Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pelo Grupo Sinos S/A.

Da esquerda para a direita, Renan Nunes, Taciana Lima, Felipe Kitadai, Maria Portela, Mayra Aguiar e Eduardo Santos

RUMO AO MUNDIAL

SEIS JUDOCAS DA SOGIPA VÃO DISPUTAR COMPETIÇÃO NO RIO PÁG. 14 PORTO ALEGRE Quarta-feira, 21 de agosto de 2013 Edição nº 448, ano 2 MÍN: 14°C MÁX: 30°C

www.readmetro.com | leitor.poa@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metropoa

MENSALÃO

SEIS CONDENADOS PODEM TER PENA REVISTA PÁG. 06

LIXO ZERO

RIO COMEÇA A MULTAR QUEM SUJA RUAS PÁG. 07

Proposta tenta destravar obras junto ao aeroporto Construção civil. Projeto de lei municipal pretende declarar como de interesse público construções em áreas onde há restrições de altura impostas pela Aeronáutica no entorno do Salgado Filho. Objetivo é retomar empreendimentos e seguir regras do Plano Diretor PÁG. 02

Goulart representa família | FRANCIELLE CAETANO/CMPA

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

‘Convivi com suspeitas’, diz neto de Jango Ele acompanha hoje preparação para exumação do corpo do avô, que pode ter sido assassinado em 1976 PÁG. 04

O VERANICO SE DESPEDE Calor fora de época atinge pico hoje à tarde e dará lugar a chuva

Justiça manda ANS liberar planos de saúde suspensos PÁG. 04

Homem aproveitou a orla de Ipanema ontem à tarde para praticar stand up paddle sob temperatura máxima de 27,40C | GABRIELA DI BELLA/METRO

Após agência vetar comercialização de 212 planos de 21 operadoras, ordem judicial anulou decisão PÁG. 08


|02|

1 FOCO

Projeto quer liberar obras no entorno do aeroporto Zona norte. Ideia é tornar de interesse público área sob restrição da Aeronáutica Um projeto de lei municipal quer declarar de interesse público a área no entorno do aeroporto Salgado Filho, na capital, onde a Aeronáutica restringe a construção de prédios. Se a proposta for aprovada, empreendimentos imobiliários poderiam ser erguidos com maior flexibilidade, respeitando os parâmetros de altura definidos pelo Plano Diretor. Atualmente, para autorizar uma edificação que extrapole o limite estipulado pelo Decea (Departamento de Controle do Espaço Aéreo), de 48 metros acima do nível do mar, num raio de quatro quilômetros do aeroporto, a prefeitura deve considerar a obra de interesse público e iniciar um trâmite que passa pelo 5o Comar (Comando Aéreo Regional) e Decea até ser autorizada a construção. O objetivo do autor da iniciativa, o vereador Idenir Cecchim (PMDB), é desburocratizar o processo de liberação: “Certamente vai lega-

Projeto de lei

Não ao cigarro Já está sendo debatido na Câmara Municipal um projeto de lei que proíbe a propaganda de cigarro no comércio da capital. Segundo o autor do projeto, o vereador Alberto Kopittke (PT), a intenção é eliminar a indução do consumo de produtos fumageiros.

Cotações Dólar - 0,90% (R$ 2,39) Bovespa - 2,07% (50.507 pts) Euro + 0,41% (R$ 3,21) Selic (8,50%)

Salário mínimo (R$ 678)

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

lizar essas áreas, que estão tendo uma interpretação difusa entre o Plano Diretor e o que pensa a Aeronáutica. Se a obra atende ao Plano Diretor deve ser liberada”. O projeto também visa acabar com um engessamento imobiliário nas cercanias do Salgado Filho, que abrange um limite que vai da avenida Assis Brasil e da avenida Ramiro Barcelos à rua Ary Tarragô, incluindo importantes bairros residenciais de Porto Alegre, como Bela Vista, Auxiliadora e Moinhos de Vento. Idenir Cecchim acredita que o projeto, que respeitaria a topografia da cidade, seria benéfico para o setor imobiliário privado, prefeitura e Aeronáutica. “Meu projeto de lei não limita em nada o Salgado Filho. Apenas legaliza os terrenos da região. Daria menos trabalho à prefeitura e deixaria Aeronáutica cuidar do que é de direito deles, os voos”, argumenta o parlamentar. METRO POA

“Se a obra cumprir as normas do Plano Diretor de Porto Alegre é porque já é de interesse público.” IDENIR CECCHIM (PMDB), VEREADOR

Samu. Idoso morre ao esperar ambulância Um idoso morreu ontem após sofrer um mal súbito no centro de Porto Alegre. Orlando Francisco da Silva, 70 anos, ficou desacordado junto ao terminal Parobé, atraindo uma multidão à sua volta. O repórter Manoel Soares, da RBS TV, que passava pelo local, flagrou a cena e ligou para a Brigada Militar para encaminhar o idoso ao hospital enquanto duas pessoas tentavam, sem sucesso, reanimá-lo com massagem cardíaca. Após esperar mais de 20

minutos por atendimento, o repórter ligou para o Samu, onde um médico disse estar impossibilitado agir por falta de ambulâncias. “Se vocês estão com tanta pressa que encaminhem para o HPS, para Santa Casa”, disse um médico. Silva foi encaminhado por uma viatura da BM ao HPS, onde morreu às 11h. O médico que atendeu ao chamado foi afastado por não ter cumprido o protocolo de atendimento. Foi aberta sindicância para apurar o caso. METRO POA

FALE COM A REDAÇÃO leitor.poa@metrojornal.com.br 051/2101.0471 O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Em um raio de 4 quilômetros do aeroporto Salgado Filho há restrição para construções | GABRIELA DI BELLA/ARQUIVO/METRO

‘Vai trazer agilidade’ Idenir Cecchim diz que sua proposta instrumentaliza um procedimento já previsto pela própria Aeronáutica: “A resolução 94 afirma que cada vez que se tem uma obra o prefeito deve declarar de utilidade pública e consultá-la para ver se não há nenhum problema

no aeroporto. Estamos encurtando este caminho. Nós declaramos toda esta área junto ao terminal como de interesse público. E já não haveria a necessidade do prefeito consultá-la, porque vamos fazer isso dentro da área delimitada que não haverá novos espaços”.

O vereador diz que a proposta vai trazer agilidade: “Ficará mais ou menos dentro do que eles exigem sem precisar a cada projeto fazer esta burocracia. Estamos facilitando a vida de quem quer construir e facilitando o processo e torná-lo mais curto. METRO POA

Jairo Jorge apresenta balanço da gestão

Prefeito apresentou os dados à imprensa | LUCIANO MARQUES/PMC

O prefeito de Canoas, Jairo Jorge, apresentou ontem à imprensa um balanço do seu segundo mandato à frente da cidade. Ele destacou positivamente o crescimento dos empreendimentos em Canoas, citando a chegada de um novo shopping center na cidade, da Multiplan, com investimento estimado de

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. (MTB: 70.145). Editor Chefe: Luiz Rivoiro. (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Metro Porto Alegre. Gerente Executivo: Luís Grisólio. Editor Executivo: Maicon Bock (11.813 DRT/RS). Grupo Bandeirantes de Comunicação RS. Diretor-Geral: Leonardo Meneghetti.

R$ 300 milhões. A maior preocupação exposta pelo petista foi o número de homicídios, que ainda considera grande. Em 2012 foram registrados 31 homicídios para cada 100 mil habitantes, mas como são feitos acompanhamentos de pessoas feridas, a taxa subiria para 40. METRO POA

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Delfino Riet, 183, Santo Antônio, 90660-120, Porto Alegre, RS. Tel.: (051) 2101-0471 O jornal Metro é impresso no Grupo Sinos S/A. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 40.000 exemplares


|04|

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

FRANCIELLE CAETANO/CMPA

CHRISTOPHER GOULART Neto do ex-presidente João Goulart acompanha hoje a primeira etapa do processo de exumação dos restos mortais do avô para conirmar suspeita de assassinato

‘É UMA QUESTÃO DE RESGATAR A VERDADE’ Qual a importância dessa missão em São Borja hoje? Dá para dizer que essa missão é o início do processo. A exumação não tem como acontecer sem essa ação. É um reconhecimento do local. Desde que abrimos o inquérito, em 2007, teve muitos desdobramentos, chegou a ser arquivado no meio do caminho. Somente esse ano que a exumação passou a ser vista como uma questão de Estado, até porque falamos de um presidente brasileiro, um divisor de águas na história do país. Como será o processo? Tem uma questão inicial de comprovar pelo DNA que

“Partimos de muitas incertezas. Os organismos reagem de forma diferente e não sabemos qual foi a ação do tempo no organismo dele. Só saberemos quando nos depararmos com as condições de trabalho ali.”

aquele é o corpo dele. Partimos de muitas incertezas. Os organismos reagem de forma diferente e não sabemos qual foi a ação do tempo no organismo dele. Só saberemos quando nos depararmos com as condições de trabalho ali. Em um segundo momento será feito o traslado dos restos mortais. Existe uma previsão que seja feito este ano. Que mistérios cercam a morte de seu avô? O próprio enterro dele está cercado de uma série de questões controversas. Não foi feita autópsia, havia ordem militar para que as pessoas não se aproximassem do corpo. Uma série de questões muito duvidosas que reforçam a suspeita (de assassinato). Procuramos acabar com a dúvida de muitas pessoas no Brasil inteiro. Tem toda uma questão de resgatar a verdade. O que sustenta a tese de assassinato? Em 1976 ele estava na Argentina, mas a perseguição sempre se manteve constante. O fato é que ele ain-

Missão para exumar Começa hoje, em São Borja, a missão preparatória para a exumação dos restos mortais de Jango. O objetivo é fazer um reconhecimento do cemitério onde ele foi sepultado. Um croqui em 3D do jazigo será elaborado a partir das informações colhidas. A diligência não vai requerer a abertura do mausoléu. A data da exumação deverá ser definida na reunião de todos os peritos que trabalharão no caso,

agendada para setembro. Na missão também serão feitos contatos com as autoridades locais e calculados o tempo de saída da cidade e outras questões logísticas fundamentais para a retirada dos restos mortais, que serão examinados no Instituto Nacional de Criminalística, em Brasília. Após a perícia será necessária a guarda constante do jazigo e sua preservação até a data da exumação. LETÍCIA BARBIERI

“O próprio enterro está cercado de uma série de questões controversas. Não foi feita autópsia, havia ordem militar para que as pessoas não se aproximassem do corpo. Uma série de questões muito duvidosas que reforçam a suspeita (de assassinato).” da queria retornar ao Brasil. Essa era a grande motivação para um provável assassinato. A força e a circunstância que iriam provocar o retorno dele ao Brasil. O meu avô representava a quebra da democracia. No momento que é deposto e golpeado ele representava a democracia derrubada pela ditadura. E aí o senhor decidiu buscar a verdade? Desde o primeiro momento. Eu nasci no mesmo ano que o meu avô faleceu. Sempre convivi com isso, com as suspeitas. Elas ganharam força

quando surgiu um agente da inteligência uruguaia que disse ter testemunhado e tinha ciência de como isso teria sido colocado em prática. Aí embasamos o inquérito fundamentado nessa linha investigativa. As dúvidas que sempre existiram ganharam força.

O ex-presidente João Goulart morreu no exílio, na Argentina, em 1976. Sua morte foi atestada como “enfarte do miocárdio”. Goulart foi sepultado em São Borja, sem passar por uma autópsia, por imposição do regime mi-

O processo de recuperação do Mercado Público avançou para a segunda etapa. Das 29 lojas do piso inferior que ainda estão fechadas, 23 serão reabertas gradativamente a partir desta semana. Três estabelecimentos seguirão em obras, e outros três ainda ficarão fechados por tempo indeterminado, principalmente em função de problemas com infiltração. O anúncio foi feito ontem pelo prefeito José Fortunati, após reunião com permissionários, secretários e técnicos, no Paço Municipal. O prédio histórico foi reaberto no último dia 13, 38 dias após o incêndio, com o reinício das atividades de 73 das 110 bancas. Conforme laudo emitido pela Smov (Secretaria Municipal de Obras e Viação), dos 29 estabelecimentos do andar térreo que permanecem fechados, 23 têm condições de reabertura gradativa, de acordo com o cumprimento dos critérios de segurança e infraestrutura. Os oito restaurantes do andar superior e seis lojas do quadrante vol-

23 estabelecimentos do andar térreo terão abertura gradativa nos próximos dias. tado para a avenida Júlio de Castilhos, com as estruturas afetadas pelo incêndio, permanecem fechados. O prefeito enfatizou o trabalho conjunto entre a prefeitura e os permissionários para viabilizar a retomada das atividades, com a cautela necessária nas medidas a serem adotadas. “Estamos dando mais um passo importante para devolver o Mercado Público à população. Queremos avançar o mais rápido possível, mas é fundamental que os estabelecimentos reabram em total segurança para os trabalhadores e frequentadores”, afirmou Fortunati, informando que as primeiras lojas nesta nova etapa poderão voltar ao funcionamento nos próximos dias. METRO POA E BANDNEWS

Agiram para ele não voltar? Se falava na volta da democracia. Se ele voltasse poderia ser um candidato à Presidência que unificaria todos os partidos de esquerda, várias forças políticas que não tinham restrição à pessoa dele. O que significa essa descoberta para o Brasil? Tem um horizonte em tudo isso. Vai questionar a própria posição do STF que se manifestou no sentido de não realizar a Lei da Anistia. Além de legitimar decisões de organismos internacionais de direitos humanos. Entra num debate mais profundo. LETÍCIA BARBIERI METRO PORTO ALEGRE

Histórico

Ex-presidente morreu no exílio

Em breve. Prefeitura anuncia segunda etapa de reabertura do Mercado

litar. Desde a morte de Jango paira a suspeita de que sua morte pode ter sido articulada pelas forças repressivas de Brasil, Argentina e Uruguai, que viviam sob ditaduras. Hoje há provas de que o ex-presidente foi monitorado durante todo o seu exílio e havia um plano para matá-lo por meio da substituição dos remédios para o coração que Jango tomava. LETÍCIA BARBIERI

Sol e calor atraiu público à praia de Ipanema, na capital | GABRIELA DI BELLA/METRO

Depois do calor, previsão de muita chuva A alta dos termômetros registrada ontem deve se repetir hoje. O calor, porém, antecipa muita chuva. A chegada de uma frente fria vai espalhar nuvens carregadas sobre o Estado, que já pode ter chuva forte nesta quarta-feira. A expectativa é que toda a chuva normal para agosto caia em menos de uma semana. Para Porto Alegre, a previsão é de 44 milímetros de chuva, nesta sexta-feira: 31% da média histórica do mês de agosto. METRO POA

Previsão Hoje MÍN: 14°C MÁX: 30°C

Amanhã MÍN: 14°C MÁX: 23°C

Sexta MÍN: 9°C MÁX: 14°C


|06|

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

BRASIL

Seis condenados podem ter pena de corrupção revista Mensalão. Supremo retoma hoje julgamento de recursos e, caso seja reconhecido o uso inadequado de lei mais rigorosa, punição deve diminuir O reconhecimento pelo STF (Supremo Tribunal Federal) do uso equivocado de um lei mais rigorosa para punir crime de corrupção pode ser a tåbua de salvação para seis condenados no julgamento do escândalo do mensalão. A sessão para julgamento de recursos – interrompida após um åspero bate-boca entre os ministros Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski – serå retomada hoje com a discussão da tese sobre qual lei deveria ter sido aplicada em relação aos crimes de corrupção ativa e passiva. O impasse foi criado porque a pråtica dos delitos atravessou o período entre o fim da legislação anterior -- menos severa e que punia corrupção por período de 1 a 8 anos de prisão -- e a lei 10.763, cuja pena passou para de 2 a 12 anos de reclusão, e entrou em vigor em novembro de 2003. Pelo Código Penal, a condenação a ser aplicada deve ser a vigente no período no qual o crime foi praticado. O embargo apresenta-

OS BENEFICIADOS

Pena

A revisão da sentença poderå garantir redução de pena para seis dos 25 condenados, que respondem pelos crimes de corrupção ativa ou passiva

 O D R I G U E S 6 anos e 3 meses Corrupção passiva e lavagem de dinheiro   t DELĂšBIO SOARES 8 anos e 11 meses Corrupção ativa e lavagem de dinheiro F  ROGÉRIO TOLENTINO 6 anos e 2 meses Corrupção ativa e lavagem de dinheiro   t

do pelo ex-deputado Bispo Rodrigues suscitou o debate porque aponta contradição na aplicação da pena. O ex-líder do PL (hoje PR) admite que firmou o acordo com o PT em 2002 e teria recebido parcelas do pagamento antes da vigência da lei mais rigorosa.

Divergência Revisor da ação penal, o ministro Ricardo Lewandowski votou a favor da pena mais rigorosa, mas na semana passada passou a divergir da opinião do relator. O ministro Joaquim Barbosa negou revisão da

R 

Crime JOSÉ DIRCEU

10 anos e 10 meses Corrupção ativa e formação de quadrilha F  RAMON HOLLERBACH 29 anos, 7 meses e 20 dias Corrupção passiva, peculato formação de quadrilha, evasĂŁo de divisas e lavagem de dinheiro F  JOSÉ GENOINO 6 anos e 11 meses Corrupção ativa e formação de quadrilha   t

pena por entender que houve uma pråtica continuada e a lei permite calcular a punição com base no último crime registrado na denúncia. A possibilidade de dupla interpretação obrigarå o STF a manifestar se o crime foi cometido na pro-

messa ou oferta de vantagem indevida ou apenas no ato do pagamento da propina. O entendimento serĂĄ levado a debate e decidido no voto. Caso a maioria dos 11 ministros vote a favor da revisĂŁo da lei a ser utilizada para cĂĄlculo das penas, alĂŠm de Bispo Rodrigues, o ex-ministro JosĂŠ Dirceu, o ex-tesoreiro do PT DelĂşbio Soares, o deputado JosĂŠ Genoino (PT-SP) e os ex-sĂłcios de Marcos ValĂŠrio, RogĂŠrio Tolentino e Ramon Hollerbach poderiam ter as penas recalculadas e, em tese, reduzidas. Desculpas Joaquim Barbosa estĂĄ convencido de que nĂŁo precisarĂĄ pedir desculpas a Ricardo Lewandowski pela acusação de estar fazendo ‘chicana’, que no jargĂŁo jurĂ­dico seria uma manobra para atrasar o processo. Ministro mais antigo do STF, Celso de Mello deverĂĄ fazer uma intervenção para tentar apaziguar os ânimos entre os colegas. METRO BRASĂ?LIA Gol

PAC. Cidades histĂłricas vĂŁo receber R$ 1,6 bilhĂŁo Um total de 44 cidades histĂłricas de 20 Estados terĂŁo Ă  disposição R$ 1,6 bilhĂŁo. Os recursos devem ser usados para a restauração de prĂŠdios, sinalização e atĂŠ a recuperação de antigas estaçþes e trajetos ferroviĂĄrios. O dinheiro virĂĄ do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Cidades HistĂłricas e serĂĄ liberado nos prĂłximos trĂŞs anos, de acordo com a licitação das obras. “Conhecer, respeitar e preservar este passado ĂŠ requisito para construirmos nosso futuro como nação democrĂĄtica e civilizada e como nação capaz de se erguer com seus prĂłprios pĂŠsâ€?, discursou a presidente Dilma Rousseff, durante cerimĂ´nia em SĂŁo JoĂŁo Del Rei (MG). METRO

Acordo adia para setembro anålise de veto sobre FGTS Numa reunião a portas fechadas com líderes partidårios da Câmara e do Senado, o governo conseguiu costurar um acordo e adiou para 17 de setembro a anålise de vetos a dois dos seis projetos que entraram ontem na pauta do Congresso. A principal vitória foi o adiamento do item que derrubou a cobrança da multa de 10% sobre o FGTS (Fundo de Garantia Por Tempo de Serviço) no Congresso e traria prejuízo de R$ 3 bilhþes aos cofres públicos. A pauta, porÊm, ainda manteve temas que causam preocupação do Palåcio do Planalto. Os parlamentares colocaram em votação, por exemplo, a derrubada do veto que retirada o valor de incentivos financeiros, feitos por desoneraçþes, do cålculo dos

fundos de repasse de recursos para os Estados e os municípios. A tendência Ê a de que o veto seja derrubado. O líder do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (SP), adiantou que, caso a derrota seja confirmada, serå apresentada uma ação no STF (Supremo Tribunal Federal) com o argumento que o Legislativo não pode criar despesas sem apontar as receitas. Os vetos à lei que regulamentou a pråtica de medicina, o Ato MÊdico, tambÊm foram a voto, assim como os da ampliação do benefício do Pronatec e da desoneração de produtos da cesta båsica. Como a votação Ê feita em cÊdulas de papel, a apuração seria feita na madrugada e o resultado só deverå ser divulgado hoje. METRO BRAS�LIA

Adiados A anålise de dois e f i adiada para a sessão do C g e e e e b C a Fim da multa de 10% sobre o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), paga pelo empregador na demissão sem justa causa.

Tå i Torna hereditåria a licença para exploração do serviço de tåxis.

Empresa aĂŠrea barra criança de 3 anos A coreĂłgrafa Deborah Colker afirmou ontem que irĂĄ entrar na Justiça contra a companhia aĂŠrea Gol, por ter sido impedida de embarcar seu neto, de trĂŞs anos. A criança tem uma doença de pele genĂŠtica, chamada epidermĂłlise bolhosa, nĂŁo contagiosa. O voo ia de Salvador a Porto Alegre. JĂĄ dentro da aeronave, os pais e a avĂł foram abordados por funcionĂĄrios que exigiam um atestado mĂŠdico afirmando que a doença nĂŁo era contagiosa. A mĂŁe classificou a abordagem como “totalmente indelicadaâ€?. Em nota, a Gol informou que estĂĄ analisando o ocorrido e tomarĂĄ as medidas cabĂ­veis. METRO

Negados Nas duas primeiras sessþes, o Supremo jå julgou os embargos de declaração apresentados por sete condenados. Em todos os casos,os ministros mantiveram as penas.

R be Jeffe 7 anos e 14 dias. Si e Va c ce 12 anos, 7 meses e 20 dias. R e Q ei 6 anos e 6 meses. J Ê B ba 2 anos e 6 meses convertidos em restrição de direitos. E e Pa ie i 4 anos convertidos em restrição de direitos. Jaci La a 5 anos. Va de a C a Ne 7 anos e 10 meses.

Alta

Genoino deixa o hospital O deputado JosÊ Genoino (PT-SP) recebeu alta ontem do hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ele foi internado após dores no peito em 24 de julho e passou por cirurgia para correção de dissecção da aorta. No último dia 5, sofreu isquemia cerebral, que foi revertida. METRO Nova cirurgia

Sarney passa por cateterismo O senador JosÊ Sarney (PMDB-AP) foi submetido ontem a um cateterismo no coração e ainda não tem previsão de alta. Ele estå internado desde 28 de julho. METRO


PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

|07|◊◊

Rio começa a multar quem joga lixo na rua Lixo Zero. Fiscalização começou a ser feita no centro da cidade. Até as 17h34 de ontem, agentes já tinham multado 110 pessoas. Programa prevê punições que variam de R$ 157 a R$ 3 mil Começou ontem no Rio de Janeiro a operação Lixo Zero da prefeitura. O programa prevê a aplicação de multas, que variam de R$ 157 a R$ 3 mil, a quem for flagrado jogando lixo nas ruas da cidade. A operação começou no centro e, até às 17h34, 110 multas foram aplicadas. Segundo a Comlurb (Companhia Municipal de Limpeza Urbana), a infração com maior número de autuações foi por causa de bitucas de cigarro jogadas na rua. A fiscalização é feita por 58 equipes, que contam com 192 agentes, um funcionário da Comlurb, um policial militar e um guarda municipal. Os fiscais vão atuar todos os dias da semana, das 7h às 22h20. O valor da multa depende do tamanho do descarte irregular de lixo. Uma lata de refrigerante acarre-

Fiscais usam palmtop para multar quem joga lixo na rua | BRUNA PRADO/METRO RIO

ta multa de R$ 157. O valor da autuação para quem joga até um metro cúbico é de R$ 392. Acima disso, pode chegar a R$ 980. Para volumes maiores, como depósito de entulho, a multa é de R$ 3 mil. Quem jogar lixo na rua de den-

Chacina. Polícia ouve

mais três testemunhas

Polícia em frente à casa da família morta

A polícia interrogou ontem três amigos do estudante Marcelo Pesseghini, 13, suspeito de matar os pais policiais militares, a avó, a tia e se suicidar em seguida, na Vila Brasilândia, na zona norte. O crime ocorreu dia 5. Segundo a polícia, os três participariam de um grupo chamado “Os Mercenários”, parte de um jogo no qual quem matasse os parentes ga-

| MARIO ÂNGELO/SIGMAPRESS/FOLHAPRESS

nharia pontos. Os adolescentes dizem que o jogo era “brincadeira” e que não pretendiam pôr o plano em prática. O depoimento da médica que cuidava de Marcelo estava previsto para ontem, mas foi adiado. Ele tinha uma doença degenerativa e a polícia quer saber se os medicamentos que ele tomava interferiam no comportamento do garoto. METRO

tro do carro também será multado. A Guarda Municipal usa um palmtop para aplicar as multas. Quem for multado tem o direito de recorrer. Em setembro, a prefeitura levará o Lixo Zero para a zona sul. METRO RIO

Amarildo. Justiça nega pedido de morte presumida A Justiça indeferiu ontem o pedido de morte presumida feito pela família de Amarildo de Souza, desaparecido há mais de um mês, após uma operação na Rocinha, no Rio de Janeiro. Com a certidão de óbito, seria possível pedir uma pensão à Previdência Social. O juiz Luiz Henrique Marques, da Vara de Registro Público, escreveu que “não foi noticiado qualquer confronto armado, perigo real que justifique a declaração de morte presumida do mesmo”. O advogado da família vai recorrer da sentença. Os familiares também pedem indenização ao Estado pelo fato de o Poder Público não dar segurança ao pedreiro. METRO RIO


|08|

Preço do PlayStation 4 no Brasil não foi definido ainda| GETTY IMAGES

Justiça anula suspensão de planos pela ANS

Games. PS4 chega ao país em novembro O PlayStation 4, da Sony, será lançado no dia 15 de novembro nos EUA e no Canadá. No Brasil, na América Latina e na Europa, o PS4 chega duas semanas depois, no dia 29 de novembro. O preço do PlayStation 4 no Brasil ainda não está definido. Nos EUA ele custará US$ 399 (cerca de R$ 960). Anteriormente, a Sony havia anunciado que o Brasil receberia o PS4 no mesmo dia que nos EUA, o que não acontecerá. A Sony também anunciou que cortou o preço de seu console portátil PS Vita para US$ 199 nos Estados Unidos. O valor anterior era US$ 249,99. METRO

Saúde. Agência havia vetado 212 produtos de 21 operadoras, mas ordem judicial determina que órgão regulador refaça os cálculos

Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou suspensão ontem | ANTONIO CRUZ/ABR

IR. Dependente com até 32 anos poderá ser incluído A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado aprovou ontem, em decisão terminativa, uma proposta que estende de 21 para 28 anos a idade de filhos ou enteados que o contribuinte pode incluir como dependentes do Imposto de Renda. Se eles ainda estiverem cursando faculdade ou escola técnica de segundo grau, esse limite poderá ser ampliado de 24 para 32 anos. O projeto deverá ser enviado diretamente à Câmara, se não houver recurso para votação em Plenário. Irmão, neto e bisneto do contribuinte, desde que sem arrimo dos pais, poderão ser incluídos como dependentes até o limite de idade de 28 anos e, se esti-

verem cursando faculdade ou escola técnica de segundo grau, até os 32 anos. Há duas condições para a inclusão de irmão, neto ou bisneto: se for menor de 18 anos, do qual o contribuinte detenha a guarda judicial, ou maior de 18, do qual detenha a guarda desde a menoridade, com a comprovação de dependência econômica ininterrupta. Essas mesmas condições se aplicam à inclusão de pessoa pobre, que o contribuinte crie e eduque. O limite, que era de 21 anos, também é ampliado para 28 anos. Mas, nesse caso, o projeto não prevê a possibilidade de continuidade dessa dependência até os 32 anos. METRO

Pedido de restituição

Fisco alertará sobre erros Começa a funcionar hoje um novo sistema da Receita Federal que irá alertar

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

se há erros de informações nos pedidos de restituição de impostos por contribuintes. O alerta virá em sua caixa postal dentro do Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte. METRO

A Justiça determinou que a ANS (Agência Nacional de Saúde) reveja critérios de avaliação e de contabilização de queixas de usuários antes de suspender a venda de novos planos de saúde. O Ministério da Saúde e a ANS anunciaram ontem, pela manhã, a suspensão da venda, por três meses, de 212 planos de 21 operadoras, a partir de sexta-feira. Mas, cerca de seis horas após o anúncio, a FenaSaúde (Federação Nacional da Saúde Suplementar) conseguiu uma ordem judicial que exclui dessa proibição alguns de seus associados. Três deles (Amico, Amil e SulAmérica) concentraram o maior número de planos suspensos. A decisão foi tomada pelo desembargador Aluisio Gonçalves de Castro Mendes, do

Tribunal Regional Federal da 2ª Região, que atendeu parcialmente o pedido da entidade e determinou que a ANS não considere em seus cálculos as reclamações que não foram objeto de análise. Segundo a ANS, os planos foram suspensos por descumprimento de prazos de atendimento, além de negativas indevidas de cobertura. Foi a primeira vez que o governo adotou uma nova metodologia para avaliar os planos. Até então, eram considerados apenas os atrasos nos prazos de atendimento. A FenaSaúde argumenta que várias ilegalidades estariam sendo praticadas pela agência no critério utilizado para a suspensão e que o modelo não considera o empenho da empresa em aten-

der a reclamação ou as reparações voluntárias. A ANS disse não ter sido formalmente comunicada da decisão e que está convicta da qualidade do processo de análise das reclamações. “A ANS respeita decisões judiciais, mas mantém a posição de que o processo de monitoramento da garantia de atendimento é essencial na regulação do setor”, diz a nota. A SulAmérica diz que é citada pela primeira vez em 18 meses desde a edição da norma e que os 13 produtos suspensos representam 1,76% do seu portfólio. O grupo Amil, que reúne a Amil e Amico, diz conseguir atender às necessidades dos clientes em 99,99% do tempo. Afirma ainda que está trabalhando para aprimorar os serviços. METRO

Aéreas pedem socorro ao governo para evitar reajustes de passagens Em reunião ontem com o ministro da SAC (Secretaria de Aviação Civil), Moreira Franco, os presidentes da Gol, TAM, Azul e Avianca, alertaram que sem incentivos do governo será difícil impedir o aumento dos preços das passagens. Com a valorização do dólar, os bilhetes já ficaram 4% mais caros nos últimos 40 dias. As empresas justificam que entre 55% e 57% dos custos de operação são vinculados à moeda americana, principalmente despesas de combustíveis e leasing de aeronaves. “Estamos percebendo a volta dos passageiros para as viagens de ônibus”, analisou o presidente da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), Eduardo Sanovicz. As companhias aéreas apresentaram uma lista de reivindicações que inclui, por exemplo, a inclusão do setor aéreo na medida provisória que reduz impostos para o transporte público urbano, unificação em 6% do ICMS cobrado sobre o querosene da aviação (o imposto estadual varia de

Com US$ 6 bi do BC

Dólar recua 0,9% após 6 dias de alta

Nos últimos 40 dias, passagem já subiu 4% com alta do dólar | TÂNIA RÊGO/ABR

12% a 25%) e subsídio a tarifas aeroportuárias. Os pedidos serão analisados pelos ministério da Fazenda e do Turismo. “O setor aéreo tem que ser visto como transporte coletivo”, enfatizou Moreira Franco,

que adiantou ter dificuldade para reduzir o preço do querosene, que tem o preço fixado pela Petrobras. O ministro promete dar uma resposta as aéreas numa nova reunião ainda este mês. METRO BRASÍLIA

O dólar fechou ontem em queda, embora ainda esteja perto dos R$ 2,40, após o Banco Central endurecer o seu discurso e as suas atuações, que alcançaram quase US$ 6 bilhões. A moeda americana perdeu 0,9%, a R$ 2,3941, depois de ter caído mais de 1%, a R$ 2,3846 na mínima do dia. Na última segunda-feira, a divisa atingiu R$ 2,41, maior cotação desde março de 2009. Na semana, o dólar tem queda de 0,08%. No mês a valorização é de 4,89% e no ano, de 17,09%. O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, afirmou ontem que a alta do dólar “está preocupando”. METRO


PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

Bento 16

‘Renunciei porque Deus me disse’ GIAMPIERO SPOSITO/ARQUIVO/REUTERS

{MUNDO}

|09|◊◊

De herói a ‘traidor’ Egito. Mohamed ElBaradei, prêmio Nobel da Paz e um dos liberais egípcios mais conhecidos no Ocidente, será julgado por ‘trair a confiança’ do governo interino. Ele está em Viena, mas pode ser condenado à revelia a até três anos de prisão

O papa emérito acena para os fiéis, em outubro passado

O papa emérito, Bento 16, voltou a falar sobre a “experiência mística” que o levou a renunciar, em fevereiro deste ano. “Foi porque Deus me disse”, contou ele à publicação católica “Zenit”. Segundo Joseph Ratzinger, o “carisma” de seu sucessor aumenta a compreensão da vontade de Deus. METRO Conflito colombiano

As Farcs admitem responsabilidade As Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) reconheceram, pela 1ª vez, a dor provocada por suas ações em 50 anos de conflito com o governo colombiano. METRO

Em mais um capítulo da crise política egípcia, as autoridades judiciais do país confirmaram a audiência de julgamento do ex-vice-presidente Mohamed ElBaradei para 19 de setembro. ElBaradei é acusado de “trair a confiança” do governo interino, devido à sua decisão de deixar o gabinete, na semana passada. A acusação foi apresentada por Sayyed Ateeq, um professor de direito na Universidade de Helwan. “ElBaradei foi apontado como representante da Frente de Salvação Nacional e tinha a obrigação de pedir aos que nele confiaram para renunciar”, disse Ateeq, em referência à coalizão que, apoiada pelo Exército, derrubou o governo de Mohamed Mursi. O ex-vice-presidente foi chefe da agência nuclear das Nações Unidas e ganhou o prêmio Nobel da Paz de 2005 por seus esforços para impedir a utilização militar da energia

Coreia do Norte. ONU colhe relatos de tortura A ONU (Organização das Nações Unidas) começou a ouvir ontem relatos de ex-detentos norte-coreanos que conseguiram escapar do regime de Pyongyang. Os desertores contaram histórias dramáticas. Shin Dong-hyuk, 30 anos, disse ter ficado aliviado ao ter o dedo arrancado, e não a mão inteira. Ele foi punido por deixar cair uma máquina de costura. Jee Heon-a, 34 anos, disse

que ela e outros prisioneiros comiam sapos para sobreviver. “Todos tinham os olhos fundos.” A ex-detenta contou sobre uma mãe obrigada a matar seu recém-nascido, afogado em uma vasilha. Essa é a primeira vez que as histórias serão avaliadas por especialistas em direitos humanos, embora a Coreia do Norte não reconheça a comissão da ONU e não tenha autorizado visitas aos campos de prisioneiros. METRO

O desertor Shin Dong-hyuk fala à comissão | KIM HONG-JI/REUTERS

Prevendo as retaliações, ElBaradei já havia deixado o Egito depois de divulgar sua carta de demissão. Ele está em Viena, mas pode ser julgado à revelia.

Ex-vice-presidente defendia o golpe militar | AMR ABDALLAH DALSH/ARQUIVO/REUTERS

atômica. Ele se tornou o liberal mais famoso a apoiar o golpe militar que destituiu Mursi, em 3 de julho. A “lua-de-mel” com os militares terminou na semana

passada, depois que as forças de segurança atacaram os aliados de Mursi. O choque acabou em um banho de sangue, e mais de 500 pessoas foram assassinadas.

Ajuda americana Pouco depois da confirmação do julgamento de ElBaradei, os Estados Unidos convocaram uma reunião do Conselho de Segurança Nacional e de outros membros do governo para discutir a situação do Egito. O encontro foi anunciado pelo porta-voz da Casa Branca Josh Earnest como um evento de rotina. “Não esperaria nenhum grande anúncio relacionado à nossa ajuda ao país”, disse ele. Mais cedo, o senador democrata Patrick Leahy afirmou que o governo americano havia cortado a ajuda militar ao Egito, informação negada por Washington. Os EUA enviam, anualmente, US$ 1,3 bilhão ao país árabe. METRO

Perto da liberdade

Tribunal avalia caso de Mubarak O ex-ditador Hosni Mubarak, 85, que governou o Egito por três décadas, está cada vez mais perto de deixar a prisão. Um tribunal do Cairo vai avaliar hoje o pedido de soltura apresentado pelo advogado do político. Fareed el-Deeb diz que só há mais uma acusação de corrupção contra Mubarak. O ex-ditador teria devolvido a verba desviada, segundo Fareed. Mubarak chegou a ser condenado à prisão perpétua pela omissão na revolta popular que o tirou do poder, em 2011. A sentença, porém, foi revogada em janeiro. METRO

Advogados querem reaver material de brasileiro interceptado em Londres Os advogados do brasileiro David Miranda, companheiro do jornalista do “The Guardian” que revelou o programa de espionagem do governo americano, devem acionar a Suprema Corte britânica contra o Reino Unido. Miranda ficou detido por nove horas em um aeroporto de Londres para interrogatório, no domingo, e teve equipamentos eletrônicos apreendidos, com base na lei antiterrorismo do país. A conduta gerou críticas e um pedido de explicações por parte do Brasil. No Reino Unido, antes de acionar a Corte, os advogados precisam apresentar uma espécie de carta à parte que será processada. “Nós demos ao governo britânico e à Polícia Metropolitana de Londres a chance de reconsiderarem sua posição nesse caso”, explicou ao Metro Gwendolen Morgan, uma das advogadas de Miranda. O prazo terminaria na noite de ontem. Gwendolen considera que a lei antiterrorismo

Análise

Estratégia ilegal Nós discordamos fortemente do uso da lei antiterrorismo nesse caso. No Reino Unido, a liberdade de expressão é supostamente protegida, mas o que eles fizeram foi usar a lei antiterrorismo para apreender material jornalístico sensível. GWENDOLEN MORGAN Advogada do Bindmans, escritório que cuida do caso no Reino Unido

Brasileiro teve de deixar eletrônicos com a polícia | RICARDO MORAES/REUTERS

foi erroneamente aplicada e pede a devolução do material apreendido com Miranda. O governo britânico, porém, não parece disposto a recuar. Ontem, o Ministério do Interior defendeu a

retenção do brasileiro, sugerindo que ele carregava ‘informações roubadas’. “O governo e a polícia têm o dever de proteger as pessoas e nossa segurança nacional”, afirmou um porta-voz do ministério.

Além de provocar uma disputa com o governo brasileiro, o episódio gerou um intenso debate interno. Os trabalhistas, que fazem oposição ao atual governo, exigiram uma investigação. METRO


+ café |10|

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

SAÚDE

Saiba o que comer na hora do

da

SAÚDE

manhã

Disposição. Conheça alguns alimentos que protegem o seu organismo. Entre eles estão ovos, morangos, banana e café. Saiba mais Há tempos se fala que o café da manhã é a refeição mais importante do dia, já que esta é a sua primeira “recarga energética”. É por meio dela que o corpo se prepara para realizar suas tarefas diárias. Apesar disso, muita gente acaba negligenciando

este momento tão importante do dia e acaba comendo qualquer coisa. Por isso, diversos especialistas listaram, para o jornal “Huffington Post”, alguns alimentos que são excelentes para começar bem o dia. Confira! PORTAL DA BAND

Iogurte grego Assim como os ovos, este tipo de iogurte tem grandes doses de proteína, além de ser uma excelente fonte de cálcio, fundamental para a saúde dos ossos.

Ovos Eles, às vezes, têm má reputação, mas a verdade é que contêm 13 nutrientes essenciais, além de serem extremamente proteicos. Estudos indicam que consumir alimentos com proteína pela manhã dá uma sensação de saciedade, evitando que você fique petiscando “porcarias” durante o dia – e engorde.

Café Repleta de antioxidantes, a bebida traz – quando consumida sem exagero – benefícios ao coração e pode servir para evitar certos tipos de câncer ou até controlar a diabetes. Apesar disso, fuja do açúcar para adoçar o líquido. Morango

Saudável! Além de poucas calorias, o suco dessa fruta é rico em nutrientes.

Banana

Aveia Este alimento clássico, no café da manhã, merece sua boa reputação. Fonte de fibras, a aveia ajuda você a ficar satisfeita por mais tempo e pode diminuir o colesterol.

Apesar de calórica, a fruta é rica em vitamina C e potássio, o que ajuda a controlar a pressão sanguínea.

Morango Excelente fonte de antioxidantes, o morango tem poucas calorias, protege contra o câncer e ainda combate o declínio neurológico típico do envelhecimento.

Chá Graças a antioxidantes chamados flavonoides, o chá tem propriedades que ajudam o sistema imunológico e combatem inflamações. Além disso, também podem proteger o organismo contra alguns tipos de câncer, diabetes e doenças no coração.


PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

|11|◊◊

Inéditos de Zanotta

Feira do Livro. Sai a lista dos Teatro. Dramaturgo ganha homenagem, com ciclo de leituras dramáticas no Câmara patronáveis A (CRL) Câmara Rio-Grandense do Livro divulgou ontem a lista dos dez escritores que concorrem ao posto de patrono da 59ª Feira do Livro de Porto Alegre, marcada para o período de 1o a 17 de novembro. O eleito será escolhido com os votos da diretoria e dos associados da CRL, ex-patronos e representantes da comunidade cultural, levando em conta a representatividade do autor e qualidade da sua trajetória. O anúncio está previsto para os primeiros dias de setembro.

Apesar de pouco encenado nos palcos locais, Júlio Zanotta está entre os principais nomes da dramaturgia gaúcha. Autor de dezenas de peças teatrais, Zanotta, 63 anos, tem uma produção rica em gêneros e assuntos, indo da política ao romance de maneira contundente e crítica. Ele foi um dos fundadores da Terreira da Tribo, nos anos 1970, e, entre outros destaques, recebeu o Prêmio Funarte de Dramaturgia em 2003 pelo espetáculo “Milkshakespeare”. Até o próximo dia 27, a Coordenação de Artes Cênicas da Prefeitura de Porto Alegre faz uma justa homena-

METRO POA

Os indicados * Airton Ortiz * Caio Ritter * Celso Gutfreind * Cíntia Moscovich * Claudia Tajes * David Coimbra * Fabricio Carpinejar * Francisco Pereira Rodrigues * Luis Augusto Fischer * Maria Carpi

gem aos 35 anos de carreira do autor, apresentando leituras dramáticas de peças inéditas. Os textos da “Semana Júlio Zanotta” serão dirigidos por nomes conhecidos da cena porto-alegrense, como Bob Bahlis, João de Ricardo, João Ubiratan, Roberto Oliveira, Léo Maciel e Arlete Cunha. Hoje, na noite dedicada ao texto “Ulisses no País das Maravilhas”, haverá a participação dos músicos Wagner Cunha e Antônio Carlos Borges-Cunha. As duas últimas noites vão reunir os contos eróticos de Zanotta, com direção de Daniel Colin e Tainah Dadda. METRO POA

O programa As leituras são diárias, sempre às 20h, no Teatro de Câmara (r. da República, 575). Entrada franca * “Ulisses no País das Maravilhas” (hoje) * “Luiza Felpuda” (amanhã) Júlio Zanotta é homenageado em seus 35 anos de carreira | DIVULGAÇÃO

* “A Ninfa Dragão” (sexta, dia 23) * “Amor no Facebook” (sábado, dia 24) * “Baudelaire” (domingo, dia 25) * Coletânea de contos “Teatro  porNÔ” (dias 26 e 27)

2 CULTURA

Show

Clássicos Hoje é noite de voltar no tempo e ouvir sucessos como “Fernando” e “The Winner Takes It All”. O espetáculo “Abba on Stage”, do quarteto europeu Tribute Gold Band, será apresentado às 21h, no Theatro São Pedro. Ingressos de R$ 20 a R$ 60.


|12|

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Terras para indígenas

AgroMetro

LIZEMARA PRATES LIZEMARA.PRATES@ METROJORNAL.COM.BR

ENFIM, CHEGOU A EXPOINTER A Expointer é a grande feira agropecuária dos gaúchos porque mostra o melhor da criação e do maquinário agrícola. Mas vai muito além. Neste ano, por exemplo, no pavilhão da agricultura familiar, haverá concurso de queijo, salame, mel, suco de uva e cachaça. As carnes bovina, suína, ovina e de búfalo, estarão, mais uma vez, numa vitrine. Vitrine igual à das lojas, mas em movimento, porque terá presença de um especialista em desossa das carcaças e uma chef de cozinha. O especialista apresenta os diferentes cortes e a chef indica a melhor forma de preparo. O público assiste às demonstrações confortavelmente sentado em arquibancadas e pode ainda degustar os pratos. A vitrine estará instalada no pavilhão internacional. E no mesmo pavilhão, haverá um espaço específico para as microcervejarias acompanhando a tendência de valorização do produto artesanal. Pelo menos 12 empresas gaúchas do setor estarão presentes na Expointer. Cada cervejeiro apresentará de três a quatro tipos diferentes de cervejas. Hoje, o Estado tem 50 microcervejarias. Mas a Expointer não fica restrita às novidades. Sempre tem polêmica. Pode ser algo muito sério, como em 1999, quando os criadores ameaçaram não trazer animais para a feira ou em 2000, quando focos de febre aftosa quase comprometeram a realização do evento. No entanto, pode ser até engraçada, como a deste ano. Pela primeira vez, as aves chegaram antes no parque. A Expointer é conhecida pelos grandes animais, com touros de quase uma tonelada e meia e pelos pequenos animais, como pássaros, coelhos e chinchilas, que também chamam atenção. Mas não costumam se envolver em conflitos. Pois, desta vez, teve disputa na chegada com os ovinos. Houve até quem dissesse que as galinhas e galos vindos do Alegrete tinham furado a fila. Oficialmente, as aves abriram a feira. É tradição os animais chegarem antes para adaptação ao ambiente e julgamentos de classificação.

Cruzadas

Até as pedras sabem que os indígenas já estavam no Brasil quando os portugueses chegaram. Partindo deste princípio todo o território brasileiro pertence aos índios e estamos conversados. A história mostra sobejamente que os colonizadores portugueses tentaram civilizar os nativos para usá-los na lide da terra e muito pouco conseguiram. Até mesmo os jesuítas tentaram, iniciando pela evangelização e culminando pelo uso da força se deram mal, pois os índios não queriam trabalhar. Para substituir o trabalho dos nativos, foram trazidos como escravos da África, que eram mais dóceis, trabalhadores e inteligentes. Por fim vieram os imigrantes europeus que criaram todo o progresso deste país. Agora, por absurdo que pareça, querem desalojar 300 agricultores que estão trabalhando, fazendo a terra produzir, para assentar 80 índios que não farão nada. Tal atitude, muito de acordo com outras notoriamente burras, populistas e demagógicas demonstram o mundo da lua em que vivem nossos dirigentes. Lugar de índio é na floresta, terras férteis são para quem sabe fazê-las produzir. Não podemos nos dar ao luxo de entregar terras boas para índios que nem saberão usá-las ou quem sabe as arrendarão para os brancos. GILBERTO SARTORI – PORTO ALEGRE, RS

Metro pergunta

Sudoku

O RS tem seu primeiro Siga o Metro no Twitter: índio mestre pela UFRGS. @jornal_metropoa A tribo o destacou para estudar e buscar seus direitos. Você concorda que esse é o caminho? @fael_alvira

Certo exemplo. @Gremista_Doente

Serviço – Os ingressos vão custar R$ 10. Estudantes e idosos pagarão meia entrada. O estacionamento para veículos sairá por R$ 25, incluído o ingresso do motorista. As motos não terão autorização para entrar. Para fugir dos congestionamentos na BR-116, fica a sugestão do trensurb. Os motoristas podem deixar os veículos em estacionamentos no centro de Porto Alegre e embarcar no trem, reduzindo o tempo de viagem, que leva 25 minutos da Estação Mercado à Estação Esteio. O ingresso para a feira pode ser comprado nas estações. Em 2012, 45% dos visitantes utilizaram esse meio transporte. A Expointer começa neste sábado e vai até o dia 1º de setembro.

Começou bem, mas tem muito caminho pra trilhar ainda... Pelo menos estão no caminho certo!! @vitor_apereira

Concordo! Os índios merecem um espaço!

Metro web Para falar com a redação:

leitor.poa@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

Lizemara Prates é jornalista do Grupo Bandeirantes de Comunicação. Apresenta o AgroBand, na TV Band, e tem comentários diários sobre agronegócio na Rádio Bandeirantes e na BandNews FM.

Horóscopo

Leitor fala

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Fique atento com o jeito de se expressar em assuntos familiares e evite cobranças que envolvam estas relações.

Reflita sobre sentimentos que não tenha feito bem diante de certas relações. Saber perdoar e esclarecer será fundamental.

Júpiter, que rege seu signo, forma oposição com Urano. Influência que aponta tendências para romper com padrões e até com convivências.  

Aproveite o dia para retomar contato com pessoas especiais, sejam parentes ou amigos que há tempos não mantém vínculo.

Procure valorizar a ponderação para não se exceder em críticas e não agir de forma impulsiva com as pessoas que mais gosta.

A comunicação será trunfo para resolver problemas e esclarecer mal entendidos. Evite acumular assuntos que precisa expor.

Este é um momento propício para repensar projetos no longo prazo que envolvam familiares e finanças. Dê mais tempo ao lazer.

Momento para observar e ponderar antes de decidir sobre algo importante ligado a relacionamentos. Faça valer seu senso de justiça.

Um aspecto tenso entre Júpiter e Urano – regente de seu signo – recomenda atenção com a ansiedade diante de projetos e nas relações.

Assuntos profissionais são propensos a algum tipo de disputa ou situação que envolva necessidade de diplomacia com certas diferenças.

Período propício para quem trabalha com eventos e para divulgar projetos autônomos. Ambientes sociais serão mais frequentes.

Lua e Netuno formam conjunção em seu signo, o que tende a deixá-lo mais sentimental e receptivo a energia dos lugares e pessoas.


PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Estreia para manter fase ascendente Copa do Brasil. Grêmio enfrenta o Santos pelas oitavas de final da competição No futebol as situações se modificam com velocidade. Quando o sorteio das oitavas de final da Copa do Brasil ocorreu, em 6 de agosto, o Grêmio procurava o seu caminho sob o comando de Renato Portaluppi. Entre o dia que definiu o Santos como adversário e o primeiro jogo, hoje, às 19h30, muito mudou no lado gremista. O time que entra em campo na Vila Belmiro está com a confiança inflada e busca, pela primeira vez no ano, a quarta vitória consecutiva. “Temos que jogar com inteligência. Tivemos exemplos ruins no ano passado Este ano, com mais clubes grandes disputando a competição, será mais difícil”, analisa o atacante Kleber, lembrando a elimi-

4 títulos da Copa do Brasil conquistou o Grêmio. nação para o Palmeiras no torneio do ano passado. Em relação ao time que bateu o Vasco no fim de semana, a única modificação é a volta do zagueiro Bressan ao time, com o esquema com três zagueiros sendo mantido. Já para o Santos, as duas semanas entre a descoberta do adversário e o jogo de hoje não foi tempo suficiente para espantar os fantasmas após a venda de Neymar e a goleada sofrida para o Barcelona. METRO POA

Kleber vive boa fase no ataque gremista | LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA

SANTOS Aranha; Galhardo (B. Peres), Edu Dracena, Durval e Mena; Alison, Marcos Assunção (A. Santos), Cícero, Montillo; T. Ribeiro e W. José. Técnico: Claudinei Oliveira

GRÊMIO Dida; Werley, Rhodolfo e Bressan; Pará, Souza, Riveros, Ramiro e Alex Telles; Kleber e Barcos. Técnico: Renato Portaluppi

L ca Vila Belmiro, em Santos, às 19h30 A bi age Jailson Macedo Freitas (BA), auxiliado por Carlos Berkenbrock (SC) e Luiz Carlos Silva Teixeira (BA) Ta i ã ESPN Brasil e rádios Bandeirantes AM e Ipanema FM

|13|◊◊

Copa. 1 milhão de pedidos de ingressos A corrida para garantir um lugar nas arquibancadas da Copa do Mundo começou ontem. E o torcedor se apressou: nas sete primeiras horas de venda, um milhão de ingressos foram solicitados por 163 mil pessoas. Ao todo, serão 2.989.608 entradas comercializadas ao longo de todo o processo. Os jogos mais procurados foram o da abertura – dia 12 de junho, em São Paulo, com mais de 168 mil pedidos – e o da decisão – dia 13 de julho, no Rio, com mais de 165 mil solicitações. Brasil, Argentina, Estados Unidos, Chile e Inglaterra foram os países que mais procuraram os bilhetes. O processo começou às 7h e internautas tiveram problemas para comprar. Os bilhetes são vendidos apenas no site da Fifa (www.fifa.com/ingresso), após cadastro. Há a opção de receber o ingresso em casa – com pagamento de taxa – para quem não adquirir meia-entrada. METRO

3 ESPORTE

Ficou doce

Troca A e i a Ma ia Sha a a e ca e b e e d a e a di a d US O e De ac d c a The Ti e e a ici à S e a C e da F ida i i a e S ga a a ca de d ce c iada e a d a e a c e içã


|14|

PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Esquadrão sogipano Judô. Seis judocas da Sogipa irão disputar o Mundial da categoria no Rio de Janeiro, a partir de 26 de agosto GABRIELA DI BELLA/METRO

O sorriso fácil e o bom humor dos judocas da Sogipa ao falar sobre o Mundial de Judô, no Rio de Janeiro, enganam. Quando a luta começa, os dentes rangem e eles encaram o que estiver pela frente. O clube levará seis atletas para a competição que vai do dia 26 até 1o de setembro. A expectativa é de que a bagagem de volta traga algumas medalhas. Em uma oportunidade única para ver lutas do mais alto nível da modalidade, todos levarão familiares e amigos para assistirem ao evento, uma espécie de preparação para o clima que será vivido em 2016 nos Jogos Olímpicos.

4

3

2

5

1

6 Judocas mostram confiança para a principal competição do ano

VALTER JUNIOR METRO PORTO ALEGRE

1

2

3

4

5

6

Maria Portela

Felipe Kitadai

Mayra Aguiar

Taciana Lima

Eduardo Santos

Renan Nunes

A cabeça de Maria Portela está feita. Após ter tido um desempenho abaixo do esperado nos Jogos Olímpicos do ano passado, a judoca buscou ajuda, evolui técnica, tática e fisicamente, mas sobretudo, trabalhou o seu lado psicológico. Técnicas de relaxamento para diminuir a ansiedade foram implantadas no seu cotidiano. “Quero sair com a consciência de que dei o meu melhor. Senti o peso de uma Olimpíada. Senti psicologicamente e deu tudo errado”, admite.

Um ano faz a diferença. No ano passado, Felipe Kitadai chegou a Londres tendo que vencer os seus adversários. Após o bronze conquistado em 2012 e boas campanhas este ano, ele desembarcará no Rio de Janeiro como um dos lutadores a serem batidos na categoria até 60Kg. “É um sonho lutar o Mundial no Brasil. Os resultados estão vindo. Ficou mais complicado. Eu não era tão visado, hoje sou um dos principais atletas da categoria”, comenta Kitadai, que lutará no primeiro dia da competição.

Aos 22 anos, Mayra Aguiar já ganhou medalhas em Mundiais e foi bronze nos Jogos Olímpicos. Um ano após subir ao pódio em Londres, ela diz ainda não ter atingido o ápice de sua carreira e quer mais uma conquista para a sua galeria. “Ainda tenho muito o que buscar. Tem a pressão de lutar em casa e ser a primeira do ranking. Mas isso é com a minha cabeça. Será a briga da Mayra com a cabeça dela”, conta a judoca que luta em 30 de agosto.

Taciana será uma brasileira-estrangeira no Rio de Janeiro. Pernambucana, ela luta por GuinéBissau, país de origem de seu pai, a quem ela conheceu somente aos 29 anos de idade. “Lá não tem cultura esportiva. Não tem nem tatame para treinar. Juntei o útil ao agradável”, explica. Defendendo o país africano, ela foi campeã continental em abril e passou por uma situação inusitada no pódio. “Foi estranho. Tocou o hino e na época eu não conhecia. Agora aprendi o hino”, sorri.

Jogo Aberto

LEONARDO MENEGHETTI LEONARDO.MENEGHETTI@ METROJORNAL.COM.BR

Jornalista esportivo desde 1986, Leonardo Meneghetti foi repórter de rádio, TV e jornal e está no Grupo Bandeirantes desde 1994. Foi coordenador de esportes, diretor de jornalismo, e, desde 2005, é o diretorgeral da Band-RS. Diariamente, às 13h, comanda “Os Donos da Bola”, na Band TV.

Eduardo Santos foi dormir na terça-feira como um dos judocas que competiriam na disputa por equipes. Acordou ontem como o representante brasileiro na categoria até 90 kg. Com a lesão de Tiago Camilo, ele ganhou espaço e uma vaga na disputa individual. A força da torcida será utilizada a favor. “A expectativa é grande pelo lado da torcida. Lutar em casa é um diferencial, quando se está cansado parece que tem alguém te levantando”, analisa o lutador que compete no dia 30.

O meio-pesado Renan Nunes, categoria até 100Kg, lutará no penúltimo dia de competições. Até entrar no tatame ele terá que segurar a ansiedade e acompanhar o desempenho de seus companheiros. “Vou tirar como motivação ver os companheiros. Vou brigar por medalha. A força da torcida nos ajudará bastante nas horas da dificuldade”, explica o judoca. Sua irmã, Rochele, ficou de fora do Mundial devido a uma lesão na mão.

Inter. CBF aperta calendário O já abarrotado calendário do futebol brasileiro ficou ainda mais apertado para o Inter. A CBF anunciou ontem as datas dos jogos atrasados do Brasileirão. O confronto contra o Santos, pela 10a rodada, ficou para 9 de setembro, uma segunda-feira, às 19h30. A partida no Estádio do Vale será dois dias após o jogo contra a Ponte Preta, marcado para sábado, às 16h. O confronto seguinte, contra o Vitória, ainda não tem data definida pela entidade, mas pode ser no dia 11. Antes disso, ainda tem o confronto contra o Corinthians, em 4 de setembro. A decisão da CBF irritou o Inter. “É inacreditável que o futebol ainda seja administrado assim. O Inter não teve vantagem nenhuma e está sendo penalizado. Vamos buscar todos os meios cabíveis para isso”, assegurou o vice de futebol Marcelo Medeiros. A sugestão colorada é que, caso o clube chegue à final da Copa do Brasil, o jogo seja disputado em 4 de dezembro, antes da última rodada do Brasileirão. A partida diante do Peixe foi adiada devido ao amistoso do clube paulista diante do Barcelona. METRO POA

66h é o intervalo mínimo entre uma partida e outra previsto pelo regulamento geral das competições da CBF.

A OBRA-PRIMA DE RUI COSTA Não tenho convicção de que o Grêmio tem time para ser campeão brasileiro. Mas também não o vejo assim tão fora da disputa, especialmente depois do Gre-Nal, quando Renato encontrou o melhor esquema tático. Que não se discuta mais o 3-5-2! O fato que chama a atenção são os “achados” da direção gremista no co-irmão Juventude. Leia-se aqui achados do executivo Rui Costa. Jogadores baratos, com qualidade, que o executivo “cavocou” e que já têm interessante valor de mercado. O contestado pacote do Juventude é uma obraprima do executivo de futebol gremista. Alex Telles foi o primeiro a ser anunciado, quase que de forma secreta, em dezembro, como primeiro reforço para 2013. Ninguém saudou a contratação. Aliás, enquanto se aguardava o nome do cofre, expressão utilizada pelo eleito presidente Koff, chegava um lateral de Caxias. Trata-se de um jogador da convicção de Rui. Depois, de forma surpreendente, o Grêmio fechou, sob o olhar da desconfiança, mais cinco jogadores do Juventude. Começou com o pacotão que incluiu Bressan, Follmann, Paulinho e Ramiro, todos na casa dos 20 anos. Posteriormente chegou o lateral Moisés, este com 23 anos. Vieram de um clube da Quarta Divisão do futebol brasileiro.

Na mosca. Pelo menos em mais dois nomes. Um dirigente que contrata seis jogadores de um time da Série D e acerta em pelo menos três nomes merece respeito. E observe, prezado leitor, Rui é um dirigente que ainda busca experiência. Somados seus meses no futebol nesta passagem e na anterior pelo departamento de futebol tricolor acaba de ultrapassar um ano. Pouco tempo numa profissão tão exigente, pressionada e conturbada. Bressan é um zagueiro eficiente. A sequência de jogos e o natural amadurecimento que a posição exige farão seu futebol crescer. Com bons companheiros ao lado poderá atalhar este caminho. Alex Telles é um lateral como poucos que estão no futebol brasileiro atualmente. Tem a óbvia qualidade de chegar na linha de fundo. Escrevo óbvia porque deveria ser premissa básica para um lateral. E ele cumpre. Com naturalidade e bons proveitos ao time. O volante Ramiro, esquecido por Luxemburgo e que Renato está lançando, é um baita jogador. Tem mais qualidades que Fernando e acho que mais futuro também. Talvez não seja um marcador tão eficaz, quanto o antecessor. Mas é bom passador, lança bem e chuta com personalidade. Não tem medo de errar. Apostem: este garoto é diferenciado.

O atacante Paulinho, o mais jovem com 19 anos, apareceu poucas vezes. E o goleiro Follmann, 21, e o lateral Moisés compõem o grupo. O fato é que é preciso coragem para contratar seis jogadores de um clube da quarta divisão do futebol nacional. Lembro o ex-presidente colorado José Asmuz. No começo da década 90, para espanto de todos, anunciou todo pimpão e orgulhoso, como era seu costume, o pacotão do Matsubara: “Tico, La Mônica, Ratinho e Jorge Luís”, estufou o peito o presidente vermelho como se descobrisse a América. A negociação deu errada, chegaram três dos quatro anunciados, um foi embora dias depois, jogaram apenas dois. Jogaram é uma benemerência do colunista. Naufragaram. Asmuz é até hoje motivo de chacota pelo mico. Ou melhor, pelo Ratinho e cia. Rui Costa mostrou estar bem cercado no departamento e ter boas informações. E a sua capacidade de observação também merece ser reconhecida. Contratar meia dúzia de jogadores do Juventude e acertar em pelo menos três é mais do que elogiável. É surpreendente. Isto sim é cuidar com competência da saúde financeira do clube ao mesmo tempo em que não se perde a capacidade de investimento no futebol.


PORTO ALEGRE - QUARTA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2013



20130821_br_portoalegre