Page 1

DIVULGAÇÃO

HEY HO,

LET’S GO,

Guerra em flashback

‘COMMANDO’: UMA VIAGEM REAL AO ESTRANHO MUNDO DOS

RAMONES

JOHNNY!

Novo jogo da franquia ‘Gear of War’ resgata combates ocorridos antes do início da série PÁG. 11

PÁG. 12

BELO HORIZONTE Quarta-feira, 20 de março de 2013 Edição nº 360, ano 2 MÍN: 19°C MÁX: 28°C showers sunny showers www.readmetro.com | leitor.bh@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobh sunny

snow

rain

partly

cloudy

sleet

thunder

part sunny/

thunder

windy

BH terá novas obras para tentar desafogar trânsito hazy

showers

Mobilidade. Preocupadas com projeções, que não são nada confortáveis, autoridades abrem o cofre e liberam R$ 157 milhões para um pacote de intervenções que prometem aliviar o fluxo de veículos, principalmente no Vetor Norte da cidade. Obras só devem ser finalizadas em 2015 PÁG. 03

Papa Francisco dispensa carro de segurança e vai ‘pra galera’ Na Praça São Pedro, líder da Igreja ignora papamóvel, aproxima-se da multidão e causa frisson PÁG. 06

UFMG anuncia fim do vestibular e adesão ao Sisu

Novidade é apresentada no dia em que mais um estudante afirma ter sido vítima de racismo PÁG. 02

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

SUS desembolsa R$ 488 milhões ao ano com obesidade Viaduto Santa Tereza, um dos cartões-postais mais antigos da cidade, será revitalizado. Sob a estrutura, será criado um circuito de esportes radicais | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Montante foi empenhado no tratamento de doenças ligadas ao excesso de peso em 2011 PÁG. 05


1 FOCO

Linha Verde

Bênçãos

O arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor de Oliveira Azevedo, abençoou centenas de fiéis ontem, durante as comemorações do dia de São José. A celebração aconteceu no terreno onde será construída a catedral Cristo Rei, na avenida Cristiano Machado.

Cotações Dólar - 0,10% (R$ 1,98) Bovespa - 1,07% (56.361 pts) Euro - 0,76% (R$ 2,55) Selic (7,25%)

Salário mínimo (R$ 678)

02

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

Reitoria anuncia o fim do vestibular na UFMG

Unificação. Processo de seleção para 2014 levará em conta somente a nota do Enem. Segunda etapa será extinta O reitor da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), Clélio Campolina Diniz, anunciou ontem o fim do vestibular da instituição e informou que o processo agora será feito apenas por meio do Sisu (Sistema de Seleção Unificado), com base nas notas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). As mudanças passarão a valer para o ingresso de estudantes em 2014. O reitor alegou que, assim, a seleção será mais democrática. Porém, para Daniel Wardil, representante da Assembleia Nacional do Estudantes, a mudança não traz melhorias. “Enxergamos isso de forma muito crítica. O que vemos é uma imposição do governo federal para a adoção desse modelo, mas isso não elimina o funil de seleção, que deixa milhares de jovens fora das universidades. Precisamos é de novas vagas, não de mu-

“O Brasil precisa disso. Teremos uma seleção mais democrática. Há três anos fazemos a avaliação de desempenho do Enem.” CLÉLIO CAMPOLINA, REITOR DA UFMG

danças no formato da seleção”. O assunto será debatido pela entidade estudantil na semana que vem. Temendo a adesão da UFMG ao Sisu, estudantes de escolas públicas e privadas haviam entregue à reitoria, durante o Vestibular 2013 um documento manifestando insatisfação e listando falhas ocorridas nas provas do Enem, como erros na correção da redação, falta de transparência na correção dos testes e fiscalização ineficiente do exame. METRO BH

Mudanças na seleção de alunos foram anunciadas ontem após reunião | GUSTAVO ANDRADE/METRO BH/ARQUIVO

Denúncias de racismo vêm à tona “O que encontrei aqui é muito diferente do que vemos nas novelas”. As palavras são de um angolanoque há seis anos vive em Belo Horizonte para estudar na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) – ele pediu para não ser identificado pela reportagem. Prestes a conluir a graduação, o estudante conta que já foi vítima de preconceito racial por parte de colegas de sala e, até, de professores. O aluno contou já ter ouvido da boca de um professor que ele não deveria estar na UFMG, pois estaria “tomando o espaço de outros brasileiros”. “Vim para cá por meio de um acordo entre os governos. Tenho conterrâneos que desistiram de se formar pelas di-

ficuldades que passaram aqui”, relata o angolano. Casos como o dele não são incomuns na comunidade acadêmica, mas vivem à sombra do conhecimento público até que surjam episódios polêmicos, como o caso do trote realizado no curso de Direito, na última semana, em que veteranos apareciam em fotos fazendo alusão a saudações nazistas e expondo calouros a brincadeiras racistas.

“A irmandade brasileira não existe. Houve quem me recebesse bem, mas vi coisas absurdas acontecerem.” ESTUDANTE ANGOLANO DA UFMG FALE COM A REDAÇÃO leitor.bh@metrojornal.com.br /- COMERCIAL: /-

O jornal Metro circula em  países e tem alcance diário superior a  milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de  mil exemplares diários.

Punições

Comissão vai apurar trote

Trote racista aconteceu na faculdade de Direito | REPRODUÇÃO/FACEBOOK

Em entrevista concedida ontem à rádio BandNews FM 89,5, a representante da Assembleia Nacional dos Estudantes Izabela Lourenço disse que a discriminação na UFMG tem sido um assunto recorrente. “Valo-

res machistas, racistas e homofóbicos ainda existem, e se refletem aqui. É muito lamentável ver trotes assim. A opressão de raça, gênero e orientação sexual são permanentes”, revelou a estudante. METRO BH

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: .). Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: .). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor-Executivo: Juvercy Júnior (MTB 12.331/MG). Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor Geral: José Saad Duailibi.

Em resposta à polêmica, a UFMG informou ter criado uma comissão e dado prazo de 30 dias para apuração do trote e aplicação de punições que podem ir de advertência a expulsão dos estudantes. Quanto às denúncias de preconceito racial, a universidade argumentou que as queixas devem ser oficializadas na Diretoria de Assuntos Estudantis para que sejam apuradas. Amanhã, alunos farão um protesto na Faculdade de Direito. METRO BH

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, , São Bento, CEP: -, Belo Horizonte, MG. Tel.: /-. O jornal Metro é impresso na CGB Artes Gráficas. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. . exemplares


BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

1

Alça de via em construção pretende aliviar trânsito da Cristiano Machado

Visando aliviar o conturbado trânsito da avenida Cristiano Machado, o governo anunciou R$ 12 milhões em investimentos para construir a interseção da Via 710, ainda em construção, com a avenida. A previsão é de que as obras comecem em outubro deste ano e sejam concluídas no mesmo mês do ano que vem, após a realização da Copa do Mundo. Pavimentos de vias importantes para o sistema viário da 710 serão recuperados e alças serão implantadas, como de acesso ao viaduto da Cristiano Machado e à avenida Bernardo Vasconcelos. “As intervenções são fundamen-

tais. Você emenda a 710 com a Bernardo Vasconcelos e a Américo Vespúcio e cria um arco de via transversal”, avalia o mestre em transporte e trânsito, Silvestre de Andrade. A ideia é que a interseção seja concluída logo após a 710, orçada em R$ 78 milhões e com previsão de término neste ano.

2

Ponte na região Norte fará transposição sobre o Córrego do Onça Outra obra prevista no pacote é a construção de uma ponte sobre o Córrego do Onça, na região Norte de Belo Horizonte. A construção servirá também para dar acesso ao bairro Ribeiro de Abreu. Segundo o governo, a obra está orçada em R$ 35 milhões e deve começar em setembro deste ano. A previsão é de que as intervenções sejam concluídas até o fim de 2015. “Temos um bloqueio

muito grande em relação ao tráfego, além do Arrudas, que é o Córrego do Onça. Da Cristiano Machado até o limite de Belo Horizonte, não temos transposição sobre o córrego. A obra será importante para desviar o trânsito”, analisa o engenheiro civil Silvestre de Andrade. Além da ponte, estão previstas as construções de diques para contenção de terra e de uma pista para caminhada.

FOCO

MAIS UMA TENTATIVA PARA DESATAR NÓ Preocupadas com as projeções catastróficas para o trânsito de Belo Horizonte, autoridades mineiras anunciaram, ontem, um pacote de intervenções que prometem melhorar o tráfego, especialmente na região Norte da cidade. As obras, no entanto, só devem ser finalizadas em 2015. A que tem impacto direto em uma das vias mais saturadas da capital – a avenida Cristiano Machado – depende da finalização de outra obra que vem se arrastando há anos: a Via 710, idealizada na década de 1980. “Sabemos da necessidade de termos, permanentemente, obras para melhorar não a questão da mobilidade, sobretudo porque a capital é o motor econômico do Estado”, afirmou o governador Antonio Anastasia. No embalo das promessas, o governo ainda anunciou construções de cunho cultural, como o Espaço Multiúso do Parque Municipal e o Circuito do Viaduto Santa Tereza. THIAGO RICCI

Espaço vai abrigar apresentações | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Trânsito em BH preocupa | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

Parque Municipal vai receber espaço multiúso Um espaço para abrigar manifestações artísticas, culturais e folclóricas. É a promessa do governo com a construção do Espaço Multiuso do Parque Municipal Américo Renné Gianetti, no Centro de Belo Horizonte. A obra vai custar R$ 15 milhões, está prevista para

3

começar no próximo mês e terminar em outubro do ano que vem. O projeto é que o prédio tenha formato circular e capacidade para receber até 3 mil pessoas. Em um espaço de 3,2 mil metros quadrados, o prédio terá palco para shows e auditório para 250 pessoas.

Viaduto Santa Tereza será revitalizado e ganhará estrutura para eventos Um dos símbolos da capital, o Viaduto Santa Tereza receberá obras de revitalização a partir de agosto deste ano. Além das intervenções na estrutura, o espaço sob o viaduto receberá equipamentos para a prática de lazer e esportes. O conjunto de intervenções está orçado em R$ 5 milhões. O pacote inclui a recuperação da estrutura do viaduto. O revestimento original, com pó de pedra,

também será refeito. O viaduto é tombado pelo Patrimônio Cultura da capital. Na estrutura entre a rua da Bahia e a avenida dos Andradas, a promessa é que sejam implantados uma pista de skate, anfiteatro, mini-circuito de bicicleta, salas multiuso e uma quadra para prática de basquete. O espaço que hoje recebe duelos de MCs receberá ainda um posto da PM e reforma dos sanitários.

4

03

Construção de viadutos busca eliminar gargalos de avenida

6 Até o fim do próximo ano, o governo garante construir dois viadutos no cruzamento entre as avenidas Cristiano Machado e Waldomiro Lobo, na região Norte da capital. O início das obras está previsto para setembro deste ano. O investimento será de R$ 30 milhões. A implantação das estruturas é considerada fundamental por especialistas para aperfeiçoar o trânsito na avenida. “Faltam algumas peças para que a articulação do trânsito seja aperfeiçoada. Os viadutos são essenciais para complementar a reestruturação da Cristiano Machado”, acredita o especialista em tráfego urbano, Ronaldo Gouvêa. A mesma visão é compartilhada por outro estudioso do assunto. “A partir do cruzamento com o Anel Rodoviário, só temos trincheira com avenida

5

Vilarinho. Essa construção começa a eliminar os gargalos ao longo da avenida. Além disso, a Waldomiro Lobo atrai muitos veículos pesados”, afirma o mestre em tráfego urbano Silvestre de Andrade. Apesar do consenso sobre a importância das obras, a política adotada para aliviar o trânsito não tem a mesma unanimidade. “Acho um erro priorizar a revitalização de velhas vias enquanto não ouvimos medidas concretas em duas vias estratégicas: o Anel Rodoviário e o Rodoanel”, diz Gouvêa.

Boulevard Arrudas será expandido para avenida dos Andradas

Entre todas as promessas, a que tem maior potencial para desafogar o trânsito do hipercentro da capital é a expansão do Boulevard Arrudas, segundo avaliação de especialistas. A avenida dos Andradas, entre a Alameda Ezequiel Dias e o Centro de Especialidades Médicas, a um quarteirão da avenida do Contorno, receberá intervenções orçadas em R$ 80 milhões. As obras serão iniciadas em julho e têm a previsão de término para dezembro de 2014. “O trecho que receberá obras agora é mais importante do que aquele feito na Tereza Cristina. Os motoristas que precisam ir à região Leste não precisarão mais atravessar a região central”, avalia o professor da Escola de Engenharia da UFMG, Ronaldo Gouvêa. A implantação do Bou-

Leito do Arrudas | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH

levard Arrudas na Tereza Cristina, entre a avenida do Contorno e a rua Aquibadan, está em fase final. A previsão da Prefeitura é que a obra seja finalizada em maio deste ano – a pavimentação está 87% concluída.

Espaço sob viaduto receberá pista de skate | EMMANUEL PINHEIRO/METRO BH


04

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

PM mantém reforço após embate no Serra

Conflito. Suspeitos de atirar em 13 pessoas durante baile funk de rua ainda não foram encontrados pela polícia Ao contrário de ameaças de retaliação à uma ação mal sucedida da Polícia Militar, o Aglomerado da Serra não teve uma ocorrência sequer ontem. Mesmo com a aparente tranquilidade, os moradores não terão um dia comum hoje, já que o policiamento reforçado será mantido pela cúpula da PM. Se, por um lado, não houve nenhuma desordem, por outro, não foi preso nenhum suspeito de envolvimento no tiroteio que deixou um morte e 12 baleados em um baile no domingo passado. “Continuamos trabalhando, investigando todas as denúncias que recebemos”, afirmou o tenente-coronel Alfredo Veloso, comandante do batalhão responsável pela área. O batalhão de choque da

“O dia foi bem tranquilo, com tudo funcionando normalmente: comércio, escola, ônibus... Foi possível ver até crianças jogando futebol.”

Mais um baile funk terminou com tiros na capital. Dois jovens foram presos na madrugada de ontem, em Venda Nova, após atirarem dentro de um estabelecimento que fica na avenida Padre Pedro Pinto. Desta vez, ninguém foi atingido. METRO BH

Diretor da BHTrans explica BRT em evento O funcionamento do BRT (Transporte Rápido por Ônibus) foi explicado ontem pelo diretor da BHTrans, Ramon César, em um jantar no bairro Santo Agostinho, região Centro-Sul de Belo Horizonte. O evento foi promovido pelo Jornal da Cidade e contou com a presença de dezenas de pessoas. METRO BH

PM continua dando apoio no aglomerado. Não existe previsão alguma para que o reforço saia do local.

Policiais ainda estavam nas ruas do aglomerado ontem | ALEX DE JESUS/O TEMPO/FOLHAPRESS

Mercadoria ilegal é apreendida em BH

Operação encheu caminhões de produtos ilegais | ANDRÉ LANA/DIVULGAÇÃO/MPMG

Jovens são presos após tiros em baile funk

Mobilidade

TENENTE-CORONEL ALFREDO VELOSO, COMANDANTE DO POLICIAMENTO NA ÁREA

Confissão O policial detido após ação frustrada confessou, ontem, que atirou sem querer no adolescente, segundo o comando da PM. Ele e mais dois homens foram detidos após acertar um inocente durante buscas. METRO BH

Venda Nova

Uma operação policial lotou três caminhões com mercadorias pirateadas – e com suspeita de contrabando – apreendidas ontem no Shopping Tupinambás, no Centro da capital. Segundo o MPMG (Ministério Público do Estado), foram encontrados CDs, DVDs, televisores e documentos que podem apontar ainda possíveis casos de

15

lojas no interior do shopping popular comercializavam mercadorias pirateadas. sonegação fiscal por parte dos comerciantes. O material, apreendido em 15 lojas fiscalizadas, será anali-

sado pela Receita Federal e a Polícia Civil. A ação foi realizada pelo Grupo Interinstitucional de Combate à Pirataria com o apoio da Polícia Militar, da Receita Estadual e do Instituto de Criminalística. O balanço com a mercadoria total apreendida não foi divulgado pelo MPMG antes do fechamento desta edição. METRO BH

150 mil maços

Casal é preso com cigarros trazidos do Paraguai Um casal foi preso com cerca de 150 mil maços de cigarros contrabandeados, anteontem, em Belo Horizonte. Segundo a Polícia Civil, a mercadoria foi trazida ilegalmente do Paraguai e seria distribuída em um shopping popular da capital. Ainda de acordo com a corporação, a mulher confessou que os dois viviam do comércio ilegal. METRO BH Pornografia infantil

Rodrigo Neto. Caso pode ser investigado pela PF Representantes da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) pediram ontem a intervenção da Polícia Federal no caso do jornalista Rodrigo Neto de Faria, morto a tiros no início do mês em Ipatinga, no Vale do Rio Doce. A solicitação da entidade ocorreu durante uma reunião no município com o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Durval Ângelo (PT), a ministra da Secre-

taria Nacional de Direitos Humanos, Maria do Rosário, e o delegado responsável, Emerson Morais. Segundo a assessoria de Rosário, o objetivo da visita foi cobrar agilidade na apuração do crime, que corre em sigilo. O jornalista era conhecido por denunciar crimes envolvendo policiais. A suspeita é que a morte dele esteja ligada às denúncias feitas em programa de rádio e reportagens que publicou em jornais da cidade. METRO BH

Mineiro é indiciado por crime virtual A PF indiciou um mineiro suspeito de manter conversas de cunho sexual com uma menina inglesa de 11 anos pela internet. Segundo a corporação, o crime foi descoberto pela Interpol (Polícia Internacional) e o homem, que mora na capital, está envolvido em outros casos de pornografia infantil. O caso será enviado ao Ministério Público Federal. METRO BH


BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

BRASIL

05

Dilma tem SUS gasta R$ 488 mi recorde de para tratar obesidade aprovação, diz Ibope O excesso de peso é um problema cada vez mais comum no Brasil. Atinge 15,8% dos brasileiros e exigiu do SUS (Sistema Único de Saúde) um investi-

mento de R$ 488 milhões em 2011, com tratamentos e internação de pacientes, segundo pesquisa feita pela UnB (Universidade de Brasília) e divulgada

ontem pelo Ministério da Saúde. A obesidade tem como consequência o desenvolvimento de 26 doenças, como doenças cardíacas, dia-

Dilma atingiu a melhor aprovação entre os presidentes | ANTONIO CRUZ/ABR

Pesquisa. A avaliação pessoal da presidente atinge o melhor índice do mandato. Governo também é bem avaliado. Resultado é influenciado pela redução na conta de luz e na cesta básica A presidente Dilma Rousseff atingiu em março a maior aprovação pessoal do mandato, segundo pesquisa Ibope encomendada pela CNI (Confederação Nacional da Indústria) e divulgada ontem. O indicador ficou em 79%, um ponto percentual acima do registrado em dezembro do ano passado. O levantamento revelou ainda a manutenção de índices altos de aprovação do governo, influenciada principalmente pela decisão de reduzir em 20% a despesa com a conta de luz e o corte de impostos sobre produtos da cesta básica. Com o índice de 63%, o governo Dilma atinge, segundo a pesquisa, a melhor avaliação entre os presidentes em

primeiro mandato. No mesmo período, o ex-presidente Lula obteve 39% de ‘ótimo’ e ‘bom’, enquanto Fernando Henrique Cardoso atingiu 56% de aprovação dos entrevistados. A forma de governar de Dilma também atingiu patamar recorde no Nordeste. De acordo com a pesquisa, 85% dos eleitores ouvidos na região aprovaram o governo. Embora o PIB (Produto Interno Bruto) tenha crescido apenas 0,9% em 2012, 48% dos ouvidos aprovaram as medidas adotadas pelo governo para a recuperação da economia. A pesquisa CNI/Ibope foi feita entre 8 e 11 de março, com 2.002 pessoas, em 143 municípios de todo o país.

79%

63%

é o índice de aprovação pessoal da presidente Dilma Rousseff registrado neste mês.

METRO BRASÍLIA

é o índice de eleitores ouvidos que consideram o governo Dilma “ótimo” ou “bom”.

betes, hipertensão e até câncer. Ao todo, R$ 116 milhões foram gastos para os casos mais graves. “Este é o momento de agir, se não quisermos alcançar níveis como o dos EUA, que têm 30% de obesos”, afirmou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, citando também o índice de 25,1% no Chile e 20,5% na Argentina. A taxa de aumento da obesidade tem crescido 0,76% por ano no país. Diante do quadro preocupante, o governo federal decidiu facilitar o acesso aos tratamentos para os pacientes em todo o país. Com um investimento de R$ 530 milhões, o número de equipes de saúde na família subirá de 1.888 para 2.900. Cada uma será composta por médicos, nutricionistas e profissionais de educação física que farão o acompanhamento dos pacientes. O encaminhamento para cirurgias bariátricas, será o último recurso para a redução de peso, quando houver risco de morte, por exemplo. A partir de agora, não haverá mais limite de idade para fazer a cirurgia. Antes de operar, contudo, o paciente terá que se submeter a um tratamento psicológico por, no mínimo, dois anos. METRO BH

530

milhões de reais serão aplicados para que o número de equipes de saúde na família salte de 1.888 para 2.900 em todo o país

Congresso estuda PEC dos royalties Em reação à decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), os deputados de Estados não produtores de petróleo sugeriram ontem a aprovação de uma Emenda Constitucional fixando a regra de distribuição igualitária dos royalties. Os repasse do dinheiro está suspenso provisoriamente por força de uma liminar, concedida anteontem pela ministra Cármen Lúcia, até que o plenário do STF analise as ações apre-

“Os royalties são distribuídos mensalmente. Então, na virada do mês, os Estados têm que saber qual é a regra que vale. Essa é a razão. A urgência qualificada era essa.” CÁRMEN LÚCIA, MINISTRA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

sentadas por Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo. “É preciso deixar claro ao país que a Câmara pensa de maneira diferente do Supremo. Qual o papel do parlamento? Não serve mais para nada?”, contestou o líder do PT, José Guimarães (CE).

Os deputados dos Estados produtores consideraram a suspensão adequada. “O Supremo fez o que todo mundo sabia que ia fazer. A agressão era tão óbvia que não cabia outra alternativa”, afirmou o líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ). METRO BH

Ministra Cármen Lúcia concedeu liminar | ELZA FIÚZA/AGÊNCIA BRASIL


06

OS PRÓXIMOS DIAS DO PAPA:

SEXTA-FEIRA, 22 DE MARÇO Audiência com diplomatas credenciados pela Santa Sé

SÁBADO, 23 DE MARÇO Almoço com o papa emérito, Bento 16, em Castel Gandolfo. Será o primeiro encontro após a escolha de Jorge Mario Bergoglio ao cargo de papa

DOMINGO, 24 DE MARÇO Oração do Angelus e missa do Domingo de Ramos, na Praça São Pedro

DE 25 A 31 DE MARÇO Celebrações da Semana Santa, em Roma. As cerimônias são algumas das mais importantes do calendário católico

JULHO Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro. Será o primeiro grande evento internacional do papa Francisco

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

MUNDO

Pontífice deixou o papamóvel na garagem e usou um jipe branco, sem capota, para saudar a multidão. No caminho, ele parou para beijar uma criança e um deficiente |STEFANO RELLANDINI/REUTERS

O fenômeno Francisco Vaticano. No dia da missa inaugural de seu pontificado, Jorge Mario Bergoglio voltou a quebrar protocolos e pregou a humildade. Ele pediu aos líderes mundiais mais comprometimento Em mais um sinal do que parecem ser novos ares para a Igreja Católica, a missa inaugural do pontificado de Francisco foi marcada pela quebra de protocolo e pela aproximação com os fiéis. Antes mesmo de chegar na Basílica de São Pedro, o novo papa decidiu inovar: ao invés de usar o papamóvel blindado para saudar a multidão, Jorge Mario Bergoglio fez o caminho a bordo de um jipe branco sem capota. Ele também deu trabalho aos seguranças ao descer do veículo para cumprimentar

“Gostaria de pedir a todos que ocupam papéis de responsabilidade: sejamos parte do projeto de Deus na natureza. Não deixemos que sinais de destruição e morte tomem conta desse mundo.” PAPA FRANCISCO, FALANDO AOS LÍDERES QUE ACOMPANHARAM A MISSA DE INAUGURAÇÃO

uma criança e um deficiente. Já na basílica, e depois de receber os símbolos do papado (o pálio e o Anel do Pescador), papa Francisco pregou a humildade. “O verdadeiro poder de um Papa é o serviço humilde, concreto e rico de fé”, disse.

Em suas vestes, mais um indício das diferenças entre sua gestão e a dos antecessores: Francisco usava uma roupa de celebração branca com dourado e sapatos pretos, não os tradicionais calçados vermelhos dos papas. A cerimônia foi acompa-

nhada por 130 delegações. Havia, inclusive, figuras polêmicas, como o ditador do Zimbábue, Robert Mugabe, acusado de violar direitos humanos em seu país. Aos líderes, o papa pediu mais comprometimento. Beatificação A despeito das acusações de que teria sido omisso durante a ditadura argentina, papa Francisco deve beatificar uma vítima da repressão. Segundo o “Clarín”, será o padre Carlos de Dios Murias, assassinado em 1976. METRO

Centro de evangelização em bits Assim que eu entro em seu escritório, Paul Tighe está no telefone com alguém da Apple, falando sobre o aplicativo The Pope App. Sim, este é o centro de mídia social do Vaticano. A operação coordenada pelo monsenhor Tighe deixaria qualquer jornal com vergonha. Ao seu lado, há uma equipe que tuíta, adiciona conteúdo ao site, coloca fotos no Flickr e ajusta o The Pope App (disponível para iPhone e Android). “O modelo atual de no-

tícias, com pouco texto e muitas imagens, é bom para a Igreja”, explica Tighe, um padre irlandês que chefia o escritório formalmente conhecido como Pontificium Consilium de Communicationibus Socialibus. Na sede do centro de mídia, em frente à Praça de São Pedro, é possível ver as ironias do mundo high tech a serviço de uma organização milenar: a equipe tem, em média, 25 a 30 anos, e trabalha em computadores ultra-

modernos, decorados com imagens da Virgem Maria. Tighe lembra que a Santa Sé cometeu alguns erros no início da “vida digital”, pecando ao não atualizar suas contas, mas hoje está perfeitamente adaptada. “Jesus entrou no mercado e pregou o Evangelho. A mídia digital é o novo mercado. Nós não podemos ter medo de ir para lá”, defende. ELISABETH BRAW METRO WORLD NEWS

Em Roma

Onde achar • Na web: www.news.va • No Twitter: @Pontifex (papa) @news_va_en (Vaticano) • No Facebook: www.facebook.com/news. va (em várias línguas) • No Flickr: flickr.com/photos/newsva

Presidente cumprimenta Bergoglio ROBERTO STUCKERT FILHO/PRESIDÊNCIA

Dilma terá audiência com o papa A presidente Dilma Rousseff será a primeira chefe de Estado a ser recebida pelo papa Francisco após a missa inaugural do pontificado. Os dois têm audiência hoje, às 11h (horário de Roma). O principal tema da conversa deve ser a Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro. Dilma lembrou que a jornada atrairá católicos de vários países que serão “muito bem recebidos” pelos brasileiros. METRO COM AGÊNCIAS


08

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

ECONOMIA

Na ponta do lápis

MARCOS SILVESTRE MARCOS.SILVESTRE@METROJORNAL.COM.BR

DINHEIRO RÁPIDO E FÁCIL (MAS SÓ PARA OS OUTROS...) Antiga promessa. Investimento com retorno rápido! Negócio com altos rendimentos! Trabalho em casa com ganhos elevados! Dinheiro fácil... Você certamente já ouviu esse papo rolando por aí em e-mails enviados por spam e em vídeos na internet que propalam um verdadeiro “milagre”. A tentação de tais abordagens não atinge só você: seu pai e seu avô também já devem ter sido assediados, ainda que de forma menos tecnológica. Afinal, desde o antigo Egito as “pirâmides” povoam o imaginário popular. Pirâmide?? Nããão… Os propaladores deste tipo de esquema não aceitam a denominação de “pirâmide” para classificar o “maravilhoso e imperdível negócio” que têm a propor. Mas é o que é. A proposta para cada novo participante é que injete uma grana inicial no bolso de quem está logo acima. Daí o “team builder” deve sair correndo para colocar gente abaixo de si, para por grana no seu bolso. Dando roupagem ao esquema, sempre há alguma atividade empresarial que, no fundo, nada importa. Funciona! O interessante da pirâmide financeira é que os primeiros a entrarem até levam uma boa grana, quando decidem ser também os primeiros a saírem. Este rendimento pago a quem está no topo da pirâmide jamais vem do negócio que dá roupagem ao esquema: ele pode até ser “atraente”, mas nunca dá nada nem próximo da rentabilidade prometida. Sem problemas: o deslumbrante ganho oferecido será pago com dinheiro dos entrantes. Em princípio, não é ilegal. No princípio, funciona. Não funciona… O problema é que, para continuar virando e enchendo o bolso de alguns felizardos, o esquema precisa de uma quantidade cada vez maior de entrantes, de novos pagantes. A comparação se aplica: para que o topo da pirâmide continue recebendo, mais e mais gente na base deve estar pagando. Quando a pirâmide desacelera, ela rui: quem levou, levou, já quem não... Os poucos que levaram muito não têm do que reclamar, ao contrário dos muitos que sempre perdem, pelo menos um pouco. Soma zero. Um esquema de pirâmide jamais produz riqueza, apenas a transfere de um monte de gente ingênua (e afoita), para um pequeno punhado de gaiatos (muito gananciosos!). Se você se atrai por boas oportunidades para ganhar dinheiro, mas não tem um centavo para perder com falcatruas, fique ligado na próxima coluna, que dará pistas para saber separar bons negócios de meras pirâmides.

Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www. oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Preço da cesta básica deve cair até 4,5% Desoneração. Florianópolis terá maior queda, segundo simulação do Dieese Com a desoneração anunciada pelo governo, o custo da cesta básica deve cair até 4,51%. A estimativa faz parte de uma simulação do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) feita em 18 capitais do país. O percentual corresponde à cesta calculada em Florianópolis. A menor redução, de 3,14%, ocorreria em Manaus. A redução de 4,51% levaria a R$ 300,28 o valor da cesta básica de Florianópolis – R$ 14,18 a menos. No caso da cesta mais cara, a de São Paulo, o corte poderia chegar a 3,98% (menos R$ 13), para R$ 313,61. As maiores reduções são vistas nas capitais da região Sul, onde a carne tem maior peso no consumo. A queda chega a 4,36%,

ou R$ 13,87, em Porto Alegre e 4,26% (R$ 12,50), em Curitiba. Em Brasília, a redução é de 4,24%, ou R$ 12,99. No Rio de Janeiro, a cesta ficaria 3,76% mais barata, o que representa um desconto de R$ 11,54. Já em Belo Horizonte a queda é 3,95% (R$ 12,38), de acordo com a simulação. Em nota técnica divulgada ontem, os técnicos do Dieese observam, no entanto, que os estudos sobre tributação mostram que a arrecadação efetiva da Cofins é menor que a sua alíquota nominal. “Sendo assim, a isenção deste tributo, mesmo se repassada integralmente, poderá ter efeito menor que o simulado, proporcional à sua alíquota efetiva”, afirmam os técnicos. METRO

Queda no preço da cesta básica será de até R$ 14,18 | TÂNIA RÊGO/ABR

Parlamento do Chipre rejeita imposto O Parlamento do Chipre rejeitou ontem, de forma esmagadora, um imposto sobre depósitos bancários como condição para o resgate europeu. Com a decisão, as principais bolsas europeias fecharam em queda. A rejeição, com 36 votos contrários, 19 abstenções e um parlamentar ausente na votação, deixou a ilha do leste do Mediterrâ-

neo, um dos menores Estados do continente, à beira do colapso financeiro. A exigência europeia no final de semana para que o Chipre quebrasse práticas anteriores e adotasse imposto sobre as contas bancárias como parte do resgate de 10 bilhões de euros da União Europeia (UE) deixou os cipriotas furiosos e provocou uma corrida local aos

bancos para que os poupadores não sofressem com a aplicação da taxa. O país está em feriado bancário até amanhã. O impasse causado pela nova taxa preocupou os mercados financeiros, e deverá causar mais turbulência nas bolsas de todo o mundo nos próximos dias. Em Madri, o índice IBEX 35 fechou ontem com baixa

de 2,2%, enquanto em Milão a queda foi de 1,59 e em Paris, 1,3%. Houve perdas também em Frankfurt (-0,79%) e em Londres (-0,26%). No Brasil, no entanto, o noticiário corporativo puxou o Ibovespa para baixo. O índice fechou em queda de 1,07%, aos 56.361 pontos, puxada pelas ações mais negociadas da Vale, que caíram 3,88%. METRO

PEC das Domésticas passa em primeiro turno no Senado O Senado aprovou ontem, em primeiro turno, por unanimidade, a proposta que amplia os direitos das empregadas domésticas brasileiras. Setenta senadores votaram a favor da proposta. Não houve nenhum voto contrário ou abstenção. Para que as novas regras entrem em vigor, o texto precisa passar por nova votação no Senado, o que vai ocorrer na semana que

vem. Depois de aprovada em segundo turno, a proposta de emenda à Constituição segue para a promulgação. Esse tipo de proposta não depende de sanção presidencial para entrar em vigor. A proposta concede novos direitos aos empregados domésticos, como adicional noturno, hora extra, jornada máxima e FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Os senadores também deram aval à emenda de redação acatada na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, de autoria de Paulo Bauer (PSDB-SC), que assegura a concessão de licença à gestante sem depender de edição de lei ordinária após promulgação de emenda constitucional. Por ser emenda de redação, a matéria não precisará ser votada novamente pela Câmara. METRO


BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

11

2 CULTURA

Prepare as munições

Sofia, Baird, Garron e Cole, os quatro soldados do novo “Gear of War” | divulgação

Game. Lançamento exclusivo para Xbox 360, ‘Judgment’ é o quarto jogo da popular franquia ‘Gear of War’. Sequência da série chega às lojas com ainda mais ação, personagens inéditos e história contada em flashback A popular série de tiros “Gears of War” ganha novos ares e retoma agora com uma boa dose de criações e ações em “Judgment”, quarto lançamento da franquia, disponível para Xbox 360. A saga do novo game acontece 15 anos antes do “Gears of War” original – lançado em 2006. A história está relacionada ao Emergence Day, dia em que o temíveis Locust saíram do

submundo para acabar de vez com os seres humanos. Desta vez, quem protagoniza o novo “GoW” são Damon Baird e Augustus Cole, personagens que entram no lugar dos (temporariamente) aposentados Marcus e Dom. Ainda participam da saga os inéditos soldados Garron Paduk e Sofia Hendrik. Em flashback, o jogo mostra Baird, líder do Ki-

Kratos: volta às origens O mundo dos games entrou de vez na onda dos prelúdios. Depois do novo “Tomb Raider” explorar os conflitos da jovem Lara Croft, chegou a vez de entender melhor a trajetória de Kratos em “God of War: Ascension”, exclusivo para Playstation 3. No sétimo game da franquia inspirada na mitologia grega, a narrativa volta no tempo para contar como o personagem se forjou.

O ponto de partida é situado seis meses depois do episódio em que Kratos, na busca por se desvincular do pacto que fez com Ares – o deus da guerra –, acaba assassinando sua própria família. Encarcerado por trair Ares e tendo de lidar com o fardo da culpa por seu ato, ele sofre punições diárias das três Fúrias. São elas que ele precisará derrotar para escapar do cárcere e dar

“GEARS OF WAR: JUDGMENT” PEOPLE CAN FLY, PARA XBOX. R$ 120

lo Squad, que está sob julgamento por desacatar ordens superiores. É aí que entra o jogador, responsável por decidir como os

personagens lembram dos fatos durante os testemunhos. Essas escolhas, por sua vez, vão influenciar diretamente o grau de dificuldade das missões. “Judgment” traz ainda um sistema chamado Smart Spawn, que monitora o estilo do jogador e adapta os combates tanto nas táticas quantos na luta com as criaturas, cada vez mais terríveis. A boa notícia é que,

para combater o mal, novas armas foram liberadas. Os três primeiros lançamentos da franquia “Gears of War” já venderam mais de 19 milhões de cópias em todo o mundo. A versão brasileira do novo game chega às lojas com legendas e dublagem em português. PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

Amazon

Novo Kindle

DIVULGAÇÃO

Cenas do novo game “God of War: Ascension”

“GOD OF WAR: ASCENSION” SONY GAMES, EXCLUSIVO PARA PS3. R$ 149

vazão a seu desejo de vingança e justiça sempre com o auxílio das Lâminas do Caos. Uma das novidades do novo jogo é que, agora, Kratos pode roubar armas de

seus adversários, preparando ataques combinados e ainda mais sofisticados. “Ascension” também é o primeiro da série a ter a função multiplayer, que permite a interação com outros jogadores via internet. O Metro teve acesso a uma prévia deste modo de jogo e constatou a inclusão de gráficos mais bem acabados e uma ação ainda mais sangrenta. Nele, o jogador começa

como um guerreiro de baixo escalão que se compromete com os deuses e conquista habilidades, armas e armaduras exclusivas em uma jornada à conquista do posto de lenda do Olimpo. Para o lançamento, a Sony convocou o lutador de MMA Rodrigo “Minotauro” Nogueira para desafiar 12 fãs da franquia no novo game, na semana passada, em São Paulo. METRO

Quatro meses após iniciar a venda de seu aparelho mais simples no Brasil, por R$ 299, a Amazon lançou ontem seu leitor digital mais completo. O Kindle Paperwhite tem iluminação interna da tela, o que permite o uso confortável em ambientes escuros, e chega em duas versões: apenas com conexão Wi-fi (R$ 479) ou também com a rede de 3G da Amazon (R$ 699).


12

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

Como ser

, K N U P Johnny por

Biografias geralmente chegam para leitores em tons duvidosos. Afinal, qual é a garantia de que o que está escrito é verdade? Além disso, esses livros são feitos, muitas vezes, contra a vontade do personagem descrito. Nada disso acontece em “Commando – A Autobiografia de Johnny Ramone”, uma história de vida sincera e abertamente traçada pelo próprio guitarrista. Lançado quase dez anos após a morte do músico, em 2004, aos 56 anos, o livro tem edição do empresário da banda Black Flag, John Cafiero, do músico Henry Rollins e do escritor Steve Miller, que fizeram diversas entrevistas com Johnny durante o período em que o músico descobriu ter câncer na próstata. “Quando você estiver lendo este livro, não devo mais estar aqui. Mas tive uma vida maravilhosa, independentemente do seu desfecho”. Dita por Johnny e revelada no fim da publicação, a frase mostra um pouco o tom das declarações feitas ao longo dessas 178 páginas. Longe do saudosismo, o homem registrado no nascimento como John Cummings conta um pouco de sua história desde criança, mas foca principalmente em sua vida com o Ramones, grupo inspirado no New York Dolls, criada por ele, em 1974, ao lado de Joey, Dee Dee e Tommy e com o qual permaneceu até o fim dele, em 1996, após 14 discos e 2.263 apresentações. Fã da Disney World, conservador e assumidamen-

Brasil o a a g e e rrista ch os caricatos d a t i u g o t l grafia d icas e momen internaciona o i b o t u !A êm sica Hey ho o opiniões pol ico para a mú r reunind onagem histó s um per

Ramone

Ele era um pé no saco pra c... Então desisti.”

“Naqueles primeiros te mp que tínham os um fã n os, sempre o vo, eu dizia ‘Enganamo : Então, em d s mais um.’ ete percebi que rminado momento, realmente éramos bon s.”

te de direita, Johnny não escondia o gosto pela liderança. Com Tommy, ele moldou o perfil dos trajes usados pelos músicos e decidiu padronizar os sobrenomes dos integrantes da banda com Ramone, homenagem a Paul McCartney, que adotava o pseudônimo Paul Ramone para se hospedar em alguns hotéis. Outra mostra do poder do guitarrista era o fato de ele proibir que qualquer um do quarteto se apresentasse bêbado. Além dos textos de Johnny, o livro traz colaborações “afetivas”. Tommy cuidou do prefácio e o posfácio ficou com Linda Ramone, sua última mulher e ex-namorada de Joey – este triângulo também é abordado na publicação, revelando que o Ramones não era nenhum mar de rosas. Entre relatos impacientes sobre o vocalista Joey (“por seu jeito errático”) e indiferentes sobre o baixista Dee Dee, ficamos sabendo que o guitarrista e ex-trabalhador da construção civil apenas queria fazer sucesso com sua banda punk, em cinco anos, e juntar dinheiro para se tornar diretor de filmes de terror B, uma de suas paixões ao lado do beisebol. Paixões, segundo ele afirma, maiores até mesmo do que a música.

“Ia para o [clube] CBGB e pensava: ‘Estou cercado por um bando de babacas.’ As pessoas achavam que eu era antipático, mas não era. Eu apenas não gostava das pessoas com quem estava.” “As regras para as turnês: nada de comida dentro da van porque ela ficaria com cheiro. Nada de cigarro dentro da van, mas maconha estava liberada.”

“Sou totalm da pena de ente a favor morte. Acho deve que

ria ser te

Poderiam faze levisionada. r pay-per-view um evento e para as famíl dar o dinheiro ias das vítim as.”

“COMMANDO” JOHNNY RAMONE E VÁRIOS LEYA R$ 45

PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

História de crime brutal é relançada após 30 anos Em 1973, a menina Aracelli Cabrera Sanches Crespo, de apenas 8 anos, foi brutalmente assassinada na cidade de Serra, próxima a Vitória, no Espírito Santo. Sete anos depois, o escritor José Louzeiro lançou “Aracelli, Meu Amor”, um livro-reportagem que contava em detalhes a história investigada por ele e que chocara o país na época. Pouco tempo após o lan-

“Quanto ao Joey, eu tentava gostar dele, falar com ele, mas então a coisa desandava.

“ARACELLI, MEU AMOR” JOSÉ LOUZEIRO PRUMO, R$ 29,90

çamento, entretanto, a obra foi censurada pela ditadura militar. Agora, passados mais de 30 anos, o livro é relançado pela editora Prumo. Filha de Gabriel Cres-

po e da boliviana Lola Sanchez, a pequena Aracelli se tornou peça da rede de narcotráfico entre Bolívia e Brasil através da mãe, que a mandou entregar um envelope com cocaína a um homem. No local combinado, a menina teria sido drogada, estuprada e assassinada. Seu corpo foi encontrado nos fundos do Hospital Infantil de Vitória. METRO

Outros lançamentos “O PRÍNCIPE DA NÉVOA” CARLOS RUIZ ZAFÓN SUMA DAS LETRAS R$ 24

Já presente nas listas de mais vendidos do país, o livro marca a estreia de Zafón, que se tornou um dos principais nomes da literatura espanhola atual. O romance conta a história de Max Carver, que se muda com sua família para um vilarejo no litoral e passa a conviver com mistérios, figuras estranhas e símbolos desconhecidos (e assustadores).

“SUBLIMINAR” LEONARD MLODINOV ZAHAR R$ 40

Autor de “O Andar do Bêbado”, este doutor em física escreve, de forma acessível, uma análise científica sobre o inconsciente humano. A partir dos estudos realizados por Mlodinov, ele pretende explicar nossos comportamentos, juízos e decisões sobre a vida, principalmente aqueles que geralmente não conseguimos explicar.

“LUA DE MEL” JAMES PATTERSON ARQUEIRO R$ 25

Autor de livros como “Alex Cross” e “Clube das Mulheres Contra o Crime”, Patterson lança agora a história de Nora Sinclair, uma jovem que está prestes a se casar, mas que vê seu noivo morrer repentinamente. Poucos dias depois, ela recebe a notícia de que é única beneficiária de um seguro de vida milionário, o que chama a atenção do FBI.


BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

13

Irmãos de alma

Estreia. Filme conta história do quarteto ‘Brother Soul’, que celebra 30 anos de carreira

Grupo já fez mais de 1.500 apresentações e participações em eventos em 30 anos de carreira | EDIMAR PEREIRA/FAVELA É ISSO AÍ/DIVULGAÇÃO

Um farmacêutico, um inspetor de qualidade, um pintor de paredes e um vigilante. Quatro profissões diferentes, mas uma paixão em comum: a black music. Foi por meio do estilo com o qual se identificavam no início dos anos 80 que Don Adenauer, Conrad Brown, Lord Tuca e Mestre Tito se conheceram, num concurso de dança realizado em 1983 na comunidade Vale do Jatobá, região do Barreiro, em Belo Horizonte. Hoje, passados 30 anos

“O Brother Soul tomou para si a responsabilidade de manter, com muito orgulho, o estilo de dançar de James Brown”. MESTRE TITO

de carreira e mais de 1.500 apresentações, a história do quarteto “Brother Soul” chega às telonas no documentário “Irmãos de alma”, produzido pela ONG Favela É Isso

Aí com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura. Dirigido por César Maurício e Clarice Libânio – antropóloga e coordenadora da ONG –, o documentário se baseia em mais de 50 horas de gravações, entrevistas e registros históricos do grupo, que vem difundindo a dança black por todo o país, tendo acompanhado inclusive artistas como Fernanda Abreu, Gerson King Combo e Sandra de Sá em suas turnês. O lançamento será hoje às

Cine Horto

Espetáculos dão sequência às festas de 15 anos do Galpão As comemorações de 15 anos do Galpão Cine Horto, centro cultural do Grupo Galpão, seguem a todo vapor. Hoje, dois espetáculos dão sequência à programação especial. A partir das 19h, o Coletivo Paisagens Poéticas apresenta “Diário do Último Ato”, peça baseada nas memórias e no diário da escritora portuguesa Florbela Espanca e dirigida por Gustavo Bones. Depois, às 21h, três atrizes do Coletivo Nu cantam, dançam e esperneiam na montagem “Nem o pipoqueiro”, de Patrícia Teles. O Festival Cena-Espetáculo vai até o dia 24, no Galpão Cine Horto (r Pitangui, 3.613 – Horto), com entrada franca. Mais informações pelo telefone (31) 34815580. METRO BH

Antônio Júlio tocará músicas próprias e versões acústicas | FABIANA ALVIM DE ASSIS

Tianastácia. Guitarrista mostra versatilidade em show ‘voz e violão’ O projeto “Café com Música” recebe hoje o guitarrista e compositor Antônio Júlio, integrante da banda mineira de rock Tianastácia. O músico promete mostrar sua versatilidade em um pocket show com um estilo diferente do apresentado pela banda que o revelou: acompanhado apenas por seu violão, ele vai apresentar um repertório cheio

de composições autorais de seu álbum solo, além de releituras de referências pessoais como Lulu Santos, Almir Sater e Alceu Valença. E, claro, haverá espaço para sucessos do Tianastácia como “Cabrobró”. METRO BH No Café do Palácio das Artes (av. Afonso Pena, 1.537 – Centro), às 19h, com entrada franca. Informações: (31) 3219-8656

20h, no Sesc Palladium (av. Augusto de Lima, 420 – Centro). A entrada é franca, mediante a retirada de ingressos uma hora antes da sessão, seguida de apresentação do grupo e noite de autógrafos. METRO BH

Novos traços do cotidiano

O multifacetado artista e estilista mineiro Marcelo Brasiliense estreia no espaço fashion Store 31 com sua primeira exposição, “Desfotografe – Novos Processos”. Até 26 de março, de segunda a sexta, das 10h às 22h, e sábados, das 11h às 17h. Na Av. Terra, 230, 5º andar – Alto Santa Lúcia. | MARCELO BRASILIENSE/REPRODUÇÃO


14

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

VARIEDADES

Ávidos por boas notícias

Os invasores

Obras e carros nas ruas

Cruzadas

Nas redes sociais. Internautas preferem conteúdos positivos ou empolgantes

A máxima de que notícia ruim vende mais não existe nas redes sociais. Uma pesquisa conduzida por Jonah Berger, psicólogo da Universidade da Pensilvânia, mostrou que, na internet, as pessoas tendem a compartilhar conteúdos positivos ou empolgantes. “Quando você compartilha uma mensagem com seus amigos e parentes, você se preocupa muito mais com como eles reagirão”,

Leitor fala

disse Berger ao “New York Times”. Assuntos ruins só são divididos se provocam indignação e não apenas tristeza. Por outro lado, como lembra o jornal americano, estudos mostram que o “excesso de felicidade” no Facebook deixa muitas pessoas deprimidas. Internautas começam a considerar a vida injusta ao comparar a sua realidade com a de amigos. METRO COM AGÊNCIAS

O colapso do trânsito de Belo Horizonte é uma realidade e as autoridades seguem minimizando o problema. Para agravar, a BHTrans retirou-se das ruas. O tráfego está a deriva de sinais que não dão conta do volume de veículos. Convidados a manifestar, os responsáveis limitam-se a dizer que o BRT vai resolver o problema, e que a causa é o excesso de veículos. Especialistas contratados pela PBH importam soluções de cidades europeias onde a topografia é plana, o clima é temperado, e o transporte coletivo de boa qualidade funciona há mais de 150 anos. Metrô, trens suburbanos, monotrilho, VLT e ônibus com carrocerias adaptadas ao clima e a topografia, é uma realidade lá. Aqui o buraco é bem mais embaixo. Nossos governantes insistem em dizer que obras não resolvem o problema: o que resolverá então? A capital precisa de mais de 150 delas para eliminar gargalos que não comportam mais puxadinhos ou paliativos. A sociedade brasileira escolheu o carro como meio de transporte e tem na indústria automobilística o carro chefe da economia e da geração de empregos. O Brasil não vai parar de produzir carros e as cidades terão que se adaptar a este novo cenário. JOSÉ APARECIDO RIBEIRO - BELO HORIZONTE - MG

Metro pergunta

Sudoku

@daniloaroeira

Assuntos delicados são compartilhados por conta da indignação | JUSTIN SULLIVAN/GETTY

Com toda a certeza. Invasivos, ofensivos e violentos. Totalmente fora de propósito.

Street View. Montanhas estão no programa O Google anunciou esta semana a inclusão de quatro das montanhas mais altas do mundo no serviço Street View, que permite a visualização de imagens em 360 graus. Agora, é possível ver registros panorâmicos do EveHoróscopo

Mais uma vez, trotes Siga o Metro no Twitter: expõem calouros da UFMG @jornal_metroBH ao ridículo e à violência. Você acha que os trotes deveriam ser extintos?

@cristianorodrigo

Trote é uma babaquice. Isso tem que ser banido das faculdades. Os jovens não sabem o limite da brincadeira.

rest, na Ásia, do Elbrus, na Europa, do Aconcágua, na América Latina, e do Kilimanjaro, na África. As imagens foram feitas com um tripé leve e uma câmera digital com lente “olho de peixe”. METRO COM AGÊNCIAS

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Força total à frente. Dia com muita energia

Leão (23/7 a 22/8) Sensação de liberdade. Sua autoestima está mais elevada e você já está em condições de dar uma nova direção na sua vida. Força e vigor para seguir adiante.

Sagitário (22/11 a 21/12) Comunique-se mais com as pessoas. Coloque mais qualidade nas informações que você quer passar. Assim será mais fácil obter o retorno que você está esperando.

Touro (21/4 a 20/5) Dia de lidar com os seus sentimentos e evitar que divergências de opiniões não se transformem em batalhas pessoais. Procure ser imparcial nas suas decisões.

Virgem (23/8 a 22/9) Mais disposição para alcançar os seus objetivos. Está na hora de cortar supérfluos e dar saltos para poder se atualizar e dar conta de novas responsabilidades.

Capricórnio (22/12 a 20/1) Aproximação de pessoas interes-

Gêmeos (21/5 a 20/6) Reforço emocional. Você poderá contar com mais equilíbrio pessoal e mais colaboração das pessoas que estão interessadas em se sentirem bem aceitas por você.

Libra (23/9 a 22/10) O mundo está correndo mais rápido e um pouco fora de controle. Não adianta querer segurar as coisas no lugar que você quer. Procure se adaptar e seja flexível.

Aquário (21/1 a 19/2) Dia de receber ajuda de pessoas generosas e interessadas nas suas opiniões. Aproveite para dar um gás a mais em seus projetos e aumentar a sua rede social.

Câncer (21/6 a 22/7) Revoluções interiores. Até você conseguir

Escorpião (23/10 a 21/11) Procure manter o equilíbrio entre a

Peixes (20/2 a 20/3) Inseguranças pessoais diminuindo as suas

e disposição para ultrapassar as barreiras que estiverem no seu caminho. Apenas tome cuidado para não magoar as pessoas.

se acertar consigo mesmo o dia estará sujeito a muitas instabilidades. Vai e vem de decisões e atitudes repentinas.

sua razão e as suas emoções. Não deixe que conflitos internos impeçam você de se dar bem nos seus próprios negócios.

santes que poderão mexer com o seu coração. Dia de flertar e se relacionar bem com as pessoas de uma forma geral. Alto astral.

chances de ter sucesso nos seus empreendimentos. Procure trocar mais ideias com as pessoas para poder se afirmar.


BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

15

Kaká fica no banco em treino

3 ESPORTE

Vaga ficou com Oscar (ao fundo) | WANDER ROBERTO/VIPCOMM

Amistoso. Meia do Real Madrid só deve entrar no segundo tempo, já que Oscar garantiu seu lugar no time titular O técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari, deu sinais de que o retorno de Kaká à equipe não é garantia de que o meia do Real Madrid volta para ser titular. No primeiro treino antes do amistoso contra a Itália – quinta-feira, em Genebra, na Suíça – realizado ontem, Kaká começou a atividade no time reserva. No meio de campo, o treinador inicialmente es-

calou Fernando e Luiz Gustavo como volantes, com Oscar na armação. O trio ofensivo foi composto por Hulk, Neymar e Fred. Outra novidade foi a escalação de Filipe Luís na lateral esquerda, enquanto Marcelo ficou no banco de reservas. Depois, Scolari testou a formação em 3-5-2, esquema tático utilizado com sucesso por ele na Copa do Mundo de 2002. METRO BH

Cruzeiro. Técnico celeste tentar evitar empolgação O técnico celeste, Marcelo Oliveira, está satisfeito com o bom início da temporada do time. Mas, consciente de que as situações no futebol mudam rapidamente, o treinador tenta evitar que a empolgação tome conta do grupo estrelado. Na avaliação de Oliveira, o clima de ‘oba-oba’ pode prejudicar o desempenho do time nas competições. “Temos que ter os pés no chão. Não vamos nos empolgar tanto e não vamos nos abater tanto quando a

vitória não vier, por causa das dificuldades. Estou satisfeito com a sequência de partidas da equipe”, avalia. Sobre o quarteto ofensivo da Raposa – Diego Souza, Everton Ribeiro, Borges e Dagoberto – o técnico celeste já deixa claro que os atletas serão mantidos como titulares. “A tendência é eles irem melhorando com o ritmo de jogo, com a sequência de partidas”, finalizada. No próximo fim de semana, a Raposa enfrentará a Caldense. METRO BH

Aposentadoria

Michael Owen

O atacante inglês anunciou ontem em seu site oficial que vai pendurar as chuteiras. “Sinto que é o momento certo para descer a cortina na minha carreira”, publicou o jogador de 33 anos, que defendia o Stoke City na atual temporada. Ele também já atuou pelo Liverpool, Real Madrid, Newcastle e Manchester United.


16

BELO HORIZONTE, QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

ESPORTE

Terceira chance para Cuca Na Libertadores. Treinador busca o primeiro título de expressão para alavancar a carreira e entrar de vez no grupo dos melhores do país A falta de um título de expressão no currículo faz com que o técnico Cuca ainda não figure entre os melhores do país. No Atlético, o homem das feições tristes e da fala baixa pode dar um salto na carreira caso conquiste a Taça Libertadores. É a terceira vez que ele comanda uma equipe no principal torneio do continente. Em 2004, bateu na trave com o São Paulo, eliminado nas semifinais com um gol aos 45 minutos do segundo tempo. Em 2011, fez a melhor campanha da fase de grupos com o Cruzeiro, com 100% de aproveitamento e um ataque avassalador – 21 gol em 8 jogos. Entretanto, deu adeus nas oitavas de final, para o Once Caldas-COL, o mesmo algoz do tricolor paulista. As duas eliminações colaboram para a experiência do comandante, que saberá dosar a empolgação do grupo caso consiga um ótimo desempenho na primeira fase, e também – caso se classifique – nos jogos eliminatórios.

“O Cuca é um grande estrategista. Ele sabe montar suas equipes de acordo com a qualidade dos jogadores.” DIMBA, ATACANTE DO CEILÂNDIA

Aliado a isso, Cuca tem um time entrosado, com uma defesa sólida, um meio de campo marcador e criativo e um ataque poderoso. Hoje no Ceilândia, o experiente Dimba trabalhou com Cuca em quatro clubes: Goiás, Gama, São Caetano e Flamengo. “O que falta a ele são títulos de expressão. Não adianta ter bons trabalhos e não ter títulos. Quando começar a ganhar, vai mudar a carreira. Ele está atingindo o patamar de grandes treinadores do país”, apontou. Cuca acredita que pode conquistar a Libertadores. “Temos um grupo forte e vamos buscar nossos objetivos”, afirma. METRO

AGORA VAI, CUCA? Relembre as campanhas do treinador na competição. Como jogavam São Paulo e Cruzeiro e como atua o Atlético em 2013

PERFIL Nome:

ALEXI STIVAL BELUDO “CUCA” Idade:

49 ANOS Naturalidade:

CURITIBA-PR Clubes que treinou: Uberlândia, Avaí, Brasil de Pelotas, Inter de Limeira, Inter de Lages, Remo, Gama, Goiás, São Caetano, Coritiba, São Paulo, Flamengo, Botafogo, Santos, Fluminense, Cruzeiro e Atlético

SÃO PAULO

em 2004

CRUZEIRO

em 2011

12 jogos (8V, 1E, 3D)

12 jogos (8V, 1E, 3D)

Time base: Rogério Ceni; Fabão, Rodrigo e Lugano; Cicinho, Alexandre, Fábio Simplício, Danil e Gustavo Nery; Grafite e Luis Fabiano

Time base: Fábio; Pablo, Gil, Victorino e Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger e Montillo; Thiago Ribeiro e Wallysson Fase de Grupos

Fase de Grupos Alianza Lima 1 x 2 São Paulo São Paulo

3 x 1 Cobreloa

LDU São Paulo

3 x 0 São Paulo 1 x 0 LDU

Cobreloa São Paulo

1 x 2 São Paulo 3 x 1 Alianza Lima

Cruzeiro Cruzeiro Tolima Cruzeiro Guaraní Estudiantes

5 4 0 6 0 0

x x x x x x

0 0 0 1 2 3

Estudiantes Guaraní Cruzeiro Tolima Cruzeiro Cruzeiro

Oitavas de final Once Caldas 1 x 2 Cruzeiro 0 x2

ATLÉTICO

Cruzeiro Once Caldas em 2013

4 jogos (4V)

Quartas de final:

Time base: Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Júnior Cesar; Pierre, Leandro Donizete e Ronaldinho Gaúcho; Diego Tardelli, Jô e Bernard

São Paulo 3 x 0 Deportivo Táchira Deportivo Táchira 1 x 4 São Paulo

Fase de Grupos

Oitavas de final: Títulos: Campeonato Carioca (2012) e Campeonato Mineiro (2011,2012)

Rosario Central 1 x 0 São Paulo Semifinal: São Paulo 2 x 1 Rosario Central São Paulo 0 x 0 Once Caldas (5 x 4 nos pênaltis) Once Caldas 2 x 1 São Paulo

The Strongest 1 Atlético 2 Arsenal 2 Atlético 2

x x x x

2 1 5 1

Atlético The Strongest Atlético São Paulo

América. Rebaixamento já começa a assustar time A expectativa no início da temporada era buscar a classificação e brigar com os grandes, Cruzeiro e Atlético, pelo título do Campeonato Mineiro. Entretanto, o América vive um momento completamente distinto do que era esperado. Em queda livre na tabela – ocupa a oitava posição, com seis pontos – o clube precisa vencer quatro dos cinco confrontos que ainda restam para tentar figurar entre os quatro primeiros. Porém, o ‘fantasma’ do rebaixamento já começa a Com dores, Victor foi poupado e Giovanni será titular na partida de hoje

preocupar, já que os times que ocupam a zona estão com três pontos cada. Hoje, às 22h, o Coelho tem a chance de tentar brecar a queda e manter viva sua chance de classificação. No Independência, o clube recebe o Guarani, time de Divinópolis que promete não facilitar a vida do América. Rodriguinho, um dos principais jogadores do clube, estará em campo hoje. Vale ressaltar que o meia está na mira do Atlético. METRO BH

| BRUNO CANTINI/ATLÉTICO

Galo enfrenta o América-TO O Atlético enfrenta o América-TO hoje, às 19h30, com a meta de vencer e encostar no líder Cruzeiro. E para que o time não seja surpreendido pelo Dragão no estádio Nassri Mattar, o técnico Cuca relacionou força máxima. A única ausência será Victor, que sente fortes dores e pediu para não ser relacionado. Giovanni, que não atua há

cinco meses, afirma que está preparado para a missão de substituir o goleiro titular do Galo. “Primeiramente, o Cuca vem colocando muitas coisas para a gente entrar em campo bem. Todo mundo se doando dentro de campo e tem dado certo. Espero fazer uma boa partida. Sei que terei o apoio de todos os companheiros”, diz. METRO BH

AMÉRICA-TO Raphael Barrios, Renaldo, Ricardo Duarte, Rancharia e Iran; Élder, Felipe Dias, Luisinho e Luciano Mourão; Leandrinho e Anderson Grafite. Técnico: Gilmar Estevam • •

ATLÉTICO Giovanni, Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva, Júnior César, Pierre, Leandro Donizete, Ronaldinho, Tardelli, Bernard, Jô. Técnico: Cuca

Estádio. Nassri Mattar, em Teófilo Otoni, às 19h30 Transmissão. Band News FM 89,5

Comelli conversou muito com os atletas

| LUCAS PRATES/HOJE EM DIA/FOLHAPRESS

20130320_br_metrobh  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you