Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica Belo Horizonte Gráfica e Editora.

EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Passeio pelo modernismo Casa onde JK morou vira museu na Pampulha

PÁG. 08

OS MENINOS CRESCERAM

Alex Turner, vocalista do Arctic Monkeys

‘AM’, 5º ÁLBUM DO ARCTIC MONKEYS, MOSTRA A EVOLUÇÃO DA BANDA PÁG. 07

BELO HORIZONTE Terça-feira, 10 de setembro de 2013 Edição nº 480, ano 2 MÍN: 14° C MÁX: 28° C sunny

snow

rain

partly

cloudy

www.readmetro.com | leitor.bh@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobh sunny

sleet

thunder

part sunny/ showers

thunder showers

windy

ONG mineira pode ter desviado R$ 400 mi hazy

showers

Operação Esopo. Polícia Federal cumpriu 14 mandados de prisão em Belo Horizonte e apreendeu documentos, dinheiro vivo, carros e até um helicóptero. Esquema desviava dinheiro público e fraudava licitações em Minas, em outros 9 estados e no Distrito Federal. PÁG. 03

BEYONCÉ CHEGOU!

Cover mineira faz sucesso e antecipa espetáculo PÁG. 08

Coelho volta a colatr no G-4 | ANDERSON PINHEIRO/FUTURA PRESS

América vence outra fora de casa Time bateu o Figueirense, de virada, por 2 a 1 e voltou a colar no grupo dos quatro primeiros da Série B PÁG 12

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Seguro obrigatório já pagou R$ 60 mi no Estado em 2013 Transformista posa com bailarinos, vira celebridade e agita fãs que já se aglomeram no Mineirão. Show é amanhã, mas tem gente acampada na fila há um mês

| EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Das indenizações pagas pelo DPVAT, 72% foram por invalidez permanente, a maioria em acidentes com motos PÁG 02


1 FOCO

Felisburgo

Solto

Apontado como mandante do crime conhecido como Massacre de Felisburgo, que culminou na morte de cinco trabalhadores rurais em 2004, o fazendeiro Adriano Chafik conseguiu na Justiça um alvará de soltura e vai viajar para a Bahia após ter passado 18 dias preso em Contagem, na Grande BH. Após novo adiamento, o julgamento dele e de outros três réus foi remarcado para o dia 10 de outubro.

|02|

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Indenizações por batidas passam os R$ 60 milhões DPVAT. Violência nas vias, potencializada por imprudência de motociclistas, faz pagamento de seguro por lesões e morte crescer em Minas; Valor pode ultrapassar os R$ 300 milhões Impulsionados pelas batidas envolvendo motos, os acidentes automobilísticos continuam em alta em Minas Gerais. O número de indenizações pagas no Estado pelo DPVAT, por morte e invalidez permanente, cresceu de novo e ultrapassou os R$ 60 milhões apenas no primeiro semestre de 2013. Balanço divulgado ontem revelou que a quantidade de indenizações pagas por morte chegou a 2,7 mil em Minas, o que significa uma quantia em dinheiro de R$ 37 milhões. “O que puxou o crescimento de indenizações foram os pagamentos por invalidez permanente. A proporção desse tipo de indenização no Estado mineiro segue a nacional, de 72%”, explica a assessora de Relações Institucionais da Seguradora Líder DPVAT, Angela Amparo. O pagamento por invalidez permanente varia de R$ 1,3 mil a R$ 13 mil, dependendo da lesão. Se considerado o valor mais baixo, foram pagos em Minas R$ 27 milhões. Mas a quantia pode chegar a R$ 260 milhões. “A motocicleta está contribuindo muito para a al-

Acidentes com motos puxaram a alta dos pagamentos por indenização | EUCLIDES OLTRAMARI JR/FUTURA PRESS

“Os acidentes com moto são responsáveis por 72% das indenizações pagas. Parte dos motociclistas não usa equipamento de segurança”. ANGELA AMPARO, ASSESSORA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS DA SEGURADORA LÍDER

Dólar - 1,12% (R$ 2,27)

Euro + 0,20% (R$ 3,03) Selic (9%)

Salário mínimo (R$ 678)

Sem atravessador A seguradora reforça a importância do cidadão pedir a indenização sem a participação de atravessador. Informações podem ser obtidas no dpvatsegurodotransito.com.br. THIAGO RICCI

Despoluição da Lagoa da Pampulha está em curso | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

FALE COM A REDAÇÃO leitor.bh@metrojornal.com.br /- COMERCIAL: /-

O jornal Metro circula em  países e tem alcance diário superior a  milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de  mil exemplares diários.

No primeiro dia da Semana Internacional do Café, no Expominas, em Belo Horizonte, o Ministério da Agricultura anunciou que o Brasil baterá a produção de 2012, com safra recorde neste ano O evento reúne produtores e representantes dos governos federal e estadual. O evento espera receber visitantes de mais de 70 países. Para 2013 a previsão é de que sejam gerados mais de R$ 20 milhões em negócios durante a feira e outros R$ 30 milhões, indiretamente. Um dos empecilhos apontados para a expansão dos negócios do setor cafeeiro é a exportação. “Minas Gerais e o Brasil são os maiores produtores de café em grão do mundo, mas não somos o maior exportador de café processado. Ao contrário, quase não exportamos nada. O que faltou no Brasil ao longo das últimas décadas talvez tenha sido um esforço maior entre os governos e o empresariado com este objetivo”, comenta o Governador Antonio Anastasia. METRO BH Ônibus

Empresa recebe multa após cancelamentos

METRO BELO HORIZONTE

Limpeza. Obra no Zoo para despoluir a Pampulha

Cotações

Bovespa + 0,93% (54.251 pts)

ta do pagamento de seguros. A gente percebe que os pilotos de moto não estão muito preocupados com a própria segurança, muito menos com a dos outros”, analisa Angela Amparo. Conforme o balanço, Minas Gerais foi o segundo Estado com mais pagamentos de indenização, atrás de SP.

Café. Capital recebe feira internacional

O Jardim Zoológico de Belo Horizonte está recebendo uma obra que promete reforçar os trabalhos de despoluição da Lagoa da Pampulha. A rede no local será estruturada e vai destinar a uma estação de tratamento de esgotos os dejetos dos banheiros públicos, bares e administração do Zoo, além de contemplar os recintos dos animais. METRO BH

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: .). Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB .). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor-Executivo: Luiz Fernando Rocha. Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor Geral: José Saad Duailibi. Diretor de Jornalismo: Júlio Prado.

A BHTrans multou ontem o consórcio Dez por deixar de realizar 16 viagens da linha 3051, entre 14h15 e 16h30. Cada falha renderá uma multa de R$ 184,69 ao consórcio. METRO BH Greve

Servidores do João XXIII fazem paralisação Os servidores pretendiam alertar o Governo sobre as demandas não atendidas da categoria. O atendimento no HPS foi em escala mínina de 7 horas. METRO BH

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, , São Bento, CEP: -, Belo Horizonte, MG. Tel.: /-. O jornal Metro é impresso na Belo Horizonte Gráfica e Editora. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. . exemplares


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

|03|◊◊

Desvio de dinheiro público leva empresários à prisão Operação. PF desmantela esquema que fraudava licitações e desviava dinheiro público; rombo é de R$ 400 milhões Uma grande operação comandada pela Polícia Federal desmantelou um esquema de fraude de licitações públicas que causaram rombo aos cofres públicos que podem superar R$ 400 milhões. As ações fraudulentas tinham como pivô uma organização da sociedade civil e levaram à prisão empresários e ex-prefeitos de cidades mineiras. A entidade responsável pelas fraudes é o IMDC (Instituto Mundial do Desenvolvimento e da Cidadania), uma Oscip (Organização da Sociedade Civil com Interesse Púlico) com sede em Belo Horizonte. A operação, batizada de Esopo, resultou na prisão de 22 pessoas, entre empresários e políticos. Delas, 14 foram realizadas na capital mineira. Entre os conduzidos estão o superintendente de administração da Fiemg, Nelson de Souza Filho, o presidente do IMDC, Davison Oliveira Vidal, o atual secretário executivo do Ministério do Trabalho, Paulo Roberto Pinto, e a ex-braço direito de Marcos Valério, Simone Reis Lobo de Vasconcelos. Esta última tinha uma

Governo de MG investigou organização

Em todo o Brasil, foram presas 22 pessoas | POLÍCIA FEDERAL/DIVULGAÇÃO

empresa de fachada e fornecia notas fiscais forjadas, segundo as investigações da PF. O advogado dela, Leonardo Isaac, informou que a empresa de locação de transporte da qual é sócia foi contratada pela Fiemg para um evento de moda. Após a prestação do serviço, a federação exigiu a emissão da nota em nome do IMDC. Os policiais informaram

que, em cinco anos investigados, o instituto não fez sequer um convênio sem suspeita de fraude e que os diálogos interceptados não identificaram uma única conversa sobre a prestação real de serviços pela entidade. “Por intermédio de servidores e gestores públicos, o grupo conseguia fraudar licitações, o serviço não era prestado e 100% do recurso

Polícia evita apresentação de presos do 7 de setembro A Polícia Civil divulgou ontem os nomes dos 15 manifestantes que continuam presos desde a manifestação do último sábado. A apresentação dos detidos foi cancelada depois que cerca de 100 pessoas se reuniram do lado de fora do prédio da 1ª Região Integrada de Segurança Pública (Risp) na praça Rio branco, no Centro da capital. Os 15 presos são jovens, do sexo masculino e alguns deles se identificam como membros do grupo denominado “Black Blocks”. Até pais dos jovens estiveram no protesto em frente à Risp ontem de manhã e os qualificaram como “presos políticos”. Ao todo foram 45 pessoas conduzidas pela Polícia Militar sábado, além de 11 adolescentes apreendidos.

Em 2010

Pelo menos 15 manifestantes estão presos | TONINHO ALMADA/HOJE EM DIA/FUTURAPRESS

“Nós tivemos dois momentos distintos. Uma manifestação na raça da Liberdade houve dano do patrimonio público, houve corrupção de adolescentes para a prática de crime, houve desacato e resistência. Um grupo caminhou para a Aisp 3, onde tentou en-

trar na unidade policial e resgatar pessoas que já estavam detidas lá”, relata o delegado Hugo Silva. Os autores foram presos e pelo menos seis deles, identificados na tentativa de invasão da Aisp, serão processados por formação de milícia. METRO BH

Foram apreendidos carros de luxos e até um helicóptero

público era apropriado”, explica o delegado de Polícia Federal, Marcelo Freitas. Megaoperação A operação foi desencadeada em 10 Estados e no Distrito Federal, com o cumprimento de 101 mandados judiciais. Ao todo, foram apreendidos carros de luxo, helicóptero e mais de R$ 500 mil em dinheiro. METRO BH Caixa eletrônico

Quadrilha que assaltou faculdade é presa no Barreiro Foram presos ontem os cinco suspeitos de terem invadido uma faculdade no bairro Estoril, região Oeste da capital, e roubado um caixa eletrônico de dentro da unidade. A Polícia Militar localizou a quadrilha após uma denúncia anônima. Os cinco homens, de entre 20 e 28 anos, foram flagrados enquanto tentavam desmontar o cofre do caixa, no bairro Brasil Industrial, região do Barreiro. O crime aconteceu no domingo pela manhã. Os suspeitos chegaram em dois carros e se passaram por pedreiros para entrar na unidade, render os funcionários e arrombar o equipamento. METRO BH

101

mandados judiciais foram expedidos. Sete prefeituras mineiras foram vasculhadas. A operação resultou na exoneração de servidores do Ministério do Trabalho. o órgão informou que não há convênio federal vigente com o IMDC.

O IMDC foi alvo de auditoria do governo mineiro logo após surgirem as primeiras denúncias envolvendo contratos executados pela organização. Por nota, a administração do Estado de Minas afirmou que as apurações começaram no final de 2010 e resultaram em três medidas. A primeira delas foi a rescisão unilateral do contrato que estava em vigor do Instituto do Norte de Minas com o Imdc. As outras duas foram a inclusão da organização no Cafimp (Cadastro de Fornecedores Impedidos de Licitar e Contratar com a Administração Pública Estadual) e seu bloqueio no Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira). A inclusão no Cafimp foi suspensa por decisão liminar. METRO BH

Rotam. Homem morre após invadir batalhão Um homem de 21 anos morreu pouco depois de invadir um quartel do Batalhão Rotam (Rondas Táticas Metropolitanas), no Centro de Belo Horizonte, e tentar roubar o fuzil de um dos sentinelas. Segundo a corporação, o jovem parecia estar drogado. Ele se aproximou do por-

tão e, depois de ter a entrada no quartel negada, pulou a grade e passou a agredir o militar, tentando tirar a arma dele. Após a briga, os dois foram encaminhados ao Hospital João 23, onde o jovem sofreu uma parada cardíaca. A suspeita é que ele tenha tido uma overdose. METRO BH

Rapaz de 21 anos tentou roubar fuzil de um militar | ALEX DE JESUS/O TEMPO/FUTURA PRESS


|04|

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Ruralistas pressionam STF por questão indígena Reservas. Parlamentares se reúnem com ministro Roberto Barroso para pedir que ele não barre a tramitação de Proposta de Emenda Constitucional que tira do Executivo e dá ao Legislativo o poder de demarcar terras indígenas

Em abril, índios invadiram o plenário da Câmara para protestar | JOSÉ CRUZ/ABR

Um grupo de parlamentares da bancada ruralista na Câmara dos Deputados se reuniu com o ministro do Supremo Tribunal Federal Roberto Barroso na tarde de ontem para argumentar pela constitucionalidade da PEC 215, que pretende dar ao Congresso a competência para aprovar a demarcação de terras indígenas e ratificar as reservas já homologadas pela União. Barroso é relator de um mandado de segurança assinado por 22 parlamentares, que pede a suspensão da tramitação, discussão e votação da PEC, que, apesar de ter sido proposta em 2000, só foi admitida pela Comissão de Constituição e Justiça em março de 2012. O próximo passo seria a criação de uma comissão especial. A Mesa Diretora da Casa ainda não criou a comissão, devido, em parte, à pressão indígena. Em abril deste ano, centenas de índios ocuparam o plenário da Câmara para impedir que o as-

sunto fosse discutido. Em agosto, preocupados com a pressão contrária dos ruralistas, parlamentares integrantes da Frente de Apoio aos Povos Indígenas impetraram o mandado de segurança no Supremo, alegando que a PEC é inconstitucional. “Ao prever, na Constituição, que o poder para demarcar as terras indígenas é da União, o parlamento já se posicionou sobre o tema. Não há razões para voltar atrás”, defende a deputada federal Érica Kokay (PT-DF). “Além disso, a PEC fere a cláusula pétrea da independência dos poderes.” Na saída da reunião, o deputado Moreira Mendes (PSD/ RO), um dos participantes, defendeu que a tramitação de uma PEC é uma prerrogativa parlamentar. ““Um eventual deferimento de uma liminar é subtrair um direito que é nosso, legítimo, outorgado pelo povo. Nós precisamos da PEC para discutir o assunto com o povo brasileiro”, disse.

“Se esta PEC for aprovada pelo Congresso nunca mais se demarca uma terra indígena no Brasil.” ÉRICA KOKAY (PT-DF), DEPUTADA FEDERAL

Pressões Ainda em agosto, o ministro Barroso recebeu defensores da causa indígena e ouviu os argumentos, mas não deu sinais da decisão que deve tomar. No momento, segundo a assessoria de comunicação do STF, ele prepara um voto para discutir o tema no plenário da Corte. Os deputados também discutiram com o ministro argumentos acerca dos embargos de declaração apresentados em petição sobre a Reserva Indígena Raposa Serra do Sol. Barroso herdou do ministro aposentado Ayres Britto a relatoria do caso. RAPHAEL VELEDA METRO BRASÍLIA

Dilma volta a defender Mais Médicos A presidente Dilma Rousseff aproveitou a cerimônia de sanção da lei que destina os royalties do petróleo para investimentos em educação e saúde, ontem, para defender o programa Mais Médicos, do governo federal. “Queremos aumentar a qualidade no atendimento da saúde, e, para isso, são necessários recursos como os dos royalties”, disse ela, em discurso no Palácio do Planalto. “Em 701 municípios do país não há médicos morando. Temos que enfrentar o problema da saúde com infraestrutura, mas também com médicos. É o primeiro passo.” A lei, aprovada pelo Congresso em 14 de agosto, destina 75% dos royalties do pré-sal para a educação e 25% para a saúde. O governo calcula que os recursos podem chegar a R$ 112 bilhões nos próximos 10 anos e o primeiro repasse, de R$ 770 milhões, deverá chegar a estados e municípios ainda em 2013.

“É um passo muito importante, mas educação não é apenas financiamento, temos muito o que fazer para melhorar a qualidade”, discursou o ministro da Educa-

ção, Aloizio Mercadante, no evento. De acordo com ele, os recursos servirão para melhorar o salário de professores e investir em capacitação. METRO

Presidente discursa na sanção da destinação dos royalties | JOSÉ CRUZ/ABR


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

Juros bancários sobem em setembro Crédito. Taxas médias nas principais instituições acompanham alta da Selic e registram novo aumento em setembro. No cheque especial, valor pode chegar a 10,09% ao mês Refletindo a alta da taxa básica de juros, a Selic, as operações de crédito estão ficando mais caras. A taxa média cobrada de empréstimo pessoal subiu de 5,24% para 5,27% ao mês entre agosto e setembro – a terceira alta consecutiva. No cheque especial, taxa mensal aumentou pelo quarto mês seguido, passando de 7,98% em agosto para 8,03% em setembro. Os dados são da levantamento realizado pelo Procon com os principais bancos do país (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander). A pesquisa mostra ainda que a taxa do empréstimo pessoal mais alta é praticada pelo Bradesco, de 6,27% ao mês, e a menor, pela Caixa, 3,51% ao mês. Entre agosto e setembro, o Banco do Brasil foi a instituição que fez o maior rea-

9,7%

foi a queda na demanda por crédito entre os consumidores de alta renda em agosto

juste de taxa, de 4,36% para 4,46% ao mês. Bradesco e Santander também reajustaram suas taxas. Os demais bancos não alteraram os juros. No caso do cheque especial, a maior taxa foi encontrada no Santander, de 10,09% e a menor, na Caixa, de 4,41%. O maior reajuste foi praticado pela Caixa, já que a taxa cobrada pelo banco em agosto era de 4,27%. Demanda em queda A alta do dólar e dos juros reduziu o apetite do brasileiro por crédito, ao afetar a confiança dos consumidores, segundo a Serasa Experian. Pesquisa da empresa mostra que a demanda recuou 3,3% em agosto na comparação com igual período do ano passado, puxada pela retração entre os consumidores de alta renda. Entre os que ganham entre R$ 5.000 e R$ 10.000 por mês, a busca por crédito recuou 9,7% no mês passado, na mesma base de comparação. Já entre os consumidores com renda acima desse valor, houve diminuição de 9,6%. METRO

EMPRÉSTIMO PESSOAL

7,92

7,92

7,92

7,92

7,92

7,93

7,95

7,98

8,03

5,35

5,35

5,35

5,22

5,22

5,22

5,23

5,24

5,27

JAN

FEV

MAR

ABR

MAI

JUN

JUL

AGO

SET

7,7

5,9

4,1

EMPRÉSTIMO PESSOAL AGOSTO

BANCO DO BRASIL

4,36 6,23 3,51 5,77 6,02 4,90 5,91

BRADESCO CAIXA ECONÔMICA HSBC ITAÚ SAFRA SANTANDER

SETEMBRO

4,46 6,27 3,51 5,77 6,02 4,90 5,99

CHEQUE ESPECIAL AGOSTO

SETEMBRO

5,91 8,86 4,27 9,82 8,75 8,25 9,99

6,02 8,90 4,41 9,82 8,75 8,25 10,09

FONTE: PROCON

que foi à Genebra exclusivamente para a ocasião, leu uma declaração de apoio da presidente Dilma Rousseff ao brasileiro. A mensagem diz que Azevêdo pode “contar com o forte compromisso do Brasil à OMC e ao multilateralismo”. METRO

Primeiro pregão do ano

2,259

Menor cotação do ano

2,278

2,138

2,017

2,040

2,046

2/1/13

8/3

21/8 Ontem

Câmbio. Dólar atinge o menor valor em um mês O dólar comercial fechou ontem em queda, mantendo a mesma tendência observada ao longo da semana passada. A divisa norte-americana caiu 1,14%, para R$ 2,2780. No turismo, a desvalorização foi de 0,82% e moeda era cotada a R$ 2,40. Com a nova queda, o dólar atingiu o menor valor desde 9 de agosto, quando a moeda fechou a R$ 2,2740. No mês, o recuo já chega a 4,49%, mas no ano a moeda acumula alta de 11,41%. Influenciaram a cotação dados da China, que trouxeram confiança em relação à economia do país. As exportações chinesas subiram 7,2% em agosto ante o ano anterior, enquanto as importações subiram 7%, deixando o país com um saldo positivo de US$ 28,6 bilhões.

Além disso, o Banco Central brasileiro realizou mais um leilão equivalente à venda de dólares no futuro. Foram vendidos todos os 10 mil contratos ofertados, com vencimento em 2 de janeiro de 2014. Os leilões que estão sendo realizados diariamente pela autoridade monetária fazem parte de um programa de intervenção contínua, anunciado em agosto. Os dados positivos da China deixaram os investidores otimistas, impulsionando as ações das empresas exportadoras. No Brasil, a Bovespa subiu 0,93%, a 54.251,85 pontos, com altas das ações da Vale e Petrobras. Foi a quarta valorização seguida do Ibovespa, que fechou com a maior pontuação desde 30 de maio (54.634,69 pontos). METRO

Apple lança hoje novos iPhones A Apple realiza hoje o aguardado evento de lançamento de novas versões de iPhones. A expectativa é que a empresa apresente o iPhone 5S e o iPhone 5C, uma versão mais barata do smartphone. METRO

Instagram terá anúncios em 2014 o avanço de negociações bilaterais, sugerindo que isso pode esvaziar ainda mais a entidade. “O multilateralismo está deixando de ser a opção mais interessante”, afirmou. O ministro das Relações Exteriores, Luiz Figueiredo,

2,452 2,380

Smartphone

Internet

Brasileiro cobra urgência para destravar rodada Doha | DENIS BALIBOUSE/REUTERS

2,501

FONTE: CMA

9,5

BANCO

Maior valor desde 9/12/2008

Cotação do dólar comercial, em R$

10/9/12

Taxa mensal de juros, em % CHEQUE ESPECIAL

NOVA QUEDA

1,947

CRÉDITO MAIS CARO

‘Paralisia acabou’, afirma Azevêdo ao assumir a OMC Em sua primeira reunião com representantes de 159 países-membros da entidade, o novo diretor-geral da OMC (Organização Mundial de Comércio), Roberto Azevêdo, disse ontem que é hora de a OMC voltar ao centro do palco mundial. “A paralisia acabou”, afirmou o brasileiro. O embaixador cobrou urgência dos países membros para destravar a rodada Doha de liberalização do comércio global. Ele disse que buscará resultados concretos na Conferência de Bali, na Indonésia, em dezembro. “Desde 1999 a OMC não consegue fechar acordo multilateral. É hora de mudar isso”, disse. Em discurso na sede da OMC, em Genebra, Azevêdo disse estar preocupado com

|05|◊◊

{ECONOMIA}

A diretora de operações e negócios do Instagram, Emily White, disse ao “The Wall Street Journal” que a rede prepara-se para introduzir publicidade em seu feed. A venda de anúncios deve começar no próximo ano. METRO

Eike precisa fazer aporte de U$ 1 bilhão | DANILO VERPA/FOLHAPRESS

OGX. Fitch reduz nota da empresa e vê calote próximo A agência de classificação de risco Fitch reduziu os ratings da dívida da OGX em moeda estrangeira e em moeda local de “CCC” para “C”, o penúltimo nível da escala, devido à contestação pelo controlador da companhia, Eike Batista, da validade do exercício de

uma opção de venda de US$ 1 bilhão. Sem uma injeção de capital, a OGX provavelmente irá entrar em “default” de sua dívida no futuro próximo, avalia a Fitch. A empresa já teve outros rebaixamentos de nota vinculados à garantia de US$ 1 bilhão. METRO


|06|

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{MUNDO}

Rússia propõe entrega de armas Para impedir intervenção. Sugestão feita pelo chanceler foi vista de forma ‘positiva’, até mesmo pelo presidente Barack Obama

Em frente ao Capitólio, manifestante pede que EUA mantenham os planos de ataque | JONATHAN ERNST/REUTERS

Aproveitando uma deixa do secretário de Estado americano, John Kerry, a Rússia propôs que a Síria entregue seu arsenal químico à comunidade internacional. A sugestão levou a uma reviravolta diplomática no debate

sobre a intervenção militar americana no país árabe. A proposta foi bem recebida por Damasco, pelo secretário-geral das Nações Unidas e pela França, até então alinhada aos EUA no discurso para a punição ao ditador Bashar Al Assad. Pressionado, o presidente Barack Obama disse que a ideia era “potencialmente positiva” e que poderia levar à suspensão dos planos de intervenção. “Mas eu acho que ela deve ser encarada como um grão de sal inicialmente”, disse o democrata, em entrevista à emissora NBC. Segundo Obama, o secretário de Estado vai trabalhar os termos da proposta junto à Rússia. Trapalhada? O assunto surgiu horas depois de John Kerry fazer uma declaração em Londres. Questionado por um repórter se havia algo que o regime sírio poderia fazer para evitar a intervenção, o secretário respondeu que sim. “Ele (Assad) poderia entregar cada uma de suas armas químicas para a comunidade internacional em uma semana, mas ele não está prestes a fazê-lo e nada pode ser feito”, disse.

Kerry ligou para o chanceler russo, Sergei Lavrov, para dizer que a afirmação não se tratava de uma proposta. Na capital britânica, seus assessores também tentaram reverter a situação, dizendo que a frase havia sido “retórica”. Era tarde demais, contudo. A Síria elogiou a sugestão russa, mas não deu nenhuma resposta. “Recebemos bem a iniciativa, motivada pelas preocupações com as vidas dos nossos cidadãos e com a segurança do nosso país”, disse o ministro sírio das Relações Exteriores, Walid al-Moualem. METRO

“Se o estabelecimento de um controle sobre as armas químicas na Síria ajudar a evitar o ataque, vamos imediatamente trabalhar com Damasco.” SERGEI LAVROV, CHANCELER RUSSO

Senado adia votação sobre ofensiva Em aparente coordenação com a Casa Branca, o democrata Harry Reid, líder da maioria no Senado americano, afirmou que a votação sobre a ofensiva militar na Síria deve ser adiada. A consulta estava prevista para amanhã. Reid disse que não seria oportuno votar a resolução em um momento em que o mundo ainda debate alter-

nativas ao ataque. Segundo seus assessores, entretanto, a votação pode ser realizada ainda esta semana. O Ministério das Relações Exteriores do Brasil disse haver um plano para a retirada dos brasileiros que permanecem no país árabe. Segundo o Itamaraty, a maioria tem dupla cidadania e não pediu auxílio, por enquanto. METRO

Ditador coreano tem uma filha O líder norte-coreano, Kim Jong-un, tem uma filha, chamada Ju-ae. A informação foi compartilhada pelo ex-astro do basquete americano Dennis Rodman, que voltou, no fim de semana, de uma viagem ao país asiático. “O marechal e eu tivemos um momento de relaxamento à beira-mar com sua família. Ele é um bom

pai”, contou o ex-jogador ao “The Guardian”. Rodman se diz amigo pessoal de Kim. Foi a segunda visita dele à Coreia. Rodman planeja organizar dois jogos de basquete entre coreanos e americanos. Ele, inclusive, disse que vai treinar o time de Pyongyang. As partidas seriam em janeiro, perto do aniversário de Kim Jong-un. METRO


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

|07|◊◊

Igualzinho a todo mundo

Música. Arctic Monkeys se rende à nostalgia atual da cena roqueira internacional e cria CD com referências ao som dos anos 60 e 70 Champignon no enterro de Chorão, em março | ALEX FALCÃO/FUTURA PRESS

SP. Champignon morre seis meses após Chorão Morreu na madrugada de ontem o baixista Luiz Carlos Leão Duarte Junior, 35 anos, o Champignon da banda Charlie Brown Jr. Até a conclusão desta edição, a polícia ainda não havia confirmado a causa exata da morte. A hipótese é de suicídio, já que o músico foi encontrado com um tiro na cabeça e uma pistola 380 em uma das mãos. O corpo de Champignon foi achado no apartamento dele, na zona sul de São Paulo. O velório aconteceu no Cemitério Memorial Necrópole Ecumênica, em Santos, mes-

mo lugar em que ele será enterrado hoje, às 15h. O local é também onde está o corpo do companheiro de banda Chorão, morto em março por overdose de cocaína. Segundo a delegada Sueli Suegama, que investiga o caso, o baixista passava por quadro depressivo e não aceitava críticas recebidas por sua nova banda, A Banca, da qual era vocalista. Grávida de 5 meses, a mulher de Champignon, Claudia Campos, estava no apartamento. Em depoimento, ela disse que o marido não usava drogas. METRO

“Há ‘glam’, há um denso desejo de aparentar John Lennon em ‘Nº 1 Party Anthem’, e há sombras de Velvet Underground em ‘Mad Sounds’ e ‘I Wanna Be Yours’.” É assim que a bíblia do jornalismo musical, o semanário inglês “New Musical Express”, descreve parte do novo disco do Arctic Monkeys, “AM”. O negócio é como lidar com uma declaração dessas. Sim, o 5o CD do quarteto britânico remete a vários artistas. Porém, durante o processo de gravação, os músicos insistiram que o trabalho é diferente do que vem sendo feito. Mas não é isso o que acontece. Em busca de referências, bandas contemporâneas encontram inspiração em passado distante ou marcante, principalmente as décadas

Matt (bateria), Alex Turner (vocal/guitarra), Nick (baixo) e Jamie (guitarra)

2 CULTURA

| DIVULGAÇÃO

Fabrício Boliveira “AM” ARCTIC MONKEYS DOMINO US$ 10 (NO ITUNES)

de 1960 e 1970. Ocorre que o Arctic Monkeys vai na mesma trilha. Bom exemplo é a abertura, “Do I Wanna Know?”, com nítida semelhança ao

Black Keys, que não esconde seu amor ao rock setentista. E o que dizer de “Arabella”, com trechos parecidos (até demais) com Black Sabbath? Canções à parte, o CD mostra excelente cuidado nas gravações. Mas o resultado deixa muito a desejar de uma banda que já tem número razoável de CDs lançados, e é bem amparada tecnicamente. METRO

Na Lei Seca

Protagonista do filme “Faroeste Caboclo” foi flagrado em operação de rua no Rio de Janeiro e se recusou a fazer o teste do bafômetro. Boliveira teve a CNH recolhida e vai pagar multa de R$ 1.915,40.


|08|

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

Beyoncé chegou mais cedo? Espetáculo. Na contagem regressiva para o show de amanhã à noite, fãs se divertem na fila de espera, com direito a cover da cantora Enquanto a diva não vem, os fãs antecipam a festa – e haja animação para disfarçar a ansiedade. Na contagem regressiva para o show de Beyoncé marcado para amanhã à noite, vale de tudo: bater papo, cantarolar os principais sucessos e até mesmo jogar vôlei na porta do Mineirão para ver se o tempo passa mais rápido. Mas e se Beyoncé chegasse mais cedo, de surpresa, sem avisar os fãs? Ontem, um cover da cantora deu uma passadinha no estádio e chamou a atenção de muita gente. Assobios de um lado e pedidos para fotos de outro, em meio a várias poses e coreografias. A transformista Aysla Pirv é cover da cantora há três anos – e uma mega fã confessa. “Isso aqui já é um pré-aquecimento. Todos nós gostamos muito dela e estaremos

R$ 70

é o valor do ingresso mais barato para o show: meia-entrada para arquibancada. O mais caro sai a R$ 600: inteira para a pista premium. aqui na quarta. É o show da minha vida”, garante Aysla, que hoje à noite comandará uma festa de “recepção” à diva no Estação 2000 (Centro). A passagem do quinteto esquentou ainda mais o clima na porta do estádio. Muitos fãs já estão acampados há cerca de um mês aguardando a abertura dos portões. “Quero, porque quero, ficar pertinho dela”, avisa Suzana Alves, que chegou ontem de Itapetinga (BA) após enfrentar 16 horas de viagem. Taironi Vale não precisou vir

Cerca de 30 barracas estão montadas na porta do estádio | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

de tão longe. O mineiro de Ipatinga sonha com o show há anos. “Eu assistia ao DVD e sentia aquela energia”. O parananese John Reverton escolheu o show de BH pela possibilidade de adquirir um ingresso premium e ficar cara-a-cara com a cantora. E se ele pudesse mandar um recado para a diva, o que diria? “Um beijo e um abraço. Ah, vou chorar, descabelar. Na hora vou pirar, com certeza”. Turnê aberta com êxtase A turnê “The Mrs Carter Show” foi aberta anteontem em Fortaleza. A diva cativou o público com seu carisma e energia no palco, diante de 35 mil pessoas. Beyoncé alugou uma casa no sul da Bahia como ponto de parada entre as apresentações – que incluem passagens por São Paulo, Brasília e a esperada abertura do Rock in Rio, nesta sexta. Ela vem acompanhada do marido, o rapper Jay-Z, e da filha, Blue Ivy, de 1 ano e 8 meses. Ainda há ingressos para o show de amanhã, às 20h30, no Mineirão. Dois palcos serão montados no estádio, unidos por uma passarela de 15 metros, permitindo a cantora ficar mais perto dos fãs. Efeitos especiais, painéis móveis e figurino impecável dão um charme a mais ao espetáculo. GUSTAVO CUNHA METRO BELO HORIZONTE

Aysla Pirv e a Cia Dangerous: eles ainda não decidiram se irão ao show imitando o look da cantora

| EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Casa modernista de JK vira atração turística

O salão de jogos: móveis originais dos anos 1940 | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Com investimentos públicos e privados de R$ 6,5 milhões e seis anos de reforma, a casa de campo do ex-presidente Juscelino Kubitschek, na Pampulha, será aberta nesta quarta-feira como nova atração ao público que visita o conjunto modernista da orla da Lagoa. Projetada nos anos 1940 pelo arquiteto Oscar Niemeyer, a casa abriga mais de cem objetos decorativos e mobiliário originais do período. Destaque para os jardins frontais e da parte de trás, projetados pelo paisagista Burle Marx. “A casa se insere num conjunto candidato a Patrimônio da Humanidade. A arquitetura e o design do mobiliário da época contribuirão para que as pessoas façam uma viagem ao passado e compreendam esse pe-

ríodo do modernismo brasileiro”, avalia o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Leônidas Oliveira. Após a morte da antiga moradora da residência, em 2004 – dona Juracy Guerra, esposa de Joubert Guerra, importante assessor de

JK –, o terreno foi desapropriado. A casa ficou fechada até 2007, quando as obras tiveram início. A construção é tombada desde 1994 pelos órgãos de proteção ao patrimônio. A novidade abre as comemorações dos 103 anos de nascimento de JK

Interior da casa, construída em formato de “U” | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

(12/09/1902-1976). A Casa Kubitschek será inaugurada com duas mostras que revivem o simbolismo da Lagoa da Pampulha para a cidade e seus moradores – com recordações de JK em sua casa de campo, onde permaneceu de 1943 a 1945, fotos de Oscar Niemeyer e personalidades do período. “As exposições contarão os primórdios da região, quando os imigrantes vieram morar no início do século 20 no antigo Arraial de Santo Antônio da Pampulha, além do modo modernista de viver”, adianta o gestor administrativo da Casa, André Mascarenhas. A Casa Kubitschek está situada na avenida Otacílio Negrão de Lima, 4.188. Visitações gratuitas de terça a domingo das 10h às 17h. METRO BH


|10|

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES}

Apple lança iPhone 5C popular

Os invasores

Sugestão

Tenho uma dica para dar à diretoria do Cruzeiro: Já pensaram em contratar o massagista do Aparecidense como zagueiro no lugar do Dedé? Deve sair bem mais barato e o cara é bom, viu? DANIEL HORÁCIO – BELO HORIZONTE/MG

Cobertura da manifestação Cruzadas

Acesso. Para agradar mercados emergentes, empresa aposta em versão mais barata A Apple lança hoje, no Vale do Silício, Estados Unidos, o iPhone 5C, primeira versão popular do aparelho, com intuito de agradar os mercados emergentes. A letra “C” representa suas várias opções de cores (“color” - cor em inglês) e preço mais acessível (“chip” - barato, em inglês), por causa de sua estrutura de plástico. Especula-se que o iPhone popular não deva ser muito diferente do seu predecessor com hardware CPU dual-core, tela de retina de 4 polegadas, 1 GB de memória RAM e câmera frontal de 1.2 megapixels e traseira de 8 megapixels com

Leitor fala

flash LED. Além de sistema operacional iOS 7 exclusivo, lançado em junho, durante a WWDC 2013 (conferência anual da Apple). Disponível também nas versões de 16 GB, 32 GB e 64GB, o aparelho deve pesar 106 gramas e medir 124.2 x 7.6 milímetros.

Hoje acordei com grande parte da mídia comentando sobre as manifestações, e fazendo paralelo de que tratava-se de movimento bandido. Concordo que existem bandidos nos atos, mas também entendo que estes setores da imprensa que trabalham para quem manda atualmente estão conseguindo matar um movimento legítimo da sociedade em benefício dos maus políticos, tais como Renan Calheiros, Donadon, etc. Sendo assim, fico com a frase que ouvi ontem: “Prender por manifestação é fácil, difícil é prender por corrupção”. MARCELO MARTINS – BELO HORIZONTE/MG

Inusitado

E mais... No mesmo evento, a Apple lança o iPhone 5S, versão tradicional do dispositivo. Nesse caso, o “S” pode significar “sensor” ou “security” (segurança, em inglês) por causa da substituição do botão “Home” por um leitor digital, mais seguro.

O que o massagista do Tupi-MG fez ontem? O mais engraçado foi ele correndo dos jogadores para se safar. IVO SANTOS – BELO HORIZONTE/MG

Metro Pergunta

Você acredita que a PM o Metro cometeu excessos com Siga no Twitter: @jornal_metroBH os manifestantes no 7 de setembro?

METRO

Sudoku

@rayssadalben

Claro que sim! Eles nem escondem mais estas ações. Um absurdo, muitas das imagens feitas pela imprensa mostram os abusos. @Dedysfellipe

Observamos que muitos policias abusaram do poder, como vimos nos vídeos veiculados desde o dia 7. Mas as duas partes estão erradas, não podemos generalizar. @iorhannad

Os policiais estão cada vez mais brutos, em toda manifestação se excedem!

Metro web Para falar com a redação:

leitor.BH@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

“Isso deve abrilhantar o dia de todo mundo”, diz convite da Apple | REPRODUÇÃO

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Tende a estar introspectivo ou distante de certas relações. Cuide para não se afastar de pessoas que gosta por isso.

O empenho a assuntos domésticos será mais frequente, tanto para ajustes do lar ou de questões junto a familiares.

Tenha mais atenção com seu ritmo para não sobrecarregar a mente, o corpo e a saúde. Terapia, temas espirituais e exercícios farão bem.

Cuidado para que a atenção aos problemas de quem gosta não atrapalhe a atenção com os seus. Solidariedade é importante, mas com bom senso.

O senso crítico tende a ser mais intenso. Fique atento com o modo de expressar opiniões e demonstrar o que sente.

A dedicação a novos círculos sociais tende a ser mais intensa. Ocasiões que envolvam amizades e grupos farão bem ao dia.

Com seu regente Mercúrio em aspecto tenso com Netuno, esteja mais atento para não se equivocar com falsas impressões nas relações.

Momento para valorizar o que tem e evitar o consumismo com interesses apenas pela aparência ou por falsa impressão de eficiência.

Atente-se para que a dedicação com suas obrigações cotidianas não impeçam momentos especiais da vida afetiva.

Às vezes expressar sentimentos é essencial para que a pessoa amada não tenha que adivinhar tudo o que você gosta.

Com a Lua em seu signo, estará propenso a resgatar lembranças especiais e a retomar assuntos em suas relações.

Momento propício para esclarecer pendências jurídicas, assim como burocracias que envolvam temas materiais e negociações.


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|11|◊◊

Opinião

HELIO CASTRONEVES HELIO.CASTRONEVES @METROJORNAL.COM.BR

SERENIDADE NAS PROVAS FINAIS Oi pessoal, beleza aí? Como vocês sabem, o calendário da IndyCar tem seus extremos. Numa época do ano a gente tem nove finais de semanas consecutivos de atividades nas pistas. Na outra, como agora, um mês parado entre a 16ª e a 17/18ª etapas. Se por um lado poderia ser mais interessante haver certo equilíbrio, por outro é providencial esse intervalo. Digo isso porque o ritmo da temporada é intenso e é bom chegar na fase decisiva com menos correria. Os mecânicos também precisam de um descanso para recuperar as baterias. Mas a verdade é que, mesmo sem corridas, ninguém fica de papo para o ar. Todos os envolvidos na IndyCar estão “acelerando”. Imaginem o nível frenético de trabalho do pessoal de Houston e de Fontana, locais dos últimos eventos da temporada?! Nas sedes das equipes o trabalho é intenso. Enquanto um grupo trabalha nos carros internamente, o outro está participando de testes de pneus, já de olho em 2014. A Penske estará hoje e amanhã em Indianápolis para os testes da Firestone. São seis equipes, cada uma com um piloto, sendo três carros equipados com motor Chevrolet e três com o Honda. Quem vai andar dessa vez é o Will Power. De minha parte, desde Baltimore, estou cumprindo compromissos com patrocinadores e imprensa. Entre outras coisas conversadas com os jornalistas (teve até o André Coutinho, da “BandNews FM”, que sugeriu que eu escalasse um prédio em caso de título...), muita gente quer saber se eu vou mudar a estratégia e ser mais agressivo nas provas finais. Na verdade, o que me trouxe até aqui foi a consistência, a regularidade, a cabeça “fria” nos momentos mais difíceis, a postura de lutar por qualquer posição como se fosse uma vitória em razão dos pontos, mesmo quando a coisa pareceu perdida (como em Sonoma e Baltimore, por exemplo). Tudo isso, sem sombra de dúvida, estará muito presente em Houston e Fontana, mas principalmente a serenidade que tem pautado toda essa minha temporada e que permite que eu esteja próximo do título como jamais estive. Repito, não tem nada garantido, mas vou continuar na mesma: “faca nos dentes”. Valeu galera, até a próxima semana! Helio Castroneves, 38, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro com mais vitórias na Indy, com 28 conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e 2009). Disputará em 2013 sua 16ª temporada na categoria e 14ª pelo Team Penske.

Dá um tempo! Atlético. Após rebater críticas via Twitter, Tardelli explica desabafo e pede folga. Atacante é o segundo mais efetivo do time na temporada Alvo de críticas por parte da torcida alvinegra nas últimas rodadas, Diego Tardelli revelou ontem que pediu ao técnico Cuca para ser poupado na próxima partida do Atlético, contra o Coritiba, nesta quinta-feira. Em entrevista concedida ontem no CT do Galo – a primeira desde o polêmico desabafo via Twitter após o empate em 1 a 1 com o Vitória –, o atacante atribuiu as más apresentações às recentes lesões e ao desgaste físico. “Já estava há três ou quatro jogos sem jogar bem, aí resolvi tentar explicar o que estava acontecendo, por eu não conseguir jogar como antes. Ainda não estou na forma física ideal. Depois que me lesionei, voltei cheio de dores, e acho que isso

BRASIL •

O espanhol venceu o sérvio Novak Djokovic (nº 1 do ranking) por 3 sets a 1 e conquistou ontem o Aberto dos Estados Unidos. Foi o 13º troféu de Nadal em Grand Slams. No domingo, a americana Serena Williams conquistou o torneio feminino. | MATTHEW STOCKMAN/GETTY IMAGES

ESPORTE

Atacante alegou que problemas físicos vêm atrapalhando seu desempenho | CARLOS ROBERTO/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

também tem me atrapalhado”, explicou o jogador. Após o empate em Salvador, Tardelli disparou na rede social contra “meia dúzia de torcedores de memória curta e ingratos” e falou em “problemas extracampo”. Aproveitamento Apesar das críticas, Tardelli se mantém como o segundo

“Conversei com o Cuca após o jogo e até falei com ele para, se quiser, me deixar fora do jogo desta semana (contra o Coritiba), para eu fazer um fortalecimento”. DIEGO TARDELLI, ATACANTE DO ATLÉTICO

jogador mais efetivo do ataque alvinegro, atrás apenas de Ronaldinho Gaúcho. Até agora, o atacante fez 12 gols e deu seis assistências nas 34 partidas em que atuou na temporada. Já o camisa 10 balançou as redes 13 vezes e deu outros 13 passes para gols em 31 jogos no ano. Apesar do pedido de folga, Tardelli deve ir para o jogo, se depender do preparador físico Carlinhos Neves. “Ele acha melhor não me deixar de fora, porque o ritmo chega com os jogos. Vamos ver o que o Cuca vai pensar”, concluiu o atacante. Por outro lado, o volante Leandro Donizete e o centroavante Alecsandro entraram em fase final de recuperação e podem reforçar o time. METRO BH

Seleção tem novo teste hoje

Nadal vence o Aberto dos EUA

3

PORTUGAL

Local. Gillette Stadium, em Boston (EUA), às 22h.

Depois de golear a Austrália por 6 a 0, o Brasil continua hoje sua preparação para a Copa de 2014. Nos Estados Unidos, os comandados de Luiz Felipe Scolari terão pela frente a Seleção portuguesa. Se os lusitanos não poderão contar com Cristiano Ronaldo, lesionado, o Brasil também sofre com os problemas físicos: Felipão já

Felipão garantiu ontem que Julio Cesar estará na Copa de 2014 | BRUNO SPADA/VIPCOMM

perdeu Hulk, Fred e Daniel Alves, e Oscar é dúvida. Ontem, Felipão rebateu as especulações e garantiu Júlio César no Mundial – o goleiro decidiu continuar no

Queens Park Rangers, da segunda divisão inglesa. Também ontem, a Zâmbia confirmou um amistoso contra o Brasil no dia 15 de outubro. METRO

Felipe Massa

Multado

O brasileiro foi flagrado domingo, na Itália, por dirigir acima do limite de velocidade com sua Ferrari de passeio. O piloto não deve seguir na escuderia. Publicações alemães dão como certo o retorno do finlandês Kimi Raikkonen à equipe.


|12|

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Primeiro turno. Cruzeiro tem terceiro melhor aproveitamento desde 2006 Os números do Cruzeiro no primeiro turno comprovam que a equipe comandada por Marcelo Oliveira é mesmo uma das melhores dos últimos anos no Campeonato Brasileiro. Com 40 pontos, 12 vitórias e 42 gols marcados, a Raposa encerrou a primeira metade da competição com o terceiro melhor aproveitamento da Série A desde 2006, quando a disputa por pontos corridos passou a contar com 20 times. Mas, apesar do título simbólico, a ordem na Toca é conter a empolgação. Isso porque os donos das duas melhores performances do turno não ergueram o troféu ao fim da competição. Quem aparece no topo da lista é o Atlético, que no ano passado obteve 43 pontos nas primeiras 19 rodadas, mas ficou com o vice-campeonato, cinco pontos atrás do campeão Fluminense. Já o Grêmio somou 41 pontos no primeiro turno em 2008 e também ficou

Fala, Brasil!

JUNIOR BRASIL LEITOR.BH@METROJORNAL.COM.BR

VERGONHA!

Gol de Ricardo Goulart contra o Flamengo ampliou a folga da Raposa ao fim do primeiro turno | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

No rumo certo com a segunda colocação, a três pontos do São Paulo. “Estamos no rumo certo, mas temos que manter os pés no chão. Claro que a ansiedade é muito grande, mas ainda tem muita coisa para acontecer. É necessário continuar nessa pegada”, declarou o atacante Borges.

Preparação O Cruzeiro volta a campo na quarta-feira, contra o Goiás. A novidade do treino de ontem foi a volta do volante Henrique, poupado diante do Flamengo. Já o meia Júlio Baptista deve continuar fora do time, aprimorando a parte física. METRO BH

“O elenco é bom, mas tem uma combinação de coisas que faz fluir bem: estrutura do clube, bom ambiente e união” MARCELO OLIVEIRA, TÉCNICO DA RAPOSA

Série D

STJD pode anular partida marcada por polêmica O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Flávio Zveiter, disse que a partida do último sábado, entre Aparecidense-GO e Tupi-MG, que acabou empatada em 2 a 2, pode ser anulada. No jogo, o massagista do time goiano invadiu o campo e evitou o gol do adversário, tirando a bola de cima da linha. METRO

Olá, amigos! Infelizmente, em nosso país vivemos sob algumas leis como a famosa “Lei de Gérson”, aquela, de quem gosta de levar vantagem em tudo. Fica a expectativa de transformações positivas, mas quando manifestantes usando máscaras e escondendo o rosto cobram o fim do voto secreto por parte de nossos políticos, o cenário é desanimador. Outras situações são de causar indignação e vergonha. Uma delas foi no futebol, no jogo entre Tupi e Aparecidense, pela Série D do Campeonato Brasileiro. Quando o Tupi ia fazer o gol da classificação, um massagista, chamado de Esquerdinha, entrou em campo e por duas vezes impediu o gol. Uma vergonha! Revoltante! Quer algo pior? Nenhum dirigente ou membro do Aparecidense disse estar com vergonha e achar o fato um absurdo. Infelizmente, esse erro, por falha das regras, não deverá ser corrigido com a eliminação do Aparecidense da competição. Acredito que, no máximo, se a mão de Deus tocar a cabeças dos membros do STJD, outro jogo vai ser realizado, o que é um absurdo. Quanto ao Esquerdinha, daqui a pouco vai ter gente defendendo o larápio e dizendo que ele é vítima do sistema. Já pensou se a moda pega? No estádio, muitas pessoas tentaram acertar o massagista. Eu, que sou contra a violência em todos os sentidos, me sentiria aliviado se tivessem conseguido. É triste ver um trabalho sério por parte do Tupi jogado no lixo por um ato desonesto. Deixo a pergunta: por que a ética, cada vez mais, fica distante de nossas vidas? Quanto ao Cruzeiro, embalado pela torcida e mais uma vez com um futebol ofensivo, venceu o Flamengo. Erros de finalização e um Flamengo que teima em dar trabalho fizeram com que o placar fosse apertado. A vitória deve ser comemorada, e o time azul caminha forte para a conquista do Brasileiro. O Atlético mais uma vez decepcionou e ficou no empate com o Vitória. O time não tem jogado bem. Até Tardelli foi mal. Quando parece que o Atlético vai se encontrar, nada acontece. Os jogadores optaram pela lei do silêncio, outra bobagem. Falar só no bom momento é fácil. Contudo, se voltarem a jogar bola, tudo bem, pois jogam com os pés e não com a boca. Valeu amigos, boa semana! Junior Brasil é comentarista esportivo da rádio Itatiaia e da TV Band Minas, professor universitário, mestre em administração e cobriu a Copa do Mundo da África.

Técnico Novo

São Paulo demite Autuori e recorre a Muricy Ramalho Tricampeão brasileiro com o Tricolor entre 2006 e 2008, Muricy tem como missão tirar a equipe da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, no segundo turno da competição. O São Paulo ocupa o dramátIco 18º lugar com 18 pontos.Na quinta-feira, ele já comanda a equipe no duelo contra a Ponte Preta, no Morumbi, pela 20ª rodada. METRO

Série B. Coelho vence fora de casa e volta ao páreo

12

FIGUEIRENSE

AMÉRICA

As mudanças dentro e fora de campo parecem ter renovado o gás do América na Série B. No segundo jogo sob o comando do técnico Silas e sem o meia Rodriguinho, negociado na semana passada com o El Jaish (Qatar), o Coelho virou sobre o Figueirense

fora de casa ontem e chegou à segunda vitória seguida – no sábado, a equipe alviverde havia derrotado o Guaratinguetá em casa por 1 a 0. Em um jogo com muitas jogadas aéreas e pouca criatividade no meio, Maylson abriu o placar para o Figueira aos 18 minutos, de cabeça. Também pelo alto, Alessandro e Vitor Hugo garantiram a virada ainda no primeiro tempo. O resultado coloca o Coelho a apenas um ponto do G-4. METRO BH


CAPA PROMOCIONAL

BELO HORIZONTE - TERÇA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2013


20130910_br_metrobh  
Advertisement