Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica Belo Horizonte Gráfica e Editora.

“Lento”, da Cia. Nuua

O circo como você nunca viu

Festival revela as novidades do universo circense PÁG. 13

TALENTOS DO MORRO ARTISTAS DE VILAS E FAVELAS DA GRANDE BH SOLTAM A VOZ PÁG. 11

Aliados do Senhor, rap/gospel de Betim

BELO HORIZONTE Quinta-feira, 29 de agosto de 2013 Edição nº 472, ano 2 MÍN: 12°C MÁX: 26°C sunny

snow

rain

partly

cloudy

www.readmetro.com | leitor.bh@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobh sunny

sleet

thunder

part sunny/ showers

thunder showers

windy

Excesso de oferta derruba preço do aluguel em BH hazy

showers

Mais barato. Valor médio para locação na região Centro-Sul da capital caiu 7% em julho, em relação ao mês anterior. Tendência de queda, que era esperada só para 2015, já se mostra uma realidade. Única exceção é a Pampulha, onde aluguéis continuam subindo PÁG. 05

NOITE TRÁGICA

Atlético e Cruzeiro são eliminados da Copa do Brasil RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Rafael Marques marca o primeiro gol do Botafogo no empate em 2 a 2 com o Galo | WANDER FARIA/AGIF/FOLHAPRESS

PÁGS.15 E 16

Elias comemora gol que sacramentou a derrota da Raposa para o Flamengo por 1 a 0 | LUCIANO BELFORD/FUTURA PRESS

Justiça obriga Conselho Turismo de negócios Rafaela Silva é ouro a registrar estrangeiros não decola na capital no Mundial de Judô CRM-MG exigia aprovação de médicos no Revalida como contrapartida, mas recurso foi negado PÁG. 02

Belo Horizonte cai do 4º para o 6º lugar na preferência das empresas e deixa setor hoteleiro apreensivo PÁG. 03

Atleta se recupera de decepção olímpica e fatura primeiro ouro feminino do Brasil na história da competição PÁG. 14

Conquista é histórica para o judô brasileiro | BRUNA PRADO/METRO RIO


1 FOCO

|02|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Sem volta

Mineiro é condenado a prisão perpétua O mineiro José Carlos Oliveira Coutinho escapou da condenação de pena de morte, pelo assassinato de três pessoas no estado de Nebraska, nos Estados Unidos. Apesar disso, o mestre de obras de 38 anos, de Ipaba, no Vale do Aço, foi condenado à prisão perpétua pelo crime. Além do condenado, outros dois operários foram acusados de participar do crime, mas por falta de provas e colaboração com a Justiça, um teve redução de pena e o outro foi extraditado para o Brasil. METRO Chacina de Unaí

Acusado delata esquema de suborno No segundo dia de julgamento dos réus da Chacina de Unaí, Hugo Pimenta fez um acordo com o MP. Ele relatou a tentativa de suborno feita aos pistoleiros por um dos fazendeiros acusados de ser um dos mandantes do crime. METRO BH

Justiça manda CRM registrar estrangeiros Mais Médicos. Justiça Federal nega pedido, e Conselho fica obrigado a emitir documento A tentativa do Conselho Regional de Medicina de Minas Gerais de conseguir na Justiça a desobrigação para a emissão do registro provisório dos médicos intercambistas do Programa Mais Médicos foi frustrada ontem pela Justiça Federal, que negou o pedido. “Nós tínhamos solicitado que esses indivíduos fossem impedidos de exercer a medicina, salvo se fizessem a prova original do Revalida. Esse pedido foi indeferido, mas não há nessa determinação nada que obrigue o Conselho a registrar esses médicos”, interpreta o presidente do CRM, João Batista Gomes, que afirma ainda que a medida provisória (621, de 09/06/2013) que sus-

“O médico aceita vir porque onde ele estava era muito pior do que aqui. Já o brasileiro tem outra expectativa.” JOÃO BATISTA GOMES , PRESIDENTE CRM

Assembleia

Ivair Nogueira (PMDB) é o novo 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Ele foi eleito e imediatamente empossado para o cargo, vago desde a morte do deputado José Henrique (PMDB), em razão de um câncer, no último dia 20.

Dólar - 0,84% (R$ 2,34) Bovespa - 0,45% (49.866 pts) Euro - 2,44% (R$ 3,13) Selic (9%)

Salário mínimo (R$ 678)

tenta o Programa, fere a Lei que institui o revalida. “Nossa intenção era impedir os médicos de solicitar o registro sem cumprir o Revalida, já que tudo foi feito em cima de uma medida provisória, que não é coisa de regime democrático”, conclui. Ao avaliar o pedido do Conselho mineiro, o juiz titular da 5º Vara Federal, João Batista Ribeiro, assina-

lou que acatar a demanda do CRM deixaria “ao desamparo cidadãos das camadas mais pobres da nossa sociedade”. Outra decisão No início da noite, o ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou pedido liminar feito pelo deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) para suspender o

Programa Mais Médicos. Desde segunda-feira, 16 médicos do Programa estão na capital fazendo o curso de preparação do MEC. No dia 16 de setembro eles se apresentam aos municípios escolhidos. Até dezembro, uma leva de 400 médicos cubanos devem chegar a Minas. Leia mais na pág. 04. METRO BH

Últimos réus do caso Eliza são condenados

Sucessão

Cotações

Médicos estrangeiros estão fazendo treinamento em Belo Horizonte | FERNANDA CARVALHO/O TEMPO/FUTURAPRESS

Manifestantes ocupam Secretaria O prédio da Secretaria Municipal de Políticas Sociais da capital foi ocupado ontem por manifestantes. Eles cobram o passe livre no transporte público para os estudantes. | UARLEN VALERIO/O TEMPO/FOLHAPRESS

FALE COM A REDAÇÃO leitor.bh@metrojornal.com.br /- COMERCIAL: /-

O jornal Metro circula em  países e tem alcance diário superior a  milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de  mil exemplares diários.

Os dois últimos réus do caso Eliza Samudio foram considerados culpados pelo júri popular e condenados no fim da noite de ontem pela Justiça mineira. Elenilson Vitor da Silva, caseiro do sítio do goleiro Bruno em Esmeraldas, foi sentenciado a três anos em regime aberto por sequestro e cárcere privado de Bruninho, filho de Eliza com o jogador. Já Wemerson Marques de Souza, o Coxinha, motorista de Bruno, foi condenado a dois anos e seis meses de prisão em regime aberto, pelos mesmos crimes. METRO BH

Elenílson se mostrava confiante durante o julgamento | CRISTIANE MATTOS/FUTURAPRESS

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: .). Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB .). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor-Executivo: Luiz Fernando Rocha. Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor Geral: José Saad Duailibi. Diretor de Jornalismo: Júlio Prado.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, , São Bento, CEP: -, Belo Horizonte, MG. Tel.: /-. O jornal Metro é impresso na Belo Horizonte Gráfica e Editora. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. . exemplares


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

Turismo de negócios tem queda na capital Em baixa. Belo Horizonte vê recuo das viagens e é ultrapassada na preferência dos organizadores de eventos empresariais Carro-chefe histórico da propaganda hoteleira de Belo Horizonte, o turismo de negócios sofreu um baque. Mesmo com o esforço das autoridades para emplacar a cidade como um polo das convenções, uma pesquisa do Ministério do Turismo revela que a capital não só continua a milhas de distância de São Paulo e Rio como ainda caiu na preferência dos organizadores de eventos. O estudo divulgado ontem mostrou que a capital mineira foi ultrapassada por Porto Alegre e Brasília no número de viagens motivadas por negócios, eventos e convenções. A fatia de BH do turismo desse tipo feito no Brasil foi de 3,5%, mesmo percentual de Campinas. Os números são relativos a 2012, quando 31 mil pessoas foram entrevistadas. A participação de BH no turismo de negócios, que já foi de quase 5%, deixa o setor hoteleiro assustado. “Tínhamos 12 mil leitos, passamos para 16 mil e podemos chegar a 24 mil. É um número muito grande. Mas não temos espaços para grandes feiras, grandes congressos. Precisamos com urgência

“Estamos com os espaços saturados. Me preocupo com o pós-Copa. Vai haver uma redução drástica de tarifas.”

TURISMO EM ALERTA OUTROS MOTIVOS

46,8

do centro de convenções da Cristiano Machado e da expansão do Expominas”, diz Paulo César Pedrosa, presidente do Sindhorb (Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de BH). Na avaliação do secretário nacional de Políticas de Turismo, Vinicius Lummertz, Belo Horizonte deve se esforçar mais para atrair eventos. “É evidente que existem momentos, como o momento em que o crescimento ainda não maturou. A área de eventos é de médio e longo prazo. É um processo que leva tempo”, diz. A cidade brasileira que mais recebe viagens de negócios é São Paulo (48%), seguida de Rio (23%), Curitiba (4,4%) e Porto Alegre (4,1%). THIAGO RICCI COM KARINA ALVES METRO BELO HORIZONTE

ABR

VISITAR AMIGOS E PARENTES

24,4 MOTIVO DA VIAGEM

PAULO CÉSAR PEDROSA, SINDHORB

13,2 10,0 10,3

MAR

25,3

LAZER

JAN FEV

NEGÓCIOS, EVENTOS E CONVENÇÕES

27,9

MESES MAIS VISADOS (EM %)

ESTUDO

(EM %)

1,8

7,4

MAI

6,1

JUN

6,0

JUL

7,2

AGO

7,0

SET

6,7

OUT

7,5

NOV

8,2

DEZ

10,3

VIAGENS A NEGÓCIOS, EVENTOS E CONVENÇÕES EM BELO HORIZONTE (EM %)

4,7

4,6

4,5

4,1 3,8

3,7

2006

2007

“O Brasil é ainda um país em crescimento. As pessoas gostam dos nossos atrativos, mas a nossa infraestrutura ainda é deficiente.” VINICIUS LUMMERTZ, SECRETÁRIO

2008

2009

2010

2011

3,5 2012

Satisfação

Do total, 95% pretendem voltar ao país A pesquisa do Ministério Público revelou também que 95% dos estran-

geiros pretendem voltar ao Brasil. Entre os principais pontos com avaliação positiva estão hospitalidade, gastronomia e alojamento. Preços, telefonia e internet, rodovias e aeroportos, por outro lado, desagradaram os turistas. METRO BH

{FOCO}

|03|◊◊

Grande BH. Obra deixa 2 milhões sem água Se você ficará em Belo Horizonte ou na região metropolitana neste fim de semana, é melhor se planejar. Uma manutenção no maior complexo produtor de água da Copasa vai interromper o abastecimento de 2,2 milhões de pessoas. A previsão é que o serviço seja normalizado completamente apenas no dia seguinte, na madrugada de segunda-feira. Além de 60% da capital, os municípios de Nova Lima, Raposos, Sabará e Santa Luzia serão afetados. Segundo a empresa, a paralisação do Sistema Rio das Velhas, localizado em Nova Lima, faz parte de obras de ampliação da unidade. A Copasa informou que está investindo R$ 72 milhões para garantir a segurança operacional do sistema, que hoje alcança em média 520 milhões de litros de água tratada por dia. Entre as mudanças estão ainda a automação do sistema e o aumento da eficiência. A lista completa dos bairros que terão o abastecimento de água comprometido está disponível no site da empresa (www.copasa. com.br). METRO BH

60%

dos domicílios de Belo Horizonte serão afetados pela manutenção da Copasa no domingo. Na região metropolitana, o índice de comprometidos será de 40%.


|04|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Apagão deixa região Nordeste no escuro No escuro. Corte de energia começou às 15h e durou duas horas e meia. Governo nega vulnerabilidade no sistema e diz que queimada próxima à linha de transmissão em cidade do Piauí foi a causa do blecaute Por pelo menos 144 minutos, cidades dos nove Estados do Nordeste ficaram parcial ou completamente no escuro. Um incêndio próximo à duas linhas de transmissão em uma fazenda no Piauí provocou um apagão. O primeiro corte de energia foi registrado às 14h58, mas o sistema foi religado. O blecaute começou às 15h06 e a energia só começou a voltar às 17h30, segundo o ONS (Operador Nacional do Sistema). O calor na linha de transmissão reduziu a carga de energia de 10 mil para 1 mil megawatts. O governo nega que o problema tenha sido cau-

sado pela vulnerabilidade do sistema elétrico. “O sistema é bom, é forte. Queimada provoca esse tipo de desligamento, acontece”, disse o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, que convocou para hoje uma reunião de emergência do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico para avaliar as causas do apagão e se o incêndio foi acidental ou criminoso. Durante o apagão, a polícia de Salvador registrou pelo menos dois arrastões na rodoviária e no centro da cidade. MARCELO FREITAS

BLECAUTE

NO NORDESTE MA CE PI

RN PB PE AL

BA SE

Apagão das

15h às 17h30

16 milhões

de pessoas prejudicadas

Salvador ficou às escuras

FOTO: FERNANDO AMORIM | FOLHAPRESS

METRO BRASÍLIA

Mensalão. STF reduz multa, mas mantém pena de Valério

MPT abre inquérito contra Mais Médicos

O STF (Supremo Tribunal Federal) admitiu um erro no cálculo da multa aplicada contra Marcos Valério, apontado como operador do esquema conhecido como mensalão. O empresário terá que pagar R$ 3,06 milhões, e não mais R$ 3,29 milhões, como foi publicado na sentença. Na retomada do julgamento dos recursos, os ministros do Supremo, porém, mantiveram a pena pelos crimes de formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, corrupção ativa, peculato e evasão de divisas. Revisor da ação penal, o ministro Ricardo Lewandowski afirmou que a pena pelo crime de formação de quadrilha foi exagerada para impedir a prescrição. O presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, relator do processo, afirmou que a fase de recursos não pode reformar a decisão. O STF também negou recursos dos deputados José Genoino (PT-SP) e Pedro Henry (PP-MT). METRO BRASÍLIA

A contratação de 4 mil cubanos para o programa Mais Médicos será investigada em um inquérito civil aberto ontem pelo MPT (Ministério Público do Trabalho) do Distrito Federal. A preocupação é com o eventual desrespeito à legislação trabalhista. Ao contrário dos outros profissionais que terão bolsas de formação em atendimento básico de saúde no valor de R$ 10 mil, os médicos de Cuba terão contrato, mas só deverão ficar com 30% a 40% do salário, com o restante sendo enviado para o governo de Havana. O Ministério da Saúde liberou R$ 510,9 milhões para as contratações - R$ 24,3 milhões irão para Opas (Organização Pan-Americana da Saúde) por mediar o convênio. “É preciso esclarecer essas dúvidas quanto à forma de arregimentação de mão de obra para a saúde e o vínculo desses profissionais com o SUS”, afirmou o procurador do Trabalho Sebastião Caixeta, que convo-

Médicos cubanos desembarcaram no Brasil na semana passada | ALAN MARQUES/FOLHAPRESS

cou representantes dos ministérios da Saúde, Educação e AGU (Advocacia-Geral da União) para apresentar justificativas em audiência marcada para sexta-feira. “É justo que o povo cubano, que se sacrificou

pela formação desses médicos, possam aferir dos rendimentos que esses médicos vão ter no país”, defendeu o ministro da Secretaria Geral da presidência, Gilberto Carvalho. As vaias de brasileiros aos

médicos cubanos foram condenadas ontem pela presidente Dilma Rousseff. “Não é correto supor que, em algum país do mundo, haja um bloqueio contra a vinda de médicos especializados para ajudar”. METRO BRASÍLIA

Em 2012, foram dois blecautes Num intervalo de 35 dias, várias cidades da região Nordeste ficaram às escuras no ano passado. Em 24 de setembro, um incêndio no transformador de uma subestação instalada em Imperatriz (MA) provocou apagão na Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Alagoas, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, além do Pará e em Tocantins. O corte de fornecimento, porém, durou 20 minutos e não provocou grandes transtornos. Em 26 de outubro, a situação foi mais grave. Várias cidades passaram a madrugada às escuras. Os nove Estados do Nordeste, Pará, Tocantins e Distrito Federal foram atingidos. O ONS (Operador Nacional do Sistema) concluiu que houve falha humana. Um técnico teria errado a programação da distribuição de energia. Em 15 de dezembro do ano passado, houve um novo apagão no país, que atingiu 12 Estados do Sudeste, Sul, Norte e Centro-Oeste. METRO BRASÍLIA

Rio. Com multa, sujeira nas ruas cai 34% no centro Com uma semana de funcionamento em 75 ruas do Centro do Rio de Janeiro, o programa Lixo Zero já produziu efeitos consistentes na limpeza das vias. Segundo balanço divulgado ontem pela Comlurb, com fiscalização e multas para quem joga lixo no chão, a ação reduziu em 34% a quantidade de sujeira recolhida pelos agentes. Ao todo, foram aplicadas 467 multas – sendo a maioria no valor de R$ 157, para pequena quantidade. Apenas duas foram pagas e houve três pedidos de recursos. Os locais onde os trios de fiscais (formados por agentes da Comlurb, da Guarda Municipal e da PM) registraram mais flagrantes foram na av. Rio Branco, com 90 atuações. A fiscalização no centro conta com 192 profissionais, divididos em 58 grupos. A partir de terça-feira o programa chega à zona sul do Rio. Antes de começar a multar, o Lixo Zero abordou mais de 16 mil pessoas que jogaram lixo no chão. METRO RIO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

|05|◊◊

{ECONOMIA}

Boom de oferta esfria aluguel na Centro-Sul Imóveis. Opções aumentam, e preço tem baixa em Belo Horizonte Após uma escalada que já durava quase dez anos, o preço médio do aluguel na região mais nobre da capital, enfim, esfriou. A tendência de queda, prevista anteriormente para ocorrer só daqui a dois anos, já começa a dar mostras que pode ser antecipada. O último levantamento revela recuo na média da região Centro-Sul da capital. O estudo feito mensalmente pelo Ipead (Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais), divulgado ontem, apontou que a média do aluguel na região teve queda de 7% em julho, recuando para R$ 2,5 mil. “Houve uma produção imobiliária muito grande nos últimos seis anos. Como a produção tem um ciclo

“Temos uma situação muito mais confortável para quem procura imóvel: o preço não está subindo e há mais opções do que há um ano.” ARIANO CAVALCANTI, CONSELHEIRO DA CMI/SECOVI E PRESIDENTE DA NETIMÓVEIS

grande, de 18 a 24 meses de demora, os imóveis foram entregues entre o ano passado e este ano”, explica o presidente da Netimóveis Brasil, Ariano Cavalcanti. Atualmente, a região Centro-Sul tem 892 apartamentos residenciais ofertados para alugar. Há dois anos, o número era de 606. Segundo a análise de especialistas, o impacto está sendo maior para os imóveis de alta ren-

ALUGUEL EM BH 2.383

606 92

2.451

632 96

1.338 2.502

junho/2013

1.301 2.690

julho/2013

THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

Número de imóveis ofertados

1.352

julho/2012

Pampulha Das nove regiões, só três apresentaram aumento no preço do aluguel. Uma delas é a Pampulha, onde mais que dobrou o número de ofertas – de 151 para 304. “A região está em evidência. O Vetor Norte recebeu muito investimento”, diz o presidente da CMI/Secovi, Evandro Negrão.

CENTRO-SUL PAMPULHA

Média do preço dos aluguéis (em R$) julho/2011

da, justamente o perfil da região mais nobre da capital. “O aluguel de baixa e média renda vai muito bem, obrigado. Já o de alta renda está mais estabilizado e a tendência é que o aumento do preço seja menor que a inflação em breve”, diz Cavalcanti.

848 151 892 304

1.429

EVOLUÇÃO DA OFERTA DE IMÓVEIS RESIDENCIAIS

1.418

jul

1.598

ago

1.489

1.591

set out 2012

1.637

nov

1.453

dez

1.662

jan

1.513

1.507

1.537

fev

mar

abr 2013

1.937

1.951

2.045

mai

jun

jul

Desemprego cresce na Grande BH A taxa de desemprego cresceu quatro pontos percentuais, indo de 6,7% para 7,1% na região metropolitana de Belo Horizonte em julho. Apesar do aumento, a pesquisa mensal apon-

ta que a Grande BH teve a segunda menor taxa de desemprego entre as sete regiões metropolitanas analisadas, ficando atrás somente de Porto Alegre. A média nacional foi de qua-

se 11%. Se comparado com julho de 2012, o rendimento dos trabalhadores mineiros cresceu 12,13% e o tempo médio de procura por trabalho teve queda de duas semanas. METRO BH


|06|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

Selic sobe para 9% ao ano

Dólar. Brasil tem ‘bala na agulha’ para enfrentar Aperto monetário. Poupança ainda ganha da maioria dos fundos de renda fixa. Empréstimo fica mais caro alta, diz Dilma A presidente Dilma Rousseff disse ontem que o Brasil tem “bala na agulha” para enfrentar o processo de desvalorização cambial. Segundo ela, a alta do dólar independe da política monetária do país e é fruto da “globalização financeira”. “Estamos dentro dos seis países com maior volume de reservas do mundo. É como se tivéssemos um colchão. Temos US$ 372 bilhões de reserva”, disse Dilma.

JUROS EM ALTA EVOLUÇÃO DA SELIC, ao ano em % 9.4

INVESTIMENTOS

9 8,5

8.2

7,5

7,25

7.0

5.8

Dólar abaixo de R$ 2,35 O dólar fechou ontem em queda pelo segundo dia consecutivo, ficando abaixo de R$ 2,35 na venda pela primeira vez em duas semanas, em resposta à ação de investidores embolsando lucros e ao programa de intervenção do Banco Central. A moeda caiu 0,86%, a R$ 2,348 na venda. O movimento foi descolado do exterior, onde a divisa americana ganhou força diante dos temores de ação militar dos Estados Unidos na Síria. METRO

Cartel. Cade condena quatro empresas aéreas O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) condenou as empresas American Airlines, ABSA Aerolíneas Brasileiras, Varig Log e Alitalia por formação de cartel no segmento de transporte aéreo de cargas. Funcionários das empresas também foram penalizados pela prática. As multas somam quase R$ 289 milhões. A investigação da conduta anticompetitiva começou em dezembro de 2006, após acordo de leniência entre o Cade e as empresas Lufthansa e Swiss. As duas companhias aéreas faziam parte do cartel, mas como o denunciaram ao conselho e colaboraram com a apuração, ganharam o direito à imunidade no processo.

29 10 28 16

6

17 29 10

28

ATÉ 6 MESES                   ENTRE 6 MESES E 1 ANO      ENTRE 1 ANO E 2 ANOS         ACIMA DE 2 ANOS               

AGO OUT NOV JAN MAR ABR MAI JUL AGO

2012

  2,5%

3%

0,55% 0,52%     0,49%   0,46%      0,43%   0,40% 0,56% 0,53% 0,50%   0,47%      0,44%   0,41% 0,58%    0,55%       0,52%    0,49%      0,46%    0,43% Poupança é o melhor investimento

EMPRÉSTIMOS, taxas mensais SELIC EM 8,5% AO ANO

4,10%

9,37%

7,77%

1,58%

3,08%

6,99%

5,48%

JUROS DO COMÉRCIO

CARTÃO DE CRÉDITO

CHEQUE ESPECIAL

FINANCIAMENTO VEÍCULOS (CDC)

EMPRÉSTIMO EM BANCOS

EMPRÉSTIMO EM FINANCEIRA

TAXA MÉDIA

4,14%

9,41%

7,81%

1,62%

3,12%

7,03%

5,52%

SELIC EM 9% AO ANO

FONTE: BANCO CENTRAL E ANEFAC

O Copom (Comitê de Política Monetária) do BC (Banco Central) elevou ontem a taxa básica de juros pela quarta vez consecutiva para combater pressões inflacionárias, agravadas pela recente alta do dólar. Como já era esperado pelo mercado, a Selic passou de 8,5% para 9% ao ano. Com a Selic nesse patamar, a poupança nova volta à antiga rentabilidade, de 0,5% mês mais TR (Taxa Referencial), e continua mais atraente que a maioria dos fundos de renda fixa. Segundo a Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade), a caderneta, com ganho de 0,54% ao mês, ganha de todos os fundos com taxa de administração a partir de 1,5% ao ano, independentemente do prazo para resgate. Já os fundos que cobram 1% ao ano de taxa só pagam mais se o saque for feito após dois anos. E produtos que cobram 0,5% ao ano -- cobradas, em geral, em aplicações acima de R$ 50 mil – vencem da

poupança para saques a partir de seis meses. No caso do CDB, o investidor teria que obter taxa de juros de cerca de 85% do CDI para atingir o mesmo ganho da poupança. As operações de crédito também devem ficar um pouco mais caras com a alta da Selic. Segundo a Anefac, taxa média passa de 5,48% para 5,52% ao mês. Para conter a inflação A decisão do Copom foi unânime. Em nota, o Comitê disse que a alta “contribuirá para colocar a inflação em declínio e assegurar que essa tendência persista no próximo ano”. Em abril, o Copom iniciou um ciclo de alta nos juros, após quase dois anos sem aumento. Em março, a inflação em 12 meses chegou a 6,59% e ficou acima do teto da meta do governo, de 6,5%. O mercado espera que a inflação encerre o ano em 5,80%. Para os analistas, a Selic deve chegar a 9,50% em dezembro e permanecer nesse patamar em 2014. METRO

Justiça nega recurso da ANS sobre suspensão de planos O desembargador federal Aluisio Mendes, da 5ª Turma Especializada do Tribunal Regional Federal da 2ª Região negou o pedido da ANS (Agência Nacional de Saúde) para que fosse mantida a suspensão da venda de 212 planos de saúde de 21 operadoras. O recurso foi protocolado na última sexta-feira depois que a Justiça concedeu liminar, em 20 de agosto, à Fenasaúde. A liminar cance-

lou o efeito suspensivo da venda de empresas filiadas à entidade. Segundo a decisão anunciada ontem, ao avaliar os planos de saúde, a ANS não poderá contabilizar como pontos negativos as reclamações de consumidores que ainda estejam sendo analisadas. A regra, no entanto, vale apenas para as operadoras que tenham encaminhado à ANS defesa administrativa.

METRO

R$ 289 mi é a soma das multas aplicadas pelo Cade às companhias aéreas no segmento de transporte de cargas por formação de cartel.

ao mês

0,47%   0,44%      0,41%    0,38% 0,53% 0,50%      

Fundo é melhor o investimento

2013

0,54%

Rendimento da poupança nova

Rendimento mensal dos fundos de renda fixa

TAXA DE ADMINISTRAÇÃO AO ANO PRAZO DE RESGATE            0,5%   1%    1,5% 2%

8 7,5

Impactos no seu bolso

Comercialização de planos de saúde continua liberada | ELZA FIÚZA/ABR

Na decisão anterior, Aluisio Mendes determinava que a ANS também não poderia incluir na pontuação dos planos as queixas não analisadas e as que tenham sido indeferidas, pela não obrigatoriedade de cobertura. Uma nota técnica apresentada pela agência, porém, esclareceu que essas duas hipóteses já são excluídas do cálculo de pontos negativos. METRO

Medida vale a partir de 10 de outubro | MARCELLO CASAL JR/ABR

Desoneração. Smartphone deve ter 5 apps nacionais Para que sejam beneficiados com a desoneração de impostos, a partir de 10 de outubro os smartphones produzidos localmente devem vir de fábrica com um mínimo de cinco aplicativos desenvolvidos no país. A determinação consta na portaria publicada ontem no “Diário Oficial.” Esses aparelhos terão reduzidas a zero as alíquotas dos impostos PIS/Pasep e Cofins sobre a receita bruta da venda no varejo. O valor de venda do smart-

phone não pode superar R$ 1,5 mil. Em abril deste ano, ficou definido que as empresas interessadas na isenção teriam seis meses para cumprir o critério de aplicativos nacionais mínimos. Os aparelhos também devem ser produzidos com um sistema operacional que possibilite o desenvolvimento de aplicativos por terceiros, além de aplicativos de navegação e correio eletrônico, tela sensível ao toque ou teclado físico no padrão Qwerty. METRO


|08|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{MUNDO}

Editorial

POSIÇÃO HUMILHANTE Quando as tropas de Evo Morales invadiram a área da Petrobras na Bolívia, no episódio da expropriação da refinaria, o nosso governo não só desculpou a ação do vizinho, como também quase pediu desculpas pelo incômodo. A subserviência de Brasília diante do governo Evo Morales nos reservaria outros episódios vergonhosos – como a negociação do preço do gás que atendia mais aos interesses bolivianos do que aos brasileiros e o desrespeito, que nos obrigaram a engolir, de agentes de La Paz vasculhando o avião de autoridades brasileiras. Mas nessa já longa história de rendição aos desejos do presidente Morales, nada foi tão covarde como aceitar medrosamente que um salvo-conduto não fosse concedido ao ex-senador da oposição boliviana – finalmente resgatado graças a algumas ações individuais. E só falta agora extraditá-lo para completar o descalabro. Além da humilhante posição brasileira em si, nosso país se constrangeu também pela traição de uma história ética e humanitária que sempre marcou o Itamaraty. Era um orgulho para os brasileiros. Agora, é uma vergonha. Grupo Bandeirantes de Comunicação

Despedida. Patriota condena diplomata que atuou na fuga de senador

Potências adotam cautela com a Síria Intervenção. Após pressão internacional, EUA e Reino Unido adiam decisão sobre eventual ofensiva Em um dia que começou com a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) se pronunciando favorável a uma resposta ao ataque químico na Síria, prevaleceram os apelos e a pressão por uma solução diplomática para a crise -- ao menos temporariamente. O Reino Unido, que chegou a considerar uma ação militar mesmo sem o aval do Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas), voltou atrás e anunciou que vai aguardar o resultado de duas votações sobre o tema no parlamento britânico. Os deputados se reúnem pela primeira vez hoje. Mesmo o governo americano, que anunciou estar “pronto” para uma intervenção, ponderou que não agirá unilateralmente na Síria. “Estamos falando com muitos aliados sobre a participação”, disse uma fonte militar. No início da noite, o presi-

Inspetores da ONU voltaram ao local do ataque químico | STRINGER/REUTERS

dente Barack Obama afirmou que não havia tomado uma decisão sobre a ofensiva. De acordo com um congressista, haverá uma reunião sobre o tema ainda hoje. Apelo Embora defendam uma resposta ao regime de Bashar Al Assad, as potências parecem ter ouvido o pedi-

do do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon. “Deem uma chance à paz. Deem uma chance à diplomacia. É essencial apurar os fatos”, conclamou. Os inspetores da ONU ficam no país árabe até domingo. Para a Rússia, aliada de Assad, o Conselho de Segurança da ONU deve aguardar o resultado da investigação.

Em uma carta enviada ao secretário-geral da ONU, o governo de Assad pediu às Nações Unidas que mantenham sua equipe de inspetores em Damasco para além do prazo de domingo. O regime acusa “terroristas” pelo ataque químico da semana passada. Mais de mil pessoas morreram, segundo a oposição. METRO

Episódio levou Dilma a substituir o ex-ministro | PEDRO LADEIRA/FOLHAPRESS

O ex-ministro das Relações Exteriores Antonio Patriota criticou diretamente o encarregado de negócios em La Paz, Eduardo Saboia, por sua atuação na fuga do senador boliviano Roger Pinto Molina para o Brasil. “A ação independente em assunto de grande sensibilidade representa conduta que não pode voltar a ocorrer”, disse Patriota, em seu discurso de despedida. O episódio levou à sua demissão do ministério, na segunda-feira. Patriota foi substituído por Luiz Alberto Figueiredo

Machado, que tomou posse ontem. O novo chanceler disse que terá uma missão “desafiadora”. “Trata-se de suceder um dos maiores talentos da diplomacia brasileira”, afirmou, em referência a Patriota. Ontem, a Bolívia voltou a cobrar explicações sobre a viagem de Pinto Molina. “É importante devolver Roger Pinto à Bolívia e que ele seja julgado como qualquer autoridade envolvida em casos de corrupção”, declarou o presidente Evo Morales. METRO

Obama homenageia Luther King Milhares de americanos se reuniram nas proximidades do Memorial Lincoln, em Washington, para lembrar os 50 anos do discurso “Eu tenho um sonho”, do reverendo Martin Luther King, um marco da luta pelos direitos civis nos EUA. Barack Obama, o primeiro presidente negro do país, compareceu à cerimônia e lembrou o legado de Luther King. “Pessoas foram para a

cadeia por protestar contra leis injustas. E suas celas se encheram com os cantos de liberdade. Porque eles marcharam, os EUA mudaram”, disse o mandatário. Obama ressaltou que muitos ideais do reverendo ainda precisam ser perseguidos. “Para assegurar os ganhos que esse país tem conseguido, é necessário vigilância constante, não complacência”, defendeu. METRO

Local foi o mesmo utilizado pelo reverendo, há 50 anos

JASON REED/REUTERS

Fort Hood. Atirador receberá injeção letal O ex-psiquiatra do Exército americano Nidal Hassan, condenado pelo massacre de 13 pessoas em Fort Hood, em 2009, foi sentenciado à pena de morte, por uma corte marcial do Texas. Hassan, 42 anos, deve ser executado por injeção letal. Doze dos 13 mortos eram militares. METRO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{EDUCAÇÃO}

|09|◊◊

Caminhos da inclusão Debate. Decisão de limitar o ensino para autistas a escolas regulares gera polêmica entre familiares e educadores A determinação prevista pelo Plano Nacional de Educação para que as escolas regulares recebam todos os alunos autistas até 2016 se tornou o mote para o próximo ato de manifestação de pais e educadores, previsto para o dia 1º. Para pais e educadores, o direito de escolher onde educar as crianças deve ser garantido, apesar da Lei nº 12.764, sancionada no fim do ano passado. O principal debate fica em torno da adaptação das crianças. “A realidade que devemos buscar hoje é que os pais tenham o direito de escolher entre as duas escolas, as formais ou especiais”, afirma Cláudia Siqueira, educadora e diretora do Instituto Sidarta. Além dos conflitos pessoais dos pais, os educadores afirmam que a preparação de quem vai conviver com essas crianças também é essencial. “Ainda existe uma resistência da

‘Meus dois filhos autistas vão à escola regular’

Alunos da escola Nane frequentam as aulas com autistas e portadores de outros tipos de deficiência | ANDRÉ PORTO/METRO

sociedade, mas só vamos conseguir passar por cima do preconceito se quisermos superar as dificuldades”, diz Camila D’Amico, coordenadora pedagógica do Colégio Graphein, que

tem seis autistas. A Escola Novo Ângulo Novo Esquema, a Nane, em SP, já foi desenvolvida para trabalhar com ensino regular inclusivo e atualmente tem sete alunos autistas.

“Quando a criança chega, ela passa por um período de adaptação, mas cada uma responde de um jeito”, conta Suely Palmieri Robusti, psicóloga e diretora pedagógica da escola. METRO

Pedro tem 9 anos e Luís, 8. Ambos são autistas e estudam em escolas regulares. “O mais novo se adaptou bem, apesar das dificuldades no início, e têm se desenvolvido nesse colégio particular”, conta a mãe Marie Dorión, que vive com a família em Jundiaí, no interior de SP. “Mas o mais velho, Pedro, já foi expulso de duas escolas e demorou muito para conseguir ficar nessa que ele está hoje, que é pública”. Autora do blog “Uma Voz para o Autismo”, Marie acredita que é importante o convívio na escola comum, mas diz que ainda falta preparo por parte dos profissionais. “Nossos filhos precisam de escolas boas, não importa o tipo, desde que socializem”, relata Marie. METRO

+ EDUCAÇÃO

Síndrome

Messi

Aos 8 anos, o jogador de futebol do Barcelona foi diagnosticado com Síndrome de Asperger, um tipo de autismo leve, o que contribui para que ele tenha um chute preciso


2 CULTURA

|10|

{CULTURA}

Bastidores do humor

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

Literatura. Histórias por trás do canal ‘Não Faz Sentido!’ motivam vlogueiro Felipe Neto a escrever livro homônimo

Felipe Neto faz parte da nova safra de humor no país

O vlogueiro Felipe Neto lançou nessa semana o livro “Não Faz Sentido – Por Trás da Câmera”, que conta os bastidores do seu canal no YouTube, o “Não Faz Sentido!”. Criado em 2010, o canal aborda em vídeos temas da atualidade e o comportamento de pessoas públicas e anônimas, mas sempre com humor. “São histórias que as pessoas precisavam conhecer”, conta Felipe Neto, que rapidamente ganhou notoriedade, no ritmo da internet, com vídeos sobre ícones adolescentes que repercutiram e até revoltaram fãs. A ideia não era ser engraçado, mas sim expressar opinião. “O humor era um complemento, mas acabei criando carisma junto ao pú-

“Percebi que as pessoas necessitam de conteúdos novos. A forma de entretenimento está mudando claramente.” FELIPE NETO, VLOGUEIRO E EMPRESÁRIO

| DIVULGAÇÃO

“NÃO FAZ SENTIDO!” FELIPE NETO CASA DA PALAVRA, R$ 34,90

blico”, disse. Assim como os canais “maspoxavida”, de PC Siqueira, e o coletivo “Porta dos Fundos”, Neto faz parte de uma nova safra de humoristas. O prefácio do livro, escrito por Rafinha Bastos, diz que o vlogueiro está “profissionalizando esta bagunça maravilhosa que é a produção de conteúdo para a web”. Neto relembra no livro polêmicas desses três anos. “Quase perdi uma campanha publicitária por ter colocado uma falsa mensagem satânica num vídeo. Em outra situação, ao recusar o convite de uma TV, um executivo começou a socar a mesa”, conta. Neto também se dedica a outros projetos, como a Parafernalha (produtora de vídeos de humor para a internet) e a Paramaker (rede social para videomarkers), além da série “A Toca”, no Netflix. METRO

Rio. Bienal do Livro traz 29 autores estrangeiros Começa hoje a 16a edição da Bienal do Livro no Rio de Janeiro, que terá, além de áreas destinadas a crianças e adolescentes, o maior número de autores internacionais em seus 30 anos. Até o dia 8 de setembro serão 29 escritores estrangeiros, como o moçambicano Mia Couto, o americano Nicholas Sparks e o britânico Will Gompertz, ex-diretor da Tate Gallery e que recentemente lançou “Isso é Arte?” (Zahar). No clima de Copa do Mundo, a Bienal vai apresentar mesas e debates sobre futebol, além de lançamentos sobre o tema. Entre os cem encontros literários programados para acontecer no Riocentro, al-

Will Gompertz lança “Isso é Arte?” | DIVULGAÇÃO

guns serão destinados aos jovens, com o nome de #acampamentonabienal, e também para crianças, como o Planeta Ziraldo e os personagens Menino Maluquinho e Pererê. METRO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA} Com show

Músicas do Espinhaço lança disco ‘Janelas’

A dama do teatro mineiro, Wilma Henriques | GUTO MUNIZ/DIVULGAÇÃO

A dama em noite profana Declamação. Wilma Henriques faz leitura de poemas de grandes autores hoje no Memorial Wilma Henriques, a grande dama do teatro mineiro, em uma noite bem apimentada. A artista fará hoje uma declamação de poemas profanos e eróticos de autores nacionais e estrangeiros renomados como Adélia Prado, Carlos Drummond de

“Vou fazer a leitura de poemas de grandes escritores, como Adélia Prado, Carlos Drummond de Andrade e Chico Buarque de Holanda.” WILMA HENRIQUES

Andrade e Chico Buarque. De Bocage ao funk brasileiro, passando pelo que há de mais lascivo, nada escapará da artista. “Com certeza farei com muito amor e dedicação”, declara Wilma. A declamação integra a programação da semana no Memorial Minas Gerais Vale, que oferece ainda aos visitantes uma exposição de fotografias de Paulo Arumaa e os últimos dias da mostra da artista plástica Carolina Cordeiro. METRO BH No Memorial Minas Gerais Vale (Praça da Liberdade). Hoje, às 19h30. Gratuito.

Música boa e democrática Casa cheia para acompanhar os doze artistas selecionados pelo projeto Vozes do Morro em 2011/2012. Ontem à noite, eles mostraram sua voz e repertório no Teatro Alterosa. São músicos que trabalham com vários ritmos, vindos de vilas, favelas e aglomerados da Grande BH. | GIL LEONARDI/DIVULGAÇÃO

Pop, jazz e MPB se fundem no álbum “Janelas”, gravado pelo Músicas do Espinhaço por meio de financiamento coletivo. O lançamento é hoje, 21h, no Teatro Sesiminas. De R$ 10 a R$ 20. METRO BH

Para recordar

Independente

|11|◊◊

Novidade

Luiz Melodia canta hoje seus sucessos

Túlio Araújo e a força do pandeiro

Eminem lançará CD em novembro

O cantor Luiz Melodia relembra sucessos da carreira como “Pérola Negra”, “Magrelinha”, “Estácio, Eu e Você” e “Negro Gato” em show hoje, às 21h, no Sesc Palladium (av. Augusto de Lima, 420 – Centro). Entradas de R$ 10 a R$ 50.

O pandeirista Túlio Araújo se apresenta hoje ao lado do violeiro Wilson Dias. Os músicos cantam as regionalidades em show marcado para às 21h no Granfinos pelo projeto Música Independente. Ingressos à venda de R$ 10 a R$ 20. METRO BH

O rapper norte-americano Eminem anunciou o lançamento de seu novo disco para o dia 5 de novembro. Batizado de “MMLP2”, o disco é o sucessor de “Recovery” (2010), que rendeu ao músico o Grammy de Melhor Álbum da Rap. METRO

METRO BH


|12|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Na ponta do lápis

Leitor fala

Assassinato de bailarino Absurdo o juiz retirar as acusações dos crimes no julgamento do caso de Montes Claros. O fato do crime já estar prescrito se deve ao descaso com a vida, ficam adiando o julgamento e beneficiando criminosos. Fica a dúvida: o crime prescrever traz de volta a vida do bailarino? Total falta de vergonha.

MARCOS SILVESTRE MARCOS.SILVESTRE@METROJORNAL.COM.BR

COMPRANDO AUTOMÓVEL 0 KM: QUANTO CUSTA TIRÁ-LO DA LOJA?

Cruzadas

NÚBIA MAGDALA – BELO HORIZONTE/MG

Valorização do nosso patrimônio

A pé é lenha! Difícil negar que o automóvel particular seja um meio de locomoção mais confortável e conveniente que o transporte público de baixa qualidade que amargamos em quase todo o país. Difícil negar que carro zero é melhor que caro usado. Então, é isso aí: a maior parte de nós deseja ter seu próprio carro e, de preferência, ser seu primeiro dono. Se isto gera problemas para o meio ambiente, a questão aqui é outra: meu alerta de hoje é para que tal decisão não gere problemas para seu bolso.

Não só com Ouro Preto, mas em outras cidades históricas de Minas os turistas que vêm de fora (outros Estados e países) valorizam, admiram e respeitam o patrimônio. Mas infelizmente quem é daqui mesmo não dá esse valor todo. DANIEL HORACIO – BELO HORIZONTE/MG

Vaia aos médicos cubanos

Quanto vai nessa? Nem vou entrar no mérito da discussão do método de compra mais econômico: de um lado, poupar + aplicar + ganhar juros + pagar à vista com desconto + levar para casa quitado X de outro, financiar no valor cheio de tabela (sem desconto) + pagar juros + levar carnê de “mil folhas” para casa + eventualmente ter problemas para pagar (até mesmo perder o carro!). Isto definido, vamos à próxima pergunta: quanto a mais do valor do carro o comprador deverá ter para tirá-lo da loja?

Metro pergunta

Longa lista. Só de IPVA pode por 4% do valor de nota fiscal do carro. O valor da guia será calculado de forma proporcional aos meses que ainda faltam para terminar o ano a partir da data da compra. Assim, quem comprar seu carro zero em julho (mês 7), pagará 50% do IPVA de quem comprar em janeiro.

Centro de BH vira zona livre de comércio ilegal de Siga o Metro no Twitter: celulares. Você já teve @jornal_metrobh celular roubado? Imagina onde o aparelho foi parar?

Documento, cidadão! Para a documentação e o emplacamento (fora o IPVA) o valor pedido pelas concessionárias oscila entre R$ 500,00 e R$ 1 mil. Um despachante “comum” cobra uns R$ 300,00, mas daí você mesmo terá de ir ao Departamento de Trânsito emplacar: dá para pedir folga no serviço?

@afonseca45

Os mesmos médicos que estão fazendo manifestos contra os médicos cubanos, por que não o fizeram contra esse sistema de saúde vergonhoso? SÉRGIO BRASIL – BELO HORIZONTE/MG

Sim, já tive esta experiência. Foi dentro do ônibus indo para casa no ano passado.

Sudoku

“Supérfluos” de primeira necessidade. Há acessórios que bem poderiam vir instalados da fábrica, tão importantes que são para o motorista. Para a película protetora nos vidros, reserve de R$ 100,00 (comum) a R$ 700,00 (anti-vandalismo). O protetor de cárter custará de R$ 150,00 a R$ 450,00: você não o vê, mas é melhor colocá-lo para que uma pedra de maior porte não o deixe na beira da estrada. Se o seu carro tiver estepe externo, reserve entre R$ 70 e R$ 150 para uma boa corrente com cadeado.

Tive celular roubado no ônibus. Pegaram em minha bolsa. Nem imagino quem e como foi que conseguiram. @WelbertSabino3

Quando fui roubado o telefone era muito barato, mas foi feito o B.O. para a apreensão dos assaltantes. Não tive meu celular de volta. @notasdobruno

Não só vendem à vontade como ficam na porta das lojas de operadora de celular.

Apronte a grana. Talvez você queira empatar dinheiro em “amenidades” como rodas, som… Não vou nem por isso na conta, porque dá para deixar para depois. De qualquer forma, fora o IPVA (R$ 100,00 por mês para um carro de R$ 30 mil), reserve de R$ 1 mil a R$ 2 mil para tirar seu zerado da loja!

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bh@metrojornal.com.br

Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www.oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Horóscopo

@ArqRaquelC

Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Marte, regente de seu signo, ingressou em Leão trazendo motivações no trabalho e propensões a vivenciar contatos sociais diferentes.

O ingresso de Marte em seu signo despertará disposição para lidar com assuntos de sua rotina e para solucionar assuntos pendentes.

O contato com pessoas à distância tende a ser mais intenso. Temas culturais e viagens estão propensos a ocupar sua mente.

Decisões importantes tendem a ser vivenciadas em assuntos domésticos. Reparos na casa ou mudanças importantes tomarão empenho.

Reflita sobre alguns sacrifícios por outras pessoas. Ações solidárias são importantes, mas não deve se anular por elas.

A estratégia será importante no trabalho e alguns segredos ligados ao setor devem ser descobertos para ajudar em decisões futuras.

A sua comunicação, que é intensa, estará acentuada, especialmente no desejo de colocar em prática novas ideias ou esclarecer pendências.

Suas ações deverão ter mais destaque e reconhecimento em situações de grupo, tanto no trabalho como diante de amizades.

Procure tolerar mais as diferenças de opiniões em relacionamentos. Também é um bom momento para esclarecer assuntos especiais afetivamente.

Propensões para ações consumistas e novas prioridades materiais. Valerá o cuidado para não ter decisões precipitadas com seu dinheiro.

O trabalho traz tendências para situações de disputa e envolvimento com novos projetos. Cuide para não resolver tudo ao seu modo.

Ações prestativas surpreenderão positivamente, se estiver em paquera ou mesmo se for comprometido. Atente-se a cuidados com a saúde.


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

|13|◊◊

Picadeiro moderno Não faltarão acrobacias

Artistas da Nuua manipulam objetos e marionetes em meio a balões de gás hélio: novidade que cria belas imagens em cena para o público | MARIA SANDELL/DIVULGAÇÃO

Respeitável público! Festival traz experimentações brasileiras e estrangeiras criadas por artistas do circo contemporâneo Acrobacias, malabarismos e palhaçadas num picadeiro que pouco lembra o circo tradicional. Experimentações que vêm sendo realizadas por artistas de todo o mundo misturando os elementos circenses com as artes visuais serão apresentadas a partir de hoje no Festival Mundial de Circo. A abertura desta 13ª edição é com o palhaço espanhol

Leandre Ribera, especialista nas técnicas de improvisação e de mímica. “É um espetáculo que depende muito da resposta do público. A cada dia, poderá acontecer algo diferente”, avisa a organizadora do evento, Fernanda Vidigal. Já “Lento”, da Cia. Nuua (Finlândia/Brasil), chama a atenção por combinar a manipulação de objetos, mario-

netes e mágica por artistas em meio a balões de gás hélio coloridos. “Estamos trazendo o que o circo está apresentando de muito novo atualmente. Companhias e artistas que estão despontando no cenário mundial”, diz a coordenadora. O Festival oferece ainda a “Mostra Ibero-americana de Circo”, em que grupos da Espanha, Chile, Peru e Brasil

criaram cenas curtas em diálogo com outras linguagens. Profissionais brasileiros do circo também estão passando por uma residência artística com coreógrafos que terminará num show inédito. “O circo está se intensificando com a música, teatro, dança, artes plásticas e as novas tecnológicas. É uma fusão inevitável”, avalia Fernanda.

A programação segue até o dia 8 de setembro na Funarte (Floresta) e no Galpão Cine Horto. Há espetáculos gratuitos e outros com entradas a preços populares (de R$ 5 a R$ 10). Informações pelo festivalmundialdecirco.com.br. GUSTAVO CUNHA METRO BELO HORIZONTE

DIVULGAÇÃO


3 ESPORTE

|14|

Vôlei. Brasil arrasa os EUA na fase final do Grand Prix A Seleção feminina de vôlei começou a fase final do Grand Prix com um grande resultado. Numa reedição das últimas duas finais olímpicas, o Brasil venceu os EUA por 3 a 0 (25/19, 25/12 e 25/10), em apenas 51 minutos de jogo, em Sapporo, no Japão. Agora, o time verde e amarelo, que busca o nono título do torneio, enfrenta o Japão hoje às 7h10 (de Brasília). A ponteira Fernanda Garay e a central Thaisa, com 13 pontos, foram as maiores pontuadoras do jogo. A atacante Gabi, de 19 anos, também pontuou bem, com 11 acertos, e foi eleita a melhor jogadora do confronto. ‘Quatro decisões’ “Estudamos bastante os Estados Unidos. Isso foi decisivo. Tudo o que vimos nos vídeos aconteceu, e conseguimos colocá-las em dificuldades. Sabemos que essa foi apenas a primeira final. Ainda temos outras quatro decisões aqui em Sapporo”, disse Fernanda Garay. METRO RIO Tênis

‘Tomara que não seja tão feio’, diz Rogerinho Adversário do espanhol Rafael Nadal (número 2 do mundo), hoje, no Aberto dos EUA, o brasileiro Rogério Dutra Silva brincou sobre a possibilidade vencer: “A responsabilidade é toda dele. Vou respeitar e tentar fazer o melhor que puder. Tomara que não seja tão feio”, disse. “O negócio é desfrutar da experiência”, completou. METRO Fórmula 1

Chefe da Ferrari fala em manter Felipe Massa Mercado

Próximo

O Chelsea deve anunciar até a amanhã a contratação do atacante Eto’o (foto). O camaronês pertence ao Anzhi, da Rússia.

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

O chefe da Ferrari, Stefano Domenicali, afirmou ontem que pretende manter o brasileiro Felipe Massa no time em 2014. O piloto tem sido alvo de especulações quanto à permanência por causa do desempenho. “Minha escolha favorita seria, é claro, manter Felipe”, afirmou Domenicali. METRO

Ippo n his tóric o

Cenas

1

1 . BRUNA PRADO/METRO RIO 2 . MARCELO CORTES/FOTOARENA/FOLHAPRESS

2 Rafaela chora após a vitória sobre a americana Marti Molley no Macaranãzinho | BRUNA PRADO/METRO RIO

Judô. Rafaela Silva é a primeira mulher brasileira a conquistar a medalha de ouro em Mundiais. Atleta diz que deu ‘volta por cima’ “Quando eu perdi a Olimpíada, muita gente me criticou, disse que o judô não era o meu lugar. Estou dando a volta por cima.” Foi dessa forma que Rafaela Silva desabafou após fazer história, ontem, no Rio de Janeiro. Ela venceu a americana Marti Malloy na final da categoria leve (57kg), conquistou o primeiro ouro do Brasil no Campeonato Mundial de Judô e se tornou a primeira mulher do país a subir no ponto mais alto do pódio. Foi a terceira medalha

do Brasil no Mundial. Na segunda-feira, Sarah Menezes foi bronze nos ligeiros (48kg). Terça-feira, Érika Miranda conquistou a prata no meio-leve (52kg). Redenção A vitória de Rafaela representa um novo momento para a atleta de 21 anos. Carioca, criada na Cidade de Deus – uma das regiões mais perigosas do Rio –, Rafaela começou no esporte em um projeto social. Lá, se destacou e, após fi-

car com o segundo lugar no Mundial de Paris, em 2011, a judoca chegou aos Jogos Olímpicos de Londres como esperança de pódio. Na segunda luta, veio a eliminação por causa de um golpe proibido e brigou com torcedores nas redes sociais. Ontem, Rafaela deu a volta por cima e provou que o lugar dela é, mesmo, no judô. MATHEUS ADAMI

1

Só alegria.

O ouro de Rafaela veio após suspense. Com pouco mais de 1 minuto de combate, a carioca aplicou uma queda na rival, inicialmente pontuada como wazari. O golpe foi analisado e, posteriormente, considerado ippon, o que encerrou a luta a favor da brasileira.

2

Pelo caminho.

Bruno Mendonça (foto) e Ketleyn Quadros também lutaram ontem, mas foram eliminados. Bruno fez três combates e Ketlyn, dois.

METRO SÃO PAULO

Barça leva a Supercopa da Espanha

Neymar sorri com a taça da Supercopa | JUAN MEDINA/REUTERS

O Barcelona faturou ontem o primeiro troféu da temporada 2013/2014 do futebol espanhol. Em casa, a equipe empatou com o Atlético de Madrid por 0 a 0, na final da Supercopa da Espanha. O título foi conquistado após empate por 1 a 1 em Madri, na semana passada. Neymar e Messi foram titulares pela primeira vez em uma partida oficial. Eles já haviam atuado juntos desde o início em um amistoso na Tailândia, du-

rante a pré-temporada. Enquanto o ex-jogador do Santos – que fez o gol do jogo de ida –, teve atuação discreta, o argentino desperdiçou uma cobrança de pênalti aos 43 minutos da etapa final. Liga dos Campeões Na Itália, o Milan venceu o PSV (HOL) por 3 a 0 e avançou para a fase de grupos da Liga dos Campeões. Já o Real Sociedad bateu o Lyon na Espanha por 2 a 0 e também se classificou. METRO


BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

|15|◊◊

{ESPORTE}

Galo só empata e dá adeus a sonho de novo título inédito Copa do Brasil. Atlético fica à frente do Botafogo em duas oportunidades, mas cede empate em casa e é eliminado nas oitavas de final A volta do Atlético a um torneio no formato “mata-mata” foi bem diferente daquilo que a torcida esperava após a conquista da Libertadores. Depois de perder por 4 a 2 na estreia, fora de casa, o Galo só empatou em 2 a 2 com o Botafogo no Independência e foi eliminado da Copa do Brasil, em mais uma decisão com boas doses de drama. Empurrado pela Massa, o time mineiro fez um primeiro tempo arrasador, com destaque para as atuações de Ronaldinho e Fernandinho. As chances mais claras, no entanto, iam sendo desperdiçadas ou paradas com faltas – em uma delas, os atleticanos pediram a expulsão de Bolívar, que puxou Fernandinho na meia-lua, mas o juiz mostrou o cartão amarelo.

Ronaldinho se queixou muito da arbitragem de Wilton Pereira Sampaio

A pressão surtiu efeito aos 37 minutos: em mais uma jogada rápida pela esquerda, o camisa 11 foi ao fundo e cruzou rasteiro, na medida, para Marcos Rocha abrir o placar.

| PAULO FONSECA/FUTURA PRESS

O ímpeto ofensivo poderia ter acabado na volta do intervalo, com o gol de empate de Rafael Marques, que recebeu livre na pequena área. Mas Fernandinho tratou de

“Não faltou vontade, mas não deu. E também não podemos culpar o juiz.” RÉVER, CAPITÃO DO ATLÉTICO

animar a torcida: pouco depois de acertar a trave, ele pôs o Galo de novo na frente ao concluir belo contra-ataque puxado por Tardelli. O Atlético teria mais 35 minutos para fazer um gol. Mas o que veio em seguida foi um balde de água fria: em um bate-rebate na área, a bola sobrou para Dória igualar. Precisando então de dois gols para devolver o placar da ida e forçar os pênaltis, o Galo foi todo para o ataque. Em meio às bolas alçadas na área, a equipe mineira ainda reclamou de um puxão de Bolívar em Jô, dentro da área, mas o árbitro nada assinalou. A pressão durou até o fim, mas o time do técnico Cuca não conseguiu mais furar a barreira do goleiro Jefferson. METRO BH

22 ATLÉTICO

BOTAFOGO

Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver e Júnior César (Guilherme ); Pierre, Luan (Michel ) e Ronaldinho Gaúcho; Fernandinho (Neto Berola ), Diego Tardelli e Jô .

Jefferson ; Edílson , Bolívar , Dória e Júlio César; Gabriel, Lucas Zen, Seedorf (Renato ) e Lodeiro ; Rafael Marques (Sassá ) e Alex (Henrique ).

Téc. Cuca •

Téc. Oswaldo de Oliveira

Gols. Marcos Rocha, aos 37 min. do primeiro tempo; Rafael Marques, aos 5, Fernandinho, aos 11, e Dória, aos 16 min. da etapa final.


|16|

BELO HORIZONTE, QUINTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Raposa leva gol no fim e deixa escapar a vaga Copa do Brasil. Cruzeiro cede à pressão do Flamengo no estádio Maracanã e é eliminado de maneira precoce nas oitavas de final

A animadora campanha do Cruzeiro em busca do pentacampeonato da Copa do Brasil terminou, ontem, de maneira precoce. Após ter derrotado o Flamengo por 2 a 1 no Mineirão, a Raposa não suportou a pressão das arquibancadas no Maracanã e, com um gol sofrido já nos minutos finais da partida, foi eliminada do torneio – o time carioca levou a melhor nos critérios de desempate por ter marcado um gol na casa do adversário. Diante de 47 mil pagantes, o time rubro-negro tentou acuar a equipe mineira em seu campo de defesa desde o início. Porém, mesmo com mais posse de bola, os cariocas não conseguiram exigir nenhuma defesa Oitavas

Sport e Bahia avançam na Copa Sul-Americana Mais dois times brasileiros se classificaram ontem para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. O clássico pernambucano entre Sport e Náutico fez jus à tradição de rivalidade entre as duas equipes. Após perder por 2 a 0 no jogo de ida, o Timbu devolveu o placar sobre o Leão e levou a disputa para os pênaltis. Aí brilhou a estrela do experiente Magrão, que defendeu três cobranças e garantiu o time rubro-negro na próxima fase. Em Salvador, o Bahia empatou com a Portuguesa por 0 a 0 após ter vencido por 2 a 1 em São Paulo e voltará a disputar uma partida internacional depois de 24 anos. Na próxima fase, o São Paulo encara o Universidad Catolica (Chile), o Bahia enfrenta o Nacional de Medellin (Colômbia), o Spor pega o Libertad (Paraguai), o Coritiba duela com o Itagui (Colômbia), e a Ponte mede forças com o Deportivo Pasto (Colômbia). METRO BH

do goleiro Fábio em todo o primeiro tempo. Pelo contrário: foram do time celeste as melhores chances, nos contra-ataques, primeiro em chute de Willian defendido por Felipe e depois em cabeçada de Dedé, bloqueada em cima da linha por João Paulo. Sem conseguir adminis-

1 0 •

trar a posse de bola, a equipe mineira cedeu espaço para a pressão flamenguista. Os dois times ainda tiveram um gol anulado cada um, para aumentar o nervosismo, até que Elias – que entrou no sacrifício – recebeu na área e fuzilou para encerrar a trajetória celeste no torneio. METRO BH

Felipe; Luiz Antonio, Chicão, Wallace e João Paulo; Cáceres (Paulinho), Elias , André Santos (André Santos) e Carlos Eduardo (Adryan); Rafinha e Moreno. Técnico: Mano Menezes

FLAMENGO

Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Lucas Silva, Nilton , Everton Ribeiro (Martnuccio) e Ricardo Goulart; Willian (Leeandro Guerreiro) e Borges (Vinícius Araújo). Técnico: Marcelo Oliveira

CRUZEIRO

Gol. Elias, aos 43 minutos do segundo tempo

Adeus. Fim da linha para Flu, Santos e Palmeiras Outros três times apontados entre os favoritos ao título da Copa do Brasil se despediram ontem do torneio. A “zebra” da noite ficou por conta do Goiás, que havia perdido por 1 a 0 no Rio, mas bateu o Fluminese por 2 a 0 no Serra Dourada e eliminou o atual campeão brasileiro, com gols de Renan Oliveira e William Matheus . Outro que saiu na frente e acabou eliminado é o Palmeiras, que havia vencido por 1 a 0 em casa, mas foi derrotado por 3 a 0 pelo Atlético-PR, com gols de Éderson (2) e Paulo Baier. Os meninos da Vila também não conseguiram re-

sistir à pressão fora de casa e, depois de terem vencido por 1 a 0 no jogo de ida, amargaram a eliminação na Arena do Grêmio ao serem vencidos por 2 a 0, com gols de Souza e Werley. Já o Corinthians evitou um grande vexame ao derrotar o modesto Luverdense por 2 a 0 no Pacaembu, com gols de Fábio Santos e Alexandre Pato, placar mínimo necessário para reverter a derrota sofrida no Mato Grosso por 1 a 0. Os últimos confrontos das quartas de final serão definidos hoje: o Inter visita o Salgueiro, enquanto o Vasco recebe o Nacional. METRO BH

Copa do Brasil Oitavas de final ONTEM CORINTHIANS GRÊMIO ATLÉTICO-PR GOIÁS ATLÉTICO FLAMENGO

2X0 2X0 3X0 2X0 2X2 1X0

LUVERDENSE-MT SANTOS PALMEIRAS FLUMINENSE BOTAFOGO CRUZEIRO

HOJE SALGUEIRO-PE VASCO

X INTERNACIONAL X NACIONAL-AM

Paulo Baier marca contra o Verdão | GERALDO BUBNIAK /FOTOARENA/FOLHAPRESS

Time celeste teve dificuldades para administrar a posse de bola | LUCIANO BELFORD/FUTURA PRESS

20130829_br_metrobh  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you