Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável.

DIVULGAÇÃO

Espetáculo “Arresolvido” estreia hoje

Glauce Rocha de cara nova Temporada 2013 do teatro traz 59 atrações

PÁG. 15

CINEMA ESTILO HQ

‘UMA HISTÓRIA DE AMOR E FÚRIA’: 2D NACIONAL INSPIRADO EM MOEBIUS PÁG. 12 RIO DE JANEIRO Sexta-feira, 5 de abril de 2013 Edição nº 613, ano 3 MÍN: 21°C MÁX: 32°C

sunny

snow

rain

partly

cloudy

sleet

thunder

part sunny/

www.readmetro.com | leitor.rj@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrorj sunny showers

thunder showers

windy

Bando frauda laudos e leva R$ 7,5 mi do DPVAT hazy

showers

17 presos. Quadrilha tinha peritos do IML, policiais civis e advogados. Exames eram fraudados para se encaixar no quesito de doença incurável e alcançar o valor máximo do seguro de R$ 13,5 mil. Às vítimas, era oferecida a agilidade no recebimento em troca de 30% do valor do seguro PÁG. 04

Governo libera reajuste de até 6,31% para os remédios

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Índice considera inflação dos últimos 12 meses. Relação com os 6.234 medicamentos sai no dia 20 PÁG. 10

ALERTA MÁXIMO

Coreia do Norte movimenta mísseis nucleares e sul-coreanos reforçam defesas na fronteira PÁG. 10 Soldados do 23º Batalhão de Armas Químicas dos EUA fazem demonstração para o exército sul-coreano. Equipe voltou a ter base no país | LEE JAE-WON/REUTERS

PM tentou conter manifestantes | ARMANDO PAIVA/FUTURA PRESS

PM ajuda a remover moradores de casas na área do Jardim Botânico Primeira ação para reintegração do terreno tirou famílias de 4 casas: eles foram levados para Centro e Tijuca PÁG. 06


RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{EDITORIA}

|02|◊◊


1 FOCO

Reeleição

Apoio não garantido

O deputado Anthony Garotinho (PR-RJ) alertou ontem que a ida de César Borges para o cargo de ministro dos Transportes ainda é insuficiente para confirmar o apoio do PR à reeleição da presidente Dilma Rousseff em 2014. “A volta do PR ao Ministério dos Transportes não envolve compromisso de apoio à presidente Dilma no Estado do Rio à sua reeleição à presidência nem dela em relação à minha possível candidatura ao governo do Estado”, disse.

Voltou

De Londres Miss Mundo, a chinesa Wenxia Yu, convidada especial do concurso Miss Brasil World 2013, retornou ontem ao Rio após ser barrada no aeroporto internacional do Galeão por falta de visto. No Facebook, ela comemorou o visto apesar do bate e volta.

|04|

RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Turistas alemães Nove policiais Desãonovo. assaltados em van civis são presos por fraudes Operação. Quadrilha de estelionatários é desmontada. Grupo que falsificava dados para receber o seguro DPVAT lucrou R$ 7,5 milhões Com apoio de delegacias especializadas, a Corregedoria da Polícia Civil desmontou uma quadrilha que praticava fraude em documentos para o recebimento do seguro obrigatório em acidentes de trânsito, ontem. A Operação Assepsia prendeu 17 pessoas – sendo nove policiais civis. Os mandados foram obtidos com a ajuda do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Rio (MPRJ). Os presos vão responder pelos crimes de estelionato, formação de quadrilha, corrupção ativa e passiva, violação de sigilo funcional, sonegação e inutilização de documentos. As buscas foram feitas em seis municípios: Rio de Janeiro, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Teresópolis. A polícia apreendeu documentos falsos, computadores, duas pistolas e três veículos. O grupo teria desviado R$ 7,5 milhões com fraudes de documentos para receber

Operação prendeu 17 pessoas, entre eles nove policiais civis | REPRODUÇÃO BAND

“O prejuízo é incalculável. Eles tinham uma logística de trabalho muito bem combinada.” GLADSTON GALEANO, DELEGADO RESPONSÁVEL PELA INVESTIGAÇÃO

parte do valor do seguro de trânsito de Danos Pessoais Causados por Véculos Automotores Terrestres (DPVAT). Eles se dividiam em dois núcleos: um policial, na 59ª DP e no Posto Regional de Polícia Técnico-Científico (PRPTC), ambos em Duque de Caxias, com extensão na 110ª DP, em Teresópolis; e um jurídico, no

Pouco mais de uma semana depois de um casal de turistas ter sido atacado dentro de uma van, outro grupo de estrangeiros foi alvo de ações de bandidos. Nove alemães que faziam passeio turístico no Rio foram assaltados por seis homens armados na Estrada das Paineiras, próximo ao Corcovado. A van dos turistas foi interceptada por dois carros com os ladrões. O grupo prestou queixa na Delegacia de Atendimento ao Turista (Deat), no Leblon. A guia turística e o motorista da van também foram assaltados. Os bandidos fugiram levando dinheiro, documentos e aparelhos eletrônicos. Quadrilha era maior A Polícia Civil informou ontem que descobriu mais

componentes do bando que estuprou a turista norte-americana e espancou seu namorado francês em uma van. A quadrilha, na verdade, era formado por cinco pessoas e não por três, que já estão presos. Um menor, que faria parte do grupo, foi identificado. A polícia tenta ainda descobrir a identidade do quinto criminoso. O membro da quadrilha ainda não identificado foi denunciado por outra vítima do grupo, que afirmou ter sido estuprada pelo bando no Carnaval. Ela é uma estudante de 18 anos. Mais uma mulher, além da turista e da estudante, reconheceu o bando e denunciou ter sido vítima de estupro. Ela é moradora de Saquarema, na Região dos Lagos. METRO RIO

escritório de advocacia Mendonça & Silva Advogados Associados, também em Caxias. Os policiais preenchiam guias falsas e forjavam laudos periciais para se encaixarem nos requisitos doença incurável no Instituto Médico Legal do município. Depois, cobravam 30% da indenização, que pode chegar a R$ 13,5 mil. Em nota, a Seguradora Líder DPVAT, que administra o serviço, disse que incentiva e apoia ações que evitem fraudes. Além disso, ao analisar os pedidos de indenizações, está adotando procedimentos para evitar pagamentos indevidos. METRO RIO

Procura-se uma caneta de ouro Uma caneta de ouro que pertenceu ao ex-presidente Afonso Pena foi furtada do Museu da República, no Catete, na terça-feira. O furto foi comunicado ao Ministério da Cultura e os dados do objeto foram inseridos no Cadastro de Bens Musealizados Desaparecidos do Instituto Brasileiro de Museus, mas a caneta ainda não foi recuperada. A Polícia Federal recolheu impressões digitais do armário vitrine onde a caneta ficava. METRO RIO

Transporte fiscalizado Em forma de pena, a caneta é datada de 1908 | DIVULGAÇÃO/IBRAM

FALE COM A REDAÇÃO leitor.rj@metrojornal.com.br /- COMERCIAL: /-

O jornal Metro circula em  países e tem alcance diário superior a  milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de  mil exemplares diários.

Operação da Coordenadoria de Transporte Complementar, da Prefeitura do Rio, ontem, recolheu 41 veículos irregulares e piratas das ruas. Desses, 39 vans e kombis e dois táxis. A ação foi realizada em Copacabana e na Barra da Tijuca. | BRUNO POPPE/FRAME/FOLHAPRESS

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: .). Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: .). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Rio de Janeiro. Editora-Executiva: Ana Lúcia do Vale. (MTB: .) Editora de Arte: Cláudia Lorena. Gerente Comercial: Janaína Orlani. Grupo Bandeirantes de Comunicação RJ. Diretor Geral: Daruiz Paranhos. Diretor de Jornalismo: Rodolfo Schneider. Diretor Comercial: Tuffy Habib.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: Rua Álvaro Ramos, 350, 4º andar, Botafogo, CEP 22280-110, Rio de Janeiro, RJ. Tel.: 021/2586-9570. O jornal Metro Rio é impresso pela News Technology Gráfica e Editora Ltda.

INSTITUTO VERIFICADOR DE CIRCULAÇÃO

em processo de filiação


RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Motorista do ônibus 328 tem histórico de agressões Queda na Avenida Brasil. Agressor de condutor também tem duas passagens na polícia por lesão corporal. Perícia no viaduto mostra que veículo não freou. Ex-funcionário da empresa do ônibus denuncia condições estressantes no trabalho O motorista do ônibus da linha 328 (Bananal – Castelo), André Luís Souza Oliveira, de 33 anos, que dirigia o veículo quando ele caiu do viaduto Brigadeiro Trompovski sobre a Avenida Brasil, na terça-feira, tem dois registros policiais por agressão e ameaça à ex-mulher, a cabeleireira Francilene Santos, 40 anos. O passageiro que deu chutes no rosto do condutor também tem histórico de agressões. Rodrigo dos Santos Freire, de 25 anos, estudante de engenharia da UFRJ, possui dois registros policiais por lesão corporal. Os dois discutiam dentro do ônibus em movimento, logo antes de o coletivo despencar. Por causa disso, o delegado José Pedro da Silva Costa, da 21ª DP (Bonsucesso), que investiga o caso, indiciou o pi-

loto e o passageiro pelo acidente. Ele também vai pedir a prisão preventiva dos dois, que deve sair até hoje. André e Rodrigo vão responder por homicídio doloso com dolo eventual (pelas sete mortes), quando não se tem a intenção de causar o acidente, mas assume o risco. Eles ainda devem responder por tentativa de homicídio, em relação aos feridos. Dos dez que continuam internados, quatro estão em estado grave. O delegado ainda vai ouvir mais testemunhas e aguarda o laudo do tacógrafo para saber qual era a velocidade do veículo, desde a saída do ponto final até a queda. Resultados preliminares da perícia no viaduto mostram que não havia marcas de frenagem na pista. Segundo o delegado, isso comprova que o ônibus es-

para a fratura do fêmur e o traumatismo craniano.

Motorista e passageiro vão responder pelas 7 mortes | CELSO BARBOSA/FUTURA PRESS

600 mil reclamações de passageiros, aproximadamente, receberam as empresas de ônibus da cidade no ano passado. A maioria, contra os motoristas.

tava desgovernado e que o motorista teria ficado inconsciente. Ele tem até 30 dias para concluir o inquérito. O agressor continua internado no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, com a mandíbula fraturada. O motorista está no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, recebendo tratamento

Rotina de estresse Um ex-funcionário da empresa Paranapuan, a mesma do ônibus que caiu, conta que a rotina estressante e a cobrança para cumprir prazos fez com que ele pedisse demissão depois de quase três anos de trabalho. Agora, faz tratamento para depressão e diz que, no caso da linha 328, os motoristas tem apenas 1h20 para cumprir o trajeto Ilha do Governador até o Centro. “O estresse é a corrida contra o tempo. Além de dirigir no tempo X, precisa cobrar a passagem e não dá para parar em todos os pontos. Quem tem pavio muito curto explode rápido”, disse o ex-motorista, que não quis ser identificado. METRO RIO COM BAND

|05|◊◊

Barcas. MP investiga Agetransp O Ministério Público do Rio (MP-RJ) instaurou inquérito, ontem, para apurar suspeitas de improbidade administrativa da Agetransp, a agência reguladora dos transportes, em relação ao serviço prestado pela CCR Barcas em Niterói. A medida foi tomada por conta de sucessivos episódios de tumulto nas estações de Charitas e da Praça Araribóia, envolvendo usuários das barcas insatisfeitos com os serviços. Segundo a Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania de Niterói, os constantes tumultos causados pelo mau atendimento da CCR Barcas obrigam a Polícia Militar a intervir, causando deslocamento de efetivos que deveriam cuidar da segurança pública em outros pontos da cidade. O inquérito destaca ainda que a intervenção da polícia representa custo ao tesouro público e, por isso, a omissão da Agetransp em fiscalizar e punir a CCR Barcas, para que a empresa preste o serviço de forma eficiente, vem causando danos. METRO RIO

Perimetral: prefeitura terá que mostrar estudos sobre demolição

Obras interditaram acesso à Perimetral pela Candelária | BRUNA PRADO/METRO RIO

A Justiça determinou que a prefeitura e a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (CDURP) apresentem ao Ministério Público do Rio (MP-RJ), em um prazo de até 60 dias, documentos consolidados e atualizados dos estudos de impacto de vizinhança e viários das in-

União libera R$ 12 milhões para recuperação de Angra O Governo Federal autorizou a liberação de R$ 12 milhões para Angra dos Reis, na Costa Verde, para serem usados em obras de reconstrução e recuperação de danos causados pelas fortes chuvas que atingiram o município no mês passado. O repasse, que será realizado em três parcelas, foi publicado ontem no Diário Oficial da União. Do total, R$ 5 milhões serão repassados diretamente para a prefeitura de Angra. Os

outros R$ 7 milhões irão para o Governo do Estado, que, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), irá reconstruir pontes nas localidades de Banqueta e Areal, e fazer obras de drenagem e contenção de encostas. O prazo de execução é de 365 dias. Ontem, morreu a 34a vítima dos deslizamentos em Petropolis. Rodrigo de Oliveira, 21 anos, que estava internado, teve parada cardiorrespiratória e não resistiu. METRO RIO

Temporal destruiu a ponte da Banqueta | DIVULGAÇÃO/DEFESA CIVIL

tervenções do Projeto “Porto Maravilha”. Em especial, os relacionados às obras de demolição do elevado da Perimetral, no Centro. Nos documentos deverão constar as avaliações do fluxo viário, contemplando as áreas direta e indiretamente afetadas, durante e após as obras. Dentre os esclare-

cimentos prestados ao MP-RJ, a prefeitura afirmou que a futura avenida Binário será inaugurada antes da eventual demolição do elevado da Perimetral, programada para o segundo semestre deste ano. O MP considera, com base em parecer do seu Grupo de Apoio Técnico (GATE),

que não se tem um prognóstico seguro quanto aos impactos viários das obras de demolição e em relação às medidas a serem adotadas para evitar ou compensar os transtornos causados aos usuários e moradores. Segundo o MP, as mudanças iriam piorar o trânsito da cidade. METRO RIO


|06|

Contaminado. CSN terá que pagar R$ 50 mi A Secretaria Estadual de Ambiente (SEA) detectou uma contaminação em Volta Redonda, no sul fluminense, e 750 moradores terão de deixar suas casas. O terreno possui resíduos cancerígenas liberados pela Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). A empresa foi multada em R$ 50 milhões. A SEA divulgou ontem o resultado das análises. Foi detectada a presença de, entre outras substâncias, o ascarel, que é considerado lixo químico e aumenta a probabilidade de câncer em quem tiver contato com direto com ele. Nos arredores da região onde foi detectada a contaminação, pesquisas estão sendo feitas para confirmar se há ou não resíduos cancerígenas. A CSN é acusada de contaminação do solo, do lençol freático, risco à saúde humana e sonegação de informações. A multa será entregue à empresa na segunda-feira. METRO RIO

RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Removidos do Horto ainda tentam acordo

Desapropriação. Moradores de área dentro dos limites do Jardim Botânico foram retirados de quatro casas. Ação contou com a PM

Moradores ainda tentam legalização dos terrenos no Horto | FABIO TEIXEIRA/FOLHA PRESS

Um oficial de Justiça atravessou as barricadas e, ao som de protestos, cumpriu, ontem à tarde, o mandado de remoção de quatro casas no Horto, na zona sul. Apesar da decisão, a Associação de Moradores do Horto (Amahor) ainda tenta, junto à Secretaria de Patrimônio da União (SPU), o retorno dos moradores às casas. A negociação durou horas e a saída foi dificultada porque as pessoas a serem retiradas não tinham para onde ir. Os moradores removidos fazem parte de um total de cerca de 620 pessoas que vivem dentro dos limites do Jardim Botânico. “Existem muitas pessoas ricas na região do Horto e

“Vamos tentar a legalização dos terrenos. O moradores saíram com a promessa de que as casas ficariam do jeito que estão.” WILSON REZENDE, DIRETOR DA AMAHOR

do Jardim Botânico e elas não querem pobres vivendo aqui. Para elas, essa terra não nos pertence”, desabafa Wilson Rezende, 71 anos, diretor da (Amahor). A ação contou com a presença de policiais federais, militares do Batalhão do Leblon (23o BPM) e do Batalhão de Choque (BPChq). A União pede a reintegra-

ção desse terreno para devolvê-lo ao Jardim Botânico. O parque pretende utilizar a área para fins de expansão. Ida para Centro e Tijuca Segundo informações da Amahor, os moradores que tiveram suas casas retiradas foram levados para imóveis do SPU no Centro e na Tijuca, zona norte. Eles tiveram seus bens transportados por veículos do órgão federal. O começo das construções feitas ali data do princípio do século 19. A maioria das pessoas que viviam na vila era composta de trabalhadores do Jardim Botânico. Os moradores tentam a legalização dos terrenos na Justiça. METRO RIO

Três em cada quatro pegos na Lei Seca são absolvidos Um levantamento realizado pelo Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) aponta que apenas 26,4% dos motoristas flagrados pela Operação Lei Seca são condenados. Nos últimos quatro anos, 379 processos foram julgados em todo o Estado e 283 foram absolvidos. Os juízes e desembargadores que decidiram pela absolvição dos réus entenderam que o Ministério Público, responsável pela denúncias, não conseguiu provar que houve comprometimento psicomoDe pai para filho

Hospital da Criança faz 1o transplante Ubiratan Tonaso doou parte do fígado para Natan Tonaso, de um ano, no primeiro transplante do Hospital da Criança, em Vila Valqueire, zona oeste, anteontem. O procedimento durou nove horas. Os dois passam bem. METRO RIO

Entre 2008 e 2011, Estado teve queda de 34% nas mortes | ROGÉRIO SANTANA/DIVULGAÇÃO

tor dos motoristas. A Coordenadoria-geral da Lei Seca afirma que, entre 2008 e 2011, o Estado regisSem autorização

trou uma queda de 34% do número de morte e um decréscimo de 33% feridos. METRO RIO

Incêndio

Distribuidora de água é interditada

Prédio na rua do Ouvidor pega fogo

Agentes da Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Contra o Ambiente (CICCA) interditaram ontem uma distribuidora de água que funcionava sem autorização no Jardim Primavera, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. O estabelecimento foi lacrado.

Bombeiros foram chamados para controlar o incêndio em um edifício na rua do Ouvidor, na altura da rua Uruguaiana, no Centro, na tarde de ontem. Ninguém ficou ferido. Por conta do incidente, o trânsito nas avenidas Presidente Vargas e Rio Branco ficou tumultuado. METRO RIO

METRO RIO


|08|

RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Itamaraty vai investigar assédio moral em Sidney Denúncias. Pelo menos oito servidores afirmam que estão sendo vítimas de maus-tratos cometidos pelo embaixador e pelo consul-adjunto. Denúncias incluem assédio sexual A chegada do diplomata Américo Dyott Fontenelle, em junho de 2010, ao consulado do Brasil em Sidney, na Austrália, transformou em pesadelo a rotina de trabalho. Pelo menos oito funcionários relataram ao Itamaraty queixas de maus-tratos cometidos pelo embaixador. Há também duas funcionárias que o acusam de assédio sexual. Fontenelle é o atual Consul-Geral do Brasil em Sidney e é investigado desde março junto com o consul-geral adjunto, César de Paula Cidade, no cargo desde dezembro de 2010. Os funcionários apresentaram um abaixo-assinado pedindo a abertura de um Processo de Apuração Ético, que poderá determinar desde uma advertência até a expulsão do

“Constrangimentos e uso de palavrões são recorrentes. Não são casos isolados. Fazem parte da rotina diária do pessoal em Sidney.” RAFAEL DE SÁ ANDRADE, SECRETÁRIOGERAL DO SINDITAMARATY

Itamaraty decide até o fim do mês se abre processo ético

diplomata. A Comissão de Ética do Itamaraty decidirá sobre a abertura de ação até o fim do mês, com base no relatório do embaixador do Brasil no Kuwait, que ficou dez dias em Sidney ouvindo os envolvidos nas denúncias. O Metro tentou o contato com o embaixador, mas não con-

| BIA FANELLI/FOLHAPRESS

seguiu localizá-lo. ‘Atendimento Jedi’ Os funcionários relatam que as ofensas ocorriam até durante o atendimento ao público. Fontenelle ficava atrás dos guichês e disparava palavrões de cunho homofóbico e racista. O tratamento diário foi apelida-

do de ‘atendimento Jedi’. O embaixador tem histórico de denúncias de assédio moral quando ocupava o cargo de Consul-Geral em Toronto, no Canadá, em 2007. O processo foi arquivado. Nos últimos dois anos, oito funcionários pediram demissão do consulado e seis, transferência. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Justiça. Júri absolve um por morte de extrativistas O agricultor José Rodrigues Moreira, acusado de planejar e financiar o assassinato do casal de extrativistas José Claudio e Maria do Espírito Santo, foi absolvido ontem, após dois dias de julgamento no Fórum de Marabá, no Pará. As vítimas, mortas em maio de 2011, denunciavam casos de extração ilegal de madeira e grilagem de terras no assentamento Praialta Piranheira. Os outros dois acusados foram condenados. METRO

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO@METROJORNAL.COM.BR

MENOR QUE IMAGINAVA, SERRA HESITA SAIR DO PSDB.

DAQUI NÃO SAIO. Nem mesmo aliados fieis como o senador Aloisyo Nunes (SP), topam se juntar a aventura de José Serra no PPS: “Do PSDB eu não saio”. TRIO TERNURA. Por trás do insucesso de Serra estão três tucanos ilustres convencendo “serristas” a ficarem no PSDB: FHC, Geraldo Alckmin e Aécio Neves. TE CUIDA, LUANA. O cora-

joso desabafo de Luana Piovani contra Sérgio Cabral, protestando contra a bagunça, a sujeira e o banditismo no Rio de Janeiro, pode custar caro à atriz. Rancoroso, ele tem o hábito de perseguir e pedir a cabeça dos seus críticos, inclusive jornalistas.

Luana Piovani | FABIO KNOLL/ DIVULGAÇÃO

Depoimento

Feliciano vai ao Supremo depor sobre estelionato O deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) é acusado de simular um contrato de R$ 13,3 mil para um culto religioso ao qual não compareceu. Ele alega que ficou doente. O ministro Ricardo Lewandowski é o relator do caso. METRO BRASÍLIA

“NÃO SIGNIFICA APOIO A DILMA EM 2014”

O ex-governador paulista José Serra tem enfrentado dificuldades para reunir um número significativo de políticos do PSDB que, liderados por ele, realizem filiação coletiva ao Partido Popular Socialista (PPS). A “janela” para a mudança, sem risco de perder mandato, será a fusão ao Partido Municipalista Nacional (PMN), a pretexto de “criar” uma terceira agremiação. Serra tem menos aliados que imaginava, no PSDB.

DEPUTADO ANTHONY GAROTINHO (PR-RJ) SOBRE A NOMEAÇÃO DO MINISTRO DOS TRANSPORTES

PERGUNTA NA FRONTEIRA.

O que Lula está fazendo que ainda não se ofereceu para intermediar o conflito entre as duas Coreias? VEXAME. Depois da França, o site do Ministério das Relações Exteriores do Canadá recomenda “muita cautela” a turistas, após o crescimentos de estupros no Brasil: 150% a mais em quatro anos, superando a Índia. MALANDRAGEM. Aliados do governo do cocaleiro Evo Morales, da Bolívia, armam golpe contra o senador de oposição Roger Pinto, asilado na embaixada do Brasil há quase um ano. Querem cassá-lo por “faltas”. LULICES. Virou página no Facebook a frase do presidente do Uruguai, José Mujica, num evento oficial ontem, ignorando que era gravado: “Essa velha (Cristina) é pior que o caolho (Néstor Kirchner). Te cuida, Dilma.

PODER SEM PUDOR

Tapinha amigo No início dos anos 90, em visita ao Brasil, Fidel Castro foi almoçar na casa de Lula, em São Bernardo (SP). Até provador foi destacado pela segurança cubana. D. Marisa compreendeu: todo o cuidado era pouco – afinal, a CIA tenta matar Fidel há décadas. Mas o comandante meteu o delicioso bife rolê

inteiro na boca, e se engasgou com o palito que mantinha a carne enrolada. O homem ficou roxo, abriu os braços, pânico geral, até Lula aplicar um tapa nas suas costas. Um alívio. Depois que o convidado foi embora, Lula comentou: - Quase matei o Fidel, coisa que nem a CIA conseguiu... 

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR


|10| Em mais um passo para a escalada de tensões na Península Coreana, Pyongyang moveu mísseis para a costa leste do país. A informação foi confirmada por autoridades sul-coreanas que monitoram as atividades militares na nação vizinha. O movimento veio no dia seguinte ao anúncio do envio de um sistema de defesa antimísseis para a base norte-americana da ilha de Guam, no Pacífico. Segundo analistas, os mísseis da Coreia do Norte poderiam atingir alvos no sul e no Japão. Pyongyang anunciara, na quarta-feira, a iminência de um ataque nuclear contra os Estados Unidos. Washington e observadores independentes, no entanto, não acreditam que a Coreia do Norte possua tecnologia para isso. “O que estamos vendo agora é um padrão familiar de comportamento”, disse o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, sobre a crescente retórica do regime norte-coreano. “Lamentável, mas familiar.” Nos próximos dias, os EUA devem investir em uma solução diplomática para o conflito. O secretário de Estado, John Kerry, deve chegar a Pequim, no início da próxima semana, para tentar o diálogo. METRO COM AGÊNCIAS

RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{MUNDO}

Coreia do Norte move mísseis para costa leste Ameaça. Arsenal poderia alcançar Coreia do Sul e Japão. EUA devem tentar solução diplomática junto à China

A vez da diplomacia chinesa é agora A China, aliada histórica da Coreia do Norte, terá a chance de demonstrar sua proatividade na diplomacia internacional nas próximas semanas. Especialistas acreditam que Pequim é a única que pode por fim, em pouco tempo, às ameaças na Península Coreana, pois tem influência em ambos os lados. Recentemente, o governo chinês nomeou Wang Yi, um especialista em Coreia da Norte, para o cargo de ministro de Relações Exteriores.

“Isso significa que a China continua a ver a Coreia do Norte com alto interesse”, diz Thomas Khonig, coordenador do programa para a China no Conselho Europeu de Relações Exteriores. “Pequim vai desempenhar o papel mais importante entre todos os atores, muito mais que a Coreia do Sul, que tem opções muito limitadas”, aposta. CAROLINA VICENTIN METRO SÃO PAULO

“Quando um país faz esse tipo de declaração belicosa, é preciso levar a sério e tomar medidas para defender os EUA e seus aliados.” Soldado norte-coreano vigia a fronteira com a Coreia do Sul |

YONHAP/REUTERS

VICTORIA NULAND, PORTA-VOZ DO DEPARTAMENTO DE ESTADO DOS EUA

ECONOMIA

Domésticas. PSDB propõe reduzir FGTS

O líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), propôs ontem um projeto para simplificar o recolhimento dos tributos, em uma única guia, e reduzir as contribuições pagas por patrões e empregados domésticos. O projeto será apresentado na quinta-feira à comissão mista que trata da regulamentação da PEC das domésticas. A redução da contribuição do INSS passaria de 20% para 8%, com 5% a cargo dos empregadores e 3% a serem recolhidos pelos empregados. A contribuição para o FGTS, cairia de 8% para 4%. A multa em caso de demissão seria extinta, no caso dos domésticos. A regra geral, válida para todas as relações de trabalho, estabelece que o empregador deve pagar 40% do FGTS ao empregado demitido sem justa causa. O objetivo da proposta, segundo Sampaio, é regularizar a emenda sem penalizar o empregador. METRO

Preço de remédio vai subir até 6,31% O governo autorizou ontem o reajuste de até 6,31% nos preços dos medicamentos vendidos em todo o país. O aumento leva em conta a inflação acumulada nos 12 meses até fevereiro, calculada pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), que ficou em 6,31%. Em 2012, o reajuste máximo autorizado foi de 5,85%. A autorização considera três faixas de medicamento, com mais ou menos participações de genéricos. A lista dos 6.234 medicamentos com os valores reajustados será divulgada em 20 de abril. A categoria com maior participação de genéricos, na qual esses medicamentos representam 20% ou mais do faturamento, tem teto autorizado para reajuste de até 6,31%. Esta categoria reúne remédios de uso popular e frequente como omeprazol (gastrite e úlcera) e amoxilina (antibiótico para infecções urinárias e respiratórias). São 3.531 medicamentos, de um total de

Saúde. Reajuste máximo autorizado ontem pelo governo pode ser aplicado para medicamentos como antibióticos. Aumento médio será de 4,59%, segundo a indústria

MEDICAMENTO EM ALTA Reajuste autorizado pelo governo

TOTAL DE REMÉDIOS

EXEMPLOS

REAJUSTE

NÍVEL 1 participação de genéricos igual ou superior a 20%

3.531

Paracetamol, medicamentos para hipertensão como sinvastatina e captopril, antibiótico amoxicilina, aspirina e anti-inflamatório Cataflan

6,31%

NÍVEL 2 participação de genéricos igual ou superior a 15% e abaixo de 20%

205

Anestésico docaína, antipsicótico Risperidona, pomada com ação anti-inflatória Betametasona, broncodilatador Atrovent e anestésico Lidocaína

NÍVEL 3 participação de genéricos abaixo de 15%

2.498

Buscopan, remédio para asma Berotec, anticoncepcionais, descongestionante nasal Busonid e medicamento para hepatite Interferon alfa

6.234, ou 56,6% do mercado. A categoria intermediária (nível 2), com faturamento entre 15% e 20%, teve reajuste autorizado

4,51% 2,70%

de até 4,51% remédios, incluindo lidocaína (anestésico local) e risperidona (antipsicótico). No caso da categoria com menor

FONTE: DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO, 04/04/2013

participação de remédios genéricos – faturamento abaixo de 15% – o reajuste poderá ser de até 2,70%. De acordo com o Sindus-

farma (Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos no Estado de São Paulo), se todas as apresentações forem reajustadas pelos índices máximos, o aumento médio será de 4,59%. “Assim, como tem acontecido nos últimos anos, a variação de preços dos medicamentos ficará abaixo da inflação geral”, informou, em nota. O sindicato afirma ainda que, em regra, há um período de ajuste, que dura de dois a três meses. As primeiras variações de preço dos medicamentos deverão ser registradas em junho ou julho, quando começam as reposições de estoques, já que o varejo costuma antecipar compras antes da entrada em vigor do reajuste autorizado pelo governo. “Além disso, indústria e varejo seguram os preços para enfrentar a concorrência”, disse a entidade. METRO


2

|12|

RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

Animação à brasileira

Outras estreias

“Therèse D.”

CULTURA

A Revolta da Balaiada é um dos momentos históricos apresentados em “Uma História de Amor e Fúria” | DIVULGAÇÃO

Estreia hoje. Como foco voltado ao público jovem, ‘Uma História de Amor e Fúria’ remonta momentos marcantes do Brasil com traços inspirados em graphic novels Desde adolescente, o cineasta e roteirista Luiz Bolognesi curte quadrinhos e graphic novels. Quando lançou “Bicho de Sete Cabeças”, em 2001, ao lado da mulher, Laís Bodanzky, ele se deu conta de que o sonho de fazer um longa de animação com traços neste estilo seria possível. “Ninguém acreditava que o filme ia dar certo. Era o primeiro da Laís como diretora, meu primeiro como roteirista. Falava sobre drogas, tinha um final pouco feliz… Todo

45

artistas brasileiros se dedicaram durante seis anos ao mais de 25 mil desenhos usados no longa. mundo disse que não ia dar em nada, mas explodiu. Aí que eu disse: dá pra fazer [um longa de animação]”, diz ele. “Uma História de Amor e Fúria”, que estreia hoje, inspira-se em Milo Manara e Moe-

bius (1938-2012), para narrar a trajetória de um índio que, ao morrer, vira pássaro e protagoniza episódios da história do país ao lado de seu amor. O DNA é 100% nacional: 45 artistas brasileiros foram convocados para trabalhar no projeto, que optou pela animação tradicional em 2D. A qualidade dos desenhos e da movimentação dos personagens salta aos olhos. O longa tem ainda o reforço das vozes de Selton Mello, Camila Pitanga e Rodrigo Santoro nos

papéis protagonistas. Diferentemente da maior parte das animações nacionais, voltada para o público infantil, “Uma História de Amor e Fúria” tem como alvo os jovens. “Encanta-me essa abertura da juventude para o mundo. Tenho prazer de seguir o desafio de fazer filmes para eles que promovam reflexão”, conclui Bolognesi. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Aaron Eckhart não teme virar estereótipo

Causa da morte

Chorão

Um laudo necroscópico da Polícia TécnicoCientífica de São Paulo determinou, ontem, quais foram as causas da morte de Alexandre Magno Abrão, o Chorão (foto). Segundo o IML, o vocalista do Charlie Brown Jr. sofreu uma overdose de cocaína. O cantor tinha 4,714 microgramas da droga por mililitro de sangue, concentração considerada alta.

Depois de encarnar uma seara de vilões, Aaron Eckhart aparece como presidente dos Estados Unidos em “Invasão à Casa Branca”, que estreia hoje. No longa, seu personagem é sequestrado durante um cerco de terroristas norte-coreanos e tem que ser salvo pelo agente do serviço secreto vivido por Gerard Butler. “Todo filme é um filme de ação. Não importa se é um drama ou uma comédia romântica – todos eles são batalhas”, diz ele. Interpretar um presidente exigiu dele personificar

o chefe de estado ideal. “Eu quis que alguém olhasse para mim e se sentisse confiante, com a certeza de que elegeu o cara certo, de que eu era capaz e honesto e que falava a verdade com eles. Quis ser alguém que não fosse facilmente coagido.” Ao mesmo tempo, esse tipo de papel desperta sempre o temor de se embarcar em um estereótipo. Justamente por isso que, no início da carreira, Eckhart temia viver vilões implacáveis. “Para ser um vilão, você precisa lidar com questões emocionais muito pesadas.

O desafio principal de ser um ator é ser multidimensional, ou seja, uma pessoa completa. Seja você o protagonista ou o antagonista, você ainda tem uma vida, tem pais, tem que abastecer o carro. Se o público acreditar nisso, então ele vai relevar o fato de você estar cortando gente em pedacinhos. Ele vai voltar à história e perguntar o por quê de você estar cortando as vítimas. E é aí que ele se sente pleno como espectador. Um vilão pode rir tanto quanto chorar. Ele pode ser terno e compassivo.” METRO INTERNACIONAL

[França, 2012], de Claude Miller. Com Audrey Tautou. A estrela de “Amélie Poulain” encarna dessa vez uma jovem interiorana obrigada a um casamento de conveniência para aumentar as terras da família no início do século 20. O projeto desaba quando ela, leitora voraz, passa a questionar as convenções sociais.

“A Visitante Francesa” [Coreia do Sul, 2012], de Hong Sang-soo. Com Isabelle Huppert e Hyo Kwon Hye. Estudante de cinema escreve três histórias, todas vividas por uma francesa chamada Anne. Na primeira, ela é cineasta; na segunda, uma mulher que encontra o amante; na terceira, uma divorciada cujo ex-marido a trocou por uma coreana.

“Mama”

“O desafio principal de um ator é ser multidimensional. Se o público acreditar nisso, ele vai relevar o fato de você estar cortando gente em pedacinhos.”

[Espanha, 2013], de Andrés Muschetti. Com Jessica Chastain. Annabel é tia de duas meninas que reaparecem após cinco anos sozinhas em uma floresta. Mas será que elas, que falam com uma entidade invisível chamada “Mama”, estavam mesmo sozinhas o tempo todo?

AARON ECKHART, ATOR

Rock in Rio: ingressos leiloados na web Em apenas 4 horas e 4 minutos, a venda de 455 mil ingressos para o Rock in Rio – que começou ontem, às 10h, no site do evento – se esgotou. Mas, antes mesmo de isso acontecer, sites especializados em revenda de ingressos na internet, como o ViaGoGo e o Comprei E Não Vou, já tinham cambistas virtuais anunciando a comercialização de bilhetes por preços que chegavam a

R$ 2 mil – o valor oficial é R$ 260 (inteira). Segundo a produção do Rock in Rio, providências já estão sendo tomadas para evitar as fraudes e as vendas com preços abusivos. Para evitar a ação de cambistas, a compra de ingressos foi limitada por CPF a quatro bilhetes por dia. Além disso, cada comprador teve direito a apenas uma meia-entrada por dia de evento. A organização também

informou que não se responsabiliza por aquisição de ingressos fora do site oficial. Shows mais disputados O primeiro dia esgotado foi o 20 de setembro, quando se apresenta Bon Jovi. Em seguida, foi o dia 13, quando sobe ao palco a diva Beyoncé. O evento acontece nos dias 13, 14, 15, 19, 20, 21 e 22 de setembro, na Cidade do Rock, na Barra da Tijuca. METRO RIO

Dia do show de Bon Jovi foi o primeiro a ter ingressos esgotados | GETTY IMAGES


RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

Os atores Bruno Gagliasso e Matheus Nachtergaele | REPRODUÇÃO/ INSTAGRAM

Preconceito, não! Gagliasso protesta contra Feliciano Ontem, o ator postou em seu Instagram uma foto em que ele beija o ator Matheus Nachtergaele na boca. Na legenda, Bruno se mostrou contra o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, Pastor Marco Feliciano: “Quanto menos você sabe, mais você julga. #Felicianonãomerepresenta”. A foto foi imediatamente apoiada por seus fãs e amigos. Na quarta-feira, a cantora Daniela Mercury usou a rede social para postar fotos com a mulher, a jornalista Malu Verçosa, e também criticou o parlamentar, que é contra união homossexual. METRO RIO

{CULTURA}

Portas abertas para as artes Teatro Glauce Rocha. Nova programação do espaço tem concorridos espetáculos, entrevistas e oficinas. Tudo a preços populares ou grátis A programação deste ano será intensa no Teatro Glauce Rocha, no Centro. A nova ocupação, a partir de hoje, com o projeto Primus Arte Movimento, contará com 22 estreias e reestreias de espetáculos, entrevistas com atores e diretores, leituras dramatizadas e até oficinas de interpretação. E quase tudo de graça ou a preços populares. “O projeto propõe um grande caldeirão criativo e que o público tenha contato com nomes consagrados das artes. O consagrado e o alternativo vão se encontrar lá no mesmo espaço”, comenta Alexandre Pontara, diretor artístico da ocupação. METRO RIO Teatro Glauce Rocha (av. Rio Branco, 179, Centro). Informações: 2220- 0259.

|15|◊◊

O Metro indica

Show

Vinícius Cantuária. O músico quebra o jejum de quase 20 anos sem se tocar no Rio. Ele se une ao baixista Dadi e ao guitarrista americano Jesse Harris para um show repleto de sucessos. No Vizta (av. Delfim Moreira, 630 Hotel Marina Palace. Tel.: 2172-1089). Hoje e amanhã, 21h30. R$ 40. 18 anos.

Exposição

“Processos em Imagens”. As comunidades cariocas são retratadas na mostra do Observatório de Favelas. MAC de Niterói (Mirante da Boa Viagem, s/nº, Boa Viagem. Tel.: 2620-2400). A partir de amanhã, 17h. Ter a dom, 10h às 18h. R$ 6. Livre.

Festa

Black To The 90’s. DJs Bruna Campos, Lulinha, Saci e Flavia Xexeo agitam a pista com hits da black music dos anos 90. No Studio RJ (av. Vieira Souto, 110, Ipanema. Tel.: 2523-1204). Hoje, à meia-noite. R$ 40 (mulher) e R$ 60 (homem). 18 anos. Espetáculo infantil “O Mágico de Oz” tem apresentação amanhã | DIVULGAÇÃO

Neste mês Espetáculos: ‘Arresolvido’ (de hoje até o dia 14, às 19h, R$ 20); ‘Calango Deu’ (dia 18 até dia 28, às 19h, R$ 20). Infantil: ‘O Mágico de Oz’ (de amanhã até o dia 28, às 16h, R$ 10). Studio Primus: Mensalmente,

o diretor teatral Amir Haddad entrevista convidados ilustres. Estreia com o produtor de cinema Luiz Carlos Barreto. Dia 24, às 19h. Grátis. Fluxos de Cenas: espetáculo de dança aérea ‘Ar Quente’ (dia 10, às 19h, grátis). METRO RIO

Teatro

“Canastrões”. A montagem, uma comédia poética, narra a história de uma família de atores: “A Família Gracindo”. Com Gracindo Jr. e seus filhos, Gabriel Gracindo e Pedro Gracindo. No Teatro dos Quatro (rua Marquês de São Vicente, 52, Gávea. Tel.: 2239-1095). Qui. a sáb., às 21h; e dom., às 20h. R$ 70 (qui., sex., e dom.) e R$ 80 (sáb.). Até 14/4.

Evento

Jazz Ahead. Quinteto Nuclear e DJ Gustavo MM conectam o jazz de Nova York com o jazz eletrônico contemporâneo. No Clube dos Macacos (rua Pacheco Leão, 2.038, Jardim Botânico. Inf.: 8211-9959). Amanhã, 22h. R$ 35. 18 anos.


|16|

RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Receita Minuto

Leitor fala

Corrupção

DANIEL BORK BORK@METROJORNAL.COM.BR

CONSERVA DE PIMENTA-DEDO-DE-MOÇA

Cruzadas

Há alguns anos tive a felicidade de aprender esta receita de conserva de pimentas. Gosto muito de presentear meus queridos com potes de vidro adornados com um bonito laço de tecido. É o que proponho aos amigos nesta semana.

Gostaria de saber se já foi feito algum estudo sobre a quantidade de policiais com patente acima de sargento que pelos motivos mais diversos tenham sido expulsos da Corporação. Tenho esta curiosidade, pois sempre ouvi dizer que a melhor maneira de limpar uma escada é varrendo de cima para baixo. E a impressão que tenho é que na PM isso se faz ao inverso. Para chegar a esta conclusão, basta analisarmos a quantidade de policiais de patentes menores que são expulsos. Os de patentes maiores seriam incompetentes, porque sempre alegam nada saber. São omissos, pois sabem e fingem não saber ou coniventes, já que sabem e nada fazem. JORGE LUIZ DE JESUS - REALENGO, RJ

Rock in Rio Não é à toa que acabaram tão rápido os ingressos do Rock in Rio. A festa dos “revendedores” já começou e ingressos de R$ 130 são vendidos por mais de R$ 1 mil. Esses cambistas deviam ser presos! LEANDRO ARAÚJO – CENTRO, RJ

Metro Pergunta

Oficiais de Justiça entraram ontem no Horto para realizar a remoção dos moradores do local. Concorda com a retirada dessas pessoas?

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroRJ

@KevinRTW

Sudoku RODOLFO BARTOLINI/DIVULGAÇÃO

Ingredientes ½ kg pimenta-dedo-de-moça sem cabo 1 ½ litro de água 1 colher (sopa) de sal

1 colher (sopa) de açúcar 1 xícara (chá) de vinagre branco seco ½ xícara (chá) de cachaça 1 folha de louro

Em partes. Acho que eles devem sair do local, mas é preciso oferecer uma alternativa de moradia para essas famílias. @lizandramgm

Sim, o local não é próprio para moradia. Mas a remoção precisa ser bem negociada e sem violência. @dragonballjr81

Não. São apenas moradores. Precisamos de mais atenção com os direitos humanos.

Modo de preparo Coloque para ferver em uma panela a água junto com o sal, o açúcar, o vinagre e a cachaça. Então coloque de uma só vez as pimentas para cozinhar por 8 minutos. Escorra da panela - guarde a água da fervura - e transfira as pimentas para uma vasilha com água gelada e com cubos de gelo e deixe por 30 segundos para parar de cozinhar instantaneamente. Escorra estas pimentas da água gelada. Coloque dentro de um vidro previamente esterilizado com água quente duas folhas de louro e as pimentas. Cubra o vidro totalmente com a água da fervura. Feche com uma tampa.

Horóscopo

Metro web Para falar com a redação:

leitor.rj@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

www.estrelaguia.com.br

Áries (21/3 a 20/4) Não deixe que coisas pequenas diminuam

o seu entusiasmo pela vida. Procure dar mais importância a tudo que realmente pode lhe trazer alegria de verdade.

Leão (23/7 a 22/8) Dia perigoso para a sua imagem pública. Possíveis desgastes e perdas em conflitos que poderão trazer mudanças importantes no seu jeito de pensar ou agir.

Sagitário (22/11 a 21/12) Procure dar apoio a pessoas importantes para você, que poderão estar passando por situações difíceis. Ajude a amenizar o sofrimento que elas estão passando.

Touro (21/4 a 20/5) Dificuldades para aceitar novos caminhos que no fundo podem ser bem melhores para você. Pense mais no que está por vir e deixe que o mundo lhe conduza.

Virgem (23/8 a 22/9) Abra espaço para que as pessoas possam se conhecer melhor. Não as proteja demais. Desta maneira elas poderão amadurecer com seus próprios erros e acertos.

Capricórnio (22/12 a 20/1) Procure ser mais flexível e generoso

Gêmeos (21/5 a 20/6) Dia instável com acontecimentos que

Libra (23/9 a 22/10) Mudanças recentes poderão lhe trazer benefícios, mesmo que você não perceba isso de cara. Evite lutar contra coisas que podem acabar se virando a seu favor.

Aquário (21/1 a 19/2) O dia está pedindo mais cautela da sua parte. Preste mais atenção para poder entender o que as pessoas estão sentindo e desejando de verdade. Não se engane.

Câncer (21/6 a 22/7) Dia de receber ganhos ou vantagens que podem vir até as suas mãos de uma forma estranha e inusitada. Suas vontades podem ser atendidas no meio da confusão.

Escorpião (23/10 a 21/11) Possível tensão com pessoas que

Peixes (20/2 a 20/3) Fique pronto para acalentar pessoas que

podem trazer uma certa dúvida se são benéficos ou maléficos. Tente achar o lado positivo da situação. Analise com calma.

possam estar fazendo oposição aos seus interesses. Não dê brechas para que elas não tenham como fazer grandes estragos.

com pessoas em dificuldades pois elas poderão reagir de uma maneira nada agradável a cobranças e regras neste dia.

estejam passando por momentos difíceis e que estão precisando de um ombro amigo para poderem chorar as suas mágoas.


RIO DE JANEIRO, SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

3

|17|◊◊

Ministro promete acelerar libertação de corintianos Oruro. Antônio Patriota, chefe da pasta de Relações Exteriores, está na Bolívia para tentar agilizar soltura dos 12 torcedores detidos O ministro das Relações Exteriores, Antônio Patriota, afirmou ontem que a libertação dos 12 torcedores do Corinthians que estão presos desde o dia 20 de fevereiro em Oruro, na Bolívia, pode demorar e, por isso, tentará agilizar o processo. “As condições carcerárias são precárias, mas o que pode ser feito tem sido feito para evitar que piorem. Já proporcionamos à Justiça boliviana elementos que vão – e tenho esperança de que irão – garantir o equacionamento no mais breve prazo dessa questão”, disse.

O deputado federal Nelson Pellegrini, chefe da comitiva brasileira que se reuniu com o vice-ministro de Relações Exteriores da Bolívia, Juan Carlos Alurralde Tejada ontem, em La Paz, disse que o processo deve ser encerrado em breve. “Penso que agora nós já estamos nos 15 minutos finais da prorrogação. Portanto, penso que os elementos já estão todos de posse da Justiça boliviana, elementos que firmam a inocência dos brasileiros”, afirmou o parlamentar. Os alvinegros estão detidos desde a partida de estreia do

Timão na Taça Libertadores, contra o San José (BOL), em fevereiro. Durante o jogo, um sinalizador disparado por um torcedor corintiano atingiu o olho do adolescente Kevin Beltrán Espada, de 14 anos. O garoto, torcedor do San José, morreu. Os corintianos presos alegam inocência. Um menor de idade – as iniciais são H.A.M. – se apresentou no Brasil como responsável pelo disparo que vitimou Espada. A Justiça boliviana, porém, não acredita na veracidade do depoimento. Por isso, os torcedores seguem detidos. METRO

Editorial

ABERRAÇÃO JURÍDICA

ESPORTE

Os 12 brasileiros mantidos numa prisão do interior da Bolívia desde o final de fevereiro são vítimas de uma flagrante aberração jurídica e do desrespeito aos mais elementares princípios humanitários. Acusados genericamente pela morte lamentável de um jovem durante um jogo de futebol, esses torcedores do Corinthians estão abandonados nas celas, sem culpa formada, sem provas consistentes e, o que é pior, sem que seus advogados tenham sequer acesso aos autos – se é que existem autos formalizados. E mais: esta situação absurda pode durar dois anos. Ninguém seria contra a condenação de um culpado por métodos adequados e civilizados, mas esse processo selvagem de encarceramento, baseado numa acusação coletiva imprecisa, em total afronta ao Direito Universal e ao Pacto de San José de Costa Rica, do qual a Bolívia é signatária, revolta e deixa chocado o nosso país. As autoridades de Brasília pouco fazem, além de frases diplomáticas nada convincentes. Os brasileiros indignados exigem ação e pressão corajosa sobre o governo da Bolívia, em nome da dignidade humana. Esta é a opinião do Grupo Bandeirantes de Comunicação.

Taça Rio CLASSIFICAÇÃO GRUPO A P V GP SG 1º VOLTA REDONDA 12 04 05 04 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º

Após fiasco, Vasco muda local de treino ‘A prefeitura não vai pagar essa conta do Engenhão nem por decreto!’

nhã também será no Cefan. O clube deve anunciar hoje a contratação do atacante Edmilson, ex-Palmei-

ras, que estava no Al-Gharafa, do Qatar. O jogador já foi aprovado nos exames médicos. METRO RIO

Jorginho muda o discurso O técnico do Flamengo, Jorginho, mudou ontem o discurso e disse que ainda acredita na classificação do time para as semifinais da Taça Rio. Quarto colocado com apenas quatro pontos, em quatro jogos, o rubro-negro enfrenta o Duque de Caxias, amanhã, às 16h, em Moça Bonita, com a obrigação de vencer. O time está a oito pontos do líder Volta Redonda e a seis do vice-líder Fluminense. Após a derrota para o Aud-

dax, por 2 a 1, no último domingo, pelo Estadual, o treinador chegou a dizer que o Flamengo já iria pensar na Copa do Brasil e no Brasileirão, jogando a toalha. O rubro-negro fez um treino leve, ontem, no Mangueirão, em Belém-PA, onde venceu o Remo por 1 a 0, quarta-feira, na estreia dos dois times na Copa do Brasil. O confronto de volta, no Rio, provavelmente em Volta Redonda, será dia 17. METRO RIO

“Quero deixar claro que nossas chances na Taça Rio são mínimas, mas elas existem. Vamos nos agarrar a qualquer oportunidade de vaga no Campeonato Carioca.” JORGINHO

03 02 01 01 00 00 00

09 07 04 01 03 01 00

08 06 00 -4 -5 -3 -6

P V GP SG

EDUARDO PAES

Vasco, de Autuori , ainda não marcou gol na Taça Rio | FABIO CASTRO/AGIF/FOLHAPRESS

09 06 05 05 02 01 01

GRUPO B

Em entrevista ontem ao jornalista Ricardo Boechat, na rádio BandNews FM, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, garantiu que a prefeitura não vai arcar com os custos da obra do Engenhão, como prevê o contrato. De acordo com contrato firmado com o consórcio Odebrecht/OAS, depois da saída da Delta, qualquer problema no Engenhão, após a entrega da obra, seria de responsabilidade da prefeitura. Quem vai pagar a conta? Essa coisa de que “o governo vai pagar” tem de acabar no Brasil. Porque fica uma coisa dúbia. Quem é a prefeitura? Sou eu, no final das contas, mas é dúbio. Tem um sujeito, que tem a sua carteirinha do Crea, que vai lá e atesta uma porcaria de uma conta e essa conta está errada. A gente precisa começar a individualizar a responsabilidade das pessoas. Parece que foi um erro do modelo matemático.

Não estou dizendo que os governos não cometam suas falhas. Mas esse sujeito precisa responder pelo seu ato. Mas a prefeitura vai pagar pela reforma? Nem por decreto! Já temos muita conta para pagar. O Botafogo vai devolver o Engenhão para a prefeitura? Ainda não recebemos nada oficial por parte do Botafogo, que aliás ontem (quarta-feira) deu um ‘sacode’ no meu Vasco (vitória alvinegra por 3 a 0, que praticamente eliminou o cruzmaltino do Campeonato Carioca). Mas, se isso acontecer, acho uma grande besteira por parte do Botafogo. Vai abrir mão de um estádio do tamanho do Engenhão? O Vasco tem São Januário, o Fluminense tem a possibilidade do Maracanã... Sugiro que o clube não devolva. A prefeitura está trabalhando para dar a solução o mais rápido possível. BANDNEWS FM

BRUNA PRADO/METRO RIO

O Vasco nega que a decisão tenha sido motivada por temer a fúria da sua torcida. Mas, coincidentemente, após a goleada sofrida para o Botafogo, quarta-feira à noite, em Volta Redonda, por 3 a 0, pela quarta rodada da Taça Rio, que praticamente eliminou o time do Carioca, o cruzmaltino mudou o treino de ontem, marcado inicialmente para São Januário, para o cefan (Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes), na Penha. A diretoria vascaína alega que o gramado de São Januário precisava passar por reparos. O treino de ama-

BOTAFOGO FRIBURGUENSE NOVA IGUAÇU OLARIA QUISSAMÃ MADUREIRA VASCO

1º RESENDE

12 04 09 05

2º FLUMINENSE

10 03 06 05

3º 4º 5º 6º 7º

05 04 04 04 03

D. DE CAXIAS FLAMENGO AUDAX BOAVISTA MACAÉ

8º BANGU

01 01 01 01 01

06 05 04 04 06

00 -1 -1 -2 -4

02 00 04 -2

5ª rodada AMANHÃ N. IGUAÇU X V. REDONDA QUISSAMÃ X MADUREIRA FLAMENGO X D. DE CAXIAS RESENDE X FLUMINENSE DOMINGO VASCO AUDAX BOTAFOGO BANGU

X X X X

FRIBURGUENSE MACAÉ OLARIA BOAVISTA


RIO DE JANEIRO - SEXTA-FEIRA, 5 DE ABRIL DE 2013



20130405_br_metro rio