Page 1

YONHAP/REUTERS

Coreia do Sul exibe força Exército faz exercícios próximo à fronteira

SENHOR DO SAMBA AOS 76 ANOS, WILSON DAS NEVES LANÇA SEU 4º DISCO DE INÉDITAS PÁG. 13

PÁG. 11

BELO HORIZONTE Terça-feira, 2 de abril de 2013 Edição nº 368, ano 2 MÍN: 19°C MÁX: 29°C showers sunny showers www.readmetro.com | leitor.bh@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobh sunny

snow

rain

partly

cloudy

sleet

thunder

part sunny/

thunder

windy

Invadir site ou e-mail agora pode dar cadeia hazy

showers

Lei Carolina Dieckmann. Além de multa, a partir de agora, a pena para quem invadir computadores, tablets e celulares e divulgar ou explorar dados de usuários sem consentimento pode chegar a 2 anos de prisão. Em MG, já foram registrados 2.475 denúncias de casos do gênero desde 2008 PÁG. 02

Já é possível declarar o IR no tablet e no smartphone Aplicativo gratuito pode ser baixado para vários modelos de aparelho PÁG. 08

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Com Lei Seca rígida, número de mortos e acidentes cai

NOVO VÍRUS DA DENGUE

Tipo 4 é o responsável por 54% dos casos no Estado PÁG. 03 Unidades de saúde em todas as regiões da capital estão completamente lotadas. Quase 38 mil pessoas já foram vítimas da doença neste ano em Minas

| EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Polícias realizaram no feriadão um teste de bafômetro por minuto nas rodovias que cortam Minas PÁG. 04

Pelo menos metade do ministério deve ser trocada em 2014 Depois de concluir minirreforma ministerial, Dilma já prepara trocas devido às próximas eleições PÁG. 07


1 FOCO

Medicamentos

Aumento abaixo da inflação

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, garantiu ontem que o reajuste no preço dos medicamentos ficará abaixo da inflação. O decreto que autoriza o aumento de preços será publicado ainda esta semana. O IPCA, índice oficial da inflação, registrou nos últimos 12 meses um aumento de 6,31%

02

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

Lei de crimes na internet passa a valer hoje no país Ataques. Penas variam de 3 meses a 2 anos de prisão. Crimes cibernéticos já geravam, em média, 1,6 denúncia por dia desde 2008 em Minas Gerais. Golpes resultam em prejuízo de R$ 100 milhões todos os anos em todo o Brasil Lavagem de dinheiro, estelionato, formação de quadrilha e crimes contra o patrimônio já invadiram a vida de quem usa a internet: só em Minas Gerais, foram registradas 2.475 denúncias desde a criação da Promotoria Estadual de combate aos Crimes Cibernéticos, em 2008. A partir de hoje, porém, os usuários brasileiros da web terão mais esperanças de que tais práticas ilegais gerem consequências mais duras para seus praticantes, com a entrada em vigor da “Lei Carolina Dieckmann”. A nova legislação federal – batizada em referência à atriz que teve fotos em poses nuas divulgadas sem autorização na internet – prevê multa e penas que variam de três meses a dois anos de cadeia, dependendo da gravidade da ação. A norma, aprovada no Congresso em novembro do ano passado, altera o código penal de 1940. O decreto, que antes mencionava apenas delitos relacionados aos telégrafos, a partir de agora

2.475

77 mil

denúncias de crimes cibernéticos foram feitas no Estado desde 2008, segundo levantamento do MP-MG.

ataques cibernéticos ocorrem por dia no Brasil

tipifica como crime o ato de invadir dispositivos eletrônicos como computadores, tablets e celulares. A regra vale ainda para caixas-eletrônicos (veja ao lado). Mais rigor Atualmente, existem apenas 11 delegacias especializadas no país, segundo o delegado Pedro Paulo Marques, chefe da única unidade existente em Belo Horizonte. “A partir do momento em que a lei passa a vigorar, o governo deve investir na especialização para combater esses crimes, que geram prejuízos em torno de R$ 100 milhões por ano”, declarou. Só no ano passado, foram registradas no Estado 595 ocorrências, ou quase dois crimes por dia, segundo o

VEJA O QUE MUDA Violar dispositivos eletrônicos (computador, tablet, celular ou caixa eletrônico) conectados ou não a internet MULTA E DETENÇÃO DE TRÊS MESES A DOIS ANOS Criar programa de computador para facilitar a invasão de equipamentos eletrônicos MULTA E DETENÇÃO DE ATÉ UM ANO Uso de dados de cartões de débito e crédito sem autorização MULTA E DETENÇÃO DE UM A CINCO ANOS

MP-MG (Ministério Público de Minas Gerais). O crime de estelionato lidera o ranking, com 180 denúncias em 2012. “Os registros são referentes a crimes virtuais contra o patrimônio, como furto mediante fraude e invasão de conta alheia. Exis-

Dólar + 0,04% (R$ 2,02)

Euro + 0,38% (R$ 2,59) Selic (7,25%)

Salário mínimo (R$ 678)

tem também os crimes contra a honra (injúria, calúnia e difamação), além de pornografia infantil e discriminação de raça. Alguns não constam no levantamento, pois dependem de ação penal privada”, ressaltou Marques. METRO BH / BANDNEWS FM

O QUE FICOU DE FORA DE LEI

CALÚNIA DIFAMAÇÃO RACISMO

“A cautela na internet é a melhor segurança. O usuário deve ter um bom antivírus e evitar abrir e-mails desconhecidos”. TULIO VIANA, PROFESSOR DE DIREITO UFMG

Lei Florestal será atualizada em MG

Cotações

Bovespa - 0,80% (55.902 pts)

30%

dos internautas do país possuem programas contra invasão

Parque Nacional da Serra do Cipó, uma das mais importantes Áreas de Preservação Permanente de MG | IGOR PESSOA/FOLHAPRESS

FALE COM A REDAÇÃO leitor.bh@metrojornal.com.br /- COMERCIAL: /-

O jornal Metro circula em  países e tem alcance diário superior a  milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de  mil exemplares diários.

A Lei Florestal que garante a proteção de Áreas de Preservação Permanente e de Reserva Legal em Minas Gerais deverá ser alterada para se adequar à legislação federal. Na semana passada, o Estado encaminhou à Assembleia Legislativa um Projeto de Lei que prevê a criação de linhas de crédito para a recomposição de áreas e estímulos financeiros para a conservação da vegetação nativa. Segundo o secretário de Estado de Meio Ambiente, Adriano Magalhães, as ade-

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: .). Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: .). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor-Executivo: Juvercy Júnior (MTB 12.331/MG). Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor Geral: José Saad Duailibi. Diretor de Jornalismo: Júlio Prado.

quações da legislação estadual à federal não vão ignorar as particularidades do território mineiro. “Nossa principal preocupação é garantir a proteção e estimular o desenvolvimento sustentável de cada região do Estado”, afirma. Ainda de acordo com o secretário, a lei estadual mineira foi promulgada durante a vigência da já substituída Lei Federal de 1965, o que causou uma grande disparidade do regulamento federal em relação ao estadual. METRO BH

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, , São Bento, CEP: -, Belo Horizonte, MG. Tel.: /-. O jornal Metro é impresso na CGB Artes Gráficas. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. . exemplares


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

03

Deficit de leitos põe Lei de Ocupação do Solo em pauta Saúde. Debate sobre a flexibilização da legislação será retomado hoje em audiência na Câmara Municipal. Enquanto a Grande BH sofre com a falta de aproximadamente 5 mil vagas, diversos projetos de construção ou expansão de hospitais continuam travados A novela sobre a flexibilização da Lei de Uso e Ocupação do Solo com o objetivo de permitir a ampliação da rede hospitalar em Belo Horizonte volta hoje à pauta da Câmara Municipal. A antiga polêmica deverá ser o principal tema debatido em audiência pública convocada pela Comissão de Saúde para discutir o déficit estimado de entre 5 e 6 mil leitos na região metropolitana. Símbolo do embate entre prefeitura, vereadores, empresários do setor e associações de moradores, a proposta de revitalização do hospital Hilton Rocha, no bairro Mangabeiras, se arrasta desde 2009 e é apenas um dos 26 projetos de construção ou expansão de unidades de saúde travados pela legislação em vigor. “É lamentável termos hospitais fechados em uma cidade onde precisamos de pelo menos mais 3 mil leitos com urgência. Estamos falando de salvar vidas”, avaliou Dr. Nilton (PSB), presidente da comissão. O vereador ressaltou que o grupo busca uma solução “definitiva e sustentável”, e adiantou ao Metro que já há negocia-

Relembre

Raio-X

Propostas de desapropriação e até demolição

Dados sobre a rede de saúde na região metropolitana: • 9.602. É o total de leitos disponíveis nas unidades do SUS e da rede privada na região metropolitana. • 15 mil. É o número aproximado de vagas necessárias para surprir a demanda, segundo estimativa do Ministério da Saúde – ou seja, o déficit atual seria de 5,3 mil. • 2,8 mil. Novos leitos seriam criados através das 26 obras de construção ou expansão travadas pela legislação atual.

ções para que a Lei de Uso e Ocupação passe por uma revisão geral ainda neste ano no plenário da Casa. Ainda segundo ele, a Secretaria de Governo da prefeitura já se comprometeu a enviar uma nova versão da proposta que visa solucionar o impasse sobre o Hilton Ro-

Desde 2009, grupo Oncomed tenta reabrir o hospital Hilton Rocha, ao pé da Serra do Curral

cha, cujo projeto de reabertura prevê 220 novos leitos. Em 2011, a PBH enviou à Câmara uma proposta que flexibilizava as regras para incentivar obras com vistas à preparação da capital para a Copa. Porém, o texto enfrentou resistência e foi aprovado somente para hotéis e

centros culturais, por abrir supostas brechas para a expansão vertical e horizontal de hospitais localizados nas ZP1 (Zonas de Proteção Ambiental 1) e ADEs (Áreas de Diretrizes Especiais), como a Pampulha e a Serra do Curral, onde está localizado o Hilton Rocha. METRO BH

| EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

“Não queremos agredir o meio ambiente, mas vamos chegar à necessidade de uma mudança na lei.” DR. NILTON (PSB), PRESIDENTE DA COMISSÃO DE SAÚDE DA CMBH

Desde 2009, a Associação de Moradores do Mangabeiras e institutos de defesa do patrimônio travam uma cruzada contra a reabertura do Hilton Rocha, que passaria a ser especializado em câncer. A área é tombada e protegida por leis municipais, estaduais e federais. A obra, alegam, só foi possível após uma manobra legal, sob diversas limitações de uso – o prédio só poderia abrigar um centro oftalmológico e de formação de especialistas na área. Os moradores temem ainda o impacto urbano, devido à falta de estrutura, especialmente de trânsito. A associação já entregou um abaixo-assinado com mil assinaturas ao MPF e chegou a defender a desapropriação e até a demolição do edifício. METRO BH

Novo vírus é responsável por 54% dos casos Apontado pelas autoridades como o grande responsável pela explosão no número de casos de dengue neste ano, o vírus 4 realmente é o tipo que mais vítimas fez em Minas Gerais. Segundo levantamento das amostras analisadas no primeiro trimestre pela Funed (Fundação Ezequiel Dias), o vírus está presente em 54% dos infectados. O isolamento viral, como é chamada a identificação do tipo do vírus, é um procedimento complexo feito no Estado pela Funed. “A amostra de sangue tem que ser conservada a 80º C negativos e, para isso, é preciso de uma estrutura específica”, explica o chefe do Serviço de Virologia da Funed, Glauco de Carvalho. No primeiro trimestre,

694

amostras de sangue foram analisadas pela Funed para identificar o tipo de vírus da dengue. Do total em que a análise foi possível, 54% eram do tipo 4, e os outros 46%, do tipo 1. a fundação analisou 694 amostras. Foram identificados os vírus em 220 delas – 120 do tipo 4, e os outros 100 do tipo 1. O restante das amostras foi comprometido e não foi possível realizar o isolamento viral. Até agora, apenas os dez botijões da fundação, capazes de manter as amostras à temperatura ideal, eram distribuídos para as regiões

do Estado com maior incidência da doença. Do envio do equipamento à cidade até o resultado final, são necessários 60 dias. Para este ano, o governo estadual adquiriu 28 botijões para potencializar a identificação do vírus. Números alarmantes Em Minas, a dengue já infectou 37.733 pessoas, segundo o último balanço da Secretaria de Estado de Saúde. O número já é maior que o registrado em todo o ano de 2012 (22 mil) e 2011 (32 mil). O pior ano neste século foi 2010, quando 194,6 mil pessoas ficaram doentes. THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

Unidades de saúde estão lotadas em Belo Horizonte | EMMANUEL PINHEIRO/METROBH


04 Preocupação

Limites de MG são foco de operações Até o fim do ano, as polícias Militar e Civil, a Polícia Rodoviária Federal e a Receita Estadual e Federal fazem uma força-tarefa para combater o tráfico de drogas e armas nas regiões de divisa de Minas Gerais com outros Estados. No feriado de Semana Santa, foram apreendidos 1,3 quilo de maconha, 1 quilo de cocaína, 250 pedras de crack, três pedras de skank, 50 frascos de lança perfume, além de apreensões de material clandestino. Duas pessoas foram presas por tráfico. METRO BH Imóveis irregulares

Imagens aéreas serão usadas em fiscalização A partir de hoje, a Superintendência da Receita Federal em Minas Gerais vai iniciar a Operação Grifo, com o objetivo de verificar a regularidade de recolhimento das contribuições previdenciárias relativas à construção. Condomínios da Grande BH e cidades do interior serão vigiadas por imagens registradas por helicópteros da Receita. Os dados coletados serão cruzados com declarações prestadas ao órgão. METRO BH Trapalhão

Fiscalização dobra e reduz fatalidades nas rodovias Saldo do feriado. Polícia intensifica operações e vê queda no número de óbitos e feridos na Semana Santa

Um caso digno de piada foi registrado, ontem, no bairro Santa Inês, região Leste de Belo Horizonte. Durante um assalto, um ladrão disparou a arma sem querer e atingiu a própria perna. Ele foi levado a uma unidade de saúde e não corre riscos. Segundo a polícia, quatro bandidos abordaram um motorista que havia sacado dinheiro momentos antes. A vítima conseguiu sair do carro, mas os criminosos assumiram a direção. Assustado, um dos ladrões atirou contra a própria perna. Ele foi socorrido pela PM. Os outros três fugiram. METRO BH

Viagem vigiada

Um teste de bafômetro a cada minuto. Com essa média impressionante, a polícia rodoviária de Minas comemorou a queda de mortes, feridos e acidentes nas rodovias do Estado durante o feriado de Semana Santa. Mesmo com a evolução, as estradas mineiras foram palco de 33 óbitos em um período de quatro dias. Entre quinta-feira e domingo passados, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Militar Rodoviária fizeram 5,6 mil testes. No mesmo período de 2012, os policiais examinaram 2 mil motoristas. O número de condutores presos por embriaguez passou de 64, no ano passado, para 97. O resultado foi a queda de mortes, feridos e acidentes nas estradas (veja quadro ao lado). Mesmo assim, a PRF lamenta a média de oito óbitos por dia em Minas. “A imprudência de alguns motoristas resultaram em acidentes muito graves. Na quinta-feira, por exemplo, três batidas geraram dez mortes”, afirma o chefe de comunicação da corporação, Adilson Souza. “Nas rodovias mineiras, não existe margem para erro”, completa o policial rodoviário. THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

Ladrão atira na própria perna durante assalto

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

Polícia rodoviária reforçou policiamento e operações nas estradas mineiras e viu número de mortos, feridos e acidentes diminuir em comparação a 2012. • Mortos. 33 (2013) - 36 (2012). • Feridos. 464 (2013) - 632 (2012). • Acidentes. 635 (2013) - 752 (2012). • Testes do bafômetro. 5.689 (2013) 2.018 (2012). • Motoristas presos embriagados. 97 (2013) - 64 (2012). • Veículos retidos. 2.343 (2013). • CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) apreendidas. 264 (2013).

“Elevamos em quase 150% o número de testes de bafômetro e estamos começando a perceber o respeito à legislação.” Estradas que cortam Belo Horizonte, como o Anel, registraram lentidão ontem | ALEX DE JESUS/O TEMPO/FOLHAPRESS ADILSON SOUZA, INSPETOR DA PRF

Menino é atropelado na saída da escola e morre

Tragédia na frente da escola, em Contagem | SAMUEL COSTA/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

Uma criança de 9 anos morreu ao ser atropelada por uma van escolar na saída da escola. O acidente ocorreu no bairro Industrial, em Contagem, e, segundo testemunhas, o motorista fugiu sem prestar socorro. Conforme a Guarda Municipal, o menino foi atingido ainda na calçada, antes de atravessar a rua. O motorista chegou a descer do veículo, mas, assim que constatou a gravidade dos ferimentos da criança, entrou na van e fugiu. A polícia está à procura do condutor. METRO BH

Correios. Polícia divulga retrato falado de ladrões A Polícia Federal ainda está à procura de dois criminosos que fizeram a família de um funcionário dos Correios refém. A PF divulgou o retrato falado do criminoso para ajudar nas investigações sobre o assalto. A família do tesoureiro da agência dos Correios, na região de Venda Nova, foi sequestrada no dia 19 de março pela dupla. Após passar a madrugada com as vítimas, um dos criminosos obrigou que o funcionário o levasse à agência. Enquanto isso, o outro ladrão ficou na casa dele com a família. Os assaltantes levaram o dinheiro, mas a quantia não

Procurados As vítimas informaram à Polícia Federal as características dos assaltantes.

1

Negro com olhos castanhos, altura de 1,85 metro e aproximadamente 47 anos.

2

Branco, cabelos castanhos e encaracolados, altura de 1,71 metro e tem aproximadamente 25 anos.

foi divulgada. Eles fugiram mesmo com intensa movimentação da PM. METRO BH


06

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

BRASIL

Memória. SP libera arquivos da ditadura na internet

Manicure queria pedir R$ 300 mil de resgate Crime bárbaro. Mãe da acusada de assassinar o menino João Felipe, de 6 anos, no interior do Rio de Janeiro, entrega carta à polícia em que a filha planejava o sequestro

Arquivo Público do Estado | ANDRE PORTO/METRO SP

O Arquivo Público do Estado de São Paulo lançou ontem o portal “Memória Política e Resistência”, que disponibiliza o acervo de documentos da ditadura. Imagens de fichas, prontuários e dossiês estão disponíveis no site arquivoestado.sp.gov.br/ memoriapolitica. O material inclui 274.105 fichas digitalizadas, 12.874 prontuários e 39.996 fichas

do Deops (Delegacia Estadual de Ordem Política e Social). Todo o conteúdo é público e qualquer pessoa pode acessar o site desde sua casa. De acordo com o governo, a publicação online facilita o acesso do cidadão à documentação do Estado. “É muito importante no sentido da transparência da informação”, afirmou o governador Geraldo Alckmin. METRO

Um caderno de anotações, com uma carta, que estava na casa da manicure Suzana do Carmo Figueiredo e foi entregue à polícia pela própria mãe da acusada, revela cada detalhe do plano que terminou com a morte do menino João Felipe Bichara, 6 anos, em Barra do Piraí (RJ). Ela pensava em pedir R$ 300 mil de resgate. Em depoimento prestado na 88ª DP (Barra do Piraí), ontem, Simone de Oliveira disse ainda que a filha teria um caso com um homem mais velho. O delegado José Mario Omena, que acompanha o caso, suspeita que ela estava se referindo ao pai de João, o empresário Heraldo Bichara Jr. “Se ela ia pedir resgate depois, a gente não deu tempo para isso, pois ela ia pedir

com a criança morta mesmo”, afirmou o delegado. A primeira parte do plano estava repleta de detalhes, como “ligar para a escola e mandar buscá-lo para ir ao médico, de táxi”. “Na sequência ir para o hotel, fazendo todas as ligações”. O depoimento da mãe durou quatro horas e o caderno de anotações será enviado para perícia técnica. O objetivo de Suzana era pedir um resgate de R$ 300 mil reais. João Felipe foi morto asfixiado em um hotel antes mesmo do primeiro telefonema para a família. As provas estavam na casa da manicure e foram localizadas pela mãe. O dinheiro seria utilizado para pagar dívidas, quitar a carteira de habilitação, adquirir móveis e até uma moto, de R$ 10 mil.

Mãe deu a carta | REPRODUÇÃO BAND

O ex-companheiro da manicure também foi prestar esclarecimentos. Maicon Santiago Olímpio disse que Suzana era agressiva com ele e, às vezes, até ameaçava bater. Aulas são retomadas O Instituto de Educação Nos-

sa Senhora Medianeira, onde João Felipe estudava, retomou as aulas ontem. Os alunos estavam em casa desde terça-feira. A missa de sétimo dia da morte do menino está marcada para quarta-feira, na Igreja Matriz de São Benedito, em do Barra do Piraí. BAND

Renúncia. Feliciano fica e Reforma. vice-presidente da CDH sai César Borges assumirá A sucessão de polêmicas Transportes do deputado Marco Feliciano (PSC-SP) e a resistência em permanecer na presidência da CDH (Comissão de Direitos Humanos) da Câmara começam a causar mal estar dentro do partido do próprio pastor. A deputada Antônia Lúcia (PSC-AC) decidiu renunciar ao cargo de vice-presidente da CDH. A decisão foi tomada em protesto à declaração de Feliciano que, durante um culto em Passos (MG), acusou a gestão anterior do colegiado de ser ‘dominada por satanás’. “Nós temos que separar igreja de parlamento”, afirmou a deputada, defendendo o ex-presidente da comissão, Domingos Dutra (PT-MA). “Peço desculpas aos ex-colegas e aos atuais membros da comissão. Quero deixar registrado, especialmente ao deputado Dutra, que não tínhamos nenhuma representação satânica no colegiado”, declarou. Feliciano é alvo de protesto por ter feito declarações homofóbicas e racistas e chegou a ordenar a prisão de um manifestante na semana passada.

Deputada criticou fala de Feliciano | ALEXANDRA MARTINS/AGÊNCIA CÂMARA

“Essa manifestação toda se dá porque, pela primeira vez na história deste Brasil, um pastor cheio de Espírito Santo conquistou espaço que até ontem era dominado por Satanás.”

A presidente Dilma Rousseff devolveu ao PR o comando do Ministério dos Transportes e nomeou o ex-senador César Borges como novo ministro. O atual vice-presidente do Banco do Brasil substituirá Paulo Sérgio Passos, que, embora filiado ao PR, é considerado um técnico da cota pessoal da presidente e deverá ser deslocado para o cargo de diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres. Com 64 anos, Borges teve a indicação questionada dentro do próprio partido. A bancada do PR na Câmara apresentou outros nomes, que foram vetados. A mudança visa fortalecer a base aliada no Congresso e pavimentar a campanha à reeleição em 2014. METRO

DEP. MARCO FELICIANO (PSC-SP)

O deputado ficará no cargo por, pelo menos, mais uma semana. Uma reunião de líderes marcada para hoje foi adiada por causa da doença do presidente da Câmara, Henrique Alves (PMDB-RN). METRO BRASÍLIA

César Borges teve o aval de Dilma | CLAUDIONOR JUNIOR/A TARDE/FUTURA PRESS


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

BRASIL

07

Eleições devem tirar 19 ministros do governo

Reforma. Dilma Rousseff terá que fazer novas mudanças até abril de 2014 em função da lei eleitoral que exige que candidatos deixem os cargos 37 ministros estão dispostos a disputar as eleições para alçar novos voos ou renovar mandatos parlamentares. A lei eleitoral obriga que os políticos deixem os cargos públicos seis meses antes do pleito, marcado para 5 de outubro do ano que vem. É cedo, mas, inevitavelmente, nos próximos meses, as agendas se dividirão entre temas do governo e a corrida eleitoral, embora a exigência de Dilma seja por

Nomeado o novo ministro da Secretaria de Micro e Pequena Empresa, definida a manutenção do PSB no governo e confirmado o espaço do PR, a presidente Dilma Rousseff encerrará - salvo algum contratempo - a temporada atual de mudanças na Esplanada dos Ministérios. A situação, no entanto, deve durar, no máximo, 12 meses. A próxima reforma ministerial será feita até, no máximo, abril de 2014. Pelo menos 19 dos atuais

uma dedicação exclusiva. A reforma terá casos curiosos, como o do recém-empossado ministro da Agricultura, Antônio Andrade, que desfrutará da experiência do governo apenas até o prazo limite. Depois, tentará um novo mandato de deputado federal. Era Lula O ex-presidente Lula conseguiu segurar a maioria dos ministros no cargo nas eleições de 2006. Apenas Mar-

ta Suplicy, hoje na Cultura e então ministra do Turismo, e Luiz Marinho, então ministro do Trabalho, saíram. No fim do segundo mandato, em 2011, porém, a situação foi diferente. Nada menos do que 22 dos 37 ministros deixaram os cargos para passar pelo teste das urnas. Ainda é uma incógnita o perfil que Dilma dará ao ministério nos oito meses finais do atual mandato. Contrária aos rearranjos políticos, pode-

MUDANÇAS MINISTERIAIS CARGO ATUAL

POSSÍVEIS CANDIDATOS

Gleisi Hoffmann

Fernando Pimentel

rá tentar convencer os atuais auxiliares a se manterem nos cargos ou seguir o exemplo de Lula, que prestigiu os chamados ministros-tampão, promovendo a maioria dos secretários-executivos. Caso opte pela segunda opção, de quebra, veria se consolidar o desejo antigo de administrar um ministério técnico.

20

ministros já foram substituídos no governo desde a posse de Dilma Rousseff, em janeiro de 2011. Do total, nove trocas foram feitas ainda no primeiro ano do mandato e sete substituições ocorreram após denúncias de irregularidades nos ministérios, no episódio que ficou conhecido como ‘faxina’.

MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

A Esplanada dos Ministérios deverá ter mudanças significativas devido às eleições de 2014. Confira:

CARGO PRETENDIDO

Aloizio Mercadante

Alexandre Padilha

Paulo Bernardo

Aldo Rebelo

Fernando Bezerra

Marcelo Crivella

MINISTRA DA CASA CIVIL

MINISTRO DO DESENVOLVIMENTO

MINISTRO DA EDUCAÇÃO

MINISTRO DA SAÚDE

MINISTRO DAS COMUNICAÇÕES

MINISTRO DO ESPORTE

MINISTRO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL

MINISTRO DA PESCA E AQUICULTURA

GOVERNADORA DO PARANÁ

GOVERNADOR DE MINAS GERAIS

SENADOR OU GOVERNADOR DE SÃO PAULO

DEPUTADO FEDERAL (SP) OU GOVERNADOR DE SÃO PAULO

SENADOR (PR)

DEPUTADO FEDERAL (SP)

DEPUTADO FEDERAL (PE)

GOVERNADOR DO RIO DE JANEIRO

Pepe Vargas MINISTRO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO DEPUTADO FEDERAL (RS)

José Eduardo Cardozo

Ideli Salvatti

MINISTRO DA JUSTIÇA

MINISTRA DAS RELAÇÕES INSTITUCIONAIS

DEPUTADO FEDERAL (SP) OU GOVERNADOR DE SÃO PAULO

SENADORA (SC) OU GOVERNADORA DE SANTA CATARINA

Maria do Rosário

Antônio Andrade

MINISTRA DA SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS DEPUTADA FEDERAL (RS)

Manoel Dias

Leônidas Cristino

MINISTRO DO TURISMO

MINISTRO DO TRABALHO

MINISTRO DA SECRETARIA DE PORTOS

DEPUTADO FEDERAL (MA)

DEPUTADO FEDERAL (SC)

DEPUTADO FEDERAL (CE)

FORA DA DISPUTA ELEITORAL Marta Suplicy MINISTRA DO TURISMO

Alexandre Tombini PRESIDENTE DO BANCO CENTRAL

Garibaldi Alves

MINISTRO DE MINAS E ENERGIA

MINISTRO DA PREVIDÊNCIA

DEPUTADO FEDERAL (MG)

DEPUTADO FEDERAL (PB)

SENADOR (MA)

SENADOR (RN)

CARGO ATUAL

Guido Mantega

Edison Lobão

MINISTRO DAS CIDADES

INDECISOS

Gastão Vieira

Aguinaldo Ribeiro

MINISTRO DA AGRICULTURA

COTADO

CARGOS VAGOS

Jorge Hage

MINISTRO DA FAZENDA GOVERNADOR DE SÃO PAULO

Luiza Bairros

MINISTRO DA CONTROLADORIAGERAL DA UNIÃO

MINISTRA DA SECRETARIA DE IGUALDADE RACIAL

DEPUTADO FEDERAL (BA)

DEPUTADA FEDERAL (RS)

MINISTRO DA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS

MINISTRO DA SECRETARIA DE MICRO E PEQUENA EMPRESA

CARGO ATUAL

Marco Antônio Raupp MINISTRO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA

José Elito MINISTRO DO GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL

Izabella Teixeira MINISTRA DO MEIO AMBIENTE

Eleonora Menicucci MINISTRA DA SECRETARIA DE POLÍTICA PARA MULHERES

Paulo Sérgio Passos MINISTRO DOS TRANSPORTES

Antônio Patriota MINISTRO DAS RELAÇÕES EXTERIORES

Moreira Franco MINISTRO DA SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL

Celso Amorim MINISTRO DA DEFESA

Helena Chagas MINISTRA DA COMUNICAÇÃO SOCIAL

Tereza Campello MINISTRA DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Gilberto Carvalho MINISTRO DA SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA

Mírian Belchior MINISTRA DO PLANEJAMENTO

Luís Inácio Adams ADVOGADOGERAL DA UNIÃO


08

Tecnologia. Apple corta preços de iPhones 4 e 4S no mercado brasileiro A Apple reduziu o preço do iPhone 4S e do iPhone 4 no Brasil. Agora, o modelo 4S é vendido por a partir de R$ 1,7 mil, enquanto a versão 4 sai por R$ 1,1 mil. Os valores valem para os aparelhos vendidos na loja oficial da empresa no Brasil. Quando o iPhone 4S chegou ao Brasil no final de 2011, ele era vendido por R$ 2,6 mil, preço que em maio de 2012 caiu para R$ 2 mil e, agora, é vendido por R$ 1,7 mil. Com a redução, a Apple coloca a sua linha de smartphones com preços mais atrativos que a concorrência. O Samsung Galaxy SII, por exemplo, custa R$ 1.599. O iPhone 5, modelo mais atual do celular da Apple la-

39º ministério

Declaração do IR pode ser feita por tablet e smartphone Imposto de Renda. Serviço foi lançado ontem e está disponível para Android e iOS. Há uma série de limitações, mas o app já poderá ser usado por 5 milhões de contribuintes

Preços ficam mais atrativos que a concorrência | KIM KYUNG-HOON/REUTERS

çado em setembro de 2012 ainda não é vendido na loja oficial da Apple. Lojas físicas e virtuais, contudo, vendem o aparelho por entre R$ 2,6 mil e R$ 2,8 mil. METRO

Farmácia. Anvisa permite itens de conveniência A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) publicou ontem no “Diário Oficial da União” resolução que garante às farmácias e drogarias o direito de comercializar itens de conveniência, como alimentos e plantas medicinais. Uma resolução anterior da agência tentava impedir a venda, o que levou as empresas e associações do setor a recorrerem. METRO

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

ECONOMIA

Confira • Atividades autorizadas, segundo resolução da Anvisa. Comércio de cosméticos, de perfumes, de produtos de higiene, de correlatos, de alimentos e de plantas medicinais; e manipulação de medicamentos estéreis

Domésticas

Governo cria secretaria da pequena empresa

Congresso deve promulgar hoje novos direitos

A presidente Dilma Rousseff publicou ontem no “Diário Oficial da União” a lei que cria a Secretaria da Micro e Pequena Empresa, que terá status de ministério, o 39º do governo. A nova pasta, segundo prevê a lei, formulará políticas de apoio a microempresas e empresas de pequeno porte e de artesanato. Cuidará, por exemplo, de promover a qualificação, aumentar a competitividade e incentivar as exportações de bens e serviços. O mais cotado para assumir o ministério é o vice-governador de São Paulo, Guilherme Afif Domingos (PSD). METRO

O Congresso Nacional reúne-se hoje para promulgar a emenda constitucional que amplia os direitos das domésticas. Algumas regras já entram em vigor, como a carga diária de trabalho de 8 horas. METRO Veículos

Venda de carros tem queda de 5,5% em março As vendas de veículos caíram 5,5% em março em comparação com 2012. Mas a Fenabrave espera que, com a prorrogação do IPI mais baixo, uma alta de 3% este ano. METRO

A Receita Federal liberou ontem o preenchimento e entrega da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física 2013 por meio de tablets e smartphones. O aplicativo do Fisco, m-IRPF, está disponível para aparelhos com sistema operacional Android e iOS e já pode ser baixado nas lojas virtuais do Google e da Apple. No entanto, não é qualquer tipo de contribuinte que vai poder declarar o imposto de renda por meio de um aparelho móvel. O programa tem restrições que impedem o seu uso, por exemplo, por quem teve rendimento no exterior ou ganho com ações. Apesar das limitações, a Receita estima que cerca de 5 milhões de contribuintes vão poder usar o aplicativo neste ano. “Vai haver limitações para esse primeiro momento do lançamento. O objetivo é alcançar contribuintes com declarações mais simples,

mas vamos ampliar as possibilidades para o próximo ano”, disse o secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Barreto. O programa recupera informações das bases de dados da Receita, como nome do titular, dependentes, dos médicos, das empresas, do plano de saúde, entre outros. Mas não é possível, por exemplo, importar dados das declarações anteriores e nem imprimir o documento. A declaração por meio do m-IRPF poderá ser feita até dia 30 de abril de 2013, prazo final para a entrega do documento. Segundo o Fisco, até as 16h de ontem foram enviadas apenas 5,7 milhões de declarações, número semelhante ao verificado no ano passado, no primeiro mês do prazo. A Receita Federal espera receber até o fim de abril um total de 26 milhões de declarações. METRO

IR NO SMARTPHONE Uso do m-IRPF é restrito

ONDE ENCONTRAR O APLICATIVO? ANDROID https://play.google.com/store iOS (APPLE) https://play.google.com/store POR QUEM O USO É VEDADO? Contribuintes profissionais liberais ou que tenham obtido lucro na alienação de bens, recebido lucros e dividendos ou rendimentos no exterior, além de rendimentos por doação ou herança Contribuintes que receberam rendimentos de pessoa física ou do exterior ou que tiveram ganho de capital Contribuintes que possuam dívidas que precisam ser declaradas, entre outros QUAIS SÃO OS RECURSOS DISPONÍVEIS? O programa recupera informações como nome do titular, dependentes, dos médicos, das empresas, do plano de saúde, entre outros. O contribuinte, no entanto, não consegue recuperar a declaração anterior e seus dados associados É possível salvar o rascunho da declaração não finalizada e recuperá-la depois, inclusive em outros dispositivos móveis

MPF processa Caixa por ‘venda casada’ em crédito O MPF (Ministério Público Federal) no Espírito Santo informou ontem que ajuizou uma ação civil pública contra a Caixa Econômica Federal para impedir a realização, em qualquer exigência, de aquisição de produtos e/ou serviços, como condição para análise e concessão de financiamentos imobiliários - a chamada “venda casada”. A ação pede multa de R$ 10 mil por consumidor lesado e pagamento de R$ 10 milhões por dano moral coletivo. De acordo com o MPF, o banco utiliza a venda casada para ampliar a comercialização de itens de seu portfólio sem qualquer relação de dependência com a concessão de crédito imobiliário. A ação ainda pede

Movimento no Feirão da Caixa realizado em 2012 | VALTER CAMPANATO/ABR

que sejam inseridas informações sobre os atos que constituem “venda casada” nos contratos de financiamento firmados com o banco. O ministério ainda quer que “seja declarado como venda casada qualquer ação que indique, revele ou insi-

FONTE: RECEITA FEDERAL

Só é possível declarar por smartphone no período de 10 a 30 de abril de 2013

nue a necessidade de aquisição concomitante de outro produto/serviço, sob pena de tratamento menos vantajoso ao consumidor”. Em nota, a Caixa informou que ainda não foi citada no processo, mas afirmou que não pratica “venda casada”. METRO

Internet. Serviço do BB fica fora do ar Os clientes do BB (Banco do Brasil) enfrentaram ontem dificuldades para acessar os serviços on-line da instituição. A internet banking e o 0800 ficaram indisponíveis, relataram internautas de diversas regiões do país em redes sociais. Procurada pela reportagem do Metro, a assessoria do BB não soube informar por que os serviços estavam fora do ar. O BB afirmou que o sistema enfrentou lentidão, mas que já havia voltado ao normal à tarde. No entanto, clientes do banco ainda tinham dificuldades. “Que horas o autoatendimento volta? Preciso pagar contas!”, postou um cliente por volta das 20h na fanpage do BB no Facebook. METRO


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

ECONOMIA

09

Itens da cesta básica permanecem em alta mesmo com redução de impostos Levantamento. Promessa de barateamento de produtos essenciais, após retirada de impostos federais sobre mercadorias, ainda não chegou com força total ao bolso do consumidor belo-horizontino Três semanas após a presidente Dilma Rousseff anunciar a retirada dos impostos federais que incidem sobre todos os produtos da cesta básica, a desoneração ainda não chegou com peso ao bolso do consumidor da capital. É o que revela levantamento do site Mercado Mineiro, que comparou preços de itens essenciais da cesta antes e após o anúncio de desoneração fiscal. Nos supermercados, o preço do arroz registrou queda máxima de 2,52%. O açúcar também pode ser encontrado nas gôndolas por um preço até 4,06% menor. Em compensação, o feijão carioca subiu até 10,69%. E o fubá está até 2,6% mais caro.

Nos açougues, houve queda no preço das carnes de até 11,65%. Nos sacolões, uma das maiores altas foi no quilo do repolho, que praticamente dobrou de preço, passando de R$ 1,34 para R$ 2,66. Entre as maiores quedas de preço, está o chuchu, que ficou até 41% mais barato. Nas padarias, foi verificado aumento em todos os produtos, com destaque para o pãozinho francês, que está até 2,24% mais caro. Segundo o Mercado Mineiro, o consumidor dificilmente verá a redução de preços em todos os itens por causa dos constantes aumentos que já estavam sendo praticados pelos supermercados e a sazonalidade dos produtos. METRO BH

Sobe e desce Mais em conta Arroz, açúcar, óleos, banana, alface, batata, papel higiênico e carnes. Encareceram Feijão, fubá, ovos, pães, tomate, cebola e frango. A pesquisa levantou os preços de 140 produtos em mais de 60 estabelecimentos em duas datas: antes e 20 dias após o anúncio do governo.

Mesmo com anúncio oficial de redução de preços, a dica para o consumidor é sempre pesquisar | WESLEY SANTOS/FUTURA PRESS

Supermercados vendem 10% a mais na Páscoa

Ovos ajudaram a puxar a alta nas vendas | MARCELO CORTES/FOTOARENA/FOLHAPRESS

A Semana Santa foi lucrativa para o setor supermercadista em Minas Gerais. Os empresários registraram aumento de 10% na venda de produtos ligados à data, em comparação com o mesmo período do ano passado. O resultado foi animador, pois o setor projetava um aumento nas vendas de

Fashion City deve impulsionar vendas nos polos da moda de BH Os comerciantes que atuam nos tradicionais polos de moda da capital, como nos bairros Barro Preto e Prado, estão animados e projetam resultados positivos com a inauguração do Fashion City Brasil. O projeto prevê a abertura de um dos maiores centros de compras atacadistas do país. A previsão é de que o Fashion City abra as portas em 2015 em uma área próxima ao aeroporto internacional Tancredo Neves, em Confins. Com a abertura, o comércio da moda na capital poderá registrar crescimentos de até 10% nas vendas. “Inaugurado, o shopping irá atrair mais compradores a Belo Horizonte. Os comerciantes dos polos da moda

Shopping atacadista terá mais de 500 lojas na região de Confins | DIVULGAÇÃO

R$ 280

milhões serão investidos no projeto, com potencial de faturamento de R$ 1 bilhão/ano e geração de 12 mil empregos. do município irão sentir o crescimento nas vendas logo no 2º semestre de 2015”,

prevê Fausto Izac, daCâmara dos Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte. O Fashion City terá 514 lojas, sendo 160 de empresários mineiros. “A criação do shopping irá atender a demanda de um novo polo distribuidor de moda nacional”, aponta a gerente comercial do centro, Samantha Cotrufo. METRO BH

6%, aponta levantamento da Amis (Associação Mineira de Supermercados). O crescimento foi puxado pela compra de chocolates, ovos de páscoa, além de produtos típicos da data, como pescados, azeites e bebidas. Enquanto a demanda foi maior por pescados e itens da cozinha na quinNa Serraria

Minastchê valoriza a cultura gaúcha a partir desta sexta A cultura gaúcha nunca esteve tão próxima dos mineiros. A partir desta sexta, a capital recebe a 10ª Minastchê. O evento reunirá, na Serraria Souza Pinto, o melhor do artesanato, gastronomia, danças típicas e vestuário do sul do país. Além de shows, os visitantes vão conferir vinhos, calçados, móveis, malhas e acessórios produzidos na região. Os famosos chocolates feitos em Gramado e as técnicas do genuíno churrasco gaúcho também ganham destaque. A Minastchê segue até 14 de abril. Entradas a R$ 6. Informações pelo 3292-2323. METRO BH

ta-feira e na sexta-feira santa, os ovos de chocolate tiveram maior procura no sábado e no domingo. De acordo com a Amis, o consumidor se preparou para o almoço do Domingo de Páscoa, comprando os itens com antecedência. Mas a compra de chocolates e ovos ficou para a última ho-

ra, revelando um hábito do consumidor mineiro registrado em anos anteriores. Embora o setor estivesse autorizado a funcionar na sexta-feira santa, alguns empresários decidiram manter os estabelecimentos fechados. Com isso, o sábado foi de maior movimento nesses supermercados. METRO BH

Alívio. Endividamento registra queda na cidade O número de consumidores endividados – com algum compromisso financeiro futuro – caiu de 74% para 51% em Belo Horizonte entre os meses de fevereiro e março. Apesar da queda, a quantidade de pessoas com contas atrasadas subiu de 13,8% para 18,9% no mesmo período. Os dados são da Fecomércio Minas. Segundo o levantamento, o índice de inadimplência – consumidores com contas com mais de 90 dias em atraso – registrou leve alta entre fevereiro e março, de 4,5% para 4,8%. Os principais responsáveis pelo endividamento são os financiamentos de automóveis, empréstimos para amigos e familiares e as faturas dos cartões de crédito oferecidos pelo segmento lojista.

“A falta de educação ou experiência financeira têm levado as pessoas ao descontrole orçamentário, devido ao não controle organizado das finanças pessoais ou de escolher a melhor opção de endividamento de acordo o seu perfil.” GABRIEL IVO, ECONOMISTA DA FECOMÉRCIO

Apesar da queda no endividamento, os economistas da Fecomércio alertam: os consumidores devem planejar seu orçamento para evitar o desequilíbrio financeiro e cair na inadimplência. METRO BH


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

MUNDO

11

Tropas sul-coreanas fizeram exercícios em Cheorwon, perto da zona desmilitarizada entre os dois países | YONHAP/REUTERS

Coreia do Sul promete retaliação Seul. Presidente determina reação imediata a qualquer provocação militar do Norte. Pentágono envia navio de guerra à região, e outras embarcações podem estar a caminho A presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye, determinou que seu Exército dê uma resposta rápida às eventuais provocações militares da Coreia do Norte, “sem qualquer consideração política.” A declaração representa um endurecimento do discurso em Seul, que, normalmente, adota um tom de desprezo em relação às ameaças feitas por Pyongyang. “Eu considero as ameaças da Coreia do Norte muito sérias. Se o Norte tentar qualquer provocação contra nosso povo e nosso país, vocês devem responder fortemenMassacre de Aurora

R.J. SANGOSTI/ARQUIVO/REUTERS

Promotoria pede pena de morte ao atirador do cinema

Holmes, em uma das audiências do processo, no mês passado

A promotoria do Estado do Colorado, nos EUA, pediu a aplicação da pena de morte a James Holmes, o atirador do filme “Batman, o Cavaleiro das Trevas Ressurge”. Holmes, 25, um ex-estudante de neurociência, matou 12 pessoas em uma sessão de cinema na cidade de Aurora, em julho passado. A defesa alega insanidade. O julgamento está previsto para fevereiro do ano que vem. METRO

Kim Jong-un, em reunião do Partido dos Trabalhadores | KCNA/REUTERS

te, no primeiro contato com eles”, disse Park Geun-hye. Os Estados Unidos, aliados da Coreia do Sul, não consideram que o regime norte-coreano esteja preparando um ataque. Ainda assim, de acordo com a CNN, o Pentágono estaria movenÁfrica do Sul

Mandela segue internado, mas com quadro estável O ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela segue internado para se recuperar de uma infecção pulmonar. Mandela, 94, líder da resistência ao apartheid, sofreu, recentemente, vários episódios da doença, resquício da turberculose que teve enquanto estava preso. METRO Segundo o vice

Morales tem problema de saúde ‘complicado’ O vice-presidente da Bolívia, Álvaro García, disse que Evo Morales enfrenta “um problema de saúde complicado”, que o obrigou a se afastar. Ele não deu detalhes. METRO

do aos menos um navio de guerra em direção à costa norte-coreana. A ideia seria monitorar as atividades de Pyongyang mais de perto. A retórica belicista do regime norte-coreano tem aumentado nos últimos meses, e analistas concordam

que o atual líder, Kim Jong-un, é mais agressivo que seu pai e antecessor, Kim Jong-il, morto em 2011. Uma guerra, entretanto, é improvável. “Eu não espero um ataque direto contra a Coreia do Sul, mas eu imagino que vá haver algum incidente militar nos próximos meses, como uma espécie de teste à determinação de Seul”, diz Scott Snyder, analista do CFR (Council on Foreign Relations). CAROLINA VICENTIN

Diz ‘Washington Post’

Regime escondeu rastros nucleares O regime norte-coreano tomou medidas para tentar ocultar resquícios do teste nuclear realizado em fevereiro. Tal comportamento pode indicar o uso de urânio altamente enriquecido na experiência. Segundo o “Washington Post”, que cita fontes do governo dos EUA e especialistas, não fo-

ram encontrados sinais de xenônio-133, gás que se desprende com a detonação. De acordo com especialistas, isso pode significar o uso de urânio enriquecido, o que seria uma mudança em relação aos exercícios nucleares anteriores, quando a Coreia do Norte usou o plutônio. Outra possibilidade é que o teste tenha acontecido em área aterrada. Em qualquer caso, Pyongyang parece querer ocultar detalhes sobre a experiência. METRO

METRO SÃO PAULO

Sob o ‘fantasma’ de Chávez, campanha começa na Venezuela

Bin Laden. ‘Maldição’ não existe

A campanha eleitoral começa oficialmente hoje na Venezuela, mas o chavista Nicolas Maduro e o opositor Henrique Capriles já se enfrentam há dias. No centro do embate, está a figura de Hugo Chávez, que segue sendo usada por seu herdeiro político como a principal “oferta” da campanha. “Todas as profecias de Hugo Chávez, o profeta de Cristo nesta Terra, tornaram-se realidade”, entoou Maduro em um comício, na semana passada. A equipe do chavista colocou o rosto do ex-presidente em quase todo o material de campanha. Pesquisas mostram que, por enquanto, a estratégia funciona: Maduro deve ganhar a eleição com uma vantagem de 14 pontos per-

A morte de um seal (membro das forças especiais dos EUA), na semana passada, deu origem a boatos sobre uma suposta maldição contra os homens que capturarram e mataram o terrorista Osama Bin Laden. Segundo o jornal italiano “Corriere della Sera”, apenas dois dos 25 seals que participaram da operação estariam vivos. Vinte e dois teriam morrido em um ataque terrorista ao helicóptero onde viajavam, em 2011, e a 23ª vítima da maldição seria Brett D. Shadle, que sofreu um acidente de paraquedas na semana passada. Os seals vítimas do atentado, porém, não participaram da captura de Bin Laden. O envolvimento de Shadle não foi confirmado. METRO

“Acho que toleramos muitos abusos no processo eleitoral passado. Mas esta vai ser uma campanha da verdade contra a mentira.”

AS PALAVRAS DE MADURO

Veja quantas vezes o herdeiro chavista se referiu a Hugo Chávez desde 5 de março: COMANDANTE

2.017

HUGO CHÁVEZ

1.716

HENRIQUE CAPRILES, CANDIDATO OPOSITOR

centuais sobre Capriles. Enquanto isso, a oposição acusa o candidato chavista de estar violando a Constituição. Ontem, um deputado disse que a campanha de Maduro estava planejando usar soldados como cabos eleitorais. A tática amedrontaria os eleitores. A eleição está marcada para o dia 14. METRO

OUTRAS REFERÊNCIAS*

1.508 TOTAL**

5.241

FONTE: MADURODICE.COM *EX.: “NOSSO LÍDER” **ATÉ 1º/4, ÀS 12H


2 CULTURA

12

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

Memórias sem nitidez Lançamento. ‘Diário do Não Ver’ mergulha na vida de uma arquiteta que sofre com uma doença que a levará a cegueira. Com estreia hoje no Oi Futuro, filme aborda a reação diante de mudanças substanciais e repentinas

Uma arquiteta está diante de uma doença que mudará para sempre a forma como se relaciona com o mundo. Diagnosticada com uma enfermidade que a levará à cegueira, Lina sente a necessidade de se preparar para um incerto futuro que está por vir. No curta “Diário do Não Ver”, que estreia hoje no Oi Futuro, as cineastas Cristina Maure e Joana Oliveira exploram a perda da visão e uma nova percepção de vida. O roteiro da ficção foi inspirado na história real de pessoas que perderam a visão por motivos variados – como doenças ou acidentes. Para entender melhor o mun-

A ideia para o filme surgiu a partir do trabalho de pesquisa das diretoras nos institutos São Rafael (Belo Horizonte) e Benjamin Constant (Rio de Janeiro), especializados na educação de jovens cegos. do de quem não enxerga, as diretoras desenvolveram trabalhos de pesquisa nos institutos São Rafael, em Belo Horizonte, e Benjamin Constant, no Rio de Janeiro. Para essas pessoas, as imagens que surgiam nos sonhos mudavam juntamente com a transformação de sua percepção do mundo. Nos sonhos, coexistem sons, cheiros e texturas. Enquanto alguns sentidos se perdem, outros

são potencializados. O curta foi premiado como melhor filme, pelo júri popular, no 12ª Goiânia Mostra Curtas. No ano passado, foi apresentado em festivais de cinema no Brasil e exterior. METRO BH No Oi Futuro (av. Afonso Pena, 4.001 – Mangabeiras). Hoje, às 15h (sessão especial com audiodescrição para deficientes visuais) e às 20h (sessão para o público em geral). Entrada franca.

Medos e desafios diante de uma nova condição | BRUNO CREPALDI/DIVULGAÇÃO

Paul: correria e ingressos esgotados

Bilheteria do Mineirão ficou lotada ao longo do dia | LUCAS PRATES/HOJE EM DIA/FOLHAPRESS

Martin Scorsese

Cineasta prepara série para TV Inspirado por “Gangues de Nova York” (2002), o cineasta está elaborando uma trama televisiva que deve mostrar o crime organizado americano no começo do século 20.

Em transe. Realidades da periferia na telona do Sesc Produções autorais clássicas e recentes do cinema nacional tomam conta da telona do Sesc Palladium (av. Augusto de Lima, 420 – Centro) nas noites de terça. É o “Cinema em Transe”, que abre hoje a programação de abril com o documentário “O rap do Pequeno Príncipe contra as almas sebosas”, dos diretores

Marcelo Lua e Paulo Caldas. O filme acompanha a vida de dois personagens reais que vivem na mesma comunidade: um justiceiro acusado de matar 65 bandidos e um músico que usa a cultura para enfrentar as dificuldades de se viver no local. As sessões ocorrem sempre às 20h, com entrada gratuita. METRO BH

Violência urbana coloca dois jovens em atuações opostas | DIVULGAÇÃO

Os fãs se prepararam, correram e não deixaram para a última hora. O resultado: os ingressos para o show do ex-Beatle Paul McCartney em Belo Horizonte, no dia 4 de maio, se esgotaram logo no primeiro dia de vendas ao público em geral. Segundo a produtora Nó de Rosa, a venda foi encerrada pelo site e na bilheteria do Mineirão por volta das 17h25. Durante toda a manhã e início da tarde, os fãs fizeram fila na bilheteria Novidade

montada no Mineirão para disputar um dos 52 mil ingressos colocados à venda ao preço de R$ 80 a R$ 600. Muitos optaram em garantir a entrada pela internet de madrugada, já que a venda começou à meia-noite. Quem não adquiriu o ingresso só conseguirá ver a nova turnê de Paul nos shows marcados para o dia 6 de maio, em Goiânia, e dia 9 de maio, em Fortaleza. Belo Horizonte será a primeira cidade a receber a no‘Prazer em Ler’

CentoeQuatro terá biblioteca de artes visuais

Formação do leitor é tema de série de encontros

Belo Horizonte ganhará em breve a primeira biblioteca pública com acervo especializado em artes visuais. Ela será instalada no CentoeQuatro (praça da Estação). As obras da “Biblioteca 104” já começaram, mas a data de inauguração ainda não foi anunciada. O novo setor terá acervo de livros, periódicos e catálogos disponibilizados gratuitamente para artistas, estudantes, pesquisadores e visitantes. As consultas ao acervo deverão ser feitas no local, pois não será permitido o empréstimo das publicações. METRO BH

Ao longo desta semana, a Biblioteca Pública Infantil e Juvenil (r. Carangola, 288 – Santo Antônio) sedia o encontro anual do programa “Prazer em Ler”, com uma série de debates sobre a formação dos leitores no país com presença de profissionais da literatura. Ontem à noite, os escritores Affonso Romano de Sant’Anna e Marina Colasanti participaram da abertura oficial. Hoje, às 14h, os debates se concentram no tema “Construindo acervos literários de qualidade”. As atividades seguem até sexta. Informações pelo 3277-4648. METRO BH

52 mil

ingressos foram colocados à venda nas fases de prévenda e venda ao público em geral. Ontem, as entradas se esgotaram às 17h25. va turnê do cantor, “Out There!”, com músicas próprias e sucessos da época dos Beatles. A apresentação está marcada para começar às 21h30. METRO BH Exposição DIVULGAÇÃO

Manipulação digital de quadrinhos

Paisagens urbanas e quadrinhos Os artistas Samir Lucas e Wendell Leal abrem nesta noite a exposição coletiva “Transitório e Permanente”, com pinturas em acrílica trabalhadas a partir de imagens fotográficas retratando paisagens urbanas e gravuras digitais realizadas a partir da manipulação de histórias em quadrinhos. Visitações gratuitas de amanhã ao dia 30 na Biblioteca Pública Luiz de Bessa (Praça da Liberdade). METRO BH


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

jovem A volta do

veterano

Novidade. Aos 76 anos, sambista Wilson das Neves lança o disco de inéditas ‘Se Me Chamar, Ô Sorte’, apenas o quarto álbum como cantor

“SE ME CHAMAR, Ô SORTE” WILSON DAS NEVES UNIVERSAL R$ 24,90

Wilson diz que tem músicas para mais dez discos | DARYAN DORNELLES/DIVULGAÇÃO

“Se me chamar pra compor, capricho / Se me chamar pra cantar, não canso”. Esses são versos de “Se Me Chamar, Ô Sorte”, faixa que abre o álbum homônimo de Wilson das Neves, lançado mês passado. Por trás da bateria, o músico fez muitas parcerias ao longo dos mais de 50 anos de carreira, passando de Elza Soares a Ney Matogrosso, de Elis Regina a Nara Leão, entre tantos outros. Mas, quando o assunto é cantar, ele é quase iniciante. “Se Me Chamar, Ô Sorte” é apenas o quarto disco em que Wilson tem oportunidade de soltar a voz. A primeira chance acon-

Série transporta Edgar Allan Poe para São Paulo O que aconteceria se todo o terror e o suspense dos textos de Edgar Allan Poe (1809-1849) tivessem a capital paulista como cenário? “Contos de Edgar”, que estreia hoje, às 22h15, na Fox, tenta mostrar como seria. Coproduzida pelo canal com a 02 Filmes, de Fernando Meirelles, a série adapta histórias do escritor americano a locações da São Paulo dos dias de hoje. Narrada em primeira pessoa tal como as criações literárias de Poe, a série é apresentada do ponto de vista de Edgar (Marcus de Andrade), um paulistano que teve a vida desmoronada quando seu bar foi lacrado pela Prefeitura e sua mulher, Lenora, desapareceu – sumiço que ele desconfia ter relação com Fortunato (Danilo Grangheia), um amigo de infância e seu atual patrão numa empresa dedetizadora. Na concepção da nova produção, os assombros originalmente encontrados em castelos e casas esquisitonas estão guardados

teceu em “O Som Sagrado de Wilson das Neves” (1996), seguido de “Brasão de Orfeu” (2004) e “Pra Gente Fazer Mais Um Samba” (2010). “Nem tinha pensado em fazer um disco cantado. Queria era gravá-lo todo instrumental. Mas aí me chamaram para cantar e então topei. Ô sorte!”, explica o músico, finalizando com seu famoso bordão. Com isso, a única música do álbum em que Wilson realmente toca é a última, “Samba para João”, escrita pelo amigo Chico Buarque em homenagem ao bisneto do sambista. “Ela também fala de meu instrumento, então tem tudo a ver. Mas Música

Daft Punk lança novo CD em maio “Random Access Memories”, 4o disco do duo francês, chegará às lojas no dia 21/5. Com participações de Paul Williams e da cantora Feist, já está em pré-venda no iTunes. METRO

vou te falar: conseguir ter ritmo, harmonia, tom, e cantar, tudo ao mesmo tempo – aí eu me perco!”, diz ele aos risos. Wilson é um dos músicos da Velha Guarda do samba carioca mais queridos pela nova geração. Baterista oficial da Orquestra Imperial, ele também ganhou a produção de seu novo álbum das mãos dos jovens Berna Ceppas e Kassin. Mas é em uma parceria antiga que o álbum ganha força. Paulo César Pinheiro, seu amigo há décadas, é o responsável por quase todas as letras de “Se Me Chamar, Ô Sorte”. E, de acordo com o sambista, essa parceria tem músicas “para uns dez discos”. “Ele me liga e cobra algum material, aí gravo a melodia em uma fitinha e ele põe a letra. Não sou poeta, só sou músico”. Um músico que usa a experiência para compor, sem um estilo prévio, mesmo que o samba seja seu lar. “Esse disco é inspiração pura. Não fabrico nada, não sei se é choro, samba-canção, ou outra coisa. Faço a música, encaixo a letra e vejo o que acontece. Cada música é uma história diferente”, explica. PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

13

No ar. ‘Pulo do Gato’ festeja 40 anos no rádio

O apresentador José Paulo de Andrade | VANESSA LORENZINI/RÁDIO BANDEIRANTES

Após celebrar 50 anos de Rádio Bandeirantes, o radialista José Paulo de Andrade tem mais uma grande data para celebrar. Há exatos 40 anos estreava na mesma emissora o programa “Pulo do Gato”. Focado em serviços e notícias, é a atração radiofônica com mais tempo no ar sob o comando do mesmo apresentador. “Na época em que o programa foi ao ar pela primeira vez, o horário das 6h era ocupado na maioria das emissoras por programas sertanejos [como a dupla Tonico & Tinoco, na Bandeirantes]. Os programas jornalísticos tinham início às 7h. Foi um ‘pulo do gato’ na concorrência”, diz Andrade. METRO

Game. ‘Battlefield 4’ será lançado neste ano

TV

‘Walking Dead’ encera terceira temporada hoje A Fox exibe às 22h30 o último episódio do 3º ano. Nele, Rick e o grupo precisam considerar se defenderão a prisão quando um ataque do Governador está próximo. METRO Adaptação Marcus de Andrade vive o protagonista Edgar | DIVUGAÇÃO

no lado underground da cidade, como apartamentos abandonados no centro, botecos e cemitérios. O episódio de estreia traz Gaby Amarantos no papel de uma cantora que tem a vida posta em perigo após corrigir a arcada dentária. METRO

A série é narrada em primeira pessoa, tal como as criações literárias de Poe. O episódio de estreia traz Gaby Amarantos como uma cantora em perigo

‘Zumbilândia’ pode ir para a TV A comédia zumbi pode saltar do cinema para a TV. A Amazon está preparando um episódio piloto que será disponibilizado online. Se agradar, poderá se transformar em temporada completa. METRO

Cena do game de ação | DIVULGAÇÃO

A Electronic Arts (EA) e a produtora Dice confirmaram para o quarto trimestre deste ano, ainda sem data exata, o lançamento do jogo “Battlefield 4”, que chegará para Xbox 360, PC e PlayStation 3, além da nova plataforma, o PlayStation 4. Uma das grande novidades é a função multiplayer expandido, que poderá ter capacidade para até 64 jogadores, em todas as plataformas. Os jogadores terão que trabalhar juntos, seja no modo multiplayer ou de campanha, en-

viando ordens ao esquadrão. A EA divulgou na última semana um vídeo gameplay com 17 minutos para apresentar armas novas e os combates intensos. O destaque também fica para os gráficos, cenários com texturas de alta definição e personagens com expressões bastante convincentes. Não dá para saber se foi uma piada, mas a música de trilha sonora que embala o vídeo é a famosa “Total Eclipse of the Heart”, de Bonnie Tyler. Assista no endereço youtu.be/U8HVQXkeU8U. METRO


14

Pegadinhas do Google 1º de abril. No Dia da Mentira, companhia decretou o fim do YouTube, fez do Maps uma caça ao tesouro e criou a busca por cheiros Se há uma empresa que leva o Dia da Mentira a sério, é o Google. Até o fim da tarde de ontem, a companhia já tinha criado quatro pegadinhas. A primeira delas foi com o Maps. O Google colocou à disposição uma nova forma de visualização dos mapas, a opção “Caça ao Tesouro”. Depois, foi a vez do YouTube. Em um vídeo “institucional”, o Google explicou aos internautas que o site é, na verdade, um grande concur-

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

VARIEDADES Os invasores

Leitor fala

Trânsito cada dia pior em BH

Cruzadas

so para a escolha do melhor vídeo. Todos os outros seriam deletados e o YouTube ficaria inoperante por 10 anos. A mentira mais futurista ficou por conta do Google Nose, uma busca por cheiros. Não faltou quem ficasse com o nariz colado ao computador. Por fim, o Google lançou o Gmail Blue, com uma caixa de entrada toda em azul e branco. Desde 2005. o Google cria brincadeiras para o 1º de abril. METRO

Sexta feira, 19h, e mais uma vez BH parou. E parou por qual motivo? Parou por causa dos gargalos. Dizer que o caos é por conta do excesso de veículos todo mundo já sabe, e trata-se apenas de justificativas em vão. Não é isso que a população deseja ouvir. Se não for feito tratamento adequado nos cruzamentos e nos sinais em excesso, BH vai continuar parando. São pontos que esperam por viadutos, trincheiras, túneis, elevados, passarelas, há mais de 30 anos. A cidade precisa também de vias expressas. As ruas e avenidas não cabem mais veículos. A tentativa de importar modelos de países europeus, onde as cidades são planas e o clima é temperado, também não se mostrou eficiente. Falo das ciclovias. Se a decisão for a de importar, os modelos a serem copiados estão no EUA, e não na Europa. Mais de 500 veículos são emplacados diariamente na cidade e isso não vai mudar. Exorcizar o carro não resolve. Sem transporte coletivo decente, eles não saem de cena. Com bom transporte coletivo, eles podem diminuir, mas sair de cena, jamais. Ou as autoridades encaram a realidade e fazem as obras que a cidade precisa ou o ato de deslocar ficará cada dia pior. JOSÉ APARECIDO RIBEIRO – BELO HORIZONTE, MG

Metro pergunta

Sudoku

As explosões de caixas eletrônicos continuam a todo vapor em Minas Gerais. Como conter a modalidade de crime?

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroBH

@luanasilveira

É simples. Basta colocar um segurança em cada agência bancária e retirar os caixas eletrônicos das ruas.

Google Nose, o lançamento da companhia | REPRODUÇÃO

Facebook. Site testa envio pago de mensagens O Facebook começou a testar no Brasil o envio pago de mensagens a usuários que não estão na lista de contatos e que não têm amigos em comum com o remetente. A novidade já estava sendo testada nos EUA desde o Horóscopo

@cidinhocardoso

A principal forma de se evitar explosões é recolhendo as bananas de dinamite que estão nas mãos de bandidos.

fim do ano passado. Com o pagamento, que pode ser feito via cartão de crédito, a mensagem vai para a Caixa de Entrada. Caso contrário, segue para a pasta Outros, uma espécie de filtro anti-spam. METRO

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

www.estrelaguia.com.br

Áries (21/3 a 20/4) Procure se assentar melhor. Deixe que a

vida lhe mostre o caminho mais correto para você seguir e não perca tempo querendo lutar contra o seu próprio destino.

Leão (23/7 a 22/8) Organize melhor a sua agenda. Alguns compromissos importantes não devem ser prejudicados por falta de atenção da sua parte. O dia requer mais dedicação.

Sagitário (22/11 a 21/12) Facilite o caminho de quem estiver fazendo a coisa certa. Bom momento para formar grupos e participar de atividades que irão trazer mais motivação para todos.

Touro (21/4 a 20/5) Período ligado à materialização de objetivos que estejam na sua lista a algum tempo. Capriche nas suas tarefas e ande na linha para que as pessoas lhe ajudem.

Virgem (23/8 a 22/9) Atividades ou tomadas de decisões em grupo estão em alta. Aproveite para investir no seu marketing pessoal e ficar de bem com os amigos e com os parceiros.

Capricórnio (22/12 a 20/1) Boas ideias e vontade de modificar

Gêmeos (21/5 a 20/6) Pensamento positivo. Mentalize boas

Libra (23/9 a 22/10) Chefes e autoridades no controle da situação. Procure auxiliá-los a organizar melhor as coisas. A sua participação poderá lhe trazer mais reconhecimento.

Aquário (21/1 a 19/2) Evite alimentar fantasias que podem não ser muito bem aceitas por todos. Hoje é dia de parcerias e atividades mais organizadas que exigem a união de todos.

Câncer (21/6 a 22/7) Muito mais disciplina e dedicação aos seus objetivos. Hoje você pode aproveitar o seu tempo para realizar coisas importantes para a sua carreira.

Escorpião (23/10 a 21/11) Opinião pública em destaque.

Peixes (20/2 a 20/3) Dia de apoiar as pessoas e dar mais aten-

coisas que você deseja para que elas possam se materializar em sua vida. O mundo pode agir sorrateiramente a seu favor.

Dia indicado para você cuidar mais da sua imagem pessoal e demonstrar que tem valores que são bem aceitos pela maioria.

as coisas para deixá-las mais eficientes. Conte com a colaboração das pessoas. Hoje elas estão mais dispostas a lhe ajudar.

ção ao que elas estiverem fazendo em grupo. Estudos, trabalhos em equipe e viagens tendem a lhe favorecer neste dia.


BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

ESPORTE

15

A melhor sequência dos últimos 37 anos Atlético. Com 11 vitórias seguidas, Cuca quebra seu próprio recorde e alcança marca registrada em 1976 O treinador Cuca segue com um desempenho incrível à frente do Atlético. Poucos se lembram, mas a última sequência de 11 vitórias seguidas do clube havia sido registrada em 1976. O feito foi alcançado pelo técnico com a goleada por 4 a 1 em cima do Tupi, no último domingo, no Independência. Com o triunfo, o Atlético já soma 11 vitórias de forma ininterrupta, sendo sete no Campeonato Mineiro e quatro na Copa Libertadores. O último técnico a alcançar a impressionante marca antes de Cuca foi João Lacerda Filho, o Barbatana, na Taça Minas Gerais de 1976. Josué entra na ‘briga’ O recém-contratado Josué foi titular na partida contra o Galo Carijó e, além de ter feito uma boa partida, ba-

“A perda do Bernard é lamentável. É torcer para que ele volte logo. É um atleta muito importante para o time.”

3 ESPORTE

CUCA, TREINADOR

lançou as redes da equipe de Juiz de Fora. Ele entrou no lugar de Pierre, que é considerado titular absoluto. Leandro Donizete aprovou o desempenho do novo companheiro de clube. “Essa briga é boa. O Josué entrou bem, temos o Pierre também. Pode jogar qualquer um. Eu mesmo posso ficar fora. Vai jogar quem tiver melhor. Temos que ter os pés no chão e respeitar os jogadores”, diz o volante, que recebeu apelido de leão pela torcida. METRO

Treinador lamenta não poder contar com Bernard nos próximos dois jogos | BRUNO CANTINI/ATLÉTICO

Duelo de constelações com tempero brasileiro De um lado, um time que investiu milhões para contratar os melhores do planeta. Do outro, uma referência do futebol atual, de

toque de bola refinado e eficiente. Hoje, o Parque dos Príncipes será palco para o aguardado duelo entre PSG e Barcelona, pelo jogo

de ida das quartas de final da Liga dos Campeões. Na constelação dos dois elencos ainda há uma legião brasileira. No PSG,

QUARTAS DE FINAL PARIS SAINT-GERMAIN

MÁLAGA

Hoje 15h45 Parque dos Príncipes

Amanhã 15h45 La Rosaleda

10/4 15h45 Camp Nou

9/4

BARCELONA

15h45 Dortmund

BORUSSIA DORTMUND

FINAL REAL MADRID

BAYERN DE MUNIQUE Hoje 15h45 Allianz Arena 10/4 15h45 Juventus Stadium

JUVENTUS

Amanhã 15h45 Santiago Bernabéu 9/4

15h45 Ali Sami Yen

GALATASARAY

Thiago Silva, Alex, Maxwell, Thiago Motta e Lucas, ex-São Paulo, que se recuperou de lesão no tornozelo e está relacionado para o que ele chamou de “jogo da vida”. “Não tem como não pensar, é o mais esperado, o jogo da minha vida. O mais importante que vou disputar até aqui. Temos experiência e qualidade para superar o Barcelona”, disse o craque do time francês, que contará com o retorno do atacante sueco Ibrahimovic. Já com a camisa do time catalão, há Daniel Alves, Adriano, Rafinha e Thiago Alcântara. Eles têm a missão de sustentar a principal estrela da companhia, o argentino Lionel Messi, eleito o melhor jogador do mundo nos quatro últimos anos. O confronto está marcado para às 15h45, e terá transmissão da Band. A partida de volta acontece dia 10, na Espanha. METRO

“Messi é um gênio, ponto. Sou um grande fã dele e dos craques que jogam ao lado dele. Sabemos que será difícil vencer, mas não impossível.” LUCAS, MEIA-ATACANTE DO PSG

Galo

Luan

“PSG e Barcelona será uma partida difícil, mas tenho boas sensações. O nosso time está muito concentrado e bem preparado para a partida em Paris.” MESSI, ATACANTE DO BARCELONA

Com a contusão de Bernard, o meia deve ser titular na partida de amanhã contra o Arsenal, da Argentina, no Independência pela Copa Libertadores.


16

ESPORTES

Opinião

HELIO CASTRONEVES CASTRONEVES@METROJORNAL.COM.BR

AGORA É EM BARBER MOTORSPORTS PARK É aí, pessoal, foi tudo legal na Páscoa? Espero que sim e, principalmente, que no meio daquela fantástica confraternização familiar e das brincadeiras com os ovos de chocolate, tenha havido um espaço especial, no coração de todos, para orar pelo renascimento de um mundo melhor e por Jesus, que do seu sacrifício criou a nova e atual era. Vocês sabem que sou um homem de fé, a fé me fortalece e me ampara. E sou feliz por sentir, a cada instante da minha vida, mesmo aqueles meio chatinhos, a presença de Deus. E agora a coisa está como eu gosto, com uma corrida atrás da outra. Depois da prova do dia 24 de março em St. Petesburg, quando descolei um pódio importante para o campeonato, agora é a vez de correr, no domingo, no Barber Motorsports Park, que é um misto permanente localizado na cidade de Birmingham, no Estado do Alabama. Válida pela segunda etapa do IZOD IndyCar Series, é uma corrida que todos nós já temos um preparo. Na pré-temporada aqui nos Estados Unidos, por ser inverno, não temos muitas opções de testes. Como muitas pistas ficam debaixo de neve, Barber, por ficar no sul, é uma das opções. Tanto que o teste coletivo que antecedeu a abertura do campeonato foi lá. É também por isso que as equipe já chegam com um acerto básico. Mas isso, às vezes, não adianta. Vou explicar. Agora estamos na primavera e as temperaturas vão se elevando. Mesmo que não seja calor de verão, vamos encontrar uma situação mais quente do que no Open Test. Isso faz diferença porque interfere diretamente no desgaste dos pneus, na forma que a borracha gruda no asfalto, na ausência de um vento mais fresco para ajudar na refrigeração dos diversos sistemas do carro e por aí vai. Então, essa questão de temperatura, que aparentemente tem influência apenas na resistência dos pilotos, vai mais além. Mas eu gosto de Barber. Venci em 2010, fui pole no ano passado e o Team Penske venceu todas as três provas realizadas naquele circuito. Mas não se assustem quando virem, pela TV, aranhas gigantes e outros bichos. São esculturas que compõem o lindo parque que, também, tem um museu de motos e carros de tirar o fôlego. Abraço a todos e espero voltar na semana que vem falando de mais um pódio e, se Deus quiser, de um degrauzinho mais acima do que o 2º em St. Pete. Vamos que vamos! Helio Castroneves, 37, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro com mais vitórias na Indy, com 27 conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e 2009). Disputará em 2013 sua 16ª temporada na categoria e 14ª pelo Team Penske.

Fórmula 1

Indy

Raikkonen pode substituir Webber

Restam poucos ingressos para SP

A briga entre Sebastian Vettel e Mark Webber após o GP da Malásia gerou especulações sobre um possível substituto para o australiano na Red Bull em 2014. Segundo Dietrich Mateschitz, dono da empresa de bebidas que dá nome ao time, um dos nomes é o do finlandês Kimi Raikkonen, que hoje pilota pela Lotus e é um dos destaques da atual temporada. METRO

As vendas para a Itaipava SP Indy 300 Nestlé, que acontece no dia 5 de maio no circuito do Anhembi, em São Paulo, estão a todo vapor. De acordo com os organizadores do evento de corrido automobilística, o setor H está esgotado e restam poucas unidades para os setores K e L. É possível adquirir sua entrada para a corrida pelo site www.tkt1.com.br. METRO

BELO HORIZONTE, TERÇA-FEIRA, 2 DE ABRIL DE 2013 www.readmetro.com

Desempenho de um time campeão Bom momento. Invicto, Cruzeiro tem o melhor início de Campeonato Mineiro desde 2003, ano que o clube conquistou a tríplice coroa. Técnico não esconde sua satisfação

O time ainda não está completamente entrosado. Entretanto, os números evidenciam o excelente início de temporada do Cruzeiro. Com sete vitórias e um empate, a campanha deste ano já se iguala à de 2003, quando a equipe celeste faturou a tríplice coroa – Campeonato Mineiro, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Em 2003, quando o time era comandado pelo meia Alex e pelo treinador Vanderlei Luxemburgo, a Raposa também somou 22 pontos nos primeiros oito jogos. A única diferença é no quesito gols. Naquela temporada, o clube balançou as redes 24 vezes e sofreu apenas seis. Já neste ano, o Cruzeiro tem 20 tentos a favor e oito contra. Marcelo Oliveira, que é um dos responsáveis pela campanha do time no Mineiro, está satisfeito com o momento, mas deixa claro que o objetivo é classificar em primeiro, posição que o clube já ocupa, para garantir as vantagens na fase eliminatória. “Gostei da vitória (em cima do Villa Nova) e principalmente do espíri-

Marcelo Oliveira já caiu nas graças da torcida celeste

to de jogo e da reação. Tem que ter esse equilíbrio, não existe jogo fácil, grandes equipes às vezes perdem, empatam e é muito importante chegar na frente para obter as vantagens nas decisões”, afirma o treinador, que segue invicto.

| WASHINGTON ALVES/VIPCOMM

Horário definido O confronto entre América e Cruzeiro finalmente tem seu horário e dia definidos. A partida foi confirmada para o domingo, às 16h, no Mineirão. A Polícia Militar promete segurança reforçada. METRO BH

Recém-contratado, Willians já ‘canta’ vaga no América Recém-contratado, o meia Willians pode ser a principal novidade do América para o clássico contra o Cruzeiro, no próximo fim de semana. Apesar do treinador Paulo Comelli ainda não confirmar sua presença, o jogador, que vestia as cores do Sport, já ‘canta’ uma vaga pelo menos no banco de reservas para o jogo. “Se eu tiver a oportunidade de ir para o jogo, espero ajudar os meus companheiros a conquistarem uma vitória que nos dê tranquilidade na tabela. O Paulo gosta de jogador rápido e eu acho que me encaixo nesse perfil. Pode até ser um ponto positivo para mim. Quem sabe eu não tenha a oportunidade de iniciar jogando?”, afirma. METRO BH

Jogador defendia as cores do Sport | ANTONIO CARNEIRO/FUTURA PRESS

“É um time em formação, que tem apresentado coisas boas e o desafio do momento é manter uma constância melhor.” MARCELO OLIVEIRA, TREINADOR

Argentino. Marcelo Mendes e sua terceira final O currículo do técnico Marcelo Mendez com a camisa do Cruzeiro é impressionante. O argentino está à frente do time de vôlei há quatro temporadas, chegando em uma semifinal e três finais consecutivas na Superliga. A equipe celeste está na decisão e pode enfrentar o Minas ou o Rio de Janeiro. Em alta, Mendez prefere valorizar a força do grupo, e não seu desempenho no comando do time. “Trabalhamos muito e merecemos mais essa final. Todos estão de parabéns e agora e hora de pensar só na final”, diz. O time de vôlei celeste retoma hoje os trabalhos de preparação para a final. METRO BH

20130402_br_metrobh  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you