoso.

São maiores as tendências para conviver com grupos e retomar contatos com amigos. Alguns serão referências na decisão de projetos.

Fique mais atento com a maneira de expor certos pensamentos. Seu senso crítico estará mais acentuado que o habitual.

Conversas e demonstrações do que gosta serão essenciais na vida afetiva para que a pessoa amada não tenha que adivinhar o que te agrada.

Mercúrio é o regente de seu signo e faz aspecto tenso com Júpiter, influência que recomenda atenção para não exagerar com palavras.

Atividades para o corpo e a mente serão bem vindas para amenizar o stress. Momentos de simplicidade serão positivos na vida afetiva.

Período especial para analisar diferenças de valores e ambições com as pessoas de maior vínculo para tratar objetivos junto a elas.

Momento para exercitar mais seu otimismo e perceber que suas emoções terão efeito para superar problemas se agir com mais positivismo.

A exposição de sentimentos tende a ser maior do que de costume em suas relações, especialmente com quem possui maior vínculo afetivo.

A Lua cheia em seu signo torna suas emoções mais transparentes e favorece o esclarecimento de assuntos especiais nas relações.


ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Subindo!

Só alegria. São Paulo vence Atlético-MG e continua invicto no 2º turno do Brasileirão Quem vê o São Paulo jogando atualmente não diz que o Tricolor espantou somente no último fim de semana o fantasma do rebaixamento. Na terceira partida sob o comando de Muricy Ramalho, a equipe venceu o Atlético-MG, no Morumbi, por 1 a 0, e segue deixando a zona da degola cada vez mais para trás. Foi a sexta vez na temporada que os dois clubes se enfrentaram. Nos quatro confrontos da Libertadores, foram três vitórias mineiras e uma tricolor. No 1º turno do nacional, empate por 0 a 0 em Minas Gerais. Mas, se o 1º turno foi terrível para o torcedor são-paulino, que viu a equipe chegar no abismo, o 2º tem se mostrado bem diferente. No terceiro jogo de Muricy, veio

1 0

NÁUTICO

Portuguesa. Chance de ganhar fôlego no Brasileiro Encarar em casa o Náutico, último colocado do Campeonato Brasileiro, pode ser uma boa oportunidade para a Portuguesa somar pontos e seguir firme na luta contra o rebaixamento para a Série B. No entanto, a má fase do adversário da partida desta noite, marcada para às 21h, não ilude os jogadores da Lusa. Na opinião do volante Bruno Henrique, o Timbu, lanterna com apenas 9 pontos – a Portuguesa é a 18ª colocada, com 22 pontos – pode oferecer riscos. “Vamos ter uma dificuldade bem grande. É um time que talvez não esteja tão focado no campeonato mais, o que pode ser perigoso”, analisou o atleta. METRO

Palmeiras. Nobre nega acerto com Luxa O presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, desmentiu que os boatos de que o clube esteja interessado em contar com o técnico Vanderlei Luxemburgo para 2014, ano que o Verdão completa 100 anos. “É mera especulação, não tem nenhum fundo de verdade. Eu tenho admiração por muitos técnicos que trabalham no Brasil, e um deles se chama Gilson Kleina, que por sinal é técnico do Palmeiras e está prestigiado. Não houve cogitação em nenhum momento da minha administração”, disse o mandatário, que não deixou de elogiar o atual treinador do Fluminense: “Eu tenho uma grande admiração pelo trabalho dele [Luxemburgo]. Mas o único contato que tivemos, desde o final de janeiro, foi um telefonema para me dizer parabéns pela eleição. Foi o único contato desde que assumi a presidência do Palmeiras.” Kleina, por sua vez, já se disse estar “receoso, mas muito focado e mobilizado para voltar com o Palmeiras para a Série A”, deixando o seu futuro nas mãos da dire-

a terceira vitória, a 200ª do comandante pela equipe. Outra marca relevante foi alcançada ontem. O goleiro e capitão Rogério Ceni chegou aos 1.100 jogos pelo Tricolor. Uma das primeiras mudanças táticas surtiu efeito: a defesa ficou sólida. Mais importante do que isso, o técnico resgatou a confiança da equipe. Aos 26 do 1º tempo, o gol: Luis Fabiano recebeu na área e bateu cruzado. Marcos Rocha cortou errado e a bola sobrou para Welliton. No 2º tempo, a equipe manteve o resultado e ganhou mais três pontos preciosos para consolidar a reação. MATHEUS ADAMI METRO SÃO PAULO

Rogério Ceni ; Paulo Miranda, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Reinaldo; Denilson, Maicon (Fabrício ), Ganso e Jadson; Welliton (Aloísio) e Luis Fabiano. Técnico: Muricy Ramalho

SÃO PAULO

Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Junior Cesar (Dátolo); Pierre (Leandro Donizete ), Josué e Ronaldinho Gaúcho; Fernandinho, Diego Tardelli (Luan) e Jô. Técnico: Cuca

ATLÉTICO-MG

G Welliton aos 26 minutos do 1º tempo A b i age Leandro Pedro Vuaden (RS), auxiliado por Rodrigo Pereira Joia (RJ) e Wagner de Almeida Santos (RJ)

Welliton anotou o gol da vitória tricolor no Morumbi | MARCOS BEZERRA/FUTURA PRESS

PORTUGUESA

|17|◊◊

Nome de Vanderlei foi especulado no Verdão | RUI PORTO FILHO/FOTOARENA

toria. O técnico, porém, até já declarou que quer seguir no clube em 2014 – ele chegou ao Palmeiras em 2012, substituindo Luiz Felipe Scolari. METRO

3 ESPORTE Queimou a língua

Romário O ex-atacante e deputado federal afirmou em entrevista ao UOL que estava enganado sobre o desempenho da Seleção Brasileira na Copa das Confederações. “Estive enganado lá atrás. Assim como acredito que não esteja enganado hoje em dizer que é um candidato ao título da Copa do Mundo”, disse o Baixinho, que planeja tentar a reeleição à Câmara no ano que vem. Em 2016, a meta é a Prefeitura do Rio de Janeiro.


|18|

ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Brasileirão 22ª rodada ONTEM

1

X

1

X

1

X

2

X

2

X

3

X

1

X

VASCO

GRÊMIO

CRICIÚMA

2 1

VITÓRIA

SANTOS

2

FLUMINENSE

Pato foi incapaz de evitar mais um tropeço do Corinthians | RODRIGO COCA/FOTOARENA

Parou por quê?

Sinal vermelho. Corinthians perde por 2 a 0 para a Ponte Preta e chega à sua 5a partida consecutiva sem vitórias

CORITIBA

2 0

PONTE PRETA

Definitivamente, a fase corintiana não é das melhores. Ontem, em Campinas, o Timão foi derrotado por 2 a 0 com a Ponte Preta e chegou à sua quinta partida seguida sem vitória. A equipe ocupa agora a 7a colocação do Campeonato Brasileiro, com 30 pontos. Nem de longe o alvinegro lembra o time multicampeão de 2012. Contra a Macaca, o clube, que apesar de ter a melhor defesa do campeonato

com 13 gols sofridos, deixou a torcida com o cabelo em pé. Com movimentação e velocidade, os donos da casa deram bastante trabalho para os defensores corintianos, e principalmente para o goleiro Cássio, que salvou o Timão em boas chances da Ponte. Na segunda etapa o Corinthians voltou melhor. Ou, ao menos, mais consistente na defesa. Acuado, o time do Parque São Jorge pouco levou de

perigo ao gol de Roberto. Mas, nos minutos finais, a Macaca cresceu e, de novo, fez Cássio se desdobrar. Aos 42 minutos, não teve jeito. Felipe Bastos, em cobrança de falta precisa, estufou as redes. Nos acréscimos, Adailton anotou o segundo da Ponte.

2 0

Roberto; Artur, Sacoman, Ferrón e Uendel; Baraka, Alef (Fernando), Felipe Bastos e Adrianinho (Elias); Chiquinho e William (Adailton). Técnico: Jorginho.

PONTE PRETA

Cássio; Edenílson, Gil, Paulo André e Igor; Ralf, Maldonado, (Paulo Victor), Douglas e Romarinho (Danilo); Pato (Emerson) e Guerrero . Técnico: Tite.

CORINTHIANS

CRUZEIRO

GOIÁS

CORINTHIANS

0

BOTAFOGO

0

SÃO PAULO

ATLÉTICO-MG

HOJE 19h30

WILSON DELL’ISOLA METRO SÃO PAULO

G Felipe Bastos, aos 43, e Adailton, aos 47 minutos no 2º tempo. A b i age Paulo Cesar de Oliveira, auxiliado por Celso Barbosa de Oliveira e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo.

X FLAMENGO

ATLÉTICO-PR 21h

Série D

Massagista pede proteção policial

Bragantino demite Vágner Benazzi

O massagista Romildo Fonseca da Silva registrou Boletim de Ocorrência e pediu proteção policial após receber ameaças de morte. Ele ficou famoso no início do mês, quando impediu o gol da classificação do Tupi-MT contra o Aparecidense-GO.

De nada adiantou a vitória por 2 a 1 sobre o ABC na terça-feira. Ontem, o Bragantino demitiu o técnico Vágner Benazzi, sob a alegação de que o time “não estava apresentando um bom futebol”. O clube está em 11o na Série B. METRO

METRO

Neto: ‘Tite pôs cargo à disposição no Timão’

‘Mau futebol’

Benazzi foi demitido após vitória sobre o ABC

A má fase do Corinthians em campo, aliada à pressão das arquibancadas, por pouco não deixou o time alvinegro sem técnico. Na edição de ontem do programa “Os Donos da Bola”, da “Band”, o comentarista e apresentador Neto revelou que Tite colocou o seu cargo à disposição, mas os dirigentes corintianos descartaram a saída do treinador. “O Tite falou: se sou eu que estou atrapalhando, coloco meu cargo à disposição”, afirmou Neto. METRO

X BAHIA

INTERNACIONAL 21h

X PORTUGUESA

NÁUTICO

CLASSIFICAÇÃO P V GP SG

Tite tem sido questionado no Timão | MARCELO MACHADO DE MELO/FOTOARENA

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

CRUZEIRO BOTAFOGO GRÊMIO ATLÉTICO-PR INTERNACIONAL VITÓRIA CORINTHIANS CORITIBA GOIÁS FLUMINENSE SANTOS ATLÉTIC0-MG SÃO PAULO FLAMENGO BAHIA CRICIÚMA VASCO PORTUGUESA PONTE PRETA NÁUTICO

49 42 38 35 34 30 30 30 30 29 29 28 27 26 25 24 24 22 19 9

15 12 11 9 8 8 7 7 7 8 7 7 7 6 7 7 6 5 4 2

48 35 29 35 35 29 20 27 24 27 25 22 21 22 22 28 30 29 23 10

29 10 8 9 6 -2 7 0 -3 -2 5 -1 -1 -3 -6 -8 -8 -5 -9 -26

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B

Um montão de pontos No duelo entre o 1o e o 2o colocado, melhor para o líder Cruzeiro, que agora é mais líder do que nunca. Em Minas Gerais, os donos da casa atropelaram o Botafogo por 3 a 0 e abriu sete pontos de vantagem na ponta da tabela. | RODRIGO COCA/FOTOARENA/FOLHAPRESS

13 gols tem o atacante Éderson, do Atlético-PR, artilheiro do Brasileiro. William, da Ponte Preta, é o vice, com 11 tentos.


ABC, QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2013 www.metrojornal.com.br

{ESPORTE}

Peixe tropeça no Sul

De molho

Phillipe Coutinho para por 40 dias

Travou. Santos empata com o Grêmio em Porto Alegre e chega ao 3º jogo sem vencer O objetivo do Santos de chegar ao G-4 do Campeonato Brasileiro continua distante. Mesmo assim, o Peixe saiu no lucro ontem: empatou com o Grêmio por 1 a 1, em Porto Alegre, com um gol anotado aos 39 minutos da etapa final. O resultado deixou o alvinegro em 11º no nacional, enquanto os gaúchos ocupam o 3º lugar. Depois de um 1º tempo sonolento e sem graça na Arena do Grêmio, as equipes

1 1

Goleiro fraturou a mão esquerda

balançaram as redes com dois “vira-casacas” que saíram do banco de reservas. Aos 27 minutos, Elano acertou chute forte, de primeira, na área e abriu o placar do jogo. Aos 39, foi a vez de Willian José deixar tudo igual no Sul, em belo chute de fora da área. O Peixe ainda teve um gol anulado, de Cícero, e acertou uma bola na trave do goleiro Dida antes do apito final. METRO

Dida; Gabriel, Rhodolfo e Bressan (Elano); Pará, Souza, Riveros, Zé Roberto (Vargas) e Alex Telles; Kleber e Barcos (Yuri Mamute). Técnico: Renato Gaúcho

GRÊMIO

Aranha; Galhardo (Bruno Peres), Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena; Alison (Pedro Castro), Arouca, Cícero e Montillo (Willian José); Gabriel e Thiago Ribeiro. Técnico: Claudinei Oliveira

SANTOS

G Elano aos 27 e Willian José aos 39 minutos do 2º tempo. A b i age Péricles Bassols Cortez (RJ), auxiliado por Marrubson Melo Freitas (DF) e Ivan Carlos Bohn (PR)

| MARCELO MACHADO DE MELO/FOTOARENA

Amistosos. Julio Cesar desfalcará a Seleção

“Sou um dos atacantes que tem a melhor média de gols do Santos. Espero ter mais oportunidades para ajudar” WILLIAN JOSÉ, ATACANTE DO PEIXE

Willian José comemora gol de empate do Santos | EDU ANDRADE/FATOPRESS/FOLHAPRESS

|19|◊◊

Julio Cesar fraturou um dedo da mão esquerda em treinamento do seu time, o Queens Park Rangers (ING), na última terça-feira. Ontem, ele precisou ser submetido a uma cirurgia e um parafuso foi colocado no dedo. A previsão de recuperação é de quatro semanas. Assim, o goleiro irá desfalcar o Brasil nos amistosos contra Coreia do Sul e Zâmbia, que serão realizados nos dias 12 e 15 de outubro, respectivamente. A convocação para os duelos será feita no próximo dia 26. METRO

O meia Phillipe Coutinho, que vinha sendo cotado para ganhar chance na Seleção Brasileira, vai desfalcar o Liverpool por cerca de 40 dias por conta de uma lesão no ombro direito, informou o clube inglês em seu site oficial ontem. O jogador passará por cirurgia e deve voltar à ativa apenas no fim de outubro. Coutinho sofreu a lesão após um choque com Ashley Willians no segundo tempo do duelo com o Swansea, pelo Campeonato Inglês. METRO

Meia era cotado para ganhar chances de Felipão no selecionado brasileiro


20130919_br_metro abc  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you